Onde estamos. Campus Santa Rita do Sapucaí MG. Escritório São Paulo SP WTC - World Trade Center - 18º andar

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Onde estamos. Campus Santa Rita do Sapucaí MG. Escritório São Paulo SP WTC - World Trade Center - 18º andar"

Transcrição

1

2 Onde estams Campus Santa Rita d Sapucaí MG Escritóri Sã Paul SP WTC - Wrld Trade Center - 18º andar

3 Santa Rita d Sapucaí MG Vale da Eletrônica +40 mil Habitantes R$ 2.7 bi Faturament d setr em prduts +150 Empresas n setr Eletreletrônic Psts de trabalh

4 Lcalizaçã Sã Paul: 224 km Campinas: 217 km Sã Jsé ds Camps: 138 km Ri de Janeir: 359 km Bel Hriznte: 403 km

5 Nssa História Década de Criaçã d Inatel cm curs de Engenharia Operacinal e psse d fundadr Jsé Ngueira Leite cm diretr d Institut Mrre Jsé Ngueira Leite e prfessr Fredmark Gnçalves Leã assume a Diretria d Inatel Inatel recebe aprte de US$ 700 mil em equipaments vinds de um cnvêni d MEC cm países d Leste Eurpeu Frmatura da primeira turma de Engenheirs de Operaçã em Telecmunicações d Inatel, cm presidente da República Marechal Artur da Csta e Silva cm paraninf Recnheciment d Curs de Engenharia Operacinal d Inatel, criaçã da fundaçã mantenedra Finatel e assinatura d cnvêni Inatel-Ericssn.

6 Nssa História Década de Psse d prfessr Luiz Gmes da Silva Júnir, que ficu cm diretr d Inatel pr quatr mandats, até Iníci d curs de Engenharia Elétrica - Opçã Eletrônica d Inatel, a Engenharia Plena Iníci d curs de cmplementaçã para s ex-aluns da Engenharia Operacinal Assinatura d cnvêni Inatel-Telemig Frmatura da primeira turma de Engenharia Plena e recnheciment d curs pel MEC Inatel e gvern de Minas assinam cnvêni para a implantaçã da retransmissã d sinal de TV de Bel Hriznte para sul d Estad.

7 Nssa História Década de Criaçã da Fetin, a Feira Tecnlógica d Inatel que reúne prjets criads pels aluns de tds s períds Criaçã d Centr de Desenvlviment de Tecnlgia d Inatel - CEDETEC, que cncentrava a parte de treinaments externs O ex-alun e prfessr Navantin Dinízi Barbsa Filh assume a direçã d Inatel Realizaçã da 1ª Feira das Indústrias de Santa Rita, n ginási d Inatel, mment que marcu lançament d Vale da Eletrônica Assinatura d cnvêni entre Inatel e Vale d Ri Dce para treinament ds técnics da cmpanhia Iníci d cnvêni entre Inatel e Banc d Brasil, que duru cerca de dis ans.

8 Nssa História Década de Psse d ex-alun e prfessr Mári August de Suza Nunes cm diretr d Inatel Criaçã d PRODEP, Prjets e Desenvlviment d Inatel Iníci d primeir curs de pós-graduaçã em Ferramentas Cmputacinais para Engenharia" Psse d ex-alun e prfessr Pedr Sergi Mnti cm diretr d Inatel, reeleit em Frmatura da primeira turma da pós-graduaçã em Engenharia de Cmunicaçã de Dads Criaçã d Núcle de Empreendedrism d Inatel.

9 Nssa História Década de Iníci d Mestrad em Telecmunicações d Inatel Criaçã d Inatel Cmpetence Center, que reuniu s diverss centrs de prestaçã de serviçs da instituiçã Abertura d prgrama scial Psse d ex-alun e prfessr Wander Wilsn Chaves cm diretr d Inatel, reeleit em Iníci d Curs Engenharia da Cmputaçã Primeira transmissã aberta de TV Digital cm sistema ttalmente nacinal, resultad das pesquisas d Inatel e Linear Realizaçã d primeir vestibular d Inatel em Angla.

10 Nssa História Década atual Iníci ds curss de Engenharia Bimédica, Tecnlgia de Redes de Cmputadres e Tecnlgia em Autmaçã Industrial Psse d ex-alun e prfessr Marcel de Oliveira Marques cm diretr d Inatel, reeleit para a gestã Inauguraçã ficial da Rádi Educativa Inatel Iníci d curs de Tecnlgia em Gestã em Telecmunicações Inatel vence Prêmi Finep de Invaçã cm a ICT mais invadra d Brasil Iníci d curs de Engenharia de Cntrle e Autmaçã Criaçã d Centr de Referência em Radicmunicações.

11 Educaçã Graduaçã Engenharia de Telecmunicações Engenharia Bimédica Engenharia de Cmputaçã Engenharia de Cntrle e Autmaçã Tecnlgia em Autmaçã Industrial Tecnlgia em Gestã de Telecmunicações Tecnlgia em Redes Pós-Graduaçã Lat Sensu Mestrad em Telecmunicações Extensã Presencial e a Distância

12 Events Incitel - Cngress de iniciaçã científica d Inatel Fetin - Apresentaçã de prjets tecnlógics de aluns IWT - Internatinal Wrkshp n Telecmmunicatins Sefitel - Seminári de Física d Inatel Semanas Temáticas - da Autmaçã (IWCA), da Cmputaçã, da Bimédica, d Empreendedr, Telecmunicações, etc Café Tecnlógic Business Day Outrs...

13 Prêmis Prêmi Nacinal de Empreendedrism Invadr 2014 ferecid pela Anprtec, na categria "Melhr Incubadra de Empresas rientada para Desenvlviment Lcal e Setrial. Prêmi da Sciedade de Engenharia de Televisã (SET) 2013 na categria "Melhr sluçã em transmissã e/u recepçã ISDB-TB" (padrã nipbrasileir de TV Digital). Prêmi Tele.Síntese Destaques Invadres 2013 O prêmi recnhece iniciativas que a lng d an se destacaram e incentivaram prcess de invaçã n Brasil. Prêmi Santander Universidades 2013 Guia d Estudante Destaques Invadres na categria Parceria cm setr privad Prêmi Finep de Invaçã 2012 Melhr Instituiçã de Ciência e Tecnlgia d Brasil. Esse prêmi é mais imprtante instrument de estímul e recnheciment à invaçã n país.

14 Atuaçã Academia Empresa Gvern Tríplice Hélice

15 ICC- Inatel Cmpetence Center Entendend que é parte fundamental n desenvlviment da invaçã para país, e a fim de ptencializar sua atuaçã, Inatel criu em 1985 a Era CDT que depis precisu alterar nme para Cedetec. Em 1990 fi criad Prdep (Centr de Desenvlviment de Prjets). Em 1993 fi criad GDS (Grup de Desenvlviment de Sftware). Em 1998 GDS, Prdep e Labratóri de Calibraçã e Ensais fram unificads n CDPC (Centr de Desenvlviment de Prjets e Cnsultria). Pr fim, em 2002 tds s centrs fram reunids n Inatel Cmpetence Center CDT (Cedetec) 1993 GDS 2002 Inatel Cmpetence Center 1990 Prdep 1998 CDPC

16 ICC - Inatel Cmpetence Center Transferência de Tecnlgia Perfeita integraçã entre tecnlgia, pesquisa, desenvlviment e Ensin. O ICC é a platafrma pela qual Inatel transfere seu cnheciment a mercad. Atendiment Persnalizad através de uma equipe especializada em Desenvlviment de Negócis, que faz a interface entre a Instituiçã e seus parceirs e clientes. Time. O ritm acadêmic e de mercad sã diferentes. O Inatel entende ist, e desenvlve prjets dentr d seu time de mercad, utilizand pdersas metdlgias de Gerenciament de Prjets. Prfissinais Dedicads Mais de 250 prfissinais dedicads full time para desenvlviment ds prjets.

17 Serviçs ICC Pesquisa e Desenvlviment Testes, Ensais e Calibraçã Educaçã Cntinuada Dcumentaçã Lab. de Hardware e Sist. Embarcads Lab. de Sftware (Web, Aplicativ, Aplicativs Móveis) Escritóri de Sluções de Telecmunicações (Sluções de Mídia, Gerenciament de Dispsitivs) Labratóri de Wireline (Sluções de Tarifaçã, Integraçã de Sistemas) Gerência de Prjet (PMBOK, Scrum) Credenciad/Acreditad pr: CGCRE (CRL 0303) MTE (REP) CONFAZ (SAT, ECF, PAF-ECF) Avaliad pela Anatel (Resluçã 442) Pós-Graduaçã Lat Sensu Extensã Presencial Extensã a Distância (EaD) Preparatóris para Certificações Capacitaçã in Cmpany Prjet Preliminar de instalaçã (PPI) Prjets Definitivs de Instalaçã (PDI) Slicitaçã de Cmpartilhament (SDC) Prjet de Instalaçã de Rádi Frequência (PIRF) Outrs...

18 Expandind as Pssibilidades - Futur Centr de Excelência em Radidifusã Digital Única instituiçã brasileira parceira da ITU - Academy A esclha ratifica Inatel a prestar serviçs de capacitaçã técnica na área para a Internatinal Telecmmunicatin Unin e seus membrs Centr de Referência em Radicmunicações Pesquisas apiadas pel Minicm e pela FINEP visand a Transferência de Tecnlgia para empresas nas seguintes áreas: Rádi enlaces de lng alcance e grande capacidade Enlaces de cmunicaçã via satélite Acess banda larga sem fi Redes de 5ª Geraçã

19 Labratóri de Inteligência Gegráfica & Parceria

20

21 Carls Nazareth Mtta Marins Vice-diretr Inatel

INSTITUTO DE EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO DE SAÚDE IEES. Excelência na Formação através da Experiência e Aplicação MARKETING FARMACÊUTICO PRÁTICO

INSTITUTO DE EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO DE SAÚDE IEES. Excelência na Formação através da Experiência e Aplicação MARKETING FARMACÊUTICO PRÁTICO E IEES I EDUCAÇÃO DE SAÚDE INSTITUTO DE EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO DE SAÚDE IEES Excelência na Frmaçã através da Experiência e Aplicaçã MARKETING FARMACÊUTICO PRÁTICO 1.CARGA HORÁRIA 32 Hras 2.DATA E LOCAL

Leia mais

CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE

CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE CAPACITAÇÃO EM SIMULAÇÃO PARA O MUNDO REAL DA SAÚDE Institut Instituiçã fcada na geraçã de sluções para a implementaçã e gestã pedagógica de Núcles de Treinament e Capacitaçã de prfissinais e acadêmics

Leia mais

1ª EDIÇÃO. Regulamento

1ª EDIÇÃO. Regulamento 1ª EDIÇÃO Regulament 1. OBJETIVO O Prêmi BRASILIDADE é uma iniciativa d Serviç de Api às Micr e Pequenas Empresas n Estad d Ri de Janeir SEBRAE/RJ, idealizad pr Izabella Figueired Braunschweiger e cm a

Leia mais

Principais Informações

Principais Informações Principais Infrmações Quem é Benefix Sistemas? Frmada pr ex-executivs e equipe de tecnlgia da Xerx d Brasil, que desenvlvem e suprtam sluções e estratégias invadras para setr públic, especializada dcuments

Leia mais

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO

REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO REP REGISTO DOS PROFISSIONAIS DO EXERCICIO Um prject eurpeu em clabraçã cm a EHFA Eurpean Health and Fitness Assciatin, cm sede em Bruxelas Regist ds Prfissinais Intrduçã Estams numa fase em que a Tutela

Leia mais

Antropologia do Consumo no Marketing

Antropologia do Consumo no Marketing Antrplgia d Cnsum n Marketing Objetivs Demnstrar cm as influências culturais estã relacinadas cm s hábits de cnsum, a relaçã cm as Marcas e cmprtament de cmpra, evidenciand assim, prcess fundamental para

Leia mais

FORMULÁRIO COLETA CAPES DISCENTE 2013

FORMULÁRIO COLETA CAPES DISCENTE 2013 FORMULÁRIO COLETA CAPES DISCENTE 2013 Este frmulári deve ser preenchid pr tds s aluns matriculads n Mestrad em Atençã à Saúde n an de 2013. Os dads servirã para atualizar, n Cleta Capes, as atividades

Leia mais

Plano de curso Planejamento e Controle da Manutenção de Máquinas e Equipamentos

Plano de curso Planejamento e Controle da Manutenção de Máquinas e Equipamentos PLANO DE CURSO MSOBRPCMME PAG1 Plan de curs Planejament e Cntrle da Manutençã de Máquinas e Equipaments Justificativa d curs Nã é fácil encntrar uma definiçã cmpleta para Gestã da manutençã de máquinas

Leia mais

MASTERCOMP ESCOLA DE INFORMÁTICA

MASTERCOMP ESCOLA DE INFORMÁTICA www.mastercmp.net 1 www.mastercmp.net www.mastercmp.net INFORMAÇO ES ADICIONAIS DO CURSO DE PROMODEL E MS PROJECT Prgramaçã: Carga hrária: 32 Hras Lcal: Sã Sebastiã d Paraís MG Prgramas usads n curs: MS

Leia mais

FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE

FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE FRWTC-200 INTRODUÇÃO JAVA SE SOBRE A FRAMEWORK A Framewrk (www.frwtc.cm) atua diretamente cm prfissinais d segment de tecnlgia em busca de capacitaçã, atualizaçã e certificaçã, curss IN-COMPANY persnalizads

Leia mais

RELATÓRIO E VOTO FUNDAMENTADA

RELATÓRIO E VOTO FUNDAMENTADA Órgã Plenári Prcess nº 104.061/2.013 Assunt Recadastrament da Instituiçã de Ensin e d Curs de Engenharia de Cntrle e Autmaçã Interessad IFG Institut Federal de Ciência e Tecnlgia de Giás - Giânia-G Lcal

Leia mais

A UERGS E O PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

A UERGS E O PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS A UERGS E O PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS O Prgrama Ciência sem Frnteiras, lançad n dia 26 de julh de 2011, é um prgrama d Gvern Federal que busca prmver a cnslidaçã, a expansã e a internacinalizaçã

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO II PROJETO BÁSICO: JORNADA AGIR 1. Históric da Jrnada AGIR Ns ambientes crprativs atuais, a adçã de um mdel de gestã integrada é uma decisã estratégica n api às tmadas

Leia mais

III.3. SISTEMAS HÍBRIDOS FIBRA/COAXIAL (HFC)

III.3. SISTEMAS HÍBRIDOS FIBRA/COAXIAL (HFC) 1 III.3. SISTEMAS HÍBRIDOS FIBRA/COAXIAL (HFC) III.3.1. DEFINIÇÃO A tecnlgia HFC refere-se a qualquer cnfiguraçã de fibra ótica e cab caxial que é usada para distribuiçã lcal de serviçs de cmunicaçã faixa

Leia mais

Plano de Estudos do Curso de Licenciatura em Engenharia Electrotécnica Electrónica e Computadores; Ramo: Automação e Sistemas

Plano de Estudos do Curso de Licenciatura em Engenharia Electrotécnica Electrónica e Computadores; Ramo: Automação e Sistemas Área de Especializaçã: Autmaçã e Sistemas Licenciatura em Engenharia Electrtécnica Electrónica e Cmputadres; Ram: Autmaçã e Sistemas Cmpetências An / Semestre Interligaçã e Gestã de Redes Interligaçã e

Leia mais

DIRETORIA DE UNIDADE COORDENAÇÃO DE CURSOS

DIRETORIA DE UNIDADE COORDENAÇÃO DE CURSOS DIRETORIA DE UNIDADE COORDENAÇÃO DE CURSOS PROJETO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (X) PROJETO DE PESQUISA PROJETO DE EXTENSÃO Acadêmic ; Scial PROJETO DE INTERDISCIPLINARIDADE

Leia mais

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso

Regulamento para realização do Trabalho de Conclusão de Curso Universidade Federal d Ceará Campus de Sbral Curs de Engenharia da Cmputaçã Regulament para realizaçã d Trabalh de Cnclusã de Curs Intrduçã Este dcument estabelece as regras básicas para funcinament das

Leia mais

Planejamento Estratégico

Planejamento Estratégico As sluções em Mbilidade Urbana da Fundatec têm cm fc sistemas inteligentes que agregam cnceits e métds através de atuaçã multidisciplinar e trazem knw hw internacinal para aplicar em melhrias das infraestruturas

Leia mais

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30)

PIM TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE REDES DE COMPUTADORES (GR3P30) UNIP Brasília - Crdenaçã CG/CW/GR/AD Senhres Aluns, Seguem infrmações imprtantes sbre PIM: 1. O QUE É? - Os PIM (Prjet Integrad Multidisciplinar) sã prjets brigatóris realizads els aluns ds curss de graduaçã

Leia mais

Dados Gerais. Código / Nome do Curso. 196 / Escola de Gestores- Curso de Especialização em Gestão Escolar. Gestão Educacional

Dados Gerais. Código / Nome do Curso. 196 / Escola de Gestores- Curso de Especialização em Gestão Escolar. Gestão Educacional Códig / Nme d Curs Status Códig - Área Subárea Especialida Dads Gerais 196 / Escla Gestres- Curs Especializaçã em Gestã Esclar Ativ 49 / Educaçã Gestã Educacinal Gestã Esclar Nivel d Curs Especializaçã

Leia mais

Academia FI Finanças

Academia FI Finanças Academia FI Finanças A Academia é melhr caminh para especializaçã dentr de um tema n ERP da SAP. Para quem busca uma frmaçã cm certificaçã em finanças, mais indicad é participar da próxima Academia de

Leia mais

VERSÃO ATUALIZADA EM 07/08/2015 > Alteração no cronograma (Art. 6º e Art. 12º).

VERSÃO ATUALIZADA EM 07/08/2015 > Alteração no cronograma (Art. 6º e Art. 12º). VERSÃO ATUALIZADA EM 07/08/2015 > Alteraçã n crngrama (Art. 6º e Art. 12º). APRESENTAÇÃO Idealizad e instituíd pela Assciaçã Nacinal de Entidades Prmtras de Empreendiments Invadres (Anprtec), em parceria

Leia mais

Seminário Pontificia Universidade Católica do Rio Grande do Sul PUCRS 20 a 22 de Outubro de 2014. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

Seminário Pontificia Universidade Católica do Rio Grande do Sul PUCRS 20 a 22 de Outubro de 2014. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação Seminári Pntificia Universidade Católica d Ri Grande d Sul PUCRS 20 a 22 de Outubr de 2014 Ministéri da Ciência, Tecnlgia e Invaçã ÍNDICE Cm funcina CNPq? Sistema de Avaliaçã Prjets e Blsas. Platafrmas

Leia mais

Everton Saulo Silveira

Everton Saulo Silveira Evertn Saul Silveira 2014 Curriculum Vitae Endereç: Rua Brges Hermidas, 115 Casa 09 Majr Prates E-mails: saul997@yah.cm.br, evertn.silveira@sebraemg.cm.br Celular: (38) 9109-2050 9913-8705 CPF: 053.678.036-60

Leia mais

As ferramentas SIG na análise e planeamento da inclusão. João Pereira Santos

As ferramentas SIG na análise e planeamento da inclusão. João Pereira Santos As ferramentas SIG na análise e planeament da inclusã Jã Pereira Sants 1 Agenda Apresentaçã Intergraph Evluçã SIGs Prjects SIGs Exempls Questões 2 Apresentaçã Intergraph Fundada em 1969, cm nme de M&S

Leia mais

Objetivos. A quem se destina. Programa. Comportamento de Compra do Shopper. Natureza da compra. Lógica de escolha. Compras planejadas e não planejadas

Objetivos. A quem se destina. Programa. Comportamento de Compra do Shopper. Natureza da compra. Lógica de escolha. Compras planejadas e não planejadas Sluções in Stre Objetivs Evidenciar s pilares fundamentais para desenvlviment de um trabalh cm categrias e marcas n Pnt de Venda, munind s participantes de infrmações que permitam cnhecer shpper e sua

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO DE INICIAÇÃO PROFISSIONAL Intrduçã O presente Regulament cnstitui um dcument intern d curs de Ciências Cntábeis e tem pr bjetiv reger as atividades relativas a Estági de Iniciaçã

Leia mais

Os novos usos da tecnologia da informação nas empresas Sistemas de Informação

Os novos usos da tecnologia da informação nas empresas Sistemas de Informação Os nvs uss da tecnlgia da infrmaçã nas empresas Sistemas de Infrmaçã Prf. Marcel da Silveira Siedler siedler@gmail.cm SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS Planejament

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Faculdade de Tecnlgia SENAI Flrianóplis e Faculdade de Tecnlgia SENAI Jaraguá d Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduaçã Lat Sensu MBA em Gestã de Prjets A Faculdade de Tecnlgia SENAI/SC em Flrianóplis

Leia mais

Gabinete de Serviço Social

Gabinete de Serviço Social Gabinete de Serviç Scial Plan de Actividades 2009/10 Frmar hmens e mulheres para s utrs Despertar interesse pel vluntariad Experimentar a slidariedade Educaçã acessível a tds Precupaçã particular pels

Leia mais

PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO CURSOS: Eletrônica, Informática, Mecânica, Mecatrônica, Química e Petróleo e Gás

PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO CURSOS: Eletrônica, Informática, Mecânica, Mecatrônica, Química e Petróleo e Gás PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO CURSOS: Eletrônica, Infrmática, Mecânica, Mecatrônica, Química e Petróle e Gás Objetiv: Elabrar e desenvlver um prjet na área prfissinal,

Leia mais

MARCELLO VIEIRA LASNEAUX

MARCELLO VIEIRA LASNEAUX MARCELLO VIEIRA LASNEAUX RESUMO DAS QUALIFICAÇÕES Cnheciment de diversas áreas de bilgia, grande experiência cm prfessr de ensin básic, ratória, capacidade de trabalhs interdisciplinares, gestã, crdenaçã,

Leia mais

Proposta. Treinamento Lean Thinking Mentalidade Enxuta. Apresentação Executiva

Proposta. Treinamento Lean Thinking Mentalidade Enxuta. Apresentação Executiva Treinament Lean Thinking Mentalidade Enxuta www.masterhuse.cm.br Prpsta Cm Treinament Lean Thinking Mentalidade Enxuta Apresentaçã Executiva Treinament Lean Thinking Mentalidade Enxuta Cpyright 2011-2012

Leia mais

é a introdução de algo novo, que atua como um vetor para o desenvolvimento humano e melhoria da qualidade de vida

é a introdução de algo novo, que atua como um vetor para o desenvolvimento humano e melhoria da qualidade de vida O que é invaçã? Para a atividade humana: é a intrduçã de alg nv, que atua cm um vetr para desenvlviment human e melhria da qualidade de vida Para as empresas: invar significa intrduzir alg nv u mdificar

Leia mais

FUNDAÇÃO CHAMPAGNAT RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2014

FUNDAÇÃO CHAMPAGNAT RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2014 FUNDAÇÃO CHAMPAGNAT RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2014 Març 2015 FUNDAÇÃO CHAMPAGNAT MORADA Estrada de Benfica, nº 372 - Lisba Tel./Fax. 217780073 Email funda_champagnat@maristascmpstela.rg Índice I. Intrduçã.1

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS CST em Análise e Desenvlviment de Sistemas 3ª série Fundaments de Sistemas Operacinais A atividade prática supervisinada (ATPS) é um métd de ensinaprendizagem desenvlvid

Leia mais

LII RECyT/REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA TECNOLOGIA DO MERCOSUL/WORKSHOP RECyT E AGÊNCIAS DE FOMENTO. Brasília, Brasil, 17 de junho de 2015.

LII RECyT/REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA TECNOLOGIA DO MERCOSUL/WORKSHOP RECyT E AGÊNCIAS DE FOMENTO. Brasília, Brasil, 17 de junho de 2015. LII RECyT/REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA TECNOLOGIA DO MERCOSUL/WORKSHOP RECyT E AGÊNCIAS DE FOMENTO Brasília, Brasil, 17 de junh de 2015. Reuniu-se na cidade de Brasília, n dia 17 de junh de 2015 s

Leia mais

Anexo V. Software de Registro Eletrônico em Saúde. Implantação em 2 (duas) Unidades de Saúde

Anexo V. Software de Registro Eletrônico em Saúde. Implantação em 2 (duas) Unidades de Saúde Anex V Sftware de Registr Eletrônic em Saúde Implantaçã em 2 (duas) Unidades de Saúde Índice 1 INTRODUÇÃO... 3 2 ESTRATÉGIAS E PROCEDIMENTOS DE IMPLANTAÇÃO... 3 4 INFRAESTRUTURA NAS UNIDADES DE SAÚDE -

Leia mais

1. Objetivo Geral. Página 1 de 5 CURSO LEADER COACH BELÉM. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi

1. Objetivo Geral. Página 1 de 5 CURSO LEADER COACH BELÉM. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi O país d futur parece estar chegand para muits brasileirs que investiram em qualidade e prdutividade prfissinal, empresarial e pessal ns últims ans. O gigante adrmecid parece estar despertand. Dads d Centr

Leia mais

Global Knowledge Portugal

Global Knowledge Portugal Glbal Knwledge Prtugal Quem é a Glbal Knwledge? A Glbal Knwledge é a empresa líder a nível mundial em frmaçã IT & Business Skills Adaptam-ns às necessidades ds nsss clientes ministrams curriculum cmplet

Leia mais

Projetos, Programas e Portfólios

Projetos, Programas e Portfólios Prjets, Prgramas e Prtfólis pr Juliana Klb em julianaklb.cm Prjet Segund PMBOK (2008): um prjet é um esfrç temprári empreendid para criar um nv prdut, serviç u resultad exclusiv. Esta definiçã, apesar

Leia mais

Plano de Assessoria de Comunicação do Projeto de Estágio e Empregabilidade - PROJEM

Plano de Assessoria de Comunicação do Projeto de Estágio e Empregabilidade - PROJEM XX Prêmi Expcm 2013 Expsiçã da Pesquisa Experimental em Cmunicaçã Plan de Assessria de Cmunicaçã d Prjet de Estági e Empregabilidade - PROJEM August Sares de Mel e SOUZA 1 Felipe de Oliveira TODESCHINI

Leia mais

Cursos Profissionais de Nível Secundário (Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março)

Cursos Profissionais de Nível Secundário (Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março) REFERENCIAL DE FORMAÇÃO Curss Prfissinais de Nível Secundári (Decret-Lei n.º 74/2004, de 26 de Març) Família Prfissinal: 07 - Infrmática 1. QUALIFICAÇÕES / SAÍDAS PROFISSIONAIS As qualificações de nível

Leia mais

WORKSHOP ANCORD AUTORREGULAÇÃO ABERTURA

WORKSHOP ANCORD AUTORREGULAÇÃO ABERTURA Organizaçã: Parceria: I WORKSHOP ANCORD AUTORREGULAÇÃO ABERTURA EXAMES DE CERTIFICAÇÃO DE AGENTES AUTÔNOMOS DE INVESTIMENTO A ANCORD já certificu mais de 14.000 Agentes Autônms de Investiment. Obs.: A

Leia mais

Situação Atual da EFTP no Afeganistão

Situação Atual da EFTP no Afeganistão Data: 8 de mai de 2015 Situaçã Atual da EFTP n Afeganistã Dr. Enayatullah Mayel Diretr Executiv d Prgrama Prgrama Nacinal de Desenvlviment de Cmpetências Ministéri d Trabalh, Assunts Sciais, Mártires e

Leia mais

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO

CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO Cnteúd prgramátic CURSO PREPARATÓRIO PARA CERTIFICAÇÃO Este é cnteúd prgramátic d curs preparatóri n nv prgrama CDO-0001 para a certificaçã CmpTIA CDIA+. CONCEITUAL ECM Apresentaçã ds cnceits envlvids

Leia mais

POR UMA GEOGRAFIA MELHOR

POR UMA GEOGRAFIA MELHOR LISTA CANDIDATA ÀS ELEIÇÕES PARA OS CORPOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE GEÓGRAFOS BIÉNIO 2006-2008 POR UMA GEOGRAFIA MELHOR Assembleia Geral Presidente Jsé Albert Ri Fernandes (FL, Universidade

Leia mais

A Estratégia do Tribunal de Justiça do Rio Grande Do Sul

A Estratégia do Tribunal de Justiça do Rio Grande Do Sul A Estratégia d Tribunal de Justiça d Ri Grande D Sul PODER JUDICIÁRIO Missã: De acrd cm fundament d Estad, Pder Judiciári tem a Missã de, perante a sciedade, prestar a tutela jurisdicinal, a tds e a cada

Leia mais

PARCERIA PÚBLICO PRIVADA SETOR HABITACIONAL JARDINS MANGUEIRAL

PARCERIA PÚBLICO PRIVADA SETOR HABITACIONAL JARDINS MANGUEIRAL PARCERIA PÚBLICO PRIVADA SETOR HABITACIONAL JARDINS MANGUEIRAL Jardins Mangueiral Primeira Parceria Públic-Privada d Brasil Jardins Mangueiral Famílias beneficiadas: 8.000. Casas de dis e três quarts

Leia mais

INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO

INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO INTRODUÇÃO A LOGICA DE PROGRAMAÇÃO A Lógica de Prgramaçã é necessária à tdas as pessas que ingressam u pretendem ingressar na área de Tecnlgia da Infrmaçã, send cm prgramadr, analista de sistemas u suprte.

Leia mais

Miguel Borges Petrobras/Cenpes

Miguel Borges Petrobras/Cenpes Miguel Brges Petrbras/Cenpes Agenda Intrduçã ( que é LEAD) O prquê d LEAD Objetivs Plan de Atividades Lcalizaçã Estrutura Física (Fase I) Atividades Cncluídas e em Andament Imagens das Fases I e II Intrduçã

Leia mais

PORTFÓLIO FELCO FALEIROS PROJETOS E CONSULTORIA EM ENGENHARIA LTDA. EPP

PORTFÓLIO FELCO FALEIROS PROJETOS E CONSULTORIA EM ENGENHARIA LTDA. EPP PORTFÓLIO FELCO FALEIROS PROJETOS E CONSULTORIA EM ENGENHARIA LTDA. EPP 2015 FELCO FALEIROS PROJETOS E CONSULTORIA EM ENGENHARIA LTDA. EPP A Felc Faleirs () é uma empresa prestadra de serviçs técnics cnsultivs

Leia mais

Modelagem, qualificação e distribuição em um padrão para geoinformações

Modelagem, qualificação e distribuição em um padrão para geoinformações Mdelagem, qualificaçã e distribuiçã em um padrã para geinfrmações Julia Peixt 14h, 14 de junh de 2010. Mtivaçã Acerv de dads desde 1994 em diferentes áreas de pesquisa; Muitas pessas fazend muits trabalhs

Leia mais

Prefeitura Municipal de Belo Horizonte Vox Mercado Pesquisa e Projetos Ltda. Dados da organização

Prefeitura Municipal de Belo Horizonte Vox Mercado Pesquisa e Projetos Ltda. Dados da organização Data de elabraçã da ficha: Jun 2007 Prefeitura Municipal de Bel Hriznte Vx Mercad Pesquisa e Prjets Ltda. Dads da rganizaçã Nme: Prefeitura Municipal de Bel Hriznte Endereç: Av. Afns Pena, 1212 - Cep.

Leia mais

PÓS-DOUTORADO EM PSICOLOGIA

PÓS-DOUTORADO EM PSICOLOGIA PÓS-DOUTORADO EM PSICOLOGIA INSCRIÇÕES: 2015 UNIVERSIDADE COMPROMETIDA COM A QUALIDADE: UK - Universidad Argentina Jhn F. Kennedy Prestígi, Experiência e Alt Nível Acadêmic. Validade Nacinal Autrizada

Leia mais

III Jornadas de Cooperação no Sector de Saúde em Moçambique. Planificação no Sector da Saude em Moçambique

III Jornadas de Cooperação no Sector de Saúde em Moçambique. Planificação no Sector da Saude em Moçambique III Jrnadas de Cperaçã n Sectr de Saúde em Mçambique Planificaçã n Sectr da Saude em Mçambique Maput, Març de 2013 INTRODUÇÃO E ENQUADRAMENTO # Jrnadas de Cperaçã d Sectr da Saúde cnstituem um event anual:

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS. Uma visão geral Baseado nas diretrizes do PMI

GESTÃO DE PROJETOS. Uma visão geral Baseado nas diretrizes do PMI GESTÃO DE PROJETOS Uma visã geral Bead n diretrizes d PMI 1 Intrduçã Objetiv da Apresentaçã O bjetiv é frnecer uma visã geral ds prcesss de Gestã de Prjets aplicads à Gestã de Empreendiments. O que é Prjet?

Leia mais

PROGRAMAS/PROJECTOS. Indicador de Avaliaçã o. Programa /Projecto Objectivo Resultado

PROGRAMAS/PROJECTOS. Indicador de Avaliaçã o. Programa /Projecto Objectivo Resultado PROGRAMAS/PROJECTOS Prgrama /Prject Objectiv Resultad Indicadr de 1. Prgrama - Inserçã de Jvens na Vida Activa em particular s Candidats a Primeir Empreg Prmçã da inserçã de jvens n mercad de trabalh e

Leia mais

Para você que procura o máximo em atendimento!

Para você que procura o máximo em atendimento! Para vcê que prcura máxim em atendiment! Sftware de Gestã Cnsultria em T.I. Manutençã de Equipaments Redes Hspedagem de Sistemas Web Design Distribuidra de Infrmática Nssa Empresa Para vcê que prcura máxim

Leia mais

PROCESSO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE DO GRUPO HISPASAT

PROCESSO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE DO GRUPO HISPASAT PROCESSO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE DO GRUPO HISPASAT GRUPO HISPASAT Mai de 2014 PRIVADO PRIVADO E CONFIDENCIAL E Dcument Dcument prpriedade prpriedade HISPASAT,S.A. da 1 Prcess de atendiment a cliente

Leia mais

CURSO NOVA NBR 5419 Proteção contra Descargas Atmosféricas

CURSO NOVA NBR 5419 Proteção contra Descargas Atmosféricas CURSO NOVA NBR 5419 Prteçã cntra Descargas Atmsféricas Públic alv: Engenheirs eletricistas e eletrônics, técnics em eletricidade, prje6stas de sistemas elétrics, eletrônics, de telecmunicações e de cntrle

Leia mais

1 Institucional. 1.1 Sobre a Vensis. 1.2 Missão, Políticas e Valores. 1.2.1 Missão. 1.2.2 Política da Qualidade

1 Institucional. 1.1 Sobre a Vensis. 1.2 Missão, Políticas e Valores. 1.2.1 Missão. 1.2.2 Política da Qualidade Institucinal 1 Institucinal 1.1 Sbre a Vensis A Vensis é uma empresa especializada n desenvlviment de sluções integradas para gestã de empresas. Atuand n mercad de tecnlgia da infrmaçã desde 1998, a empresa

Leia mais

CURSO COMPLETO SOBRE O NOVO SISTEMA TESOURO GERENCIAL

CURSO COMPLETO SOBRE O NOVO SISTEMA TESOURO GERENCIAL CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO CURSO COMPLETO SOBRE O NOVO SISTEMA TESOURO GERENCIAL Carga Hrária: 16 hras/atividade Hrári: 8h30 às 18h (cm interval para almç) Brasília, 26 e 27 de nvembr de 2015

Leia mais

Regulamento da Feira de Ciência

Regulamento da Feira de Ciência Regulament da Feira de Ciência A Feira A Feira de Ciência é um é um prject rganizad pel Núcle de Física d Institut Superir Técnic (NFIST). Esta actividade cnsiste em desenvlver um prject científic pr um

Leia mais

Plano de Gestão Chapa 2

Plano de Gestão Chapa 2 Plan de Gestã Chapa 2 CONSOLIDAR E FORTALECER OS PILARES DA UNIVERSIDADE, O ENSINO, A PESQUISA E A EXTENSÃO, COM AÇÕES QUE VISEM À MELHORIA DO APRENDIZADO E AS CONDIÇÕES DE TRABALHO, EM TODOS OS CURSOS

Leia mais

PROPOSTA DE DESENVOLVIMENTO

PROPOSTA DE DESENVOLVIMENTO R.M. Infrmática Cmérci e Serviç Ltda CNPJ: 04.831.742/0001-10 Av. Rdrig Otávi, 1866, Módul 22 Distrit Industrial - Manaus - AM Tel./Fax (92) 3216-3884 http://www.amaznit.cm.br e-mail: amaznit@amaznit.cm.br

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Econômico Regional e Local dos Municípios do Pontal do Paranapanema

Plano de Desenvolvimento Econômico Regional e Local dos Municípios do Pontal do Paranapanema Plan de Desenvlviment Ecnômic Reginal e Lcal ds Municípis d Pntal d Paranapanema 1ª Etapa Diagnóstic Ecnômic e Definiçã de Cenáris Apresentaçã as municípis 20/08/2014 Cnvêni: Elabraçã: Plan de Desenvlviment

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO

Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis e Faculdade de Tecnologia SENAI Jaraguá do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Faculdade de Tecnlgia SENAI Flrianóplis e Faculdade de Tecnlgia SENAI Jaraguá d Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduaçã Lat Sensu em Gestã da Segurança da Infrmaçã em Redes de Cmputadres A Faculdade

Leia mais

táxis compartilhados Shared-transport / Shared-taxi

táxis compartilhados Shared-transport / Shared-taxi Benefícis ds serviçs de transprte de táxis cmpartilhads Shared-transprt / Shared-taxi Reuniã de Especialistas sbre Transprte Urban Sustentável: Mdernizand e Trnand Eclógicas as Frtas de Táxis nas Cidades

Leia mais

Mestrado em Sistemas de Informação

Mestrado em Sistemas de Informação U n i v e r s i d a d e d M i n h Departament de Sistemas de Infrmaçã Mestrad em Sistemas de Infrmaçã 2003/2005 Tecnlgias de Streaming em Cntexts de Aprendizagem Sb a rientaçã d Prfessr Dutr Henrique Sants

Leia mais

III Seminário do Agronegócio. Financiamento e Marketing 24 e 25 de novembro de 2005 Auditório da Biblioteca Central Universidade Federal de Viçosa

III Seminário do Agronegócio. Financiamento e Marketing 24 e 25 de novembro de 2005 Auditório da Biblioteca Central Universidade Federal de Viçosa III Seminári d Agrnegóci Financiament e Marketing 24 e 25 de nvembr de 2005 Auditóri da Bibliteca Central Universidade Federal de Viçsa RELATÓRIO FINAL O EVENTO O III Seminári d Agrnegóci fi realizad dias

Leia mais

Apresentação do Curso

Apresentação do Curso At endi m ent acl i ent e Apr es ent aç ãdc ur s Apresentaçã d Curs O curs Atendiment a Cliente fi elabrad cm bjetiv de criar cndições para que vcê desenvlva cmpetências para: Identificar s aspects que

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009 Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( )

PLANO DE ENSINO 2009 Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médi PLANO DE ENSINO 2009 Médi Prfissinalizante ( ) Prfissinalizante ( ) Graduaçã ( x ) Pós-graduaçã ( ) I. Dads Identificadres Curs Superir de Tecnlgia em Gestã Ambiental

Leia mais

PROGRAMA DE AÇÃO PARA O ANO 2016

PROGRAMA DE AÇÃO PARA O ANO 2016 PROGRAMA DE AÇÃO PARA O ANO 2016 Tend presente a Missã da Federaçã Prtuguesa de Autism: Defesa incndicinal ds direits das pessas cm Perturbações d Espectr d Autism e suas famílias u representantes. Representaçã

Leia mais

Uma nova proposta para a Agenda Ambiental Portuária

Uma nova proposta para a Agenda Ambiental Portuária Uma nva prpsta para a Agenda Ambiental Prtuária Marcs Maia Prt Gerente de Mei Ambiente O grande desafi a tratar cm as questões ambientais prtuárias é bter um resultad equilibrad que harmnize s cnflits

Leia mais

Apresentação das secções. Secção de Sistemas Digitais e Percepcionais (SSDP)

Apresentação das secções. Secção de Sistemas Digitais e Percepcionais (SSDP) Apresentaçã das secções Secçã de Sistemas Digitais e Percepcinais (SSDP) Linha A Frmaçã em Sistemas Digitais e Sensriais Linha B Frmaçã Prcessament e Integraçã de Infrmaçã Departament de Engenharia Electrtécnica

Leia mais

WEB MANAGER. Conhecendo o Web Manager!

WEB MANAGER. Conhecendo o Web Manager! WEB MANAGER Cnhecend Web Manager! O Web Manager é uma pdersa ferramenta para gestã de Sites, prtais, intranets, extranets e htsites. Cm ela é pssível gerenciar ttalmente seus ambientes web. Integrad ttalmente

Leia mais

Perguntas frequentes sobre o Programa Banda Larga nas Escolas

Perguntas frequentes sobre o Programa Banda Larga nas Escolas Perguntas frequentes sbre Prgrama Banda Larga nas Esclas 1. Qual bjetiv d Prgrama Banda Larga nas Esclas? O Prgrama Banda Larga nas Esclas tem cm bjetiv cnectar tdas as esclas públicas à internet, rede

Leia mais

METAS DE COMPREENSÃO:

METAS DE COMPREENSÃO: 1. TÓPICO GERADOR: Vivend n sécul XXI e pensand n futur. 2. METAS DE COMPREENSÃO: Essa atividade deverá ter cm meta que s aluns cmpreendam: cm se cnstrói saber científic; cm as áreas d saber estã inter-relacinadas

Leia mais

(1) (2) (3) Estágio II Semestral 6 Inovação e Desenvolvimento de Produtos Turísticos

(1) (2) (3) Estágio II Semestral 6 Inovação e Desenvolvimento de Produtos Turísticos Estági II Semestral 6 Invaçã e Desenvlviment de Prduts Turístics Desenvlviment e Operacinalizaçã de Prjects Turístics Inglês Técnic IV Legislaçã e Ética d Turism Opçã Semestral 4 6/6 Sistemas de Infrmaçã

Leia mais

PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO DE 2014 CURSO: GESTÃO EMPRESARIAL

PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO DE 2014 CURSO: GESTÃO EMPRESARIAL PROJETO 22ª MOSTRA ESTUDANTIL TECNOLÓGICA Dias 22 e 23 DE OUTUBRO DE 2014 CURSO: GESTÃO EMPRESARIAL Objetivs: Gestã Empresarial Desenvlver cmpetências para atuar n gerenciament de prjets, prestand cnsultria

Leia mais

MAGDA FERREIRA DA FONTE

MAGDA FERREIRA DA FONTE MAGDA FERREIRA DA FONTE CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS Nme E-mail Nacinalidade Magda Ferreira da Fnte magda.fnte@reitria.ulisba.pt Prtuguesa FORMAÇÃO ACADÉMICA Nvembr de 2014 Estudante de Dutrament na

Leia mais

Serviços. Consultoria Treinamento Logís5ca Reversa

Serviços. Consultoria Treinamento Logís5ca Reversa Serviçs Cnsultria Treinament Lgís5ca Reversa Cnsul'ng Prjets de Supply Chain Implementaçã de Sistemas Lgís5cs Diagnós5c Operacinal Oprtunidades de Reduçã de Cust Reestruturaçã de Operações Lgís5ca Internacinal

Leia mais

Manual de Procedimentos

Manual de Procedimentos Manual de Prcediments Prcediments para Submissã de Prjets de MDL à Cmissã Interministerial de Mudança Glbal d Clima Secretaria Executiva Cmissã Interministerial de Mudança Glbal d Clima Prcediments para

Leia mais

PLATAFORMA EMPRESAS PELO CLIMA

PLATAFORMA EMPRESAS PELO CLIMA PLATAFORMA EMPRESAS PELO CLIMA CAMINHO PARA ELABORAÇÃO DE AGENDAS EMPRESARIAIS EM ADAPTAÇÃO ÀS MUDANÇAS DO CLIMA Prpsta de Framewrk Resultad d diálg crrid em 26 de junh de 2013, n Fórum Latin-American

Leia mais

(X) Acompanhamento ( ) Revisão ( ) Mudança ( ) Outro. 2. Participantes Nome Unidade e-mail Assinatura Lista Impressa e Assinada

(X) Acompanhamento ( ) Revisão ( ) Mudança ( ) Outro. 2. Participantes Nome Unidade e-mail Assinatura Lista Impressa e Assinada Ata de Reuniã 1. DADOS GERAIS Prjet/demanda Reuniã Mensal de Status Reprt de Prjets Identificadr Data 26/03/14 Unidade Mtiv (X) Acmpanhament ( ) Revisã ( ) Mudança ( ) Outr 2. Participantes Nme Unidade

Leia mais

GESTÃO DE LABORATÓRIOS

GESTÃO DE LABORATÓRIOS Seminári Luanda, 26,27,28,29 e 30 de Mai de 2014 - Htel **** Guia Prática GESTÃO DE LABORATÓRIOS Finanças Assegure uma gestã eficaz de tdas as áreas 40 hras de Frmaçã Especializada Cnceits ecnómic-financeirs

Leia mais

Pós-graduação. em Negócios e Marketing de Moda

Pós-graduação. em Negócios e Marketing de Moda Pós-graduaçã em Negócis e Marketing de Mda Pós-graduaçã em Negócis e Marketing de Mda Intrduçã A Faculdade Santa Marcelina é recnhecida nacinalmente pel seu pineirism pr lançar a primeira graduaçã de mda

Leia mais

FICHA INFORMATIVA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GRANDES PROJETOS KNX: OPC, BMS e SCADAS

FICHA INFORMATIVA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GRANDES PROJETOS KNX: OPC, BMS e SCADAS INFORMAÇÕES SOBRE O CURSO Títul: OPC, BMS E SCADAS Mdalidade: X Presencial A Distância Mista PRESENCIAL: TOTAL 19,5 Teóricas 9 Práticas 10,5 A DISTÂNCIA: TOTAL Aulas Presenciais Aulas a distância MISTA:

Leia mais

ROTEIRO DE PROJETOS. 6 Email: Pirilampo.sede@hotmail.com

ROTEIRO DE PROJETOS. 6 Email: Pirilampo.sede@hotmail.com ATENÇÃO: Este frmulári cntém rientações quant a preenchiment de cada camp. Após preenchiment, excluir as rientações que aparecem em clchetes ([]). I. INFORMAÇÃO SOBRE A ORGANIZACAO RESPONSÁVEL PELO PROJETO

Leia mais

Florianópolis, 25 de janeiro de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017

Florianópolis, 25 de janeiro de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017 Flrianóplis, 25 de janeir de 2016 EDITAL PARA CANDIDATURA À SEDE DO 6º ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL 2017 1) Cnsiderações Gerais: A Federaçã Nacinal ds Estudantes de Engenharia Civil

Leia mais

MODALIDADE DE FORMAÇÃO

MODALIDADE DE FORMAÇÃO CURSO 7855 PLANO DE NEGÓCIO - CRIAÇÃO DE PEQUENOS E MÉDIOS NEGÓCIOS Iníci ------ Duraçã 50h Hrári(s) ------ OBJECTIVOS GERAIS - Identificar s principais métds e técnicas de gestã d temp e d trabalh. -

Leia mais

Da Declaração à Ação dos Vários Interessados Diretos Primeira reunião do fórum

Da Declaração à Ação dos Vários Interessados Diretos Primeira reunião do fórum Da Declaraçã à Açã ds Váris Interessads Direts Primeira reuniã d fórum Centr de Cnvenções Brasil 21 Brasília, DF, 8 e 9 de mai de 2012 AGENDA ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE ESCRITÓRIO REGIONAL DA ORGANIZAÇÃO

Leia mais

SÍNTESE DA PROPOSTA. CHAPA - UFRB: Excelência e Diversidade

SÍNTESE DA PROPOSTA. CHAPA - UFRB: Excelência e Diversidade Universidade Federal d Recôncav da Bahia SÍNTESE DA PROPOSTA DE PROGRAMA DE GESTÃO À REITORIA DA UFRB (2015-2019) DA CHAPA - UFRB: Excelência e Diversidade Prfa. Dra. Ana Rita Santiag (Reitra) Prf. Dr.

Leia mais

Esboço da Oficina de Mapeamento Comunitário O metodologia utilizado no projeto piloto do mapeamento comunitário no Bairro da Nova República evolveu

Esboço da Oficina de Mapeamento Comunitário O metodologia utilizado no projeto piloto do mapeamento comunitário no Bairro da Nova República evolveu Mapeament Cmunitári cm a Juventude na Regiã de Santarém Pr Stephen C. Bentley Prjet Nvs Cnsórcis Públics para a Gvernança Metrplitana Junh, 2007 Apresentaçã O prjet Nvs Cnsórci Públics para a Gvernança

Leia mais

Elidomar da Silva Alcoforado

Elidomar da Silva Alcoforado Elidmar da Silva Alcfrad +351 932 080 465 - Casa d Reitr, Campus Universitári da Penha, Universidade d Algarve, 8005-139, Far, Prtugal - Av. Ináci de Barrs Barret, 233, Várzea, Recife/PE, 50741-390 Brazil.

Leia mais

FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB

FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB FRWTC-220 DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES JAVA WEB SOBRE A FRAMEWORK A Framewrk (www.frwtc.cm) atua diretamente cm prfissinais d segment de tecnlgia em busca de capacitaçã, atualizaçã e certificaçã, curss

Leia mais

Universidade Luterana do Brasil Faculdade de Informática. Disciplina de Engenharia de Software Professor Luís Fernando Garcia www.garcia.pro.

Universidade Luterana do Brasil Faculdade de Informática. Disciplina de Engenharia de Software Professor Luís Fernando Garcia www.garcia.pro. Universidade Luterana d Brasil Faculdade de Infrmática Disciplina de Engenharia de Sftware Prfessr Luís Fernand Garcia www.garcia.pr.br EVOLUÇÃO EM ENGENHARIA DE SOFTWARE 10 Sistemas Legads O investiment

Leia mais