TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 04/2005

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 04/2005"

Transcrição

1 PREGÃO N. 04/2005 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações e Contratos, tendo em vista os atos constantes do processo n. 300/2005, emite o presente edital, aprovado pela autoridade competente, para a abertura de licitação na modalidade de Pregão, tipo "menor preço", estabelecendo as respectivas normas para a participação das empresas interessadas na prestação de serviços de limpeza em prédios da Justiça Eleitoral, em Porto Alegre - RS, descritos no item 01 deste edital. O procedimento licitatório será regido pela Lei n /2002, Decretos n /2000, 3.693/2000 e 3.784/2001, e subsidiariamente pela Lei n /1993, e pela Lei n /1998. O recebimento dos envelopes contendo as propostas e documentos será no dia 16 de março do corrente ano, às 13 horas, horário previsto para a sessão pública do pregão, na sala de reuniões - 3º andar - do prédio anexo do TRE/RS, sito na Av. Pe. Cacique, 96 - Porto Alegre/RS. 1. DO OBJETO 1.1. Prestação de serviços de limpeza, com cessão de mão-de-obra e fornecimento de todos os equipamentos e materiais necessários, no edifício-sede do TRE/RS, no prédio onde funcionam os 10 (dez) Cartórios Eleitorais desta Capital e unidades da Justiça Eleitoral, e nos prédios dos depósitos, em Porto Alegre - RS, a serem executados nos termos da minuta de contrato e do projeto básico anexos a este edital A localização dos prédios e respectivas áreas são as seguintes: a) Prédio localizado na Rua Duque de Caxias, 350, com área total aproximada de 5.611,99m² (piso frio 1.860m²; piso com carpete 1.896m²; área envidraçada 1.001m²); 3.000m²; b) Prédio localizado na Av. Padre Cacique, 96, com área total aproximada de c) Prédios localizados na Rua Sérgio Jungbluth Dieterich, 1010, Condomínio Flex Center, depósitos n. 7 e 9, com área total de, aproximadamente, 515,49m² cada.

2 d) Poderão ser solicitados serviços na Av. Padre Cacique, n. 112 (prédio em construção) ou em outro prédio a ser utilizado pela Justiça Eleitoral em Porto Alegre - RS, com possibilidade de remanejamento ou acréscimo de profissionais, cuja remuneração, neste caso, deverá observar os mesmos preços licitados com as devidas atualizações pactuadas. 2. DAS CONDIÇÕES 2.1. Os licitantes deverão contatar com a Coordenadoria de Serviços Gerais (CSG), das 12 às 19 horas, pelo telefone (51) ou na Rua Duque de Caxias, 350, 5º andar, a fim de agendarem a vistoria dos locais onde serão prestados os serviços objeto desta licitação, SENDO FORNECIDO ATESTADO DE VISITA pela Coordenadoria de Serviços Gerais - CSG (observar os itens 8.2, letra i ou 8.3, letra i, ambos deste edital, conforme o caso) A emissão da Nota de Empenho em favor do licitante vencedor somente será efetuada após a consulta ao Cadastro Informativo de créditos não quitados do setor público federal (Cadin), conforme estabelece o inc. III do art. 6º da Lei n , de 22 de julho de Faz parte das condições deste Pregão a assinatura de um contrato, a ser firmado entre o licitante vencedor e o TRE/RS, com as cláusulas e condições constantes no Anexo I deste edital Será entregue ao vencedor, após a adjudicação do objeto licitado, o contrato para fins de assinatura O licitante vencedor deverá devolver o termo de contrato assinado dentro do prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar do recebimento do instrumento, sujeitando-se ao previsto no art. 64 da Lei n / O contrato a ser firmado vigorará por 24 (vinte e quatro) meses, a contar da data de sua assinatura, conforme minuta de contrato anexa, podendo ser prorrogado mediante Termo Aditivo, na forma da lei Não serão aceitas cópias da proposta ou documentação por meio de facsímile. 2

3 2.8. As Planilhas de Custos constantes nos Anexo I e II da minuta de contrato anexa a este edital deverão ser apresentadas pelo licitante vencedor, devidamente preenchidas e com os valores correspondentes à proposta, no prazo máximo de 02 (dois) dias úteis após a declaração do vencedor. 3. DA PARTICIPAÇÃO 3.1. Não poderá participar da presente licitação o licitante penalizado nos termos do art. 87, III e IV, da Lei n /1993 e art. 7º da Lei n / Poderá participar da presente licitação todo interessado que comprove o atendimento dos requisitos estabelecidos neste edital e na legislação pertinente às diversas espécies societárias de cada licitante. 4. DO CREDENCIAMENTO 4.1. O licitante, na sessão pública do pregão, para o credenciamento: se dirigente da empresa, deverá apresentar documentos que confirmem tal condição, comprovando a existência dos necessários poderes para formulação de propostas e para prática de todos os demais atos inerentes ao certame se representante, deverá apresentar procuração ou termo de credenciamento (conforme modelo no Anexo II deste edital) outorgados pelos representantes legais do licitante, comprovando a existência dos necessários poderes para formulação de propostas e para prática de todos os demais atos inerentes ao certame. A procuração ou o termo de credenciamento deverá vir acompanhado do ato de investidura do outorgante como dirigente da empresa Os documentos a que se refere o item 4.1 deverão ser entregues em: a) original ou; b) cópia autenticada ou; c) cópia acompanhada dos respectivos originais. Neste caso, os originais deverão ser entregues, na mesma oportunidade, para fins de verificação da autenticidade pelo pregoeiro ou pela respectiva equipe de apoio, sendo posteriormente devolvidos. 3

4 5. DA FORMA DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA E DOCUMENTAÇÃO 5.1. A proposta e a documentação deverão ser entregues em envelopes separados e fechados, DIRETAMENTE ao pregoeiro, com o nome do licitante e o número da licitação a que se refere, constando no envelope n. 1 o título PROPOSTA e no envelope n. 2 o título DOCUMENTAÇÃO O licitante ou seu(s) representante(s) deverá(ão) apresentar, juntamente com os envelopes referidos no item 5.1, declaração (conforme modelo do Anexo III deste edital) dando ciência de que cumpre(m) plenamente os requisitos de habilitação, sob pena de não participar do certame, consoante inc. VII do art. 4º da Lei n / DA PROPOSTA 6.1. O envelope PROPOSTA deverá conter proposta datilografada ou elaborada em computador e assinada por pessoa legalmente habilitada com poderes para comprometer-se em nome do licitante, sem alternativas, emendas, rasuras ou entrelinhas, e dela devem constar: a) razão social, endereço e n. do CNPJ do licitante; b) descrição do objeto desta licitação, em conformidade com o disposto no item 1 deste edital, item 1 do projeto básico anexo e cláusula 1 da minuta de contrato anexa; c) cotação de preço em R$ (Reais), discriminando o valor mensal para a prestação dos serviços por 15 (quinze) profissionais, com carga horária semanal de 44 (quarenta e quatro) horas cada um, conforme a minuta de contrato e projeto básico anexos a este edital; c.1) Entende-se por valor mensal o resultado do somatório dos montantes A e B e da taxa de administração, conforme planilha de custos constante do Anexo I da minuta de contrato anexa a este edital; d) cotação de preço em R$ (Reais), discriminando o valor mensal para a prestação dos serviços por 02 (dois) profissionais (encarregados para supervisionar os serviços), com carga horária semanal de 44 (quarenta e quatro) horas cada um, conforme a minuta de contrato e projeto básico anexos a este edital; d.1) Entende-se por valor mensal o resultado do somatório dos montantes A e B e da taxa de administração, conforme planilha de custos constante do Anexo II da minuta de contrato anexa a este edital; 4

5 e) preço total mensal para critério de julgamento das propostas, consistindo no somatório dos valores cotados nas letras c e d do item 6.1 deste edital; e.1) Havendo sociedade cooperativa licitante, esta deverá informar, separadamente, para efeitos de critério de julgamento, o valor resultante do acréscimo de 15% (quinze por cento) sobre o valor total mensal referido no item 6.1, letra e, referente à Seguridade Social, nos termos do inciso IV do art. 22 c/c o art. 15 da Lei 8.212/ A proposta poderá ser apresentada no Anexo V deste edital Os licitantes deverão considerar quando da formulação de suas propostas que os valores ali constantes permanecerão inalterados pelo período de um ano a partir da sua efetiva apresentação, conforme item 6.3, não existindo possibilidade de reajustamento em prazo inferior ao mencionado Deverão também ser incluídos nos montantes da proposta todos e quaisquer tributos, despesas, custos e encargos previstos e previsíveis de incidência para formulação do preço dos serviços a serem prestados em conformidade com o item 1 deste edital, minuta de contrato e projeto básico anexos, em conformidade com a legislação que rege a matéria, devendo conter, inclusive, uma provisão para aumento de remuneração e outros custos decorrentes de novo Acordo, Convenção ou Dissídio Coletivo Não haverá reajustamento dos valores cotados, durante o período de um ano a contar da data da apresentação da proposta prevista neste pregão, em cumprimento ao disposto no 1º do art. 28 da Lei n , de , combinado com o 1º do art. 3º da Lei n , de A remuneração pelos serviços prestados, durante todo o prazo contratual, terá como limite máximo aceitável, os preços comprovadamente praticados no mercado do ramo, e de conformidade com a legislação vigente O eventual pedido de alteração de valor remuneratório consoante item 6.4, relativamente aos montantes A e/ou B, deverá ser formalizado pelo licitante vencedor acompanhado de todas as pertinentes comprovações e fundamentações necessárias, compreendidas durante o transcurso anual, motivadoras da solicitação, visando a propiciar o exame do pleito Os valores relativos ao montante A poderão ser alterados, consoante itens 6.3, 6.4 e e 6.5, com base nos índices prescritos na Convenção ou Dissídio Coletivo do Trabalho vigente na data em que tiver transcorrido um ano da apresentação da proposta. 5

6 Caso a contratada seja sociedade cooperativa: O item deste edital não se aplica às sociedades cooperativa, tendo em vista a natureza da sua constituição A alteração do valor contratual, se concedida, terá vigência a partir da data do efetivo pedido Serão considerados para fins de julgamento os valores constantes no preço até, no máximo, dois algarismos após a vírgula Cada licitante deverá apresentar apenas uma proposta contendo única cotação de preço Será de inteira responsabilidade do licitante o preço cotado, não se levando em consideração reclamação por erros ou equívocos manifestados após a abertura das propostas O simples envio da proposta será interpretado como concordância com os termos deste edital, com o estipulado na Lei n /2002, com os Decretos n /2000, 3.693/2000 e 3.784/2001 e com a Lei n /1993 com as alterações posteriores e redação dada pela Lei n /1998, salvo se a proposta contiver disposição que contrarie expressamente quaisquer dos itens deste edital A proposta apresentada terá validade mínima de 60 (sessenta) dias a contar da data de entrega dos envelopes de proposta e documentação. 7. DO JULGAMENTO DAS PROPOSTAS 7.1. Na sessão pública do pregão, o autor da proposta de valor total mensal mais baixo (item 6.1, letra e deste edital) e os das propostas com preços até dez por cento superiores àquela poderão fazer novos lances verbais e sucessivos até a proclamação do vencedor Não havendo pelo menos três propostas nas condições definidas no item anterior, poderão os autores das melhores propostas, até o máximo de três, oferecer novos lances verbais e sucessivos, quaisquer que sejam os preços oferecidos O licitante, por ocasião dos lances verbais, deverá especificar, a cada série de lances, para qual item da proposta deseja ofertar seus lances (item 6.1, letra c e/ou item 6.1, letra d ). 6

7 7.4. A classificação será feita pela ordem crescente de preços propostos e aceitáveis. Será declarado vencedor o licitante que apresentar a proposta de acordo com as especificações deste edital, com os preços de mercado e ofertar o menor preço total mensal - item 6.1, letra e deste edital (menor desembolso para a Administração) Serão desclassificadas: a) as propostas que não atendam às exigências desse edital; b) as propostas que apresentarem preços manifestamente inexeqüíveis Não será considerada para julgamento das propostas nenhuma vantagem não prevista no edital Não será declarada vencedora a proposta que apresentar, em relação ao preço total mensal (item 6.1, letra e deste edital), valor superior ao valor máximo aceitável fixado no Anexo IV deste edital. 8. DA HABILITAÇÃO 8.1. Para habilitar-se, o licitante deverá apresentar, no respectivo envelope, o CRC-TRE/RS ou o SICAF, nos termos dos itens 8.2 ou 8.3, conforme o caso, e os documentos relacionados no item 8.4 (se sociedade cooperativa) A documentação referida no item 8 deste instrumento deverá estar válida na data da sessão pública do Pregão, estipulada no preâmbulo deste edital, e ser apresentada em original, cópia autenticada ou cópia acompanhada do original (neste caso, os originais deverão ser entregues fora do envelope de documentação, na mesma oportunidade, para fins de verificação da autenticidade pelo pregoeiro ou pela respectiva equipe de apoio e posteriormente devolvidos). CRC-TRE/RS 8.2. O licitante inscrito no Registro Cadastral do TRE/RS deverá apresentar o respectivo Certificado de Registro Cadastral CRC-TRE/RS, válido, o qual substituirá os documentos das letras a a d deste item. Neste caso, fica o licitante obrigado a apresentar o restante da documentação prevista nas letras e a j : a) Certidão Quanto à Dívida Ativa da União, junto à Procuradoria da Fazenda Nacional do domicílio ou sede do licitante. 7

8 do licitante. b) Certidão Negativa de Débito junto à Receita Federal do domicílio ou sede c) Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) perante o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. d) Certidão Negativa de Débito (CND/INSS) perante a Seguridade Social. e) Balanço Patrimonial do último exercício social, já exigível e apresentado na forma da lei, que comprove a boa situação financeira da empresa, vedada a sua substituição por balancetes ou balanços provisórios, podendo ser atualizado por índices oficiais quando encerrado há mais de três meses da data da abertura do envelope de documentação da presente licitação, estipulada no preâmbulo deste edital. e.1) A análise da boa situação financeira será feita por contador designado pelo TRE, baseada nos Índices de Liquidez Geral (LG), Solvência Geral (SG) e Liquidez Corrente (LC), iguais ou maiores que 01 (um), resultantes da aplicação das fórmulas: LG = _Ativo Circulante + Realizável a Longo Prazo_ Passivo Circulante + Exigível a Longo Prazo SG = Ativo Total Passivo Circulante + Exigível a Longo Prazo LC = _ Ativo Circulante Passivo Circulante f) Certidão negativa, atualizada, de falência e concordata expedida pelo Distribuidor da sede da pessoa jurídica, ou de execução patrimonial, expedida no domicílio da pessoa física, emitida há menos de 30 (trinta) dias da data da abertura dos envelopes de documentação da presente licitação, estipulada no preâmbulo deste edital, quando não houver prazo de validade expresso no documento. g) Registro do licitante junto ao CRA (Conselho Regional de Administração). 8

9 h) 01 (um) atestado, devidamente registrado no CRA (Conselho Regional de Administração), expedido por entidade da Administração Direta ou Indireta Federal, Estadual ou Municipal, particular ou entidade de classe, para comprovação da capacidade técnica do licitante, no qual mencione: h.1) contratação no ramo de atividade objeto do presente edital; h.2) prestação dos serviços em um único local, com área de, no mínimo, m 2 (dois mil e oitocentos metros quadrados); h.3) prestação dos serviços contratados de maneira satisfatória, nas condições ajustadas no contrato. edital. i) Atestado de visita fornecido pelo TRE/RS, conforme item 2.1 deste j) Declaração firmada pelo licitante, nos termos do Decreto n , de 05 de setembro de 2002, conforme modelo do Anexo VI deste edital Caso algum dos documentos elencados acima (letras a a d ) esteja com o prazo de validade expirado, o licitante deverá regularizá-lo e anexá-lo como complemento ao CRC apresentado, sob pena de inabilitação. REGISTRO CADASTRAL DO SICAF 8.3. O licitante inscrito no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores SICAF, deverá apresentar documento no qual conste o n. do CNPJ e referência de que se encontra inscrito no Registro Cadastral do SICAF (exemplos de documento: declaração emitida pelo próprio licitante onde constem os dados solicitados, cópia da tela do próprio SICAF, onde constem os dados solicitados, comprovante da publicação no DOU, etc.) O licitante deverá apresentar, complementarmente, sob pena de inabilitação, os seguintes documentos, caso não constem no referido registro cadastral ou estejam com os prazos de validade vencidos: a) Certidão Quanto à Dívida Ativa da União, junto à Procuradoria da Fazenda Nacional do domicílio ou sede do licitante. do licitante. b) Certidão Negativa de Débito junto à Receita Federal do domicílio ou sede 9

10 c) Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) perante o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. d) Certidão Negativa de Débito (CND/INSS) perante a Seguridade Social. e) Balanço Patrimonial do último exercício social, já exigível e apresentado na forma da lei, que comprove a boa situação financeira da empresa, vedada a sua substituição por balancetes ou balanços provisórios, podendo ser atualizado por índices oficiais quando encerrado há mais de três meses da data da abertura do envelope de documentação da presente licitação, estipulada no preâmbulo deste edital. e.1) A análise da boa situação financeira será feita por contador designado pelo TRE, baseada nos Índices de Liquidez Geral (LG), Solvência Geral (SG) e Liquidez Corrente (LC), iguais ou maiores que 01 (um), resultantes da aplicação das fórmulas: LG = _Ativo Circulante + Realizável a Longo Prazo_ Passivo Circulante + Exigível a Longo Prazo SG = Ativo Total Passivo Circulante + Exigível a Longo Prazo LC = _ Ativo Circulante Passivo Circulante f) Certidão negativa, atualizada, de falência e concordata expedida pelo Distribuidor da sede da pessoa jurídica, ou de execução patrimonial, expedida no domicílio da pessoa física, emitida há menos de 30 (trinta) dias da data da abertura dos envelopes de documentação da presente licitação, estipulada no preâmbulo deste edital, quando não houver prazo de validade expresso no documento. g) Registro do licitante junto ao CRA (Conselho Regional de Administração). 10

11 h) 01 (um) atestado, devidamente registrado no CRA (Conselho Regional de Administração), expedido por entidade da Administração Direta ou Indireta Federal, Estadual ou Municipal, particular ou entidade de classe, para comprovação da capacidade técnica do licitante, no qual mencione: h.1) contratação no ramo de atividade objeto do presente edital; h.2) prestação dos serviços em um único local, com área de, no mínimo, m 2 (dois mil e oitocentos metros quadrados); h.3) prestação dos serviços contratados de maneira satisfatória, nas condições ajustadas no contrato. i) Atestado de visita fornecido pelo TRE/RS, conforme item 2.1 deste edital. j) Declaração firmada pelo licitante, nos termos do Decreto n , de 05 de setembro de 2002, conforme modelo do Anexo VI deste edital O Registro Cadastral do SICAF, válido, substituirá os documentos relacionados nas letras a a e do item 8.3, sendo a comprovação da regularidade obtida por meio de consulta ON LINE, junto ao SICAF, dos dados disponibilizados no respectivo Sistema, desde que estejam de acordo com as exigências constantes neste edital. Neste caso, fica o licitante obrigado a apresentar o restante da documentação prevista no item 8.3, letras f a j. SOCIEDADES COOPERATIVAS 8.4. No caso de sociedade cooperativa, além da documentação relacionada no item 8.2 ou 8.3 (conforme o caso), esta deverá apresentar, no respectivo envelope, a seguinte documentação, válida na data da sessão pública do pregão estipulada no preâmbulo deste edital, em original, cópia autenticada ou cópia acompanhada do original (neste caso, os originais deverão ser entregues fora do envelope de documentação, na mesma oportunidade, para fins de verificação da autenticidade pelo pregoeiro ou pela respectiva equipe de apoio e posteriormente devolvidos): a) Certificado de Registro da sociedade cooperativa na Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul OCERGS; 11

12 b) Certidão de Regularidade do Sistema Cooperativista, expedida pela Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul (OCERGS), emitida há menos de 30 dias da data da abertura da presente licitação, quando não houver prazo de validade expresso no documento; c) Ata da última Assembléia Geral Ordinária convocada para a eleição dos atuais dirigentes, devidamente registrada na Junta Comercial do Estado; d) Livro de matrícula, na forma da lei, acompanhado da relação de cooperados que prestarão os serviços, comprovando que, na data da abertura da presente licitação, a sociedade cooperativa dispõe de número de associados suficiente para a prestação dos serviços a serem contratados (observar cláusulas 3.18 e 3.19 da minuta de contrato anexa a este edital) A documentação que faz prova da regularidade fiscal (art. 29 da Lei n /1993), poderá ser extraída das páginas dos órgãos emissores na INTERNET, quando disponibilizados, cabendo ao Pregoeiro ou à Equipe de Apoio aferir a sua validade, por intermédio de pesquisa nas respectivas páginas Os licitantes que não integram o SICAF ou não têm o CRC expedido por este TRE/RS poderão participar da presente licitação mediante cadastramento prévio neste Órgão, para o que deverão apresentar, no Cadastro Permanente de Fornecedores, os documentos elencados no edital n. 01/2004, publicado no DOU de O envelope de documentação deste pregão que não for aberto ficará em poder do pregoeiro pelo prazo de 30 (trinta) dias, a partir da homologação da licitação, devendo o licitante retirá-lo, após aquele período, no prazo de 5 (cinco) dias, sob pena de inutilização do envelope. 9. DOS RECURSOS 9.1. Declarado o vencedor, no final da sessão, qualquer licitante poderá manifestar imediata e motivadamente a intenção de recorrer, com o registro em ata da síntese das suas razões, quando lhe será concedido o prazo de 3 (três) dias úteis para apresentação de memoriais do recurso, ficando os demais licitantes desde logo intimados para apresentar contra-razões em igual número de dias, que começarão a correr do término do prazo do recorrente, sendo-lhes assegurada vista imediata dos autos Os memoriais e contra-razões serão dirigidos ao Exmo. Des. Presidente deste TRE e recebidos no Protocolo, 3º andar, Rua Duque de Caxias, Porto Alegre - RS. 12

13 9.3. A falta de manifestação imediata e motivada do licitante importará a decadência do direito de recurso. 10. DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Todas as despesas com a presente licitação correrão por conta dos recursos consignados para este Tribunal, referentes ao exercício de 2005, no elemento Locação de Mão-de-Obra, da Classificação Funcional-Programática Gestão e Administração do Programa Para os exercícios seguintes serão emitidas notas de empenho à conta das dotações orçamentárias previstas para despesas da mesma natureza. 11. DO PAGAMENTO O pagamento da despesa a ser contratada será efetuado conforme a cláusula 8 da minuta de contrato anexa a este edital. 12. DAS PENALIDADES Em caso de descumprimento de quaisquer obrigações assumidas, ficarão os licitantes, especialmente o vencedor do presente pregão, sujeitos às penalidades previstas nos artigos 86, 87 e 88 da Seção II do Capítulo IV da Lei n /1993 e no art. 7º da Lei n /2002, conforme disciplinado na cláusula 11 da minuta de contrato anexa. 13. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Caso existam dúvidas quanto a quaisquer das características do objeto ofertado, ou sobre quaisquer outros documentos ou dados constantes nos envelopes de proposta ou habilitação, inclusive quanto às planilhas de custos apresentadas, reserva-se o TRE/RS o direito de solicitar esclarecimentos e as comprovações necessárias Os casos omissos serão resolvidos pelo pregoeiro. 14. DAS INFORMAÇÕES Informações e esclarecimentos relativos à licitação poderão ser obtidos na Coordenadoria de Material e Patrimônio, telefone , no horário das 12 às 19 horas, no prédio anexo do TRE/RS, Av. Pe. Cacique, 96, 3º andar - Porto Alegre - RS. 13

14 15. DOS ANEXOS Fazem parte integrante deste edital os seguintes anexos: Anexo I - Minuta do contrato; Anexo II - Modelo de credenciamento; Anexo III - Modelo de declaração conforme item 5.2 deste edital; Anexo IV - Valores orçados e valor máximo aceitável para critério de julgamento das propostas; do licitante; deste edital; Anexo V - Tabela em que poderá ser preenchida e apresentada a proposta Anexo VI Modelo de declaração conforme itens 8.2, letra j ou 8.3, letra j Anexo VII - Projeto Básico. Porto Alegre, 01 de março de Seção de Licitações e Contratos 14

15 ANEXO I DO PREGÃO N. 04/2005 MINUTA Obs: Dependendo da natureza jurídica do licitante vencedor, as cláusulas da presente minuta de contrato poderão sofrer adequações não-substanciais em seus termos e expressões. CONTRATO N. XX/2005 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA NOS PRÉDIOS DA JUSTIÇA ELEITORAL, EM POR- TO ALEGRE - RS, n. xx/2005, processo n. 300/2005, que fazem, de um lado, a empresa XXXXXXXX XXXXXXXXXX XXXX, com sede na Rua xxxxxxxxx, xxx, em xxxxxxxxx-xx, com CNPJ sob número xx.xxx.xxx/xxx-xx, a seguir denominada CONTRATADA, neste ato representada pelo Sr(a). xxxxxxxxxx, no fim assinado, e o TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL, órgão do Poder Judiciário Federal, sediado nesta Capital, na Rua Duque de Caxias, 350, inscrito no CNPJ sob o número / , a seguir denominado CONTRATANTE, neste ato representado por seu Presidente, Des. xxxxxxx xxxxxxxx, no fim assinado. Foi realizada licitação por intermédio do Pregão n. 04/2005. Os CONTRATANTES ficam sujeitos às normas da Lei n /1993, com redação dada pela Lei n /98 e alterações posteriores e à legislação vigente e pertinente à matéria, bem como às cláusulas firmadas neste contrato. CLÁUSULA 1 - OBJETO 1.1. O presente contrato tem por objeto a prestação, pela CON- TRATADA ao CONTRATANTE, de serviços de limpeza, com cessão de mão-de-obra e fornecimento de todos os equipamentos e materiais necessários, no edifício-sede do CONTRATANTE, no prédio onde funcionam os 10 (dez) Cartórios Eleitorais desta Capital e unidades da Justiça Eleitoral e nos prédios dos depósitos, em Porto Alegre - RS, conforme as cláusulas deste contrato. 15

16 1.2. A localização dos prédios e respectivas áreas são as seguintes: a) Prédio localizado na Rua Duque de Caxias, 350, com área total aproximada de 5.611,99m² (piso frio 1.860m²; piso com carpete 1.896m²; área envidraçada 1.001m²); aproximada de 3.000m²; b) Prédio localizado na Av. Padre Cacique, 96, com área total c) Prédios localizados na Rua Sérgio Jungbluth Dieterich, 1010, Condomínio Flex Center, depósitos n. 7 e 9, com área total de, aproximadamente, 515,49m² cada. d) Poderão ser solicitados serviços na Av. Padre Cacique, n. 112 (prédio em construção) ou em outro prédio a ser utilizado pela Justiça Eleitoral em Porto Alegre - RS, com possibilidade de remanejamento ou acréscimo de profissionais, cuja remuneração, neste caso, deverá observar os mesmos preços licitados com as devidas atualizações pactuadas. CLÁUSULA 2 - REGIME DE EXECUÇÃO A CONTRATADA compromete-se a prestar os serviços de limpeza, nos endereços constantes na cláusula 1 e conforme demais discriminações a seguir: 350: 2.1. NO PRÉDIO LOCALIZADO NA RUA DUQUE DE CAXIAS, Diariamente (do primeiro ao décimo primeiro pavimento): a) varrição dos pisos de entrada do edifício, inclusive das escadarias e circulações que dão acesso às salas de trabalho; b) varrição das calçadas que circundam o prédio; c) espanação do pó do mobiliário; d) espanação do pó das janelas; e) limpeza de cinzeiros; f) limpeza, com pano úmido ou álcool, dos tampos das mesas; g) limpeza, com pano úmido, das cadeiras, poltronas e estofados em couro, couro sintético ou assemelhados, bem como aspiração do pó das cadeiras, poltronas e estofados em tecido, e limpeza destes com produtos químicos adequados, etc.; h) limpeza dos cinzeiros de chão colocados entre as portas dos elevadores, trocando, sempre que necessário, a areia neles existentes; i) remoção de papéis inutilizados; 16

17 j) aspiração do pó dos carpetes e tapetes e limpeza dos mesmos com produtos químicos adequados, desde que configurado o aparecimento de manchas, etc.; k) lavagem dos pisos dos corredores, lustrando-os; l) lavagem de bebedouros, pias, sanitários e piso dos banheiros com detergente; m) secagem dos pisos dos banheiros após terem sido lavados; n) limpeza das caixas coletoras existentes nos corredores; o) retirada do lixo duas vezes ao dia, inclusive do bar, sendo a primeira no fazimento da limpeza diária, e a segunda a partir das 16 (dezesseis) horas, devendo ser sempre devidamente acondicionado em sacos plásticos; p) remoção dos sacos de lixo para o 1º pavimento, até às 17 horas; q) coleta seletiva do lixo utilizando sacos de lixo de cores diferentes, quando solicitado; r) limpeza dos elevadores, incluindo chão, paredes e portas (interna e externamente); s) desligamento das luzes internas do prédio que tiverem sido acesas, e o fechamento das portas que tiverem sido abertas por ocasião da limpeza Semanalmente: a) lavagem de vidros, portas e pisos de entrada do edifício; b) lavagem de todas as dependências do prédio, incluindo portas, janelas, vidros (internamente), marcos, rodapés, molduras, maçanetas das portas, espelhos e metais dos guichês; c) aspiração do pó das cortinas e persianas; d) limpeza dos mármores, azulejos e divisórias; e) limpeza, com escova ou pincel, das venezianas guarnecedoras dos cubículos, em todos os andares, onde estão situados os controles do arcondicionado central Os serviços executados semanalmente deverão obedecer à seguinte rotina: - 1ª semana, do 1º ao 3º pavimentos; - 2ª semana, do 4º ao 6º pavimentos; - 3ª semana, do 7º ao 9º pavimentos; - 4ª semana, do 10º ao 11º pavimentos Quinzenalmente: a) faxina geral, incluindo limpeza geral da sala de sessões, com enceramento das portas e lambris de madeira; 17

18 mesmos e enceramento; b) remoção da cera dos pisos frios, com lavagem geral dos c) remoção das teias de aranha em todo o prédio; d) limpeza das caixas de gordura Sempre que necessário: a) desentupimento dos ralos, dos lavatórios e sanitários por meio de desentupidores de borracha; b) lavagem das calçadas que circundam o prédio NO PRÉDIO LOCALIZADO NA AV. PADRE CACIQUE, 96: Diariamente: a) varrição dos pisos em geral e das escadarias; b) varrição das calçadas, áreas internas e terraço; c) limpeza dos cinzeiros; d) limpeza, com pano úmido ou álcool, dos tampos das mesas, guichês e balcões; e) limpeza, com pano úmido, das cadeiras, poltronas e estofados em couro, couro sintético ou assemelhados, bem como aspiração do pó das cadeiras, poltronas e estofados em tecido, e limpeza destes com produtos químicos adequados, etc.; f) remoção dos papéis inutilizados; g) aspiração do pó dos carpetes e limpeza dos mesmos com produtos químicos adequados, desde que configurado o aparecimento de manchas, etc.; h) lavagem dos bebedouros, pias, sanitários e piso dos banheiros com detergente; i) secagem dos pisos dos banheiros após terem sido lavados; j) limpeza das portas dos sanitários com pano úmido, e limpeza das maçanetas das portas com álcool; k) espanação do pó das janelas e dos móveis em geral; l) retirada do lixo, que deverá ser acondicionado em sacos plásticos; m) remoção dos sacos de lixo para o local a ser indicado; n) coleta seletiva do lixo utilizando sacos de lixo de cores diferentes, quando solicitado; o) limpeza do elevador, incluindo chão, paredes e portas (interna e externamente); p) desligamento das luzes internas do prédio, e o fechamento das portas que tiverem sido abertas por ocasião da limpeza. 18

19 Semanalmente: a) lavagem de vidros sem o comprometimento das normas de segurança, bem como a lavagem de escadas, portas e pisos de entrada do edifício; b) lavagem de todas as dependências do prédio, incluindo escadas, pisos, portas, janelas e parapeitos, vidros, persianas, marcos, rodapés, molduras, maçanetas das portas, espelhos e metais dos guichês; c) limpeza dos mármores, azulejos e divisórias; d) aspiração do pó das cortinas e persianas Quinzenalmente: mesmos e enceramento. a) faxina geral; b) remoção das teias de aranha em todo o prédio; c) remoção da cera dos pisos frios, com lavagem geral dos Mensalmente e sempre que necessário: a) desentupimento dos ralos, lavatórios e aparelhos sanitários por meio de desentupidores de borracha; b) limpeza das caixas de gordura; c) lavagem das calçadas do prédio NOS LOCAIS ONDE ESTIVEREM INSTALADAS AS JUN- TAS ELEITORAIS DA CAPITAL DURANTE O PERÍODO DE APURAÇÃO DOS VOTOS: Diariamente: a) varrição dos pisos em geral; b) limpeza dos cinzeiros; c) limpeza, com pano úmido ou álcool, dos tampos das mesas; d) remoção dos papéis inutilizados; e) varrição das calçadas e áreas; f) lavagem dos gabinetes sanitários com detergente e desinfetante; g) espanação do pó dos móveis em geral; h) retirada do lixo, que deverá ser acondicionado em sacos plásticos e removido para local apropriado a ser indicado Nos locais onde estiverem instaladas as Juntas Eleitorais, os serviços de limpeza deverão ser realizados com o remanejamento dos profissionais destacados para essa finalidade nas Zonas Eleitorais. 19

20 2.4. NOS PRÉDIOS LOCALIZADOS NA RUA SÉRGIO JUN- GBLUTH DIETERICH, 1010, DEPÓSITOS N. 7 e 9: a) remoção das teias de aranha; b) remoção, com pano úmido, do pó das prateleiras, peitoris, caixilhos das janelas, bem como dos demais móveis existentes, inclusive aparelhos elétricos, extintores de incêndio, etc.; c) varrição do acesso ao depósito; d) aspiração do pó junto ao piso; e) limpeza de cinzeiros; f) limpeza de paredes, azulejos e divisórias; g) espanação do mobiliário e das janelas; h) lavagem de todas as dependências, incluindo portas, janelas, vidros, marcos, rodapés, molduras, maçanetas das portas, espelhos; i) lavagem das pias e sanitários com utilização de detergentes; j) remoção de papéis inutilizados; k) retirada do lixo, inclusive dos sanitários, com a devida remoção para local próprio do prédio, a ser indicado; l) desentupimento de ralos, lavatórios e aparelhos sanitários por meio de desentupidores de borracha ou produtos químicos, bem como limpeza das caixas de gordura, sempre que necessário; m) faxina geral; n) desligamento das luzes que tiverem sido acesas, e o fechamento das portas que tiverem sido abertas durante a realização da limpeza. serviços: XIAS, 350: 2.5. Número de profissionais e horários de execução dos NO PRÉDIO LOCALIZADO NA RUA DUQUE DE CA- Os serviços de limpeza discriminados na cláusula 2.1 serão realizados por 09 (nove) profissionais como segue: a) A limpeza diária será efetuada de segunda à sexta-feira, conforme discriminação a seguir: a.1) 05 (cinco) profissionais com jornada compreendida no período das 7 às 11 horas e das 13 às 17 horas; a.2) 04 (quatro) profissionais com jornada compreendida no período das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas; 20

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 16/2005

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 16/2005 PREGÃO N. 16/2005 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações e Contratos, tendo em vista os atos constantes do processo n. 1.662/2005, emite

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 17/2005

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 17/2005 PREGÃO N. 17/2005 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações e Contratos, tendo em vista os atos constantes do processo n. 1.203/2005, emite

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 07/2006

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 07/2006 PREGÃO N. 07/2006 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações e Contratos, tendo em vista os atos constantes do processo n. 1.067/2006, emite

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009.

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009. EDITAL A SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SPTrans, inscrita no CNPJ-MF sob o n.º 60.498.417/0001-58, comunica que se encontra aberta a licitação, EXCLUSIVAMENTE para participação de microempresas e empresas de

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DE SANTA CATARINA, autarquia federal de fiscalização profissional regida pela Lei n 12.378, de 31 de dezembro

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 33/2005

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL PREGÃO N. 33/2005 PREGÃO N. 33/2005 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações e Contratos, tendo em vista os atos constantes do processo n. 1.450/2005, emite

Leia mais

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS Contrato para prestação de serviços técnicos de elaboração de Projeto Executivo para a execução de reforma no Rio Grande do Sul, que fazem entre

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 77/2013 PROCESSO N 3418-09.00/13-1 AJDG Nº 135/13 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do

Leia mais

Câmara Municipal de Itatiba

Câmara Municipal de Itatiba DOCUMENTOS PARA EFETUAR CADASTRO PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL "CRC" INFORMAÇÕES PARA CADASTRO DE FORNECEDORES Razão Social: Endereço: Bairro: Cidade: CEP: CNPJ: Inscrição Estadual:

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014 O Município de Mariano Moro, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 30 de setembro as 14

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 10/2008

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 10/2008 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 10/2008 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo n. 10.523/2008, emite

Leia mais

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEL, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 O PRESIDENTE DA COMPANHIA ÁGUAS TERMAIS MARCELINO RAMOS no uso de suas atribuições legais e estatutárias e de conformidade com a Lei 8666/93 de 21 de junho de 1993

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 53/2010

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 53/2010 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 53/2010 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo administrativo n. 37.792/2010,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2011

CARTA CONVITE Nº 003/2011 CARTA CONVITE Nº 003/2011 O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 10ª Região CREFITO-10, com jurisdição no Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitações,

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1 Tipo do Serviço e Especificação do Veiculo

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1 Tipo do Serviço e Especificação do Veiculo TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO Nº 017/2013 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

DECRETO Nº 15.219 DE 30 DE JUNHO DE 2014

DECRETO Nº 15.219 DE 30 DE JUNHO DE 2014 DECRETO Nº 15.219 DE 30 DE JUNHO DE 2014 Regulamenta a Lei nº 12.949, de 14 de fevereiro de 2014 que estabelece mecanismos de controle do patrimônio público do Estado da Bahia, dispondo sobre provisões

Leia mais

PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE

PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, PLANEJAMENTO, FINANÇAS, GESTÃO E TRIBUTOS SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÕES FONE FAX: (53) 3224 9000 32249141. EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE

Leia mais

I Sala comercial nº 806, do oitavo pavimento do Centro Comercial Fuad Chequer, situado nesta cidade de Viçosa MG à rua Benjamin Araújo, nº 56,

I Sala comercial nº 806, do oitavo pavimento do Centro Comercial Fuad Chequer, situado nesta cidade de Viçosa MG à rua Benjamin Araújo, nº 56, EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA PROCESSO Nº 65/2015 CONCORRÊNCIA Nº 01/2015 OBJETO: Consiste na Concessão de Uso de Imóveis Públicos, mediante contrato, pelo período de 24 meses, dos espaços físicos localizados

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 04/2008

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 04/2008 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 04/2008 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo n. 78.895/2007, emite

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 006/2008

CARTA CONVITE Nº 006/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 24 HS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - SETOR

Leia mais

CONVITE Nº 050A/2015

CONVITE Nº 050A/2015 Processo nº 0308.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 050A/2015 DATA DA ABERTURA: 19/08/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG SUPERINTENDENCIA DE AGUA E ESGOTO DE ARAGUARI DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMISSÃO ESPECIAL DE CADASTRO/SETOR DE CADASTRO INSTRUÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2013 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 19/03/2013 HORÁRIO: 10:00 Horas LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA DISPENSA Nº: DP 012/2013 ÓRGÃO SOLICITANTE: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO OBJETO: CONTRATAÇÃO EM CARACTER DE EMERGENCIA DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE TENTATIVA DE RECUPERAÇÃO DE DADOS

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE COMPRA E VENDA PROCESSO N. 2900-09.00/14-0 PREGÃO ELETRÔNICO N. 95/14 CONTRATO AJDG N. 178/14 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo

Leia mais

Tomada de Preços n.º 015/2010

Tomada de Preços n.º 015/2010 Tomada de Preços n.º 015/2010 Procedimento Administrativo n.º 0848/2010 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: global Regime de execução: empreitada por preço unitário Objeto: Contratação

Leia mais

CONVITE Nº. 001/2014

CONVITE Nº. 001/2014 CONVITE Nº. 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 4ª REGIÃO RIO GRANDE DO SUL, autarquia federal criada pela Lei 1.411/51, através de sua Comissão de Licitações, designada pela Ata nº 1412/2014, da

Leia mais

CONVITE Nº 060E/2015

CONVITE Nº 060E/2015 Processo nº 0405.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 060E/2015 DATA DA ABERTURA: 16/10/2015 HORA DA ABERTURA: 10:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá/RS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá/RS ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá/RS EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 001/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS PARA CONTRATAÇAO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO

Leia mais

Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA Anexo II - TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA 1. OBJETO 1.1. Prestação de Serviços de Conservação e limpeza, higiene e desinfecção e Jardinagem com fornecimento de materiais e equipamentos, para

Leia mais

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro Salete, Concórdia,

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20...

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... Ao...do dia do mês de... do ano de 20..., na PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA PGR,

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 66/2013 PROCESSO N.º 2882-09.00/13-3 Contrato AJDG N.º 107/2013 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA, órgão

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 49/2006

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 49/2006 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 49/2006 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo n. 4.610/2006, emite o

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL RIO GRANDE DO SUL Observação: O Anexo IV do edital (Proposta) está disponível em formato ODS e para visualizá-lo é preciso que o computador possua instalado o software livre

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX Contrato de locação de estrutura de BOX TRUS que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO DF SESC/AR/DF e a Empresa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABEDELO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABEDELO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Chamada Pública n.º 002/2014 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com dispensa de licitação, Lei n.º 11.947, de 16/07/2009, Resolução n.º 38 do FNDE,

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) TOMADA DE PREÇOS N.º: 2/213 PROCESSO N.º: 11-4/213 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL O CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS 3ª. REGIÃO, por intermédio da COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO, torna pública a realização

Leia mais

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO EDITAL CONVOCATÓRIO CONVITE Nº 2013.02.18.2 1.0 EDITAL 1.1 Órgão: SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL 1.2 Modalidade: CONVITE 1.3 Tipo de Licitação: Menor preço Global 1.4 Torna público para conhecimento

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4.

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4. 1/9 CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES A inscrição no Cadastro de Fornecedores da CET é regulada pelas presentes Condições Gerais, nos termos da Seção III - DOS REGISTROS CADASTRAIS

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 34/2006

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 34/2006 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 34/2006 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo n. 3.418/2006, emite

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE CONVITE Nº 006 / 2007 - DFEPAF ENCERRAMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS: Dia 27 de novembro de 2007 às 10:00 horas. TIPO: Menor preço global 1. OBJETO DO CONVITE Constitui objeto

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO CONVITE Nº 05/2013 SERVIÇOS DE ASSESSORIA CONTÁBIL O Conselho Regional de Biologia 3ª Região, através da Comissão Permanente de Licitações, convida V.S.a. a apresentar

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 12/2010

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 12/2010 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 12/2010 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE/RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes do processo n. 3.574/2010, emite

Leia mais

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES AUTORIZAÇÃO PARA ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO DE MOTIVAÇÃO DE DESPESAS SOLICITANTE Nº. de Processo Órgão Interessado: PREFEITURA

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº09/2015 Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa CABOCLO MOVEIS E ELETRO LTDA- ME. CONTRATANTE: A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO SIMÃO, pessoa jurídica de

Leia mais

- CARTA CONVITE Nº001/2015 - CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE MORMAÇO RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO

- CARTA CONVITE Nº001/2015 - CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE MORMAÇO RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO - CARTA CONVITE Nº001/2015 - DE RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO Nos termos da Lei nº8.666/93, suas alterações posteriores e demais dispositivos legais aplicáveis,

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação CONTRATO DE FORNECIMENTO E ASSISTÊNCIA TÉCNICA QUE ENTRE SI CELEBRAM O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO CEARÁ E A EMPRESA

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 DATA DE ABERTURA: 04 de dezembro de 2008 HORÁRIO: 13:00 horas LOCAL DA SESSÃO PÚBLICA: Auditório da CPL/PGR, localizada no

Leia mais

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações

BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações BANRISUL ARMAZÉNS GERAIS S.A. EDITAL DE CREDENCIAMENTO Nº 001/2014 Regida pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações A Banrisul Armazéns Gerais S.A., atendendo ao disposto nos arts. 13 e 25 II da lei nº 8.666/93,

Leia mais

CONTRATO DE FORNECIMENTO SESC/AR/DF DF 2013 CF XXX

CONTRATO DE FORNECIMENTO SESC/AR/DF DF 2013 CF XXX CONTRATO DE FORNECIMENTO SESC/AR/DF DF 2013 CF XXX Contrato de Fornecimento de Ribbon para Impressora Datacard SP 55 Plus que entre si celebram o Serviço Social do Comércio Administração Regional do Distrito

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 007/2008

CARTA CONVITE Nº 007/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 - JD. PAULISTA -

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE SALAS, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA TERMO DE REFERÊNCIA CONSERVAÇÃO E LIMPEZA 1. OBJETO 1.1. Prestação de Serviços de Conservação e limpeza, higienização, desinfecção e limpeza de reservatórios de água e controle de pragas em geral, com

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3 CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3 Contrato AJDG Nº 74/14 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO, inscrito

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS. PREGÃO N.º 54/05 Processo n.º 08190.061105/05-26

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS. PREGÃO N.º 54/05 Processo n.º 08190.061105/05-26 MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS PREGÃO N.º 54/05 Processo n.º 08190.061105/05-26 O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios MPDFT, por meio

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N. MINUTA INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.º 0900130000453 A SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DA BAHIA - SEINFRA, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 4ª Avenida, nº 440, Centro Administrativo da

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS. PREGÃO N.º 87/04 Processo n.º 08190.129636/04-05

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS. PREGÃO N.º 87/04 Processo n.º 08190.129636/04-05 MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS PREGÃO N.º 87/04 Processo n.º 08190.129636/04-05 O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios MPDFT, por meio

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO PROCESSO Nº 129710/2010 PREGÃO Nº 002/2010 UNIOESTE/CAMPUS DE TOLEDO CONTRATO 011/2010 CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO Contrato objetivando a seleção de propostas visando registro de preços de Serviços de Hospedagem

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO N.º 1840-09.00/12-5 COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 86/2012 AJDG N.º 88/2012 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA FINS DE CREDENCIAMENTO DE CLINICAS PARA TRATAMENTO DE DEPENDENTES QUIMICOS. PREÂMBULO A Prefeitura Municipal de Itajubá,

Leia mais

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO TERMO DE CONTRATO QUE ENTRE SI O INSTITUTO FELIX GUATTARI, organização não governamental (ONG), declarada de utilidade pública estadual, devidamente inscrita

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 59/13 PROCESSO N. 2575-09.00/13-5 Ata AJDG Nº 027/13 Nesta data, compareceu à sede da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 1. INTRODUÇÃO: 1.1 O CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da Pregoeira Angela Ferraz Jaeger, torna público,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

Parágrafo Segundo: A proposta poderá ser preenchida nos anexos I e II.

Parágrafo Segundo: A proposta poderá ser preenchida nos anexos I e II. CONVITE Nº 023/2012 LICITAÇÃO, MODALIDADE CONVITE, VISANDO A CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA PARA EFETUAR SEGURO DOS PRÉDIOS E VEÍCULOS PERTENCENTES AO MUNICÍPIO. DIOGO SEGABINAZZI SIQUEIRA, PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE PNEUS DESTINADOS AOS VEÍCULOS DA SECRETARIA MUNICIPAL SAÚDE PARA O EXERCÍCIO DE DE 2014 2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE/MUNICIPIO DE DOMINGOS MARTINS, com sede na Rua Bernardino

Leia mais

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 06/2014

PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 06/2014 PREGÃO (ELETRÔNICO) N. 06/2014 O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL - TRE-RS, por intermédio de sua Seção de Licitações, tendo em vista os atos constantes no processo administrativo eletrônico

Leia mais

Câmara Municipal De Natividade Da Serra

Câmara Municipal De Natividade Da Serra DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA A INCRIÇÃO NO REGISTRO CADASTRAL (Em conformidade com os artigos 28 a 31 da Lei Federal Nº 8.666/93 e demais alterações posteriores): PESSOA JURÍDICA 1 - Documentação Relativa

Leia mais

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011 PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas ABERTURA DOS ENVELOPES DOCUMENTAÇÃO Dia 17 de Outubro

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 85/14 PROCESSO N 2783-09.00/14-6 AJDG Nº 059/14 Nesta data, compareceu à sede da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL,

Leia mais

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO ORIGEM DA TOMADA DE PREÇOS: EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 - PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 2009.40.38.00182

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 JOÃO PEDRO TILL, Diretor Presidente da Autarquia Municipal de Turismo GRAMADOTUR, no uso legal de suas atribuições, e de conformidade com a Lei n.º 8.666 de 21.06.93 e demais

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 003/2015 Manutenção de ar condicionado O CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO ESTADO DE SANTA CATARINA COREN/SC, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ nº 75.308.106/0001-56,

Leia mais

RETIFICAÇÃO DE EDITAL

RETIFICAÇÃO DE EDITAL RETIFICAÇÃO DE EDITAL Fica retificado o Edital de Pregão Presencial 32/2014, serviços de coleta, transporte, tratamento térmico e destino final do lixo hospitalar (resíduos oriundos dos serviços de Saúde)

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

DIRETORIA DE GESTÃO DG DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO - DGA TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO

DIRETORIA DE GESTÃO DG DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO - DGA TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 010/2014 OBJETO Contratação de empresa especializada para execução dos serviços de instalação e fornecimento de vidros temperados incolor em imóveis da Eletrobrás Distribuição Rondônia,

Leia mais

COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010

COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010 COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010 Edital para contratação de empresa especializada e/ou Agência de Turismo ou viagens para execução de serviços de reserva, emissão, marcação,

Leia mais