Contador para ligação a Transformadores. de Medida. JANZ - Contadores de Energia, S.A. Janz desde 1915

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Contador para ligação a Transformadores. de Medida. JANZ - Contadores de Energia, S.A. Janz desde 1915"

Transcrição

1 aracterísticas K total importado/exportado k capacitivo importado/exportado k indutivo importado/exportado KVAh 3 registos finidos pelo cliente - rivados da adição das granzas medidas, associadas 2 a registos tarifa 8 registos ponta máxima 12 stações 24 atas mudança estação 96 Horas comutação tarifa 64 atas exclusão arifário substituição também programável 450 dias dados (com um período integração 30m). Período ntegração programável. iagrama cargas (memorizado em memoria POM) Para qualquer granza medida ou entrada externa (se pretendido). Período e forma integração da ponta programáveis 12 registos dados históricos elógio calendário interno com bateria recurso Matricial cristais líquidos 2 linhas 16 caracteres Ângulo visão alargado Programável pelo cliente Local: porta óptica modo (LAG) emota: Módulos S232 e 485 ou mom (L, PSN ou GSM) ntrada Unidas Medida strutura do arifário Armazenamento ados Visor omunicações omunicações ontador para ligação a ransformadores Medida JANZ - ontadores nergia, S.A. O contador oferece uma excelente exactidão medidas e enormes potencialidas no estabelecimento tarifários complexos, por ser totalmente programável, estando direccionado tanto para aplicações e / industriais como comerciais. As características do incluem um visor integralmente programável acordo com as especificações do cliente e a capacida armazenar dados 450 diasdodiagramacargas. Gaz, Água lectricida lasse exactidão: 0.2, 0.5, 1 ou 2 Gama tensão (tensões referência): V (3 fases/4 fios); V (3 fases/3 fios) orrente máxima (máx.): 10A orrente nominal (n): 1, 2, 5A stão disponíveis, sob consulta, outros valores tensão e corrente. requência: 50Hz ou 60Hz emperaturas funcionamento xactidão: -10º a +55º Operação: -20º a +55º emperatura armazenamento: -25º a +70º ampa frontal selável: Protege botão reposição ponta Permite que a informação do cliente possa figurar no quadrante forma segura Permite a intificação dos módulos adicionais 279 mm (altura) x 170 mm (largura) x 81 mm (espessura) Peso: 1.5Kg N 61036, 687, N e acordo c/ regulamentos M N , N specificações aixa e imensões Aprovações O contador po operar como uma unida autónoma ou como parte um sistemacontagem. A funcionalida do po ser aumentada pela simples inserção módulos entrada/saída, módulos comunicação, sem ser necessário para isso quebrar os selos metrológicos ou sligá-lodare. O permite visualizar os valores instantâneos corrente, tensão, factor potência, potências activa, reactiva e aparente, frequência, ângulo e sequência fases. Ocontadorestápreparadoparacomunicar através da tradicional porta óptica ( 61107), uma porta S232, S485 ou por Mom(PSNouGSM) O software instalado corre em ambiente Windowseéfácil manuseamento pelos diversosníveisutilizadores. O contador para ligações a & / po ser fornecido com as classes exactidão 0.2, 0.5, 1 ou 2 e cumpre as normas M N eN nergia activa V Quatro quadrantes 4 relés saída Gama variada módulos entrada/saída e comunicações AP MPSA AA SO 9001 nergia reactiva AO N.95/P.341 MANAGMN Varh SY S M N nergia Activa, l. 1 N nergia eactiva, l.2e3 Av. nfante. Henrique, 328 el. +(351) ax +(351) pt - 02/2003

2 specificações strutura do arifário O contador proporciona uma gran flexibilida s uma simples tarifa ponta máxima, que funciona durante o ano, até a uma tarifa complexa (período sazonal do dia). Aplicações ipos ontagem GM 2ª a 6ª eira Sábado & omingo Gaz, Água lectricida O contador po memorizar 450 dias períodos 30m do diagrama carga por um canal. Os dados pom ser visualizados na Unida Gestora nergia ou no software análise dados. A M JJASONJM Abril a Março como diagrama carga, cumulativos, totalizadores ou totalizadores finidos pelo cliente. egisto do iagrama argas Os dados do contador pom ser lidos via porta óptica ou via módulos S232 e S485, ambos os módulos pom ser utilizados para as seguintes aplicações: 2.41p 2.41p Ligação local Mom OM Multi-ponto GSM (telefone móvel) 7.47p 28.22p 4.24p 15.79p 4.24p Anual 2.41p Multi-utilização contagens A adição um módulo com quatro entradas permite ao contador ser utilizado como um contador multiutilizações. ados externos contadores gás, água ou electricida pom ser ligados e memorizados Leitura do contador JANZ - ontadores nergia, S.A. Aplicações O contador po ser ligado às seguintes aplicações re: 3 lementos 3 fases 4 fios 2 fases 3 fios 2 fases 3 fases 4 fios 1 fase 3 fios 1 fase 2 fios 3 lementos 3 fases 4 fios 3 fases 3 fios 2 lementos 3 fases 3 fios As ligações pom ser directas ou através 's e ou 's A B A B N 3 ases 4 ios 3 ases 3 ios O módulo S232 po ser utilizado para a multi-ponto até 10 contadores a uma distância transmissão até 12m. O módulo S485 permite utilizar até 32 contadores em multi-ponto a uma distância transmissão até 1.2Km. AP MPSA AA SO 9001 AO N.95/P.341 MANAGMN SY S M Av. nfante. Henrique, 328 el. +(351) ax +(351) pt - 04/2003

3 specificações S232 O módulo S232 permite uma ligação directa a qualquer dispositivo comunicação S232 através um terminal ligação ipo 25 vias. O módulo fornece 10V 80mA para alimentar um mom. Uma série terminais permite que vários contadores possam ser ligados em modo multi-gota, reduzindo os custos comunicação. Módulos omunicações S485 O módulo converte S232 para S485, permitindo que 32 contadores estejam ligados em multi-ponto (ligação via manga J45) numa distância 1.2Km. O módulo facilita a ligação entre contadores, utilizando apenas terminais padrão, não sendo necessário estabelecer outras ligações. Aplicações Ligação irecta O módulo é utilizado como uma porta standard S232. e Móvel O módulo po ser utilizado com um mom GSM, permitindo uma utilização plena da re telefónica móvel. Mom Um mom standard V22/V23/V32 po ser ligado à porta para a utilização uma linha telefónica ou um adaptador terminais para utilizar uma linha SN. Módulo Mom O módulo opera em chamada normal, o módulo po também operar numa janela tempo. A linha será libertada se qualquer telefone paralelo é accionado. Modos Operação Apenas chamada normal hamada normal numa janela tempo odos os módulos com isolamento classe ao contador pt - 04/2003 Níveis solamento JANZ - ontadores nergia, S.A. O contador tem uma gran varieda módulos fácil instalação, que pom ser inseridos sem afectar o selo metrológico e sem ser necessário cortar a alimentação. Um módulo S232 permite uma ligação directa a qualquer dispositivo comunicação S232. Para reduzir os custos comunicação, pom ser ligados até 10 contadores em multi-ponto a uma distância 12m. O módulo S485 permite que sejam ligados no máximo 32 contadores a um único mom. O módulo po ser utilizado para uma ligação S485 via J45, ou para uma ligação S232 via terminal ipo 25 vias. É possível obter uma distância transmissão 1.2Km. Ambos os módulos S232 e S485 pom ser utilizados para uma larga varieda aplicações, incluindo V22/23/24 e GSM. AP MPSA AA SO 9001 AO N.95/P.341 aracterísticas Operação em linha telefónica partilhada Norma V22/23 Operação em janela tempo Libertação automática da linha assim que um telefone paralelo é accionado Modo chamada normal Número toques programável para atenr N = 0 Aprovação 21 S232 S485 2 J45 para facilitar a instalação multiponto Mom PSN Operação normal chamada Normas V22/23 Aprovação 21 Janela temporizada N=0 MANAGMN SY S M erminais ipo 25 vias erminais multi-ponto Alimentação do mom 10V solamento classe ao contador erminais ligação normalizados erminais S vias Ligação até 32 contadores istância transmissão 1.2Km Alimentação do mom 10V solamento classe ao contador Av. nfante. Henrique, 328 el. +(351) ax +(351)

4 specificações specificações écnicas ensão 27V máximo orrente 10 ma máx. (entrada activa) Largura impulso 20 ms min./200 ms máx. requência impulso 20 Hz máx. elés estado sólido: ensão: 240V A orrente: 100mA elé: ensão 240V A orrente 5A Quatro entradas ipos entradas: ontactos livres potencial omutação por transistor Módulo ntrada egisto entrada ada entrada tem um totalizador cumulativo que po ter uma reposição inicial para assegurar concordância com contador externo. Módulo S a í d a ntrada pt - 02/2003 requência imp. para contadores água e gás com entrada impulsos programáveis: ontador água/impulso-0.5, 1,5 litros 3 ontador gás/impulso-10dm (Valores típicos) actor escala programável; para guardar a contagem impulsos o factor ve ser um. Po ser usado como registo tempo utilização. Os totalizadores finidos pelo cliente pom ser utilizados em estruturas tarifário ou em diagrama carga. m baixo alguns exemplos configurações finidas pelo cliente. Soma duas entradas (ent1.+ nt.3) Soma uma entrada com um totalizador do (entrada 2 [Kwh] + totalizador Kwh importados) No fim cada período integração, o conteúdo cada ponta registada, totalizador entrada e totalizador finido pelo cliente po ser transferido para uma memória não volátil para constituir um registo do diagrama carga. Na possibilida falha energia o módulo armazena 30 min. e dados durante um período 48 horas. A informação é transferida para o contador assim que a ligação é restabelecida. MOVAB MOVA otalizadores finidos pelo cliente rês relés estado sólido Um relé 5A Quatro relés estado sólido unções do elé iagrama carga ipos módulos saída unções do elé etransmite impulsos : Kwh importados / exportados K indutivo / capacitivo, imp/exportados rês totalizadores finidos pelo cliente KVAh Qualquer totalizador do A tarifa retransmissão é programável ndicação : inal do período facturação inal do período integração ndicação activa tempo utilização Alarme da ponta máxima Alimentação do contador Monitorização alarme, nas combinações: rro opção quadro - alha bateria Aviso bateria - alha do ontador alha fase - Ponta parcial ventos omunicação - Alteração hora/data Aviso ontagem inversa xcesso orrente Níveis solamento solamento na classe protecção (todos os módulos). JANZ - ontadores nergia, S.A. A concepção modular do permite alargar o seu sempenho através da simples iserção módulos entrada e saída. stes módulos pom ser inseridos ou retirados sem quebrar o selo metrológico do contador e sem ser necessáriocortaraalimentação. Ao instalar um módulo entrada o po passar a recolher dados contadores externos, gás água ou electricida. om a possibilida inserir até quatro módulos torna-se seguramente numa solução multi-uso contagem a um baixo custo. Através dos totalizadores finidos pelo cliente qualquer dado do módulo entrada po ser adicionado a valores obtidos pelo qualquer um dos registos,quatroquadrantes. Pela simples adição um módulo saída aos quatro relés internos do contador o passará a dispor oito saídas. stão disponíveis duas versões o MOVAB, que é constituído por três relés estado sólido e um 5A, e o MOVA, constituído por quatro relésestadosólido. Osrelésestadosólidopermitemqueo se integre num sistema gestão energia existente, fornecendo uma gestão energia com qualquer um dos dados medidos pelo contador. A retrasmissão da data facturação e do final do período integração do contador assegura que os sistemas estãosincronizados. Um alarme ponta máxima po ser utilizado para sinalizar que o valor da pontaprogramadofoiexcedido. aracterísticas Quatro Módulos ntrada eceber impulsos contadores externos eceber impulsos para terminação do período facturação e integração egisto do impulso entrada rês totalizadores finidos pelo cliente permitem combinar dois módulos entrada ou um módulo entrada com um registo interno do etecção do impulso entrada sem auxílio energia externa aptação impulsos continua e os dados do diagrama cargas são armazenados quando o contador ixa ser alimentado solamento classe em relação ao contador Módulos Saída elés etransmite impulsos dos totalizadores energia, dos totalizadores finidos pelo cliente ou outro tipo totalizador Valor do impulso saída programável ornece indicação do alarme ponta máxima contratada, do fim do período integração, do totalizador activo e alarmes. solamento classe em relação ao contador rês relés estado sólido e um relé 5A Quatro relés estado sólido AP MPSA AA SO 9001 AO N.95/P.341 MANAGMN SY S M Av. nfante. Henrique, 328 el. +(351) ax +(351)

5 aracterísticas K total importado/exportado k capacitivo importado/exportado k indutivo importado/exportado KVAh 3 registos finidos pelo cliente - rivados da adição das granzas medidas 32 registos tarifa 8 registos ponta máxima 12 stações 24 atas mudança estação 96 empos comutação 64 atas exclusão arifário substituição também programável 40 dias dados 30m para um canal. Armazenamento 450 dias através da adição um módulo Período integração programável iagrama cargas armazenado para qualquer granza medida ou dado externo recolhido (se sejado) 12 registos dados históricos 2 linhas cristais líquidos com 16 caracteres cada Ângulo visão alargado efinição integral pelo cliente Local: porta óptica emota: Módulos S232 e 485 ou GSM ntrada Gaz, Água lectricida omunicações lasse exactidão: 1 ou 2 Gama tensão: V (3 fases/4 fios); V (3 fases/3 fios) ensão base: 120, 230, 277, 400 orrente máxima (máx.): 100A orrente base: 10, 15, 20, 30, 40 A stão disponíveis, sob consulta, outros valores tensão e corrente. requência: 50Hz ou 60Hz emperaturas funcionamento xactidão: -10º a +55º Operação: -20º a +55º Armazenamento: -25º a +70º ampa frontal: Protege botão reposição ponta Permite que a informação do cliente possa figurar no quadrante forma segura Permite a intificação dos módulos adicionais 279 mm (altura) x 170 mm (largura) x 81 mm (espessura) Peso: 1.5Kg N 61036, 687, N e acordo c/ regulamentos M N , N Unidas Medida strutura do arifário Armazenamento ados Visor omunicações specificações aixa e imensões Aprovações ontador para irecta JANZ - ontadores nergia, S.A. O contador oferece uma boa solução para aplicações ligação directa. em uma gran varieda funções tarifário, apropriadas para todas as aplicações industriais e comerciais. As características do incluem um visor integralmente programável acordo com as especificações do cliente e a capacida armazenar 40 dias dados do diagrama cargas. O contador po operar como uma unida ou como parte um sistema contagem. A funcionalida do po ser aumentada pela simples inserção módulos entrada/saída, módulos comunicação, sem ser necessário quebrar o selo controlo metrológico ou sligálo. O contador está preparado para comunicar através da tradicional porta óptica (), uma porta S232, S485 ou por mom GSM. O software utilizado corre em ambiente Windows e é fácil utilização. O contador para ligação directa po ser fornecido com a classe exactidão 1 ou 2 acordo com as normas M N e N Ligação nergia activa V Quatro quadrantes 4 relés saída Gama variada módulos entrada/saída e comunicações AP MPSA AA SO 9001 nergia reactiva AO N.95/P.341 MANAGMN Varh SY S M N nergia Activa, l. 1 N nergia eactiva, l.2e3 Av. nfante. Henrique, 328 el. +(351) ax +(351) pt - 02/2003

6 specificações Gestor squemas Permite que uma varieda esquemas sejam inseridos, sendo cada esquema uma combinação itens a ler ou a programar, no contador. Software da Unida Gestora nergia Um esquema po ser composto por uma entrada individual, tal como uma sequência do visor. sto, tem a vantagem se por alterar apenas um parâmetro num conjunto contadores, mantendo os restantes como estavam. Um esquema po ser finido para ler uma configuração, totalizadores e dados um contador. stas leituras pom ser visionadas na directoria leituras. Gestor ontadores Armazena a informação relativa aos contadores do cliente. Assim que um novo contador é adicionado ao sistema, ligações, intificações, segurançã, hardware e informação comunicações po ser introduzida. Lista ontadores onsiste numa lista contadores e dos esquemas que lhe estão associados. Uma vez finidos. A lista contadores po ser executada por qualquer das formas comunicação estabelecidas. O servidor comunicações propociona uma indicação clara dos ficheiros à medida que são transferidos. iagrama cargas Os dados do diagrama cargas lidos um contador pom ser visualizados num gráfico barras ou num relatório. O número dias a ler é seleccionável. Se um diagnóstico é realizado durante um período integração a barra do gráfico surgirá vermelha. O simples posicionar do rato sobre a barra intifica o registo da ponta. Administração do Sistema Permite ao administrador do sistema gerir os seus utilizadores e atribuir os respectivos níveis acesso. Proporciona também a capacida localizar ficheiros para importação para a unida gestora e alterar o servidor comunicações. JANZ - ontadores nergia, S.A. O software da Unida Gestora nergia corre em ambiente Windows, é fácil utilização quer na programação quernaleituracontadores. O software é composto por três janelas principais, Gestor esquemas, Gestor omunicações As comunicações são estabelecidas no Gestor contadores utilizando o editor informação do contador. As aplicações S232/485 pom ser multi-ponto até 9600 baud. contadores e Lista contadores. O Gestor esquemas e o gestor contadores permitem que esquemas e informação relacionada com os contadores sejam organizados forma hierárquica, tal como os ficheiros no Windows M xplorer, que antes serem transferidos para o contador são reunidosnumalistacontadores. O envio modo rápido permite efectuar transferências dados sem se ter intificar o contador ou constituir a Listacontadores. aracterísticas Permite programar e efectuar leituras locais e remotas. ácil utilização em Windows efinição Gráfica do tarifário Possibilida visionar o diagrama cargas ondução via menus e barras ferramentas. apacida para operar em re omunicações simples e rápidas omunicações via mom, S232,S485, porta óptica e GMS. Permite visualizar valores instantâneos do contador Menu Ajuda. alendário da lista contadores Av. nfante. Henrique, 328 É uma ferramenta opcional do programa que permite activar a lista contadores para datas pré-estabelecidas para que as comunicações possam ocorrer a qualquer hora forma automática. AP MPSA AA SO 9001 AO N.95/P.341 MANAGMN SY S M el. +(351) ax +(351) pt - 02/2003

juntos criamos o futuro.

juntos criamos o futuro. E l e c t r i c i d a d e Á g u a G á s juntos criamos o futuro. JANZ - Contadores de Energia, S.A. Janz desde 1915 E n t r a r Janz Contadores de Energia, S.A. Av. Infante D. Henrique, 328. 1800-223 Lisboa

Leia mais

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30 ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30 Suporte redes do tipo: Monofásico; Bifásico, com neutro comum; Trifásico com ligação estrela com e sem neutro Trifásico

Leia mais

Contadores de energia

Contadores de energia módulo Permitem a medição de energia em redes monofásicas, fazendo a leitura directa até A. Existe uma versão com saída impulsional. A grande vantagem destes produtos é a sua reduzida dimensão, de apenas

Leia mais

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104 UMG 104 UMG 104-Mais do que um ples Multímetro O UMG 104 equipado com um DSP de 500 MHz (processador de sinal digital) é um analisador de tensão muito rápido e potente. A varredura contínua dos 8 canais

Leia mais

I. INTRODUÇÃO. SEINON Sistema Energético INtegral ONline. A melhor energia é a que não se consome

I. INTRODUÇÃO. SEINON Sistema Energético INtegral ONline. A melhor energia é a que não se consome I. INTRODUÇÃO SEINON Sistema Energético INtegral ONline A melhor energia é a que não se consome O sistema SEINON é uma ferramenta de gestão de consumo de energia que permite de forma simples e automática

Leia mais

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332 ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332 Especialmente concebido para serviços de controlo e manutenção de edifícios industriais ou administrativos, o Qualistar CA 8332 permite obter

Leia mais

MODELO 827 CARACTERÍSTICAS. Controlador Trunking

MODELO 827 CARACTERÍSTICAS. Controlador Trunking MODELO 827 Controlador Trunking CARACTERÍSTICAS Obedece completamente ao Standard MPT1327/1343 e é compatível com os radiotelefones MPT1352/1327. Tem estrutura modular e o seu sistema de controlo com informação

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL - INMETRO Portaria INMETRO/DIMEL/Nº 221, de 09 de dezembro de 2003.

Leia mais

EverBlu. Sistema de leitura rádio fixo

EverBlu. Sistema de leitura rádio fixo Multi-Energy EverBlu Sistema de leitura rádio fixo > Leituras diárias automaticas > Análise gráfica de dados > Rede de rádio fiável com auto reparação > Adequado para ambientes urbanos, suburbanos e rurais.

Leia mais

Prof. Sandrina Correia

Prof. Sandrina Correia Tecnologias de I informação de C omunicação 9º ANO Prof. Sandrina Correia TIC Prof. Sandrina Correia 1 Objectivos Definir os conceitos de Hardware e Software Identificar os elementos que compõem um computador

Leia mais

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO Introdução A FP4 é uma Central de Detecção de Incêndio Convencional, equipada com 4 zonas de detecção,

Leia mais

f) Processamentos de dados em baixa tensão, designadamente estimativas de consumo e metodologia de aplicação de perfis de consumo.

f) Processamentos de dados em baixa tensão, designadamente estimativas de consumo e metodologia de aplicação de perfis de consumo. NOTA INFORMATIVA RELATIVA AO DESPACHO N.º 2/2007 QUE APROVA O GUIA DE MEDIÇÃO, LEITURA E DISPONIBILIZAÇÃO DE DADOS O Regulamento de Relações Comerciais (RRC) aprovado através do despacho da Entidade Reguladora

Leia mais

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO Introdução A FAP2 é uma Central de Detecção de Incêndio Convencional, equipada com 2 zonas de detecção,

Leia mais

DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB

DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB DATA LOGGER PARA REGISTO DE TEMPERATURAS COM LIGAÇÃO USB AVISO PRÉVIO A partir de 1 de Janeiro de 2014 os data loggers deixam de ser fornecidos com CD-ROM com software. O software continua a ser gratuito

Leia mais

ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335

ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335 ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335 Medem todos os parâmetros de tensão, corrente e potência para um diagnóstico completo de uma instalação

Leia mais

ME30 infobox basic. ME30 infobox basic. Opções para infobox basic. Operação e visualização LED / Backlight Alarme ou indicação de estado

ME30 infobox basic. ME30 infobox basic. Opções para infobox basic. Operação e visualização LED / Backlight Alarme ou indicação de estado Opções para infobox basic Opção Disponível para a variante conectores com todas as variantes parafusos backlight ao invés de LED até 6 alarmes para todas as variantes de alimentação (vermelho/verde) c/

Leia mais

Global Energy Meter - G.E.M.

Global Energy Meter - G.E.M. Global Energy Meter - G.E.M. Solução de Monitorização de Consumos de Energia Elétrica Reduzir o consumo de energia é visto hoje em dia como algo positivo e necessário não só para o ambiente mas também

Leia mais

GE Energy Industrial Solutions. Série MT. Novos Analisadores de Rede. GE imagination at work

GE Energy Industrial Solutions. Série MT. Novos Analisadores de Rede. GE imagination at work GE Energy Industrial Solutions Série MT Novos Analisadores de Rede Compacto Inteligente Versátil GE imagination at work Analisadores de Rede Novos Analisadores de Rede Devido ao aumento do custo de produção

Leia mais

Software da Impressora

Software da Impressora Software da Impressora Acerca do Software da Impressora O software Epson inclui o controlador de impressão e o EPSON Status Monitor 3. O controlador de impressão é um software que permite controlar a impressora

Leia mais

PowerValue 31 7,5-10 - 15-20 kva (Tri/Mono)

PowerValue 31 7,5-10 - 15-20 kva (Tri/Mono) Descrição Técnica PowerValue 31 7,5-10 - 15-20 kva (Tri/Mono) Trifásica, On-line de Dupla-Conversão, VFI Fonte de Alimentação Não Interruptível (UPS) EFACEC Sistemas de Electrónica, S. A. Rua Eng.º Frederico

Leia mais

Manual de Execução de Trabalhos em Equipamento de Contagem de Energia em instalações MT e BTE

Manual de Execução de Trabalhos em Equipamento de Contagem de Energia em instalações MT e BTE Manual de Execução de Trabalhos em Equipamento de Contagem de Energia em instalações MT e BTE 1 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONTAGEM DE ENERGIA ELÉCTRICA EM MÉDIA E BAIXA TENSÃO ESPECIAL... 3 2.1. Características

Leia mais

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar VIESMANN VITOSOLIC Controlador para sistemas de energia solar Nº de referência e preços: ver lista de preços VITOSOLIC 100 Controlador electrónico por diferença de temperatura Para sistemas com produção

Leia mais

1 Indicações de segurança

1 Indicações de segurança Actuador regulador universal 1 canal, 50-210 W com entrada binária N.º art. 3210 UP Manual de instruções 1 Indicações de segurança A instalação e a montagem de aparelhos eléctricos apenas devem ser realizadas

Leia mais

ConfigFree - Gestão simplificada de ligações

ConfigFree - Gestão simplificada de ligações ConfigFree - Gestão simplificada de ligações As ligações sem fios tornaram-se essenciais no estabelecimento de comunicações em qualquer parte em qualquer momento, permitindo aos utilizadores manterem-se

Leia mais

Comandos. Comando domótico de 3 canais estéreo com sintonizador FM. Ecrã táctil. Sintonizador FM com RDS e 12 Memórias de FM.

Comandos. Comando domótico de 3 canais estéreo com sintonizador FM. Ecrã táctil. Sintonizador FM com RDS e 12 Memórias de FM. Para que tenha prazer ao desfrutar do sistema Comandos O comando é o seu principal ponto de acesso a todas as funcionalidades do sistema PRIMUS. Para isto a AKP desenhou e desenvolveu todos os seus comandos

Leia mais

OSCILOSCÓPIO DIGITAIS COMPACTOS PORTÁTEIS DE 2 CANAIS ISOLADOS MODELOS OX 5022 E OX 5042

OSCILOSCÓPIO DIGITAIS COMPACTOS PORTÁTEIS DE 2 CANAIS ISOLADOS MODELOS OX 5022 E OX 5042 OSCILOSCÓPIO DIGITAIS COMPACTOS PORTÁTEIS DE 2 CANAIS ISOLADOS MODELOS OX 5022 E OX 5042 Pontos-chave: 2 Canais isolados; Três instrumentos num só: osciloscópio de 20 ou 40 MHz, multímetro TRMS / analisador

Leia mais

Seu manual do usuário EPSON LQ-630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/1120693

Seu manual do usuário EPSON LQ-630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/1120693 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a no manual do usuário (informação,

Leia mais

Sistemas de Controlo/Comutação de Matriz Allegiant da Série LTC 8x00 - Integrados

Sistemas de Controlo/Comutação de Matriz Allegiant da Série LTC 8x00 - Integrados CCTV Sistemas de Controlo/Comutação de Matriz Allegiant da Série LTC 8x - Integrados Sistemas de Controlo/Comutação de Matriz Allegiant da Série LTC 8x - Integrados Modelos com um mínimo de 8 câmaras e

Leia mais

NOVOS ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA SÉRIE QUALISTAR MODELOS CA 8331 CA 8333 CA 8336 CA 8435 PARA USO EXTERNO, COM ÍNDICE IP 67

NOVOS ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA SÉRIE QUALISTAR MODELOS CA 8331 CA 8333 CA 8336 CA 8435 PARA USO EXTERNO, COM ÍNDICE IP 67 NOVOS ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA SÉRIE QUALISTAR MODELOS CA 8331 CA 8333 CA 8336 CA 8435 PARA USO EXTERNO, COM ÍNDICE IP 67 Nota prévia: os três analisadores de qualidade de energia da série

Leia mais

1 Indicações de segurança. 2 Estrutura do aparelho. Facility Pilot Server. N.º art. : FAPV-SERVER-REG N.º art. : FAPVSERVERREGGB. Manual de instruções

1 Indicações de segurança. 2 Estrutura do aparelho. Facility Pilot Server. N.º art. : FAPV-SERVER-REG N.º art. : FAPVSERVERREGGB. Manual de instruções Facility Pilot Server N.º art. : FAPV-SERVER-REG Facility Pilot Server N.º art. : FAPVSERVERREGGB Manual de instruções 1 Indicações de segurança A instalação e a montagem de aparelhos eléctricos apenas

Leia mais

PT MANUAL UTILIZADOR. Manual do utilizador da aplicação ComelitViP Remote 3.0 para dispositivos. Passion.Technology.Design.

PT MANUAL UTILIZADOR. Manual do utilizador da aplicação ComelitViP Remote 3.0 para dispositivos. Passion.Technology.Design. PT MANUAL UTILIZADOR Manual do utilizador da aplicação ComelitViP Remote.0 para dispositivos Passion.Technology.Design. Índice Instalação... Configuração automática da administração de apartamento... 4

Leia mais

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox PRODUTOS SERIADOS ME30 infobox SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE SINAIS Adquirir, processar e visualizar de 8 a 40 alarmes ou indicadores de estado Funções de alarme configuráveis Anunciadores com possibilidade

Leia mais

DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II

DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II Modos de programação de registo; Intervalos de registo programáveis; Capacidade de memória para 240.000 medidas; Alimentação por pilhas alcalinas; Ligação a computador

Leia mais

GDE4000. Gerenciador de Energia

GDE4000. Gerenciador de Energia Gerenciador de Energia Funções avançadas de controle de demanda e fator de potência Seleção de cargas por prioridade e por potências Flexibilidade na programação de demandas sazonais Simulação de fatura

Leia mais

Produção e Transporte de Energia 2. Produção e Transporte de Energia 2 - Definição de Condições de Ligação à Rede. J. A.

Produção e Transporte de Energia 2. Produção e Transporte de Energia 2 - Definição de Condições de Ligação à Rede. J. A. - Definição de Condições de Ligação à Rede J. A. Peças Lopes Introdução Grande Aumento da Produção Distribuída (PRE): A ligar fundamentalmente nas redes de distribuição e subtransmissão (MT e AT); Aparecimento

Leia mais

Distribuição Industrial: Disjuntores abertos M-Pact Plus

Distribuição Industrial: Disjuntores abertos M-Pact Plus G onsumer & Industrial Power Protection atálogo Industrial istribuição Industrial: isjuntores abertos MPact Plus G imagination at work istribuição industrial. Interruptores de corte em carga.6 Interruptores

Leia mais

Smart-UPS On-Line 230 V. UPS Online de dupla conversão com fator de potência unitário na saída e características de gestão avançadas

Smart-UPS On-Line 230 V. UPS Online de dupla conversão com fator de potência unitário na saída e características de gestão avançadas Smart-UPS On-Line 230 V UPS Online de dupla conversão com fator de potência unitário na saída e características de gestão avançadas Uma UPS versátil desenvolvida para condições de alimentação instáveis

Leia mais

Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável. Manual de Instalação e Funcionamento

Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável. Manual de Instalação e Funcionamento Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável Manual de Instalação e Funcionamento www.chacon.be hotline@chacon.be Índice 1. Introdução...3 2. Características técnicas...6

Leia mais

Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040

Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040 MD4040/TC Análise de metas e rateio de custos de energia; Leituras instantâneas em amplo display digital; Indicação de tensão de fase e tensão de linha;

Leia mais

MD4040. Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040/TC

MD4040. Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040/TC Multimedidor de Grandezas Elétricas / Análise de metas e rateio de custos de energia Leituras instantâneas em amplo display digital Indicação de tensão de fase e tensão de linha Comunicação via porta RS485

Leia mais

Ambiente de trabalho. Configurações. Acessórios

Ambiente de trabalho. Configurações. Acessórios Ambiente de trabalho Configurações Acessórios O Sistema Operativo (SO) é o conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e comunique com o exterior. Actualmente, o Windows é

Leia mais

UMG 511 Analisador de qualidade de energia Classe A. de acordo com IEC 61000-4-30 UMG 511

UMG 511 Analisador de qualidade de energia Classe A. de acordo com IEC 61000-4-30 UMG 511 UMG 511 UMG 511 Analisador de qualidade de energia Classe A de acordo com IEC 61000-4-30 O analisador de qualidade de energia UMG 511 é particularmente adequado para monitorar a qualidade da energia de

Leia mais

Detecção digital. A forma inteligente de medir.

Detecção digital. A forma inteligente de medir. STABILA Medidor laser LD 520: Detecção digital através de câmara integrada. Zoom 4x. Display a cores de alto contraste. Sensor de inclinação de 360 para uma flexibilidade plena. Ampla gama de funções de

Leia mais

JA-63 Profi Manual do Utilizador

JA-63 Profi Manual do Utilizador JA-63 Profi Manual do Utilizador Índice: 1 Indicadores... 3 2 Controlo do sistema... 4 2.1 Armar... 4 2.2 Desarmar... 5 2.3 Alarme de Pânico... 5 2.4 Para cancelar ALARME... 5 2.5 Armar em modo Home...

Leia mais

TKVAP404 - instruções programação

TKVAP404 - instruções programação TKVAP44 - instruções programação 1 s de programação 1 1 1 2 1 3 2 1 2 2 2 3 2 4 3 1 3 2 3 3 3 4 4 1 4 2 5 1 5 2 5 3 5 4 6 1 6 2 6 3 6 4 6 5 6 6 7 1 7 2 7 3 7 4 7 5 7 6 7 7 7 8 1 1 1 2 1 3 1 4 1 6 1 7 1

Leia mais

Smart-UPS da Dell 1500 3000 VA

Smart-UPS da Dell 1500 3000 VA Smart-UPS da Dell 1500 3000 VA 230 V Proteção de energia line interactive avançada para servidores e equipamento de rede Fiável. Inteligente. Eficiente. Fácil utilização. Concebida pela APC by Schneider

Leia mais

Guia Rápido do TVR 12

Guia Rápido do TVR 12 Guia Rápido do TVR 12 Figura 1: Ligações do painel traseiro 1. "Loop through" para um máximo de 16 câmaras analógicas (consoante o modelo de DVR). 2. Ligar a um dispositivo RS-232. 3. Ligar até quatro

Leia mais

Limites: 0,2VA máx. por entrada (sinais de corrente e tensão), 3 VA máx. na alimentação auxiliar.

Limites: 0,2VA máx. por entrada (sinais de corrente e tensão), 3 VA máx. na alimentação auxiliar. Introdução Analisador de Potência Microprocessado Samrello, com 4 linhas de display led alto brilho que mostram as fases e os parâmetros do sistema ao mesmo tempo. Medição True RMS, proteção de senha,

Leia mais

Um novo padrão global para temporizadores e contadores H5CX H7CX

Um novo padrão global para temporizadores e contadores H5CX H7CX Um novo padrão global para temporizadores e contadores H5CX H7CX concebido para as suas especificações Advanced Industrial Automation A Omron, principal fabricante global de temporizadores e contadores,

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Renz Multimedidor MGG-92 ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 3 1.1 Aplicação 2.0 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2.1 Mecânicas 2.2 Elétricas 2.3 Grandezas Elétricas medidas e/ou calculadas 3.0

Leia mais

Regulador Digital de Tensão DIGUREG

Regulador Digital de Tensão DIGUREG Regulador Digital de Tensão DIGUREG Totalmente digital. Software para parametrização e diagnósticos extremamente amigável. Operação simples e confiável. Ideal para máquinas de pequena a média potência.

Leia mais

GDE4000. Controlador de Demanda

GDE4000. Controlador de Demanda Controlador de Demanda Funções avançadas de controle de demanda e fator de potência Seleção de cargas por prioridade e por potências Flexibilidade na programação de demandas sazonais Simulação de fatura

Leia mais

Manual de Utilização Rápida Vodafone Connect Pen. Concebido para a Vodafone

Manual de Utilização Rápida Vodafone Connect Pen. Concebido para a Vodafone Manual de Utilização Rápida Vodafone Connect Pen Concebido para a Vodafone 1 Bem-vindo ao mundo das comunicações móveis 1 2 3 4 5 6 8 9 9 10 13 2 Bem-vindo Configuração da sua Connect Pen Iniciar o software

Leia mais

Manual do utilizador. Aplicação de agente

Manual do utilizador. Aplicação de agente Manual do utilizador Aplicação de agente Versão 8.0 - Otubro 2010 Aviso legal: A Alcatel, a Lucent, a Alcatel-Lucent e o logótipo Alcatel-Lucent são marcas comerciais da Alcatel-Lucent. Todas as outras

Leia mais

CONTROLADOR CONDAR MP3000.

CONTROLADOR CONDAR MP3000. CONTROLADOR CONDAR MP3000. O equipamento CONDAR MP3000 é um Controlador Eletrônico Microprocessado desenvolvido especificamente para automação de até três Condicionadores de Ar instalados em um mesmo ambiente

Leia mais

Sistema Operativo em Ambiente Gráfico

Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Sistema Operativo Conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e comunique com o exterior; Windows: sistema operativo mais utilizado nos

Leia mais

POL-100. Dispositivo de diagnóstico. Manual de utilizador. Verificação do loop analógico

POL-100. Dispositivo de diagnóstico. Manual de utilizador. Verificação do loop analógico Honeywell Life Safety Iberia C/Pau Vila, 15-19 08911 BADALONA (BARCELONA) Tel.: 93 497 39 60 Fax: 93 465 86 35 www.honeywelllifesafety.es Dispositivo de diagnóstico POL-100 Verificação do loop analógico

Leia mais

Por algum motivo nos encontra em todo o lado!

Por algum motivo nos encontra em todo o lado! Por algum motivo nos encontra Novidades de produto 2010 Janitza. Sempre um passo à frente! A Janitza investe cerca de 8% da facturação anual em investigação e desenvolvimento de novos produtos. Ao introdzir

Leia mais

Software para Controlo de Assiduidade

Software para Controlo de Assiduidade Innux Time O cenário de constante mudança que caracteriza o mercado globalizado tem um impacto profundo na forma como as empresas gerem os seus recursos humanos. Reduzir custos, aumentar os níveis de desempenho,

Leia mais

Módulo de Alimentação de Controlo do Motor LQSE-4M-D Controlador de Motor CA 4 saídas. Unidade do. Painel de parede seetouch QSR.

Módulo de Alimentação de Controlo do Motor LQSE-4M-D Controlador de Motor CA 4 saídas. Unidade do. Painel de parede seetouch QSR. LUTRON Módulo de de Controlo do Motor Controlador de Motor CA 4 saídas Módulo de de Controlo do Motor O módulo de alimentação de controlo do motor consiste numa interface que disponibiliza a integração

Leia mais

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância Monitoramento de Transformadores de Potência Gerenciamento de Dados para o Monitoramento e Avaliação da Condição Operativa de Transformadores Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Leia mais

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens;

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens; 1 Não há nada melhor do que saber que a sua família está em casa e em segurança. Agora imagine se pudesse melhorar a segurança e conforto do seu lar apenas com a instalação de um sistema Impossível? Então

Leia mais

Manual de instrução e instalação VECTRA EX 204. Versão: 00.2010 ou 00.2010T

Manual de instrução e instalação VECTRA EX 204. Versão: 00.2010 ou 00.2010T Manual de instrução e instalação VECTRA EX 204 Versão: 00.2010 ou 00.2010T SUMÁRIO Introdução... 3 Instalação... 4 Configuração... 4 O software... 5 Número da Receptora... 6 Aviso Sonoro... 7 Hora... 8

Leia mais

ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000

ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000 ANALISADOR DE ENERGIA CEM 1000 MANUAL DE INSTRUÇÕES ANALISADOR DE ENERGIA CEM1000 1.- INTRODUÇÃO: O analisador de energia CIBER modelo CEM1000, mede, calcula e totaliza as principais grandezas elétricas

Leia mais

José Matias, Ludgero Leote, Automatismos industriais - Comando e regulação, Didáctica Editora

José Matias, Ludgero Leote, Automatismos industriais - Comando e regulação, Didáctica Editora AUTOMAÇÃO (M323) CAPÍTULO III Sistemas Eléctricos 2013/2014 Bibliografia José Matias, Ludgero Leote, Automatismos industriais - Comando e regulação, Didáctica Editora Dores Costa, Fé de Pinho, Comando

Leia mais

UNIDADE DE TRANSMISSÃO DE DADOS DE CONTAGEM

UNIDADE DE TRANSMISSÃO DE DADOS DE CONTAGEM ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 441 27 de abril de 2012 Página 2 de 13 ÍNDICE Registo das revisões... 4 1. Objectivo... 5 2. Âmbito... 5 3. Referências... 5 3.1. Externas... 5 3.2. Internas... 5 4. Definições

Leia mais

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador

Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Comunicação sem fios (somente em alguns modelos) Manual do utilizador Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registada da Microsoft Corporation nos E.U.A. Bluetooth

Leia mais

100% electricidade. Relés de controle automático para grupo gerador

100% electricidade. Relés de controle automático para grupo gerador 100% electricidade Relés de controle automático para grupo gerador RGAM 10 Relé controle automático para g l Entradas VCA : concessionária L1-L2/N-L3, gerador L1-L2/N l 4 entradas digitais, 5 relés saída.

Leia mais

CCI.Courier. Troca de dados de encomenda entre o PC da quinta e o terminal. Manual de instruções. Referência: CCI.Courier v2.0

CCI.Courier. Troca de dados de encomenda entre o PC da quinta e o terminal. Manual de instruções. Referência: CCI.Courier v2.0 CCI.Courier Troca de dados de encomenda entre o PC da quinta e o terminal Manual de instruções Referência: CCI.Courier v2.0 Copyright 2014 Copyright by Competence Center ISOBUS e.v. Albert-Einstein-Str.

Leia mais

Datalogger de fluxo e de pressão com GPRS

Datalogger de fluxo e de pressão com GPRS Datalogger de fluxo e de pressão com GPRS Sebalog Dx Monitorização da rede via GSM/GPRS Comunicação sem fios Transmissão automática de dados e de alarmes 5 anos de funcionamento autónomo Deteção do impulso

Leia mais

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Características Quatro zonas com capacidade de teste/isolamento. Dois circuitos de alarme com possibilidade de isolamento. Fonte de alimentação

Leia mais

GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante com dois sensores Instruções de instalação e funcionamento

GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante com dois sensores Instruções de instalação e funcionamento Labkotec Oy Myllyhaantie 6 FI-33960 PIRKKALA FINLAND Tel: + 358 29 006 260 Fax: + 358 29 006 1260 19.1.2015 Internet: www.labkotec.fi 1/12 GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante

Leia mais

Acompanha 4 garras de corrente flexível para até 3.000A. NORMAS CE PT 61010-032 EN 61010-1 LVD Directiva 2006/95/CE EMC 2004/108/EC

Acompanha 4 garras de corrente flexível para até 3.000A. NORMAS CE PT 61010-032 EN 61010-1 LVD Directiva 2006/95/CE EMC 2004/108/EC Profissional analisador de qualidade de energia para as fase monofásica e trifásica geral O Analisador modelo78 é um analisador de rede profissional para medição e registro dos parâmetros elétricos da

Leia mais

Manual do usuário. Central de alarme de incêndio Slim

Manual do usuário. Central de alarme de incêndio Slim Manual do usuário Central de alarme de incêndio Slim Central de alarme de incêndio Slim Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Engesul. Este manual é válido apenas para

Leia mais

Nobreak. 160 e 300 kva. senoidal on-line trifásico PERFIL PROTEÇÕES

Nobreak. 160 e 300 kva. senoidal on-line trifásico PERFIL PROTEÇÕES Nobreak senoidal on-line trifásico dupla convers o 60 a 300 kva 60 kva de 80 a 120 kva 160 e 300 kva PERFIL Os nobreaks on-line de dupla conversão da linha Gran Triphases foram desenvolvidos com o que

Leia mais

Manual do Utilizador

Manual do Utilizador Manual do Utilizador Impressora de etiquetas QL-700 Leia e compreenda este manual antes de usar a máquina. Recomendamos que o mantenha num local acessível para futuras consultas. www.brother.com POR ver.

Leia mais

7,5 VA durante o funcionamento 3 VA em posição de descanso Nível de protecção eléctrica

7,5 VA durante o funcionamento 3 VA em posição de descanso Nível de protecção eléctrica VÁLVULA E ERIVAÇÃO E 3 VIAS PARA AQUEIMENTO E SOLAR escrição do produto Esta válvula de derivação de 3 vias com accionamento do motor eléctrico de 230 V é utilizada em circuitos solares e de aquecimento

Leia mais

CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS

CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS FCM INTRODUÇÃO Os contadores de impulsos microprocessados séries FCM, SCM, CCM e RCM foram desenvolvidos pela Digimec para garantir o uso destes aparelhos em serviços

Leia mais

Série 7E - Medidor de energia. Características SÉRIE 7E

Série 7E - Medidor de energia. Características SÉRIE 7E Série 7 - Medidor de energia SÉRI 7 7.23.8.230.0001 7.23.8.230.00x0 kwh Medidor de nergia Monofásico com display LCD retroiluminado multifunção Tipo 7.23 5(32) - largura de 1 módulo Conforme as normas

Leia mais

Acronis Servidor de Licença. Manual do Utilizador

Acronis Servidor de Licença. Manual do Utilizador Acronis Servidor de Licença Manual do Utilizador ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 Descrição geral... 3 1.2 Política de licenças... 3 2. SISTEMAS OPERATIVOS SUPORTADOS... 4 3. INSTALAR O SERVIDOR DE LICENÇA

Leia mais

Nunca utilizar objectos afiados, ácidos ou solventes orgânicos para a limpeza. Dispositivo

Nunca utilizar objectos afiados, ácidos ou solventes orgânicos para a limpeza. Dispositivo Smart Control N.º art. SC 1000 KNX Manual de instruções 1 Indicações de segurança A instalação e a montagem de aparelhos eléctricos apenas devem ser realizadas por electricistas especializados. Risco de

Leia mais

UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida UMG 96S

UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida UMG 96S UMG 96S UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida Os instrumentos de medição universal com montagem embutida da família de produto UMG 96S foram principalmente concebidos para utilização

Leia mais

Distribuição Industrial: Interruptores de corte em carga Dilos/Fulos

Distribuição Industrial: Interruptores de corte em carga Dilos/Fulos G onsumer & Industrial Power Protection atálogo Industrial istribuição Industrial: Interruptores de corte em carga ilos/ulos G imagination at work istribuição industrial.2 Interruptores de corte em carga.6

Leia mais

RT-8 DATA LOGGER MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DO UTILIZADOR

RT-8 DATA LOGGER MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DO UTILIZADOR RT-8 DATA LOGGER MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DO UTILIZADOR Copyright Moncorvauto. Todos os direitos reservados É proibido reproduzir, transferir, distribuir ou armazenar a totalidade ou parte do conteúdo

Leia mais

V6 Características. A função de compensação de escorregamento permite uma operação estável mesmo com flutação de carga.

V6 Características. A função de compensação de escorregamento permite uma operação estável mesmo com flutação de carga. IBD# D-F-2-H-KSN-BR V6 Características Alta Performance [Alto torque de partida com 150% ou mais] Com um sistema simplificado de controle vetorial e função de controle de torque automático oferece uma

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES - MICROPRODUÇÃO

MANUAL DE INSTRUÇÕES - MICROPRODUÇÃO SERVIÇO WEB MANUAL DE INSTRUÇÕES - MICROPRODUÇÃO http://microproducao.ceve.pt Índice 1. Introdução... 2 2. Requisitos de Sistema... 2 3. Acesso... 2 4. Menus... 3 4.1. Características... 3 4.2. Curva de

Leia mais

Manual Utilização. Central Detecção Incêndio. JUNIOR-NET CSA v.4. Sistema Analógico Endereçável

Manual Utilização. Central Detecção Incêndio. JUNIOR-NET CSA v.4. Sistema Analógico Endereçável Manual Utilização Central Detecção Incêndio JUNIOR-NET CSA v.4 Sistema Analógico Endereçável Modelo com aprovação das normas EN54PT2 e PT4 1999 GFE 1/5 Legenda da Central: 1 33 32 2 3 31 30 4 10 5 29 28

Leia mais

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas CLIMATIZAÇÃO O exemplo apresentado aqui controla um sistema que envolve bombas, torres, chillers e fan-coils para climatização ambiente para conforto térmico. Pode-se montar controles para sistemas dos

Leia mais

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO Função de automatismo: regulação de tensão Especificação funcional Elaboração: INTS, ICTS, ISTS, DNT Homologação: conforme despacho do CA de 2007-02-13

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA APP INTERCALL REMOTE VIP

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA APP INTERCALL REMOTE VIP PT MANUAL TÉCNICO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA APP INTERCALL REMOTE VIP PARA DISPOSITIVOS: www.comelitgroup.com Instalação da app Intercall Remote VIP... Configurar aplicação... 4 Responder a uma chamada...

Leia mais

MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA DO MODEM OPTIONS FOR NOKIA 7650. Copyright 2002 Nokia. Todos os direitos reservados 9354493 Issue 2

MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA DO MODEM OPTIONS FOR NOKIA 7650. Copyright 2002 Nokia. Todos os direitos reservados 9354493 Issue 2 MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA DO MODEM OPTIONS FOR NOKIA 7650 Copyright 2002 Nokia. Todos os direitos reservados 9354493 Issue 2 Índice 1. INTRODUÇÃO...1 2. INSTALAR O MODEM OPTIONS FOR NOKIA 7650...1 3. SELECCIONAR

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Os Micro Controladores Programáveis linha Clic WEG, caracterizam-se pelo seu tamanho compacto, fácil programação e excelente custo-benefício.

Leia mais

Porta Série. Trabalhos Práticos AM 2007/2008. Porta Série. Objectivos

Porta Série. Trabalhos Práticos AM 2007/2008. Porta Série. Objectivos 3 Objectivos - Configurar os parâmetros associados à comunicação série assíncrona. - Saber implementar um mecanismo de menus para efectuar a entrada e saída de dados, utilizando como interface um terminal

Leia mais

GRAVADOR VÍDEO 4CH MANUAL DO UTILIZADOR QANDA MOD. TA-412

GRAVADOR VÍDEO 4CH MANUAL DO UTILIZADOR QANDA MOD. TA-412 GRAVADOR VÍDEO 4CH MANUAL DO UTILIZADOR QANDA MOD. TA-412 1 INDEX 1.CARACTERISTICAS... 3 INSTALAÇÃO... 5 PAINEL TRASEIRO... 5 PAINEL FRONTAL... 6 MANUAL DE OPERAÇÃO (MENU PRINCIPAL)... 7 AJUSTE DO SISTEMA...

Leia mais

CVM-C10. Analisador de redes eléctricas com medição de energias

CVM-C10. Analisador de redes eléctricas com medição de energias CVM-C10 Analisador de redes eléctricas com medição de energias Inverter em conhecimentos produz sempre os melhores benefícios. Benjamin Franklin Um grande leque de possibilidades Preciso Preciso Intuitivo

Leia mais

Guia de Imprimir/Digitalizar Portátil para o Brother iprint&scan

Guia de Imprimir/Digitalizar Portátil para o Brother iprint&scan Guia de Imprimir/Digitalizar Portátil para o Brother iprint&scan Versão I POR Definições de notas Ao longo deste manual do utilizador, é utilizado o seguinte estilo de nota: especifica o ambiente operativo,

Leia mais

Solução integral para a administração de custos e gestão de tráfego da telefonia IP e tradicional

Solução integral para a administração de custos e gestão de tráfego da telefonia IP e tradicional Solução integral para a administração de custos e gestão de tráfego da telefonia IP e tradicional APRESENTAÇÃO EasyLynq Office EasyLynq Server Duas soluções à medida de cada empresa ou escritório O EasyLynq

Leia mais

Introdução do Sistema

Introdução do Sistema Introdução do Sistema Apenas com 2 fios (nenhuma polaridade) em toda a instalação, o sistema de 2 fios é um sistema de instalação simplificado com cablagem eléctrica mínima e características potentes.

Leia mais

PRO V2 A-105. Manuel (PT)

PRO V2 A-105. Manuel (PT) PRO V2 A-105 Manuel (PT) 2 PRO V2 A-105 Conexão dos captores Parte traseira: Magnético/Infra-vermelhos Temperatura 1 Pilha (Tipo: CR2450) RPM (Alta sensibilidade) RPM (Normal) Para substituir a pilha 3

Leia mais

DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE

DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE DATA LOGGERS USB PARA REGISTO DE TEMPERATURA E HUMIDADE AVISO PRÉVIO A partir de 1 de Janeiro de 2014 os data loggers deixam de ser fornecidos com CD-ROM com software. O software continua a ser gratuito

Leia mais