GUIA ACADÊMICO ADMINISTRAÇÃO COM LINHA DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM: Marketing Análise de Sistemas Comércio Exterior CIÊNCIAS CONTÁBEIS DIREITO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GUIA ACADÊMICO 2015. ADMINISTRAÇÃO COM LINHA DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM: Marketing Análise de Sistemas Comércio Exterior CIÊNCIAS CONTÁBEIS DIREITO"

Transcrição

1

2

3 GUIA ACADÊMICO 2015 ADMINISTRAÇÃO COM LINHA DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM: Marketing Análise de Sistemas Comércio Exterior CIÊNCIAS CONTÁBEIS DIREITO JORNALISMO PUBLICIDADE E PROPAGANDA

4 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ - CESPAR INSTITUIÇÃO MANTENEDORA DA FACULDADE MARINGÁ DIRETORIA - CESPAR Diretor Presidente PROF. AMAURY ANTONIO MELLER Diretora Vice-Presidente PROFª. ELZA KORNEICZUK MELLER Diretor Financeiro PEDRO ALEXANDRE ROSSI FACULDADE MARINGÁ Diretor Geral PROF. APARECIDO DOMINGOS ERRERIAS LOPES Diretora Acadêmica PROFª. ELZA KORNEICZUK MELLER Diretor de Ensino PROF. CÉLIO RANIERO COORDENADORES DE CURSO Administração PROF. Dr. GIANCARLO LUCCA Ciências Contábeis PROF. Dr. GIANCARLO LUCCA Direito PROF. Me. APARECIDO DOMINGOS ERRERIAS LOPES Jornalismo PROF. ANDERSON ALVES DA ROCHA Publicidade e Propaganda PROF. ANDERSON ALVES DA ROCHA Secretária IARA MARIA SILVA DOMINGUES GOMES

5 COORDENADORES(AS) DE ÁREA Núcleo Jurídico PROF. Me. JOSÉ CARLOS CHRISTIANO FILHO Maringá Consultoria Junior PROFª. Me. ELIZABETE CAMILO Trabalho de Conclusão de Curso de Direito PROFª. Me. DÉBORA GOELDNER PEREIRA OLIVEIRA Trabalho de Conclusão de Curso de Jornalismo PROF. Esp. RONALDO NEZO PUBLICAÇÕES Revista Maringá Management PROFª. Me. PATRÍCIA RODRIGUES DA SILVA Revista Actio Jurídica PROFª. Me. LUCIANE PUSSI Jornal - Informação PROF. ANDERSON ALVES DA ROCHA OUVIDORIA PROF. Me. ARLINDO FRANCO DE GODOI FINANCEIRO - FIES E PROUNI Crédito Educativo LUCIR MARCOS SZEKUT TECNOLOGIA E INFORMAÇÃO RAFAEL CALDINI RANIERO BIBLIOTECÁRIA DEISE APARECIDA DE OLIVEIRA

6 PREZADO(A) ACADÊMICO(A), Este manual foi elaborado seguindo as normas regimentais da Faculdade Maringá, das Leis e dos Pareceres do Conselho Nacional de Educação. Sua finalidade é transmitir uma série de informações à comunidade acadêmica, com o objetivo de proporcionar a todos um melhor aproveitamento e entrosamento entre a Administração, Corpo Docente, Discente e Funcionários da Faculdade Maringá. Lembre-se de que você é parte da Família Faculdade Maringá. Nosso intuito através deste manual é ajudá-lo em sua vida acadêmica e juntos realizarmos seu sonho, o de conquistar um Nível Superior de Ensino. Com desejo de muita paz e muito entusiasmo. Profª. Elza Korneiczuk Meller Diretora Acadêmica

7 MISSÃO DA INSTITUIÇÃO Promover através da Educação Superior, excelência na formação integral do cidadão, capaz de realizar exercício crítico e com competência profissional, liberdade, igualdade e fraternidade. VISÃO Estar entre as melhores Instituições de Ensino Superior, proporcionando o crescimento social, ético e moral. Visa a formação de profissionais aptos a trabalhar em prol da comunidade, através da transferência de tecnologia e de competências. VALORES INSTITUCIONAIS Humanismo; Ética nas relações; Transparência em todos os campos de atuação; Solidariedade com responsabilidade.

8 SUMÁRIO DADOS DA MANTENEDORA...08 CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO...08 Atuação do Administrador...09 Organização do Curso de Administração...11 Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas...11 Linha de Formação Específica em Comércio Exterior...11 Linha de Formação Específica em Marketing...12 Estágio Supervisionado e Trabalho de Curso TC (Monografia)...13 Maringá Consultoria Junior...14 Currículo do Curso de Administração - anos anteriores...16 Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas...18 Linha de Formação Específica em Comércio exterior...19 Linha de Formação Específica em Marketing...20 Currículo do Curso de Administração a partir de Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas...23 Linha de Formação Específica em Comércio Exterior...24 Linha de Formação Específica em Marketing...25 Currículo do Curso de Administração a partir de ORGANIZAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS...29 Currículo do Curso de Ciências Contábeis Implantado partir de ORGANIZAÇÃO DO CURSO DE JORNALISMO...33 Estágio...33 Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) - Jornalismo...34 Currículo do Curso de Jornalismo Implantado a partir de ORGANIZAÇÃO DO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA... Currículo do Curso de Publicidade e Propaganda Implantado a partir de ORGANIZAÇÃO DO CURSO DE DIREITO...47 Currículo do Curso de Direito/ Currículo do Curso de Direito Implantado a partir de Currículo do Curso de direito - Currículo implantado em Estágios...57 Estágio Curricular...57 Estágio Não Obrigatório...59 Trabalho de Conclusão de Curso - TCC (Monografia)...61 ATIVIDADES CURRICULARES...62 ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES...62 MONITORIA...62 Regulamento...62 PROJETOS DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO...67 Pesquisa...67 Projetos de Ensino...67 Projetos de Extensão...67 CURSOS E/OU EVENTOS DE EXTENSÃO...67 FORMATURAS...68 ATIVIDADES DESPORTIVAS...68 LABORATÓRIOS...69 Tecnologia e Informação...69 Laboratórios de Informática...69 Laboratórios do Curso de Direito...69 Laboratório do Curso de Jornalismo

9 Laboratório de Recursos Audiovisuais...71 DIVISÃO DE ESPORTE...71 PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO...71 DA MATRÍCULA (CÓPIA DO REGIMENTO UNIFICADO)...71 SISTEMA DE AVALIAÇÃO...74 Regulamento Segunda Chamada...77 Resolução para Oferta de Disciplina em Calendário Especial...77 RETIFICAÇÕES DE REGISTRO DE RENDIMENTO ESCOLAR...79 DEPENDÊNCIA...79 APROVEITAMENTO DE ESTUDOS...79 EMISSÃO DE DOCUMENTOS...79 LICENÇAS MÉDICAS... TRANSFERÊNCIA...81 Transferência Expedidas para outra Instituição...81 Transferência Recebidas para a Faculdade Maringá...81 Transferência entre Cursos da Faculdade Maringá...81 MATRÍCULA...82 Trancamento de Matrícula...82 Cancelamento de Matrícula...82 Abandono do Curso...83 Recusa da Matrícula...83 BOLSA DE ESTUDO...83 REPROGRAFIA...83 EVENTOS...84 Principais Eventos da Faculdade Maringá...84 Dia do Egresso...84 Formatura da Faculdade Maringá...84 Representantes de Turmas...85 DIPLOMA...85 TV COMUNITÁRIA-CANAL 15-TV CABO-NET MARINGÁ...86 UTILIZAÇÃO DOS LABORATÓRIOS E BIBLIOTECA...86 BIBLIOTECA...86 PUBLICAÇÕES DA FACULDADE MARINGÁ...90 Maringá Management - Revista de Ciências Empresariais...90 ACTIO - Revista de Estudos Jurídicos...90 Jornal - Informação...91 Jornal - Faculdade Maringá em Pauta...91 SECRETARIA...92 Prazos para Requerimento...92 CONTATOS - FACULDADE MARINGÁ...93 CALENDÁRIO ANUAL/ CURSO DE DIREITO...95 CALENDÁRIO SEMESTRAL/ CURSOS ADMINISTRAÇÃO/JORNALISMO CIÊNCIAS CONTÁBEIS E PUBLICIDADE E PROPAGANDA...97 EMOLUMENTOS...99 REGISTRO ACADÊMICO - R. A

10 1 DADOS DA MANTENEDORA O Centro de Ensino Superior do Paraná CESPAR, fundado em 23 de abril de 1996, é uma associação civil sem fins lucrativos destinada à manutenção de estabelecimento de ensino superior, regida pelas disposições legais que lhe são aplicáveis e pelo seu estatuto. O CESPAR tem como fins: Manter cursos superiores; Promover e divulgar o ensino em todos os ciclos, visando ao progresso cultural e social. A Instituição mantida pelo CESPAR consta no Regimento Unificado. Este se encontra à disposição do Acadêmico(a) na Secretaria, na Biblioteca e no Site da Faculdade Maringá. A Faculdade Maringá tem a seguinte estrutura organizacional: Conselho Superior de Administração (CSA); Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE); Diretorias: 1 Geral 2 Acadêmica 3 Administrativa Coordenadorias de Cursos de Graduação; Colegiados de Cursos. 2 CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO Autorizado a funcionar pela Portaria Ministerial nº 91, de 12//1998, publicada no Diário Oficial da União em 16//1998 e Reconhecido pela Portaria Ministerial de nº 153, de de abril de 2013, publicada no Diário Oficial da União em 03 de abril de O Curso de Bacharelado em Administração, da Faculdade Maringá, apresenta-se com linhas de formação específica em: Marketing, Análise de Sistemas e Comércio Exterior, até o ano de A partir de 2015 de acordo com as novas diretrizes do MEC o curso passou a ser um curso de Administração Geral. 08

11 O objetivo do curso é formar administradores capazes de planejar, organizar, dirigir e controlar organizações, sejam públicas ou privadas; de pequeno, médio ou grande porte; atuantes no segmento industrial, comercial ou de serviços; situadas no Brasil ou no exterior; com ou sem fins lucrativos. Além de toda capacitação técnica necessária para que o profissional de administração possa gerir de forma eficaz e eficiente os processos organizacionais. Busca-se aqui formar cidadãos, empreendedores, executivos, consultores e pesquisadores conscientes do seu papel ético, social e ambiental. Em suas bases técnicas o curso de administração, oferece uma formação profunda no processo de gestão econômica e financeira das organizações, entendendo que uma boa administração desta área pode oferecer subsídios para a sobrevivência e competitividade dos empreendimentos. Também oferece uma formação intensa na gestão mercadológica, para garantir ao profissional formado pela Faculdade Maringá, uma bagagem em ferramentas de diagnósticos de mercados e desenvolvimento de estratégias competitivas. Entende-se que o pleno atendimento das necessidades e expectativas do mercado é prerrogativa para o bom desempenho econômico e financeiro. Outro aspecto importante da formação profissional em administração é a gestão de operações que possa garantir a qualidade, produtividade, confiabilidade, flexibilidade, rapidez e otimização de custos operacionais. A excelência na gestão operacional pode favorecer a boa gestão mercadológica, que por sua vez direciona uma boa gestão financeira. Como elemento estrutural indispensável à formação profissional, têm-se aqui o enfoque profundo na gestão de pessoas, visando o desenvolvimento de grandes estrategistas capazes de liderar equipes, gerir competências, promover motivação e garantir a saúde, higiene e segurança no trabalho. Além disso, profissionais aptos a criar o clima organizacional necessário ao bom desemprenho do trabalho, obterão como recompensa a efetividade dos processos, a satisfação do mercado e a tão sonhada sustentabilidade financeira. Todos estes aspectos técnicos somados a formação complementar das áreas sociais, humanas, exatas e tecnológicas são o produto do processo educacional vislumbrado pelo curso de Bacharelado em Administração da Faculdade Maringá. 2.1 Atuação do Administrador Atividades Típicas do Administrador: (Arts. 2º da Lei nº 4.769/65 e 3º do regulamento aprovado pelo decreto nº /67). 09

12 Campos de Atuação Administração de Material/Logística; Administração de Pessoas; Administração de Produção; Administração de Tecnologia da Informação; Administração Financeira; Administração Mercadológica/Marketing; Campos considerados como Desdobramentos ou Conexos; Gestão em Comércio Exterior; Gestão Empresarial; Orçamento; Organização e Métodos/Análise de Sistemas; Relações Industriais/Benefícios/Segurança do Trabalho. O(A) Administrador(a) exercerá a profissão como profissional liberal ou não, mediante: Elaboração de pareceres, relatórios, planos, projetos, laudos; Realização de perícias, arbitragens, assessoria e consultoria em geral, pesquisas, estudos, análises, interpretações, planejamento, implantação, coordenação e controle de trabalhos; Exercício de funções e cargos de administrador do serviço público federal, estadual, municipal, autárquico, sociedades de economia mista, empresas estatais, paraestatais e privadas, em que fique expresso e declarado o título do cargo abrangido; Exercício de funções de chefia ou direção, intermediária ou superior assessoramento e consultoria em órgãos, ou seus compartimentos, da Administração pública ou de entidades privadas, cujas atribuições envolvam principalmente, a aplicação de conhecimentos inerentes à técnicas de administração; Magistério em matérias técnicas dos campos da administração e organização. Fonte: 10

13 2.2 Organização do Curso de Administração Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas A Tecnologia da Informação é um dos fatores fundamentais para a sobrevivência de qualquer organização. Assim, o curso visa preparar profissionais administradores com conhecimento em tecnologia da informação, capazes de entender, planejar, organizar, analisar e desenvolver sistemas e soluções computacionais na gestão organizacional. Sua atuação no mercado de trabalho é flexível, podendo atuar em todo tipo de organização, seja ela estatal, privada com ou sem fins lucrativos, industrial, comercial ou de prestação de serviços, valendo sempre seu papel de empreendedor. Ainda deve ser capaz de analisar a situação encontrada e tornála possível de ser executada através da tecnologia da informação e ser capaz de ouvir o usuário e dar-lhe a solução almejada, tornando para este o trabalho mais fácil e preciso a ser executado. Estágios: serão cumpridos nas áreas de administração, gerência, finanças, recursos humanos, produção, comércio de importação e exportação e sistemas de informação, dentre outras Linha de Formação Específica em Comércio Exterior O Estado do Paraná e mais especificamente a cidade de Maringá é uma das portas para o Comércio Internacional e está estrategicamente localizada, fazendo com que muitas empresas da área de exportação e importação aqui se instalem. Assim, o curso de Administração, com Linha de Formação Especifica em Comércio Exterior tem como objetivo preparar profissionais administradores com conhecimento nesta área de comércio internacional, com visão de internacionalização de empresas e seus produtos e serviços. Visando o planejamento, desenvolvimento, criação, organização, direção, gerenciamento, assessoria e coordenação de organizações que tenham ações voltadas à prestação de serviços em comércio exterior, como: indústrias, empresas de importação e/ou exportação e câmbio. Além disso, este 11

14 profissional avaliará as oportunidades no mercado internacional e terá seu estudo voltado para os aspectos mercadológicos, culturais, sociais, fiscais e alfandegários de cada país. A área de Comércio Exterior objetiva formar profissionais com perfil para atuar na área de Gestão de Comércio Exterior, que requer conhecimentos técnicos e habilidades para desenvolver suas atividades no comércio internacional, diante da globalização dos mercados, sendo capacitados a analisar conscientemente os mercados internacionais e elaborar estratégias de negócios. Um profissional consciente, empreendedor, flexível e que busque aprimoramento contínuo de suas potencialidades. Estágios: serão cumpridos nas áreas de administração, gerência, finanças, recursos humanos, produção, comércio de importação e exportação e sistemas de informação, dentre outras Linha de Formação Específica em Marketing O curso prepara o acadêmico para dominar as operações táticas e estratégicas de Administração Mercadológica em um ambiente em constante mudança e atualizado com as mais modernas práticas internacionais. A linha de formação específica em Marketing propiciará aos acadêmicos uma formação teórico-prática sobre os elementos relevantes que fazem parte do marketing, numa perspectiva atual. O acadêmico será capaz de interpretar e operacionalizar estratégias de marketing, tendo como base os cenários e as tendências futuras de mercado e ainda elaborar planos de marketing, integrando o ambiente externo (mercado) com o interno (organização), visando desenvolvimento de negócios rentáveis e inovadores. Estágios: os estágios serão cumpridos nas áreas de administração, finanças, recursos humanos, produção, gerência, publicidade e propaganda, mercado internacional dentre outros. 12

15 2.2.4 Estágio Supervisionado e Trabalho de Curso TC (Monografia) O estágio supervisionado do Curso de Administração caracteriza-se como atividade curricular obrigatória, supervisionada pela Coordenação de Estágios e orientada pelos professores e, que avalia as atividades realizadas, objetivando à integração teórico-prática dos conhecimentos da área de administração aplicados à realidade cotidiana. Trata-se da realização de uma experiência sistemática com aprofundamento em temáticas administrativas. O Estágio Supervisionado desenvolve-se através da realização de estudo consistente (monografia), profissionalizante e prático. Para a efetivação do estágio supervisionado o acadêmico elabora o projeto em área específica da Administração e/ou suas linhas de formação específicas e executa-o, realizando todo o processo de acompanhamento e avaliação. A aplicabilidade do projeto fundamenta a constituição do Trabalho de Curso TC (monografia). O relatório do Estágio é caracterizado pela aplicabilidade e demonstração dos resultados oriundos da pesquisa realizada pelo acadêmico em um capítulo específico da Monografia. Como componente da estrutura curricular, o estágio supervisionado segue regulamentação própria sendo desenvolvido preferencialmente nos últimos semestres do curso (7º e 8º), objetivando o aprimoramento da prática profissional, ou seja, possibilita que no período de vivência da atividade o discente conviva com situações de integração das ações no processo de formação profissional. O Estágio Supervisionado disponibiliza ao acadêmico uma aproximação da realidade cotidiana, o campo profissional onde ocorrem situações reais de vida e de trabalho, com a presença das múltiplas variáveis específicas da área profissional. Isso favorece o desenvolvimento de aspectos técnicos, sociais e humanos da profissão. Os aspectos técnicos referem-se às áreas de atuação profissional incluindo planejamento; tomada de decisão; visão holística de negócio; capacidade de convivência com o poder e o risco; visão empreendedora; a comunicação pessoal; capacidade de negociação e adaptação a novas situações no contexto social. 13

16 Pelo Regulamento, o(a) acadêmico(a) do 7º semestre cadastra-se (online), escolhe o seu orientador e elabora o projeto de pesquisa. O desenvolvimento do estágio supervisionado está entre as atividades finais de conclusão do curso. No 8º semestre o(a) acadêmico(a) desenvolve, sob a orientação do professor de TC e do(a) Professor(a) Orientador(a) a monografia, que deverá ser entregue na forma regulamentar, sob pena de sanção em caso de descumprimento do prazo. O trabalho monográfico é apresentado perante uma banca examinadora, constituída de 3 (três) integrantes sendo presidida pelo Orientador. A sessão de defesa é agendada após autorização do Orientador em data e hora publicadas em Edital. Considera-se aprovado o acadêmico que, após as arguições da banca, sobre o trabalho, obtiver a média final mínima de 7.0 (sete). Devendo entregar a versão definitiva ao acervo da biblioteca da Faculdade. A elaboração da monografia é um dos componentes obrigatórios para a obtenção do Título de Bacharel em Administração, apresentada à banca examinadora devidamente constituída e designada pela Coordenação de Estágio. O Regulamento do Estágio Supervisionado e Trabalho de Curso TC (Monografia) estará disponível no site da Faculdade, na área restrita ao acadêmico. Quanto aos aspectos sociais, estes estão relacionados ao equilíbrio das atitudes do acadêmico frente às questões sociais no âmbito profissional, seu respeito pelo desenvolvimento da qualidade de vida, pela livre iniciativa e livre empresa, propagando o desenvolvimento da sociedade e das organizações, expressando-se de forma prática. O aspecto humanista profissional é exigido através da sua conduta e relacionamento interpessoal no contexto social que se insere; a criatividade; iniciativa; liderança; e motivação. 2.3 Maringá Consultoria Júnior FINALIDADE A Consultoria Júnior do Curso de Administração da Faculdade Maringá, denominada Maringá Consultoria Júnior, é uma associação civil sem fins lucrativos, constituída por professores e acadêmicos da Faculdade Maringá que tem o objetivo de prestar serviços e desenvolver projetos para empresas, entidades e a sociedade em geral, nas suas áreas de atuação sob a supervisão de professores e profissionais especializados. 14

17 Para a realização de seus serviços a Maringá Consultoria Júnior deverá contar com o auxílio dos professores da Faculdade Maringá, que devem colaborar tanto na fase de treinamento dos universitários como na fase de consultoria, nesta última, auxiliando como professores-orientadores. OBJETIVOS Proporcionar ao estudante a aplicação de conhecimentos teóricos na prática, relativos às áreas de formação profissional específicas; Desenvolver o espírito crítico, analítico e empreendedor dos acadêmicos; Intensificar o relacionamento Empresa/Escola; Facilitar o ingresso dos futuros profissionais no mercado de trabalho colocando-os em contato direto com seus empregadores; Contribuir com a sociedade prestando serviços, oferecendo ao micro, pequeno e médio empresário um trabalho de qualidade; Valorizar a instituição de ensino junto ao mercado de trabalho. ÁREAS DE ATUAÇÃO A Maringá Consultoria Júnior desenvolve projetos nas áreas de gestão empresarial, planos de negócios, marketing, recursos humanos, desenvolvimento social e comércio exterior entre outras. Gestão Empresarial; Plano de Negócio; Marketing; Recursos Humanos; Desenvolvimento Social; Comércio Exterior. PARA PARTICIPAR Os acadêmicos interessados podem tornar-se associados, basta procurar os membros da diretoria da Maringá Consultoria Junior e solicitar formulário para filiação. 15

18 2.4 Currículo do Curso de Administração - Anos Anteriores Vagas anuais: 375 vagas anuais. Regime de matrícula: seriado semestral. Turno: noturno Duração e tempo para integralização: h/aula e 300 horas de Estágio Supervisionado que deverão ser cursadas em, no mínimo, oito semestres e no máximo, doze semestres 1º SEMESTRE Teoria Geral de Administração I Economia I Inovações Tecnológicas Matemática Aplicada à Administração Métodos e Técnica de Pesquisa Sociologia Aplicada à Administração Sub-Total 2º SEMESTRE Teoria Geral de Administração II Antropologia Economia II Filosofia GATI I - Gestão de Atividades Interdisciplinares Matemática Financeira Psicologia Aplicada à Administração Sub-Total 16 Semestral 0 Semestral 0

19 3º SEMESTRE Administração Ambiental Marketing I Organização, Sistemas e Métodos Contabilidade Geral Direito I Estatística Sub-total 4º SEMESTRE Finanças I Marketing II Planejamento Estratégico Recursos Humanos I Contabilidade Social Direito II GATI II - Gestão de Atividades Interdisciplinares Sub-Total 5º SEMESTRE Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais Finanças II Pesquisa de Mercado Recursos Humanos II Sistemas de Informação Técnicas de Negociação Sub-Total Semestral 0 Semestral 0 Semestral 0 17

20 2.4.1 Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas 6º SEMESTRE Administração de Produção Análise de Sistemas e Engenharia de Software I Estrutura de Dados e Organização de Arquivos Lógica de Programação Pesquisa Operacional I Sistemas Operacionais Pró-idéia Sub-Total 7º SEMESTRE Administração de Banco de Dados Administração e Controle de Procedimentos Automatizados Análise de Sistemas e Engenharia de Software II Linguagem de Programação Pesquisa Operacional II Redes de Computadores Sub-Total Semestral 0 Semestral 0 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC Trabalho de Curso Total da carga horária Estágio Supervisionado Atividades extra-curriculares TOTAL GERAL DO CURSO Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 18

21 2.4.2 Linha de Formação Específica em Comércio Exterior 6º SEMESTRE Administração de Produção Comércio Internacional Economia Internacional Marketing Internacional Teoria e Prática Cambial Tópicos Especiais em Comércio Exterior Transporte e Seguros Pesquisa Operacional I Pró-Idéia Sub-Total 7º SEMESTRE Direito Internacional Finanças Internacionais Legislação Aduaneira Logística Internacional Normas Técnicas em Comércio Exterior Pesquisa Operacional II Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC - Trabalho de Curso Total da carga horária Atividades extra-curriculares Estágio Supervisionado TOTAL GERAL DO CURSO Semestral 0 Semestral 0 Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 19

22 2.4.3 Linha de Formação Específica em Marketing 6º SEMESTRE Administração de Produção Marketing e Serviços Marketing Direto e Web Marketing Desenvolvimento e Gerência de Produtos e Serviços Comportamento do Consumidor Pesquisa Operacional I Pró-idéia Sub-Total 7º SEMESTRE Administração de Vendas Marketing Internacional Pesquisa Operacional II Promoção de Vendas e Merchandising Publicidade e Propaganda Relações Públicas Semestral 0 Semestral 0 Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas Trabalho de Curso - TC Total da carga horária Estágio Supervisionado Atividades extra-curriculares TOTAL GERAL DO CURSO Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 20

23 2.5 Currículo do Curso de Administração a partir de 2014 Vagas anuais: 375. Regime de matrícula: seriado semestral. Turno: noturno Duração e tempo para integralização: 3.0 h/aula e 300 horas de Estágio Supervisionado que deverão ser cursadas em, no mínimo, oito semestres e no máximo, doze semestres. 1º SEMESTRE Teoria Geral da Administração I Economia I Responsabilidade Social e Cidadania Matemática Aplicada a Administração Pesquisa em Administração I Sociologia Aplicada a Administração Semestral 0 Sub-Total 2º SEMESTRE Teoria Geral da Administração II Antropologia Economia II Filosofia Matemática Financeira Psicologia Aplicada a Administração Semestral 0 Sub-Total 21

24 3º SEMESTRE Administração Ambiental Administração de Marketing Organização, Sistemas e Métodos Contabilidade Geral Direito I Estatística 0 Sub-Total 4º SEMESTRE Finanças I Pesquisa em Administração II Administração Estratégica Administração de Recursos Humanos Administração de Custos I Direito II Semestral 0 Sub-Total 5º SEMESTRE Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais Finanças II Pesquisa de Mercado Libras Administração de Custos II Sistemas de Informação Inovações Tecnológicas Sub-Total 22 Semestral Semestral 0

25 2.5.1 Linha de Formação Específica em Análise de Sistemas 6º SEMESTRE Administração de Produção Gerência de Projetos Sistemas Operacionais Engenharia de Software I Lógica de Programação Métodos e Medidas Plano de Negócio Sub-Total 7º SEMESTRE Redes de Computadores Estrutura de Dados Banco de Dados Engenharia de Software II Linguagem de Programação TC - Trabalho de Curso I Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC Trabalho de Curso II Disciplina Optativa Total da carga horária Estágio Supervisionado Atividades extra-curriculares TOTAL GERAL DO CURSO Semestral 0 Semestral 0 Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 23

26 2.5.2 Linha de Formação Específica Em Comércio Exterior 6º SEMESTRE Administração de Produção Comércio Internacional Custos e Tributos no Comércio Exterior Logística Internacional Normas e Técnicas em Comércio Exterior Métodos e Medidas Plano de Negócio Semestral 0 Sub-Total 7º SEMESTRE Direito Internacional e Aduaneiro Finanças Internacionais Lingua Estrangeira Técnicas de Negociação Economia Internacional Marketing Internacional Práticas de Comércio Internacional TC - Trabalho de Curso I Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC - Trabalho de Curso II Disciplina Optativa Total da carga horária Estágio Supervisionado Atividades extra-curriculares TOTAL GERAL DO CURSO Semestral 0 Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 24

27 2.5.3 Linha de Formação Específica em Marketing 6º SEMESTRE Administração de Produção Marketing e Serviços Marketing Direto e Web Marketing Técnicas de Negociação Desenvolvimento e Gerência de Produtos e Serviços Comportamento do Consumidor Métodos e Medidas Plano de Negocio Sub-Total 7º SEMESTRE Administração de Vendas Marketing Internacional Publicidade e Propaganda Relações Públicas Promoção de Vendas e Merchandising Endomarketing e Marketing Pessoal Semestral 0 Semestral 0 TC - Trabalho de Curso - I Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC - Trabalho de Curso II Disciplina Optativa Total da carga horária Estágio Supervisionado Atividades extra-curriculares TOTAL GERAL DO CURSO Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 25

28 2.6 Currículo do Curso de Administração a partir de 2015 Vagas anuais: 375 Regime de matrícula: seriado semestral. Turno: noturno Duração e tempo para integralização: 3.600h/aula e 300 horas de Estágio Supervisionado que deverão ser cursadas em, no mínimo, oito semestres e no máximo, doze semestres. 1º SEMESTRE Teoria Geral da Administração I Economia I Responsabilidade Social e Cidadania Matemática Aplicada à Administração Pesquisa em Administração I Sociologia Aplicada à Adminstração Sub-Total 2º SEMESTRE Teoria Geral da Administração II Antropologia Economia II Filosofia Matemática Financeira Psicologia Aplicada à Administração Sub-Total 26 Semestral 0 Semestral 0

29 3º SEMESTRE Administração Ambiental Administração de Marketing I Organização, Sistemas e Métodos Contabilidade Geral Direito I Estatística Sub-Total 4º SEMESTRE Finanças I Pesquisa em Administração II Administração Estratégica Administração de Marketing II Administração de Custos I Direito II Semestral 0 Semestral 0 Sub-Total 5º SEMESTRE Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais Finanças II Pesquisa de Mercado Optativa: Libras/Empreendedorismo Administração de custos II Sistemas de Informação Inovações Tecnológicas Sub-Total Semestral 0 27

30 6º SEMESTRE Administração de Produção Administração de Recursos Humanos I Diagnóstico Organizacional Logística Métodos e Medidas Plano de Negócios Sub-Total 7º SEMESTRE Administração de Vendas Administração de Recursos Humanos II Publicidade e Propaganda Gerência de Projetos Negócios Internacionais TC - Trabalho de Curso I Sub-Total 8º SEMESTRE Jogos de Empresas TC - Trabalho de Curso II Tópicos Especiais em Administração Total da Estágio Supervisionado Atividades Extracurriculares Total Geral do Curso Semestral 0 Semestral 0 Semestral ATIVIDADES COMPLEMENTARES 10% do total da carga horária do curso, com exceção do Estágio Supervisionado. 28

FACULDADE PASCHOAL DANTAS

FACULDADE PASCHOAL DANTAS FACULDADE PASCHOAL DANTAS PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO ÊNFASE GESTÃO DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SÃO PAULO - SP NOVEMBRO DE 2008 ÍNDICE 1. Visão e Missão da FPD...3 2. ORGANIZAÇÃO

Leia mais

FACULDADE MORAES JÚNIOR CARGA HORÁRIA DAS DISCIPLINAS POR CURSO CIÊNCIAS CONTÁBEIS CARGA HORÁRIA SÉRIE DISCIPLINA SEMANAL ANUAL 2ª

FACULDADE MORAES JÚNIOR CARGA HORÁRIA DAS DISCIPLINAS POR CURSO CIÊNCIAS CONTÁBEIS CARGA HORÁRIA SÉRIE DISCIPLINA SEMANAL ANUAL 2ª FACULDADE MORAES JÚNIOR DAS DISCIPLINAS POR CURSO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Duração do Curso: 4 anos. Total de 3.200 horas-aula CIÊNCIAS CONTÁBEIS SÉRIE DISCIPLINA SEMANAL ANUAL 2ª Contabilidade e Análise

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 60/00-CEPE RESOLVE:

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 60/00-CEPE RESOLVE: RESOLUÇÃO Nº /00-CEPE 1 Fixa o Currículo Pleno do Curso de Comunicação Social, Habilitações em Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda, do Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes. O,

Leia mais

REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE

REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE 1 REGULALMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE CAPÍTULO I DA FINALIDADE Artigo 1º O Núcleo de Prática Jurídica é órgão destinado a coordenar, executar

Leia mais

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2 DENOMINAÇÃO: PORTARIA DE AUTORIZAÇÃO: PORTARIA DE RECONHECIMENTO: REGIME ESCOLAR: NÚMERO DE VAGAS ANUAIS: TURNOS DE FUNCIONAMENTO: NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA:

Leia mais

Curso de Pedagogia Portaria de Autorização ME nº 2415, de 14 de Setembro de 2001- Reconhecimento -Portaria ME. 58/2007. INÍCIO-01/08/2006 1º Semestre

Curso de Pedagogia Portaria de Autorização ME nº 2415, de 14 de Setembro de 2001- Reconhecimento -Portaria ME. 58/2007. INÍCIO-01/08/2006 1º Semestre Inciso II Programa de cada curso oferecido e demais componentes curriculares, sua duração, requisitos e critérios de Avaliação: Instituto Educacional do Estado de São Paulo Autorização de Credenciamento:

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO Administração LFE em Administração de Empresas Administração LFE em Análise de Sistemas

Leia mais

Informações sobre o Curso de Administração

Informações sobre o Curso de Administração Objetivo Geral do Curso: Informações sobre o Curso de Administração Prover a sociedade de profissional dotado de senso crítico e comportamento ético-profissional qualificado. Um Administrador criativo,

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Concepção do Curso de Administração

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Concepção do Curso de Administração CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Concepção do Curso de Administração A organização curricular do curso oferece respostas às exigências impostas pela profissão do administrador, exigindo daqueles que integram a instituição

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO Administração LFE em Administração de Empresas Lajeado 4811 Administração LFE em Administração

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Artigo 2º - O Currículo, ora alterado, será implantado no início do ano 2000, para os matriculados no 1º semestre.

R E S O L U Ç Ã O. Artigo 2º - O Currículo, ora alterado, será implantado no início do ano 2000, para os matriculados no 1º semestre. RESOLUÇÃO CONSEPE 30/99 ALTERA O PLANO CURRICULAR E O REGIME DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE, no uso da atribuição

Leia mais

Faculdade Figueiredo Costa 16/73

Faculdade Figueiredo Costa 16/73 16/73 CAPITULO IV GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PERFIL PROFISSIONAL O Curso de Graduação em Administração deve ensejar como perfil desejado do formando, capacitação e aptidão para compreender as questões

Leia mais

BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE

BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE ANO II Nº 003 Editado pela Secretaria Geral das FIPAR Faculdades Integradas de Paranaíba FIPAR Paranaíba, 08 de agosto de 2008. AVISO DE PUBLICAÇÃO E ADEQUAÇÃO DE MATRIZ

Leia mais

31956 Monografia II 31926

31956 Monografia II 31926 Currículo Novo 2006/01 Duração: 182 créditos 2.730h, acrescidas de 270h de atividades complementares, totalizando 3.000h 31544 Teoria das Organizações I - 31554 Matemática I - 31564 Teoria das Organizações

Leia mais

PUBLICIDADE E PROPAGANDA

PUBLICIDADE E PROPAGANDA PUBLICIDADE E PROPAGANDA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: AGRONOMIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO (NÚCLEO DE PRÁTICAS JURÍDICAS)

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO (NÚCLEO DE PRÁTICAS JURÍDICAS) CURSO DE DIREITO REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO (NÚCLEO DE PRÁTICAS JURÍDICAS) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO TÍTULO I DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 93/ 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Jornalismo, Bacharelado,

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO O Curso de Secretariado Executivo das Faculdades Integradas de Ciências Exatas Administrativas e Sociais da UPIS, reconhecido pelo MEC desde 1993, pela Portaria 905, de 24.06,1993,

Leia mais

Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência

Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência Universidade Metodista de São Paulo Faculdade de Jornalismo e Relações Públicas Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência Fábio França Maria Aparecida Ferrari Maio de 2006 1 Tradição

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI

RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI RESOLUÇÃO Nº 012/07 CONSUNI APROVA A ALTERAÇÃO DA MATRIZ CURRICULAR DOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO, ADMINISTRAÇÃO HABILITAÇÃO EM COMÉRCIO EXTERIOR E ADMINISTRAÇÃO HABILITAÇÃO EM MARKETING E O REGULAMENTO

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE CASTANHAL TÍTULO I

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE CASTANHAL TÍTULO I REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE CASTANHAL TÍTULO I DOS PRINCÍPIOS GERAIS Art. 1º. Este Regulamento dispõe sobre o Núcleo de Prática Jurídica do Curso de Direito

Leia mais

FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO FACULDADE DE DIREITO

FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA DA FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO TÍTULO I DA FINALIDADE E DO OBJETO Art. 1º O Núcleo de Prática Jurídica da Faculdade de Direito da Fundação Armando Alvares

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO. Curso de Graduação Tecnológica em Marketing

PROJETO PEDAGÓGICO. Curso de Graduação Tecnológica em Marketing PROJETO PEDAGÓGICO Curso de Graduação Tecnológica em Marketing Porto alegre, 2011 1 1. Objetivos do Curso O projeto do curso, através de sua estrutura curricular, está organizado em módulos, com certificações

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido)

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido) FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRATIVAS DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM ES Curso de Administração reconhecido pelo Decreto Federal nº 78.951, publicado no D.O.U. de 16-12-1976 Curso de Ciências Contábeis

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: 4001 Publicidade e Propaganda MISSÃO DO CURSO O curso de Publicidade e Propaganda do Centro Universitário Estácio Radial de São Paulo tem como missão formar

Leia mais

GRADUAÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS DENOMINAÇÃO: CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS

GRADUAÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS DENOMINAÇÃO: CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS GRADUAÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS CARACTERIZAÇÃO DO CURSO DENOMINAÇÃO: CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS DIPLOMA CONFERIDO: BACHAREL NÚMERO DE VAGAS: 100 VAGAS ANUAIS NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA: 50 alunos

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CAPÍTULO I DA FINALIDADE ART. 1º - O Núcleo de Prática Jurídica, subordinado à Faculdade de Direito

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral. Objetivos Específicos

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral. Objetivos Específicos SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Curso: CIÊNCIAS CONTÁBEIS Missão A missão do curso é formar profissionais em Ciências Contábeis com elevada competência técnica, crítica, ética e social, capazes de conceber

Leia mais

IESB / PREVE. CURSO DE DIREITO Núcleo de Prática Jurídica Escritório de Assistência Jurídica ORIENTAÇÕES GERAIS

IESB / PREVE. CURSO DE DIREITO Núcleo de Prática Jurídica Escritório de Assistência Jurídica ORIENTAÇÕES GERAIS IESB / PREVE CURSO DE DIREITO Núcleo de Prática Jurídica Escritório de Assistência Jurídica ORIENTAÇÕES GERAIS MISSÃO / IESB Proporcionar um espaço de contínua aprendizagem onde alunos, professores e colaboradores

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 OBJETIVOS DO CURSO OBJETIVO GERAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 OBJETIVOS DO CURSO OBJETIVO GERAL SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: DIREITO MISSÃO DO CURSO Desenvolver um ensino que propicie sólida formação ao aluno, constante aprimoramento docente e atualização curricular periódica.

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO. 1. TURNOS: Matutino HABILITAÇÃO: Bacharelado em Administração Noturno. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos

ADMINISTRAÇÃO. 1. TURNOS: Matutino HABILITAÇÃO: Bacharelado em Administração Noturno. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos ADMINISTRAÇÃO 1. TURNOS: Matutino HABILITAÇÃO: Bacharelado em Administração Noturno GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Administração PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos Máximo = 8 anos 2. HISTÓRICO DO CURSO

Leia mais

FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS

FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UBERABA MG INSTITUTO EDUCACIONAL GUILHERME DORÇA PRESIDENTE: LUIZ HUMBERTO DORÇA FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS DIRETOR

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DE CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS)

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DE CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DE POR PERÍODO LETIVO (A APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) PRIMEIRO SEMESTRE Análise de Jurisprudência I 40 2 Ciência Política I 40 2 Direito

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Curso: DIREITO Missão O Curso se propõe a formar profissionais conscientes da finalidade do Direito como instrumento de transformação social e construção da cidadania, capazes

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Matriz Curricular vigente a partir de 2010/1 Fase Cód. Disciplina Carga Horária Prérequisitos

Leia mais

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2 DA FINALIDADE E DO OBJETIVO Art. 1º. As Atividades Complementares do Curso de Direito da Faculdade Unida de Suzano serão regidas por este Regulamento.

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 Curso Superior em Tecnologia em Design de Moda Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente

Leia mais

INCISO IV COMPONENTES CURRICULARES DE CADA CURSO, SUA DURAÇÃO, REQUISITOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

INCISO IV COMPONENTES CURRICULARES DE CADA CURSO, SUA DURAÇÃO, REQUISITOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO INCISO IV COMPONENTES CURRICULARES DE CADA CURSO, SUA DURAÇÃO, REQUISITOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Graduação em Administração - FECAP Grade Curricular - 2º Semestre em 2013 (sujeita a alteração) 1 Semestre

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições;

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições; SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 06/2014 Aprova a estrutura curricular contida no Projeto Pedagógico do Curso

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.264, DE 24 DE ABRIL DE 2012

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.264, DE 24 DE ABRIL DE 2012 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.264, DE 24 DE ABRIL DE 2012 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Serviço

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, COM HABILITAÇÃO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O estágio

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Nome da disciplina Evolução do Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação;

Leia mais

PRIMEIRO SEMESTRE. Análise de Jurisprudência II 40 2. Ciência Política I 40 2. Direito Civil I - Parte Geral I 40 2. História do Direito 40 2

PRIMEIRO SEMESTRE. Análise de Jurisprudência II 40 2. Ciência Política I 40 2. Direito Civil I - Parte Geral I 40 2. História do Direito 40 2 MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DE POR PERÍODO LETIVO (A APRESENTADA NAS TABELAS REFERE-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) PRIMEIRO SEMESTRE Análise de Jurisprudência I 40 2 Ciência Política I 40 2 Direito

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das disposições gerais O estágio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº09/2011 Aprova a estrutura curricular do Curso de Administração do Centro de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 90/ 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Relações Públicas, Bacharelado,

Leia mais

26 Psicologia Aplicada à Administração - ADM 2 2 4 Relações Humanas no Trabalho - CTL 2 1 2 Psicologia da Comunicação - CS 3 1 3

26 Psicologia Aplicada à Administração - ADM 2 2 4 Relações Humanas no Trabalho - CTL 2 1 2 Psicologia da Comunicação - CS 3 1 3 1a vaga Vagas Regime trabalho semanal Disciplina Quadro I - Previsão para as designações/2011 1º Semestre 2º Semestre C/H semanal turma Nº turmas Total encargos disciplina Disciplina C/H semanal turma

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC - SUMÁRIO TÍTULO I... 3 DOS PRINCÍPIOS GERAIS... 3 TÍTULO II... 3 DA INICIAÇÃO À PRÁTICA JURÍDICA... 3 TÍTULO III...

Leia mais

Centro Universitário de Brusque - UNIFEBE

Centro Universitário de Brusque - UNIFEBE REGULAMENTO DO PROGRAMA DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DA UNIFEBE Aprovado pela Resolução CONSUNI nº 36/14, de 10/12/14. CAPÍTULO I DISPOSIÇÃO

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Evolução de Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 039/2004-COU/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 039/2004-COU/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 039/2004-COU/UNICENTRO REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 128/2014- COU/UNICENTRO. DISPOSITIVOS DO PROJETO PEDAGÓGICO APROVADO POR ESTA RESOLUÇÃO, ESTÃO ALTERADOS PELA RESOLUÇÃO Nº 26/2009-COU/UNICENTRO.

Leia mais

CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO

CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM ECOTURISMO Objetivo: O Curso tem por objetivo capacitar profissionais, tendo em vista a carência de pessoas qualificadas na área do ecoturismo, para atender,

Leia mais

ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1

ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1 ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1 ARQUITETURA E URBANISMO Graduar arquitetos e urbanistas com uma sólida formação humana, técnico-científica e profissional,

Leia mais

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 901491 - EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução da teoria organizacional

Leia mais

Objetivos Específicos Os objetivos específicos demostram que ao final do curso os alunos deverão estar aptos a:

Objetivos Específicos Os objetivos específicos demostram que ao final do curso os alunos deverão estar aptos a: CURSO: Graduação em Marketing ( graduação) Missão O Curso de Graduação em Marketing tem como missão formar profissionais com capacidade de criar, planejar, executar e controlar processos de marketing que

Leia mais

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS.

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS. GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING CARACTERIZAÇÃO DO CURSO DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS. DIPLOMA CONFERIDO: TECNÓLOGO DE

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das disposições gerais O presente

Leia mais

O Curso de Administração da ESAG. Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2

O Curso de Administração da ESAG. Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2 O Curso de Administração da ESAG Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2 Missão da ESAG A ESAG tem por missão realizar o ensino, a pesquisa, a extensão, de modo articulado, a fim de contribuir na formação

Leia mais

2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA

2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA ESTRUTURA CURRICULAR Universidade Estadual da Paraíba UEPB Campina Grande - Campus I DIURNO 1º SEMESTRE CARGA HORÁRIA História da Comunicação (básica) 30 02 Filosofia da Comunicação (complementar) 30 02

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 72/2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação, modalidade

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 292/2014

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 292/2014 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 292/2014 Dispõe sobre o Currículo do Curso de Jornalismo, regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo Nº COS- 144/2012, aprovou e eu promulgo

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE PRÁTICA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA Art. 1º - O Estágio Supervisionado obrigatório tem por finalidade ministrar a prática

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS PROFESSOR ALBERTO DEODATO 1º PERIODO CARGA HORÁRIA TEÓRICA PRÁTICA

FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS PROFESSOR ALBERTO DEODATO 1º PERIODO CARGA HORÁRIA TEÓRICA PRÁTICA CURSO: FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS Carga Horária de Integralização: 4520 h Regime: semestral Nº de Semanas Letivas: 20 semanas Nº de Dias Letivos Semanais: 5 dias Nº de Dias Letivos Semestrais: 100

Leia mais

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E DIRETRIZES DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO. Ji-Paraná RO, 2015.

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E DIRETRIZES DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO. Ji-Paraná RO, 2015. CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E DIRETRIZES DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO Ji-Paraná RO, 15. CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E DIRETRIZES DAS ATIVIDADES

Leia mais

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1 CIÊNCIAS CONTÁBEIS Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1 CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Profa. LUCIANE ALVES FERNANDES. Coordenação de Estágio e Trabalho de Conclusão.

MANUAL DE ESTÁGIO CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Profa. LUCIANE ALVES FERNANDES. Coordenação de Estágio e Trabalho de Conclusão. MANUAL DE ESTÁGIO CIÊNCIAS CONTÁBEIS Profa. LUCIANE ALVES FERNANDES Porto Alegre/RS 2014 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. O ESTÁGIO... 3 3. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL DO ESTÁGIO... 3 4. OBJETIVOS DO ESTÁGIO... 3

Leia mais

DURAÇÃO DO CURSO O Curso de Ciências Contábeis, bacharelado poderá ser integralizado em um período de no mínimo 8 (oito) semestres e no máximo 16

DURAÇÃO DO CURSO O Curso de Ciências Contábeis, bacharelado poderá ser integralizado em um período de no mínimo 8 (oito) semestres e no máximo 16 DURAÇÃO DO CURSO O Curso de Ciências Contábeis, bacharelado poderá ser integralizado em um período de no mínimo 8 (oito) semestres e no máximo 16 (dezesseis) semestres. PERFIL DO EGRESSO O perfil desejado

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO - ESCOLA DE NEGÓCIOS. CURSOS: ADMINISTRAÇÃO, COMÉRCIO EXTERIOR e CIÊNCIAS CONTÁBEIS MANUAL DE ESTÁGIO ESCOLA DE NEGÓCIOS

MANUAL DE ESTÁGIO - ESCOLA DE NEGÓCIOS. CURSOS: ADMINISTRAÇÃO, COMÉRCIO EXTERIOR e CIÊNCIAS CONTÁBEIS MANUAL DE ESTÁGIO ESCOLA DE NEGÓCIOS MANUAL DE ESTÁGIO ESCOLA DE NEGÓCIOS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CURSO DE COMÉRCIO EXTERIOR CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Profª. Dra. Neyde Lopes de Souza Prof. Ms. Luiz Vieira da Costa SUMÁRIO Pág. 1. Apresentação...

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS E ATIVIDADES CURRICULARES DO CURSO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Título I

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS E ATIVIDADES CURRICULARES DO CURSO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Título I REGULAMENTO DE ESTÁGIOS E ATIVIDADES CURRICULARES DO CURSO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Título I DAS DEFINIÇÕES, DAS COMPETÊNCIAS E DAS HABILIDADES Art. 1 Considera-se

Leia mais

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA.

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO São Paulo 2010 CAPÍTULO I DO CONCEITO, FINALIDADE E OBJETIVOS Art. 1º - O Estágio

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM FOTOGRAFIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente

Leia mais

Parágrafo Único. As Atividades Complementares não se confundem com as disciplinas do Curso de Direito.

Parágrafo Único. As Atividades Complementares não se confundem com as disciplinas do Curso de Direito. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO Dispõe sobre as Atividades Complementares do Curso de Direito do Centro Universitário do Cerrado-Patrocínio UNICERP. Capítulo I Das Disposições

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE DESIGN, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O estágio não obrigatório,

Leia mais

PROJETO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO

PROJETO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO PROJETO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO O Estágio Curricular Supervisionado tem como objetivo desenvolver junto ao estudante a capacidade de desenvolver uma leitura problematizadora da realidade

Leia mais

CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA

CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO - CAC CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA Coordenador do Curso: Prof. Dirceu Tavares de Carvalho Lima Filho IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1.

Leia mais

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos CIÊNCIAS CONTÁBEIS 1. TURNOS: Matutino ou Noturno Campus de Maringá Noturno Campus de Cianorte HABILITAÇÃO: Bacharelado em Ciências Contábeis GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Ciências Contábeis PRAZO PARA CONCLUSÃO:

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Fase Cód. I II Matriz Curricular vigente a partir de 2010-1 Disciplina Prérequisitos Carga

Leia mais

Os acadêmicos matriculados no estágio ingressarão na lide jurídica sob a orientação técnica dos professores-orientadores do NPJ/FABEL.

Os acadêmicos matriculados no estágio ingressarão na lide jurídica sob a orientação técnica dos professores-orientadores do NPJ/FABEL. ANEXO Nº 04 REGULAMENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO REGULAMENTO INTERNO DO NUCLEO DE PRATICA JURIDICA DA FACULDADE DE BELÉM FABEL (NPJ FABEL). Missão: Educação Superior priorizando a Prática Profissional,

Leia mais

Curso Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação - 2013 -

Curso Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação - 2013 - Curso Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação - 2013 - O Curso Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação é um curso da área de informática e tem seu desenho curricular estruturado por competências

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO MISSÃO DO CURSO Formar profissionais de elevado nível de consciência crítica, competência técnica empreendedora, engajamento

Leia mais

ROLL DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

ROLL DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ROLL DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINAS CARGA HORÁRIA Linguagem e Interpretação de Texto 80 Contabilidade I 80 Economia 80 Matemática 80 Teoria Geral da Administração

Leia mais

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS Graduação PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS Prepara os estudantes para o empreendedorismo e para a gestão empresarial. Com foco nas tendências

Leia mais

I Seminário Integrador do Curso de Administração

I Seminário Integrador do Curso de Administração I Seminário Integrador do Curso de Administração! Coordenador: Prof.,MSc.,Mário,Mendonça mariomacneto@gmail.com, Vice9Coordenador: Prof.,MSc.,Robson,Materko robsonmaterko@yahoo.com.br, Telefone:,(96),331291763

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM GESTÃO DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS, SEQUENCIAL REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013 Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: COMUNICAÇÃO SOCIAL BACHARELADO MATRIZ CURRICULAR PUBLICIDADE E PROPAGANDA SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL

Leia mais

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO TÍTULO I : DAS DISPOSIÇÕES GERAIS TÍTULO II : DA ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA Capítulo 1: Das atribuições do

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR INGRESSANTES: 1º 2011 MATRIZ EM VIGOR DESDE 2009.1. Carga horária. Teórica Prática Total. Carga horária

MATRIZ CURRICULAR INGRESSANTES: 1º 2011 MATRIZ EM VIGOR DESDE 2009.1. Carga horária. Teórica Prática Total. Carga horária MATRIZ CURRICULAR INGRESSANTES: 1º 2011 MATRIZ EM VIGOR DESDE 2009.1 CURSO: DIREITO IES: Faculdades Integradas do Norte de Minas - FUNORTE Carga Horária de Integralização: 4.460 Regime: Semestral Nº de

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO ESTÁGIO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING CAPÍTULO I

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO ESTÁGIO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING CAPÍTULO I REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO ESTÁGIO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING Dispõe sobre o Acompanhamento e Orientação do Estágio do Curso Superior de Tecnologia em Marketing da Faculdade de Castanhal.

Leia mais

GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS

GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS Apresentação: Prepara os estudantes para o empreendedorismo e para a gestão empresarial. Com foco nas tendências de

Leia mais

Aprovado no CONGRAD: 08.08.06 Vigência: Válido para ingressos a partir de 2006/1 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL CÓD. 435 - HABILITAÇÃO: JORNALISMO MANHÃ

Aprovado no CONGRAD: 08.08.06 Vigência: Válido para ingressos a partir de 2006/1 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL CÓD. 435 - HABILITAÇÃO: JORNALISMO MANHÃ Aprovado no CONGRAD: 08.08.06 Vigência: Válido para ingressos a partir de 2006/1 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL CÓD. 435 - HABILITAÇÃO: JORNALISMO MANHÃ CÓD. 460 - HABILITAÇÃO: JORNALISMO NOITE CURRÍCULO

Leia mais

Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu

Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu VICE-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu CAPÍTULO I DA FINALIDADE E DA ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO Art. 1º Os Programas de

Leia mais

O Curso de Direito da Universidade Federal de Uberlândia foi criado em 1963 e é um dos cursos mais tradicionais da UFU.

O Curso de Direito da Universidade Federal de Uberlândia foi criado em 1963 e é um dos cursos mais tradicionais da UFU. 4 - Seu Curso 4.1 - Informações Específicas sobre o Curso O Curso de Direito da Universidade Federal de Uberlândia foi criado em 1963 e é um dos cursos mais tradicionais da UFU. 4.1.1 - Objetivo Os Cursos

Leia mais

MANUAL DISCENTE 2012

MANUAL DISCENTE 2012 MANUAL DISCENTE 2012 SUMARIO 1. Apresentação da Instituição 02 2. Organização Institucional 03 3. Missão, Visão, Princípios e Valores 04 4. Procedimentos Acadêmicos 05 5. Estágio Supervisionado e Trabalho

Leia mais

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL Pró-Reitoria de Graduação Diretoria do Curso de Direito COORDENAÇÃO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL Pró-Reitoria de Graduação Diretoria do Curso de Direito COORDENAÇÃO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA COORDENAÇÃO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO III - SAJULBRA - 1 REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO III - SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA GRATUITA DA UNIVERSIDADE LUTERANA

Leia mais

A profissão contábil e o mercado de trabalho para os Contadores. Contabilidade: uma carreira apaixonante

A profissão contábil e o mercado de trabalho para os Contadores. Contabilidade: uma carreira apaixonante CIÊNCIAS A profissão contábil e o mercado de trabalho para os Contadores Contabilidade: uma carreira apaixonante Prof. João Matias Loch E-mail: jmperito@gmail.com CIÊNCIAS O que é a Contabilidade? CIÊNCIAS

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DE VITÓRIA FDV

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DE VITÓRIA FDV REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA FACULDADE DE DIREITO DE VITÓRIA FDV REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA TÍTULO I Dos Princípios gerais Art. 1. Este regimento Interno disciplina

Leia mais