Santa Casa News DIREÇÃO Ana Pessoa assume Hospital UTI NEO Pacientes já foram transferidos SEGURANÇA Sistema trará conforto

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Santa Casa News. 02 - DIREÇÃO Ana Pessoa assume Hospital. 07 - UTI NEO Pacientes já foram transferidos. 09 - SEGURANÇA Sistema trará conforto"

Transcrição

1 Santa Casa News Nov/Dez DIREÇÃO Ana Pessoa assume Hospital 07 - UTI NEO Pacientes já foram transferidos 09 - SEGURANÇA Sistema trará conforto UM NOVO TEMPO 04 e 09 - O funcionamento da Unidade Materno-Infantil Dr. Almir Gabriel é um marco na história da Santa Casa do Pará. Novos leitos, serviços e uma perspectiva melhor de atendimento são os objetivos dos servidores da maior maternidade pública do Brasil. Nesta edição, saiba o que o novo prédio vai agregar e confira o que ocorreu no dia da sua inauguração SERVIDORES Relembre histórias do Hospital

2 2 Santa Casa Médica assume direção Ana Conceição Pessoa é a nova presidente da Santa Casa e quer fortalecer a equipe do Hospital A médica Ana Conceição Matos Pessoa é a nova presidente da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará. Ela substitui a nutricionista Eunice Begot, que deixou o cargo para assumir uma função na Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). A cerimônia de posse ocorreu no dia 1º de outubro, na sala de treinamento do hospital. A apresentação do Coral Saúde e Vida, um dos projetos de humanização mantidos pela Instituição, emocionou a nova gestora. Ana Conceição agradeceu aos servidores pelo acolhimento e disse que o trabalho em equipe será uma das estratégias de sua gestão. A médica, que é especialista em ginecologia e obstetrícia, afirmou ainda que está comprometida com umas das metas prioritárias do governo: trabalhar em prol de um planejamento que acrescente qualida- de à saúde da população. "Meu objetivo é elevar o nome da Santa Casa. Para isso, quero deixar claro que ninguém faz nada sozinho. Trabalharemos de mãos dadas, vestiremos a mesma camisa. Podem ter certeza que a porta do gabinete estará sempre aberta a todos", enfatizou,dirigindo-se aos servidores. Assumir a administração da maior maternidade do Brasil é um dos maiores desafios da carreira da médica, sobretudo em função do momento de transição do prédio centenário para a Unidade Materno-Infantil Dr. Almir Gabriel. "É gratificante. Sei da imensa importância da Santa Casa. Estou extremamente disposta a trabalhar para a comunidade", enfatizou. A diretoria da Santa Casa, representada pela diretora técnica, Cynthia Pires, presenteou a nova presidente com um jaleco. "Estamos aqui para ajudá-la sempre. É o desejo da diretoria e de to- das as gerências". A secretária adjunta da Sespa, Heloísa Guimarães, destacou a importância do trabalho dos servidores neste momento de fortalecimento da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará. "A porta da Sespa está aberta. Sabemos o quanto é gratificante colaborar", ressaltou. MOMENTO DE TRANSIÇÃO Ana Conceição é especialista em ginecologia e obstetrícia Meu objetivo é elevar o nome da Santa Casa. (...) E ninguém faz nada sozinho". Ana Conceição Pessoa, presidente da Santa Casa Expediente Simão Jatene Governador Helenilson Pontes Vice-governador Hélio Franco Secretário de Estado de Saúde Pública Ana Conceição Matos Pessoa Presidente Santa Casa Mary Fiuza Mello Diretora Assistencial Sandra Nery Diretora Administrativo e Financeiro Cynthia Pires Diretoria Técnica Samuel Mota Nilson Cortinhas Jornalistas Alessandro Borges Relações Públicas Fotos Nilson Chucre Secom Imagem peregrina visitou Hospital Denivalda Cavalcante teve a sua gravidez interrompida aos sete meses após uma série de complicações. Ela, que mora em Limoeiro do Ajuru, município do Baixo Tocantins, teve problemas de infecção urinária e usou um helicóptero para agilizar a internação na Santa Casa de forma emergencial. No mês de outubro, a criança I.G veio ao mundo. Emocionada, a mãe sentiu uma mescla de sentimentos ao relembrar da história e chorou ao ficar próximo da imagem de Nossa Senhora de Nazaré. "São tantos milagres... Pensei que fosse perder meu filho, mas ele está aqui, aguardando exames. Fiz uma promessa pela saúde dele: ano que vem, irei acompanhar o Círio de Nazaré do início ao fim", garantiu. A imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré emocionou servidores e usuários da Fundação Santa Casa no dia 21 de outubro. A programação, conduzida pelo padre Jayme Kriek, da Paróquia de São Raimundo, foi uma solicitação da direção da maternidade. Após uma missa, a imagem percorreu as alas e enfermarias do prédio centenário e da nova Unidade Dr. Almir Gabriel. A visita durou aproximadamente três horas e meia. Vários servidores tiveram a oportunidade de carregar a imagem. EMOÇÃO Programação católica envolveu vários servidores

3 Santa Casa Canguru em nova fase Ministério da Saúde certifica Método Canguru como Centro de Referência Estadual O Programa Mãe-Canguru, um método de tratamento que visa recuperar bebês prematuros com a participação efetiva da mãe, implantado há mais de 10 anos na Santa Casa do Pará, foi certificado, pelo Ministério da Saúde, como Centro de Referência Estadual. Com o reconhecimento, o programa terá acesso a recursos do Ministério R$ 150,00 por leito, a cada dia -, informou a terapeuta ocupacional Gabriela Farias, uma das tutoras do método. Os recursos federais serão usados na manutenção do padrão de qualidade no serviço oferecido à população. A condição de referência estadual também permitirá ao hospital funcionar como centro de treinamentos para outras unidades de saúde do Pará. Segundo Gabriela Farias, com o novo prédio da Santa Casa, o programa ganha em qualidade. Oferece USUÁRIA Antônia participou do método canguru. Ela veio de Aurora do Pará um controle mais rígido de ruídos e iluminação - fatores que, em excesso, podem provocar estresse em bebês. Além disto, a moderna estrutura de incubadoras e biliberço (unidades de fototerapia) são essenciais para melhorar o contato com o recém-nascido, tornando esse processo menos doloroso. "Teremos, de fato, uma melhoria no cuidado, inclusive com condições de banhos de sol e novos ninhos, cuja ideia é simular o útero da mãe, facilitando o descanso do bebê", frisou Gabriela. Com os avanços, a direção da maternidade a maior do Estado para pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) -, acredita que o atendimento pelo método Mãe-Canguru ficará ainda mais humanizado, aumentando o índice de recuperação de bebês prematuros. No prédio da Santa Casa, havia 16 leitos para prematuros, sendo, no máximo, quatro por sala. Assim haverá mais privacidade para a retirada do leite humano. Moradora de Aurora do Pará, município do nordeste paraense, a dona de casa Antônia de Nazaré, 29 anos, acompanha a recuperação de suas gêmeas pelo Método Mãe-Canguru. Para ela, esse novo momento na história da Santa Casa só traz certezas para os pacientes. "É uma estrutura bonita e confortável. É claro que estamos felizes com essa melhora", declarou ela sobre o novo prédio. MÃE-CANGURU TRÊS FASES Pelo Método Mãe-Canguru, os recémnascidos de baixo peso são levados para a UTI Neonatal (Unidade de Tratamento Intensivo) e depois para a Unidade de Cuidados Intermediários (UCI). Depois, o bebê fica com a mãe na Enfermaria Canguru, para que receba os cuidados, inclusive o contato corporal com a mãe. Na última etapa do tratamento, a criança é acompanhada até atingir o peso mínimo de 2,5 kg. MENSAGEM DA PRESIDENTE Caros servidores e usuários, Estamos vivenciado um momento histórico da Santa Casa: a transferência de parte dos serviços para um prédio moderno e adequado aos padrões do que há de mais seguro no tratar do paciente. Qualquer palavra aqui pode soar como demagogia, por isso, façam uma reflexão sobre este fato. Tenho certeza que a história estará ao lado dos nossos servidores e de nossos usuários. Peço que nos ajudem a cuidar deste patrimônio que é de todos. Bem, não poderia começar esta conversa de outra forma. Mas também tenho que lembrar que assumi a direção da Fundação Santa Casa desde o dia primeiro de outubro. Agradeço ao governador, Simão Jatene, e a Secretaria Estadual de Saúde (Sespa), na figura do secretário Hélio Franco e da secretária-adjunta Heloísa Guimarães. É um dos maiores desafios da minha vida e estou empenhada para acrescentar a esta Instituição, reconhecidamente qualificada. Recentemente, tivemos o privilégio de ser reconhecido pela Assembleia Legislativa, que concedeu menção honrosa pelos relevantes serviços prestados. Diante deste momento de transição, a Instituição tem tudo para inaugurar uma nova era, um novo tempo. Prestes a completar seus 364 anos, a Santa Casa tem dois dados fundamentais: além das condições para fazer melhor, temos servidores qualificados para elevar ainda mais o nome do nosso Hospital. E a história nos permitiu que esta etapa praticamente coincidisse com o Círio de Nazaré e, agora, com o Natal. Comemorações que, independentemente da orientação religiosa, lembram a figura da mãe, do filho e lembram o nascer. Estamos felizes e prontos para superar os nossos desafios. Contem comigo! E, claro, boa leitura desta histórica edição do nosso informativo. Um abraço e um feliz Natal! ANA CONCEIÇÃO PESSOA PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO SANTA CASA 3

4 4 Santa Casa UMA DATA HISTÓRICA Eis o maior complexo materno-infantil do Brasil Unidade Almir Gabriel está pronta para atender a população Inaugurada no dia 16 de setembro, a Unidade Materno Infantil "Dr. Almir Gabriel" conta com 406 novos leitos instalados em uma área de 22 mil metros quadrados. O complexo tem oito pavimentos, com leitos distribuídos nas alas de Pediatria, Neonatologia, UTI Materna e Pediátrica, Maternidade, Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), ala para o programa "Mãe Canguru" e acolhimento obstétrico. Em seu discurso, o governador Simão Jatene agradeceu e parabenizou todos os servidores da instituição, os operários que trabalharam na obra e principalmente a população. O chefe do Executivo também agradeceu a presença dos políticos que estavam presentes na cerimônia, entre eles, a ex-governadora Ana Júlia Carepa. Ao convidar a ex-governadora, não o fiz por um mero ato de simpatia, nem por uma questão protocolar, fiz, sobretudo, para sinalizar que é possível e necessário se fazer política com qualidade. Não é possível mais aceitar, ou imaginar, que interesses pessoais tentem se impor à sociedade e fazer com que cada vez mais os serviços públicos sirvam para os interesses particulares, disse o governador. Jatene também proferiu INESQUECÍVEL Governador do Pará inaugurou um hospital que terá condição de modernizar o atendimento materno-infantil RESTAURANTE Um dos primeiros setores a se mudar para a nova estrutura foi a gerência de assistência nutricional, inaugurada por Franco EM NÚMEROS 170 A infraestrutura do hospital, que custou cerca de R$ 170 milhões, sendo R$ 135 milhões de recursos próprios do Estado. EM NÚMEROS 406 Leitos estarão à disposição na nova Unidade do Complexo da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, imaugurada em setembro. uma palavra especial aos familiares do ex-governador Almir Gabriel, que faleceu no dia 19 de fevereiro deste ano. É claro que tínhamos muitas diferenças, mas certamente, tínhamos uma semelhança muito significativa, que era a crença de que é possível construir um estado mais justo e mais fraterno. A filha de Almir Gabriel, Sâmia Gabriel, agradeceu em nome de toda a família. Essa obra tem um significado muito especial porque a concretização dela nos mostrou que é possível sonhar e realizar. E isso é a cara de Almir Gabriel. A esperança realista é a cara de Almir Gabriel. Lutar por políticas que possam reduzir a pobreza e a desigualdade é a cara de Almir Gabriel. E a Santa Casa sempre foi a verdadeira cara de Almir Gabriel, pois foi para essa instituição que ele dedicou grande parte de sua vida". Durante a cerimônia, a então presidente da Fundação Santa Casa, Eunice Begot, expôs alguns números de atendimento da maior maternidade do Norte do país. A Santa Casa recebe hoje, por mês, cerca de três mil mulheres só para atendimentos obstétricos e realiza em média 600 partos, 86% dos quais de alto risco, disse. Com a nova unidade, a Santa Casa passa a receber cinco mil mulheres e a realizar 800 partos por mês. O representante do Ministério da Saúde (MS), Antônio Ribas, coordenador da Atenção Básica do MS, parabenizou o Governo pelas novas instalações.

5 Santa Casa 5 O ANTES... E O DEPOIS... UM GANHO PARA O USUÁRIO DO SUS

6 6 Santa Casa Estrutura foi aprovada Primeiros pacientes elogiam o ambiente Começou dia 26 de setembro a transferência de pacientes do prédio centenário para a nova ala da Fundação Santa Casa. O fato, considerado histórico pela equipe do hospital e pelos profissionais que estão ligados à trajetória da casa de saúde, foi marcado por uma entrevista coletiva, concedida pelos secretários especial de Proteção Social, Adnan Demachki, e de Estado de Saúde Pública, Hélio Franco, acompanhados por gestores da Fundação. Hélio Franco disse que a transferência começou com pacientes que já haviam dado à luz no prédio centenário. Elas estavam acomodadas na enfermaria Maria Goreth e foram alojadas na ala Sant Ana, para onde também foram levadas pacientes de outras enfermarias. O secretário fez uma reflexão sobre a trajetória do hospital, construído ainda no século XIX, o que gerou uma série de problemas de infraestrutura para as necessidades atuais da casa de saúde. Por conta disso e para ampliar o atendimento à população foi desenvolvido o projeto da nova unidade, também conhecida como nova Santa Casa. É importante dizer que o prédio centenário não vai deixar de funcionar. Na verdade, lá permanecerão cerca de 30% dos serviços de saúde oferecidos por esta instituição, enquanto os outros 70% serão transferidos para o novo prédio, que conta com 406 leitos. Hélio Franco enfatizou ainda que, apesar de todo o esforço em ampliar e melhorar a qualidade do atendimento, a Santa Casa é um hospital que deveria atender prioritariamente os casos de gravidez de risco, embora, na prática, a demanda acabe sendo muito maior. Hoje, são cerca de três mil atendimentos mensais, muito mais do que o registrado há dez anos, quando esse número era de cerca de 900 atendimentos. Segundo o secretário, uma grande parte desses atendimentos poderia ser contemplada pelos próprios serviços municipais de saúde. Pensando nisso, o governo do Estado está desenvolvendo junto aos municípios do interior do Estado oficinas de Planificação da Atenção Primária em Saúde, que visam qualificar os técnicos e gestores locais a enfrentar os desafios em saúde no âmbito do município. O trabalho está a cargo da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Por conta desse projeto com o qual vai trabalhar e de problemas pessoais de saúde, a então presidente da Fundação Santa Casa de Misericórdia, a nutricionista Eunice Begot, deixou a instituição. Satisfação Quem já está usufruindo da nova Santa Casa se diz satisfeito pelo atendimento e acomodações. É o caso da jovem Isanete Trindade, 16 anos. Moradora do município de Abaetetuba, no nordeste paraense, ela deu à luz ao primeiro filho no dia 26 de setembro à noite, ainda no prédio antigo. Ela foi transferida para a nova unidade e se disse satisfeita com a ETAPA Começou no final de setembro a transferência de pacientes para o novo prédio do complexo estrutura da nova casa de saúde. Fui transferida para cá por conta de um problema na gravidez. Acabei tendo o meu filho prematuro de oito meses. Fomos muito bem atendidos e tudo correu muito bem. Agora, aqui nessa nova parte do hospital, está tudo ainda mais maravilhoso, limpo, equipado e com segurança para a gente, destacou. A mesma sensação teve a dona de casa Josiara Abreu, 22 anos. Moradora do distrito de Mosqueiro e mãe pela segunda vez, ela também teve o seu bebê no prédio antigo e foi transferida para a nova Santa Casa. Está tudo muito melhor aqui, principalmente a parte do banheiro, que agora é individual de cada enfermaria. Tudo muito limpo e adequado, observou. Aqui nessa nova parte do hospital, está tudo ainda mais maravilhoso, limpo, equipado e com segurança para a gente". Isanete Trindade, usuária da Santa Casa RESUMO CONFORTO A jovem Isanete Trindade, 16 anos, moradora do município de Abaetetuba, no nordeste paraense, deu à luz ao primeiro filho no dia 26 de setembro, ainda no prédio antigo. Ela foi transferida para a nova unidade e se disse satisfeita com a estrutura. Josiara Abreu, 22 anos, moradora do distrito de Mosqueiro e mãe pela segunda vez, também teve o seu bebê no prédio antigo e foi transferida para a nova Santa Casa.

7 Santa Casa 7 A fase da UTI neo UTI neonatal remanejou pacientes. Cerca de 20 servidores participaram MUDANÇA A mãe Drielly acompanha a filha, uma das primeiras ocupantes da UTI Neonatal na Unidade Dr. Almir Gabriel Duas recém-nascidas foram as primeiras ocupantes da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI Neonatal) do novo prédio da Santa Casa do Pará. O processo de transferência dos bebês que estavam internados no antigo prédio foi acompanhado por vinte servidores, entre técnicos de Enfermagem, enfermeiros, maqueiros e médicos. A médica Salma Saraty, gerente da Neonatologia, ressalta que todos os recém-nascidos estavam em condições clínicas estáveis e o processo ocorreu com toda segurança e tranquilidade. Rosana Nunes, gerente de Enfermagem da Neonatologia, explica que o tratamento exige cuidados especiais. "Alguns recém- -nascidos, com peso igual ou inferior a gramas, estão em área ambiente. Outros, com peso superior a gramas, estão entubados", disse a enfermeira. A área, localizada no primeiro andar do novo prédio, dispõe de 40 leitos. Outros 20 leitos de UTI neonatal também estão disponíveis no sétimo andar do Hospital. Todos os ambientes estão estruturados e respeitam as normativas de separação de leitos da RDC (Resolução da Diretoria Colegiada). A mãe Drielly Nunes veio visitar a filha e ficou satisfeita com a nova estrutura. "O maior ganho é a distância entre os leitos. Aqui, temos mais conforto", disse, elogiando o trabalho desenvolvido pela Fundação Santa Casa. "O atendimento é correto e rápido. Está tudo indo tudo bem", garantiu. Sua bebê nasceu por meio de um parto prematuro, em função de ter adquirido uma infecção urinária. A gestação foi interrompida aos seis meses. Drielly é oriunda do município de Soure, na Ilha do Marajó. "Cheguei em Belém usando o helicóptero do Estado e fui atendida aqui na Santa Casa". O parto foi realizado no início de outubro e, agora, a mãe acompanha a recuperação da filha. "O hospital está sendo fundamental, mas é claro que sonho com o dia que vou voltar para a minha cidade com a minha filha", frisou. O maior ganho é a distância entre os leitos. Aqui, temos mais conforto. O hospital está sendo fundamental, mas sonho com o dia que vou voltar para a minha cidade com a minha filha". Drielly Nunes, usuária Novo Centro Cirúrgico Com o novo prédio, a gerência de cirurgia vai ampliar o atendimento à população pois há um novo Centro Cirúrgico. São quatro salas, localizadas no sétimo andar. Quatro especialidades serão atendidas: pediatria, neonatologia, neurocirurgia pediátrica e ginecológica. O total de leitos será de 17, sendo um de isolamento. Destes, seis leitos serão destinados a RPA (recuperação pós anestésica), todos monitorados. A neurocirurgia terá destaque na nova unidade, como explicou a diretora assistencial da Santa Casa, Mary Fiuza de Mello. "Uma sala será destinada a neurocirurgia, com maca específica para este tipo de cirurgia e arco cirúrgico próprio", frisa a médica. O arco cirúrgico são modernos equipamentos de raio-x que geram imagens digitais em tempo real. Outra realidade será o aumento do número de cirurgias videolaparoscopicas (realizadas no abdômen, utilizando um sistema de vídeo constituído de uma micro-câmera). Como a Fundação Santa Casa também é um Hospital de Ensino e Pesquisa, uma sala está equipada para a realização de transmissões das cirurgias. A ideia é auxiliar os estudos de casos de uma equipe de residentes em medicina, totalizando 89 estudantes. Além disto, há outra equipe de 29 residentes multiprofissionais no Hospital. O Centro Cirúrgico do prédio centenário continuará em pleno funcionamento. Atenderá as demandas relacionadas as clínicas médicas e cirúrgicas. "Novos aparelhos, como carrinhos de anestesia, mesas de neurocirurgias, outro arco cirúrgicos, serão adquiridos para a estrutura do centenário", disse Mary.

8 8 Santa Casa Integração motiva equipe do Banco de Leite Humano Um dos principais projetos da Instituição ganha outras perspectivas com novo ambiente Na nova unidade do complexo da Fundação Santa Casa do Pará, uma ala no terceiro andar está reservada ao Banco de Leite Humano (BLH). Serão nove salas e um novo projeto de integração do setor. A coordenadora do BLH, Cynara Souza, ressalta este momento. "O novo espaço vem unir a força de trabalho do Banco de Leite, já que atualmente trabalhamos em blocos diferentes", frisou. O projeto Bombeiros da Vida (que realiza a busca do leite materno nas casas das doadoras), o controle de qualidade, a educação e saúde, a assistência, estarão interligadas no mesmo bloco. "Dessa forma, o que vislumbramos é o aumento da demanda e a otimização do setor", continua Cynara. Segundo dados do setor, em média, 450 litros de leitos são recolhidos por mês. Com o novo Hospital, a expectativa é de um acréscimo para 500 a 600 litros, pelo menos, em uma primeira etapa. "A interação da equipe interdisciplinar levará a resultados melhores", acredita Cynara, referindo-se ao grupo de trabalho formado por médicos, nutricionistas, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais e agentes operacionais. Próximo a ala do Banco de Leite, existe um bloco com leitos de Unidades de Cuidados Intermediários (UCI) - no total, serão 107 leitos de UCI. Esta aproximação, de acordo com a coordenação do setor, trará um benefício para a conscientização e a consequente coleta de leite. O Banco de Leite ainda contará com equipamentos novos, como pasteurizadores que atuam no controle de qualidade do que é doado. A ideia é promover cursos de capacitação para agilizar o processo de adaptação do servidor ao ambiente. Cynara garante que a organização terá um salto de qualidade. "Esperamos vencer os obstáculos, que não serão poucos, para que a gente continue crescendo e fazendo um bom trabalho", encerra. Criado em 1987, o Banco de Leite Humano da Santa Casa do Pará é um dos maiores do país. Responsável pela promoção de ações destinadas a incentivar o aleitamento materno, e ainda pela coleta, processamento, controle de qualidade e distribuição do excedente de leite humano das doadoras, incluindo mães de recém-nascidos que não podem mamar. Uma das participantes do projeto é Maria Josiele Almeida. A comerciante de 19 anos tem um filho nos primeiros dias de vida. "É interessante ajudar, a gente se sente bem. Meu interesse em doar ocorreu assim que tive o filho, pois os funcionários do Hospital me explicaram tudo direitinho", disse. APROXIMAÇÃO O novo espaço do Banco de Leite está, estrategicamente, ao lado de uma ala de UCI Doadoras são chamadas O Banco de Leite foi credenciado no Padrão Ouro, pelo programa internacional Íbero- -Americano de Bancos de Leite Humano (IBERBLH), que visa o intercâmbio de conhecimento e tecnologia na área de aleitamento materno e bancos de leite de vários países do mundo. Para ser reconhecido pelo IBERBLH, o banco de leite necessita cumprir uma série de indicadores e o da Santa Casa foi aprovado em todos os critérios com cerca de 100% de adequação. Mas, apesar de ter recebido uma excelente avaliação, o banco de leite da maior maternidade do Pará precisa de doadoras de leite para garantir a alimentação de centenas de bebês prematuros que nascem todos os dias na Santa Casa. Não adianta nós sermos reconhecidos internacionalmente se não tivermos o principal elemento, que é o leite. Precisamos urgente de doação e pedimos às mães que apresentam excedente para que nos ajudem, diz Cynara Souza. Ela explica que em algumas épocas do ano, como Círio, Natal, Carnaval, férias escolares, o estoque de leite do banco costuma diminuir. SERVIÇO TELEFONES As mães doadoras devem entrar em contato pelos telefones: / / / 2318 / 0310 (Atendimento 24 horas). A doadora não precisa ir até a Santa Casa. Uma equipe do Corpo de Bombeiros faz a coleta na casa da doadora.

9 Santa Casa 9 Segurança e conforto O novo prédio da Instituição tem um moderno sistema para evitar propagação de incêndio O sistema de segurança da nova Unidade da Fundação Santa Casa do Pará está preparado para dar conforto ao usuário. Entre as novidades, está o controle de acesso, detecção de alarme e incêndio e até chamada eletrônica de enfermeira. Algumas salas do prédio também são, em parte, sustentável, pois envolvem o aproveitamento da água da chuva. O engenheiro e um dos responsáveis pela obra, Bruno Marques, garante que a modernidade é uma das marcas da obra, que foi inaugurada no dia 16 de setembro. "O prédio novo vem com tudo que há de moderno no mercado", enfatizou Bruno. São 86 câmeras preparadas para detectar o movimento dia e noite. O sistema de segurança e monitoramento, que fica em uma área, no segundo andar, contém televisões e monitores. Ainda na central de segurança, existe um painel, alimentado por detectadores espalhados pelo prédio, que informa se há algum risco de incêndio. "É um detectador de fumaça. Se alguma sala pegar fogo, o sistema vai mostrar a área. E a equipe que controla o prédio tem a missão de acionar a brigada de incêndio", enfatizou Bruno. A intensidade dos ar- -condicionados e das lâmpadas também será regulada pelos computadores instalados no novo prédio. A ideia é criar um ambiente confortável ao usuário. "Você programa a iluminação do prédio. Se passar das 22 horas, por exemplo, e a equipe julgar que só algumas lâmpadas devem ficar acesas, basta acionar", explicou o engenheiro. Água das chuvas - O aproveitamento da água da chuva tem como meta reduzir os custos do Hospital. O sistema possui quatro fases. Quando a água cair nos telhados, será captada por meio de placas. De lá, é encaminhada para uma caixa de tratamento com capacidade de 20 mil litros. Tratada, a água segue para uma outra caixa, também de 20 mil litros, responsável pela distribuição para o prédio. O uso desta água abastecerá, principalmente, os vasos sanitários e poderá servir para a lavagem de jardins ou calçadas. Por sua vez, nos chuveiros e lavatórios a água disponível será a fornecida pela Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa). O prédio novo vem com tudo que há de moderno no mercado" Bruno Marques, engenheiro EM NÚMEROS 86 câmeras estão preparadas para detectar o movimento dia e noite e, assim, aumentar a segurança do prédio. 20 mil litros. É a capacidade de armazenamento da caixa que reaproveita água da chuva. REGISTROS A sala de comando é fundamental para a segurança dos servidores, pacientes e acompanhantes PRÉDIO É, EM PARTE, SUSTENTÁVEL A moderna estrutura dispõe de um projeto para reaproveitar a água da chuva

10 10 Santa Casa As lembranças... Entre o passado, o presente e o futuro da maior maternidade do Pará Servidora tem quatro décadas de Fundação A Santa Casa vive um momento de transição entre o antigo e o novo que gera ansiedade e lembranças entre os servidores com mais tempo de casa. O médico Francinei Soares é um deles. São 33 anos de Santa Casa. Quando foi assessor direto do gabinete da presidência, acabou se envolvendo no processo histórico para que a então Santa Casa de Misericórdia do Pará se transformasse em Fundação. O fato dependia de uma aprovação por parte dos deputados com legislação vigente em "Meu carro era só cartaz. Lutamos para fazer valer aquilo que era fato: a Santa Casa, secular, faz um bem social enorme", disse. Antes da consumação dos benefícios, a luta foi árdua. De acordo com o relato de Francinei, os funcionários do Hospital fizeram uma espécie de força tarefa para reunir os deputados em torno da votação. "Não tinha quórum. E o presidente da câmara postergou a votação. Cada um de nós buscamos os deputados no seu gabinete. Era até engraçado. Já se passava de meia-noite", enfatizou. O médico disse que a atuação do Dr. Almir Gabriel foi fundamental. Almir foi um dos entusiastas da campanha e dá nome ao novo prédio do complexo Santa Casa. Com a lei 003/1990 aprovada, o Hospital passou a ter autonomia administrativa e financeira, além de possuir no seu quadro funcional servidores públicos e ter um ganho estrutural. Hoje, Francinei atua no setor de ultrassonografia da maternidade. "É uma imensa satisfação observar esta fase da Santa Casa, só de lembrar que eu contribuí para fazer barulho (risos) e torná-la Fundação... Garanto que com o novo Hospital, o usuário ganha conforto e o atendimento será melhor", frisa. O momento histórico do Hospital também causa emoção na enfermeira Norma dos Santos, que trabalha na Comissão de Controle de Infecção Hospitalar. Uma das principais história da vida de Norma ocorreu no prédio centenário. Em 1997, após 12 anos de tentativas, a enfermeira engravidou. Com 26 semanas, no entanto, teve um parto prematuro em virtude do deslocamento da placenta. Ela estava na sala de repouso dos servidores quando a sua contração aumentou e tornou o parto inevitável. A bebê teve o que se chama de morte aparente e foi reanimado na própria sala de parto. "Pela primeira vez na história da Santa Casa, uma criança fez uso do sufactante, que amadurece o pulmão. Foi a minha filha. Lembro e sou grata pelo esforço do doutor Hélio Franco para mandar buscar esta substância", declarou, referindo-se ao médico, que na época era presidente da Santa Casa e hoje é Secretário Estadual de Saúde. Após mais de 40 dias na Unidade de Tratamento Intensivo, a bebê foi para casa, dessa vez, com possibilidades de sequelas neurológicas. Nenhuma hipótese se confirmou e hoje Lana dos Santos é uma adolescente saudável. Presa ATUANTE Francinei Soares lutou para que o Hospital se tornasse Fundação as lembranças do prédio centenário, a enfermeira transparece um saudosismo ao falar da transição entre o novo e o antigo prédio. "Fui acolhida aqui, tive meus momentos profissionais aqui e vivi momentos importantes da minha vida aqui no (prédio) centenário. É difícil quebrar esta relação. Agora digo o seguinte: o novo prédio fica para quem ainda está por vir, é fato que as condições prediais serão melhores para o atendimento", concluiu. SERVIDORA E USUÁRIA Norma dos Santos teve uma de suas filhas na Santa Casa A nova estrutura de processamento de roupas começou a funcionar imediatamente após a cerimônia de inauguração do novo prédio da Fundação Santa Casa, realizada em setembro. Em meio a este momento de mudança, está Maria Heloísa de Oliveira, servidora da lavanderia com 45 anos ligados à Santa Casa. Lotada no setor de dobragem, dona Heloísa, como é chamada, usufrui da nova estrutura e se emociona com esta fase de modernização que vive o Hospital. "No dia da inauguração, fiquei emocionada. No caminho de casa, senti uma palpitação no coração, um calor... Quando cheguei na minha residência, acabei chorando", garante Heloísa, que além de trabalhar há mais de quatro décadas na Instituição, teve dois filhos e acompanhou o nascimento de dois netos na maternidade. "Venho trabalhar com amor. Amor às usuárias, a quem está doente e precisando de ajuda", afirma. Exemplar, Heloísa, que mora em Icoaraci, acorda às 4h30 para sair às 5h30 com destino a Santa Casa. Já a gerente do setor, Socorro Bentes, frisa que o momento é de adaptação. Duas máquinas de lavar, quatro secadoras, um salão de dobragem, de costura, de serigrafia, administração e almoxarifado funcionam no novo prédio, que é anexo a Unidade Materno Infantil Dr. Almir Gabriel. O ganho de lavagem de roupas será, de acordo com estimativas da gerência, de 300%. Será possível também preservar as roupas do Hospital por meio de um moderno sistema de lavagem e secagem de roupas. Segundo Socorro Bentes, a antiga estrutura da lavanderia será desativada para reestruturação. A ideia é utilizar o espaço para fazer a casa da gestante, que será destinada a mães sem acolhimento em Belém.

11 Santa Casa 11 Pediatria ganha destaque Setor ganha outras metas com o novo prédio da Instituição Referência no atendimento materno infantil no Estado, a Fundação Santa Casa do Pará dispõe de uma moderna Unidade de Pediatria com a implantação da nova unidade do complexo. O ganho físico do setor de atendimento à crianças será considerável. Por este motivo, o prédio, dotado de um moderno sistema de atendimento, está cercado de expectativa. A gerente de pediatria, a médica Ana Cristina Alves, ressaltou que, além de uma estrutura de trabalho qualificada, o sexto andar do novo prédio será voltado exclusivamente para a pediatria. "Um andar estruturado, divididos em duas alas: ala Santa Ludovina, funcionando a pediatria clínica, e a ala São Francisco, da cirurgia pediátrica". UTI Pediátrica - Serão duas Unidades de Tratamento Intensivos (UTI), cada uma com 10 leitos. Patrícia Carvalho, coordenadora e responsável técnica pela UTI pediátrica, explicou como será a divisão de serviços. "São 10 leitos novos na Unidade Dr. Almir Gabriel e iremos continuar com os 10 leitos do prédio centenário, sendo que os leitos do prédio centenário irão atender os pacientes da central de regulação de internação. Já os leitos do prédio novo atenderão ao paciente da enfermaria e os pós-operatório da Instituição". Segundo Patrícia, a nova UTI tem um salão amplo, respeitando as normatizações da RDC-7 (Resolução da Diretoria Colegiada). A RDC-7 normatiza o funcionamento das UTIs de um modo geral, definindo o material adequado para o atendimento, o espaço entre um leito e outro e o número de profissionais para atender a uma UTI com 10 leitos. Por meio do atendimento humanizado, que é uma regra dentro da Fundação, a direção do Hospital espera promover a rotatividade entre os pacientes. "Na UTI pediátrica da Santa Casa, verdadeiramente humanizada, as mães podem permanecer 24 horas na Unidade, acompanhando o filho. Há estudos que comprovam que a média de permanência de uma criança diminui quando a mãe está acompanhando o seu filho", frisou Patrícia, continuando. "Dessa forma, conseguimos atender um número de pessoas maior". Esta novidade se juntará a outros ganhos com relação a equipamentos, como explicou a médica e diretora assistencial da Santa Casa, Mary Fiuza de Mello. "Teremos a aquisição de um ecocardiograma portátil para realização de exames no leito, voltado ao tratamento de pacientes graves, tanto pediátricos como neonatais". RESUMO UNIDADE DE TRATAMENTO INTENSIVO A nova UTI tem um salão amplo, respeitando o espaço entre um leito e outro e o número de profissionais adequados para a demanda. Ação anima usuários e servidores Uma ação de terapeutas ocupacionais e estudantes voluntários fez a alegria das crianças e servidores. Fantasiados de personagens infantis, eles percorreram as dependências do prédio centenário e da Unidade Dr. Almir Gabriel fazendo brincadeiras e distribuindo bombons. A programação fez parte das comemorações pelo dia da criança. De acordo com a servidora da Santa Casa, a terapeuta ocupacional Clévia Dantas, a ideia do projeto de humanização foi tornar o ambiente mais acolhedor. "O objetivo é que o contexto hospitalar se torne mais gostoso para as crianças e para os próprios profissionais, as vezes, cansados de uma rotina estressante. O nosso lema é: resgate a criança que todos nós temos", disse Clévia, ressaltando o caráter indisciplinar do grupo de voluntários, formado por estudantes de enfermagem, medicina, terapia ocupacional e psicologia, ligados a Universidade do Estado do Pará, Universidade da Amazônia e a Escola Superior da Amazônia. Uma das integrantes do grupo FELICIDADE O setor de pediatria dará um salto de qualidade diante de uma estrutura adequada para o desenvolvimento do trabalho, diz Ana Cristina Alves (abaixo) era a estudante de terapia ocupacional, Thaíssa Pinto. Vestida de gata, ela era uma das mais extrovertidas no contato com os pacientes. "Uma das coisas que mais me anima é deixar as crianças mais motivadas para seguir o tratamento". A Emília, personagem do sitio do Pica Pau Amarelo, estava representada por Juliane Dias, também estudante de terapia ocupacional. Juliane falou sobre a emoção do momento. "Não tenho palavras para explicar, mas sei o quanto esta ação toca o coração dos pacientes".

12 12 Santa Casa Encontro debateu tratamento da hepatite C Centro de referência estadual no tratamento de doenças do fígado, a Santa Casa sediou um encontro entre profissionais da área de saúde no dia 25 de outubro. O principal assunto debatido foi o tratamento para vítimas de hepatite C. O médico Mário Guimarães Pessoa, da Universidade de São Paulo (USP), coordenou uma palestra para repassar o que foi desenvolvido em um dos maiores pólos de tratamento da enfermidade. A incidência da doença exige a capacitação de médicos para solucionar o problema. No Brasil, a hepatite C atinge cerca de 2,6 milhões de indivíduos, sendo que menos de 10% sabem que estão infectados. Diante destes dados, há o desenvolvimento de novas drogas para tornar o tratamento mais eficaz. "Em todo o país, estamos começando a utilização de antivirais orais, já disponíveis no Sistema Único de Saúde. A possibilidade de cura é maior, mas há uma complexidade no manejo do medicamento. Nosso papel é trazer um pouco da experiência adquirida". A hepatite C é uma doença causada por vírus e que atinge o fígado. Usuários de drogas ou pessoas que tiveram contato com objetos íntimos de indivíduos infectados podem ser alvos. A hepatite C pode evoluir para quadros preocupantes, como cirrose ou câncer de fígado. A USP é um centro de referência nacional no tratamento da doença, realizando inclusive o transplante de fígado. Na Santa Casa, segundo dados de Lizomar Moia, diretora de Ensino e Pesquisa da Instituição e uma das coordenadoras do clube do fígado do ambulatório do Hospital, cerca de 50 pacientes são atendidos por semana com quadro clínico de hepatite C.

Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e

Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e Sexta Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e mudou o rumo da vida profissional FOLHA DA SEXTA

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Objetivos da SMAM 2013

Objetivos da SMAM 2013 Objetivos da SMAM 2013 1. Conscientizar da importância dos Grupos de Mães (ou do Aconselhamento em Amamentação) no apoio às mães para iniciarem e manterem a amamentação. 2. Informar ao público sobre os

Leia mais

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. Eu quero não parar coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - de consigo.o usar que eu drogas f o? aç e Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

Nº 3 - Nov/14 TRABALHO COMUNITÁRIO

Nº 3 - Nov/14 TRABALHO COMUNITÁRIO ! Nº 3 - Nov/14 o ã ç n e t a A T S PRE TRABALHO COMUNITÁRIO Apresentação Esta nova edição da Coleção Presta Atenção! apresenta pontos importantes para a implantação de projetos e programas de base comunitária.

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 49 Discurso no encontro com grupo

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

Política de humanização no estado de São Paulo

Política de humanização no estado de São Paulo Artigo Política de humanização no estado de São Paulo Por Eliana Ribas A autora é psicanalista e doutora em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua como coordenadora

Leia mais

Jairo Martins da Silva. FOTOs: divulgação

Jairo Martins da Silva. FOTOs: divulgação Jairo Martins da Silva FOTOs: divulgação E N T R E V I S T A Disseminando qualidade e cultura Superintendente-geral da Fundação Nacional da Qualidade, Jairo Martins da Silva fala sobre o desafio da qualidade

Leia mais

RECUPERAÇÃO DE IMAGEM

RECUPERAÇÃO DE IMAGEM RECUPERAÇÃO DE IMAGEM Quero que saibam que os dias que se seguiram não foram fáceis para mim. Porém, quando tornei a sair consciente, expus ao professor tudo o que estava acontecendo comigo, e como eu

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - Sou so profes r a, Posso m a s n ão parar d aguento m e ai ensinar s? d a r a u la s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A

Leia mais

Entrevista 1.02 - Brenda

Entrevista 1.02 - Brenda Entrevista 1.02 - Brenda (Bloco A - Legitimação da entrevista onde se clarificam os objectivos do estudo, se contextualiza a realização do estudo e participação dos sujeitos e se obtém o seu consentimento)

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014. Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social

RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014. Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014 Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social Entidade: Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil Endereço: Rua Antônio Miguel Pereira

Leia mais

COMPLEXO HOSPITALAR UNIVERSITÁRIO DA UFMA. Orientações PARA PACIENTES E ACOMPANHANTES

COMPLEXO HOSPITALAR UNIVERSITÁRIO DA UFMA. Orientações PARA PACIENTES E ACOMPANHANTES COMPLEXO HOSPITALAR UNIVERSITÁRIO DA UFMA Orientações PARA PACIENTES E ACOMPANHANTES Prezado usuário Esta cartilha foi desenvolvida na perspectiva de orientá-lo sobre as rotinas das clínicas de internação

Leia mais

Doação de leite materno salva vidas de bebês nas UTIs

Doação de leite materno salva vidas de bebês nas UTIs Doação de leite materno salva vidas de bebês nas UTIs Além do atendimento especializado que somente a UTI Neonatal pode oferecer aos bebês prematuros, o leite materno é fundamental para que se desenvolvam

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR II REALIZADO NA UNIDADE BÁSICA DE SÁUDE VILA GAÚCHA PRISCILA DOS SANTOS LEDUR Porto Alegre 2011 PRISCILA DOS

Leia mais

MINUTA DE RESOLUÇÃO CFM

MINUTA DE RESOLUÇÃO CFM MINUTA DE RESOLUÇÃO CFM Dispõe sobre a normatização do funcionamento dos prontos-socorros hospitalares, assim como do dimensionamento da equipe médica e do sistema de trabalho. O Conselho Federal de Medicina,

Leia mais

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade.

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade. No programa de governo do senador Roberto Requião, candidato ao governo do estado pela coligação Paraná Com Governo (PMDB/PV/PPL), consta um capítulo destinado apenas à universalização do acesso à Saúde.

Leia mais

Instituto Sócrates Guanaes

Instituto Sócrates Guanaes Instituto Sócrates Guanaes Instituição de direito privado sem fins lucrativos; Fundado em 13 de julho de 2000; Qualificado como Organização Social; Reconhecido como instituição de utilidade pública municipal

Leia mais

Saiba como conciliar gravidez com o trabalho

Saiba como conciliar gravidez com o trabalho Page 1 of 8 06/05/2010 13h00 - Atualizado em 06/05/2010 19h09 Saiba como conciliar gravidez com o trabalho Grávidas podem trabalhar até último mês da gestação; veja dicas. Gestantes têm estabilidade a

Leia mais

Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008

Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008 Veículo: Site Estilo Gestão RH Data: 03/09/2008 Seção: Entrevista Pág.: www.catho.com.br SABIN: A MELHOR EMPRESA DO BRASIL PARA MULHERES Viviane Macedo Uma empresa feita sob medida para mulheres. Assim

Leia mais

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com TRECHO: A VOLTA POR CIMA Após me formar aos vinte e seis anos de idade em engenharia civil, e já com uma

Leia mais

Associação Lar do Neném

Associação Lar do Neném Criança Esperança 80 Associação Lar do Neném Recife-PE Marília Lordsleem de Mendonça Abraço solidário Todas as crianças são de todos : esse é o lema do Lar do Neném, uma instituição criada há 26 anos em

Leia mais

Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho

Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho Pronunciamento do Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci Filho Brasília, 02/01/2011 (Saudações e agradecimentos)... Senhoras e senhores,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM. Adelita Eneide Fiuza. Gustavo Costa de Oliveira

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM. Adelita Eneide Fiuza. Gustavo Costa de Oliveira UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM Adelita Eneide Fiuza Gustavo Costa de Oliveira RELATÓRIO FINAL DO ESTÁGIO CURRICULAR II NA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE VILA GAÚCHA Porto Alegre

Leia mais

A atenção obstétrica, neonatal, infantil e os desafios para alcançar os ODM 3, 4 e 5

A atenção obstétrica, neonatal, infantil e os desafios para alcançar os ODM 3, 4 e 5 A atenção obstétrica, neonatal, infantil e os desafios para alcançar os ODM 3, 4 e 5 A partir dos esforços para melhorar a saúde materno-infantil, tais como: Programa de Humanização do Parto e Nascimento

Leia mais

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO Ideia: Produção realizada a partir de um fato marcante e em algumas situações ocorre a mesclagem entre narrações e demonstrações de cenas. Personagens: A filha da doméstica

Leia mais

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe!

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! *MELHOR MÃE DO MUNDO Coaching para Mães Disponíveis, www.emotionalcoaching.pt 1 Nota da Autora Olá, Coaching

Leia mais

ÍNDICE. 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6. 2013 Demarest Advogados www.demarest.com.br Todos os Direitos Reservados

ÍNDICE. 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6. 2013 Demarest Advogados www.demarest.com.br Todos os Direitos Reservados ÍNDICE 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6 1. RESPONSABILIDADE SOCIAL 360º RESPONSABILIDADE SOCIAL 360º A Responsabilidade Social se apresenta como um tema cada vez mais

Leia mais

THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES.

THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES. THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES. ANA LUCIA MESQUITA DUMONT; Elisa Nunes Figueiredo. Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte SMSA-BH (Atenção Básica)

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS. Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS. Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi No dia 31 de outubro foi realizada, no Consulado Geral da Itália, a entrega do Prêmio Internacional Don

Leia mais

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação.

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Introdução Criar um filho é uma tarefa extremamente complexa. Além de amor,

Leia mais

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 Caro vizinho/condômino, Chegamos ao final do ano e gostaria de dizer a todos que, apesar das dificuldades e obstáculos que tivemos no início desta gestão, estamos caminhando.

Leia mais

Autoriza o Executivo Municipal a instituir o Projeto CASA DA GESTANTE, dando outras providências.

Autoriza o Executivo Municipal a instituir o Projeto CASA DA GESTANTE, dando outras providências. LEI N 2.210, DE 04 DE NOVEMBRO DE 1998. Autoriza o Executivo Municipal a instituir o Projeto CASA DA GESTANTE, dando outras providências. ANTONIO BRAZ GENELHU MELO, Prefeito Municipal de Dourados, Estado

Leia mais

Casa Saudável. Kit. 1 horta familiar permacultural para produção orgânica. 1 banheiro seco (compostável)

Casa Saudável. Kit. 1 horta familiar permacultural para produção orgânica. 1 banheiro seco (compostável) Casa Saudável Kit 1 banheiro seco (compostável) 1 caixa reservatório (cisterna) de 16 mil litros para captar água da chuva 1 horta familiar permacultural para produção orgânica Pequenas reformas e requalificação

Leia mais

Por que ouvir a sua voz é tão importante?

Por que ouvir a sua voz é tão importante? RESULTADOS Por que ouvir a sua voz é tão importante? Visão Tokio Marine Ser escolhida pelos Corretores e Assessorias como a melhor Seguradora pela transparência, simplicidade e excelência em oferecer soluções,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR III SERVIÇOS HOSPITALARES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR III SERVIÇOS HOSPITALARES 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM RELATÓRIO DE CONCLUSÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR III SERVIÇOS HOSPITALARES MARIÁ BARBALHO NARDI Orientadora: Prof.ª Drª Isabel Cristina Echer

Leia mais

MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL

MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL Lembro-me que haviam me convocado para uma entrevista de trabalho no NOVOTEL. Lembro-me de estar ansioso e ter passado a noite anterior preparando a minha entrevista. Como iria

Leia mais

DIREITO À VIDA A GESTÃO DA QUALIDADE E DA INTEGRALIDADE DO CUIDADO EM SAÚDE PARA A MULHER E A CRIANÇA NO SUS-BH: a experiência da Comissão Perinatal

DIREITO À VIDA A GESTÃO DA QUALIDADE E DA INTEGRALIDADE DO CUIDADO EM SAÚDE PARA A MULHER E A CRIANÇA NO SUS-BH: a experiência da Comissão Perinatal DIREITO À VIDA A GESTÃO DA QUALIDADE E DA INTEGRALIDADE DO CUIDADO EM SAÚDE PARA A MULHER E A CRIANÇA NO SUS-BH: a experiência da Comissão Perinatal Grupo temático: Direito à vida, à saúde e a condições

Leia mais

HISTÓRIAREAL. Como o Rodrigo passou do estresse total para uma vida mais balanceada. Rodrigo Pinto. Microsoft

HISTÓRIAREAL. Como o Rodrigo passou do estresse total para uma vida mais balanceada. Rodrigo Pinto. Microsoft HISTÓRIAREAL Rodrigo Pinto Microsoft Como o Rodrigo passou do estresse total para uma vida mais balanceada Com a enorme quantidade de informação, o funcionário perde o controle do que é prioritário para

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan.

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. A Professora Rosa Trombetta, Coordenadora de Cursos da FIPECAFI aborda o assunto elearning para os ouvintes da Jovem Pan Online. Você sabe o que

Leia mais

Esta entidade surgiu da preocupação do médico alagoano Alberto Augusto de Araújo Jorge com a questão da saúde em meu Estado.

Esta entidade surgiu da preocupação do médico alagoano Alberto Augusto de Araújo Jorge com a questão da saúde em meu Estado. Senhor Presidente Senhoras deputados Senhores deputados Quero hoje usar esta tribuna para parabenizar os primeiros cinquenta anos de uma instituição de saúde do meu Estado de Goiás, a Associação de Combate

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012. Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9 Assunto: Rio+20 Veículo: Site Correio Braziliense Data: 14/06/2012 Seção: Ser Sustentável Pág.: http://bit.ly/okj5q9

Leia mais

VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO.

VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO. VOCÊ DÁ O SEU MELHOR TODOS OS DIAS. CONTINUE FAZENDO ISSO. Qualquer hora é hora de falar sobre doação de órgãos. Pode ser à mesa do jantar, no caminho para o trabalho ou até mesmo ao receber este folheto.

Leia mais

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por:

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por: PRÊMIO ABF- AFRAS Destaque em Responsabilidade Social Elaborado por: Depyl Action Franchising Av. Bias Fortes, 932 sl. 304 Lourdes CEP: 30170-011 Belo Horizonte / MG Fone: 31 3222-7701 Belo Horizonte,

Leia mais

Freelapro. Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo

Freelapro. Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo Palestrante: Pedro Quintanilha Freelapro Título: Como o Freelancer pode transformar a sua especialidade em um produto digital ganhando assim escala e ganhando mais tempo Quem sou eu? Eu me tornei um freelancer

Leia mais

CONTADORES DE HISTÓRIA: EDUCAÇÃO E CULTURA NA SAÚDE

CONTADORES DE HISTÓRIA: EDUCAÇÃO E CULTURA NA SAÚDE Prêmio AEA 2014 - Projetos de Responsabilidade Social CONTADORES DE HISTÓRIA: EDUCAÇÃO E CULTURA NA SAÚDE Luana Costa*, Graziela Tamayosi*, Valdir Cimino** *Centro Tecnológico MAHLE Metal Leve S/A, **Associação

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO. NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO. NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org PROGRAMA DE VOLUNTARIADO NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org WEBSITES: Serviço de Voluntariado Europeu: http://www.sve.pt http://www.facebook.com/l.php?u=http%3a%2f%2fwww.sve.pt%2f&h=z

Leia mais

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013)

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) EXPEDIENTE CONSULTA Nº 011.881/13 ASSUNTO: Relação de proporcionalidade: Número de profissionais médicos e número de atendimentos. RELATORA:

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Coleta de Leite Materno: Minimizando Agravos à Recém Nascidos e Salvando vidas diariamente.

Mostra de Projetos 2011. Coleta de Leite Materno: Minimizando Agravos à Recém Nascidos e Salvando vidas diariamente. Mostra de Projetos 2011 Coleta de Leite Materno: Minimizando Agravos à Recém Nascidos e Salvando vidas diariamente. Mostra Local de: Paranavaí Categoria do projeto: II - Projetos finalizados Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

Chat com Fernanda Dia 17 de março de 2011

Chat com Fernanda Dia 17 de março de 2011 Chat com Fernanda Dia 17 de março de 2011 Tema: O papel do terapeuta ocupacional para pessoas em tratamento de leucemia, linfoma, mieloma múltiplo ou mielodisplasia Total atingido de pessoas na sala: 26

Leia mais

O maior desafio do Sistema Único de Saúde hoje, no Brasil, é político

O maior desafio do Sistema Único de Saúde hoje, no Brasil, é político O maior desafio do Sistema Único de Saúde hoje, no Brasil, é político Jairnilson Paim - define o SUS como um sistema que tem como característica básica o fato de ter sido criado a partir de um movimento

Leia mais

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP Case de Sucesso Integrando CIOs, gerando conhecimento. FERRAMENTA DE BPM TORNA CONTROLE DE FLUXO HOSPITALAR MAIS EFICAZ NO HCFMUSP Perfil O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo:

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I Conteúdo: - Alguns aspectos que interferem na saúde das pessoas - Saúde como Direito Constitucional dos brasileiros

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e

Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e Família Secretaria Municipal de Saúde CASC - Centro de Atenção a Saúde Coletiva Administração Municipal Horizontina RS Noroeste do Estado Distante 520 Km da

Leia mais

ACS Assessoria de Comunicação Social

ACS Assessoria de Comunicação Social DISCURSO DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO, HENRIQUE PAIM Brasília, 3 de fevereiro de 2014 Hoje é um dia muito especial para mim. É um dia marcante em uma trajetória dedicada à gestão pública ao longo de vários

Leia mais

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA:

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: CRESCENDO PESSOAL E PROFISSIONALMENTE. 08 a 11 de outubro de 2014 08 a 11 de outubro de 2014 Onde você estiver que haja LUZ. Ana Rique A responsabilidade por um ambiente

Leia mais

Edital nº 001/2010/GSIPR/SENAD / MS PLANO INTEGRADO DE ENFRENTAMENTO AO CRACK E OUTRAS DROGAS

Edital nº 001/2010/GSIPR/SENAD / MS PLANO INTEGRADO DE ENFRENTAMENTO AO CRACK E OUTRAS DROGAS PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL SECRETARIA NACIONAL DE POLITICAS SOBRE DROGAS MINISTÉRIO DA SAÚDE Comitê Gestor do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack e outras drogas

Leia mais

coleção Conversas #15 - NOVEMBRO 2014 - eg o. m r e é r q Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #15 - NOVEMBRO 2014 - eg o. m r e é r q Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. o coleção Conversas #15 - NOVEMBRO 2014 - Sou d advoga Será a que e é nã p o r consigo e q u e sou n m pr eg r eg o a?. Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção

Leia mais

Planejamento Estratégico

Planejamento Estratégico Planejamento Estratégico A decisão pela realização do Planejamento Estratégico no HC surgiu da Administração, que entendeu como urgente formalizar o planejamento institucional. Coordenado pela Superintendência

Leia mais

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS BRASÍLIA ECHARDT VIEIRA (CENTRO DE ATIVIDADES COMUNITÁRIAS DE SÃO JOÃO DE MERITI - CAC). Resumo Na Baixada Fluminense, uma professora que não está atuando no magistério,

Leia mais

coleção Conversas #22 - maio 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #22 - maio 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #22 - maio 2015 - assistente social. agora? Sou E Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo

Leia mais

Não é o outro que nos

Não é o outro que nos 16º Plano de aula 1-Citação as semana: Não é o outro que nos decepciona, nós que nos decepcionamos por esperar alguma coisa do outro. 2-Meditação da semana: Floresta 3-História da semana: O piquenique

Leia mais

CENTRO HISTÓRICO EMBRAER. Entrevista: Eustáquio Pereira de Oliveira. São José dos Campos SP. Abril de 2011

CENTRO HISTÓRICO EMBRAER. Entrevista: Eustáquio Pereira de Oliveira. São José dos Campos SP. Abril de 2011 CENTRO HISTÓRICO EMBRAER Entrevista: Eustáquio Pereira de Oliveira São José dos Campos SP Abril de 2011 Apresentação e Formação Acadêmica Meu nome é Eustáquio, estou com sessenta anos, nasci em Minas Gerais,

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária Apoio: Secretária municipal de educação de santo Afonso PROJETO INTERAÇÃO FAMÍLIA X ESCOLA: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. É imperioso que dois dos principais

Leia mais

Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores?

Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores? Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores? Noemi: É a velha história, uma andorinha não faz verão,

Leia mais

Disciplina MSP 0670-Atenção Primária em Saúde I. Atenção Básica e a Saúde da Família 1

Disciplina MSP 0670-Atenção Primária em Saúde I. Atenção Básica e a Saúde da Família 1 Disciplina MSP 0670-Atenção Primária em Saúde I Atenção Básica e a Saúde da Família 1 O acúmulo técnico e político dos níveis federal, estadual e municipal dos dirigentes do SUS (gestores do SUS) na implantação

Leia mais

PARTO NORMAL NA SAÚDE SUPLEMENTAR

PARTO NORMAL NA SAÚDE SUPLEMENTAR PROMOÇÃO DO PARTO NORMAL NA SAÚDE SUPLEMENTAR Ações já realizadas pela ANS desde 2004 Sensibilização do setor, promoção e participação ii em eventos para discussão com especialistas nacionais e internacionais

Leia mais

A hipertensão nas gestantes é a causa de mais de 90% dos partos prematuros não

A hipertensão nas gestantes é a causa de mais de 90% dos partos prematuros não Hipertensão é a maior causa de partos prematuros não espontâneos. Pesquisa orientada pelo Caism da Unicamp envolveu 20 hospitais no Brasil. Mães contam experiência em partos prematuros e seus bebês em

Leia mais

Gtp+ PROGRAMAS E PROJETOS Grupo de Trabalhos em Prevenção Posithivo (GTP+) Fundação em 2000, Recife-PE O Grupo de Trabalhos em Prevenção Posithivo é a única ONG da Região Nordeste do Brasil coordenada

Leia mais

AJUDA DE MÃE. APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT)

AJUDA DE MÃE. APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT) AJUDA DE MÃE APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT) Objectivos: Informar, apoiar, encaminhar e acolher a mulher grávida. Ajudar cada

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento,

Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento, Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos Secretaria Executiva de Desenvolvimento e Assistência Social Gerência de Planejamento, Projetos e Capacitação Ministério do Desenvolvimento Social

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS

HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS HISTÓRIA E PERSPECTIVAS DE VIDA DE ALCOOLISTAS Jéssica Molina Quessada * Mariana Caroline Brancalhão Guerra* Renata Caroline Barros Garcia* Simone Taís Andrade Guizelini* Prof. Dr. João Juliani ** RESUMO:

Leia mais

APÊNDICE 2 AÇÕES EMERGENCIAIS 2016-2017 DIVISÃO DE LOGÍSTICA E INFRAESTRUTURA HOSPITALAR

APÊNDICE 2 AÇÕES EMERGENCIAIS 2016-2017 DIVISÃO DE LOGÍSTICA E INFRAESTRUTURA HOSPITALAR APÊNDICE 2 AÇÕES EMERGENCIAIS 2016-2017 DIVISÃO DE LOGÍSTICA E INFRAESTRUTURA HOSPITALAR APRESENTAÇÃO A reestruturação do HULW, objetiva a implementação de assistência e ensino de qualidade, e isso não

Leia mais

Filosofia de trabalho e missões

Filosofia de trabalho e missões Filosofia de trabalho e missões As atividades de ensino e assistência na UTI Neonatal do Hospital São Paulo, Hospital Universitário da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (HPS-EPM/Unifesp),

Leia mais

Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares

Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares 1 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem THAÍLA TANCCINI Relatório de Conclusão do Estágio Curricular III Serviços Hospitalares Porto Alegre 2011 2 THAÍLA TANCCINI Relatório de

Leia mais

Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN

Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN Hospital Universitário Ana Bezerra HUAB/UFRN DIMENSIONAMENTO DE SERVIÇOS ASSISTENCIAIS E DA GERÊNCIA DE ENSINO E PESQUISA BRASÍLIA-DF, 27 DE MARÇO DE 2013. Página 1 de 20 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1.

Leia mais

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba.

Conviver Rural Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência. Grandes resultados para os pequenos produtores do Jaíba. Para se ter eficiência energética é preciso ter inteligência Desde 1998, por lei, toda distribuidora de energia precisa investir em ações que reduzam o desperdício de energia elétrica. Uma determinação

Leia mais

Uma área em expansão. Radiologia

Uma área em expansão. Radiologia Uma área em expansão Conhecimento especializado e treinamento em novas tecnologias abrem caminho para equipes de Enfermagem nos serviços de diagnóstico por imagem e radiologia A atuação da Enfermagem em

Leia mais

A CONTINUIDADE DO CUIDADO À MULHER E AO RECÉM NASCIDO APÓS O PARTO E NASCIMENTO: PERSPECTIVAS PARA O CUIDADO INTEGRADOR E AUTOMIZANTE

A CONTINUIDADE DO CUIDADO À MULHER E AO RECÉM NASCIDO APÓS O PARTO E NASCIMENTO: PERSPECTIVAS PARA O CUIDADO INTEGRADOR E AUTOMIZANTE A CONTINUIDADE DO CUIDADO À MULHER E AO RECÉM NASCIDO APÓS O PARTO E NASCIMENTO: PERSPECTIVAS PARA O CUIDADO INTEGRADOR E AUTOMIZANTE EXPERIÊNCIA DA ONG BEM NASCER O que eu venho falar aqui, não nasceu

Leia mais

Sinopse I. Idosos Institucionalizados

Sinopse I. Idosos Institucionalizados II 1 Indicadores Entrevistados Sinopse I. Idosos Institucionalizados Privação Até agora temos vivido, a partir de agora não sei Inclui médico, enfermeiro, e tudo o que for preciso de higiene somos nós

Leia mais

Cuidando da Minha Criança com Aids

Cuidando da Minha Criança com Aids Cuidando da Minha Criança com Aids O que é aids/hiv? A aids atinge também as crianças? Como a criança se infecta com o vírus da aids? Que tipo de alimentação devo dar ao meu bebê? Devo amamentar meu bebê

Leia mais

coleção Conversas #11 - agosto 2014 - n a h u e s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #11 - agosto 2014 - n a h u e s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #11 - agosto 2014 - Não quero s o a negra a m e pr s s eu e n ta min Respostas r pais. So perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. h u a n ra a m cis o t r a a?

Leia mais

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em conjunto com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com perguntas respondidas pelo presidente Lula Manaus-AM,

Leia mais

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa Ricardo Pereira Antes de começar por Ricardo Pereira Trabalhando na Templum Consultoria eu tive a rara oportunidade

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

5.1 Nome da iniciativa ou Projeto. Academia Popular da Pessoa idosa. 5.2 Caracterização da Situação Anterior

5.1 Nome da iniciativa ou Projeto. Academia Popular da Pessoa idosa. 5.2 Caracterização da Situação Anterior 5.1 Nome da iniciativa ou Projeto Academia Popular da Pessoa idosa 5.2 Caracterização da Situação Anterior O envelhecimento é uma realidade da maioria das sociedades. No Brasil, estima-se que exista, atualmente,

Leia mais

36. DÚVIDAS NA ESCOLHA DE UMA NOVA RESIDÊNCIA. DECIDIR É DIFÍCIL. UMA LUTA DA CONVENIÊNCIA COM O CORAÇÃO

36. DÚVIDAS NA ESCOLHA DE UMA NOVA RESIDÊNCIA. DECIDIR É DIFÍCIL. UMA LUTA DA CONVENIÊNCIA COM O CORAÇÃO 36. DÚVIDAS NA ESCOLHA DE UMA NOVA RESIDÊNCIA. DECIDIR É DIFÍCIL. UMA LUTA DA CONVENIÊNCIA COM O CORAÇÃO AQUI TEM UM FATO INUSITADO. QUE PASSA DESPERCEBIDO PELA MAIORIA DAS PESSOAS, NÃO TREINADAS NA ARTE

Leia mais

I SEMINÁRIO NACIONAL DO PROGRAMA NACIONAL DE REORIENTAÇÃO DA FORMAÇÃO PROFISIONAL EM SAÚDE PRÓ-SAÚDE II

I SEMINÁRIO NACIONAL DO PROGRAMA NACIONAL DE REORIENTAÇÃO DA FORMAÇÃO PROFISIONAL EM SAÚDE PRÓ-SAÚDE II Ministério da Educação Secretaria de Ensino Superior Diretoria de Hospitais Univ ersitários e Residências em Saúde A articulação da Graduação em Saúde, dos Hospitais de Ensino e das Residências em Saúde

Leia mais