UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CURSO DE JORNALISMO CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CCL A INFLUÊNCIA DOS BLOGS NAS REVISTAS DE MODA NATHÁLIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CURSO DE JORNALISMO CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CCL A INFLUÊNCIA DOS BLOGS NAS REVISTAS DE MODA NATHÁLIA"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CURSO DE JORNALISMO CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CCL A INFLUÊNCIA DOS BLOGS NAS REVISTAS DE MODA NATHÁLIA FARIAS SÃO PAULO 2014

2 UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CURSO DE JORNALISMO CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CCL A INFLUÊNCIA DOS BLOGS NAS REVISTAS DE MODA NATHÁLIA FARIAS Projeto de Pesquisa sobre a influência dos blogs no jornalismo das revistas de moda no Brasil, Universidade Presbiteriana Mackenzie. Orientador: Prof Dr Edson Capoano SÃO PAULO

3 Dedico à minha avó (in memoriam) Luana Legnaioli Thomazini por me ensinar a ser forte perante todas as dificuldades da vida. Este trabalho é uma pequena amostra da persistência e luta que você me inspira todos os dias. 3

4 Agradecimentos Primeiramente devo agradecer a toda minha família por ter sempre demonstrado apoio em todos os meus sonhos, inclusive a realização deste trabalho. Agradeço também a todos os membros que não estão mais aqui presentes, mas que de alguma forma moldaram meu caráter. Também agradeço a todos os meus amigos por me apoiarem e me compreenderem durante toda esta jornada. Vocês são essenciais e tornaram o resultado especial. Meu sincero agradecimento à todos os leitores do blog Hey U Go Girl. Durante estes quatro anos cada um deles tornou possível a compreensão do mercado de moda. Agradeço o apoio incondicional de cada um deles. Obrigada a todos os entrevistados e envolvidos na produção do trabalho. Espero que o trabalho traga orgulho a cada um de vocês e possa criar uma discussão mais séria acerca do tema. Minha eterna gratidão ao meu orientador Edson Capoano. Graças a sua paciência e compreensão este trabalho pode chegar a sua conclusão. Obrigada por toda luz e otimismo. Por fim, agradeço ao meu companheiro e melhor amigo, Gabriel Cunha. Ninguém no mundo me entende melhor que você e este trabalho tem a sua marca. 4

5 La mode se démodé, le style jamais (A moda passa, o estilo permanece) Coco Chanel 5

6 Sumário Resumo...7 Introdução...8 I. Blogs de moda e sua expansão...12 II. O Blogueiro como Gatewatcher...15 III. Consumidores e criadores de conteúdo: prosumers...18 IV. A individualidade...19 V. A Influência dos Blogs nas Revistas de Moda...21 VI. VI. Apresentação da Peça Jornalística...64 Considerações Finais...74 Referencial Bibliográfico...76 Apêndice

7 Resumo: Os blogs de moda têm uma grande importância para o aumento de consumo na indústria fashion brasileira, alguns chegam a ter maior audiência do que grandes revistas do meio. Nosso objetivo é analisar como os blogs hoje influenciam o trabalho de publicações de moda como as revistas Vogue Brasil,Elle Brasil e Glamour Brasil.Para tal investigação apresentaremos uma pesquisa detalhada sobre conceitos recentes no jornalismo como a questão do prosumer, gatewatcher, individualidade, a ascensão da bloguesfera e de seus personagens, além da cibercultura em si. Através deste estudo será mostrado a crescente influência das it girlsno jornalismo de moda brasileiro, como uma nova forma de fazê-lo e como uma tendência futura para a profissão como um todo. Serão discutidas questões sobre credibilidade na web, linguagem, ética e troca de valores tradicionais. O resultado desta pesquisa será apresentado com um documentário jornalístico que conterá entrevistas com blogueiras, editoras das principais revistas de moda e jornalistas do meio. Palavras-chave: blogs, moda, revistas, comunicação Abstract: Fashion blogs have a large importance at the increase of consumption in brazilian Fashion industry, some of them have higher audience ratings than large magazines. Our objective is to analyse how blogs influence fashion publications such as Vogue Brasil,Elle Brasil, Glamour Brasil. For this research we present a detailed survey about new concepts in journalism like the figure of prosumer, gatewatcher, individuality, the rise of blogosphere and its characters and cyberculture. This study will show the huge influence of it girls in the fashion brazilian journalism as a new way of making it, and like a new future trend to the profession itself. Questions about credibility on the web, language, ethics and traditional values will be discussed. The result of this research will be presented with a journalistic documentary, which will contain interviews with bloggers, editors from the main brazilian fashion magazines and journalists. Keywords: blogs, fashion, magazines, communication 7

8 Introdução A roupa foi utilizada desde a antiguidade como forma de proteger os indivíduos do frio e das adversidades climáticas. Após o fim da Idade Média e a ascensão do renascentismo na Itália, o capitalismo tornou possível o surgimento da moda como indústria. Por vários séculos ela foi utilizada como um dos principais sistemas de afirmação social, até a Revolução Industrial trazer a produção em massa de peças e, no final do século XIX, por volta de 1860, a alta-costura (Haute Couture) surgir (AVELAR, 2011, p.50). O costureiro Charles Frederick Worth foi o percussor dessa nova indústria da moda. Segundo Blackman (2012) o século XX foi marcado de mudanças para a indústria da moda. Antes delegada para a elite que tinha acesso à alta-costura, com o passar das décadas ela se tornou popular, descartável e atingiu o ápice de sua efemeridade. Estas mudanças foram possíveis por conta de todos os fatos que marcaram o último século, como guerras e lutas por direitos iguais. Dentro dessas conquistas esteve a definição da liberdade e igualdade feminina idealizada por Chanel, o New Look de Christian Dior que devolveu a feminilidade às mulheres após duas grandes guerras e o surgimento de diversos nomes que consolidaram a indústria e a tornaram acessíveis aos cliques de qualquer pessoa no mundo. Hoje a moda passa por radicais mudanças, não iguais àquelas que criaram o conceito do prêt-à-porter (pronto para vestir), mas sim aquelas que globalizam, democratizam e tornam a moda acessível à todos, através de suas telas do computador e dos dispositivos móveis. Para que a moda se popularizasse não foi necessário só um time de artistas e estilistas, mas também dos profissionais de imprensa, jornalistas que são presença garantida nas principais semanas de moda de todo o mundo (PEZZOLO, 2009, p. 69). O papel mediador da imprensa, entre a passarela e o grande público, é indispensável para manter o bom funcionamento da indústria da moda, e o trabalho do jornalista é movido a paixão (PEZZOLO, 2009, p. 69). 8

9 O jornalismo de moda avançou conforme a própria moda, economia (em tempos de guerra as publicações eram escassas e até mesmo suspensas e em tempos de fartura era um grande mercado) e a tecnologia. No Brasil a imprensa de moda se consolidou no século XX, a partir da década de 1930 e, junto com o cinema, se estabeleceu como referência de se vestir para a população brasileira. Na década de 1970 surgem publicações femininas segmentadas no Brasil, como revistas para solteiras, para mulheres que já trabalhavam e cada uma dava o enfoque de suas reportagens segundo o estilo de vida da leitora. As publicações não acompanharam somente as transformações da moda como uma indústria que passou da Haute Couture para o Prêt-à Porter (HINERASKY, 2011, p. 4) Diferentemente de outros países, as revistas com nome de peso demoraram a aparecer no país, a Vogue Brasil só foi inaugurada em 1975 e a Elle Brasil em 1988, da mesma forma que a moda brasileira engatinhou por várias décadas até se estabelecer (AVELAR,2011, p.107). Lipovetsky alerta que, porém, a moda até a virada do século XX sempre foi tratada de forma elitista e sempre distante daqueles que não a conheciam Durante séculos, as modas jamais foram objeto de uma descrição por si mesmas: nada de revistas especializadas, nada de crônicas redigidas por profissionais. Quando textos e opúsculos evocavam a moda, supunha-se que esta era conhecida dos leitores (LIPOVETSKY, 1989, p.84). Acredito que a moda como um movimento cultural e social deve ser estudada para que seja melhor compreendido. Não só por sua importância na arte e no imaginário coletivo, mas por conta de sua força como indústria. Dados da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção só no Brasil a indústria da moda movimenta R$ 56 bilhões todos os anos, empregando cerca de dez milhões de pessoas no país, além de ser o 2º maior empregador da indústria de transformação, perdendo apenas para alimentos e bebidas. Também somos o quarto maior parque produtivo de confecção e o quinto maior produtor têxtil no mundo, com cerca de 30 mil empresas na área. Nos últimos anos, com o advento da cultura da internet se solidificou a força que as blogueiras de moda e beleza atingiram no mercado, hoje competindo com as grandes 9

10 revistas do meio. Este processo se deu também por conta do amadurecimento do blog como meio de comunicação Os blogs são sistemas pessoais, automáticos e simples de publicação que, ao se estenderem, permitiram o nascimento do primeiro grande meio de comunicação distribuído da história: a blogosfera, um ambiente informativo no qual se reproduzem os pressupostos, as condições e os resultados do mundo pluriárquico (UGARTE, 2008, p. 27). O objetivo da pesquisa é compreender o trabalho destas blogueiras e como elas se tornaram fonte e inspiração para as reportagens da moda. Nosso intuito é analisar a influência que o trabalho dessas it girls exercem sobre as revistas de moda no Brasil. Investigou-se, utilizando como referência, os vinte principais blogs de moda do país, como Petiscos, Lala e Maria Rudge, Helena Bordon, Fashion Coolture entre outros e as publicações imprensas mensais Elle Brasil, Glamour Brasil e Vogue Brasil para assim compreender as transformações e inovações pelas quais passa o jornalismo desde a difusão das tecnologias digitais de comunicação. Foi analisado e apresentado as principais diferenças e semelhanças nas coberturas jornalísticas realizadas pelas revistas Elle Brasil, Glamour Brasil e Vogue Brasil em comparação com os principais e mais relevantes blogs de moda do país. A partir desta amostragem foram apontadas as influências dos blogs sobre as publicações impressas já citadas. Outro objetivo é mostrar a influência que esta recente cultura da internet exerce sobre o jornalismo de revistas e exibir através de um documentário o resultado desta pesquisa. Como produto de análise de toda a pesquisa foi mostrado a partir de um documentário com depoimentos e histórias de fontes relacionadas ao universo da moda. Editoras de revistas, blogueiras e outras formadoras de opinião foram entrevistadas. Para compor o restante do documentário também foram selecionadas imagens de eventos, desfiles e backstages nacionais e internacionais. A entrevista, nas suas diferentes aplicações, é uma técnica de interação social, de interpenetração informativa, quebrando assim isolamentos grupais, individuais, sociais; pode também servir à 10

11 pluralização, de vozes à distribuição democrática da informação (MEDINA, 2001, p.8). Usou-se a técnica de entrevista diálogo, onde entrevistados e entrevistadores trocam informações sobre determinado assunto, no caso o jornalismo de moda e blogs. Este diálogo é mais que uma conversação mundana. É uma busca em comum. O entrevistador e o entrevistado colaboram no sentido de trazer à tona uma verdade que pode dizer respeito à pessoa do entrevistado ou a um problema (MEDINA, 2011, p.15). Julgo que a melhor peça jornalística para apresentar os resultados obtidos pela pesquisa seja o documentário, pois o mundo da moda é rico em imagens e as fontes entrevistadas têm o status de celebridades/estrelas da internet, sua imagem tem um apelo muito grande entre seus seguidores. Outro ponto relevante a ressaltar é que a imagem no mundo da moda muitas vezes tem um forte apelo ao público, mesmo que ele seja leigo. Este é o conceito da moda, de chocar e surpreender as plateias, além de quebrar barreiras de cultura, línguas, credos e até preconceitos. Os documentários conduzem seus espectadores a novos mundos e experiências por meio da apresentação de informação factual sobre pessoas, lugares e acontecimentos reais, geralmente retratados por meio do uso de imagens reais e artefatos (BERNARD, 2008, p.2). Na questão da linguagem trabalhou-se com uma edição jornalística e as imagens serão apresentadas com base em elementos da moda, que farão o produto ser facilmente assimilado e acessível mesmo para leigos. O estudo utilizou conceitos de antropologia e pesquisa qualitativa Mas que consiste a abordagem etnográfica? A rigor, uma etnografia é o produto de um determinado tipo de trabalho de campo, formado dentro de uma disciplina específica, a Antropologia. E, para ficarmos no vocábulo, etnografia significa a descrição dos costumes (cultura) dos povos. Ampliando um pouco essa definição, podemos identificar que o produto do trabalho antropológico espera-se que seja uma etnografia, entendida por muitos segundo a proposta de Geertz (1988), 11

12 ou seja, uma descrição densa de determinada cultura, a que tem acesso o antropólogo a partir de um intenso contato com essa cultura feita em um tipo de trabalho de campo que, por sua vez, tem observação participante como norteadora (BENETTI & LAGO, 2010, p.49). A pesquisa é qualitativa, pois interpreta elementos da sociedade e da comunicação. Foram analisados dados e os vinte principais blogs de moda e beleza do Brail, além das revistas Elle Brasil, Glamour Brasil e Vogue Brasil. A partir do material coletado foi possível realizar a interpretação crítica da cultura. Com base nas autoras, defendo o método de entrevistas qualitativas, com uma coleta de dados que forneceu uma compreensão acerca dos valores, crenças, cultura e a identidade desses indivíduos sociais que compõem a blogosfera e da mídia impressa de moda. Essa escolha deveu-se também pelo fenômeno ainda estar em andamento e ser muito recente. Foi mais proveitoso analisar a fundo os fenômenos por sua essência e não pela quantidade. I. Blogs de moda e sua expansão O termo it girls é usado para definir as blogueiras de moda. Elas ganharam espaço nas revistas de moda quando a jornalista inglesa Plum Sykes começou a transcrever perfis destas para a Vogue dos Estados Unidos (GARATTONI, 2010, p.18). Segundo Garattoni (2010) as it girls mais famosas são aquelas que conseguem se destacar ao criar composições de roupas que inspirem suas leitoras a pelo menos tentarem repetir seu estilo. Não é a conta bancária, não é a beleza incontestável, não é o closet privilegiado, não é a capacidade de fazer diferente: o que define uma it girl é seu carisma! É aquele algo mais indefinível que faz com que certas pessoas simplesmente brilhem mais do que outras. Claro, a informação e a dedicação podem ajudar na construção de um estilo que se destaque, mas é quase certo que as verdadeiras it girls já nasceram assim. Sabe aquela menina do seu trabalho que joga um casaco torto nas costas quase que instintivamente sem nenhuma pretensão e, quase como por encanto, transforma isso em mania a ser copiada por outras? Sabe aquela menina da sua faculdade que tem um estilo completamente diferente do seu, mas que, por algum motivo 12

13 inexplicável, consegue atrair sua atenção e fazer com que você tenha vontade até de usar uma peça para a qual sempre torceu o nariz? Pois bem, ela é uma it girl! E é por ter esse je ne sais quoi que ela consegue influenciar positivamente outras pessoas, mesmo aquelas que nem conhece (GARATTONI, 2010, p.18). Os blogs de moda brasileiros ainda estão em ascensão e o mercado ainda vive o processo de amadurecimento. Segundo dados da Pesquisa Brasileira de Mídia de 2014, a Internet é o meio que mais cresce entre os brasileiros (p.48). O principal medidor de influência de blogs no mundo, o site Signature9, apontou que o Brasil no quesito blogs de moda mais influentes do mundo fica atrás, apenas, dos Estados Unidos. No top 99 blogs mais influentes de moda e beleza temos as seguintes representantes brasileiros: 97ª posição:coisas de Diva por Sabrina Olivetti, Marina Fabri, Thais Marques 92ª posição: Chata de Galocha por Luísa Ferreira 82ª posição: Blog da Thassia por Thássia Naves 71ª posição: Just Lia por Lia Camargo 64ª posição: Pausa para Feminices por Bruna Tavares 51ª posição:depois dos Quinze por Bruna Vieira 40ª posição:petiscos por Julia Petit 14ª posição: Super Vaidosa por Camila Coelho 7ª posição:garotas Estúpidas por Camila Coutinho A lista anual da Signature9 de 2014 afirmou uma tendência que se consolida há anos no mercado: o boom de blogs no Brasil conseguiu quebrar a hegemonia na internet de países conhecidos por serem importantes figuras na indústria de moda e Fashion Weeks como França, Reino Unido, Itália, Japão, Alemanha e Espanha. Os dados vão além e mostram que as it girlsbrasileiras conseguem angariar mais audiência que fashionistas já conhecidas de anos pelo mercado internacional como Olivia Palermo e Anna Dello Russo. 13

14 Apesar de a maior parte das blogueiras não ter formação na área de moda, elas continuam a dar seus conselhos, dicas e ditam regras que são acompanhadas pelas leitoras e tomadas como uma verdade absoluta. São como uma autoridade para as pessoas que a acompanham. As blogueiras tornam-se verdadeiras celebridades para as leitoras. David de Ugarte (2008) defende que blogueiros, em geral, não possuem formação em alguma faculdade de comunicação, apesar de sua influência na opinião pública Os bloggers representam o contrário do jornalista. Como os hackers de Himanen, raras vezes se especializam, escrevem tanto sobre os pormenores da sua vida pessoal como sobre temas da atualidade internacional ou local. O autor é, às vezes, fonte direta, muitas vezes analista de outros bloggers e fontes e quase sempre selecionadores de terceiras fontes para seus leitores. Nos blogs, a vida pessoal do autor não está separada da informação geral e da opinião. E essa nãoseparação entre vida, trabalho e ideias é uma tradução direta da ética hacker, uma negação prática da divisão do trabalho, própria das redes hierárquicas descentralizadas (UGARTE, 2008, p. 27) Não há a necessidade do autor do blog seja formado em jornalismo ou moda para poder escrever sobre o assunto. Há, por exemplo, advogados e engenheiros escrevendo sobre o tema e com uma base de conhecimento muito grande. O saber destes blogueiros vem, na grande parte das vezes, de seu próprio interesse e posteriormente porque cada um deles sente a necessidade de compartilhar seus conhecimentos com o mundo. Por conta deste fenômeno, as blogueiras são mais acessíveis ao público do que as editoras de moda das publicações tradicionais e atraem mais atenção. Isso se torna mais perceptível ao vermos muitas destas estrelas virtuais em propagandas na T, além de elas próprias anunciarem produtos em seus blogs, enquanto os profissionais da mídia impressa não possuem este espaço. Como é apontado na Pesquisa de Mídia de 2014, a revista é o meio de comunicação que tem menor presença na vida dos entrevistados. Apenas 1% dos entrevistados afirmam ler todos os dias uma revista e, 85% nunca o fazem, fora que apenas uma publicação de moda está no ranking das 20 revistas mais citadas por brasileiros. 14

15 Há alguns anos, para manter-se informado sobre as últimas tendências do mundo da moda, os leitores tinham que comprar as revistas especializadas sobre assunto, o que se restringia a um número limitado de publicações. Hoje qualquer pessoa com acesso à internet pode ter um blog e escrever sobre o assunto que desejar, seja o texto critico ou informativo. Os blogs de moda podem ser considerados um dos responsáveis pela popularização do tema, uma vez que através dos mesmos as pessoas têm maior acesso a esse mundo antes considerado longe do nosso dia a dia. Fazendo uma comparação à mídia tradicional, os blogs possuem uma escrita mais acessível e de linguagem fácil, não seguindo as normas do jornalismo. Sem mencionar que os textos em sua maioria são de opinião, retratando o ponto de vista dos autores. Aqui não há o conceito de imparcialidade e a objetividade do jornalismo, mas sim certa liberdade, o que termina por atrair leitores. Outro ponto de destaque é a questão de serem grautuitos, enquanto que as revistas especializadas são pagas, a não ser a versão online de algumas (BENINI et all, 2013, p.6). Portanto, o número de visões de moda, maquiagem e comportamento teve um aumento significativo e se tornou mais democrático, já que o leitor pode escolher o blog que melhor se encaixa em seu estilo e orçamento para se inspirar. E com os números cada vez maiores de pageviews, o prestígio destes novos comunicadores só aumenta. Como Ugarte aponta (2008, p.27), o incentivo do blogger, além disso, é o prestígio, o número de leitores, ou de links e citações publicadas por outros bloggers como ele. II. O blogueiro como Gatewatcher Há outro fenômeno bem característico da internet que nos faz querer pesquisar a fundo o tema: o blogueiro sendo constantemente pautado pelo internauta. O tradicional conceito do Gatekeeper, um editor que escolhe tudo o que será ou não publicado, acaba perdendo espaço para o Gatewatcher. Como defende Canavilhas (2010) o ecossistema midiático mudou a partir do surgimento de novas mídias sociais como blogs, microblogs e redes sociais. A partir dessas novas mídias houve um boom na oferta de informações que não alterou somente a maneira de se fazer jornalismo, mas também a forma como o público se relaciona com as notícias. 15

16 Trata-se de um novo tipo de gatekeeping desenvolvido pelos media nos seus canais sociais, mas também por cidadãos com prestígio (gatewatchers) em torno dos quais se constroem comunidades virtuais (CANAVILHAS, 2010, p.1). Como Barbeiro (1998) já apontou em seus estudos, o processo de comunicação se fundiu de tal maneira que o receptor também é produtor de conteúdo e, o antigo jornalista que controlava toda a informação, passa a também ser um consumidor de mídia, em um processo interminável. Mazetti (2009, p.3) discute a renegociação dos papéis entre produtores e consumidores na mídia a partir do surgimento e amadurecimento da internet O consumidor empoderado está aprendendo a utilizar as ferramentas digitais para participar mais ativamente da cultura da mídia. Assim, ele está se tornando capaz de assumir maior controle sobre o conteúdo midiático que consome e fazendo valer, mais enfaticamente, seu poder de escolha. Ao estabelecer contato com outros consumidores por meio de fóruns de discussão e comunidades virtuais, o consumidor empoderado está experimentando novas formas de sociabilidade, marcadas por vínculos de pertencimento social diferentes daqueles experimentados tradicionalmente (ibid.) Este fenômeno se deu por conta do poder que a Internet concedeu a cada usuário de produzir o seu conteúdo, de divulgar, de maneira livre, suas ideias, textos, imagens, vídeos e tudo que seja importante para ele. A blogosfera possibilita um espaço ilimitado e ferramentas para que este prosumer se torne um novo formador de opinião a blogosfera é um meio de comunicação distribuído, público, gratuito e transnacional, a primeira esfera pública democrática real e praticamente universal. Se a mídia, e sobre tudo a televisão, havia privatizado a vida pública e o debate político, reduzindo o imaginário a um espetáculo totalitário, produzido industrialmente segundo os mesmos padrões da produção das coisas, a blogosfera representa o começo de uma verdadeira reconquista da informação e do imaginário como criações coletivas e desmercantilizadas (UGARTE, 2008, p.30). 16

17 A mudança eminente do trabalho dos jornalistas tem sido apontada durante muito tempo por diversos profissionais do ramo, porém o mercado de moda tem sido mais afetado com o surgimento dos blogs Os jornalistas do século XXI já vêm sendo preparados desde as universidades que, para atender a mudança de hábitos e expectativas do mercado, incluem em suas matrizes curriculares disciplinas sobre jornalismo e as novas mídias. O desafio é preparar estes novos profissionais não apenas para manusear o aparato técnico, mas para lidar com a abundância de informação e processos de produção cada vez mais acelerados (WEBER, 2010, p.3). Há um número pequeno de revistas e milhares de blogs no país, isso faz com que o número de informações disponibilizadas na rede seja muito grande. O gatewatcher emerge assim como um elemento central num ecossistema mediático onde a fragmentação motivada pela multiplicação de fontes e o excesso de informação obrigam os media a disputarem a atenção dos leitores (CANAVILHAS, João, 2010, p.5). As leitoras são parte importante desse processo. As autoras dos blogs pedem para que elas deixem seus comentários nas redes e sugestões de assuntos que lhes interessa. Desta forma o blog é pautado pelas próprias leitoras e adequando o conteúdo para que as mesmas o consumam. Outra prática comum e que tem o mesmo efeito é a pesquisa de opinião, feita pela própria blogger. São feitas perguntas básicas sobre os temas das publicações e o que as leitoras gostariam de ler. Assim a autora do blog consegue entrar mais em contato com seu público e entende de uma maneira mais profunda como ele realmente reage ao seu conteúdo, além de dar uma chance de participação direta entre a leitora e a blogueira. Este processo cria uma fidelização do público com o blog, além de dar uma maior voz às leitoras. Em uma blogosfera saturada de blogs de moda, uma leitora não se sente presa a um site caso ele não a agrade. Hoje ela já tem o poder de escolher um blog que atenda às suas necessidades e que faça parte do seu nicho. 17

18 Nesta economia da atenção, o gatewatcher funciona com um analista de mercados financeiros que aconselha os seus seguidores/amigos a investirem a sua atenção neste ou naquele tema, publicando os links para as notícias (CANAVILHAS, 2010, p.5). Com o advento da internet, os meios de comunicações tradicionais estão estudando novas maneiras de agrupar a comunicação massiva e interatividade, para que haja a melhor interação com o receptor. Porém, o processo de transformação de audiências em comunidades não depende apenas da abertura de canais de retorno do receptor para o emissor. Para além das questões técnicas, a existência de uma comunidade implica a existência de algum tipo de relação horizontal entre receptores que reforce os laços que os unem: a comunidade virtual parece enfatizar uma comunidade de interesses relacionada com o assunto em discussão que pode conduzir ao fortalecimento do espírito comunitário (Correia, 2002, 4). Não se trata apenas da passagem do sistema de um para muitos para outro de muitos para um : é preciso que exista também a alternativa de muitos para muitos (CANAVILHAS, João, 2010, p.7). III. Consumidores e criadores de conteúdo: prosumers No livro We Media: How Audiences are Shaping the Future of News and Information (2003), os autores Shayene Bowman e Chris Willis defendem que o jornalismo vive um momento único de transição em que a figura tradicional do Gatekeepers ameaçada pelo antigo público, este que hoje se tornou também autor do que aparece na mídia. Nós possuímos ferramentas acessíveis para criarmos nossos próprios blogs e sites. Hoje todos podem desprender um pouco de tempo e escrever sobre os assuntos que gostam em plataformas interativas. O público não é mais apenas receptor, ele se tornou ativo na produção e distribuição da notícia, eles se tornam os prosumers. A internet e os blogs oferecem uma nova liberdade para que talentos surjam e revolucionem o jornalismo convencional. A comunidade de blogs, a blogosfera, permite a troca de conhecimentos e ideias e isso torna essa mídia sempre mais forte, mais complexa além de democrática. 18

19 A cultura da Internet é a cultura dos criadores da Internet. Por cultura entendo um conjunto de valores e crenças que formam o comportamento; padrões repetitivos de comportamento geram costumes que são repetidos por instituições, bem como por organizações sociais informais. Cultura é diferente de ideologia, psicologia ou representações individuais. Embora explícita, a cultura é uma construção coletiva que transcende preferências individuais, ao mesmo tempo em que influencia as práticas das pessoas no seu âmbito, neste caso os produtores/usuários da Internet(CASTELLS, 2003, p. 34). Os blogueiros, os gatewatchers apontam para uma tendência que pode salvar as mídias impressas: ao invés de fazer o modelo de transmissão em larga escala, em que a mídia se concentra nas mãos poucas, mas grandes empresas (de um para muitos) para o modelo em rede, o modelo em que uma pessoa transmite a informação diretamente para a outra, em que existe uma proximidade e transparência maior. O papel do prosumer não é somente o de informar, mas o de contar boas histórias, de engajar o público, de engajar o mundo em fazer um jornalismo melhor, sendo ele na web ou em mídias tradicionais. Este indivíduo surge em um cenário de relações horizontais, em que é possível que os papéis do consumidor e do produtor se unam na figura do prosumer. IV. A individualidade Como aponta David De Ugarte em O Poder das Redes (2008), a blogosfera é um meio que nasceu a partir da criatividade de cada indivíduo que a integra e que, a partir de uma série de laços e encontros com outros criadores e/ou consumidores dessa rede, a torna complexa e dinâmica. Ela nos dá ferramentas suficientes para que cada um de nós também tenhamos capacidade e poder para que cada usuário crie seu próprio conteúdo. Ugarte também faz uma observação importante: apesar da valorização da individualidade que os blogs possibilitam, a blogosfera se demonstra como um espaço denso e que só existe por conta do fluxo de troca de informações entre bloggers, leitores, clientes, colaboradores e todos os tipos de usuários da rede. Os blogs são criadores de discurso pessoal. Eles revelam, de forma dinâmica, a identidade do seu autor, que aparece como o que se 19

20 adivinha, que se entrevê pelo relato de uma reflexão e de um aprendizado contínuo. Porém, na medida em que escrevemos justamente sobre aquilo que aprendemos quer dizer, o que ainda não sabemos realmente, a identidade pessoal aparece na sua dimensão de fluxo, não na de estoque(ugarte, 2008, p.65). O autor vai além e defende que o um blog não é um meio, porém o conjunto de blogs o é (UGARTE, 2008, p.79). Portanto não tratamos de apenas uma tendência da comunicação, mas também do surgimento e ascensão de um novo meio que permite uma democratização maior das informações, já que boa parte do conteúdo da web é produzido por prosumers que antes não tinham voz na mídia. Mas por que no Brasil e no mundo os blogs de moda se tornaram um fenômeno e ditam novas regras de mercado? O filósofo francês Gilles Lipovetsky afirma em O Império do Efêmero (1989)que a moda é uma celebração mundana da individualidade (p.60) e que é um sistema que trabalha com a aura de indivíduos, como estilistas renomados, jornalistas e, mais recentemente, as blogueiras, as it girls. Se a moda reina a esse ponto sobre o parecer, é porque ela é um meio privilegiado da expressão da unicidade das pessoas: tanto um signo de condição, de classe e de país, a moda foi imediatamente um instrumento de inscrição da diferença e da liberdade individuais, ainda que a um nível superficial e no mais das vezes de maneira tênue (LIPOVETSKY, 1989, p.44). Conforme a lógica de Lipovetsky pode-se entender o porquê o jornalismo de moda conseguiu se adaptar tão bem à web: a blogosfera coincidentemente é um sistema que tem como base a individualidade, que valoriza e cultua o eu, a personalidade de um sujeito. Se antes o eu na moda se concentrava em nomes de estilistas como Chanel e Dior além de jornalistas como Anna Wintour, editora-chefe da Vogue America, hoje este estrelato deixa de ter um caráter tão elitista e passa a integrar personagens que jamais teriam espaço sem os seus blogs. Além da questão da individualidade e das blogueiras, também é preciso dar atenção ao novo status de celebridade que estas figuras ganharam. As it girls são o que Morin (1997) definiu como olimpianos modernos, modelos de comportamento e identificação, pessoas divinizadas que passam a ser admiradas e seguidas. Entretanto, os olimpianos 20

21 apresentam características que as tornam humanas, que a aproximam de seus seguidores. Apesar deste novo status adquirido pelas blogueiras, elas ainda se comportam como garotas iguais as suas leitoras, já que muitas só ganharam visibilidade e fama através de seus blogs. Ter um ídolo: maneira para eles de demonstrar, na ambiguidade, sua individualidade própria, maneira de chegar a uma forma de identidade subjetiva e de grupo. Se o fenômeno se manifesta entre os jovens é porque nessa idade os gostos e as preferências estéticas são os meios principais de afirmação de personalidade (LIPOVETSKY, 1989, p.219) Não por coincidência, a faixa etária que mais dá audiência aos blogs de moda e beleza é de anos. São jovens que encaram as blogueiras como modelos de comportamento e estilo. Isso pode ser notado graças a grande popularidade das blogueiras na rede e fora delas. O assédio é tão grande que elas já são tratadas como celebridades. O culto à individualidade levou essas novas estrelas, as blogueiras olimpianas, ao topo, porém as afasta de uma das principais características de um bom blogger: a humildade. Hoje não só o blogueiro tem que ser tão bom como um profissional de mídia, mas ele precisa manter uma grande proximidade com o público. V. A Influência dos Blogs nas Revistas de Moda De acordo com as concepções defendidas acima, podemos analisar a influência dos blogs de moda e beleza nas revistas Vogue Brasil, Elle Brasil e Glamour Brasil. Como podemos verificar no anexo 01, 02, 03 e 04, a blogueira Camila Coelho aparece em um publieditorial como modelo da marca Shoulder. Assim como no anexo 05 e 06, retirados do próprio blog de Camila, o Super Vaidosa, a blogueira se tornou modelo e padrão de beleza e styling, posição antes mantida apenas pelas modelos fotográficas. Esse é o conceito de It Girl apresentado por Garattoni (2010), uma garota com um carisma incontestável e que consegue influenciar os outros a se vestirem da forma dela. Assim como na revista e no blog, Camila veste marcas que usam de sua imagem e status de celebridade/olimpiano moderno para vender o produto. A influência da blogueira é 21

22 tanta que as marcas não só anunciam no seu blog, mas também usam o espaço publicitário da revista. Anexo 01: A blogueira Camila Coelho participa de um publieditorial na edição de setembro da Glamour Brasil. 22

23 Anexo 02: A blogueira Camila Coelho participa de um publieditorial na edição de setembro da Glamour Brasil. 23

24 Anexo 03: A blogueira Camila Coelho participa de um publieditorial na edição de setembro da Glamour Brasil. 24

25 Anexo 04: A blogueira Camila Coelho participa de um publieditorial na edição de setembro da Glamour Brasil. 25

26 Anexo 05: No blog Super Vaidosa Camila também seleciona peças para compor seu look do dia. Seu blog serve de vitrine para que marcas divulguem seus produtos, usando a blogger como modelo. Como afirma Lipovetsky (2005) no livro O Luxo Eterno: da Idade do Sagrado ao Tempo das Marcas, o luxo deixou de ser uma forma de afirmação social, de status ou de admissão em um grupo para se tornar uma forma de expressão de originalidade e individualidade. Hoje as marcas preferem ver suas peças atreladas as novas figuras de luxo e status da moda, as blogueiras. É isso que Lipovetsky defende por luxo emocional. Compramos e vestimos algo por ter uma ligação emocional com a marca. Ao usar uma peça a blogueira democratiza esse artigo de luxo e cria uma ligação emocional entre o leitor e o item à venda. 26

27 Anexo 06: O mercado de luxo que antes anunciava apenas em revistas passa a visar espaço publicitário também em blogs. As revistas perceberam o potencial de vendas das blogueiras e passaram a produzir editoriais com elas. Assim como em seus próprios blogs, as it girls fazem a seleção de styling, isto é, decidem quais roupas e marcas devem ser usadas por suas leitoras. Como podemos conferir na matéria Elle Especial Jeans Shopping da revista Elle de julho de 2014, as blogueiras Thássia Naves (Blog da Thássia Naves), Camila Coutinho (Garotas Estúpidas) e Lalá Rudge (Blog da Lalá Rudge), selecionaram e apresentaram suas escolhas (anexo 07, 08 e 09). A influência dessas três bloggers ultrapassou a web até conquistar as páginas da revista. As três produzem stylings periódicos em seus blogs, mas sua imagem já se tornou tão forte com o público que elas não só influenciam os leitores da web, mas se tornam também formadoras de opinião das revistas. 27

28 Anexo 07: A blogueira Thássia Naves (Blog da Thássia) faz sua seleção de peças para se usar com jeans na Elle Brasil de julho de

29 Anexo 08: A blogueira Camila Coutinho (Garotas Estúpidas) faz sua seleção de peças para se usar com jeans na Elle Brasil de julho de

30 Anexo 09: A blogueira Lalá Rudge (Blog da Lalá Rudge) faz sua seleção de peças para se usar com jeans na Elle Brasil de julho de

31 Como foi discutido anteriormente, as blogueiras adquiriram o papel de gatewatcher na mídia: um usuário das mídias sociais e blogs que compartilha o que acredita ser mais interessante ao seu público. Assim como em suas próprias páginas (anexo 10 e 11), as blogueiras escolheram o conteúdo que foi publicado e usaram de sua imagem para alavancar as vendas dos produtos selecionados. Elas não são mais meras gatewatchers na rede, hoje já se tornaram formadoras de opinião e são respeitadas até pelas revistas de moda. Anexo 10: Assim como na Elle Brasil de julho de 2014, Thássia Naves (Blog da Thássia) e Lalá Rudge (Blog da Lalá Rudge) fazem stylings com lojas parceiras de seus blogs. 31

32 Assim como nos publieditoriais de seus blogs, elas aparecem nas páginas das revistas atreladas às marcas que fazem parte de seus estilos pessoais e de suas convicções. Tanto nas revistas quanto nos blogs de moda a propaganda se associa com a imagem das celebridades, que neste caso, também são as blogueiras. A partir do momento em que garotas comuns passaram a integrar as páginas das principais publicações da moda, espaço antes reservado apenas para modelos e grandes estrelas do cinema e da música. Podemos considerar que a blogueira se tornou a nova estrela da moda, tendo poder de venda igual ou até maior que as antigas celebridades. Anexo 11: As blogueiras Camila Coutinho (Garotas Estúpidas) e Helena Bordon (Blog da Helena Bordon) também fizeram sua seleção de styling, assim como fizeram na Elle Brasil de julho de 2014 e Glamour Brasil de setembro de 2014, respectivamente. 32

33 Assim como na Elle Brasil de julho de 2014, a Glamour Brasil de setembro de 2014, as blogueiras Helena Bordon e Anna Fasano também prepararam sua seleção de styling. Em ambas as revistas a linguagem utilizada pelas meninas é leve e despojada, assim como em seus blogs. Anexo 12: A blogueira Helena Bordon (Blog da Helena Bordon) fez sua seleção de styling para a revista Glamour Brasil de setembro de 2014 com peças Michael Kors. 33

34 Anexo 13:Assim como Helena, a blogueira Anna Fasano (Blog da Anna Fasano) selecionou peças do estilista Michael Kors para compor seu styling na revista Glamour Brasil de setembro de

35 O boom dos blogs de moda gera a discussão até por parte das revistas e jornalistas. Em matéria da Elle Brasil de agosto de 2014, o mercado de blogs é dissecado e a publicação, que afirma: os blogs já chegaram no ápice mas precisam pensar em algo estável em um momento de amadurecimento desse tipo de meio de comunicação. Segundo a reportagem há dois caminhos certos para se manter forte na internet. O primeiro é o de profissionalizar o blog, a ponto de virar uma revista virtual. Já o segundo é de voltar para suas raízes e se tornar o diário pessoal de antes. A revista aponta quatro maneiras de sustentar a empresa blog nos dias atuais, já seguidas por algumas blogueiras brasileiras. Na primeira alternativa, a blogueira deve associar o seu site a um e-commerce, usando da curadoria e dos conhecimentos da autora para vender uma marca, que até pode ser desenvolvida pela própria. Helena Bordon (Blog da Helena Bordon) é o exemplo mais fiel a essa ideia. Outro blog que investe na ideia de e-commerce associado a um conteúdo curatorial é o blog Steal The Look. Ao acessar a página é possível adquirir as peças das fotos em lojas variadas na internet. Outra proposta oferecida pela Elle é a de um blog que mescla conteúdo de revista com o pessoal. Esse tipo de blog visa o conteúdo, investe em um layout parecido com a de publicações impressas e pensa em um design que lembra de revista. Camila Coutinho (Garotas Estúpidas) já aposta nessa tendência, investindo em reportagens e entrevistas em seu blog. Outra tendência que a revista apontou é a de blogueiras que fazem mais sucesso nas mídias sociais do que no próprio site. Blogueiras como Camila Coelho (Super Vaidosa) conseguem atrair mais views em seu Youtube do que até no próprio blog. Isso demonstra que a blogueira não só tem força na blogosfera, mas consegue competir com páginas e mídias sociais de grandes revistas do meio. E por fim, a revista pontuou a profissionalização de grandes blogs como The Blonde Salad (escrito pela italiana Chiara Ferragni), o Man Repeller (escrito pela americana Leandra Medine) e o Garotas Estúpidas. Todos esses blogs já contam com uma equipe de profissionais por trás, assim como uma redação de revista. A demanda de trabalho de um blog exige que a blogueira delegue seu trabalho e, visando uma qualidadecomparável a de uma revista, contrate uma equipe para preparar o conteúdo. O 35

36 primeiro blog a pensar e montar uma redação foi o Petiscos, escrito pela publicitária Julia Petit. Anexo 14: Em matéria da Elle Brasil de agosto de 2014, os blogs são discutidos de maneira séria. A publicação aponta para a profissionalização cada vez maior dessa mídia. 36

37 Anexo 15: No dossiê apresentado pela Elle Brasil de agosto de 2014, alguns caminhos para a sobrevivência pós-boom dos blogs são apresentados. 37

38 Pensando na união entre jornalismo impresso e blogs (Anexo 16, 17, 18), algumas editoras já investem na parte digital como uma nova forma de fazer jornalismo de revistas. Eles possuem a mesma qualidade que seus trabalhos impressos, mas possuem a liberdade criativa e editorial da internet. O maior exemplo disso é a editora de beleza da Vogue Brasil Victoria Ceridono. Autora do blog Dia de Beautè, Vic expandiu seu trabalho e conhecimentos para a rede e compartilha muitas extensões da própria Vogue de forma gratuita para suas leitoras. O Dia de Beauté é um dos melhores exemplos brasileiros de jornalismo que consegue transitar no mundo dos blogs e das revistas sabendo fazer um trabalho de qualidade em ambos os meios. Vic, como é conhecida por suas leitoras, posta stylings de beleza, resumos de fashion weeks, red carpets, swatches de novas coleções, além de vídeos tutoriais e reality shows ao lado de Camila Coutinho (Garotas Estúpidas). Mesmo sendo uma blogueira de sucesso, Vic sabe equilibrar a dose de narcisismo e exibicionismo necessários para uma blogueira com a ética e qualidade jornalística. Fora isso, novos talentos surgem unindo blogs e revistas de uma forma natural. Na Elle Brasil de junho de 2014 (Anexo 19), a blogueira/editora-chefe Tavi Gevinson é apontada como nome prodígio no jornalismo de moda. A garota criou seu blog com 11 anos de idade, o Style Rookie, e hoje comanda a revista RookieMag.com, uma união de sua experiência com blogs com jornalismo de revista. A publicação está disponível online. É possível notar que blogs escritos por comunicadoras sociais como Dia de Beauté, Petiscos, Pausa para Feminices, 2Beauty, Passando Blush, etc, possuem uma maior qualidade na questão da técnica de escrita e apuração. Entretanto, também é possível notar que os outros blogs analisados nesta pesquisa também possuem uma boa qualidade de texto e edição. A facilidade que um blogueiro tem para produzir conteúdo também impulsionou que pessoas que não sejam formadas nessa área possam produzir conteúdo de qualidade, graças a facilidade de publicação e edição que a plataforma blog permite a estes usuários. 38

39 Anexo 16: Assim como no blog Dia de Beauté, Victoria Ceridono escolhe seus produtos prediletos de beleza. A blogueira é a mais jovem editora de beleza da história da Vogue. 39

40 Anexo 17: A editora de beleza Victoria Ceridono faz uma seleção de produtos de beleza, assim como seus stylings no blog Dia de Beauté. 40

41 Anexo 18: Assim como na revista Vogue Brasil, Victoria Ceridono faz sua seleção de styling de beleza no blog Dia de Beauté. 41

42 Anexo 19: A blogueira e editora-chefe Tavi Gevinson é apontada pela Elle Brasil como futuro do jornalismo de moda. Tavi já foi vista pelas grandes publicações de moda como uma ameaça por conta de seu alto número de seguidores na rede. 42

43 Diferentemente dos blogs, revistas como Vogue Brasil e Elle Brasil investem mais em grandes reportagens escritas no formato de jornalismo literário, perfis de figuras históricas da moda, entrevistas com estilistas, modelos e estrelas do cinema e da música. Blogs possuem uma voz mais curatorial e pessoal das autoras e investem em textos com uma linguagem mais simples e muitas vezes divididos em várias partes, para não cansar o leitor. Entretanto, as blogueiras já atingiram status de celebridades e figuras de alta influência no mundo fashion. Isso pode ser visto, por exemplo, na matéria Abre-te Sésamo (Anexo 20, 21, 22 e 23) a vida e carreira da blogueira Thássia Naves (Blog da Thássia) é mostrado a partir de seu closet. Na edição da revista o perfil da blogueira ganhou mais páginas e destaques que de outras celebridades do ramo. Outro exemplo de perfil de blogueira na revista de moda é a matéria Laços de Família (Anexo 24), na qual a família Rudge é o centro das atenções. Entre as garotas perfiladas estão as irmãs Lala e Maria Rudge, autoras do Blog da Lala Rudge. Em ambos os perfis as blogueiras são retratadas de uma maneira bastante positiva e o trabalho delas é sempre associado com as altas vendas que essas garotas geram. Na matéria Embaixada Brasileira (Anexo 25 e 26), por exemplo, Thássia Naves aparece como uma das grandes impulsionadoras das vendas do e-commerce Farfetch. Graças a parceria da loja com a blogueira mineira uma jaqueta Balmain de R$ 10, 000 vendeu em poucas horas. Podemos ver outros exemplos diferentes de como a blogueira se tornou a nova celebridade na moda, por exemplo, nos looks do dia da italiana Chiara Ferragni (The Blonde Salad) publicados na revista (Anexo 27 e 28). Antes estas fotos de streetstyle apareciam apenas nos blogs das garotas, mas hoje já foram aceitas até pelas próprias revistas, que enaltecem as blogueiras como símbolos de bom gosto e elegância. Um exemplo mais leve de perfil de blogueira na revista pode ser visto na edição de outubro da revista Glamour de 2014 (Anexo 29, 30, 31, 32). Seis Youtubers de grande sucesso (Nina Santina, aka Niina Secrets; Priscila Paes, aka Pripoka; Taciele Alcolea; Flavia Calina; Maddu Magalhães e Rayza Nicácio) estampam as páginas da revista e contam como lidam com a fama, como ganham suas vidas através dos blogs e os desafios por trás do trabalho. 43

44 Anexo 20: Na matéria Abre-te Sésamo a jornalista Barbara Migliori faz um perfil da blogueira Thássia Naves. 44

45 Anexo 21:Em perfil para a revista Vogue Brasil Thássia fala sobre o sucesso do blog. 45

46 Anexo 22: A blogueira Thássia Naves abre seu closet em entrevista para a Vogue Brasil. 46

47 Anexo 23: Assim como outras estrelas da moda, a blogueira mineira Thássia Naves ganhou páginas da revista Vogue Brasil. 47

48 Anexo 24: A família das blogueiras Lala e Maria Rudge teve sua história contada nas páginas da revista Vogue Brasil. 48

49 Anexo 25: Na matéria Embaixada Brasileira a blogueira Thássia Naves é apontada como impulsionadora das vendas do e-commerce Farfetch. 49

50 Anexo 26: Thássia se tornou a embaixadora oficial do e-commerce graças ao grande sucesso de vendas. 50

51 Anexo 27: No canto superior esquerdo está a blogueira Chiara Ferragni (The Blonde Salad), considerada ícone de streetsyle. 51

52 Anexo 28: No canto superior esquerdo está a blogueira italiana Chiara Ferragni considerada ícone de streetsyle. A matéria em questão não era relacionada diretamente com moda, mas sim com viagem. 52

53 Anexo 29: A revista Glamour de outubro de 2014 dedicou um perfil para seis youtubers brasileiras de sucesso. 53

54 Anexo 30: Diferentemente dos perfis das outras revistas, a Glamour perfilou as garotas de uma forma mais leve e mais próxima do público. 54

55 Anexo 31: Seis blogueiras/youtubers de sucesso foram entrevistadas para a matéria, entre elas Priscila Paes, Nina Santina, Rayza Nicácio, Maddu Magalhães, Taciele Alcolea e Flávia Calina. 55

56 Anexo 32: Para compor o perfil das garotas a Glamour preferiu criar um editorial vintage, diferentemente da Vogue que exaltou e glamourizou as entrevistadas. 56

57 Anexo 33: A blogueira se torna um ícone do novo comércio da moda, graças a sua influência no meio digital como foi publicado na Elle Brasil. 57

58 A blogueira tornou-se a nova celebridade do mundo da moda e exalta isso nas redes sociais, porém, como foi observado pela editora-chefe da Vogue Brasil, Daniela Falcão (Anexo 33) Desde que li uma entrevista de Franca Sozzani dada ao The Telegraph por conta de seus 25 anos à frente da Vogue italiana, passei a ver esse dilema com outra ótica. Não somos celebridades, disse Franca sobre as editoras de revista que cada vez mais ocupam os holofotes. Somos mensageiras entre a moda e os leitores (FALCÃO, 2014, p. 53). Daniela apresentou um dos maiores dilemas das editoras de moda atualmente: lutar para manter uma publicação focada em conteúdo em um universo que foi invadido pelos looks do dia e vlogs pessoais. A editora-chefe brasileira afirma que deve-se priorizar o conteúdo da revista e não o status, que o papel do jornalista não é ser celebridade. Essa é a linha editorial adotada pela Vogue e Elle Brasil. Na matéria Famosa #Fail da Elle Brasil de julho de 2014 (Anexo 35) a escritora Rebecca Harrington segue a receita de sucesso das blogueiras: muitas selfies, grifes de luxo, ostentação no Instagram. Diferentemente do que ela esperava, sua experiência não dá certo e ela acaba passando despercebida na web. A mesma admite que não é tão fácil se tornar famosa e querida na rede e que o sucesso das blogueiras não deve ser subestimado. Na matéria Estilo Brasilis é possível entender que o caso de sucesso das blogueiras no Brasil também se deve ao fato antropológico que as brasileiras não se importam em serem copiadas e se sentem bem por isso (Anexo 36). Ambos os exemplos ilustram bem a diferença entre o papel de cada meio de comunicação. A função da revista ainda é informar os leitores sobre moda e cultura. Esse papel também cabe, em teoria, aos blogs, porém nota-se que no Brasil as blogueiras ainda se ocupam mais em preparar um material que não agrega tanto conteúdo sobre a moda, mas que atende a necessidade do público que as acompanham. A blogueira possui um forte papel em vender produtos de empresas e até de suas próprias linhas, graças ao seu poder publicitário (Anexo 33). Os números nas redes sociais das revistas e blogs apontam que o tipo de leitor não é o mesmo. Como é possível notar nos media kitsda Vogue e Elle Brasil, o seu público corresponde à classe A-B, o mesmo que atende blogs como Helena Bordon, Thássia Naves, Glam4You, Lala Noleto, todos os blogs que são retratados por ambas as revistas. 58

e S p e c I A L c A r A S FASHION 2013 p r I m A v e r A - v e r ã O

e S p e c I A L c A r A S FASHION 2013 p r I m A v e r A - v e r ã O especial caras FASHION 2013 primavera - verão Há tendências que nunca saem de moda; CARAS Fashion é uma delas. Publicado em duas edições anuais (Primavera/Verão e Outono/Inverno), este especial traz em

Leia mais

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Thaísa Fortuni Thaísa Fortuni 15 dicas de Mídias Sociais para Moda Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Sobre Thaísa Fortuni Publicitária por formação, escritora e empreendora digital. Trabalha

Leia mais

O PAPEL MIDIÁTICO DA CRÍTICA NA MODA: DESFILES E REPERCUSSÃO CRÍTICA

O PAPEL MIDIÁTICO DA CRÍTICA NA MODA: DESFILES E REPERCUSSÃO CRÍTICA 11º Colóquio de Moda 8ª Edição Internacional 2º Congresso Brasileiro de Iniciação Científica em Design e Moda 2015 O PAPEL MIDIÁTICO DA CRÍTICA NA MODA: DESFILES E REPERCUSSÃO CRÍTICA The mediatic role

Leia mais

Jornalismo cultural na internet e a proposta do site Movamente 1

Jornalismo cultural na internet e a proposta do site Movamente 1 Jornalismo cultural na internet e a proposta do site Movamente 1 Letícia BARROSO 2 Thaís PEIXOTO 3 Centro Universitário Fluminense Campus II- Campos/RJ RESUMO: A falta de espaço nos veículos convencionais

Leia mais

Moda e Internet: Uma reflexão sobre a ascensão dos blogs de moda no Ceará. Moema Mesquita da Silva Braga 1 Rafael Alves 2

Moda e Internet: Uma reflexão sobre a ascensão dos blogs de moda no Ceará. Moema Mesquita da Silva Braga 1 Rafael Alves 2 Moda e Internet: Uma reflexão sobre a ascensão dos blogs de moda no Ceará. Moema Mesquita da Silva Braga 1 Rafael Alves 2 Resumo: Com a ascensão das novas tecnologias muitos campos de saber estão aos poucos

Leia mais

1 Introdução. 1.1 A Nova Era Digital

1 Introdução. 1.1 A Nova Era Digital 11 1 Introdução Com o advento da nova era da internet, conhecida com web 2.0, e o avanço das tecnologias digitais, o consumidor passa a ter maior acesso à informação bem como à facilidade de expressar

Leia mais

PLANEJAMENTO DE MARKETING ELETRÔNICO

PLANEJAMENTO DE MARKETING ELETRÔNICO Instituto FA7 IBMEC MBA em Marketing Disciplina: Professor: Turma: Equipe: Marketing Eletrônico Renan Barroso Marketing II - Fortaleza Ana Hilda Sidrim, Ana Carolina Danziger PLANEJAMENTO DE MARKETING

Leia mais

A construção das It Girls: uma análise dos blogs de moda. Vanessa Oliveira de Lima 1 * Professora Dra. Waltimar Batista Rodrigues Lula 2 ** RESUMO

A construção das It Girls: uma análise dos blogs de moda. Vanessa Oliveira de Lima 1 * Professora Dra. Waltimar Batista Rodrigues Lula 2 ** RESUMO 1 A construção das It Girls: uma análise dos blogs de moda. Vanessa Oliveira de Lima 1 * Professora Dra. Waltimar Batista Rodrigues Lula 2 ** RESUMO A proposta deste artigo é analisar blog de moda, a partir

Leia mais

AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online?

AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online? AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online? Edgar Marcucci Reis 1 Jéssica Naiara dos Santos Batista 2 Resumo: O artigo apresenta uma visão sobre os ambientes online encontrados

Leia mais

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino.

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino. A TERCEIRA EDIÇÃO DA CAMPUS PARTY BRASIL, REALIZADA EM SÃO PAULO ENTRE OS DIAS 25 E 31 DE JANEIRO DE 2010, REUNIU QUASE 100 MIL PARTICIPANTES PARA DISCUTIR AS TENDÊNCIAS DA INTERNET E DAS MÍDIAS DIGITAIS.

Leia mais

DIGITAL. Ed. outubro de 2010 Wagner Moura Fotografada por Daniel Klajmic Para Rolling Stone Brasil

DIGITAL. Ed. outubro de 2010 Wagner Moura Fotografada por Daniel Klajmic Para Rolling Stone Brasil DIGITAL 2014 Ed. outubro de 2010 Wagner Moura Fotografada por Daniel Klajmic Para Rolling Stone Brasil 1 rollingstone.com.br Com a média de 4 milhões de páginas acessadas mensalmente, o site apresenta,

Leia mais

Apresentação da FAMA

Apresentação da FAMA Pós-Graduação Lato Sensu CURSO DE ESPECIIALIIZAÇÃO 444 horras/aulla 1 Apresentação da FAMA A FAMA nasceu como conseqüência do espírito inovador e criador que há mais de 5 anos aflorou numa família de empreendedores

Leia mais

OBSERV ATÓRIO. mcf*(penso) março/abril 2013

OBSERV ATÓRIO. mcf*(penso) março/abril 2013 OBSERV ATÓRIO Em um momento onde as marcas tentam explorar novas possibilidades para atrair a atenção de seus clientes, as plataformas digitais começam a ganhar força e a chamar atenção dos especialistas

Leia mais

PRODUTORA DE NOTÍCIAS VESTIBULAR 1. Letycia CARDOSO 2 João Gabriel MARQUES 3 Márcio de Oliveira GUERRA 4

PRODUTORA DE NOTÍCIAS VESTIBULAR 1. Letycia CARDOSO 2 João Gabriel MARQUES 3 Márcio de Oliveira GUERRA 4 PRODUTORA DE NOTÍCIAS VESTIBULAR 1 Letycia CARDOSO 2 João Gabriel MARQUES 3 Márcio de Oliveira GUERRA 4 Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, MG RESUMO Como forma de estimular a criatividade

Leia mais

E-books. Introdução às Mídias Sociais. Sebrae

E-books. Introdução às Mídias Sociais. Sebrae E-books Sebrae Marketing e Vendas Introdução às Mídias Sociais O que fazer com as mídias sociais Tipos de ações As principais mídias sociais Dicas e considerações finais Autor Felipe Orsoli 1 SUMÁRIO 1

Leia mais

CLIPAGEM VF DEZEMBRO 2015. Correio Lageano 02 de dezembro

CLIPAGEM VF DEZEMBRO 2015. Correio Lageano 02 de dezembro CLIPAGEM VF DEZEMBRO 2015 Correio Lageano 02 de dezembro FALANDO EM VINHOS SITE SITE TURISMO E NEGÓCIOS PORTAL DA ILHA SITE REVISTA DESTAQUE DEZEMBRO R7 R7 ou R7.com é um portal de notícias

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE LiteraRádio. Rádio. Literatura. Introdução

PALAVRAS-CHAVE LiteraRádio. Rádio. Literatura. Introdução 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( x ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

EMENTÁRIO DO CURO DE JORNALISMO

EMENTÁRIO DO CURO DE JORNALISMO EMENTÁRIO DO CURO DE JORNALISMO LET 02630 LÍNGUA PORTUGUESA Noções gerais da língua portuguesa. Leitura e produção de diferentes tipos de textos, em especial os relativos à comunicação de massa. Os tipos

Leia mais

definição, conceitos e passo a passo

definição, conceitos e passo a passo Sites e blogs: definição, conceitos e passo a passo Ana Paula Bossler Pedro Zany Caldeira Diego Venturelli Introdução O suporte de comunicação mais utilizado em todo o mundo é a Internet, um repositório

Leia mais

3 As Mídias Sociais como Ferramentas de Marketing

3 As Mídias Sociais como Ferramentas de Marketing 26 3 As Mídias Sociais como Ferramentas de Marketing O surgimento das mídias sociais está intimamente ligado ao fenômeno da geração de conteúdo pelo usuário e ao crescimento das redes sociais virtuais

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

1. a) Relacione às suas traduções os temas mais frequentes presentes em blogs de adolescentes:

1. a) Relacione às suas traduções os temas mais frequentes presentes em blogs de adolescentes: Blogs agosto/2009 Blogs são sites estruturados de forma a permitir atualização rápida por meio de acréscimos dos artigos ou posts. Eles são, em geral, organizados de forma cronológica inversa, tratando

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA OS GRUPOS QUE ESTÃO PRODUZINDO UMA: REPORTAGEM Tipos de Textos Características

Leia mais

O Jornalista como divulgador das informações científicas: o caso do Programa Vida & Saúde

O Jornalista como divulgador das informações científicas: o caso do Programa Vida & Saúde O Jornalista como divulgador das informações científicas: o caso do Programa Vida & Saúde Resumo Priscila Mathias Rosa ¹ Paula Regina Puhl² Universidade Feevale, Novo Hamburgo, RS O artigo trata de que

Leia mais

JORNALISMO DE MODA NA BAHIA: CULTURA E COMPORTAMENTO EM PAUTA

JORNALISMO DE MODA NA BAHIA: CULTURA E COMPORTAMENTO EM PAUTA JORNALISMO DE MODA NA BAHIA: CULTURA E COMPORTAMENTO EM PAUTA Fashion Journalism in Bahia: Culture and Behavior on question Alves, Larissa Molina; Estudante; Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

Leia mais

CRIAÇÃO DE UM PRODUTO JORNALÍSTICO: SITE PAPO DE MULHER

CRIAÇÃO DE UM PRODUTO JORNALÍSTICO: SITE PAPO DE MULHER PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS CENTRO DE LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO FACULDADE DE JORNALISMO BÁRBARA COSTA LEÃO DE OLIVEIRA BRUNO ALVES DE SOUZA JAMILLE CASTELO BRANCO JHONATAS HENRIQUE SIMIÃO

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

Uso de Ferramentas Online e Redes Sociais em Educação Financeira

Uso de Ferramentas Online e Redes Sociais em Educação Financeira Uso de Ferramentas Online e Redes Sociais em Educação Financeira BRASIL: contexto econômico e divisão de classes A/B C D/E Fonte: FGV/IBOPE 2011 População x distribuição de renda A/B C D/E Fonte: FGV/IBOPE

Leia mais

vestir para encantar

vestir para encantar vestir para encantar Missão Encantar nossas clientes com a alegria e o colorido da mulher carioca e vesti-las para que fiquem cada dia mais bonitas e felizes. Visão Fazer da dress to uma marca diferenciada

Leia mais

MAIS QUE UM BLOG um estilo de vida. Um ESTILO que só as BURGUESINHAS tem!

MAIS QUE UM BLOG um estilo de vida. Um ESTILO que só as BURGUESINHAS tem! Mídia Kit 2015 MAIS QUE UM BLOG um estilo de vida. Um ESTILO que só as BURGUESINHAS tem! BURGUESINHAS Com cinco anos de existência (surgiu no dia 14 de fevereiro de 2010), o Burguesinhas é um blog de entretenimento

Leia mais

Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião.

Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião. Uma ferramenta de comunicação é um meio, uma forma de transmitir uma informação, pensamento, ideia, opinião. Uma forma oral? Uma forma sonora? ou Uma forma visual/escrita?? Off-line: Revistas; Panfletos;

Leia mais

MAIS IMPORTANTE GUIA DO RIO DE JANEIRO VEJA RIO é plural como as atrações cariocas e traz em suas páginas o espírito típico dos moradores da cidade.

MAIS IMPORTANTE GUIA DO RIO DE JANEIRO VEJA RIO é plural como as atrações cariocas e traz em suas páginas o espírito típico dos moradores da cidade. MAIS IMPORTANTE GUIA DO RIO DE JANEIRO VEJA RIO é plural como as atrações cariocas e traz em suas páginas o espírito típico dos moradores da cidade. É o mais importante e confiável guia de lazer e cultura

Leia mais

Mídia Kit // 2012. (11) 3077 4842// tania@luminosidade.com.br

Mídia Kit // 2012. (11) 3077 4842// tania@luminosidade.com.br Mídia Kit // 2012 (11) 3077 4842// tania@luminosidade.com.br Portal de conteúdo da Luminosidade, o FFW.com.br Fashion Forward, lançado em dezembro de 2009, significa um passo adiante no que diz respeito

Leia mais

Eurípedes Alcântara Diretor de Redação

Eurípedes Alcântara Diretor de Redação 1 Informar, esclarecer e entreter o leitor, elevando seu nível de compreensão dos fatos, das tendências que sejam relevantes para a sua vida pessoal, profissional e sua compreensão do mundo. Eurípedes

Leia mais

MÍDIA KIT. Blog Moda e Moldes

MÍDIA KIT. Blog Moda e Moldes MÍDIA KIT Blog Moda e Moldes MARÇO DE 2016 A Blogueira Dayseane da Costa, carioca, 29 anos, Modelista, Blogueira e Empreendedora. Apaixonada por criar, movida à criatividade e desafios. Sobre o Blog O

Leia mais

Midia Kit. www.srtasenhorita.com

Midia Kit. www.srtasenhorita.com Midia Kit www.srtasenhorita.com Um pouco sobre o blog O blog Sim, senhorita começou como uma brincadeira, uma forma de compartilhar com as amigas os toques dados por email, as fotos compartilhadas, as

Leia mais

MEDIA KIT. http://boxdeseries.com.br contato@boxdeseries.com.br @boxdeseries

MEDIA KIT. http://boxdeseries.com.br contato@boxdeseries.com.br @boxdeseries MEDIA KIT http://boxdeseries.com.br contato@boxdeseries.com.br @boxdeseries 2 CONTEÚDO BREVE HISTÓRICO...03 MINICURRÍCULO DA EQUIPE...04 SOBRE O SITE...05 EDITORIAS...06 SOBRE O PODCAST...06 ESTATÍSTICAS

Leia mais

MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO

MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR josuevitor16@gmail.com @josuevitor Marketing Digital Como usar a internet

Leia mais

Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1

Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1 Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1 BOGUSZEWSKI, Luiza. 2 SCHETTERT, Gabriela Antunes. 3 MENEZES, Sérgio. 4 Universidade Positivo, Curitiba, PR. 2013 RESUMO Com a disseminação da cultura norte-americana

Leia mais

APRESENTA SEU NOVO SITE

APRESENTA SEU NOVO SITE APRESENTA SEU NOVO SITE /COLUNISMO DIGITAL Glamurama é o mais influente portal de comportamento, tendência, estilo de vida, moda e consumo do País. Há 12 anos no ar, o site foi criado pela jornalista Joyce

Leia mais

TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB

TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB Gestão do Conhecimento hoje tem se materializado muitas vezes na memória organizacional da empresa. O conteúdo

Leia mais

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD!

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! SocialSuite Rua Claudio Soares, 72-16 andar +55 11 3032 1982 São Paulo - SP Brasil Introdução Esse material foi desenvolvido pela equipe

Leia mais

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação

Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Código: MAP-DIINF-003 Versão: 00 Data de Emissão: 0101/2013 Elaborado por: Gerência de Comunicação Aprovado por: Diretoria de Informação Institucional 1 OBJETIVO Definir e padronizar os procedimentos referentes

Leia mais

Twitter. São Paulo (11) 4063 0165 Porto Alegre (51) 3092 0102 Recife (81) 4062 9373

Twitter. São Paulo (11) 4063 0165 Porto Alegre (51) 3092 0102 Recife (81) 4062 9373 Twitter Foque seus tweets no nicho de sua empresa. RELEVÂNCIA Poste fotos, links interessantes, RT de usuários Design do Avatar e do plano de fundo, fazem a diferença sim! Crie hashtags para as campanhas

Leia mais

INSPIRAR AS PESSOAS A SE ORGANIZAREM PARA QUE ELAS TENHAM MAIS QUALIDADE DE VIDA E TRANSFORMEM SEUS SONHOS EM OBJETIVOS

INSPIRAR AS PESSOAS A SE ORGANIZAREM PARA QUE ELAS TENHAM MAIS QUALIDADE DE VIDA E TRANSFORMEM SEUS SONHOS EM OBJETIVOS Media Kit 2015 MISSÃO INSPIRAR AS PESSOAS A SE ORGANIZAREM PARA QUE ELAS TENHAM MAIS QUALIDADE DE VIDA E TRANSFORMEM SEUS SONHOS EM OBJETIVOS Vida Organizada é sinônimo de organização sem neuras. Uma marca

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

Mídia Kit. Produzido por Luis Daniel da Silva Rodrigo Almeida Tancy Costa Mavignier. Jornalistas

Mídia Kit. Produzido por Luis Daniel da Silva Rodrigo Almeida Tancy Costa Mavignier. Jornalistas Mídia Kit Produzido por Luis Daniel da Silva Rodrigo Almeida Tancy Costa Mavignier Jornalistas Índice Quem somos... 3 Conteúdo... 3 Temática... 4 Periodicidade... 5 Redes Sociais... 5 Estatísticas de visitas...

Leia mais

Assessoria de Imprensa

Assessoria de Imprensa R e l a t ó r i o Telefone: (31) 3532-5100 www.salaodoencontro.org.br salaodoencontro@terra.com.br Rua João da Silva Santos, 34 Santa Lúcia - 32630-730 - Betim - MG Assessoria de Imprensa Jornalista responsável:

Leia mais

redes sociais comportamento

redes sociais comportamento comportamento redes sociais Ao mesmo tempo em que as redes sociais aproximam as pessoas que estão distantes uma das outras, elas são capazes de distanciar aquelas que estão ao nosso lado. Quem nunca se

Leia mais

NÖOS RESFEST é o festival da cultura pop de vanguarda em suas várias formas: cinema digital, música, design gráfico, arte e moda.

NÖOS RESFEST é o festival da cultura pop de vanguarda em suas várias formas: cinema digital, música, design gráfico, arte e moda. 2 NÖOS RESFEST é o festival da cultura pop de vanguarda em suas várias formas: cinema digital, música, design gráfico, arte e moda. Na sua 5ª edição no Brasil o NÖOS RESFEST tem duração de 3 dias e será

Leia mais

A importância do design nos negócios

A importância do design nos negócios A importância do design nos negócios SUMÁRIO Apresentação 4 A importância do Design 5 Design de Comunicação 13 A Escada do Design 6 Design Gráfico 14 O processo do Design 7 Logomarca 15 Design & Inovação

Leia mais

Prêmios Internacionais. cobertura

Prêmios Internacionais. cobertura Prêmios Internacionais cobertura Festivais Inegavelmente, o Brasil é uma potência criativa global. Essa posição de destaque tem se consolidado ainda mais nos últimos anos e a grande vitrine desse processo

Leia mais

Ações de Interatividade

Ações de Interatividade Ações de Interatividade Fundação Padre Anchieta TV Cultura Julho de 2007 Diário de Bárbara Em agosto de 2007, 14 adolescentes de várias partes do mundo foram convidados a conhecer o Pólo Norte para ver

Leia mais

O advento das mídias sociais digitais e o mercado de trabalho para o profissional de relações públicas

O advento das mídias sociais digitais e o mercado de trabalho para o profissional de relações públicas O advento das mídias sociais digitais e o mercado de trabalho para o profissional de relações públicas Julie Caroline de Alcântara Universidade do Sagrado Coração, Bauru/SP E-mail: juliealcantara.31@gmail.com

Leia mais

OS BLOGS DE MODA SOB A PERSPECTIVA DA HISTÓRIA DO TEMPO PRESENTE PATRÍCIA CARLA MUCELIN

OS BLOGS DE MODA SOB A PERSPECTIVA DA HISTÓRIA DO TEMPO PRESENTE PATRÍCIA CARLA MUCELIN OS BLOGS DE MODA SOB A PERSPECTIVA DA HISTÓRIA DO TEMPO PRESENTE PATRÍCIA CARLA MUCELIN Os blogs de moda viraram febre na internet. De tal maneira que seu sucesso atingiu milhares de mulheres pelo Brasil

Leia mais

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL!

O guia completo para uma presença. online IMBATÍVEL! O guia completo para uma presença online IMBATÍVEL! Sumário Introdução 3 Capítulo 1 - Produção de Conteúdo: Por que e Como produzir 5 Capítulo 2 - Distribuição e Divulgação 8 Capítulo 3 - Monitoramento

Leia mais

A diferença entre marketing, propaganda publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu

A diferença entre marketing, propaganda publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu A diferença entre marketing, propaganda e publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu Communication and social media specialist, passionate tech journalism and Noah's Dad A comunicação

Leia mais

Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Twitter @MarcelAyres Linkedin Meadiciona Renata Cerqueira Diretora de Monitoramento Online. Twitter @renatacbc

Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Twitter @MarcelAyres Linkedin Meadiciona Renata Cerqueira Diretora de Monitoramento Online. Twitter @renatacbc Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Também faz parte, como pesquisador, do Grupo de Pesquisa em Interações, Tecnologias Digitais e Sociedade. Desenvolve pesquisas sobre Realidade Aumentada, Mídias Digitais

Leia mais

Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1

Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1 Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1 Aparecido Marden Reis 2 Marli Barboza da Silva 3 Universidade do Estado de Mato Grosso, Unemat - MT RESUMO O projeto experimental

Leia mais

Marcele Bastos. o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas. Fundamentos de marketing. o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing

Marcele Bastos. o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas. Fundamentos de marketing. o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing o Especialista em Gestão - ênfase em Marketing o Graduada em Comunicação Social - Relações Públicas o Docente universitária na disciplina Fundamentos de marketing o 12 anos de experiência em comunicação

Leia mais

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Este assunto normalmente é tratado quando se aborda a coleta de dados no ciclo de Inteligência. No entanto, o fenômeno das redes sociais, atualmente, cresceu

Leia mais

MARKETING NAS REDES SOCIAIS. Carlos Henrique Cangussu (Discente do 2º ano do curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS)

MARKETING NAS REDES SOCIAIS. Carlos Henrique Cangussu (Discente do 2º ano do curso de Administração das Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS) 1 MARKETING NAS REDES SOCIAIS Angela de Souza Brasil (Docente Esp. Faculdades Integradas de Três Carlos Henrique Cangussu Daniel Barbosa Maia Elisandra Inês Peirot Schneider Marcelo Da Silva Sivestre Tiago

Leia mais

Cadernos de Reportagem: Incentivo ao Senso Crítico no Jornalismo 1

Cadernos de Reportagem: Incentivo ao Senso Crítico no Jornalismo 1 Cadernos de Reportagem: Incentivo ao Senso Crítico no Jornalismo 1 Vinícius DAMAZIO 2 Luciana PACHECO 3 Gabriel SAMPAIO 4 Sylvia MORETZSOHN 5 Ildo NASCIMENTO 6 Universidade Federal Fluminense, Niterói,

Leia mais

Prêmios Internacionais. cobertura

Prêmios Internacionais. cobertura Prêmios Internacionais cobertura Festivais Inegavelmente, o Brasil é uma potência criativa global. Essa posição de destaque tem se consolidado ainda mais nos últimos anos e a grande vitrine desse processo

Leia mais

FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: VISÃO DAS BRASILEIRAS SOBRE A IMAGEM DA MULHER NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO

FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: VISÃO DAS BRASILEIRAS SOBRE A IMAGEM DA MULHER NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO FACETAS DA MULHER BRASILEIRA: VISÃO DAS BRASILEIRAS SOBRE A IMAGEM DA MULHER NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO Fevereiro 2016 A MULHER NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO O que mais incomoda no discurso/posição que a mulher

Leia mais

Web site Espia Amazonas 1

Web site Espia Amazonas 1 1 Web site Espia Amazonas 1 Lidiane CUNHA 2 Adália CORDEIRO 3 Breno CABRAL 4 Iara RODRIGUES 5 Marcela MORAES 7 Gabrielle NASCIMENTO 8 Faculdade Boas Novas, Manaus, AM RESUMO O web site Espia Amazonas foi

Leia mais

MODA E MÍDIA: OS VALORES CULTURAIS ESTÃO PRESENTES NOS BLOGS DE MODA? E, ATÉ QUE PONTO ELES TE INFLUENCIAM O CONSUMIDOR DE MODA?

MODA E MÍDIA: OS VALORES CULTURAIS ESTÃO PRESENTES NOS BLOGS DE MODA? E, ATÉ QUE PONTO ELES TE INFLUENCIAM O CONSUMIDOR DE MODA? MODA E MÍDIA: OS VALORES CULTURAIS ESTÃO PRESENTES NOS BLOGS DE MODA? E, ATÉ QUE PONTO ELES TE INFLUENCIAM O CONSUMIDOR DE MODA? Stephanie Pereira Moreira 1, Vanessa Mangialardo n 1 Univap/Curso de Moda,

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Cultura Brasileira 1º PERÍODO O fenômeno cultural. Cultura(s) no Brasil. Cultura regional e

Leia mais

CORPO FEMININO E DETERMINAÇÕES DA INDÚSTRIA CULTURAL: CONTRIBUIÇÕES DA PSICOLOGIA SOCIAL Bruna Trevizoli Ferraz Lobo 1

CORPO FEMININO E DETERMINAÇÕES DA INDÚSTRIA CULTURAL: CONTRIBUIÇÕES DA PSICOLOGIA SOCIAL Bruna Trevizoli Ferraz Lobo 1 CORPO FEMININO E DETERMINAÇÕES DA INDÚSTRIA CULTURAL: CONTRIBUIÇÕES DA PSICOLOGIA SOCIAL Bruna Trevizoli Ferraz Lobo 1 (Orientador) Profa. Dra. Tatiana Machiavelli Carmo Souza 2 RESUMO O presente trabalho

Leia mais

Somos uma agência de notícias gratuita, que produz e difunde conteúdo jornalístico sobre inovações em educação.

Somos uma agência de notícias gratuita, que produz e difunde conteúdo jornalístico sobre inovações em educação. Somos uma agência de notícias gratuita, que produz e difunde conteúdo jornalístico sobre inovações em educação. Nosso objetivo é colaborar com a mídia para disseminar informações originais, interessantes

Leia mais

9/4/2013. Bem-vindo ao portal gnt.com.br

9/4/2013. Bem-vindo ao portal gnt.com.br 9/4/2013 Bem-vindo ao portal gnt.com.br GNT.COM.BR GNT.COM.BR O portal que compõe com o canal GNT sua mais completa solução de mídia para o público feminino, unindo o impacto da TV à relevância da internet.

Leia mais

Mídia Kit. dezembro/2013

Mídia Kit. dezembro/2013 Mídia Kit dezembro/2013 www.comoeurealmente.com Conteúdo da apresentação 3 Por que anunciar on-line 4 Por que anunciar em blogs 5 O que é o Como eu realmente 6 O Como eu realmente hoje 7 Menções honrosas

Leia mais

Nuvem Literária? O QUE É

Nuvem Literária? O QUE É MÍDIA KIT 2015 O QUE É Nuvem Literária? O blog Nuvem Literária foi criado em agosto de 2013 com o intuito de incentivar a leitura e levar novidades e outros conteúdos relacionados a literatura até os leitores.

Leia mais

Marketing. Conrado Adolpho Vaz. O Guia Definitivo de Marketing Digital. Novatec

Marketing. Conrado Adolpho Vaz. O Guia Definitivo de Marketing Digital. Novatec Google Marketing O Guia Definitivo de Marketing Digital Conrado Adolpho Vaz Novatec Sumário Prefácio à 1ª edição... 21 Prefácio à 2ª. edição... 23 Prefácio à 3ª edição... 25 Introdução... 27 Parte I O

Leia mais

CONSUMO E OS DESEJOS CONSUMISTAS

CONSUMO E OS DESEJOS CONSUMISTAS CONSUMO E OS DESEJOS CONSUMISTAS 2012 Graduanda em Psicologia pelo Centro Universitário de Lavras UNILAVRAS (Brasil) E-mail: vivianecastrofreire@yahoo.com.br RESUMO As necessidades humanas estão diretamente

Leia mais

11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS. Centro Universitário UNIVATES

11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS. Centro Universitário UNIVATES 11 Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE NAS INTERNAS Centro Universitário UNIVATES Apresentação do Projeto - Apresentação da instituição educacional Com sede no município de Lajeado, a Univates também

Leia mais

203.000 146.000 1.420.000 2ª. BOA FORMA é lider disparada do segmento e é Corpo a Corpo, principal concorrente

203.000 146.000 1.420.000 2ª. BOA FORMA é lider disparada do segmento e é Corpo a Corpo, principal concorrente BOA FORMA é lider disparada do segmento e é Corpo a Corpo, principal concorrente 5x maior que BOA FORMA vende mais de circulação garantida de BOA FORMA fala com mais de Entre as revistas femininas, é a

Leia mais

Usuários Únicos. Visitas. Pageviews. Educação 6,3% Celebridades 8,0% Esportes 9,2% Notícias 14,5% Família 7,1% Entretenimento 13,1% Negócios 6,7%

Usuários Únicos. Visitas. Pageviews. Educação 6,3% Celebridades 8,0% Esportes 9,2% Notícias 14,5% Família 7,1% Entretenimento 13,1% Negócios 6,7% Lançado em julho de 2000, o clicrbs é um portal de internet voltado às comunidades do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. Com mais de 100 canais, os usuários encontram o conteúdo dos jornais, das rádios

Leia mais

KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais

KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais KIT ONLINE PARA SEU SALÃO DE BELEZA Como criar um blog de sucesso para seu salão de beleza e triunfar nas redes sociais INTRODUÇÃO Em plena era 2.0 é imprescindível que as empresas estejam presentes na

Leia mais

Sobre o site. mídia kit. www.nivelepico.com

Sobre o site. mídia kit. www.nivelepico.com 2013 Sobre o site O Nível Épico é um site de entretenimento que tem como objetivo manter o público informado sobre as últimas novidades da cultura pop. Fundado em 2010, traz conteúdos sobre cinema, literatura,

Leia mais

Mídias Sociais: Conhecendo, aplicando e monitorando. Entenda como você pode trabalhar e monitorar mídias sociais, com foco no Twitter e Facebook.

Mídias Sociais: Conhecendo, aplicando e monitorando. Entenda como você pode trabalhar e monitorar mídias sociais, com foco no Twitter e Facebook. 1 Mídias Sociais: Conhecendo, aplicando e monitorando. Entenda como você pode trabalhar e monitorar mídias sociais, com foco no Twitter e Facebook. O que você vai encontrar neste ebook: Por que eu preciso

Leia mais

REDES SOCIAIS Forte presença, engajamento e impacto nas redes sociais. ECOTURISMO Não é a toa que Trilhas e Aventuras é o nosso nome.

REDES SOCIAIS Forte presença, engajamento e impacto nas redes sociais. ECOTURISMO Não é a toa que Trilhas e Aventuras é o nosso nome. DESTINOS Roteiros completos com guias personalizados para o viajante. ECOTURISMO Não é a toa que Trilhas e Aventuras é o nosso nome. EXPERIÊNCIAS Mais do que uma visita. Uma avaliação completa! REDES SOCIAIS

Leia mais

Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade.

Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade. Assembleia 2012 Relatório de Gestão Estratégia Digital Diretrizes Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade. Plataforma colaborativa e fomentadora de debates que

Leia mais

1) A prática e o aprofundamento das habilidades comunicativas específicas que serão avaliadas nos exames.

1) A prática e o aprofundamento das habilidades comunicativas específicas que serão avaliadas nos exames. C U R S O S ESPECIAIS I n s t i t u t o C e r v a n t e s d e B r a s i l i a CURSOS ESPECIAIS O Instituto Cervantes de Brasília dispõe de uma ampla oferta de cursos especiais para se adaptar as necessidades

Leia mais

GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO

GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO GUIA BÁSICO DE COMUNICAÇÃO CONVERSA DE ELEVADOR Sendo um empreendedor social, você sabe como é importante ser capaz de descrever sua organização, definindo o que diferencia seu trabalho e detalhando o

Leia mais

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos MODA 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Moda PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 7 anos 2.

Leia mais

MÍDIA KIT. A maior e melhor revista de decoração e design

MÍDIA KIT. A maior e melhor revista de decoração e design MÍDIA KIT A maior e melhor revista de decoração e design NÓS PENSAMOS NO DIA A DIA DO NOSSO LEITOR CASA CLAUDIA inspira e ajuda o leitor a tornar sua casa mais bela, confortável e restauradora nos diferentes

Leia mais

criar colaborar comunicar Tecnologia para Crescer

criar colaborar comunicar Tecnologia para Crescer Tecnologia para Crescer Com o crescimento da banda larga e smartphones/ tablets, conteúdos têm sido criados e consumidos em uma taxa alarmante. Atualmente, a definição de conteúdo mudou e não se trata

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS SOCIAIS CLUBE TURISMO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS SOCIAIS CLUBE TURISMO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS SOCIAIS CLUBE TURISMO INTRODUÇÃO: As mídias sociais estão cada vez mais presentes no dia-a-dia das pessoas, oferecendo soluções e transformando as relações pessoais e comerciais.

Leia mais

Rompimento dos modelos de negócio e o papel das mídias sociais

Rompimento dos modelos de negócio e o papel das mídias sociais Disciplina: Administração de Produtos Editoriais Prof. Renato Delmanto (renato.delmanto@gmail.com) Aula Mercado Ediorial Texto de apoio Rompimento dos modelos de negócio e o papel das mídias sociais Nic

Leia mais

SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS.

SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS. 2 plenapropaganda portfólio quem somos 3 SOMOS UMA AGÊNCIA JOVEM, ÁGIL E CRIATIVA QUE TEM UM PROPÓSITO BEM CLARO: TER BOAS IDEIAS PARA GERAR BONS RESULTADOS. A Plena é uma agência que atua sempre focada

Leia mais

HISTÓRIA DOS CRIADORES DO YOUTUBE: Como Camila Coelho se tornou referência em Beleza no YouTube

HISTÓRIA DOS CRIADORES DO YOUTUBE: Como Camila Coelho se tornou referência em Beleza no YouTube PUBLICADO Novembro 2014 HISTÓRIA DOS CRIADORES DO YOUTUBE: Como Camila Coelho se tornou referência em Beleza no YouTube OS OBJETIVOS Compartilhar sua paixão por maquiagens e produtos de beleza Criar tutoriais

Leia mais

Webjornalismo: A sobrevivência dos jornais digitais frente a aplicativos como Flipboard

Webjornalismo: A sobrevivência dos jornais digitais frente a aplicativos como Flipboard Webjornalismo: A sobrevivência dos jornais digitais frente a aplicativos como Flipboard Rafael Martins Rodrigues Renata Prado Faculdade Estácio de Sá de Juiz de Fora Resumo: Este artigo visa analisar a

Leia mais

PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA COMUNITÁRIA : ANÁLISE E PROPOSTA DE FORMATO JORNALÍSTICO NO PORTAL COMUNITÁRIO

PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA COMUNITÁRIA : ANÁLISE E PROPOSTA DE FORMATO JORNALÍSTICO NO PORTAL COMUNITÁRIO 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( x ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA PROGRAMA DE RÁDIO NA WEB ANTENA

Leia mais

no Brasil Eventos sociais R$16 bilhoes bilhoes R$15 milhoes

no Brasil Eventos sociais R$16 bilhoes bilhoes R$15 milhoes O Jogando o Buquê é um blog sobre casamentos, festas e convívio a dois. Explora todas as fases da vida das mulheres que gostam de celebrar os momentos especiais. Escrito na forma de diário pelas irmãs

Leia mais

Contextos sobre o crescimento dos cursos de Publicidade e Propaganda

Contextos sobre o crescimento dos cursos de Publicidade e Propaganda Contextos sobre o crescimento dos cursos de Publicidade e Propaganda TOMITA, Iris Y. mestre Unicentro - PR RESUMO A expansão dos cursos de Publicidade e Propaganda nos anos 1990 reflete um contexto histórico

Leia mais

Publicidade. Monitoramento: Percepções sobre Publicidade. Relatório de Monitoramento de Marcas e Conversações

Publicidade. Monitoramento: Percepções sobre Publicidade. Relatório de Monitoramento de Marcas e Conversações Crédito da imagem: ronnestam.com Anúncio Upex Publicidade Relatório de Monitoramento de Marcas e Conversações Introdução Foram realizadas buscas na mídia social Twitter, através de ferramenta de monitoramento

Leia mais