MILLENNIUM BM Módulo 05. Índice. Sobre o Módulo CADASTRO - Financeiro Alíquotas CFOP Frete...

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MILLENNIUM BM Módulo 05. Índice. Sobre o Módulo 05... 4. 1. CADASTRO - Financeiro... 5. 1.1. Alíquotas... 5 1.2. CFOP... 7. 1.3. Frete..."

Transcrição

1 Índice Sobre o... 4 DEPTO. DE FATURAMENTO INDUSTRIAL CADASTRO - Financeiro Alíquotas CFOP Frete MOVIMENTAÇÕES - Movimentações BARRA DE ACESSO (COLORIDA) EVENTO DE ENTRADA COM DIGITAÇAO DA NOTA EVENTO DE VENDAS NO ATACADO C/ PRÉ-FATURAMENTO EVENTO DE VENDAS NO ATACADO (COM PEDIDO) EVENTO DE VENDAS NO ATACADO (SEM PEDIDO) EVENTO DE DEVOLUÇÃO DE VENDAS EVENTO DE DEVOLUÇÃO DE COMPRAS EVENTO DE TRANSFERÊNCIA ENTRE FILIAIS EVENTO DE RECEBIMENTO DE PEDIDO DE COMPRA COM BIPAGEM EVENTO DE BIPAGEM ENVIO DE ORDEM DE CORTE PARA A OFICINA RETORNO DE PEÇAS ENVIADAS PARA OFICINA MENU FISCAL

2 3. MOVIMENTAÇÕES - Consulta Consulta de Movimentações HISTÓRICO DE CLIENTES FINANCEIRO Impressão de Documentos RELATÓRIOS Relatório 01 Alíquotas Relatório 60 Impostos (ICMS / IPI) Relatório 89 Movimentos Emitidos Relatório 90 Vendas Condições de Pagamento Relatório 92 Vendas Outras Saídas Relatório 94 Vendas Clientes Relatório 95 Movimentos Cancelados e Devolvidos Relatório 96 Ranking de Produtos (já foi visto no M4) Relatório 101 Notas por Transportadora Relatório 117 Clientes Histórico Relatório 126 Resumo Faturamento com Imposto (Já foi visto no M4) Relatório 127 Apoio a Lançamentos Fiscais Relatório 134 Vendas (cidade e estado) (já está no m4) Relatório 145 Relação de Notas Faturadas Relatório 161 Movimentos Emitidos Sintético Relatório 163 Demonstrativo de Faturamento por Representante

3 6.17. Relatório 166 Análise Gerencial de Vendas Relatório 175 Movimento de Caixa Detalhado Relatório 181 Faixas por Placa de Transportadora Relatório 182 Notas por CFOP e Cidade Relatório 183 Fiscal de Saídas Relatório 184 Fiscal de Entradas Relatório 196 Faturamento Sintético Relatório 197 Faturamento Analítico Relatório Relatório 339 Resumo de Faturamento por Produto Relatório Relatório Livro registro de entradas RE - Modelo P1/A Relatório Livro registro de entradas RE - Modelo P Relatório Livro registro de saídas RS - Modelo P2/A Relatório Livro registro de saídas RS - Modelo P Relatório 356 Retorno de nota fiscal pela CFOP Relatório 359 Livro registro de apuração do ICMS RAICMS Modelo P

4 Sobre o Esse módulo de treinamento do Millennium BM destina-se a funcionários da área de faturamento da empresa, quando este é realizado através da fábrica. Este módulo tem como objetivo apresentar as ferramentas que o Millennium BM disponibiliza para executar as atividades relacionadas a este departamento de sua empresa. A área de faturamento como todas as outras áreas, exerce uma importância muito grande para a empresa e para o cliente, pois através dos pedidos enviados a este setor é que são controlados tudo o que entra, sai e o que é devolvido à empresa. Informações que apresentam o perfil dos clientes e a classificação adotada para cada um deles, de acordo com a quantidade da compra realizada, o valor da compra e como foram realizados os pagamentos, permitem identificar como pode ser o tratamento e os benefícios oferecidos visando a fidelização dos bons clientes, e a prevenindo-se contra possíveis transtornos realizados com clientes tidos como mal pagadores ou problemáticos. Outros relatórios como ranking de produtos e relação de notas faturadas podem ser selecionados com várias opções de filtragem o que auxiliará muito na realização de conferências e outras atividades desta área. 4

5 DEPTO. DE FATURAMENTO INDUSTRIAL 1. CADASTRO Contábil e Fiscal 1.1. Alíquotas Entre no item CONTROLADORIA, clique no sinal de adição (+) da pasta Fiscal, clique no sinal de adição (+) da pasta Cadastros e escolha a opção Alíquotas Incluir Alíquota Este cadastro é destinado a arquivar as alíquotas do ICMS utilizadas pelo sistema nas movimentações de entradas e saídas interestaduais de mercadorias. Para movimentações dentro do estado ou feitas com clientes que não possuam inscrição estadual, o sistema utiliza a alíquota que estiver informada no cadastro do produto. Outros impostos também podem ser cadastrados aqui, mas apenas para efeito de consulta, atualmente o sistema não os utiliza em nenhuma rotina fiscal. As alíquotas de impostos são elementos fundamentais para as movimentações de entrada e saída de notas fiscais interestaduais, uma vez que sem estas informações não é possível lançar as notas de entrada ou efetuar faturamento dos pedidos de venda. Para incluir uma alíquota clique em Inclui Alíquota. A tela para inclusão se abrirá para receber o cadastro do imposto e suas respectivas alíquotas. Digite o código e a descrição do imposto. Dê um clique na Tabela de Valor para que ela se expanda e insira os valores das alíquotas. No caso do ICMS, por exemplo, a alíquota é diferenciada por estado, portanto, insira todos os estados e suas respectivas alíquotas. Para emitir notas de exportação, digite EX no campo Estado e informe a alíquota respectiva. No final das inclusões, clique em OK para gravar e fechar a tabela. Em seguida clique em Efetivar para salvar as informações. Figura 01a Item 5 5

6 ATENÇÃO! Se o campo país for preenchido na tabela, obrigatoriamente ele deverá ser informado nos cadastros de clientes e fornecedores, nos respectivos endereços. Figura 01b Item 5 O campo Valor, da tabela, deve ser preenchido com a alíquota de entrada no estado destino Alterar Alíquota Clique em Procurar para visualizar as alíquotas cadastradas, selecione o registro e clique em Alterar. Para fazer alterações na tabela de valor dê um clique sobre ela para que se expanda e faça as alterações necessárias. Clique em OK para fechar a tabela e salvar as alterações. Clique em Efetivar Excluir Alíquota Clique em Procurar para visualizar as alíquotas cadastradas. selecione o registro e clique em Excluir. O sistema emitirá uma mensagem pedindo a confirmação, clique em Efetivar para confirmar a exclusão Procurar Alíquota Há duas formas para consultar as alíquotas: Na guia Lista Alíquotas são visualizados os impostos cadastrados no sistema, por exemplo, ICMS, IPI, Cofins. Na guia Lista Valores de uma Alíquota são visualizadas as alíquotas cadastradas para os impostos. Por exemplo, o ICMS tem alíquotas variadas, então é possível cadastrar e visualizar todas as alíquotas e os respectivos estados. 6

7 1.2. CFOP A CFOP informa ao sistema qual o procedimento a ser tomado em relação ao regime de apuração do ICMS. De acordo com a CFOP será definida a alíquota aplicada sobre as movimentações de entrada ou saída, sejam elas estaduais ou interestaduais. A CFOP terá reflexos nos relatórios que informam se a operação foi realizada com contribuintes ou não contribuintes e nos relatórios 352, 353, 354 e 355. Entre no item CONTROLADORIA, clique no sinal de adição (+) da pasta Fiscal, clique no sinal de adição (+) da pasta Cadastro e escolha a opção CFOP Incluir CFOP Assim como as alíquotas dos impostos, a CFOP também é elemento fundamental para a emissão de notas fiscais. O contador é o profissional indicado para orientar sobre as CFOPs que se enquadram no ramo de atividade que a empresa atua. Consulte-o antes de proceder com cadastramento das CFOPs e das alíquotas de impostos, para que o sistema possa atender a legislação de acordo com o ramo de atividade da empresa. Clique no link Incluir CFOP. Informe o campo descrição, que poderá ser uma venda dentro ou fora do estado ou uma simples remessa, por exemplo. Em seguida, digite a natureza da operação, por exemplo, etc. Os campos referentes ao ICMS informam ao sistema se a CFOP sofrerá incidência de imposto ou não e o mesmo procedimento se aplica no caso do IPI. Ainda sobre o ICMS, há mais dois campos que podem ser utilizados para facilitar os lançamentos de débito e crédito: Forçar Alíquota de ICMS e ICMS de entrada no Estado. A função do primeiro é fazer com que o sistema assuma uma determinada alíquota ignorando quaisquer outros campos que tratem desta mesma informação. Por exemplo, uma venda feita dentro do estado de São Paulo terá, como regra, a incidência de 18% de imposto. Mas, se por alguma razão a venda feita tiver uma alíquota diferenciada basta preencher este campo para que o sistema assuma seu valor. O sistema usará obrigatoriamente a alíquota que estiver neste campo para a emissão da nota fiscal. O segundo campo é utilizado nos casos de devolução feita por clientes de fora do estado fazendo com que o programa credite o imposto com a mesma alíquota utilizada na venda. O campo Modificador da Situação Tributária permite substituir os dois últimos dígitos do código da tabela de tributação do ICMS, que foram informados no cadastro do produto. Basta preencher o campo com o valor que deverá ser impresso na nota e toda vez que a CFOP for utilizada o sistema fará a substituição. Por exemplo, um produto nacional com tributação integral terá o código de situação tributária Porém, se este produto for enviado para beneficiamento, a situação tributária será Nesse caso, se o campo for preenchido com o número 40, o sistema fará a alteração automaticamente. Utilize o campo Observação para registrar informações sobre a CFOP que devam ser impressas na nota fiscal. Dias em trânsito informa por quanto tempo a mercadoria poderá ficar fora da empresa sem recolhimento do imposto. CFOP de Transferência serve para forçar o lançamento de uma CFOP em contrapartida de outra. Por exemplo, quando uma fábrica transfere produtos para serem vendidos em lojas próprias, a 7

8 CFOP de saída é Para ter certeza de fazer o lançamento de entrada correto na loja, basta preencher este campo com a CFOP Dessa forma o sistema fará o lançamento da entrada de transferência automaticamente sempre que for feita uma saída de transferência com a CFOP O campo Redução na Base só poderá ser utilizado para transações com empresas normais, ou seja, aquelas que não utilizam nenhum outro benefício fiscal, como micro empresas ou que adotem o imposto simples. Para utilizar o recurso da redução na base será necessário marcar o campo Benefício Estadual indicando ao sistema que a transação está sendo feita com uma pessoa jurídica. ATENÇÃO! Sempre que a redução na base de cálculo do imposto for utilizada, o campo Observação da Redução deverá estar preenchido com a lei que regulamenta e autoriza sua utilização. Esta observação deverá ser configurada pelo técnico para ser impressa no corpo da nota fiscal, conforme determinação da legislação vigente. Preencha o campo Tipo de Empresa na qual a CFOP se aplica de acordo com o cadastro do cliente. Os campos ICMS e IPI Sem Crédito de Imposto são para forçar o lançamento dos valores diferentes da base de cálculo na coluna Outros nos livros de registro de entrada ou saída, nos casos onde não houver débito, crédito ou isenção de impostos. Para utilizar o recurso da substituição tributária, informe no campo respectivo, a taxa que será aplicada para o cliente ou fornecedor. ATENÇÃO! Para utilizar o campo Substituição Tributária será necessário marcar o campo Aplicar Substituição Tributária no ICMS, nos cadastros de cliente e fornecedor. No campo Explicação, é possível digitar um texto informando em qual situação esta CFOP poderá ser utilizada, evitando desta forma sua utilização em movimentações erradas Alterar CFOP Clique em Procurar para visualizar todas as CFOPs do cadastro, selecione aquela que será alterada e clique em Alterar. O registro da CFOP é apresentado, faça as alterações necessárias e clique em Efetivar Excluir CFOP Clique em Procurar para visualizar todas as CFOPs do cadastro, selecione aquela que será excluída e clique em Excluir. O sistema emitirá uma mensagem pedindo a confirmação, clique em Efetivar para confirmar a exclusão. 8

9 ATENÇÃO! O sistema não permitirá a exclusão de CFOPs que já tenham sido utilizadas Procurar CFOP Dê um clique no link Procurar. A lista de todas as CFOPs cadastradas será apresentada com todos os campos do registro. Observe que no rodapé da tela há um pequeno sinal de adição(+) com a indicação Tipo Empresa. Este recurso serve para mostrar quais tipos de empresa utilizam a CFOP selecionada. Selecione a CFOP e clique no sinal de adição para visualizar os tipos de empresa que podem utilizála Frete Geralmente eventos de movimentações utilizam informações referentes a fretes, portanto é recomendável que este recurso esteja previamente cadastrado. O frete poderá ser configurado nos parâmetros gerais do sistema e no cadastro de transportadoras. Entre em UTILITÁRIO, clique no sinal de adição (+) da pasta Comercial e selecione a opção Transportadoras. A Tabela de Preços do Frete, no cadastro de transportadoras deverá ser preenchida. Figura 02a - Item 5 Com estas informações o sistema irá gerar um título a pagar no caso de Cif, ou acrescentará o valor do frete ao título a receber do cliente, no caso de Fob, de acordo com a configuração do evento e a opção selecionada na movimentação de venda e de compra. Também será necessário configurar a rotina de frete nos parâmetros gerais do sistema. Entre em UTILITÁRIOS, clique no sinal de adição (+) da pasta Administrador e escolha a opção 9

10 Configurações Gerais. Na seção de Frete serão informados: número da conta no plano de contas financeiro, tipo de pagamento e se o frete deverá ser cobrado no pagamento da primeira parcela do título, nos casos de Fob. O campo motivo foi criado para atender a necessidade de um cliente específico, mas poderá ser preenchido com a opção Indefinido. Para gerar automaticamente o título a pagar, o sistema utilizará as informações cadastradas na Tabela de Data de Pagamento de Frete. Clique na tabela para visualizar os campos que devem ser preenchidos. Figura 02b Item 5 A coluna Faturados Até define que os títulos emitidos até o dia 10, por exemplo, de cada mês serão pagos trinta dias após a data de emissão, ou seja, no dia 10 do mês posterior. O mesmo procedimento será seguido para os títulos emitidos até dia 20 ou 31. No campo Seguro deverá ser informado o valor do seguro por item e o sistema calculará automaticamente o valor total do seguro baseado no preço de venda total dos produtos. No caso do seguro, o pagamento será feito da mesma forma que o frete. Se a empresa pagar o frete o sistema gerará um título a pagar e se o cliente pagar, o sistema incluirá o valor no título a receber correspondente. Para gravar as informações da tabela de fretes é necessário efetivar o cadastro da transportadora. Na apostila de treinamento do módulo 3 está descrito o processo completo de cadastramento de transportadoras. 2. MOVIMENTAÇÕES As movimentações são base de todo funcionamento do Millennium BM e devem ser configuradas de acordo com as necessidades da empresa. O cadastro dos eventos de movimentação deve ser feito inicialmente pelo consultor técnico, para assegurar a integridade das informações registradas. 10

11 A inclusão de um evento requer uma avaliação detalhada dos passos seguidos pela movimentação do item. A configuração dos eventos definirá o comportamento do sistema em relação às entradas e saídas do estoque, contas a pagar e a receber, comissões dos representantes e vendedores, numeração dos documentos, prazos, cálculo de impostos, codificação fiscal, condições de pagamento, fretes, descontos a serem aplicados e outros procedimentos que possam vir a ser necessários devido ao tipo de movimentação. Por exemplo, a remessa de produtos acabados da fábrica para a loja é um evento de saída e a venda de produtos acabados também é um evento de saída. Observe que o primeiro evento acessa o estoque da fábrica subtraindo itens da quantidade e acessa o estoque da loja somando itens na quantidade. Se o transporte for feito por veículo próprio, não haverá uma despesa com frete, mas se for utilizado o serviço de uma transportadora, irá gerar uma conta a pagar. O segundo evento é bem mais dinâmico. Por se tratar de uma venda ele irá acessar várias rotinas como: comissão sobre vendas, cálculo de impostos, contas a receber, baixa de estoque etc, etc, etc... Os eventos funcionam basicamente da mesma forma e para cada tipo de procedimento deverá ser criado um evento. Por exemplo, venda de produto acabado, compra de matéria-prima, transferência de estoque, simples remessa, venda no atacado com pré-faturamento, compra de produto acabado com digitação da nota fiscal. Qualquer tipo de evento que ocorra na empresa deverá ser configurado corretamente para assegurar a integridade das informações processadas. Inclusive, alguns campos podem ser definidos como fixos nos eventos, sendo preenchidos automaticamente assim que o evento é selecionado pelo usuário. Um bom exemplo são os campos Natureza da Operação, UF, Tabela de Preço, Tipo de Pagamento ou qualquer outro que o evento permita. Os eventos ficam distribuídos em pastas de acordo com a sua natureza. Por exemplo, os eventos de compras serão acessados a partir do link de movimentações do módulo de compras e os eventos de vendas, serão acessados a partir do link de movimentações do módulo de vendas. ATENÇÃO! Recomendamos que cada estoque tenha seus eventos cadastrados separadamente, por exemplo, criar um evento de entrada para o estoque de matéria-prima, outro para produto acabado e outro para o material de consumo da empresa. Porém, o sistema tem a opção de trabalhar com múltiplos tipos de produto. No final de cada evento, após a efetivação do movimento, a janela para impressão se abre permitindo selecionar um dos vários documentos cadastrados no sistema. A impressão de documentos não é obrigatória e caso seja necessário imprimir um documento, como um romaneio para controle, é possível armazenar e imprimir todos de uma vez. O próximo passo poderá ser a tela de impressão de nota fiscal de saída ou digitação de nota fiscal de entrada, dependendo da configuração do evento. 11

12 2.1. BARRA DE ACESSO (COLORIDA) É possível criar um atalho e navegar entre um evento e outro utilizando a barra de acesso, localizada no topo da tela. Para deixar este recurso ativo basta configurá-lo no evento. Entre no item UTILITÁRIOS, clique no sinal de adição (+) da pasta Administrador e escolha a opção Eventos. Se estiver incluindo, selecione a guia Configurações, marque o campo Habilitar Barra de Acesso e escolha a cor da barra ou, entre na alteração de eventos para marcar o campo. Quando estiver fazendo lançamentos em um evento e quiser mudar para outro, clique na barra colorida para visualizar os demais eventos e selecionar. Os eventos habilitados mostram a barra colorida e os eventos que não estiverem habilitados não mostram nada EVENTO DE ENTRADA COM DIGITAÇAO DA NOTA Entre no item COMPRAS e escolha a opção Movimentações. Este evento consiste em dar entrada de itens no estoque com ou sem pedido de compras. Na entrada sem pedido de compra, o sistema abrirá uma janela com as grades dos itens para que o usuário digite a quantidade de cada um. Na entrada com pedido, o sistema acessa o pedido de compra e trás as informações, permitindo alterações durante o evento de movimentação. Se uma tabela de custo estiver selecionada e o item estiver cadastrado nela, seu preço será mostrado na tela automaticamente, podendo ser alterado se for necessário, de acordo com o cadastro do evento. Se o campo Atualiza Tabela estiver marcado e o item não estiver cadastrado na tabela, ele será incluído ou, caso o item já faça parte da tabela, apenas gravará o novo custo. O campo Quita aparece na tela em dois pontos diferentes. Acima do grid de digitação de itens sua função será quitar todo o pedido e dentro do grid ele quita item a item. Se for preciso quitar apenas uma cor de um determinado item, terá que ser feito no pedido de compra. No rodapé da tela, o campo Acerto é utilizado para calcular descontos e aplicar acréscimos. O tipo de desconto poderá ser configurado no cadastro do evento, na guia Financeiro e Contabilização. Essa configuração irá definir se o desconto será simples ou se será desconto sobre desconto. Informe a porcentagem do desconto e se houver um desconto sobre ele, clique no campo seguinte (...) para abrir a janela e informar o valor do próximo desconto. Observe que o valor do campo Acerto foi alterado, indicando que o sistema assumiu um desconto sobre o outro. 12

13 Figura 03 Item 5 Para aplicar acréscimo ao valor da compra, dê um duplo clique sobre a palavra Acerto para converter o recurso em acréscimo, preencha o campo com o percentual e observe que o valor final foi acrescido. Observe na Figura 03 Item 5 a tela de lançamento preenchida. A finalização do lançamento será igual nos dois tipos de entrada. Após a efetivação do movimento, a tela para impressão de documento é aberta. No final de todos os lançamentos, são mostrados o total de peças do pedido, o valor total dos descontos e o valor total da nota. A digitação da nota fiscal de entrada é feita após a efetivação do movimento. Nesse momento também poderão ser impressos documentos, como romaneio ou ticket para controle interno. A seguir vem a janela para digitação da nota fiscal, onde é possível visualizar que há duas formas de lançar o ICMS: pelos totais ou item a item. Na primeira opção, guia TOTAIS, o sistema pega os valores totais da nota para fazer os lançamentos fiscais pertinentes. Na Segunda, guia ITENS, é possível editar os valores de cada item e seu respectivo valor de imposto. Observe os lançamentos dos valores nas Figuras 4a e 4b Item

14 Figura 04a Item 5 Figura 04b Item 5 A seguir preencha a tela de lançamento de contas a pagar e clique em Efetivar Clientes Este link acessa o cadastro de clientes permitindo inclusões e alterações de registros, criação de histórico, perfil e resumo financeiro. Dê um clique no link para abrir a tela desejada e clique em Efetivar para salvar a alteração. O sistema retorna automaticamente à tela de inclusão de pedido Cliente Simplificado Para agilizar a inclusão de clientes, mantenha esta opção marcada. Isto fará com que o sistema mostre uma tela com os principais campos do cadastro, que poderá ser complementado posteriormente. Clique no link Clientes para visualizar o menu de opções, que deverá mostrar a opção Cliente Simplificado com uma marca. Em seguida clique em Incluir Cliente, preencha pelo menos os campos obrigatórios (em vermelho) e clique em Efetivar. Para digitar o endereço, clique na tabela para que ela se expanda e proceda como no cadastramento completo, utilizando os botões de Inserir (*) e Excluir (X), nos casos onde houver mais que um endereço. 14

15 Limpar Produtos Limpar Produto deve ser acionado para limpar toda a área da tela onde foram digitados os itens. Ele apagará todos os itens digitados e manterá as demais informações na tela, como número de documento, data, filial etc Atualizar Listas Como os arquivos do sistema são compartilhados, é possível que outro usuário faça alguma alteração nos bancos de dados enquanto as informações estão na tela de movimentação. Por exemplo, o endereço de um cliente pode ser alterado enquanto um pedido estiver sendo efetuado para ele, ou os preços da tabela de vendas podem ser alterados durante o faturamento. Clicando no link Atualiza Listas, o sistema atualizará as informações dos campos que tiverem sido alterados durante a digitação da movimentação. No caso de alterações feitas em tabelas de preços, será enviada uma mensagem perguntando ao usuário de deseja substituir os valores pelos atuais Produtos Este link acessa o cadastro de produtos permitindo alterações e exclusões de registros, visualização de histórico, resumo de movimentação e preços dos itens. Dê um clique no link para abrir a tela desejada e clique em Efetivar para salvar a alteração. O sistema retorna automaticamente a tela de inclusão de pedido Observações do Item Permite inserir alguma informação que, por alguma razão, o usuário considere necessária. Para utilizá-lo dê um clique no link para abrir a janela, digite a observação e clique em OK Financeiro Permite visualizar e fazer substituição de títulos a receber referentes ao cliente da movimentação que está sendo gerada. Este link abre a mesma janela vista no módulo de contas a receber, Substituição de Títulos Caixa Permite acesso aos recursos de movimentação do caixa. Dê um clique no link para visualizar as opções e em seguida selecione Abertura Basta preencher os campos e efetivar. Se desejar alterar o caixa corrente informe o novo usuário e clique em Efetivar. Para utilizar este recurso, o usuário deverá estar vinculado ao caixa, no cadastro de usuários do gerenciador Fechamento Possibilita informar os valores do caixa por tipo de recebimento, por exemplo, dinheiro, cheque, cartões. Caso os valores dos tipos não batam com o valor total do fechamento, é possível forçar o 15

16 fechamento do caixa e nesse caso o Relatório 138 mostrará a mensagem Fechamento forçado, para uma averiguação posterior Sangria Permite registrar valores, datas, nome do credor ou devedor, observações e a conta que receberá o lançamento das retiradas de caixa Reforço Como na sangria, permite registrar as entradas de reforço Depósito O sistema transfere os títulos do caixa para uma conta selecionada. Para baixar o título automaticamente é necessário marcar o campo Baixa Títulos no Depósito, que está no cadastro de contas, na pasta Financeiro. Se este campo não estiver marcado, os valores referentes aos títulos recebidos serão apenas transferidos de conta e deverão ser baixados manualmente. Para efetuar os depósitos, clique na opção para abrir a janela e em seguida utilize o botão Busca Títulos para Baixar. Na tela de seleção de títulos (a mesma utilizada no módulo de contas a receber), faça uma busca, marque os títulos que serão baixados e clique em Selecionar. A seguir clique em Efetivar Depósito. Na Figura 05 Item 5 temos um exemplo de título selecionado para depósito. Figura 05 Item Recebimento Registra os títulos efetuados no caixa e permite informar o nome do cliente. Geralmente este recurso é utilizado para recebimento de títulos de clientes que levam a mercadoria e fazem o acerto posteriormente.. Digite o número do título ou clique em Procurar para visualizar todos os títulos e selecionar e clique em Baixar. ATENÇÃO! A data e a hora do caixa, nunca poderão ser alteradas. 16

17 Copiar Produtos Permite copiar produtos de pedidos (do mesmo cliente), notas, tickets e romaneios emitidos, coletor de dados e arquivos dbf. Para utilizá-lo selecione o cliente, clique no link Copiar Produtos e a seguir no link Demais Opções. A janela de opções será aberta para que o usuário selecione a origem da cópia dos dados, como pode ser visualizado na Figura 06b. Clique no campo Tipo para visualizar as origens possíveis e preencha os campos da tela para que o sistema mostre os registros. Na Figura 06b Item 5 temos como exemplo a janela de busca de arquivos de um coletor de dados. Digite o caminho ou clique no botão (...) para localizar o arquivo, em seguida clique em OK. O sistema copiará as informações do arquivo para o pedido. ATENÇÃO! O arquivo descarregado deve possuir apenas os produtos lidos pelo coletor e para que o sistema interprete este arquivo é necessário um outro arquivo de extensão FLA. Este arquivo é configurado pelo aplicativo Fleditor onde é definida a configuração do arquivo do coletor de dados. A cópia com coletor de dados comum está disponibilizada para todos os usuários do sistema, porém a opção de coletor de dados Cipher Lab necessita um desenvolvimento específico para cada empresa. Figura 06a - Item 5 Figura 06b Item EVENTO DE VENDAS NO ATACADO C/ PRÉ-FATURAMENTO Entre no item VENDAS e escolha a opção Movimentações. A mecânica deste evento é semelhante à de compras e envolve rotinas que acessam bancos de dados de clientes, contas a receber e a pagar, tabelas de preços, representantes, vendedores, comissões, transportadoras e descontos, entre outros. Como no evento de entrada com pedido, aqui também o sistema pode buscar as informações para a emissão da fatura de um pré-faturamento de venda. As informações são transferidas do pedido para o pré-faturamento e deste para o faturamento definitivo. Ao faturar, as quantidades são baixadas da reserva que foi feita no pré-faturamento. Um título a receber é cadastrado, a comissão referente à venda é calculada, o valor do frete é lançado em contas a pagar, se for o caso, ou qualquer outro procedimento que tenha sido configurado será executado. 17

18 O sistema permite imprimir na nota fiscal do evento o número do 2.4. EVENTO DE VENDAS NO ATACADO (COM PEDIDO) Entre no item VENDAS e escolha a opção Movimentações. Este evento é igual ao de venda com pré-faturamento, porém não existe o recurso da reserva de estoque para atender o pedido. Nesta fase, ainda é permitido alterar quantidades e preços, se o funcionário responsável estiver autorizado a fazer alterações EVENTO DE VENDAS NO ATACADO (SEM PEDIDO) Entre no item VENDAS e escolha a opção Movimentações. Evento muito utilizado nas vendas com pronta entrega. A navegação nas telas é semelhante aos eventos anteriores EVENTO DE DEVOLUÇÃO DE VENDAS Entre no item VENDAS e escolha a opção Movimentações. Para agilizar o lançamento dos tens na devolução de venda, é possível utilizar o recurso do link Copiar Produto (F7) que preencherá a tela com todos os itens do pedido selecionado e permitirá alterar ou excluir itens. Na devolução de vendas será gerada uma conta a receber para ser descontada na comissão do representante ou vendedor 2.7. EVENTO DE DEVOLUÇÃO DE COMPRAS Entre no item COMPRAS e escolha a opção Movimentações. Na devolução das compras, o sistema gera uma conta a receber para abater nas contas a pagar. As compras devolvidas também serão abatidas nos relatórios de compras. Apesar do sistema poder gerar automaticamente a conta a receber, este recurso é opcional e há empresas que preferem incluir o título manualmente EVENTO DE TRANSFERÊNCIA ENTRE FILIAIS Entre no item VENDAS e escolha a opção Movimentações. Este é um exemplo comum de movimentação onde somente o estoque sofre algum tipo de alteração: o estoque da fábrica, ou de uma filial, é subtraído e o estoque da filial é acrescido de itens. Neste tipo de evento, a tela para digitação poderá ser bem simples contendo apenas campos 18

19 para registro de datas, numeração de documentos, filial origem, filial destino e códigos com as respectivas quantidades. Se o transporte for feito por uma prestadora de serviço, haverá necessidade de configurar a tela com campos referentes às transportadoras e, nesse caso o evento deverá acessar, além do banco de dados do estoque, o banco de dados de transportadoras e de contas a pagar EVENTO DE RECEBIMENTO DE PEDIDO DE COMPRA COM BIPAGEM Entre no item COMPRAS e escolha a opção Movimentações Recebimento de Pedido de Compra Este evento faz parte de um recurso que controla o recebimento de pedidos de compra e ordens de produção que foram enviadas para facções. No evento de recebimento os itens recebidos podem ser automaticamente loteados (localizados) de acordo com os endereços previamente cadastrados e disponíveis no estoque. A configuração do evento de recebimento de pedidos de compra deve ser a seguinte: Guia Geral Definir um código e uma descrição para o evento Tipo de evento Entrada Tipo de Entrada Compra Assist.Pedido Refer. Marcar Fornecedor Marcar Faturamento de Pedido Marcar Guia Documentos Romaneio Nota Fiscal Numeração Automática Imprime Doc Guia Estoques e Lotes Influência Estoque Motivo Marcar Marcar Marcar Marcar Soma Indefinido Guia Financeiro, Fiscal e Contabilização Cond. Pagamento Marcar Valores Marcar Lança Financeiro Separado Marcar Gerar Título p/ Frete Não Gera Tabela de CFOP Definir CFOP padrão Influência no Caixa Subtrai 19

20 Guia Configurações Filial Habilitar Barra de Acesso Cor da Barra de Acesso Lança Quantidade Total Marcar Marcar Marcar Marcar Na tela de evento de recebimento de pedido de compra informe a filial, a conta e o fornecedor para que o sistema localize os pedidos pendentes. A seguir selecione o pedido para efetuar o recebimento. Neste evento, o sistema não mostra os itens do pedido selecionado obrigando o usuário a digitar as quantidades totais. Ao efetivar o evento o sistema verifica se a quantidade digitada e a quantidade do pedido são iguais e caso não sejam será enviada uma mensagem de alerta informando as divergências detectadas. O sistema não permitirá a efetivação do evento se as duas quantidades não forem iguais. Após lançar todos os itens do pedido clique em Efetivar. No recebimento de pedido o sistema não gera financeiro, estoque ou contabilização Autorizar Bipagem Entre em LOGÍSTICA, clique no sinal de adição da pasta Expedição e Recebimento, selecione a opção Autorizar Bipagem e faça uma busca para visualizar os recebimentos cadastrados. Selecione o recebimento e clique em Autorização de Bipagem. Esta autorização significa que o controle de qualidade aprovou o recebimento dos itens. O passo seguinte será executar o evento de bipagem Completar Conferência Faça uma consulta em movimentações e localize o recebimento de pedido e o romaneio digitado, dê um clique sobre eles para selecioná-los. Clique no link Completa Conferência. Uma mensagem informará que a nota fiscal já foi emitida e que alterações serão restritas. Confira as informações exibidas na tela e clique em Próximo Passo. Na tela seguinte o usuário poderá imprimir um documento para a operação de complemento ou clicar novamente em Próximo Passo. Nesse momento o sistema faz uma verificação entre a quantidade do evento de recebimento e a quantidade bipada e mostra na tela uma lista dos itens que não estiverem iguais. Se as quantidades estiverem iguais nas duas operações, o processo será finalizado, ou seja, as quantidades serão lançadas no estoque, será gerado um lançamento financeiro e efetuada a baixa do pedido de compra EVENTO DE BIPAGEM Entre no item COMPRAS e escolha a opção Movimentações. 20

21 O objetivo deste evento é fazer a leitura do código de barras dos produtos que estão em recebimento, gerar o endereçamento automático e imprimir as etiquetas com código de barras para cada lote, por exemplo, caixa. No campo Pedido Referência informe o número do pedido de compra que está sendo recebido. Verifique se os dados do pedido estão corretos e inicie o processo de bipagem dos itens. Todos os itens do pedido devem ser bipados. Assim que uma caixa estiver cheia, dê um clique na opção Fechar Lote. Isso fará com que seja impressa uma etiqueta de identificação para caixa. Para agrupar vários lotes no mesmo endereço é necessário marcar o campo Agrupamento do Lote, na guia Lotes e Estoque, na configuração do evento. A etiqueta deverá estar previamente configurada em c:\wts\files\documentos\etprod e mostrará a localização no estoque e quantos lotes estão armazenados naquele local. A impressora utilizada para impressão das etiquetas e seu layout deverão estar configurados nos parâmetros gerais. Após a efetivação do evento, o sistema imprimirá o romaneio do recebimento e a lista dos lotes criados. Estes dois documentos devem ser configurados no Leditor e utilizando o comando AGG, serão impressos em seqüência e no formato paisagem. Se a empresa trabalha com estoques separados para produtos de segunda qualidade, deverá criar um evento de bipagem específico para eles. A configuração do evento de bipagem deve ser a seguinte: Guia Geral Definir um código e uma descrição para o evento Tipo de Evento Entrada Tipo de Entrada Simples Fornecedor Marcar Pedido de Referência Marcar Guia Estoque e Lotes Influência no Estoque Motivo Local de Estoque Lote Agrupamento Lote Fecha Lote Não Influi Indefinido Marcar Marcar Marcar (Produto, estampa, cor e tamanho) Marcar Guia Documentos Romaneio Numeração Automática Imprime Doc Imprime Barras Marcar Marcar Marcar Por lote Guia Configurações Código de Barras Marcar 21

22 Habilitar Barra de Acesso Cor da Barra de Acesso Marcar Definir Guia Financeiro, Fiscal e Contabilização Influência no Caixa Não Influi Gerar Título p/ Frete Não Gera ENVIO DE ORDEM DE CORTE PARA A OFICINA Entre no item PRODUÇÃO e escolha a opção Movimentações. Para utilizar este recurso é necessário configurá-lo nos parâmetros gerais do sistema. Na guia Produção, marque o campo Faz envio para Oficina pela Movimentação. Este processo é muito parecido com o recebimento de pedidos de compra. A diferença é que o recebimento neste caso é referente às peças que foram enviadas para facções. O trabalho é dividido em duas etapas: - O usuário que faz o andamento da produção informa para qual oficina as peças serão enviadas; - O usuário que faz a emissão de notas fiscais vincula a oficina a nota emitida para o envio das peças. Neste evento é possível vincular várias ordens de produção enviadas para a mesma oficina e imprimir uma única nota fiscal de remessa. O preço do serviço deverá estar cadastrado em uma tabela de custo. O restante da movimentação é normal. A configuração do evento de envio deve ser a seguinte: Guia Geral Definir um código e uma descrição para o evento Tipo de evento Saída Tipo de saída Simples Fornecedor marcar o campo Envio Oficina Guia Documentos Romaneio Nota fiscal Numeração automática Imprime Doc Guia Estoque e Lotes Influência no estoque Motivo Não influi (A definir) 22

23 Guia Configuração Habilitar barra de acesso Cor da barra de acesso Filial marcar definir Guia Financeiro, Fiscal e Contabilização Gerar título para frete Influência no caixa Não influi Tabela de CFOP Selecionar a CFOP padrão Valores Tabela Preço/Custo RETORNO DE PEÇAS ENVIADAS PARA OFICINA 1º. Incluir o recebimento Ao fazer o envio de peças para oficina pela movimentação, é necessário fazer também o retorno pela movimentação para que o andamento da produção passe para a fase seguinte. O recurso de envio e retorno pela movimentação foi criado para trabalhar em conjunto com o recurso de endereçamento automático de estoque. Por isso, o recebimento das peças somente poderá ser finalizado após a bipagem dos itens da nota de retorno. 2º. Finalização do recebimento Esta fase consiste em comparar as quantidades enviadas para a oficina com as quantidades bipadas. Entre na consulta de movimentações, localize o evento de recebimento de oficina e o respectivo romaneio. Neste caso a finalização do recebimento não lançará peças no estoque. As quantidades entrarão no estoque somente após a liberação feita no andamento da produção MENU FISCAL Este link será visualizado somente quando houver uma impressora fiscal configurada no sistema com o objetivo de único de gerenciar as operações de entrada e saída de mercadorias, de acordo com a legislação vigente em atendimento ao Convênio 15/08. Ao ser acionado, este link exibirá um menu contemplando todas as operações da impressora fiscal exigidas pelo PAF-ECF. Para executar qualquer operação, basta clicar sobre a opção desejada. LX Dispara a leitura X na impressora Fiscal. Este relatório é específico da impressora, não há como mudar o leiaute. LMFC Leitura da memória fiscal completa. Esta leitura poderá ser impressa ou gravada em arquivo magnético. 23

24 LMFS Leitura da memória fiscal simplificada. Esta leitura poderá ser impressa ou gravada em arquivo magnético. ESPELHO MFD Captura um arquivo com todos os documentos emitidos pela impressora fiscal. Disponível somente em arquivo magnético, a impressão desse arquivo é proibida por lei. ARQ.MFD Geração do arquivo magnético do Ato Cotepe. Este é um dos arquivos que deverão ser enviados à receita. TAB.PRO. Geração de arquivo magnético com a tabela de produtos cadastrados no sistema. ESTOQUE Geração de arquivo magnético contendo o estoque atual dos produtos cadastrados no sistema. IDENTIFICAÇÃO DO PAF-ECF Imprime na impressora fiscal um relatório gerencial com os dados da homologação do PAF-ECF. MOVIMENTO POR ECF Gera um arquivo com as informações de backup dos dados enviados para impressora. Este arquivo é gerado pelo sistema e semelhante ao arquivo MFD que é gerado pela impressora. MEIOS DE PAGTO. Imprime um relatório gerencial com um resumo das formas de pagamento utilizadas nas vendas. Cancela Cupom Cancela somente o último cupom fiscal emitido no dia corrente. Sintegra ECF Gera arquivo magnético do Sintegra com os dados fornecidos pela impressora fiscal. Imprime Fech.CX Relatório de fechamento de caixa na impressora fiscal. Imprime Alterações de Preço Emite um relatório gerencial com as alterações de preços. Redução Z Relatório de fechamento diário da impressora fiscal. Após sua emissão, a impressora somente poderá ser utilizada após a meia-noite. Na finalização desse relatório, será impresso um código de barras dando a impressão de serem manchas na fita. 24

25 3. MOVIMENTAÇÕES - Consulta 3.1. Consulta de Movimentações As consultas às movimentações também serão feitas nos respectivos módulos de acordo com as atividades desenvolvidas. Por exemplo, para consultar os eventos de compras entre em COMPRAS e escolha a opção Consulta Movimentações. Utilize os campos Data Inicial e Final e o campo Ordem para selecionar os movimentos e clique em Procurar para visualizar a lista. Estes três campos são essenciais para realizar uma busca, porém o usuário poderá utilizar qualquer um dos demais campos para fazer uma busca mais específica. Por exemplo, o usuário pode visualizar todos eventos de vendas interestaduais realizados no mês de agosto de 2003 e listá-los por ordem de número de documento Alterar Movimento Utilize os campos Data Inicial e Final e o campo Ordem para listar os movimentos e selecionar aquele que será alterado. Clique em Alterar para visualizar todos os dados do movimento na tela e altere o campo necessário. ATENÇÃO! O sistema permitirá a alteração de qualquer campo somente enquanto a nota fiscal não tiver sido impressa. Antes de abrir a tela para alterar, o sistema informa que as alterações serão restritas, após a nota fiscal ter sido impressa Cancelar movimento Selecione a movimentação a ser cancelada e clique em Cancelar. Em seguida, informe o motivo do cancelamento e clique em Efetivar Cancelar nota fiscal O cancelamento da NF é feito por meio da respectiva movimentação. Faça uma busca como no cancelamento e procure na coluna de notas fiscais, o número da nota que será cancelada. Selecione o registro, clique em cancelar nota fiscal e em seguida clique em Efetivar. Ao cancelar uma nota fiscal não significa que o movimento foi excluído ou estornado. Todos os lançamentos permanecerão Gera Barras 25

26 Imprime etiquetas de códigos de barra para os produtos da movimentação selecionada e na quantidade especificada. Selecione a movimentação e clique no link Gera Barras para visualizar a janela de configuração das etiquetas. Clique em OK para confirmar a impressão. O sistema irá gerar um arquivo com a extensão.dat para ser utilizado pelo programa MasterPrint da Paulimaq. O recurso permite imprimir tanto o código EAN quanto o código interno e oferece a opção de configurar alguns campos na etiqueta Alterar Transportadora/Frete Este link permite alterar rapidamente a transportadora. Foi criado para contornar os casos em que é preciso emitir uma nota fiscal e ainda não foi definida qual transportadora irá levar a mercadoria. Realize uma busca no cadastro de movimentações, selecione a nota que será alterada e clique no link. A tela para alteração de transportadora será aberta. Informe a nova transportadora e clique em Efetivar Etiquetas Selecione a movimentação e clique no link Etiquetas para visualizar a janela de configuração. As etiquetas devem estar previamente configuradas no diretório c:\wts. O consultor técnico é a pessoa mais indicada para gerar as configurações de acordo com as necessidades da empresa. Para utilizar este recurso é necessário ter instalado o programa TM FORMS e a etiqueta deve estar previamente configurada no servidor, no diretório C:\WTS\FILES\DOCUMENTOS\ETIPROD. 26

27 Tela para impressão de etiquetas Informe de Embarque A função deste recurso é cadastrar as informações referentes à importação de produtos que estão em trânsito. Para utilizá-lo é necessário que haja uma movimentação de entrada, com o tipo de faturamento Por Itens em Trânsito (compra) e obrigatoriamente deverá ter um pedido de compra. Selecione a movimentação de entrada referente à importação e clique no link para abrir a janela de informe de embarque. No campo Intermediário, selecione o fornecedor ou importador, que obrigatoriamente deverá estar com o campo Intermediário marcado no cadastro de fornecedores. O sistema mostrará, no campo Fatura Externa todas as movimentações com itens em trânsito referentes a ele para que o usuário possa marcar aquelas que serão incluídas no documento de embarque. Clique em Efetivar. Efetivando o informe de embarque o sistema fará a reserva de entrada no estoque de acordo com as movimentações selecionadas. Para lançar as reservas de entrada no estoque definitivamente, deverá ser feita uma movimentação de entrada relativa ao número de embarque, que deverá ser informado na seção Dados de Embarque. Na seção de dados de embarque preencha o número do documento de embarque e as datas referentes Detalhe da Movimentação Para fazer uma consulta rápida das informações da movimentação, faça uma busca, selecione o movimento e clique em Detalhe da Movimentação. As informações poderão ser apenas visualizadas e não será possível fazer nenhum tipo de alteração a partir desta tela Procurar 27

28 O sistema utiliza dois campos básicos para realizar buscas nas movimentações: Data Inicial e Final e o campo Ordem. Todavia, para realizar uma busca mais objetiva, é possível definir um campo específico para o sistema pesquisar. Qualquer campo da tela de busca poderá ser utilizado para este fim. Por exemplo, se o usuário necessitar uma lista com todas as movimentações de entrada, realizadas no mês de setembro, em uma determinada filial basta preencher os campos com os dados que devem ser pesquisados e clicar em Procurar Transferências Pendentes A guia Transferência de Pendência é utilizada para administrar os casos em que as filiais realizam transferência, mas a saída de uma não implica em dar entrada imediata na outra. Para utilizar este recurso é necessário configurar o evento de transferência com o procedimento desejado. No campo Transferência Pendente escolha uma das opções: a) Não Fica - Informa ao sistema que deverá dar entrada na filial destino assim que der saída na filial origem; b) Sem Conferência - Significa que o sistema deve dar entrada na filial destino somente quando for efetivada a transferência e que não será necessária uma conferência prévia; c) Com Conferência - Significa que antes de efetivar a transferência, deverá ser feita uma conferência dos itens transferidos pela filial destino. Para efetivar selecione a guia de transferência e em seguida faça uma busca. Clique na movimentação que será liberada para visualizá-la. Observe que abaixo dos produtos o campo Transferência Pendente aparece marcado. Clique em Efetivar. Se o evento de transferência exigir conferência, o operador do sistema deverá estar ciente da necessidade de confirmar o recebimento dos itens transferidos porque nenhuma mensagem de aviso será emitida e a quantidade dos itens não será lançada no estoque. Para confirmar o recebimento, clique no link Confirma Recebimento para abrir a tela de digitação das quantidades. Para informar as quantidades transferidas é possível digitar nas grades, como é feito com os pedidos, ou usar o leitor de código de barras. 28

29 Figura 07 Item 5 Após informar as quantidades de todos os itens, clique em Efetivar para fechar a tela e novamente em Efetivar para que o sistema lance as quantidades transferidas no estoque destino. Na Figura 07 Item 5, visualizamos a tela para conferência de transferência preenchida. 4. HISTÓRICO DE CLIENTES Todas as informações referentes a clientes podem ser visualizadas numa mesma tela do sistema Millennium BM. Entre no item VENDAS e escolha a opção Histórico de Clientes. A tela de histórico de clientes pode ser visualizada na Figura 07a Item 5. Figura 07a Item 5 Note que a opção Busca já vem selecionada assim que a tela é aberta. Na mesma linha, encontramos os demais links que possibilitarão visualizar as várias informações referentes a cada cliente. 29

30 Preencha qualquer campo com uma informação referente ao cliente que deseja consultar e clique em Procurar. Observe na Figura 07b Item 5 que o sistema apresenta os dados do cliente. No histórico do cliente é possível consultar créditos, contas a receber e recebidas, pedidos de venda, compras, consignações, movimentações e cadastro. Na guia Outras Informações o usuário poderá visualizar quantidade de peças compradas pelo cliente e o preço médio pago por ele, valor total das compras, saldo devedor, títulos em atraso, em cartório, protestados, devolvidos e prorrogados, histórico de bloqueio do cliente, condições de pagamento, tabelas de preços e descontos aplicados para ele, informações bancárias, contatos pessoais e comerciais. As informações adicionais vêm do campo Observações, no cadastro do cliente. Na guia Em Aberto são mostradas as informações referentes às movimentações feitas com o tipo de pagamento Cobranças. Para visualizar as informações clique na guia respectiva. Figura 07b Item 5 A tela de histórico de clientes pode ser configurada para que o usuário visualize somente as informações pertinentes às suas funções. Use o gerenciador de usuários e selecione os módulos e os links que cada usuário poderá acessar no sistema. ATENÇÃO! Esta tela é somente para consultas e não permite nenhum tipo de alterações. 5. FINANCEIRO 5.1. Impressão de Documentos Boletos/Duplicatas Notas Fiscais Armazenadas Romaneios/Tickets Armazenados Cartas de Cobrança 30

31 Imprimir Documento Entre no Item UTILITÁRIOS e escolha a opção Impressão de Documentos. Os campos apresentados na tela serão os mesmos para qualquer documento selecionado. Porém, para cada tipo de documento serão preenchidos somente os campos necessários. O layout dos documentos deverá ser configurado previamente por um técnico e ser armazenado no diretório C:\wts\files\documentos ou não será possível imprimi-los. Para selecionar os documentos clique na seta do campo Tipo. Defina as datas inicial e final e o tipo (cliente, fornecedor ou filial) para quem o documento será emitido. Se for necessário imprimir o nome da filial, basta selecioná-la no campo Filial. Para reimprimir um documento que já tenha sido impresso, dê um clique no campo Impresso para marcá-lo. Há outras quatro seções na tela com campos informativos que irão compor o documento a ser impresso. Em Movimentações, informe se o documento se refere a um movimento de entrada, saída, transferência ou lançamento manual. Para fazer uma busca mais específica, o campo Movimentações poderá ser utilizado limitando a quantidade de itens resultantes na busca. Nas demais seções é possível selecionar a numeração dos documentos que serão impressos. Preenchidos os campos, clique em Procurar. Para imprimir documentos armazenados, selecione no campo Tipo o documento a ser impresso e nos campos Data Inicial e Final informe o período no qual os documentos foram emitidos e clique em Procurar para visualizar os documentos na tela. Selecione os títulos que serão impressos e clique em Imprimir. Observe os botões do lado esquerdo da listagem. O primeiro permite marcar todos os títulos de uma só vez e o segundo permite desmarcá-los. Originalmente, os itens trocados ou devolvidos são impressos em documentos separados. Para imprimir esses itens em um único romaneio/ticket, será necessário configurar o layout do documento com uma propriedade chamada TROCA cujo valor é 1 e deverá ser configurada no leditor pelo técnico responsável que atende o cliente. Com essa nova configuração, não será mais obrigatória a impressão de dois documentos separados para listar estes itens Procurar Documento Para fazer uma busca no arquivo de documentos, basta informar no campo Tipo qual o documento que deseja encontrar e selecionar um período para que o sistema realize a pesquisa. Em seguida clique em Procurar. Se for necessário reimprimir o documento, marque somente o item que deseja imprimir tomando o cuidado de desmarcar os demais. 31

32 Figura 08 Item Carta de Cobrança Esta opção foi incluída na Impressão de Documentos e tem por objetivo manter um registro das negociações feitas, referentes aos títulos a receber de clientes. Sempre que uma carta de cobrança for enviada através deste recurso ou um contato telefônico for feito, serão registrados na tabela de controle no título a receber. Requisitos básicos para a utilização do recurso: 1 Configurar o tipo de pagamento 2 Configurar a condição de pagamento 3 Cadastrar o Controle de cobrança 4 Cadastrar as mensagens de cobrança 5 Incluir o título Cadastros Entre em UTILITÁRIOS, na pasta Comercial e selecione a opção de Tipo de Pagamento. Marque o campo Grava Controle de Cobrança e, se for necessário, informe as condições de pagamento que utilizarão o controle. Clique em Efetivar para gravar. 32

33 Em seguida, ainda na pasta Financeiro, selecione a opção Condição de Pagamento e preencha o campo Tipo de Pagamento com o tipo que tem o campo Grava Controle de Cobrança marcado. Para que o sistema possa preencher a tabela de controle no cadastro de títulos, será necessário cadastrar também as descrições desse controle. Continue na pasta Financeiro e selecione a opção Controle de Cobrança. Digite a descrição e selecione o tipo de controle, que será obrigatoriamente carta ou telefonema. O campo de intervalo de dias será utilizado no momento da seleção dos títulos para os quais serão geradas as cartas de cobrança. Portanto, deverá ser preenchido com a quantidade de dias após os quais deverá ser enviada a carta de cobrança. 33

34 No exemplo da figura acima, o campo foi preenchido com o valor sete. Isto significa que ao fazer a seleção de títulos para envio da carta, o sistema irá filtrar todos os títulos cuja emissão ocorreu sete dias antes e exibirá na tela. ATENÇÃO! Para emitir a segunda carta de cobrança, o sistema fará a contagem do prazo a partir da data de emissão da primeira. Ou seja, para emitir a segunda carta 14 dias após a emissão do título, o cadastro da segunda carta deverá ter um prazo também de sete dias. No caso do controle ser uma carta, será necessário também criar um texto padronizado que será impresso no corpo do documento. Para criar o texto, selecione a opção Mensagem de Carta de Cobrança, também encontrada na pasta Financeiro. Na figura abaixo, vemos um exemplo de cadastro de texto para carta de cobrança. 34

35 ENVIO DE CARTA DE COBRANÇA E NEGOCIAÇÃO Feitos os cadastros, todos os títulos incluídos no sistema com a condição de pagamento que utilizar o controle de cobrança poderão ser visualizados na tela de envio de carta CARTA DE COBRANÇA Entre em UTILITÁRIOS e selecione a opção Impressão de Documentos. No campo Tipo escolha a opção Carta de Cobrança. Preencha os campos de filtro para visualizar os títulos que irão receber carta. Para obter um resultado eficiente na busca dos títulos para envio de carta, alguns pontos devem ser observados: a) A seleção das datas deve estar de acordo com o período selecionado no cadastro do controle de cobrança. Em nosso exemplo, foi informado que a carta deverá ser enviada no prazo de sete dias. Como na tela de seleção de títulos foi escolhida a data de emissão, o sistema fará uma busca entre os títulos emitidos no período de 02 a 13 de outubro e filtrará aqueles cuja emissão estiver no prazo de sete dias. O resultado da busca trouxe dois títulos, o primeiro emitido no dia 5 e o segundo, no dia 06. b) Perceba na tela de filtros que o campo Incluir já Impressos está marcado. Este recurso faz com que os títulos com cartas já enviadas apareçam no resultado da busca dentro do período informado. Observe que na coluna 1ª. CARTA consta uma data de impressão para o título emitido no dia 5. Dessa forma o usuário poderá verificar para quais títulos já foram enviadas cartas de cobrança e, no campo Imprimir, poderá desmarcá-las para não haver duplicidade de envio. Após preencher os filtros de seleção, clique em Procurar. Marque os títulos que deverão receber a carta de cobrança e clique em Imprimir. Lembre-se que a carta deve estar previamente configurada em wts:\\files\documentos\cartacob. 35

36 Todas as cartas de cobrança impressas através deste recurso serão cadastradas na tabela de controle de cobrança, encontrada no titulo a receber do cliente. Esta tabela somente será preenchida para títulos que forem efetivados com o tipo de pagamento configurado para utilizar este recurso. cartas. Na figura abaixo temos a Tabela de Controle de Cobrança com o registro do envio das duas NEGOCIAÇÃO Este recurso trabalha em conjunto com o controle de cobrança, porém um não depende do outro. Os títulos que não tenham sido efetivados com o recurso do controle de cobrança também poderão ser manipulados neste este processo Incluir Negociação Entre em FINANCEIRO, clique no sinal de adição da pasta Receber, selecione a opção Negociação e clique em Incluir. Na tela de filtragem, preencha o campo com o código do cliente para o qual a negociação será feita. A seguir, dê um clique no botão Buscar Título para abrir a tela de seleção. Preencha os campos da tela para visualizar todos os títulos em aberto referentes ao cliente selecionado e marque os títulos que serão negociados, como vemos na figura a seguir. 36

37 Clique em Selecionar para incluir os títulos na tela de negociação. Nesta tela serão informados os novos prazos e valores para os títulos. Dê um clique no botão Inserir, na segunda seção da tela e digite as novas informações. No exemplo da figura abaixo, será feita uma negociação para estabelecer um novo prazo para o pagamento das parcelas. A partir da data base e do percentual de juros informado, o sistema recalculará o prazo e os valores das parcelas. Assim que as novas informações forem digitadas na seção de negociação, automaticamente serão lançadas na seção Acerto, logo abaixo. 37

38 Veja na figura acima que os títulos com vencimento para 21/10 e 05/11 tiveram seus vencimentos alterados para 15/11 e 15/12 e seus valores foram corrigidos de acordo com a taxa de juros de 4% informada. Clique em Efetivar para gravar as novas informações sobre os títulos. Na tela de busca é possível visualizar as negociações que foram cadastradas para todos os títulos Gerar Substituição Os títulos negociados podem ser baixados e substituídos por títulos com os novos vencimentos e novos valores. Faça uma busca, selecione a negociação feita e clique em Alterar. Para substituir os títulos negociados, clique no link Gerar Substituição e preencha os campos da tela. Alguns campos da tela de substituição são obrigatórios, sem os quais o sistema não permitirá a substituição. Para baixar os títulos na data corrente, deixe desmarcado o campo Data da Baixa igual ao Vencimento. Clique OK para efetivar a substituição dos títulos. Após a substituição dos títulos não será permitida nenhuma alteração na negociação. Faça uma consulta em títulos a receber para visualizar os títulos substitutos e os títulos substituídos. Lembre-se de marcar nos campos de filtro as opções Efetuado e Substituídos porque é assim que os títulos antigos serão considerados a partir da efetivação da substituição Incluir Telefonema Para incluir o registro de um telefonema no cadastro do título, selecione entre em FINANCEIRO, clique no sinal de adição da pasta Receber, escolha a opção Negociação e selecione a guia Lista Telefonemas. Preencha os campos para filtro e clique em Procurar. O sistema exibirá os títulos que estiverem dentro das características selecionadas e de acordo com o prazo estabelecido no cadastro de controle de cobrança. 38

39 Na figura abaixo, vemos o resultado de uma busca para títulos emitidos entre 05/10 e 23/10 e que estão dentro do prazo para receber o primeiro telefonema de contato. Dê um clique na opção Gravar Telefonema para abrir tela de observações. Preencha o campo Descrição e clique em Efetivar. Na figura, vemos um exemplo de inclusão de telefonema. Os telefonemas também serão visualizados na tabela de controle de cobrança, do cadastro de títulos a receber. No exemplo da tabela abaixo vemos o registro do envio da primeira e segunda carta e o primeiro telefonema. 39

40 6. RELATÓRIOS Imprimir relatórios no Millennium BM é muito semelhante à criação das listagens para consulta em tela, vistas até agora. Após fazer as seleções para o relatório, clique em OK para visualizar a impressão na tela. Se houver necessidade de imprimir um relatório com muita freqüência ele poderá ter sua configuração salva. No rodapé da tela de filtros existe um campo para digitar o nome do relatório e ao lado um campo para marcar. Clique no ícone com um pequeno disquete para salvar a configuração. Para desistir da impressão clique em Cancelar e a janela será fechada. A seguir clique na seta Voltar para retornar ao menu de relatórios. Para imprimir o relatório dê um clique no pequeno ícone com o desenho de uma impressora que aparece na barra de ferramenta. Assim como é possível salvar a seleção dos filtros do relatório, também é possível salvar em arquivo o relatório impresso. Clique em Salvar para abrir a tela e selecionar a pasta na qual o relatório deverá ser salvo. Dessa forma o relatório poderá ser enviado e visualizado em qualquer computador, através de um leitor de relatórios, mesmo que no outro computador não tenha o Millennium BM instalado. Entre no item UTILITÁRIOS e escolha a opção Relatórios. Dê um clique duplo no relatório que deseja imprimir ou digite o número dele no campo Busca e em seguida dê um clique duplo. 6.1.Relatório 01 Alíquotas Emitir este relatório é bastante simples. Basta digitar o número, teclar Enter duas vezes, e o relatório começa a ser impresso com a lista de todos os estados e suas respectivas alíquotas de ICMS. 40

41 6.2.Relatório 60 Impostos (ICMS / IPI) Este relatório apresenta todas as operações de entrada e saída, ou ambas, que tenham emissão de documento fiscal através do sistema, ocorridas no período definido. A listagem mostra detalhes das operações como data, número, base de cálculo, valor de imposto creditado ou debitado e valores isentos. Se uma mesma listagem incluir as operações de entrada e saída, o sistema calculará a diferença entre elas e mostrará se o saldo do imposto é devedor ou credor. Para imprimir esta listagem, informe no campo Tipo qual a operação que deseja listar, o período que de ser pesquisado e se quiser visualizar as informações de uma filial em específico, dê um clique no campo para marcá-la. Na Figura 09 Item 5 vemos um exemplo de listagem a ser impressa onde serão listadas as saídas do mês de abril/2003, da filial Lantejoulas e Vidrilhos. Figura 09 Item Relatório 89 Movimentos Emitidos Emite uma listagem com todos os movimentos de entrada, saída ou transferência informando detalhes como data, número de documento, valor, evento, fornecedor, cliente, filial, produtos e quantidades. Se a listagem for agrupada por eventos, mostrará o total no final de cada tipo de evento. Utilize as guias de seleção para configurar o relatório na forma que melhor atender a necessidade do momento. 41

42 Figura 10 Item 5 Na Figura 10 Item 5 vemos o exemplo de uma listagem que será impressa com todos os movimentos da filial Gold Team no primeiro semestre/2003. Os movimentos serão agrupados por evento e em cada evento serão separados por departamento. 6.4.Relatório 90 Vendas Condições de Pagamento Lista as vendas de um determinado período totalizando por condição de pagamento e mostrando o percentual de cada condição em relação ao total das vendas no período Relatório 92 Vendas Outras Saídas Este relatório lista detalhadamente as movimentações de saídas ou vendas por produto dentro de um período determinado. Nos campos Data Inicial e Final informe o período no qual deseja que o sistema realize a pesquisa. Se desejar pesquisar a movimentação do item em uma única filial, basta selecioná-la. Nos campos Produto Inicial e Final defina quais serão os itens pesquisados e se houver necessidade de analisar um ou mais caixas em particular, basta selecioná-los. Figura 11 Item 5 42

43 6.6. Relatório 94 Vendas Clientes Este relatório mostra todas as operações de vendas, no atacado ou varejo, efetuadas em um período determinado referente a produto acabado, matéria-prima ou material de consumo. É muito utilizado como apoio em análise de vendas. É importante que esteja bem clara qual a necessidade da consulta a ser feita porque este relatório oferece muitas opções de impressão devido à quantidade de campos de seleção disponíveis. As seleções podem ser cruzadas entre si e gerar inúmeros resultados. Na listagem podem ser visualizados os números de nota fiscal e documento, data de emissão, gerador (cliente ou fornecedor), representante ou vendedor, quantidade, valor unitário, tipo de evento e condição de pagamento. A impressão do relatório pode ser feita na forma analítica, exibindo todos os campos citados ou na forma sintética mostrando apenas a quantidade de peças e o valor de todas das vendas do período selecionado. O usuário poderá utilizar as guias de seleção e emitir este relatório para fazer análises das vendas sobre informações específicas, por exemplo, apenas as compras realizadas para uma determinada filial Relatório 95 Movimentos Cancelados e Devolvidos Lista os eventos de saída que foram cancelados no período determinado e, através da senha, informa o nome do usuário que efetuou o cancelamento. A listagem pode ser selecionada por filial e/ou documento e ser ordenada de várias formas. No exemplo da Figura 12 Item 5 será impressa uma listagem das saídas efetuadas com nota fiscal, na filial Lantejoulas, Vidrilhos e Brilhos durante o mês de agosto. Figura 12 Item Relatório 96 Ranking de Produtos Neste relatório é possível definir o período a ser pesquisado e o tipo de venda, ou seja, varejo, atacado ou ambos. Mostra a performance dos produtos analisando as vendas efetivadas ou os pedidos de vendas fazendo um comparativo entre o valor de uma tabela de preços escolhida e o valor da nota fiscal de venda, mostrando a rentabilidade do produto e a margem de lucro bruto. 43

44 Por se tratar de um ranking, é necessário definir um critério de avaliação: mais ou menos vendidos e o valor ou quantidade. No campo Quantidade a Imprimir informe ao sistema que deseja visualizar somente os 100 primeiros produtos selecionados, caso contrário ele irá imprimir todos os itens cadastrados. Neste relatório é possível escolher entre cinco layouts de impressão onde: a) O primeiro é o mais simples e mostra o lucro unitário, porcentagem do lucro bruto e estoque atual; b) O segundo acrescenta as colunas de custo total, comissões, impostos, margem de contribuição em valor e percentual; c) O terceiro apresenta a previsão de produção e a diferença entre a previsão e as vendas efetivadas. d) Fornecedor mostra a posição de vendas do produto, relacionando fornecedor, quantidade de peças vendidas, valor líquido das vendas, a porcentagem de peças vendidas em relação ao total de peças no período, estoque atual e a quantidade de peças a receber no caso de haver pedidos de compra. e) Entrada mostra a data da primeira e da última entrada do produto registrada no sistema e a somatória de todas as entradas do produto desde a primeira. A somatória e as datas não estão sujeitas ao período definido para a impressão do relatório. Os campos: Ordem, Quebra e Agrupar funcionam como nos demais relatórios e as guias de seleção, como sempre devem ser utilizadas para delimitar os produtos que serão analisados Relatório 101 Notas por Transportadora Emite a relação das transportadoras que foram utilizadas pela empresa, baseado na numeração das notas fiscais emitidas ou em um período determinado. Este relatório pode ser utilizado como protocolo de entrega às transportadoras porque inclui um espaço para assinatura do funcionário que retira a mercadoria. No exemplo da Figura 13 Item 5 vemos uma tela onde o resultado será uma listagem das mercadorias que foram enviadas pelo correio durante o mês de setembro/2003 e que constam nas notas com numeração entre e Figura 13 Item 5 44

45 6.10. Relatório 117 Clientes Histórico Imprime o histórico do cliente selecionado com informações sobre cadastro, títulos e pedidos. Figura 14 Item 5 Selecione o cliente e marque os campos que deseja visualizar na listagem. No exemplo da Figura 14 Item 5 foram marcados alguns campos para que pudesse ser mostrado o resultado do relatório na Figura 15 - Item 5. Figura 15 Item Relatório 126 Resumo Faturamento com Imposto Este resumo apresenta número da nota fiscal, data, valor da operação, alíquotas dos impostos e seus respectivos valores, valor total da nota, valor do custo dos produtos, valor da comissão e a margem de contribuição de cada venda sobre o faturamento total do período. ATENÇÃO! Para visualizar os valores do PIS e da Cofins é necessário cadastrar as alíquotas destes impostos 45

46 nas configurações gerais, no grupo Produtos Relatório 127 Apoio a Lançamentos Fiscais Este relatório apresenta as mesmas informações que o Relatório 60, porém com um layout mais sintetizado. Nele são visualizados os valores totais da notas fiscais, das bases de cálculo do ICMS, com substituição ou não, dos impostos a recolher, natureza da operação, alíquotas aplicadas, numeração e data de emissão. Na listagem são apresentados resumos dos totais por porcentagem de alíquota, por natureza de operação e o total geral dos valores referentes ao período selecionado. A impressão pode ser feita por período, tipo de operação (entrada, saída ou ambas) e por filiais determinadas ou os valores de todas as filiais juntas Relatório 134 Vendas (cidade e estado) Lista as vendas efetuadas em um período determinado considerando a cidade ou estado para o qual a venda foi efetuada e o tipo de endereço. Este relatório pode ser impresso nas formas Sintético ou Analítico e está disponível em três layouts diferentes: a) Layout Original mostra todas as vendas efetuadas, em ordem cronológica, e informações como número da nota fiscal, nome do cliente e o representante, quantidade de peças e valores. b) Layout Pronta Entrega/Pedido mostra todas as vendas em ordem cronológica, porém separa as vendas feitas por pedido das vendas feitas pronta entrega. c) Layout Produtos Vendidos mostra todas as vendas em ordem cronológica descrevendo os itens do pedido por tamanho e cor. Utilize as guias de seleção para limitar o relatório aos itens que interessem. Como no exemplo da Figura 15 Item 5 onde foi criado um relatório que listasse todas as vendas do cliente 1716, desde 01/01/2002 e que descrevesse os produtos vendidos. ATENÇÃO! A guia de seleção Pacote Comercial tem uma particularidade: se algum pacote for selecionado o relatório será impresso em função dos itens que fazem parte do pacote. Por exemplo, se forem selecionados alguns representantes, somente serão impressas as vendas efetuadas por eles referentes aos itens pertencentes ao pacote selecionado. Os pacotes comerciais devem ser cadastrados no item CADASTRO, na opção Auxiliar a Produto. 46

47 Figura 15 Item 5 Na Figura 16 Item 5 visualizamos o resultado do relatório. Figura 16 Item Relatório 145 Relação de Notas Faturadas Este relatório foi criado para atender a necessidade de um cliente específico para listar as notas fiscais faturadas por ordem de CFOP. Geralmente, é utilizado por quem vende para grandes magazines porque permite listar as vendas que foram realizadas para um grupo de lojas, utilizando o número do CNPJ. Nele são impressos informações como CGC ou CNPJ, razão social, data de emissão e valor da nota. 47

48 Figura 17 Item Relatório 161 Movimentos Emitidos Sintético Lista o resumo da movimentação ocorrida no período informado e pode ser impressa por ordem de documento, nota fiscal ou data de emissão. O relatório permite que sejam selecionadas: contas, eventos, fornecedores, filiais e divisões. Na listagem é possível visualizar o tipo de movimentação, os movimentos cancelados, valor total, representante, tipo de pagamento, condição de pagamento, data de vencimento e frete/cif. No final do relatório são apresentados os totais: do frete, geral e por tipo de pagamento Relatório 163 Demonstrativo de Faturamento por Representante Neste relatório é possível visualizar as vendas de pronta entrega, vendas com pedido ou ambas que foram efetuadas num determinado período. É possível listar as vendas de um único representante ou dos representantes de uma única filial. Para isso basta selecioná-los. A listagem também pode ser impressa de várias formas como pode ser visto no campo Ordem. E nos campos Faixa de Romaneios e Notas, é possível limitar a listagem informando a numeração dos documentos que devem ser impressos. Figura 18 Item 5 48

49 No exemplo da Figura 18 Item 5 vemos que será emitida uma listagem das notas fiscais emitidas no mês de julho/2003, da filial Lantejoula e Vidrilhos, que foram tiradas para os representantes Araújo e Avante Relatório 166 Análise Gerencial de Vendas Faz uma análise das vendas, em valores, no mesmo período do ano anterior. A análise poderá ser feita para todas as filiais ou apenas para as filiais selecionadas. Se não houver um período anterior para o sistema buscar automaticamente, é possível informar os valores brutos diários no cadastro financeiro para emitir o relatório. ATENÇÃO! Os valores deste relatório estão apresentados em R$ (Reais) e divididos por Relatório 175 Movimento de Caixa Detalhado Mostra a movimentação do caixa na data escolhida, que poderá ser de emissão, vencimento ou pagamento. Os movimentos podem ser separados em efetivados, pagos em dinheiro, e não efetivados, pagos com cheque, cartão ou outro meio. A listagem poderá incluir as movimentações do caixa, os lançamentos avulsos, como despesa com transporte ou almoço com cliente, os títulos incluídos manualmente, que podem ser os de outra filial, e ainda tem a opção de listar todos eles no mesmo relatório. É possível selecionar a filial e a conta caixa, detalhando e totalizando as entradas e saídas. O relatório mostra plano de contas, número do documento, tipo de pagamento, valor e histórico, totalizando por filial. Figura 19 Item 5 49

50 6.19. Relatório 181 Faixas por Placa de Transportadora Geralmente utilizado para controlar as entregas nos casos de frota própria, relaciona todos os itens que deram saída sob responsabilidade do transportador informado na movimentação. A listagem poderá ser impressa por ordem de placas, cidade origem ou destino, número da nota fiscal ou data de saída. É possível selecionar o período, a numeração das placas, filiais, eventos ou série de nota fiscal. Também é possível visualizar nesta listagem o valor e a quantidade dos itens transportados Relatório 182 Notas por CFOP e Cidade Imprime uma listagem com a somatória dos valores das notas emitidas em um determinado período, agrupando e totalizando as informações de várias formas diferentes: por CFOP, por estado, por estado e cidade etc. Também é possível listar as informações de apenas uma filial, CFOP ou de um único estado Relatório 183 Fiscal de Saídas Relatório 184 Fiscal de Entradas Estes relatórios têm o mesmo formato que o livro de registro fiscal, podendo ser impressos por filial e por ordem de data de entrada ou de emissão de um determinado mês. Também é possível visualizar os resumos por tributação, por CFOP ou por UF em páginas separadas. A listagem poderá ser impressa com numeração nas páginas, como é feito no livro de registro. Para não visualizar as notas canceladas ou de conserto basta deixar os campos desmarcados. No relatório há recursos de filtragem que permitem imprimir informações específicas. Por exemplo, na Figura 20 Item 5 temos uma seleção de impressão onde serão filtradas as entradas que tenham UF (estado) igual a MG e PE, cuja alíquota de ICMS seja maior que 12%. Para definir quais as informações que serão impressas utilize o campo Condição. Observe como funcionam as duas condições existentes neste campo: E significa que o sistema deverá buscar exatamente o que está indicado nos campos seguintes. OU significa que deverá imprimir tanto uma opção quanto a outra. No exemplo da Figura 20 Item 5 foi solicitado ao sistema que listasse as entradas cujo estado seja PE ou MG e que tenham alíquota de ICMS maior que 12%. 50

51 Figura 20 Item Relatório 196 Faturamento Sintético Mostra o faturamento no período determinado e um resumo por categoria de clientes. A listagem poderá ser impressa por período, categoria e filial. Se forem realizadas vendas para clientes sem classificação por categoria, o relatório apresentará a diferença Relatório 197 Faturamento Analítico Mostra o faturamento no período determinado e um resumo por categoria de clientes. A listagem poderá ser impressa por período, categoria e filial. Se forem realizadas vendas para clientes sem classificação por categoria, o relatório apresentará a diferença. Este relatório apresenta os mesmos valores que o 196, porém com informações detalhadas como tipo do movimento, CFOP, cliente, cidade, representante, transportadora e condição de pagamento Relatório 339 Resumo de Faturamento por Produto Mostra a margem de contribuição de cada item movimentado no período definido. Na listagem são visualizados os valores da venda liquida e seu custo de aquisição, o lucro bruto e sua porcentagem. O relatório pode ser impresso por filial e nas guias de seleção é possível limitar as informações por departamento, divisão, marca, tipo, grupo ou coleção. Para imprimi-lo, o usuário deverá informar uma tabela de custo para que o sistema possa apurar o lucro. 51

MANUAL Módulo 12. Índice. Sobre o Módulo 12... 3 1. FINANCEIRO... 4. 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4

MANUAL Módulo 12. Índice. Sobre o Módulo 12... 3 1. FINANCEIRO... 4. 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4 Índice Sobre o... 3 1. FINANCEIRO... 4 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4 2. CLIENTE SIMPLIFICADO... 6 2.1. Inclusão pela movimentação... 6 2.2. Alteração pela movimentação... 6

Leia mais

Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2

Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2 Conteúdo PARAMETRIZAÇÃO STOREMANAGER... 2 CONFIGURAÇÕES DA GUIA GERAIS DO STOREMANAGER... 2 Seção Geral... 2 BOTÕES DE CONFIRMAÇÃO... 3 Seção Código de Barras... 4 Seção Abertura / Fechamento de Caixa...

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

MANUAL Módulo 08. Índice. Sobre o Módulo 08... 3. 1. CADASTRO Financeiro... 4

MANUAL Módulo 08. Índice. Sobre o Módulo 08... 3. 1. CADASTRO Financeiro... 4 Índice Sobre o... 3 DEPTO CONTAS A RECEBER...... 4 1. CADASTRO Financeiro... 4 1.1. Moeda... 4 1.2. Conta Caixa... 5 1.3. Conta Corrente... 10 1.4. Bancos... 13 1.5. Carteira... 15 1.6. Ações... 16 1.7.

Leia mais

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA

MEGASALE PAF-ECF AOB SOFTWARE INFORMATICA LTDA MEGASALE PAF-ECF 2 MEGASALE PAF-ECF Tabela de Conteúdo Introdução 4 Login Megasale PAF-ECF 5 Frente de Loja (E.C.F) 5 1 Buscando... uma Pré-Venda 9 2 Buscando... um DAV 12 Incluindo Pré-Venda 14 Incluindo

Leia mais

Manual do Módulo. MerchNotas

Manual do Módulo. MerchNotas Manual do Módulo MerchNotas Bento Gonçalves (RS), Agosto de 2010 Índice 1. Introdução... 4 2. Menu Entrada de Notas... 5 2.1. Entrada de Notas (F11)... 5 2.2. Entrada de Notas NFe (F12)... 8 2.3. Apuração

Leia mais

Apostila PDV Frente de Caixa

Apostila PDV Frente de Caixa Apostila PDV Frente de Caixa Sumário Sincronização dos dados...4 Menu PDV...4 Abrir PDV...4 PDV (Ctrl+V)...4 Processos de Vendas...5 Venda em Dinheiro...5 Venda em Cartão de Débito...6 Venda em Cartão

Leia mais

Administração do Sistema

Administração do Sistema Administração do Sistema 1. Eventos...2 1.1 Venda Varejo...4 1.2 Venda Atacado...11 1.3 Devolução Venda...19 2. Configurações Gerais...26 3. Visualização de Atividades de usuário...34 4. Visualizador de

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

MANUAL Módulo 02. Índice. Sobre o Módulo 02... 3 1. PRODUÇÃO... 4. 1.1. Matéria-Prima... 4 1.2. Auxiliar... 15 1.3. Estoque Mínimo e Máximo...

MANUAL Módulo 02. Índice. Sobre o Módulo 02... 3 1. PRODUÇÃO... 4. 1.1. Matéria-Prima... 4 1.2. Auxiliar... 15 1.3. Estoque Mínimo e Máximo... Índice Sobre o... 3 DEPARTAMENTO DE ESTOQUE...... 4 1. PRODUÇÃO... 4 1.1. Matéria-Prima... 4 1.2. Auxiliar... 15 1.3. Estoque Mínimo e Máximo... 15 2. ESTOQUE... 17 2.1. Inventário... 17 2.2. Consulta

Leia mais

Configuração Empresa/Filial

Configuração Empresa/Filial Configuração Empresa/Filial Para definir as configurações (Parâmetros) de cada empresa ou filial cadastrada no sistema, proceda da seguinte forma: Acesse o módulo Administrativo. Clique no menu Cadastros

Leia mais

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New INDICE 1 1. CADASTRO DE USUÁRIOS...1 2. MODULO EMPRESA...4 2.1. Cadastro da Empresa...4 2.2. Parâmetros da Empresa...4 3. MÓDULO

Leia mais

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Roteiro passo a passo Módulo Faturamento Sistema Gestor New Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New 1 INDICE

Leia mais

Manual do sistema Lojamix PDV

Manual do sistema Lojamix PDV Manual do sistema Lojamix PDV Versão 1.10 Data da última atualização 07/11/2011 SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS...3 LISTA DE Siglas...4 Primeiros passos...5 Acessando o ambiente de configuração...5 Acessando

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.04 Estoque...2 Controlando a Garantia - Honda Motocicletas...2 Controlando a Boutique...6 Entrada de Peças no Estoque...7 Entrada de Mercadorias...7 Importação do Faturamento

Leia mais

Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g

Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g Menu Acesso - Lista de Operações Acessíveis Trade Solution - Versão 2.23g Esta listagem apresenta as operações de acesso de acordo com o módulo do Trade Solution onde elas causam impacto. Se a operação

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Notas Fiscais Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões... 3 3.2 Configurar NF-e... 4 3.2.1 Aba Geral... 5 3.2.2 Opções... 6 3.3 Processador

Leia mais

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO 1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Casa Magalhães Comércio e Representações Ltda O objetivo deste tutorial é apresentar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA NOÇÕES GERAIS MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA Para melhor compreender o ambiente de trabalho do sistema GONDOLA, é necessário que sejam apresentadas algumas noções gerais, antes de se aprofundar em cada módulo

Leia mais

MANUAL C R M ÍNDICE. Sobre o módulo de CRM... 2. 1 Definindo a Campanha... 3

MANUAL C R M ÍNDICE. Sobre o módulo de CRM... 2. 1 Definindo a Campanha... 3 ÍNDICE Sobre o módulo de CRM... 2 1 Definindo a Campanha... 3 1.1 Incluir uma campanha... 3 1.2 Alterar uma campanha... 4 1.3 Excluir... 4 1.4 Procurar... 4 2 Definindo os clientes para a campanha... 4

Leia mais

Sistema Gerencial de Farmácias Podium (Java - Fiocruz) Orientações sobre o Sistema Gerencial (Java - Fiocruz) Versão PAF-ECF (18, 19, 20)

Sistema Gerencial de Farmácias Podium (Java - Fiocruz) Orientações sobre o Sistema Gerencial (Java - Fiocruz) Versão PAF-ECF (18, 19, 20) Orientações sobre o Sistema Gerencial (Java - Fiocruz) Versão PAF-ECF (18, 19, 20) Consulta de Produtos Foi criado novo campo na Consulta de Produtos na tab page II com o nome IPPT (Indicador de Produção

Leia mais

Processo: Produção. Acesso. Motivação. Parâmetros. Nome do Processo: Geração de numeração de chassi

Processo: Produção. Acesso. Motivação. Parâmetros. Nome do Processo: Geração de numeração de chassi Pendências 21026/23314/23604/23809 Versão 2009 Release 2 Autor Jaciara Processo: Produção Nome do Processo: Geração de numeração de chassi Acesso PRODUÇÃO Andamento de produção Motivação Manter um histórico

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 2013 GVDASA Sistemas Caixa AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

www.gerenciadoreficaz.com.br

www.gerenciadoreficaz.com.br Fone: (62) 4141-8464 E-mail: regraconsultoria@hotmail.com www.gerenciadoreficaz.com.br Guia Prático do Usuário Manual de Instalação Gerenciador Eficaz 7 2 Manual do Usuário Gerenciador Eficaz 7 Instalando

Leia mais

MÓDULO COMERCIAL. OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou

MÓDULO COMERCIAL. OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou MÓDULO COMERCIAL OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou consultar. Em Devolução de Compras, usado para realizar uma devolução

Leia mais

Módulo 14. CgaInformatica. NFe. NFe para o Sistema Retwin

Módulo 14. CgaInformatica. NFe. NFe para o Sistema Retwin Módulo 14 CgaInformatica NFe NFe para o Sistema Retwin 2 Sumário O que é... 3 Benefícios... 3 Requisitos para Instalação e Implantação... 3 Obrigação Backup... 4 Configuração Geral do Sistema... 5 Cadastro

Leia mais

Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência

Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência Sumário Índice de Figuras... 3 Histórico de Revisões... 4 Introdução... 5

Leia mais

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Contas a Pagar 2

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Contas a Pagar 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software NeXT ERP Manual do usuário Resumo das principais funcionalidades Dezembro/2009 NeXT Software Página 1 de 33 Índice Iniciando NeXT ERP...3 Tela inicial...3 Interface padrão do NeXT ERP...3 Interface - Cadastro

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6

ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 1 ÍNDICE 1. CADASTRO ITENS...1 2. EMISSAO DE PEDIDOS E NOTAS...5 3. PEDIDO DE COMPRA...6 4. CONTRA-NOTA PRODUTOR RURAL...6 5. CADASTRO OPERAÇÕES FISCAIS (CFOP)...7 6. GERAR SINTEGRA...8 7. CONTROLE DE

Leia mais

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis

Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Módulo Cadastro SIGLA Digital Relação de Controles de Acesso Página 1 de 22 Documentação de Controle de Acesso Descrição das opções disponíveis Agenda Telefônica Cadastro simplificado de telefones. Tem

Leia mais

Acesso do sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra na figura abaixo.

Acesso do sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra na figura abaixo. Manual do usuário Acesso do sistema Página 1 Veja que em sua área de trabalho irá aparecer o ícone do Sistema. Para acessar o sistema, basta dar dois cliques neste ícone ou ir pelo menu Iniciar, como mostra

Leia mais

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS

Ello Master & Ello Gerencial PRINCIPAIS RECURSOS Recursos Ello & Ello PRINCIPAIS RECURSOS SPED Compra Legal Sintegra Consulta preço Consignação Controle de entregas Pedido a fornecedor Ordem de produção (produtos produzidos/indústria) Entradas simplificada

Leia mais

Emissão: 16/09/2010 Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana PEDIDO DE VENDAS SHP. PPV0102 v. 3.2.7.39 Help Desk

Emissão: 16/09/2010 Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana PEDIDO DE VENDAS SHP. PPV0102 v. 3.2.7.39 Help Desk Emissão: 16/09/2010 Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana PEDIDO DE VENDAS SHP PPV0102 v. 3.2.7.39 Help Desk 1 Conteúdo Introdução:... 3 CAMINHO:... 4 Inclusão e inicio do PEDIDO DE VENDAS... 5 DETALHES

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE

TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio

Leia mais

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Senha para Cancelamento de Itens no Check-Out: É a senha obrigatória quando o Check-Out comandar um cancelamento de item (Botão F9). Pedido Automático Balcão

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE

GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE GUIA RÁPIDO DE TESOURARIA ONLINE PADRÃO_VGTUCOPE RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário Guia Rápido do Usuário 1 Apresentação Auxiliar o cliente Mesa01 de forma rápida e eficaz é o objetivo deste Manual Através dele, você conseguirá esclarecer dúvidas do dia-a-dia na utilização do sistema

Leia mais

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin Modulo 05 0 CGAINFOMÁTICA Retwin ESTOQUE 2 Estoque Sumário 5.1 Configuração Geral... 3 5.2 Entradas... 4 5.2.1 Manutenção... 4 5.2.2 Consulta... 6 5.2.3 Produção... 6 5.2.4 Relatórios... 8 5.3 Saídas...

Leia mais

Guia Prático do Usuário

Guia Prático do Usuário Guia Prático do Usuário 3. O que esse Manual aborda Esse manual é um guia prático de utilização do sistema, ele aborda noções gerais sobre gerenciamento de sua empresa além de ter informações detalhando

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076

Gestor Empresarial - Financeiro. Release Versão 1.076 Gestor Empresarial - Financeiro Release Versão 1.076 Maio/2013 Produto : AeroSoft Gestor Empresarial - Financeiro Versão : v1.076 Data Liberação : 21/04/2013 A seguir são apresentadas as novas funções

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

CADASTROS 2013 AOB SOFTWARE

CADASTROS 2013 AOB SOFTWARE CADASTROS 2 CADASTROS Tabela de Conteúdo Cadastro de Clientes 4 Cadastro de Produtos 5 1 Cadastro... de Produtos Básico 5 2 Cadastro... de Produtos Básico + Grade de Produtos 7 3 Cadastro... de Produtos

Leia mais

VisualControl PAF-ECF Tecnologia em. Automação Comercial

VisualControl PAF-ECF Tecnologia em. Automação Comercial HelpAndManual_unregistered_evaluation_copy VisualControl PAF-ECF Tecnologia em Automação Comercial I VisualControl PAF-ECF - Tecnologia em Automação Comercial Tabela de Conteúdo Parte I Introdução 1 Parte

Leia mais

Síntese de fluxo de máquinas e implementos

Síntese de fluxo de máquinas e implementos Síntese de fluxo de máquinas e implementos Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Objetivo... 3 Parâmetros para utilização do processo... 3 Cadastro

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

2. Noções Gerais para o Uso do Sistema

2. Noções Gerais para o Uso do Sistema Índice 1. Introdução... 2. Noções Gerais para o Uso do Sistema... 2.1. Para Acessar o Sistema... 2.2. Menu Suspenso... 2.2.1. Vendas... 2.2.2. Consulta/Cadastros... 2.2.3. Menu Fiscal... 2.2.4. Caixa...

Leia mais

1. Informações sobre Inventário 2

1. Informações sobre Inventário 2 INVENTÁRIO 1. Informações sobre Inventário 2 2. Etapas do Inventário 3 2.1 Etapa 1: Premisas para o Inventário 3 2.1.1 Criando um Novo Inventário 7 2.2 Etapa 2: Contagem 20 2.2.1 Inserindo Contagem/Contagens

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17

ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO ORDEM DE SERVIÇO 16 GARANTIA 16 PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 ESTOQUE 17 1 ÍNDICE GERAL ÍCONES COMUNS A VÁRIAS TELAS. 03 ATALHO PESQUISA PRODUTO. 05 NOVO CLIENTE 05 NOVO PRODUTO 07 NOVA VENDA VENDA IDENTIFICADA 07 NOVA ORDEM DE SERVIÇO 08 NOVO ORÇAMENTO 09 BALANÇO DIÁRIO DE

Leia mais

5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA...

5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA... ÍNDICE Introdução... 5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA... 6 1.1 Subprocesso: Emitir Pedido de Compra... 7 1.1.1 Imprimir Ficha Técnica do Produto... 7 1.1.2 Cotação de Compra (220)... 11 1.1.3 Receber Mercadoria

Leia mais

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com

Material de Apoio. SEB - Contas a Pagar. Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Material de Apoio SEB - Contas a Pagar Versão Data Responsável Contato 1 05/12/2011 Paula Fidalgo paulaf@systemsadvisers.com Conteúdo CONFIGURAÇÃO... 3 Cadastro de Fornecedores... 3 Métodos de Pagamento...

Leia mais

Manual do Usuário. Vixen PDV

Manual do Usuário. Vixen PDV 1 Manual do Usuário Vixen PDV 2 Índice 1. INTRODUÇÃO 3 2. ENTRANDO NO SISTEMA 4 2.1 TELA LOGIN 4 2.2 CARGA DE TABELAS LOCAIS 4 3. MENU INICIAL 5 4. BARRA DE STATUS 6 5. ABRINDO O CAIXA 6 6. VENDA 7 6.1

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...

INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO... 3. CONTAS A RECEBER... 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER... 1 2 INDICE 1. CADASTRO DE CATEGORIAS...5 2. CADASTRO DE BANCO......6 3. CONTAS A RECEBER......6 3.1. LANÇAMENTO AUTOMÁTICO DE CONTAS A RECEBER...6 3.2. LANÇAMENTO MANUAL DE CONTAS A RECEBER...7 3.3. GERAÇÃO

Leia mais

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria

Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Índice 1.Auditoria Financeira...2 2.Parametrizações do Sistema...3 2.1.Cadastro da Empresa...3 2.1.1.Forma de controle das notas na Auditoria Financeira...4 2.1.2.Formas de Registro do Pagamento e Recebimento

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe

MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe MANUAL DO SISTEMA - NIVEL BÁSICO PAF-ECF / NFe ÍNDICE PAG. 01 ACESSO AO SISTEMA PAG. 02 INFORMANDO USUÁRIO E SENHA PAG. 03 MENU DE CADASTROS PAG. 04 CADASTRANDO FORNECEDORES PAG. 05 CADASTRANDO GRUPOS

Leia mais

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA Goiânia, 01 de março de 2012 Aos clientes Sabre, Novos procedimentos após atualização do sistema para versão 2.1.289.13 Será disponibilizada versão 2.1.289.13, nossos colaboradores deveram realizar cadastro

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

Geração do Sintegra VisualControl

Geração do Sintegra VisualControl HelpAndManual_unregistered_evaluation_copy Geração do VisualControl I Geração do - VisualControl Tabela de Conteúdo Parte I 1 1 Registro 10... 3 2 Registro 11... 4 3 Registro 50... 4 4 Registro 54... 7

Leia mais

Guia de Primeiros Passos - MOVIMENTAÇÕES

Guia de Primeiros Passos - MOVIMENTAÇÕES Guia de Primeiros Passos - MOVIMENTAÇÕES Este documento tem o objetivo principal de iniciar você de forma rápida e simples no sistema.aprog., configurando as funcionalidades a sua realidade. A série Primeiros

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o módulo... 5 Impostos... 5 Situação Tributária... 6 Configurações para I.C.M.S. Retido... 8 Configurações para Redução de Base de Cálculo SP... 10 Natureza de

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009

Mobility Gestão Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 Mobility Gestão Guia de Vendas 07/01/2009 O Mobility Gestão é um software de retaguarda para o segmento de Varejo, visando o controle total do estoque e movimentações de venda. Desenvolvido para trabalhar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MARKANTY INFORMÁTICA Sistemas para Automação Comercial Gestão Empresarial e Fábrica de Software (Específicos) Princípios de nossos Profissionais:

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

Manual Girassol Food Cadastro

Manual Girassol Food Cadastro Cadastro INTRODUÇÃO Seja bem vindo ao Guia de Utilização do Sistema Girassol Food. Este guia trará todos os módulos detalhadamente, permitindo o esclarecimento de dúvidas sobre o funcionamento e os recursos

Leia mais

ÍNDICE 1 INSTALAÇÃO DO MAIS ERP...10. 1.1 Instalando o Mais ERP...12. 1.2 Instalando as estações de trabalho...18. 1.3 Utilizando o Mais ERP...

ÍNDICE 1 INSTALAÇÃO DO MAIS ERP...10. 1.1 Instalando o Mais ERP...12. 1.2 Instalando as estações de trabalho...18. 1.3 Utilizando o Mais ERP... 1 Apresentação Este manual contém as orientações necessárias para que o usuário possa instalar o sistema e executar passo a passo as operações próprias de seu trabalho diário. Os recursos oferecidos pelo

Leia mais

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS. 11 2699-0008 www.rms.com.br

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS. 11 2699-0008 www.rms.com.br Tesouraria RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo. Este

Leia mais

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins

Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins Manual De Sped Fiscal E Sped Pis / Cofins 29/05/2012 1 O Sped fiscal e Pis/Confins é uma arquivo gerado através do sistema da SD Informática, onde este arquivo contem todos os dados de entrada e saída

Leia mais

1 Atualização... ERP 8.8.2

1 Atualização... ERP 8.8.2 DEAK SISTEMAS 2 MANUAL - Deak Frente de Caixa 8.8.2 Sumário I 1 - Introdução 4 II 2 - Instalação 4 1 Atualização... ERP 8.8.2 8 III 3 - Configurações 9 1 3.1... - Cadastros de Bancos 10 2 3.2... - Cadastro

Leia mais

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital Página 1 de 15 Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital O cadastro de produtos permite organizar as informações relativas a produtos e serviços, como grupo, marca, peso, unidades e outros, que

Leia mais

Manual de Operaça o. Pit-Caixa. Versão 1.0

Manual de Operaça o. Pit-Caixa. Versão 1.0 Manual de Operaça o Pit-Caixa Versão 1.0 Sumário Iniciando o Programa... 3 Tela do Programa... 5 Menu Operador... 6 Abrir/Fechar Sessão... 6 Relatório Sessão... 8 Abrir Gaveta... 8 Efetuar Suprimento...

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

DAP. 1. Pré-Faturamento automático...2 1.1 Filtros...4 1.2 Configurações...7 1.3 Finalizar...27

DAP. 1. Pré-Faturamento automático...2 1.1 Filtros...4 1.2 Configurações...7 1.3 Finalizar...27 DAP 1. Pré-Faturamento automático...2 1.1 Filtros...4 1.2 Configurações...7 1.3 Finalizar...27 1 1. Pré-Faturamento automático Pré-Faturamento automático: este recurso permite selecionar vários pedidos

Leia mais

1. Contabilização dos Lançamentos Fiscais

1. Contabilização dos Lançamentos Fiscais 1 2 1. Contabilização dos Lançamentos Fiscais 1.1. Cadastro de Códigos Contábeis Para que os lançamentos sejam integralizados é necessário o preenchimento do código contabil de integração. Siga as instruções

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MARKANTY INFORMÁTICA Sistemas para Automação Comercial Gestão Empresarial e Fábrica de Software (Específicos) Princípios de nossos Profissionais:

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MASTER VENDAS

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MASTER VENDAS MANUAL DE UTILIZAÇÃO MASTER VENDAS 1. CONCEITO Master Vendas não é somente um sistema, e sim, um novo conceito de gestão para sua empresa. Foi desenvolvido por profissionais de informática juntamente com

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR!

Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR! Já Pensou em um Sistema de Gestão? Então Pense no GESTOR! Conheça as vantagens de ter o sistema Gestor, como sua melhor ferramenta de trabalho! Clique sobre a imagem para mais detalhes Para mais detalhes

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Renato de Cezare Criado em 10/08/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.106a 2 CONTEÚDO CADASTRO DE PRODUTO...4

Leia mais

Guia de Primeiros Passos - CADASTROS

Guia de Primeiros Passos - CADASTROS Guia de Primeiros Passos - CADASTROS Este documento tem o objetivo principal de iniciar você de forma rápida e simples no sistema.aprog., configurando as funcionalidades a sua realidade. A série Primeiros

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 Sumário 1. Nota Fiscal Eletrônica São Paulo... 3 2. Motivo da baixa... 9 3. Contrato Endereço para cobrança... 12 4. Vistoria... 13 5. Contas a pagar Controle de

Leia mais

Almoxarifado SEF. Manual do Usuário Versão 1.3. União Sul Brasileira da IASD. Departamento de TI 01/01/2008

Almoxarifado SEF. Manual do Usuário Versão 1.3. União Sul Brasileira da IASD. Departamento de TI 01/01/2008 2008 Almoxarifado SEF Manual do Usuário Versão 1.3 União Sul Brasileira da IASD Departamento de TI 01/01/2008 SUMÁRIO SEF - Almoxarifado Introdução... 3 Cadastro da Entidade/Loja... 3 Menu Almoxarifado...

Leia mais

Manual do sistema Hiper

Manual do sistema Hiper Manual do sistema Hiper Versão 2.4 Data da última atualização 30/04/2012 1 SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS... 6 LISTA DE Siglas... 10 Primeiros passos... 11 Configurando as conexões com o banco de dados... 11

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 08/09/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.114 a 2 CONTEÚDO COMPRAS...5 81872

Leia mais

Não há novos parâmetros criados que habilitam os recursos da customização. Apenas a utilização de parâmetros já existentes no sistema:

Não há novos parâmetros criados que habilitam os recursos da customização. Apenas a utilização de parâmetros já existentes no sistema: Desenvolvimento BM 1138 Versão 5 Release 13 Autor Sirlene Araújo Processo: Vendas Nome do Processo: Alteração da Customização BM-1007 Motivação Permitir a identificação de produtos de tiragem (Cotas) pré-definida

Leia mais

TUTORIAL // MÓDULO PRESTADORES BENNER WEB MÓDULO PRESTADORES

TUTORIAL // MÓDULO PRESTADORES BENNER WEB MÓDULO PRESTADORES BENNER WEB MÓDULO PRESTADORES 1 Sumário Procedimento inicial para acessar o sistema na WEB... 3 Módulo Prestadores... 3 1. ÍCONES E FUNÇÕES... 4 2. CADASTRO DE PRESTADORES... 5 Cadastrar o prestador de

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1 Manual de Operação do SIMPLES 1 MANUAL DE OPERAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. Manual de Operação do SIMPLES 2 A Empresa A ASP Desenvolvimento de Softwares

Leia mais

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS 1 Conteúdo Apresentação... 3 1 Página Principal do Sistema... 4 2 Telas de busca... 8 3 Teclas de Navegação... 11 4 Tela de Menu de Relatório... 12 5 Telas de

Leia mais

NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR

NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR NOVO PROCESSO DE CENTRO DE CUSTO DO WINTHOR Todos os direitos reservados. PC Sistemas 1.0 - Data: 28/08/2012 Página 1 de 47 Sumário Apresentação... 4 1. PROCEDIMENTOS INICIAIS... 5 1.1. Realizar Atualizações...

Leia mais