Coloque seu número de inscrição e nome no quadro abaixo. Na folha de resposta, preencha com traços firmes, o espaço reservado a cada opção.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Coloque seu número de inscrição e nome no quadro abaixo. Na folha de resposta, preencha com traços firmes, o espaço reservado a cada opção."

Transcrição

1 Prezado (a) candidato (a): Coloque seu número de inscrição e nome no quadro abaixo. Na folha de resposta, preencha com traços firmes, o espaço reservado a cada opção. Nº.de Inscrição Nome PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DIÁLOGO - Pai, Deus existe? O homem deixou de lado o livro que estava lendo e ficou olhando para o garoto, sem dizer nada. - Pai, eu perguntei se Deus existe. - Eu ouvi. Estou pensando. - Precisa pensar? Eu só quero saber se Deus existe ou não disse o garoto, irritado. - Bom o homem, cauteloso. Para umas pessoas existe, para outras não. - Para mim não existe disse o menino. - Não existe? - Não. Quer ver? Olhou para cima: - Deus, eu quero uma bicicleta nova. Agora. Esperou um pouco muito pouco e disse, triunfante mas amargo: - Viu? Viu como Deus não existe? - Bem disse o pai, sentido o terreno movediço -, isto não chega a ser uma prova. As pessoas não conseguem logo o que querem. - Ah, mas se Deus existe, ele tinha de me dar a bicicleta. Deus não existe. O homem não disse nada. - Deus não existe insistiu o garoto Ouviu? Não existe. Ou então está morto. Deus morreu, pai. Meu Deus, pensou o pai, o garoto está dizendo aquilo que Nietzsche levou anos para descobrir. O seu bom humor, porém, logo desapareceu: o menino estava chorando. Está cansado, pensou o homem. Tomou-o nos braços, sentou com ele na cadeira de balanço, embalou-o na cama; mas aí já não tinha vontade de ler; de modo que pôs o pijama e foi dormir também.

2 Acordou de manhã cedo. O menino estava ao lado da cama do casal, uma expressão de triunfo no rosto: - Sabe o que eu sonhei, pai? Sonhei que estava cercado de inimigos que queriam me matar. Aí caiu do céu uma metralhadora, e eu matei todos os inimigos. Todos, pai! Com a metralhadora! Foi Deus quem mandou aquela metralhadora! O pai suspirou, aliviado. Finalmente, Deus estava dizendo a que vinha. Scliar, Moacir. In: O País da infância. Para gostar de ler, V. 19, p. 43 a 45, São Paulo, África QUESTÃO 01 - Eu ouvi. Estou pensando. - Precisa pensar? Eu só quero saber se Deus existe ou não. Para o garoto, a sua pergunta: a) provocaria um embaraço para o pai. b) tinha uma resposta simples e precisa. c) estava acima da competência do pai. d) poderia deixar o pai irritado. QUESTÃO 02 - Pai, Deus existe? O homem deixou de lado o livro que estava lendo e ficou olhando para o garoto, sem dizer nada. Analisando essa passagem, no texto, só NÃO se pode deduzir que o pai: a) considerou a pergunta infantil. b) pôs-se a pensar numa resposta. c) mostrou-se admirado com a indagação. d) pretendia encontrar a melhor resposta para o filho.

3 QUESTÃO 03 Deus existe para umas pessoas e para outras não. Por essa afirmativa pode-se entender que: a) Deus só se manifesta para as pessoas de bom coração. b) a existência de Deus é uma questão de fé. c) Deus é um ser único e todo-poderoso. d) as pessoas não se preocupam com a existência divina. QUESTÃO 04 - Ah, mas se Deus existe, ele tinha de me dar a bicicleta. Para o garoto, a existência de Deus estava associada, principalmente: a) ao cumprimento das ordens paternas. b) aos seus sonhos e fantasias. c) à realização do seu desejo. d) à resposta que o pai lhe daria. QUESTÃO 05 - Deus não existe insistiu o garoto Ouviu? Não existe. Ou então está morto. Deus morreu, pai. Só NÃO se percebe nessa passagem: a) decepção. b) desapontamento. c) preocupação. d) descrença. QUESTÃO 06 O pai, ao longo da história, só NÃO se mostrou: a) angustiado. b) espantado. c) carinhoso. d) decepcionado.

4 QUESTÃO 07 Em relação à existência de Deus, o menino demonstra um tom autoritário e impaciente. Só NÃO há comprovação disso em: a) Deus, eu quero uma bicicleta nova. Agora. b) Esperou um pouco muito pouco e disse, triunfante... c) - Ah, mas se Deus existe, ele tinha de me dar a bicicleta. d) O menino estava chorando. QUESTÃO 08 O menino estava ao lado da cama do casal, uma expressão de triunfo no rosto, porque: a) havia tido um sonho bom. b) podia levar alegria ao pai. c) conseguira matar todos os inimigos. d) percebera a existência de Deus na sua vida. QUESTÃO 09 A divisão das palavras em sílabas está CORRETA em: a) De us, di á lo go, vi-u b) tri un fo, a li vi a do, pai c) me tra lha do ra, pa i, in sis ti u d) ex pres são, mu i to, po u co QUESTÃO 10 Foram destacados todos os substantivos da frase. O menino estava ao lado da cama do casal, uma expressão de triunfo no rosto. Marque a opção CORRETA: a) menino, lado, cama, casal, expressão, triunfo, rosto. b) menino, expressão, rosto. c) menino, lado da cama, expressão de triunfo. d) menino, cama, casal, rosto.

5 QUESTÃO 11 Os substantivos PAI DEUS INIMIGOS, foram respectivamente, classificados de forma CORRETA em: a) comum abstrato simples. b) próprio concreto composto. c) comum concreto simples. d) próprio abstrato composto. QUESTÃO 12 Há adjetivo na frase: a) - Bom, o homem cauteloso. b) - Viu? Viu como Deus não existe? c) O pai suspirou, aliviado. d) Eu ouvi. Estou pensando. QUESTÃO 13 O uso da vírgula em Pai, eu perguntei se Deus existe. tem a mesma função em: a) Ah, mas se Deus existe, ele tinha de me dar a bicicleta. b) O pai suspirou, aliviado. c) Finalmente, Deus estava dizendo a que vinha. d) Meu Deus, pensou o pai... QUESTÃO 14 As palavras foram acentuadas pelo mesmo motivo em: a) só céu até pôs. b) aí já está só c) porém até está céu d) pôs só já vê

6 QUESTÃO 15 As palavras só foram grafadas corretamente em: a) ancioso animação sucesso b) compreenção diversão essencial c) paralisação apaziguar freguesa. d) relachar analizar explêndido PROVA DE MATEMÁTICA FUNDAMENTAL INCOMPLETO QUESTÃO 16 Dona Josefa dividiu certa quantia entre seus três netos: Maria, Pedro e Luiz Antônio. Dessa quantia, Maria recebeu 3/5, Pedro recebeu 6/10 e Luiz Antônio 9/15. Que alternativa está correta? a) Maria recebeu mais que Pedro e Luiz Antônio. b) Pedro recebeu mais que Maria e Luiz Antônio. c) Luiz Antônio recebeu mais que Maria e Pedro. d) Os três receberam a mesma quantia. QUESTÃO 17 O resultado da expressão x ( 3 + 2), é? a) 74 b) 75 c) 47 d) 70 QUESTÃO 18 Vicente resolve aplicar R$ 367,00 à taxa de juros simples de 3% ao mês por 1 mês. Quanto Vicente resgatou? a) R$ 375,01 b) R$ 376,01 c) R$ 378,01 d) R$ 379,01

7 QUESTÃO 19 Que número corresponde a 4x x x X x 1? a) b) c) d) QUESTÃO 20 Cinco pessoas jantavam juntas e, ao fim da refeição, pediram ao garçom a conta que deu um total de R$ 525,30 já incluídos os 10% de gorjeta. Repartiram e conta entre eles e também o estacionamento em que deixaram o carro que ficou em R$ 12,60. Quanto pagou cada pessoa? a) R$ 105,23 b) R$ 109,35 c) R$ 107,58 d) R$106,65 QUESTÃO 21 O triplo do número encontrado no resultado da operação: [( ) + 310] (6), é? a) 270 b) 180 c) 360 d) 60 QUESTÃO 22 O Lojão está com uma promoção para a compra de um fogão que custa R$ 893,45. Se o pagamento for à vista, a Suzana terá um desconto de 3% sobre o valor anunciado e, se for a prazo, um acréscimo no valor de 5% sobre o valor do fogão. Ela não tinha o valor para pagar à vista. Então, qual será o valor pago por ela? a) R$ 935,12 b) R$ 938,12 c) R$ 934,56 d) R$ 936,67

8 QUESTÃO 23 O Sr. Jamil tem um carrinho de cachorro quente e vende cada sanduíche por R$ 1,25 e cada latinha de refrigerante por R$1,30. Ele tem nas mãos a quantia de R$1.345,00 referentes à venda de 100 latinhas. Quantos sanduíches foram vendidos pelo Sr. Jamil? a) 987 b) 897 c) 972 d) 872 QUESTÃO metros são quantos quilômetros? a) 1, quilômetro e duzentos metros. b) 1, quilômetro e quatrocentos metros. c) 1 quilômetro e trezentos metros. d) 1 quilômetros e quinhentos metros. QUESTÃO 25 Os lados de um retângulo medem 4 cm e 2 cm.quanto mede o perímetro do retângulo? a) 10 cm b) 14 cm c) 13 cm d) 12 cm QUESTÃO 26 Se x = 3, quanto vale a sexta parte de {1 + [ 5 (2x 3) + 4] 2}? a) 5 b) 6 c) 1 d) 2

9 QUESTÃO 27 O mdc ( 12, 24), é? a) 10 b) 12 c) 6 d) 24 QUESTÃO 28 Qual das alternativas está CORRETA? a) Um número natural para ser divisível por 2 tem que ter como último algarismo o número 5. b) Os números naturais que são divisíveis por 2 são apenas os números que têm como último algarismo o número 6. c) Um número natural é sempre divisível por 2 quando o último algarismo for 0, 2,4, 6 ou 8, ou seja, quando for um número par. d) Um número natural é sempre divisível por 2 quando o último algarismo for 0 ou 5. QUESTÃO 29 Em 1hora há 60 minutos. Quantos minutos há em 2/6 de 4horas? a) 70 minutos b) 65 minutos c) 76 minutos d) 80 minutos QUESTÃO 30 Num cinema há 600 lugares. Dos ingressos vendidos para uma das sessões, 2/5 eram inteiros e 5/10 eram meias-entradas. Quantos lugares ficaram vazios? a) 55 lugares b) 68 lugares c) 72 lugares d) 60 lugares

SIMULADO MATEMÁTICA. 3) Com os algarismos 2, 5, 7, e 8, quantos números naturais de três algarismos distintos podem ser escritos?

SIMULADO MATEMÁTICA. 3) Com os algarismos 2, 5, 7, e 8, quantos números naturais de três algarismos distintos podem ser escritos? NOME: DATA DE ENTREGA: / / SIMULADO MATEMÁTICA 1) Uma sorveteria oferece uma taça de sorvete que pode vir coberta com calda de chocolate, ou de morango ou de caramelo. O sorvete pode ser escolhido entre

Leia mais

(PROVA DE MATEMÁTICA DO CONCURSO DE ADMISSÃO À 5ª SÉRIE CMB ANO 2005 / 06) MÚLTIPLA-ESCOLHA. (Marque com um X a única alternativa certa)

(PROVA DE MATEMÁTICA DO CONCURSO DE ADMISSÃO À 5ª SÉRIE CMB ANO 2005 / 06) MÚLTIPLA-ESCOLHA. (Marque com um X a única alternativa certa) MÚLTIPLA-ESCOLHA (Marque com um X a única alternativa certa) QUESTÃO 01. Um aluno da 5ª série do CMB saiu de casa e fez compras em quatro lojas, cada uma num bairro diferente. Em cada uma, gastou a metade

Leia mais

ATIVIDADE DE MATEMÁTICA Data de entrega 12/04/2012

ATIVIDADE DE MATEMÁTICA Data de entrega 12/04/2012 OSASCO, DE DE 2012 NOME: PROF. 6º ANO ATIVIDADE DE MATEMÁTICA Data de entrega 12/04/2012 1. Responda: a) 144 é múltiplo de 9? Por quê? b) 415 é múltiplo de 7? Por quê? 2. O campeonato mundial de Futebol

Leia mais

Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota:

Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Questão 1 (OBMEP RJ) Qual é a menor das raízes da equação Questão 2 (OBMEP RJ adaptada) Mariana entrou na sala e viu

Leia mais

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta.

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE MATEMÁTICA

Leia mais

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo.

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. 1. É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. O arco-íris pode parecer muito estranho se você não

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE - 95 / 96 QUESTÃO ÚNICA. ESCORES OBTIDOS MÚLTIPLA ESCOLHA

CONCURSO DE ADMISSÃO AO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE - 95 / 96 QUESTÃO ÚNICA. ESCORES OBTIDOS MÚLTIPLA ESCOLHA QUESTÃO ÚNICA. ESCORES OBTIDOS MÚLTIPLA ESCOLHA ESCOLHA A ÚNICA RESPOSTA CERTA, ASSINALANDO-A COM X NOS PARÊNTESES À ESQUERDA OS ITENS DE 01 A 06 DEVERÃO SER RESPONDIDOS COM BASE NA TEORIA DOS CONJUNTOS.

Leia mais

Matemática/15 6ºmat301r 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / Roteiro de Estudos para Recuperação Final de Matemática - 6 ano 1 Trimestre

Matemática/15 6ºmat301r 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / Roteiro de Estudos para Recuperação Final de Matemática - 6 ano 1 Trimestre Matemática/15 6ºmat301r 6º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / Roteiro de Estudos para Recuperação Final de Matemática - 6 ano 1 Trimestre Os conteúdos estão abaixo selecionados e deverão ser estudados

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2015 Disciplina: MaTeMÁTiCa

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2015 Disciplina: MaTeMÁTiCa Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2015 Disciplina: MaTeMÁTiCa Prova: desafio nota: QUESTÃO 16 O esquema apresenta as relações que certos

Leia mais

PARTE I - PROVA OBJETIVA (Valendo 5 pontos cada questão)

PARTE I - PROVA OBJETIVA (Valendo 5 pontos cada questão) PREFEITURA DE VÁRZEA ALEGRE CE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 - SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA - PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR Educação Infantil ao 5º ano ASSINATURA

Leia mais

Aluno(a) Turma N o Ano 6 o Ensino Fundamental Data / / 15 Matéria Matemática Professora Maíza Silveira. Lista de Exercícios

Aluno(a) Turma N o Ano 6 o Ensino Fundamental Data / / 15 Matéria Matemática Professora Maíza Silveira. Lista de Exercícios Aluno(a) Turma N o Ano 6 o Ensino Fundamental Data / / 15 Matéria Matemática Professora Maíza Silveira Lista de Exercícios http://mirhyamcanto.blogspot.com.br/2009/06/preparativos-para-festa-de-sao-joao.html

Leia mais

PROVA DE MATEMÁTICA CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 1º ANO DO ENSINO MÉDIO

PROVA DE MATEMÁTICA CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 1º ANO DO ENSINO MÉDIO CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 PROVA DE MATEMÁTICA 1º ANO DO ENSINO MÉDIO CONFERÊNCIA: Membro da CEOCP (Mat / 1º EM) Presidente da CEI Dir Ens CPOR / CMBH PÁGINA 1 RESPONDA AS QUESTÕES DE 1 A 20 E TRANSCREVA

Leia mais

PROVA DE MATEMÁTICA. Marque no cartão-resposta anexo, a única opção correta correspondente a cada questão.

PROVA DE MATEMÁTICA. Marque no cartão-resposta anexo, a única opção correta correspondente a cada questão. CONCURSO DE ADMISSÃO 5 a SÉRIE/ENS.FUND/CMF. MATEMÁTICA 2005/06 PÁG - 02 PROVA DE MATEMÁTICA Marque no cartão-resposta anexo, a única opção correta correspondente a cada questão. 1. Na tabela abaixo, disponha

Leia mais

00. Qual o nome do vaso sanguíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita

00. Qual o nome do vaso sanguíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx - DEPA COLÉGIO MILITAR DO RIO DE JANEIRO (Casa de Thomaz Coelho/889) CONCURSO DE ADMISSÃO AO º ANO DO ENSINO MÉDIO 0/05 PROVA DE MATEMÁTICA DE SETEMBRO DE

Leia mais

Gabarito de Matemática do 6º ano do E.F.

Gabarito de Matemática do 6º ano do E.F. Gabarito de Matemática do 6º ano do E.F. Lista de Exercícios (L11) Querido(a) aluno(a), vamos retomar nossos estudos relembrando os conceitos de divisores, múltiplos, números primos, mmc e mdc. Divisor

Leia mais

SOLUÇÕES N2 2015. item a) O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2.

SOLUÇÕES N2 2015. item a) O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2. Solução da prova da 1 a fase OBMEP 2015 Nível 1 1 SOLUÇÕES N2 2015 N2Q1 Solução O maior dos quatro retângulos tem lados de medida 30 4 = 26 cm e 20 7 = 13 cm. Logo, sua área é 26 x 13= 338 cm 2. Com um

Leia mais

Equivalente de produção. Equivalente de produção. Equivalente de produção. Para se fazer o cálculo, é necessário o seguinte raciocínio:

Equivalente de produção. Equivalente de produção. Equivalente de produção. Para se fazer o cálculo, é necessário o seguinte raciocínio: Custos Industriais Custeio por processo Prof. M.Sc. Gustavo Meireles 1 Na apuração de Custos por Processo, os gastos da produção são acumulados por período para apropriação às unidades feitas. Exemplo:

Leia mais

Lista de Exercícios - Adição

Lista de Exercícios - Adição Nota: Os exercícios desta aula são referentes ao seguinte vídeo Matemática Zero 2.0 - Aula 4 - Adição - (parte 1 de 2) Endereço: https://www.youtube.com/watch?v=ss7v8dgjz34 Gabaritos nas últimas páginas!

Leia mais

MATEMÁTICA PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO

MATEMÁTICA PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO 2010 PROVA MATEMÁTICA 9º ANO QUESTÃO 01 Artur

Leia mais

Nome: N.º: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2015. Disciplina: MaTeMÁTiCa

Nome: N.º: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2015. Disciplina: MaTeMÁTiCa Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2015 Disciplina: MaTeMÁTiCa Prova: desafio nota: QUESTÃO 16 Joana cortou uma folha de papel em 10 partes.

Leia mais

1º Ano do Ensino Médio

1º Ano do Ensino Médio MINISTÉRIO DA DEFESA Manaus AM 18 de outubro de 009. EXÉRCITO BRASILEIRO CONCURSO DE ADMISSÃO 009/010 D E C E x - D E P A COLÉGIO MILITAR DE MANAUS MATEMÁTICA 1º Ano do Ensino Médio INSTRUÇÕES (CANDIDATO

Leia mais

Matemática Régis Cortes MÚLTIPLOS E DIVISORES

Matemática Régis Cortes MÚLTIPLOS E DIVISORES MÚLTIPLOS E DIVISORES Múltiplos e divisores de um número Um número é múltiplo de outro quando, ao dividirmos o primeiro pelo segundo, o resto é zero. Observe as seguintes divisões entre números Naturais:

Leia mais

MATEMÁTICA ENSINO FUNDAMENTAL

MATEMÁTICA ENSINO FUNDAMENTAL CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP PARABÉNS!!! VOCÊ JÁ É UM VENCEDOR! Voltar a estudar é uma vitória que poucos podem dizer que conseguiram. É para você, caro aluno, que desenvolvemos esse material.

Leia mais

QUESTÃO 16 Dois garotos, tentando pular um muro, encostaram um banco de 50 cm de altura no muro e colocaram uma escada sobre ele, conforme a figura.

QUESTÃO 16 Dois garotos, tentando pular um muro, encostaram um banco de 50 cm de altura no muro e colocaram uma escada sobre ele, conforme a figura. Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 0 Disciplina: MaTeMÁTiCa Prova: desafio nota: QUESTÃO 6 Dois garotos, tentando pular um muro, encostaram um banco de 50

Leia mais

6 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL PROVA DE MATEMÁTICA INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS

6 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL PROVA DE MATEMÁTICA INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx - DEPA COLÉGIO MILITAR DE FORTALEZA CASA DE EUDORO CORRÊA CONCURSO DE ADMISSÃO 2009/2010 6 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL PROVA DE MATEMÁTICA INSTRUÇÕES AOS

Leia mais

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes.

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes. Pindura pra mim A Cliente vem trazer o cachorro pra banho, me diz que trocou de carro com o marido e que a carteira dela ficou no outro carro. Pergunta se poderia passar aqui outro dia para pagar e até

Leia mais

5. A turma do Carlos organizou uma rifa. O gráfico mostra quantos alunos compraram um mesmo

5. A turma do Carlos organizou uma rifa. O gráfico mostra quantos alunos compraram um mesmo 1. Guilherme está medindo o comprimento de um selo com um pedaço de uma régua, graduada em centímetros, como mostra a figura. Qual é o comprimento do selo? (A) 3 cm (B) 3,4 cm (C) 3,6 cm (D) 4 cm (E) 4,4

Leia mais

01) 45 02) 46 03) 48 04) 49,5 05) 66

01) 45 02) 46 03) 48 04) 49,5 05) 66 PROVA DE MATEMÁTICA - TURMAS DO O ANO DO ENSINO MÉDIO COLÉGIO ANCHIETA-BA - ABRIL DE 0. ELABORAÇÃO: PROFESSORES OCTAMAR MARQUES E ADRIANO CARIBÉ. PROFESSORA MARIA ANTÔNIA C. GOUVEIA Questão 0 Sobre a função

Leia mais

PROVA DE AFERIÇÃO DO ENSINO BÁSICO 2011 A PREENCHER PELO ALUNO

PROVA DE AFERIÇÃO DO ENSINO BÁSICO 2011 A PREENCHER PELO ALUNO PROVA DE AFERIÇÃO DO ENSINO BÁSICO 2011 A PREENCHER PELO ALUNO Rubrica do Professor Aplicador Nome A PREENCHER PELO AGRUPAMENTO Número convencional do Aluno Número convencional do Aluno A PREENCHER PELA

Leia mais

RESOLUÇÃO. O número inteiro mais próximo é 8.

RESOLUÇÃO. O número inteiro mais próximo é 8. 1 Marta quer comprar um tecido para forrar uma superfície de 10m. Quantos metros, aproximadamente, ela deve comprar de uma peça que tem 1,5m de largura e que, ao lavar, encolhe cerca de 4% na largura e

Leia mais

Prova de Matemática 6º Ano do Ensino Fundamental 2/6

Prova de Matemática 6º Ano do Ensino Fundamental 2/6 Prova de Matemática 6º Ano do Ensino Fundamental 2/6 01. O número decimal 2,385 está compreendido entre ( A ) 2,3905 e 3,0251. ( B ) 2,3754 e 2,3828. ( C ) 2,3805 e 2,3835. ( D ) 2,3799 e 2,3849. ( E )

Leia mais

(b) Escreva a expressão numérica que tem como resultado a idade de Ana, considerando que a idade de Júlia, hoje, seja 10 anos.

(b) Escreva a expressão numérica que tem como resultado a idade de Ana, considerando que a idade de Júlia, hoje, seja 10 anos. QUESTÃO (VALOR:,5) Minha amiga Ana nunca revela a sua idade. Hoje, quando lhe perguntei, ela respondeu: Tenho o triplo da soma das idades de meus netos. Os netos de Ana são Júlia e Lucas. Júlia é a mais

Leia mais

RESOLUÇÃO CARGOS DE NÍVEL MÉDIO

RESOLUÇÃO CARGOS DE NÍVEL MÉDIO RESOLUÇÃO CARGOS DE NÍVEL MÉDIO Caro aluno, Disponibilizo abaixo a resolução resumida das 5 questões de Matemática da prova de nível médio da Petrobrás, bem como das questões de conhecimentos específicos

Leia mais

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Professor (a): JANETE FASSINI ALVES NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER AUTOR: RUTH ROCHA Competências Objetivo Geral Objetivos específicos Estratégias em Língua Portuguesa

Leia mais

NÍVEL FUNDAMENTAL INCOMPLETO (4ª série) Cargos: Agente de Suporte Operacional e Agente Operacional de Serviços Educacionais

NÍVEL FUNDAMENTAL INCOMPLETO (4ª série) Cargos: Agente de Suporte Operacional e Agente Operacional de Serviços Educacionais CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2009 - PREFEITURA MUNICIPAL DE PAU D ARCO REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA: 20 de Dezembro de 2009 NÍVEL FUNDAMENTAL INCOMPLETO (4ª série) Cargos: Agente de Suporte Operacional

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2010 ao CMS 2011 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL QUESTÃO ÚNICA MÚLTIPLA ESCOLHA. 10,00 (dez) pontos distribuídos em 20 itens

PROCESSO SELETIVO 2010 ao CMS 2011 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL QUESTÃO ÚNICA MÚLTIPLA ESCOLHA. 10,00 (dez) pontos distribuídos em 20 itens QUESTÃO ÚNICA PAG - 1 MÚLTIPLA ESCOLHA 10,00 (dez) pontos distribuídos em 20 itens Marque no cartão de respostas a única alternativa que responde de maneira correta ao pedido de cada item: 01. Ernesto

Leia mais

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!!

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!! Língua Inglesa 2 o ano Unidade 1 No parque com minha família Introdução Onde eles estão brincando? Há uma bicicleta Onde está...? Unidade 2 Uma família Introdução Quantos anos você tem? Ele está feliz

Leia mais

O valor nominal do título é de R$ 500,00, a taxa é de 1% ao mês e o prazo é de 45 dias = 1,5 mês.

O valor nominal do título é de R$ 500,00, a taxa é de 1% ao mês e o prazo é de 45 dias = 1,5 mês. 13. (ISS-Cuiabá 2016/FGV) Suponha um título de R$ 500,00, cujo prazo de vencimento se encerra em 45 dias. Se a taxa de desconto por fora é de 1% ao mês, o valor do desconto simples será igual a a) R$ 7,00.

Leia mais

História das Frações

História das Frações 5ª LISTA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES DE MATEMÁTICA Ensino Fundamental 6 Ano Olá pessoal, nesta lista de exercícios vamos verificar quais são os conhecimentos que vocês possuem sobre frações. Lembrem-se

Leia mais

8 a Série (9 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola.

8 a Série (9 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola. Gestão da Aprendizagem Escolar Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) 8 a Série (9 o Ano) Ensino Fundamental Nome da Escola Cidade Estado Nome do Aluno Idade Sexo feminino masculino Classe Nº 1. Considere

Leia mais

P R O V A DE MATE M Á TICA I

P R O V A DE MATE M Á TICA I 1 P R O V A DE MATE M Á TICA I QUESTÃO 01 Uma pessoa tem 36 moedas. Um quarto dessas moedas é de 25 centavos, um terço é de 5 centavos, e as restantes são de 10 centavos. Essas moedas totalizam a quantia

Leia mais

7 a Série (8 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola.

7 a Série (8 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola. Gestão da Aprendizagem Escolar Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) 7 a Série (8 o Ano) Ensino Fundamental Nome da Escola Cidade Estado Nome do Aluno Idade Sexo feminino masculino Classe Nº 1. Para

Leia mais

Tudo vem dos sonhos. Primeiro sonhamos, depois fazemos.

Tudo vem dos sonhos. Primeiro sonhamos, depois fazemos. Nível 1 5 a e 6 a séries do Ensino Fundamental 2ª FASE - 8 de outubro de 2005 Cole aqui a etiqueta com os dados do aluno. Nome do(a) aluno(a): Assinatura do(a) aluno(a): Parabéns pelo seu desempenho na

Leia mais

Caderno 1. Teste Intermédio Matemática. 2.º Ano de Escolaridade. Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 30.05.

Caderno 1. Teste Intermédio Matemática. 2.º Ano de Escolaridade. Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 30.05. Teste Intermédio Matemática 2.º Ano de Escolaridade Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 30.05.2014 Nome do aluno: Assinatura do professor: Assinatura do encarregado

Leia mais

Matemática ANO. Prova-modelo de preparação para a Prova Final de Matemática. 1.º Ciclo do Ensino Básico. Henriqueta Gonçalves Ana Landeiro

Matemática ANO. Prova-modelo de preparação para a Prova Final de Matemática. 1.º Ciclo do Ensino Básico. Henriqueta Gonçalves Ana Landeiro Matemática ANO Henriqueta Gonçalves Ana Landeiro Prova-modelo de preparação para a Prova Final de Matemática 1.º Ciclo do Ensino Básico PROVA-MODELO MATEMÁTICA Nome Data - - CADERNO 1 50 MINUTOS: tolerância

Leia mais

TAXAS DE JUROS. Como sabemos quando uma taxa é nominal?

TAXAS DE JUROS. Como sabemos quando uma taxa é nominal? TAXAS DE JUROS - é uma relação entre os juros pagos/recebidos no final de um período e o capital inicialmente aplicado/tomado independente do regime de capitalização; J.S. OU J.C. Taxa Nominal - é a taxa

Leia mais

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos Objetivos - Identificar informações presentes no texto e produzir respostas baseadas nessas informações. Transcrever trechos do texto para exemplificar a compreensão do seu sentido global. - Identificar,

Leia mais

Nome: N.º: Endereço: Data: Telefone: PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2016 Disciplina: MATEMÁTICA

Nome: N.º: Endereço: Data: Telefone:   PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 2016 Disciplina: MATEMÁTICA Nome: N.º: Endereço: Data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 06 Disciplina: MATEMÁTICA Prova: DESAFIO NOTA: QUESTÃO 6 Analise cada item com atenção: I. O antecedente

Leia mais

Canguru Matemático sem Fronteiras 2014

Canguru Matemático sem Fronteiras 2014 http://www.mat.uc.pt/canguru/ Destinatários: alunos do 12. ano de escolaridade Nome: Turma: Duração: 1h 30min Não podes usar calculadora. Em cada questão deves assinalar a resposta correta. As questões

Leia mais

Prova de Aferição de Matemática

Prova de Aferição de Matemática PROVA DE AFERIÇÃO DO ENSINO BÁSICO 2009 A PREENCHER PELO ALUNO Rubrica do Professor Aplicador Nome A PREENCHER PELO AGRUPAMENTO Número convencional do Aluno Número convencional do Aluno A PREENCHER PELA

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL ANÁPOLIS, PROFESSORA: ALUNO (A): ANO: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO

ESCOLA MUNICIPAL ANÁPOLIS, PROFESSORA: ALUNO (A): ANO: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO 1- PREENCHA O CALENDÁRIO DO MÊS: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO 2 AGORA, RESPONDA OBSERVANDO O CALENDÁRIO: QUANTOS DIAS TÊM O MÊS DE MAIO? PINTE DE VERMELHO O DIA EM QUE COMEMORAMOS

Leia mais

QUESTÃO 11 (SARESP) Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo. João está treinando para uma corrida.

QUESTÃO 11 (SARESP) Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo. João está treinando para uma corrida. Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 5 Ọ ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL EM 205 Disciplina: MateMática Prova: desafio nota: QUESTÃO (SARESP) Sistema de Avaliação de Rendimento

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE - 98 / 99 MÚLTIPLA ESCOLHA

CONCURSO DE ADMISSÃO AO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE - 98 / 99 MÚLTIPLA ESCOLHA 1 MÚLTIPLA ESCOLHA ESCOLHA A ÚNICA RESPOSTA CERTA, ASSINALANDO-A COM X NOS PARÊNTESES À ESQUERDA Item 01. Sabendo que A = Conjunto dos números no triângulo equilátero B = Conjunto dos números no triângulo

Leia mais

12 26, 62, 34, 43 21 37, 73 30 56, 65

12 26, 62, 34, 43 21 37, 73 30 56, 65 1 Questão 1 Solução a) Primeiro multiplicamos os algarismos de 79, obtendo 7 9 = 63, e depois somamos os algarismos desse produto, obtendo 6 + 3 = 9. Logo o transformado de é 79 é 9. b) A brincadeira de

Leia mais

00. Qual o nome do vaso sangüíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita

00. Qual o nome do vaso sangüíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEP - DEPA (CASA DE THOMAZ COELHO/1889) CONCURSO DE ADMISSÃO À 5ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL 2003/2004 25 DE OUTUBRO DE 2003 INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS 01. Duração

Leia mais

SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA DO OFICIAL DE JUSTIÇA-SP-2009. Professor Joselias Outubro de 2009.

SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA DO OFICIAL DE JUSTIÇA-SP-2009. Professor Joselias Outubro de 2009. SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA DO OFICIAL DE JUSTIÇA-SP-009. 1- Uma dívida será paga em 0 parcelas mensais fixas e iguais, sendo que, o valor de cada parcela representa 1/4 do salário líquido mensal do

Leia mais

Lista de Exercícios Critérios de Divisibilidade

Lista de Exercícios Critérios de Divisibilidade Nota: Os exercícios desta aula são referentes ao seguinte vídeo Matemática Zero 2.0 - Aula 10 - Critérios de - (parte 1 de 2) Endereço: https://www.youtube.com/watch?v=1f1qlke27me Gabaritos nas últimas

Leia mais

MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 8º ANO

MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 8º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 8º ANO 2010 QUESTÃO 1 Alberto quis apostar uma corrida

Leia mais

Resumo: Estudo do Comportamento das Funções. 1º - Explicitar o domínio da função estudada

Resumo: Estudo do Comportamento das Funções. 1º - Explicitar o domínio da função estudada Resumo: Estudo do Comportamento das Funções O que fazer? 1º - Explicitar o domínio da função estudada 2º - Calcular a primeira derivada e estudar os sinais da primeira derivada 3º - Calcular a segunda

Leia mais

Faça o teste de personalidade e cor

Faça o teste de personalidade e cor Faça o teste de personalidade e cor Copos coloridos na Cromoterapia Um teste que revela através da Cromoterapia um pouco da sua personalidade através dessa escolha e também quais as cores que combinam

Leia mais

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE.

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE. Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE Eixo temático Herança social Disciplina/Valor Português 4,0 Matemática 4,0 Hist./Geog.

Leia mais

COLÉGIO GERAÇÃO. Revisão Enem 2014. Kmara

COLÉGIO GERAÇÃO. Revisão Enem 2014. Kmara COLÉGIO GERAÇÃO Revisão Enem 014 Kmara 1) Uma empreiteira contratou 10 pessoas para pavimentar uma estrada com 300 km em 1 ano. Após 4 meses de serviço, apenas 75 km estavam pavimentados. Quantos empregados

Leia mais

PREPARATÓRIO PROFMAT/ AULA 3

PREPARATÓRIO PROFMAT/ AULA 3 PREPARATÓRIO PROFMAT/ AULA 3 Números, Progressões e Lógica Prof. Ronaldo Busse Números Uma questão presente nos exames de seleção até aqui foi a comparação entre grandezas numéricas. O procedimento indicado

Leia mais

Gabarito - Colégio Naval 2016/2017 Matemática Prova Amarela

Gabarito - Colégio Naval 2016/2017 Matemática Prova Amarela Gabarito - Colégio Naval 016/017 PROFESSORES: Carlos Eduardo (Cadu) André Felipe Bruno Pedra Jean Pierre QUESTÃO 1 Considere uma circunferência de centro O e raio r. Prolonga-se o diâmetro AB de um comprimento

Leia mais

QUESTÃO 3 ALTERNATIVA E 24 é o maior número que aparece na figura. Indicamos abaixo a sequência de operações e seu resultado. 24 2 12 6 144.

QUESTÃO 3 ALTERNATIVA E 24 é o maior número que aparece na figura. Indicamos abaixo a sequência de operações e seu resultado. 24 2 12 6 144. OBMEP 009 Nível 1 1 QUESTÃO 1 Na imagem que aparece no espelho do Benjamim, o ponteiro dos minutos aponta para o algarismo, enquanto que o ponteiro das horas está entre o algarismo 6 e o traço correspondente

Leia mais

EJA 3ª FASE PROF.ª CHRISTIANE MELLO PROF.ª JEANNE ARAÚJO

EJA 3ª FASE PROF.ª CHRISTIANE MELLO PROF.ª JEANNE ARAÚJO EJA 3ª FASE PROF.ª CHRISTIANE MELLO PROF.ª JEANNE ARAÚJO ÁREA DO CONHECIMENTO Linguagens Matemática 2 TEMA 2º Bimestre Cotidiano de Convivência, Trabalho e Lazer 3 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 60 Conteúdos

Leia mais

Unidade 5. A letra como incógnita equações do segundo grau

Unidade 5. A letra como incógnita equações do segundo grau Unidade 5 A letra como incógnita equações do segundo grau Para início de conversa... Vamos avançar um pouco mais nas resoluções de equações. Desta vez, vamos nos focar nas equações do segundo grau. Esses

Leia mais

Lista de exercício nº 1 Juros simples e compostos*

Lista de exercício nº 1 Juros simples e compostos* Lista de exercício nº 1 Juros simples e compostos* 1. Um investidor aplicou $1.000,00 numa instituição financeira que remunera seus depósitos a uma taxa de 5 % ao trimestre, no regime de juros simples.

Leia mais

00. Qual o nome do vaso sangüíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita

00. Qual o nome do vaso sangüíneo que sai do ventrículo direito do coração humano? (A) Veia pulmonar direita MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEP - DEPA (Casa de Thomaz Coelho/1889) CONCURSO DE ADMISSÃO À 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO 00/004 5 DE OUTUBRO DE 00 INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS 01. Duração da prova:

Leia mais

03- O número de cada casinha é a soma dos números que estão nas duas casas imediatamente anteriores. Complete:

03- O número de cada casinha é a soma dos números que estão nas duas casas imediatamente anteriores. Complete: PROFESSOR: EQUIPE DE MATEMÁTICA BANCO DE QUESTÕES - MATEMÁTICA - 2º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== 01- Na prateleira de um supermercado

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S C ONCURSO PÚBLICO E d i t a l 0 2 / 2 0 1 5 PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S CADERNO 2 EMPREGOS PÚBLICOS: Agente Comunitário de Saúde Agente de Campo Auxiliar Odontológico Motorista

Leia mais

Equipe de Matemática MATEMÁTICA

Equipe de Matemática MATEMÁTICA Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 6B Ensino Médio Equipe de Matemática Data: MATEMÁTICA Aritmética Sistema de Numeração Decimal Nosso sistema de numeração utiliza dez símbolos para representar todos

Leia mais

Perguntas. Porque nosso papel é trazer respostas aos anseios do coração humano (aspecto pastoral)

Perguntas. Porque nosso papel é trazer respostas aos anseios do coração humano (aspecto pastoral) Perguntas 1. Por que partir de um livro? Porque nosso papel é trazer respostas aos anseios do coração humano (aspecto pastoral) Porque o que acontece no mundo tem a ver conosco (aspecto missional) Perguntas

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do livro LIÇÕES DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA/ 4º ano Semana de 10 a 14 de março 4º ano A, B e C quinta-feira Leia: BIOGRAFIA Biografia é o relato sobre a vida de uma pessoa

Leia mais

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês...

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês... Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Oi! Eu sou a Giovanna, a Nana! NINA - E eu sou a Nina! NANA - Ah, fala o teu nome inteiro, né, Marina! NINA - Ué, pra quê? Você acabou de dizer! NANA

Leia mais

A IGREJA ENCONTRA PROBLEMAS

A IGREJA ENCONTRA PROBLEMAS Bíblia para crianças apresenta A IGREJA ENCONTRA PROBLEMAS Escrito por: Edward Hughes Ilustrado por: Janie Forest O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem de Hoje 1998

Leia mais

Micro e Pequenos Empresários retardam pagamento do 13º, mas a grande maioria conseguirá pagar o benefício até o final de 2003

Micro e Pequenos Empresários retardam pagamento do 13º, mas a grande maioria conseguirá pagar o benefício até o final de 2003 Micro e Pequenos Empresários retardam pagamento do 13º, mas a grande maioria conseguirá pagar o benefício até o final de 2003 Pesquisa coordenada pelo Instituto Fecomércio-RJ a pedido do SEBRAE/RJ (Serviço

Leia mais

Resposta: Não. Por exemplo, em 1998 houve um aumento.

Resposta: Não. Por exemplo, em 1998 houve um aumento. COLÉGIO PEDRO II - MEC 1aSÉRIE DO ENSINO MÉDIO MATEMÁTICA - 2007 DIURNO QUESTÃO 1 1 (VALOR: 1,5) Enquanto o número total de cheques utilizados no Brasil caiu nos últimos oito anos, o uso de cartões de

Leia mais

5 são flamenguistas. A metade dos restantes é

5 são flamenguistas. A metade dos restantes é Simulado de matemática Professor Quilelli Academia do Concurso Público 1) Joana comeu metade das balas que haviam em um saco. Marina comeu a terça parte das balas do saco. Eulália comeu as 5 balas restantes.

Leia mais

Projeção ortográfica e perspectiva isométrica

Projeção ortográfica e perspectiva isométrica Projeção ortográfica e perspectiva isométrica Introdução Para quem vai ler e interpretar desenhos técnicos, é muito importante saber fazer a correspondência entre as vistas ortográficas e o modelo representado

Leia mais

Considere as situações:

Considere as situações: Considere as situações: 1ª situação: Observe as dimensões da figura a seguir. Qual a expressão que representa a sua área? X X x 2 ou x. x 2ª situação: Deseja se cercar um terreno de forma retangular cujo

Leia mais

Ahmmm... Deus? O mesmo flash de ainda há pouco e, de novo, estava à Sua frente:

Ahmmm... Deus? O mesmo flash de ainda há pouco e, de novo, estava à Sua frente: EAÍ, CARA? O que é que eu estou fazendo aqui? Quem é você? Você sabe muito bem quem Eu sou. É... Vai fundo, fala!... Deus? Viu? Não era tão difícil assim! Claro que Eu sou Deus. É assim que você Me imaginava,

Leia mais

= 1 1 1 1 1 1. Pontuação: A questão vale dez pontos, tem dois itens, sendo que o item A vale até três pontos, e o B vale até sete pontos.

= 1 1 1 1 1 1. Pontuação: A questão vale dez pontos, tem dois itens, sendo que o item A vale até três pontos, e o B vale até sete pontos. VTB 008 ª ETAPA Solução Comentada da Prova de Matemática 0 Em uma turma de alunos que estudam Geometria, há 00 alunos Dentre estes, 30% foram aprovados por média e os demais ficaram em recuperação Dentre

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S C ONCURSO PÚBLICO E d i t a l 0 2 / 2 0 1 5 PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUÃ C A D E R N O D E P R O V A S CADERNO 1 EMPREGOS PÚBLICOS: Ajudante de Manutenção Ajudante de Manutenção para Área de Esporte Merendeira

Leia mais

Polinômios. Para mais informações sobre a história de monômios e polinômios, leia o artigo Monômios.

Polinômios. Para mais informações sobre a história de monômios e polinômios, leia o artigo Monômios. Um pouco de história Polinômios A grande maioria das pessoas que estão em processo de aprendizagem em matemática sempre buscam aplicações imediatas para os conteúdos. Não que esse deva ser um caminho único

Leia mais

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno:

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno: AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO Escola: Professora: Aluno: Faça as questões abaixo com atenção e com calma. É uma avaliação que vai mostrar o que você já sabe e o que precisa aprender. Questão

Leia mais

ATIVIDADE DE MATEMÁTICA (PARA CASA) Data de entrega 18/04/2012

ATIVIDADE DE MATEMÁTICA (PARA CASA) Data de entrega 18/04/2012 OSASCO, DE DE 01 NOME: PROF. 8º ANO ATIVIDADE DE MATEMÁTICA (PARA CASA) Data de entrega 18/04/01 1. Deseja-se fixar o comprimento e a largura de uma sala de modo que a sua área seja 36 m. a) Se a largura

Leia mais

Matemática. A probabilidade pedida é p =

Matemática. A probabilidade pedida é p = a) Uma urna contém 5 bolinhas numeradas de a 5. Uma bolinha é sorteada, tem observado seu número, e é recolocada na urna. Em seguida, uma segunda bolinha é sorteada e tem observado seu número. Qual a probabilidade

Leia mais

Um número é divisível por 2 quando termina em 0, 2, 4, 6 ou 8, isto é, se for um número par.

Um número é divisível por 2 quando termina em 0, 2, 4, 6 ou 8, isto é, se for um número par. Critérios de divisibilidade Divisibilidade por 1 Todos os números inteiros são divisíveis por 1. 1 : 1 = 1 2 : 1 = 2 3 : 1 = 3 Divisibilidade por 2 Um número é divisível por 2 quando termina em 0, 2, 4,

Leia mais

MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 9º ANO

MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 9º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA PROVA 2º BIMESTRE 9º ANO 2010 QUESTÃO 1 π é o nome dado ao quociente

Leia mais

38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA

38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA 38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA Primeira Fase Nível 2 (8 o ou 9 o ano) Sexta-feira, 17 de junho de 2016. Caro(a) aluno(a): A duração da prova é de 3 horas. Você poderá, se necessário, solicitar

Leia mais

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO. Matemática. Campinas 58.233 Sumaré 14.320 Limeira 10.286. Fonte: Centro de Vigilância Epidemiológica de SP

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO. Matemática. Campinas 58.233 Sumaré 14.320 Limeira 10.286. Fonte: Centro de Vigilância Epidemiológica de SP EF AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO Matemática 5 o ano do Ensino Fundamental Turma GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 1 o Bimestre de 2016 Data / / Escola Aluno Questão 1 A dengue

Leia mais

alocação de custo têm que ser feita de maneira estimada e muitas vezes arbitrária (como o aluguel, a supervisão, as chefias, etc.

alocação de custo têm que ser feita de maneira estimada e muitas vezes arbitrária (como o aluguel, a supervisão, as chefias, etc. Professor José Alves Aula pocii Aula 3,4 Custeio por Absorção Custeio significa apropriação de custos. Métodos de Custeio é a forma como são apropriados os custos aos produtos. Assim, existe Custeio por

Leia mais

Matemática Ficha de Trabalho Equações

Matemática Ficha de Trabalho Equações Matemática Ficha de Trabalho Equações 7ºano. Considera a equação: 4 + b = b + 8. Indique: a) A incógnita b) O º membro c) O º membro d) Os termos do º membro e) Os termos do º membro f) Verifica se e 7

Leia mais

Colégio de Aplicação. Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1ª série ensino médio. Matemática

Colégio de Aplicação. Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1ª série ensino médio. Matemática Colégio de Aplicação Universidade Federal do Rio de Janeiro 1ª série ensino médio 1 Matemática 2 PROTESTOS NO BRASIL Mais de 1 milhão de pessoas participaram de protestos em várias cidades do Brasil no

Leia mais

Matemática Aplicada. A Quais são a velocidade máxima e a velocidade mínima registradas entre 12:00 horas e 18:00 horas?

Matemática Aplicada. A Quais são a velocidade máxima e a velocidade mínima registradas entre 12:00 horas e 18:00 horas? Matemática Aplicada 1 Em certo mês, o Departamento de Estradas registrou a velocidade do trânsito em uma rodovia. A partir dos dados, é possível estimar que, por exemplo, entre 12:00 horas e 18:00 horas

Leia mais

Somando os termos de uma progressão aritmética

Somando os termos de uma progressão aritmética A UA UL LA Somando os termos de uma progressão aritmética Introdução Um pouco de História Na aula passada, mostramos como calcular qualquer termo de uma progressão aritmética se conhecemos um de seus termos

Leia mais

6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS)

6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS) 1 6 - PROVAS CESGRANRIO(CONCURSOS BANCO CENTRAL E OUROS) 01 - Em uma rua há 10 casas do lado direito e outras 10 do lado esquerdo. Todas as casas são numeradas de tal forma que, de um lado da rua, ficam

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓD. 14

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓD. 14 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE CONHECIMENTOS

Leia mais

OBI2013 Caderno de Tarefas

OBI2013 Caderno de Tarefas OBI2013 Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível 1, Fase 2 31 de agosto de 2013 A PROVA TEM DURAÇÃO DE 2 HORAS Promoção: Patrocínio: Olimpíada Brasileira de Informática OBI2013 1 Instruções LEIA ATENTAMENTE

Leia mais