Desenvolvimento de Aplicações Web e Dispositivos Móveis Utilizando Frameworks. Web Application Development and Mobile Devices Using Frameworks

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desenvolvimento de Aplicações Web e Dispositivos Móveis Utilizando Frameworks. Web Application Development and Mobile Devices Using Frameworks"

Transcrição

1 Desenvolvimento de Aplicações Web e Dispositivos Móveis Utilizando Frameworks Web Application Development and Mobile Devices Using Frameworks Desarrollo de Aplicaciones Web y dispositivos móviles Marcos de Uso Carlos Henrique Gonçalves Dias 1 Wisney Almeida Amorim 2 Nelson Ribeiro de Carvalho Júnior 3 Resumo: Este artigo tem como tema uma análise de frameworks sob a perspectiva de demostrar a eficácia de sua utilização no processo de desenvolvimento em aplicações web e dispositivos móveis. O objetivo do estudo é apresentar as vantagens, facilidades de utilização e sua agilidade dos frameworks na construção de softwares. Trata-se de uma pesquisa exploratória com base em uma pesquisa bibliográfica sobre esta questão. Palavras-Chaves: Aplicações Web. Dispositivos móveis.frameworks.phonegap.processos ágeis. Abstract: This article is an analysis of theme frameworks from the perspective of showing the effectiveness of its use in the development process in web applications and mobile devices. The aim of the study is to present the advantages, facilities utilization and agility of frameworks in constructing software. This is an exploratory study based on a literature review on this issue. Keywords: Web applications. Mobile. Frameworks. PhoneGap. agile processes. Resumen: Este artículo se centra en uno de los marcos de análisis desde la perspectiva de mostrar la eficacia de su uso en el proceso de desarrollo de aplicaciones web y dispositivos móviles. El objetivo es dar a conocer las ventajas, el uso de las instalaciones y la agilidad de los marcos en la construcción de software. Se trata de un estudio exploratorio sobre la base de una revisión de la literatura sobre este tema. Palavras clave: Aplicaciones web. Los dispositivos móviles. Marcos. PhoneGap. Los procesos ágiles. 1 INTRODUÇÃO O aumento no uso de dispositivos móveis tem revolucionado como a sociedade se comunica e beneficia-se desses mecanismos para solucionar problemas. É cada vez mais fácil a utilização de smartphones e tablets para pagar uma conta, agendar uma entrevista, fazer uma chamada de vídeo conferência, acessar o saldo da conta bancária e até fazer uma compra. Entretanto o uso de diversos dispositivos móveis com sistemas operacionais diferentes torna difícil o desenvolvimento de aplicações que possam ser instaladas nesses dispositivos. 1 Graduando em Sistema de Informação pela Faculdade Infórium de Tecnologia. 2 Graduando em Sistema de Informação pela Faculdade Infórium de Tecnologia. 3 Mestre e Professor da Faculdade Infórium de Tecnologia. Revista Pensar Tecnologia, v. 4, n. 1, jan. 2015

2 Neste contexto, é tema de estudo deste artigo as vantagens da utilização de frameworks 4 que auxiliam no processo de desenvolvimento de softwares para estrutura web em dispositivos móveis. Apresentar-se-á no estudo algumas dessas ferramentas que facilitam e agilizam na construção de softwares, avaliando suas diferenças e singularidades, bem como técnicas e inovações da atualidade, estrutura do framework Phone Gap desenvolvido pela Nitoby Software. Listando suas vantagens e facilidades na sua utilização. Desenvolver softwares que utiliza uma linguagem para múltiplas plataformas em conjunto com frameworks gera ganho no processo de desenvolvimento. Os frameworks são considerados como caixas de ferramentas que auxiliam, agilizam e facilitam o desenvolvimento de softwares. A World Wide Web Consortium 5 (W3C) definiu padrões para a criação e desenvolvimento de websites que facilita e normaliza a sua utilização.quando um projeto webé definido e segue esses padrões ele é capaz de beneficiar não só o usuário que o utiliza mas também todos que acompanha este software, o mesmo sendo compatível com as diversas versões e tipos de navegadores webe dispositivos (computadores pe ssoais, dispositivos móveis, etc.) provendo também recursos para que pessoas com necessidades visuais ou físicas tenham condições de utilizar e interagir com o mesmo. Assim, faz se necessário a agilidade na construção de software para atender a demanda e expectativas nas empresas, desenvolvendo aplicações web que sejam executadas em diversos dispositivos diferentes se torna essencial.a construção das aplicações devem ser robustas, seguras, eficientes, usual e amigável ao seu usuário, pois será o mesmo que utilizará a ferramenta disponibilizada. Para que isso seja possível é necessário a utilização de aplicações web e da internet para esses acessos. Vivencia-se a cada dia uma sociedade econômica mais competitiva e globalizada, o que torna essencial a utilização de padrões e procedimentos para o desenvolvimento e crescimento das atividades nas empresas. 4 Frameworks são uma tecnologia promissora para a retificação projetos de software comprovadas e implementações, a fim de reduzir o custo e melhorar a qualidade do software. 5 Principal organização de padronização da World Wide Web (www).

3 O objetivo das empresas é alcançar metas como alta produtividade, qualidade, eficiência, rapidez na execução e manutenção de serviços e produtos. Por isso faz-se necessário perguntar: a utilização de frameworks contribui para o processo de desenvolvimento de aplicações web em dispositivos móveis? A falta de conhecimento da existência dos frameworks, faz com que o processo de desenvolvimento se torne lento e cansativo, prejudicando a evolução das empresas. Ao descrever estes frameworks que auxiliam e agilizam o processo de desenvolvimento de software para webe dispositivos móveis podese demonstrar aspectos como qualidade, capacidade de adequação quando acessados e visualizados em dispositivos móveis, validação de sua estrutura e o processo de carregamento nos navegadores atuais. Assim o objetivo geral deste objeto de estudo é apresentar as vantagens de utilização de frameworks no processo de desenvolvimento de aplicações web em dispositivos móveis. O objetivo específico é descrever técnicas e inovações da atualidade para aplicações web em dispositivos móveis com a utilização do framework Phone Gap 6, bem como questionar e contextualizar formas e métodos de desenvolvimento ágeis para aplicações web e dispositivos móveis; comparar e avaliar a dependência da usabilidade de frameworks; demonstrar como o framework PhoneGap pode agilizar o desenvolvimento de aplicações web e mobile garantindo ótimos benefícios como a reuso de códigos, padronização de desenvolvimento e modularidade. Para melhor entendimento deste tema, este artigo foi dividido em cinco seções. A seção 1, compõe a introdução, e indicativa do estudo; a seção 2 apresenta os Frameworks; a seção 3 as necessidades de utilizar os frameworks; a seção 4 trata do framework Phone Gap; a seção 5 discusão sobre o assunto; a seção 6 trata as conclusões do artigo. 6 Framework open-source para desenvolvimento de aplicaçõesweb e dispositivos móveis.

4 2 FRAMEWORKS: FERRAMENTAS DE DESENVOLVIMENTO A utilização de frameworks contribui no processo de desenvolvimento de aplicações web em dispositivos móveis.pode-se obter vantagens na construção de softwares em organizações de forma a garantir agilidade,conforme assinala Minetto (2007),os frameworks permite a facilidade no processo de desenvolvimento de software por ser uma coleção métodos já prontos. Um framework de desenvolvimento é uma base de onde se pode desenvolver algo maior ou mais específico. É uma coleção de códigosfonte, classes, funções, técnicas e metodologias que facilitam o desenvolvimento de novos softwares. (MINETTO, 2007, p. 17) Destaca-se do pensamento de Minetto(2007) que um framework de desenvolvimento é o alicerce para o processo de construção de software. A agilidade é necessária para o desenvolvimento das aplicações, por este motivo as empresas buscam versatilidade no processo de construção de software, segundo Cohn (2011). Muitas empresas de desenvolvimento de software estão buscando ser tornar mais ágeis. Através de equipes ágeis de sucesso essas empresas estão produzindo software de maior qualidade que atendem melhor às necessidades do usuário, com maior rapidez e a um custo menor do que equipes tradicionais. Além disso, quem não quer ser mais ágil? Hoje em dia a metodologia de desenvolvimento é uma realidade cada vez mais presente dentro das fabricas de softwares, muitas utilizando a metodologia do Scrum. (COHN, 2011, p.25) A intenção é demostrar que pode se ganhar tempo ao desenvolver uma aplicação com seus respectivos requisitos de forma ágil e segura, que sugere Cohn(2011), com ajuda de frameworks que ajudam no processo de desenvolvimento de software robusto,mensurando o quanto é possível aumentar no ganho no processo de desenvolvimento software. O desenvolvimento de uma aplicação web deve ser um processo de fácil construção a reformulação da estrutura do HyperText Markup Language(HTML) 7, Cascading 7 HTML é a linguagem para descrever a estrutura de páginas da Web usando marcação.

5 Style Sheets(CSS) 8 se vez necessário, pois garante a agilidade na construção dessas aplicações, deixando de ser apenas páginas estáticas e engessadas. (EIS;FERREIRA, 2012) O desenvolvimento em camadas conhecido com client-side facilitam o desenvolvimento e a utilização do código de forma independente de cada área da produção. Se quisermos modificar o design, podemos fazê-lo manipulando apenas o CSS, sem se preocupar com HTML, Javascript ou programação server-side. Embora sejam independentes, a evolução de cada camada influencia o caminho da outra. O CSS não consegue evoluir se o HTML manter-se congelado no tempo. Um dos principais problemas quando desenvolvíamos com tabelas era a mistura da formatação com a informação. O código HTML estava tão entrelaçado com o código CSS que a manipulação do layout se tornava trabalhosa e muito cara. Não era possível modificar colunas de lugar, características de textos ou até mesmo tamanho dos elementos sem ter que modificar alguma coisa do código HTML. Nada era independente. Esse era um dos motivos que encareciam os projetos para web. Fazer um site entre os anos de 96 e 2001 não era coisa fácil. (EIS; FERREIRA 2012, p. 19) Com a utilização de frameworks e técnicas no processo de desenvolvimento é possível criar estrutura design responsivo 9. Com a passagemhtml4 para HTML5 e CSS2 para CSS3, estabeleceu melhorias no processo de desenvolvimento para aplicações web, conforme Poplade (2014). As novas propriedades dessas ferramentas precisam ser declaradas para gerar efeitos na interface. Com o surgimento de diversos dispositivos móveis,o aprimoramento das tecnologias de desenvolvimento e a evolução do HTML5 e CSS3 a construção de aplicações se tornou necessária, conforme assinala Paul Deitel et al. (2013). As novas de tecnologias do HTML5, combinadas CSS3 e JavaScript, é possível escrever aplicativos que são portáteis entre uma grande variedade de plataformas de mesa e móveis, incluindo Android e ios (iphone/ipad). Para executar um aplicativo HTML5 em seu smartphone ou tablet, basta abri-lo no navegador Web compatível com HTML5 do aparelho.(paul DEITEL, et al, 2013 p. 3) Ao desenvolver uma aplicação web ou para dispositivos móveis utilizando a estrutura web atual no processo de desenvolvimento se tornou mais aplicável, conforme destaca-se do pensamento Paul Deitel, et al (2013), tornado essas 8 CSS é a linguagem para descrever a apresentação de páginas da Web, incluindo cores, layout e fontes. 9 Design Responsivo é um conceito, referente ao desenvolvimento de sites que apresenta a informação de forma acessível e confortável para os diversos meios de acesso, sendo estes aparelhos com telas de diversos tamanhos.

6 aplicações disponíveis para diversos dispositivos móveis utilizando o mesmo códigofonte. 3 NECESSIDADE DE UTILIZAR FRAMEWORKS Trabalhar utilizando frameworks parte da necessidade do estudo prévio da ferramenta antes de colocá-la em pratica, pois encontrará forma diferente de utilizar essa ferramenta da qual não se está habituado promovendo a sensação de estar engessado, conforme Minetto (2014). Quando um desenvolvedor começa a estudar um novo framework, ele se depara muitas vezes, com uma forma diferente deprogramar ou até de pensar um sistema. (MINETTO, 2014, p. 17). Os desenvolvedores que utilizam algum framework estão familiarizados com sua estrutura, classes e bibliotecas, aplicar manutenção em software em que foi utilizado um framework se torna mais fácil, pois o mesmo segue os padrões de implementações por isso desta facilidade(minetto, 2007). Os frameworks trazem grandes vantagens, que não seja apenas a facilidade de implementação dentro dos padrões estabelecidos. Em parte podem ser automatizados em tarefas repetitivas, em operações que deve-se manipular dados vindos do banco de dados, as operações como inclusão, exclusão e alteração são praticamente iguais para todos na base de dados. Desta forma, não faz sentido repetir essa parte do código-fonte que podem ser automatizadas contida em uma ferramenta do framework(minetto, 2007). Em uma aplicação que tenha de manipular dados vindos de uma tabela na base de dados, as operações de inclusão, exclusão e alteração são praticamente iguais para todas as tabelas envolvidas. Não teria sentido repetir o esforço para desenvolver esse código-fonte várias vezes, e a geração dessas funções poderia ser automatizada por alguma ferramenta contida no framework. (MINETTO, 2007 p. 18) Outras vantagens dos frameworks é a facilidade de geração de testes automatizados, geração de documentação, separação de apresentação e lógica. Alguns frameworks são mantidos por comunidade de desenvolvimento que vão aprimorando sua estrutura gerando mais usabilidade de facilidade de manuseio e

7 implementação facilitando assim seu uso. Estas comunidade realizam teste minuciosos em seus frameworks antes de sua liberação (MINETTO, 2007, p. 18). Afirmando, o que assinala Minetto(2007) e seguindo a mesma linha de pensamento, Eis(2014) 10,cita as vantagens de usar frameworks que são: aumentar a eficiência, consistência e padrão de código, compatibilidade mais confiável, fácil manutenção e facilidade na repetição de tarefas. O funcionamento dos frameworks da atualidade se baseia em padrões definidos em padrões de projetos, pois são formas já testadas e documentadas de se resolver algum tipo de problema(minetto, 2007). A grande maioria dos frameworks existentes baseia seufuncionamento em um ou mais desses padrões (MINETTO, 2007, p. 19). No processo de desenvolvimento webé necessário a utilização de uma linguagem server-side 11.O Hypertext Preprocessor (PHP)é uma das linguagens que são utilizadas do lado do servidor. Elaé uma linguagem de script open-source 12 de uso geral, muito utilizada e especialmente guarnecida para o desenvolvimento de aplicações web embútivel dentro do HTML (PHP, 2014). 10 Disponível em: <http://tableless.com.br/dicas-de-como-fazer-seu-proprio-framework-css/>. Acesso em: 15 nov Server-side, ou Lado do servidor, é um termo usado para designar operações que são executadas no servidor. 12 Open-source, ou Código aberto, é um software livre que atende aos seguintes tópicos: distribuição livre, código fonte, trabalhos derivados, integridade do autor, distribuição da licença, distribuição da licença, não discriminação contra pessoas, grupos e áreas de atuação, não restrição a outros programas e licença neutra em relação à tecnologia.

8 Principais frameworks para desenvolvimento de aplicações web e para dispositivos móveis.

9 Figura 1. Adaptado pelos autores. 3.1 Comparando os frameworks Comparação dos recursos disponível em cada frameworkapresentando na Figura2avaliando a disponibilidade dos mesmos, demostrando assim a necessidade da utilização destas ferramentas para o desenvolvimento de aplicações web. Figura 2. Adaptado pelos autores. Fonte: (BESTWEBFRAMEWORK, 2014). Essas ferramentas apresentam o tipo de licença de código abertomassachusetts Institute of Technology(MIT) 13 e Berkeley Software Distribution(BSD) 14. A figura 2 ainda traz informações sobre documentação, informando que todos os frameworks apresentados possui uma documentação, o que facilita seu entendimento e funcionamento. São compatíveis com a linguagem de programação PHP principalmente na versão 5, informações de cache e validação em que todas utilizam deste benefício. 13 MIT é uma licença de programa de computadores (Software). 14 BSD é uma licença de código aberto incialmente utilizada para sistemas operacionais.

10 A figura 3 a seguirrepresenta os melhores frameworks conforme o site PHPFRAMEWORKS (2014). Cada framework recebe votos conforme sua utilização dentro e fora das comunidades de desenvolvimento. Figura3. Adaptado pelos autores. Fonte: (PHPFRAMEWORKS, 2014). São disponibilizadas informações de discursões e uso de cada ferramenta, facilitando a escolha adequada do programador. Estes tipos de comparativos são eficientes pois eles irão influenciar na escolha de uma ferramenta mais estável e eficiente no momento, podendo apresentar suas vantagens e desvantagens. (PHPFRAMEWORKS, 2014) 3.2 Benefíciosda utilização dos frameworks Os frameworks são desenvolvidos com uma tecnologia de orientação a objetos, prometedora para usar projetos e execuções de software testados a fim de reduzir o cisto e melhorar a qualidade do software. (FAYAD, Mohamed; SCHMIDT, Douglas, 2014)

11 Ainda conforme o autor citado acima, os principais benefícios de frameworks decorrem da modularidade, usabilidade, extensibilidade e inversão de controle, a saber: Modularidade - Frameworks aprimorar modularidade, encapsulando detalhes voláteis de implementação de relações estáveis. Framework modularidade ajuda a melhorar a qualidade do software através da localização do impacto do design e implementação mudanças. Esta localização reduz o esforço necessário para entender e manter software existente. Reutilização - As interfaces estáveis fornecidas pelos quadros aprimorar a reutilização através da definição de componentes genéricos que podem ser reaplicadas para criar novas aplicações. Framework reutilização aproveita o conhecimento de domínio e esforço antes de desenvolvedores experientes, a fim de evitar a re-criação e re-validação de soluções comuns para os recorrentes requisitos das aplicações e desafios de design de software. A reutilização de componentes de estrutura pode produzir melhorias substanciais na produtividade do programador, bem como melhorar a qualidade, desempenho, confiabilidade e interoperabilidade de software. Extensibilidade - Um quadro aumenta a extensibilidade do fornecimento de métodos de gancho explícitas [Pree: 94] que permitem que aplicativos para estender suas interfaces estáveis. Métodos de gancho dissociar sistematicamente as relações estáveis e os comportamentos de um domínio de aplicação das variações exigidas por instâncias de uma aplicação em um contexto particular. Framework extensibilidade é essencial para garantir personalização atempada de novos serviços e funcionalidades da aplicação. Inversão de controle - A arquitetura de tempo de execução de um quadro é caracterizado por um inversão de controle'' Essa arquitetura permite que as etapas de processamento aplicação canônicas para ser personalizado por objetos de manipulador de eventos que são chamados via mecanismo de envio reativa do quadro. Quando ocorrem eventos, expedidor do quadro reage chamando métodos de gancho em objetos manipuladores pré-registrados, que realizam o processamento específico do aplicativo sobre os acontecimentos. Inversão de controle permite que o quadro (em vez de cada aplicação) para determinar o conjunto de métodos específicos de aplicativos para invocar em resposta a eventos externos (como mensagens de janela que chegam de utilizadores finais ou pacotes que chegam nas portas de comunicação).(fayad, Mohamed; SCHMIDT, Douglas, 2014) Benefícios que são eficazes para a construção de softwares, seguindo padrões e especificações dentro de suas características. Promovendo a facilidade de uso por programadores.(fayad, Mohamed; SCHMIDT, Douglas, 2014) Desenvolvedores em certos domínios têm aplicado com sucesso frameworks de aplicação OO por muitos anos. Estruturas orientadas a objetos iniciais (tal como MacApp e Entrevistas) originou-se no domínio das interfaces gráficas de usuário (GUIs). O Microsoft Foundation Classes (MFC) é uma estrutura de GUI contemporâneo, que se tornou o de facto padrão da indústria para a criação de aplicações gráficas em plataformas de PC. Embora MFC tem limitações (como a falta de portabilidade para

12 plataformas não-pc), sua adoção generalizada demonstra os benefícios de produtividade da reutilização de quadros comuns para desenvolver aplicativos de negócios gráficos.(fayad, Mohamed; SCHMIDT, Douglas, 2014) Os frameworks são utilizados pelas maiores empresa de desenvolvimento de aplicações podendo demostrar que a utilização dessas ferramentas facilitam a construção de aplicações e softwares mais robustos, promovendo ganhos e benefícios de produtividade e reutilização de código. (FAYAD, Mohamed; SCHMIDT, Douglas, 2014) 4 FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO MOBILE: PHONEGAP O PhoneGap é um framework utilizado para o desenvolvimento de aplicações web e dispositivos móveis open-souce. Fornece um ambiente para hospedar seu conteúdo HTML5/CSS/JavaScript dentro de um fino invólucro nativo(phone, 2014). O PHONEGAP é um framework para o desenvolvimento web e mobile que permite desenvolver aplicações em HTML5, CSS e JavaScript, facilitando o trabalho do desenvolvedor. Além disso, os frameworks, tais como o PHONEGAP, fornecem funcionalidades para os aplicativos Web puros acessarem a funcionalidade do dispositivo móveis possuindo suporte a alguns recursos de extrema utilidade como: acelerômetro, câmera, compass, contatos, file, geolocalização, media, network, notificação (alert), notificação (sound), notificação (vibration) e storage embutidos no HTML. (OEHLMAN E BLANC, 2012, p.243) Uma aplicação web para dispositivos móveis é um aplicativo construído com as tecnologias web centradas no cliente em HTML, CSS e JavaScript 15, e é especificadamente projetado para dispositivos móveis(oehlman E BLANC, 2012). [...] ele permite o uso de tecnologias web padrão, como HTML5, CSS3 e JavaScript, para o desenvolvimento multi-plataforma, com isso o desenvolvimento evita o uso de linguagens nativas que dificultaria ter uma aplicação que seja acessado por diversas plataformas móveis. (PHONEGAP, 2014) Esta ferramenta disponibiliza recursos para o desenvolvimento em qualquer plataforma com suporte para os sistemas operacionais ios, Android, Palm, Symbiam e Windows Phone. Com ele é possível desenvolver aplicações utilizando HTML5, 15 JavaScript é uma linguagem de programação baseada em scripts client-side (Lado do cliente), sua execução ocorre do lado do cliente.

13 CSS3 e JavaScript, dispensando o uso de SDKs 16 ou compiladores sem a necessidade de utilizar a linguagem nativa dessas plataformas.(santiago, 2011) PhoneGap é um dos muitos brindging frameworks (ferramenta de conexão em dispositivos móveis). Embora o termo brindging framework não seja de uso geral atualmente, ele não representa muito bem aquilo para o qual foram projetados. No núcleo, O PhoneGap é o mais puro desses frameworks, oferecendo apenas a estrutura básica requerida para acessar os recursos nativos, sem fazer nenhuma suposição a respeito de outras partes da construção de seu aplicativo (OEHLMAN; BLANC, 2012, p. 243) A construção de aplicativos móveis utilizando o frameworkphonegap apresenta grandes vantagens,uma delas e o acesso as funcionalidades nativas de cada sistema operacionalios, Android, Palm,Symbiam e Windows Phone, este framework trata estas funcionalidades em especial. A segunda situação, é a simplicidade de empacotar um aplicativo com o Phonegap em estágios posteriores(oehlman E BLANC, 2012). Desenvolver uma aplicação web e utilizar a mesma construção da aplicação em uma aplicação para disposto móveis utilizando os frameworks, sem que seja necessário a reconstrução para cada plataforma especifica.(oehlman E BLANC, 2012) A ferramenta de desenvolvimento mobile com grande potencial apresenta grandes vantagens, principalmente com o retorno da popularização da linguagem JavaScript, que havia perdido sua imagem entre os programadores por ser uma linguagem client-side 17. (SANTIAGO, 2011) O JavaScript tem se transformado na linguagem de programação mais popular da web. Inicialmente, no entanto, muitos profissionais denegriram a linguagem. Com o advento do Ajax, o JavaScript teve sua popularidade de volta e recebeu mais atenção profissional. O resultado foi a proliferação de frameworks e bibliotecas, práticas de programação melhoradas e o aumento no uso do JavaScript fora do ambiente de navegadores bem como o uso de plataformas de JavaScript server-side. (SANTIAGO, 2011) 16 SKD Software Development Kit (Kit de Desenvolvimento de Software). 17 Refere-se as operações que são executadas pelo cliente em um relacionamento cliente-servidor em uma rede de computadores.

14 Com o uso primário do JavaScript no Framework PhoneGap é possível escrever funções que são transferidas para as páginas HTML e que se entregam com o Document Object Model 18 (DOM). A vantagem da utilização da linguagem JavaScripté rodar diretamente no navegador local promovendo uma comunicação mais rápida do que um comunicação com o servidor remoto.(santiago, 2011) JavaScript a única linguagem que a maioria dos navegadores populares suportam, tem se tornado uma linguagem alvo para muitos frameworks em outras linguagens, a despeito do fato de não ter sido planejado para tal. (SANTIAGO, 2011) Destaca do pensamento de Santiago (2011), que o JavaScript se tornou alvo para muitos frameworks por ser uma linguagem disponibilizada na maioria dos navegadores. O PhoneGap já está sendo utilizado por diversas empresas, como é o caso da Adobe, que integrou o framework ao Adobe Dreamweaver, facilitando a criação de aplicativos para dispositivos móveis, podendo ainda testar estes aplicativos em emuladores a partir do próprio editor do Dreamweaver. (SANTIAGO, 2011) Torna-se fácil a utilização de framewoks principalmente o Phonegap que em sua estrutura apresente uma linguagem popular como o JavaScript, sendo utilizado por diversas empresa.(santiago, 2011) 18 Modelo de Objeto do Documento é a interface entre a linguagem Javascript e os objetos do HTML. DOM é o método padrão para construção de aplicações ricas com Javascript e é amplamente conhecido e utilizado

15 5 DISCUSSÃO SOBRE UTILIZAÇÃO DOS FRAMEWORKS A utilização dos frameworks traz grandes benefícios para o desenvolvimento de aplicações web e dispositivos móveis, como reuso de código garantindo agilidade no desenvolvimento, redução de custos, melhor compatibilidade entre as aplicações e visualização em diversos dispositivos diferentes. Para atender as necessidades deste projeto foi utilizado como objetivo de pesquisa o framework PhoneGap, devida à sua facilidade de utilização e integração para diversas plataformas e sistema operacionais através de APIs padronizadas com isso a estrutura desenvolvida através do PhoneGapé a mesma utilizada no formato web(html, CSS e JavaScript). Os frameworks em geral possuem desvantagens que devem ser ressaltadas.a construção de um framework é demorada, a velocidade com que nova APIs surgem no mercado dificulta essa integração levando a equipe que desenvolveu o framework prover integração com estas novas APIs, isso gasta tempo dos desenvolvedores. Os esforços para desenvolver este trabalho trouxeram os resultados esperados, já que foi possível apresentar as principais vantagens e desvantagens da utilização de frameworks para o desenvolvimento de aplicações web e dispositivos móveis.contribuindo para a experiência acadêmica dos discentes, além de demonstrar que a utilização dessas ferramentas é um diferencial competitivo no mercado garantindo qualidade e padronização das aplicações móveis.

16 6 CONCLUSÃO Para compreensão do tema do estudo, utilização de frameworks para o desenvolvimento de aplicaçõesweb e dispositivos móveis, buscou-se inicialmente rever a base conceitual e teórica sobre esta questão. Assim, a fundamentação teórica permitiu verificar que a utilização de frameworks para o processo de desenvolvimento, necessita de atenção especial por parte dos programadores, pois essas ferramentas podem diminuir o seu esforço ao desenvolver um programa. Autores como Minetto (2007) e Eis (2014) caracterizam a utilização do frameworkspara o processo de desenvolvimento como eficiente, seguindo uma consistência e padrão de código, compatibilidade mais confiável, fácil manutenção e facilidade na repetição de tarefas. Permitindo afirmar que a utilização de frameworks na construção de softwares proporciona agilidade, eficácia e facilidadeno processo de desenvolvimento. Os autores, Fayad e Schmidt (2014) apresentaram os benefício da utilização dos frameworks, levantando o uso dessas ferramentas dentro de organizações que compõe referência mundial em construção de softwares. Desta forma, pode-se concluir que a utilização de frameworks é adequada para o processo de desenvolvimento por manter uma transparência em sua usabilidade, essas ferramentas direcionarão o programador com certa fluidez no processo de construção do software garantindo agilidade e padrão de código que proporcionarãoa facilidade na manutenção do mesmo, gerando ganhos para as empresas que utilizam essas ferramentas. Diante do exposto, pode-se afirmar que a pergunta da pesquisa de estudo foi respondida e os objetivos alcançados.

17 REFERÊNCIAS BESTWEBFRAMEWORKS. Disponível em: <http://www.bestwebframeworks.com/compare-web-frameworks/php>. Acessado em: 08 nov CAKEPHP. Disponível em: <http://book.cakephp.org/2.0/en/cakephp-overview/whatis-cakephp-why-use-t.html>. Acessado em: 08 nov CODEIGNITER. Disponível em:<http://www.codeigniter.com/user_guide/>. Acessado em: 08 nov COHN, Mike. Desenvolvimento de Software com Scrum, Aplicando Métodos Ágeis com Sucesso. 1. ed. Porto Alegre: Ed. Bookman, p. 25 DEITEL, Paul.et al. Aplicativo FavoriteTwitter Searches emhtml5.aplicativos móveis para navegadores com HTML5,CSS3, JavaScript e Web Storage. In:Android para Programadores. Uma abordagem baseada em aplicativos. 1. Ed. São Paulo. Ed. Bookman, Cap. 19 p. 3 EIS, Diego. Dicas de como fazer seu próprio framework CSS. Disponível em: <http://tableless.com.br/dicas-de-como-fazer-seu-proprio-framework-css/>. Acesso em: 15 nov EIS, Diego; Ferreira, Elcio.Desenvolvimento client-side inteligente. São Paulo. Disponível em: <http://facos.edu.br/moodle27/pluginfile.php/26889/mod_resource/content/2/apostila/ _Livro%20HTML5%20e%20CSS3.pdf >. Acesso em: 24 abr FAYAD, Mohamed; Schmidt, Douglas.Frameworks de aplicação orientadas a objetos.disponível em: <http://www.cs.wustl.edu/~schmidt/cacm-frameworks.html> Acessado em: 15 nov JQUERY. Disponível em:<http://learn.jquery.com/about-jquery/>. Acessado em: 08 nov MINETTO, Elton. Frameworks para Desenvolvimento em PHP. 1. Ed.São Paulo: Novatec Editora, p OEHLMAN, Damon; Blanc, Sébastien. Aplicativos Web Pro Android, Desenvolvimento Pro Android Usando HTML5, CSS3 & JavaScript. 1.Ed. Rio de Janeiro: Ed. Ciência Moderna LTDA, p. 243 PHONEGAP. Disponível em: <http://docs.phonegap.com/en/3.4.0/guide_overview_index.md.html>. Acesso em: 13 mar PHP. Disponível em:<http://php.net/manual/pt_br/intro-whatis.php>. Acessado em: 08 nov. 2014

18 PHPFRAMEWORKS. Disponível em: <http://www.phpframeworks.com/top-10-phpframeworks/>. Acessado em: 08 nov POPLADE, Thaiana. Ferramentas e sites para tornar mais ágil o seu desenvolvimento. 2013,Disponível em: <http://tableless.com.br/ferramentas-e-sitesprontos-para-tornar-seu-processo-de-desenvolvimento-mais-agil/>. Acesso em: 15 nov SANTIAGO, Mayron. PhoneGap com Android - Revista Mobile Magazine Disponível em: <ww.devmedia.com.br/phonegap-com-android-revista-mobilemagazine-39/23128 > Acesso em: 15 nov SYMFONY. Disponível em:<http://symfony.com/about>. Acessado em: 08 nov W3C BRASIL. Disponível em:<http://www.w3c.br/home/webhome>. Acessado em: 15 nov YII FRAMEWORK. Disponível em:<http://www.yiiframework.com/about/>. Acessado em: 08 nov ZEND FRAMEWORK. Disponível em:<http://framework.zend.com/about/>. Acessado em 08 nov. 2014

Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração O livro

Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração O livro Desenvolvimento em PHP usando Frameworks Elton Luís Minetto Agenda Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração O livro Ambiente Web É o ambiente

Leia mais

Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração

Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração Desenvolvimento em PHP usando Frameworks Elton Luís Minetto Agenda Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Symfony Zend Framework Prado CodeIgniter Demonstração Ambiente Web É o ambiente formado

Leia mais

Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile

Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile 393 Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile Lucas Zamim 1 Roberto Franciscatto 1 Evandro Preuss 1 1 Colégio Agrícola de Frederico Westphalen (CAFW) Universidade Federal de Santa Maria

Leia mais

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS Leandro Guilherme Gouvea 1, João Paulo Rodrigues 1, Wyllian Fressatti 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil leandrog.gouvea@gmail.com,

Leia mais

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Programação para Internet Rica 1 Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Objetivo: Identificar as principais características de uma Aplicação Internet Rica.

Leia mais

História e Evolução da Web. Aécio Costa

História e Evolução da Web. Aécio Costa Aécio Costa A História da Web O que estamos estudando? Período em anos que a tecnologia demorou para atingir 50 milhões de usuários 3 As dez tecnologias mais promissoras 4 A evolução da Web Web 1.0- Passado

Leia mais

SenchaTouch + PhoneGap

SenchaTouch + PhoneGap SenchaTouch + PhoneGap Ramos de Souza Janones Phonegap.ramosdainformatica.com.br Desenvolvendo para 7 plataformas mobile www.sucessocomsoftware.com.br No mundo Android ios Windows Phone Outros 1% 4% 25%

Leia mais

Análise Comparativa dos Recursos e Diferenças das Tecnologias de Programação HTML5 e HTML4

Análise Comparativa dos Recursos e Diferenças das Tecnologias de Programação HTML5 e HTML4 Análise Comparativa dos Recursos e Diferenças das Tecnologias de Programação HTML5 e HTML4 Guilherme Miranda Martins 1, Késsia Rita da Costa Marchi 1 1 Universidade paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil

Leia mais

Frameworks para Desenvolvimento em PHP Elton Luís Minetto

Frameworks para Desenvolvimento em PHP Elton Luís Minetto Frameworks para Desenvolvimento em PHP Elton Luís Minetto Novatec capítulo 1 Introdução Uma das grandes vantagens do PHP é sua facilidade de aprendizado. Ao ler poucas páginas de tutoriais ou de algum

Leia mais

Afinal o que é HTML?

Afinal o que é HTML? Aluno : Jakson Nunes Tavares Gestão e tecnologia da informacão Afinal o que é HTML? HTML é a sigla de HyperText Markup Language, expressão inglesa que significa "Linguagem de Marcação de Hipertexto". Consiste

Leia mais

TECNOLOGIAS E FRAMEWORKS PARA O DESENVOLMENTO DE INTERFACES WEB

TECNOLOGIAS E FRAMEWORKS PARA O DESENVOLMENTO DE INTERFACES WEB TECNOLOGIAS E FRAMEWORKS PARA O DESENVOLMENTO DE INTERFACES WEB Marcelo Rodrigo da Silva Ribeiro 1, Ricardo Ribeiro Rufino 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil marcelo.rodrigo@live.com,

Leia mais

DESENVOLVIMENTODE APLICAÇÕESPARAINTERNET:PHP. VitorFariasCoreia

DESENVOLVIMENTODE APLICAÇÕESPARAINTERNET:PHP. VitorFariasCoreia DESENVOLVIMENTODE APLICAÇÕESPARAINTERNET:PHP VitorFariasCoreia INFORMAÇÃOECOMUNICAÇÃO Autor Vitor Farias Correia Graduado em Sistemas de Informação pela FACITEC e especialista em desenvolvimento de jogos

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET RICA RICH INTERNET APPLICATIONS

PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET RICA RICH INTERNET APPLICATIONS PROGRAMAÇÃO PARA INTERNET RICA RICH INTERNET APPLICATIONS Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Apresentar o que é uma Aplicação Rica para Internet Contextualizar tais aplicações na Web e os desafios

Leia mais

Adobe Flex. Cainã Fuck dos Santos Thiago Vieira Puluceno Jonathan Kuntz Fornari Gustavo Nascimento Costa

Adobe Flex. Cainã Fuck dos Santos Thiago Vieira Puluceno Jonathan Kuntz Fornari Gustavo Nascimento Costa Adobe Flex Cainã Fuck dos Santos Thiago Vieira Puluceno Jonathan Kuntz Fornari Gustavo Nascimento Costa O que é Flex? Estrutura de Código aberto para a criação de aplicativos Web Utiliza o runtime do Adobe

Leia mais

ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR

ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR Acompanhe o ritmo de aceleração dos ciclos de lançamento. Descubra a automatização com um toque humano EXECUTE UM TESTE 26032015 Com a Borland, tanto analistas de negócios

Leia mais

PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB

PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB Ederson dos Santos Cordeiro de Oliveira 1,Tiago Bonetti Piperno 1, Ricardo Germano 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR- Brasil edersonlikers@gmail.com,

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UMA APLICAÇÃO WEB PARA ELABORAÇÃO DE AVALIAÇÕES DE ENSINO UTILIZANDO NOVAS ABORDAGENS DE DESENVOLVIMENTO

DESENVOLVIMENTO DE UMA APLICAÇÃO WEB PARA ELABORAÇÃO DE AVALIAÇÕES DE ENSINO UTILIZANDO NOVAS ABORDAGENS DE DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO DE UMA APLICAÇÃO WEB PARA ELABORAÇÃO DE AVALIAÇÕES DE ENSINO UTILIZANDO NOVAS ABORDAGENS DE DESENVOLVIMENTO Danilo Damaceno Lima 1 NIPETI 2 - Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS),

Leia mais

SCE-557. Técnicas de Programação para WEB. Rodrigo Fernandes de Mello http://www.icmc.usp.br/~mello mello@icmc.usp.br

SCE-557. Técnicas de Programação para WEB. Rodrigo Fernandes de Mello http://www.icmc.usp.br/~mello mello@icmc.usp.br SCE-557 Técnicas de Programação para WEB Rodrigo Fernandes de Mello http://www.icmc.usp.br/~mello mello@icmc.usp.br 1 Cronograma Fundamentos sobre servidores e clientes Linguagens Server e Client side

Leia mais

Desenvolvendo Websites com PHP

Desenvolvendo Websites com PHP Desenvolvendo Websites com PHP 2ª Edição Juliano Niederauer Novatec Copyright 2009, 2011 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida a reprodução

Leia mais

Análise de Performance de Frameworks de Desenvolvimento Mobile Multiplataforma

Análise de Performance de Frameworks de Desenvolvimento Mobile Multiplataforma 347 Análise de Performance de Frameworks de Desenvolvimento Mobile Multiplataforma Kamile A. Wahlbrinck, Bruno B. Boniati Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) Caixa Postal 54 98.400-000 Frederico

Leia mais

Zend Framework. Elton Luís Minetto

Zend Framework. Elton Luís Minetto Zend Framework Elton Luís Minetto O que? Ambiente Web PHP Problemas Frameworks Padrões Zend Framework Vantagens Componentes Cases Quem? Graduado e pós-graduado em Ciência da Computação. Cursando MBA em

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DE VOTAÇÃO WEB UTILIZANDO TECNOLOGIA TOUCHSCREEN José Agostinho Petry Filho 1 ; Rodrigo de Moraes 2 ; Silvio Regis da Silva Junior 3 ; Yuri Jean Fabris 4 ; Fernando Augusto

Leia mais

Desenvolvimento de um sistema de gestão acadêmica com software livre Rodrigo Bainy Fagundes

Desenvolvimento de um sistema de gestão acadêmica com software livre Rodrigo Bainy Fagundes Universidade Federal de Pelotas Centro de Gereciamento de Informações e Concursos Diretoria de Desenvolvimento de Sistemas Desenvolvimento de um sistema de gestão acadêmica com software livre Rodrigo Bainy

Leia mais

HTML5 - POR QUE USÁ-LO?

HTML5 - POR QUE USÁ-LO? HTML5 - POR QUE USÁ-LO? Ícaro Carlos Andrade Costa (icarocarlosandrade@gmail.com) Igor Antônio Santos Andrade (igorantonioandrade@gmail.com) RESUMO A linguagem HTML surgiu a mais de duas décadas como um

Leia mais

HTML5 E WEB SEMÂNTICA, A WEB COM SIGNIFICADO

HTML5 E WEB SEMÂNTICA, A WEB COM SIGNIFICADO HTML5 E WEB SEMÂNTICA, A WEB COM SIGNIFICADO Djalma Gonçalves Costa Junior¹, Willian Barbosa Magalhães¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí - PR - Brasil djalma.g.costajr@gmail.com wmagalhaes@unipar.br

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Tópicos de Ambiente Web Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Roteiro Motivação Desenvolvimento de um site Etapas no desenvolvimento de software (software:site) Analise

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web. Tipos de Sites. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com.br

Introdução à Tecnologia Web. Tipos de Sites. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com.br IntroduçãoàTecnologiaWeb TiposdeSites ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br TiposdeSites Índice 1 Sites... 2 2 Tipos de Sites... 2 a) Site

Leia mais

ISHIFT: Informação em Movimento

ISHIFT: Informação em Movimento ISHIFT: Informação em Movimento Contato: www.ishift.com.br +55 51 32798159 contato@ishift.com.br Somos uma empresa completa de produtos e serviços ligados à tecnologia, que procura apresentar soluções

Leia mais

Web Services. Autor: Rômulo Rosa Furtado

Web Services. Autor: Rômulo Rosa Furtado Web Services Autor: Rômulo Rosa Furtado Sumário O que é um Web Service. Qual a finalidade de um Web Service. Como funciona o serviço. Motivação para o uso. Como construir um. Referências. Seção: O que

Leia mais

Documento de Arquitetura

Documento de Arquitetura Documento de Arquitetura A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO #1 Pág. 1 de 11 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 28/10/2010 1 Elaboração do documento

Leia mais

Desenvolvimento de um Caderno de Campo para Plataformas Móveis utilizando PhoneGap

Desenvolvimento de um Caderno de Campo para Plataformas Móveis utilizando PhoneGap Desenvolvimento de um Caderno de Campo para Plataformas Móveis utilizando PhoneGap Maicon Anderson Mattos da Silva 1, Casiane Salete Tibola 2, Jose Mauricio Cunha Fernandes 2, Jaqson Dalbosco 1, Rafael

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web. Ferramentas e Tecnologias de Desenvolvimento Web. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com.

Introdução à Tecnologia Web. Ferramentas e Tecnologias de Desenvolvimento Web. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com. IntroduçãoàTecnologiaWeb FerramentaseTecnologiasde DesenvolvimentoWeb ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br FerramentaseTecnologiasde DesenvolvimentoWeb

Leia mais

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento HOME O QUE É TOUR MÓDULOS POR QUE SOMOS DIFERENTES METODOLOGIA CLIENTES DÚVIDAS PREÇOS FALE CONOSCO Suporte Sou Cliente Onde sua empresa quer chegar? Sistemas de gestão precisam ajudar sua empresa a atingir

Leia mais

Desenvolvendo Websites com PHP

Desenvolvendo Websites com PHP Desenvolvendo Websites com PHP Aprenda a criar Websites dinâmicos e interativos com PHP e bancos de dados Juliano Niederauer 19 Capítulo 1 O que é o PHP? O PHP é uma das linguagens mais utilizadas na Web.

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PRODUÇÃO DE EVENTOS

SISTEMA DE GESTÃO DE PRODUÇÃO DE EVENTOS SISTEMA DE GESTÃO DE PRODUÇÃO DE EVENTOS Rodrigo das Neves Wagner Luiz Gustavo Galves Mählmann Resumo: O presente artigo trata de um projeto de desenvolvimento de uma aplicação para uma produtora de eventos,

Leia mais

Estudo de Frameworks Multiplataforma Para Desenvolvimento de Aplicações Mobile Híbridas

Estudo de Frameworks Multiplataforma Para Desenvolvimento de Aplicações Mobile Híbridas 72 Estudo de Frameworks Multiplataforma Para Desenvolvimento de Aplicações Mobile Híbridas Ezequiel Douglas Prezotto 1, Bruno Batista Boniati 1 1 Tecnologia em Sistemas para Internet - Universidade Federal

Leia mais

PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB)

PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB) RELATÓRIO DE ENTREGA DO PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB) PARA A ELABORAÇÃO DOS PLANOS MUNICIPAIS DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS PMGIRS PARA OS MUNICÍPIOS DE NOVO HORIZONTE, JUPIÁ, GALVÃO,

Leia mais

IMPORTÂNCIA DOS PADRÕES DE DESENVOLVIMENTO WEB

IMPORTÂNCIA DOS PADRÕES DE DESENVOLVIMENTO WEB IMPORTÂNCIA DOS PADRÕES DE DESENVOLVIMENTO WEB Isadora dos Santos Rodrigues, Tiago Piperno Bonetti Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil isadora.santosrodrigues@hotmail.com, bonetti@unipar.br

Leia mais

Plone na Plataforma Mobile. Fabiano Weimar dos Santos e Giuseppe Romagnoli

Plone na Plataforma Mobile. Fabiano Weimar dos Santos e Giuseppe Romagnoli Plone na Plataforma Mobile Plone na Plataforma Mobile Plone na Plataforma Mobile Fabiano FabianoWeimar Weimardos dossantos Santos Os amigos me chamam de Os amigos me chamam dexiru Xiru Mestre em Inteligência

Leia mais

Desenvolva rapidamente utilizando o frame work CakePHP. Elton Luí s Minetto

Desenvolva rapidamente utilizando o frame work CakePHP. Elton Luí s Minetto Desenvolva rapidamente utilizando o frame work CakePHP Elton Luí s Minetto Agenda Ambiente Web PHP Problemas Frameworks CakePHP Demonstração Ambiente Web É o ambiente formado por algumas tecnologias: Servidor

Leia mais

A WEB COMO PLATAFORMA Revolução do HTML5

A WEB COMO PLATAFORMA Revolução do HTML5 A WEB COMO PLATAFORMA Revolução do HTML5 Juliano Flores Prof. Lucas Plautz Prestes Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Gestão de TI (GTI034) 06/11/2012 RESUMO Escrever programas de computador,

Leia mais

ARQUITETURA DE SISTEMAS. Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com)

ARQUITETURA DE SISTEMAS. Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com) ARQUITETURA DE SISTEMAS Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com) Roteiro Definição Documento de arquitetura Modelos de representação da arquitetura Estilos arquiteturais Arquitetura de sistemas web Arquitetura

Leia mais

Abordagem de Frameworks e Design Patterns para desenvolvimento de Aplicações Approach Frameworks and Design Patterns for Application Development

Abordagem de Frameworks e Design Patterns para desenvolvimento de Aplicações Approach Frameworks and Design Patterns for Application Development Abordagem de Frameworks e Design Patterns para desenvolvimento de Aplicações Approach Frameworks and Design Patterns for Application Development Demetrio da Silva Passos 1 Augusto Nogueira Zadra 2 Resumo:

Leia mais

XHTML 1.0 DTDs e Validação

XHTML 1.0 DTDs e Validação XHTML 1.0 DTDs e Validação PRnet/2012 Ferramentas para Web Design 1 HTML 4.0 X XHTML 1.0 Quais são os três principais componentes ou instrumentos mais utilizados na internet? PRnet/2012 Ferramentas para

Leia mais

Proteste Postos: um aplicativo móvel utilizando o cross-framework Phonegap. Bernardo Salgueiro

Proteste Postos: um aplicativo móvel utilizando o cross-framework Phonegap. Bernardo Salgueiro UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA ESCOLA DE INFORMÁTICA APLICADA Proteste Postos: um aplicativo móvel utilizando o cross-framework Phonegap Bernardo

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir

Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir Artigos Técnicos Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir Marcelo Salvador, Diretor de Negócios da Elipse Software Ltda. Já faz algum tempo que ouvimos falar do controle e supervisão

Leia mais

Zend. Framework. Flávio Gomes da Silva Lisboa. Novatec. Desenvolvendo em PHP 5 orientado a objetos com MVC

Zend. Framework. Flávio Gomes da Silva Lisboa. Novatec. Desenvolvendo em PHP 5 orientado a objetos com MVC Zend Framework Desenvolvendo em PHP 5 orientado a objetos com MVC Flávio Gomes da Silva Lisboa Novatec 1 Introdução CAPÍTULO O desenvolvimento de aplicações tornou-se uma atividade extremamente complexa

Leia mais

ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC

ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC Plano do Curso. Curso One. Os Cursos desenvolvidos pela One To One, são reflexo da experiência profissional no âmbito da Formação, do Design

Leia mais

Estudo comparativo entre tecnologias Java: Applet e JWS.

Estudo comparativo entre tecnologias Java: Applet e JWS. Estudo comparativo entre tecnologias Java: Applet e JWS. Clara Aben-Athar B. Fernandes¹, Carlos Alberto P. Araújo¹ 1 Centro Universitário Luterano de Santarém Comunidade Evangélica Luterana (CEULS/ULBRA)

Leia mais

Figura 1 - Arquitetura multi-camadas do SIE

Figura 1 - Arquitetura multi-camadas do SIE Um estudo sobre os aspectos de desenvolvimento e distribuição do SIE Fernando Pires Barbosa¹, Equipe Técnica do SIE¹ ¹Centro de Processamento de Dados, Universidade Federal de Santa Maria fernando.barbosa@cpd.ufsm.br

Leia mais

Programação WEB Introdução

Programação WEB Introdução Programação WEB Introdução Rafael Vieira Coelho IFRS Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Farroupilha rafael.coelho@farroupilha.ifrs.edu.br Roteiro 1) Conceitos

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web

Introdução à Tecnologia Web Introdução à Tecnologia Web JavaScript Histórico e Características Índice 1 JAVASCRIPT... 2 1.1 Histórico... 2 1.2 Aplicações de JavaScript... 2 a) Interatividade... 2 b) Validação de formulários... 2

Leia mais

SENCHA TOUCH: DESENVOLVENDO APLICAÇÕES UNIVERSAIS

SENCHA TOUCH: DESENVOLVENDO APLICAÇÕES UNIVERSAIS SENCHA TOUCH: DESENVOLVENDO APLICAÇÕES UNIVERSAIS Rafael Nunes BATISTA 1 Ana Paula Ambrósio ZANELATO 2 RESUMO: O presente artigo visa apresentar um novo framework de desenvolvimento, que, embora seja compatível

Leia mais

ANEXO 11. Framework é um conjunto de classes que colaboram para realizar uma responsabilidade para um domínio de um subsistema da aplicação.

ANEXO 11. Framework é um conjunto de classes que colaboram para realizar uma responsabilidade para um domínio de um subsistema da aplicação. ANEXO 11 O MATRIZ Para o desenvolvimento de sites, objeto deste edital, a empresa contratada obrigatoriamente utilizará o framework MATRIZ desenvolvido pela PROCERGS e disponibilizado no início do trabalho.

Leia mais

Informações importantes

Informações importantes Informações importantes Genexus Web: Marketing e TI alinhados em Aplicativos para Dispositivos móveis DUAS ÁREAS IMPORTANTES... DOIS AMBIENTES... Mais do nunca, marketing e TI precisam estar alinhados

Leia mais

Aula 1 Desenvolvimento Web. Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme

Aula 1 Desenvolvimento Web. Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme Aula 1 Desenvolvimento Web Curso: Técnico em Informática / 2º módulo Disciplina: Desenvolvimento Web Professora: Luciana Balieiro Cosme Plano de Aula Ementa Avaliação Ementa Noções sobre Internet. HTML

Leia mais

Linguagem de Programação JAVA. Professora Michelle Nery Nomeclaturas

Linguagem de Programação JAVA. Professora Michelle Nery Nomeclaturas Linguagem de Programação JAVA Professora Michelle Nery Nomeclaturas Conteúdo Programático Nomeclaturas JDK JRE JEE JSE JME JVM Toolkits Swing AWT/SWT JDBC EJB JNI JSP Conteúdo Programático Nomenclatures

Leia mais

Estudo comparativo de diferentes linguagens de interfaces baseadas em XML

Estudo comparativo de diferentes linguagens de interfaces baseadas em XML Estudo comparativo de diferentes linguagens de interfaces baseadas em XML Ricardo Alexandre G. C. Martins, José Carlos Ramalho, and Pedro Rangel Henriques \{ram,jcr,prh\}@di.uminho.pt Departamento de Informática

Leia mais

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina CTC Centro Tecnológico INE Departamento de Informática e Estatística INE5631 Projetos I Prof. Renato Cislaghi Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP

Leia mais

Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC

Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC Artur Petean Bove Júnior Tecnologia SJC Objetivo O objetivo do projeto é especificar o desenvolvimento de um software livre com a finalidade de automatizar a criação de WEBSITES através do armazenamento

Leia mais

Análise da Nova Linguagem HTML5 para o Desenvolvimento Web

Análise da Nova Linguagem HTML5 para o Desenvolvimento Web Análise da Nova Linguagem HTML5 para o Desenvolvimento Web Sergio N. Ikeno¹, Késsia Rita da Costa Marchi¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil sergioikn@gmail.com, kessia@unipar.br Resumo.

Leia mais

ARQUITETURA TRADICIONAL

ARQUITETURA TRADICIONAL INTRODUÇÃO Atualmente no universo corporativo, a necessidade constante de gestores de tomar decisões cruciais para os bons negócios das empresas, faz da informação seu bem mais precioso. Nos dias de hoje,

Leia mais

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA O InterLIMS se apresenta

Leia mais

Curso de Desenvolvimento Web com HTML5, CSS3 e jquery

Curso de Desenvolvimento Web com HTML5, CSS3 e jquery Curso de Desenvolvimento Web com HTML5, CSS3 e jquery Professor: Marcelo Ricardo Minholi CH: 32 horas anuais (4 dias de 8 horas) Umuarama - 2012 Fundamentação Teórica: HTML (acrônimo para a expressão inglesa

Leia mais

Índice de ilustrações

Índice de ilustrações Sumário 1Dez novos recursos do windows 8...2 1.1Interface Metro...2 1.2Internet Explorer 10...4 1.3Gerenciador de Tarefas...5 1.4Painel de Controle...5 1.5Interface Ribbon...6 1.6Menu Iniciar...7 1.7Windows

Leia mais

Adaptando o Plone para Plataformas Móveis. Fabiano Weimar dos Santos e Giuseppe Romagnoli

Adaptando o Plone para Plataformas Móveis. Fabiano Weimar dos Santos e Giuseppe Romagnoli Adaptando o Plone para Plataformas Móveis Adaptando o Plone para plataformas móveis Adaptando o Plone para plataformas móveis Fabiano FabianoWeimar Weimardos dossantos Santos Os amigos me chamam de Os

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicação Windows Mobile Acessando um WebService

Desenvolvimento de Aplicação Windows Mobile Acessando um WebService Faculdade de Negócios e Administração de Sergipe Disciplina: Integração Web Banco de Dados Professor: Fábio Coriolano Desenvolvimento de Aplicação Windows Mobile Acessando um WebService Professor: Fabio

Leia mais

SGOAP Sistema de Gestão Operacional para Agências de Publicidade

SGOAP Sistema de Gestão Operacional para Agências de Publicidade SGOAP Sistema de Gestão Operacional para Agências de Publicidade Danielle Ramos Tonhai, Danilo Formagio Instituto de Ciências Exatas e Tecnologia (ICET) Universidade Paulista - UNIP, Campinas, SP, Brasil

Leia mais

DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS

DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS Emanuel M. Godoy 1, Ricardo Ribeiro Rufino 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil godoymanel@gmail.com,

Leia mais

Sistema para gestão de restaurante

Sistema para gestão de restaurante Sistema para gestão de restaurante Luciana Tavares Rosa luciana.rosa@inf.aedb.br AEDB Fábio Rezende Dutra fabio.dutra@inf.aedb.br AEDB Resumo:O sistema para gestão de restaurante é um software desenvolvido

Leia mais

ESTUDO COMPARATIVO DE BIBLIOTECAS GRÁFICAS I TEGRADAS COM OPE GL

ESTUDO COMPARATIVO DE BIBLIOTECAS GRÁFICAS I TEGRADAS COM OPE GL ESTUDO COMPARATIVO DE BIBLIOTECAS GRÁFICAS I TEGRADAS COM OPE GL Francisco Tiago Avelar, Vitor Conrado F. Gomes, Cesar Tadeu Pozzer Universidade Federal de Santa Maria UFSM Curso de Ciência da Computação

Leia mais

BEM-VINDOS AO CURSO DE ORIENTADO A OBJETOS

BEM-VINDOS AO CURSO DE ORIENTADO A OBJETOS 21/11/2013 PET Sistemas de Informação Faculdade de Computação Universidade Federal de Uberlândia 1 BEM-VINDOS AO CURSO DE ORIENTADO A OBJETOS Leonardo Pimentel Ferreira Higor Ernandes Ramos Silva 21/11/2013

Leia mais

Desenvolvimento em Smartphones - Aplicativos Nativos e Web

Desenvolvimento em Smartphones - Aplicativos Nativos e Web Desenvolvimento em Smartphones - Aplicativos Nativos e Web Jan Miszura Toledo 1, Gilcimar Divino de Deus 2 1 Departamento de Computação - Pontifícia Universidade Católica de Goiás - GO - Brasil janmiszura@gmail.com

Leia mais

Reuso. Curso de Especialização DEINF - UFMA Desenvolvimento Orientado a Objetos Prof. Geraldo Braz Junior

Reuso. Curso de Especialização DEINF - UFMA Desenvolvimento Orientado a Objetos Prof. Geraldo Braz Junior Reuso Curso de Especialização DEINF - UFMA Desenvolvimento Orientado a Objetos Prof. Geraldo Braz Junior Reutilização de Software Na maioria das áreas de engenharia de software, sistemas são desenvolvidos

Leia mais

WebUML: Uma Ferramenta Colaborativa de Apoio ao Projeto e Análise de Sistemas Descritos em Classes UML

WebUML: Uma Ferramenta Colaborativa de Apoio ao Projeto e Análise de Sistemas Descritos em Classes UML Carlos Henrique Pereira WebUML: Uma Ferramenta Colaborativa de Apoio ao Projeto e Análise de Sistemas Descritos em Classes UML Florianópolis - SC 2007 / 2 Resumo O objetivo deste trabalho é especificar

Leia mais

ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC

ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC ONE TOONE CURSOS PARTICULARES HTML5 + CSS3 + ADOBE DREAMWEAVER CC Plano do Curso. Curso One. Os Cursos desenvolvidos pela One To One, são reflexo da experiência profissional no âmbito da Formação, do Design

Leia mais

Google Web Toolkit* Clério Damasceno Soares, Daniel da Silva Filgueiras e Fábio Figueiredo da Silva

Google Web Toolkit* Clério Damasceno Soares, Daniel da Silva Filgueiras e Fábio Figueiredo da Silva Google Web Toolkit* Clério Damasceno Soares, Daniel da Silva Filgueiras e Fábio Figueiredo da Silva Universidade Federal de Juiz de Fora UFJF-MG Campo Universitário Bairro Marmelos Juiz de Fora MG Brasil

Leia mais

Com relação às áreas de conhecimento de projetos conforme o. PMBoK, julgue os itens subseqüentes.

Com relação às áreas de conhecimento de projetos conforme o. PMBoK, julgue os itens subseqüentes. De acordo com o comando a que cada um dos itens de 1 a 70 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com

Leia mais

DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES

DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES Alexandre Egleilton Araújo, Jaime Willian Dias Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil araujo.ale01@gmail.com, jaime@unipar.br Resumo.

Leia mais

Desenvolvimento em três camadas com PHP 5, MVC e AJAX

Desenvolvimento em três camadas com PHP 5, MVC e AJAX Desenvolvimento em três camadas com PHP 5, MVC e AJAX Almir Neto almirneto@gmail.com Otávio Calaça otaviocx@gmail.com http://phpendo.blogspot.com CoNaPHP CONISLI 2008 http://www.conaphp.com.br/ São Paulo,

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS APLICATIVOS HÍBRIDOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS APLICATIVOS HÍBRIDOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS APLICATIVOS HÍBRIDOS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Introdução PhoneGap PhoneGap Build GitHub INTRODUÇÃO Aplicativos nativos É

Leia mais

DESENVOLVIMENTO WEB DENTRO DOS PARADIGMAS DO HTML5 E CSS3

DESENVOLVIMENTO WEB DENTRO DOS PARADIGMAS DO HTML5 E CSS3 DESENVOLVIMENTO WEB DENTRO DOS PARADIGMAS DO HTML5 E CSS3 Eduardo Laguna Rubai, Tiago Piperno Bonetti Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR- Brasil eduardorubay@gmail.com, bonetti@unipar.br Resumo.

Leia mais

Desenvolvimento híbrido versus desenvolvimento nativo de aplicativos móveis

Desenvolvimento híbrido versus desenvolvimento nativo de aplicativos móveis Desenvolvimento híbrido versus desenvolvimento nativo de aplicativos móveis Mariana Ribeiro MENDES¹; Itagildo Edmar GARBAZZA 2, Daniela Costa TERRA 3 ¹Estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas.

Leia mais

Diretrizes para criação de um padrão de desenvolvimento de sistemas de informação baseados em cots

Diretrizes para criação de um padrão de desenvolvimento de sistemas de informação baseados em cots Diretrizes para criação de um padrão de desenvolvimento de sistemas de informação baseados em cots Roosewelt Sanie Da Silva¹ 1 Ciência da Computação Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC) Rodovia

Leia mais

Linha Silk: a maneira leve para testar, desenvolver e gerenciar

Linha Silk: a maneira leve para testar, desenvolver e gerenciar Linha : a maneira leve para testar, desenvolver e gerenciar Leve Criado apenas com a funcionalidade que você precisa Barato Do uso gratuito ao licenciamento flexível Eficiente Software fácil de usar e

Leia mais

Novemax Biblioteca OO para abstração de componentes HTML, desenvolvida em PHP

Novemax Biblioteca OO para abstração de componentes HTML, desenvolvida em PHP Novemax Biblioteca OO para abstração de componentes HTML, desenvolvida em PHP Isac Velezo de C. Aguiar isacaguiar@gmail.com Jailson Oliveira da Boa Morte jailsonboamorte@gmail.com Instituto de Matemática

Leia mais

Conceitos Web. Prof. Msc. Juliano Gomes Weber (jgw@unijui.edu.br) Notas de Aula Aula 13 1º Semestre - 2011. UNIJUÍ DETEC Ciência da Computação

Conceitos Web. Prof. Msc. Juliano Gomes Weber (jgw@unijui.edu.br) Notas de Aula Aula 13 1º Semestre - 2011. UNIJUÍ DETEC Ciência da Computação UNIJUÍ DETEC Ciência da Computação Prof. Msc. Juliano Gomes Weber (jgw@unijui.edu.br) Conceitos Web Notas de Aula Aula 13 1º Semestre - 2011 Tecnologias Web jgw@unijui.edu.br Conceitos Básicos Sistema

Leia mais

SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS

SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2014 FORMULÁRIO PARA SUBMISSÃO DE PROJETOS Formulário para submissão de projeto Dados do Projeto e do (a) Orientador (a) do Projeto Título do Projeto: Um aplicativo

Leia mais

FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS

FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS FERRAMENTA WEB PARA MODELAGEM LÓGICA EM PROJETOS DE BANCOS DE DADOS RELACIONAIS PAULO ALBERTO BUGMANN ORIENTADOR: ALEXANDER ROBERTO VALDAMERI Roteiro Introdução Objetivos Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços. Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena

Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços. Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena Tópicos Motivação e Objetivos LP e SOA Processo ADESE

Leia mais

Fundamentos da Computação Móvel

Fundamentos da Computação Móvel Fundamentos da Computação Móvel (Plataformas Sistemas Operacionais e Desenvolvimento) Programação de Dispositivos Móveis Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus

Leia mais

Oportunidades 05/05/2015

Oportunidades 05/05/2015 Oportunidades 05/05/2015 Sobre a Daitan: A Daitan é uma empresa brasileira, localizada em Campinas. Seu foco é a exportação de Serviços de Outsourcing em P&D e Serviços Profissionais em Telecomunicações,

Leia mais

GSA2013 THE GREAT SHAREPOINT ADVENTURE 2013

GSA2013 THE GREAT SHAREPOINT ADVENTURE 2013 Missões Impossíveis em Desenvolvimento de Software. GSA2013 THE GREAT SHAREPOINT ADVENTURE 2013 Este curso de 5 dias explora as oportunidades de desenvolvimento com o SharePoint Server 2013 da Microsoft.

Leia mais

TAW Tópicos de Ambiente Web

TAW Tópicos de Ambiente Web TAW Tópicos de Ambiente Web Teste rveras@unip.br Aula 11 Agenda Usabilidade Compatibilidade Validação Resolução de tela Velocidade de carregação Acessibilidade Testes Nesta etapa do projeto do web site

Leia mais

Fundamentos de Java. Prof. Marcelo Cohen. 1. Histórico

Fundamentos de Java. Prof. Marcelo Cohen. 1. Histórico Fundamentos de Java Prof. Marcelo Cohen 1. Histórico 1990 linguagem Oak; desenvolvimento de software embutido para eletrodomésticos S.O. para o controle de uma rede de eletrodomésticos o surgimento da

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS - APLICATIVOS HÍBRIDOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS - APLICATIVOS HÍBRIDOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS - APLICATIVOS HÍBRIDOS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Introdução PhoneGap PhoneGap Build GitHub INTRODUÇÃO Aplicativos nativos

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS 1 de 6 PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSOS BURITREINAMENTOS MANAUS-AM NOVEMBRO / 2014 2 de 6 PACOTES DE TREINAMENTOS BURITECH A Buritech desenvolveu um grupo de pacotes de treinamentos, aqui chamados de BuriPacks,

Leia mais

5 Detalhes da Implementação

5 Detalhes da Implementação Detalhes da Implementação 101 5 Detalhes da Implementação Neste capítulo descreveremos detalhes da implementação do Explorator que foi desenvolvido usando o paradigma MVC 45 e o paradigma de CoC 46 (Convention

Leia mais

Facilidade e flexibilidade na web

Facilidade e flexibilidade na web Facilidade e flexibilidade na web palavras-chave: acessibilidade, usabilidade, web 2.0 Tersis Zonato www.tersis.com.br Web 2.0 o termo de marketing x a nova forma de conhecimento Web 2.0 O conceito começou

Leia mais