luis filipe portfolio

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "luis filipe portfolio"

Transcrição

1

2 .... design de equipamento lf10ign.com

3 .... luis filipe portfolio design de equipamento lf10ign.com...

4 luis filipe portfolio.... design de equipamento lf10ign.com

5 .... luis filipe portfolio design de equipamento lf10ign.com...

6 .... design de equipamento LIGHT IN ONE CLICK ano: 2006 local: Faculdade DE belas artes de lisboa projecto: Modelacao / conceito / desenho / producao e maquete software solidsolidworks / 3d Studio Max 2009 / v-ray link: 6 Dadas as condicionantes para a construção da lanterna apresentadas no briefing, cheguei a conclusão que o meu projecto se iria direccionar para uma lanterna, relativamente pequena (pouco maior que o comprimento de duas pilhas de 1,5 v) de uso doméstico, ou seja dentro de casa. Como tal defino o seu uso em situações como eventuais faltas de luz, na reparação de algum tipo de sistema em casa com fraca iluminação, para em algum caso poder verificar alguma situação de difícil acesso (como por exemplo, debaixo de algum móvel, etc.) ou até mesmo para ser utilizada a horas impróprias quando já não podemos ou devemos ligar as luzes artificiais pertencentes à nossa casa. As necessidades que achei mais pertinentes para a concepção deste objecto foram praticamente todas elas a nível estético (exterior), onde as preocupações se centraram na pega, nos seus possíveis modos de utilização portanto; também no factor arrumação, ou seja na maneira como esta poderá vir a ser colocada na nossa casa, e consequentemente na sua visualização. Além de tudo isto, a ideia tem então por base o factor de ser bonito, onde a minha preocupação se prendeu também em criar este objecto com um material que inspirasse qualidade e boa impressão ao seu comprador. A estrutura será toda em alumínio, para que a sua resistência seja maior, ou seja, para poder ter uma maior durabilidade, e A sua pega será feita num material de borracha fluorescente com o intuito de podermos localizar melhor a lanterna durante os períodos em que realmente necessitamos dela. Outra carateristica será também a sua extremidade magnética para poder colocar a lanterna junto de equipamentos de uso frequente..... lf10ign.com

7 design de equipamento faculdade de belas artes de lisboa Modelacao / conceito / desenho / producao e maquete 3d Studio Max 2009 / v-ray / illustrator / Photoshop :ano :local :projecto :software :link BRAUN Cushion Head O grande inimigo do óptimo é o suficiente. Os desportos nauticos nomeadamente o surf, bodyboard, skimming, kitesurf, kayaks, etc são cada vez mais, actividades desportivas praticadas de todo o ano, o que tem levado a uma crescente adesão de pessoas à pratica destes desportos e que inevitavelmente nos leva a aumentar a nossa atenção a estes grupos de utilizadores com necessidades tao particulares. Quando falamos sobre desportos radicais facilmente nos esquecemos dos riscos que iremos correr mas sim da quantidade de adrenalina que iremos obter dessa actividade.este novo conceito de capacete para desportos aquáticos revela-se-nos como um novo objecto para a protecção da cabeça que nos possibilita uma renovação na associação que fazemos à imagem criada deste grupo de utilizadores que continuam a praticar estes desportos radicais muitas das vezes sem equipamentos apropriados ou seguros. Este novo sistema permite ainda uma maior liberdade e mobilidade aos movimentos feitos pela cabeça, sem qualquer prejuízo na performance do desportista. O propósito principal deste capacete, sem ter em conta a sua função principal, é o seu baixo custo de produção como um modo incentivar mais e mais pessoas à utilização de protecções para que se possam divertir e obter mais prazer da sua prática desportiva, no sentido de poderem ir mais além e com segurança nos seus exercícios desportivos ou actividades de lazer. Adjacente a tudo isto, este objecto possui uma estrutura interna capaz de se transformar em tampões para os ouvidos para que algumas pessoas possam evitar as tão frequentes otites lf10ign.com...

8 .... design de equipamento Beach Cocoon PrIVAcy ano: 2006 local: Faculdade DE belas artes de lisboa projecto: conceito / desenho / producao e maquete software Illustrator / Photoshop link: 8 A Privacidade é um dos direitos humanos, mas diariamente e crescentemente está sob ameaça. Num mundo onde a informática se assume um reino supremo, o acesso à informação pessoal é a chave para poder dar ganhos a pessoas ou empresas. O fenómeno do Big Brother que nos está a ver, que nos invade o trabalho e os ambientes de casa. Não só escritórios de planta aberta, mas também em novos e modernos espaços abertos, que nos obrigam praticamente à vida em comum (convivência). As novas estruturas familiares e as deslocações relativas ao trabalho forçam os membros familiares, gerentes e criativos a um estilo de vida do tipo boémio. A transparência está na ordem do dia. Num determinado espaço físico ou psicológico, como consegue uma apessoa apertar a sua privacidade? A tarefa neste projecto teve como conceito a criação de um objeto de design funcional (mobília, candeeiro, etc...) que garantisse a privacidade pessoal - Assim surge a ideia do Beach Cocoon. este objeto é, não só um saco de transporte para o fato de surf e outro tipo materiais de bodyboard ou surf, mas também pode ser mesmo considerado como uma estrutura onde se pode transportar a sua prancha de surf ou body e ainda uma boa ajuda para que se possa vestir a rigor, depressa e sem qualquer tipo de complexos, em praias onde aparentemente não existe qualquer tipo de privacidade. Caso pretenda posteriormente entender um pouco melhor este projecto, está disponível no meu site pessoal uma série de outros renders elucidativos das características e valências do projecto..... lf10ign.com

9 design de equipamento Quoeficiente - Marleting e publicidade Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering Audocad 2008 / 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop :ano :local :projecto :software :link sem titulo fsdfsdfs lf10ign.com...

10 .... design de equipamento energy DRINK PACK ano: 2010 local: Restart - instituto de criatividade e novas tecnologias projecto: Modelacao / Mapping / Textures / Lighting / Shaders / Rendering software 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop / illustrator link: 10 Energy é a bebida indicada para a prática desportiva, porque mantém a performance e resistência durante a actividade física e auxilia na recuperação após o exercício. O principal objectivo do cliente passa pela criação de um projecto de design embalagem/ comunicação, ergonómico e que fosse fácil de transportar, utilizar e armazenar nos pontos de venda. De visual arrojado, esta estratégia visa atingir um público-alvo jovem com idades compreendidas entre os 12 aos 35 anos, preocupado com a vida activa e praticante de desporto a nível profissional ou amador. A solução deveria ter em conta os projectos das principais empresas concorrentes, havendo assim, a necessidade de criar um distanciamento a nível criativo e funcional, relativamente à concepção estrutural e gráfica da embalagem final. Os materiais, foram deste modo restringidos ao Poliestireno para a estrutura do recipiente, e Polipropileno para as capsulas de rosca, visto apresentar a melhor relação qualidade/ preço e consequentemente permitir um produto final no valor 0,99 cêntimos como era pretendido. O conceito passou assim pelas 5 palavras-chave [Energia; Força; Vitalidade; Equilibrio; Intensidade] Símbolizadas numa pilha, designada por um aparelho que transforma em corrente eléctrica a energia produzida por uma reacção química. Partindo desta designação decidiu-se o conceito base que se queria adoptar para este projecto. O produto final teve como intuito marcar uma diferença em relação a concorrência directa, não só através do formato da embalagem no qual se procurou representar toda a simbologia energética da pilha, como também na escolha das cores quentes do fogo..... lf10ign.com

11 design de equipamento faculdade de belas artes de lisboa Modelacao / Mapping / Textures / Lighting / Shaders / Rendering Audocad 2008 / 3d Studio Max 2009 / Mental Ray / Photoshop :ano :local :projecto :software :link nespresso DESIGN Contest Este terá sido um ultimo projecto desenvolvido enquanto aluno de Belas- Artes vocacionado a entrada no Concurso Nespresso Design Contest O projecto teve que ver com o conceito atribuído pela organização para esta edição, tendo sido ele o Luxo. Infelizmente o tempo para a resolução do mesmo não terá sido muito e os resultados ficaram também eles um pouco aquém do esperado, contudo a ideia inicial seria assim criar uma espécie de objecto retro, que remetesse o utilizador para uma peça de colecção, que de alguma forma pudesse estar associada à história do café e do seu consumo. Reflexo do conceito coffee luxury apresentado, terá sido o painel de apresentação desenvolvido, no qual mostra a máquina de café inserida em cima de um pedestal, fechado numa caixa de vidro, como se de uma joia ou de uma peça de arte se tratasse. Dai surgiu a ideia para a sua forma, que seria assim assemelhada aos moinhos de café antigos, com uma componente muito manual, sendo necessário acionar o seu manípulo superior para accionar a capsula do café e consequentemente colocar a máquina a trabalhar. Este sistema permitiria assim a preparação de quatro chávenas de café seguidas. Relativamente aos botões de operação das máquinas, procurei também fazer um rewind na história, apresentando assim uma máquina que nos interfaces de utilização máquinautilizador fosse valorizadas as tecnologias manuais e mostradores visuais de ponteiros, pondo completamente de parte a tecnologia digital. As suas cores originais seriam o dourado, procurando a linguagem requintada de outrora lf10ign.com...

12 .... design de equipamento ORGANII QUIOSQUE SHOPPING ano: 2010 local: Designer freelancer projecto: desenho / producao / design grafico e maquete software 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop / illustrator link: 12 Projecto desenvolvido enquanto freelancer, para a empresa Organii marcar presença no Shopping de Cascais no período natalício de O desenvolvimento desta maquete para um quiosque presente no interior da área comercial em cascais, veio no sentido de entender a melhor forma de dar continuidade à imagem corporativa desenvolvida anteriormente, num período de crescimento desta empresa em termos de notoriedade da marca. O quiosque, seguiu assim as linhas já disponibilizadas pela empresa que concedeu o seu aluguer tendo sido apenas prevista a sua decoração e forma de montagem das suas prateleiras de exposição dos produtos, onde se procurou enquadrar a imagem da composição das frutas aproveitando a estrutura tridimencional o quiosque. A par com este trabalho foram ainda desenvolvidas mais duas peças sinaléticas para o exterior para todas as lojas da marca Organii. Foi produzida uma sinalética exterior luminosa com o formato do label adoptado pela marca na identificação dos seus produtos, e terá sido igualmente produzido um resguardo para o sol de protecção das montras das respectivas lojas. A principal preocupação na concepção das peças para esta empresa de cosméticos tem vindo a ser essencialmente a criação de uma uniformização da sua imagem corporativa e dos seus valores. Veja no meu site outros trabalhos de design editorial e design web multimédia desenvolvidos.... lf10ign.com

13 design de equipamento Quoeficiente - Marleting e publicidade Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering Audocad 2008 / 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop :ano :local :projecto :software :link projecto Stand Cascais Este projecto para a construção de um stand representativo numa conferência acerca da saúde no concelho de cascais realizada no centro de conferências do Estoril, terá sido requisitado pela Câmara Municipal de Cascais, tendo sido este projecto desenvolvido na agência Quoeficiente Marketing e Publicidade. A produção do mesmo esteve desde início condicionado ao material modular/ estrutural já pertencente ao cliente, bem como ao espaço a eles atribuído na feira em questão. O objectivo terá sido assim a criação de um percurso de visualização dos conteúdos, linear sem interrupções, tendo igualmente a capacidade de exteriorizar o trabalho gráfico de uma forma sempre coerente e atractiva. O espaço disponível seria de aproximadamente 12 metros quadrados, com um formato rectangular. O design gráfico deste projecto terá ficado ao cuidado de outro designer (bruno brites), pelo que ainda assim e com o propósito de manter uma linha coêrente com a imagem corporativa da câmara de cascais, tentou-se fazer predominar a cor vermelha e cinzenta. Relativamente às principais características do stand, prendem-se essencialmente com um sistema modular de montagem fácil, com iluminação individualizada para os painéis de comunicação colocados. Juntamente com tudo isto foi desenhado um pequeno balção de informação. Caso pretenda posteriormente entender um pouco melhor este projecto, está disponível no meu site pessoal uma série de outros renders elucidativos das características e valências do projecto lf10ign.com...

14 .... design de equipamento zero Electric vehicule ano:: 2011 local: arqui300 academy / Masterclass producao de filme multimedia projecto: Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering software Audocad 2008 / 3d Studio Max 2010 / vray / Photoshop link: 14 O automóvel assumiu uma importância que não lhe foi consignada, e os seus donos, perderem a capacidade de se movimentar normalmente, deixando ao abandono a cidade. Com um ambiente caótico, a confusão de cores desgastadas e dos materiais sujos dos carros, tomam as evidências do presente de cada rua, de cada lugar, mostrando o desespero de estradas completamente cheias, de ruas desarrumadas e cobertas de lixo, de prédios sujos e devolutos, de espaços lúdicos transformados em sucatas ao ar livre, onde a vida parece ter deixado já à muito de fazer sentido. Perderam-se valores sociais, perdeu-se a necessidade de convivência - perdeu-se o espaço social e a necessidade do colectivo, tornando o impensável num pesadelo real, que insiste em assombrar o futuro, de uma cidade que completamente cheia do individual, e que a torna deserta, com estradas entupidas, com comboios avariados e metros fantasma que já não servem ninguém. O hoje, é um dia sozinho, de costas voltadas para todos os outros, onde a preocupação sobre os poucos recursos energéticos disponíveis, sobre a poluição e o bem comunitário apenas passa num velho outdoor, perdido da cidade que ninguém vê, e num canal que ninguém parece conhecer. Assim surge um novo conceito de mobilidade urbana, através de um serviço dotado de veículos de apenas um lugar, eléctricos de estacionamento reduzido, cujo conceito base assenta na redução até 75% da mancha visual de carros na cidade, ampliando o seu espaço social e capacidade de tráfego..... lf10ign.com

15 design de equipamento arqui300 academy / Masterclass producao de filme multimedia Modelacao / Mapping / Textures / Lighting / Shaders / Rendering 3DS Max 2010 / v Ray / AFTER EFFECTS / Photoshop :ano: :local :projecto :software :link ModulaR ERGO BENCH Na sequência do projecto realizado para fins académicos no decorrer da licenciatura de um banco para estirador, achei interessante a ideia de redesenhar o seu conceito e criar um novo design para o mesmo. Embora inacabado, este trabalho, publicado na rede social behance, terá sido reconhecido como um projecto de interesse, pelo que terá sido publicado na magazine Industrial Design Served a dia 18 de Junho de O conceito do mesmo, não abandonou a necessidade de resposta às más posturas de trabalho, mas recaiu agora muito mais na capacidade de arrumação, na minimização do espaço que ocupa, e na facilidade da montagem que proporciona aos seus utilizadores. Por outro lado, a ideia foi igualmente permitir que uma estrutura geradora de um assento de trabalho para o estirador, proporcionar a possibilidade de através dos seus módulos criar igualmente uma arrumação tubular para desenhos ou trabalhos em curso. O facto destes módulos cilindricos funcionarem com pequenas roscas, a ideia seria igualmente poder criar objectos complementares que poderiam ainda potenciar a arrumação de materiais riscadores ou outros. Poderá visualizar mais imagens esclarecedoras da sua forma funcionalidades, e alguns estudos relativos a este projecto no meu website pessoal, no Behance ou na publicação da Industrial Design Served lf10ign.com...

16 .... design de equipamento pilaretes monte da Lua ano: 2011 local: Projecto freelancer projecto: conceito / desenho / Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering software Audocad 2008 / 3d Studio Max 2010 / vray / Photoshop link: 16 Este equipamento foi apresentada como proposta a uma necessidade imposta pela empresa parques de sintra - Monte da lua, de desenhar um objecto capaz de estabelecer uma sinalética incicadora do percurso e da história das peças presentes no Palácio da Pena em sintra, mas que em simultâneo tivesse igualmente a capacidade de impedir o contacto dos visitantes às peças. Esta peça tem como conceito e objectivo principal assumir-se como um objecto discreto e uniformizador do espaço onde está inserido. Contribuindo através do seu sistema modular de encaixe de peças diversas, a capacidade de prover situações de sinalética informativa, proibitivas ou de sensibilização dos visitantes do Palácio relativamente às normas/ regras para o seu bom funcionamento e preservação histórica dos seus elementos. Os seus múltiplos módulos permitem ser inseridos ou removidos com facilidades garantindo uma total flexibilidade no seu posicionamento ao longo de toda a exposição, pelo que podem à medida das necessidades sofrerem reajustes ao nível da gestão dos trajectos sem prejudicar a linguagem global trabalhada. Por outro lado, as sinaléticas que assumem uma grande importância na leitura das peças e divisões que compõe o Palácio ficarão assim mais discretas sem interferir com o espaço, ficando tudo minimizado a um só objecto, que pode inclusivamente tornar-se como igual suporte para os acrílicos de protecção das peças de colecção com um carácter mais portátil. No que diz respeito aos materiais previstos para a sua construção foram o Acrilico Lacado ou brilhante (estrutura) e Aço (base).... lf10ign.com

17 design de equipamento PROJECTO FREELANCER criatividade / conceito/ Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop :ano: :local :projecto :software :link HeLped PONTO SOS Desenvolvimento de projecto criativo de concepção do aspecto formal para um Quiosque SOS DAE, com um carácter modular e respectivo trabalho de visualização 3d. Este equipamento teria assim como finalidade a sua instalação e m interfaces da área dos transportes públicos, granes estações ou áreas comerciais, com a finalidade de assumir nestes espaços um local de pronto socorro SOS com desfiibrilador. Assim foi Desenvolvimento o Design Exterior de um Quiosque Modular, proposta exactamente com os mesmos equipamentos mas agora dispostos de forma diferente permitindo um resultado formal mais estreito. A possibilidade agora é de albergar apenas um extintor ou uma botija de Oxigénio, e o módulo central está agora mais simplificado e integra todas as funcionalidades naquela espécie de painel central. Por outro lado, e dado que este último se tornou mais estreito, o mesmo terá sido alongado, e obrigando a um reposicionamento do LCD na horizontal e de dimensão mais reduzida. Nesta proposta, havendo uma maior preocupação em tornar a peça mais estreita, o botão de emergência, o telefone, o desfibrilhador e o kit de primeiros socorros aparecem-nos de forma integrada no mesmo módulo. No seguimento deste projecto foram realizados ainda, estudos que viabilizam a implementação deste equipamento num ambiente exterior e igualmente a sua produção seguindo uma linha de produto que eventualmente poderia inclusivamente incluir a implementação destes equipamentos num veículo de emergência médica lf10ign.com...

18 .... design de equipamento FESTIVAL TAXIS LISBOA ano: local: projecto: software link: 2007 faculdade de belas artes de lisboa Modelacao / Mapping / Textures / Lighting / Shaders / Rendering solidworks / 3d Studio Max 2009 / v - Ray / illustrator / Photoshop 18 A par com o imenso património histórico e turístico, as cidades têm evidenciado algumas alterações e acrescentos na sua identidade, que dizem respeito à evolução tecnológica, à modernidade e a novos sistemas económicos que dão resposta às mais exigentes necessidades das populações, pelo que, origina com o decorrer dos tempos um exagerado número de estruturas, paragens, sinaléticas, carris, electrificações, etc., que vêm passo a passo a modelar a vida urbana e a paisagem urbana. Algo curioso e difícil será decerto vivermos o diaa-dia citadino sem que em qualquer rua não nos deparemos com um café/ pastelaria, estes fazem parte da antiguidade e do modernismo das mesmas, assumindo um estilo de vida. este projecto irá debruçar-se não só na criação de uma máquina de venda de títulos de transporte e nos esquemas de informação prestadas aos utentes, bem como a preocupação no sentido de criar uma imagem própria e universal, um sistema franchisado 24 horas para que o utente automaticamente identifique sem hesitação, um determinado estabelecimento como integrante deste projecto. Todo este processo, prevê então uma nova sistematização e imagem do serviço táxi que segundo a tecnologia GPS e um modo de pré-pagamento, na sequência de uma trajectória previamente estipulada, permite um serviço realmente mais eficaz e rentável. A proposta passaria igualmente por uma máquina referente à compra e venda de títulos de transporte (serviço pré-pago portanto) de maneira a que através deste sistema pudesse chamar directamente o taxi, sendo o próprio utente a estabelecer de uma maneira autónoma o local de destino..... lf10ign.com

19 design de equipamento arqui300 academy / Masterclass producao de filme multimedia Modelacao / Mapping / Textures / Lighting / Shaders / Rendering 3DS Max 2010 / v Ray / AFTER EFFECTS / SONY VEGAS / Photoshop :ano :local :projecto :software :link zero charge service Este terá sido o projecto de final de curso 3D Studio Max Essencials Plus desenvolvido na escola Arqui300 academy. Este projecto terá tido em conta a modulação de um projecto arquitectónico de Javier Artaji, do qual nos foi facultado os seus desenhos técnicos e alçados para posterior modelação rigorosa low poly em 3d max. Finalmente e a título de personalizar o projecto de cada um, foi assim requerido que fosse modelado / trabalhado o seu interior, no sentido de ser entendida melhor esta questão da modelação e ocupação espacial, para no fim ser percebido todo o esquema lumínico, cameras, materiais e respectivos maps. O producto final deveria assim dar origem a um render de elevada qualidade, com alguma noção de fotorrealismo produzido no motor de render Mental Ray do próprio programa, pelo que fiquei extremamente entusiasmado e com vontade de produzir mais um ou dois para que pudesse não só explorar outros materiais e implementar vegetação ao projecto, como também trabalhar outras perspectivas, nomeadamente ao nível das câmaras e iluminação especifica para os exteriores que são por vezes tão complicados de resolver. Durante o curso houve igualmente espaço para outro tipo de projectos de modelação abordado as noções de low poly e high poly, algumas um pouco mais livres, ou menos precisa se assim o quisermos entender, e que irei tentar introduzir em breve no site. Caso pretenda posteriormente entender um pouco melhor este projecto, está disponível no meu site pessoal uma série de outros renders elucidativos das características e valências do projecto lf10ign.com...

20 .... design de equipamento LEGO PARK shopping ano:: 2011 local: projecto freelancer projecto: conceito / desenho / Modelacao / Lighting / Shaders / Rendering software Audocad 2008 / 3d Studio Max 2009 / vray / Photoshop link: 20 Aquilo que se procurou responder neste projecto, terá sido o desenvolvimento de uma área lúdica para uma área comercial interior.sendo assim o desafio o proposto, recaiu num desenho de um parque infantil temático livre, no qual se optou por desenvolver de acordo com os Legos. Esta escolha basou-se assim na lógica de construção extremamente didática associada aos seus bricks. O resuldado apresentado terá sido assim uma construção criativa, quase como que se uma criança me tratasse, pensando na lógica da diversão, do imaginário e da criatividade das crianças. As peças da lego, a sua estrutura e capacidade modular, permite igualmente o desenvolvimento de múltiplas soluções estruturais de parques de diversão de igual temática, mostrando um óptimo poder de adaptação a novos espaços O parque no geral está dividido por diversas áreas que permitem receber crianças de idades desde os 24 meses até aos 11 anos de idade, bem como espaço de espera para os pais ou encarregados de educação. Em termos estruturais foram integradas as seguintes áreas: LEGO LAB KIDS: Zona criativa de construção de novos modelos Lego (24 meses até aos 11 anos); um Banco para Encarregados de Educação e vigilantes; Ponte / Tubos / Escorrega (para crianças de Idades dos 6 aos 11 anos); Um trampolim (Idades: 8 aos 11 anos); LEGO ZEN: uma zona de TV / Musica e Jogos interactivos (24 meses até aos 11 anos); LEGO GP Interação de projecção com movimentação de motas (Idades: dos 6 aos 11 anos); Piscina de Bolas (Idades: 24 meses aos 4 anos); Zonas de arrumações de calçado ou brinquedos e finalmente uma Mascote de Boas-Vindas LEGO PARK.... lf10ign.com

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS Saída Profissional 03.01 TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS O Técnico de Artes Gráficas é um profissional qualificado, conhecedor do fluxo de produção gráfica, e apto para o exercício de profissões ligadas à composição,

Leia mais

Conceito de intervenção a hierarquização e estruturação do corredor cultural entre Chaves e Vila Real

Conceito de intervenção a hierarquização e estruturação do corredor cultural entre Chaves e Vila Real Conceito de intervenção a hierarquização e estruturação do corredor cultural entre Chaves e Vila Real A referenciação dos percursos como componentes da estrutura edificada (in Magalhães, Manuela; Arquitectura

Leia mais

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS QUE OPORTUNIDADES PÓS-LICENCIATURA ESPERAM? EXPECTATIVAS QUE INQUIETAÇÕES TÊM OS ALUNOS DE DC? MADALENA : M QUAL É A TUA PERSPECTIVA DO MERCADO

Leia mais

Projecto REDE CICLÁVEL DO BARREIRO Síntese Descritiva

Projecto REDE CICLÁVEL DO BARREIRO Síntese Descritiva 1. INTRODUÇÃO Pretende-se com o presente trabalho, desenvolver uma rede de percursos cicláveis para todo o território do Município do Barreiro, de modo a promover a integração da bicicleta no sistema de

Leia mais

Programa de Promoção Turística e Cultural

Programa de Promoção Turística e Cultural Programa de Promoção Turística e Cultural Sintra encontra-se em 11º lugar no ranking dos 50 melhores lugares a visitar, nas escolhas dos leitores do jornal New York Times? Sintra é uma das 21 finalistas

Leia mais

REGRAS. 1 - Introdução. 2 - Nº de jogadores e objectivo do jogo. 3 - Peças do jogo

REGRAS. 1 - Introdução. 2 - Nº de jogadores e objectivo do jogo. 3 - Peças do jogo REGRAS 1 - Introdução Este jogo tem como principal objectivo demonstrar como poderemos utilizar o nosso carro de uma forma mais responsável face ao ambiente, através da partilha do nosso meio de transporte

Leia mais

Será analisado o design dos stands que estiveram presentes em feiras, exposições e eventos.

Será analisado o design dos stands que estiveram presentes em feiras, exposições e eventos. DESIGN 01 - EVENTOS Nesta categoria será avaliado o design de eventos que decorreram no período em análise. Será tido em conta a decoração do espaço, o jogo de luzes, a criatividade inerente que transforma,

Leia mais

Teatro com Teias e Histórias

Teatro com Teias e Histórias Teatro com Teias e Histórias 3 em Pipa Associação de Criação Teatral e Animação Cultural Organização de um grupo de voluntários que, integrados num projecto comunitário de vertente artística, actuam junto

Leia mais

O Interface de Transportes

O Interface de Transportes O Interface de Transportes Tipologias de funcionamento e morfologia espacial - aplicação ao projecto Resumo Alargado Inês Isabel do Nascimento Piedade Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Arquitectura

Leia mais

Uma Questão de Atitude...

Uma Questão de Atitude... Uma Questão de Atitude... Catálogo de Formação 2014 1 Introdução 3 Soluções de Formação 3 Áreas de Formação 4 Desenvolvimento Pessoal 5 Comercial 12 Secretariado e Trabalho Administrativo 15 Indústrias

Leia mais

DESIGN E PRODUÇÃO DE MODA

DESIGN E PRODUÇÃO DE MODA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PADRE BARTOLOMEU DE GUSMÃO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA JOSEFA DE ÓBIDOS CURSOS DE EMPREENDEDORISMO VOCACIONAL ATIVIDADE VOCACIONAL 3 ÁREA TÉCNICA DESIGN E PRODUÇÃO DE MODA 2014/2015

Leia mais

PHC dcrm. Aumente o potencial da força de vendas da sua empresa ao aceder remotamente à informação comercial necessária à sua actividade

PHC dcrm. Aumente o potencial da força de vendas da sua empresa ao aceder remotamente à informação comercial necessária à sua actividade PHC dcrm DESCRITIVO O módulo PHC dcrm permite aos comerciais da sua empresa focalizar toda a actividade no cliente, aumentando a capacidade de resposta aos potenciais negócios da empresa. PHC dcrm Aumente

Leia mais

Carta de condução: L-1820103 1 Categoria B E-mail: mjluzpereira@gmail.com Telefone: 969552120

Carta de condução: L-1820103 1 Categoria B E-mail: mjluzpereira@gmail.com Telefone: 969552120 CURRICULUM VITAE IDENTIFICAÇÃO DADOS PESSOAIS Nome: Maria João Maceta Luz Pereira Morada: Rua Elvira Velez nº16, 4º 1500-258 Lisboa Nacionalidade: Portuguesa Estado Civil: Solteira Data de Nascimento:

Leia mais

Apresentação Programas de Apoio

Apresentação Programas de Apoio Apresentação Programas de Apoio Índice Programa MOP APOIO SOCIAL Introdução Suportes para apoio Redes formatadas Descrição Tabela de custos Outros formatos Descrição Tabela de custos Contatos 2 4 5 7 12

Leia mais

Kodak Evolução Histórica do Logotipo

Kodak Evolução Histórica do Logotipo IADE Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing Escola Superior de Design Licenciatura em Design História da Arte e da Técnica 1º Ano 1º Semestre 1907 1935 1960 1971 1987 1996 >2006 - Logotipo Actual

Leia mais

Inatel Serviços de Data Center e solução SAP

Inatel Serviços de Data Center e solução SAP Inatel Serviços de Data Center e solução SAP Considero que foi um projecto que exigiu um enorme envolvimento de todas as partes que o integraram. Os resultados do projecto são francamente positivos. O

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO PROGRAMA DE FERIAS DESPORTIVAS E CULTURAIS

PROJETO PEDAGÓGICO DO PROGRAMA DE FERIAS DESPORTIVAS E CULTURAIS 1. APRESENTAÇÃO PRINCÍPIOS E VALORES Acreditamos pela força dos factos que o desenvolvimento desportivo de um Concelho ou de uma Freguesia, entendido na sua vertente quantitativa e qualitativa, exige uma

Leia mais

Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade.

Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade. Descritivo completo PHC dcrm Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade. Benefícios Acesso aos contactos

Leia mais

PROJECTO NAZARÉ XXI. - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião

PROJECTO NAZARÉ XXI. - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião PROJECTO NAZARÉ XXI - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião Nazaré XXI é um projecto turístico de impacto regional, inserido na política de desenvolvimento económico que a Câmara Municipal

Leia mais

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web PROVA DE AVALIAÇÃO DE CAPACIDADE REFERENCIAL DE CONHECIMENTOS E APTIDÕES Áreas relevantes para o curso de acordo com o n.º 4 do art.º 11.º do

Leia mais

Centro de Emprego e Formação Profissional de Faro Curso Profissional de Técnico/a de Multimédia (EFA - NS)

Centro de Emprego e Formação Profissional de Faro Curso Profissional de Técnico/a de Multimédia (EFA - NS) Nome do projecto Autobiografia A estrada da Vida Objectivos do projecto Os principais objectivos do projecto são a apresentação da autobiografia obrigatória no final do curso EFA NA de Técnico de Multimédia

Leia mais

Projeto Viva a Alameda

Projeto Viva a Alameda Projeto Viva a Alameda Janeiro 2012 I. Enquadramento a. Política de Cidades o instrumento PRU b. Sessões Temáticas II. A PRU de Oliveira do Bairro a. Visão b. Prioridades Estratégicas c. Área de Intervenção

Leia mais

Dinâmica e Animação de Grupo

Dinâmica e Animação de Grupo Dinâmica e Animação de Grupo Desenvolvimento de Competências Turma G3D Leandro Diogo da Silva Neves 4848 Índice 1. Introdução... 3 2. Planeamento de desenvolvimento individual... 4 2.1 Competências...

Leia mais

NOTA TÉCNICA nº 22 Complementar do Regime Jurídico de SCIE

NOTA TÉCNICA nº 22 Complementar do Regime Jurídico de SCIE NOTA TÉCNICA nº 22 Complementar do Regime Jurídico de SCIE OBJECTIVO Definir bases técnicas para a elaboração de Plantas de Emergência, em suporte de papel ou em suporte digital, conforme a legislação

Leia mais

Somos Solução. Empresa empenhada em divulgar os seus produtos, deslocando-se para todo o país deixando de norte a sul a sua marca de qualidade.

Somos Solução. Empresa empenhada em divulgar os seus produtos, deslocando-se para todo o país deixando de norte a sul a sua marca de qualidade. Somos Solução APRESENTAÇÃO Achamos que mais importante do que captar-mos a sua atenção, é você captar a atenção dos seus futuros clientes... Através dos nossos trabalhos! Empresa empenhada em divulgar

Leia mais

Concurso Fotográfico Património e Paisagem Urbana do Concelho

Concurso Fotográfico Património e Paisagem Urbana do Concelho JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO 2011 PATRIMONIO E PAISAGEM URBANA As Jornadas Europeias do Património, promovidas em Portugal pelo IGESPAR a 23/24/25 de Setembro, são uma iniciativa anual do Conselho

Leia mais

CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA

CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA 1.º ANO Desenho 1.º Semestre A cadeira de Desenho visa dotar os alunos de uma sólida base de conhecimentos e promover acções específicas

Leia mais

Painel Temático 2: A Educação para o Desenvolvimento Sustentável Sala G4 10H45 12H15 Moderadora: Cristina Gomes Ferreira Relatora: Elizabeth Silva

Painel Temático 2: A Educação para o Desenvolvimento Sustentável Sala G4 10H45 12H15 Moderadora: Cristina Gomes Ferreira Relatora: Elizabeth Silva Painel Temático 2: A Educação para o Desenvolvimento Sustentável Sala G4 10H45 12H15 Moderadora: Cristina Gomes Ferreira Relatora: Elizabeth Silva Apresentação dos seguintes projectos: 1) Câmara de Lobos.

Leia mais

Memorial Descritivo. Portfólio Acadêmico Online

Memorial Descritivo. Portfólio Acadêmico Online Faculdade de Tecnologia SENAC Memorial Descritivo Portfólio Acadêmico Online Projeto Integrador do Módulo 1 Produção Multimídia Por Irene Coelho 09 de maio de 2014 Sumário 1. Introdução pág.01 2. Objetivos

Leia mais

Dicas para seu Cartão de Visita

Dicas para seu Cartão de Visita O Cartão de Visita O cartão de visita é um pequeno cartão contendo os dados de contato de uma pessoa ou corporação. Para muitos, ele é a primeira ferramenta de marketing. Após um contato profissional,

Leia mais

PHC dcrm. Aumente o potencial da força de vendas da sua empresa, ao aceder remotamente à informação comercial necessária à sua actividade

PHC dcrm. Aumente o potencial da força de vendas da sua empresa, ao aceder remotamente à informação comercial necessária à sua actividade O módulo PHC dcrm permite aos comerciais da sua empresa focalizar toda a actividade no cliente, aumentando a capacidade de resposta aos potenciais negócios da empresa. PHC dcrm Aumente o potencial da força

Leia mais

viseu.tv televisão regional na internet

viseu.tv televisão regional na internet viseu.tv televisão regional na internet Projecto realizado no âmbito de estágio do Curso de Especialização Tecnológico de Técnicos de Desenvolvimento de Produtos Multimédia VTV Viseu.tv, Lda Aluna: Pedro

Leia mais

Concurso de Design Mascote Eficiência Energética

Concurso de Design Mascote Eficiência Energética Concurso de Design Mascote Eficiência Energética Regulamento 1. Introdução O presente concurso destina-se à criação da Mascote da Eficiência Energética, que estará associada à COGEN Portugal, e que será

Leia mais

Implementação de um Sistema de Sinalização nas Áreas Protegidas

Implementação de um Sistema de Sinalização nas Áreas Protegidas Implementação de um Sistema de Sinalização nas Áreas Protegidas Por: João Carlos Farinha Departamento de Gestão de Áreas Classificadas Zonas Húmidas A importância dos valores naturais, paisagísticos e

Leia mais

publicidade e serviços feiras e exposições equipamentos urbanos pré-fabricados reclamos montras viaturas telas outdoors toldos sinalética acessórios

publicidade e serviços feiras e exposições equipamentos urbanos pré-fabricados reclamos montras viaturas telas outdoors toldos sinalética acessórios publicidade e serviços feiras e exposições equipamentos urbanos pré-fabricados Ramilos, Macieira de Cambra 3730-304 Vale de Cambra Tel.: 256 472 340 Fax : 256 485 038 geral@reclacambra.com www.reclacambra.com

Leia mais

LEAN PRODUCTION Produção Magra. Processo Criativo. Instituto Superior de Educação e Ciências

LEAN PRODUCTION Produção Magra. Processo Criativo. Instituto Superior de Educação e Ciências Instituto Superior de Educação e Ciências LEAN PRODUCTION Produção Magra Processo Criativo Ana Celina Militão da Silva 4ª Edição - Mestrado em Tecnologias Gráficas Gestão da Produção Gráfica Junho de 2012

Leia mais

Agora é o momento. www.qreatica.pt. ATENÇÃO: O conteúdo deste catálogo pode provocar emoções fortes. Não exceder a dose diária recomendada.

Agora é o momento. www.qreatica.pt. ATENÇÃO: O conteúdo deste catálogo pode provocar emoções fortes. Não exceder a dose diária recomendada. Agora é o momento www.qreatica.pt ATENÇÃO: O conteúdo deste catálogo pode provocar emoções fortes. Não exceder a dose diária recomendada. Clientes são cheios de surpresas. Design é o que você faz com as

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 Preparado para mais um Serralves em Festa? É já nos dias 2 e 3 de Junho que se realiza mais uma edição do Serralves

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL II OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

ANA Aeroportos de Portugal Aeroportos e Ruído: Uma Gestão de Compromisso

ANA Aeroportos de Portugal Aeroportos e Ruído: Uma Gestão de Compromisso ANA Aeroportos de Portugal Aeroportos e Ruído: Uma Gestão de Compromisso O ruído tem vindo a assumir um lugar de destaque no conjunto de preocupações dos cidadãos em matéria ambiental. De acordo com informação

Leia mais

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR &DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR Toda comunicação publicitária visa atender a alguma necessidade de marketing da empresa. Para isso, as empresas traçam estratégias de comunicação publicitária, normalmente traduzidas

Leia mais

EMPRESAS VIRTUAIS. Autor: Pedro Miguel da Silva Fernandes. PDF processed with CutePDF evaluation edition www.cutepdf.com. Pág.

EMPRESAS VIRTUAIS. Autor: Pedro Miguel da Silva Fernandes. PDF processed with CutePDF evaluation edition www.cutepdf.com. Pág. EMPRESAS VIRTUAIS Autor: Pedro Miguel da Silva Fernandes Pág. 1 (de 5) PDF processed with CutePDF evaluation edition www.cutepdf.com EMPRESAS VIRTUAIS Actualmente, vivemos numa época de grandes mudanças

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular SISTEMAS MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA CENTRO HISTÓRICO DE SINTRA PROGRAMA ESTRATÉGICO. Resumo Não Técnico

ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA CENTRO HISTÓRICO DE SINTRA PROGRAMA ESTRATÉGICO. Resumo Não Técnico ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA CENTRO HISTÓRICO DE SINTRA PROGRAMA ESTRATÉGICO Resumo Não Técnico GABINETE DE REABILITAÇÃO URBANA março de 2015 Direção Municipal de Ambiente, Planeamento e Gestão do Território

Leia mais

Iluminação de Emergência RTIEBT. Rui Florêncio - Gestor de produto

Iluminação de Emergência RTIEBT. Rui Florêncio - Gestor de produto Iluminação de Emergência RTIEBT Rui Florêncio - Gestor de produto Tipos de Estabelecimentos Estabelecimentos industriais; Estabelecimentos de serviços técnicos; Estabelecimentos agrícolas ou pecuários;

Leia mais

Regulamento do Concurso de Ilustração. Mascote Infantil ANA

Regulamento do Concurso de Ilustração. Mascote Infantil ANA Regulamento do Concurso de Ilustração Mascote Infantil ANA 1 1 ENQUADRAMENTO O presente concurso visa fomentar a colaboração entre a ANA e a comunidade envolvente, possibilitando a alunos do ensino superior

Leia mais

REFERENCIAL DO CURSO DE COORDENAÇÃO

REFERENCIAL DO CURSO DE COORDENAÇÃO REFERENCIAL DO CURSO DE COORDENAÇÃO DE Área de Formação 862 Segurança e Higiene no Trabalho Formação Profissional Contínua/de Especialização ÍNDICE 1- ENQUADRAMENTO... 3 2- OBJECTIVO GERAL... 4 3- OBJECTIVOS

Leia mais

TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL

TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL Índice 1. Turismo no espaço rural: tipologias.2 2. Exploração e funcionamento.... 5 3. Legislação aplicável.17 Bibliografia. 18 1 1.Turismo no espaço rural: tipologias

Leia mais

Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social

Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social Janeiro/2004 INTRODUÇÃO A experiência da acção social no âmbito da intervenção e acompanhamento das famílias em situação de grande vulnerabilidade social,

Leia mais

E- Marketing - Estratégia e Plano

E- Marketing - Estratégia e Plano E- Marketing - Estratégia e Plano dossier 2 http://negocios.maiadigital.pt Indíce 1 E-MARKETING ESTRATÉGIA E PLANO 2 VANTAGENS DE UM PLANO DE MARKETING 3 FASES DO PLANO DE E-MARKETING 4 ESTRATÉGIAS DE

Leia mais

Área de Formação Pessoal e Social

Área de Formação Pessoal e Social Área de Formação Pessoal e Social Identidade/ Auto-estima Independência/ Autonomia Convivência democrática/ Cidadania Brincar com o outro (s); Ouvir os outros; Saber identificar-se a si e o outro; Esperar

Leia mais

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhores representantes das associações

Leia mais

A C E S S I B I L I D A D E S O L U Ç Õ E S D E D O M U S L I F T O Domuslift é o elevador ideal para moradias (novas ou existentes) proporcionando estilo e comodidade de vida, podendo também ser utilizado

Leia mais

Sistema de Informação e Comunicação da Rede Social de Alcochete. Sistema de Informação e Comunicação - REDE SOCIAL DE ALCOCHETE

Sistema de Informação e Comunicação da Rede Social de Alcochete. Sistema de Informação e Comunicação - REDE SOCIAL DE ALCOCHETE . Sistema de Informação e Comunicação da Rede Social de Alcochete . Objectivos e Princípios Orientadores O Sistema de Informação e Comunicação (SIC) da Rede Social de Alcochete tem como objectivo geral

Leia mais

Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo

Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo Entrevista ao Engº José Carlos Ramos, Director de Franchising da Explicolândia Centros de Estudo Criada em Setembro de 2005 em Sacavém, a Explicolândia Centros de Estudo tem sido ao longo dos anos, uma

Leia mais

DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E NOVAS TECNOLOGIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FISICAS E NATURAIS

DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E NOVAS TECNOLOGIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FISICAS E NATURAIS Governo dos Açores Escola Básica e Secundária de Velas DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E NOVAS TECNOLOGIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FISICAS E NATURAIS Ano Letivo: 2014/2015

Leia mais

Escola Básica e Secundária de Velas LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS. Educação Visual

Escola Básica e Secundária de Velas LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS. Educação Visual Escola Básica e Secundária de Velas LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS Educação Visual Escola Básica e Secundária de Velas DISCIPLINA: EDUCAÇÃO VISUAL COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS REGIONAIS COMPETÊNCIAS

Leia mais

Primeiramente podemos classificar três diferentes tipos estruturais de

Primeiramente podemos classificar três diferentes tipos estruturais de VITRINAS 1 INTRODUÇÃO Elegantes e essenciais, as vitrinas são elementos versáteis criados nas mais diversas versões e representam o ponto chave para apresentação do produto a ser vendido nos mais diferentes

Leia mais

UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu

UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu Rede Social de Aljezur Plano de Acção (2009) Equipa de Elaboração do Plano de Acção de 2009 / Parceiros do Núcleo Executivo do CLAS/Aljezur Ana Pinela Centro Distrital

Leia mais

Candidatura a Presidente da Escola Superior Náutica Infante D. Henrique. Programa de Acção. Luis Filipe Baptista

Candidatura a Presidente da Escola Superior Náutica Infante D. Henrique. Programa de Acção. Luis Filipe Baptista Candidatura a Presidente da Escola Superior Náutica Infante D. Henrique Programa de Acção Luis Filipe Baptista ENIDH, Setembro de 2013 Motivações para esta candidatura A sociedade actual está a mudar muito

Leia mais

Factores Determinantes para o Empreendedorismo. Encontro Empreender Almada 26 de Junho de 2008

Factores Determinantes para o Empreendedorismo. Encontro Empreender Almada 26 de Junho de 2008 Factores Determinantes para o Empreendedorismo Encontro Empreender Almada 26 de Junho de 2008 IAPMEI Instituto de Apoio às PME e à Inovação Principal instrumento das políticas económicas para Micro e Pequenas

Leia mais

ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS (Centro de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências)

ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS (Centro de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências) ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS (Centro de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências) APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional Educação (PRODEP III) Objectivos: Reduzir

Leia mais

Conferência Espaço de Arquitectura 2010

Conferência Espaço de Arquitectura 2010 Nota Introdutória: O tema da reabilitação urbana é um dos tópicos centrais da análise actual sobre Planeamento e Urbanismo e uma janela aberta para encontrar soluções na recuperação dos centros históricos

Leia mais

AEC PROJETOS LÚDICO EXPRESSIVOS. Proposta de Planificação. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC PROJETOS LÚDICO EXPRESSIVOS. Proposta de Planificação. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2013/2014 AEC PROJETOS LÚDICO EXPRESSIVOS Proposta de Planificação 1.º Ciclo do Ensino Básico PLE Proposta de Plano Anual 2013/2014 1. Introdução A atividade

Leia mais

INDUSCRIA. PLATAFORMA PARA AS INDÚSTRIAS CRIATIVAS Um Contributo para as Novas Geografias Cosmopolitas

INDUSCRIA. PLATAFORMA PARA AS INDÚSTRIAS CRIATIVAS Um Contributo para as Novas Geografias Cosmopolitas OS CONSULTORES Instituicões & Empresas Associadas: GAB. COORDENADOR da ESTRATÉGIA DE LISBOA e do PLANO TECNOLÓGICO CEDRU_Centro de Estudos e Desenvolv. Regional e Urbano McKINSEY & Company PLMJ ASSOCIADOS_Sociedade

Leia mais

Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira

Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira Inscreva-se! Uma mão, um amigo Casa do Povo de Relíquias Através da realização de atividades lúdicas, visitas domiciliárias, apoio na alimentação e acompanhamento

Leia mais

O aumento da força de vendas da empresa

O aumento da força de vendas da empresa PHC dcrm O aumento da força de vendas da empresa O enfoque total na actividade do cliente, através do acesso remoto à informação comercial, aumentando assim a capacidade de resposta aos potenciais negócios

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE MULTIMÉDIA. PERFIL PROFISSIONAL Técnico/a de Multimédia Nível 3 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/5

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE MULTIMÉDIA. PERFIL PROFISSIONAL Técnico/a de Multimédia Nível 3 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/5 PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE MULTIMÉDIA PERFIL PROFISSIONAL Técnico/a de Multimédia Nível 3 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/5 ÁREA DE ACTIVIDADE OBJECTIVO GLOBAL - AUDIOVISUAIS E PRODUÇÃO DOS

Leia mais

DAMOS FORMA ÀS SUAS IDEIAS!

DAMOS FORMA ÀS SUAS IDEIAS! DAMOS FORMA ÀS SUAS IDEIAS! Com o saber da experiência alcançada e a energia empresarial focalizada na inovação, a Modelstand é o parceiro ideal para os seus eventos. Especializada na concepção de exposições,

Leia mais

DE RELÓGIOS. Guia de Melhores Práticas. Como Fotografar Relógios Como um Profissional EDIÇÃO Nº 06 GRÁTIS FOTOGRAFIA

DE RELÓGIOS. Guia de Melhores Práticas. Como Fotografar Relógios Como um Profissional EDIÇÃO Nº 06 GRÁTIS FOTOGRAFIA EDIÇÃO Nº 06 GRÁTIS FOTOGRAFIA DE RELÓGIOS SOLUÇÕES PARA IMAGENS DE PRODUTO QUE CONQUISTARAM OS LÍDERES DO COMÉRCIO ELETRÔNICO Guia de Melhores Práticas Como Fotografar Relógios Como um Profissional Precisa

Leia mais

1. Conectividade. Conceito: É sair de casa e poder ir ao bairro do lado sem ter de dar grandes voltas.

1. Conectividade. Conceito: É sair de casa e poder ir ao bairro do lado sem ter de dar grandes voltas. 1. Conectividade Em que medida o ambiente urbano/pedonal dispõe de uma rede integrada que permite conectar origens e destinos, que passa, por exemplo, pela existência e continuidade de uma infra-estrutura

Leia mais

ACÇÃO DE FORMAÇÃO EM FOTOGRAFIA Club Setubalense

ACÇÃO DE FORMAÇÃO EM FOTOGRAFIA Club Setubalense ACÇÃO DE FORMAÇÃO EM FOTOGRAFIA Club Setubalense DESIGNAÇÃO OLHAR A FOTOGRAFIA,... DE OUTRO MODO LOCAL CLUB SETUBALENSE CARGA HORÁRIA - Nº de horas teóricas 28 h (4 módulos) - Nº de horas práticas (recolha

Leia mais

PLANOESTRATÉGICO DO DESENVOLVIMENTOECONÓMICOLOCAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. Plano da sessão

PLANOESTRATÉGICO DO DESENVOLVIMENTOECONÓMICOLOCAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. Plano da sessão plano estratégico del desenvolvimento económico local PLANOESTRATÉGICO DO DESENVOLVIMENTOECONÓMICOLOCAL ECONÓMICO LOCAL DE S. JOÃO DA MADEIRA Equipa técnica: Assessor: João Pedro Guimarães Colaboradores:

Leia mais

NOVO volvo V40. Cross Country. acessórios originais volvo

NOVO volvo V40. Cross Country. acessórios originais volvo NOVO volvo V40 Cross Country acessórios originais volvo V40 Cross Country acessórios originais volvo Deixe seu carro do jeito que você quer, mas com a segurança da Volvo. Chegou o novo Volvo V40 Cross

Leia mais

Conferência e-educação

Conferência e-educação Conferência e-educação Ideias chave No processo de aproximação das TIC ao sistema educativo, o mais difícil não é equipar a escola com PCs, mas sim a intrusão das TIC na prática educativa As TIC têm um

Leia mais

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO Orientações Pedagógicas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução A atividade de enriquecimento curricular,

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 Educação Infantil III Área de conhecimento: Linguagem Série: Infantil III Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

OPORTUNIDADES. Cluster energético: oportunidades; horizontes; observatório, BejaGlobal; PASE

OPORTUNIDADES. Cluster energético: oportunidades; horizontes; observatório, BejaGlobal; PASE CLUSTER ENERGÉTICO DE BEJA OPORTUNIDADES SUSTENTABILIDADE ENERGÉTICA E CRESCIMENTO ECONÓMICO A sustentabilidade energética e climática é um desígnio estratégico duplo significado. Por um lado, desenvolvimento

Leia mais

2011/2012. CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente

2011/2012. CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente PLANO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL 2011/2012 CÂMARA MUNICIPAL ALENQUER-Divisão de Ambiente 2011/2012 Índice: Introdução Ações de Sensibilização: Ateliers: Datas Comemorativas: Visitas de Estudo: Concursos: Projetos:

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DA MEIA MARATONA FOTOGRÁFICA DE SETÚBAL

REGULAMENTO MUNICIPAL DA MEIA MARATONA FOTOGRÁFICA DE SETÚBAL REGULAMENTO MUNICIPAL DA MEIA MARATONA FOTOGRÁFICA DE SETÚBAL Preâmbulo O Município de Setúbal tem procurado intervir em diversos campos, no sentido de proporcionar a satisfação de um conjunto de necessidades

Leia mais

Organização de Eventos

Organização de Eventos Organização de Eventos Página de Rosto Aluna: Tânia Marlene Silva Ano/ Turma: 12º ano do Curso Profissional Técnico de Secretariado Disciplina: Técnicas de Secretariado Modulo: 20 Organização de Eventos

Leia mais

Colletivo. do design. O instinto

Colletivo. do design. O instinto 14 :: portfólio agência - colletivo O instinto Colletivo do design Se formos apontar no atual modelo de sociedade qual seria uma das melhores formas de representação da democracia, certamente os ônibus

Leia mais

www.fiveleafsystem.com APRESENTAÇÃO DO PROJECTO 2013 2014

www.fiveleafsystem.com APRESENTAÇÃO DO PROJECTO 2013 2014 www.fiveleafsystem.com APRESENTAÇÃO DO PROJECTO 2013 2014 O QUE É O FIVE-LEAF SYSTEM O Five-Leaf System é um sistema dinâmico de avaliação da performance ecológica do sector turístico, que em cinco níveis

Leia mais

Revista de Imprensa Julho 2008. 1 - Jornal O Correio.com, 19-07-2008, Nazaré inspira-se em Cascais

Revista de Imprensa Julho 2008. 1 - Jornal O Correio.com, 19-07-2008, Nazaré inspira-se em Cascais Revista de Imprensa Julho 2008 Cascais Atlântico 1 - Jornal O Correio.com, 19-07-2008, Nazaré inspira-se em Cascais 3 Cascais Energia 2 - Mais Ambiente.pt, 31-07-2008, Primeiro edifício municipal do país

Leia mais

Alterações Climáticas. Formação e Sensibilização sobre Energia e Alterações Climáticas 03-07-2009

Alterações Climáticas. Formação e Sensibilização sobre Energia e Alterações Climáticas 03-07-2009 Formação e Sensibilização sobre Energia e Alterações Climáticas 5º Encontro Nacional da RENAE Portalegre 1 de Julho de 2009 Alterações Climáticas 1 Responsabilidade Social Pensar Soluções e Executá-las!

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011

Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011 Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011 1. Enquadramento O Serviço Educativo da Casa das Histórias Paula Rego é entendido como um sector de programação que visa uma mediação significativa entre

Leia mais

acessórios originais volvo novo V40

acessórios originais volvo novo V40 acessórios originais volvo novo V40 V40 acessórios originais volvo Deixe seu carro do jeito que você quer, mas com a segurança da Volvo. O Novo Volvo V40 é um carro único e chegou para aqueles que preferem

Leia mais

Formadores (1º ano) Locais das oficinas. Data limite de inscrições

Formadores (1º ano) Locais das oficinas. Data limite de inscrições Sementes para a Criatividade É uma acção de formação constituída por duas oficinas, uma de escrita criativa e outra de artes plásticas, em que se prevê: a criação de uma narrativa ilustrada que será submetida

Leia mais

QUEM É A PROJECTO HOJE?

QUEM É A PROJECTO HOJE? Começamos em 2008 com uma dúvida na cabeça: por que não ter um material com design inovador mas que também traga resultados para o negócio do cliente? Para nós não fazia sentido ter um layout bonito que

Leia mais

Oficina de Multimédia B. ESEQ 12º i 2009/2010

Oficina de Multimédia B. ESEQ 12º i 2009/2010 Oficina de Multimédia B ESEQ 12º i 2009/2010 Conceitos gerais Multimédia Hipertexto Hipermédia Texto Tipografia Vídeo Áudio Animação Interface Interacção Multimédia: É uma tecnologia digital de comunicação,

Leia mais

Segurança e Higiene do Trabalho. Volume XIX Gestão da Prevenção. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção. www.oportaldaconstrucao.

Segurança e Higiene do Trabalho. Volume XIX Gestão da Prevenção. Guia Técnico. um Guia Técnico de O Portal da Construção. www.oportaldaconstrucao. Guia Técnico Segurança e Higiene do Trabalho Volume XIX Gestão da Prevenção um Guia Técnico de Copyright, todos os direitos reservados. Este Guia Técnico não pode ser reproduzido ou distribuído sem a expressa

Leia mais

CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento europeu).

CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento europeu). 43 RELAÇÃO DE EMENTAS CURSO: ARTES VISUAIS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DISCIPLINA: Artes Visuais I CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1 Agrupamento de Escolas da Madalena Projeto do Clube de Música Ano Lectivo 2012-2013 1 Projectos a desenvolver/participar: Projetos Dinamizado por: 1º Concurso de Flauta Prof. Teresa Santos - Participação

Leia mais

Agenda 21 Local de Arganil 3ª Sessão do Fórum Participativo

Agenda 21 Local de Arganil 3ª Sessão do Fórum Participativo Agenda 21 Local de Arganil 3ª Sessão do Fórum Participativo 22 de Fevereiro 2010 Índice Índice PARTE I SÍNTESE DO 2º FÓRUM PARTICIPATIVO (10 minutos) PARTE II SÍNTESE DA ESTRATÉGIA DE SUSTENTABILIDADE

Leia mais

Paulo César Especialista de Soluções da ATM informática paulo.cesar@atminformatica.pt

Paulo César Especialista de Soluções da ATM informática paulo.cesar@atminformatica.pt Desktop Virtual Paulo César Especialista de Soluções da ATM informática paulo.cesar@atminformatica.pt Tendo em conta que a Virtualização será um dos principais alvos de investimento para o ano 2009 (dados

Leia mais

CAD/CAM Integrado para a Indústria da Madeira

CAD/CAM Integrado para a Indústria da Madeira TopSolid 'Wood CAD/CAM Integrado para a Indústria da Madeira Solução CAD/CAM/ERP totalmente integrada TopSolid Wood A solução CAD/CAM totalmente integrada para a Indústria da Madeira O TopSolid Wood é

Leia mais

sistema de gestão do desempenho e potencial Directório de Competências e de Perfis Profissionais

sistema de gestão do desempenho e potencial Directório de Competências e de Perfis Profissionais SGDP sistema de gestão do desempenho e potencial :: Directório de Competências e de Perfis Profissionais :: Directório de Competências e de Perfis Profissionais ÍNDICE Competências Inovação e Criatividade

Leia mais

Rua Faria Guimarães, 494 2º Esq. 4000-205 Porto +351 965 371 568 olinda@mdemaria.com www.mdemaria.com

Rua Faria Guimarães, 494 2º Esq. 4000-205 Porto +351 965 371 568 olinda@mdemaria.com www.mdemaria.com CURRICULUM VITAE olinda martins 01.junho.2012 INFORMAÇÃO PESSOAL nome filiação data de nascimento naturalidade bilhete de identidade contribuinte estado civil carta de condução Maria Olinda Carneiro Martins

Leia mais

ARQUIVO DIGITAL e Gestão de Documentos

ARQUIVO DIGITAL e Gestão de Documentos ARQUIVO DIGITAL e Gestão de Documentos TECNOLOGIA INOVAÇÃO SOFTWARE SERVIÇOS A MISTER DOC foi constituída com o objectivo de se tornar uma referência no mercado de fornecimento de soluções de gestão de

Leia mais