Sobre o Evento. Primeira Semana de Sistemas e Mídias Digitais ( I MediaWeek),

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sobre o Evento. Primeira Semana de Sistemas e Mídias Digitais ( I MediaWeek),"

Transcrição

1

2 Sobre o Evento Primeira Semana de Sistemas e Mídias Digitais ( I MediaWeek), é um evento planejado e executado por professores e alunos do Bacharelado em Sistemas e Mídias Digitais, da Universidade Federal do Ceará (UFC). Com o objetivo de integrar profissionais e estudantes destas áreas, ofereceremos diversas palestras e minicursos, além de Amostra de Produtos de Mídia Digital, Video Game Night e Concurso de Logos. Toda a programação ocorrerá no Campus do Pici, UFC, nos dias 17,18 e 19 de outubro. Alguns de nosso minicursos e palestras: - Desenho e Pintura Digital - Web Design - Animação - Jogos Digitais - Computação Musical - Modelagem 3D - Pixel Art - Desenvolvimento Android - Unity 3D e muito mais. Conheça nossa programação e inscreva-se:

3 Programação de Palestras 17/10 18/10 19/10 09:00 Palestra 1 : Inclusão do Ceará no Mercado de Animação (Neil Armstrong) Palestra 4 : Google Visual Body (Rogério Santana) Palestra 7 : Pesquisa na UFC Virtual (Eduardo Junqueira, Windson Viana e Fernando Lincoln) 10:00 Palestra 2 : Web Design com Software Livre (Pedro Pisandelli) Palestra 5 : Cultura Regional e Jogos (Gilvan Maia e Rogério Santana) Palestra 8 : Novas Tendências do Mercado Online (Júnia Gonçalves) 11:00 Palestra 3 : D e s e n v o l v i m e n t o d e Aplicações em Redes Sociais com Android (Márcio Maia) Palestra 6 : Importância da Escultura na Concepção de Personagens (Gabriel Muniz) Palestra 9 : Computação Musical: o que diab'é isso, macho? (Ernesto Trajano) 1

4 Programação de Minicursos 17/10 18/10 19/10 14:00 a 15:50 Minicurso 1 : Desenho e Pintura Digital (Renato Kléber) Minicurso 2 : Unity 3D (Alysson Diniz) Minicurso 3 : Z-Brush (Natal Chicca) Minicurso 4 : Programação Básica para Flash (Rodolfo Sganzerla ) Minicurso 6 : WebGL (Gilvan Maia e George Gomes) Minicurso 7: Narrativas Coletivas para Games (Robson Loureiro) Coffee Break 16:10 a 18:00 Minicurso 1 : Desenho e Pintura Digital (Renato Kléber) Minicurso 2 : Unity 3D (Alysson Diniz) Minicurso 3 : Z-Brush (Natal Chicca) Minicurso 5 : Pixel Art: Onde menos é mais (Onofre Paiva) Minicurso 6: WebGL (Gilvan Maia e George Gomes) Minicurso 7: Narrativas Coletivas para Games (Robson Loureiro) 2

5 Programação Geral 17/10 18/10 19/10 09:00 Palestra 1 - Auditório ProGrad Palestra 1 - Auditório ProGrad Palestra 1 - Auditório ProGrad 10:00 Palestra 2 - Auditório ProGrad Palestra 2 - Auditório ProGrad Palestra 2 - Auditório ProGrad 11:00 Palestra 3 - Auditório ProGrad Palestra 3 - Auditório ProGrad Palestra 3 - Auditório ProGrad 14:00 15:50 Minicurso 1 Minicurso 2 Minicurso 3 Coffee Break Minicurso 4 Minicurso 6 Minicurso 7 16:10 Minicurso 1 Minicurso 2 Minicurso 5 Minicurso 4 Minicurso 6 Minicurso 7 18:00 Abertura Oficial & Apresentações de produtos dos alunos Video Game Night Concurso de Logos & Encerramento 3

6 Resumos das Palestras Inclusão do Ceará no Mercado de Animação Nesta palestra serão tratados os seguintes assuntos: o mercado atual e a evolução nos últimos anos; profissionais necessários ao bom desenvolvimento do mercado de animação; cursos e caminhos para seguir uma carreira de sucesso; o Ceará e o Mercado Internacional, além de experiências e estudos de casos. Neil Armstrong Rezende Diretor e autor de vários curta metragens, a maioria em Animação. Coordenou alguns grupos de pesquisa na UFC na área de jogos educativos, por exemplo, os projetos AVAL (Ambientes Virtuais para Aprendizado de Línguas) e PADCT. Fundou o grupo Lunárticos, que nos últimos anos produziu cerca de 400 minutos de desenho animado para TV e Cinema. Produtor e Diretor cinematográfico, produziu e dirigiu 2 séries para TV e orientou a formação de vários grupos de pesquisa e desenvolvimento. 4

7 Resumos das Palestras Web Design com Software Livre A palestra busca passar um pouco da minha experiência com software livre para Design, discutir a viabilidade produtiva e econômica das ferramentas disponíveis e também a qualidade do produto final. Além disso, trataremos sobre as barreiras do mercado e se a migração completa é viável ou não. Por fim, trataremos de uma avaliação sobre algumas ferramentas disponíveis e quais os rumos do software livre para o futuro. Pedro Pisandelli Analista de Sistemas, hoje atua como Gerente de Projetos e líder da equipe de Web Designers na IVIA. Trabalha com web há 8 anos e seu primeiro contato no "Mundo Livre" foi há 6 anos onde, desde então, pesquisa alternativas realmente competitivas em Software Livre, que possibilitem experiências novas aos usuários, principalmente na área de Design. 5

8 Resumos das Palestras Desenvolvimento de Aplicações em Redes Sociais com Android Atualmente, o uso das redes sociais aparece como uma tendência. De acordo com o serviço de estatísticas do Facebook, maior rede social atualmente, 700 milhões de usuários no mundo acessam seus serviços, sendo que 250 milhões o fazem utilizando dispositivos móveis. Ainda segundo o Facebook, usuários utilizando dispositivos móveis são duas vezes mais ativos. Outras redes socias como Twitter e LinkedIn aparecem em destaque. Nesse cenário de redes sociais com dispositivos móveis, o objetivo dessa palestra é discutir os mecanismos de desenvolvimento, disponibilizados pelas redes sociais, para dispositivos móveis baseados na plataforma Android. Márcio Maia Possui graduação em Informática pela Universidade de Fortaleza (2006). Em 2009, obteve o grau de Mestre pelo Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação, na Universidade Federal do Ceará. Ingressou em 2011 no Programa de Doutorado em Ciência da Computação, na Universidade Federal do Ceará. Atualmente é Professor Assistente da Universidade Federal do Ceará, no campus de Quixadá. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Teleinformática, atuando principalmente nos seguintes temas: sistemas de middleware, redes móveis e computação pervasiva, sistemas autônomos e arquitetura orientada a serviços. 6

9 Resumos das Palestras Google Visual Body O uso de recursos digitais 3D em ciências biomédicas, com ênfase em áreas como anatomia humana, fisiologia e fisiopatologia, com respeito à formação profissional na área da saúde em ciências biológicas apresentam diversas potencialidades com respeito à recursos como Google Body e o Argosy Visible Body. A pesquisa em questão trata de uma investigação que constitui uma análise comparativa entre ambos software levando em conta aspectos relativos à IHC (Interface Humano-Computador), desempenho na Internet quanto à suas "máquinas virtuais", bem como, aspectos relativos à área biomédica e da saúde, quanto a suas possibilidades e limites. Rogério Santana Professor Adjunto do Instituto UFC Virtual da Universidade Federal do Ceará; Doutor em Educação pela UFC; Pesquisador em Educação Matemática assistida por Computador; Professor do Programa de Pós- Graduação em Educação com linha de pesquisa no NHIME Núcleo de História e Memória da Educação pela FACED/UFC com área de pesquisa em Imagem, memória e educação; Professor do Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática (ENCIMA/UFC); Coordenador do Grupo de Pesquisa BioDigital do Instituto UFC Virtual que envolve Labicult/UECE e FATECI/CE; Membro do LABICULT/UECE na área de Bioinformática e Educação Biomédica e Biológica Assistida por Computador. 7

10 Resumos das Palestras Importância da Escultura na Concepção de Personagens O intuito da palestra é mostrar para o público local as diversas possibilidades de atuação para profissionais modeladores digitais e tradicionais, aprocimando o público desta realidade, que na verdade não está fora do alcance dos profissionais locais, como muitos imaginam. Os seguintes tópicos serão abordados: Base tradicional, Anatomia, Concept Art, Importância da Pesquisa Contextual do Personagem, Escultura no Cinema, Escultura Digital e Cenário Local. Gabriel Muniz Trabalha com esculturas figurativas tradicionais e desenho, com experiência em artes visuais. Cursa Esculturas Tradicionais na Art & Cia Animation School, com aprimoramento no estúdio do artista Alex Oliver (Alex Oliver Studio). Bacharelando em Sistema e Mídias Digitais pela Universidade Federal do Ceará. 8

11 Resumos das Palestras Pesquisa na UFC Apresentação das principais áreas de pesquisa dos professores do Instituto UFC Virtual, seus projetos de colaboração nacionais e internacionais, além das oportunidades de bolsas e voluntariado para os alunos de graduação. O objetivo é despertar nos alunos o interesse pela pesquisa científica e fomentar nos grupos existentes a construção de novas propostas de pesquisas com caráter multi e interdiciplinares. Serão exemplos de projetos a serem apresentados: Jogos Regionais e Pervasivos, Aprendizagem com auxílio de Computação Ubíqua, Realidade Virtual e Medicina, Computação em Nuvem etc. Fernando Lincoln Carneiro Leão Mattos (palestrante 1) Fernando Lincoln Mattos é Pedagogo, com Mestrado e Doutorado em Educação. Tem experiência em Didática do Ensino Superior e Tecnologias Digitais na Sociedade, atuando principalmente em educação a distância, formação de professores, metodologias de ensino, ambientes virtuais de aprendizagem e tecnologias na sociedade. Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Ceará, onde coordena o Setor de Processos Pedagógicos do Instituto UFC Virtual 9

12 Resumos das Palestras Pesquisa na UFC Windson Viana de Carvalho (palestrante 2) Professor Adjunto do Instituto UFC Virtual da Universidade Federal do Ceará (UFC). Possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Ceará (2002), mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Ceará (2005) e doutorado (specialité Informatique) pela Université de Grenoble, France (2010). Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Computação Móvel, Multimídia e Engenharia de Software. Eduardo S. Junqueira (palestrante 3) Doutor em Educação pela Michigan State University e professor do Instituto UFC Virtual da Universidade Federal do Ceará. É colaborador da University of Michigan, onde coordena o projeto de novos letramentos RiverWalk Brasil, que tornou-se projeto de extensão da UFC em Tem experiência nas áreas de Educação e Comunicação Social, com ênfase em novos letramentos, inclusão digital, práticas comunicativas de jovens, informática educativa e educação a distância. 10

13 Resumos das Palestras Novas tendências do Mercado Online O mercado online está passando por constantes mudanças, seja de paradigma, seja de linguagem. Falar sobre Web 2.0 parece um assunto ultrapassado. Fabricio Teixeira, grande colaborador do universo web, recentemente postou em seu facebook saudades da Web 2.0. Atualmente, fala-se em Web 3.0, 4.0, 5.0, e a versão só aumenta em um ritmo que não podemos acompanhar. Paralelamente, há o enorme número de aplicativos móveis, liderados pelo ios e Android, que vem mudando a forma como as pessoas se relacionam com os dispositivos portáteis e com a própria rede. Em meio a tudo isso, duas principais áreas vem ganhando muito destaque, que são as áreas relacionadas ao design voltado para o usuário e o desenvolvimento em HTML 5. Essas áreas constituem o foco dessa palestra. Júnia Gonçalves Bacharel em Sistemas de Informação (UFVJM) e graduanda em Cinema e Audiovisual (UFC), é designer de interação na Docner Brasil, onde desenvolve interfaces de sistemas e websites para o mercado internacional. Além disso, já atuou como designer gráfico e web na Universidade de São Paulo e em 2011, ministrou uma palestra curta sobre protótipos de interface, em Orlando, Flórida. Paralelamente, possui uma start-up chamada Lapis dicor, em que atua na consultoria de design estratégico e desenvolvimento móvel.. 11

14 Resumos das Palestras Computação Musical: o que diab'é isso, macho? Computação Musical é uma área de pesquisa notadamente marcada pela interdisciplinaridade. Cientistas da computação e músicos são, via de regra, os protagonistas das pesquisas na área. Nessa palestra, mostra-se um panorama da área: o que é, quais os temas investigados e que aplicações podem ser dadas aos resultados das pesquisas Ernesto Trajano de Lima Bacharel em Música pela UFPB (Piano), Mestre em Informática pela UFCG e Doutor em Computação pela UFPE, com passagem pelo Österreichisches Forschungsinstitut für Artificial Intelligence (ÖFAI) em Viena (Áustria), Ernesto Trajano interessa-se por qualquer interseção entre Música e Computação. Em particular, sua atenção está voltada para a automação da análise musical e em melhor compreender, através do computador, o que acontece durante a interpretação de uma obra musical. 12

15 Resumos dos Minicursos Desenho e Pintura Digital Resumo Neste minicurso serão abordados alguns Fundamentos e Técnicas de desenho, além de exercícios motores. Executaremos um hands-on onde serão demonstradas e ensinadas algumas técnicas de Pintura Digital, utilizando Adobe Photoshop. Renato Kléber Desenvolvedor formado pela FIC em Projeto e Desenvolvimento de Softwares, com especialização em Design Digital e ilustrador autodidata. Atualmente trabalha como designer de interface, desenvolvendo wireframes, layouts e marcas para aplicativos ios e Android, no Laboratório de Sistemas e Banco de Dados, LSBD, na Universidade Federal do Ceará. Já trabalhou em grandes empresas no mercado cearense de TI como IVIA, Grupo Edson Queiroz e Instituto Antlântico. Além disso, já publicou 1 livro ilustrado em co-autoria como ilustrador pela Fundação Demócrito Rocha. 13

16 Resumos dos Minicursos Unity 3D A Unity3D é uma ferramenta de desenvolvimento de jogos para o Mac, Windows, IPhone, Web e Nintendo Wii. Neste minicurso apresentaremos a ferramenta para desenvolvimento de jogos 3D, discutiremos seus conceitos básicos e desenvolveremos alguns protótipos. Alysson Diniz Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Paraíba (2008) e mestre em informática pela Universidade Federal da Paraíba(2010). Atualmente é professor e pesquisador na Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Realidade Virtual, Jogos, Inteligência Computacional para Jogos e Jogos Sérios. 14

17 Resumos dos Minicursos Z-BRUSH ZBrush é uma ferramenta de escultura digital que combina modelagem 2,5D/ 3D, texturização e pintura. A principal diferença entre ZBrush e mais pacotes de modelagem tradicional é que ele se assemelha mais à escultura. ZBrush é usado como uma ferramenta de escultura digital para criar modelos de alta resolução para uso em filmes, jogos e animações. Um dos grandes diferenciais é que ele trabalha com modelos 2,5D combinados com os de 3D, permitindo que os usuários trabalhem com cenas extremamente complicadas, sem sobrecarga do processador ou placa de vídeo. Natal Chicca Concluiu graduação em Design Gráfico (antigo Comunicação e Expressão Visual) em 2004 e Mestrado em Arquitetura e Urbanismo (2007) ambos pela Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Comunicação e Programação Visual, Design Gráfico, Animação e Ilustração, atuando principalmente nos seguintes temas: educação à distância, ambientes virtuais de aprendizagem, comunicação visual, design gráfico, realidade virtual, jogos digitais, animação e interface gráfica. 15

18 Resumos dos Minicursos Programação Básica em Flash Oficina para o ensino de programação Flash, com o objetivo de ensinar o uso de funções e eventos em Flash, utilizando ActionScript 2.0. Durante o curso, será desenvolvido um projeto de criação de aplicativo flash, como um jogo simples, que proporcione a interação do usuário com o programa. Rodolfo Felipe Sganzerla Sabino Atualmente, estudante universitário do curso de Bacharelado em Sistemas e Mídias Digitais, da UFC. Participou da primeira fase da Maratona Brasileira de Programação de 2011, na qual ganhou menção honrosa. Possui interesse na área de jogos. Programou mods para engine de Half-Life 1 e 2. 16

19 Resumos dos Minicursos Pixel Art: Onde menos é mais. Através de uma ferramenta considerada rudimentar como o Paint (e Gimp), pode-se conseguir resultados gráficos similares a jogos clássicos, com grande impacto e sofisticação. Tais imagens, populares em jogos, também podem ser usadas em contextos fora destes, pelo seu potencial estético e significativo. Com essa oficina os participantes serão apresentados aos princípios da criação em Pixel Art, aguçando a percepção para trabalhos em várias vertentes e concebendo animações simples. Para tal, serão apreciadas obras de diversos autores, para ampliar o repertório de possibilidades da linguagem. Em seguida, partiremos para a realização prática de sprites (gráficos para jogos) através do Paint, e animações através do Gimp. Espera-se com isso, despertar a percepção da pixel arte como uma linguagem atual, acessível e rica em possibilidades, mesmo não sendo mais tão utilizada em jogos Maistream. Onofre Paiva Formado em Artes Plásticas pelo IFCE, é desenhista, animador, músico e pixel artista. Atualmente cursa o 4 semestre do curso de Sistemas e Mídias Digitais da UFC. Atuou no NACE (Núcleo de Animação do Ceará), onde animou e dirigiu vinhetas para festivais comerciais, institucionais e educativos. Como pixel artista já prestou serviços para empresas em São Paulo, Istambul (Turquia) e produziu comerciais locais para Unimed, feito pela Virtue Studio. 17

20 Resumos dos Minicursos WebGL WebGL é um padrão web gratuito e independente de plataforma que define uma interface de programação de aplicações (API) em baixo nível voltada à geração de gráficos 3D em tempo-real. A API WebGL é baseada no padrão OpenGL ES 2.0 para sistemas embarcados, e viabiliza a construção de aplicativos multimídia para browsers aderentes ao padrão HTML 5 e que possuem modernos recursos gráficos. Essa API traz novas perspectivas e possibilidades, especialmente para a criação de jogos digitais.os seguintes tópicos serão abordados ao longo desse mini-curso: aplicativos inovadores; visão geral dos padrões OpenGL e OpenGL ES 2.0; visão geral do padrão HTML 5 e do elemento Canvas; inicialização e game loop; tratamento de eventos; ArrayBuffers; WebGLBuffers; programas e shaders GLSL; Gilvan Maia Possui graduação em Ciências da Computação pela Universidade Federal do Ceará (2003), mestrado em Ciências da Computação pelauniversidade Federal do Ceará (2005) e doutorado em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Ceará (2010). Tem experiência naárea de Ciência da Computação, com ênfase em Visão Computacional e Computação Gráfica, atuando principalmente nos seguintes temas: Visão Computacional, Processamento Digital de Imagens, Realidade Virtual, Jogos Digitais, Detecção de Colisões e Processamento de Cenas Tridimensionais. 18

21 Resumos dos Minicursos Construção de uma Narrativa Coletiva para o Desenvolvimento de um Game - Técnicas e Cuidados DESCRIÇÃO EM BREVE Robson Carlos Loureiro Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1984), Mestre em Educação pela Universidade Federal do Ceará (1998) e Doutor em Educação pela Universidade Federal do Ceará (2010) - com o foco em estudos das relações interpessoais em comunidades virtuais de aprendizagem. Foi professor e Coordenador de Educação a Distância da Universidade de Fortaleza. Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Ceará -Instituto UFC Virtual. Tem experiência na área de educação, com ênfase em análise de Coesão em Comunidades Virtuais de Aprendizagem, Hoje tem-se dedicado ao estudo das relações no espaço pós-orgânico virtual. 19

22 Organização Coordenação Geral Windson Viana Ticianne Ribeiro Vice-coordenação Glaudiney Mendonça Comissão de Organização Centro Acadêmico do SMD: Alexiei-Alexander Ribeiro Daniel Martins Boro Lacerda Milton Mendes Professores: Gabriel Paillard Rafael Carmo Andrea Pinheiro Fernando Trinta Eduardo Novais Melo Júnior Comissão de Apoio Sibele Castro Marcus Botelho Joelma Peixoto Gerson Boaventura Lidiana Osmundo João Marcelo Carolina Maia Fred Tomé Camila Paiva Contato: 20

23

Projeto Pedagógico do Bacharelado em Ciência da Computação. Comissão de Curso e NDE do BCC

Projeto Pedagógico do Bacharelado em Ciência da Computação. Comissão de Curso e NDE do BCC Projeto Pedagógico do Bacharelado em Ciência da Computação Comissão de Curso e NDE do BCC Fevereiro de 2015 Situação Legal do Curso Criação: Resolução CONSU no. 43, de 04/07/2007. Autorização: Portaria

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SOBRE O CURSO A tecnologia ocupa papel de destaque no atual cenário socioeconômico mundial, presente em todos os setores e atividades econômicas. Essa revolução transformou o mundo

Leia mais

Oficina. Conexão wi-fi Tela ou parede para projeção

Oficina. Conexão wi-fi Tela ou parede para projeção Oficina Dados básicos Titulo Autor Instituição Proposta (objetivo) Equipamentos Disponíveis Como ser um professor autor de jogos educativos em tablets, Windows e Linux com o Visual Class Luciana Allan,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 1, de 1 de março de

Leia mais

AULA 2. Aspectos Técnicos. Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com. MBA em Marketing Digital SOCIAL GAMES

AULA 2. Aspectos Técnicos. Luciano Roberto Rocha. www.lrocha.com. MBA em Marketing Digital SOCIAL GAMES MBA em Marketing Digital SOCIAL GAMES AULA 2 Luciano Roberto Rocha Aspectos Técnicos Ponta Grossa, 31 de agosto de 2013 ROTEIRO Papéis Processos Plataformas Ferramentas 2 PAPÉIS O desenvolvimento de um

Leia mais

Oficina. Trazer os princípios básicos da criação de jogos educativos para tablets, Windows e Linux com o auxílio do software de autoria Visual Class

Oficina. Trazer os princípios básicos da criação de jogos educativos para tablets, Windows e Linux com o auxílio do software de autoria Visual Class Dados básicos Titulo Autor Instituição Proposta (objetivo) Equipamentos Necessários Oficina Como ser um professor autor de jogos educativos em tablets, Windows e Linux com o Visual Class Luciana Allan,

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS ANO 2015

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS ANO 2015 CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS ANO 2015 Carla de Cássia Carvalho Cassado (Doutora) Regime de Trabalho: Tempo Parcial Área de Conhecimento: Ciências Humanas Qualificação

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS Coordenadora: Pedro Segreto 06/04/2015 > 09/2016 400 horas Idioma: Português Aulas: Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 PÚBLICO-ALVO Profissionais e pesquisadores das

Leia mais

Professor: Ronilson Morais Lobo. Salvador / 2015

Professor: Ronilson Morais Lobo. Salvador / 2015 Professor: Ronilson Morais Lobo Salvador / 2015 Introdução Motivação: Criar uma metodologia, Protótipar cenários reais, Proporcionar jogos divertidos, intuitivos e colaborativos. Tecnologia, Conceitos

Leia mais

Projeto Integrador. Faculdade Senac

Projeto Integrador. Faculdade Senac Projeto Integrador Faculdade Senac Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás adota o Projeto Integrador nos cursos da área de Tecnologia da Informação com o intuito de possibilitar ao aluno criação de um produto

Leia mais

LEAS ONLINE: PROTÓTIPO DE UM JOGO DE MMORPG

LEAS ONLINE: PROTÓTIPO DE UM JOGO DE MMORPG LEAS ONLINE: PROTÓTIPO DE UM JOGO DE MMORPG Wesllen de Oliveira Delfino, Larissa Pavarini da Luz wesllendelfino@hotmail.com,larissa.luz01@fatec.sp.gov.br Projeto de Iniciação Científica Larissa Pavarini

Leia mais

Palestrantes XIV SECOMP Empreender o Futuro, de 06 a 08 de outubro de 2014 CONHEÇA OS PALESTRANTES

Palestrantes XIV SECOMP Empreender o Futuro, de 06 a 08 de outubro de 2014 CONHEÇA OS PALESTRANTES CONHEÇA OS PALESTRANTES Antonio de Lisboa Coutinho Júnior. Graduação em Ciência Computação pela Faculdade Lourenço Filho com a monografia intitulada APRENDIZAGEM DE ALGORITMOS E PROGRAMAÇÃO NO AMBIENTE

Leia mais

A INFORMÁTICA E O ENSINO DE MATEMÁTICA: ALGUNS ESTUDOS RECENTES

A INFORMÁTICA E O ENSINO DE MATEMÁTICA: ALGUNS ESTUDOS RECENTES A INFORMÁTICA E O ENSINO DE MATEMÁTICA: ALGUNS ESTUDOS RECENTES Silvia Regina Viel Rodrigues - Uni-FACEF Introdução Localizado no Departamento de Matemática, Unesp, Rio Claro, sob a coordenação do professor

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA CIVIL Alcyr de Morisson Faria Neto (Especialista) Regime de Trabalho: Horista Área de conhecimento: Ciências Sociais Aplicadas Qualificação profissional: Arquitetura

Leia mais

Formação em game programming: 01 - Introdução à programação

Formação em game programming: 01 - Introdução à programação Formação em game programming: Para que um jogo eletrônico funcione adequadamente como foi projetado, é necessário que ele esteja corretamente programado. Todas as funções de controle de personagens e objetos

Leia mais

LAG. Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos. Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado

LAG. Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos. Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado LAG Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado Linhas de Atuação Computação Gráfica Interação homem-máquina Modelagem Animação

Leia mais

4 Cursos de nível superior no Brasil para formação de Designers de Games

4 Cursos de nível superior no Brasil para formação de Designers de Games 4 Cursos de nível superior no Brasil para formação de Designers de Games Este Capítulo apresenta o levantamento realizado dos cursos de nível superior no Brasil voltados para a formação de Designers de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 75/2010 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Engenharia de do Centro

Leia mais

Cursos de Games no Brasil

Cursos de Games no Brasil Cursos de Games no Brasil Versão 5.0 Este estudo pretende traçar um panorama dos cursos voltados à área de jogos eletrônicos no Brasil no ano de 2008, e também é uma atualização do levantamento de cursos

Leia mais

USO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM COMO FORMA DE POPULARIZAR O CONHECIMENTO CIENTÍFICO

USO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM COMO FORMA DE POPULARIZAR O CONHECIMENTO CIENTÍFICO USO DE OBJETOS DE APRENDIZAGEM COMO FORMA DE POPULARIZAR O CONHECIMENTO CIENTÍFICO Autor e Orientador Eduardo Lima Leite 1 (Universidade Federal de Campina Grande, eduardo@cstr.ufcg.edu.br) Resumo: O trabalho

Leia mais

Universidade. Estácio de Sá. Informática e Telecomunicações

Universidade. Estácio de Sá. Informática e Telecomunicações Universidade Estácio de Sá Informática e Telecomunicações A Estácio Hoje reconhecida como a maior instituição particular de ensino superior do país, a Universidade Estácio de Sá iniciou suas atividades

Leia mais

Aprimorar as técnicas e difundir os conhecimentos práticos de programação de jogos eletrônicos.

Aprimorar as técnicas e difundir os conhecimentos práticos de programação de jogos eletrônicos. O curso de desenvolvimento de jogos tem como foco capacitar desenvolvedores com conhecimento de programação a fazer jogos com o uso da Engine Unity. Traz profissionais com longa experiência no desenvolvimento

Leia mais

Projeto Museu Virtual: Criação de Ambientes Virtuais com Recursos e Técnicas de Realidade Virtual

Projeto Museu Virtual: Criação de Ambientes Virtuais com Recursos e Técnicas de Realidade Virtual Projeto Museu Virtual: Criação de Ambientes Virtuais com Recursos e Técnicas de Realidade Virtual Cristina Jasbinschek Haguenauer 1,2 Gerson Gomes Cunha 2 Francisco Cordeiro Filho 1 Marcos Coutinho Monnerat

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO PERFIL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO PERFIL PERFIL 3001 - Válido para os alunos ingressos a partir de 2002.1 Disciplinas Obrigatórias Ciclo Geral Prát IF668 Introdução à Computação 1 2 2 45 MA530 Cálculo para Computação 5 0 5 75 MA531 Álgebra Vetorial

Leia mais

VINICIUS DE SOUZA VALENTIM ANDRADE

VINICIUS DE SOUZA VALENTIM ANDRADE VINICIUS DE SOUZA VALENTIM ANDRADE Brasileiro, separado, 1 Filho, nascido em 21/01/1974 Rua Dr. Sardinha, 119 / ap 401 Santa Rosa - Niterói RJ CEP: 24240-660 Tel: 21 98853-4584 Email: viniciusvalentim@gmail.com

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DA REALIDADE AUMENTADA EM ATIVIDADES PRÁTICAS/COMPLEMENTARES COMO MOTIVAÇÃO PARA ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA. Brasília DF Maio 2010

A UTILIZAÇÃO DA REALIDADE AUMENTADA EM ATIVIDADES PRÁTICAS/COMPLEMENTARES COMO MOTIVAÇÃO PARA ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA. Brasília DF Maio 2010 1 A UTILIZAÇÃO DA REALIDADE AUMENTADA EM ATIVIDADES PRÁTICAS/COMPLEMENTARES COMO MOTIVAÇÃO PARA ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA Brasília DF Maio 2010 Daniela Zinn S. Gonçalves - NT Educação - daniela.goncalves@grupont.com.br

Leia mais

Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL. Congresso e Arena de Soluções. Secretaria do Estado da Educação

Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL. Congresso e Arena de Soluções. Secretaria do Estado da Educação Congresso e Arena de Soluções 12 13 de Fevereiro de 2014 - João Pessoa Paraíba Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL SEMIN Objetivos do Evento Reunir Líderes em EDUCAÇÃOe TECNOLOGIA das

Leia mais

Aula 3 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS PROGRAMACAO E INTEGRACAO DE JOGOS I. Marcelo Henrique dos Santos

Aula 3 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS PROGRAMACAO E INTEGRACAO DE JOGOS I. Marcelo Henrique dos Santos Aula 3 Email: marcelosantos@outlook.com marcellohenrique@outlook.com Twitter: @marcellohsantos Apresentação Comparativa Apresentação Comparativa O QUE É UMA GAME ENGINE? Apresentação Comparativa O QUE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 72/2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação, modalidade

Leia mais

Computação Gráfica, Jogos e Mundos Virtuais na Educação Prof.Dr. Romero Tori 1

Computação Gráfica, Jogos e Mundos Virtuais na Educação Prof.Dr. Romero Tori 1 Romero Tori Centro Universitário SENAC, USP Introdução A Computação Gráfica (CG) surgiu no início dos anos 1960 quando Ivan Sutherland defendeu, no Massachussets Institute of Technology (MIT), a histórica

Leia mais

Design 3D. Formação em Game GAME DESIGN 1

Design 3D. Formação em Game GAME DESIGN 1 1 Formação em Game Design 3D O treinamento de Game Design da Data 3D tem duração de 1 ano. O aluno a partir do treinamento de arte 3D e design para games poderá desenvolver seus projetos para as empresas

Leia mais

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Fortaleza, 21 de setembro de 2006 1 15 Universidade de Fortaleza Perfil

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado

Leia mais

a importância de formar profissionais para atuar nos campos de trabalho emergentes na área;

a importância de formar profissionais para atuar nos campos de trabalho emergentes na área; SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n. 66/ 2012 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Computação, Licenciatura

Leia mais

ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE ILHA SOLTEIRA ILHA SOLTEIRA

ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE ILHA SOLTEIRA ILHA SOLTEIRA ILHA SOLTEIRA REQUISITOS PARA INSCRIÇÕES AO PROCESSO SELETIVO DE DOCENTES, OBJETIVANDO A FORMAÇÃO DE CADASTRO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE PÚBLICO, Nº 065/10/2015 de 19/10/2015.

Leia mais

Palestra: Android - Desenvolvimento e Visão Geral

Palestra: Android - Desenvolvimento e Visão Geral PROGRAMAÇÃO - II ENTEC NASSAU: II Encontro Tecnológico Nassau: Prospecções tecnológicas no cenário mercadológico e educacional 19 de Outubro de 2013 Local: Auditório da, Unidade Campina Grande - PB 07:30

Leia mais

Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica

Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica Ciências da Computação Disciplina:Computação Gráfica Professora Andréia Freitas 2012 7 semestre Aula 02 (1)AZEVEDO, Eduardo. Computação Gráfica, Rio de Janeiro: Campus, 2005 (*0) (2) MENEZES, Marco Antonio

Leia mais

TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS (TJD)

TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS (TJD) TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS (TJD) SOBRE O CURSO O mundo mudou para melhor. Seja no universo corporativo ou na vida das pessoas, a Tecnologia de Informação (TI) é a grande responsável por essa revolução

Leia mais

A essa altura, você deve estar se perguntando qual é a diferença entre cinema e vídeo, audiovisual e multimídia, não é mesmo?

A essa altura, você deve estar se perguntando qual é a diferença entre cinema e vídeo, audiovisual e multimídia, não é mesmo? Pré-Vestibular Social Grupo SOA Suporte à Orientação Acadêmica Ela faz cinema Ela faz cinema Ela é demais (Chico Buarque) CINEMA Chegou o momento de escolher um curso. Diante de tantas carreiras e faculdades

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NA UFMG: EAD E O CURSO DE LETRAS

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NA UFMG: EAD E O CURSO DE LETRAS Aline Passos Amanda Antunes Ana Gabriela Gomes da Cruz Natália Neves Nathalie Resende Vanessa de Morais EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NA UFMG: EAD E O CURSO DE LETRAS Trabalho apresentado à disciplina online Oficina

Leia mais

Etec de Caraguatatuba

Etec de Caraguatatuba 1 Componente Curricular 1) GESTÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS I - (INFORMÁTICA PARA INTERNET) 2,5. 1.1 Licenciado: Ser portador de diploma de licenciatura plena em Computação, Sistemas e 1.2 Graduado (Bacharel

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 05/2012 APOIO A INDÚSTRIA CRIATIVA PROGRAMA RS TECNÓPOLE

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 05/2012 APOIO A INDÚSTRIA CRIATIVA PROGRAMA RS TECNÓPOLE RELATÓRIO DE ANÁLISE Edital Nº 05/2012 APOIO A INDÚSTRIA CRIATIVA PROGRAMA RS TECNÓPOLE Apresentação: Gestor do Projeto: André Fagundes Pase COREDE: Município de Porto Alegre Instituição Gestora / Mantenedora:

Leia mais

Sheet1. Criação de uma rede formada por tvs e rádios comunitárias, para acesso aos conteúdos

Sheet1. Criação de uma rede formada por tvs e rádios comunitárias, para acesso aos conteúdos Criação de um canal de atendimento específico ao público dedicado ao suporte de tecnologias livres. Formação de comitês indicados por representantes da sociedade civil para fomentar para a ocupação dos

Leia mais

1. Gestão de Pessoas I e II (Administração Integrada ao Ensino Médio)

1. Gestão de Pessoas I e II (Administração Integrada ao Ensino Médio) 1. Gestão de Pessoas I e II (Administração Integrada ao Ensino Médio) Administração Administração (EII) Administração - Habilitação em Administração de Empresas Administração - Habilitação em Administração

Leia mais

Semana Tecnológica 2009. Projetos do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet

Semana Tecnológica 2009. Projetos do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet Semana Tecnológica 2009 Projetos do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet Barbacena Outubro de 2009 PROJETO: Montagem, configuração e utilização de um cluster de computadores Anderson

Leia mais

X3DOM E WEBGL: O 3D INDEPENDENTE NA WEB

X3DOM E WEBGL: O 3D INDEPENDENTE NA WEB X3DOM E WEBGL: O 3D INDEPENDENTE NA WEB Augusto Francisco Ferbonink¹, Willian Barbosa Magalhães 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil aferbonink@gmail.com wmagalhães@unipar.com Resumo.

Leia mais

Unidade 4: Contextualização de Objetos de Aprendizagem

Unidade 4: Contextualização de Objetos de Aprendizagem Coordenação: Juliana Cristina Braga Autoria: Rita Ponchio Você aprendeu na unidade anterior a importância da adoção de uma metodologia para a construção de OA., e também uma descrição geral da metodologia

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS PROFESSOR: Itair Pereira da Silva DISCENTES: Maria das Graças João Vieira Rafael Vitor ORGANOGRAMA PRESIDENTE GERENTE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR (Currículo 2006.2) Agosto de 2010 Hodiernamente não mais se concebe que a formação do futuro profissional

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Curso de Jornalismo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Área 1 Jornalismo Especializado (1 vaga) Graduação Exigida: Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo Titulação mínima exigida:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Habilitação Profissional

Leia mais

Inscrição nas oficinas de Inconfidentes Festival Nacional de Cinema e Vídeo

Inscrição nas oficinas de Inconfidentes Festival Nacional de Cinema e Vídeo Inscrição nas oficinas de Inconfidentes Festival Nacional de Cinema e Vídeo - Todas as oficinas são abertas à comunidade. A identificação do públicoalvo é apenas um facilitador do(a) interessado(a) em

Leia mais

I ENTEC NASSAU - I Encontro Tecnológico Nassau: Desafios e Tendências da Tecnologia da Informação e Comunicação

I ENTEC NASSAU - I Encontro Tecnológico Nassau: Desafios e Tendências da Tecnologia da Informação e Comunicação I ENTEC NASSAU - I Encontro Tecnológico Nassau: Desafios e Tendências da Tecnologia da Informação e Comunicação PROGRAMAÇÃO DO EVENTO DATA HORÁRIO DESCRIÇÃO Local CREDENCIAMENTO 08h00 08h30 08h30 09h00

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO(*)

PARECER HOMOLOGADO(*) PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 20/07/2004 (*) Portaria/MEC nº 2.143, publicada no Diário Oficial da União de 20/07/2004 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO

Leia mais

ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO

ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO SOBRE O CURSO Com a revolução tecnológica, não é só o mundo que muda, mas a área de tecnologia também. O Engenheiro de Computação é um profissional fundamental para que essa evolução

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Apresentação A emergência de novas tecnologias de informação e comunicação e sua convergência exigem uma atuação de profissionais com visão

Leia mais

ANEXO I - EDITAL Nº 15/2015 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA

ANEXO I - EDITAL Nº 15/2015 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROCESSO SELETIVO DO 2º SEMESTRE 205 ANEXO I - EDITAL Nº 5/205 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS MISSÃO DO CURSO A concepção do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas está alinhada a essas novas demandas

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SOBRE O CURSO A tecnologia ocupa papel de destaque no atual cenário socioeconômico mundial, presente em todos os setores e atividades econômicas. Essa revolução transformou o mundo

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE SISTEMAS DE INFOMAÇÕES

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE SISTEMAS DE INFOMAÇÕES CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE SISTEMAS DE INFOMAÇÕES Carlos Natalino da Silva (Graduado) Regime de Trabalho: Horista Área de Conhecimento: Engenharias Qualificação Profissional: Engenharia da Computação

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Introdução à Computação A disciplina apresenta a área da Computação como um todo, desde a história e a evolução dos computadores

Leia mais

TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET

TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET SOBRE O CURSO Com o crescimento da internet, novos hábitos de consumo e inovadoras formas de negócio surgiram. A sociedade está cada vez mais conectada, acelerando

Leia mais

Prof. NINO CARVALHO Mestre em Administração IBMEC Pós Graduado em Marketing e Estratégia Chartered Institute of Marketing Reino Unido

Prof. NINO CARVALHO Mestre em Administração IBMEC Pós Graduado em Marketing e Estratégia Chartered Institute of Marketing Reino Unido 1. COORDENAÇÃO ACADÊMICA SIGA: PMBACMD*11/01 Prof. LUIZ CARLOS SEIXAS DE SÁ Doutorando ISCTE - Lisboa MSc. HEC School of Management França Mestre em Planejamento Organizacional FGV EBAP Prof. NINO CARVALHO

Leia mais

Trabalhar com Jogos Digitais

Trabalhar com Jogos Digitais Trabalhar com Jogos Digitais Prof. João Paulo Domingos Silva Instituto de Ciências Exatas e Informática PUC Minas, 2014 Prazer em conhecer! Como foi no Québec? Como foi no Québec? Era realmente frio? Processo

Leia mais

AVISO DE RETIFICAÇÃO II CREDENCIAMENTO N.º 502/2009

AVISO DE RETIFICAÇÃO II CREDENCIAMENTO N.º 502/2009 AVISO DE RETIFICAÇÃO II CREDENCIAMENTO N.º 502/2009 O SESI/SENAI - PR, torna pública a RETIFICAÇÃO referente ao Edital de CREDENCIAMENTO N.º 502/2009, conforme segue: Fica Incluído no ANEXO III - ÁREAS

Leia mais

Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares

Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares Fabrício Brasiliense Departamento de Informática e Estatística(INE) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Campus Universitário Trindade-

Leia mais

Backsite Serviços On-line

Backsite Serviços On-line Apresentação Quem Somos O Backsite Com mais de 15 anos de mercado, o Backsite Serviços On-line vem desenvolvendo soluções inteligentes que acompanham o avanço das tecnologias e do mundo. Com o passar do

Leia mais

Marcelo Pereira Bergamaschi

Marcelo Pereira Bergamaschi Marcelo Pereira Bergamaschi Bergamaschi Graduado em Bacharelado em Matemática UNISANTA - 1986 Pós-graduado em Ciência da Computação UNISANTA - 1991 Pós-graduado em Sistemas de Informação UFU - 2002 Mestre

Leia mais

ESTUDANDO E APRENDENDO ESTATISTICA EM AULAS DE MATEMÁTICA UTILIZANDO OBJETO DE APRENDIZAGEM ESTATÍSTICANET.

ESTUDANDO E APRENDENDO ESTATISTICA EM AULAS DE MATEMÁTICA UTILIZANDO OBJETO DE APRENDIZAGEM ESTATÍSTICANET. ESTUDANDO E APRENDENDO ESTATISTICA EM AULAS DE MATEMÁTICA UTILIZANDO OBJETO DE APRENDIZAGEM ESTATÍSTICANET. AUTORES: Maria Helena Schneid de Vasconcelos Ana Cecília Togni (Profª. Orientadora) CONTEXTUALIZAÇÃO:

Leia mais

Relação dos docentes com suas respectivas linhas de pesquisa e áreas de interesse, para provável orientação de ESTÁGIO, TCC e MONOGRAFIA.

Relação dos docentes com suas respectivas linhas de pesquisa e áreas de interesse, para provável orientação de ESTÁGIO, TCC e MONOGRAFIA. LINHAS DE PESQUISA / ÁREAS DE INTERESSE 1 Relação dos docentes com suas respectivas linhas de pesquisa e áreas de interesse, para provável orientação de ESTÁGIO, TCC e MONOGRAFIA. 1. ADILSON LUÍS BONIFÁCIO,

Leia mais

Designer gráfico. elementos verbais e não-verbais que irão compor peças gráficas com a finalidade

Designer gráfico. elementos verbais e não-verbais que irão compor peças gráficas com a finalidade Rubens de Souza Designer gráfico O designer gráfico desenvolve projetos ou planejamentos a partir de elementos verbais e não-verbais que irão compor peças gráficas com a finalidade específica de atingir

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho Código: 91 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico em Informática para Internet

Leia mais

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 60 h 1º Evolução histórica dos computadores. Aspectos de hardware: conceitos básicos de CPU, memórias,

Leia mais

A Alta Demanda do Mercado por Profissionais da Área de TI

A Alta Demanda do Mercado por Profissionais da Área de TI Prof. Dr. Neil Paiva Tizzo Ciência da Computação PUC Minas A Alta Demanda do Mercado por Profissionais da Área de TI Carreira e Oportunidades de Mercado Grandes Transformações Máquinas controladas pelo

Leia mais

RELAÇÃO DOS DIRIGENTES E COORDENADORES DE CURSOS

RELAÇÃO DOS DIRIGENTES E COORDENADORES DE CURSOS RELAÇÃO DOS DIRIGENTES E COORDENADORES DE CURSOS Fundação Mineira de Educação e Cultura Presidente Prof. Tiago Fantini Magalhães Vice-Presidente Prof. Pedro Arthur Victer Conselho de Curadores Prof. Antônio

Leia mais

Projeto Pedagógico do Curso

Projeto Pedagógico do Curso Projeto Pedagógico do Curso Fundamentação Diretrizes curriculares do MEC Diretrizes curriculares da SBC Carta de Princípios da UNICAP Projeto Pedagógico Institucional da UNICAP Diretrizes Curriculares

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS

CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS Carla de Cássia Carvalho Cassado (Doutora) Regime de Trabalho: Horista Área de Conhecimento: Ciências Humanas Qualificação Profissional:

Leia mais

Pesquisa sobre Ensino de IHC 2010-2012. Clodis Milene Raquel Sílvia Simone

Pesquisa sobre Ensino de IHC 2010-2012. Clodis Milene Raquel Sílvia Simone Pesquisa sobre Ensino de IHC 2010-2012 Clodis Milene Raquel Sílvia Simone 1 abril a junho de 2013 75 respondentes válidos cursos: graduação pós-graduação stricto sensu pós-graduação lato sensu avulsos

Leia mais

FEDERAL ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO

FEDERAL ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO CARGO/ESPECIALIDADES Art. 378. Ao Consultor Legislativo, Especialidade Assessoramento Legislativo. ÁREAS DE INTERESSE DO SENADO FEDERAL Agronomia;

Leia mais

Workshop INCT-MACC, HOSCAR e Casadinho CENAPAD-UFC: Missão, Serviços e Pesquisas. Rossana Andrade Carina Oliveira

Workshop INCT-MACC, HOSCAR e Casadinho CENAPAD-UFC: Missão, Serviços e Pesquisas. Rossana Andrade Carina Oliveira Workshop INCT-MACC, HOSCAR e Casadinho CENAPAD-UFC: Missão, Serviços e Pesquisas Rossana Andrade Carina Oliveira 02 de Dezembro, 2013 Fortaleza, Brasil Quem somos nós? CENAPAD-UFC: Centro Nacional de Processamento

Leia mais

Uma visão Geral sobre Webdesign e Interfaces. Uma conversa sobre Internet e Design para Web Avaliação de Interfaces

Uma visão Geral sobre Webdesign e Interfaces. Uma conversa sobre Internet e Design para Web Avaliação de Interfaces Uma conversa sobre Internet e Design para Web Avaliação de Interfaces Josemeire Machado Dias Uma Novas visão atividades, Geral novas sobre funções Webdesign e Interfaces A Internet comercial provocou o

Leia mais

Computação Gráfica. Introdução. Profª Alessandra Martins Coelho

Computação Gráfica. Introdução. Profª Alessandra Martins Coelho Computação Gráfica Introdução Profª Alessandra Martins Coelho março/2013 Introdução Computação gráfica (CG) é a utilização de computadores para gerar imagens (GUHA, 2013). Nos dias atuais, para não se

Leia mais

Frederico Miglio Neiva (Mestre) Regime de Trabalho: Tempo Integral Área de conhecimento: Estatística Qualificação profissional: Metrologia Cientifica

Frederico Miglio Neiva (Mestre) Regime de Trabalho: Tempo Integral Área de conhecimento: Estatística Qualificação profissional: Metrologia Cientifica CORPO DOCENTE DO CURSO SUPERIOR DE SISTEMAS DE INFOMAÇÕES Carlos Natalino da Silva (Graduado) Regime de Trabalho: Horista Área de Conhecimento: Engenharia da Computação Qualificação Profissional: Engenharia

Leia mais

Universidade. Estácio de Sá. Comunicação

Universidade. Estácio de Sá. Comunicação Universidade Estácio de Sá Comunicação A Estácio Hoje reconhecida como a maior instituição particular de ensino superior do país, a Universidade Estácio de Sá iniciou suas atividades em 1970, como Faculdades

Leia mais

Caracterização da Modelagem de Ambientes de Aprendizagem a distância

Caracterização da Modelagem de Ambientes de Aprendizagem a distância Caracterização da Modelagem de Ambientes de Aprendizagem a distância Adja F. de Andrade adja@inf.pucrs.br 1 Beatriz Franciosi bea@inf.pucrs.br Adriana Beiler 2 adrianab@inf.pucrs.br Paulo R. Wagner prwagner@inf.pucrs.br

Leia mais

Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL. Congresso e Arena de Soluções. Secretaria do Estado da Educação

Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL. Congresso e Arena de Soluções. Secretaria do Estado da Educação Congresso e Arena de Soluções 12 13 de Fevereiro de 2014 - João Pessoa Paraíba Seminário e ARENA DE SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA EDUCACIONAL SEMIN Objetivos do Evento Reunir Líderes em EDUCAÇÃOe TECNOLOGIA das

Leia mais

Formação em Pintura Digital. (enfoque em Concept Art) PINTURA DIGITAL 1

Formação em Pintura Digital. (enfoque em Concept Art) PINTURA DIGITAL 1 1 Formação em Pintura Digital (enfoque em Concept Art) Com o rápido e crescente desenvolvimento do mercado da computação gráfi ca, cada vez mais exigente, um profi ssional que possui um diferencial na

Leia mais

VERIFICAÇÃO DA APRENDIZAGEM DE UNIVERSITÁRIOS QUE USARAM UM SOFTWARE EDUCATIVO SOBRE LÓGICA

VERIFICAÇÃO DA APRENDIZAGEM DE UNIVERSITÁRIOS QUE USARAM UM SOFTWARE EDUCATIVO SOBRE LÓGICA VERIFICAÇÃO DA APRENDIZAGEM DE UNIVERSITÁRIOS QUE USARAM UM SOFTWARE EDUCATIVO SOBRE LÓGICA Resumo Elaine Pasqualini 1 - FATEC-OURINHOS Sílvia H. de Oliveira Santos 2 - FATEC-OURINHOS Viviane de F. Bartholo

Leia mais

Dia 29/maio (quinta-feira) - Manhã Auditório da Escola Americana (Prédio 46)

Dia 29/maio (quinta-feira) - Manhã Auditório da Escola Americana (Prédio 46) Dia 29/maio (quinta-feira) - Manhã Auditório da Escola Americana (Prédio 46) 8h00 Credenciamento 9h00 Cerimônia de Abertura 9h30 Intervalo 9h35 PL1 WEB 3.0 para uma Educação 3.0 10h20 José Manuel Moran

Leia mais

Mesa redonda e vídeoconferência encerram Semana de Informática da FEMA. Mesa redonda com ex-alunos encerrou o ciclo de palestras da Semana

Mesa redonda e vídeoconferência encerram Semana de Informática da FEMA. Mesa redonda com ex-alunos encerrou o ciclo de palestras da Semana Mesa redonda e vídeoconferência encerram Semana de Informática da FEMA Mesa redonda com ex-alunos encerrou o ciclo de palestras da Semana Na sexta-feira, 28, a mesa redonda com a participação de ex-alunos

Leia mais

Palavras-chave: Informática Educativa. Ferramenta pedagógica. Formação.

Palavras-chave: Informática Educativa. Ferramenta pedagógica. Formação. 1 ARTE DIGITAL: O MUNDO DAS TELAS NA TELA DO COMPUTADOR Gláucio Odair Xavier de ALMEIDA Licenciado em Letras e Licenciando em computação Universidade Estadual da Paraíba/CCEA- Patos odairalmeida88@gmail.com

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM INOVAÇÕES EDUCATIVAS E ENSINO VIRTUAL CORPO DOCENTE

PÓS-GRADUAÇÃO EM INOVAÇÕES EDUCATIVAS E ENSINO VIRTUAL CORPO DOCENTE PÓS-GRADUAÇÃO EM INOVAÇÕES EDUCATIVAS E ENSINO VIRTUAL CORPO DOCENTE Ana Christina Duarte Pires Engenheira Agrônoma formada pela Universidade Federal de Pelotas (1989), possui mestrado em Agronomia pela

Leia mais

LISTA DE PONTOS CAMPO DAS HUMANIDADES: SABERES E PRÁTICAS

LISTA DE PONTOS CAMPO DAS HUMANIDADES: SABERES E PRÁTICAS LISTA DE PONTOS CAMPO DAS HUMANIDADES: SABERES E PRÁTICAS 1. As humanidades e suas repercussões sobre o pluralismo cultural 2. Humanidades e ciências: o debate transcultural em contextos plurais 3. Pedagogias

Leia mais

Mesa Holográfica Programa Bem Estar TV GLOBO

Mesa Holográfica Programa Bem Estar TV GLOBO Vinicius Oppido PUSHSTART Studio Ricardo Benassi TV GLOBO Apresentação do projeto da Mesa Holográfica do programa Bem Estar da TV Globo, que permite a manipulação de modelos 3D em tempo real pelos apresentadores

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

DESIGN DE GAMES APRESENTAÇÃO. MARCELO HENRIQUE DOS SANTOS http://www.marcelohsantos.com marcelosantos@outlook.com

DESIGN DE GAMES APRESENTAÇÃO. MARCELO HENRIQUE DOS SANTOS http://www.marcelohsantos.com marcelosantos@outlook.com DESIGN DE GAMES DESIGN DE GAMES APRESENTAÇÃO MARCELO HENRIQUE DOS SANTOS http://www.marcelohsantos.com marcelosantos@outlook.com Bacharel em Sistema de Informação Pós Graduado em Games : Produção e Programação

Leia mais

Cadastro de eventos - DTA

Cadastro de eventos - DTA Cadastro de eventos - DTA Campo ID 7846 Informação Ano base * 2015 Tipo de Cadastro * Com solicitação de recursos à Proex? * Câmpus * Unidade * Departamento * Outras Unidades, Instituições envolvidas (naturezada

Leia mais

OBJETIVOS DO CURSO PERFIL DO EGRESSO

OBJETIVOS DO CURSO PERFIL DO EGRESSO 1 APRESENTAÇÃO Segundo Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos Tecnologicos conforme RESOLUÇÃO CNE/CP 3, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2002, A educação profissional de nível tecnológico, integrada às diferentes

Leia mais

Departamento de Enfermagem Básica (1 vaga) Processo nº 23071.004115/2009-81

Departamento de Enfermagem Básica (1 vaga) Processo nº 23071.004115/2009-81 Períodos de inscrições: no sítio http://www.concurso.ufjf.br a) Primeiro período: das 09h do dia 11/05/2009 até as 14h do dia 29/05/2009; b) Segundo período: das 09h do dia 22/06/2009 até as 14h do dia

Leia mais