O Programa de Educação Financeira do Banco Central

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Programa de Educação Financeira do Banco Central"

Transcrição

1 O Programa de Educação Financeira do Banco Central (voto BCB 303, de 6/11/03) 1

2 Evolução das ações educativas do BCB 1990 Programa de Desenvolvimento e Modernização 2003 Programa de Educação Financeira Mudança de foco Reforçar a imagem do Banco Central Informar a sociedade sobre assuntos financeiros, situando a atuação do Banco Central Ampliação do público-alvo Consumidor de serviços e informações do BCB Público em geral, estudantes, imprensa, mercado financeiro Congresso e outros 2

3 Temas do PEF/BC x Públicos-alvo Públicos Ens. médio/ fundamental Universidade Públicos específicos Público geral Temas Economia e finanças Banco Central do Brasil e outros bc s Sistema Financeiro nacional Meio circulante Planejamento financeiro Jornalistas Juristas Legisladores Ent. Classe Empresários ONG s Inst. Financ. Investidores Procon / Idec outros 3

4 Públicos Público geral Públicos específicos Universidade Eventos, cursos, publicações Serviços ao cidadão e Central de Atendimento Sala do investidor Microfinanças Concursos educativos Convênio BC e ECT BC e Universidade 4 Algumas ações implantadas Ens. médio/ fundamental Economia e finanças Projeto Museu-Escola Banco Central do Brasil e outros bc s BC Jovem Sistema Financeiro nacional Meio circulante Planejamento financeiro Temas

5 Algumas ações implantadas Projeto BC Jovem Área especial do site do BCB (ver atual); Em fase de remodelação, passará a abranger todos os temas do PEF/BC (ver novo); Segmentado em 3 faixas etárias (6 a 18 anos); Conteúdo próprio para pais e professores; Linguagem adequada para os públicos-alvo; Apresentação lúdica e dinâmica dos conteúdos. Voltar para Ações Implantadas 5

6 6

7 Virá a imagem do novo BC Jovem 7

8 Algumas ações implantadas Projeto Museu-Escola (ver página) Visitas monitoradas ao Museu de Valores em Brasília e nas regionais que têm Museu (CE, PE, MG, SP, PR); Escolas do ensino fundamental e médio; Cerca de 10 mil estudantes ao ano; Funções do BCB; história do dinheiro e da riqueza no Brasil e no mundo; emissão e conservação do meio circulante são alguns dos temas abordados; Voltar para Ações Implantadas 8

9 9

10 Algumas ações implantadas Projeto BC e Universidade Palestras mensais em Brasília (c/tv), Rio e São Paulo; Transmissão ao vivo, via TV WEB, para as regionais; Em breve, disponível para todas as universidades, via internet; Aborda as funções e a atuação do BCB; Assistidas por cerca de 5 mil universitários ao ano. Voltar para Ações Implantadas 10

11 Algumas ações implantadas Concursos educativos Concursos de monografias para graduandos e pósgraduandos, abordando temas de interesse do BCB (matéria sobre o Concurso de Monografias de 2003); Concursos educativos (redação, cartazes, artigos etc.) para todos os níveis de ensino, abordando funções e atuação do BCB; Envolvimento de pais e professores. Voltar para Ações Implantadas 11

12 12

13 Algumas ações implantadas Microfinanças e cooperativismo de crédito Seminários sobre microfinanças e cooperativismo de crédito, direcionadas aos públicos-alvo; Publicações sobre normatização e funcionamento do microcrédito e o cooperativismo de crédito (ver publicação); Voltar para Ações Implantadas 13

14 14

15 Algumas ações implantadas Sala do Investidor Área do site do BCB para investidores, trazendo: Notícias e atas do Copom; Cartilhas da Série Perguntas Sobre Economia Brasileira FAQ s (ver relação); Relatório de Mercado; Relatório Focus; Resenha do Mercado Aberto; Séries Temporais; Instituições Top 5 e outras informações. Voltar para Ações Implantadas 15

16 16

17 Algumas ações implantadas Convênio BCB e Correios Curso a distância sobre segurança da moeda; 25 mil funcionários atuando como multiplicadores; 5 mil agências dos Correios, em todo o país, divulgando as características do dinheiro brasileiro. Voltar para Ações Implantadas 17

18 Algumas ações implantadas Serviços ao cidadão (ver imagem) Central de atendimento ao público Calculadora do cidadão (correção de valores, cálculo de financiamentos; juros etc.); Conversor de moedas (Real x diversas moedas); Instituições mais reclamadas pela população; Perguntas freqüentes; tarifas bancárias; taxas de câmbio e outras informações. Voltar para Ações Implantadas 18

19 19

20 Algumas ações implantadas Eventos, cursos, publicações Participação em feiras; seminários; congressos e outros eventos educativos e culturais, divulgando a atuação do BCB para a sociedade (ver foto).; Elaboração e oferta de cursos (presenciais e on-line) para a população, sobre planejamento financeiro, meio circulante, economia e outros; Desenvolvimento e distribuição de publicações diversas, adequadas a diferentes públicos e necessidades (ver publicação). Voltar para Ações Implantadas 20

21 21

22 22

23 Oportunidades Demanda crescente de informações econômicofinanceiras por parte da população; Crescimento da consciência sócioambiental; Parcerias: governo, instituições financeiras, iniciativa privada, ONGs, institutos de defesa do consumidor etc. Parcerias com outros bancos centrais; UniBacen recursos para o desenvolvimento de cursos e conteúdos sobre educação financeira; Sinergia entre o BCB e o cidadão, contribuindo com a missão do Banco e a melhoria de sua imagem. Voltar para Ações Implantadas 23

24 Milton Luiz de Melo Santos Secretário Executivo do Banco Central do Brasil +55 (61)

Educação Financeira e Inclusão Financeira.. Departamento de Educação Financeira Novembro de 2014

Educação Financeira e Inclusão Financeira.. Departamento de Educação Financeira Novembro de 2014 Educação Financeira e Inclusão Financeira. Departamento de Educação Financeira Novembro de 2014 Agenda Planejamento estratégico do BCB Inclusão Financeira & PNIF Educação Financeira & ENEF iniciativas

Leia mais

Educação Financeira: Responsabilidade Social do Banco Central. José Linaldo Gomes de Aguiar Secretaria de Relações Institucionais

Educação Financeira: Responsabilidade Social do Banco Central. José Linaldo Gomes de Aguiar Secretaria de Relações Institucionais Educação Financeira: Responsabilidade Social do Banco Central José Linaldo Gomes de Aguiar Secretaria de Relações Institucionais Rio de Janeiro, 10 de novembro de 2010 Agenda 1. Contexto Internacional

Leia mais

1º Seminário de Educação Empreendedora, Financeira e Cooperativista

1º Seminário de Educação Empreendedora, Financeira e Cooperativista 1º Seminário de Educação Empreendedora, Financeira e Cooperativista Educação como Estratégia de Inclusão Financeira Luiz Edson Feltrim Diretor Prêmio Country Awards 2014 (CYFI) ONU Reconhecimento ao Brasil

Leia mais

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA Introdução É importante ressaltar que um plano de comunicação tem a finalidade de tornar conhecida

Leia mais

NO BRASIL: Há 27 anos, 700 empresas, 2,3 milhões de alunos beneficiados, 2 mil escolas, mais de 85 mil voluntários.

NO BRASIL: Há 27 anos, 700 empresas, 2,3 milhões de alunos beneficiados, 2 mil escolas, mais de 85 mil voluntários. 2011 NO MUNDO: Fundada em 1919 e atualmente em mais de 123 países. NO BRASIL: Há 27 anos, 700 empresas, 2,3 milhões de alunos beneficiados, 2 mil escolas, mais de 85 mil voluntários. NO ESPÍRITO SANTO:

Leia mais

Inclusão Financeira no Brasil

Inclusão Financeira no Brasil São Paulo 18 de agosto de 2014 2 Inclusão Financeira no Brasil Parceria Nacional para Inclusão Financeira Elvira Cruvinel Ferreira Departamento de Educação Financeira Missão do BCB Assegurar a estabilidade

Leia mais

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Fortaleza(CE), 10 a 12/06/2015

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Fortaleza(CE), 10 a 12/06/2015 Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis Fortaleza(CE), 10 a 12/06/2015 Tópicos 1. Sobre o Banco do Nordeste 2. Histórico do crédito para energias renováveis 3. Financiamento para a mini e microgeração

Leia mais

Ficha Técnica. Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP

Ficha Técnica. Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Referência Ficha Técnica Plano de comunicação Resolução n 1.025, de 30 de outubro de 29 Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Elaboração Projeto ART e Acervo Técnico - Equipe

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social A Assessoria de Comunicação Social (ASCOM) da Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG é uma unidade de apoio e assessoramento da Instituição, diretamente ligada ao Gabinete da Reitoria, que dentre suas

Leia mais

TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013

TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013 TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013 Tabela elaborada pelo Núcleo de Professores Orientadores do PIAC, que se constitui como espaço de organização, divulgação e articulação de Ensino,

Leia mais

1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos. 2. Carga Horária: 20 horas/aula

1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos. 2. Carga Horária: 20 horas/aula 2015.2 1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos 2. Carga Horária: 20 horas/aula 3. Horário: 13:00 às 18:00 4. Encontros 21/11 (sábado)-

Leia mais

São Paulo 08/11/2012

São Paulo 08/11/2012 São Paulo 08/11/2012 Patrocinadores do 13 Fórum Acrílico tecnologia em corte e gravação a laser O atelier do acrílico soluções industriais para gravação e corte a laser Tecnologia Laser Temas do 13º Fórum

Leia mais

1º Encontro de Comunicação do Setor Sucroenergético de Minas BELO HORIZONTE 08/10/09

1º Encontro de Comunicação do Setor Sucroenergético de Minas BELO HORIZONTE 08/10/09 1º Encontro de Comunicação do Setor Sucroenergético de Minas Gerais BELO HORIZONTE 08/10/09 . Jornal Canavial SIAMIG-SINDAÇÚCAR-MG EVOLUÇÃO DA COMUNICAÇÃO. Criação do Boletim Eletrônico. Criação do Site

Leia mais

Um sistema financeiro voltado para o desenvolvimento sustentável do país e os interesses da coletividade

Um sistema financeiro voltado para o desenvolvimento sustentável do país e os interesses da coletividade o sistema financeiro cidadão Um sistema financeiro voltado para o desenvolvimento sustentável do país e os interesses da coletividade Conheça o Projeto 192 e venha participar de sua construção! Uma iniciativa

Leia mais

Alvir Alberto Hoffmann

Alvir Alberto Hoffmann EDUCAÇÃO FINANCEIRA Alvir Alberto Hoffmann Diretor de Fiscalização do Banco Central do Brasil Presidente, ASBA Asociación de los Supervisores Bancarios de las Americas, Brasil Educação Financeira Definição:

Leia mais

Linha Editorial da Agência de Notícias

Linha Editorial da Agência de Notícias UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Linha Editorial da Agência de Notícias Cruz das Almas BA 2012 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. RESPONSABILIDADE...3

Leia mais

Sobre a ABIH. Nossos principais objetivos. O associado ABIH-RJ tem à sua disposição. Apresentação

Sobre a ABIH. Nossos principais objetivos. O associado ABIH-RJ tem à sua disposição. Apresentação Mídia Kit Apresentação 2 Sobre a ABIH 3 ABIH-RJ é uma entidade sem fins lucrativos que congrega as empresas de hospedagem com sede e estabelecimentos no Estado do Rio de Janeiro, integrada a mesma entidade

Leia mais

Sustentabilidade Ultragaz Salvador / BA 03/08/2012. Gerência de Sustentabilidade

Sustentabilidade Ultragaz Salvador / BA 03/08/2012. Gerência de Sustentabilidade Sustentabilidade Ultragaz Salvador / BA 03/08/2012 2012 Gerência de Sustentabilidade Ultragaz em números Primeira empresa de Gás LP no Brasil Faturamento: 4 bilhões por ano Volume de Gás LP distribuído:

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social (Dirco) Políticas Públicas de Comunicação

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social (Dirco) Políticas Públicas de Comunicação Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social Políticas Públicas de Comunicação...a presença ativa duma universidade, revigorada ao contato de seu núcleo mais vivo e ciosa do seu espaço

Leia mais

Cartilha de Câmbio. Envio e recebimento de pequenos valores

Cartilha de Câmbio. Envio e recebimento de pequenos valores 2009 Cartilha de Câmbio Envio e recebimento de pequenos valores Apresentação O Banco Central do Brasil criou esta cartilha para orientar e esclarecer você, que precisa negociar moeda estrangeira, sobre

Leia mais

26/08/2015. A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor. José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas

26/08/2015. A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor. José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas Vice-presidente de Ciência e Tecnologia do SINAENCO-PE Sócio de Vitório & Melo

Leia mais

Plano de trabalho ABMES 2013

Plano de trabalho ABMES 2013 1. Apoio às IES de pequeno porte (eventos presenciais e a distância) Diretoria, Assessoria, Consultores e IES apoiadoras Realizar seminário na com o objetivo de identificar a situação atual das PMIES Contratar

Leia mais

APROVAR O REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES E PROPÕE OUTRAS PROVIDÊNCIAS

APROVAR O REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES E PROPÕE OUTRAS PROVIDÊNCIAS A presidente da Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns, no uso de suas atribuições, CONSIDERANDO a necessidade de normatizar o regime de atividades complementares da AESGA, RESOLVE: APROVAR O REGULAMENTO

Leia mais

FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA. II Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste 11 NOV 2008

FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA. II Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste 11 NOV 2008 FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA ESTRATÉGIA DO FEIRÃO OS PÚBLICOS TRABALHADOS ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO RESULTADOS ESTRATÉGIA DO FEIRÃO Disponibilizar espaço para a interação entre demanda (população), oferta

Leia mais

QuEm SomoS missão 5 DESIGN & ComuNICação PublICIDaDE EvENtoS PromoçõES WEb

QuEm SomoS missão 5 DESIGN & ComuNICação PublICIDaDE EvENtoS PromoçõES WEb QUEM SOMOS MISSÃO DESIGN & Comunicação Publicidade Eventos Promoções Web 5 9 11 13 15 17 Quem Somos 5 Somos uma agência de Design e Comunicação, criada para disponibilizar um vasto leque de soluções na

Leia mais

23b/2010. Briefing Campanhas de Comunicação Projeto Fortalecimento da Capacidade Técnica da Participação Social na Regulação Anexo I

23b/2010. Briefing Campanhas de Comunicação Projeto Fortalecimento da Capacidade Técnica da Participação Social na Regulação Anexo I 23b/2010 Briefing Campanhas de Comunicação Projeto Fortalecimento da Capacidade Técnica da Participação Social na Regulação Anexo I Índice Objeto...03 Contexto...04 Fato Principal...05 Relação total de

Leia mais

MOVIMENTO PARANÁ SEM CORRUPÇÃO PLANEJAMENTO PARA 2014

MOVIMENTO PARANÁ SEM CORRUPÇÃO PLANEJAMENTO PARA 2014 MOVIMENTO PARANÁ SEM CORRUPÇÃO PLANEJAMENTO PARA 2014 Objetivo principal Disseminar, nas escolas do ensino médio, conhecimento e fomentar a prática de ações para o exercício da cidadania; Objetivos específicos

Leia mais

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE Palestra para o Conselho Regional de Administração 1 O QUE É O SEBRAE? 2 O Sebrae O Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas da Bahia

Leia mais

CAMPUS PARTY RECIFE 2015

CAMPUS PARTY RECIFE 2015 CAMPUS PARTY RECIFE 2015 CAMPUS PARTY RECIFE 2015 APRESENTAÇÃO A quarta edição da Campus Party Recife já começa a tomar forma. A feira que ocorrerá entre os dias 23 a 26 de julho, deve manter seu caráter

Leia mais

Passo a passo para cumprir as

Passo a passo para cumprir as Passo a passo para cumprir as Atividades Complementares CAC Profº Laercio de Sousa Silva Coordenador Atividades Complementares No sítio oficial do Iesam, clicar na conexão CAC Atividade Complementar Apresentação

Leia mais

Portfólio para Atividades Complementares e Extensão Curso de Direito e NPJ - UNES ANEXO I

Portfólio para Atividades Complementares e Extensão Curso de Direito e NPJ - UNES ANEXO I ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES CARGA HORÁRIA LIMITE MÁXIMO PARA APROVEITAMENTO REQUISITO TRIBUNAL DO JURI Assistência comprovada à sessões do Tribunal

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) é um concurso jornalístico instituído pelo Sebrae Nacional Serviço Brasileiro

Leia mais

Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015.

Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015. Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015. 30 de abril de 2015. Assessoria de imprensa Evento: Abrace a Serra da

Leia mais

Público Alvo. Faculdades; Universidades; Escolas de Ensino Fundamental e Médio; Cursos Especializados; Escolas de Idiomas;

Público Alvo. Faculdades; Universidades; Escolas de Ensino Fundamental e Médio; Cursos Especializados; Escolas de Idiomas; . Público Alvo Faculdades; Universidades; Escolas de Ensino Fundamental e Médio; Cursos Especializados; Escolas de Idiomas; Professores, funcionários e alunos. Educação Produtos Diferenciados Parceria

Leia mais

Ministério do Trabalho e Emprego Secretaria Nacional de Economia Solidária. Finanças Solidárias: Apoio a Bancos Comunitários no Brasil

Ministério do Trabalho e Emprego Secretaria Nacional de Economia Solidária. Finanças Solidárias: Apoio a Bancos Comunitários no Brasil Finanças Solidárias: Apoio a Bancos Comunitários no Brasil Seminário do Banco Central de Microfinanças Haroldo Mendonça Objetivos da política de Microcrédito e Microfinanças do Governo Federal Facilitar

Leia mais

PARCERIA PARA UMA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SUSTENTÁVEL

PARCERIA PARA UMA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SUSTENTÁVEL PARCERIA PARA UMA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SUSTENTÁVEL www.intusforma.com.br www.financasecoisadecrianca.com.br Quem somos Formação e desenvolvimento do potencial individual através da conscientização e da

Leia mais

O Processo de Supervisão no

O Processo de Supervisão no O Processo de Supervisão no Banco Central do Brasil Anthero de Moraes Meirelles Banco Central do Brasil Diretor de Fiscalização Introdução Missão Estrutura Universo Fiscalizável Agenda Processo de Supervisão

Leia mais

Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no Brasil

Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no Brasil Perspectivas das Entidades de Classe: principais pontos para promoção da inclusão financeira no 1. Número de bancos 158 2. Quantidade de agências bancárias 20.046 3. Postos tradicionais (PABs, PAPs, PAAs,

Leia mais

AS COMPRAS GOVERNAMENTAIS E O SEBRAE. Denise Donati Coordenadora do Projeto Compras Governamentais Sebrae Nacional

AS COMPRAS GOVERNAMENTAIS E O SEBRAE. Denise Donati Coordenadora do Projeto Compras Governamentais Sebrae Nacional AS COMPRAS GOVERNAMENTAIS E O SEBRAE Denise Donati Coordenadora do Projeto Compras Governamentais Sebrae Nacional Desafio Fomentar o Uso do Poder de Compra do Governo Junto aos Pequenos Negócios para Induzir

Leia mais

Subordinação da Junta Comercial

Subordinação da Junta Comercial Subordinação da Junta Comercial JUCESP A JUCESP é um órgão público estadual, subordinado administrativamente a Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania; e técnicamente ao Departamento Nacional de

Leia mais

Sociedade: Um mecanismo de controle dos gastos públicos Prestação de Contas 3º Quadrimestre 2014

Sociedade: Um mecanismo de controle dos gastos públicos Prestação de Contas 3º Quadrimestre 2014 Sociedade: Um mecanismo de controle dos gastos públicos Prestação de Contas 3º Quadrimestre 2014 O que é? OBSERVATÓRIO SOCIAL É um espaço para o exercício da cidadania, que deve ser democrático e apartidário

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON)

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON) EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON) EDITAL Nº 21/2015 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo

Leia mais

III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM

III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM III REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE DIREITO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM I Das Disposições Preliminares Art. 1º - O presente regulamento tem por

Leia mais

Números 2013 Assessoria de Comunicação Icict / Fiocruz

Números 2013 Assessoria de Comunicação Icict / Fiocruz Números 2013 Assessoria de Comunicação Icict / Fiocruz Janeiro a Dezembro Rio de Janeiro, dezembro de 2013 Números do Icict 2013 Assessoria de Comunicação do Icict/Fiocruz 2 Assessoria de Comunicação do

Leia mais

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1 INTRODUÇÃO O 1º Prêmio de Comunicação Grupo SMS 2014, com o tema Mobilidade Urbana é uma iniciativa do Grupo SMS, formado pelas empresas Auto Viação Salineira,

Leia mais

Fórum Crédito e Educação Financeira 25 de Janeiro de 2012. António de Sousa

Fórum Crédito e Educação Financeira 25 de Janeiro de 2012. António de Sousa Fórum Crédito e Educação Financeira 25 de Janeiro de 2012 António de Sousa Realidade: A literacia financeira dos portugueses Resultados do Inquérito do Banco de Portugal à População Portuguesa (2010):

Leia mais

Brasília, 9 de maio de 2012

Brasília, 9 de maio de 2012 Brasília, 9 de maio de 2012 Discurso do presidente Alexandre Tombini em evento no Sebrae para lançamento do Plano de Ação para Fortalecimento do Ambiente Institucional para a Adequada Inclusão Financeira

Leia mais

São Paulo, 7 de maio de 2013.

São Paulo, 7 de maio de 2013. São Paulo, 7 de maio de 2013. Discurso do diretor de Relacionamento Institucional e Cidadania do Banco Central do Brasil, Luiz Edson Feltrim, no Fórum de Educação Financeira promovido por Visa e Financial

Leia mais

FACULDADE MORAES JÚNIOR MANTIDA PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CONTBILIDADE

FACULDADE MORAES JÚNIOR MANTIDA PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CONTBILIDADE FACULDADE MORAES JÚNIOR MANTIDA PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CONTBILIDADE O Conselho de Ensino e Pesquisa CEP, da Faculdade Moraes Júnior FMJ, no uso de suas atribuições legais, em reunião do dia 10 de

Leia mais

Sr (ª). Prefeito (a),

Sr (ª). Prefeito (a), Sr (ª). Prefeito (a), O Banco do Brasil é um dos principais parceiros dos Governos Federal, Estaduais e Municipais na implantação de políticas públicas, projetos e programas impulsionadores do desenvolvimento.

Leia mais

BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS

BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS BANCOS: SAIBA QUAIS SÃO OS SEUS DIREITOS Entre os primeiros no ranking de reclamações As instituições financeiras sempre estiveram entre os setores com maior número de queixas por parte do consumidor.

Leia mais

p Ma ility ab in sta Su

p Ma ility ab in sta Su 1 Visão Itaú Unibanco Ser o banco líder em performance sustentável e em satisfação dos clientes Performance Sustentável É gerar valor compartilhado para colaboradores, clientes, acionistas e sociedade

Leia mais

fazem bem e dão lucro

fazem bem e dão lucro Melhores práticas de fazem bem e dão lucro Banco Real dá exemplo na área ambiental e ganha reconhecimento internacional Reunidos em Londres, em junho deste ano, economistas e jornalistas especializados

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 1 REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Regulamento de Atividades Complementares previstas para o Curso de Administração da Faculdade Del Rey. BELO HORIZONTE 2012 2 Regulamento

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA (Licenciatura e Bacharelado)

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA (Licenciatura e Bacharelado) FACULDADES INTEGRADAS DE RIBEIRÃO PIRES Entidade Mantenedora: ORGANIZAÇÃO EDUCACIONAL DE RIBEIRÃO PIRES R. Cel. Oliveira Lima, 3.345 Parque Aliança SP CEP: 09400-000 C.P.150 Telefones: 4828-2066 Fax: 4828-5513

Leia mais

MICROFINANÇAS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

MICROFINANÇAS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil MICROFINANÇAS Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

Leia mais

Tabela de Conversão MODALIDADE ATIVIDADE CARGA HORÁRIA COMPROVAÇÃO

Tabela de Conversão MODALIDADE ATIVIDADE CARGA HORÁRIA COMPROVAÇÃO Tabela de Conversão MODALIDADE ATIVIDADE COMPROVAÇÃO Atividades de Monitoria em disciplinas pertencentes ao currículo dos Cursos desta IES No máximo de 50% das horas dedicadas por disciplina no semestre

Leia mais

PLANO DE COMUNICAÇÃO Organização Nacional de Defesa Animal

PLANO DE COMUNICAÇÃO Organização Nacional de Defesa Animal PLANO DE COMUNICAÇÃO Organização Nacional de Defesa Animal Ana Cristina Almeida Isis Refosco Samael Bredow Tiago Zaniratti Apresentação A ONDA luta pelos direitos animais desde 2002, quando ela surgiu

Leia mais

Mídia Kit Jornal Correio

Mídia Kit Jornal Correio Mídia Kit Jornal Correio Com mais de 77 anos de tradição, o Jornal Correio faz parte da história de Uberlândia e não para de evoluir. De olho no que acontece no país e no mundo, é um jornal moderno, completo

Leia mais

OIT DESENVOLVIMENTO DE EMPRESA SOCIAL: UMA LISTA DE FERRAMENTAS E RECURSOS

OIT DESENVOLVIMENTO DE EMPRESA SOCIAL: UMA LISTA DE FERRAMENTAS E RECURSOS OIT DESENVOLVIMENTO DE EMPRESA SOCIAL: UMA LISTA DE FERRAMENTAS E RECURSOS FERRAMENTA A QUEM É DESTINADA? O QUE É O QUE FAZ OBJETIVOS Guia de finanças para as empresas sociais na África do Sul Guia Jurídico

Leia mais

www.valoronline.com.br Apresentação institucional Valor Online

www.valoronline.com.br Apresentação institucional Valor Online Apresentação institucional Valor Online Outubro/2010 Valor Online: o melhor da economia e dos negócios a apenas um clique Valor Online é a mais completa cobertura de economia, negócios e finanças da internet.

Leia mais

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis!

Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Page 1 of 5 Home Notćias Esportes Entretenimento V deos Todososites RSS Mobile Favoritos Twitter Assine PEGN e receba até 4 meses grátis! Abril de 2010 Ampliar capa HOME Agenda Calendário Fiscal Colunistas

Leia mais

Nori Lermen Quer Revolução no ATM

Nori Lermen Quer Revolução no ATM Nori Lermen Quer Revolução no ATM Em entrevista exclusiva à Relatório Bancário, o novo presidente da ATP, Nori Lermen, revelou as intenções da empresa brasiliense em ir além do fornecimento de serviços

Leia mais

Atuação das Instituições GTP- APL. Sebrae. Brasília, 04 de dezembro de 2013

Atuação das Instituições GTP- APL. Sebrae. Brasília, 04 de dezembro de 2013 Atuação das Instituições GTP- APL Sebrae Brasília, 04 de dezembro de 2013 Unidade Central 27 Unidades Estaduais 613 Pontos de Atendimento 6.554 Empregados 9.864 Consultores credenciados 2.000 Parcerias

Leia mais

Nova ética emergindo de crises mudança no sistema de emprego exclusão/marginalização social aumento das demandas sociais concentração de poder e

Nova ética emergindo de crises mudança no sistema de emprego exclusão/marginalização social aumento das demandas sociais concentração de poder e PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - PNEF A EDUCAÇÃO FISCAL COMO EXERCÍCIO DE CIDADANIA CONTEXTO Nova ética emergindo de crises mudança no sistema de emprego exclusão/marginalização social aumento das

Leia mais

MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO

MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO Apresentação O Projeto Papa-Óleo é uma iniciativa da ABRASEL, em parceria com o Ministério do Turismo e o SEBRAE, que visa a estimular a preservação do meio ambiente,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS

TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DE AGÊNCIA DE EVENTOS 1. Objeto: 1.1.1. Contratação de empresa para prestação, sob demanda, de serviços de planejamento, organização, coordenação, execução, fiscalização e avaliação de eventos com a viabilização de infra-estrutura

Leia mais

Formação Financeira para Inclusão Financeira

Formação Financeira para Inclusão Financeira Formação Financeira para Inclusão Financeira Elvira Cruvinel Ferreira Chefe do Departamento de Educação Financeira 11 de Julho de 2013 Agenda Banco Central: missão e estrutura Inclusão Financeira e a importância

Leia mais

APRESENTAÇÃO COMERCIAL PALESTRANTE. Ricardo Melo. Coaching e Trainer

APRESENTAÇÃO COMERCIAL PALESTRANTE. Ricardo Melo. Coaching e Trainer APRESENTAÇÃO COMERCIAL PALESTRANTE Ricardo Melo Coaching e Trainer Ricardo Melo Ricardo Melo é consultor com ampla experiência em guiar empresas e pessoas Considerado a conquista por muitos de seus como

Leia mais

ONG ALTO ASTRAL REEDUCAÇÃO AMBIENTAL PROJETO ECOMÓVEL

ONG ALTO ASTRAL REEDUCAÇÃO AMBIENTAL PROJETO ECOMÓVEL A ONG ALTO ASTRAL 1. Nome do projeto de responsabilidade social. A Astral Saúde Ambiental, maior empresa de controle de pragas urbanas da América Latina, líder no mercado nacional com mais de 5.500 contratos

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 13ª Reunião Ordinária da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Feijão 24 de fevereiro de 2010 Alexandre Seabra Resende

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 13ª Reunião Ordinária da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Feijão 24 de fevereiro de 2010 Alexandre Seabra Resende APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 13ª Reunião Ordinária da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Feijão 24 de fevereiro de 2010 Alexandre Seabra Resende Agenda Missão Linhas de Atuação Áreas Produtos Importância

Leia mais

PLANO DE AÇÃO DO MOVIMENTO PELA CONCILIAÇÃO DE 2009

PLANO DE AÇÃO DO MOVIMENTO PELA CONCILIAÇÃO DE 2009 MOVIMENTO NACIONAL PELA CONCILIAÇÃO PLANO DE AÇÃO DO MOVIMENTO PELA CONCILIAÇÃO DE 2009 Conciliar é legal Janeiro de 2009 ÓRGÃO REALIZADOR Tribunal de Justiça do Estado de Goiás GESTOR Tribunal de Justiça

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUÍNTES EM 2014/1

ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUÍNTES EM 2014/1 CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL Publicidade e Propaganda Rádio e Televisão Relações Públicas ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUÍNTES EM 2014/1 DEFINIÇÃO

Leia mais

ASN Agência Sebrae de Notícias

ASN Agência Sebrae de Notícias ASN Agência Sebrae de Notícias ABDE 12º Seminário Nacional de Comunicação Social e Marketing para Instituições Financeiras de Desenvolvimento Denise Chaves Chefe de Imprensa e Comunicação Interna Sebrae

Leia mais

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo

Leia mais

UNIFIEO INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

UNIFIEO INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 UNIFIEO INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES OSASCO 2011 Versão 12/2011 2 Normalização de Atividades Acadêmico-Científico-Culturais (Atividades Complementares) As orientações que se

Leia mais

XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015

XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015 XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015 Modelo 2: resumo expandido de relato de experiência Resumo expandido O Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de São

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Novembro de 2013 Conrerp 4ª Região Mandato 2013-2016 Este documento visa direcionar as ações do Conselho Regional de Profissionais de Relações Públicas da 4ª Região, para o mandato

Leia mais

Plano de Negócio em Instituições Financeiras. Abelardo Duarte de Melo Sobrinho Departamento de Organização do Sistema Financeiro - Deorf Consultor

Plano de Negócio em Instituições Financeiras. Abelardo Duarte de Melo Sobrinho Departamento de Organização do Sistema Financeiro - Deorf Consultor Plano de Negócio em Instituições Financeiras Abelardo Duarte de Melo Sobrinho Departamento de Organização do Sistema Financeiro - Deorf Consultor Alexandre Tombini DIFIS DINOR DINOR DENOR DESUC A Amaro

Leia mais

Planejamento Estratégico de Comunicação Interna Comunica Pirelli A Pirelli mais perto de você Versão resumida

Planejamento Estratégico de Comunicação Interna Comunica Pirelli A Pirelli mais perto de você Versão resumida Planejamento Estratégico de Comunicação Interna Comunica Pirelli A Pirelli mais perto de você Versão resumida Análise do contexto da organização A Pirelli é a quinta maior empresa do mundo no mercado de

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia PASSO A PASSO PARA ATIVIDADES PRÁTICAS COMPLEMENTARES São atividades obrigatórias

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUINTES EM 2015/1

ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUINTES EM 2015/1 CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL Publicidade e Propaganda Rádio e Televisão Relações Públicas ATIVIDADES COMPLEMENTARES: REGULAMENTO CONCLUINTES EM 2015/1 DEFINIÇÃO

Leia mais

VALIDAÇÃO DO PRÊMIO CEARÁ DE CIDADANIA ELETRÔNICA 2013

VALIDAÇÃO DO PRÊMIO CEARÁ DE CIDADANIA ELETRÔNICA 2013 VALIDAÇÃO DO PRÊMIO CEARÁ DE CIDADANIA ELETRÔNICA 2013 ABRIL/2013 PROGRAMAÇÃO 1. OBJETIVO, OBJETO E PÚBLICO ALVO 2. CARACTERÍSTICAS 3. CATEGORIAS E COMISSÕES 4. CRITÉRIOS 5. FASES 6. FORMULÁRIO 7. VENCEDORES

Leia mais

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Natal, 03 de Outubro de 2015

Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis. Natal, 03 de Outubro de 2015 Ação do BNB no Crédito para Energias Renováveis Natal, 03 de Outubro de 2015 Área Básica de Atuação Missão Atuar na promoção do desenvolvimento regional sustentável como banco público competitivo e rentável.

Leia mais

Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil.

Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil. Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil. RADIOBRÁS Empresa Brasileira de Comunicação S. A. Diretoria de Gestão de Pessoas e Administração

Leia mais

Curso de aperfeiçoamento 'Atualização do Sistema Financeiro: temas do mercado financeiro e do mercado de capitais Inclusão bancária: desafios

Curso de aperfeiçoamento 'Atualização do Sistema Financeiro: temas do mercado financeiro e do mercado de capitais Inclusão bancária: desafios 17 de agosto de 2011 São Paulo - SP Curso de aperfeiçoamento 'Atualização do Sistema Financeiro: temas do mercado financeiro e do mercado de capitais Inclusão bancária: desafios Banco Central Missão Assegurar

Leia mais

Banco do Nordeste. Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem

Banco do Nordeste. Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem Banco do Nordeste Ações de Apoio aos Produtores Rurais afetados pela Estiagem BRASILIA DF 07 Maio 2013 Quem somos Criado em 1952, Banco Múltiplo com 60 anos de atuação para o desenvolvimento da região

Leia mais

1. Quem é a ASFAC. 2. Actividades desenvolvidas. 3. Programa de responsabilidade social. 4. Educação Financeira. 5. O Concurso

1. Quem é a ASFAC. 2. Actividades desenvolvidas. 3. Programa de responsabilidade social. 4. Educação Financeira. 5. O Concurso Briefing aos participantes 13 Outubro 1. Quem é a ASFAC 2. Actividades desenvolvidas 3. Programa de responsabilidade social 5. O Concurso 1. Quem é a ASFAC A ASFAC Associação de Instituições de Crédito

Leia mais

CAMPANHA IDENTIFIQUE O SEU ANIMAL 1

CAMPANHA IDENTIFIQUE O SEU ANIMAL 1 CAMPANHA IDENTIFIQUE O SEU ANIMAL 1 Francisco Elvis Alves ROCHA 2 Antônio Hyago de Sousa ALVES 3 Talita Garcez GUIMARÃES 4 Faculdades Nordestes, Fortaleza, Ce RESUMO A campanha institucional digital é

Leia mais

+ BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES

+ BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES + BENEFÍCIOS PARA SUA ENTIDADE CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES CDL CARTÕES +FACILIDADE Com o objetivo de oferecer soluções para facilitar a vida dos associados e seus funcionários, a FCDL-MG se uniu à Valle Express,

Leia mais

O ATENDIMENTO À IMPRENSA. Assessoria de Imprensa voltada à divulgação de ciência Unicamp, 28/04/2014

O ATENDIMENTO À IMPRENSA. Assessoria de Imprensa voltada à divulgação de ciência Unicamp, 28/04/2014 O ATENDIMENTO À IMPRENSA Assessoria de Imprensa voltada à divulgação de ciência Unicamp, 28/04/2014 Apresentação Relação cientistas x jornalistas Por que é importante atender à imprensa? Conhecer os canais

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 3.485, DE 2012 (Do Sr. Marco Tebaldi)

PROJETO DE LEI N.º 3.485, DE 2012 (Do Sr. Marco Tebaldi) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 3.485, DE 2012 (Do Sr. Marco Tebaldi) Dispõe sobre a instalação do sistema de segurança de portas giratórias com detector de metais nas casas lotéricas e agências

Leia mais

Sustentabilidade e formação de lideranças

Sustentabilidade e formação de lideranças Sustentabilidade e formação de lideranças ForGRAD Fórum de Pró-Reitores de Graduação das Universidades Brasileiras Foz do Iguaçu, 24 de novembro de 2011 O MUNDO MUDOU... A sociedade se organiza em redes,

Leia mais

COMUNICAÇÃO E O PLANO DE ÁGUAS DO BRASIL

COMUNICAÇÃO E O PLANO DE ÁGUAS DO BRASIL COMUNICAÇÃO E O PLANO DE ÁGUAS DO BRASIL Seminário Água, Comunicação e Sociedade Brasília 6 de dezembro de 2007 O Plano Nacional de Recursos Hídricos (Plano de Águas do Brasil) Instrumento da Política

Leia mais

6º Congresso de Meios Eletrônicos de Pagamento (CMEP) Relações com o Consumidor: O que já foi feito e o que precisa ser feito

6º Congresso de Meios Eletrônicos de Pagamento (CMEP) Relações com o Consumidor: O que já foi feito e o que precisa ser feito 6º Congresso de Meios Eletrônicos de Pagamento (CMEP) Relações com o Consumidor: O que já foi feito e o que precisa ser feito São Paulo, 30.9.2011 Anselmo Pereira Araujo Netto Departamento de Normas do

Leia mais

IDÉIAS EM CONSTRUÇÃO DOCUMENTOS PARA ESTUDO 03-03

IDÉIAS EM CONSTRUÇÃO DOCUMENTOS PARA ESTUDO 03-03 1 IDÉIAS EM CONSTRUÇÃO DOCUMENTOS PARA ESTUDO 03-03 O PAPEL DO FUNDO ROTATIVO NA FORMAÇÃO DE UMA NOVA CULTURA DE CRÉDITO Introdução Obedecendo a mesma dinâmica dos dois números anteriores, esse texto trata

Leia mais