Desenvolvimento para dispositivos móveis que utilizam plataforma ios

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desenvolvimento para dispositivos móveis que utilizam plataforma ios"

Transcrição

1 Capítulo 8 Desenvolvimento para dispositivos móveis que utilizam plataforma ios Roniel Soares de Sousa, José Almí Soares Filho, Ricardo Teles Freitas, Kelson Aires, André Soares, Vinicius Machado, Laurindo Britto Neto Laboratório de Inteligência Computacional (LabInC) da Universidade Federal do Piauí (UFPI) Abstract This chapter describes the main principles for the applications development for ios devices iphone, ipad and ipod Touch. The main tool required for such activity, the Xcode, is presented. Moreover, this work will approach the Objective-C programming language, Views manipulation, the use of the ios Simulator tool used for testing the applications and even the connectivity technologies functionality (Bluetooth and Wi- Fi). Resumo Este capítulo descreve princípios fundamentais para o desenvolvimento de aplicativos para dispositivos que utilizam a plataforma ios iphone, ipad e ipod Touch. Apresentar-se-á a principal ferramenta necessária nesta atividade, o Xcode. Além disso, este trabalho abordará a linguagem de programação Objective-C, manipulação de Views, o uso do ios Simulator ferramenta utilizada para testar as aplicações e até mesmo o funcionamento de tecnologias de conectividade (Bluetooth e Wi-Fi) Introdução Esta seção apresenta o ios SDK, kit de desenvolvimento de sistemas para ios. É coberto desde a sua instalação até a definição dos principais componentes Obtendo o ios SDK (Software Development Kit) O ios SDK é um conjunto de aplicações necessárias para desenvolver aplicativos para dispositivos móveis (conhecidos popurlamente como apps), que rodam nativamente no 166

2 ios. Ele fornece uma grande variedade de programas que dão suporte ao desenvolvedor nas etapas de produção do app. Para obter acesso ao ios SDK, é necessário inicialmente possuir uma conta na App Store (loja virtual de aplicativos para ios). Abaixo está o link para download: - Além disso, você precisa de um Mac baseado em Intel com o Mac OS Snow Leopard ou superior instalado. O ios SDK é dividido em diferentes componentes que auxiliam no desenvolvimento das aplicações. Tais componentes são: Xcode, DashCode, ios Simulator, e Instruments. Dentre eles, os mais utilizados aqui serão o Xcode e o ios Simulator. NOTA: Neste minicurso será considerada a versão 4 do SDK, versão mais atual no momento da confecção deste minicurso Componentes do SDK O SDK do ios inclui as seguintes ferramentas: XCode - Ambiente de desenvolvimento integrado através do qual o programador gerencia, edita e depura os projetos. Dashcode - Ambiente de desenvolvimento integrado voltado para produzir aplicações web para ios, assim como Dashboard Widgets. ios Simulator - Simulador do ios. Interface Builder - Editor gráfico para projetar interfaces, que está integrado ao XCode desde a versão 4. Nas versões anteriores o Interface Builder não compunha o XCode mas vinha separado no SDK. Instruments - Programa que visa analisar o desempenho dos apps. O SDK do ios também inclui outras aplicações. Entretanto, este minicurso está focado apenas no XCode, Interface Builder, e no ios Simulator. Nas próximas seções tais componentes serão detalhados XCode O XCode é o principal ambiente, onde se desenvolvem as aplicações, tanto na sua parte gráfica, com auxílio de um construtor de interfaces gráficas que auxilia de maneira bastante intuitiva na criação da interface, quanto na sua parte funcional, feita através do código escrito em Objective-C. Este ambiente de desenvolvimento integrado (IDE) permite que o programador comece sua aplicação a partir de modelos pré definidos (templates): Navigation-based application: Tema que viabiliza um ponto de partida para uma aplicação com controle de navegação. OpenGL ES Application: Permite utilizar uma visualização na qual é possível renderizar uma cena OpenGL ES. Split View-based Application: Começa uma aplicação com uma visualização do tipo dividida e duas visualizações comuns. 167

3 Tab Bar Application: Começa uma aplicação com um controlador de barra e um controlador de visualização do primeiro item da barra. Utility Application: Inicia uma aplicação com uma visualização principal e uma outra do tipo flipside. View-based Application: Provem uma visualização com um controlador e um arquivo.nib. Window-based Application: Template inicial para qualquer tipo de aplicação. Alguns desses templates são exclusivos para determinados dispositivos, mesmo rodando sobre a mesma plataforma. Por exemplo o template Split-View Based serve apenas para ipad ios Simulator Outra ferramenta importante que o SDK fornece é o simulador que imita o funcionamento de um iphone, ipad ou iphone Retina utilizando o ios. É importante notar que esta ferramenta é um simulador, ou seja ela tenta imitar o comportamento do ios nos dispositivos baseando-se no MAC OS para compilar o código da aplicação. Isso significa que ela irá usar as bibliotecas presentes no MAC para fazer a aplicação se comportar como se estivesse num verdadeiro iphone, embora em um dispositivo real a aplicação precise ser compilada para o byte-code usado nele. O iphone utiliza um código baseado na arquitetura ARM para isso. O simulador apresenta algumas características importantes do dispositivo real. Entre elas estão os movimentos de toque: toque leve, duplo toque e pinça, rotações de tela e simulações de avisos de pouca memória. Porém outras características importantes como fazer ligações, utilizar a câmera ou o acelerômetro não estão disponíveis até a versão 4.3 do simulador Interface Builder (Integrado ao Xcode) O Interface Builder favorece a construção de interfaces gráficas para o usuário, fornecendo elementos gráficos baseados no drag-and-drop (arrastar e soltar) e formas intuitivas de conectar tais elementos com o código. Os conceitos de Outlets e Actions são essenciais para se compreender como são ligados os elementos gráficos do Interface Builder com as funcionalidades do código Objective-C A Objective-C é uma linguagem de programação orientada a objeto, desenvolvida pela Apple, a fim de ser usada tanto no desenvolvimento para MAC OS X quanto para o ios. É uma extensão da linguagem C padrão, portanto quem já possui certa experiência com a programação em C não terá problemas na adaptação ao Objective-C. Para entender o código de uma aplicação em tal linguagem é preciso saber como são divididos seus arquivos:.h Arquivos de cabeçalho, onde se localizam as declarações de objetos e métodos..m Arquivos de implementação, como sugere o próprio nome, contém a implementação do que foi declarado nos arquivos de cabeçalho. 168

4 A seguir veremos algumas características da Linguagem Objective-C Diretivas Para incluir bibliotecas na implementação de código usa-se o pré-processador de diretivas, no caso do Objective-C, o #import, que atua de forma igual ao #include no C ou C Classes Como Objective-C é uma linguagem orientada a objetos, existe a necessidade de um certo conhecimento sobre classes. Para declarar uma classe como no exemplo a NomeDaClasse : NSObject NSObject refere-se a classe da qual a classe declarada herda. Já na implementação de uma classe além da declaração da mesma. Veja o exemplo: #import NomeDaClasse Entretanto, podem ocorrer casos de importação cíclica, onde uma determinada classe, que será chamada de ClasseUm, tem como atributo uma instância de uma certa ClasseDois e vice-versa, tendo assim a necessidade de cada uma ser importada na outra. Para evitar isso, faz-se necessário o uso como mostrado abaixo: ClasseUm : NSObject{ ClasseDois #import ClasseDois : NSObject{ ClasseUm *classeum; 169

5 @end Instanciando classes Para criar uma instância de determinada classe em Objective-C, devemos usar a palavra alloc, que permite reservar um espaço na memória para o novo objeto. Além disso, usa-se o caractere * (asterisco) precedendo o nome da variável que irá referenciar o objeto criado, exceto nos casos em que a variável é de tipo primitivo. O trecho abaixo exemplifica a criação de um objeto: ClasseQualquer *classequalquer = [ClasseQualquer alloc]; Métodos Como qualquer linguagem orientada a objetos, em Objective-C existem métodos. Métodos são funções definidas dentro de uma classe e podem ser de dois tipos: Métodos de instância: são usados apenas através da instância de uma classe e em Objective-C são precedidos pelo caractere -. Exemplo: - (void) facaalgo { //Implementação Caso existam parâmetros: - (void) facaalgo:(nsstring *) outroparametro: (NSInteger *){ //Implementação Para fazer a chamada de métodos de instância: [objeto metodo]; Caso existam parâmetros: [objeto metodo: parametro1 outroparametro: parametro2]; Métodos de classe: São usados diretamente com o nome da classe, não se fazendo necessária a existência de uma instância. Em Objective-C são precedidos pelo caractere +. Exemplo: + (void) facaalgo { //Implementação Caso existam parâmetros: + (void) facaalgo:(nsstring *) outroparametro: (NSInteger *){ 170

6 //Implementação Para fazer a chamada de métodos de classe: [classe metodo]; Caso existam parâmetros: [classe metodo: parametro1 outroparametro: parametro2]; Privilégios de acesso Os campos de uma classe não devem ser acessados de qualquer forma, pois a alteração de um desses campos indevidamente pode causar erros. Para evitar que isso aconteça existem os privilégios de acesso. Por padrão os campos em Objective-C são do mas existem ainda 2 outros tipos, veja a Campo visível tanto na classe em que foi declarada quanto nas que herdam da Campo visível em todas as Campo visível apenas na classe em que foi declarado. Exemplo de como mudar o privilégio de acesso de um campo: ClasseQualquer : NSObject{ OutraClasse float NSString Propriedades As propriedades permitem um maior controle sobre como os campos da classe são definidos ou retornados, sendo mais útil que os privilégios de acesso vistos anteriormente. Elas criam automaticamente os chamados assessores (getters e setters). Exemplo de como definir um campo como propriedade: #import ClasseQualquer : NSObject{ OutraClasse *outraclasse; float rate; NSString *name; 171

7 @property float (retain, nonatomic) NSString *name; -(void)dosomething; -(void) dosomething:(nsstring*)str; -(void)dosomething:(nsstring*) strwithanotherpara:(float)value; Já na implementação usa-se o como a seguir: #import rate, name; Veja que após o do campo name foram colocadas as palavras retain e nonatomic, elas são as responsáveis pelas modificações na definição e no modo como o campo é retornado Inicializadores Quando uma instância de uma classe é criada existe a necessidade de inicializá-la. Em Objective-C é usada a palavra-chave init para a inicialização dessa instância. Entretanto, também há a possibilidade de criar inicializadores adicionais, definindo-se métodos iniciados com init. Exemplo de inicialização: [[ClasseQualquer alloc] init]; Exemplo de inicializadores adicionais: ClasseQualquer:NSObject{ OutraClasse *OutraClasse; float rate; NSString float (retain,nonatomic) NSString *name; -(void)dosomething; -(void)dosomething:(nsstring*) str; 172

8 -(void)dosomething:(nsstring*) strwithanotherpara: (float)value; +(void)alsodosomething; - (id)initwithname:(nsstring *) n; - (id)initwithname:(nsstring *) n andrate:(float) E a implementação é feita da seguinte forma: - (id)initwithname:(nsstring *) n { return [self initwithname:n andrate:0.0f]; - (id)initwithname:(nsstring *) n andrate:(float) r { if (self = [super init]) { self.name = n; self.rate = r; return self; Protocolos Protocolos funcionam de forma bem parecida às interfaces de programação, porém com a diferença que o programador pode escolher o que a classe vai implementar ou não. Assim existe a possibilidade de se adicionar um protocolo e usar apenas um método declarado por ele. Para melhor entendimento veja o trecho abaixo: UIAlertView*alert=[[UIAlertViewalloc] Hello This is an alert view delegate:self OK Option Option 2, nil]; [alertshow]; O código anterior ilustra um alerta na tela, isso será explicado mais detalhadamente na seção 9.4. O trecho em negrito é usado quando se quer adicionar botões ao alerta, e para saber qual botão foi clicado é necessário manipular métodos declarados no protocolo UIAlertViewDelegate. Os protocolos devem ser adicionados no arquivo.h da classe em que se quer implementar, como no explicitado no exemplo a seguir: 173

9 @interface ObjCTestViewController:UIViewController <UIAlertViewDelegate> { //Declaração de Agora basta fazer a implementação do método desejado no arquivo.m Anatomia de um aplicativo para ios e Hello World Para exemplificar a criação de um projeto, vamos desenvolver um aplicativo Hello World. Para isto, siga as seguintes etapas: 1. Abra o Xcode e você verá a tela de boas vindas como mostra a Figura 8.1. Acesse File New New Project para criar um novo projeto. 2. Você poderá observar na nova janela os vários tipos de projetos que podem ser criados, conforme explicado anteriormente. Escolha View-based Application e clique em Next. 3. Na próxima janela, nomeie o projeto para HelloWorld e em Device Family escolha iphone. Clique em Next e escolha o local onde deseja salvar o projeto. No lado esquerdo da nova janela você poderá observar os vários arquivos gerados com o projeto. Assim como em qualquer aplicativo em C, em Objective-C o programa é inicializado por uma função main, que no nosso projeto está localizada na pasta Supporting Files, dentro do arquivo main.m. Porém, é necessário editá-lo. Foram criadas duas classes com o nosso projeto. A primeira, HelloWorldAppDelegate, receberá e manipulará importantes mensagens durante o tempo de execução do aplicativo. Já a HelloWorldViewController é a primeira visualização, que foi criada automaticamente porque escolhemos View-Based Application na hora da criação do projeto. Observe o método (BOOL)application: (UIApplication*) applicationdidfinishlaunchingwithoptions: (NSDictionary*) launchoptions presente no arquivo HelloWorldAppDelegate.m. Ele será invocado assim que o aplicativo for inicializado completamente. Observe que ele é o responsável pela exibição da primeira visualização, que é uma instância da classe HelloWorldViewController. 4. No lado esquerdo, realize um clique simples no arquivo HelloWorldViewController.xib para exibir o Interface Builder. 174

10 5. No canto superior direito, existem botões para exibir novas áreas na janela. Clique no botão de utilitários, como destacado na Figura 8.1, para exibir a área de Utilitários. Figure 8.1. Interface Builder. 6. No canto inferior direito, observa-se a biblioteca de objetos. Clique e arraste um Label para o Interface Builder. Aumente o tamanho do label. Depois, com o label selecionado, clique no ícone Attributes Inspector para editar o mesmo. Na tag name, digite Hello World. Sua janela deverá ficar como na Figura 8.2. Figura 8.2. Colocando um label na aplicação. 175

11 7. Por fim, clique no botão Run, localizado no canto superior esquerdo. O ios Simulator deverá abrir automaticamente e exibir o aplicativo com o Hello World, conforme ilustra a Figura Actions e Outlets Figura 8.3. ios Simulator com Hello World. Outlets e Actions são dois dos principais conceitos que você tem que entender para programar para ios. Quando o objetivo é utilizar atributos de uma determinada classe como referência para algum objeto criado pelo Interface Builder, é necessário declará-los como Outlet. Para isto, basta declarar o atributo no arquivo.h como segue abaixo: IBOutlet <Class> *<var>; em que <Class> representa o nome da classe a que pertence o atributo, e <var> é o nome da variável. Ex: IBOutlet NSString *nome; Caso o atributo não fosse declarado com a tag IBOutlet, ele não poderia ser visualizado pelo Interface Builder. Para ligar o Outlet a algum objeto do Interface Builder, siga os passos abaixo: 1. Com o projeto anterior aberto, vá no arquivo HelloWorldViewController.h e adicione o código destacado HelloWorldViewController : UIViewController { 176

12 IBOutlet UIButton *button; 2. Clique no arquivo HelloWorldViewController.xib, insira um Round Rect Button logo abaixo do Label Hello World e renomeio para Enviar, da mesma maneira que foi inserido o label. 3. Clique com o botão direito no ícone File Owner, arraste para o botão criado e solte. Será exibida uma janela com os Outlets disponíveis para seleção, escolha button. Figura 8.4. Outlets. Pronto, agora você já pode manipular o botão criado no Interface Builder através do atributo button criado no.h. Vamos exemplificar isto alterando o nome do botão. Para isto, implementaremos o método viewdidload no arquivo HelloWorldViewController.m. Você pode observar que este método já existe, porém está em forma de comentário. Descomente-o e adicione o código destacado abaixo: -(void)viewdidload { [button Novo forstate:uicontrolstatenormal]; [super viewdidload]; Pressione Run para testar, se tudo tiver ocorrido como o esperado, o ios Simulator deverá exibir o botão com o nome Novo. 177

13 Já quando deseja-se que algum método seja invocado por algum objeto do Interface Builder, é necessário declará-lo no arquivo.h como segue abaixo: - (IBAction) <metodo> ; em que <metodo> receberá o nome do método. A utilização de parâmetros segue normalmente. Ex: -(IBAction) imprimenome:(nsstring*) nome; Para exemplificar a utilização de Actions, siga o exemplo abaixo: 1. Com o projeto anterior aberto, vá no arquivo HelloWorldViewController.h e adicione o código destacado HelloWorldViewController : UIViewController { IBOutlet UIButton *button; -(IBAction) buttonpressed; 2. Vamos agora implementar o método criado. Para isto, abra o arquivo HelloWorldViewController.m e adicione o código destacado HelloWorldViewController -(void) buttonpressed { UIAlertView *alert = [[UIAlertView alloc] pressionou o botão. delegate:self otherbuttontitles:nil]; [alert show]; [alert release]; O que fizemos foi criar um alerta e exibí-lo toda vez que o método for chamado. 3. Abra o arquivo HelloWorldViewController.xib. Clique com o botão direito no botão Enviar e arraste para File Owner (sentido contrário ao feito com o Outlet). Será exibida uma janela com os eventos disponíveis, escolha buttonpressed. Com isso, toda vez que o botão for pressionado, ele chamará o método buttonpressed. 4. Salve o projeto, clique em Run e pressione o botão Novo. Se tudo tiver ocorrido como o esperado, será exibido um alerta como mostra a Figura 8.5. Clique em Ok para fechar o alerta. 178

14 8.5. Adicionando views Figura 8.5. IBAction, Alerta Window-Based Application Até então o único template do XCode explorado foi o View-based application que já traz um controlador de visualizações e uma visualização ligada à janela principal da aplicação. Para o projeto alcançar essa etapa, primeiramente, ele foi desenvolvido a partir de um template básico chamado Window-based application. Este template oferece somente o alicerce para qualquer aplicação que rode em iphone, e todo o restante deve ser criado pelo programador. A vantagem de se usar um template assim é que qualquer tipo de aplicação com qualquer tema inicial pode surgir de uma aplicação Window-based, em contrapartida, por ser um template muito básico, o desenvolvedor precisa construir toda a aplicação quase do zero. O programador deve escolher, de acordo com suas necessidades, o template adequado para sua aplicação. Se nenhum template for correto para o tipo de aplicação que o desenvolvedor almeja, então ele pode começar a aplicação a partir do template Window-based application e fazer todo o app da maneira que desejar. Agora iremos mostrar como o template View-based application é criado a partir do Window-based application. Para isso será criada uma visualização e um controlador de visualizações ao projeto. 1. Crie um projeto no XCode para uma aplicação ios com o template Windowbased application, coloque o nome Window e selecione a opção destinado a iphone. 2. Clique no arquivo WindowAppDelegate.xib, isso irá mostrar a janela principal do app. Note que, ao rodar o aplicativo neste ponto, será possível ver apenas uma tela 179

15 branca sem nenhuma visualização dentro, diferente de um template View-based que traz uma tela cinza. Isto ocorre porque não há um controlador de visualizações nem mesmo uma visualização vinculada ao aplicativo. 3. Agora vá no menu View/Utilities/ e clique em Show Object Library, uma coluna no lado direito da tela surgirá com os objetos na parte de baixo. 4. Arraste o objeto View Controller para qualquer local do editor fora da janela principal do app, isto irá exibir outra janela ao lado da principal. Neste passo você está inserindo um controlador de visualizações como objeto na instância que representa a janela principal do projeto. 5. Clique com o botão direito do mouse na pasta que tem o nome do projeto no navegador de projeto, coluna mais à esquerda do XCode. Na janela selecione a opção New File e então escolha o template do tipo ios Cocoa Touch chamado UIVIewController subclass. Marque a opção With XIB for user interface, clique em Next, nomeie a classe para primeiraview e selecione o local para salvá-la. Agora você tem um programa mais modularizado com uma visualização separada para usar no projeto. Essa visualização ainda não está associada à janela principal do app, no entanto você já pode trabalhar nela. 6. Selecione o arquivo primeiraview.xib que foi gerado do passo anterior e insira um objeto UIButton chamado Round Rect Button que pode ser encontrado na biblioteca de objetos (coluna da direita no canto inferior). Realize um duplo clique nele e nomei-o para Visualização conectada. Ao rodar o aplicativo neste ponto você perceberá que, mesmo tendo alterado a visualização do arquivo que acabou de inserir, ainda não será possível acessá-la no app, pois ela ainda não está vinculada à janela principal. 7. Selecione o outro arquivo, MainWindow.xib, e clique no objeto View Controller. Acesse o menu View/Utilities/ e clique em Show Identity Inspector, ele irá aparecer no canto direito do construtor gráfico. Em Custom Class selecione a classe que você criou no passo 5. Agora vá no inspetor de atributos, clicando em Show Attributes Inspector em View/Utilities/, no campo NIB Name escreva o nome da classe que você criou no passo 5. Aperte Command + S. 8. Clique no arquivo WindowAppDelegate.h e adicione o seguinte trecho de código que está em negrito: #import mesaappdelegate : NSObject (nonatomic, retain) IBOutlet UIWindow (nonatomic, retain) IBOutlet primeiraview Ao fazer isso você está declarando um atributo para o objeto WindowAppDelegate da aplicação e ele será visível no construtor de interface. 180

16 9. Agora clique no arquivo WindowAppDelegate.m e adicione o trecho de código que está em negrito: #import "mesaappdelegate.h" #import window = _window,teste; - (BOOL)application:(UIApplication*)application didfinishlaunchingwithoptions:(nsdictionary*)launchoptions { // Override point for customization after application launch. [_window addsubview:teste.view]; [self.window makekeyandvisible]; return YES; - (void)dealloc// Últimas linhas { [teste release]; [_window release]; [super dealloc]; 10. Vá ao MainWindow.xib, clique com o botão direito do mouse no ícone do objeto Window App Delegate e arraste para o ícone primeiraview. Irá aparecer uma pequena janela com o nome do atributo do tipo primeiraview criado na interface WindowAppDelegate.h, clique nele e salve. Esse movimento representa a conexão entre o atributo criado para o objeto WindowAppDelegate e a classe que você inseriu. 11. Pressione Command + R para rodar a aplicação. Ela deverá exibir a tela da classe inserida no passo 5. Este projeto que começou com o template Window-based Application é agora uma aplicação idêntica a uma que começa como o template View-based application Adicionando Views dinamicamente Outra maneira de se adicionar uma visualização é através do código. Dessa maneira pode-se colocar uma visualização com o aplicativo em execução, característica que deverá ser bastante explorada pelo desenvolvedor para aliviar a quantidade de elementos da primeira visualização, deixando o código mais modularizado e legível. O objeto UIView que será adicionado dinamicamente funciona como um container para outras visualizações como botões, textos, campos de texto e até mesmo para um outro container. A primeira visualização do projeto servirá de base para suportar o objeto que será inserido dinamicamente, portanto, este objeto dependerá da base para existir. 181

17 Para adicionar uma visualização dinamicamente, inicie um projeto do tipo View-based application destinado a iphone com o nome viewbased. 1. Clique no arquivo viewbasedviewcontroller.xib, insira um objeto Round Rect Button e nomeie-o para Mudar Visualização, aperte Command + S. Esse botão vai servir de gatilho para mudar da primeira para a segunda visualização. 2. Adicione um novo arquivo do tipo UIViewController com o nome novavisualizacao. Clique no arquivo.xib gerado por ele, adicione um Label e coloque o nome Nova Visualização nele. Essa nova classe vai gerar o objeto que será usado na segunda visualização. 3. Clique no arquivo viewbasedviewcontroller.h, e acrescente o seguinte trecho de código em negrito e aperte Command + S: #import docsviewcontroller : retain) novavisualizacao *nova; A nova visualização será declarada como um atributo da primeira com o nome nova. 4. Clique agora no arquivo da implementação viewbasedviewcontroller.m, acrescente o trecho de código em negrito e aperte Command + S: #import "docsviewcontroller.h" #import nova; -(IBAction)mudarVisualizacao{ nova = [[novavisualizacao alloc] init]; [self.view addsubview:nova.view]; -(void)dealloc{ [nova release]; [super dealloc]; O método mudarvisualizacao, que será acionado pelo botão Mudar Visualização, irá criar um objeto da classe que você inseriu no passo 2 e associá-lo ao atributo nova. O 182

18 método addsubview chamado pelo campo view irá colocar a segunda visualização em cima da primeira e a partir de agora o usuário irá interagir com ela. 5. Agora vá ao viewbasedviewcontroller.xib, clique com o botão direito do mouse no elemento UIButton que você inseriu no primeiro passo, arraste para o File s Owner e selecione o método que aparece na tela. Agora está feita a vinculação que fará o botão da interface chamar o método. 6. Clique em Command + R para executar o projeto Animando a transição de visualizações A implementação anterior mostra uma transição brusca de uma visualização para outra, sem nenhum efeito visual para deixar a aplicação mais agradável. Os apps, no entanto, devem apresentar recursos estéticos para tornar a aplicação mais aprazível e consequentemente atrair mais usuários. Um desses efeitos disponíveis pelo framework UIKit é o de transição de visualizações. Para mostrar como é implementado o efeito você pode aproveitar o projeto anterior. 1. Clique em <NomeDoProjeto>ViewController.m e dentro do corpo do método mudarvisualizacao insira o seguinte trecho em negrito: (IBAction)mudarVisualizacao { - self.nova = [[novavisualizacao alloc] init]; [UIView context:nil]; [UIView setanimationcurve:uiviewanimationcurveeasein]; [UIView setanimationduration:.4]; [UIView setanimationtransition:uiviewanimationtransitioncurlup forview:self.view cache:yes]; [self.view addsubview:nova.view]; [UIView commitanimations]; Essa série de métodos da classe UIView serve para customizar a animação de transição e esta transição pode ser aplicada a qualquer objeto da classe UIView. 2. Aperte Command + R para rodar o projeto Suporte a multi-plataformas para iphone e ipad Por ter o mesmo sistema operacional que o iphone e o ipod Touch, o ipad pode rodar aplicativos desenvolvidos para ambos dispositivos. Porém, a visualização do aplicativo 183

19 na tela do ipad terá a mesma dimensão usada pelo iphone. Isso significa um grande desperdício, visto que a tela do ipad possui uma dimensão maior que a tela do iphone. Para resolver esse problema, a Apple recomenda que se crie aplicações universais alterando apenas a interface de usuário. Veja a seguir como isso é feito (Figura 8.6): 1. Usando o Xcode, crie uma View-based application (para iphone) e nomeie-o como Universal. 2. Abra o UniversalViewController.xib adicione um Label e mude seu texto para iphone application. 3. Na tela inicial do projeto, em targets, selecione o aplicativo e em devices, selecione Universal. Então clique em YES. Figura 8.6. Tornando o aplicativo multiplataforma. 4. Veja que foi criada uma pasta para recursos do ipad. Crie uma nova classe do tipo UIViewController destinada a ipad e nomeie como ipaduniversal. 5. Edite o novo.xib criado. 6. Selecione MainWindow-iPad.xib para que seja editado no Interface Builder. Agora selecione o item Universal View Controller e no inspetor de identidade coloque Class como ipaduniversal. 7. Agora em inspetor de atributos defina NIB Name como ipaduniversal. Dessa forma o aplicativos terá duas interfaces de usuário, sendo cada uma iniciada no dispositivo para o qual foi desenvolvido. 184

20 8.7. Rotação de tela Os dispositivos que utilizam ios possuem a capacidade de detectar a orientação da interface. Assim existe a possibilidade de adequar a interface do usuário à nova orientação, nesta seção descreve como é feita a rotação. Por padrão o projeto no Xcode é criado com suporte a única orientação, para habilitar mas múltiplas orientações é preciso sobrescrever o método shouldautorotatetointerfaceorientation. Esse método é chamado sempre que a orientação muda e retorna YES caso esteja em orientação Portrait (retrato). Então basta mudá-lo para que sempre retorne YES de modo que o método fique como a seguir: - (BOOL)shouldAutorotateToInterfaceOrientation: (UIInterfaceOrientation)interfaceOrientation { return YES; Agora, para colocar cada objeto em seu lugar na tela siga o passo-a-passo: 1. Crie um projeto View-Based Application no Xcode, nomeie-o ScreenRotations e edite-o no Interface Builder adicionando um botão. 2. No arquivo ScreenRotationsViewController.h adicione o seguinte código: #import ScreenRotationsViewController : UIViewController { IBOutlet UIButton (nonatomic, retain) UIButton 1. No Interface Builder, conecte o Outlet que você criou clicando com botão direito do mouse e arrastando até o Rounded Rect Button. Selecione btn. 2. No arquivo ScreenRotationsViewController.m adicione o seguinte código: #import btn; -(void) positionviews { UIInterfaceOrientation destorientation = self.interfaceorientation; if (destorientation == UIInterfaceOrientationPortrait destorientation == UIInterfaceOrientationPortraitUpsideDown) { //---if rotating to portrait mode--- btn.frame = CGRectMake(20, 20, 233, 37); else { 185

Desenvolvimento móvel para IOS - Apple Carga Horária Por Módulo: 16 Horas.

Desenvolvimento móvel para IOS - Apple Carga Horária Por Módulo: 16 Horas. Desenvolvimento móvel para IOS - Apple Carga Horária Por Módulo: 16 Horas. SOBRE A FRAMEWORK A Framework (www.frwtc.com) atua diretamente com profissionais do segmento de tecnologia em busca de capacitação,

Leia mais

Tornando-se móvel. 1 para começar. O iphone mudou tudo. É uma plataforma de jogos, um organizador pessoal, um

Tornando-se móvel. 1 para começar. O iphone mudou tudo. É uma plataforma de jogos, um organizador pessoal, um 1 para começar Tornando-se móvel Eu só não entendo o porquê de toda essa onda de iphone. Meu telefone funciona direitinho... O iphone mudou tudo. É uma plataforma de jogos, um organizador pessoal, um navegador

Leia mais

Início Rápido Web. 2015 Release 1 Xojo, Inc.

Início Rápido Web. 2015 Release 1 Xojo, Inc. Início Rápido Web 2015 Release 1 Xojo, Inc. Capítulo 1 Introdução Bem-vindo ao Xojo, O jeito mais fácil de criar aplicativos multi-plataforma para Desktop e Web. Seção 1 Sobre o Início Rápido Web INICIANDO

Leia mais

Programando para. iphone e ipad. Aprenda a construir aplicativos para o ios. André Milani. Novatec

Programando para. iphone e ipad. Aprenda a construir aplicativos para o ios. André Milani. Novatec Programando para iphone e ipad Aprenda a construir aplicativos para o ios André Milani Novatec Copyright 2012 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998.

Leia mais

Aprendendo Cocoa com Objective-C Paris Buttfield-Addison Jonathon Manning

Aprendendo Cocoa com Objective-C Paris Buttfield-Addison Jonathon Manning Aprendendo Cocoa com Objective-C Paris Buttfield-Addison Jonathon Manning Novatec Authorized Portuguese translation of the English edition of titled Learning Cocoa with Objective-C 3E ISBN 9781449318499

Leia mais

Desenvolvendo para iphone e ipad

Desenvolvendo para iphone e ipad Desenvolvendo para iphone e ipad 2a Edição Ricardo R. Lecheta Novatec Copyright 2012, 2013 Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida a reprodução

Leia mais

TDC 2010. desenvolvimento. para iphone. Helder da Rocha (helder@argonavis.com.br)

TDC 2010. desenvolvimento. para iphone. Helder da Rocha (helder@argonavis.com.br) TDC 2010 desenvolvimento para iphone Helder da Rocha (helder@argonavis.com.br) Helder da Rocha Java, since 1995 Objec6ve- C & iphone since 2008 HTML, JavaScript, Web www.argonavis.com.br www.helderdarocha.com.br

Leia mais

Autor/Bolsista: Régis Magno Zangirolami

Autor/Bolsista: Régis Magno Zangirolami Universidade Federal de São Carlos Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia Departamento de Computação Introdução às tecnologias para desenvolvimento de aplicações em plataformas móveis ios Processo:

Leia mais

Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento

Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento Aula 1 - Introdução e configuração de ambiente de desenvolvimento Olá, seja bem-vindo à primeira aula do curso para desenvolvedor de Android, neste curso você irá aprender a criar aplicativos para dispositivos

Leia mais

Introdução ao Android SDK. Prof. Me. Hélio Esperidião

Introdução ao Android SDK. Prof. Me. Hélio Esperidião Introdução ao Android SDK Prof. Me. Hélio Esperidião Android SDK O Android SDK permite que os desenvolvedores elaborem as aplicações a partir de um dispositivo virtual para os aparelhos de celular e tablet,

Leia mais

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Apresentação da ferramenta Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com 1 Introdução Visual

Leia mais

Desenvolvendo para iphone e ipad

Desenvolvendo para iphone e ipad Desenvolvendo para iphone e ipad 3a Edição Ricardo R. Lecheta Novatec Copyright 2012, 2013, 2014 Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida

Leia mais

Início Rápido Desktop. 2015 Release 1 Xojo, Inc.

Início Rápido Desktop. 2015 Release 1 Xojo, Inc. Início Rápido Desktop 2015 Release 1 Xojo, Inc. Capítulo 1 Introdução Bem-vindo ao Xojo, O jeito mais fácil de criar aplicativos multi-plataforma para Desktop e Web. Seção 1 Sobre o Início Rápido para

Leia mais

Introdução ao MIT App Inventor

Introdução ao MIT App Inventor Introdução ao MIT App Inventor Definição É uma ferramenta desenvolvida pelo Google e, atualmente, mantida pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT); que permite a criação de aplicativos para

Leia mais

Autor/Bolsista: Régis Magno Zangirolami Caio Cesar Almeida Pegoraro

Autor/Bolsista: Régis Magno Zangirolami Caio Cesar Almeida Pegoraro Universidade Federal de São Carlos Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia Departamento de Computação Introdução às tecnologias para desenvolvimento de aplicações em plataformas móveis ios Processo:

Leia mais

Guia ineocontrol. iphone e ipod Touch

Guia ineocontrol. iphone e ipod Touch Guia ineocontrol iphone e ipod Touch Referência completa para o integrador do sistema Module. Aborda os recursos necessários para a itulização, instalação do software e importação das interfaces criadas

Leia mais

Digifort Mobile Manual Version 1.0 Rev. A

Digifort Mobile Manual Version 1.0 Rev. A Digifort Mobile Manual Version 1.0 Rev. A 2 Digifort Mobile - Versão 1.0 Índice Parte I Bem vindo ao Manual do Digifort Mobile 1.0 5 1 Screen... Shots 5 2 A quem... se destina este manual 5 3 Como utilizar...

Leia mais

BlackBerry Messenger SDK

BlackBerry Messenger SDK BlackBerry Messenger SDK Versão: 1.2 Getting Started Guide Publicado: 2011-10-11 SWD-1391821-1011103456-012 Conteúdo 1 Requisitos do sistema... 2 2 Dependências de versão do BlackBerry Messenger... 3 3

Leia mais

Programação para Android

Programação para Android Programação para Android Aula 01: Visão geral do android, instalação e configuração do ambiente de desenvolvimento, estrutura básica de uma aplicação para Android Objetivos Configurar o ambiente de trabalho

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO DE JOGOS COM LIBGDX. Vinícius Barreto de Sousa Neto

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO DE JOGOS COM LIBGDX. Vinícius Barreto de Sousa Neto INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO DE JOGOS COM LIBGDX Vinícius Barreto de Sousa Neto Libgdx é um framework multi plataforma de visualização e desenvolvimento de jogos. Atualmente ele suporta Windows, Linux,

Leia mais

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks Code::Blocks Conhecendo a IDE Programação de Computadores I Professor: Edwar Saliba Júnior Conhecendo a IDE Code::Blocks Apresentação: 1) Abra a IDE (Integrated Development Environment), ou seja, o Ambiente

Leia mais

MANUAL VOIP VOIP. Coordenação Tecnológica. Manual de Instalação de Softphones. Voice Over Internet Protocolo

MANUAL VOIP VOIP. Coordenação Tecnológica. Manual de Instalação de Softphones. Voice Over Internet Protocolo MANUAL o Este documento definirá como é feita a instalação e utilização de clientes VoIP na plataforma PC, operando sobre Windows e Linux, e em dispositivos móveis funcionando sobre a plataforma Android

Leia mais

Desenvolvendo para iphone e ipad

Desenvolvendo para iphone e ipad Desenvolvendo para iphone e ipad 2a Edição Ricardo R. Lecheta Novatec Copyright 2012, 2013 Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida a reprodução

Leia mais

Guia. PDA e SmartPhones. Windows Mobile, Pocket PC e CE.

Guia. PDA e SmartPhones. Windows Mobile, Pocket PC e CE. Guia PDA e SmartPhones Windows Mobile, Pocket PC e CE. Referência completa para o integrador do sistema Module. Aborda os recursos necessários para a itulização, instalação do software e importação das

Leia mais

PROGRAMANDO ANDROID NA IDE ECLIPSE GABRIEL NUNES, JEAN CARVALHO TURMA TI7

PROGRAMANDO ANDROID NA IDE ECLIPSE GABRIEL NUNES, JEAN CARVALHO TURMA TI7 Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Rio Grande do Sul Informação e Comunicação: Habilitação Técnica de Nível Médio Técnico em Informática Programação Android na IDE Eclipse PROGRAMANDO ANDROID

Leia mais

Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0

Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0 Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0 Visão geral do conteúdo Sobre o PrintMe Mobile Requisitos do sistema Impressão Solução de problemas Sobre o PrintMe Mobile O PrintMe Mobile é uma solução empresarial

Leia mais

Nota de Aula: Utilização da IDE Code::Blocks

Nota de Aula: Utilização da IDE Code::Blocks INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CAMPUS SÃO LUÍS MONTE CASTELO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE INFORMÁTICA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DISCIPLINA: LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO I PROFESSOR:

Leia mais

MODEM USB LTE LU11. Manual do Usuário

MODEM USB LTE LU11. Manual do Usuário MODEM USB LTE LU11 Manual do Usuário 2 Tabela de Conteúdo Manual do Usuário... 1 1 Introdução... 3 2 Instalação... 4 3 Descrição da Interface do Cliente... 5 3 Conexão... 8 5 Mensagens SMS... 10 6 Contatos...

Leia mais

Desenvolvimento Android. http://www.larback.com.br

Desenvolvimento Android. http://www.larback.com.br Desenvolvimento Android http://www.larback.com.br Introdução ao Android O Android é a resposta da Google ao mercado crescente de dispositivos móveis. É uma nova plataforma de desenvolvimento baseado no

Leia mais

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Março de 2015 Introdução O acesso móvel ao site do Novell Vibe pode ser desativado por seu administrador do Vibe. Se não conseguir acessar a interface móvel do

Leia mais

Guião de Introdução ao Eclipse IDE Índice

Guião de Introdução ao Eclipse IDE Índice Índice 1. Introdução... 2 1.1. O que é um ambiente de desenvolvimento (IDE)?... 2 1.2. Visão geral sobre o Eclipse IDE... 2 2. Iniciar o Eclipse... 3 2.1. Instalação... 3 2.2. Utilizar o Eclipse... 3 3.

Leia mais

( TIAGO DOS SANTOS MENDES ) PROGRAMAÇÃO DISPOSITIVOS MOVEIS ANDROID STUDIO

( TIAGO DOS SANTOS MENDES ) PROGRAMAÇÃO DISPOSITIVOS MOVEIS ANDROID STUDIO Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática ( TIAGO DOS SANTOS MENDES ) PROGRAMAÇÃO

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO. Plataforma Windows. Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes da Silva, Tiago França Melo de Lima

GUIA DE INSTALAÇÃO. Plataforma Windows. Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes da Silva, Tiago França Melo de Lima Laboratório de Engenharia e Desenvolvimento de Sistemas LEDS/UFOP Universidade Federal de Ouro Preto UFOP GUIA DE INSTALAÇÃO Plataforma Windows Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Conteúdo 1 Introdução... 3 2 Descrição da Interface do Cliente... 5 3 Conexão... 7 4 SMS... 10 5 Contatos... 14 6 Estatística... 18 7 Configurações... 19 8 SIM Tool

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Depurando aplicações Professor: Danilo Giacobo OBJETIVOS DA AULA Aprender dicas e técnicas para encontrar erros em aplicações Android. Conhecer os recursos que auxiliam

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PLUGIN GERADOR DE PLUGINS DO TERRAVIEW

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PLUGIN GERADOR DE PLUGINS DO TERRAVIEW MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO PLUGIN GERADOR DE PLUGINS DO TERRAVIEW Versão TerraLib/TerraView: 3.6.0 Introdução O plug-in de criação de plug-ins do TerraView foi desenvolvido para auxiliar os programadores

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Desenvolvimento para Android Prá9ca 2. Prof. Markus Endler

Desenvolvimento para Android Prá9ca 2. Prof. Markus Endler Desenvolvimento para Android Prá9ca 2 Prof. Markus Endler Criando o primeiro projeto Android Com o ambiente de desenvolvimento preparado, vá em File - > New - > Project... Na janela que abrir, selecione

Leia mais

ÍNDICE BLUELAB A UTILIZAÇÃO DO BLUELAB PELO PROFESSOR RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06

ÍNDICE BLUELAB A UTILIZAÇÃO DO BLUELAB PELO PROFESSOR RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06 ÍNDICE BLUELAB RECURSOS PARA PROFESSORES E ALUNOS...05 INICIANDO O BLUELAB PROFESSOR...06 ELEMENTOS DA TELA INICIAL DO BLUELAB PROFESSOR guia Meu Espaço de Trabalho...07 A INTERFACE DO BLUELAB...07 INICIANDO

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 18 de fevereiro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é

Leia mais

Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 3

Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 3 AULA Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 3 Continuando nossa saga pelas ferramentas do Visual FoxPro 8.0, hoje vamos conhecer mais algumas. A Ferramenta Class Designer A Class Designer é a ferramenta

Leia mais

Usando o simulador MIPS

Usando o simulador MIPS Usando o simulador MIPS O objetivo desta aula prática será a utilização do simulador MipsIt para executar programas escritos em linguagem de máquina do MIPS. 1 Criando um projeto Cada programa a ser executado

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Tabela de Conteúdo 1 Introdução... 3 2. Instalação... 5 3. Descrição da interface do cliente... 6 4. Conexão... 10 5.SMS... 11 6.Contatos... 14 7.Estatística... 18

Leia mais

Mapas. Desenvolvimento em ios. Copyright 2011 Catarina Silva DEI ESTG - Instituto Politécnico de Leiria

Mapas. Desenvolvimento em ios. Copyright 2011 Catarina Silva DEI ESTG - Instituto Politécnico de Leiria Mapas Desenvolvimento em ios Introdução As frameworks Core Location e Map Kit podem ser usadas para criar aplicações com localização e mapas A framework Core Location usa o hardware do equipamento para

Leia mais

Vamos começar a aprender

Vamos começar a aprender Vamos começar a aprender Fique familiarizado com o Ambiente de ensino online eteachergroup Ltd 1 Tabela de Conteúdos 1. Requisitos do Sistema 4 2. Instalar Software.. 5 3. Ambiente de Estudo Pessoal Entrada..

Leia mais

ÍNDICE. GUIa DE UtIlIzaÇÃo

ÍNDICE. GUIa DE UtIlIzaÇÃo Motorola i1 ÍNDICE Introdução... 03 Instalação através do Quick Office do aplicativo assinado...04 Instalação através do Quick Office do aplicativo não-assinado...08 Instalação através do Assistente de

Leia mais

Conhecendo o Proteus

Conhecendo o Proteus Conhecendo o Proteus Vitor Amadeu Souza vitor@cerne-tec.com.br Em uma série de 3 artigos, veremos como usar o Proteus. Introdução Iremos neste momento iniciar nosso estudo no Proteus usando para isso as

Leia mais

Desenvolvimento para Android Prá3ca 3. Prof. Markus Endler

Desenvolvimento para Android Prá3ca 3. Prof. Markus Endler Desenvolvimento para Android Prá3ca 3 Prof. Markus Endler Exercício 3.1 Solicitando permissão para abrir uma página Web ü Criaremos uma Ac.vity com um EditText (para entrada de uma URL), um Bu?on e uma

Leia mais

Universidade Federal do Pará Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação Grupo de Trabalho SET. Tutorial PyQT4

Universidade Federal do Pará Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação Grupo de Trabalho SET. Tutorial PyQT4 Universidade Federal do Pará Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação Grupo de Trabalho SET Tutorial PyQT4 16 de Agosto de 2011 1 Sumário 1 Introdução 3 2 Criando a interface da aplicação 3 2.1

Leia mais

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Sistemas Operacionais Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Conteúdo Programático Virtual Box Instalação do Virtual Box Instalação do Extension Pack Criando uma Máquina Virtual Instalando o Windows

Leia mais

1. Como faço para configurar e instalar a minha Babá Eletrônica com Câmera Wi-Fi?

1. Como faço para configurar e instalar a minha Babá Eletrônica com Câmera Wi-Fi? Índice 1. Como faço para configurar e instalar a minha Babá Eletrônica com Câmera Wi-Fi?... 2 2. Quais são os requisitos mínimos de sistema para a Babá Eletrônica com Câmera Wi-Fi? 11 3. Como posso me

Leia mais

Objective-C Fundamental Christopher K. Fairbairn Johannes Fahrenkrug Collin Ruffenach

Objective-C Fundamental Christopher K. Fairbairn Johannes Fahrenkrug Collin Ruffenach Objective-C Fundamental Christopher K. Fairbairn Johannes Fahrenkrug Collin Ruffenach Novatec Original English language edition published by Manning Publications Co., Copyright 2011 by Manning Publications.

Leia mais

Capítulo 2. Laboratório 2.1. Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização

Capítulo 2. Laboratório 2.1. Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização Capítulo 2 Laboratório 2.1 Introdução ao Packet Tracer, Roteadores, Switches e Inicialização tel (41) 430457810 ou (41) 4063-7810 - info@dltec.com.br - www.dltec.com.br INDICE 1 Objetivo do Laboratório...

Leia mais

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO PROTEUS

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO PROTEUS 1 Para iniciar a edição de um esquema elétrico para posterior simulação, busque no menu Iniciar do Windows, a opção Todos os Programas. Localize a pasta onde foi instalado o Proteus e selecione o programa

Leia mais

Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo

Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo Prof. Gilbert Azevedo da Silva I. Objetivos Conhecer o Ambiente Integrado de Desenvolvimento (IDE) do Delphi 7, Desenvolver a primeira aplicação no Delphi 7, Aprender

Leia mais

Melhore sua vida, sua interface e diga adeus à UIAlertView. Gustavo Pelosi Ambrozio

Melhore sua vida, sua interface e diga adeus à UIAlertView. Gustavo Pelosi Ambrozio Melhore sua vida, sua interface e diga adeus à UIAlertView Gustavo Pelosi Ambrozio 1 Programação Amor e ódio pela UIAlertView Como os Blocks me livraram do ódio O ódio renasce com outra face Uma visão

Leia mais

Criando & Consumindo um WebService com ASP.NET 2.0 Publicado em: 25 de Agosto de 2007 Por Herman Ferdinando Arais

Criando & Consumindo um WebService com ASP.NET 2.0 Publicado em: 25 de Agosto de 2007 Por Herman Ferdinando Arais ASP.NET > WebService herman_arais@yahoo.com.br Introdução Um WebService é um componente, ou unidade lógica de aplicação, acessível através de protocolos padrões de Internet. Como componentes, esses serviços

Leia mais

APLICATIVO SKY PARA IPAD, IPHONE E IPOD TOUCH

APLICATIVO SKY PARA IPAD, IPHONE E IPOD TOUCH APLICATIVO SKY PARA IPAD, IPHONE E IPOD TOUCH 14/03/2011 14 de Março de 2011 Aplicativo SKY ÍNDICE Premissas... 4 Requisitos de Sistema... 4 Como encontrar a versão do sistema operacional?... 5 I. iphone/ipod

Leia mais

Android Básico Hello World!

Android Básico Hello World! Android Básico Hello World! Instrutor Programador desde 2000 Aluno de doutorado Mestre em informática pelo ICOMP/UFAM Especialista em aplicações WEB FUCAPI marcio.palheta@gmail.com sites.google.com/site/marcio

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 09 de novembro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características:

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características: Cerne Tecnologia www.cerne-tec.com.br Conhecendo o NSBASIC para Palm Vitor Amadeu Vitor@cerne-tec.com.br 1. Introdução Iremos neste artigo abordar a programação em BASIC para o Palm OS. Para isso, precisaremos

Leia mais

Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11

Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11 Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil

Leia mais

Manual do Usuário Android Neocontrol

Manual do Usuário Android Neocontrol Manual do Usuário Android Neocontrol Sumário 1.Licença e Direitos Autorais...3 2.Sobre o produto...4 3. Instalando, Atualizando e executando o Android Neocontrol em seu aparelho...5 3.1. Instalando o aplicativo...5

Leia mais

MODEM USB LTE. Manual do Usuário

MODEM USB LTE. Manual do Usuário MODEM USB LTE Manual do Usuário 2 Conteúdo Manual do Usuário... 1 1 Introdução... 3 2 Descrição da Interface do Cliente... 4 3 Conexão... 7 4 SMS... 10 5 Contatos... 14 6 Estatística... 18 7 Configurações...

Leia mais

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO Olá e bem- vindos a nossa visão geral de apoio ao cliente localizada. Suporte em geral só está disponível em Inglês, mas este documento deve resolver muitos de nossos problemas mais comuns. Além disso,

Leia mais

Orientação a Objetos Programação em C++

Orientação a Objetos Programação em C++ OO - Engenharia de Computação/Eletrônica Orientação a Objetos Programação em C++ Slides 17: Programação Visual ou Orientada a Objetos Gráficos (Formulários, Botões, Caixas de Texto etc) - Exemplificado

Leia mais

AMBIENTE. FORMULÁRIO: é a janela do aplicativo apresentada ao usuário. Considere o formulário como a sua prancheta de trabalho.

AMBIENTE. FORMULÁRIO: é a janela do aplicativo apresentada ao usuário. Considere o formulário como a sua prancheta de trabalho. DELPHI BÁSICO VANTAGENS Ambiente de desenvolvimento fácil de usar; 1. Grande Biblioteca de Componentes Visuais (VCL - Visual Component Library), que são botões, campos, gráficos, caixas de diálogo e acesso

Leia mais

MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso

MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso INTERNET EXPLORER (HTTP) Importante: Usar somente o navegador Internet Explorer, devido à necessidade

Leia mais

Microsoft Excel 2003

Microsoft Excel 2003 Associação Educacional Dom Bosco Faculdades de Engenharia de Resende Microsoft Excel 2003 Módulo II Macros e Tabelas Dinâmicas Professores: Eduardo Arbex Mônica Mara Tathiana da Silva Resende 2010 Macro

Leia mais

Introdução ao GeoGebra

Introdução ao GeoGebra Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG Introdução ao GeoGebra Prof. Dr. José Carlos de Souza Junior AGOSTO 2010 Sumário 1 Primeiros Passos com o GeoGebra 4 1.1 Conhecendo o Programa............................

Leia mais

Wi-Fi: como solucionar problemas com a conectividade Wi-Fi

Wi-Fi: como solucionar problemas com a conectividade Wi-Fi Wi-Fi: como solucionar problemas com a conectividade Wi-Fi Saiba como solucionar problemas de conectividade da rede Wi-Fi no seu Mac. OS X Mountain Lion 10.8.4 ou versões posteriores Use o aplicativo Diagnóstico

Leia mais

Laboratório - Exploração do FTP

Laboratório - Exploração do FTP Objetivos Parte 1: Usar o FTP em um prompt de comando Parte 2: Baixar um arquivo FTP usando WS_FTP LE Parte 3: Usar o FTP em um navegador Histórico/cenário O File Transfer Protocol (FTP) faz parte do conjunto

Leia mais

Fiery Network Controller para Xerox WorkCentre 7800 Series. Bem-vindo

Fiery Network Controller para Xerox WorkCentre 7800 Series. Bem-vindo Fiery Network Controller para Xerox WorkCentre 7800 Series Bem-vindo 2013 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto.

Leia mais

Modelo: H.264 Câmera IP (1.0 Megapixels) guia de instalação rápida

Modelo: H.264 Câmera IP (1.0 Megapixels) guia de instalação rápida 1 Modelo: H.264 Câmera IP (1.0 Megapixels) guia de instalação rápida 1. Colocado diretamente no desktop Colocou a câmera IP na posição adequada 2 2. Montagem na parede O suporte com o parafuso de bloqueio

Leia mais

Interacção com o Utilizador

Interacção com o Utilizador Interacção com o Utilizador User experience (UX) Sumário Aplicação ios Ciclo de Vida View Controllers Navigation Controllers TableViews Aplicação ios - Conceitos Base usa a framework UIKit tem sempre a

Leia mais

STK (Start Kit DARUMA) Primeiro contato com a Impressora Fiscal, a ECF chegou e agora?

STK (Start Kit DARUMA) Primeiro contato com a Impressora Fiscal, a ECF chegou e agora? O que será abordado neste SKT: STK (Start Kit DARUMA) Primeiro contato com a Impressora Fiscal, a ECF chegou e agora? Verificando o papel. Verificando se o ECF está inicializado, caso não esteja como proceder.

Leia mais

Software Ativo. Operação

Software Ativo. Operação Software Ativo Operação Página deixada intencionalmente em branco PROTEO MANUAL OPERAÇÃO SUMÁRIO 1 - INSTALAÇÃO DO SOFTWARE ATIVO... 5 2 CRIANDO PROJETO UVS/ TMS PROTEO... 10 2.1 - Estrutura do Projeto...

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Cloud Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java)

Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java) Universidade Federal do ABC (UFABC) Disciplina: Processamento da Informação (BC-0505) Assunto: Java e Netbeans Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java) Conteúdo 1. Introdução... 1 1.1. Programas necessários...

Leia mais

Inicialização Rápida do Novell Messenger 3.0.1 Móvel

Inicialização Rápida do Novell Messenger 3.0.1 Móvel Inicialização Rápida do Novell Messenger 3.0.1 Móvel Maio de 2015 O Novell Messenger 3.0.1 e posterior está disponível para seu dispositivo móvel ios, Android BlackBerry suportado. Como é possível efetuar

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO 3 DICAS PARA CRIAR UM BOM SITE 4

Sumário INTRODUÇÃO 3 DICAS PARA CRIAR UM BOM SITE 4 Sumário Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 5.988 de 14/12/73. Nenhuma parte deste livro, sem prévia autorização por escrito de Celta Informática, poderá ser reproduzida total ou parcialmente,

Leia mais

Guia de Introdução ao Parallels Desktop 9

Guia de Introdução ao Parallels Desktop 9 Guia de Introdução ao Parallels Desktop 9 Copyright 1999--2013 Parallels IP Holdings GmbH e suas afiliadas. Todos os direitos reservados. Parallels IP Holdings GmbH Vordergasse, 59 8200 Schaffhausen Suíça

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização

Manual de Instalação e Utilização Manual de Instalação e Utilização http://www.pdfsam.org Sumário Apresentação... 3 Ferramenta... 3 Finalidade... 3 Instalação... 4 Utilizando o PDFsam... 8 Dividir... 9 Mesclar/Extrair... 11 Rotacionar...

Leia mais

ANDROID APPLICATION PROJECT

ANDROID APPLICATION PROJECT Criando um programa Abrindo o programa Eclipse, clique na opção [FILE], depois em [NEW], selecione a opção [PROJECT], uma janela de opção do tipo de projeto irá se abrir, escolha [ANDROID] logo depois

Leia mais

Java Exemplo MDI. Tela Principal

Java Exemplo MDI. Tela Principal Java Exemplo MDI Nesta aula criaremos uma aplicação simples de cadastro para avaliar o nível de dificuldade/facilidade que é desenvolver softwares com a tecnologia Java. No NetBeans, crie um novo projeto

Leia mais

Lógica de Programação

Lógica de Programação Lógica de Programação Unidade 4 Ambiente de desenvolvimento Java QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática SUMÁRIO A LINGUAGEM JAVA... 3 JVM, JRE, JDK... 3 BYTECODE... 3 PREPARANDO O AMBIENTE

Leia mais

Bem vindo! Esta é a tela inicial do Webmail da Universidade federal de Juiz de Fora. O link de acesso é: http://correio.ufjf.edu.

Bem vindo! Esta é a tela inicial do Webmail da Universidade federal de Juiz de Fora. O link de acesso é: http://correio.ufjf.edu. Manual WebMail 1. Tela inicial... pág. 2 2. Caixa de Entrada... pág. 2 3. A pasta Lidas... pág. 3 4. Criando sua assinatura... pág. 3 5. Enviar Mensagens... pág. 3 6. Anexando arquivos... pág. 4 7. Adicionando

Leia mais

Desenvolvimento de jogos para ios. Lucas Marinho

Desenvolvimento de jogos para ios. Lucas Marinho 1 Desenvolvimento de jogos para ios Lucas Marinho 2 Quem sou Co-fundador da Mobjoy Equipe que desenvolveu o Undead Attack! Pinball para iphone 2 anos de experiência com a plataforma 3 4 4 Do que vou falar

Leia mais

Seu Guia. Este manual descreve como usar Magic Desktop. Vista Geral... 2 Aparência... 3 Operações... 4 Especificações... 19

Seu Guia. Este manual descreve como usar Magic Desktop. Vista Geral... 2 Aparência... 3 Operações... 4 Especificações... 19 Seu Guia Este manual descreve como usar Magic Desktop. Vista Geral... 2 Aparência... 3 Operações... 4 Especificações... 19 PFU LIMITED 2013 Magic Desktop Magic Desktop é um aplicativo que organiza as informações

Leia mais

Mac OS X 10.6 Snow Leopard Guia de instalação e configuração

Mac OS X 10.6 Snow Leopard Guia de instalação e configuração Mac OS X 10.6 Snow Leopard Guia de instalação e configuração Leia este documento antes de instalar o Mac OS X. Ele inclui informações importantes sobre como instalar o Mac OS X. Requisitos do sistema Para

Leia mais

MANUAL DE PROGRAMAÇÃO. Apostila de Programação Ativa XPANEL Cód MTXXTSC-ET. Programação Básica. IHM ATIVA Xpanel. Software Xpanel Designer

MANUAL DE PROGRAMAÇÃO. Apostila de Programação Ativa XPANEL Cód MTXXTSC-ET. Programação Básica. IHM ATIVA Xpanel. Software Xpanel Designer Apostila de Programação Ativa XPANEL Cód MTXXTSC-ET Programação Básica IHM ATIVA Xpanel Software Xpanel Designer 1 1. Conectividade IHM Xpanel MANUAL DE PROGRAMAÇÃO (1) USB Client Upload and Download project.

Leia mais

CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 2 O AMBIENTE WINDOWS

CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 2 O AMBIENTE WINDOWS CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 2 O AMBIENTE WINDOWS Relembrando... Gabinete Ligando o computador São três passos básicos O ambiente Windows O Windows é um tipo de software chamado sistema operacional

Leia mais

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário Sumário Conceitos Microsoft Access 97... 01 Inicialização do Access... 02 Convertendo um Banco de Dados... 03 Criando uma Tabela... 06 Estrutura da Tabela... 07 Propriedades do Campo... 08 Chave Primária...

Leia mais

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o Objeto DataGridView O controle DataGridView é um dos objetos utilizados para exibir dados de tabelas de um banco de dados. Ele está disponível na guia de objetos Data na janela de objetos do vb.net. Será

Leia mais

ROTEIRO ILUSTRADO PARA SISTEMA COMPUTACIONAL INSANE

ROTEIRO ILUSTRADO PARA SISTEMA COMPUTACIONAL INSANE UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS PROPEEs - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Estruturas INSANE - INteractive Structural ANalysis Environment ROTEIRO ILUSTRADO PARA INSTALAÇÃO DO SISTEMA COMPUTACIONAL

Leia mais

Índice. * Recursos a partir da IOS 4.1. Telefone (11)2762-9576 Email sac@iphonebest.com.br. www.iphonebest.com.br

Índice. * Recursos a partir da IOS 4.1. Telefone (11)2762-9576 Email sac@iphonebest.com.br. www.iphonebest.com.br 1 Índice Utilizando o Gerenciador Multi Tarefa... 3 Organização de aplicativos... 8 Configurar Gmail... 15 Página favorita em ícone... 18 Excluindo Aplicativos e Ícones Favoritos...21 Gerenciar Aplicativos

Leia mais

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados.

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados. Bem Vindo GDS TOUCH Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO O GDS Touch é um painel wireless touchscreen de controle residencial, com design totalmente 3D, interativo

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais