ACII e entidades parceiras se manifestaram contra o reajuste tarifário da Energia Elétrica

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ACII e entidades parceiras se manifestaram contra o reajuste tarifário da Energia Elétrica"

Transcrição

1 Núcleo Jovem Empreendedor promoverá mais uma edição do Feirão do Imposto AGOSTO DE 2014 Nº154 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA ACII e entidades parceiras se manifestaram contra o reajuste tarifário da Energia Elétrica João Souza Fotos

2 DIRETORIA ACII Eclésio da Silva Presidente MULTILOG Maria de Fátima Santos Silva Vice-Presidente Riopesca Carlos Roberto Carvalho de Holleben Vice-Presidente Assuntos da Indústria Petrobras Samuel de Miranda Heusi Vice-Presidente Assunto do Comércio e Turismo TripService Otílio Emílio (Lola) Dalçoquio Vice-Presidente Assuntos de Prestação de Serviços Dalquim Jucélia Ferreira Vice-Presidente Assuntos da Pesca Femepe Captura de Pescados Marcelo de Almeida Heusi Vice-Presidente Assuntos do Porto e Comércio Exterior Heusi Comissária de Despachos Valter Néis Vice-Presidente Assuntos de Micro e Pequenas Empresas Dinâmica RH Maria Izabel Pinheiro Sandri Vice-Presidente Assuntos de Segurança, Meio Ambiente e Responsabilidade Social Credifoz Mércio Jacobsen Vice-Presidente Assuntos de Órgãos de Cooperação Univali - Unijunior/Univali Gaspar Laus Vice-Presidente Assuntos Legais e Governamentais Laus Holtz Advogados Associados Luiz Alves Mendes Secretário Geral Mendes & Sibara José Humberto Côrtes 1º Secretário Brasfrigo João Carlos dos Santos Tesoureiro Geral Ativa-Invest Assessoria Jair Bondicz 1º Tesoureiro HMMKB Conselho Fiscal Antônio Ayres dos Santos Júnior Conselheiro Porto Itajaí Reinaldo José Wanderhec Conselheiro Agência Mundial Turismo Marisa Heusser Conselheiro Ótica Soberana Marco Aurélio Seára Júnior Conselheiro Viação Praiana Dario Vitali Conselheiro Vitalmar Jeane de Amorim Busana Bianchi Conselheiro Ohmni Arquitetura Conselho Deliberativo Adriano Lima Conselheiro Grupo RBS Alceu Luiz Rauber Conselheiro Max Imobiliária Alexandre Gomes da Rocha Conselheiro RicTV Record Antônio Carlos Konder Reis Conselheiro Advogado Augusto Emílio Dalçoquio Conselheiro Orsi Logística Bonaldo de Oliveira Conselheiro Bona Presentes Cadmus Córdova Costa Conselheiro Incregel Cleonir José da Rosa Conselheiro Auditar Fabrício Gomes Philippi Conselheiro Rogério Philippi Geferson Luiz dos Santos Conselheiro SENAI Giovani Genázio Monteiro Conselheiro SINDIPI Guido Renato Miranda Conselheiro Bob s Hamilton Luiz Sedrez Conselheiro Itajaí Vistorias Jackson Jacob Duarte de Medeiros Conselheiro OAB Itajaí José Carlos Francelino Conselheiro Fundação Cultural e Educacional de Itajaí Júlio Alves de Sá Conselheiro Sá Auditores Independentes Laerson Batista da Costa Conselheiro SENAC Luiz Carlos Gonçalves Conselheiro SINDICONT Manoel Coelho Conselheiro Irmãos Coelho Marco Antônio Harms Dias Conselheiro FUNPEX Marcus Gernot Robeck Conselheiro Asseconsult Mário Cesar dos Santos Conselheiro UNIVALI Maurício Cesar Pereira Conselheiro Intersindical Patronal Mercedes Regina Fornari Uberti Conselheiro SESC Odemar Müller Conselheiro D. Müller Orlando Ferreira Conselheiro FEMEPE Participações Osman Freire Rebello Conselheiro Lumen Ricardo Izidoro Koch Conselheiro Koch Advogado Rosane W. RothBarth Conselheiro Itajaí Tabelionato de Notas Sérgio Ribeiro Werner Conselheiro Promenac Silvio Braz Gugelmin Conselheiro Tarumá Tânia Sueli Rizzi Conselheiro Coletivo Itajaí Telmo Sandro Poli Conselheiro ADAC Vera Lúcia Lima Mendonça Conselheiro W. Mendonça Conselheiros Natos Frederico Olindio de Souza Conselheiro Nato Horácio de Figueiredo Conselheiro Nato Mario César Sandri Conselheiro Nato Noemi dos Santos Cruz Conselheiro Nato Odemari Miranda Ferrari Conselheiro Nato Núcleos Setoriais Almir Gustavo Oliveira Coord. Corretores e Imobiliárias Peg Invest Wagner Souza Rodrigues Coord. Jovem Empreendedor Wagner Souza Rodrigues João Olindo dos Santos Coord. Tecnologia e Informação Pensador Informática Cristielle Pereira Coord. Responsabilidade Socioambiental - Mirian Terres dos Santos Coord. Mulher Empresária UNIVALI 2 REVISTA ACII AGOSTO DE 2014

3 EDITORIAL Estamos às vésperas de mais uma eleição para os poderes executivos estaduais e federais, bem como, para os legislativos estaduais e federais. No caso do Legislativo, é esta uma rara oportunidade para outorgarmos procuração, e de forma correta, a quem vai nos representar, e/ou defender os nossos direitos junto aos governos, e nos casos do Executivo, o de dar poder a quem vai dirigir o nosso estado e a nação de forma desinteressada, mas voltada para os interesses da nação e do estado. O Brasil é um país privilegiado, detentor de recursos naturais inigualáveis, onde cerca de 13% de toda a água potável do globo está concentrada em nossos lençóis freáticos. O uso desses recursos, de maneira correta e sustentável, dependem de boa gestão dos governos, pois além de servir a população na sua vivência diária de alimentos e higiene, essa água é fonte alimentadora de barragens para a geração de energia elétrica que impulsiona toda a economia. Embora se tenha toda essa facilidade de geração de energia através das hidrelétricas, a nossa energia está entre as mais caras do mundo, e um dos fatores é a elevada carga tributária incidente nas faturas de energia elétrica, tanto residencial quanto industrial. Se já não bastasse essa pesada carga tributária, sendo 33% do icms, tivemos recentemente um reajuste nas tarifas de cerca de 23%, o que inibe, de certa forma, o crescimento econômico das indústrias e no bolso dos contribuintes residenciais. Não há dúvidas que o país passa por uma escassez de chuvas em regiões estratégicas de geração de energia elétrica via recursos hídricos, mas não se justifica um reajuste tão elevado, num período de economia estagnada. As entidades de classe, e a ACII está inclusa, tem se manifestado contrárias ao posicionamento das empresas fornecedoras de energia elétrica, sendo firmes no seu descontentamento do gerenciamento por parte da Agência Reguladora de Energia ANEEL. Vimos e acompanhamos a manifestação da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina FIESC e Federação das Asssociações Empresariais de SC - FACISC. Esperamos que o novo governo, que tomará posse no início do próximo ano, venha conduzir de maneira mais ordenada, esse importante ítem da cadeia produtiva, fazendo com que seja amenizada a influência nos custos de produção bem como nos lares de todos nos brasileiros. Eclésio da Silva Presidente Studio Susi Bellini REVISTA ACII AGOSTO DE

4 ENTREVISTA - Ildemar Cassias Pereira Diretor de Desenvolvimento Institucional do CRA-SC Administrador de excelência não deve parar nunca Os desafios do administrador, sua atualização e os benefícios da abertura da Seccional da Macrorregião da Foz do Itajaí do Conselho Regional de Administração (CRA) são alguns dos assuntos que você poderá conferir na entrevista com o diretor de Desenvolvimento Institucional do CRA- -SC, Ildemar Cassias Pereira. O diretor é pós-graduado em Administração Pública (UDESC/ESAG), Mediação e Arbitragem de Conflitos (UFSC) e com MBAs em Gestão Estratégica de Pessoas e Gestão Estratégica de Negócios (FURB). Foi secretário adjunto de Assistência Social de Florianópolis, presidente da Junta Comercial do Estado - JUCESC e presidente da Cia. de Desenvolvimento do Estado - CODESC. Iniciou suas atividades profissionais na Volkswagen do Brasil e Xerox do Brasil, na área de vendas corporativas. Presidiu a ACI de Mafra e foi vice-presidente da FACISC. Atua como gestor e consultor de Organizações do Terceiro Setor e Governamentais. Professor de MBA e Executivo Voluntário em ONGs. Associação Empresarial de Itajaí (ACII) - Quais são os maiores desafios do Administrador em viabilizar excelência na administração de pessoas? Ildemar Cassias Pereira - A matéria prima básica de todo Administrador são as pessoas. Compreender isso já é o primeiro passo para viabilizar a excelência na gestão de pessoas. Compreender que o ser humano é único é indispensável para a condução de qualquer processo de gestão e a comunicação é a primeira ferramenta a ser utilizada. Nesse processo, cada pessoa tem seus próprios conhecimentos, conceitos, virtudes, fraquezas, etc. Os referenciais de vida e experiências são diferentes. O Administrador de excelência não deve parar nunca de conhecer e entender estas dinâmicas, tanto pessoais como sociais. O meio onde vive o indivíduo influi substancialmente no que ele vai ser ou repre- 4 REVISTA ACII AGOSTO DE 2014 A matéria prima básica de todo Administrador são as pessoas ACII - O que o senhor destaca como principal ponto do encontro promovido pelo CRA em Itajaí? ICP - Todos os momentos dos encontros regionais são importantes em diversos aspectos. Servem para levantar questões atinentes aos Administradores e às questões que envolvam seus interesses. Os encontros estão inovando por reunir um mesmo ponto, tanto os Administradores, como empresários, acadêmicos de Administração e suas Instituições de Ensino, com o objetivo de convergir os interesses comuns e buscar a excelência em todas as esferas. Consideramos que a apresentação do case local é um destafotos: Divulgação CRA/SC sentar na sociedade. A sensibilidade do Administrador em perceber o potencial e as peculiaridades de cada um dos seus colaboradores permitirá que se consiga de cada um o melhor que pode oferecer, em qualquer segmento de atuação. Dedicação e atenção constante no melhor componente organizacional, as pessoas, é a recomendação mais segura para viabilizar a excelência na Administração de Pessoas. ACII - A velocidade das mudanças e a quantidade das variáveis em uma empresa fazem com que o administrador volte sua atenção basicamente para quais setores? ICP - Para um Administrador, todo e qualquer tempo é tempo de mudança. Somos forjados desde os bancos da faculdade para sermos generalistas, atentos às transformações em nossa volta. As várias teorias que estudamos, dos Sistemas, do Caos, das Contingências, a Cibernética Organizacional, entre outros estudos, fazem de nós Administradores, gestores de excelência. O ambiente de trabalho de um Administrador é cheio de desafios e seu olhar deve estar atento para enxergar qual é a solução mais adequada para cada caso. Atualmente, a atenção dos Administradores está voltada para as áreas de Gestão do Conhecimento, Tecnologia e Recursos Humanos, sem descuidar-se de qualquer outra área da Administração. ACII - Recentemente um encontro tratou O papel dos Administradores na profissionalização das organizações. Quais seriam as atribuições básicas deste administrador? ICP - Tradicionalmente, todo o Administrador sabe que suas funções básicas, segundo Fayol, são: Prever/Planejar, Organizar, Coordenar, Comandar e Controlar, conhecidas pela fórmula POC³. Sabe também que, para conhecê-las e dominá- -las, terá de estudar mais de 3600 horas, além fazer estudos de caso, trabalhos e provas que irão testar seus conhecimentos. Torna-se claro que qualquer que seja a organização ou ramo de atividade deverá estar voltado para o sucesso e profissionalização dos seus negócios, e contar necessariamente em seus quadros com Administradores formados e registrados nos Conselhos Profissionais. Assim, a sociedade poderá se sentir segura, sabendo que há um profissional devidamente preparado para se responsabilizar pelos atos e consequências de sua gestão.

5 que nos encontros, pois valorizamos e reconhecemos as iniciativas locais de sucesso e estimulamos para que outros também criem o seu. Em Itajaí, contamos com o case da Steigleder Têxtil Indústria e Comércio, com seus mais de 50 anos de história, apresentado pelo Adm. Erwin T. Steigleder, professor e empresário local. ACII - Qual a importância do Administrador moderno em atuar como maestro dos interesses e dos interessados de uma organização? ICP - Um resultado que atenda aos dois vai além deles mesmos. Os Stakeholders são as outras partes que também deverão ser consideradas e atendidas. Um exemplo: se implantarmos uma empresa ou prédio público no seio de uma comunidade, sem saber dela qual será o impacto e as consequências que serão gerados naquele cotidiano, pode-se estar promovendo um caos, tanto para quem se instala, como para quem é afetado por essa instalação. Os conflitos e demandas que podem surgir a partir de uma ação mal planejada poderão inviabilizar o projeto. Este é um exemplo de proporções mais relevantes, mas pode ser convertido em exemplos mais simples. As ações que antecedem a todos esses acontecimentos são atribuições dos Administradores. Desempenhar o papel de maestro, para atender às expectativas de todos os interessados, é dever do Administrador, que estudou para isto e sabe como utilizar todas as ferramentas de gestão para atingir seus objetivos. Desempenhar o papel de maestro, para atender às expectativas de todos os interessados, é dever do Administrador... política institucional do CRA-SC está focada na aproximação da entidade com a iniciativa privada e setores representativos da sociedade, e fomos brindados com essa demonstração de reconhecimento e acolhida pela ACII. Tal aproximação não poderia ser mais providencial e a presença do Conselho na Foz do Itajaí já está surtindo resultados. Atualmente, os Administradores registrados podem se dirigir diretamente à representação local e tratar dos seus interesses enquanto profissionais. O deslocamento à Capital catarinense para efetuar registros, declarações, certidões e outros atos não é mais necessário. Além disso, as ações de fiscalização profissional, que têm caráter preventivo, ganham uma base operacional. A instalação da Seccional da Macrorregião da Foz do Itajaí possibilita também a presença constante do CRA-SC junto aos Administradores, IES, Acadêmicos de Administração. Constitui-se também em um fórum permanente de debate e de busca pelas melhores soluções de gestão e o aprimoramento das suas ferramentas. ACII - Qual a mensagem que o senhor passa para os estudantes de administração? ICP - Honra-nos dizer aos acadêmicos de Administração que escolheram a profissão mais querida do Brasil. Uma pesquisa nacional promovida pelo Conselho Federal de Administração (CFA), em 2011, indicou que a Administração era o 2º curso que todos desejavam fazer. Não é a toa que há mais de 1,3 milhão de estudantes de Administração no Brasil, 2,6 mil cursos e 114 mil bacharéis ao ano. Temos 18 áreas privativas de Administrador e 96 funções. O mercado de trabalho oferece cada vez mais vagas para os bons profissionais. As oportunidades são melhores para os profissionais que aprimoram suas performances e ganham destaque aqueles que têm objetivo bem definido, confiança em si mesmo, senso de economia, iniciativa e liderança, usam a imaginação, têm entusiasmo e autocontrole. ACII - Em novembro passado foi inaugurada em Itajaí, a Seccional da Macrorregião da Foz do Itajaí, com sede na ACII. Quais os principais benefícios para os administradores? ICP - A inauguração da Seccional é um compromisso antigo do CRA-SC com Itajaí. Trata-se de um momento em que a REVISTA ACII AGOSTO DE

6 A PORTONAVE ESTÁ EM UMA LOCALIZAÇÃO PRIVILEGIADA: EM PRIMEIRO LUGAR NA MOVIMENTAÇÃO DE CONTÊINERES EM SANTA CATARINA. MAIS QUE UM PORTO, UM POLO LOGÍSTICO COMPLETO. A Portonave é o porto responsável pela movimentação de 45% das cargas conteinerizadas de Santa Catarina e está preparada para aumentar cada vez mais esse número. Com investimentos em infraestrutura e equipamentos, está inserida em um complexo portuário consolidado e com serviços integrados. Venha crescer com a Portonave.

7 fotos: João Souza Fotos Eventos e sensibilização para o voluntariado movimentam alunos do Instituto Crescer O envolvimento em eventos e em atividades de voluntariado, como proposta pedagógica prática do Instituto Crescer Movimento Cidadania e Juventude, sempre agregou valor às atividades rotineiras dos alunos e profissionais envolvidos. Motivados por um conteúdo trabalhado em sala de aula e que foca no altruísmo, na solidariedade, nos conceitos de voluntariado, seus direitos, deveres e no envolvimento humanitário em causas sociais, os alunos uma vez sensibilizados, vão a campo e desempenham com absoluta convicção, entusiasmo e espírito solidário. São atividades que colaboram, sobremaneira, para a concretização dos objetivos das diversas entidades filantrópicas de Itajaí que recebem, sempre com muita gratidão, o empenho dos jovens do Crescer. Para o Instituto tal prática busca despertar este espírito solidário nos seus jovens para que hoje, e na condição de adultos que serão eles continuem a multiplicação de tal prática, cada um desempenhando o seu papel de acordo com cada habilidade e disponibilidade para a construção de um mundo melhor. Já o envolvimento em eventos como congressos, simpósios, fóruns e seminários tem diversos propósitos. Desenvolvendo atividades práticas relacionadas ao receptivo, credenciamento, apoio logístico e de cerimonial, os alunos do Crescer, sempre criteriosamente uniformizados, elevam a autoestima, aprendem muito e são percebidos pelos diversos públicos dos eventos onde atuam. A ACII acredita no Instituto Crescer e no potencial de seus jovens, junto com sua rede de parcerias, entende a entidade como uma prática para um futuro mais promissor, digno, justo e cidadão. ( Texto: Evandro Pasa ) Sempre uniformizados, a autoestima elevada, aprendizado e a percepção dos diversos públicos dos eventos onde atuam os alunos do Crescer Voluntariado: foco no altruísmo e na solidariedade Sem título-1 1 REVISTA ACII AGOSTO 25/03/2014 DE :04:13 7

8

9 ACII participa do Encontro Regional de Administração A Reunião Plenária da Associação Empresarial de Itajaí (ACII) do dia 18 de agosto esteve inserida no Encontro Regional de Administração Seccional Foz do Itajaí, cujo tema foi Administrador: Gente Que Faz, promovido pelo CRA-SC na Câmara de Vereadores de Itajaí. Com a participação de administradores, representantes de instituições de ensino superior e associados da entidade. O encontro contou com uma ampla programação com case de sucesso e palestra. A abertura dos trabalhos ficou sob a responsabilidade do presidente da ACII, Eclésio da Silva que fez algumas pontuações da entidade e em seguida destacou a importância do encontro. O presidente do CRA-SC, Antonio Carlos de Souza foi o primeiro a se apresentar falando do histórico do CRA, a atuação da entidade no contexto da Administração. Também traçou um paralelo dos tempos modernos e dos registros universais. Em seguida a história de 57 anos da Steigleder Têxtil Ind. & Com. Ltda. e sua referência no mercado nacional foi o Case de Sucesso apresentado pelo administrador e diretor da empresa, Erwin Telmo Steigleder. Ele falou e apresentou dados de como as funções administrativas ajudaram a organização a superar os desafios em sua Evento contou com a participação de administradores, representantes de instituições de ensino superior e associados da entidade trajetória e o papel do Administrador neste processo, que tornou a empresa referência no segmento da indústria têxtil. Também destacou os pontos positivos e as fragilidades de uma empresa genuinamente familiar. Para encerrar a programação o evento contou com a palestra Pessoas incríveis como se transformar em um Administrador de referência, com o diretor da ADMS.A e diretor de Marketing da ADVB/SC, Adonai Zanoni. A palestra em quase sua totalidade envolveu o público e contou com muitos momentos de sensibilização e emoção. Divulgação ACII Balanço das Obras em Itajaí foi apresentado em Plenária Um balanço sobre as obras públicas no município foi o assunto em pauta na Reunião Plenária da Associação Empresarial de Itajaí do dia 11 de agosto. Em um encontro presidido pela vice-presidente da entidade, Maria de Fátima Santos Silva e com uma boa participação de diretores e associados, o secretário Municipal de Obras de Itajaí, Tarcízio Zanelato, falou e expôs através de vídeo e fotos as principais obras que vem sendo executadas e que estão em fase de projetos em Itajaí. Entre os trabalhos em andamento destacados estiveram a implantação da galeria nas ruas Joinville e Sete de Setembro, a adequação de passeios e ciclovia na Avenida Abraão João Francisco (Contorno Sul) e a revitalização, instalação de canteiros, passeios e ciclovia na Avenida Reinaldo Schmithausen. O secretário comentou que há vários questionamentos da comunidade se a Avenida Reinado Schmithausen ficará maior ou se ganhará mais pistas, Secretário de Obras de Itajaí, Tarcízio Zanelato, falou e expôs através de vídeo e fotos as principais obras porém explicou que naquela via será trabalhado basicamente a questão de segurança no trânsito. Zanelato também solicitou aos empresários e a comunidade em geral que haja entendimento, porque é sabido que as obras causam muitos transtornos, no entanto, não há como fazê-las sem que o trânsito seja atingido. Estamos tendo muitas reclamações principalmente das Ruas Joinville e Sete de Setembro devido ao elevado fluxo de veículos, porém pedimos que entendam que é um transtorno passageiro, frisou. Durante a reunião vários assuntos foram questionados e solicitações feitas, entre elas, que a administração municipal invista também em educação no trânsito e que haja planejamento para que após as obras concluídas não se tenham que mexer novamente nas ruas para que passem, por exemplo, o sistema de esgoto. REVISTA ACII AGOSTO DE

10 Motoristas insatisfeitos com multas devem recorrer de notificações de trânsito Motoristas que se sentirem lesados com a emissão de multas de trânsito aplicadas através do sistema de monitoramento eletrônico (radar), em semáforos que não possuam temporizador em Itajaí, deverão recorrer à JARI Junta Administrativa de Recursos de Infrações, para questionar a penalidade. Na reunião na sede da ACII foi definida a formação de uma comissão para discutir o assunto e incluiu a decisão foi anunciada no dia 08 de agosto pelo Prefeito Jandir Bellini, durante reunião do Grupo de Trabalho Permanente de Debates de Ações de Governo, que discute a validade ou não de uma Lei Municipal que disciplina a instalação de radares nos semáforos itajaienses. As multas de trânsito por ultrapassagem do sinal vermelho tornaram-se polêmicas em Itajaí após argüição da Lei Municipal 5159/2008, promulgada pela Câmara de Vereadores (sem a sanção do Poder Executivo), determinando a proibição da instalação de sistema eletrônico de Monitoramento em semáforos que não possuam sistema temporizado de mudança de sinal. Há um entendimento generalizado de que a lei é inconstitucional, pois tal assunto já é disciplinado pelo Código Brasileiro de Trânsito. Ainda assim, a lei existe e deve ser respeitada, explicou o presidente da OAB Subseção de Itajaí, João Paulo Tavares Bastos Gama. Diante do impasse, o Prefeito Jandir Bellini convocou o Grupo de Trabalho, que reúne as principais entidades representativas da sociedade para debater o tema. Como o tema dividiu as opiniões, o prefeito buscou orientação junto a advogados particulares e aconselhamento junto ao Tribunal de Contas do Estado. A orientação foi de que, caso eu determinasse a anulação das multas emitidas com base na lei municipal, provavelmente responderia por conta da anulação de receitas devidas ao Detran, explicou o prefeito. Durante a reunião do Grupo de Trabalho, Bellini esclareceu que a própria legislação prevê ao cidadão o direito de questionar a aplicação de penalidades, que podem ser Avanços Os debates do Grupo de Trabalho resultaram em decisões benéficas para o disciplinamento do trânsito do município. Entre eles, a padronização para quatro segundos do tempo de duração do sinal amarelo e a melhor identificação dos pontos monitorados. Também foi decidido pelo aumento de 50 para 60 Km/h o limite de velocidade em vias arteriais do município (As avenidas Adolfo Konder, Reinaldo feitas através da JARI ou mesmo judicialmente. Se a própria lei oferece caminhos para que o cidadão possa defender seu ponto de vista, não cabe ao Executivo manifestar-se sobre este assunto, ponderou o Prefeito. (Texto: Secom PMI) Schmithausen, Abrahão João Francisco e Osvaldo Reis) exceto nos pontos onde há semáforo ou lombada eletrônica, locais em que a velocidade máxima permanece em 50 Km/h. Ficou também decidido a realização de uma ampla campanha de conscientização e respeito às normas de trânsito para chamar a atenção do motorista itajaiense. Estas regras têm prazo de 30 dias para começarem a vigorar. O tempo é necessário para que haja a adequação da sinalização nas vias. João Souza Fotos REVISTA ACII AGOSTO DE

11 Entidades se unem e elaboram Manifesto contra o reajuste tarifário da energia elétrica A Associação Empresarial de Itajaí, ao lado da Associação de Distribuidores e Atacadistas Catarinenses (ADAC), Câmara de Dirigentes Lojistas de Itajaí (CDL), Intersindical Patronal, OAB Subseção de Itajaí e o Sindicado das Indústrias da Pesca de Itajaí e Região (SINDIPI) mais uma vez deram as mãos para lutar uma decisão recentemente anunciada pela Agência Nacional de Energia Elétrica ANEEL. As entidades parceiras são contrárias aos índices de reajuste apresentados pela ANAEEL pois consideram vir contra a qualquer forma de produção e criação de novos empregos, assim registramos que SOMOS CONTRA E MAIS esta atitude do Governo causou sim repercussão negativa junto à sociedade. Abaixo na integra o associado ACII pode conferir o teor deste Manifesto. João Souza Fotos MANIFESTO PÚBLICO A comunidade ITAJAIENSE, através da Sociedade Organizada neste ato representada pelas entidades - ACII- ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DE ITAJAÍ, OAB- SUBSEÇÃO ITAJAÍ, INTERSINDI- CAL PATRONAL, ADAC, CDL, SINDIPI, vem à público apresentar MANIFESTO PÚBLICO contra o AUMENTO DO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA, anunciado pela Agência Nacional de Energia Elétrica - ANEEL nos índices de reajuste das tarifas para cada classe de consumidores da Celesc Distribuição. Os novos valores tarifários passaram, a vigorar no último dia 7 de agosto, conforme definido pela Agência Reguladora, o Índice de Reajuste Tarifário (IRT) para período é de 23,21%. Para os consumidores residenciais, atendidos em baixa tensão - Grupo B, o efeito médio percebido do reajuste será de 22,76%. Para os consumidores atendidos em alta tensão, como indústrias e unidades comerciais de grande porte (a exemplo de shopping centers) - Grupo A, o efeito médio será de 22,42%. A Celesc havia solicitado à ANEEL o reajuste de 20,49%, a partir de 7 de agosto. Temos plena certeza de que não haverá como acolher este aumento no custo da energia, já que não teremos como repassá- -lo ao preço dos produtos, numa época de pré-recessão como a que estamos vivenciando. Há empresas em que o efeito deste aumento de custos no produto final chega a ser próximo de 5%, em média, 2%. Fica a única certeza de que com este aumento teremos sim desemprego, e diminuição na produção. Desde que tomamos ciência desde AUMENTO ABSURDO, JUNTAMENTE COM AS DEMAIS ENTIDADES SIGNATÁRIAS, cumprindo seu papel democrático e representativo da sociedade civil organizada, manifestamo-nos contrários aos índices de aumento das tarifas de fornecimento de energia elétrica, considerando que os índices acima mencionados são desproporcionais se comparado com os índices de reajuste repassados à remuneração da classe dos trabalhadores da iniciativa privada e dos ganhos da força produtiva deste País. Os índices de reajuste apresentados pela ANAEEL vem contra a qualquer forma de produção e criação de novos empregos, assim registramos que SOMOS CONTRA E MAIS esta atitude do Governo causou sim repercussão negativa junto à sociedade. Saibamos que não estamos questionando o trabalho da Agência Reguladora, e sim seguir os princípios pautados pela razoabilidade no equilíbrio econômico-financeiro da sociedade civil, e principalmente pelo exercício da democracia e moralidade das ações dos agentes políticos. REVISTA ACII AGOSTO DE

12 arquivo acii NuME participa de Itinerante no SESC Integrantes do Núcleo da Mulher Empresária (NuME) da ACII participaram no dia 12 de agosto da Reunião Itinerante realizada no SESC de Itajaí. Na ocasião as empresárias puderam prestigiar as atividades que a entidade realiza, entre elas, a Folia das Falas, evento no qual atores se apresentam através de poesias. A 2ª edição do Curso de Oratória disponibilizado pelo Núcleo da Mulher Empresária teve sua última aula dia 14 de agosto. No NuJE prepara mais uma edição do Feirão do Imposto O Núcleo Jovem Empreendedor (NuJE) da ACII irá promover de 08 a 12 de setembro mais uma edição do Feirão do Imposto, ação que busca concisentizar e aletar a população sobre a alta carga tributária dos produtos. Os integrantes do Núcleo estão definindo as ações do evento e preparando uma ampla programação. O grupo pretende firmar parcerias com estabelecimentos comerciais, e nestas parcerias obter produtos com isenção de impostos durante a semana de mobilização para destacar a alta carga tributária paga diariamente pelo Na ocasião as empresárias puderam prestigiar as atividades que a entidade realiza Núcleo participa de reunião para aprovar projeto de sistema para votação do Selo Social Divulgação ACII final do curso os participantes manifestaram satisfação com o conteúdo e as dicas passadas pelo professor José João Alves. Integrantes do Núcleo de Responsabilidade Socioambiental da ACII vem mantendo reuniões com representantes da Secretaria das Relações Institucionais e Temáticas - SERIT da Prefeitura Municipal de Itajaí para aprovação do novo sistema para base de dados do selo social. No último encontro ocorrido no dia 19 de agosto os representantes de empresas e instituições, da qual fazem parte na Comissão de Avaliação do Selo Social, tiveram conhecimento do sistema que formará a base de dados para Avaliação das novas certificações. cidadão. Os jovens empresários também participam do Movimento Brasil Eficiente que juntamente com o Conselho Estadual Jovem Empreendedor de Santa Catarina (CEJESC) busca assinaturas para o abaixo assinado que solicita a redução da carga tributária no país. ESPAÇO DIGITAL Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação Joao O. dos Santos Jr. Big Data em sua vida Já ouviu falar na tecnologia de Big Data ou percebeu sua influência no seu cotidiano? Em 2011, o termo se popularizou e trouxe novidades no mundo da tecnologia. Mas ainda é uma tecnologia em crescimento. Na Copa de 2014 a Alemanha utilizou o Big Data para analisar os adversários e definir sua estratégia de jogo. O Big Data é o armazenamento de um imenso volume de dados com maior velocidade em seu processamento, podemos dizer, que o Big Data se baseia em 5V s (velocidade, volume, variedade, veracidade e valor) da informação. Um exemplo é o Google Flu Trends (Google Tendências de Gripe), que apresenta no mapa o avanço da gripe, baseando-se nas pesquisas realizadas no próprio google. Seu funcionamento é simples, quando as pessoas estão gripadas elas pesquisam assuntos relacionado a gripe, como sintomas, remédios e efeitos colaterais. Com isto ele mapeia onde estão os pontos mais críticos ou até podendo identificar epidemias. Mas é nas empresas onde o Big Data mais atua, analisando os enormes volumes de dados coorporativos. Primeiramente é acessando as informações dos sistemas internos de ERP, CRM ou até redes sociais. A etapa seguinte é o cruzamento de todas esses dados, normalmente utilizando serviços nas nuvens (servidores escaláveis). Então, os mecanismos atuam na interpretação desse grande conjunto de informações, permitindo que o empresário possa gerir o negócio com os dados humanamente analisável. Como características, perfis, gostos comuns, entre outros. Um exemplo é quando ao pesquisar um livro em uma loja virtual, já são sugeridas outras opções que parecem ser para o cliente, e realmente são. O sistema da loja identificou o gosto, baseado no histórico de outros compradores no qual visualizaram ou compraram o livro desejado inicialmente. E ao oferecer uma segunda opção de compra mais assertiva, aumenta a possibilidade de ganho para a empresa. A solução de Big Data não existe limite! Mas para isto, se faz necessário uma boa estrutura dos seus sistemas juntamente com um alinhamento estratégico. Google Flu Trends Charge do Mês Para mais dicas, acesse: 12 REVISTA ACII AGOSTO DE 2014

13 Reuniões da Câmara de Comércio Exterior serão nas segundas e quartas semanas do mês, sempre às 3ª Feiras às 18h30min Câmara do Porto é reativada Um dos mais tradicionais grupos de trabalhos da Associação Empresarial de Itajaí (ACII) foi reativado neste mês de agosto. Os trabalhos da Câmara do Porto, agora intitulada Câmara do Comércio Exterior, foram retomados neste dia 19 de agosto em uma reunião comandada pelo presidente da entidade, Eclésio da Silva. O primeiro encontro contou com a participação intensa de representantes de empresas e também empreendedores deste importante segmento da economia de Itajaí. Nos próximos encontros serão escolhidos o coordenador e vice que terão seus nomes indicados por integrantes da Câmara. Na reunião o grupo mostrou-se extremamente satisfeito com a retomada das atividades da Câmara, quando foi destacado que os encontros são um fórum importante de discussões. Muitos assuntos já foram tratados entre eles, a Bacia de evolução, falta de funcionários da ANVISA, Projeto Exporta Santa Catarina apresentado pelo SEBRAE onde 50 empresas de Santa Catarina participarão na Flórida EE.UU de um processo de exportação e merecerá uma Reunião Plenária da ACII. Foi amplamente esclarecido também sobre a nova concepção do Conselho de Autoridade Portuária. No encontro inicial foi definido que as Reuniões da Câmara de Comércio Exterior serão nas segundas e quartas semanas do mês, sempre às 3ª Feiras às 18h30min na sede ACII. Outra proposta ressaltada será a realização de Reuniões Itinerantes. O objetivo da Câmara é trabalhar em rede e prestar bons serviços, informações e esclarecimentos às empresas e empresários voltados ao Comércio Exterior. fotos: Divulgação ACII Berçário do Presídio Regional recebe doações O Conselho da Comunidade da Comunidade uniram-se novamente para mais um ato de solidariedade. Integrantes do grupo estiveram no dia 19 de agosto no Presídio Regional de Itajaí para repassar material arrecadado para o berçário da unidade prisional. As doações foram de tapete emborrachado, brinquedos, fraldas, lenços umedecidos, sabonetes, shampoos, chupetas, dentre outros produtos para a higiene dos bebês que permanecem com a detentas na fase de amamentação. O Conselho acredita que o bem estar e apoio para o detento é fundamental, para que o mesmo possa se reerguer e retornar à vida em sociedade. Foram doados brinquedos, fraldas entre outros materiais NuTIC planeja palestra técnica O Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação (NuTIC) da ACII está trabalhando para promover neste mês de setembro uma palestra técnica sobre solução para um Suporte Ideal. O tema irá elencar as principais dúvidas dos usuários de Sistema que necessitam de auxílio para lidar com os Softwares em suas empresas. O Núcleo ainda não definiu se este tema será o único abordado na palestra devido as demais solicitações dos profissionais nesta área. Reuniões do grupo definem tema da palestra FOCO IMOBILIÁRIO NuCI NÚCLEO DE CORRETORES E IMOBILIÁRIAS DE ITAJAÍ, associados à ACII. NÃO HÁ BOLHA IMOBILIARIA, MAS IMÓVEL ESTÁ CARO! O Brasil não está vivendo uma bolha imobiliária no mercado residencial, mas os valores dos imóveis realmente cresceram muito além da renda do brasileiro, sendo assim os imóveis residenciais acabam ficando sim, mais caros para a população. Seria razoável os valores dos imóveis subirem de acordo com a curva da capacidade de compra, mas isso acontece ao contrário, o crescimento está acima. Acredita-se com isso, que os valores devem crescer modestamente, ou seja, de acordo com a inflação. Em nosso caso especialmente, como Itajaí está no centro de 60 % do PIB Catarinense e o crescimento da região é visível, nossa demanda supera a oferta, o que nos leva a tranquilizar o mercado, propiciando a continuidade dos investimentos. Nesse novo mercado de crescimento mais ordenado, construtoras buscam novas metodologias e acabam oferecendo descontos para fechamento da compra do seu imóvel. Coordenação do NuCI REVISTA ACII AGOSTO DE

14 Viver bem é estar em dia com a saúde A CDM Cardio é um centro cardiológico completo, integrado ao CDM Centro de Diagnóstico. Nosso serviço possui profissionais altamente qualificados, com formação nos melhores serviços nacionais e internacionais de cardiologia. Conta com uma infræstrutura moderna e equipamentos de última geração para a realização de diagnósticos em cardiologia e medicina do esporte, proporcionando aos pacientes segurança em seus diagnósticos e tratamentos. Cardio CENTRO DE DIAGNÓSTICO Consultas em cardiologia Consultas em Pneumologia Consulta em Nutrologia Ecocardiografia com Doppler colorido adulto e crianças Doppler de Carótidas e Vertebrais Eletrocardiograma de repouso Teste Ergométrico Computadorizado 13 Canais Teste de Aptidão Cardiorespiratória (vo2 Pico) Holter 24 horas Mapa Bioimpedância Cardio CENTRO DE DIAGNÓSTICO Telefone: Endereço: Site: Diretor Resp.: Rua Zózimo José Peixoto, 166 Centro Itajaí SC - Dr. Tiago Bueno da Silveira - CRM 19794

15 Rede Imobiliárias é o novo endereço do imóvel em Itajaí O Núcleo de Corretores e Imobiliárias (NuCI) da ACII lançou um portal imobiliário em Itajaí. O grupo investiu em tecnologia e pretende através da Rede Imobiliárias de Itajaí facilitar a busca de quem deseja comprar, alugar ou vender um imóvel. O lançamento e apresentação do portal com.br aconteceu no dia 26 de agosto na sede do Sindicato da Indústria da Pesca de Itajaí (Sindipi). O portal imobiliário é resultado da união de 10 imobiliárias, e está aberto à novas adesões. A Rede de Imobiliárias possui um mecanismo de busca de fácil manuseio, onde podem ser informadas diversas características do imóvel desejado. No portal o usuário terá acesso, em um único endereço, a mais de ofertas de negócio. A coordenação do NuCI, enfatiza que as imobiliárias associadas buscaram organizar- -se sobre três princípios básicos: parceria, profissionalismo e ética. Utilizamos estes princípios não só nas relações entre as associadas, mas também com nossos colaboradores, parceiros comerciais e, sobretudo, com nossos clientes, ressaltaram. A Rede é uma nova realidade no mercado imobiliário e a parceria entre os empresários que compõem o portal surgiu na visão da necessidade de unir esforços, deixando de ser concorrentes para alavancar negócios em comum. Além dos imóveis, o portal contará com dicas de decoração e informações para a compra segura de Imóvel. No endereço também será disponibilizado um espaço para divulgação de empreendimentos e construtoras da região. Durante o evento que marcou o lançamento do portal ocorreu a palestra A Responsabilidade do Corretor de Imóveis: O Entendimento dos Tribunais, ministrada pelo advogado Lucas Almeida Beiersdorf. Municípios da região estão entre os que mais crescem e dão oportunidades em Santa Catarina QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL SENAI Quem busca um lugar fértil para começar a carreira ou montar um negócio pode encontrar grandes oportunidades em pelo menos 12 cidades catarinenses. Elas se destacam em um levantamento da consultoria brasileira especializada em base de dados Urban Systems, feito com exclusividade para o Diário Catarinense, que traça um panorama dos municípios que mais crescem no Estado. Entre as 12 cidades destaques de Santa Catarina 5 pertencem à AMFRI - Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí. São elas: Camboriú, Itajaí, Itapema, Navegantes e Porto Belo. Tiveram destaque também os municípios de Araranguá, Palhoça, São José, Rio do Sul, Biguaçú, Araquari e Barra Velha. Foram analisados dados do PIB, criação de empregos e novas empresas. Longe da preocupação com o baixo crescimento econômico que afeta o país, essas cidades chegam a crescer até quatro vezes mais do que a média brasileira. Na geração de empregos, a cidade com melhor resultado é Navegantes. Com o porto em operação desde 2007, os setores de logística e da indústria naval criam oportunidades. As vagas se concentram justamente nestas áreas. INSCRIÇÕES ABERTAS EM ITAJAÍ (47) Confira as oportunidades em cada uma das cidades da região da AMFRI: Camboriú Setores em destaque: construção civil e comércio. Profissionais em alta: Ligados ao setor da construção civil, principalmente mestre de obras. Itajaí Setores em destaque: setor de confecção, lojas, logística e comércio exterior. Profissionais em alta: ligadas à área comércio e de serviço (auxiliar de produção e de serviços gerais, ou na área de restaurantes). Área de segurança do trabalho. Itapema Setores em destaque: construção civil, turismo, setor de serviços. Profissionais em alta: ligados ao setor de construção civil, como servente, pedreiro e auxiliar. Técnico em segurança do trabalho e informática. Navegantes Setores em destaque: serviços portuários e de logística e indústria naval. Profissionais em alta: ligados ao setor de construção naval, como eletricista naval, tubulador naval, mecânico e jatista. Mestre de obra da construção civil. Porto Belo Setores em destaque: turismo e construção Civil. Profissionais em alta: ligados à construção civil, como pedreiros, encanadores, mestres de obra, eletricistas. Trabalhadores do setor de armazenamento e distribuição de mercadorias e para o setor de alimentos, como panificação e restaurantes. (Fonte das informações: Diário Catarinense, Secretarias de Desenvolvimento Econômico, prefeituras, Sistema Nacional de Emprego (Sine) e empresa Urban Systems) REVISTA ACII AGOSTO DE

16

17 ARTIGO O Empreendedorismo Empresarial no BRICS O empreendedorismo empresarial é visto por estudiosos como fundamental para o bom funcionamento da economia de um país. O GEM Global Entrepreneurship Monitor, o mais amplo estudo sobre o tema no mundo, publicou em seu Relatório Global de 2013 o resultado de sua pesquisa quanto às percepções e atitudes de indivíduos envolvidos com a atividade empresarial em setenta países, os quais representam 75% da população mundial e 90% do PIB Global. O estudo explora e avalia o papel do empreendedorismo empresarial no crescimento econômico dos países participantes do estudo, definindo-o como [...] qualquer tentativa de abertura de um novo negócio associado a uma iniciativa arriscada, por um indivíduo, ou um grupo de indivíduos, tais como o auto emprego, uma nova organização empresarial, a expansão de um negócio existente ou um negócio estabelecido (BOSMA, WENNEKERS e AMORÓS, 2012 in GEM 2013, p.17 tradução livre). Descreve as atitudes de uma população, a partir das características dos indivíduos participantes da pesquisa, em diferentes fases de atividades empreendedoras empresariais, caracterizando o empreendedorismo empresarial como um processo multifase, iniciando-se com o envolvimento de potenciais empresários (indivíduos que acreditam possuir as competências necessárias para iniciar um negócio e afirmam ter percebido oportunidades para o empreendedorismo empresarial); aqueles que, apesar de perceberem-nas, não gostariam de fazê-lo pelo medo de fracassar e outros que iniciaram uma atividade empresarial por falta de outra oportunidade para obter renda, ou seja, por necessidade. Por ocasião da realização da VI Cúpula do BRICS em Fortaleza em julho de 2014, realizou-se um estudo comparativo entre os países que compõem essa coalizão, no que se refere à atividade empreendedora empresarial e o ambiente institucional que influencia a dinâmica das Micro e Pequenas Empresas em cada um deles, tendo como base os dados publicados recentemente pelo Global Entrepreneurship Monitor, referentes ao ano de Em síntese, os resultados apontaram que, no que diz respeito à atividade empresarial, os indivíduos envolvidos nela envolvidos no Brasil apresentam as características mais favoráveis, demonstrando uma potencial vocação para essa ocupação profiossional, principalmente quanto à percepção de oportunidades e aptidões para aproveitá-las. Os empreendedores empresariais brasileiros afirmam ainda (em média 80%) que a atividade empresarial é uma boa opção de carreira e a sociedade valoriza e reconhece aqueles que são bem sucedidos. Chama a atenção o fato de que na Rússia e na China os empreendedores nascentes apresentaram as mais baixas taxas quanto à percepção em relação à atividade empresarial como oportunidade e a sua capacidade para empreendê-la. Também nestes países, a intenção de iniciar um novo negócio, dentre aqueles que ainda não estão envolvidos nesse tipo de ocupação profissional, apresentou as taxas mais baixas, dentre os BRICS. O estudo do GEM afirma que uma alta taxa de atividade empreendedora inicial não se relaciona, necessariamente, com o alto desenvolvimento econômico de um determinado país, pois o que importa mais é o perfil dos indivíduos e o contexto institucional do país. Afirma ainda que, em muitos casos, como vem sendo demonstrado ao longo de suas edições, a Taxa de Atividade Empreendedora Inicial (TEA) tende a cair, na medida em que o PIB per capita (Produto Interno Bruto) aumenta, devido ao fato de que, em uma economia com alta atividade, aumentam as oportunidades de emprego, refletindo-se na disposição dos indivíduos em arriscar-se em novos empreendimentos. De uma forma geral, os países do BRICS demonstram deficiências semelhantes, em relação ao quadro referencial de condições para a atividade empresarial (o EFC- Entrepreneurial Framework Conditions). No caso do Brasil os destaques positivos foram o Mercado Interno, o qual confirma uma potencial oportunidade para empreendedores empresariais, e a Infraestrutura Física, que se refere à facilidade de acesso à comunicação, modais de transporte e outras utilidades por parte das micro e pequenas empresas. Entretanto, não se configura como uma vantagem em relação aos seus pares, pois, no referido estudo, todos foram avaliados acima da média, com excessão da África do Sul. Já com relação aos aspectos considerados preocupantes, o Brasil confirmou a percepção que vem sendo denunciada há décadas: a Educação Básica não vai bem, principalmente quanto a educação empreendedora, os investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento e a transferência destes resultados para sua comercialização demanda uma visão mais estratégica e, no caso brasileiro, foram apontados também sérios problemas (ou oportunidades de melhoria, dependendo do ponto de vista) quanto a Regulamentação, ou seja, a política fiscal e tributária como instrumento para encorajar a abertura de novos negócios. Finalizando, deve-se ressaltar que, no caso brasileiro, as políticas públicas de incentivo ao empreendedorismo empresarial e a Educação para o Empreendedorismo no ensino Fundamental, são responsabilidades de toda a sociedade brasileira, em geral, e das autoridades e instituições públicas e privadas, em particular, dependendo apenas de um maior esclarecimento quanto a sua importância e da vontade política para a necessária solução. Prof. Alexandre de Sá Oliveira M.Sc.* Mestre em Administração pela ESAG/UDESC, professor das disciplinas de Empreendedorismo/ Empreendedorismo em Negócios Sustentáveis e pesquisador sobre Comportamento Empreendedor na Universidade do Vale do Itajaí UNIVALI. Divulgação Univali REVISTA ACII AGOSTO DE

18 É DE NOSSA NATUREZA CUIDAR DO QUE É SEU Recrutamento, seleção e mão de obra temporária Desinfecção e descontaminação em Ambientes Hospitalares Higienização de Frigoríficos e Câmaras Frias Limpeza de navios cargueiros e indústria alimentícia conforme vigilância sanitária Vigilância física, patrimonial e eletrônica (48) (47) (48) REVISTA ACII AGOSTO DE

19 ANIVERSÁRIOS / SETEMBRO 01/09 Ricardo de Oliveira Schmeling Plasma - Engenharia, Log e Sust. Ltda. 01/09 Dayane Gasperin Dian Engelec Materiais Elétricos Ltda. 01/09 Heitor Soares Rosa Filho Vip Empreendimentos Imobiliários Ltda. 02/09 Viviane C. Bento Silveira Pensador Soluções em Informática Ltda. 02/09 Sandra Carnieri Carnieri Negócios Imobiliários Ltda. 02/09 Marli Gorete Sandri Pereira Mdm Administração e Comércio Ltda. 03/09 Maurício César Pereira Associação Intersindical Patronal 03/09 Arthur Basani Sideraço Comércio de Comb. Ltda. 03/09 Wilson Mendonça W Mendonca Corretora de Seguros Ltda. 04/09 Amélia Maria Kugnier Kleis Kleis & Cia Ltda. 04/09 Claudete P. de Lima Braspeças Refrigeração Ltda. 04/09 Kleber Mateus Mateus & Silveira Rosa Ltda. Me. 04/09 Artur José de Souza Junior Banco Bradesco S/A 04/09 Luiz Augusto Cugnier Júnior Cugnier Certificadora Ltda. 04/09 Jorge Marcelo Szelubski Bulk Comércio Exterior Ltda. Me. 04/09 Rosemarie W. Lenoir Carrocerias Lenoir Ltda. 04/09 Liliam C. de Souza Liberato Serra Serviços Médicos Clínica São Lucas Ltda. 05/09 Alessandra Patino Patino & Cia Ltda. 05/09 Monica A. de Moraes Sandri Supermercados Xande Ltda. 05/09 Adilson João Schmit Supermercados Irmãos Unidos Ltda. 05/09 Inácia Maria Pedro Legal Lanchonete São Jorge Ltda. 05/09 Ivan Augusto Gonçalves Qualyteam Sistemas de Informática Ltda. 05/09 Nisandra Maria Fraga Comércio de Confecções Guerreiro Ltda. 05/09 Maria da Graça A. A. Alves da Motta Powerbus Equipamentos Elétricos Ltda. 06/09 Francisco Carlos do Nascimento Fundação Municipal do Meio Ambiente 06/09 Fabricio Schmitt Arantes I3 Corretores Associados S/S 06/09 Fernanda Cordova Waldrich Sak es Comercial Exp. e Import. Ltda. 06/09 Albano Koch Koch Hipermercados Ltda. 06/09 José Francisco Kowalsky Dkn Alimentos Ltda. - Epp 06/09 Osmar Antenor dos Santos Cebip Centro Educ. Bras. de Informática 07/09 Odemar Müller Distribuidora Muller Comércio e Representações 07/09 Carlos Augusto Amorim da Motta Motta & Etchepare Advogados Ltda. Me. 07/09 Adalgisa Gehrke da Rosa Motores Trevo Ltda. 07/09 João Constantino Fazioni João Constantino Fazioni e Cia Ltda. Me. 07/09 Laércio Knihs Associação de Dist. e Atac. Catarinenses 08/09 Rogério José Hoffmann Brasão Tecnologia Ltda. Me. 08/09 Adalberto Pereira Junior Help Sistemas de Segurança Ltda. 08/09 Thiago Lorenzett Farma Energia Ltda. 08/09 Luís Henrique Gallotti Matias Bonfanti Marambaia Veículos Ltda. 08/09 Rosemary de Oliveira Correia Portonave S/A - Terminais Portuários 08/09 Davi Trajano de Espíndula Posto Parada dos Amigos Ltda. 08/09 Renato Bini Nildefox Logística Internacional Ltda. 09/09 Marcelo de Almeida Heusi Heusi Comissaria de Despachos 09/09 Christiane Georgia Alexandre Muller Souller Assessoria em Comercio Exterior 09/09 Valdemar Fernandes Filho Valdemar Fernandes Filho Farmácia Me 09/09 Manoel Antônio Fogaça Terra e Mar Serviços Ltda. 10/09 Maria Elizabeta Moraes Dompel Informática e Equipamentos Escritório 10/09 Camila Liberato de Sousa Xavier Goncalves Advogados Associados 10/09 Giane Aparecida Schmoeller Ceccon Juceleia Schmoeller dos Santos Me 10/09 Deigre Aparecida Ramos Godinho Ramos e Flores Decoração Ltda. Me. 10/09 Alvaro Zambom dos Santos Inec - Instituto de Educação Continuada Ltda. 10/09 Sérgio Antônio Rebello Comissaria Sertere Ltda. 11/09 Tânia Campos Reichert Felix Eugênio Reichert 11/09 Daniela Werner Revendedores Promenac Ltda. 11/09 Maralina Pinto Figueiredo Maralina Pinto Figueiredo - Me 11/09 Verlani Trevisan Galbe Perfumaria E Cosméticos Ltda. 11/09 Wilson Nelson Duarte Mega Office Brasil Logística Internacional 11/09 Carmem Cintra do Prado de Burgos Dalquim Indústria e Comércio Ltda. 13/09 Milene Muller de Araújo Timoneiro Distribuidora de Alimentos Ltda. 13/09 Syntia Sorgato Serviço Social da Indústria 13/09 Franciele Chiapetti Tatticas Publicidade e Propaganda Ltda. 13/09 Murilo dos Reis Piramides Emp. Tur. Cult. Ltda. (Celios Restaurantes) 13/09 Elio Selva Rodan Com. de Pecas e Impl. de Transportes 14/09 Rodrigo Oliveira dos Santos Rodrigo Oliveira dos Santos 14/09 Daniel Henrique Vieira Filho Sind. Despachantes Aduaneiros Estado SC 14/09 Aline Abreu Schlickmann Sandri Restaurante e Comércio de Bebidas 14/09 Gabriela Rivero Saes Undertech Brasil Ltda. Me. 14/09 Cinara Rampeloti Cinara Rampeloti Maestri e Cia Ltda. 14/09 Selmir Pitta Agr. Com. e Serv. de Brindes, Maq. Plast. Ltda. 14/09 Luiz Carlos Pereira da Cruz Ellos Tecnologia e Informática Ltda. Me. 14/09 José Carlos Pereira José Carlos Pereira Medicamentos Me 14/09 José Carlos Francelino Fundação Cultural e Educacional Itajaí 15/09 Sandro Neves dos Santos Alarm System Imp. e Distrib. Ltda. Epp 15/09 William Baptista Amtrans Log. e Transp. Internacional Ltda. 15/09 Eduardo Chi Tse Wei Erw Informática Ltda. 15/09 Sandro Murilo Ardigó Sandro Murilo Ardigó Me 15/09 Sirlei Silveira Rosa Mateus & Silveira Rosa Ltda. Me. 15/09 Alcides Benkendorf Orbenk Administração e Serviços Ltda. 16/09 Adenor Antonio Pereira Ativa Comissaria de Despachos Aduaneiros 16/09 Lindomar Luiz de Oliveira Auto Mecânica Lindomar 16/09 Ademir de Jesus Sind. Transportadores Autônomos Contêiner 17/09 Antonio Henrique Baki Huscher Brand Agência de Viagens e Turismo Ltda. 17/09 Katia Maraschi Katia Maraschi 17/09 Evandro Fortunato Linhares Conselho Regional de Administração de SC 17/09 Eduardo Alberto Schemes Eduardo A. Schemes & Cia Ltda. 17/09 Gerson Roberto Savoldi Q Log Armazéns Gerais Ltda. Me. 18/09 Vinicius Furlani Burg Burg Logistik Serviços de Entregas Ltda. 18/09 Raquel Borges Haferman Edmar Cesar Bastos Epp 18/09 Olíndio Augusto de Borba Compremat Assessoria Comercial Ltda. - Me 18/09 Clovis Pedro Silveira Clovis Pedro Silveira 18/09 Nilton Montagna Itacorda Indústria e Comércio de Cordas 18/09 Hamilton Bernardo Pereira Itajaí Administradora de Shopping Center 19/09 Ana Carolina Mateus F. Karine Comércio Ltda. - Me. 19/09 Ricardo Augusto dos Santos Lavinho Reparos Navais Ind. Com. de Emb. Ltda. 19/09 Chaiane Eleonora Simmler Chaiane Eleonora Simmler 20/09 Jandira F. Brito Braspeças Refrigeração Ltda. 20/09 Tania Sueli Rizzi Empresa de Transportes Coletivo Itajaí 20/09 Rebecca Pfau Barouki Takai Veículos Ltda. 20/09 Gilmara Odete de Oliveira de Limas Juliano de Limas Me. 20/09 Fernando Baumann Cooperativa Crédito Empresários Foz Itajaí 20/09 Maria de Fatima Zen Moritz Contact Condutores Elétricos Ltda. 20/09 Eduardo José Bohora Gonçalves Organização Contábil Aikawi Ltda. 21/09 Gabriel Conte Polesso Mig nox Comércio e Representações Ltda. 21/09 Evilin Cristina Santos Evilin Cristina Santos Me 21/09 Andréia da Silva Elianai Alves Cordeiro e Cia Ltda. 21/09 Rosimeri Dalçoquio Lola Participações Ltda. 21/09 Carla Conte Polesso Mig nox Comércio e Representações Ltda. 21/09 José Mateus Hoffmann Brasão Tecnologia Ltda. Me. 21/09 Rui de Oliveira Warmor Renovadora de Pneus Ltda. 22/09 Francisco Germano Contezini Oficina Dois Irmãos Ltda. 22/09 Mario Eduardo Avesani CCV Comercial Catarinense de Veículos Ltda. 22/09 Doroti Terezinha da Roza Emilio Direta Assessoria Empresarial S/S Ltda. 23/09 Héderson da Silva Cassimiro IBF Informática Ltda. / Identidados Tecnologia Ltda. 23/09 Patrick Pierre Dauer A + Impressões Ltda. Me. 23/09 Roberta de Oliveira Warmor Renovadora de Pneus Ltda. 23/09 Ivo Jorge Dreher Seara Alimentos SA 23/09 Maria Roseli de Oliveira Auto Mecânica Lindomar 23/09 Gilberto Riback Number Seven Restaurante e Bar Ltda. Me. 24/09 Vilmar Hoepers Centro Mediação e Arbitragem de Itajaí 24/09 Waldir de Oliveira Ferreira Locasa Imóveis Ltda. 24/09 Samuel Pinheiro Sandri Hotel Itajaí Tur Ltda. 24/09 Antonio César Ribeiro Junior Farmácia Otto 24/09 Fabio Francisco Fecondes PPS Distribuição e Comércio Ltda. 24/09 Sueli Teresinha Beling Castro & Beling Ltda. 24/09 Francisco Carlos de Souza RTS Brasil Sistemas Ltda. Me. 25/09 Felipe do Nascimento Royal Construtora e Incorporadora Ltda. 25/09 Gabriel dos Santos Argan Construtora e Incorporadora Ltda. 25/09 André Diniz Pereira Quality Logística Multimodal Comércio Exterior 25/09 Valdeci Nascimento Transkat Transportes e Reparos Navais Ltda. 25/09 Alcir Marcos Pinto Romy Werner Pinto Me 25/09 João Carlos dos Santos Ativa-Invest Assessoria e Consultoria 26/09 Michel Cristiano Lopes Pedro Valmir Lopes - Me 26/09 Alan Marcos Blenke Sociedade Blumenauense de Ensino Superior 26/09 José Hailton da Silva Instituto Cenecista Fayal de Ensino 26/09 Jucelia Ferreira Femepe Participações S/A 27/09 Antonio Ayres dos Santos Junior Superintendência do Porto de Itajaí 27/09 Alfio Kalil Jorge Junior Edificart Construtora e Incorp. Ltda. 27/09 Indianara Tavares da Costa Souller Assessoria em Comércio Exterior 27/09 Danilo José Ferreira FSJ Transporte de Água Ltda. Me. 28/09 Gaspar Laus Gaspar Laus 28/09 Ivani Schroeder Farmamix Com. de Medicamentos Ltda. Epp. 28/09 Paulo Silas Agustinelli Unimar Agenciamentos Marítimos Ltda. 29/09 Alfredo José Sandri Tamoyo Empreendimentos Hoteleiros Ltda. 29/09 Murilo de Souza Brasil Agro Mgs Importação e Exportação Ltda. 29/09 Raphael Roberto Reis Raphael Roberto dos Reis 29/09 Robson Jardel Karabaumer Embrareef Armazéns Gerais Ltda. 29/09 Fabio Mendonça Supermercado Tem Tem Ltda. Me. 29/09 Giovane da Silva Flash Way Agenciamentos e Despachos Ltda. 29/09 Stephan Camp Schottel do Brasil Propulsões Marítimos 29/09 Evandro Xavier Sabel Caixa Econômica Federal 29/09 Elianai Alves Cordeiro Elianai Alves Cordeiro e Cia Ltda. 29/09 Helita Peixer Comercial de Móveis São Vicente Ltda. 29/09 Gilceia da Silva Luy Marcos da Silva Mecânico - Me 29/09 Lourival Pedro dos Santos Sigmafone Comércio de Telecomunicações 29/09 Juarez Medeiros Gualberto Santinvest S.A - Crédito, Financiamentos 30/09 Salete Candido da Silva Farinha Wm Galvanização Ltda. Me. 30/09 Osni Ricardo de Almeida Serafim Joc Comércio de Auto Peças Ltda. 30/09 Sérgio Luís Heusi Comissaria Despachos Nelson Seara Heusi REVISTA ACII AGOSTO DE

20 REVISTA ACII AGOSTO DE

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR 1. Como são os cursos ofertados pela plataforma freire e quais os benefícios para os professores que forem selecionados? O professor sem formação poderá estudar nos

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014 A CPA (Comissão Própria De Avaliação) apresentou ao MEC, em março de 2015, o relatório da avaliação realizada no ano de 2014. A avaliação institucional, realizada anualmente, aborda as dimensões definidas

Leia mais

REGISTRO PROFISSIONAL

REGISTRO PROFISSIONAL REGISTRO PROFISSIONAL 19/11/2009 Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ (fonte: CFA) Nos últimos anos

Leia mais

Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ

Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ 19/11/2009 Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ (fonte: CFA) Nos últimos anos cresceu significativamente

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

Administração Newsletter do Curso de Administração da Universidade do Vale do Itajaí - Campus Ano 01. nº 3. setembro de 2014

Administração Newsletter do Curso de Administração da Universidade do Vale do Itajaí - Campus Ano 01. nº 3. setembro de 2014 Universidade do Vale do Itajaí Newsle er Newsletter do Curso de da Universidade do Vale do Itajaí - Campus Ano 01. nº 3. setembro de 2014 Com a palavra, o Coordenador. Olá. Nesta 3ª edição da Newslewtter

Leia mais

A ESTRELA QUE QUEREMOS. Planejamento Estratégico de Estrela

A ESTRELA QUE QUEREMOS. Planejamento Estratégico de Estrela Planejamento Estratégico de Estrela 2015 2035 O planejamento não é uma tentativa de predizer o que vai acontecer. O planejamento é um instrumento para raciocinar agora, sobre que trabalhos e ações serão

Leia mais

COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) (Candidaturas serão aceitas até o dia 22/2/2013 envie seu CV para asantos@uniethos.org.br)

COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) (Candidaturas serão aceitas até o dia 22/2/2013 envie seu CV para asantos@uniethos.org.br) COORDENADOR SÊNIOR (CONSULTORIAS) DESCRIÇÃO GERAL: O Coordenador Sênior do Uniethos é responsável pelo desenvolvimento de novos projetos, análise de empresas, elaboração, coordenação, gestão e execução

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais Especialização em Gestão Estratégica de Apresentação CAMPUS COMÉRCIO Inscrições Abertas Turma 02 --> Início Confirmado: 07/06/2013 últimas vagas até o dia: 05/07/2013 O curso de Especialização em Gestão

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER?

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? Anderson Katsumi Miyatake Emerson Oliveira de Almeida Rafaela Schauble Escobar Tellis Bruno Tardin Camila Braga INTRODUÇÃO O empreendedorismo é um tema bastante

Leia mais

Ata Conselho de Usuários 12/11/2008.

Ata Conselho de Usuários 12/11/2008. Ata Conselho de Usuários 12/11/2008. Aos doze dias do mês de novembro de dois mil e oito, às 08h40min., reuniram-se o Presidente do Conselho, Sr. Osvaldo Eustáquio, o Vice-Presidente Sr. Petrolinces de

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

MANUAL DE INTEGRAÇÃO - DIRETORIA Edição 1 Balneário Camboriú, novembro de 2014.

MANUAL DE INTEGRAÇÃO - DIRETORIA Edição 1 Balneário Camboriú, novembro de 2014. MANUAL DE INTEGRAÇÃO - DIRETORIA Edição 1 Balneário Camboriú, novembro de 2014. OBJETIVO O presente manual se destina a orientar a diretoria da ACIBALC, quanto à administração de suas pastas, o gerenciamento

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS

DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS 1 DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E OBJETIVO DO MOVIMENTO 2 Artigo 1º O Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade/Nós

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

Prefeito Empreendedor. Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios

Prefeito Empreendedor. Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios Prefeito Empreendedor Guia de Recomendações Preliminares para o Fomento do Empreendedorismo nos Municípios Março/2012 Expediente Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior MDIC Fernando

Leia mais

Projeto de Inovação Tecnológica - (PIT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção. Projeto 6 Capacitação para a Inovação

Projeto de Inovação Tecnológica - (PIT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção. Projeto 6 Capacitação para a Inovação Projeto de Inovação Tecnológica - (PIT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção Projeto 6 Capacitação para a Inovação Vicente Mattos Sinduscon-BA Coordenador Geral: Equipe Técnica Vicente Mattos

Leia mais

Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica

Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica Rogério Reis Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica CRESCIMENTO ECONÔMICO DA REGIÃO SUL IMPULSIONA MERCADO PARANAENSE POR ADRIANE DO VALE redacao@cipanet.com.br FOTOS

Leia mais

POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS

POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança - ABESE Entidade que representa, nacionalmente, as empresas de sistemas

Leia mais

Estimados colegas representantes dos países membros do Fórum das Federações, Embaixadores e delegados

Estimados colegas representantes dos países membros do Fórum das Federações, Embaixadores e delegados PRESIDENCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS SUBCHEFIA DE ASSUNTOS FEDERATIVOS Assunto: DISCURSO DO EXMO. SUBCHEFE DE ASSUNTOS FEDERATIVOS DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS DA

Leia mais

Coordenação: João Henrique Lara do Amaral Cynthya Almeida Coradi Relatoria: Stela Maris Aguiar Lemos

Coordenação: João Henrique Lara do Amaral Cynthya Almeida Coradi Relatoria: Stela Maris Aguiar Lemos RELATÓRIO OFICINA FNEPAS ESTADUAL MINAS GERAIS INTEGRALIDADE E QUALIDADE NA FORMAÇÃO E NAS PRÁTICAS EM SAÚDE: Integrando Formação, Serviços, Gestores e Usuários Local: COBEM Uberlândia Data: 22 de outubro

Leia mais

Gestão. Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Qualidade. Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos

Gestão. Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Qualidade. Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da Qualidade Gestão O tecnólogo em Gestão da Qualidade é o profissional que desenvolve avaliação sistemática dos procedimentos, práticas e rotinas internas e externas de uma entidade, conhecendo e aplicando

Leia mais

gestão das Instâncias de Governança nas regiões turísticas prioritárias do país.

gestão das Instâncias de Governança nas regiões turísticas prioritárias do país. OBJETIVO GERAL Estabelecer cooperação técnica para desenvolver e implementar ações que visem a fortalecer o ciclo da gestão das Instâncias de Governança nas regiões turísticas prioritárias do país. IMPORTANTE:

Leia mais

MANUAL DA QUALIDADE DA CONSTRUTORA COPEMA

MANUAL DA QUALIDADE DA CONSTRUTORA COPEMA 1/10 INFORMAÇÕES SOBRE A EMPRESA... 2 ABRANGÊNCIA DO SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE... 3 1. SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE:... 4 - MANUAL DA QUALIDADE... 4 Escopo do SGQ e definição dos clientes... 4 Política

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Grupos de trabalho: formação Objetivo: elaborar atividades e

Leia mais

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Apoiar a empregabilidade pela melhora da qualidade do ensino profissionalizante UK Skills Seminar Series 2014 15 British Council UK Skills Seminar

Leia mais

AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS. Programa ESAG Sênior. Coordenador: Mário César Barreto Moraes

AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS. Programa ESAG Sênior. Coordenador: Mário César Barreto Moraes AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS Programa ESAG Sênior Mário César Barreto Moraes Bolsistas: Vanessa Vidal Riso Danielle Cândido Vecchietti Juliana Oliveira Lima de Souza A busca pro metodologias

Leia mais

Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos

Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos Empresas descobrem a importância da educação no trabalho e abrem as portas para pedagogos Já passou a época em que o pedagogo ocupava-se somente da educação infantil. A pedagogia hoje dispõe de uma vasta

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA

TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA TERMO DE REFERÊNCIA DADOS DA CONSULTORIA Função no Projeto: Contratação de consultoria especializada para desenvolver e implementar estratégias de impacto e sustentabilidade da Campanha Coração Azul no

Leia mais

Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015

Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015 Congresso Brasileiro de Inovação da Indústria São Paulo, 13 e 14 de maio de 2015 INOVAR É FAZER Manifesto da MEI ao Fortalecimento da Inovação no Brasil Para nós empresários Inovar é Fazer diferente, Inovar

Leia mais

Seminário gratuito do PROFUTURO aborda estratégias para o crescimento dos negócios

Seminário gratuito do PROFUTURO aborda estratégias para o crescimento dos negócios Seminário gratuito do PROFUTURO aborda estratégias para o crescimento dos negócios O Programa de Estudos do Futuro da FIA (Fundação Instituto de Administração) realizará no dia 24 de agosto, a partir das

Leia mais

Newsletter Abril Nº 4, Ano II 1ª Assembleia de Presidentes do Sistema CFA/CRAs

Newsletter Abril Nº 4, Ano II 1ª Assembleia de Presidentes do Sistema CFA/CRAs Newsletter Abril Nº 4, Ano II 1ª Assembleia de Presidentes do Sistema CFA/CRAs No dia 11 de Abril foi realizada a 1ª Assembléia de Presidentes do Sistema CFA/CRAs, com a participação de conselheiros presidentes

Leia mais

No Brasil, a Shell contratou a ONG Dialog para desenvolver e operar o Programa, que possui três objetivos principais:

No Brasil, a Shell contratou a ONG Dialog para desenvolver e operar o Programa, que possui três objetivos principais: PROJETO DA SHELL BRASIL LTDA: INICIATIVA JOVEM Apresentação O IniciativaJovem é um programa de empreendedorismo que oferece suporte e estrutura para que jovens empreendedores de 18 a 30 anos desenvolvam

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR PROJETO INTEGRADOR 1. INTRODUÇÃO Conforme as diretrizes do Projeto Pedagógico dos Cursos Superiores de Tecnologia da Faculdade Unida de Suzano

Leia mais

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL Curso: Tecnologia Social e Educação: para além dos muros da escola Resumo da experiência de Avaliação do Programa "Apoio

Leia mais

PROGRAMA CATARINENSE DE INOVAÇÃO

PROGRAMA CATARINENSE DE INOVAÇÃO PROGRAMA CATARINENSE DE INOVAÇÃO PROGRAMA CATARINENSE DE INOVAÇÃO O Governo do Estado de Santa Catarina apresenta o Programa Catarinense de Inovação (PCI). O PCI promoverá ações que permitam ao Estado

Leia mais

Página 1 de 19 Data 04/03/2014 Hora 09:11:49 Modelo Cerne 1.1 Sensibilização e Prospecção Envolve a manutenção de um processo sistematizado e contínuo para a sensibilização da comunidade quanto ao empreendedorismo

Leia mais

SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS

SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS OUTUBRO/2013 FECOMERCIO/TO Hugo de Carvalho Presidente Anselmo da Silva Moraes Vice Presidente Silmara Lustosa Ribeiro Superintendente INSTITUTO FECOMÉRCIO/TO Hugo de

Leia mais

Marketing não Sobrevive sem Endomarketing

Marketing não Sobrevive sem Endomarketing Marketing não Sobrevive sem Endomarketing Um ótimo serviço pode se tornar ruim se os funcionários não confiam em si mesmos. Uma endoentrevista sobre endomarketing. Troquemos de lugar! O título é, sem dúvida,

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02 Sumário Pág. I) OBJETIVO 02 II) ESTRUTURA DO CURSO 1) Público alvo 02 2) Metodologia 02 3) Monografia / Trabalho final 02 4) Avaliação da aprendizagem 03 5) Dias e horários de aula 03 6) Distribuição de

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS 1. Objeto: 1.1.1. Contratação de empresa para prestação, sob demanda, de serviços de planejamento, organização, coordenação, execução, fiscalização e avaliação de eventos com a viabilização de infra-estrutura

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

PROJETO INTERDISCIPLINAR DO MÓDULO DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES ( PIMAT ): ESTUDO DE CASO TURISMO E HOTELARIA / SÃO JOSÉ

PROJETO INTERDISCIPLINAR DO MÓDULO DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES ( PIMAT ): ESTUDO DE CASO TURISMO E HOTELARIA / SÃO JOSÉ PROJETO INTERDISCIPLINAR DO MÓDULO DE AGÊNCIAS DE VIAGENS E TRANSPORTES ( PIMAT ): ESTUDO DE CASO TURISMO E HOTELARIA / SÃO JOSÉ Fabiano Ceretta 1 Resumo: O projeto interdisciplinar do módulo de Agências

Leia mais

SAC: Fale com quem resolve

SAC: Fale com quem resolve SAC: Fale com quem resolve A Febraban e a sociedade DECRETO 6523/08: UM NOVO CENÁRIO PARA OS SACs NOS BANCOS O setor bancário está cada vez mais consciente de seu papel na sociedade e deseja assumi-lo

Leia mais

MBA EM CONSULTORIA E GESTÃO DE NEGÓCIOS 2014.1

MBA EM CONSULTORIA E GESTÃO DE NEGÓCIOS 2014.1 NÚMERO DE VAGAS: 45 (Quarenta e cinco) vagas. PREVISÃO DE INÍCIO DAS AULAS Abril de 2014 APRESENTAÇÃO / JUSTIFICATIVA MBA EM CONSULTORIA E GESTÃO DE NEGÓCIOS 2014.1 O MBA EM CONSULTORIA & GESTÃO DE NEGÓCIOS,

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

Gestão Democrática da Educação

Gestão Democrática da Educação Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Departamento de Articulação e Desenvolvimento dos Sistemas de Ensino Coordenação Geral de Articulação e Fortalecimento Institucional dos Sistemas de

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DA FUNETEC-PB. Presidente da FUNETEC-PB João Batista de Oliveira Silva. Superintendente Executivo Valdeci Ramos dos Santos

ADMINISTRAÇÃO DA FUNETEC-PB. Presidente da FUNETEC-PB João Batista de Oliveira Silva. Superintendente Executivo Valdeci Ramos dos Santos ADMINISTRAÇÃO DA FUNETEC-PB Presidente da FUNETEC-PB João Batista de Oliveira Silva Superintendente Executivo Valdeci Ramos dos Santos Diretora Escolar e Gerente de Ensino Helena Mercedes Monteiro Supervisora

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

Criação e Implantação de um Núcleo de Inteligência Competitiva Setorial para o Setor de Farmácias de Manipulação e Homeopatia.

Criação e Implantação de um Núcleo de Inteligência Competitiva Setorial para o Setor de Farmácias de Manipulação e Homeopatia. Criação e Implantação de um Núcleo de Inteligência Competitiva Setorial para o Setor de Farmácias de Manipulação e Homeopatia Elisabeth Gomes 6º Conferencia Anual de Inteligência Competitiva IBC São Paulo

Leia mais

União Metropolitana de Educação e Cultura. Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM

União Metropolitana de Educação e Cultura. Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM União Metropolitana de Educação e Cultura Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM Lauro de Freitas - BAHIA 2013 2 JUSTIFICATIVA A principal justificativa para o desenvolvimento e implementação

Leia mais

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra:

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra: MBA Pós - Graduação QUEM SOMOS Para pessoas que têm como objetivo de vida atuar local e globalmente, ser empreendedoras, conectadas e bem posicionadas no mercado, proporcionamos uma formação de excelência,

Leia mais

CONTROLADORIA NO SUPORTE A GESTÃO EMPRESARIAL

CONTROLADORIA NO SUPORTE A GESTÃO EMPRESARIAL CONTROLADORIA NO SUPORTE A GESTÃO EMPRESARIAL Cristiane de Oliveira 1 Letícia Santos Lima 2 Resumo O objetivo desse estudo consiste em apresentar uma base conceitual em que se fundamenta a Controladoria.

Leia mais

Inovação é oxigênio para os pequenos negócios CASO DE SUCESSO

Inovação é oxigênio para os pequenos negócios CASO DE SUCESSO CASO DE SUCESSO O empresário Marcelo Folha conseguiu tirar o restaurante do vermelho graças ao atendimento que recebeu do Sebrae, por meio do Programa Agentes Locais de Inovação. Inovação é oxigênio para

Leia mais

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento.

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento. DISCURSO DE POSSE Boa Noite a todos! Cumprimento o ex-diretor presidente Sebastião Calais, o Prefeito Leris Braga, o vice-prefeito Alcemir Moreira, o presidente da Câmara de Vereadores Juarez Camilo, o

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

Ata de Reunião. Data da Reunião: 02/07/2013 Horário: 10h00min às 18h00min Local: Apex Brasil.

Ata de Reunião. Data da Reunião: 02/07/2013 Horário: 10h00min às 18h00min Local: Apex Brasil. Ata de Reunião 1. IDENTIFICAÇÃO DA REUNIÃO Data da Reunião: 02/07/2013 Horário: 10h00min às 18h00min Local: Apex Brasil. Líder da Reunião: Regina Silvério Telefones: (61) 3426-0785 Ordem do dia: Reunião

Leia mais

5.2. Programa de Mobilização e Desmobilização da Mão de Obra. Revisão 00 NOV/2013

5.2. Programa de Mobilização e Desmobilização da Mão de Obra. Revisão 00 NOV/2013 PROGRAMAS AMBIENTAIS 5.2 Programa de Mobilização e Desmobilização da Mão de Obra CAPA ÍNDICE GERAL 1. Introdução... 1 1.1. Ações já realizadas... 2 2. Justificativa... 6 3. Objetivos... 8 4. Área de abrangência...

Leia mais

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional A união faz a força O dito popular encaixa-se como uma luva quando o assunto é associativismo o assunto em pauta no meio sindical. As principais confederações patronais do País estão investindo nessa bandeira

Leia mais

MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS

MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS ANEXO 1 MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS Este documento serve como base orientadora para a apresentação de propostas de Arranjos Produtivos Locais para enquadramento no

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09)

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Publicada no D.O.U. nº 217, de 13/11/09 Seção 1 Página 183 e 184 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Aprova o registro profissional

Leia mais

BRICS Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul

BRICS Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul MECANISMOS INTER-REGIONAIS BRICS Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul O que faz o BRICS? Desde a sua criação, o BRICS tem expandido suas atividades em duas principais vertentes: (i) a coordenação

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local

RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local 1 Por: Evandro Prestes Guerreiro 1 A questão da Responsabilidade Social se tornou o ponto de partida para o estabelecimento

Leia mais

Empresários da Capital miram o mercado americano

Empresários da Capital miram o mercado americano Mídia Eletrônica (Moacir Pereira, Diário Catarinense, Pág.12, 2/3) Empresários da Capital miram o mercado americano Em workshop de negócios, Associação Comercial quer estreitar o relacionamento com empresas

Leia mais

Esfera Fiscal. Subfunção Administração Geral

Esfera Fiscal. Subfunção Administração Geral Governo do do Amazonas Secretaria de de Planejamento e Desenvolvimento Econômico SEPLAN Sistema de Planejamento, Orçamento e Gestão do do Amazonas SPLAM Pág. 3 de 2001 - da 25000 - Secretaria de de Infraestrutura

Leia mais

PLANO DE GESTÃO 2015-2017

PLANO DE GESTÃO 2015-2017 UNIFAL-MG FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS PLANO DE GESTÃO 2015-2017 Profa. Fernanda Borges de Araújo Paula Candidata a Diretora Profa. Cássia Carneiro Avelino Candidata a Vice Diretora Índice Apresentação...

Leia mais

A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo

A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo FRANQUIA A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo A rede de franquia com maior volume de vendas nos EUA. (Real Trends 500 2011) Primeiro sistema de franquias imobiliárias da América do Norte

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE PLANEJAMENTO, PROGRAMAS E PROJETOS

SUPERINTENDÊNCIA DE PLANEJAMENTO, PROGRAMAS E PROJETOS SUPERINTENDÊNCIA DE PLANEJAMENTO, PROGRAMAS E PROJETOS GERÊNCIA DE PROGRAMAS E PROJETOS - GPP COMISSÃO DE ORGANIZAÇÃO, NORMAS E PROCEDIMENTOS TERMO DE ABERTURA PROJETO: Centro de Treinamento e Capacitação

Leia mais

ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA

ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA MANUAL DE VISITA DE ACOMPANHAMENTO GERENCIAL SANKHYA Material exclusivo para uso interno. O QUE LEVA UMA EMPRESA OU GERENTE A INVESTIR EM UM ERP? Implantar um ERP exige tempo, dinheiro e envolve diversos

Leia mais

Você sabe onde quer chegar?

Você sabe onde quer chegar? Você sabe onde quer chegar? O Ibmec te ajuda a chegar lá. Gabriel Fraga, Aluno de Administração, 4º periodo, Presidente do Ibmex, Empresa Jr. Ibmec. Administração Ciências Contábeis Ciências Econômicas

Leia mais

Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil

Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Protocolo de Relacionamento Político dos Escoteiros do Brasil Este guia pretende nortear os Grupos Escoteiros do Brasil a desenvolverem um

Leia mais

Na teoria e na vida, FDC

Na teoria e na vida, FDC C T E C E N T R O D E T E C N O L O G I A E M P R E S A R I A L C T E C o o p e r a ç ã o e n t r e e m p r e s a s d e g r a n d e p o r t e Na teoria e na vida, FDC AF - 05-006 - CTE02 R.indd 2 7/10/07

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Educação que valoriza o seu tempo: presente e futuro Educação a Distância Os mesmos professores. A mesma aula. O mesmo diploma. A única diferença é a sala de aula que fica em suas

Leia mais

2.2 São considerados passíveis de concorrer aos recursos (brinquedoteca e capacitação) desta Chamada Pública, as instituições que:

2.2 São considerados passíveis de concorrer aos recursos (brinquedoteca e capacitação) desta Chamada Pública, as instituições que: 1. APRESENTAÇÃO 1.1 O projeto Recrear defende a importância do Brincar para o desenvolvimento infantil. Por meio da brincadeira, uma criança aprende e desenvolve seu corpo, suas habilidades sociais, de

Leia mais

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os melhores resultados. 2 ÍNDICE SOBRE O SIENGE INTRODUÇÃO 01

Leia mais

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008 MINAS GERAIS 12/04/2008 Diário do Judiciário Chefe de Gabinete: Dalmar Morais Duarte 11/04/2008 PRESIDÊNCIA Portaria 2.176/2008 Institucionaliza o Programa Conhecendo o Judiciário do Tribunal de Justiça.

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

Ana possui uma promissora. Ambiente virtual para inovar

Ana possui uma promissora. Ambiente virtual para inovar Ambiente virtual para inovar Secti lança Portal Paraense de Inovação para conectar atores estratégicos e aumentar investimento em inovação no Pará Por Igor de Souza Ana possui uma promissora empresa de

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação Pesquisa realizada com os participantes do de Apresentação O perfil do profissional de Projetos Pesquisa realizada durante o 12 Seminário Nacional de, ocorrido em 2009, traça um importante perfil do profissional

Leia mais

Engajamento com Partes Interessadas

Engajamento com Partes Interessadas Instituto Votorantim Engajamento com Partes Interessadas Eixo temático Comunidade e Sociedade Principal objetivo da prática Apoiar o desenvolvimento de uma estratégia de relacionamento com as partes interessadas,

Leia mais

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL MARCOS ARAÚJO Presidente do SINDSIME ÍNDICE 1 3 5 7 9 INTRODUÇÃO LEI 2 VANTAGENS COMO ME ESCREVO OBTENÇÃO DE ALVARÁ 4 OBTENÇÃO DE ALVARÁ DOCUMENTAÇÃO FISCAL 6 AMBULANTES

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 3 } 1. INTRODUÇÃO: PARQUE TECNOLÓGICO CAPITAL DIGITAL - PTCD Principal polo de desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação do Distrito Federal, o PTCD

Leia mais

Juntos nos multiplicamos.

Juntos nos multiplicamos. Juntos nos multiplicamos. 1 + 1 = 11 Juntos nos multiplicamos. Quem somos Estamos aqui para transformar organizações em empresas de sucesso. Convergir conhecimento, visão sistêmica e resultado, buscando

Leia mais

Pequenos Negócios no Brasil. Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebrae.com.br

Pequenos Negócios no Brasil. Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebrae.com.br Pequenos Negócios no Brasil Pequenos Negócios no Brasil Clique no título para acessar o conteúdo, ou navegue pela apresentação completa Categorias de pequenos negócios no Brasil Micro e pequenas empresas

Leia mais

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS SUBCHEFIA DE ASSUNTOS FEDERATIVOS Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal Mapa de obras contratadas pela CEF, em andamento com recursos do Governo Federal 5.048

Leia mais

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1.1 APRESENTAÇÃO O Plano de Comunicação e Participação Social subsidiará a elaboração do Plano Diretor de Mobilidade Urbana, criando as bases para

Leia mais

Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar e representar a sociedade local, para construirmos em conjunto uma visão compartilhada

Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar e representar a sociedade local, para construirmos em conjunto uma visão compartilhada Fórum da Agenda 21 de Guapimirim Aprender a APRENDER e a FAZER. Aprender a CONVIVER, e Aprender a SER Cidadãos Participativos, Éticos e Solidários Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar

Leia mais

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SISTEMATIZAÇÃO DOS RESULTADOS Atendendo a solicitação do CNMP, o presente documento organiza os resultados

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Projetos tem por fornecer conhecimento teórico instrumental que

Leia mais

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013 1ª edição 1 DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO 1.1 O Sinduscon Premium Etapa Litoral Norte 1ª edição instituído pelo SINDUSCON RS, Sindicato das Indústrias

Leia mais

Área de Conhecimento. Laboratórios de informática Descrição e equipamentos. Informática, Pesquisas

Área de Conhecimento. Laboratórios de informática Descrição e equipamentos. Informática, Pesquisas Descrição da infraestrutura física destinada aos cursos, incluindo laboratórios, equipamentos instalados, infraestrutura de informática e redes de informação. Relação de laboratórios, oficinas e espaços

Leia mais

CIA. CATARINENSE DE ÁGUAS E SANEAMENTO-CASAN

CIA. CATARINENSE DE ÁGUAS E SANEAMENTO-CASAN CIA. CATARINENSE DE ÁGUAS E SANEAMENTO-CASAN Proposta da Administração para a 121ª Assembléia dos Acionistas a ser realizada no dia 21 de janeiro de 2013 Instrução CVM nº 481/2009 art.10º Comunicamos aos

Leia mais

no Brasil O mapa da Acreditação A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais

no Brasil O mapa da Acreditação A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais O mapa da Acreditação no Brasil A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais metodologias Thaís Martins shutterstock >> Panorama nacional Pesquisas da ONA (Organização

Leia mais