1De Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, a todo o povo de Deus

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1De Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, a todo o povo de Deus"

Transcrição

1 347 Carta de Tiago Introdução 1De Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, a todo o povo de Deus que est espalhado pelo mundo: Sauda es. Fé e sabedoria 2Meus irm os, considerem como motivo de alegria o fato de passarem por v rios tipos de prova es. 3 Pois voc s sabem que a sua fž, depois de ter sido colocada ˆ prova e confirmada, produz perseveran a. 4 Ora, a perseveran a deve ter a o completa, para que voc s sejam perfeitos e completos, sem faltar nada. 5PorŽm, se algum de voc s sente falta de sabedoria, pe a-a a Deus e Ele lhe dar, pois Ele Ž generoso para com todos e n o censura ningužm. 6 Mas pe a com fž, sem duvidar de nada, pois aquele que duvida Ž como a onda do mar, agitada e levada de um lado para outro pelo vento. 7 A pessoa que Ž assim n o deve pensar que receber alguma coisa do Senhor, 8 pois ela n o sabe o que quer e Ž inconstante em tudo o que faz. A verdadeira riqueza 9O irm o de condi o humilde deve se orgulhar de Deus ter-lhe dado riquezas espirituais. 10 E o irm o rico deve se orgulhar de Deus t -lo feito humilde, pois ele desaparecer como a flor do campo. 11 O sol se levanta com o seu ardente calor; a planta seca, a sua flor cai e a beleza dela desaparece. Assim tambžm o rico desaparecer, juntamente com os seus neg cios. Deus não tenta ninguém 12Feliz Ž aquela pessoa que suporta com perseveran a a prova o porque, depois de ter sido aprovada, ela receber a coroa da vit ria, que Ž a vida que Deus prometeu aos que o amam. 13 NinguŽm ao ser tentado deve dizer: ÒEsta tenta o vem de DeusÓ, pois Deus n o pode ser tentado pelo mal e Ele mesmo n o tenta ningužm. 14 Mas cada um Ž tentado pelos seus pr prios maus desejos, quando estes desejos o atraem e o seduzem. 15 Estes maus desejos, depois de conceber, d o ˆ luz o pecado. E o pecado, depois de crescido, gera a morte. 16N o se enganem, meus queridos irm os. 17 Tudo o que Ž bom e todo dom que Ž perfeito vem l do cžu, do Pai que criou as luzes celestiais. Nele n o h varia o nem qualquer mudan a que produza sombra. 18 Ele decidiu nos tornar seus filhos pela mensagem da verdade, para que possamos ocupar o primeiro e mais importante lugar entre todas as suas criaturas.

2 TIAGO 1.19Ð Ouvir e praticar 19Lembrem-se destas coisas, meus queridos irm os: Cada um de voc s deve estar pronto para ouvir, poržm deve demorar para falar e para ficar bravo. 20Porque a ira humana n o leva ˆ vida justa que Deus quer que tenhamos. 21Portanto, evitem tudo o que Ž imoral e deixem de praticar as coisas m s que tanto os influenciam. Aceitem com mansid o a mensagem que Deus plantou em seus cora es, a qual Ž poderosa para salvar as suas almas. 22Voc s devem praticar o que a mensagem ensina e n o devem somente ouvir, enganando a voc s mesmos. 23 Porque, se algužm ouve a mensagem de Deus e n o pratica o que ela ensina, Ž como uma pessoa que olha o seu rosto natural num espelho. 24 Ele d uma boa olhada em si mesmo, depois sai e logo se esquece de como era a sua apar ncia. 25 Mas se algužm examinar bem a lei perfeitaña qual traz liberdadeñe continuar firme nela, n o apenas como um ouvinte negligente mas como um praticante ativo, esse ser feliz no que realizar. ÒAme o seu pr ximo É mesmoó Cita o de Lev tico lei A lei de MoisŽs, a lei judaica. ÒN o cometa adultžrioó, ÒN o mateó Cita o de æxodo 20.13Ð14; Deuteron mio 5.17Ð18. A religião que é aceita por Deus 26Se algužm pensa ser religioso, engana a si mesmo, se n o souber controlar a sua l ngua, e a sua religi o n o vale nada. 27 A religi o pura e verdadeira que Ž aceita por Deus Pai Ž esta: cuidar dos rf os e das viœvas em suas afli es, e guardar a si mesmo incontaminado do mundo. Devemos tratar a todos com igualdade 2Meus irm os, voc s que cr em em nosso glorioso Senhor Jesus Cristo n o devem ao mesmo tempo ser parciais em rela o ˆs pessoas. 2 Vamos supor que entre no lugar onde voc s se reœnem um homem com anžis de ouro nos dedos, vestido com roupas finas, e que tambžm entre um pobre, vestido com roupas velhas. 3 Depois de tratarem com uma considera o especial aquele que est vestido com roupas finas, voc s lhe dizem: ÒSente-se aqui no lugar de honraó. Em seguida voc s dizem ao pobre: ÒVoc fique ali de pžó ou ÒSente-se aqui no ch o, perto dos meus pžsó. 4 Ao agirem assim, ser que n o est o fazendo distin es entre voc s mesmos? Ser que n o est o se tornando ju zes levados por m s inten es? 5Escutem, meus queridos irm os! N o escolheu Deus aqueles que s o pobres aos olhos do mundo para serem ricos em fž e herdeiros do reino que Deus prometeu aos que o amam? 6 Entretanto, voc s fizeram pouco do pobre. N o s o os ricos que exploram a voc s, e n o s o eles mesmos que os levam para os tribunais? 7 N o s o eles que falam mal do bom nome de Cristo, que sobre voc s foi invocado? 8Contudo, se voc s seguem esta lei real que Ž encontrada nas Escrituras*: ÒAme o seu pr ximo como a si mesmoó*, fazem bem. 9 PorŽm, se mostrarem parcialidade, voc s est o pecando e s o considerados culpados por quebrarem a lei. 10Digo isto porque, qualquer um que segue toda a lei*, mas falha em obedecer a um œnico mandamento, se torna culpado de todos. 11 Pois aquele que disse: ÒN o cometa adultžrioó, tambžm disse: ÒN o mateó*. Ora, se voc n o comete adultžrio, poržm mata, voc se torna culpado de quebrar a lei. 12Falem e vivam como pessoas que ser o julgadas pela lei que d a liberdade. 13Pois Deus n o usar de miseric rdia quando julgar aquele que n o foi misericordioso, mas a miseric rdia triunfa sobre o julgamento.

3 349 TIAGO 2.14Ð3.12 ÒAbra o creu É justi aó Cita o do livro de G nesis Fé e boas obras 14Meus irm os! De que adianta algužm dizer que tem fž se n o tiver obras? Por acaso esta fž pode salv -lo? 15 Se irm os ou irm s estiverem precisando de roupa e necessitados do alimento di rio, 16 o que adianta um de voc s lhes dizer: ÒV o em paz, aque am-se e comam bemó, se voc s n o lhes d o as coisas de que eles necessitam? 17 Assim tambžm a fž, se n o for acompanhada de obras, est morta. 18Mas algužm poder dizer: ÒVoc tem fž e eu tenho obrasó. Mostre-me essa sua fž sem obras e eu, com as obras, lhe mostrarei a minha fž. 19 Voc acredita que existe somente um Deus? îtimo! AtŽ os dem nios acreditam e tremem de medo. 20Seu tolo! Voc quer provas de que a fž sem obras n o vale nada? 21 N o foi por obras que nosso antepassado Abra o foi declarado justo diante de Deus, quando ofereceu seu pr prio filho Isaque como sacrif cio? 22 Veja como a fž estava agindo com as suas obras e como foi aperfei oada por meio das suas obras. 23 E assim se cumpriu a Escritura* que diz: ÒAbra o creu em Deus e sua fž lhe foi creditada como justi aó*, e ele foi chamado amigo de Deus. 24 Vejam que uma pessoa Ž declarada justa diante de Deus por obras e n o somente por fž. 25Do mesmo modo, n o foi tambžm por obras que a prostituta Raabe foi declarada justa diante de Deus, quando hospedou os mensageiros e os ajudou a escapar por outro caminho? 26Portanto, assim como o corpo sem o esp rito est morto, tambžm a fž sem as obras est morta! Cuidado com a língua 3Meus irm os, n o deve haver entre voc s muitos que queiram ser professores, pois voc s sabem que n s, os que ensinamos, seremos julgados com mais rigor. 2Eu os estou prevenindo porque todos n s pecamos freqÿentemente. Se algužm n o peca no falar Ž uma pessoa perfeita, capaz de controlar tambžm todo o seu corpo. 3 N s colocamos freios na boca dos cavalos para que eles nos obede am e assim possamos dirigir o corpo inteiro deles. 4 Observem tambžm os navios que, sendo t o grandes e empurrados por ventos fortes, s o dirigidos por um pequen ssimo leme e v o para onde quer que o piloto deseje. 5 Assim tambžm a l ngua, que Ž um rg o pequeno, se gaba de ter feito grandes coisas. Vejam como uma floresta inteira pode ser incendiada por uma pequena chama. 6 Ora, a l ngua Ž fogo; Ž o mundo com todas as suas maldades. A l ngua est situada entre as partes do nosso corpo e contamina o corpo inteiro. Ela mesma Ž colocada em chamas pelo inferno e tambžm p e em chamas a carreira da exist ncia humana. 7 A humanidade pode domar toda a espžcie de animais, de aves, de ržpteis e de seres marinhos e, na verdade, tem feito isso. 8 A l ngua, poržm, nenhum dos homens Ž capaz de domar. Ela Ž selvagem e m, carregada de veneno mortal. 9 Com ela n s louvamos ao Senhor e Pai e com ela amaldi oamos as pessoas que foram criadas ˆ imagem de Deus. 10 De uma s boca procedem louvor e maldi o. Meus irm os, estas coisas n o devem ser assim. 11 Pode por acaso uma mesma fonte jorrar gua doce e gua salgada? 12 Meus irm os, pode por acaso a figueira produzir azeitonas, ou a videira figos? Claro que n o! Da mesma forma, nem a fonte de gua salgada pode dar gua doce.

4 TIAGO 3.13Ð A verdadeira sabedoria 13Se h algužm entre voc s que seja s bio e entendido, ent o que essa pessoa mostre, por meio do seu comportamento, que age com a mansid o que a sabedoria lhe d. 14 PorŽm, se h inveja, amargura e ego smo em seus cora es, n o se gabem da sua sabedoria, pois se voc s se gabarem estar o mentindo contra a verdade. 15 Esta n o Ž a sabedoria que desce l do cžu. Pelo contr rio, ela Ž daqui da terra e, por isso, n o Ž espiritual, mas do Diabo. 16 Pois onde existe inveja e ego smo, a existe confus o e toda espžcie de coisas ruins. 17 Mas a sabedoria que desce l do cžu Ž, acima de tudo, pura; depois pac fica, bondosa e amig vel. Ela Ž cheia de miseric rdia, produz uma colheita de boas obras e Ž tambžm imparcial e sincera. 18 A colheita produzida pelas sementes da justi a vir para aqueles que promovem a paz, uma vez que a semente Ž plantada num clima de paz. Entreguem-se a Deus 4De onde v m as brigas e as discuss es que h entre voc s? De onde elas v m, sen o daqueles maus desejos que est o constantemente lutando dentro do corpo de voc s? 2 Voc s cobi am alguma coisa, mas como n o podem ter o que querem, matam. Voc s sentem inveja de alguma coisa, mas como n o conseguem possui-la, discutem e brigam. Voc s n o conseguem aquilo que querem porque n o pedem a Deus. 3 E quando pedem, n o recebem nada, porque pedem por motivos errados, para esbanjarem com seus pr prios prazeres. 4 InfiŽis! Voc s n o sabem que amando o mundo est o odiando a Deus? Aquele, pois, que quiser ser amigo do mundo, torna-se inimigo de Deus. 5 Ou voc s pensam que Ž em v o o que a Escritura* afirma, quando diz: ÒDeus quer que o esp rito que colocou em n s viva somente para EleÓ*. 6 Mas a gra a* que Deus nos d Ž mais forte, pois, como dizem as Escrituras: ÒDeus se op e aos orgulhosos, mas revela a sua gra a aos humildesó*. 7 Portanto, submetam-se a Deus. Resistam ao Diabo e ele fugir de voc s. 8 Aproximem-se de Deus e Ele se aproximar de voc s. Limpem suas m os, seus pecadores! E voc s, que querem amar a Deus e ao mundo ao mesmo tempo, purifiquem seus cora es! 9 Aflijam-se, lamentem e chorem! Que o riso de voc s se torne em pranto e a sua alegria em tristeza. 10 Humilhem-se na presen a do Senhor e Ele os exaltar. Não julguem uns aos outros 11Irm os, n o falem mal uns dos outros. Aquele que fala mal do seu irm o, ou julga seu irm o, est falando mal da lei* e julgando a lei. E se voc julga a lei, voc n o est seguindo o que a lei ordena, mas sim se fazendo juiz. 12 Deus Ž o œnico Legislador e Juiz e somente Ele pode salvar e destruir. PorŽm, quem Ž voc para julgar o seu pr ximo? Deixe Deus planejar a sua vida 13Ou am, voc s que dizem: ÒHoje ou amanh iremos para a cidade tal e l passaremos um ano fazendo neg cios e ganhando dinheiroó. 14 Voc s nem mesmo sabem o que ser da vida de voc s amanh. Voc s s o apenas como neblina que aparece por um instante e logo desaparece. 15 Em vez disso, deveriam dizer: ÒSe Deus quiser, n s estaremos vivos e faremos isto ou aquiloó. 16 Agora, entretanto, voc s se orgulham das suas arrogantes pretens es. Todo esse orgulho Ž mau. 17 Portanto, todo aquele que conhece o bem que deve ser feito e n o o faz, est pecando. ÒDeus quer É para EleÓ Ou: ÒO Esp rito que Deus colocou em n s quer que vivamos somente para EleÓ ou: ÒO esp rito que Deus colocou em n s est cheio de desejos violentosó. Este verso provavelmente Ž do livro de æxodo gra a A bondade divina. ÒDeus se op e É aos humildesó Cita o de ProvŽrbios lei A lei de MoisŽs, a lei judaica.

5 351 TIAGO 5.1Ð20 profeta(s) Uma pessoa que falava por Deus. Essa pessoa falava freqÿentemente de coisas que aconteceriam no futuro. presb teros Um grupo de homens escolhidos para liderar a igreja. Eles tambžm eram chamados de bispos e pastores. O trabalho deles Ž cuidar do povo de Deus. Elias Um homem que falava por Deus. Ele viveu centenas de anos antes de Cristo. Advertência contra os ricos egoístas 5Agora, voc s que s o ricos, escutem! Chorem e lamentem, por causa das desgra as que vir o sobre voc s. 2 As suas riquezas est o podres e as suas roupas finas foram ro das pela tra a. 3 Tanto o ouro como a prata de voc s est o enferrujados e essa ferrugem vai servir de prova contra voc s mesmos e vai devorar seus corpos como fogo. Voc s t m acumulado tesouros inutilmente, pois estes s o os œltimos dias. 4 Os trabalhadores que ceifaram os campos de voc s e n o receberam seus sal rios, est o clamando. E o clamor dos ceifeiros foi ouvido pelo Senhor Todo-poderoso. 5 Voc s t m vivido aqui na terra uma vida de luxo e de prazeres. Voc s t m engordado a si mesmos, como animais que est o prontos para o matadouro. 6 Voc s t m condenado e matado pessoas inocentes, sem que elas lhes ofere am nenhuma resist ncia. Sejam pacientes 7Irm os, sejam pacientes atž a volta do Senhor. Lembrem-se de que o fazendeiro espera pelo precioso fruto da terra. Ele espera com paci ncia pelas chuvas do outono e da primavera. 8 Voc s tambžm devem esperar com paci ncia. N o desanimem, pois a volta do Senhor est pr xima. 9 Irm os, n o se queixem uns dos outros, para que voc s n o sejam condenados. Olhem que o juiz est ˆ porta, pronto para entrar. 10 Irm os, sigam aqueles profetas* que falaram em nome do Senhor como exemplos de sofrimento e paci ncia. 11 Lembrem-se de que n s os consideramos aben oados, pois eles perseveraram firmes. Voc s t m ouvido a respeito da paci ncia de J e sabem como no final Deus o aben oou, porque o Senhor Ž misericordioso e compassivo. 12Acima de tudo, meus irm os, n o jurem nem pelo cžu, nem pela terra, nem por qualquer outra coisa. PorŽm, o sim de voc s deve ser ÒsimÓ e o n o de voc s deve ser Òn oó, para que Deus n o os condene. O poder da oração 13Se algužm entre voc s est sofrendo, ele deve orar. Se algužm est alegre, deve cantar hinos de louvor. 14 Se algužm entre voc s est doente, chame os presb teros* da igreja para orarem por ele e para colocarem leo sobre ele, em nome do Senhor. 15 E a ora o feita com fž far com que o doente sare, e o Senhor o levantar. E se ele tiver cometido pecados, o Senhor lhe perdoar. 16 Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para que voc s sejam curados. A ora o feita pelo justo Ž poderosa e eficaz. 17 Elias* era um ser humano como n s. Ele orou com insist ncia para que n o chovesse sobre a terra e, por tr s anos e meio, n o choveu. 18 Depois, Elias orou novamente e a chuva tornou a cair e a terra voltou a dar os seus frutos. A salvação do irmão desviado 19Meus irm os, se algum de voc s se desviar da verdade e algužm o fizer voltar, 20 saibam que aquele que faz com que o pecador deixe o seu mau caminho, salvar a alma dele da morte e far com que muitos pecados sejam perdoados.

1Eu, Paulo, servo de Cristo Jesus, fui chamado por Deus para ser ap stolo* e

1Eu, Paulo, servo de Cristo Jesus, fui chamado por Deus para ser ap stolo* e 231 Carta aos Romanos ap stolo(s) Os homens que Jesus ensinou e escolheu para serem seus seguidores e para o ajudarem. Boas Novas As not cias de que Deus abriu um caminho por meio de Cristo para que as

Leia mais

Algumas verdades sobre a vida #4 Sobre o pão de cada dia Tiago 5: Tg 5:1-3 (26 de Junho de 2014)

Algumas verdades sobre a vida #4 Sobre o pão de cada dia Tiago 5: Tg 5:1-3 (26 de Junho de 2014) 1 Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons Algumas verdades sobre a vida #4 Sobre o pão de cada dia Tiago 5: Tg 5:1-3 (26 de Junho de 2014)

Leia mais

1De Paulo, ap stolo* de Cristo Jesus por ordem de Deus, nosso Salvador, e de

1De Paulo, ap stolo* de Cristo Jesus por ordem de Deus, nosso Salvador, e de 315 Primeira Carta a Tim teo ap stolo(s) Os homens que Jesus ensinou e escolheu para serem seus seguidores e para o ajudarem. gra a A bondade divina. lei Provavelmente a lei que Deus deu a MoisŽs no Monte

Leia mais

1De Paulo, o ap stolo*. N o foram homens que me escolheram para ser ap stolo,

1De Paulo, o ap stolo*. N o foram homens que me escolheram para ser ap stolo, 284 Carta aos G latas Introdução 1De Paulo, o ap stolo*. N o foram homens que me escolheram para ser ap stolo, nem fui enviado por homens. Quem me fez ap stolo foram Jesus Cristo e Deus Pai, o Deus que

Leia mais

1De Paulo, chamado para ser ap stolo* de Cristo Jesus pela vontade de Deus,

1De Paulo, chamado para ser ap stolo* de Cristo Jesus pela vontade de Deus, 252 Primeira Carta aos Cor ntios Introdução 1De Paulo, chamado para ser ap stolo* de Cristo Jesus pela vontade de Deus, e tambžm de S stenes, o nosso irm o em Cristo. 2Para a igreja de Deus em Corinto,

Leia mais

vivemos na era da informação e do conhecimento Nunca antes na história o ser humano soube tanto sobre tantas coisas

vivemos na era da informação e do conhecimento Nunca antes na história o ser humano soube tanto sobre tantas coisas vivemos na era da informação e do conhecimento Nunca antes na história o ser humano soube tanto sobre tantas coisas vivemos na era da informação e do conhecimento Existe uma grande diferença entre o saber

Leia mais

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você!

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você! MANUAL Esperança Casa de I G R E J A Esperança Uma benção pra você! I G R E J A Esperança Uma benção pra você! 1O que é pecado Sem entender o que é pecado, será impossível compreender a salvação através

Leia mais

A CARTA DE TIAGO. Um estudo comparativo das bases da teologia católica e protestante

A CARTA DE TIAGO. Um estudo comparativo das bases da teologia católica e protestante Jörg Garbers Ms. De Teologia 47 8835 5801 jorggarbers@gmail.com www.talmidpalestras.com.br A CARTA DE TIAGO Cap. 2.1-26 Um estudo comparativo das bases da teologia católica e protestante Tiago 2.1-26 Estrutura

Leia mais

O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?"

Oquefazerquandoocoraçãosedesespera? O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" mas"aqueles"que" esperam"no"senhor" renovam"as"suas"forças." Voam"alto"como"águias;"

Leia mais

Tiago deixa claro aqui neste texto que: Existem 3 desejos básicos que geram o conflito.

Tiago deixa claro aqui neste texto que: Existem 3 desejos básicos que geram o conflito. 1 Texto: Tiago 4.1-10: Tema: COMO EVITAR OS CONFLITOS Mensagem para o dia 12 de Maio. Introdução: Hoje nós vamos estudar sobre como administrar os conflitos em nosso dia -dia. Relacionar sem conflito não

Leia mais

DAVE ROBERSON. Agosto 2002. Querido Amigo,

DAVE ROBERSON. Agosto 2002. Querido Amigo, Ministério Ana Maria Dias Caixa Postal 254 Barueri SP 06455-972 Fone/Fax: (11) 4191-6425 www.minamd.org.br DAVE ROBERSON Querido Amigo, Agosto 2002 Você gostaria de operar no Espírito, cheio do poder de

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

TEMPOS DE SOLIDÃO. Jó 23:8-11

TEMPOS DE SOLIDÃO. Jó 23:8-11 TEMPOS DE SOLIDÃO Jó 23:8-11 Na semana passada, eu falei muito sobre maldições, punições e castigos que Deus envia aos desobedientes e rebeldes. Falei sobre a disciplina Divina, cuja finalidade é o verdadeiro

Leia mais

COMO VIVER COM DEUS? COMO VIVER COM DEUS? EXTRA, EXTRA! As Más Notícias: EXTRA, EXTRA! Mitos. homem com seu Criador

COMO VIVER COM DEUS? COMO VIVER COM DEUS? EXTRA, EXTRA! As Más Notícias: EXTRA, EXTRA! Mitos. homem com seu Criador COMO VIVER COM DEUS? Mitos e Verdades sobre o Relacionamento do Homem com seu Criador COMO VIVER COM DEUS? Mitos e Verdades sobre o Relacionamento do Homem com seu Criador Professor: Vlademir Hernandes

Leia mais

ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE!

ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE! ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE! Texto: Tiago 1: 16-27 Introdução: Todo o bem vem da parte de Deus; e todo o mal vem da depravação humana. Tiago enfatiza a prática da palavra de Deus. I Como

Leia mais

Equilíbrio Col 3: 8-4: 6

Equilíbrio Col 3: 8-4: 6 1 Equilíbrio Col 3: 8-4: 6 Introdução: Todos os seres humanos passam a vida buscando equilibrar- se entre as circunstâncias São exatamente as circunstâncias que nos tiram do eixo e nos levam a atos e hábitos

Leia mais

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas?

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas? Jesus deu a resposta aos fariseus naquele dia. Portanto, deem aos pobres o que está dentro dos seus copos e dos seus pratos, e assim tudo ficará limpo para vocês. (Lc 11.41). Com aquela Palavra, Ele tocou

Leia mais

LIÇÃO 7 Necessidades Básicas Supridas

LIÇÃO 7 Necessidades Básicas Supridas LIÇÃO 7 Necessidades Básicas Supridas O pão nosso de cada dia nos dá hoje ( Mateus 6: 11). Nos dá. Isto agora já soa mais como as orações que geralmente fazemos. Dá-me comida! Dá-me uma casa! Dá-me um

Leia mais

LIÇÃO 8 Necessidades Sociais Satisfeitas

LIÇÃO 8 Necessidades Sociais Satisfeitas LIÇÃO 8 Necessidades Sociais Satisfeitas E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores (Mateus 6:12). Esta é uma lição importante. Fixamos as condições para o nosso próprio

Leia mais

Perfil da Igreja que possui maturidade

Perfil da Igreja que possui maturidade Perfil da Igreja que possui maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Atos 2.7-45 7 - E, ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração, e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, homens irmãos?

Leia mais

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação?

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação? A BÍBLIA Parte 2 Objetivo para mudança de vida: Dar ao estudante um senso profundo e duradouro de confiança em sua capacidade de entender a Bíblia. Capacidade esta que lhe foi dada por Deus. Você se lembra

Leia mais

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1 1 O caminho da harmonia. Colossenses 3 e 4 Col 3:1-3 Introdução: Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus. Mantenham

Leia mais

Você quer ser um Discípulo de Jesus?

Você quer ser um Discípulo de Jesus? Você quer ser um Discípulo de Jesus? A História do povo de Israel é a mesma história da humanidade hoje Ezequel 37:1-4 Eu senti a presença poderosa do Senhor, e o seu Espírito me levou e me pôs no meio

Leia mais

O apóstolo João escreveu cartas aos cristãos. Chamamos esta carta de. 1 João. 1 João 1.1-4

O apóstolo João escreveu cartas aos cristãos. Chamamos esta carta de. 1 João. 1 João 1.1-4 1 O apóstolo João escreveu cartas aos cristãos. Chamamos esta carta de 1 João 1 João 1.1-4 TEMA: Proclamamos a vocês a mensagem sobre Aquele que vive para sempre para que possam estar unidos conosco e

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA ORAÇÃO INTRODUÇÃO

A IMPORTÂNCIA DA ORAÇÃO INTRODUÇÃO A IMPORTÂNCIA DA ORAÇÃO INTRODUÇÃO Ilustração: A alguns anos atrás um casal de missionários mudou-se para Dallas- EUA para pastorear uma pequena igreja que se formava naquela cidade. Eles recebiam um salário

Leia mais

Estudo na Carta de Tiago. Discípulo. Experimentado

Estudo na Carta de Tiago. Discípulo. Experimentado Estudo na Carta de Tiago Discípulo Experimentado Irmão Edson Sardinha OESI 2008 1 A Carta de Tiago Saudação, apresentação de visitantes, Acolhimento e Oração: Louvor e Adoração (pode cantar com um CD):

Leia mais

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO 1 ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO LIÇÃO Nº 01 DIA 16/06/2014 INTRODUÇÃO: Vamos começar uma nova série de estudos em nossas células. Esta será uma série muito interessante

Leia mais

4. O princípio da palavra funciona como ponte entre dois mundos (natural/espiritual) e duas dimensões (física/sobrenatural).

4. O princípio da palavra funciona como ponte entre dois mundos (natural/espiritual) e duas dimensões (física/sobrenatural). O Poder das Palavras LEITURA: Marcos 11:12-14 12. E, no dia seguinte, quando saíram de Betânia, teve fome. 13. Vendo de longe uma figueira que tinha folhas, foi ver se nela acharia alguma coisa; e chegando

Leia mais

Festa da Avé Maria 31 de Maio de 2009

Festa da Avé Maria   31 de Maio de 2009 Festa da Avé Maria 31 de Maio de 2009 Cântico Inicial Eu era pequeno, nem me lembro Só lembro que à noite, ao pé da cama Juntava as mãozinhas e rezava apressado Mas rezava como alguém que ama Nas Ave -

Leia mais

Dia 14. Quando Deus PARECE DISTANTE

Dia 14. Quando Deus PARECE DISTANTE Dia 14 Quando Deus PARECE DISTANTE Ele se escondeu do seu povo, mas eu confio nele e nele ponho a minha esperança. Isaías 8.17; NTLH Deus é real, a despeito de como você se sinta. É fácil adorar a Deus

Leia mais

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus Mensagem de Cristo Jesus para a Maratona da Divina Misericórdia em Ávila, Espanha Sexta-feira, 6 de junho de 2014, às 15h Essa segunda jornada da Maratona da Divina Misericórdia foi especial e diferente,

Leia mais

14º Dia 12 de Março QUANDO DEUS PARECE DISTANTE. Ele se escondeu do seu povo, mas eu confio nele e nele ponho a minha esperança. Isaías 8.

14º Dia 12 de Março QUANDO DEUS PARECE DISTANTE. Ele se escondeu do seu povo, mas eu confio nele e nele ponho a minha esperança. Isaías 8. 14º Dia 12 de Março QUANDO DEUS PARECE DISTANTE Ele se escondeu do seu povo, mas eu confio nele e nele ponho a minha esperança. Isaías 8.17 Deus é real, a despeito de como você se sinta. É fácil adorar

Leia mais

CRESÇAM ESPIRITUALMENTE

CRESÇAM ESPIRITUALMENTE 1 CRESÇAM ESPIRITUALMENTE Fp 2 1 Se por estarmos em Cristo nós temos alguma motivação, alguma exortação de amor, alguma comunhão no Espírito, alguma profunda afeição e compaixão, 2 completem a minha alegria,

Leia mais

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego.

A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser cego. Mensagem: O HOMEM QUE ABRIU OS OLHOS PARA DEUS Pastor: José Júnior Dia: 22/09/2012 sábado AMAZON JOVENS Texto-base: Lucas 18:35-43 A Bíblia nessa passagem a história de um homem que queria deixar de ser

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA 1 Lição 0 Já nasceu de novo? (volte para a página 5) Perguntaram a John Wesley porque razão ele pregava várias vezes, acerca de devem nascer de novo. Ele respondeu, porque vocês devem nascer de novo! Já

Leia mais

TEMPOS DE SOLIDÃO (3) DEUS PROVA AS MOTIVAÇÕES DO NOSSO CORAÇÃO Deuteronômio 8:1-3

TEMPOS DE SOLIDÃO (3) DEUS PROVA AS MOTIVAÇÕES DO NOSSO CORAÇÃO Deuteronômio 8:1-3 TEMPOS DE SOLIDÃO (3) DEUS PROVA AS MOTIVAÇÕES DO NOSSO CORAÇÃO Deuteronômio 8:1-3 Há um questionamento que devemos fazer como cristãos: Por que estou procurando andar com Jesus? O que eu questiono é sobre

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

"A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto".

A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto. Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Pr Joaquim Costa Junior 1 "A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto". Proverbios 18:21 Introdução: Quando falamos

Leia mais

ROTEIRO PARA INTERCESSÃO NOS EVENTOS

ROTEIRO PARA INTERCESSÃO NOS EVENTOS ROTEIRO PARA INTERCESSÃO NOS EVENTOS 1. Por se tratar de uma batalha espiritual os membros da equipe de intercessão devem preparar se no período que anteceder o evento através das práticas espirituais

Leia mais

O cristianismo que vivemos

O cristianismo que vivemos O cristianismo que vivemos TEXTO BÍBLICO BÁSICO Lucas 12.16-21,0-2 16 - E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância; 17 - E arrazoava ele entre si, dizendo:

Leia mais

ORAÇÃO. Hinário. Pad.Sebastião. www.hinosdosantodaime.com.br 11/2013 1.0 Pág. 1

ORAÇÃO. Hinário. Pad.Sebastião. www.hinosdosantodaime.com.br 11/2013 1.0 Pág. 1 ORAÇÃO Hinário Pad.Sebastião www.hinosdosantodaime.com.br 11/2013 1.0 Pág. 1 Abertura dos Trabalhos - Pai Nosso - Ave Maria - Chave de Harmonia - Despacho do SANTO DAIME - ORAÇÃO - Padrinho Sebastião -

Leia mais

Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus

Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus Mortificando a carne, Para refletir a gloria de Deus Romanos 8:13 Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito fizerem morrer os atos do corpo, viverão, Introdução: Cremos

Leia mais

TIAGO. Aula 7. Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy uma Iακωβοy fé prática Iακωβοy. Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy

TIAGO. Aula 7. Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy uma Iακωβοy fé prática Iακωβοy. Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Aula 7 TIAGO Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy Iακωβοy uma Iακωβοy fé prática Iακωβοy Fabio J. Grigorio IGREJA BATISTA CIDADE UNIVESITÁRIA

Leia mais

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL.

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. Como sabemos o crescimento espiritual não acontece automaticamente, depende das escolhas certas e na cooperação com Deus no desenvolvimento

Leia mais

Jesus subiu ao monte, e chamou para ele aqueles que ele quis. E vieram a ele.

Jesus subiu ao monte, e chamou para ele aqueles que ele quis. E vieram a ele. Jesus subiu ao monte, e chamou para ele aqueles que ele quis. E vieram a ele. Então escolheu doze homens para estarem com ele e serem enviados para anunciar a mensagem da salvação Marcos 3:13-14. A expressão

Leia mais

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 INTRODUÇÃO O Evangelho de João registra 7 afirmações notáveis de Jesus Cristo. Todas começam com Eu sou. Jesus disse: Eu sou o pão vivo

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe

Leia mais

AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO

AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO Bíblia para crianças apresenta AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Janie Forest Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da

Leia mais

O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 Perseverando com graça - Efésios 6.18-24

O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 Perseverando com graça - Efésios 6.18-24 Perseverando com graça Efésios 6.18-24 O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 18 Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica; tendo isso em mente, estejam atentos e perseverem

Leia mais

LIÇÃO 2 Esteja Preparado

LIÇÃO 2 Esteja Preparado LIÇÃO 2 Esteja Preparado Lembra-se do dia em que começou a aprender a ler? Foi muito difícil, não foi? No princípio não sabemos nada sobre leitura. Depois ensinaramlhe a ler as primeiras letras do alfabeto.

Leia mais

Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007)

Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007) Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007) Poderiam abri em primeira aos Coríntios capítulo 2, vamos ler todo o capítulo.

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR Marcha Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe me disse Que é

Leia mais

A Intenção do Coração

A Intenção do Coração A Intenção do Coração Provérbios 4:23 Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida. Provérbios 4:23 Tenha cuidado com o que você pensa, pois a sua vida é dirigida

Leia mais

LIÇÃO 3 Outros Exemplos de Crescimento

LIÇÃO 3 Outros Exemplos de Crescimento LIÇÃO 3 Outros Exemplos de Crescimento O principal exemplo de maturidade cristã na Bíblia é Jesus Cristo, o nosso irmão mais velho. Ele assumiu a forma de servo e obedeceu ao Pai totalmente. Ele humilhou-se

Leia mais

O Espírito de Religiosidade

O Espírito de Religiosidade O Espírito de Religiosidade Pr. Alcione Emerich Como vive um Cristão Salvo contaminado ou infectado pelo Espírito de Religiosidade Hoje será um Culto de Libertação, vamos quebrar esta maldição em nossas

Leia mais

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Ano Novo 2013 Carta Pastoral do Bispo D. Paulo Otsuka Yoshinao Diocese de Kyoto A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Fiquem sempre alegres no Senhor! Fl.4,4. O maior presente do cristianismo é

Leia mais

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus A Identidade da Igreja do Senhor Jesus Atos 20:19-27 (Ap. Paulo) Fiz o meu trabalho como Servo do Senhor, com toda a humildade e com lágrimas. E isso apesar dos tempos difíceis que tive, por causa dos

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE?

2015 O ANO DE COLHER MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE? MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE? Texto: Apocalipse 21:1-2 Então vi um novo céu e uma nova terra, pois o primeiro céu e a primeira terra tinham passado; e o mar já não existia. Vi a cidade santa, a nova Jerusalém,

Leia mais

L I Ç Ã O 1 2 T E M A : OS FRUTOS DO ESPÍRITO SANTO. TEXTO: Gálatas 5:22

L I Ç Ã O 1 2 T E M A : OS FRUTOS DO ESPÍRITO SANTO. TEXTO: Gálatas 5:22 L I Ç Ã O 1 2 T E M A : OS FRUTOS DO ESPÍRITO SANTO. TEXTO: Gálatas 5:22 INTRODUÇÃO. Este é o texto bíblico que nos fala de um único fruto do Espírito Santo, mas que se manifesta em cada vida de nove formas

Leia mais

Título original: Thomas Boston em: Por que os Homens não creem no Evangelho James A. Thomson Projeto Os Puritanos/CLIRE 2013 Todos os direitos

Título original: Thomas Boston em: Por que os Homens não creem no Evangelho James A. Thomson Projeto Os Puritanos/CLIRE 2013 Todos os direitos Título original: Thomas Boston em: Por que os Homens não creem no Evangelho James A. Thomson Projeto Os Puritanos/CLIRE 2013 Todos os direitos reservados ao Projeto Os Puritanos. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

Depois de termos tratado de todos os temas da escatologia cristã, vamos falar sobre o purgatório.

Depois de termos tratado de todos os temas da escatologia cristã, vamos falar sobre o purgatório. A purificação após a morte: o estado purgatório Pe. Henrique Soares da Costa Depois de termos tratado de todos os temas da escatologia cristã, vamos falar sobre o purgatório. Nossos irmãos protestantes

Leia mais

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 E, virando- se o Senhor, olhou para Pedro, e Pedro lembrou- se da palavra do Senhor, como lhe havia

Leia mais

UNIDADE 2: APRENDENDO A BRILHAR

UNIDADE 2: APRENDENDO A BRILHAR Frutos-3 Impact0 LIÇÃO 9 VIVENDO A VIDA COM DEUS 9-11 Anos UNIDADE 2: APRENDENDO A BRILHAR FÉ EMAÇÃO Neste Trimestre, as crianças aprenderão sobre Graça, Crescimento e Mutualidade. Esses aspectos serão

Leia mais

A primeira razão pela qual Jesus chamou os discípulos foi para que estivessem consigo para que tivesses comunhão com Ele.

A primeira razão pela qual Jesus chamou os discípulos foi para que estivessem consigo para que tivesses comunhão com Ele. 1 Marcos 3:13 «E (Jesus) subiu ao Monte e chamou para si os que ele quis; e vieram a ele. E nomeou doze para que estivessem com ele e os mandasse a pregar, e para que tivessem o poder de curar as enfermidades

Leia mais

DESAFIOS PARA NOSSA MISSÃO HOJE ENVIADOS ÀS FRONTEIRAS

DESAFIOS PARA NOSSA MISSÃO HOJE ENVIADOS ÀS FRONTEIRAS DESAFIOS PARA NOSSA MISSÃO HOJE ENVIADOS ÀS FRONTEIRAS Introdução Iniciamos nossa oração comunitária acolhendo as palavras que o Santo Padre dirigiu aos membros da Congregação Geral 35: Hoje desejo animar-vos

Leia mais

1 TESSALONICENSES. Abertura da Epístola

1 TESSALONICENSES. Abertura da Epístola 1 TESSALONICENSES TEMA: Eu, Paulo, estou mandando esta carta a vocês de Tessalônica que adoram a Deus. Sempre dou graças a Deus por vocês, pois sei que Deus escolheu vocês e que vocês aceitaram como verdadeira

Leia mais

No entanto, por mais dedicado, íntegro e capacitado que um líder ou pastor seja, jamais chegará, se quer, aos pés do Senhor Jesus.

No entanto, por mais dedicado, íntegro e capacitado que um líder ou pastor seja, jamais chegará, se quer, aos pés do Senhor Jesus. A sociedade, em todas as nações, encontra-se doente. A maioria das pessoas tem a alma enferma. Nesses últimos dias, o que tem acontecido no Sebastião Norões, tem nos mostrado que até as crianças estão

Leia mais

Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11)

Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11) Caminho, verdade e vida: Definições de Jesus; Marcas em seus discípulos (Jo.14:1-11) Mensagem 1 A metáfora do Caminho Introdução: A impressão que tenho é que Jesus escreveu isto para os nossos dias. Embora

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo.

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. 1 Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. Amados Irmãos no nosso Senhor Jesus Cristo: É devido à atuação intima do Espírito

Leia mais

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA MÓDULO I - O NOVO TESTAMENTO Aula XXII A PRIMEIRA CARTA DE PEDRO E REFLEXÕES SOBRE O SOFRIMENTO Até aqui o Novo Testamento tem dito pouco sobre

Leia mais

novas atitudes para uma nova vida!

novas atitudes para uma nova vida! novas atitudes Relembrando o Evangelho Dois Equívocos: Confundir Espiritualidade Cristã com Religiosidade Confundir Liberdade Cristã com Libertinagem Gálatas 5.13-26 13 Irmãos, vocês foram chamados para

Leia mais

Igreja Pentecostal da Bíblia

Igreja Pentecostal da Bíblia Igreja Pentecostal da Bíblia 2014 O Ano de Josué ** Fidelidade Josué cap. 24 ** Pastoreio # 014 Direção Nacional Retorno: Antes do pastoreio #014 é hora de ouvir: Motive os envolvidos no pastoreio a relatar

Leia mais

Verdade. A vida eterna está em Jesus Cristo

Verdade. A vida eterna está em Jesus Cristo Verdade 3 A vida eterna está em Jesus Cristo Primeiro Dia A chegada da morte Remédios, exames, hospitais, aparelhos sofisticados, equipamentos de segurança e proteção visam preservar e proteger a vida.

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015 1 2 COM MARIA, EM JESUS, CHEGAMOS À GLÓRIA! 5º Dia (Dia 07/10 Quarta-feira) CRIANÇA: BELEZA DA TERNURA DIVINA! Na festa de Maria, unidos neste Santuário, damos graças a Deus, por meio de Maria, pela vida

Leia mais

P á g i n a 1 7 PAROQUIA N. SRA. RAINHA DOS APOSTOLOS CANTOS DA QUARESMA - 2015. Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo

P á g i n a 1 7 PAROQUIA N. SRA. RAINHA DOS APOSTOLOS CANTOS DA QUARESMA - 2015. Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo Refrão: Senhor, eis aqui o teu povo que vem implorar teu perdão; É grande o nosso pecado, porém é maior o teu coração. 1. Sabendo que acolheste

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Sede, pois, irmãos, pacientes, até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra (Tg 5.7).

Sede, pois, irmãos, pacientes, até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra (Tg 5.7). Sede, pois, irmãos, pacientes, até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra (Tg 5.7). Na verdade, espiritualmente falando, somos todos lavradores. A Bíblia

Leia mais

Consagração do Aposento. Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO

Consagração do Aposento. Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO Oração Pai Nosso Ave Maria Chave Harmonia Hinos da ORAÇÃO Consagração do Aposento Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO Pai Nosso - Ave Maria Prece

Leia mais

O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA. William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México

O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA. William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México Reverendo William Soto Santiago, Ph. D. CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO http://www.cder.com.br

Leia mais

POR QUE É DIFÍCIL CRER? Pr. Bullón. www.sisac.org.br

POR QUE É DIFÍCIL CRER? Pr. Bullón. www.sisac.org.br POR QUE É DIFÍCIL CRER? Pr. Bullón www.sisac.org.br "O texto bíblico escolhido está em Efésios 2:8-10: "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não de obras,

Leia mais

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling.

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renunciese a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Porque aquele que quiser salvar

Leia mais

De um Povo Heróico O Brado Retumbante

De um Povo Heróico O Brado Retumbante De um Povo Heróico O Brado Retumbante De um Povo Heróico O Brado Retumbante Cristianismo e Resp. Social Sabedoria Bíblica e Responsabilidade Social Quando vocês estiverem fazendo a colheita da sua lavoura

Leia mais

NOVENA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

NOVENA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA NOVENA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA IGREJA NOSSA SENHORA 1 DAS GRAÇAS 1º Dia (04/05) ORAÇÃO CONSTANTE LEVA A SALVAÇÃO Dirigente: Oh! Santíssima Virgem Maria, vaso insigne de devoção! Que vos apareceste em

Leia mais

Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João

Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João 1:1-4 1:5-7 1:8-10 Perguntas para Testar a Compreensão de 1 João P1 vs 1-3: O que eles ouviram, viram e tocaram? R: Jesus. P2 vs 3-4: Por que a carta foi escrita? R: Para que os leitores se juntassem ao

Leia mais

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro?

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro? ...as religiões? Sim, eu creio que sim, pois não importa a qual religião pertença. O importante é apoiar a que tem e saber levá-la. Todas conduzem a Deus. Eu tenho minha religião e você tem a sua, e assim

Leia mais

#75. O Bema de Cristo (continuação)

#75. O Bema de Cristo (continuação) O Bema de Cristo (continuação) #75 Portanto, após o arrebatamento, cada membro da Igreja, cada membro do Corpo de Cristo, passará individualmente por um exame, por um julgamento. Esse julgamento, não tratará

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

Perdão Marca de Maturidade

Perdão Marca de Maturidade Perdão Marca de Maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Mateus 18.15-22 15 - Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão; 16 - Mas, se não te ouvir,

Leia mais

00.035.096/0001-23 242 - - - SP

00.035.096/0001-23 242 - - - SP PAGINA 1 O CARÁTER CRISTÃO 7. O CRISTÃO DEVE TER UMA FÉ OPERANTE (Hebreus 11.1-3) Um leitor menos avisado, ao ler o texto pode chegar à conclusão de que a fé cria coisas pelas quais esperamos. A fé não

Leia mais

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I DOMINGO VII DA PÁSCOA (Onde a solenidade da Ascensão não é transferida para este Domingo). Semana III do Saltério Hi n o. Vésperas I Sa l m o d i a Salmos e cântico do Domingo III. Ant. 1 Elevado ao mais

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras)

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Mostre o "Homem em Pecado" separado de Deus Esta luz (aponte para o lado direito) representa

Leia mais

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus.

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3 LEMBRETE IMPORTANTE: As palavras da bíblia, são somente as frases em preto Alguns comentários explicativos são colocados entre os versículos, em vermelho. Mas é apenas com o intuito

Leia mais

De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso

De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso Água do Espírito De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso EXISTE O DEUS PODEROSO QUE DESFAZ TODO LAÇO DO MAL QUEBRA A LANÇA E LIBERTA O CATIVO ELE MESMO ASSIM FARÁ JESUS RIO DE ÁGUAS LIMPAS QUE NASCE

Leia mais

Batalha Espiritual O Princípio de Autoridade

Batalha Espiritual O Princípio de Autoridade Batalha Espiritual O Princípio de Autoridade Efésios 6:10-12... tornem-se cada vez mais fortes, vivendo unidos com o Senhor e recebendo a força do seu grande poder. Vistam-se com toda a armadura que Deus

Leia mais