LAUDO 011/2013 ATIVIDADES OPERACIONAIS - COORDENAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS - SMA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LAUDO 011/2013 ATIVIDADES OPERACIONAIS - COORDENAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS - SMA"

Transcrição

1 PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA EPT LAUDO 011/2013 ATIVIDADES OPERACIONAIS - COORDENAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS - SMA LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE N 0 011/ IDENTIFICAÇÃO 1.1 Identificação do Local Periciado ÓRGÃO: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO - PMPA SETOR: Coordenação de Administração e Serviços - CASE ENDEREÇOS: rua Siqueira Campos nº 1300 SERVIDORES ENTREVISTADOS: Diversos TÉCNICOS QUE REALIZARAM A INSPEÇÃO: Artur Wolffenbüttel - Eng. de Segurança do Trabalho - matr DATA E HORA DA PERÍCIA: Maio e Junho de 2013

2 Este laudo se restringe a atividades de áreas operacionais da CASE/SMA, principalmente GAE (Gerência de Administração do Edifício) e GEMP (Gerência de Manutenção Predial) de funcionários lotados nestes setores com sede no prédio Intendente José Montaury situado na av. Siqueira Campos nº DESCRIÇÃO DOS AMBIENTES DE TRABALHO A Coordenação de Administração e Serviços (CASE) é órgão da Secretaria Municipal de Administração (SMA) e tem como objetivo coordenação da gestão do suporte administrativo e de serviços na SMA. Atua diretamente na área de pessoal, expediente, materiais, orçamento, patrimônio, contratos de serviços, convênios, informática, consignações, telefonia fixa, rede lógica, rede elétrica, manutenção predial, higienização de ambientes, segurança, portaria e informações, telefonia móvel do executivo e divulgação oficial do município, através do Diário Oficial de Porto Alegre (DOPA). É formada por diversas Gerências de acordo com sua áreas afins sendo que os diversos funcionários estão distribuídos nas mesmas. Gerência de Administração de Redes. Gerência de Materiais. Gerência de Administração do Edifício. Gerência de Expediente e Pessoal. Gerência de Manutenção Predial. Gerência de Orçamento e Patrimônio. Gerência do Diário Oficial. Os diversos departamentos, ou gerências, da CASE/SMA, estão distribuídos nos andares 7º e 10º do prédio Intendente José Montaury situado na av. Siqueira Campos nº Os pavimentos, à exceção do térreo, possuem configuração semelhante. Em forma retangular, os andares apresentam as salas administrativas localizadas no perímetro externo. Internamente estão dispostos os corredores de circulação, e mais ao centro estão localizados os banheiros, escada, acessos a elevadores e copas. A área total de cada andar é de aproximadamente 850 m². Nas salas administrativas encontram-se mesas, cadeiras, balcões, arquivos de aço, armários de madeira, microcomputadores e alguns eletrodomésticos. A iluminação é natural através de janelas externas e artificial realizada por lâmpadas fluorescentes. O piso é construído em parquê e em alguns locais com placas de piso vinílico. O teto é de alvenaria e em alguns locais rebaixado com revestimento de material do tipo placa acartonada. Os diversos escritórios estão separados por divisórias de fórmica e madeira com vidros na parte superior. Alguns setores possuem ar condicionado. No andar térreo existe portaria e no hall de entrada área de controle e atendimento ao público em balcões. A área apresenta características construtivas e ambientais semelhantes a dos andares superiores.

3 Os servidores da área operacional da CASE desempenham atividades nos andares ocupados pela SMA; térreo, 2º, 5º, 6º, 7º,8º, 9º, 10º e 14º andar. Há servidores eventualmente cedidos temporariamente a outros órgãos. Há atividade de funcionários de serviços terceirizados atuando conjuntamnte nestas mesmas áreas. 3. ANÁLISE QUALITATIVA DA FUNÇÃO DO TRABALHADOR Atividade de Gerência: Administra o setor, coordenando as atividades dos servidores. Estabelece contatos com o gestor da Coordenação. Fiscalização de serviços terceirizados. Participa de reuniões com funcionários e chefia. Atende telefone, despacha processos, opera microcomputador. Atividade de Assessoria: executa função de assessoria e substituição da Gerência. Acompanhamento das atividades de servidores do setor. Participa de reuniões com funcionários e chefia. Atende telefone, despacha processos, opera microcomputador. Atividade de Assistente Administrativo: recebimento, análise e despacho de processos administrativos que tramitam no setor. Recepção de pessoas no setor. Emissão de documentos. Arquivamento de documentos. Encaminhamentos de documentos relativos a administração de pessoal. Elaboração de pedidos de material. Atendimento a telefone e operação de microcomputador. Atividade de Compensação de Documentos: recebimento, análise e despacho de documentos e correspondências executando a compensação de expedientes. processos administrativos que tramitam no setor. Recepção de pessoas no setor. Emissão de documentos. Arquivamento de documentos. Encaminhamentos de documentos relativos a administração de pessoal. Elaboração de pedidos de material. Atendimento a telefone e operação de microcomputador. Atividade de Contínuo: coleta e transporte de documentos entre departamentos e repartições públicas. Atividade de Supervisão: supervisão dos serviços operacionais em geral em salas, sanitários e corredores do prédio; controle de consumo de produtos e materiais utilizados. Registro de atividades. Reunião com chefias. Operação de microcomputador. Realiza de modo eventual a atividade supervisionada. Atividade de Limpeza: Varrição, remoção de pó e arrumação de áreas administrativas. Faxina geral de salas, corredores e banheiros; pisos, janelas,

4 vidros, móveis e sanitários. Aplicação de cera em pisos. Recolhimento de lixo em cestinhos de salas e sanitários. Utiliza produtos químicos de limpeza; creolina, água sanitária, desinfetante à base de pinho, cera, álcool, saponáceo e detergente. Atividade de Limpeza em Almoxarifado: Varrição, remoção de pó e arrumação de área de almoxarifado. Limpeza de salas, janelas, móveis, prateleiras e sanitário. Aplicação de cera em piso. Recolhimento de lixo de cestinhos. Utiliza produtos químicos de limpeza; creolina, água sanitária, desinfetante à base de pinho, cera, álcool e detergente. Atividade de Copa e Serviços Gerais: Preparo e distribuição de café. Lavagem de louça do café. Arrumação de áreas administrativas incluindo salas e corredores; transporte e acomodação de móveis, objetos e materiais de consumo. Realiza limpeza de salas e banheiros quando solicitado. Atividade de Coleta Seletiva: recolhimento e armazenamento de sacos de lixo plásticos dos diversos andares do prédio Intendente José Montaury. Triagem, separação e acondicionamento de materiais para descarte via coleta seletiva principalmente papel, papelão, isopor e plásticos. Atividade de Recepcionista: Atendimento ao público em balcão. Presta informações aos frequentadores do edifício. Controle de entrada e saída de pessoas, de móveis, equipamentos e materiais do prédio. Organização do público para acesso aos elevadores no andar térreo. Permanece na portaria do prédio. Atividade de Pintura: preparar, lixar e aplicar tintas em superfícies de alvenaria, ferro e madeira, Utiliza solventes, tinta acrílica e PVC, verniz, tinta esmalte e a óleo. São utilizados, também, thinner, aguarrás, massa corrida. As aplicações são realizadas utilizando pincel e rolo. Atividade de Eletricista: trabalhos em manutenção de rede elétrica predial. Faz a troca de reatores, lâmpadas, interruptores, disjuntores e fusíveis. Manutenção de quadros de distribuição e iluminação de salas e corredores. Atividade de Manutenção em Alvenaria e Rede Hidrossanitária: reparos gerais em alvenaria, divisória, forros e pisos. Manutenção da rede hidrossanitária incluindo instalação de louças de vasos sanitários e desentupimentos de canos. Manuseio de cimento e cola de contato DOS POSSÍVEIS RISCOS OCUPACIONAIS Atividade de Gerência: na verificação e acompanhamento técnico das atividades de manutenção há exposição a riscos físicos, químicos e biológicos de forma geral.

5 Atividade de Assessoria: na verificação e acompanhamento técnico das atividades de manutenção há exposição a riscos físicos, químicos e biológicos de forma geral. Atividade de Assistente Administrativo: não foram observados riscos ocupacionais. Atividade de Compensação de Documentos: não foram observados riscos ocupacionais. Atividade de Contínuo: não foram observados riscos ocupacionais. Atividade de Supervisão: na verificação e acompanhamento técnico das atividades de manutenção há exposição a riscos físicos, químicos e biológicos de forma geral. Atividade de Limpeza: os servidores estão expostos a riscos químicos devido ao contato com produtos de limpeza e a riscos biológicos no contato com redes hidrossanitárias. Atividade de Limpeza em Almoxarifado: os servidores estão expostos a riscos químicos devido ao contato com produtos de limpeza. Atividade de Copa e Serviços Gerais: os servidores estão expostos a riscos químicos devido ao contato com produtos de limpeza. Atividade de Coleta Seletiva não foram observados riscos ocupacionais.. Atividade de Recepcionista: não foram observados riscos ocupacionais. Atividade de Pintura: os servidores estão expostos a riscos químicos devido ao contato com solventes e tintas. Atividade de Eletricista: os servidores estão expostos a riscos de choque elétrico devido ao contato com redes elétricas energizadas. Atividade de Manutenção em Alvenaria e Rede Hidrossanitária: os servidores estão expostos a riscos químicos devido ao contato com cimento e biológicos no desentupimento de redes hidrossanitárias.

6 3.3 - DO TEMPO DE EXPOSIÇÃO AO RISCO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E OPERACIONAIS eventual. Atividade de Gerência: a exposição aos riscos apontados ocorre de forma Atividade de Assessoria: a exposição aos riscos apontados ocorre de forma eventual. Atividade de Supervisão: a exposição aos riscos apontados ocorre de forma eventual. Atividade de Limpeza: a exposição a riscos químicos por produtos de limpeza ocorre de forma permanente e a riscos biológicos no contato com redes hidrossanitárias de forma eventual. Atividade de Limpeza em Almoxarifado: a exposição a riscos químicos por produtos de limpeza ocorre de forma intermitente. Atividade de Copa e Serviços Gerais: a exposição a riscos químicos por produtos de limpeza ocorre de forma eventual. Atividade de Pintura: a exposição a riscos químicos por solventes e tintas. ocorre de forma permanente. Atividade de Eletricista: a exposição a riscos de choque elétrico devido ao contato com redes elétricas energizadas ocorre de forma intermitente. Atividade de Manutenção em Alvenaria e Rede Hidrossanitária: a exposição a riscos químicos devido ao contato com cimento e biológicos no contato com redes hidrossanitárias ocorre de forma intermitente. 4. EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPI Para realização dos serviços são fornecidos, sem critério técnico, alguns equipamentos de proteção individual, tais como luvas máscaras, aventais e sapatos. A utilização dos equipamentos depende da iniciativa dos servidores, visto que não existe um programa de informação e acompanhamento.

7 5 - CONCLUSÃO FUNDAMENTO LEGAL As condições para definição de insalubridade nos locais de trabalho ou atividades dos trabalhadores estão estabelecidas na legislação federal que considera como insalubre as atividades ou operações que se desenvolvem acima dos limites de tolerância, no que se refere a ruídos contínuos ou de impacto, calor, radiações não ionizantes, vibrações, agentes químicos e poeiras minerais. Considera também para as atividades de trabalho sobre pressões hiperbáricas, agentes químicos ou biológicos. Considera, ainda, as atividades que através de inspeção no local de trabalho verifique o estabelecido em lei no que se refere às radiações não ionizantes, frio e umidade. O exercício de trabalho em condições insalubres assegura ao trabalhador a percepção de adicional de acordo com a classificação de grau máximo (40%), médio (20%) ou mínimo (10%). As situações a que se refere a legislação quanto aos riscos químicos, físicos ou biológicos são as seguintes: ANEXO 1: ruído contínuo ou intermitente; ANEXO 2: ruído de impacto; ANEXO 3: calor excessivo; ANEXO 4: revogado pela Portaria de ; ANEXO 5: radiações ionizantes; ANEXO 6: pressões hiperbáricas; ANEXO 7: radiações não ionizantes; ANEXO 8: vibrações excessivas; ANEXO 9: frio excessivo; ANEXO 10: umidade; ANEXO 11: agentes químicos (avaliação quantitativa); ANEXO 12: poeiras minerais; ANEXO 13: agentes químicos; ANEXO 14: agentes biológicos. Atualmente, na legislação vigente, quatro são hipóteses de enquadramento de periculosidade aos trabalhadores em geral: - Anexo 1 da NR 16: Atividades e Operações Perigosas com Explosivos; - Anexo 2 da NR 16: Atividades e Operações Perigosas com Inflamáveis; - Decreto 93412/86: Trabalhos no Setor de Energia Elétrica; - Portaria 518/2003: Radiações ionizantes ou substâncias Radioativas. Nesses casos é obrigatório o pagamento de adicional de periculosidade no valor de 30% do salário básico. RISCOS QUÍMICOS FUNDAMENTO CIENTÍFICO

8 Produtos de Limpeza Os produtos químicos manipulados pelos trabalhadores nas atividades de limpeza em geral, sem a devida proteção, podem provocar irritação cutânea (por exemplo: dermatite de contato). Produtos como água sanitária (alvejante) com os quais se remove as sujeiras incrustadas no piso e louças, contém Hipoclorito de Sódio, de ph altíssimo. Utiliza-se o produto diluído ou puro, conforme o grau de persistência da sujeira. Também o sapólio e o saponáceo são altamente alcalinos. Agrega-se a isso sua ação abrasiva pelo particulado da sílica. Os agentes alcalinos (sabão, detergente e desinfetante) provocam processos irritativos na pele, que vão desde o ressecamento leve até espessamentos crônicos palmares. Conforme Schwartzman, em Produtos Químicos de uso Domiciliar - Segurança e Riscos Toxicológicos o principal efeito lesivo dos produtos contendo hipoclorito é a irritação ou corrosão da pele e mucosas, consequente a um mecanismo duplo: ação oxidante do cloro liberado e ação dos agentes alcalinos. Hidrocarbonetos e outros compostos do carbono Os produtos químicos utilizados são classificados como solventes orgânicos e o componente básico são hidrocarbonetos aromáticos. A toxicidade destes produtos está principalmente relacionada com apele, causando dermatoses de contato com o Sistema Nervoso Central produzindo depressão através de ação narcótica e, em particular sobre o órgão hematopoiético, por sua ação depressora da medula óssea. As principais vias de absorção são a via respiratória e a cutânea. O quadro clínico é distinto para os casos de intoxicação aguda ou crônica que vai depender do tempo de exposição. Cimento A preparação do cimento envolve o contato com álcalis cáusticos e cromatos e bicromatos constituintes destes. Tais substâncias são classificadas como alcalinas e provocam processos irritativos da pele que vão desde ressecamento leves até espessamentos crônicos palmares que podem fissurar e infectar secundariamente. Além disto, são também irritantes cutâneos, podendo produzir dermatite com formação de vesículas e excessos nas áreas de contato. Esgoto RISCOS BIOLÓGICOS No interior das tubulações de esgoto podem ser encontrados gases prejudiciais à saúde proveniente da decomposição de matéria orgânica: Monóxido de Carbono, Dióxido de Carbono, Metano, Amônia, Gás Sulfídrico, Cloro. A presença de gases pode causar vários efeitos nocivos ao organismo, para trabalhadores expostos como por exemplo, o gás Metano, proveniente da decomposição orgânica causa asfixia; o Hidrogênio Sulfurado, também proveniente da decomposição orgânica causa irritação das mucosas externas.

9 Ainda pode-se encontrar resíduos industriais, vazamentos de gasolina e impurezas diversas comumente encontradas nas águas como: bactérias, algas, protozoários, fungos, vírus, vermes, etc. RISCOS ELÉTRICOS Várias lesões podem resultar da exposição à eletricidade; dentre elas, as lesões térmicas, do tipo queimaduras secundárias à faísca elétrica e as lesões condutivas, que ocorre quando a corrente elétrica viaja através do corpo. As lesões condutivas, provavelmente as mais comuns, podem acarretar lesões tissulares ao longo do trajeto, paradas cardíacas devido à fibrilação ventricular e outras arritmias cardíacas, alterações de estado mental (agitação, despersonalização, ansiedade) e fraturas de ossos longos, bem como em coluna cervical e torácica. 6. RECOMENDAÇÕES Proteção contra Incêndio Os prédios referenciados devem possuir: Proteção contra incêndio; Saídas suficientes para rápida retirada das pessoas, em caso de incêndio; Equipamento suficiente para combater o fogo em seu início; Pessoas treinadas para o uso correto desses equipamentos. Obs.: O local deve ser adaptado às exigências da Lei Complementar N 420 de 25 de agosto de 1998, do Município de Porto Alegre (Código de Proteção Contra Incêndio). 7. BIBLIOGRAFIA - FUNDACENTRO; Riscos Químicos, São Paulo, FUNDACENTRO; Riscos Físicos, São Paulo, Manuais de Legislação Atlas; Segurança e Medicina do Trabalho, 71ª edição, São Paulo, Editora Atlas S. A, Schwartzman, Samuel; Produtos Químicos de Uso Domiciliar, São Paulo, Almed Editora; 1988, 2ª Edição - Sociedade Brasileira de Engenharia de Segurança - SOBES, Riscos Biológicos, Dr. Daphnis Ferreira Souto - Médico do Trabalho

10 8. CONCLUSÃO FINAL Os servidores, que em função de sua rotina de trabalho, desempenham as atividades consideradas nos locais definidos nos itens 2 e 3 deste laudo, fazem jus ou não aos seguintes adicionais de insalubridade, de acordo com a NR-15 e seus Anexos aprovados pela portaria 3214/78, conforme o estabelecido a seguir. Atividade de Gerência: não faz jus a qualquer adicional. Atividade de Assessoria: não faz jus a qualquer adicional. Atividade de Assistente Administrativo: não faz jus a qualquer adicional. adicional. Atividade de Compensação de Documentos: não faz jus a qualquer Atividade de Contínuo: não faz jus a qualquer adicional.. Atividade de Supervisão: não faz jus a qualquer adicional.. Atividade de Limpeza: os servidores que realizam estas atividades fazem jus ao adicional de insalubridade de grau médio (20%) devido ao manuseio de produtos químicos contendo álcalis cáusticos conforme Anexo 13 da NR-15 da Portaria 3214/78. Atividade de Limpeza em Almoxarifado: os servidores que realizam estas atividades fazem jus ao adicional de insalubridade de grau médio (20%) devido ao manuseio de produtos químicos contendo álcalis cáusticos conforme Anexo 13 da NR- 15 da Portaria 3214/78. adicional. Atividade de Copa e Serviços Gerais : não faz jus a qualquer Atividade de Coleta Seletiva não faz jus a qualquer adicional. Atividade de Recepcionista: não faz jus a qualquer adicional. Atividade de Pintura: os servidores que realizam estas atividades fazem jus ao adicional de insalubridade de grau médio (20%) devido ao uso de pincel com substâncias contendo hidrocarbonetos conforme Anexo 13 da NR-15 da Portaria 3214/78. Atividade de Eletricista: os servidores que realizam estas atividades fazem jus ao adicional de periculosidade (30%), conforme decreto n , de Atividade de Manutenção em Alvenaria e Rede Hidrossanitária: os servidores que realizam estas atividades fazem jus ao adicional de insalubridade de

11 grau médio (20%) devido ao manuseio de produtos químicos contendo álcalis cáusticos conforme Anexo 13 - Agentes Químicos da NR-15 da Portaria 3214/78 e ao adicional de insalubridade de grau máximo (40%) devido ao trabalho em rede de esgotos conforme Anexo 14 - Agentes Biológicos da NR-15 da Portaria 3214/78 Porto Alegre, 15 de Agosto de Artur Wolffenbüttel Engenheiro de Segurança do Trabalho Matrícula EPT/GSSM/SMS

LAUDO 017/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO DE ATRIBUIÇÕES LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1.

LAUDO 017/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO DE ATRIBUIÇÕES LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT LAUDO 017/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO

Leia mais

LAUDO 038/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO DE ATRIBUIÇÕES LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1.

LAUDO 038/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO DE ATRIBUIÇÕES LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT LAUDO 038/2015 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS SMED DELIMITAÇÃO

Leia mais

LAUDO 012/2013 SAE C.S. SANTA MARTA. SMS LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE/ PERICULOSIDADE N 012/2013 1

LAUDO 012/2013 SAE C.S. SANTA MARTA. SMS LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE/ PERICULOSIDADE N 012/2013 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE - SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT LAUDO 012/2013 SAE C.S. SANTA MARTA. SMS LAUDO PERICIAL

Leia mais

LAUDO 007 / 2014 DELIMITAÇÃO DE ATIVIDADES AUXILIAR DE COZINHEIRA / SMED LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1.

LAUDO 007 / 2014 DELIMITAÇÃO DE ATIVIDADES AUXILIAR DE COZINHEIRA / SMED LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA EPT LAUDO 007 / 2014 DELIMITAÇÃO DE ATIVIDADES AUXILIAR DE COZINHEIRA

Leia mais

PPRA E PCMSO EXIGÊNCIAS E COMPATIBILIDADES. Elizabeth Sadeck Burlamaqui 09.01.2015

PPRA E PCMSO EXIGÊNCIAS E COMPATIBILIDADES. Elizabeth Sadeck Burlamaqui 09.01.2015 EXIGÊNCIAS E COMPATIBILIDADES PCMSO (NR-7) estabelece que o programa deverá ser desenvolvido sob a responsabilidade de um médico coordenador (OBRIGATORIAMENTE MT, podendo este repassar responsabilidades

Leia mais

HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Segundo a OMS, a verificação de condições de Higiene e Segurança consiste num estado de bem-estar estar físico, mental e social e não somente a ausência de doença e enfermidades.

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 45

PROVA ESPECÍFICA Cargo 45 11 PROVA ESPECÍFICA Cargo 45 QUESTÃO 26 Sobre os Limites de Tolerância para exposição ao calor, em regime de trabalho intermitente, com períodos de descanso no próprio local de prestação de serviço, de

Leia mais

Material do curso PPRA EXPERT Apostila do aluno

Material do curso PPRA EXPERT Apostila do aluno PPRA MANUAL PRÁTICO PARA ELABORAÇÃO FORMULÁRIO PARA RECONHECIMENTO DOS RISCOS AMBIENTAIS Material do curso PPRA EXPERT Apostila do aluno RECONHECIMENTO DOS RISCOS AMBIENTAIS Esse Formulário deve ser aplicado

Leia mais

NORMAS REGULAMENTADORAS - NR ABAIXO ESTÃO AS NORMAS REGULAMENTADORAS VIGENTES DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO

NORMAS REGULAMENTADORAS - NR ABAIXO ESTÃO AS NORMAS REGULAMENTADORAS VIGENTES DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO NORMAS REGULAMENTADORAS - NR ABAIXO ESTÃO AS NORMAS REGULAMENTADORAS VIGENTES DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO NR 1 - Disposições Gerais As Normas Regulamentadoras são de observância obrigatória por

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: Impermeabilizante acrílico a base d água. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água.

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água. RELATÓRIO TÉCNICO I - DADOS GERAIS: Nome do Produto: ÁCIDO MURIÁTICO Composição: Água e Ácido Clorídrico Estado Físico: Líquido Cuidados para conservação: Conservar o produto na embalagem original. Proteger

Leia mais

SOLICTAÇÃO DE CONCESSÃO / CESSAÇÃO DE ADICIONAL DE INSALUBRIDADE / PERICULOSIDADE

SOLICTAÇÃO DE CONCESSÃO / CESSAÇÃO DE ADICIONAL DE INSALUBRIDADE / PERICULOSIDADE SOLICTAÇÃO DE CONCESSÃO / CESSAÇÃO DE ADICIONAL DE INSALUBRIDADE / PERICULOSIDADE OBJETIVO: 1 - Este formulário tem o objetivo de uniformizar os encaminhamentos de solicitações de Laudo de Insalubridade

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº /2014.

PROJETO DE LEI Nº /2014. PROJETO DE LEI Nº /2014. Define as atividades insalubres e perigosas para efeitos de percepção do adicional correspondente, conforme Laudo Técnico em anexo a esta Lei Municipal, e revoga a Leis Municipais

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DO TRABALHO WWW.BLOGSEGURANCADOTRABALHO.COM.BR

LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DO TRABALHO WWW.BLOGSEGURANCADOTRABALHO.COM.BR EMPRESA: XXXX CNPJ: XXXXXXXXXXXXX LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DO TRABALHO WWW.BLOGSEGURANCADOTRABALHO.COM.BR ELABORAÇÃO: DR. XXXXX ENG. DE SEGURANÇA DO TRABALHO CREA: XXXX JULHO/2000 ÍNDICE

Leia mais

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME COMERCIAL Thinner 2750 NOME DO FABRICANTE ANJO QUIMICA DO BRASIL LTDA Rodovia SC, 447 Km 02 Criciúma Santa Catarina CEP: 88.817-440

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos VEDAPREN FAST - TERRACOTA

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos VEDAPREN FAST - TERRACOTA 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto: Códigos internos de identificação do produto: 111690, 111691, 121714 e 111689 Nome da empresa: Otto Baumgart Ind. e Com. S/A Endereço: Rua Coronel

Leia mais

LAUDO DE CONCESSÃO DE ADICIONAL - Núcleo Interdisciplinar do Meio Ambiente (NIMA) -

LAUDO DE CONCESSÃO DE ADICIONAL - Núcleo Interdisciplinar do Meio Ambiente (NIMA) - U4 lllji!íi'i- ) UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA LAUDO DE CONCESSÃO DE ADICIONAL - Núcleo Interdisciplinar do Meio Ambiente (NIMA) - Laudo 082-010/2012 2012 INSALUBRIDADE PERICULOSIDADE RADIAÇÃO IONIZANTE,

Leia mais

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO %

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO % 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRELATÉX Tinta acrílica base d agua. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE FISPQ N PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ CERA LÍQUIDA AUTOMOTIVA

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE FISPQ N PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ CERA LÍQUIDA AUTOMOTIVA GARANTIA DE QUALIDADE Página 1/5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Sinônimo: Cera líquida Automotiva Nome da empresa: GITANES PRODUTOS AUTOMOTIVOS LTDA Endereço: Rua Dos Diamantes,

Leia mais

Classificação e Rotulagem de Perigo dos Ingredientes que Contribuem para o Perigo: N. A

Classificação e Rotulagem de Perigo dos Ingredientes que Contribuem para o Perigo: N. A Nome do Produto: VERCLEAN 900 FISQP N.º: 02 Página: 1/7 Última Revisão: 08/04/13 1. Identificação do Produto e da Empresa Nome do Produto: DETERGENTE VERCLEAN 900 Código Interno de Identificação: 101 Nome

Leia mais

Pode causar irritação na mucosa e dores abdominais. Não são conhecidos casos de irritação nas vias respiratórias.

Pode causar irritação na mucosa e dores abdominais. Não são conhecidos casos de irritação nas vias respiratórias. Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ FISPQ nº 032 Página 1 / 5 Data da última revisão 08/05/2008 1 Identificação do produto e da empresa Nome do produto: Tinta P.V.A.para Artesanato

Leia mais

NOME DO PRODUTO: THINNER F-15

NOME DO PRODUTO: THINNER F-15 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO: Thinner F-15 NOME COMERCIAL: Thinner F-15 Código Interno: PA.000001 NOME DO FABRICANTE EMPRESA: VELOZ QUÍMICA DERIVADOS DE PETRÓLEO E SOLVENTES

Leia mais

LIMPA- PEDRAS. FISPQ-004 Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA. Nome Comercial do Produto :

LIMPA- PEDRAS. FISPQ-004 Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA. Nome Comercial do Produto : Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA Nome Comercial do Produto : LIMPA- PEDRAS Identificação da Empresa: VALÊNCIA IND. E COMÉRCIO DE MATERIAIS DE LIMPEZA LTDA. Telefone FAX: (11) 2632-7070

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos. SEÇÃO I - Identificação do Produto Químico e da Empresa

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos. SEÇÃO I - Identificação do Produto Químico e da Empresa SEÇÃO I - Identificação do Produto Químico e da Empresa Nome do produto: COLA PVA EXTRA FORMICA Nome da empresa: Formiline Indústria de Laminados Ltda. Endereço: Estrada Portão do Honda, 120 Rio Abaixo

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRECOR CIMENFLEX Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos Campos - SP e-mail:

Leia mais

Ingredientes que contribuam para o perigo: Nome químico ou genérico N CAS % Classificação e rotulagem

Ingredientes que contribuam para o perigo: Nome químico ou genérico N CAS % Classificação e rotulagem FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Nome do produto: DENINPLUS 400-N Página 1 de 5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto: DENINPLUS 400-N Nome da Empresa: INDÚSTRIA

Leia mais

Página 1 de 6 FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ

Página 1 de 6 FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Página 1 de 6 1. Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: Ortolan Sep 791 - Nome da empresa: MC-Bauchemie Brasil Indústria e Comércio Ltda - Endereço: Rua Henry Martin, 235 Vargem Grande

Leia mais

Produto: Denvercril RA701 Nº FISPQ: 079 Revisão: 00. Denver Indústria e Comércio Ltda. denver.resinas@denverresinas.com.br

Produto: Denvercril RA701 Nº FISPQ: 079 Revisão: 00. Denver Indústria e Comércio Ltda. denver.resinas@denverresinas.com.br 1. Identificação do Produto e da Empresa Nome do Produto: Nome da Empresa: Endereço: Denvercril RA701. Denver Indústria e Comércio Ltda. Rua Geny Gusmão dos Santos, 48 Rio Abaixo Suzano-SP. Telefone da

Leia mais

10','~ LAUDO DA AVALIAÇÃO AMBIENTAL - CENTRO DE RECURSOS HUMANOS - CRH - UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA GRATIFICAÇÃO DE TRABALHOS COM RAIOS-X

10','~ LAUDO DA AVALIAÇÃO AMBIENTAL - CENTRO DE RECURSOS HUMANOS - CRH - UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA GRATIFICAÇÃO DE TRABALHOS COM RAIOS-X 10',' UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA LAUDO DA AVALIAÇÃO AMBIENTAL - - Laudo 12-004/2011 2011 ADICIONAL ADICIONAL DE INSALUBRIDADE DE PERICULOSIDADE GRATIFICAÇÃO DE TRABALHOS COM RAIOS-X de Documento ltipo

Leia mais

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome: VOTOMASSA CHAPISCO CONCRETO Empresa: VOTORANTIM CIMENTOS LTDA. Endereço: Rodovia PR092, 1303 Cidade: Curitiba Estado: PR Telefone: 0800 701 98 98 Telefone

Leia mais

Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia

Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia MEMORIAL DESCRITIVO Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia Sumário 1.Considerações gerais...1 2.Serviços

Leia mais

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA SOBRE PRODUTO QUÍMICO. Preparado: Este produto é uma composição de cargas minerais.

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA SOBRE PRODUTO QUÍMICO. Preparado: Este produto é uma composição de cargas minerais. FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA SOBRE PRODUTO QUÍMICO UT-X FE POWDER CÓDIGO FISPQ-1616 REVISÃO 0 EMISSÃO 14/08/2012 APROVAÇÃO 14/08/2012 Page 1 of 5 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

Leia mais

EXTRUTOP FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ 017 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

EXTRUTOP FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ 017 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA FISPQ 017 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Extrutop Código interno: AGM215 e AGM216 Empresa: Indutil Indústria de Tintas Ltda. e-mail: indutil@indutil.com.br

Leia mais

FISPQ. Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico RESINA UNILENE. Resina Unilene. Basile Química Ind. e Com. Ltda.

FISPQ. Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico RESINA UNILENE. Resina Unilene. Basile Química Ind. e Com. Ltda. Folha: 1 / 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Código Interno: Resina Unilene Resina Unilene A-80, Resina Unilene A-90, Resina unilene A-100, Resina Unilene AC-100, Resina Unilene

Leia mais

Rua Manoel Joaquim Filho, 303, cep.13140-000 Paulínia / SP E-mail: ceva@cevabrasil.com.br

Rua Manoel Joaquim Filho, 303, cep.13140-000 Paulínia / SP E-mail: ceva@cevabrasil.com.br Produto: TILDREN Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Nome do Fabricante: Nome do Distribuidor: Endereço: TILDREN La Ballastiere BP 126-33501 Libourne. Ceva Saúde Animal

Leia mais

Riscos e Impactos. 2 - ESCOPO Este procedimento se aplica a todas as áreas de atuação da SMART EXPRESS, inclusive quando em serviços externos.

Riscos e Impactos. 2 - ESCOPO Este procedimento se aplica a todas as áreas de atuação da SMART EXPRESS, inclusive quando em serviços externos. 1 - OBJETIVO Este procedimento tem por finalidade definir a metodologia e os critérios utilizados para identificação e avaliação dos riscos ocupacionais e impactos ambientais na SMART EXPRESS. 2 - ESCOPO

Leia mais

INDUFIX FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ 014 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

INDUFIX FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ 014 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA FISPQ 014 REVISÃO: 30/03/2014 PÁGINA 1/6 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Indufix Código interno: 2000 Empresa: Indutil Indústria de Tintas Ltda. e-mail: indutil@indutil.com.br

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRECOR a base d água. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos Campos - SP

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO FISPQ N 004/2006 Página 1de 6 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Massas Corrida PVA Nome Comercial: Massa Corrida PVA Empresa: Resicolor Tintas e Vernizes Ltda Endereço: Rodovia

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃODE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÃODE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃODE SEGURANÇA DE Produto: Tinta Esmalte Premium Colorado Página 1/6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto Nome comercial NOME DO FABRICANTE Esmalte Premium Colorado

Leia mais

1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Produto: CURATON CQ FISPQ n 052 emissão 02/02/09 Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Curaton CQ Código do produto: 11130 Nome

Leia mais

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SEGURANÇA 02 sem 2009 PROF. DANIEL BRAATZ DEP/UFSCar TEXTO 03

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SEGURANÇA 02 sem 2009 PROF. DANIEL BRAATZ DEP/UFSCar TEXTO 03 INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SEGURANÇA 02 sem 2009 PROF. DANIEL BRAATZ DEP/UFSCar TEXTO 03 Normas Regulamentadoras do trabalho, trabalho rural..objetivos ESPECÍFICOS Apresentar o modelo legal de organização,

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ. Produto: SERICRYL SUPER MACIO Código do produto: SM Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ. Produto: SERICRYL SUPER MACIO Código do produto: SM Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5 Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto - Código interno: SERICRYL SUPER MACIO SM Código das Cores: 001, 002, 003, 010, 014, 015, 016, 017, 020, 025, 030,

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUíMICOS (FISPQ)

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUíMICOS (FISPQ) 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Aplicação: Redutor de ph Empresa: Micheloto Ind. e Com. de Prod. Químicos Ltda EPP Endereço: Est. Vic. Dr. Eduardo Dias de Castro Km 03 B Zona Rural Fernão/SP

Leia mais

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS - INDÚSTRIAS DE COSMÉTICOS E SANEANTES -

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS - INDÚSTRIAS DE COSMÉTICOS E SANEANTES - ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS - INDÚSTRIAS DE COSMÉTICOS E SANEANTES - 1. LEGISLAÇÃO SANITÁRIA ESPECÍFICA - Lei Federal 6.360/76 e Decreto Estadual (DE) 23.430 de 24/10/1974 (http://www.al.rs.gov.br/legis/);

Leia mais

Nome do produto: BIOAGLOPAR PET

Nome do produto: BIOAGLOPAR PET Data da última revisão: 17/04/2014 Pagina 1/5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto: Bioaglopar PET NCM: 3209.10.20 - Código interno de identificação do produto: 1.3.2.004 - Nome da

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ )

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ ) 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Anti Ruído Tradicional Aplicação: Reparação e emborrachamento de veículos. Fornecedor: Nome: Mastiflex Indústria e Comércio Ltda Endereço : Rua

Leia mais

Produto: MAXPREN LAJE PRETO FISPQ n 040 emissão 02/02/09 Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

Produto: MAXPREN LAJE PRETO FISPQ n 040 emissão 02/02/09 Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: MAXPREN LAJE PRETO Código do produto: 16100 Nome da empresa: Maxton Brasil Endereço: Rua Ivo

Leia mais

Grupo 1. Grupo 2. Poeiras minerais Ex.: sílica, asbesto, carvão, minerais Poeiras vegetais Ex.: algodão, bagaço de cana-de-açúcar

Grupo 1. Grupo 2. Poeiras minerais Ex.: sílica, asbesto, carvão, minerais Poeiras vegetais Ex.: algodão, bagaço de cana-de-açúcar Zelãene dos Santos SEGURANÇA NO TRABALHO E MEIO AMBIENTE NR-9 - RISCOS AMBIENTAIS (Atual: Programa de Controle Médico de Saúde Ambientais PPRA) Ambientais Consideram-se riscos ambientais os agentes químicos,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GERÊNCIA DE SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABALHO - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GERÊNCIA DE SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABALHO - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GERÊNCIA DE SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABALHO - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT LAUDO COMPLEMENTAR 04/2013 - SMS SECRETARIA MUNICIPAL

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUÍMICO

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUÍMICO Nome do Produto: Nome da Empresa: SEÇÃO I Identificação do Produto Químico e da Empresa CITIMANTA CITIMAT MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA. RUA COMENDADOR SOUZA 72/82 AGUA BRANCA SÃO PAULO SP CEP: 05037-090

Leia mais

Nome do produto: BIOCOMPOSTO BLF. Data da última revisão: 22/06/07 Pagina 1/5

Nome do produto: BIOCOMPOSTO BLF. Data da última revisão: 22/06/07 Pagina 1/5 Data da última revisão: 22/06/07 Pagina 1/5 1. Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: Biocomposto BLF - Código interno de identificação do produto: 020 - Nome da empresa: Biotecma Biotecnologia

Leia mais

Rebrilhar Catalisador Ureia-Formol

Rebrilhar Catalisador Ureia-Formol 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome comercial do Produto: Nome da Empresa: Rebrilhar Resinas e Vernizes Ltda. Endereço: Rua Luiz de Moraes Rego, nº. 505 Jardim do Bosque Leme/SP Telefones: 19-35186900

Leia mais

LAUDO 015/2013 - SMS LAUDO FISIOTERAPEUTA EM UNIDADES DE SAÚDE LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E/OU PERICULOSIDADE N.º 015/2013 1

LAUDO 015/2013 - SMS LAUDO FISIOTERAPEUTA EM UNIDADES DE SAÚDE LAUDO PERICIAL DE INSALUBRIDADE E/OU PERICULOSIDADE N.º 015/2013 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE - SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL - GSSM EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA - EPT LAUDO 015/2013 - SMS LAUDO FISIOTERAPEUTA EM UNIDADES

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 2 3. IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS 2 4. PRIMEIROS SOCORROS 2

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 2 3. IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS 2 4. PRIMEIROS SOCORROS 2 ÍNDICE 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 2 3. IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS 2 4. PRIMEIROS SOCORROS 2 5. MEDIDAS DE COMBATE A INCÊNDIO 3 6. MEDIDAS

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Página 1 de 4

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Página 1 de 4 Página 1 de 4 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA LATEX ACRILICO PLUS Empresa INDUSTRIA E COMERCIO DE TINTAS FERRAZ LTDA RODOVIA INDIO TIBIRIÇA 2520 RAFFO SUZANO SP CEP 008776-960 SAC- (11) 4749-1566

Leia mais

1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 2 COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES NOME DO PRODUTO: BRANCOL 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome da Empresa: Petra Química Matriz: Estrada do Barreiro, 136 Gleba Nova Ukrânia - CEP: 86.800-970 - Apucarana/PR Fone: (43) 4104-0224

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA CÂMARA DE VEREADORES DE CANOAS - RS

MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA CÂMARA DE VEREADORES DE CANOAS - RS RODRIGUES & AGUINAGA PROJETOS LTDA. Av. Francisco Talaia de Moura, 545 CEP: 91170-090 - Porto Alegre/RS. CNPJ: 09.077.763/0001-05 MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA CÂMARA DE VEREADORES DE CANOAS - RS 1 1.

Leia mais

ANEXO IV. II- um armário para armazenagem de solventes, com construção resistente ao fogo.

ANEXO IV. II- um armário para armazenagem de solventes, com construção resistente ao fogo. ANEXO IV ARMAZENAMENTO DE PRODUTOS QUÍMICOS. No laboratório, almoxarifado e em locais em que se tenha que armazenar ou manipular substâncias químicas, deve-se ter em conta sua composição, pois muitas delas

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ FISPQ nº 007 DATA: 09/09/2009 Revisão: 02 Página: 1/7 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Produto: Pó de Alumínio Empresa: Aldoro Indústria de Pós e Pigmentos Metálicos Ltda Endereço: Av. Suécia, 570

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PARA PRODUTOS QUÍMICOS 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome Comercial do produto: CJI MASTER HARD SS Nome da empresa: Endereço: Rua Hermínio Poltroniere, 198

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS. Nome do produto: Paratest Formalina 5 Data da última revisão: 18.08.2014

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS. Nome do produto: Paratest Formalina 5 Data da última revisão: 18.08.2014 FISPQ nº: 001 página: 01/05 SEÇÃO 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA - NOME DO PRODUTO: PARATEST FORMALINA 5 - CÓDIGO INTERNO DE IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO: 1500; 1660; 2096; 2559; 2092; 2928; 2929;

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ PRODUTO: CARBONATO DE SÓDIO 1/6 1. IDENTIFICACÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Empresa: Endereço: Telefone de emergência: e-mail: CARBONATO DE SÓDIO Sasil Comercial e Industrial de Petroquímicos

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FIS 00001 1/6 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Empresa: Endereço: Água sanitária Super Cândida Indústrias Anhembi S/A Matriz: Rua André Rovai, 481 Centro Osasco SP Telefone: Matriz:

Leia mais

Goma laca indiana. Centro de Toxicologia CEATOX 0800 148110. Comburente a altas temperaturas.

Goma laca indiana. Centro de Toxicologia CEATOX 0800 148110. Comburente a altas temperaturas. Pág. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome comercial: Código interno de identificação: Nome da Empresa: General Iron Fittings Ltda. Endereço Rua Francisco Carvalho Henriques, 41 São Paulo

Leia mais

ENDURIT PISO A.N. COMPONENTE A

ENDURIT PISO A.N. COMPONENTE A ENDURIT PISO A.N. COMPONENTE A 1 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO: ENDURIT PISO AN COMPONENTE A FABRICANTE: POLIPISO DO BRASIL ENDEREÇO: AVENIDA GERALDO ANTÔNIO TRALDI, Nº 400. DISTRITO

Leia mais

ROBERT BOSCH LIMITADA

ROBERT BOSCH LIMITADA F0LHA...: 1 de 5 1 _ Identificação do Produto e Fabricante Nome do Produto: Acumulador elétrico de energia Nome do Fabricante sob licença da Robert Bosch Ltda.: Enertec do Brasil Ltda. Endereço: Av. Independência,

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Nome do produto: BENZOATO DE SÓDIO Page: (1 de 5) ATENÇÃO: Leia atentamente esta Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico (FISPQ) antes

Leia mais

Artefice Antique. Centro de Toxicologia CEATOX 0800 148110

Artefice Antique. Centro de Toxicologia CEATOX 0800 148110 Pág. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome comercial: Artefice Antique Código interno de identificação: Nome da Empresa: Artefice Antique General Iron Fittings Ltda. Endereço Rua Francisco

Leia mais

Incêndios e Explosões Baseado no original do Instituto Nacional de Seguridad e Higiene en el Trabajo - da Espanha) - www.mtas.

Incêndios e Explosões Baseado no original do Instituto Nacional de Seguridad e Higiene en el Trabajo - da Espanha) - www.mtas. Incêndios e Explosões Baseado no original do Instituto Nacional de Seguridad e Higiene en el Trabajo - da Espanha) - www.mtas.es/insht/ INTRODUÇÃO Os incêndios e explosões, ainda que representem uma porcentagem

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO

PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO Define as atividades insalubres e perigosas para efeitos de percepção do adicional correspondente. Art. 1º São consideradas atividades insalubres, para efeitos de percepção

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO - FISPQ PRODUTO: BATERIA MOURA 1 - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Nome da Empresa: Endereço: Bateria Moura Acumuladores Moura

Leia mais

MAPA DE RISCO. Anexo XIV Mapa de Risco

MAPA DE RISCO. Anexo XIV Mapa de Risco MAPA DE RISCO O QUE É? Mapa de Risco é uma representação gráfica de um conjunto de fatores presentes nos locais de trabalho (sobre a planta baixa da empresa, podendo ser completo ou setorial), capazes

Leia mais

LAUDO 001/2014 EQ. MANUTENÇÃO PREDIAL - SMS

LAUDO 001/2014 EQ. MANUTENÇÃO PREDIAL - SMS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SMS GERÊNCIA DE SAÚDE DO SERVIDOR MUNICIPAL EQUIPE DE PERÍCIA TÉCNICA EPT LAUDO 001/2014 EQ. MANUTENÇÃO PREDIAL - SMS LAUDO PERICIAL DE

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança do Produto Químico

Ficha de Informações de Segurança do Produto Químico 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO... HTH Avaliar Elevador de Alcalinidade NOME DA EMPRESA... Arch Química Brasil Ltda. ENDEREÇO... Av. Brasília,nº 1500 Jd. Buru Salto-SP TELEFONE

Leia mais

FISPQ N 193 N da Revisão 04 FIREGUARD

FISPQ N 193 N da Revisão 04 FIREGUARD Página 1 de 5 1 - Identificação do Produto e da Empresa Nome do produto: Nome da empresa: Anchortec Industrial e Comercial Ltda. Endereço: Rua Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar, 800, Mogi das Cruzes -

Leia mais

Noções de Segurança e Higiene do Trabalho

Noções de Segurança e Higiene do Trabalho Noções de Segurança e Higiene do Trabalho Sinópse Generalidades. Antecedentes Históricos. Conceitos Básicos: - Acidente do Trabalho; - Atividades e Operações Insalúbres; - Riscos Ocupacionais; - Equipamentos

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto Limpa ar condicionado Código interno de identificação 00.00.000.000 Nome da empresa Endereço Aeroflex Indústria de Aerosol Ltda. Rod. BR 116 km

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos

Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos Produto: Acrílico Pisos, Quadras e Telhados Preto. Data de revisão: Junho / 2013 Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome: Acrílico

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA

MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA Reforma da Câmara dos Vereadores de Jataí GO DADOS DA OBRA OBRA: Câmara Municipal de Jataí LOCAL: Praça da Bandeira S/N SERVIÇOS: Projeto de reforma NÚMERO DE PAVIMENTOS:

Leia mais

Curso Técnico Segurança do Trabalho. Introdução a Segurança do Trabalho Módulo Único

Curso Técnico Segurança do Trabalho. Introdução a Segurança do Trabalho Módulo Único Curso Técnico Segurança do Trabalho Introdução a Segurança do Trabalho Módulo Único SeÄÅo IX Das InstalaÄÉes ElÑtricas Art. 179 - O Ministério do Trabalho disporá sobre as condições de segurança e as medidas

Leia mais

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) LIMPA INOX MALTEX

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) LIMPA INOX MALTEX Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) 01/05 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Limpa inox Maltex. Aplicação: O remove manchas e amarelados de utensílios de

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança. de produtos Químicos - FISPQ

Ficha de Informações de Segurança. de produtos Químicos - FISPQ PRODUTO: Arames para Solda ARCO SUBMESO Página 1 de 6 Data: 01/05/2014 Nº FISPQ: 01 Versão: 1.0 Anula e substitui versão: todas as anteriores 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Arames

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO. 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO /EMPRESA 2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO. 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO /EMPRESA 2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO /EMPRESA * Identificação do Produto: * Principais Usos: * Código Interno: M-30.XXX * Identificação da Empresa: Planquímica Industrial e Comercial Ltda. * Endereço: Rua Dos Rubis,

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUIMICO

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA PRODUTO QUIMICO SEÇÃO I Identificação do Produto Químico e da Empresa Nome do Produto: ISOPLUS COMPONENTE B Nome da Empresa: CITIMAT MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA. RUA COMENDADOR SOUZA 72/82 AGUA BRANCA SÃO PAULO SP CEP:

Leia mais

FISPQ. Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico AQUAPLAST. Aquaplast. Aquaplast. Não disponível. Basile Química Ind. e Com. Ltda.

FISPQ. Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico AQUAPLAST. Aquaplast. Aquaplast. Não disponível. Basile Química Ind. e Com. Ltda. Folha: 1 / 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Código Interno: Aquaplast. Aquaplast. Principais usos recomendados: Utilizado principalmente como plastificante e lubrificante antiestatico.

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO Página: 1 de 5 FISPQ Nº: 037 Data da última revisão: 26/10/2010 Nome do Produto: Betugrout 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Betugrout Código do Produto: 026050025. Nome da Empresa:

Leia mais

Segurança com Pr P odutos o Q u Q ími m cos

Segurança com Pr P odutos o Q u Q ími m cos Segurança com Produtos Químicos Assuntos a serem Abordados 1. Conceitos e Definições; 2. Pré Avaliação do Produto Químico (Compra); 3. Armazenamento de Produto Químico; 4. Resíduo / Licença Ambiental;

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto MP-30 Película Líquida Spray Código interno de identificação 00.00.000.000 Nome da empresa Endereço Aeroflex Indústria de Aerosol Ltda. Rod. BR

Leia mais

2 COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

2 COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES FISPQ nº 008 DATA: 09/09/2009 Revisão: 03 Página: 1/7 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Produto: Pasta de Alumínio Empresa: Aldoro Indústria de Pós e Pigmentos Metálicos Ltda Endereço: Av. Suécia,

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS ( FISPQ)

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS ( FISPQ) Nome do Produto DNC Página 01/06 SEÇÃO 1.0 NOME DO PRODUTO Detergente Neutro Concentrado - HERMON Limpeza- Ltda Rua Vicente Melle,771-Bairro Ana Jacinta- Presidente Prudente-São Paulo - CEP: IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Nome do produto: Cloreto de Níquel Solução 80%

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Nome do produto: Cloreto de Níquel Solução 80% 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E EMPRESA Nome comercial: Cloreto de Níquel Solução 80% Código interno de identificação do produto: A022 Nome da Empresa: Endereço: Estrada Municipal Engenheiro Abílio Gondin

Leia mais