Durante a Marcha Nacional, Fasubra entrega reivindicação aos Ministérios

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Durante a Marcha Nacional, Fasubra entrega reivindicação aos Ministérios"

Transcrição

1 ASUFJF- a n o s ANO XVI - EDIÇÃO IMPRESSO ESPECIAL CONTRATO ECT/DR/MG Reafirmar o compromisso! CELEBRAÇÃO DA TRAJETÓRIA DE ORGANIZAÇÃO, LUTAS E CONQUISTAS Servidores e familiares comemoram os 50 anos de ASUFJF/Sintufejuf Entidade realiza noite de homenagens aos importantes nomes da história da Associação dos Servidores da UFJF (ASUFJF) e do Sindicato dos Ttrabalhadores, resgatando importantes momentos que marcam a memória do Sintufejuf e de toda a categoria. O animado coquetel no RU Centro fechou a cerimônia comemorativa. Leia nas págs. 7 e 8 Auditório do MAMM cheio: sindicalizados prestigiam cerimônia dos 50 anos Durante a Marcha Nacional, Fasubra entrega reivindicação aos Ministérios Carla Jurumenha / FASUBRA Documento é protocolado nos Ministérios Federação e suas bases percorreram as ruas de Brasília em manifesto pelo cumprimento integral do acordo de greve. Isso porque o governo declarou, recentemente, que os aposentados estariam fora das mudanças nos incentivos à capacitação e qualificação. Leia na pág. 3 Após a solenidade, homenageados e familiares posam para a foto com as placas H U R E D U Z S E R V I Ç O S Diante da falta de verba para pagar contratos, direção do hospital anuncia corte de 25% nos contratos Ministério da Educação não repassou a verba de custeio complementar ao HU para o ano de 2013, que representa atualmente 54% do total do orçamento do hospital de ensino. Há vários anos essa verba atende os planos de trabalho do hospital, que depende desse complemento para o exercício das suas atividades. Cenário financeiro do HU foi apresentado pelo diretor em assembleia geral na unidade do bairro Santa Catarina. Leia na pág. 5

2 2 EDITORIAL FIQUE LIGADO Comemorar o aniversário e multiplicar vitórias Valeu a pena. Esses 50 anos de Associação e sindicato nos demonstram a força da coletividade, aonde ela nos trouxe e ainda pode nos levar. Quantos caminhos trilhamos? A formação do primeiro quadro funcional da instituição; a criação de uma rede de benefícios para os servidores; a concretização de projetos de lazer, entre eles, a construção da sede campestre; a luta pela universidade pública; contra a retirada de direitos dos servidores; por um plano de carreira justo, entre tantos outros. Tivemos dirigentes de muito empenho, ousadia, garra e força de vontade. Dedicamos a eles e a tantos outros que não foram diretores nossas eternas homenagens por impulsionarem nossa categoria ao longo dessa história de Associação e Sindicato. É pensando no legado deixado por essas pessoas e na garra dos companheiros que permanecem participando conosco, que deixamos um apelo nessa edição do jornal. Precisamos e muito do empenho de dois importantes grupos da nossa base de trabalhadores. São exatamente esses dois grupos que estão sendo ameaçados no cenário atual: os aposentados e os servidores do Hospital Universitário. O governo federal vem afetando, através de suas políticas, esse dois grupos que nos são tão caros. Devemos lutar de todas as formas pela permanência dos HUs 100% públicos. E também pela permanência de uma carreira com paridade entre ativos e aposentados. Precisamos demonstrar que a direção do sindicato impulsiona a base, mas é esta que sustenta a luta. É a nossa base que tem mais a comemorar nesses 50 anos e a batalhar para que multipliquemos nossas vitórias daqui para frente. Declaração do imposto de renda em foco imagem retirada do site google.com.br Até o dia 30 de abril deste ano, os contribuintes brasileiros devem declarar o Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) referente a Trata-se da contribuição dos cidadãos aos cofres públicos, feita por aqueles que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ ,65 (que são o salário, a aposentadoria, pensões e dinheiro ganho com prestação de serviços). Há também exigência de declaração para quem teve rendimentos como em aplicações financeiras, posse de bens, ganho de capital na alienação de bens ou direitos. As informações completas podem ser acessadas no endereço eletrônico da Receita Federal ( As declarações são entregues pela Internet, utilizando o programa (ano-base 2012) que está disponível no site da Receita Federal. Também podem ser entregues por disquete, diretamente nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. Quem não declarar o imposto dentro do prazo está sujeito a uma multa mínima de R$ 165,74, que pode chegar a 20% do valor do imposto de renda. Os sindicalizados que utilizam o plano de assistência de saúde complementar (PLASC), através de convênio com o Sintufejuf, podem buscar a declaração na sede administrativa do sindicato (Av. Getúlio Vargas, 763 A, centro). Da mesma forma devem proceder os sindicalizados que utilizam o convênio do Sintufejuf com o Centro de Reabilitação Oral Especializado CROE. Já as declarações referentes aos serviços prestados pelo Consultório Odontológico do Sintufejuf podem ser conseguidas diretamente com os dentistas. A Unimed Juiz de Fora disponibilizou em sua própria página de Internet o extrato para declaração do imposto de renda. Basta acessar no o item relatório de gastos com plano de saúde, informar o CPF e imprimir o documento. Deduções de despesas Podem ser abatidos os gastos com: saúde (planos, consultas, exames, cirurgias, fisioterapias, internações, etc.); educação (no limite de R$ 3.091,35 por contribuinte ou dependente); previdência (contribuição destinada ao INSS e também o dinheiro investido em previdência privada complementar); INSS de empregado doméstico (limite de R$ 985,96 e não pode superar 6% do imposto de renda); incentivos fiscais (no limite de 6%); dependentes (até R$ 1.974,72 reais por pessoa) e pensão alimentícia. Quem não declara? Além das pessoas que receberam rendimentos no valor menor ao estipulado pela Receita, também estão dispensados da declaração portadores de doenças graves (comprovadas por perícia médica) e cujos rendimentos são oriundos de aposentadoria, pensão ou reforma. Também os beneficiários de pensão por morte ou invalidez permanente; recebimento de seguro-desemprego; aposentadoria por acidente de serviço ou doença grave, entre outros requisitos. Expediente Sintufejuf Sindicato dos Trabalhadores Técnico- Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino no Município de Juiz de Fora Av. Getúlio Vargas 763 A - Centro Tel.: (32) / Fax: (32) No Coordenação Geral: Paulo Dimas de Castro Lucas da Silva Simeão Coordenação de Comunicação: Rosangela Marcia Frizzero Luiz Roberto Pereira Jornalista Responsável: Monique Campos DRT/MG Conselho Editorial: Edson Furtado de Mello Emanuel Braz José Henrique Lopes José Fanias Lima José Pedro de Paula Lucas da Silva Simeão Luiz Roberto Pereira Paulo Dimas de Castro Rogério da Silva Rosangela Márcia Frizzero Silvestre dos Santos Diagramação: Sintufejuf Colaboração: Mauro Assis e Laura Caputo Fotos: Sintufejuf Cerimônia dos 50 anos: Laura Caputo e Marília Dutra Projeto gráfico: Kojio Comunicação Os artigos assinados são de total responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião da Diretoria do Sintufejuf.

3 J MOVIMENTO NACIONAL EM DEFESA DA PARIDADE 3 Marcha da Fasubra reúne cerca de mil trabalhadores pelo cumprimento integral do acordo Os técnico-administrativos em educação ocuparam as ruas de Brasília durante a marcha pelo cumprimento integral do acordo. A manifestação também foi chamada de Marcha Lilás, pois os trabalhadores usaram coletes e levaram balões desta cor em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. De acordo com as informações da federação, cerca de mil trabalhadores participaram do ato, representando 28 entidades de base. A Fasubra organizou a marcha e convocou suas bases para uma caravana até a capital devido à posição do governo federal de não incluir os aposentados nos ganhos de greve referentes à melhoria dos incentivos de qualificação e capacitação. Os trabalhadores saíram em marcha na defesa da paridade entre servidores da ativa e aposentados, algo que norteia as lutas e os acordos dos técnicoa d m i n i s t r a t i v o s e m e d u c a ç ã o. N o entendimento da Fasubra e seus sindicatos de base, se a lei da carreira (nº11.091/05) atribui todos os seus quesitos tanto para servidores da ativa quanto para aposentados e pensionistas, os acordos firmados não podem excluir qualquer segmento. A categoria luta para que os Ministérios da Educação e do Planejamento recuem e concedam a melhoria dos incentivos para todos. Os trabalhadores se concentraram no pátio da Catedral de Brasília e seguiram em passeata até o Ministério do Planejamento. Logo depois, eles foram ao Ministério da Educação. A direção da Fasubra entregou documentos e m c a d a u m d o s Ministérios, solicitando o a t e n d i m e n t o d a reivindicação. Participaram da caravana Rogério da Silva, Luiz Roberto Pereira, Caetano Honorato Filho e Maria Ângela Ferreira Costa, os quatro delegados que representaram a base de trabalhadores do Sintufejuf na Plenária Nacional da Fasubra agendada para os dias 8, 9 e 10 de março. Os servidores, no entanto, fecharam o dia de atividades com tristeza. O companheiro d o S i n d i c a t o d o s T r a b a l h a d o r e s d a Universidade Federal de Pernambuco, Marcos Antônio Emiliano Ribeiro, faleceu em Brasília Foto: Carla Jurumenha/FASUBRA Marcha Lilás, percorrendo a Esplanada dos Ministérios em Brasília no dia da marcha dos trabalhadores. Em virtude do luto, a Fasubra suspendeu a programação da Plenária Nacional no dia 8 e retomou no dia 9. Administração e finanças Prestação de contas FUNDO DE GREVE 2012 Plenária tem programação especial sobre as mulheres e também define calendário de luta A Plenária Nacional teve início em 9 de março, com uma discussão proposta pela Coordenação da Mulher Trabalhadora da Fasubra. O microfone ficou aberto para que os participantes da plenária falassem sobre o combate à violência e à discriminação da mulher na sociedade. Também houve a exibição de um vídeo. Os trabalhadores ouviram os informes nacionais e de bases. Em seguida, decidiram reforçar a luta pelo cumprimento integral do acordo de greve com atos locais, cobrando, inclusive, o posicionamento dos reitores sobre o assunto. Outro ponto aprovado foi encaminhar nas bases a campanha salarial dos servidores públicos federais, por definição de data-base, política salarial permanente e contra projetos e propostas de emendas constitucionais que retiram direitos dos servidores públicos. E é em defesa dos serviços públicos e contra a precarização dos trabalhos no setor que diversas categorias vão se unir em uma marcha no dia 24 de abril, que por decisão da plenária foi colocada na pauta da Fasubra. Com a aprovação da categoria, a Fasubra dará início à organização dos encontros regionais, que são espaços de discussão e deliberação dos trabalhadores de forma a pautar os debates do Congresso Nacional da Fasubra. O Encontro da Região Sudeste será organizado pelo SINTUFES (Espírito Santo) e realizado na primeira quinzena de junho. Ainda conforme o relato dos delegados de Juiz de Fora, a Fasubra realizará discussões com o movimento nacional dos docentes e discentes com a finalidade de realizar um plebiscito nacional sobre a EBSERH. GREVE 2012 Fundo de greve arrecadado- julho Fundo de greve arrecadado - setembro DESPESAS Refeições Caravana Brasília 04 a 06 junho Adesivos e cartazes Divulgação greve Diário Regional Caravana Rio + 20 Faixas Caravana Ouro Preto Márcio e Engelbert 20/06 a 30/06 Rosas Ato HU Giane e Ivan 01/07 a 10/07 Rosangela 11/07 a 20/07 Fundo de greve para Fasubra Combustível Caravana 16 a 20 de junho Rogério e Fabrício 22/07 a 01/08 Silvestre e Maria Ângela 01/08 a 24/08 Bolo HU Aluguel van (ato no campus) - Blusas EBSERH Aluguel van (20/08) Compra notebook Total R$ ,76 - R$ ,21 = = R$ , , , , , ,00 750, ,00 826, , ,48 510, , , , , , , ,04 278,00 300,00 850,00 220, , ,21

4 4 5 COMISSÃO INTERNA DE SUPERVISÃO DA CARREIRA (CIS) Novos membros eleitos comentam sobre suas propostas Servidores falam em gestão democrática, transparência e fortalecimento da Comissão que acompanha a carreira dos técnico-administrativos na UFJF e os programas de desenvolvimento dos servidores Os técnico-administrativos em educação da UFJF elegeram os membros da Comissão Interna de Supervisão do plano de carreira (CIS) para os próximos três anos. Edson Furtado de Mello (HU e Sintufejuf), Márcio Roberto Lima Sá Fortes (Centro de Educação a Distância), Elizângela Soares Pereira (HU), Carlos Henrique Flores da Costa (Reitoria), Márcia Aparecida Costa Rosa (HU) e Gil Márcio Ribeiro Corrêa (Coordenação de Assuntos Estudantis), vão ocupar os cargos de três titulares e três suplentes, respectivamente. A eleição aconteceu pelo sistema interno online da UFJF - o SIGA - para os servidores da ativa e por meio de urna presencial para aposentados, disponibilizada no Sintufejuf. O resultado foi divulgado em 22 de fevereiro pela Comissão Eleitoral. Segundo o Pró-reitor Adjunto de Recursos Humanos, Sebastião Luiz Girardi, a universidade está aguardado a agenda do reitor para realizar a posse. A CIS foi criada pela Lei nº /05 para representar os técnicoadministrativos em educação na defesa e no melhoramento do Plano de Carreira dos técnico-administrativos em educação. Para isso, a Comissão Interna realiza articulações locais e nacionais, acompanhando todas as etapas de implementação do plano de carreira e propondo melhorias. Também é de competência da CIS orientar a área pessoal e os servidores, avaliando as necessidades do trabalhador e da universidade. Edson Furtado de Mello declara que se candidatou porque reconhece a importância da Comissão para a carreira e pretende contribuir para melhorar o plano. Segundo ele, o governo tem feito muitas mudanças na carreira e a CIS deve atuar em benefício da categoria. Edson defende que a primeira coisa a se fazer será analisar as atividades em andamento da CIS para então traçar novas metas. Uma das minhas propostas será a transparência nas ações da CIS, divulgando periodicamente tudo que tem sido feito, comenta. Como a candidatura é individual e não por chapas, Edson comenta ainda que a interação e a troca de experiências com os outros eleitos será fundamental. Mário Fortes defende a melhoria da comunicação da CIS com o conjunto dos servidores. Para ele, o grande desafio é fortalecê-la e torná-la conhecida, possibilitando ao servidor mais informações sobre a sua carreira. Outra proposta é colaborar com o Recursos Humanos para poder melhorar a capacitação, que já vem sendo bem sucedida na universidade, e estudar cada caso de adequação do servidor ao espaço de trabalho, para que seja alocado em determinado lugar e não em outro, por exemplo, afirma. Márcio também propõe a análise do tempo e capacitação do servidor na universidade, buscando melhorar o rendimento. Ao se deparar com o cartaz sobre a eleição para CIS no mural do Hospital Universitário em que trabalha, o HU Santa Catarina, a servidora Elizângela Soares Pereira, a terceira mais bem votada, se interessou pelo assunto e foi buscar se informar melhor na internet e com companheiros de trabalho. Apesar de acreditar na importância de todas as suas propostas para o aprimoramento do Plano e relacionamento entre a comissão e servidores, ela destaca arelevância de uma proposta única para nortear o trabalho do grupo. Acreditando que o desafio é comum a quem se propõe a fazer alguma coisa, Elizângela também espera uma gestão democrática. 14ª Colônia de Férias anima o calendário de atividades do Sintufejuf A Colônia de Férias do Sintufejuf chegou em sua 14ª edição, mais uma vez agitando a sede campestre. Cerca de 150 crianças aproveitaram a piscina, cama elástica, as brincadeiras e os diversos jogos realizados de 28 de janeiro a 1º de fevereiro. Além disso, as atividades de desenho, pintura e origami foram um sucesso. Nesta edição, a equipe da Uniodonto organizou uma divertida oficina de escovação para as crianças. E para fechar com chave de ouro, o animado Grito de Carnaval. O evento é realizado pela Coordenação do Sintufejuf, com decisivo apoio de sindicalizados e colaboradores que cuidam da alimentação e segurança das crianças. As atividades esportivas e recreativas ficam por conta de uma equipe de monitores de Educação Física. Além disso, uma ambulância da Unimed JF ficou de plantão. MURAL

5 GOVERNO FEDERAL DEIXA DE REPASSAR RECURSO COMPLEMENTAR AO HOSPITAL DE ENSINO HU tem redução nos serviços por falta de verba de custeio Corte afeta 25% da força de trabalho terceirizada do hospital. Centro Cirúrgico do HU - unidade Dom Bosco foi fechado e na unidade Santa Catarina a previsão é de fechamento de 42 leitos A direção do Hospital Universitário da UFJF se viu obrigada a fazer uma redução inicial de 25% nos contratos de fornecedores e prestadores de serviços, o que já impacta nas atividades de ensino e na assistência à população de Juiz de Fora e região. O motivo do corte se deve ao fato do Ministério da Educação não ter repassado a verba de custeio complementar ao HU para o ano de 2013, que representa 54% do total do orçamento. Há vários anos essa verba atende os planos de trabalho do hospital, que depende desse complemento para o exercício das suas atividades. MEC e Ministério da Saúde declararam que não repassarão mais o recurso de custeio, segundo informações do diretor geral do HU/UFJF, Dimas Augusto Araújo. Já UFJF está impedida de tirar do próprio orçamento para colocar no seu hospital federal, devido a uma determinação da Presidência da República. Com isso, a direção do HU anunciou aos órgãos municipais de saúde e à própria imprensa a necessidade de efetuar os cortes. Ainda c o n f o r m e o d i r e t o r, a v e r b a d e contratualização (SUS) e do programa de expansão e reestruturação do HU (REHUF) ficaram mantidas até o momento. Dimas Augusto e o diretor financeiro do hospital, As questões sobre gestão dos hospitais federais de ensino foram colocadas a cargo da estatal de direito privado EBSERH, Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares. A falta de verba para o HU/UFJF aprofundou o debate sobre uma possível retaliação por parte do governo federal, devido ao fato da unidade não ter aderido à empresa. O Jornal do Sintufejuf procurou a d i r e t o r i a d a E B S E R H p a r a o b t e r esclarecimentos sobre o fato. A resposta da Assessoria de Comunicação Social da empresa foi a de que os diretores não estavam atendendo aos jornalistas, mas era possível apurar e responder por . S e g u n d o a A s s e s s o r i a d e Comunicação da EBSERH, ainda não está definido o montante do orçamento de cada hospital para 2013, o que depende do Diretor apresentou o cenário político e econômico do hospital em assembleia dos trabalhadores Alexandre Magno, estiveram na assembleia geral dos técnico-administrativos na tarde de 7 de março, no auditório Gilson Salomão, a fim de explicarem o problema. No HU da unidade do bairro Dom Bosco foram fechados o centro cirúrgico, o Hospital-Dia, a biblioteca e a secretaria. Os setores de almoxarifado e farmácia estão passando por uma redução de 50%. Na unidade do bairro Santa Catarina serão fechados 42 leitos. Foi preciso unir os setores de Medicina de Homens (MH) e Medicina de Mulheres (MM); a pediatria e a ginecologia trabalham com apenas 50% dos leitos, assim como as cirurgias. O impacto também vai se dar no número de exames, segundo Dimas Augusto. Reativação dos leitos somente via EBSERH, declara empresa Orçamento Geral da União e da definição de valores Ministérios da Educação e da Saúde. Esclarecemos, no entanto, que não há qualquer previsão de redução no orçamento destinado aos hospitais universitários federais por parte do Governo Federal. O montante destinado a cada unidade é definido com base em uma matriz de distribuição de recursos que considera alguns aspectos, como, por exemplo, o número de leitos existentes, os serviços de assistência à saúde prestados no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), entre outros, diz a resposta enviada por . O Jornal do Sintufejuf também perguntou se o caso do HU em Juiz de Fora diz respeito a uma crise dentro do próprio governo federal ou se trata de uma política de atendimento somente aos que pertencem à EBSERH. É importante destacar, no entanto, 5 Técnico-administrativos em educação de alguns setores passam por realocações a partir das mudanças nos locais de trabalho. O corte afeta 25% da força de trabalho terceirizada do hospital. Segundo o diretor geral, alguns trabalhadores já receberam aviso prévio e outros ainda vão receber, porque foi necessário extinguir determinados cargos. Realmente é uma crise financeira muito séria e nós, como direção, não podemos ficar assistindo. Estamos reduzindo para garantir o pouco com qualidade, afirmou o diretor. A residência no hospital já sofre as consequências da redução. Dimas Augusto relatou que vários candidatos aprovados já estão procurando outros programas. O impacto sobre os estágios também será considerável, pois haverá menos consultas, exames e internações. Outro problema já aparente é a dificuldade de oferecer alimentação para pacientes, acompanhantes e trabalhadores. Até o momento, nenhuma empresa que c o n c o r r e u a o ú l t i m o p r e g ã o p a r a fornecimento da alimentação do hospital quis assinar contrato, devido ao receio de não receber o pagamento pelo serviço em função da falta de verba no HU. A direção declarou que abrirá nova licitação. que os investimentos necessários para a r e a t i v a ç ã o d o s l e i t o s d o H o s p i t a l Universitário de Juiz de Fora, atualmente desativados em decorrência da carência de recursos humanos, somente será possível a partir da adesão à EBSERH. A Empresa promoverá concursos públicos para contratação de profissionais para os hospitais vinculados às universidades federais que aderirem à empresa, completa a Assessoria. Durante a assembleia no HU, os trabalhadores destacaram que ficou clara a missão do governo: se não privatiza, fecha serviços. Eles também questionaram os motivos pelos quais o Ministério Público age rapidamente contra o movimento de greve, sendo que ainda não se manifestou contra a política que obriga o fechamento de setores do hospital público de ensino.

6 6 espaço da SAÚDE 5 Saúde da Mulher Com base nos últimos programas elaborados pelo M i n i s t é r i o d a Saúde, podemos entender Saúde da Mulher como uma série de ações voltadas à assistência na área clínica ginecológica, ao campo da reprodução (como planejamento familiar e gestação) e no combate a doenças. A psicóloga do Centro Viva Vida no HU/UFJF, Hila Martins, deixou importantes dicas para as leitoras e leitores da coluna Espaço Saúde. Planejamento familiar Visa o controle do número de filhos ou o tempo entre os nascimentos. Garante às mulheres o direito básico de ter ou não filhos. Trata-se de um espaço de esclarecimento e orientação s o b r e m é t o d o s d e a n t i c o n c e p ç ã o (reversíveis ou irreversíveis), com base no auxílio de uma equipe multiprofissional. Também diz respeito aos programas de tratamentos da infertilidade. Gestação de alto risco Assistência especializada às gestantes que estejam em situações que aumentam o risco de vida (da mãe ou da criança), como idade, anormalidades nos órgãos reprodutivos, r e l a c i o n a m e n t o s c o n t u r b a d o s, dependência química, aborto de repetição, diabetes, hipertensão arterial, etc. Visa evitar as complicações através de cuidados especiais voltados para a saúde da gestante. Câncer de mama É uma doença tratável e curável, pois hoje há métodos de diagnóstico precoce. É importante a realização do auto-exame das mamas mensalmente, uma prática que salva muitas vidas. Importantes métodos preventivos também são o exame clínico das mamas e a mamografia (no mínimo anual para mulheres após 40 anos). Câncer de colo uterino Principal agente da enfermidade é o vírus HPV. É possível tratar antes que se torne um câncer. Por isso é importante fazer consultas anuais ao ginecologista e fazer o exame preventivo. J Sindicato promove manhã de palestras O Sintufejuf realizou, na manhã do dia 7 de março, uma atividade especial em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. A médica e técnica-administrativa da UFJF, Gessilene Zigler Foine, e a psicóloga do Centro Viva Vida no HU/UFJF, Hila Martins Campos Faria, palestraram no evento realizado no anfiteatro de Estudos Sociais, na Faculdade de Direito da UFJF. Após a primeira palestra, o sindicato ofereceu um café da manhã aos participantes. Ainda teve, durante a atividade, sorteio de brindes e distribuição de rosas em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Gessilene Foine preparou uma palestra sobre os papéis sociais que foram atribuídos às mulheres ao longo dos séculos e as principais mudanças na história que proporcionaram evoluções nas relações de gênero. Havia uma estrutura de poder patriarcal na sociedade greco-romana, que se expandiu na Idade Média, conduzindo as mulheres para os lares enquanto os seus centros de poder. Com o desenvolvimento industrial, elas saem em busca do mercado de MÊS DAS MULHERES Participantes debatem cultura, sociedade e programas na área da saúde da mulher Hila Martins Palestrantes destacaram o papel da mulher na sociedade de ontem e de hoje e o que é oferecido pelos programas de Sáude da Mulher do Centro Viva Vida do HU Gessilene Foine trabalho, o que abre caminhos para diversas mudanças. Isso faz com que, na Idade Contemporânea, a mulher conquiste a igualdade civil. Tais mudanças culminam na revolução sexual do século XX e instituem importantes espaços de poder. Gessilene destaca que, entendendo essa trajetória, é possível analisar melhor os desafios da atualidade, como a dupla jornada e a discrepância salarial. Hila Martins apresentou um resumo de cada serviço do ambulatório de saúde da m u l h e r d o C e n t r o V i v a V i d a, e m funcionamento no HU/UFJF. Segundo ela, a mulher pode contar com uma assistência multiprofissional, através de grupos de apoio, além de programas de tratamentos através do Sistema Único de Saúde. Hila explicou como funcionam os programas de planejamento familiar, de prevenção e tratamento de doenças femininas, como o câncer de mama e de colo uterino. Ela também comentou sobre climatério (confira também o Espaço da Saúde, na coluna ao lado, que contou com a colaboração da psicóloga). Climatério - Fase da vida da mulher de transição do período reprodutivo para o não reprodutivo, sendo que uma das etapas é a menopausa. As ações visam o auxílio à mulher nessa fase de déficit hormonal para garantir qualidade de vida face às mudanças causadas pelo envelhecimento. Coordenadores de saúde, Jane Melandre e Ronaldo Dias, dão as boas vindas aos participantes Sintufejuf entrega rosas às participantes do evento, que também teve sorteio de brindes

7 50 ANOS DE LUTAS E CONQUISTAS EM PROL DA CATEGORIA Sindicato faz homenagens a dirigentes em noite comemorativa pelo aniversário da Associação dos Servidores e Sindicato 7 Entidade recebeu sindicalizados, familiares e autoridades locais na cerimônia realizada no Museu de Arte Murilo Mendes administração superior da UFJF, diretores do Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro - Sintufrj, entre outros convidados. O Sintufejuf entregou placas de homenagens a fundadores da Associação, ex-diretores e atuais Coordenadores. Em meio às homenagens, a plateia acompanhou o resgate da história da Associação e Sindicato, em que foi destacado o contexto de cada gestão, além das grandes contribuições dos dirigentes homenagea- Anfiteatro cheio na comemoração do aniversário do sindicato dos. Coordenação geral do sindicato, deputada federal, reitor e diretora da Apes na mesa de cerimônia A noite de comemoração pelos 50 anos do Sintufejuf e ASUFJF reuniu servidores e familiares no anfiteatro do Museu de Arte Murilo Mendes da UFJF, em 8 de março. Na mesa de cerimônias, discursos de alegria e de felicitações ao sindicato, proferidos pelo reitor da UFJF, Henrique Duque, pela deputada federal (PT-MG) e ex-reitora da instituição, Margarida Salomão, segunda tesoureira da Associação de Professores de Ensino Superior APES, Maria Aparecida Araújo, e pelos Coordenadores Gerais do Sintufejuf, Paulo Dimas de Castro e Lucas da Silva Simeão. Na plateia estavam muitos dos protagonistas da história da entidade, que se empenharam para construí-la e torná-la o que é hoje. Prestigiaram a cerimônia sindicalizados, familiares, integrantes da Através do Sintufejuf temos uma universidade forte, politicamente conduzida através da democracia e da luta, ressaltou o reitor Henrique Duque em seu discurso. A deputada federal, Margarida Salomão, mencionou que persistindo na luta, todos os que contribuíram para a construção do Sintufejuf garantem que a universidade pública brasileira cumpra sua missão perante à sociedade. A representante da APES destacou a importância da trajetória dos colegas sindicalistas e desejou ainda mais conquistas. Paulo Dimas mencionou o papel dos funcionários, pelo empenho diário dentro do sindicato. Ele destacou ainda a presença tanto dos antigos sindicalizados na plateia, alguns até fundadores da Associação em 1963, como os servidores recémchegados à universidade, ressaltando a Coral da UFJF abrilhantou a cerimônia com apresentação importância das diferentes gerações envolvidas na grande causa que é o sindicalismo do Sintufejuf. Lucas Simeão propôs um momento de reflexão, ao considerar que o sindicato completando 50 anos demonstra que nenhuma pessoa, nenhum governante ou país deve ousar duvidar da capacidade de mobilização e luta da classe trabalhadora. O resgate dos momentos marcantes da Associação e Sindicato ficaram a cargo dos discursos de Aloysio Goreske, Ricardo B o n f a n t e, A l u i s i o d a S i l v a e d o s Coordenadores Paulo Dimas e Lucas Simeão. No final da cerimônia, o Coral da UFJF contagiou os participantes com a sua apresentação. Em seguida, o Sintufejuf ofereceu um coquetel no RU Centro, proporcionando um momento de confraternização para os convidados. Funcionários do Sindicato juntamente com Coordenadores Alegria no reencontro dos amigos durante o coquetel O Sindicato confeccionou brindes em comemoração aos 50 anos. O sindicalizado que ainda não recebeu pode buscá-los na sede administrativa do Sintufejuf.

8 AOS IMPORTANTES NOMES DA NOSSA HISTÓRIA Cerimônia faz homenagens a fundadores da Associação, exdiretores e Coordenadores do Sindicato Desde o momento da primeira gestão em 1963, em que Bertholdo Klinger da Silva foi o presidente, foram abertos os caminhos para a formação de uma categoria unida e forte, que muito contribui para a construção do cenário da educação superior na UFJF. O Sintufejuf prestou homenagens a Ricardo Bonfante, José Ventura, Aloysio Goreske, Antônio José Cedrola, Marcelo Procópio, José Fanias Lima, Aluisio da Silva, Altair de Paula, Heloísa Déde, Paulo Dimas de Castro, Sebastião Girardi e Lucas Simeão, pela dedicação e empenho na construção da entidade representativa dos servidores. Homenagens (em memória) foram feitas aos ausentes, que marcaram a trajetória da Associação e do Sindicato, deixando importantes legados para os sindicalistas. São eles: Hamleto Mazócoli (recebida por Victor Mazócoli), Ruy e Rubens de Barros (recebidas por Marcos de Barros), Wanor de Salles (recebida por Edna Kneipp), José Eugênio Martins (recebida por Vicentina de Castro), Osmar Silva Júnior, Valter Luiz da Silva, Marcelo de Oliveira Rodrigues (recebida por Giulia de Pace) e Pedro Rosa Filho (recebida por Regina Márcia Rosa). 8 Homenagem ao ex-vice-presidente e atual diretor, Ricardo Bonfante Homenagem entregue ao filho de Hamleto Mazócoli, em memória ao ex-presidente Homenagem entregue ao filho de Ruy de Barros e sobrinho de Rubens de Barros, em homenagem aos ex-presidentes Homenagem ao ex-presidente José Ventura Homenagem entregue à viúva de Wanor de Salles, em memória ao ex-presidente Homenagem ao ex-presidente Aloysio Goreske Homenagem entregue à viúva de José Homenagem ao ex-presidente Marcelo Eugênio, em memória ao ex-vice-presidente Procópio de Oliveira Homenagem entregue à viúva de Marcelo de Oliveira Rodrigues, em memória ao ex- Coordenador Homenagem ao ex-presidente e atual diretor, José Fanias Lima Homenagem ao ex-coordenador Geral e atual diretor, Aluisio da Silva Homenagem entregue à Cláudia Seccadio, que representou o amigo Altair de Paula Homenagem entregue à viúva de Marcelo Rodrigues, em memória ao ex-diretor Homenagem entregue à viúva de Pedro Rosa Filho, em memória ao ex-diretor Homenagem ao ex-coordenador Geral do sindicato, Sebastião Luiz Girardi Homenagem ao atual Coordenador Geral do sindicato, Paulo Dimas de Castro Homenagem ao atual Coordenador Geral do sindicato, Lucas da Silva Simeão

No entanto, a efetividade desses dispositivos constitucionais está longe de alcançar sua plenitude.

No entanto, a efetividade desses dispositivos constitucionais está longe de alcançar sua plenitude. A MULHER NA ATIVIDADE AGRÍCOLA A Constituição Federal brasileira estabelece no caput do art. 5º, I, que homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações e reconhece no dispositivo 7º a igualdade de

Leia mais

CARTA DE RECIFE. Foram aprovadas as seguintes decisões, propostas, encaminhamentos e

CARTA DE RECIFE. Foram aprovadas as seguintes decisões, propostas, encaminhamentos e CARTA DE RECIFE O VII FÓRUM NACIONAL DAS COMISSÕES INTERNAS DE SUPERVISÃO DA CARREIRA, realizado em Recife/PE, no período de 07 a 10 de outubro de 2013, nas dependências da Universidade Federal Rural de

Leia mais

Protocolos de acesso do Serviço Social 1- Caracterização do Serviço

Protocolos de acesso do Serviço Social 1- Caracterização do Serviço Protocolos de acesso do Serviço Social 1- Caracterização do Serviço A finalidade do trabalho do Assistente Social junto ao usuário do Hospital Universitário da UFJF, implica em favorecer o acesso deste

Leia mais

INFORMES DE BASE. SINTESPB: ATENÇÃO - ASSUFBA, SINTUFS, SINTUFAL, SINTESPB, SINTUFEPE, SINTUFEPE-Rural, SINTEST-RN,

INFORMES DE BASE. SINTESPB: ATENÇÃO - ASSUFBA, SINTUFS, SINTUFAL, SINTESPB, SINTUFEPE, SINTUFEPE-Rural, SINTEST-RN, MAI-01 010102 Brasília, 13 de maio de 2013. Presente em Brasília: Rolando. CF em Brasília: Leonir, Rudnei, Ademar, Paulão e Mauro Mendes. INFORMES DE BASE "Todo o conteúdo publicado neste espaço (IB) é

Leia mais

CARTA DE SANTA MARIA

CARTA DE SANTA MARIA CARTA DE SANTA MARIA ANDES-SN: Sindicato de luta, ampliando a organização da categoria e a unidade classista dos trabalhadores. Sob a égide desse tema, realizou-se o 58º CONAD do ANDES SINDICATO NACIONAL,

Leia mais

Paralisação docente na UFU alerta para o pacote de maldades do Governo Federal

Paralisação docente na UFU alerta para o pacote de maldades do Governo Federal Edição Eletrônica nº 11 28/09/2015 Produção Assessoria de Imprensa ADUFU SS www.adufu.org.br Paralisação docente na UFU alerta para o pacote de maldades do Governo Federal A Assembleia da ADUFU SS realizada

Leia mais

Circular nº 157/2014 Brasília, 2 de setembro de 2014. Às Seções Sindicais, às Secretarias Regionais e aos Diretores do ANDES-SN

Circular nº 157/2014 Brasília, 2 de setembro de 2014. Às Seções Sindicais, às Secretarias Regionais e aos Diretores do ANDES-SN Circular nº 157/2014 Brasília, 2 de setembro de 2014 Às Seções Sindicais, às Secretarias Regionais e aos Diretores do ANDES-SN Companheiros, Encaminhamos, para ampla divulgação, a Carta de Aracaju (59º

Leia mais

PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER

PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER PLANO DE AÇÕES SINDICAIS 2012 anexo ata de 03 de fevereiro de 2012 DEMANDA AÇÃO QUANDO FAZER COMO FAZER 1.1-Reunião com a diretoria 1.1.1 03/02 ( sexta feira ) 17h 1.1.1.1 Convocar membros da diretoria

Leia mais

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu:

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: Art. 8º É livre a associação profissional ou sindical, observado o seguinte: Art. 37º... VI - é garantido ao servidor público civil o direito à livre associação

Leia mais

LUTA MÉDICA ENTREVISTA: JORGE SOLLA Entrevista publicada na Revista Luta Médica nº 02 (janeiro/fevereiro de 2007)

LUTA MÉDICA ENTREVISTA: JORGE SOLLA Entrevista publicada na Revista Luta Médica nº 02 (janeiro/fevereiro de 2007) LUTA MÉDICA ENTREVISTA: JORGE SOLLA Entrevista publicada na Revista Luta Médica nº 02 (janeiro/fevereiro de 2007) Médico Pesquisador do Instituto de Saúde Coletiva (ISC) da Universidade Federal da Bahia.Ex-Coordenador

Leia mais

RESUMOS. Grupo Temático GESTÃO FINANCEIRA

RESUMOS. Grupo Temático GESTÃO FINANCEIRA RESUMOS Grupo Temático GESTÃO FINANCEIRA ADEMIR JOSE DE ASSIS JUNIOR A Logística de Transportes e as Avaliações Educacionais uma análise dos transportes oferecidos aos colaboradores do Centro de Políticas

Leia mais

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES ALEGRE. Porto Alegre, novembro de 2010

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES ALEGRE. Porto Alegre, novembro de 2010 DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE Porto Alegre, novembro de 2010 REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL Os servidores públicos ocupantes de cargo

Leia mais

Propostas aprovadas no XII Enem

Propostas aprovadas no XII Enem Propostas aprovadas no XII Enem Tema I Formação Médica Ensino Médico 1. Exigir como requisitos mínimos para reconhecimento e revalidação dos cursos de Medicina: hospital próprio com quantidade suficiente

Leia mais

Plano de Trabalho da ASPAS Gestão 2008/2011. Atividades e Metas para 2008

Plano de Trabalho da ASPAS Gestão 2008/2011. Atividades e Metas para 2008 Plano de Trabalho da ASPAS Gestão 2008/2011 Atividades e Metas para 2008 1 - Ações institucionais 1.1 - Acompanhar a gestão atuarial e de investimentos do PS-I e do PS-II, tomando medidas em defesa dos

Leia mais

Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN

Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN Relatório de Particiçação da ADUFERPE no Seminário Nacional Sobre a Estrutura Organizativa do ANDES-SN Representantes da ADUFERPE: Cícero Monteiro de Souza (Recife); Levy Paes Barreto (Diretoria-Recife);

Leia mais

Informativo do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições Federais de Ensino Superior de Uberlândia (SINTET-UFU)

Informativo do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições Federais de Ensino Superior de Uberlândia (SINTET-UFU) LIGEIRINHO Gestão 2014/2016 TRABALHADOR, JUNTOS SOMOS FORTES! Edição nº 475 Informativo do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições Federais de Ensino Superior de Uberlândia

Leia mais

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO HU/UFJF SERVIÇO SOCIAL. Anna Cláudia Rodrigues Alves. Chefe do Serviço Social HU/UFJF Mestre em Saúde Coletiva / UFJF

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO HU/UFJF SERVIÇO SOCIAL. Anna Cláudia Rodrigues Alves. Chefe do Serviço Social HU/UFJF Mestre em Saúde Coletiva / UFJF HOSPITAL UNIVERSITÁRIO HU/UFJF SERVIÇO SOCIAL Anna Cláudia Rodrigues Alves Chefe do Serviço Social HU/UFJF Mestre em Saúde Coletiva / UFJF FALSO VERDADES E INVERDADES SOBRE O SERVIÇO SOCIAL VERDADEIRO

Leia mais

Federação de Sindicatos de Trabalhadores das Universidades Brasileiras Fundada em 19 de dezembro de 1978

Federação de Sindicatos de Trabalhadores das Universidades Brasileiras Fundada em 19 de dezembro de 1978 GT HUE s e SEMINÁRIO Realizado no período de 12 a 14 de abril de 2010 PROPOSTA PRELIMINAR DE HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS E DE ENSINO E CENTROS HOSPITALARES DE SAÚDE ESCOLA (HUE S) CAPÍTULO I Artigo 1º. Este

Leia mais

JORNADA DAS MARGARIDAS 2013

JORNADA DAS MARGARIDAS 2013 JORNADA DAS MARGARIDAS 2013 PAUTA INTERNA 1 - ORGANIZAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SINDICAL 1 Assegurar condições de igualdade para homens e mulheres exercerem com autonomia o trabalho sindical nas diversas secretarias

Leia mais

DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07

DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07 DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07 Durante audiência pública realizada na Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados, na última quarta-feira (27), associações e sindicatos

Leia mais

Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência

Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência Página 01 Paranaguá Previdência Lei Complementar do Município Nº 53/2006 Página 02 PREZADO SEGURADO Com início das atividades

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

RESUMO DA REUNIÃO SOBRE O PROJETO DE LEI DE INICIATIVA POPULAR SOBRE OS 10% DAS RECEITAS CORRENTES BRUTAS PARA O SUS.

RESUMO DA REUNIÃO SOBRE O PROJETO DE LEI DE INICIATIVA POPULAR SOBRE OS 10% DAS RECEITAS CORRENTES BRUTAS PARA O SUS. RESUMO DA REUNIÃO SOBRE O PROJETO DE LEI DE INICIATIVA POPULAR SOBRE OS 10% DAS RECEITAS CORRENTES BRUTAS PARA O SUS. Com a participação de conselheiros do Conselho Nacional de Saúde (CNS) juntamente com

Leia mais

Plano de lutas do XXIII CONSINTET-UFU 2015. Conjuntura. Conjuntura Nacional e Internacional

Plano de lutas do XXIII CONSINTET-UFU 2015. Conjuntura. Conjuntura Nacional e Internacional Plano de lutas do XXIII CONSINTET-UFU 2015 Conjuntura Que o SINTET-UFU e a FASUBRA inclua no seu calendário anual atividade esportiva para a sua categoria e Base. Que o SINTET-UFU garanta em seus fóruns

Leia mais

informe COOPERATIVA ODONTOLÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE Abril 2012 www.uniodontorn.com.br (84) 4009-4664 Rua Açu, 665 - Tirol Natal/RN - CEP 59020-110

informe COOPERATIVA ODONTOLÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE Abril 2012 www.uniodontorn.com.br (84) 4009-4664 Rua Açu, 665 - Tirol Natal/RN - CEP 59020-110 Abril 2012 NATAL www.unirn.com.br COOPERATIVA LÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE DESTAQUES DESTA EDIÇÃO: Convenção da Uniodonto Nordeste... pág. 03 Assembleia dos cooperados reelege a atual Diretoria... pág.

Leia mais

APRESENTAÇÃO. O Centro de Referência do Idoso da Zona Norte - CRI Norte (OSS/ACSC), tem a satisfação de apresentar-lhe o Manual de Parceria 2015.

APRESENTAÇÃO. O Centro de Referência do Idoso da Zona Norte - CRI Norte (OSS/ACSC), tem a satisfação de apresentar-lhe o Manual de Parceria 2015. APRESENTAÇÃO O Centro de Referência do Idoso da Zona Norte - CRI Norte (OSS/ACSC), tem a satisfação de apresentar-lhe o Manual de Parceria 2015. Seja parceiro de um serviço que é referência em geriatria

Leia mais

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG SINDICATO, REALIZADA EM 05/08/2015.

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG SINDICATO, REALIZADA EM 05/08/2015. ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG, REALIZADA EM 05/08/2015. Aos dias oito do mês de agosto de dois mil e quinze, no Centro de Cultura e Eventos Prof. Ricardo Freua Bufaiçal, localizado no Campus Samambaia,

Leia mais

Universidade Federal de Juiz de Fora Hospital Universitário Programa de Avaliação de Desempenho (PROADES) Segunda Fase

Universidade Federal de Juiz de Fora Hospital Universitário Programa de Avaliação de Desempenho (PROADES) Segunda Fase Universidade Federal de Juiz de Fora Hospital Universitário Programa de Avaliação de Desempenho (PROADES) Segunda Fase Registro de reuniões setoriais Setor: Serviço Social Unidade Dom Bosco Data: 29.05.2009

Leia mais

INTRODUÇÃO OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS

INTRODUÇÃO OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS INTRODUÇÃO Com base no Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais - REHUF, destinado à reestruturação e revitalização dos hospitais das universidades federais, integrados

Leia mais

Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: direito do povo brasileiro

Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: direito do povo brasileiro Saúde pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: direito do povo brasileiro Objetivos da 15ª. Reafirmar, impulsionar e efetivar os princípios e diretrizes do SUS- saúde como DH Mobilizar e estabelecer

Leia mais

Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria?

Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria? Previdência Social: quem tem direito à aposentadoria? Quando o assunto é aposentadoria, é comum surgir à questão: como se manter financeiramente após o término da idade ativa? A Previdência Social é um

Leia mais

Minuta específica de reivindicações dos empregados do Banco Bradesco

Minuta específica de reivindicações dos empregados do Banco Bradesco Minuta específica de reivindicações dos empregados do Banco Bradesco 1. Emprego O Banco deverá instituir medidas que visem aumentar o número de empregados, adequando o seu quadro funcional a praça e ao

Leia mais

LIGA FEMININA DE COMBATE AO CÂNCER DE ENCANTADO - RS

LIGA FEMININA DE COMBATE AO CÂNCER DE ENCANTADO - RS RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DO ANO DE 2011 I DADOS DA INSTITUIÇÃO 1 Liga Feminina de Combate ao Câncer de Encantado; 2 Rua Júlio de Castilhos, 1235, sala 412; 3 Bairro Centro; 4 CEP 95960-000 Encantado RS.

Leia mais

Apresentação. Prezado beneficiário,

Apresentação. Prezado beneficiário, LANOIII Apresentação Prezado beneficiário, Visando dar continuidade à prestação dos melhores serviços em saúde e promover uma melhor qualidade de vida ao beneficiário, a CompesaPrev apresenta o CompesaSaúde

Leia mais

A Previdência e os Docentes das Instituições Públicas

A Previdência e os Docentes das Instituições Públicas A Previdência e os Docentes das Instituições Públicas Expediente Cartilha produzida pelo Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de - ANDES-SN Setor Comercial Sul (SCS), Quadra 2, Edifício Cedro

Leia mais

PROGRAMAÇÃO OUTUBRO ROSA ATIVIDADES DESENVOLVIDAS AOS SÁBADOS UNIDADE DE SAÚDE DATA HORÁRIO ATIVIDADES. 8 às 13 horas. 7 às 13 horas.

PROGRAMAÇÃO OUTUBRO ROSA ATIVIDADES DESENVOLVIDAS AOS SÁBADOS UNIDADE DE SAÚDE DATA HORÁRIO ATIVIDADES. 8 às 13 horas. 7 às 13 horas. PROGRAMAÇÃO OUTUBRO ROSA ATIVIDADES DESENVOLVIDAS AOS SÁBADOS UNIDADE DE SAÚDE DATA HORÁRIO ATIVIDADES MARUÍPE GRANDE VITÓRIA 11/10/2014 8 às 13 horas 7 às 13 horas Proporcionar ações de promoção e prevenção

Leia mais

GOVERNO FEDERAL COMISSÃO INTERNA DE SUPERVISÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS

GOVERNO FEDERAL COMISSÃO INTERNA DE SUPERVISÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS GOVERNO FEDERAL COMISSÃO INTERNA DE SUPERVISÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS 2011 GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Projeto sobre climatério é aberto a mulheres da comunidade

Projeto sobre climatério é aberto a mulheres da comunidade Projeto sobre climatério é aberto a mulheres da comunidade Data: 3 agosto, 2010 O Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora está recebendo inscrições para mulheres acima de 40 anos

Leia mais

Quanto aos itens da pauta setorial, o MEC informou o que segue:

Quanto aos itens da pauta setorial, o MEC informou o que segue: Brasília, 7 de setembro de 2015 Reunião com Ministério da Educação (MEC) e com o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) realizada dia 04/09/2015 e Contraproposta da FASUBRA ao Governo Na

Leia mais

O que é Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar?

O que é Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar? O Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar CDCE tem amparo legal? Sim. A Lei 7.040/98 que estabeleceu a gestão democrática no Sistema de Ensino, instituiu o CDCE, na forma, composição e outros providências

Leia mais

RESOLUÇÕES APROVADAS NA PLENÁRIA DO II ENCONTRO NACIONAL DA JUSTIÇA DO TRABALHO

RESOLUÇÕES APROVADAS NA PLENÁRIA DO II ENCONTRO NACIONAL DA JUSTIÇA DO TRABALHO RESOLUÇÕES APROVADAS NA PLENÁRIA DO II ENCONTRO NACIONAL DA JUSTIÇA DO TRABALHO A preservação dos processos da Justiça do Trabalho é, portanto, uma necessidade e um dever. Responsáveis pela produção e

Leia mais

REUNIÃO DO FÓRUM DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS DATA: 28/06/2015 LOCAL: BRASÍLIA IMPERIAL HOTEL

REUNIÃO DO FÓRUM DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS DATA: 28/06/2015 LOCAL: BRASÍLIA IMPERIAL HOTEL REUNIÃO DO FÓRUM DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS DATA: 28/06/2015 LOCAL: BRASÍLIA IMPERIAL HOTEL PAUTA: (1) INFORME; (2) AVALIAÇÃO DA CONJUNTURA RECENTE; (3) ENCAMINHAMENTOS. Fórum das Entidades Nacionais

Leia mais

Plano D. Material Explicativo

Plano D. Material Explicativo Plano D Material Explicativo 2 Material Explicativo Previ Novartis Índice Pág. 4 Introdução Pág. 6 A Previdência no Brasil Pág. 10 A Previdência e o Plano de Benefício D Pág. 24 Questões 3 Material Explicativo

Leia mais

ESTUDO DAS FONTES DE RECURSOS E DESPESAS POR CATEGORIAS ECONÔMICAS DAS UNIVERSIDADES FEDERAIS BRASILEIRAS

ESTUDO DAS FONTES DE RECURSOS E DESPESAS POR CATEGORIAS ECONÔMICAS DAS UNIVERSIDADES FEDERAIS BRASILEIRAS ESTUDO DAS FONTES DE RECURSOS E DESPESAS POR CATEGORIAS ECONÔMICAS DAS UNIVERSIDADES FEDERAIS BRASILEIRAS Claudia Mª de Freitas Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC Kita_mg@yahoo.com Grasiely

Leia mais

Criação da Associação

Criação da Associação Primeira Edição 02/08/2013 ASPREVIC ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DA PREVIC BOLETIM INFORMATIVO Nesta edição: Associe-se 2 Prestação de Contas 2 CNPJ 3 Desconto em Folha 3 Festa de final de ano 3 Site em Construção

Leia mais

Sindicato Nacional do Ensino Superior - Associação Sindical de Docentes e Investigadores

Sindicato Nacional do Ensino Superior - Associação Sindical de Docentes e Investigadores PROGRAMA DA DIREÇÃO DO SNESup Lista A Mandato 2012-2014 Vivemos uma crise, um período em que as respostas às dificuldades sentidas já não são conseguidas no quadro em que nos situamos. Apesar dos naturais

Leia mais

DELIBERAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA N 01/2014

DELIBERAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA N 01/2014 CONSELHO ESTADUAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE MINAS GERAIS DELIBERAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA N 01/2014 A Diretoria Executiva do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente

Leia mais

PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE

PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE NOSSO PLANO 1 2 PROGRAMA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE Sumário 1. O Nosso Plano 2. Programa de Promoção da Saúde 3. Por que aderir 4. COMO ADERIR 5. Os tipos de planos 6. Como Funciona 7. Dúvidas Frequentes 8.

Leia mais

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior.

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior. APRESENTAÇÃO A chapa Experiência e trabalho: a luta continua" tem como marca principal a soma. Policiais e dirigentes sindicais experientes juntam esforços com os colegas mais novos, para trabalhar por

Leia mais

Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação

Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação NÚMERO 21 ABRIL MAIO 2010 Editado pela Assessoria de Comunicação Institucional Exerça o democrático direito de voto e escolha seus representantes na Fundação 02 Candidatos a Diretor de Benefícios participam

Leia mais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais Secretaria de Estudos, Pesquisas e Políticas Públicas e Secretaria de Formação Política e Sindical. SINDICATO DOS TRABALHADORES

Leia mais

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 Entendendo as mordidas do leão como funciona o cálculo do imposto de renda Profa. Raquel Lehrer Todos

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde

8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde 8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde O que poderia sair, como linha de reflexão sobre saúde e assistência farmacêutica, de uma mesa composta por farmacêutico, economista,

Leia mais

DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE SANTA CATARINA

DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE SANTA CATARINA DOCUMENTO FINAL 7ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DE SANTA CATARINA EIXO 1 DIREITO À SAÚDE, GARANTIA DE ACESSO E ATENÇÃO DE QUALIDADE DIRETRIZ: Fortalecer o Direito à Saúde, a Garantia de Acesso e a Atenção de Qualidade

Leia mais

Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis

Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis Agnaldo dos Santos Pesquisador do Observatório dos Direitos do Cidadão/Equipe de Participação Cidadã Apresentação O Observatório dos Direitos

Leia mais

As lutas que vencemos em 2013

As lutas que vencemos em 2013 Original Órgão de divulgação do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Editoras de Livros, Publicações Culturais e Categorias Afins do Estado de São Paulo www.seel-sp.org.br seel@seel-sp.org.br Livro

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Mulher e Previdência Social Leila Maria Raposo Xavier Leite * Circulou nos veículos de comunicação recentemente, um destaque sobre a pesquisa do IBGE que aponta serem as mulheres

Leia mais

Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico- Administrativos em Educação CISPCCTAE II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS

Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico- Administrativos em Educação CISPCCTAE II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS O VI FÓRUM NACIONAL DAS COMISSÕES INTERNAS DE SUPERVISÃO DA CARREIRA realizado em Tramandaí RS, no período de 19 a 22 de novembro de 2012, debateu e aprofundou o Plano de Carreira

Leia mais

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS PREFEITURA FAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM CONTAGEM - Nº 23 - JUNHO - 2010 ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS Prefeitura valoriza servidores para melhorar qualidade dos serviços Nos últimos cinco anos,

Leia mais

PACTO GLOBAL RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE

PACTO GLOBAL RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE PACTO GLOBAL RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE PACTO GLOBAL Lançado em 2000, o Pacto Global das Nações Unidas constitui uma convocação às empresas de todo o mundo para que alinhem suas estratégicas e operações

Leia mais

Cem edições para informar e formar cidadãos!

Cem edições para informar e formar cidadãos! ParaTod Mandato do Deputado Tadeu Veneri-PT nº 100 Dezembro 2014 s Acesse: www.tadeuveneri.com.br facebook.com/tadeuveneri Edição Especial Número 100 Cem edições para informar e formar cidadãos! Do primeiro

Leia mais

O PAC e você. Saiba mais sobre o funcionamento do PAC. editorial

O PAC e você. Saiba mais sobre o funcionamento do PAC. editorial Informativo bimestral da Fundação Itaubanco julho/agosto2003 ano1 nº2 O PAC e você Saiba mais sobre o funcionamento do PAC editorial Nesta edição, apresentamos uma matéria especial sobre o Plano de Aposentadoria

Leia mais

DOCUMENTO FINAL 11ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DO PARANÁ

DOCUMENTO FINAL 11ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DO PARANÁ DOCUMENTO FINAL 11ª CONFERÊNCIA DE SAÚDE DO PARANÁ EIXO 1 DIREITO À SAÚDE, GARANTIA DE ACESSO E ATENÇÃO DE QUALIDADE Prioritária 1: Manter o incentivo aos Programas do Núcleo Apoio da Saúde da Família

Leia mais

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE SALTO VELOSO IPRESVEL RELATÓRIO DE GESTÃO EXERCÍCIO 2014.

INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE SALTO VELOSO IPRESVEL RELATÓRIO DE GESTÃO EXERCÍCIO 2014. INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE SALTO VELOSO IPRESVEL RELATÓRIO DE GESTÃO EXERCÍCIO 2014 Salto Veloso, SC O IPRESVEL O Instituto de Previdência Social dos Servidores

Leia mais

ONG BRASI O DIÁLOGO ABRE CAMINHOS PARA O DESENVOLVIMENTO. Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil

ONG BRASI O DIÁLOGO ABRE CAMINHOS PARA O DESENVOLVIMENTO. Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil ONG BRASI 2012 O DIÁLOGO ABRE CAMINHOS PARA O DESENVOLVIMENTO Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil Dezembro de 2013 3 EXPEDIENTE Presidenta

Leia mais

PROPOSTAS REGIONAIS - CEARÁ

PROPOSTAS REGIONAIS - CEARÁ PROPOSTAS REGIONAIS - CEARÁ EIXO 1 - DEMOCRATIZAÇÃO DO SISTEMA CONSELHOS E AMPLIAÇÃO DAS FORMAS DE INTERAÇÃO COM A CATEGORIA Promover a mobilização para formação e participação política da categoria. Garantir

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Conselho Superior da Universidade Federal de Juiz de Fora RESOLUÇÃO Nº 40/2010

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Conselho Superior da Universidade Federal de Juiz de Fora RESOLUÇÃO Nº 40/2010 RESOLUÇÃO Nº 40/2010 Institui o Programa de Apoio à Qualificação Graduação e Pós- Graduação Stricto Sensu mediante de Bolsas para Servidores Técnico- Administrativos em Educação e Docentes efetivos da

Leia mais

Profa. Dra. Sheila Rodrigues de Sousa Porta PLANO DE AÇÃO 2013-2017

Profa. Dra. Sheila Rodrigues de Sousa Porta PLANO DE AÇÃO 2013-2017 UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Escola Técnica de Saúde Profa. Dra. Sheila Rodrigues de Sousa Porta PLANO DE AÇÃO 2013-2017 Proposta de trabalho apresentada como pré-requisito para inscrição no processo

Leia mais

EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR

EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR EDITAL - BOLSA DE ESTUDO ENSINO MÉDIO E SUPERIOR Inscrições disponíveis no site da Prefeitura Municipal de Joinville Entrega de formulário preenchido e documentação exigida: Servidores Lotados nas demais

Leia mais

informe 30 anos de história no RN COOPERATIVA ODONTOLÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE Outubro 2012 www.uniodontorn.com.

informe 30 anos de história no RN COOPERATIVA ODONTOLÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE Outubro 2012 www.uniodontorn.com. Outubro 2012 NATAL www.unirn.com.br (84) 4009-4664 Rua Açu, 665 - Tirol Natal/RN - CEP 59020-110 30 anos de história no RN www.unirn.com.br COOPERATIVA LÓGICA DO RIO GRANDE DO NORTE ANS - n.º 34531-8 Palavra

Leia mais

Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico- Administrativos em Educação CISPCCTAE II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS

Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico- Administrativos em Educação CISPCCTAE II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS II CARTA DE TRAMANDAÍ - RS O VI FÓRUM NACIONAL DAS COMISSÕES INTERNAS DE SUPERVISÃO DA CARREIRA realizado em Tramandaí RS, no período de 19 a 22 de novembro de 2012, debateu e aprofundou o Plano de Carreira

Leia mais

PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA

PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA I. Intróito Na qualidade de Professor de Servidor Público da UESB e de advogado da ADUSB, nos fora solicitado pela Diretoria desta entidade sindical

Leia mais

DECRETO Nº 1948 QUE REGULAMENTA A POLÍTICA NACIONAL DO IDOSO

DECRETO Nº 1948 QUE REGULAMENTA A POLÍTICA NACIONAL DO IDOSO DECRETO Nº 1948 QUE REGULAMENTA A POLÍTICA NACIONAL DO IDOSO Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 1.948, DE 3 DE JULHO DE 1996. Regulamenta a Lei n 8.842, de 4 de janeiro

Leia mais

PRINCIPAIS NORTEADORES ESTRATÉGICOS DA UNIMED VALE DAS ANTAS/RS.

PRINCIPAIS NORTEADORES ESTRATÉGICOS DA UNIMED VALE DAS ANTAS/RS. UNIMED VALE DAS ANTAS, RS - COOPERATIVA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE LTDA Ramo: Cooperativa Médica de Serviços de Saúde Período de Relato: de 27/02/2014 a 24/02/2015 E-mail: rh@valedasantas.unimed.com.br / gerencia@valedasantas.unimed.com.br

Leia mais

A data base dos Servidores da Prefeitura Municipal de Sapezal será sempre em 1º de maio

A data base dos Servidores da Prefeitura Municipal de Sapezal será sempre em 1º de maio S.I.M.S SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS SAPEZAL/MT PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SAPEZAL -20013 INTRODUÇÃO O Sindicato dos Servidores Municipais de Sapezal-SIMS/MT,

Leia mais

Campanhas, Atividades Semanais, Comemorações, Avanços e Desafios. Para o ano de 2015

Campanhas, Atividades Semanais, Comemorações, Avanços e Desafios. Para o ano de 2015 Campanhas, Atividades Semanais, Comemorações, Avanços e Desafios Para o ano de 2015 O Plano Anual de Saúde de 2015 guarda uma característica própria: é o espelho da programação do PMS 2014/2017 aplicado

Leia mais

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev Plano de Previdência Complementar Manual do Participante FenacorPrev Índice Introdução... 3 O Programa de Previdência FenacorPrev... 3 Contribuições... 4 Investimentos... 5 Benefício Fiscal... 6 Benefícios

Leia mais

Princípios Gerais. Política Nacional de Saúde Integral da População Negra 15/10/2012

Princípios Gerais. Política Nacional de Saúde Integral da População Negra 15/10/2012 Princípios Gerais Política Nacional de Saúde Integral da População Negra PORTARIA Nº 992, DE 13 DE MAIO DE 2009 Profª Carla Pintas A Constituição de 1988 assumiu o caráter de Constituição Cidadã, em virtude

Leia mais

APRENDIZADO QUE VALE OURO!

APRENDIZADO QUE VALE OURO! APRENDIZADO QUE VALE OURO! Introdução A aposentadoria chega mais rápido do que a gente imagina. Nem sempre a Previdência Social atende às nossas necessidades financeiras e projetos nessa fase da vida.

Leia mais

SiMec Sistema Integrado de Monitoramento do Ministério da Educação

SiMec Sistema Integrado de Monitoramento do Ministério da Educação SiMec Sistema Integrado de Monitoramento do Ministério da Educação O SiMec é uma ferramenta gerencial cuja função é instrumentalizar o processo de planejamento, auxiliar as equipes executoras de Programas

Leia mais

Participa Curitiba! Oficina sobre participação cidadã. Andressa Mendes Fernanda Castelhano Rafaela Scheiffer. Material para aplicação.

Participa Curitiba! Oficina sobre participação cidadã. Andressa Mendes Fernanda Castelhano Rafaela Scheiffer. Material para aplicação. Participa Curitiba! Oficina sobre participação cidadã Realização: Material para aplicação Andressa Mendes Fernanda Castelhano Rafaela Scheiffer Essa Oficina sobre educação política e participação cidadã

Leia mais

SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES

SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES SUCESSÃO DO CONSELHO FISCAL E COORDENAÇÃO COLEGIADA DO SINTET-UFU Biênio 2016-2018 REGIMENTO ELEITORAL PROCEDIMENTOS PRELIMINARES Art.1º. De acordo com os Art. 39, 40 e 50 do Estatuto Social do Sindicato

Leia mais

Meta dos servidores para 2011 é aprovar PCS

Meta dos servidores para 2011 é aprovar PCS Jornal Sintrajuf-PE Recife, Janeiro 2011 1 Recife, janeiro de 2011 Meta dos servidores para 2011 é aprovar PCS Os servidores do Judiciário Federal lutaram em 2010 para conseguir a aprovação o Plano de

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DA 6ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE BALNEÁRIO BARRA DO SUL

RELATÓRIO FINAL DA 6ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE BALNEÁRIO BARRA DO SUL RELATÓRIO FINAL DA 6ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE BALNEÁRIO BARRA DO SUL SAÚDE PÚBLICA DE QUALIDADE PARA CUIDAR BEM DAS PESSOAS: DIREITO DO POVO BRASILEIRO ETAPA MUNICIPAL DA 15ª CONFERÊNCIA NACIONAL

Leia mais

Gostaria de ressaltar o papel da mulher como figura estabilizadora da família e, em decorrência, da própria vida social.

Gostaria de ressaltar o papel da mulher como figura estabilizadora da família e, em decorrência, da própria vida social. O deputado Ivo José (PT-MG) profere o seguinte discurso: Senhor Presidente, nobres colegas deputados, demais presentes, ouvintes e telespectadores da Rádio Câmara e da TV Câmara, nesta data especial, em

Leia mais

Prova Comentada TRT/SP Direito Previdenciário. XX. (Analista Judiciário Área Judiciária/TRT-2/FCC/2014):

Prova Comentada TRT/SP Direito Previdenciário. XX. (Analista Judiciário Área Judiciária/TRT-2/FCC/2014): Prova Comentada TRT/SP Direito Previdenciário XX. (Analista Judiciário Área Judiciária/TRT-2/FCC/2014): 54. Uma vez criados por lei do ente federativo, vinculam-se aos regimes próprios de previdência social

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR GUSTAVO BONATO FRUET PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA. Assunto: pauta de reivindicações específicas dos Educadores de 2013.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR GUSTAVO BONATO FRUET PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA. Assunto: pauta de reivindicações específicas dos Educadores de 2013. EXCELENTÍSSIMO SENHOR GUSTAVO BONATO FRUET PREFEITO MUNICIPAL DE CURITIBA. Assunto: pauta de reivindicações específicas dos Educadores de 2013. O SISMUC - Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000096/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/01/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064426/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.042751/2011-40 DATA DO

Leia mais

Secretaria de Gênero e Etnia do Sindicato do Ramo Químico/Petroleiro-BA

Secretaria de Gênero e Etnia do Sindicato do Ramo Químico/Petroleiro-BA E Apresentação Esta cartilha foi feita especialmente para vocês trabalhadoras e trabalhadores do ramo químico e petroquímico. Aqui vocês vão encontrar informações sobre o Projeto de Lei 2513/2007, que

Leia mais

A SAÚDE NO GOVERNO LULA PROGRAMA DE GOVERNO

A SAÚDE NO GOVERNO LULA PROGRAMA DE GOVERNO A SAÚDE NO GOVERNO LULA PROGRAMA DE GOVERNO ÍNDICE Diagnóstico Princípios Básicos: 1- Redefinição da atuação pública na saúde 2-Saúde como direito de todos 3-Estabilidade e continuidade das políticas de

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE ALAGOAS

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE ALAGOAS TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE ALAGOAS Palestra Tema: Formalização de Processo Administrativo na Gestão de Pessoas Aposentadoria é a contraprestação assistencial por serviços prestados, nos termos da

Leia mais

Ivana Angélica Estrela Araújo

Ivana Angélica Estrela Araújo Ivana Angélica Estrela Araújo Brasileira, solteira, 22 anos Rua 04 quadra H casa 24 Conjunto Rio Anil Bequimão São Luís MA Telefone: (98) 82659010 / (98) 88481901 E-mail: ivanaestrela06@gmail.com RG: 034388232007-3

Leia mais

TEXTO DO RAMO DA SEGURIDADE SOCIAL PARA CONTRIBUIÇÃO AO DEBATE SOBRE O SUS NOS CECUT S E CONCUT

TEXTO DO RAMO DA SEGURIDADE SOCIAL PARA CONTRIBUIÇÃO AO DEBATE SOBRE O SUS NOS CECUT S E CONCUT TEXTO DO RAMO DA SEGURIDADE SOCIAL PARA CONTRIBUIÇÃO AO DEBATE SOBRE O SUS NOS CECUT S E CONCUT 1 SUS - um debate sobre a conjuntura atual! Formatado: À esquerda Desde sua criação a partir da Constituição

Leia mais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Fonte: O Globo Data: 16/09/2015 Seção: Economia Versão: Impresso (página 25) e Online Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Retomada de cobrança

Leia mais

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 29 de junho a 03 de julho de 2015 GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO,

Leia mais

RPPS SERVIDORES PÚBLICOS DO PARANÁ

RPPS SERVIDORES PÚBLICOS DO PARANÁ RPPS SERVIDORES PÚBLICOS DO PARANÁ NATUREZA JURÍDICA ESTRUTURA FINANCIAMENTO SERVIDRES ABRANGIDOS DESAFIOS 1 História da Previdência Surge no dia que as pessoas começam a acumular para o futuro, para o

Leia mais