MINUTA DO CLAUSULADO DO ACORDO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MINUTA DO CLAUSULADO DO ACORDO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO"

Transcrição

1 1 MINUTA DO CLAUSULADO DO ACORDO DE DAÇÃO EM PAGAMENTO Entre a EGEO Tecnologia e Ambiente SA, representada pelo seu Presidente, Prof. Júlio Castro Caldas, adiante designado por 1º Outorgante e a Câmara Municipal de Setúbal, representada pela sua Presidente Dra. Maria das Dores Marques Banheiro Meira, adiante designada por 2º Outorgante, é celebrado o seguinte acordo de dação de pagamento da divida existente: 1º O Município segundo outorgante, reconhece dever à primeira outorgante a quantia de ,00, respeitante a serviços de recolha de Resíduos Sólidos Urbanos e Limpeza Urbana, prestados de acordo e em execução dos contratos firmados entre os outorgantes em 10 de Setembro de 2003 e 19 de Novembro de 2003, quantia que inclui as facturas emitidas até 30 de Setembro de º O cumprimento de tal obrigação será efectivado pela dação em pagamento de um lote de terreno com a área de m2, a destacar do prédio da propriedade da segunda outorgante, sito em Poçoilos ou Pessoilos, descrito na Conservatória do Registo Predial de Setúbal, com o nº 6051 e inscrito na Predial Rústica sob o nº 21 da Secção A, atribuindo-se a tal lote, para efeitos da referida dação em pagamento, o valor de 1 milhão e 700 mil euros, nos termos da avaliação emitida em 19 de

2 2 Setembro de 2011, pela comissão de avaliação do Município que se anexa ao presente contrato e é parte integrante do mesmo 3º O pagamento do remanescente da quantia em dívida, no valor de , será efetivado pela seguinte forma: a) 20 prestações mensais, no valor de ,00 cada, vencendo-se a primeira no dia 30 de Janeiro de 2012 e as restantes no último dia dos meses subsequentes, até 30 de Setembro de b) Uma prestação no valor de ,00, com vencimento no dia 30 de Outubro de º 4.1 A dação em cumprimento prevista na cláusula 2ª supra, considerar-se-á resolvida, não produzindo os efeitos de extinção do correspondente valor da obrigação do Município, caso este, até 30 de Junho de 2013, não obtenha: 1- Loteamento do prédio que faculta a desanexação do lote objecto da dação. 2- Deliberação da Assembleia Municipal de Setúbal a autorizar a sua alienação nos termos e condições constantes do presente acordo. 3- Quaisquer outras autorizações que, nos termos da lei e por imposição dos regulamentos e/ou posturas municipais, sejam necessários para a transmissão.

3 3 4- Certidão de localização para instalação no prédio de actividades de armazenamento e tratamento mecânico de resíduos industriais, a emitir no prazo de dez dias após a aprovação do loteamento supra referido. 5º Após a obtenção de todas as autorizações ou documentos necessários à transmissão do lote identificado na cláusula 2ª supra, o Município deverá notificar a primeira outorgante, por escrito, da data, hora e local previstos para assinatura da escritura pública da dação em cumprimento, com a antecedência de 15 dias, devendo a escritura realizar-se até ao dia 31 de Agosto de º Caso a dação em pagamento seja resolvida por não se verificarem as condições previstas na cláusula 4ª supra, dentro dos prazos aí fixados, a importância correspondente da dívida do Município, no referido valor de ,00, será paga em 9 prestações mensais, as 8 primeiras no valor de ,00 e a última no valor de ,00, iniciando-se o seu vencimento no mês imediato ao do pagamento da última prestação prevista na cláusula 3ª supra, ou seja, em 30 de Novembro de 2013, e terminando em 30 de Agosto de º O Município obriga-se ao pagamento dos serviços prestados, de acordo com o contrato em vigor, posteriormente à data fixada no artº 1º como termo do cálculo da

4 4 dívida aí referenciada, no prazo contratualizado e que consta das facturas mensais emitidas pela primeira outorgante. 8º Caso a 2ª outorgante venha a reunir condições para destacar uma área de m 2 do prédio, de sua propriedade, sito em Poçoilos ou Pessoilos, descrito na Conservatória do Registo Predial de Setúbal, com o nº 6051 e inscrito na Predial Rústica sob o nº 21 da Secção A, e a conceder-lhe a possibilidade de utilização para a actividade industrial da 1ª outorgante, esta aceitará a dação em pagamento dessa parcela, caso o Município lha venha a propor, desde que a importância que então estiver em dívida seja superior ao valor da parcela, de acordo com a avaliação que o Município dela venha a fazer, e a 1ª outorgante o aceite. 9º Recebido que seja integralmente o crédito referido no artº 1º supra, quer através de pagamentos em dinheiro quer através de dações em pagamento, a 1ª outorgante perdoa ao 2º outorgante a quantia referente ao montante de juros de mora calculados até à data do presente contrato, que ascendem a ,15, bem como de quaisquer juros vincendos. 10º O incumprimento pelo segundo outorgante de qualquer das obrigações previstas no presente acordo, por período superior a 60 dias de calendário, tem

5 5 como consequência considerar-se verificado o incumprimento definitivo, com imediato vencimento de todas as obrigações previstas, bem como com a revogação do perdão de juros estipulado na cláusula anterior. 11º Para efeitos de quaisquer citações, judiciais ou não, acordam os outorgantes que as suas sedes se localizam nos endereços constantes da respectiva identificação, inscrita no cabeçalho do presente acordo. 12º O pressente acordo corporaliza uma transacção relativamente ao objecto do processo que corre actualmente termos no Tribunal Administrativo e Fiscal de Almada, Unidade Orgânica 1, sob o nº 349/11.7BELSB, atualmente pendente no Tribunal Administrativo e Fiscal de Almada, comprometendo-se as partes, no prazo de uma semana após a sua outorga, a requererem em juízo a homologação da transacção com a consequente extinção da instância. 13º Em qualquer das dações em cumprimento atrás previstas, caso, depois de preenchidas as condições da sua eficácia que foram estipuladas, algum dos outorgantes se recuse a formalizar, através das competentes escrituras públicas, as declarações de vontade necessárias à sua efectivação, expressamente se

6 6 reconhece ao outorgante não faltoso o direito a requerer a sua execução específica, nos termos do disposto no artº 830º do Código Civil. 14º As custas em dívida a juízo, no referido processo, caso as haja, são suportadas, em partes iguais, por ambos os outorgantes que prescindem, reciprocamente, do reembolso das custas de parte e de procuradoria prescindível. Setúbal, data O Representante da EGEO A Presidente da Câmara, (Prof. Júlio Castro Caldas) (Dra. Maria das Dores Meira)

EDITAL N.º 89 I IDENTIFICAÇÃO E LOCALIZAÇÃO DOS LOTES A ALIENAR

EDITAL N.º 89 I IDENTIFICAÇÃO E LOCALIZAÇÃO DOS LOTES A ALIENAR EDITAL N.º 89 Graça da Conceição Candeias Guerreiro Nunes, Presidente da Câmara Municipal de Grândola, faz público, nos termos das disposições conjugadas dos art.ºs 64.º, n.º 1, al. f) e 91º do Dec. Lei

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA TRANSPORTE DE PESSOAS COM MOBILIDADE REDUZIDA, FORA DO CONTINGENTE, PARA O CONCELHO DE OVAR

CONCURSO PÚBLICO ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA TRANSPORTE DE PESSOAS COM MOBILIDADE REDUZIDA, FORA DO CONTINGENTE, PARA O CONCELHO DE OVAR CONCURSO PÚBLICO ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA TRANSPORTE DE PESSOAS COM MOBILIDADE REDUZIDA, FORA DO CONTINGENTE, PARA O CONCELHO DE OVAR Programa de Concurso Câmara Municipal de Ovar Novembro

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA E MÚTUO COM HIPOTECA. ------ No dia., intervieram no presente contrato os seguintes

CONTRATO DE COMPRA E VENDA E MÚTUO COM HIPOTECA. ------ No dia., intervieram no presente contrato os seguintes CONTRATO DE COMPRA E VENDA E MÚTUO COM HIPOTECA ------ No dia., intervieram no presente contrato os seguintes outorgantes: -------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

TARIFÁRIO 2016 AVISO

TARIFÁRIO 2016 AVISO TARIFÁRIO 2016 AVISO Pelo presente faz-se público que, por deliberação da Câmara Municipal de Peniche, tomada em reunião de 12 de Outubro do corrente, que aprovou a proposta aprovada pelo Conselho de Administração

Leia mais

A alienação do imóvel sito no gaveto da Rua das Lavadeiras e Rua Carlos Alberto, nesta cidade, propriedade do

A alienação do imóvel sito no gaveto da Rua das Lavadeiras e Rua Carlos Alberto, nesta cidade, propriedade do Câmara Municipal 4490-438 Póvoa de Varzim Portugal (PT) T: (+351) 252 090 000 F: (+351) 252 090 010 E: geral@cm-pvarzim.pt I: www.cm-pvarzim.pt CONDIÇÕES DE ALIENAÇÃO DO IMÓVEL SITO NO GAVETO DA RUA DAS

Leia mais

SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO

SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO Orientações sobre o recolhimento dos valores devidos em face dos Contratos de Transição 1. Do Valor Devido 2. Do Recolhimento 2.1. Recolhimento por GRU Simples 2.2. Recolhimento

Leia mais

Exmo. Sr. Ministro da Administração Interna

Exmo. Sr. Ministro da Administração Interna MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL UNIDADE ORGÂNICA DE OPERAÇÕES E SEGURANÇA DEPARTAMENTO DE SEGURANÇA PRIVADA ACTIVIDADE DE SEGURANÇA PRIVADA REQUERIMENTO

Leia mais

EDITAL N.º 45/CML/2014. (Minuta de Contrato para Arrendamento de Instalações)

EDITAL N.º 45/CML/2014. (Minuta de Contrato para Arrendamento de Instalações) EDITAL N.º 45/CML/2014 (Minuta de Contrato para Arrendamento de Instalações) ANTÓNIO COSTA, Presidente do Conselho Metropolitano de Lisboa, no exercício das competências previstas no art.º 72º da Lei n.º

Leia mais

DIVISÃO DE URBANISMO. Hasta Pública de Terrenos. Do dia 15 de Abril de 2008, pelas 10.00 horas. Condições Gerais

DIVISÃO DE URBANISMO. Hasta Pública de Terrenos. Do dia 15 de Abril de 2008, pelas 10.00 horas. Condições Gerais DIVISÃO DE URBANISMO Hasta Pública de Terrenos Do dia 1 de Abril de 2008, pelas 10.00 horas Condições Gerais 01. De acordo com a deliberação tomada em reunião de 2 de Janeiro de 2008, a Câmara Municipal

Leia mais

Contrato n.º 22 /2014

Contrato n.º 22 /2014 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE EMPREITADA DE OBRAS DE REMODELAÇÃO DAS COBERTURAS DAS GALERIAS DE LIGAÇÃO DOS PAVILHÕES DA ESCOLA SECUNDÁRIA DE VALONGO ESCOLA SEDE DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VALONGO Contrato

Leia mais

CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL DO RIO DE JANEIRO/GALEÃO

CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL DO RIO DE JANEIRO/GALEÃO CONCESSÃO PARA AMPLIAÇÃO, MANUTENÇÃO E EXPLORAÇÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL DO RIO ANEXO 6 DO CONTRATO DE CONCESSÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL DO RIO ANTÔNIO CARLOS JOBIM MODELOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA

Leia mais

FUNCHAL ATIVIDADES DE TATUAGEM E SIMILARES CAE REV_3: 96091 ATIVIDADES DE TATUAGEM E SIMILARES

FUNCHAL ATIVIDADES DE TATUAGEM E SIMILARES CAE REV_3: 96091 ATIVIDADES DE TATUAGEM E SIMILARES O conteúdo informativo disponibilizado pela presente ficha não substitui a consulta dos diplomas legais referenciados e da entidade licenciadora. FUNCHAL ATIVIDADES DE TATUAGEM E SIMILARES CAE REV_3: 96091

Leia mais

CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL CXGOLBD_20160701 Caixa Gold CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1. Denominação CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS,

Leia mais

REGULAMENTO DE TARIFAS DA TROIA MARINA

REGULAMENTO DE TARIFAS DA TROIA MARINA REGULAMENTO DE TARIFAS DA TROIA MARINA Artigo 1º Disposições Gerais 1. O Regulamento de Tarifas da TROIA MARINA estabelece os limites máximos a cobrar pela Concessionária pelos serviços a prestar e pela

Leia mais

ANEXO 6 MODELOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA GARANTIA CONTRATUAL

ANEXO 6 MODELOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA GARANTIA CONTRATUAL ANEXO 6 MODELOS E CONDIÇÕES MÍNIMAS PARA GARANTIA CONTRATUAL Condições Mínimas Para Contratos de Seguros e Prestação de Garantias Termos e Condições Mínimas do Seguro-Garantia 1 Tomador 1.1 Concessionária

Leia mais

---Aos vinte seis dias do mês de janeiro de dois mil e quinze, celebram em. suporte informático com aposição de assinaturas eletrónicas qualificadas o

---Aos vinte seis dias do mês de janeiro de dois mil e quinze, celebram em. suporte informático com aposição de assinaturas eletrónicas qualificadas o 1 CONTRATO DE EMPREITADA ---Aos vinte seis dias do mês de janeiro de dois mil e quinze, celebram em suporte informático com aposição de assinaturas eletrónicas qualificadas o presente contrato de empreitada

Leia mais

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA COM SINAL. NOVO BANCO, S.A., NIPC 513 204 016 de pessoa coletiva e de registo na Conservatória do

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA COM SINAL. NOVO BANCO, S.A., NIPC 513 204 016 de pessoa coletiva e de registo na Conservatória do CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA COM SINAL ENTRE: PRIMEIRO OUTORGANTE: NOVO BANCO, S.A., NIPC 513 204 016 de pessoa coletiva e de registo na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa, com sede na

Leia mais

Mínimo de abertura: Não aplicável. Não aplicável (conta não remunerada)

Mínimo de abertura: Não aplicável. Não aplicável (conta não remunerada) Designação Conta Ordenado Condições de Acesso Clientes Particulares, que efetuem a domiciliação do seu ordenado, através de transferência bancária codificada como ordenado. Modalidade Depósito à Ordem

Leia mais

i) Efetuados entre 1 de novembro e 20 de dezembro de 2013;

i) Efetuados entre 1 de novembro e 20 de dezembro de 2013; Página 1 de 5 Regularização Excecional de Dívidas Fiscais e à Segurança Social Decreto- Lei n.º 151- A/2013, de 31 de outubro O diploma legal que instituiu o novo regime excecional para regularização de

Leia mais

(ENB AD011/2014) Cláusula 1.ª Objeto do contrato

(ENB AD011/2014) Cláusula 1.ª Objeto do contrato CONTRATO PARA DISPONIBILIZAÇÃO DE EXTINTORES PARA DESCARGA E RESPETIVA RECARGA DE EXTINTORES DO CENTRO DE FORMAÇÃO DE SÃO JOÃO DA MADEIRA para o ano de 2015 Entre: (ENB AD011/2014) A Escola Nacional de

Leia mais

Modelo do Relatório Final de Apreciação do Programa de Bolsa a elaborar pelo Bolseiro

Modelo do Relatório Final de Apreciação do Programa de Bolsa a elaborar pelo Bolseiro Modelo do Relatório Final de Apreciação do Programa de Bolsa a elaborar pelo Bolseiro Ex.mo Senhor Vice-Reitor Reitoria da Universidade de Aveiro Campus Universitário de Santiago 3810-193 Aveiro.. (nome

Leia mais

CONTRATO DE ADJUDICAÇÃO DA EMPREITADA DE LIMPEZA DE TERRENOS, CONDUTA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E OUTROS TRABALHOS. Aos dezanove dias do mês de Maio

CONTRATO DE ADJUDICAÇÃO DA EMPREITADA DE LIMPEZA DE TERRENOS, CONDUTA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E OUTROS TRABALHOS. Aos dezanove dias do mês de Maio 135 CONTRATO DE ADJUDICAÇÃO DA EMPREITADA DE LIMPEZA DE TERRENOS, CONDUTA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E OUTROS TRABALHOS. Aos dezanove dias do mês de Maio do ano dois mil e quinze, no edifício dos Paços do

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Morte do Empregado

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Morte do Empregado Morte do Empregado 08/12/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação... 3 4. Conclusão... 6 5. Informações Complementares... 6 6.

Leia mais

2. OPERAÇÕES DE CRÉDITO (PARTICULARES) (ÍNDICE)

2. OPERAÇÕES DE CRÉDITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) 2.1. Crédito à habitação e s conexos Crédito Habitação Euros (Mín/Máx) Valor Anual Contratos de crédito para aquisição, construção e realização de obras de habitação própria permanente, secundária ou para

Leia mais

CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL CXGOFARD_20160701 Caixa Gold Ordem dos Farmacêuticos CASO DE CONTRATAÇÃO À DISTÂNCIA INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1. Denominação

Leia mais

EDITAL. Arrendamento rural agrícola e/ou Arrendamento rural florestal de parcelas integrantes de Prédio Rústico pertencente ao Património Municipal

EDITAL. Arrendamento rural agrícola e/ou Arrendamento rural florestal de parcelas integrantes de Prédio Rústico pertencente ao Património Municipal EDITAL Arrendamento rural agrícola e/ou Arrendamento rural florestal de parcelas integrantes de Prédio Rústico pertencente ao Património Municipal Ricardo João Barata Pereira Alves, Eng.º, Presidente da

Leia mais

GABINETE DO SECRETÁRIO PARA OS ASSUNTOS SOCIAIS E CULTURA 醫療券的式樣 尺寸 210 毫米 74 毫米 社 會 文 化 司 司 長 辦 公 室 第 67/2014 號社會文化司司長批示 ANEXO

GABINETE DO SECRETÁRIO PARA OS ASSUNTOS SOCIAIS E CULTURA 醫療券的式樣 尺寸 210 毫米 74 毫米 社 會 文 化 司 司 長 辦 公 室 第 67/2014 號社會文化司司長批示 ANEXO 澳門特別行政區公報 第一組 240 第 19 期 2014 年 5 月 12 日 附件 ANEXO 醫療券的式樣 Modelo do vale de saúde 正面 Frente 背面 Verso 尺寸 210 毫米 74 毫米 Dimensões: 210 mm 74 mm 社 會 文 化 司 司 長 辦 公 室 第 67/2014 號社會文化司司長批示 GABINETE DO SECRETÁRIO

Leia mais

TERMO DE ACORDO DE PARCELAMENTO JUDICIAL

TERMO DE ACORDO DE PARCELAMENTO JUDICIAL TERMO DE ACORDO DE PARCELAMENTO JUDICIAL IDENTIFICAÇÃO DO SUJEITO PASSIVO: Nome: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Aos...dias do mês de... de 20..., compareceu à Procuradoria-Geral do Estado o representante

Leia mais

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Manuela Gomes Directora do Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Concordo. Envie-se a presente informação à Senhora Chefe da Divisão Municipal de Receita, Dra. Cláudia Carneiro. Anabela Moutinho

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE SOCORROS MÚTUOS MONTEPIO DE NOSSA SENHORA DA NAZARÉ DE TORRES NOVAS REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS

ASSOCIAÇÃO DE SOCORROS MÚTUOS MONTEPIO DE NOSSA SENHORA DA NAZARÉ DE TORRES NOVAS REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS 1 ASSOCIAÇÃO DE SOCORROS MÚTUOS MONTEPIO DE NOSSA SENHORA DA NAZARÉ DE TORRES NOVAS REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS 2 REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS ASSOCIAÇÃO DE SOCORROS MÚTUOS MONTEPIO DE NOSSA SENHORA DA NAZARÉ

Leia mais

ANEXO II MODELO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE RECOLHA DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS E LIMPEZA URBANA PELA EGEO TECNOLOGIA E AMBIENTE, S.A.

ANEXO II MODELO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE RECOLHA DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS E LIMPEZA URBANA PELA EGEO TECNOLOGIA E AMBIENTE, S.A. REGULAMENTO TARIFÁRIO E DE EXPLORAÇÃO DA CONCESSÃO DOS SERVIÇOS DE LIMPEZA URBANA E RECOLHA DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NA ÁREA DE JURISDIÇÃO DA APL -ADMINISTRAÇÃO DO PORTO DE LISBOA, S.A. ANEXO II MODELO

Leia mais

ANÚNCIO 1. ENTIDADE ADJUDICANTE

ANÚNCIO 1. ENTIDADE ADJUDICANTE Anúncio Do Procedimento por Negociação, com publicação prévia de Anúncio para celebração de contrato de cedência de utilização de diversos espaços, em edifícios municipais, para instalação e exploração

Leia mais

LEI Nº 5.985 DE 5 DE OUTUBRO DE 2015. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 5.985 DE 5 DE OUTUBRO DE 2015. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 5.985 DE 5 DE OUTUBRO DE 2015. Institui incentivos fiscais a investimentos na prestação de serviços de representação realizados através de centrais de teleatendimento estabelecidas nas áreas que

Leia mais

TAX alert 15 NOVEMBRO / 2013

TAX alert 15 NOVEMBRO / 2013 15 NOVEMBRO / 2013 REGIME EXCEPCIONAL DE REGULARIZAÇÃO DE DÍVIDAS FISCAIS E À SEGURANÇA SOCIAL (RERD) Foi recentemente aprovado o Decreto-Lei n.º 151-A/2013, de 31 de Outubro, mencionado na nossa última

Leia mais

Certidão Permanente. Código de acesso: GP-1152-15050-131630-000287 DESCRIÇÃO FRACÇÃO AUTÓNOMA

Certidão Permanente. Código de acesso: GP-1152-15050-131630-000287 DESCRIÇÃO FRACÇÃO AUTÓNOMA Certidão Permanente Código de acesso: GP-1152-15050-131630-000287 DESCRIÇÃO FRACÇÃO AUTÓNOMA COMPOSIÇÃO: GARAGEM no logradouro, com 13 m2, a primeira a contar de sul. O(A) Ajudante Maria de Fátima Felgueiras

Leia mais

CÁLCULO E INSTRUMENTOS FINANCEIROS I (2º ANO)

CÁLCULO E INSTRUMENTOS FINANCEIROS I (2º ANO) GESTÃO DE EMPRESAS CÁLCULO E INSTRUMENTOS FINANCEIROS I (2º ANO) Exercícios - Actualização EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO Exercício O Sr. Teodoro solicitou um empréstimo ao Sr. João por um prazo de 4 anos, tendo

Leia mais

CONTRATO DE PARCERIA

CONTRATO DE PARCERIA CONTRATO DE PARCERIA Entre:, legalmente representada por na qualidade de., legalmente representada por na qualidade de., legalmente representada por na qualidade de., legalmente representada por na qualidade

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA ÁREA DE CONSULTORIA CONTABILÍSTICA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA ÁREA DE CONSULTORIA CONTABILÍSTICA NIF 5417381993 Contacto: 924 29 53 28 / 912 84 45 69 / 944340808 E-mail: franconsulting30@gmail.com Address: Av. Rua Principal do Patriota Sede Patriota, Luanda Angola. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO

Leia mais

DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º

DISPOSIÇÕES GERAIS ARTIGO 1.º REGULAMENTO CIMASA, aprovado pela Assembleia Geral, em reunião de 18 de Dezembro de 2002, nos termos da alínea i), do artigo 14º, dos Estatutos do Cimasa No quadro da Lei nº 31/86 de 29 de Agosto e do

Leia mais

Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM PORTUGAL

Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM PORTUGAL Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO COM SEDE EM ESTADO-MEMBRO DA UNIÃO EUROPEIA Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DE FINANÇAS COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL

GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DE FINANÇAS COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA SECRETARIA DE ESTADO DE FINANÇAS COORDENADORIA DA RECEITA ESTADUAL RESOLUÇÃO CONJUNTA N. 006/2014/GAB/SEFIN/CRE Porto Velho, 09 de julho de 2014 Publicada no DOE nº 2533,

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS

REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS Artigo 1º Objecto O presente Regulamento estabelece as normas de acesso ao concurso Apoio a Idosos. Artigo 2º Beneficiários Podem candidatar-se a este concurso instituições

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Impermeabilização da laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA

TERMO DE REFERÊNCIA Impermeabilização da laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA TERMO DE REFERÊNCIA laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA BRASILÂNDIA ÍNDICE DO TERMO DE REFERÊNCIA TÉCNICA 1. OBJETIVO GERAL 2. JUSTIFICATIVA 3. DA MODALIDADE DA CONTRATAÇÃO 4. DISPOSIÇÕES

Leia mais

M U N I C Í P I O D E O L I V E I R A D O H O S P I T A L C Â M A R A MUNICIPAL

M U N I C Í P I O D E O L I V E I R A D O H O S P I T A L C Â M A R A MUNICIPAL REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO E ARRENDAMENTO DO PAVILHÃO INDUSTRIAL DA CORDINHA Preâmbulo A criação e disponibilização de infraestruturas para instalação de unidades industriais constitui um importante instrumento

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA

MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA MINUTA DE CONTRATO - PROMESSA DE COMPRA E VENDA Entre: INSTITUTO DA HABITAÇÃO E DA REABILITAÇÃO URBANA, I.P., pessoa coletiva nº 501 460 888, com sede na Avenida Columbano Bordalo Pinheiro, 5, 1099-019

Leia mais

LEI N.º 1209, DE 12 DE SETEMBRO DE 2013

LEI N.º 1209, DE 12 DE SETEMBRO DE 2013 LEI N.º 1209, DE 12 DE SETEMBRO DE 2013 Autoriza o Poder Executivo a firmar convênio com a Casa de Recuperação de Drogados Maanaim, visando ao atendimento de pessoas com dependência de álcool e outras

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO. Procuradoria-Geral da República AVISO

MINISTÉRIO PÚBLICO. Procuradoria-Geral da República AVISO MINISTÉRIO PÚBLICO Procuradoria-Geral da República CONSELHO SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO AVISO Nos termos do artigo 133.º, n.º 2 do Estatuto do Ministério Público (Lei n.º 60/98, de 27 de agosto) e do

Leia mais

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535

FREGUESIA DE QUIAIOS NIPC 510 833 535 PROGRAMA DE HASTA PÚBLICA Para atribuição do direito de ocupação efetiva de natureza precária da loja n.º 4 no Mercado de Quiaios Artigo 1.º Identificação A loja objeto de hasta pública localiza-se no

Leia mais

LICENCIATURA EM BIOLOGIA MARINHA

LICENCIATURA EM BIOLOGIA MARINHA LICENCIATURA EM BIOLOGIA MARINHA REGULAMENTO DO ESTÁGIO CIENTÍFICO Conteúdos e objectivos 1. O estágio da licenciatura em Biologia Marinha funciona como uma disciplina para todos os efeitos académicos

Leia mais

Protocolo de Adesão ao Serviço TCS escience Personal da FCCN PROTOCOLO ENTRE A FUNDAÇÃO PARA A COMPUTAÇÃO CIENTÍFICA

Protocolo de Adesão ao Serviço TCS escience Personal da FCCN PROTOCOLO ENTRE A FUNDAÇÃO PARA A COMPUTAÇÃO CIENTÍFICA PROTOCOLO ENTRE A FUNDAÇÃO PARA A COMPUTAÇÃO CIENTÍFICA NACIONAL E RELATIVO AO TERENA PERSONAL ESCIENCE CERTIFICATE SERVICE NA FCCN Considerando que a Fundação para a Computação Científica Nacional (FCCN)

Leia mais

FISCALIDADE DAS COOPERATIVAS

FISCALIDADE DAS COOPERATIVAS FISCALIDADE DAS COOPERATIVAS naguiar@ipb.pt Lisboa, 04-06-2015 Constituição da República Portuguesa Artigo 85º 1. O Estado estimula e apoia a criação e a actividade de cooperativas. 2. A lei definirá os

Leia mais

Financiamento e Apoio às Micro e Pequenas Empresas

Financiamento e Apoio às Micro e Pequenas Empresas Financiamento e Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Concelho da Nazaré no âmbito do Programa FINICIA PROTOCOLO FINANCEIRO E DE COOPERAÇÃO Considerando que: As Micro e Pequenas Empresas são elemento fundamental

Leia mais

Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS

Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS Artigo 1.º Objeto O presente Regulamento estabelece os procedimentos e documentos necessários à verificação das despesas elegíveis necessárias

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO Entre: - RNAE Associação das Agências de Energia e Ambiente - Rede Nacional, pessoa coletiva n.º 509 206 379, com sede na Rua dos Mourões, n.º 476, sala 23, em São Félix da Marinha,

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas Regulamento Interno da Comissão para a igualdade e Contra a Discriminação Racial (CICDR) (n.º 2 alínea a) do artigo 5º da lei nº 134/99, de 28 de Agosto) Artigo 1º Objecto A Comissão para a Igualdade e

Leia mais

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO Acordo Parcelar Específico n.º 03 Entre O Centro Hospitalar de Lisboa Norte, EPE, E O Hospital de Santo Espírito de Angra do Heroísmo, EPE Junho de 2015 1 Acordo Parcelar Específico

Leia mais

Programa de Procedimento

Programa de Procedimento Programa de Procedimento Hasta Pública Câmara Municipal de Vila Real de Santo António Em cumprimento dos deveres e competências desta Câmara Municipal, vai proceder-se através hasta pública, à alienação

Leia mais

Pagamento das autarquias locais ao Serviço Nacional de Saúde. (artigo 154.º, da Lei 82-B/2014, de 31 de dezembro) QUESTÕES FREQUENTES (FAQ S)

Pagamento das autarquias locais ao Serviço Nacional de Saúde. (artigo 154.º, da Lei 82-B/2014, de 31 de dezembro) QUESTÕES FREQUENTES (FAQ S) Pagamento das autarquias locais ao Serviço Nacional de Saúde (artigo 154.º, da Lei 82-B/2014, de 31 de dezembro) QUESTÕES FREQUENTES (FAQ S) Informações genéricas 1. As empresas locais participadas têm

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA. Lei n.º 53/2011 de 14 de Outubro

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA. Lei n.º 53/2011 de 14 de Outubro ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Lei n.º 53/2011 de 14 de Outubro Procede à segunda alteração ao Código do Trabalho, aprovado em anexo à Lei n.º 7/2009, de 12 de Fevereiro, estabelecendo um novo sistema de compensação

Leia mais

Ministério das Finanças

Ministério das Finanças Ministério das Finanças Lei n.º /06 de de O Orçamento Geral do Estado é o principal instrumento da política económica e financeira que expresso em termos de valores, para um período de tempo definido,

Leia mais

Parcelamento Especial ou Pagamento à Vista da Lei nº 12.996/2014 e MP 651/2014. Refis da Copa (Reabertura do Refis da Crise )

Parcelamento Especial ou Pagamento à Vista da Lei nº 12.996/2014 e MP 651/2014. Refis da Copa (Reabertura do Refis da Crise ) Parcelamento Especial ou Pagamento à Vista da Lei nº 12.996/2014 e MP 651/2014. Refis da Copa (Reabertura do Refis da Crise ) 1 Débitos abrangidos Débitos de qualquer natureza junto à PGFN ou à RFB, vencidos

Leia mais

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA Entre: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- [nome completo], portador do cartão de cidadão

Leia mais

Prazo Máximo - 50 anos (6) Vide (1f) - Multifunções em Simultâneo com CH - Select. Taxa Swap a 5 anos + 4,805% (3) Taxa Swap a 5 anos + 4,818% (3)

Prazo Máximo - 50 anos (6) Vide (1f) - Multifunções em Simultâneo com CH - Select. Taxa Swap a 5 anos + 4,805% (3) Taxa Swap a 5 anos + 4,818% (3) 18.1. Crédito à habitação e contratos conexos Empréstimos a taxa variável - Super Crédito Habitação Taxa Variável Taxa Anual Efectiva (TAE) 4,836% (3) - Super Crédito Habitação Taxa Variável - Select 4,836%

Leia mais

Isenção e redução do pagamento de contribuições Atualizado em: 30-03-2016

Isenção e redução do pagamento de contribuições Atualizado em: 30-03-2016 SEGURANÇA SOCIAL Isenção e redução do pagamento de contribuições Atualizado em: 30-03-2016 Esta informação destina-se a Empresa Isenção do pagamento de contribuições As entidades empregadoras podem beneficiar

Leia mais

CONTRATO DE COMODATO

CONTRATO DE COMODATO CONTRATO DE COMODATO Entre: 1.º OUTORGANTE: INSTITUTO DE GESTÃO E ALIENAÇÃO DO PATRIMÓNIO HABITACIONAL DO ESTADO, Pessoa Colectiva n.º 501 800 441, com sede em Lisboa, na Avenida 5 de Outubro, 153, representada

Leia mais

Antigo Centro de Férias da Praia das Maçãs, em Sintra REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA. Artigo 1.º Objeto

Antigo Centro de Férias da Praia das Maçãs, em Sintra REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA. Artigo 1.º Objeto Antigo Centro de Férias da Praia das Maçãs, em Sintra REGRAS E CONDIÇÕES DE VENDA Artigo 1.º Objeto As presentes condições de venda destinam-se a estabelecer as normas pelas quais a CP - Comboios de Portugal,

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 0011/2012

NOTA TÉCNICA Nº 0011/2012 NOTA TÉCNICA Nº 0011/2012 Brasília, 26 de junho de 2012. ÁREA: TÍTULO: Contabilidade Pública Restos a Pagar Considerando que, de acordo com o art. 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) é vedado ao

Leia mais

ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo

ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo ASSOL Outubro 2013 Caderno de Encargos Ajuste Directo Relativo à aquisição de combustíveis (gasóleo e gasolina sem chumbo 95) para as viaturas da ASSOL pela forma prevista neste Caderno de Encargos. Ajuste

Leia mais

LEI MUNICIPAL N.º 744/05 Novo Tiradentes(RS), 29 de junho 2.005.

LEI MUNICIPAL N.º 744/05 Novo Tiradentes(RS), 29 de junho 2.005. LEI MUNICIPAL N.º 744/05 Novo Tiradentes(RS), 29 de junho 2.005. FICA O PODER EXECUTIVO AUTORIZADO A CONCESSÃO DE USO GRATUITO DE IMÓVEL PÚBLICO À INDÚSTRIA DE CALÇADOS NOVO TIRADENTES LTDA., E DÁ OUTRAS

Leia mais

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSITÊNCIA TÉCNICA ANO CIVIL 2015

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSITÊNCIA TÉCNICA ANO CIVIL 2015 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AVEIRO 160933 Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços Região Centro CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSITÊNCIA TÉCNICA ANO CIVIL 2015 Agrupamento

Leia mais

ANEXO I A REGULAMENTO DE HORÁRIOS DE TRABALHO

ANEXO I A REGULAMENTO DE HORÁRIOS DE TRABALHO ANEXO I A REGULAMENTO DE HORÁRIOS DE TRABALHO Regulamento de horários de trabalho, nos termos e para os efeitos do disposto nas cláusulas 16ª e seguintes do Acordo de Empresa entre a Rádio e Televisão

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DO TRAIRI

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DO TRAIRI Normas internas para empréstimo de equipamentos e materiais da Clínica Escola de Fisioterapia da FACISA I. Condições gerais Art.1. A Clínica Escola de Fisioterapia poderá ceder, por empréstimo, equipamentos

Leia mais

3/2014 Lei n.º 3/2014 Regime do Cartão de Segurança Ocupacional na Construção Civil

3/2014 Lei n.º 3/2014 Regime do Cartão de Segurança Ocupacional na Construção Civil 3/2014 Lei n.º 3/2014 Regime do Cartão de Segurança Ocupacional na Construção Civil Assembleia Legislativa da Região Administrativa Especial de Macau REGIÃO ADMINISTRATIVA ESPECIAL DE MACAU Lei n.º 3/2014

Leia mais

Linha de Crédito PME Investe V

Linha de Crédito PME Investe V Linha de Crédito PME Investe V I - Condições gerais da Linha de Crédito PME Investe V 1. Montante das Linhas Linhas Específicas Montante Micro e Pequenas Empresas 250 milhões Geral 500 milhões Total Linha

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDA

INSTRUMENTO PARTICULAR DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDA INSTRUMENTO PARTICULAR DE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDA Por este instrumento particular de confissão de dívida e RENEGOCIAÇÃO, as partes abaixo qualificadas têm, entre si, justas e contratadas, a negociação da(s)

Leia mais

CARTILHA SOBRE NOÇÕES BÁSICAS DA EXECUÇÃO DA DESPESA PÚBLICA

CARTILHA SOBRE NOÇÕES BÁSICAS DA EXECUÇÃO DA DESPESA PÚBLICA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE UNICENTRO PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS - PROAF DIRETORIA DE CONTABILIDADE E FINANÇAS DIRFIN CARTILHA SOBRE NOÇÕES BÁSICAS DA EXECUÇÃO DA DESPESA PÚBLICA

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MANUTENÇÃO DO ELEVADOR DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MANUTENÇÃO DO ELEVADOR DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO CÂMARA MUNICIPAL DELIBERAÇÃO TOMADA EM REUNIÃO ORDINÁRIA DE 20 DE JUNHO DE 2016 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MANUTENÇÃO DO ELEVADOR DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO LOW COST A FÁBRICA PROPOSTA DE RENOVAÇÃO

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO E TABELA DE TAXAS

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO E TABELA DE TAXAS PROPOSTA DE ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO E TABELA DE TAXAS ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO DA TABELA DE TAXAS ( ) Anexo a que diz respeito o nº 1 do artigo 4.º ( ) Mapa VII - Calculo das Taxas ( ) TRIU: 3,22 Quadro

Leia mais

RECEITAS DOS MUNICÍPIOS. Participação no IRS Derrama IMI IMT

RECEITAS DOS MUNICÍPIOS. Participação no IRS Derrama IMI IMT RECEITAS DOS MUNICÍPIOS Participação no IRS Derrama IMI IMT 1. Introdução De acordo com a Lei n.º 73/2013, de 3 de Setembro (Lei das Finanças Locais), em vigor a partir de 1 de Janeiro de 2014, constituem

Leia mais

Fornecimento de Refeições Escolares às crianças do Pré Escolar. Normas de Utilização do Serviço

Fornecimento de Refeições Escolares às crianças do Pré Escolar. Normas de Utilização do Serviço Fornecimento de Refeições Escolares às crianças do Pré Escolar Normas de Utilização do Serviço Considerando a necessidade de adaptar os tempos de permanência das crianças nos estabelecimentos de ensino

Leia mais

Artigo 1º [Concurso O seu Banco num smartphone O seu Banco num smartphone Artigo 2º [Destinatários do Concurso]

Artigo 1º [Concurso O seu Banco num smartphone O seu Banco num smartphone Artigo 2º [Destinatários do Concurso] Artigo 1º [Concurso O seu Banco num smartphone ] a) O requerente pretende levar a efeito um concurso publicitário por sorteio com a denominação O seu Banco num smartphone. b) O concurso tem por objectivo

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MAUÁ DA SERRA AVENIDA PONTA GROSSA, 480, CEP 86828-000, MAUÁ DA SERRA PR FONE (43) 3464-1265

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MAUÁ DA SERRA AVENIDA PONTA GROSSA, 480, CEP 86828-000, MAUÁ DA SERRA PR FONE (43) 3464-1265 ERRATA DE EDITAL A PREGOEIRA COMUNICA, PARA CONHECIMENTO DAS EMPRESAS INTERESSADAS, A ERRATA NO EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL 002/2013, CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE ASSESSORIA E CONSULTORIA TÉCNICA, INCLUINDO

Leia mais

GUIA PRÁTICO ENTIDADES CONTRATANTES INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO ENTIDADES CONTRATANTES INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO ENTIDADES CONTRATANTES INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P TÍTULO Guia Prático Entidades Contratantes (2034 v1.05) PROPRIEDADE Instituto da Segurança Social, I.P. AUTOR Departamento de Prestações

Leia mais

Outras Alterações ao Código do Trabalho

Outras Alterações ao Código do Trabalho Outras Alterações ao Código do Trabalho CLÁUDIA DO CARMO SANTOS de de 2012 ÍNDICE CONTRATO DE TRABALHO DE MUITO CURTA DURAÇÃO COMISSÃO DE SERVIÇO TRABALHO SUPLEMENTAR OBRIGAÇÕES DE COMUNICAÇÃO À ACT RENOVAÇÃO

Leia mais

PPR Taxa Garantida 2% + O PPR Taxa Garantida 2%+ é um plano de poupança que assegura:

PPR Taxa Garantida 2% + O PPR Taxa Garantida 2%+ é um plano de poupança que assegura: Característi cas PPR Taxa Garantida 2% + O PPR Taxa Garantida 2%+ é um plano de poupança que assegura: Capital e rendimento mínimo garantido a uma taxa mínima garantida de 2% em cada ano durante o prazo

Leia mais

Decreto n 3.391/2.013

Decreto n 3.391/2.013 Decreto n 3.391/2.013 Dispõe sobre a cobrança e parcelamento de créditos tributários e não-tributários pela Procuradoria Jurídica do Município de Ouro Preto. O Prefeito de Ouro Preto, no exercício de seu

Leia mais

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DAS HABITAÇÕES MUNICIPAIS DE RENDA CONDICIONADA

REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DAS HABITAÇÕES MUNICIPAIS DE RENDA CONDICIONADA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DAS HABITAÇÕES MUNICIPAIS DE RENDA CONDICIONADA Nota Justificativa O combate às condições degradantes de habitação é, entre outros, um passo essencial na luta contra a pobreza

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 EXTRATO DO CONTRATO N 129 /2013

PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 EXTRATO DO CONTRATO N 129 /2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 EXTRATO DO CONTRATO N 129 /2013 CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CAETITÉ - BAHIA, ente de Direito Público Interno, inscrito no CNPJ sob o n.º 13.811.476/0001-54, com sede à Praça

Leia mais

Estágios da Despesa Pública

Estágios da Despesa Pública Professor Luiz Antonio de Carvalho Estágios da Despesa Pública lac.consultoria@gmail.com CONCEITO: A despesa pública consiste na realização de gastos, isto é, na aplicação de recursos financeiros de forma

Leia mais

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem

Ficha de Informação Normalizada para Depósitos Depósitos à ordem Designação Condições de Acesso Conta SuperJovem Clientes Particulares. O primeiro Titular tem de ter entre os 18 e os 30 anos (inclusive). Modalidade Meios de Movimentação Moeda Depósito à Ordem. Esta

Leia mais

NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08

NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08 NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08 AM/01 FEVEREIRO/2009 TRAMITAÇÃO DOS PROCESSOS DE PROPOSTA DE DEFINIÇÃO DE ÂMBITO DO EIA ÍNDICE: 1. APRESENTAÇÃO 2. LEGISLAÇÃO DE ENQUADRAMENTO 3. TRAMITAÇÃO DOS PROCESSOS

Leia mais

Registo de propriedade Imobiliária Jornadas: Construindo consensos em torno do Cadastro Predial Nacional

Registo de propriedade Imobiliária Jornadas: Construindo consensos em torno do Cadastro Predial Nacional Registo de propriedade Imobiliária Jornadas: Construindo consensos em torno do Cadastro Predial Nacional Noção e Finalidade do Registo O Registo Predial é o instituto jurídico ou público que visa dar publicidade

Leia mais

Prefeitura Municipal de Santo Antônio do Jardim. Estado de São Paulo

Prefeitura Municipal de Santo Antônio do Jardim. Estado de São Paulo TERMO DE CONVÊNIO CONVÊNIO Nº 00/2015. CONVÊNIO QUE ENTRE SI CELEBRAM O, E A PREFEITURA MUNICIPIO DE SANTO ANTONIO DO JARDIM - SP. Pelo presente instrumento, de um lado, a Prefeitura Municipal de Santo

Leia mais

REGIÕES AUTÓNOMAS 01 N.º DE IDENTIFICAÇÃO FISCAL (NIF) 02 PERÍODO REGIÕES AUTÓNOMAS REPARTIÇÃO DO VOLUME ANUAL DE NEGÓCIOS

REGIÕES AUTÓNOMAS 01 N.º DE IDENTIFICAÇÃO FISCAL (NIF) 02 PERÍODO REGIÕES AUTÓNOMAS REPARTIÇÃO DO VOLUME ANUAL DE NEGÓCIOS MODELO EM VIGOR A PARTIR DE JANEIRO DE 2015 03 R P MINISTÉRIO DAS FINANÇAS AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA DECLARAÇÃO D E RENDIMENTOS Volume global de negócios não isento REGIÕES AUTÓNOMAS 01 Nº DE IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 109/2015, Série I, de 05/06, Páginas 3630-3632. MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. Portaria n.

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 109/2015, Série I, de 05/06, Páginas 3630-3632. MINISTÉRIO DAS FINANÇAS. Portaria n. MOD. 4.3 Classificação: 0 6 0. 0 1. 0 1 Segurança: P úbl i c a Processo: Direção de Serviços de Comunicação e Apoio ao Contribuinte Legislação Diploma Portaria n.º 172/2015 Estado: vigente Resumo: Define

Leia mais

REGULAMENTO DAS BOLSAS DE ESTUDO PARA PÓS-GRADUAÇÃO E ESPECIALIZAÇÃO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA E DE TIMOR LESTE

REGULAMENTO DAS BOLSAS DE ESTUDO PARA PÓS-GRADUAÇÃO E ESPECIALIZAÇÃO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA E DE TIMOR LESTE REGULAMENTO DAS BOLSAS DE ESTUDO PARA PÓS-GRADUAÇÃO E ESPECIALIZAÇÃO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA E DE TIMOR LESTE CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artº. 1º. 1. Com o fim principal

Leia mais

Taxa de comissão de permanência

Taxa de comissão de permanência Taxa de comissão de permanência Contribuição de Dr. Rodrigo Vieira 03 de setembro de 2008 Última Atualização 30 de outubro de 2008 Taxa de comissão de permanência Diante dos vários encargos financeiros,

Leia mais

Município de Bragança Câmara Municipal

Município de Bragança Câmara Municipal Publique-se no Diário da República O Presidente da Câmara DIVISÃO DE OBRAS ANÚNCIO DE CONCURSO PÚBLICO 1- IDENTIFICAÇÃO E CONTACTOS DA ENTIDADE ADJUDICANTE Designação da entidade adjudicante: Município

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Readequação de espaços divisórias em drywall FÁBRICAS DE CULTURA

TERMO DE REFERÊNCIA Readequação de espaços divisórias em drywall FÁBRICAS DE CULTURA TERMO DE REFERÊNCIA Readequação de espaços divisórias em drywall FÁBRICAS DE CULTURA JAÇANÃ ÍNDICE DO TERMO DE REFERÊNCIA TÉCNICA 1. OBJETIVO GERAL 2. JUSTIFICATIVA 3. DA MODALIDADE DA CONTRATAÇÃO 4. DISPOSIÇÕES

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS PARA EXPLORAÇÃO DE CENTRO DE CÓPIAS

CADERNO DE ENCARGOS PARA EXPLORAÇÃO DE CENTRO DE CÓPIAS Tel/Fax: 21 743 46 24 CADERNO DE ENCARGOS PARA OBJECTO DA CESSÃO: Exploração do Centro de Cópias na Faculdade de Direito de Lisboa, cedido à Associação Académica da Faculdade de Direito de Lisboa (AAFDL)

Leia mais