O que é o CMDCA O Que é o FUMCAD Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente aprovados pelo CMDCA O que faz o CMDCA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O que é o CMDCA O Que é o FUMCAD Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente aprovados pelo CMDCA O que faz o CMDCA"

Transcrição

1

2 O que é o CMDCA O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, instituído pela Lei Federal de 1990, Estatuto da Criança e do Adolescente, criado no município pela Lei nº 780 de 1991, alterado pela Lei nº1976 de 2010, é um órgão deliberativo de políticas públicas e sociais e controlador das ações de atendimento e promoção do bemestar social de crianças e adolescentes no município. É uma instituição paritária, composta de membros da sociedade civil organizada que representam entidades de atendimento e de defesa das crianças e dos adolescentes e por representantes do Governo municipal. O que faz o CMDCA Delibera sobre políticas de atendimento, promoção e defesa dos direitos da infância e adolescência no município de Barueri, tendo como base o cumprimento das obrigações e garantias de seus direitos fundamentais e constitucionais. Fiscaliza as ações governamentais e não governamentais no município relativas ao cumprimento dos direitos das crianças e dos adolescentes. Capta recursos e faz a gestão do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Formula o plano de aplicação e avaliação do uso dos recursos. O Que é o FUMCAD O Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente tem embasamento legal na Lei Federal 8.069/90 (Estatuto da Criança e do Adolescente). A finalidade desse fundo é reunir recursos financeiros para investir em ações necessárias ao desenvolvimento de políticas públicas de proteção voltadas para crianças e adolescentes. O valor arrecadado será usado para investir em projetos sociais inovadores. Os recursos destinados a esse fundo só podem ser aplicados em projetos aprovados pelo CMDCA/Barueri. Esse mecanismo permite que pessoas jurídicas e físicas possam fazer doações e abatê-las diretamente no imposto de renda. Quem pode destinar o Imposto de Renda para o FUMCAD? As empresas contribuintes do Imposto de Renda com base no Lucro Real podem destinar 1% do valor devido ao Imposto de Renda. As pessoas físicas que apresentarem declaração de Imposto de Renda no modelo completo podem destinar até 6% do valor devido ao Imposto de Renda para o FUMCAD.

3 Como o dinheiro do FUMCAD é investido? Os recursos doados financiam projetos sociais voltados para crianças e adolescentes do município. Tais projetos são apresentados por entidades situadas em Barueri ao CMDCA, que submete as propostas a uma análise criteriosa para que os recursos sejam corretamente aplicados, em prol do desenvolvimento e do respeito aos direitos das crianças e dos adolescentes de Barueri. As doações podem ser feitas diretamente ao FUMCAD ou para uma das entidades cadastradas pelo CMDCA. Na hora de destinar o Imposto de Renda também é possível escolher diretamente para qual entidade ou projeto deseja direcionar os recursos. Por que destinar? Para investir no futuro das crianças e adolescentes da região. Para combater a exclusão social e a violência. Para exercer a cidadania e a responsabilidade social.

4 Áreas prioritárias de atuação: Programas de acolhimento de crianças e adolescentes. Programas e projetos de capacitação e formação profissional. Campanhas educativas que promovam a defesa dos direitos das crianças e adolescentes. Programas e projetos de prevenção ao uso indevido de drogas. Programas e projetos de fortalecimento de vínculos familiar e comunitário. Enfrentamento ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Incentivo à aplicação da Lei da Aprendizagem Profissional. Saiba como destinar seu Imposto de Renda: É muito fácil, basta seguir 3 passos: 1. Se a empresa for baseada no lucro real, fale com o contador e veja qual o valor do Imposto devido. 2. Deposite o valor a ser destinado ao FUMCAD (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Barueri). Nº de Inscrição CNPJ: / Banco: Caixa Econômica Federal Agência: Operação: 006 Conta Corrente: 0026/6 3. Comunique ao Conselho sobre o depósito, ele emitirá um recibo para dedução integral em sua declaração de renda. Para mais informações, procure o CMDCA de Barueri: Endereço: Avenida 26 de Março, 1.159, Jardim São Pedro - Barueri Cep: Telefone: Site:

5 Realização: Apoio:

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente Mallet PR. Mallet Pr. Incentivo Fiscal

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente Mallet PR. Mallet Pr. Incentivo Fiscal Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente Mallet PR Av. Barão do Rio Branco, 649 Cep: 84570-000 Fone/Fax: (42) 3542-1439 Mallet Pr. E-mail: assistencia.mallet@yahoo.com.br Incentivo Fiscal

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO DE PROJETOS FINANCIADOS PELO FUNDO MUNICIPAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE TANGARÁ DA SERRA, MT - N.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO DE PROJETOS FINANCIADOS PELO FUNDO MUNICIPAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE TANGARÁ DA SERRA, MT - N. EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO DE PROJETOS FINANCIADOS PELO FUNDO MUNICIPAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE TANGARÁ DA SERRA, MT - N.º 001/2016 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

Leia mais

C : : 9 1 9 6 1 6 6-9 C N C P N J:

C : : 9 1 9 6 1 6 6-9 C N C P N J: A APAE Búzios, fundada em 1996 com apenas seis pessoas com deficiência intelectual ou múltipla, vem desenvolvendo com a participação de colaboradores e da sociedade civil uma batalha em busca dos direitos

Leia mais

DICAS PARA UTILIZAÇÃO DE RENÚNCIA FISCAL DO IMPOSTO DE RENDA. Oportunidades e Legislação. Parceria

DICAS PARA UTILIZAÇÃO DE RENÚNCIA FISCAL DO IMPOSTO DE RENDA. Oportunidades e Legislação. Parceria DICAS PARA UTILIZAÇÃO DE RENÚNCIA FISCAL DO IMPOSTO DE RENDA Oportunidades e Legislação Parceria ÍNDICE EDITORIAL Uma oportunidade de contribuir com a transformação social 1. O QUE É RENÚNCIA FISCAL 1.1

Leia mais

ANEXO I MODELO DE PROJETO

ANEXO I MODELO DE PROJETO ANEXO I MODELO DE PROJETO Solicitação de Inclusão no Banco de Projetos para captação de recursos FIA/Doações (obrigatório o preenchimento de todos os itens) 1. IDENTIFICAÇÃO Abrangência do Projeto: ( )

Leia mais

[Digite aqui] GUIA PARA OS CMDCAS A RESPEITO DA RESOLUÇÃO 164/2014

[Digite aqui] GUIA PARA OS CMDCAS A RESPEITO DA RESOLUÇÃO 164/2014 GUIA PARA OS CMDCAS A RESPEITO DA RESOLUÇÃO 164/2014 O que os Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDCA precisam saber a respeito do Registro da Entidade e a Inscrição dos Programas

Leia mais

REUNIÃO PREPARATÓRIA DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E ESTADUAL

REUNIÃO PREPARATÓRIA DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E ESTADUAL REUNIÃO PREPARATÓRIA DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E ESTADUAL Aracaju/SE Julho/2011 Sumário 1. Objetivo 2. Controle da Administração Pública Declaração dos direitos do homem Responsabilidade do gestor público

Leia mais

REFORMA DA LEI ROUANET

REFORMA DA LEI ROUANET REFORMA DA LEI ROUANET O que é a Lei Rouanet? Lei Rouanet Lei de incentivo fiscal Lei do mecenato Lei que institui o PRONAC Hoje, a maior parte dos recursos investidos em cultura no país vem por meio da

Leia mais

para esta temática que envolvem o enfrentamento ao trabalho infantil tais como o Projeto Escola que Protege.

para esta temática que envolvem o enfrentamento ao trabalho infantil tais como o Projeto Escola que Protege. A Coordenação Geral de Direitos Humanos DEIDHUC/SECAD/MEC tem como uma de suas atribuições fomentar ações de promoção e defesa dos direitos de crianças e adolescentes. Nesse sentido, considerando a escola

Leia mais

A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrado

A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrado A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrado Acompanhamento Familiar Construção do Meu ponto de Vista acerca do Protocolo e da Tipificação Quais as mudanças percebidas na gestão dos CRAS a partir da

Leia mais

Apresentação da Lei de Criação do CMDCA

Apresentação da Lei de Criação do CMDCA Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA Apresentação da Lei de Criação do CMDCA LEI NÚMERO 2.892, DE 09 DE JUNHO DE 1992. CRIA O CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria de Desenvolvimento Social Coordenadoria de Gestão Estratégica

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria de Desenvolvimento Social Coordenadoria de Gestão Estratégica Atualização GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria de Desenvolvimento Social Coordenadoria de Gestão Estratégica Formulário de Inclusão e/ou Atualização das Entidades Beneficentes da Área da Assistência

Leia mais

1. DADOS CADASTRAIS. Órgão/Entidade Proponente PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO CNPJ 46.523.239/0001-47

1. DADOS CADASTRAIS. Órgão/Entidade Proponente PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO CNPJ 46.523.239/0001-47 1. DADOS CADASTRAIS Órgão/Entidade Proponente PREFEITURA DO MICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO CNPJ 46.523.239/0001-47 PRAÇA SAMUEL SABATINI, 50 CENTRO Cidade SÃO BERNARDO DO CAMPO U.F. SP 09750-901 Conta

Leia mais

Processo seletivo ADRA/Prefeitura Municipal de Cariacica. Conforme oferta descrita no quadro a seguir:

Processo seletivo ADRA/Prefeitura Municipal de Cariacica. Conforme oferta descrita no quadro a seguir: Processo seletivo ADRA/Prefeitura Municipal de Cariacica Conforme oferta descrita no quadro a seguir: FUNÇÃO Assistente Social REQUISITOS Completo em Serviço Social; Experiência profissional desejável:

Leia mais

O MP E A FISCALIZAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS

O MP E A FISCALIZAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS O MP E A FISCALIZAÇÃO DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS Redesenho/Reestruturação Orgânica da Política de Assistência Social estão Estabelecidos em 4 Instrumentos Básicos: Política Nacional de

Leia mais

I Requerimento de Inscrição ou Renovação de Inscrição no Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo COMAS/SP (ANEXO I);

I Requerimento de Inscrição ou Renovação de Inscrição no Conselho Municipal de Assistência Social de São Paulo COMAS/SP (ANEXO I); RESOLUÇÃO COMAS Nº 356/2009 Aprova modelos de requerimentos e formulários de que trata a Resolução COMAS nº 323/2008. O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE SÃO PAULO, com fulcro no artigo 9º da

Leia mais

CADASTRO PESSOA JURÍDICA

CADASTRO PESSOA JURÍDICA CADASTRO PESSOA JURÍDICA Nº Conta Corrente Elaboração Renovação Alteração 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Identificação da empresa CNPJ Nome fantasia N o de registro Data de constituição Capital social realizado

Leia mais

Talking Points: Curso Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Teoria e Prática para o Enfrentamento

Talking Points: Curso Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Teoria e Prática para o Enfrentamento Talking Points: Curso Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Teoria e Prática para o Enfrentamento Tema da fala: Proteção e a Promoção dos Direitos de Crianças e Adolescentes no contexto dos megaeventos

Leia mais

participar da centros urbanos Como sua comunidade pode plataforma dos Plataforma dos Centros Urbanos www.unicef.org.br Aliados estratégicos:

participar da centros urbanos Como sua comunidade pode plataforma dos Plataforma dos Centros Urbanos www.unicef.org.br Aliados estratégicos: Como sua comunidade pode participar da plataforma dos centros urbanos? www.unicef.org.br Aliados estratégicos: Ilustração: Jonatas Tobias Parceiros técnicos: Plataforma dos Centros Urbanos COMO SUA COMUNIDADE

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DA MULHER

SECRETARIA MUNICIPAL DA MULHER SECRETARIA MUNICIPAL DA MULHER LEGISLAÇÃO: Lei Municipal nº 8.834 de 01/07/2002 e Decreto nº 525 de 09/08/2002. ATRIBUIÇÕES: 1500 - SECRETARIA MUNICIPAL DA MULHER Compete propor, coordenar e acompanhar

Leia mais

CMDCA. O processo de escolha para a função de conselheiro tutelar será para o preenchimento de cinco membros titulares e suplentes.

CMDCA. O processo de escolha para a função de conselheiro tutelar será para o preenchimento de cinco membros titulares e suplentes. EDITAL 001/CMDCA/2015 das Eleições do Conselho Tutelar de 1. DO PROCESSO DE ESCOLHA O da Criança e do Adolescente (CMDCA) do Município de Vale do Paraíso torna público o Processo de Escolha Unificado para

Leia mais

O SUAS COMO PARCEIRO NA PROMOÇÃO, DEFESA E GARANTIA DO DIREITO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES À CONVIVÊNCIA FAMILIAR E COMUNITÁRIA

O SUAS COMO PARCEIRO NA PROMOÇÃO, DEFESA E GARANTIA DO DIREITO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES À CONVIVÊNCIA FAMILIAR E COMUNITÁRIA O SUAS COMO PARCEIRO NA PROMOÇÃO, DEFESA E GARANTIA DO DIREITO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES À CONVIVÊNCIA FAMILIAR E COMUNITÁRIA RACHEL FERNANDA MATOS DOS SANTOS Assistente Social CRESS 35.724 CAO Cível

Leia mais

Apoio Institucional: Pronac - 14 9044

Apoio Institucional: Pronac - 14 9044 Apoio Institucional: Pronac - 14 9044 O Projeto Trupe da Saúde é certificados pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Curitiba COMTIBA e pode ser apoiado através do Fundo Municipal

Leia mais

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador JORGE VIANA

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador JORGE VIANA PARECER Nº, DE 2012 Da COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE, DEFESA DO CONSUMIDOR E FISCALIZAÇÃO E CONTROLE, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 249, de 2011, do Senador Luiz Henrique, que cria incentivo fiscal de

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DO MUNICÍPIO DE BARBOSA FERRAZ - PESSOA JURÍDICA -

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DO MUNICÍPIO DE BARBOSA FERRAZ - PESSOA JURÍDICA - ANEXO XIV - NOVO: RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DO MUNICÍPIO DE BARBOSA FERRAZ 1. HABILITAÇÃO JURÍDICA - PESSOA JURÍDICA - 1.1 Registro Comercial, no caso de empresa

Leia mais

Plano Integrado de Capacitação de Recursos Humanos para a Área da Assistência Social CAPACITAÇÃO CONSELHEIROS MUNICIPAIS.

Plano Integrado de Capacitação de Recursos Humanos para a Área da Assistência Social CAPACITAÇÃO CONSELHEIROS MUNICIPAIS. CAPACITAÇÃO CONSELHEIROS MUNICIPAIS Maio/2010 1º Dia PROGRAMAÇÃO 08h00 às 09h00 - Credenciamento 09h00 às 09h30 Abertura Boas vindas! 09h30 às 10h15 Exposição dialogada: Retrospectiva Luta por Direitos

Leia mais

TURISMO SUSTENTÁVEL & INFÂNCIA: EVENTOS ESPORTIVOS

TURISMO SUSTENTÁVEL & INFÂNCIA: EVENTOS ESPORTIVOS CONFERÊNCIA REGIONAL E NACIONAL DE PREVENÇÃO E INTERVENÇÃO AO TRÁFICO DE CRIANÇAS Moçambique, 09 de Outubro de 2008 TURISMO SUSTENTÁVEL & INFÂNCIA: EVENTOS ESPORTIVOS Partilhando lições aprendidas e desenvolvendo

Leia mais

RETIFICAÇÃO ANEXO IV DECLARAÇÃO

RETIFICAÇÃO ANEXO IV DECLARAÇÃO RETIFICAÇÃO No Edital de Credenciamento nº 001/2008 Credenciamento de Entidades Médicas e Psicológicas, publicado no Diário Oficial Paraná Comércio, Indústria e Serviços, de 25 de junho de 2008, página

Leia mais

PARECER SOBRE A LEI ROUANET

PARECER SOBRE A LEI ROUANET 1) FUNDAMENTO LEGAL: PARECER SOBRE A LEI ROUANET Objetivando expressar nosso Parecer Técnico sobre a legislação que fundamenta o Incentivo Fiscal (Renúncia Fiscal) através do Programa Nacional de Apoio

Leia mais

ANEXO 02 MODELO DE PROJETO. Solicitação de Recursos do FIA Entidade/Prefeitura

ANEXO 02 MODELO DE PROJETO. Solicitação de Recursos do FIA Entidade/Prefeitura ANEXO 02 MODELO DE PROJETO Solicitação de Recursos do FIA Entidade/Prefeitura 1 IDENTIFICAÇÃO Município: População total: População de crianças e adolescentes: 1.1 Dados Cadastrais do Proponente Proponente:

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

CONSELHO NACIONAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE SECRETARIA ESPECIAL DOS DIREITOS HUMANOS CONSELHO NACIONAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE RESOLUÇÃO N 137 DE 21 DE JANEIRO DE 2010. Dispõe sobre os parâmetros para a criação e o funcionamento

Leia mais

SÍNTESE DO LEVANTAMENTO DE DEMANDAS DE PROJETOS DO TERRITÓRIO

SÍNTESE DO LEVANTAMENTO DE DEMANDAS DE PROJETOS DO TERRITÓRIO SÍNTESE DO LEVANTAMENTO DE DEMANDAS DE PROJETOS DO TERRITÓRIO Ministério do Meio Ambiente O Projeto de Elaboração do Plano de Desenvolvimento Territorial Sustentável Socioambientais Prioritários/Vale do

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO. Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 02/2015

EDITAL PROCESSO SELETIVO. Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 02/2015 EDITAL PROCESSO SELETIVO Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 02/2015 A Instituição Beneficente De Assistência A Criança: Criança Somos O Amanhã PROJETO SOL, com se na Av. Região Suste, nº 495, Barcelona,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO LEI Nº 1735, DE 06 DE JULHO DE 2007. "DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO CONSELHO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL DE SÃO GOTARDO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS" Art. 1º. Fica criado o Conselho Municipal da

Leia mais

desenvolvimento sócioeconômico, interesses da segurança nacional e à proteção da dignidade da vida humana.

desenvolvimento sócioeconômico, interesses da segurança nacional e à proteção da dignidade da vida humana. POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE: Uma visão crítica A Política Nacional do Meio Ambiente tem por objetivo a preservação, melhoria e recuperação da qualidade ambiental propícia à vida, visando assegurar,

Leia mais

Curso Vigilância em Saúde

Curso Vigilância em Saúde Diretrizes para a Seleção de Especializandos para o curso de especialização 2015-2016: Curso Vigilância em Saúde Fortaleza, setembro de 2015 Prezado Gestor Municipal, Fortaleza, 09 de outubro de 2015.

Leia mais

Manual do Pesquisa Saúde perfil Pesquisador. Sumário. Informações técnicas do Pesquisa Saúde

Manual do Pesquisa Saúde perfil Pesquisador. Sumário. Informações técnicas do Pesquisa Saúde Manual do Pesquisa Saúde perfil Pesquisador Informações técnicas do Pesquisa Saúde Sistema desenvolvido para rodar em Internet Explorer 9.0 ou superior, Mozilla Firefox 16 ou superior e Google Chrome ou

Leia mais

FORTALEZA 2.571.896. População. Bairros. Regionais mais vulneráveis: VI, V e I. Regional I. Regional II. Regional V Regional VI.

FORTALEZA 2.571.896. População. Bairros. Regionais mais vulneráveis: VI, V e I. Regional I. Regional II. Regional V Regional VI. FORTALEZA 2.571.896 População Regional I Regional CENTRO Regional II Regional III 119 Bairros Regional IV Regional V Regional VI Regionais mais vulneráveis: VI, V e I Como o Cresça começou? Iniciativa

Leia mais

DISPÕE SOBRE A POLÍTICA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE.

DISPÕE SOBRE A POLÍTICA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE. LEI Nº 49/1992 DISPÕE SOBRE A POLÍTICA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE. Cloves Dal Vesco, Prefeito Municipal de Videira, faço saber a todos os habitantes do Município, que a Câmara Municipal

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO. 1. Das disposições gerais:

EDITAL DE SELEÇÃO. 1. Das disposições gerais: EDITAL DE SELEÇÃO Seleção para preenchimento de vagas para jovens sensibilizadores do projeto Rio 2016: Olimpíadas do Direito da Criança e do Adolescente. O Viva Rio, a Frente Nacional de Prefeitos FNP,

Leia mais

Vacinação Contra a Gripe 2015 Perguntas e Respostas

Vacinação Contra a Gripe 2015 Perguntas e Respostas Vacinação Contra a Gripe 2015 Perguntas e Respostas SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA DEPARTAMENTO REGIONAL DE MINAS GERAIS SESI/DRMG Vacinação Contra a Gripe 2015 Perguntas e Respostas BELO HORIZONTE 2015 Serviço

Leia mais

3. DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

3. DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO PROJETO DE EXTENSÃO EDITAL N.º 03/2013 PROJETO RONDON 2013 A Universidade Metodista de São Paulo lança este edital para seleção de estudantes que concorrerão à participação

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE RONDÔNIA CENTRO DE APOIO OPERACIONAL DA INFÂNCIA E JUVENTUDE E DA DEFESA DOS USUÁRIOS DOS SERVIÇOS DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE RONDÔNIA CENTRO DE APOIO OPERACIONAL DA INFÂNCIA E JUVENTUDE E DA DEFESA DOS USUÁRIOS DOS SERVIÇOS DE EDUCAÇÃO APRESENTAÇÃO A humanidade não pode libertarse da violência senão por meio da não-violência. Mahatma Gandhi Em concordância com o Plano Geral de Atuação 2009/2010 do Ministério Público do Estado de Rondônia,

Leia mais

BOTE FÉ NO FUTURO. Colabore com o FECRIANÇA. Sua doação deduzida do imposto de renda.

BOTE FÉ NO FUTURO. Colabore com o FECRIANÇA. Sua doação deduzida do imposto de renda. BOTE FÉ NO FUTURO Colabore com o FECRIANÇA. Sua doação deduzida do imposto de renda. O Fecriança convida você a colaborar para a construção de um futuro de paz e justiça social. Destine parte do seu de

Leia mais

INSTITUTO PAULINE REICHSTUL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA, DIREITOS HUMANOS E DEFESA DO MEIO AMBIENTE

INSTITUTO PAULINE REICHSTUL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA, DIREITOS HUMANOS E DEFESA DO MEIO AMBIENTE INSTITUTO PAULINE REICHSTUL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA, DIREITOS HUMANOS E DEFESA DO MEIO AMBIENTE EDITAL DE CONTRATAÇÃO P03.01/2012 TIPO: CONTRATAÇÃO POR VALOR DETERMINADO MÉTODO DE SELEÇÃO: ANALISE CURRÍCULO

Leia mais

PLANO DE AÇÃO. O presente plano tem como objetivo estabelecer políticas que contribuam para a democratização e melhoria da escola pública.

PLANO DE AÇÃO. O presente plano tem como objetivo estabelecer políticas que contribuam para a democratização e melhoria da escola pública. PLANO DE AÇÃO Objetivos Gerais: O presente plano tem como objetivo estabelecer políticas que contribuam para a democratização e melhoria da escola pública. Ações Gestão Democrática O gestor deve transmitir

Leia mais

SAÚDE MENTAL E ATENÇÃO PRIMARIA À SAÚDE NO BRASIL. Dr Alexandre de Araújo Pereira

SAÚDE MENTAL E ATENÇÃO PRIMARIA À SAÚDE NO BRASIL. Dr Alexandre de Araújo Pereira SAÚDE MENTAL E ATENÇÃO PRIMARIA À SAÚDE NO BRASIL Dr Alexandre de Araújo Pereira Atenção primária no Brasil e no Mundo 1978 - Conferência de Alma Ata (priorização da atenção primária como eixo de organização

Leia mais

A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrada

A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrada A Tipificação e o Protocolo de Gestão Integrada As mudanças com a TIPIFICAÇÃO E O PROTOCOLO DE GESTÃO INTEGRADA nos serviços de Garantia de Direitos Quais as mudanças percebidas na garantia de direitos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE DISCENTES VOLUNTÁRIOS PARA A OPERAÇÃO ITAPEMIRIM DO PROJETO RONDON - 2016 EDITAL N.º 001-2016

PROCESSO SELETIVO DE DISCENTES VOLUNTÁRIOS PARA A OPERAÇÃO ITAPEMIRIM DO PROJETO RONDON - 2016 EDITAL N.º 001-2016 PROCESSO SELETIVO DE DISCENTES VOLUNTÁRIOS PARA A OPERAÇÃO ITAPEMIRIM DO PROJETO RONDON - 2016 EDITAL N.º 001-2016 A PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO, a COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO E ASSUNTOS

Leia mais

CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A

CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A M E N S A G E M À A S S E M B L E I A L E G I S L A T I V A 2 0 1 3 G O V E R N O P A R T I C I P A T I V O, É T I C O E C O M P E T E N T E C o n t r o l a

Leia mais

Gestão das Políticas Públicas e Participação Social Naidison de Quintella Baptista *

Gestão das Políticas Públicas e Participação Social Naidison de Quintella Baptista * Gestão das Políticas Públicas e Participação Social Naidison de Quintella Baptista * Todos nos somos cidadãos. Temos direitos e deveres. Muitos destes direitos e deveres estão nas leis. Pressionar e colaborar

Leia mais

Política de Comunicação Corporativa

Política de Comunicação Corporativa Assistência de Comunicação Institucional Julho de 2012 Introdução Nesta Política de Comunicação estão apresentados os fundamentos da estratégia de comunicação da Celesc Holding e das suas subsidiárias

Leia mais

Sistema de Informação e Gestão da Assistência Social de Pernambuco SIGAS/PE CADASTRO DE ENTIDADE

Sistema de Informação e Gestão da Assistência Social de Pernambuco SIGAS/PE CADASTRO DE ENTIDADE Cadastro de Entidades no Sistema de Informação e Gestão da Assistência Social de Pernambuco SIGAS/PE SEDSDH 1 Sistema de Informação e Gestão da Assistência Social de Pernambuco SIGAS/PE Tipo de entidade:

Leia mais

INSTRUMENTO DE PRIORIZAÇÃO DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE POLÍTICAS PÚBLICAS MUNICÍPIO DE GUARANTÃ DO NORTE

INSTRUMENTO DE PRIORIZAÇÃO DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE POLÍTICAS PÚBLICAS MUNICÍPIO DE GUARANTÃ DO NORTE GRUPO: Desenvolvimento Econômico INSTRUMENTO DE PRIORIZAÇÃO DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE POLÍTICAS PÚBLICAS COMPOSIÇÃO: Desenvolvimento Econômico, Turismo, Economia Solidária, Trabalho, Emprego, Indústria,

Leia mais

Para poder cumprir seus objetivos institucionais a lei especificou as origens das receitas que comporão o Fundo Nacional do Idoso, a saber:

Para poder cumprir seus objetivos institucionais a lei especificou as origens das receitas que comporão o Fundo Nacional do Idoso, a saber: Guia do IRPJ e CSLL: Doações ao Fundo Nacional do Idoso Resumo: Estudaremos neste Roteiro de Procedimentos os aspectos tributários relacionados às doações efetuadas ao Fundo Nacional do Idoso, com vistas

Leia mais

MUNICÍPIO DE ERECHIM EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº _01/2015

MUNICÍPIO DE ERECHIM EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº _01/2015 MUNICÍPIO DE ERECHIM EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº _01/2015 A Prefeitura Municípal de Erechim/RS, no uso de suas atribuições legais, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar

Leia mais

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA. Resultado Preliminar de habilitação do Edital SENASP nº 07/2013

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA. Resultado Preliminar de habilitação do Edital SENASP nº 07/2013 Resultado Preliminar de habilitação do Edital SENASP nº 07/2013 1. A Secretaria Nacional de Segurança Pública torna público o resultado preliminar de habilitação da seleção de propostas estaduais e do

Leia mais

NORMA OPERACIONAL DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NOB/SUAS

NORMA OPERACIONAL DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NOB/SUAS NORMA OPERACIONAL DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NOB/SUAS 2.5 Condições de Habilitação e Desabilitação dos Municípios I. Da Habilitação Para habilitação dos municípios nos níveis de gestão definidos

Leia mais

Ação do Saúde da Família para o Fortalecimento do Controle Social e da Participação Comunitária no SUS

Ação do Saúde da Família para o Fortalecimento do Controle Social e da Participação Comunitária no SUS Ação do Saúde da Família para o Fortalecimento do Controle Social e da Participação Comunitária no SUS Enfermeiro Acadêmico de Direito Justificativa: Saúde como responsabilidade do Estado - Participação

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2014 PREÂMBULO

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2014 PREÂMBULO EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2014 PREÂMBULO Assunto: Inscrição de profissionais formados em comunicação, publicidade ou marketing, ou que atuem em uma dessas áreas, objetivando constituir subcomissão

Leia mais

O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SEGURANÇA URBANA, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei;

O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SEGURANÇA URBANA, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei; PORTARIA 65/03 - SMSU O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SEGURANÇA URBANA, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei; CONSIDERANDO a manifestação da Procuradoria Geral do Município de São Paulo acolhida

Leia mais

Município de Vitória da Conquista/BA

Município de Vitória da Conquista/BA Dispõe sobre a criação dos cargos públicos de agente comunitário de saúde e de agente de combate às endemias de Vitória da Conquista, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA,

Leia mais

Dispõe sobre a criação do Sistema Municipal de Cultura SMCRio e dá outras providências. Capítulo I. Das Definições e Princípios

Dispõe sobre a criação do Sistema Municipal de Cultura SMCRio e dá outras providências. Capítulo I. Das Definições e Princípios MINUTA de Projeto de Lei Municipal n º.../ 2014. Dispõe sobre a criação do Sistema Municipal de Cultura SMCRio e dá outras providências. Capítulo I Das Definições e Princípios Art. 1.º Fica instituído

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ SECERETARIA DE ESTADO DA JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA DELEGACIA DE CRIMES CONTRA A MULHER ZONA NORTE DE MACAPÁ

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ SECERETARIA DE ESTADO DA JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA DELEGACIA DE CRIMES CONTRA A MULHER ZONA NORTE DE MACAPÁ GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ SECERETARIA DE ESTADO DA JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA DELEGACIA DE CRIMES CONTRA A MULHER ZONA NORTE DE MACAPÁ SET/2008 1. Diagnóstico: A violência em todo o mundo, é resultado

Leia mais

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de Santa Cecília Gabinete do Prefeito

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de Santa Cecília Gabinete do Prefeito Lei Nº 200/2015 REVOGA A LEI Nº 07/1997, DÁ NOVA CONFIGURAÇÃO E ATRIBUIÇÕES AO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE E DE POLÍTICA AMBIENTAL E SANEAMENTO BÁSICO (COMSPASB) E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS Art. 1º. Em conformidade

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº /2013

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº /2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE CARLOS CHAGAS - MG PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº /2013 Cria os cargos de Coordenador de Programas Sociais, com base na Lei Complementar 1835, de 19 de janeiro de 2012, e dá outras

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO. Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 01/2016

EDITAL PROCESSO SELETIVO. Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 01/2016 EDITAL PROCESSO SELETIVO Instituição Criança Somos o Amanhã Nº 01/2016 A Instituição Beneficente De Assistência A Criança: Criança Somos O Amanhã PROJETO SOL, com se na Av. Região Suste, nº 495, Barcelona,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

REGIMENTO INTERNO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE REGIMENTO INTERNO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE CIANORTE PARANÁ 2010 REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO MUNICPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE CIANORTE PARANÁ CAPÍTULO

Leia mais

Resumo da Lei nº8080

Resumo da Lei nº8080 Resumo da Lei nº8080 Lei n. 8.080, 19 de setembro de 1990 Sancionada pelo Presidente da República, Sr. Fernando Collor, e decretada pelo Congresso Nacional, foi publicada no Diário Oficial da União em

Leia mais

PPA e o SUS: gestão, participação e monitoramento

PPA e o SUS: gestão, participação e monitoramento PPA e o SUS: gestão, participação e monitoramento Jorge Abrahão de Castro Diretor de Temas Sociais da SPI/MPOG Brasília-DF, 26 de agosto de 2015 1 Inovações para o PPA 2016-2019 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO

Leia mais

COMO DESTINAR PARTE DO IMPOSTO DE RENDA DEVIDO. Existe hoje uma grande valorização para pessoas engajadas e responsáveis socialmente.

COMO DESTINAR PARTE DO IMPOSTO DE RENDA DEVIDO. Existe hoje uma grande valorização para pessoas engajadas e responsáveis socialmente. COMO DESTINAR PARTE DO IMPOSTO DE RENDA DEVIDO. Flávia Boavista F. Ruiz Existe hoje uma grande valorização para pessoas engajadas e responsáveis socialmente. É importante que se faça a destinação de parte

Leia mais

Resíduos da Construção Civil e o Estado de São Paulo

Resíduos da Construção Civil e o Estado de São Paulo Resíduos da Construção Civil e o Estado de São Paulo JOÃO LUIZ POTENZA Diretor do Centro de Projetos Coordenadoria de Planejamento Ambiental Secretaria do Meio Ambiente Resultados SMA Convênio SMA e SindusConSP

Leia mais

I Seminário Estadual sobre Segurança Escolar: Consolidando uma Cultura de Paz e Direitos Humanos na Escola

I Seminário Estadual sobre Segurança Escolar: Consolidando uma Cultura de Paz e Direitos Humanos na Escola I Seminário Estadual sobre Segurança Escolar: Consolidando uma Cultura de Paz e Direitos Humanos na Escola Ana Coelho Vieira Selva Não existe um caminho para a paz. A paz é o caminho. Mahatma Gandhi A

Leia mais

REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIA FORNECEDOR

REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIA FORNECEDOR REGULAMENTO DE ASSOCIAÇÃO A ABF CATEGORIA FORNECEDOR A SUA EMPRESA CONSULTORIA ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA - NA ABF Obrigado pelo seu interesse em associar a ABF. Este documento contém o Regulamento do Processo

Leia mais

Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos

Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Elaboração do PPA 2016-2019 DIMENSÃO ESTRATÉGICA O Planejamento não pode prescindir de reflexões sobre quais as estratégias para o desenvolvimento

Leia mais

CIDADANIA: será esse o futuro do desenvolvimento do País?

CIDADANIA: será esse o futuro do desenvolvimento do País? THATIANA SOUZA CIDADANIA: será esse o futuro do desenvolvimento do País? Projeto de pesquisa apresentado ao Programa de Pós- Graduação do Cefor como parte das exigências do curso de Especialização em Legislação

Leia mais

Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental.

Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI No 10.216, DE 6 DE ABRIL DE 2001. Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona

Leia mais

ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015

ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015 ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015 NOME DO PROJETO: ORGANIZAÇÃO PROPONENTE: DATA : / / ÍNDICE DO PROJETO ASSUNTO PÁG. I - CARACTERIZAÇÃO DO PROJETO - TÍTULO

Leia mais

MAIS EDUCAÇÃO. Brasília, 2008. Instituído pela Portaria Interministerial nº 17/2007, de 24/04/2007

MAIS EDUCAÇÃO. Brasília, 2008. Instituído pela Portaria Interministerial nº 17/2007, de 24/04/2007 Instituído pela Portaria Interministerial nº 17/2007, de 24/04/2007 -Ministério da Educação -Ministério do Esporte -Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome -Ministério da Cultura -Ministério

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social Centro de Imprensa. Índice Futuridade

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social Centro de Imprensa. Índice Futuridade Índice Futuridade Plano Futuridade O FUTURIDADE: Plano Estadual para a Pessoa Idosa é uma iniciativa da Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social - Seads que objetiva fortalecer a rede

Leia mais

COMITÊ DE BACIA DA REGIÃO HIDROGRÁFICA DA BAÍA DA ILHA GRANDE CBH-BIG

COMITÊ DE BACIA DA REGIÃO HIDROGRÁFICA DA BAÍA DA ILHA GRANDE CBH-BIG Anexo I EDITAL Convocação do Processo Eleitoral para composição das vagas restantes no Plenário do Comitê de Bacia da Região Hidrográfica da Baía da Ilha Grande Biênio 2012-2014 CBH-BIG O Comitê de Bacias

Leia mais

Este ano será possível fazer a declaração no modo online através do e-cac Fatos Relevantes:

Este ano será possível fazer a declaração no modo online através do e-cac Fatos Relevantes: Este ano será possível fazer a declaração no modo online através do ecac Fatos Relevantes: 1) Caso seu interesse seja Publicar no DIÁRIO OFICIAL do MUNICÍPIO do RJ Rio de Janeiro, CLIQUE AQUI 2) Caso seu

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL Ministério da Educação Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL Ministério da Educação Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2011 Processo nº 23223.000581/2011-21 Assunto: Inscrição de profissionais formados em comunicação, publicidade ou marketing, ou que atuem em uma dessas áreas, com o

Leia mais

Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor

Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor De servidor para servidor Conhecemos o dia a dia de quem trabalha para mover o estado mais importante

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA P A I R UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ - REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS Programa de Ações Integradas e Referenciais de Enfrentamento à Violência Sexual Infanto-Juvenil no Território

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE ATRIBUIÇÃO DE APOIO NO ÂMBITO DOS ENSAIOS GERAIS SOLIDÁRIOS

TERMOS E CONDIÇÕES DE ATRIBUIÇÃO DE APOIO NO ÂMBITO DOS ENSAIOS GERAIS SOLIDÁRIOS TERMOS E CONDIÇÕES DE ATRIBUIÇÃO DE APOIO NO ÂMBITO DOS ENSAIOS GERAIS SOLIDÁRIOS CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objecto) O presente documento define os termos e as condições de atribuição de

Leia mais

SUAS E AS DESIGUALDADES REGIONAIS: GESTÃO E FINANCIAMENTO REGIÃO CENTRO-OESTE. RIO VERDE, 03 e 04 de abril de 2013

SUAS E AS DESIGUALDADES REGIONAIS: GESTÃO E FINANCIAMENTO REGIÃO CENTRO-OESTE. RIO VERDE, 03 e 04 de abril de 2013 Encontro Regional CONGEMAS SUAS E AS DESIGUALDADES REGIONAIS: GESTÃO E FINANCIAMENTO REGIÃO CENTRO-OESTE RIO VERDE, 03 e 04 de abril de 2013 Cadastro Único e Vigilância Socioassistencial A Vigilância socioassistencial

Leia mais

São Paulo, 28 de junho de 2016 Edital nº10/2016 Tradução de textos de produtos editoriais

São Paulo, 28 de junho de 2016 Edital nº10/2016 Tradução de textos de produtos editoriais São Paulo, 28 de junho de 2016 Edital nº10/2016 Tradução de textos de produtos editoriais O Instituto Pólis pretende selecionar empresa ou profissional especializado na versão de textos em português para

Leia mais

Natureza do Serviço Modalidade / N de vagas Localidade de Trabalho

Natureza do Serviço Modalidade / N de vagas Localidade de Trabalho MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO E DIVERSIDADE TERMO DE REFERÊNCIA (TOR) N.º e Título do Projeto OEI/ BRA/ 10/ 001 Fortalecimento da Capacidade Institucional da Diretoria

Leia mais

PARECER SOBRE A LEI ROUANET ARTIGO 26 APLICADOS ÀS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS

PARECER SOBRE A LEI ROUANET ARTIGO 26 APLICADOS ÀS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS PARECER SOBRE A LEI ROUANET ARTIGO 26 APLICADOS ÀS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS 1) FUNDAMENTO LEGAL: Objetivando expressar nosso Parecer Técnico sobre a legislação que fundamenta o Incentivo Fiscal (Renúncia

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA A QUALIFICAÇÃO DE VERIFICADOR DE PÓS-AVALIAÇÃO. Versão 1.0 Dezembro 2015

PROCEDIMENTO PARA A QUALIFICAÇÃO DE VERIFICADOR DE PÓS-AVALIAÇÃO. Versão 1.0 Dezembro 2015 PROCEDIMENTO PARA A QUALIFICAÇÃO DE VERIFICADOR DE PÓS-AVALIAÇÃO Versão 1.0 Dezembro 2015 Índice 1. Objetivo... 2 2. Campo de aplicação... 2 3. Documentos de referência... 2 4. Qualificação de verificadores

Leia mais

PROGRAMA PREFEITO AMIGO DA CRIANÇA - GESTÃO 2013-2016 MAPA PPAC - MÓDULO PMIA

PROGRAMA PREFEITO AMIGO DA CRIANÇA - GESTÃO 2013-2016 MAPA PPAC - MÓDULO PMIA PROGRAMA PREFEITO AMIGO DA CRIANÇA - GESTÃO 2013-2016 MAPA PPAC - MÓDULO PMIA Aba de Abertura Mensagem de Entrada Prezado(a) Articulador(a), MUNICÍPIO/UF Na gestão 2013 2016, o Programa Prefeito Amigo

Leia mais

EDITAL PREAE Nº 16, DE 23 DE ABRIL DE 2013

EDITAL PREAE Nº 16, DE 23 DE ABRIL DE 2013 EDITAL PREAE Nº 16, DE 23 DE ABRIL DE 2013 O Pró-Reitor de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições, torna público o presente

Leia mais

Orientações Para o Preenchimento do Formulário de Inscrição Preliminar dos Projetos

Orientações Para o Preenchimento do Formulário de Inscrição Preliminar dos Projetos Orientações Para o Preenchimento do Formulário de Inscrição Preliminar dos Projetos O presente documento tem como objetivo apresentar as diretrizes e orientar no preenchimento do formulário de inscrição

Leia mais

A água é um bem de uso do povo

A água é um bem de uso do povo A água é um bem de uso do povo Idéias para divulgação da nova Lei das Águas: Semanalmente, no site Ingá (se possível no site das instituições parceiras), apareceria um banner contendo chamada para cada

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Recursos Humanos. Ofício-Circular nº 03 /SRH/MP Brasília, 10 de março de 2004.

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Recursos Humanos. Ofício-Circular nº 03 /SRH/MP Brasília, 10 de março de 2004. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Recursos Humanos Ofício-Circular nº 03 /SRH/MP Brasília, 10 de março de 2004. Senhor Dirigente de Recursos Humanos dos Órgãos e Entidades da

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR

EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR O Núcleo de Projetos comunitários (NPC) da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR),

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO Nome da capital/estado: Vitória/Espírito Santo. Endereço do portal: http://www.vitoria.es.gov.br/

IDENTIFICAÇÃO Nome da capital/estado: Vitória/Espírito Santo. Endereço do portal: http://www.vitoria.es.gov.br/ QUESTIONÁRIO 1 DE COLETA DE DADOS GRAU DE MATURIDADE do serviço prestado eletronicamente Aplicação direcionada aos portais institucionais oferecidos pelas prefeituras das capitais brasileiras IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

l Seminário SUSEP de Educação Financeira 19 de Maio Hotel Prodigy SDU

l Seminário SUSEP de Educação Financeira 19 de Maio Hotel Prodigy SDU l Seminário SUSEP de Educação Financeira 19 de Maio Hotel Prodigy SDU 1 Quem Somos? 2 Players Iniciativa Realização Patrocínio Parceria Execução Ministério do Trabalho e Previdência Social Ministério do

Leia mais