Esgotamento Sanitário em Aracaju e Barra dos Coqueiros SE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Esgotamento Sanitário em Aracaju e Barra dos Coqueiros SE"

Transcrição

1 SERGIPE ANOS

2 Esgotamento Sanitário em Aracaju e Barra dos Coqueiros SE

3 Instalação de Redes Coletoras Aracaju e Barra dos Coqueiros SE Campo de Piranema SE

4 Apresentação A parceria do Governo Federal com os Estados e os Municípios brasileiros, um dos pilares do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), assume importância ainda maior diante do cenário de crise mundial e do desafio de manter os investimentos públicos para que o País continue na rota de crescimento, além de garantir os empregos e os benefícios sociais gerados pelo Programa. É por isso que, ao invés de paralisar obras em andamento como se fazia nas crises anteriores, o Governo Federal decidiu pisar no acelerador e aumentar o ritmo e o volume das ações do PAC. No lançamento, há dois anos, o Programa previa investir R$ 503,9 bilhões, até Com a inclusão de novas ações, o montante para o período subiu para R$ 646 bilhões. Mais R$ 502,2 bilhões foram adicionados ao programa para investimentos após Modernizar a infraestrutura, melhorar o ambiente de negócios, estimular o crédito e o financiamento, aperfeiçoar a gestão pública e elevar a qualidade de vida da população são alguns dos objetivos do PAC. Além disso, suas ações e obras geram empregos, que garantem renda e consumo para milhares de trabalhadores e suas famílias. Ao lado de programas sociais, como o Bolsa Família, e da futura exploração do petróleo da camada pré-sal, o PAC é um instrumento estratégico de inclusão social e de promoção do desenvolvimento. Este caderno contém informações atualizadas até dezembro de 2008, sobre o andamento das ações do PAC no seu estado e na sua região. Contém, ainda, uma síntese dos resultados alcançados no estado por programas sociais como o Bolsa Família, ProJovem, ProUni, Territórios da Cidadania, Pronaf e na geração de empregos. Na parte relativa ao PAC, nos eixos de infraestrutura Logística, Energética e Social-Urbana, primeiro são apresentadas as ações exclusivas do Estado. A seguir são relacionadas as obras de abrangência regional. Os empreendimentos são apresentados com seus respectivos valores e estágios de execução, que podem ser ações preparatórias (projeto e/ou licenciamento), licitação (do edital até o início da obra), obra em andamento ou obra concluída. Com a edição deste relatório, nosso objetivo é dar transparência às informações e, assim, proporcionar que qualquer pessoa possa acompanhar o andamento das ações governamentais no estado. Mais informações também estão à disposição na página eletrônica do Governo Federal: Comitê Gestor do PAC Março de

5 - Sergipe INVESTIMENTO TOTAL Até 2010 Pós 2010 R$ 9,0 Bilhões R$ 7,0 Bilhões R$ 2,0 Bilhões Em R$ Milhões Eixo Empreendimentos exclusivos Empreendimentos de caráter regional Pós Pós 2010 Logística 610, Energética 3.520, ,8 859,1 - Social e Urbana 2.024,6-16,0 - TOTAL 6.155, ,8 875,1 - Não inclui FNHIS e Financiamento Habitacional Pessoa Física 2009 e

6 Infra-estrutura Logística - SE Estratégia ¾Ampliar a infraestrutura logística existente para: ¾Melhorar as condições da interligação de Sergipe com os demais estados do Nordeste: BR-101 ¾Apoio ao turismo: BR-101 BR-101 Duplicação e modernização Divisa AL/SE Divisa SE/BA BR-101 Duplicação Contorno de Aracaju Obra em Andamento Licitação da obra 6

7 Infra-estrutura Logística - SE Empreendimentos exclusivos Tipo Subtipo Empreendimento Rodovias Rodovias Rodovias Controle de Velocidade Duplicação Duplicação Previsto (Milhões) Após 2010 (Milhões) Controle de Velocidade - SE 3,5 - BR-101/SE - Duplicação - Contorno de Aracaju BR-101/SE - Duplicação/Modernização - Divisa AL/SE - Divisa SE/BA Estágio Licitação da Obra 75,0 - Obra 420,0 - Licitação da Obra Ação Preparatória Rodovias Estudos e Projetos Estudos e Projetos - SE 26,8 - Rodovias Manutenção Manutenção de Rodovias - SE 81,8 - Obra Rodovias Sinalização Sinalização - SE 2,9 - Obra TOTAL 610,

8 Infra-estrutura Energética - SE Estratégia ¾Garantir a segurança energética e modicidade tarifária para o Sergipe e Região Nordeste ¾Ampliação da malha de gasodutos garantindo suprimento de gás natural ¾Desenvolver e ampliar a produção de petróleo no Estado LT Jardim Penedo Malha Nordeste Campo de Piranema Desenvolvimento da Produção de Petróleo em Sergipe e Alagoas Iolando Leite PROINFA UTEs - Leilões 2008 João Neiva Nossa Senhora do Socorro Obra Concluída Obra em Andamento Licitação da obra 8

9 Infra-estrutura Energética - SE Empreendimentos exclusivos Tipo Subtipo Empreendimento Geração de Energia Elétrica Geração de Energia Elétrica Usina Termelétrica a Gás Natural Usina Termelétrica a Óleo Usina Termelétrica a Biomassa Previsto (Milhões) Após 2010 (Milhões) Estágio MC2 João Neiva 342,7 317,3 Licitação da Obra MC2 Nossa Senhora do Socorro 182,8 169,2 Licitação da Obra Geração de Energia Elétrica - Proinfa Iolando Leite 11,3 - Concluída Petróleo e Gás Natural Exploração e Produção Campo de Piranema 532,6 - Concluída Desenvolvimento da Petróleo e Gás Natural Exploração e Produção Produção. Sergipe e 2.451, ,3 Obra Alagoas TOTAL 3.520, ,8 - Empreendimentos REGIONAIS Tipo Subtipo Empreendimento UF Transmissão de Energia Elétrica Petróleo e Gás Natural Linha de Transmissão Gasodutos Previsto (Milhões) Após 2010 (Milhões) Estágio Jardim - Penedo AL/SE 30,5 - Licitação da Obra Gasoduto Malha Nordeste AL/BA/RN/ SE 828,6 - Concluída TOTAL 859,

10 Infra-estrutura Social e Urbana - SE Estratégia ¾Realizar ligações entre 2007 e 2010: Luz para Todos ¾Melhorar as condições de vida da população, garantindo: ¾Ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Aracaju e Nossa Senhora do Socorro: revitalização da Bacia do Rio Sergipe e despoluição de praias ¾Ampliação do sistema de abastecimento de água de Aracaju, entre outros municípios ¾Urbanização de favelas com remoção de moradias localizadas em áreas de risco: Santa Maria e Coqueiral em Aracaju, entre outras 10

11 Infra-estrutura Social e Urbana - SE Estratégia ¾Aumento da oferta de água para o consumo humano e para a produção ¾Distribuição equilibrada de água, com priorização das regiões mais críticas ¾Revitalização do Rio São Francisco Perímetro de Irrigação Jacaré-Curituba Estudos Projeto Canal do Xingó Revitalização da Bacia do Rio São Francisco Programa Água para Todos Adutora São Francisco Obra em Andamento Licitação da obra Ação Preparatória 11

12 Infra-estrutura Social e Urbana - SE Empreendimentos exclusivos Tipo Subtipo Empreendimento Previsto (Milhões) Após 2010 (Milhões) Estágio Luz para Todos Luz para Todos Universalização do Acesso à Energia 290,5 - Obra Elétrica - SE Recursos Hídricos Água Bruta Adutora São Francisco 130,0 - Obra Recursos Hídricos Água para Todos Programa Água para Todos 17,5 - Licitação da Obra Recursos Hídricos Irrigação Perímetro de Irrigação Jacaré/Curituba - 51,0 - Obra Implantação Recursos Hídricos Irrigação Canal do Xingó - Estudos. 10,0 - Ação Preparatória Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Reflorestamento 2,9 - Licitação da Obra Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Obras de pequeno porte 6,0 - Licitação da Obra Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Recuperação de áreas degradadas em comunidades 10,7 - Licitação da Obra tradicionais Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Resíduos Sólidos 1,9 - Ação Preparatória Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Esgotamento Sanitário 60,1 - Obra Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Contenção de barrancas 0,9 - Licitação da Obra TOTAL 581,

13 Infra-estrutura Social e Urbana - SE Empreendimentos REGIONAIS Tipo Subtipo Empreendimento UF Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Recursos Hídricos Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Revitalização de Bacias Processos Erosivos - Controle de Cheias Processos Erosivos - Gestão Ambiental Perímetros de Irrigação Processos Erosivos - Plano Integrado de Desenvolvimento Florestal Processos Erosivos - Projeto ZEE - BHSF Processos Erosivos - Modernização da Rede de Monitoramento Processos Erosivos - Desenvolvimento de tecnologias aplicadas a conservação de agua e solo Processos Erosivos - Cadastro de usuarios de agua Obras AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/BA/MG/ PE/SE AL/MG/PE/ SE Previsto (Milhões) Após 2010 (Milhões) Estágio 1,5 - Licitação da Obra 2,0 - Licitação da Obra 3,2 - Licitação da Obra 0,7 - Licitação da Obra 2,0 - Licitação da Obra 1,3 - Licitação da Obra 0,5 - Licitação da Obra 4,8 - Licitação da Obra TOTAL 16,

14 Infra-estrutura Social e Urbana - SE SANEAMENTO Total: R$ 377,3 Milhões Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Aracaju Estado Ampliação do sistema de abastecimento de água na sede municipal - construção da barragem e da ETA do ,0 Obra Rio Poxim Aracaju Estado Ampliação do sistema de abastecimento de água - Construção da barragem e da ETA do Rio Poxim ,0 Contratado Aracaju Estado Ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Aracaju - Bairros Atalaia, Coroa do Meio, São Conrado, Grageru, Índio Palentin, Ponto Novo, Sol Nascente, Cartelo ,5 Obra Branco e do município de Barra dos Coqueiros Aracaju Município Construção e equipamentos para 1 galpão de triagem para catadores (M) 843,6 Contratado Aracaju Deso Estudos e projetos de ampliação do sistema de esgotamento sanitário por rede coletiva 3.570,0 Em Contratação Aracaju Município Saneamento integrado e urbanização em Santa Maria e Porto Dantas (Invasão Coqueiral) ,8 Obra Carira Município Estudos e projetos - Projeto integrado de Saneamento Básico 210,0 Em Contratação Estância Município Ampliação do sistema de abastecimento de água na sede municipal - substituição de 17 km de redes 1.106,6 Obra Estância Município Ampliação do sistema de abastecimento de água dos Conjuntos Santo Antônio, Paulo Amaral e Bairro Candeal - 2 poços tubulares, adutoras, 2 ETAs compactas, 1.304,2 Contratado 2 elevatórias e 2 reservatórios Frei Paulo Município Elaboração de estudos e projetos 210,0 Em Contratação Itabaiana Estado Ampliação do sistema de abastecimento de água na sede municipal 7.556,0 Contratado Lagarto Estado Ampliação do sistema de abastecimento de água - implantação do subsistema de Pururuca 2.968,9 Contratado Lagarto Estado Implantação da rede de distribuição de água do setor R-2 e subsistemas Estancinhas, Urubu Grande e Mariquita 5.549,1 Obra Maruim Município Estudos e projetos - Projeto integrado de Saneamento Básico 210,0 Em Contratação 14

15 Infra-estrutura Social e Urbana - SE SANEAMENTO Município Beneficiado Nossa Senhora do Socorro Ribeirópolis São Cristóvão São Cristóvão Tomar do Geru Proponente Estado Município Estado Deso Município Tipo Ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Nossa Senhora do Socorro (Conjunto João Alves, Jardim Piabetá e sede municipal) e de Aracaju (Bairro Santa Maria) - Projeto de Revitalização da Bacia do Rio Sergipe Estudos e projetos - Projeto integrado de Saneamento Básico Ampliação do sistema de esgotamento sanitário na sede municipal Desenvolvimento Institucional objetivando também a redução de perdas - primeira etapa Estudos e projetos - Projeto integrado de Saneamento Básico Previsto (Milhares) Estágio ,0 Obra 315,0 Em Contratação 6.502,6 Contratado ,0 Em Contratação 210,0 Em Contratação TOTAL ,3-15

16 Infra-estrutura Social e Urbana - SE SANEAMENTO - FUNASA Total: R$ 75,9 Milhões Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Aquidabã Estado Abastecimento de água 585,0 Contratado Aquidabã Estado Esgotamento sanitário 3.420,0 Contratado Aquidabã Prefeitura Melhorias habitacionais 150,0 Em Contratação Aquidabã Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 800,0 Em Contratação Brejo Grande Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Campo do Brito Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 43,6 Obra Canhoba Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Canhoba Estado Esgotamento sanitário 1.200,0 Em Contratação Canhoba Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 200,0 Em Contratação Capela Prefeitura Abastecimento de água 1.147,1 Contratado Capela Prefeitura Esgotamento sanitário 3.800,0 Contratado Capela Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 548,5 Contratado Cristinápolis Estado Abastecimento de água 765,0 Contratado Cristinápolis Estado Esgotamento sanitário 3.555,0 Contratado Cristinápolis Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 500,0 Em Contratação Cumbe Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Cumbe Estado Esgotamento sanitário 1.700,0 Contratado Cumbe Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 194,0 Contratado Frei Paulo Prefeitura Saneamento em áreas quilombolas 67,5 Contratado Gararu Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado General Maynard Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Indiaroba Estado Água na escola 45,0 Em Contratação Itabaiana Prefeitura Melhorias habitacionais 150,0 Contratado Itabaianinha Prefeitura Melhorias habitacionais 230,0 Contratado Itabi Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Japaratuba Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Japaratuba Estado Esgotamento sanitário 2.520,0 Contratado Japaratuba Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 350,0 Contratado Japoatã Prefeitura Abastecimento de água 139,7 Obra Japoatã Estado Abastecimento de água 350,0 Em Contratação 16

17 Infra-estrutura Social e Urbana - SE SANEAMENTO - FUNASA Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Japoatã Estado Esgotamento sanitário 3.000,0 Em Contratação Japoatã Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 400,0 Contratado Lagarto Prefeitura Melhorias habitacionais 150,0 Em Contratação Laranjeiras Estado Abastecimento de água 1.665,0 Contratado Laranjeiras Prefeitura Esgotamento sanitário 3.500,0 Contratado Laranjeiras Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 661,4 Contratado Macambira Prefeitura Melhorias habitacionais 150,0 Contratado Malhada dos Bois Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Monte Alegre de Sergipe Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Muribeca Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Neópolis Estado Abastecimento de água 720,0 Contratado Neópolis Estado Esgotamento sanitário 3.420,0 Contratado Neópolis Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 700,0 Contratado Nossa Senhora das Dores Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 186,7 Obra Nossa Senhora de Lourdes Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Nossa Senhora de Lourdes Estado Esgotamento sanitário 2.200,0 Contratado Nossa Senhora de Lourdes Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 300,0 Em Contratação Pirambu Estado Abastecimento de água 360,0 Contratado Pirambu Estado Esgotamento sanitário 2.550,0 Contratado Pirambu Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 200,0 Em Contratação Poço Redondo Prefeitura Abastecimento de água 416,5 Obra Poço Redondo Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Poço Redondo Prefeitura Água na escola 45,0 Contratado Poço Redondo Prefeitura Esgotamento sanitário 4.600,0 Contratado Poço Redondo Prefeitura Melhorias habitacionais 150,0 Contratado Poço Redondo Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 200,0 Contratado Poço Redondo Funasa Saneamento rural 179,6 Obra Porto da Folha Estado Abastecimento de água 540,0 Contratado Porto da Folha Prefeitura Esgotamento sanitário 1.995,0 Contratado Porto da Folha Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 399,0 Contratado Porto da Folha Funasa Saneamento em áreas indígenas 9,0 Obra Porto da Folha Funasa Saneamento em áreas indígenas 59,3 Em Contratação Propriá Estado Abastecimento de água 1.440,0 Contratado 17

18 Infra-estrutura Social e Urbana - SE SANEAMENTO - FUNASA Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Propriá Estado Esgotamento sanitário 2.520,0 Contratado Propriá Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 900,0 Em Contratação Riachuelo Estado Abastecimento de água 495,0 Contratado Riachuelo Estado Esgotamento sanitário 1.500,0 Contratado Riachuelo Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 500,0 Contratado Ribeirópolis Estado Abastecimento de água 630,0 Contratado Ribeirópolis Estado Esgotamento sanitário 2.745,0 Contratado Ribeirópolis Prefeitura Melhorias habitacionais 145,0 Contratado Ribeirópolis Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 500,0 Contratado Santa Luzia do Itanhy Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Santana do São Francisco Estado Abastecimento de água 450,0 Contratado Santana do São Francisco Estado Esgotamento sanitário 2.160,0 Contratado Santana do São Francisco Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 515,0 Contratado Simão Dias Estado Abastecimento de água 1.260,0 Contratado Simão Dias Estado Esgotamento sanitário 2.500,0 Contratado Simão Dias Prefeitura Melhorias sanitárias domiciliares 800,0 Em Contratação Siriri Prefeitura Abastecimento de água 315,0 Contratado Telha Estado Abastecimento de água 315,0 Contratado Tomar do Geru Prefeitura Abastecimento de água 30,2 Obra Umbaúba Prefeitura Melhorias habitacionais 145,5 Contratado TOTAL ,6-18

19 Infra-estrutura Social e Urbana - SE HABITAÇÃO Total: Total: R$ 990,1 R$ xxxx Milhões Urbanização e Produção Habitacional - : R$ 96,7 Milhões Empréstimo para Pessoa Física - : R$ 893,4 Milhões Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Aquidabã Estado Produção Habitacional - Aquidabã I 678,1 Contratado Aracaju Município Urbanização - Santa Maria 2ª etapa ,6 Em Obras Aracaju Município Urbanização - Bairro Santa Maria ,0 Em Obras Aracaju Município Urbanização - Santa Maria ,3 Em Obras Aracaju Município Urbanização - Comunidade Ponta da Asa 4.670,2 Contratado Aracaju Estado Elaboração de Plano Municipal de Habitação 793,2 Contratado Aracaju Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 63,1 Contratado Barra dos Coqueiros Estado Urbanização - Barra dos Coqueiros III 2.197,7 Em Obras Barra dos Coqueiros Município Produção Habitacional - Invasão do Guaxinim 503,3 Em Obras Barra dos Coqueiros Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 30,9 Contratado Canindé de São Francisco Município Produção Habitacional - Bairro Olaria 641,1 Em Obras Capela Estado Produção Habitacional - Capela I 681,6 Contratado Carira Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 30,9 Contratado Estância Município Produção Habitacional - Bairro Bonfim 767,4 Contratado Itabaiana Município Urbanização - Conjuntos Maria do Carmo I e II e Maria do Espírito Santo 2.100,0 Em Obras Itabaiana Estado Produção Habitacional - Itabaiana II 554,9 Contratado Itaporanga d'ajuda Estado Produção Habitacional - Itaporanga 712,6 Contratado Itaporanga d'ajuda Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 62,9 Contratado Lagarto Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 62,9 Contratado Maruim Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 30,9 Contratado Moita Bonita Estado Produção Habitacional - Moita Bonita 803,9 Contratado Monte Alegre de Sergipe Estado Produção Habitacional - Monte Alegre I 748,4 Contratado Nossa Senhora da Glória Município Produção Habitacional - Conjuntos Lagoa Bonita e Mandacaru 524,0 Em Obras 19

20 Infra-estrutura Social e Urbana - SE HABITAÇÃO Município Beneficiado Proponente Tipo Previsto (Milhares) Estágio Nossa Senhora da Glória Estado Produção Habitacional - Nossa Senhora da Gloria 505,6 Contratado Nossa Senhora das Dores Município Produção Habitacional - Sede do município 521,9 Contratado Nossa Senhora das Dores Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 46,3 Contratado Nossa Senhora das Dores Município Assistência Técnica - Núcleo Habitacional Deputado Jorge Alberto e Lealdo Costa 20,6 Contratado Nossa Senhora de Lourdes Nossa Senhora do Socorro Estado Produção Habitacional - Nossa Senhora de Lourdes 513,5 Contratado Município Urbanização - Conjunto Marcos Freire II 5.848,5 Em Obras Poço Redondo Município Produção Habitacional - Bairro Lídia Souza 525,5 Em Obras Poço Redondo Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 66,0 Contratado Poço Redondo Município Assistência Técnica - Sede do município 41,2 Contratado Poço Verde Estado Produção Habitacional - Poço Verde I 766,6 Contratado Porto da Folha Município Produção Habitacional - Bairro Matadouro 508,9 Em Obras Porto da Folha Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 63,0 Contratado Propriá Município Produção Habitacional - Bairro Matadouro 608,3 Contratado Ribeirópolis Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 30,9 Contratado Santa Rosa de Lima Município Produção Habitacional - Matança 437,6 Contratado Santo Amaro das Brotas Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 25,7 Contratado São Cristóvão Município Produção Habitacional - Invasão Maria do Carmo 854,0 Em Obras Simão Dias Município Produção Habitacional - Conjunto Residencial Belita Valadares 650,8 Contratado Simão Dias Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 62,2 Contratado Tomar do Geru Município Elaboração de Plano Municipal de Habitação 30,9 Contratado TOTAL ,6-20

21 Programa Água para Todos Cisternas SE

22

23 Outros projetos importantes em Sergipe

24 PDE - Plano de Desenvolvimento de Educação Expansão da Rede Federal de Escolas Técnicas Cefet Sergipe EAF São Cristovão Uned Lagarto SITUAÇÃO EM FEVEREIRO/2009 Unidades Pré-existentes Novas Unidades com obras em andamento Uned Estância Uned Itabaiana Nossa Senhora da Glória CEFET - Centro Federal de Educação Tecnológica; EAF - Escola Agrotécnica Federal; UNED - Unidade Descentralizada de Ensino. 24

25 PDE - Plano de Desenvolvimento de Educação Expansão da Rede Federal de Ensino Superior UFS - Campus São Cristóvão SITUAÇÃO EM FEVEREIRO/ UFS - Campus Itabaiana Universidades pré-existentes - REUNI - novas vagas 03 UFS - Campus Laranjeiras Novos campi com obras em andamento e em funcionamento Novos campi em ação preparatória Vagas existentes Vagas previstas - REUNI IFES UFS Total Programa Universidade Para Todos - ProUni PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI (2005 a 2008) Estudantes beneficiados Fonte: Ministério da Educação (janeiro de 2009) 25

26 Territórios da Cidadania Sertão Ocidental População: Areia Branca Campo do Brito Carira Frei Paulo Itabaiana Lagarto Macambira Malhador Moita Bonita Nossa Senhora Aparecida Pedra Mole Pinhão Poço Verde Riachão do Dantas Ribeirópolis São Domingos São Miguel do Aleixo Simão Dias Tobias Barreto Sertão Ocidental - SE Alto Sertão - SE Baixo São Francisco - SE Amparo de São Francisco Brejo Grande Canhoba Cedro de São João Ilha das Flores Japoatã Malhada dos Bois Baixo São Francisco População: Muribeca Neópolis Pacatuba Propriá Santana do São Francisco São Francisco Telha Sul Sergipano (Atingo Centro Sul) Arauá Boquim Cristinápolis Estância Indiaroba Itabaianinha Itaporanga População: Sul Sergipano - SE d`ajuda Pedrinhas Salgado Santa Luzia do Itanhy Tomar do Geru Umbaúba Alto Sertão População: Canindé de São Francisco Gararu Monte Alegre de Sergipe Nossa Senhora da Glória Nossa Senhora de Lourdes Poço Redondo Porto da Folha INVESTIMENTOS PREVISTOS EM 2009: R$ 646,23 milhões Território Apoio a Atividades Produtivas Cidadania e Direitos Infra-Estrutura Total (R$) Alto Sertão - SE , , , ,37 Baixo São Francisco - SE , , , ,79 Sertão Ocidental - SE , , , ,75 Sul Sergipano - SE , , , ,98 TOTAL , , , ,89 26

27 Pronaf PROGRAMA NACIONAL DE FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR Ano Agrícola 2007/ contratos R$ 79,24 milhões Ministério do Desenvolvimento Agrário (janeiro de 2009) Bolsa Família BOLSA FAMÍLIA Número de famílias atendidas Valor anual dos benefícios R$ 16,59 milhões Fonte: Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (janeiro de 2009) ProJovem PROJOVEM (2007/2008) Número de vagas disponibilizadas Fonte: Secretaria Geral da Presidência da república (janeiro de 2009) Crescimento do Emprego EVOLUÇÃO DO EMPREGO FORMAL (2007 e 2008) Novos Postos (jan/2007 a dez/2008) Variação em 24 meses (%) ,66 Fonte: Relação Anual de Informações Sociais RAIS (2007): Cadastro Geral de Empregados e Desempregados CAGED (2008) 27

28

Comitê Gestor do PAC

Comitê Gestor do PAC SERGIPE Apresentação Esta publicação apresenta informações regionalizadas do 4º balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), referente a abril de 2008. Traz, também, dados sobre outros importantes

Leia mais

LEIS QUE REGULAM OBRIGAÇÕES DE PEQUENO VALOR 13/01/2015

LEIS QUE REGULAM OBRIGAÇÕES DE PEQUENO VALOR 13/01/2015 LEIS QUE REGULAM OBRIGAÇÕES DE PEQUENO VALOR 13/01/2015 TETO DA PREVIDÊNCIA: R$ 4.663,75 (quatro mil, seiscentos e sessenta e três reais e setenta e cinco centavos) SALÁRIO MÍNIMO: R$ 788,00 (setecentos

Leia mais

Sergipe SERGIPE JANEIRO-ABRIL/2013

Sergipe SERGIPE JANEIRO-ABRIL/2013 Sergipe SERGIPE 7º Balanço JANEIRO-ABRIL/2013 apresentação O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) melhora a vida de milhões de brasileiros que vivem nas grandes cidades e fora dos centros urbanos.

Leia mais

APRESENTAÇÃO. O PAC 2 entra no ano IV e já é possível sentir o seu legado um país mais competitivo, de vida para todos.

APRESENTAÇÃO. O PAC 2 entra no ano IV e já é possível sentir o seu legado um país mais competitivo, de vida para todos. SERGIPE APRESENTAÇÃO Com mais de 30 mil empreendimentos espalhados por todo o território nacional, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) completa três anos com alta execução. Até 31 dezembro

Leia mais

Planejamento Estratégico do Governo de Sergipe Aracaju, 31 de março de 2015 Ricardo Lacerda

Planejamento Estratégico do Governo de Sergipe Aracaju, 31 de março de 2015 Ricardo Lacerda Os desequilíbrios territoriais e as Políticas Públicas em Sergipe Planejamento Estratégico do Governo de Sergipe Aracaju, 31 de março de 2015 Ricardo Lacerda MAPA DOS TERRITÓRIOS DE PLANEJAMENTO DE SERGIPE

Leia mais

4º Balanço JANEIRO/ABRIL 2012

4º Balanço JANEIRO/ABRIL 2012 SERGIPE 4º Balanço JANEIRO/ABRIL 2012 O CÍRCULO VIRTUOSO DO DESENVOLVIMENTO Sergipe Apresentação O Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2) não para de bater recordes, garantindo que o investimento

Leia mais

PORTARIA Nº 1.944, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2016

PORTARIA Nº 1.944, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2016 PORTARIA Nº 1.944, DE 1 DE DEZEMBRO DE 216 Remaneja o limite financeiro anual referente à Assistência de Média e Alta Complexidade Hospitalar e Ambulatorial do Estado de Sergipe. O Secretário de Atenção

Leia mais

SERGIPE. 5º Balanço. maio/setembro 2O12. O círculo virtuoso do desenvolvimento

SERGIPE. 5º Balanço. maio/setembro 2O12. O círculo virtuoso do desenvolvimento SERGIPE Sergipe O círculo virtuoso do desenvolvimento 5º Balanço maio/setembro 2O12 Apresentação A segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) continua quebrando recordes. A cada balanço

Leia mais

CALENDÁRIO 2015 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO

CALENDÁRIO 2015 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO CALENDÁRIO 2015 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO 01/01 Confraternização Universal 15/01 Santo Amaro das Brotas (Padroeiro) 20/01 Poço Verde (Padroeiro) 20/01

Leia mais

CALENDÁRIO 2016 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO

CALENDÁRIO 2016 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO CALENDÁRIO 2016 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO 01/01 Confraternização Universal 05/01 N. Sra. da Glória (Festa dos Santos Reis) 15/01 Santo Amaro das Brotas

Leia mais

CALENDÁRIO 2014 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS

CALENDÁRIO 2014 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS CALENDÁRIO 2014 COMARCAS DE ARACAJU E DO INTERIOR DO ESTADO E RESPECTIVOS DISTRITOS JANEIRO 01/01 Confraternização Universal 15/01 Santo Amaro das Brotas (Padroeiro) 20/01 Poço Verde (Padroeiro) 20/01

Leia mais

APRESENTAÇÃO. de pessoas com o Programa Luz para Todos e mais de 6,4 milhões com o Programa Minha Casa, Minha Vida.

APRESENTAÇÃO. de pessoas com o Programa Luz para Todos e mais de 6,4 milhões com o Programa Minha Casa, Minha Vida. SERGIPE APRESENTAÇÃO Com mais de 40 mil empreendimentos por todo o território nacional, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) completa três anos e quatro meses com alta execução. Até abril deste

Leia mais

Sergipe. Raio de 500 km. Mercado consumidor: cerca de 30 milhões > 01 Austrália, 02 Chiles; PIB: US$ 250 bilhões > Portugal; = 02 Perus

Sergipe. Raio de 500 km. Mercado consumidor: cerca de 30 milhões > 01 Austrália, 02 Chiles; PIB: US$ 250 bilhões > Portugal; = 02 Perus Sergipe Raio de 500 km Mercado consumidor: cerca de 30 milhões > 01 Austrália, 02 Chiles; PIB: US$ 250 bilhões > Portugal; = 02 Perus Raio de 1.000 km Mercado consumidor: cerca de 50 milhões = 01 Espanha;

Leia mais

SISTEMA DE CONTAS CORRENTES Layout do Arquivo de Crédito (Convênios) Versão 2.10 1. CONTEÚDO DO ARQUIVO DE LANÇAMENTOS

SISTEMA DE CONTAS CORRENTES Layout do Arquivo de Crédito (Convênios) Versão 2.10 1. CONTEÚDO DO ARQUIVO DE LANÇAMENTOS 1. CONTEÚDO DO ARQUIVO DE LANÇAMENTOS 01 HEADER 02 REGISTRO DE LANÇAMENTOS 03 TRAILLER Tipo 0. Deverá ser o primeiro registro do arquivo. Contém a identificação do conveniado. Tipo 1. Estes registros correspondem

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE ANOS

RIO GRANDE DO NORTE ANOS RIO GRANDE DO NORTE ANOS Repotencialização do Terminal Salineiro de Areia Branca RN BR-101/RN - Ponta Negra - Arêz RN Apresentação A parceria do Governo Federal com os s e os Municípios brasileiros, um

Leia mais

TABELA DA COMPETIÇÃO

TABELA DA COMPETIÇÃO Página1 TABELA DA COMPETIÇÃO REGIONAL VIII FUTSAL DRE 07 Aracaju 2010 Página2 SIGLAS DAS S Legenda Município Legenda Município Legenda Amparo do São Francisco ASF Indiaroba ID Pinhão PI Aquidabã AQ Itabaiana

Leia mais

Comitê Gestor do PAC

Comitê Gestor do PAC DISTRITO FEDERAL Apresentação Esta publicação apresenta informações regionalizadas do 4º balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), referente a abril de 2008. Traz, também, dados sobre outros

Leia mais

rio grande do norte 7º Balanço janeiro a abril de 2009

rio grande do norte 7º Balanço janeiro a abril de 2009 rio grande do norte 7º Balanço janeiro a abril de 2009 Terminal - Salineiro de Areia Branca Duplicação BR-101 Urbanização Nossa Senhora da Apresentação Natal Apresentação Você tem em mãos mais uma edição

Leia mais

1.2. A inscrição dos conselheiros será realizada pela Sociedade Semear, obedecidos aos critérios estabelecidos neste Edital.

1.2. A inscrição dos conselheiros será realizada pela Sociedade Semear, obedecidos aos critérios estabelecidos neste Edital. EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA INSCRIÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO BÁSICA DA ESCOLA DE CONSELHOS DE SERGIPE PARA CONSELHEIROS TUTELARES E CONSELHEIROS MUNICIPAIS DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - 2011 A

Leia mais

SERGIPE, (SE) ARACAJU, RUA LEOPOLDO RODRIGUES DO NASCIMENTO, NÚMERO 601 / CENTRO ESTÂNCIA Cep: 49200-000, DDD (79)

SERGIPE, (SE) ARACAJU, RUA LEOPOLDO RODRIGUES DO NASCIMENTO, NÚMERO 601 / CENTRO ESTÂNCIA Cep: 49200-000, DDD (79) Somos uma equipe séria, que presta serviços para alunos das mais diversas Instituições de Ensino de todo o País. Possuímos mais de 25 pesquisadores das mais diversas áreas. Atuamos nesse ramo há mais de

Leia mais

TABELA DA COMPETIÇÃO

TABELA DA COMPETIÇÃO TABELA DA COMPETIÇÃO REGIONAL VI FUTSAL DRE 06 N. S. das Dores 2010 1 SIGLAS DAS CIDADES Legenda Município Legenda Município Legenda Amparo do São Francisco ASF Indiaroba ID Pinhão PI Município Aquidabã

Leia mais

Sergipe. Relatório 2011 COORDENAÇÃO GERAL: ERALDO DA SILVA RAMOS FILHO

Sergipe. Relatório 2011 COORDENAÇÃO GERAL: ERALDO DA SILVA RAMOS FILHO Sergipe Relatório 2011 COORDENAÇÃO GERAL: ERALDO DA SILVA RAMOS FILHO APOIO DATALUTA Banco de Dados da Luta pela Terra - Sergipe Relatório 2011 Coordenação LABERUR Laboratório de Estudos Rurais e Urbanos

Leia mais

BALANÇO HÍDRICO NAS PRINCIPAIS BACIAS HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SERGIPE EM 1999

BALANÇO HÍDRICO NAS PRINCIPAIS BACIAS HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SERGIPE EM 1999 BALANÇO HÍDRICO NAS PRINCIPAIS BACIAS HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SERGIPE EM 1999 Inajá Francisco de Sousa Agrometeorologista, M.Sc., Professor do DEA/UFS - inajafrancisco@bol.com.br Overland Amaral Costa

Leia mais

PLENÁRIAS PARA ELEIÇÃO DE DELEGADOS APOSENTADOS POR R E G I Ã O. 1. S U L ( 9 municípios) Av.Dep.José Conde Sobral Indiaroba 11:30 h Escola do Divino

PLENÁRIAS PARA ELEIÇÃO DE DELEGADOS APOSENTADOS POR R E G I Ã O. 1. S U L ( 9 municípios) Av.Dep.José Conde Sobral Indiaroba 11:30 h Escola do Divino PLENÁRIAS PARA ELEIÇÃO DE DELEGADOS APOSENTADOS POR R E G I Ã O 1. S U L ( 9 municípios) Tomar do Geru 08/08 14 h EM Valdete Dórea (FUNPREV) Avenida Robério Dias, 188 Itaporanga 9 h Jardim de Infância

Leia mais

&203(7Ç1&,$ 5(6Ë'82 $*1' $8',Ç1&,$6 )(,726 '(63-8/ $WpÃ,1, 5($7 $54 686 &$37-8/ $1' 0$5& 5($/ 1Ã5($/ 029,0 (;$5 '2Ã72 1ª VARA CÍVEL 568 157 270 419 237 48 4 3 11 0 19 1.670 34 24 10 671 272 2ª VARA CÍVEL

Leia mais

ATENÇÃO. www.bndes.gov.br 1

ATENÇÃO. www.bndes.gov.br 1 ATENÇÃO Apresentação do Seminário A Lei da Política Nacional do Saneamento Básico (lei 11.445/07) e o Inquérito Civil Público Estadual 04/04/PGJ/MPSC, realizado nos dias 30 e 31 de outubro de 2008. Arquivos

Leia mais

SANEAMENTO RURAL: ATUAÇÃO DA FUNASA E O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL

SANEAMENTO RURAL: ATUAÇÃO DA FUNASA E O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL SANEAMENTO RURAL: ATUAÇÃO DA FUNASA E O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL José Antonio da Motta Ribeiro Coordenação Geral de Engenharia Sanitária Salvador, 18 de Setembro de 2015 Fundação Nacional

Leia mais

INFORMATIVO PRODUÇÃO VEGETAL

INFORMATIVO PRODUÇÃO VEGETAL Vegetal, com base na Pesquisa Pecuária Municipal, IBGE (2014) INFORMATIVO PRODUÇÃO VEGETAL N o 02-2015 Página 1 Vegetal, com base na Pesquisa Pecuária Municipal, IBGE (2014) Lavoura Temporária Abrange

Leia mais

Conselhos Tutelares do Estado de Sergipe

Conselhos Tutelares do Estado de Sergipe Conselhos Tutelares do Estado de Sergipe Nº Município/Lei de Criação Endereço/ E-mail Telefone 01 Amparo do São Francisco 09/07 02 Aracaju 1º Distrito 03 Aracaju 2º Distrito 04 Aracaju 3º Distrito 05 Aracaju

Leia mais

Anexo III - Demonstrativo Anual - Exercício 2007. Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico - CIDE

Anexo III - Demonstrativo Anual - Exercício 2007. Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico - CIDE SE 07 ; Anexo III; 1 / 5 Processo nº: 50000.061533/2006-30 Anual - Diário Oficial da União em 21 de dezembro de 2006, seção I, página 121 1ª Alteração - Diário Oficial da União em 08 de junho de 2007,

Leia mais

PERSPECTIVAS PARA O CRESCIMENTO

PERSPECTIVAS PARA O CRESCIMENTO PERSPECTIVAS PARA O CRESCIMENTO Estratégias de Desenvolvimento em Minas Gerais Raphael Guimarães Andrade Secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais Belo Horizonte, 09 de outubro

Leia mais

INFORMATIVO PRODUÇÃO ANIMAL. N o

INFORMATIVO PRODUÇÃO ANIMAL. N o INFORMATIVO PRODUÇÃO ANIMAL N o 01-2015 Informativo da Produção Animal, com base na Pesquisa Pecuária Municipal, IBGE (2014) Animais de Grande Porte São os bovinos (bois e vacas); bubalinos (búfalos e

Leia mais

Consulta Execução Estatal

Consulta Execução Estatal GOVERNO DO Esfera: 3 PT: 15.451.3000.1984.6066 44 51 1.298.000,00 140.000,00 1.076.000,00 0,00 222.000,00 29.802,70 208.158,20 13.841,80 CONSTRUÇÃO DE PRÉDIOS E PRÓPRIOS DA COMPANHIA DE SANEAMENTO AMBIENTAL

Leia mais

Relação de Bibliotecas Públicas no Estado do Sergipe

Relação de Bibliotecas Públicas no Estado do Sergipe Relação de Bibliotecas Públicas no Estado do Sergipe Setembro de 2013 MUNICÍPIO NOME DA BIBLIOTECA ENDEREÇO BAIRRO CEP Amparo de São Francisco Biblioteca Pública Municipal Antonio Freire de Souza Rua João

Leia mais

ADICIONAL DE 1% DO FPM SERGIPE

ADICIONAL DE 1% DO FPM SERGIPE ADICIONAL DE 1% DO FPM SERGIPE Dezembro de 2011 François E. J. de Bremaeker Salvador, dezembro de 2011 2 A Associação Transparência Municipal (ATM) é uma instituição brasileira sem fins lucrativos e de

Leia mais

2º Balanço. Julho - Setembro 2011. Sergipe

2º Balanço. Julho - Setembro 2011. Sergipe 2º Balanço Julho - Setembro 2011 Sergipe Apresentação O programa que mudou o Brasil agora está de cara nova. Mais recursos para continuar construindo a infraestrutura logística e energética e sustentar

Leia mais

Programa de Gestão Metropolitana de Resíduos. Seminário A implantação das políticas de resíduos sólidos ABES 06. jun 2013

Programa de Gestão Metropolitana de Resíduos. Seminário A implantação das políticas de resíduos sólidos ABES 06. jun 2013 Programa de Gestão Metropolitana de Resíduos Seminário A implantação das políticas de resíduos sólidos ABES 06. jun 2013 AS REGIÕES METROPOLITANAS Proximidade e ocorrência de conurbação Compartilhamento

Leia mais

GOVERNANÇA METROPOLITANA DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO

GOVERNANÇA METROPOLITANA DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO GOVERNANÇA METROPOLITANA DA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO A RMRJ NO CONTEXTO NACIONAL: ATUALMENTE EXISTEM 41 REGIÕES METROPOLITANAS NO BRASIL, SENDO QUE 21 POSSUEM MAIS DE 1 MILHÃO DE HABITANTES,

Leia mais

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM Malha Rodoviária do Estado de São Paulo Data Base: outubro/2010 Rodovias Concedidas no Estado de São Paulo Extensão de Rodovias Estaduais Concedidas 4.988 km + 1162 km de acessos e dispositivos Associação

Leia mais

BNDES. Financiamento de Infra-estrutura Roberto Timotheo da Costa BUENOS AIRES, 15 DE ABRIL DE 2004. www.bndes.gov.br 1

BNDES. Financiamento de Infra-estrutura Roberto Timotheo da Costa BUENOS AIRES, 15 DE ABRIL DE 2004. www.bndes.gov.br 1 BNDES Financiamento de Infra-estrutura Roberto Timotheo da Costa BUENOS AIRES, 15 DE ABRIL DE 2004 www.bndes.gov.br 1 INVESTIR EM INFRA-ESTRUTURA, PARA QUE? Para melhorar a atual infra-estrutura nacional,

Leia mais

Plano Safra da Agricultura Familiar 2016/2017. Alimentos Saudáveis para o campo e a cidade

Plano Safra da Agricultura Familiar 2016/2017. Alimentos Saudáveis para o campo e a cidade Plano Safra da Agricultura Familiar 2016/2017 Alimentos Saudáveis para o campo e a cidade Crédito Pronaf R$ 30 bilhões para financiamento da produção de Alimentos Saudáveis Juros mais baixos, redução de

Leia mais

Centros Espíritas de Sergipe

Centros Espíritas de Sergipe Centros Espíritas de Sergipe Aracajú CENTRO DE ESTUDOS DA DOUTRINA ESPÍRITA AVENIDA CANAL STA MARIA, S/N, LOT.STA MARIA - DUTRA CEP: 49060-590 - ARACAJU - SE CENTRO ESPÍRITA AMOR E CARIDADE RUA RIACHÃO,

Leia mais

# dre cidade escola telefone 1 DEA Aracaju C. E. ATHENEU SERGIPENSE 3179-2023 2 DEA Aracaju C. E. BARÃO DE MAUÁ 3179-1722 3 DEA Aracaju C. E. DOM.

# dre cidade escola telefone 1 DEA Aracaju C. E. ATHENEU SERGIPENSE 3179-2023 2 DEA Aracaju C. E. BARÃO DE MAUÁ 3179-1722 3 DEA Aracaju C. E. DOM. # dre cidade escola telefone 1 DEA Aracaju C. E. ATHENEU SERGIPENSE 3179-2023 2 DEA Aracaju C. E. BARÃO DE MAUÁ 3179-1722 3 DEA Aracaju C. E. DOM. LUCIANO JOSÉ CABRAL DUARTE 3179-1874 4 DEA Aracaju C.

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Minha Casa, Minha Vida e Água e Luz para Todos.

APRESENTAÇÃO. Minha Casa, Minha Vida e Água e Luz para Todos. DISTRITO FEDERAL APRESENTAÇÃO No seu 8º balanço, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) chega com execução equivalente ao seu tempo de implantação, 67%. Isso significa que o conjunto de empreendimentos

Leia mais

PLANEJAMENTO INTEGRADO E PARTICIPATIVO OFICINAS PÚBLICAS. Ciclo B SUSTENTABILIDADE FASE DE PROPOSIÇÕES. Loca e Data aqui

PLANEJAMENTO INTEGRADO E PARTICIPATIVO OFICINAS PÚBLICAS. Ciclo B SUSTENTABILIDADE FASE DE PROPOSIÇÕES. Loca e Data aqui Região Metropolitana de Belo Horizonte. Maio de 2010 PLANEJAMENTO INTEGRADO E PARTICIPATIVO OFICINAS PÚBLICAS Ciclo B SUSTENTABILIDADE FASE DE PROPOSIÇÕES Uma RMBH melhor hoje e no futuro Qual é a metrópole

Leia mais

Programa Cisternas Programa Nacional de Apoio à Captação de Água de Chuva e Outras Tecnologias Sociais de Acesso à Água

Programa Cisternas Programa Nacional de Apoio à Captação de Água de Chuva e Outras Tecnologias Sociais de Acesso à Água Programa Cisternas Programa Nacional de Apoio à Captação de Água de Chuva e Outras Tecnologias Sociais de Acesso à Água Contexto Institucional/Legal Água enquanto alimento integra os direitos fundamentais

Leia mais

REGIMENTO DA 6ª CONFERÊNCIA ESTADUALDAS CIDADES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES

REGIMENTO DA 6ª CONFERÊNCIA ESTADUALDAS CIDADES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES REGIMENTO DA 6ª CONFERÊNCIA ESTADUALDAS CIDADES CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES Art.1º São objetivos da 6ª Conferência Estadual das Cidades: I propor a interlocução entre autoridades e gestores

Leia mais

Comitê Gestor do PAC

Comitê Gestor do PAC RONDÔNIA Apresentação Esta publicação apresenta informações regionalizadas do 4º balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), referente a abril de 2008. Traz, também, dados sobre outros importantes

Leia mais

O direito humano à água

O direito humano à água Seminário: Democratização da política de serviços de saneamento básico por meio de inovações sociotécnicas. Lições para enfrentar os desafios O direito humano à água Francisco Lopes Secretário Executivo

Leia mais

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 A Secretaria Executiva do FUNDÁGUA, conforme previsto no item 07 do Edital Geral SEAMA/FUNDÁGUA n.º 001/2011, divulga a pontuação obtida pelas instituições

Leia mais

ENERGISA SERGIPE. 3 º Ciclo de Revisão Tarifária. 08 de março de 2013 Auditório da Universidade Federal de Sergipe

ENERGISA SERGIPE. 3 º Ciclo de Revisão Tarifária. 08 de março de 2013 Auditório da Universidade Federal de Sergipe ENERGISA SERGIPE AP 010/2013 3 º Ciclo de Revisão Tarifária 08 de março de 2013 Auditório da Universidade Federal de Sergipe Gioreli de Sousa Filho Diretor Presidente 2 Visão Institucional DADOS DA ÁREA

Leia mais

COMPANHIA RIOGRANDENSE DE SANEAMENTO

COMPANHIA RIOGRANDENSE DE SANEAMENTO Ao Excelentíssimo Senhor Telmo José Kirst Prefeito Municipal de Santa Cruz do Sul Santa Cruz do Sul/RS Assunto: Informações Ref. CP 269 Jun/2015. Senhor Prefeito: Ao cumprimentá-lo encaminho informações

Leia mais

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011. 26 de setembro de 2011

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011. 26 de setembro de 2011 COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 26 de setembro de 2011 A Secretaria Executiva do FUNDÁGUA, conforme previsto no item 07 do Edital Geral SEAMA/FUNDÁGUA n.º 001/2011, divulga o RESULTADO

Leia mais

APRESENTAÇÃO. O PAC 2 entra no ano IV e já é possível sentir o seu legado um país mais competitivo, de vida para todos.

APRESENTAÇÃO. O PAC 2 entra no ano IV e já é possível sentir o seu legado um país mais competitivo, de vida para todos. DISTRITO FEDERAL APRESENTAÇÃO Com mais de 30 mil empreendimentos espalhados por todo o território nacional, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) completa três anos com alta execução. Até 31

Leia mais

Conflitos Socioambientais no Setor Elétrico Brasileiro

Conflitos Socioambientais no Setor Elétrico Brasileiro Conflitos Socioambientais no Setor Elétrico Brasileiro Manaus, 14 de junho de 2006 Eduardo Martins Antecedentes e Pressupostos O aumento da demanda por energia influenciará a consolidação dos países emergentes

Leia mais

A ILHA FM ARACAJU (102,3 MHZ)

A ILHA FM ARACAJU (102,3 MHZ) MÍDIA KIT 2016 A Rede Ilha completa 16 anos em 2016 e temos muito que comemorar. Além da Ilha FM Aracaju (102,3 Mhz), contamos com a Ilha FM Propriá, Ilha FM Estância e Ilha AM Tobias Barreto, em pontos

Leia mais

Painel: Reuso de Água como Instrumento de Gestão

Painel: Reuso de Água como Instrumento de Gestão Seminário Gestão da Água: a Crise ainda não Acabou São Paulo, 23 de Março de 2016 Painel: Reuso de Água como Instrumento de Gestão Eng. Américo de Oliveira Sampaio Coordenador de Saneamento da Secretaria

Leia mais

PROGRAMA DA CADEIA PRODUTIVA DO PETRÓLEO & GÁS INSERÇÃO DE PEQUENAS EMPRESAS NA CADEIA PRODUTIVA DE ÓLEO E GÁS

PROGRAMA DA CADEIA PRODUTIVA DO PETRÓLEO & GÁS INSERÇÃO DE PEQUENAS EMPRESAS NA CADEIA PRODUTIVA DE ÓLEO E GÁS INSERÇÃO DE PEQUENAS EMPRESAS NA CADEIA PRODUTIVA DE ÓLEO E GÁS CENÁRIO POR QUE TRABALHAR NA CADEIA DO PETRÓLEO? Em função do potencial do mercado (Oportunidade) A Cadeia Produtiva do Petróleo e Gás movimentará

Leia mais

ceará 7º Balanço janeiro a abril de 2009

ceará 7º Balanço janeiro a abril de 2009 ceará 7º Balanço janeiro a abril de 2009 Terminal de Regaseificação de GNL Pecém CE Eixo de Integração Castanhão/Pecém CE Urbanização Favela Maravilha Fortaleza Construção Ferrovia Transnordestina CE

Leia mais

Infraestrutura e os desafios do investimento

Infraestrutura e os desafios do investimento Infraestrutura e os desafios do investimento 2011 2014 INVESTIMENTO COMO PRINCIPAL MOTOR DO CRESCIMENTO CRESCIMENTO DOS INVESTIMENTOS EM INFRAESTRUTURA PERSPECTIVAS FAVORÁVEIS PARA OS INVESTIMENTOS TAXA

Leia mais

Ministério de Minas e Energia

Ministério de Minas e Energia PLANO NACIONAL DE ENERGIA HORIZONTE 2030 Altino Março Ventura de 2007 Filho Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético SPE/MME LAS / ANS SYMPOSIUM 2008 SETOR ENERGÉTICO PROCESSO DE PLANEJAMENTO

Leia mais

I Mostra de Experiências Bem-Sucedidas em Nutrição (MS) 21/10/2005

I Mostra de Experiências Bem-Sucedidas em Nutrição (MS) 21/10/2005 FOME ZERO I Mostra de Experiências Bem-Sucedidas em Nutrição (MS) 21/10/2005 Estrutura da apresentação: 1. Fome Zero: conceito, eixos, programas e ações 2. Aspectos inovadores e desafiadores 3. Alguns

Leia mais

ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAO PESSOA Secretaria Municipal de Planejamento EXERCÍCIO: 20 ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA ÓRGÃO: Projeto/Atividade Objetivo Denominação da Meta Unid.

Leia mais

Comitê Gestor do PAC

Comitê Gestor do PAC Rio Grande do Sul BR-101 RS Apresentação O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) completou três anos de atividades em janeiro passado. Nesse período, nos habituamos a avaliar periodicamente a situação

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 11 de maio de 2009. Nº 2849. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende. Procuradores de Justiça

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 11 de maio de 2009. Nº 2849. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende. Procuradores de Justiça Page 1 of 267 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 11 de maio de 2009. Nº 2849 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

PROPOSTA DE GOVERNO DA COLIGAÇÃO SABÁUDIA CONTINUA

PROPOSTA DE GOVERNO DA COLIGAÇÃO SABÁUDIA CONTINUA PROPOSTA DE GOVERNO DA COLIGAÇÃO SABÁUDIA CONTINUA 14 EIXOS PARA A CONTINUIDADE DA TRANSFORMAÇÃO DE SABÁUDIA 1º EIXO RELIGIÃO Apoio a todas as denominações religiosas Incentivo ao crescimento e estrutural.

Leia mais

Em 2.008 apresentamos à comunidade um Plano de Governo centrado em quatro eixos:

Em 2.008 apresentamos à comunidade um Plano de Governo centrado em quatro eixos: Proposta de Governo Em 2.008 apresentamos à comunidade um Plano de Governo centrado em quatro eixos: - As Pessoas em Primeiro Lugar - Desenvolvimento Econômico e Identidade Local - Território Ordenado

Leia mais

Os grandes balizamentos estabelecidos para condução dos negócios estão descritos a seguir:

Os grandes balizamentos estabelecidos para condução dos negócios estão descritos a seguir: O Plano Estratégico 2015-2030 Em setembro de 2012, a Medida Provisória 579/12, convertida na Lei 12.783, de 11/01/2013, estabeleceu a forma de prorrogação dos contratos de concessão de geração, transmissão

Leia mais

PROJETOS FEHIDRO FUNDO ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS DO ESTADO DE SÃO PAULO

PROJETOS FEHIDRO FUNDO ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS DO ESTADO DE SÃO PAULO PROJETOS FEHIDRO FUNDO ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS DO ESTADO DE SÃO PAULO SIGRH COLEGIADOS INSTÂNCIAS DELIBERATIVAS -CRH - COFEHIDRO - CBHs INSTÂNCIAS TÉCNICAS CORHI Câmaras Técnicas FEHIDRO INSTÂNCIA

Leia mais

O Brasil cresceu porque a pobreza diminuiu. Já pensou quando acabarmos, de vez, com a miséria?

O Brasil cresceu porque a pobreza diminuiu. Já pensou quando acabarmos, de vez, com a miséria? O Brasil cresceu porque a pobreza diminuiu. Já pensou quando acabarmos, de vez, com a miséria? Ministério do esenvolvimento Social e Combate à Fome Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Leia mais

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM SERGIPE

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM SERGIPE ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM SERGIPE Maio, Junho e Julho de François E. J. de Bremaeker Salvador, maio de 2 A Associação Transparência Municipal (ATM) é uma instituição brasileira sem fins lucrativos e

Leia mais

Oportunidade. para quem mais precisa

Oportunidade. para quem mais precisa Oportunidade para quem mais precisa 1.1 Estratégia de atuação 1 O que é o Programa Vida Melhor? Até 2015, um conjunto de ações será trabalhado com 120 mil famílias na área urbana e 280 mil famílias no

Leia mais

GRACCHO FORRO E FOLIA NÃO 0100 PRÉ - CAJU 2009 SIM 0100 PRÉ - CAJU 2009 XVI - VAQUEJADA DE MARUIM 2009 SOCORRO FOLIA 2009 SIM 32.884.

GRACCHO FORRO E FOLIA NÃO 0100 PRÉ - CAJU 2009 SIM 0100 PRÉ - CAJU 2009 XVI - VAQUEJADA DE MARUIM 2009 SOCORRO FOLIA 2009 SIM 32.884. Convenente Emenda Fonte Objeto BLOCOS DE TIO GRACCHO FORRO E FOLIA PRÉ - CAJU 2009 PRÉ - CAJU 2009 X CAVALGADA BRIDOES DE OURO 2009 XVI - VAQUEJADA DE MARUIM 2009 SOCORRO FOLIA 2009 SIM 32.884.108/0001-80

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM OBRAS DE SANEAMENTO: Um olhar do Rio ao Rio

EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM OBRAS DE SANEAMENTO: Um olhar do Rio ao Rio EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM OBRAS DE SANEAMENTO: Um olhar do Rio ao Rio SANEPAR OBJETIVO DA PRÁTICA Sensibilizar os atores sociais para questões e práticas socioambientais que promovam a sustentabilidade por

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Processo de seleção para Analistas Temáticos A SPI está reestruturando sua atuação, buscando reforçar

Leia mais

PT - PROGRAMA AGRÁRIO PROPOSTA DE DIRETRIZES E AÇÕES PARA OS MUNICÍPIOS

PT - PROGRAMA AGRÁRIO PROPOSTA DE DIRETRIZES E AÇÕES PARA OS MUNICÍPIOS PT - PROGRAMA AGRÁRIO PROPOSTA DE DIRETRIZES E AÇÕES PARA OS MUNICÍPIOS 12 ÍNDICE PT Programa Agrário Proposta de Diretrizes e Ações para os Municípios* Diretrizes e Ações 5 2 3 PT Programa Agrário Proposta

Leia mais

CRISTAIS PAULISTA 2010 R$ 1.975.100,00

CRISTAIS PAULISTA 2010 R$ 1.975.100,00 CRISTAIS PAULISTA OBRAS E AÇÕES GESTÃO 2007-2010 2010 R$ 1.975.100,00 AGRICULTURA: Distribuição de Leite: distribuídos 65.800 litros de leite, de Jan/2007 a Dez/2008 Custo: R$ 80 mil, beneficiando 188

Leia mais

Oportunidades de Melhorias Ambientais. Ivan Dornelas

Oportunidades de Melhorias Ambientais. Ivan Dornelas Oportunidades de Melhorias Ambientais Ivan Dornelas Construção Civil Produção Mineral Metalmecânica e Plásticos Alimentos e Bebidas Oportunidades de Melhorias Ambientais Oportunidades de Melhorias Ambientais

Leia mais

Senhoras e Senhores. Assinatura de Contratos de Concessões de Usinas Hidrelétricas Leilão 12/2015. Brasília, 5 de janeiro de 2016

Senhoras e Senhores. Assinatura de Contratos de Concessões de Usinas Hidrelétricas Leilão 12/2015. Brasília, 5 de janeiro de 2016 Assinatura de Contratos de Concessões de Usinas Hidrelétricas Leilão 12/2015 Brasília, 5 de janeiro de 2016 Luiz Eduardo Barata Ministro Interino de Minas e Energia Lote E Jupiá e Ilha Solteira Senhoras

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE MUNICÍPIO DE JAPOATÃ CONCURSO PÚBLICO N.º 001/2012 EDITAL PÚBLICO N.º 006/2012 LOCAIS DE APLICAÇÃO DAS PROVAS OBJETIVAS

ESTADO DE SERGIPE MUNICÍPIO DE JAPOATÃ CONCURSO PÚBLICO N.º 001/2012 EDITAL PÚBLICO N.º 006/2012 LOCAIS DE APLICAÇÃO DAS PROVAS OBJETIVAS A Comissão do Concurso Público n.º 001/2012 da Prefeitura de Japoatã/SE, devidamente constituída pelo Decreto n.º 326/2011, no uso de suas atribuições legais, resolve publicar os locais onde as PROVAS

Leia mais

Crítica ao Plano Decenal de Expansão da Energia 2008-2017

Crítica ao Plano Decenal de Expansão da Energia 2008-2017 Crítica ao Plano Decenal de Expansão da Energia 2008-2017 Introdução No dia 23 de dezembro de 2008, o Ministério de Minas e Energia abriu para consulta pública a nova versão do Plano Decenal de Expansão

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NO SANEAMENTO AMBIENTAL

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NO SANEAMENTO AMBIENTAL EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NO SANEAMENTO AMBIENTAL Rio de Janeiro - Março 2013 Sumário 1 - Panorama Brasileiro 2 - Panorama do Setor de Saneamento 3 - Procel Sanear 4 - Procel Sanear Objetivos 5 - Procel Sanear

Leia mais

Formulário fora do período de validade!

Formulário fora do período de validade! Formulário fora do período de validade! Data Inicial: 01/05/2016 Data Final: 31/05/2016 Em caso de dúvida entre em contato com: Nome: Equipe de Promoção da Saúde (Gabriela, Gisele, Kátia e Roberta) Email:

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE HABITAÇÃO URBANA MINHA CASA MINHA VIDA

PROGRAMA NACIONAL DE HABITAÇÃO URBANA MINHA CASA MINHA VIDA PROGRAMA NACIONAL DE HABITAÇÃO URBANA MINHA CASA MINHA VIDA APEOP, 22/04/2009 OBJETIVO DO PROGRAMA Subsidiar a aquisição de IMÓVEL NOVO para os segmentos populacionais de menor renda Política Social Aumentar

Leia mais

Temas relevantes da agenda federativa

Temas relevantes da agenda federativa Relatório produzido nos termos do Acordo de Cooperação Técnica firmado entre o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, 2011.

Leia mais

Proposição das áreas de atuação no ESTADO DE SERGIPE

Proposição das áreas de atuação no ESTADO DE SERGIPE Programa de Desenvolvimento Institucional das Administrações Locais TERRITÓRIOS SIMULTANEAMENTE BENEFICIADOS POR PROGRAMAS FEDERAIS E POR PAGAMENTOS DE ROYALTIES DECORRENTES DE EXPLORAÇÃO DE PETRÓLEO E

Leia mais

PROGRAMA DE GOVERNO ELEIÇÕES 2012 CANDIDATA: ANGELA MARIA FERREIRA ALVES 13 PT POCRANE MG

PROGRAMA DE GOVERNO ELEIÇÕES 2012 CANDIDATA: ANGELA MARIA FERREIRA ALVES 13 PT POCRANE MG PROGRAMA DE GOVERNO ELEIÇÕES 2012 CANDIDATA: ANGELA MARIA FERREIRA ALVES 13 PT POCRANE MG 1 Implantação de um governo com planejamento, participação popular, ética e transparência. I- EDUCAÇÃO: Potencializar

Leia mais

Seminário Universalização do saneamento: Desafios e metas para o setor

Seminário Universalização do saneamento: Desafios e metas para o setor Seminário Universalização do saneamento: Desafios e metas para o setor A Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento ASSEMAE É uma organização nãogovernamental, sem fins lucrativos, fundada

Leia mais

Marcelo Mesquita Secretário Executivo

Marcelo Mesquita Secretário Executivo P&D e Eficiência Energética Aspectos Normativos e Legais da Eficiência Energética Marcelo Mesquita Secretário Executivo Aspectos Normativos e Legais da Eficiência Energética Consumo Nacional e o PIB Quando

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 39/2014, de 20 de janeiro 2014

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 39/2014, de 20 de janeiro 2014 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 39/2014, de 20 de janeiro 2014 Seleção de Tutores do projeto Caminhos do Cuidado - Formação em Saúde Mental (crack, álcool e outras drogas) para Agentes Comunitários de Saúde e Auxiliares/Técnicos

Leia mais

POLÍTICAS AMBIENTAIS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL EM PALMAS

POLÍTICAS AMBIENTAIS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL EM PALMAS POLÍTICAS AMBIENTAIS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL EM PALMAS Germana Pires Coriolano Presidente da Fundação de Meio Ambiente Prefeitura Municipal de Palmas desenvolvimento sustentável é aquele que

Leia mais

GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DA PARAÍBA

GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DA PARAÍBA ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA E DO MEIO AMBIENTE SECTMA AGÊNCIA EXECUTIVA DE GESTÃO DAS ÁGUAS DO ESTADO DA PARAÍBA - AESA GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 14 de outubro de 2011

COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 14 de outubro de 2011 COMUNICADO EDITAL GERAL FUNDÁGUA/SEAMA 001/2011 14 de outubro de 2011 A Secretaria Executiva do FUNDÁGUA, conforme previsto no item 07 do Edital Geral SEAMA/FUNDÁGUA n.º 001/2011, divulga o RESULTADO FINAL

Leia mais

Nome do Projeto. VIII Encontro Cultural de Rosário do Catete. FESTIVAL DE Arte de São Cristóvão São João de Paz e Amor Areia Branca é mais forró

Nome do Projeto. VIII Encontro Cultural de Rosário do Catete. FESTIVAL DE Arte de São Cristóvão São João de Paz e Amor Areia Branca é mais forró Anexo à carta GAPRE /27 Ref. Oficio 224/27 Planilha de Preenchimento Repasses Verbas a ONGs, OSCIPS, Associações, Fundações, Institutos Repasses por entidade e por ano desde 23, incluindo discriminação

Leia mais

PLANO MUNICIPAL INTEGRADO DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS/SC FASE DE DIAGNÓSTICOS

PLANO MUNICIPAL INTEGRADO DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS/SC FASE DE DIAGNÓSTICOS PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS PMF SECRETARIA MUNICIPAL DE HABITAÇÃO E SANEAMENTO - SMHSA PLANO MUNICIPAL INTEGRADO DE SANEAMENTO BÁSICO DO MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS/SC FASE DE DIAGNÓSTICOS ESGOTAMENTO

Leia mais

CONSÓRCIO PCJ GRUPO DE PERDAS HÍDRICAS

CONSÓRCIO PCJ GRUPO DE PERDAS HÍDRICAS CONSÓRCIO PCJ GRUPO DE PERDAS HÍDRICAS REDUÇÃO DAS PERDAS DE ÁGUA NA DISTRIBUIÇÃO Engª Lina Cabral Adani Centro do Conhecimento da Água 18 de setembro de 2015 Programa de Controle e Redução de Perdas de

Leia mais

EQUIPES CLASSIFICADAS PARA A 2ª ETAPA DOS XXVI JOGOS DA PRIMAVERA - 2009 / OLIMPÍADAS ESCOLARES ETAPA ESTADUAL

EQUIPES CLASSIFICADAS PARA A 2ª ETAPA DOS XXVI JOGOS DA PRIMAVERA - 2009 / OLIMPÍADAS ESCOLARES ETAPA ESTADUAL EQUIPES CLASSIFICADAS PARA A 2ª ETAPA DOS XXVI JOGOS DA PRIMAVERA - 2009 / OLIMPÍADAS ESCOLARES ETAPA ESTADUAL RESULTADO FINAL DA REGIONAL I - FUTSAL Regional I Categoria " A" feminino Colégio DIDÁTICO

Leia mais

Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos

Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos Elaboração do PPA 2016-2019 DIMENSÃO ESTRATÉGICA O Planejamento não pode prescindir de reflexões sobre quais as estratégias para o desenvolvimento

Leia mais

Está na hora do povo apostar em um candidato a prefeito do próprio povo. Edinaldo e Newtinho Matsumoto vão continuar os avanços em Petrolina e

Está na hora do povo apostar em um candidato a prefeito do próprio povo. Edinaldo e Newtinho Matsumoto vão continuar os avanços em Petrolina e Está na hora do povo apostar em um candidato a prefeito do próprio povo. Edinaldo e Newtinho Matsumoto vão continuar os avanços em Petrolina e implantar novos programas para a cidade crescer ainda mais.

Leia mais

SAMAR Fernando Sávio Gerente de Comunicação e Ouvidoria

SAMAR Fernando Sávio Gerente de Comunicação e Ouvidoria SAMAR Experiências e estratégias nas áreas de meio ambiente, comunidade e ações de sustentabilidade Fernando Sávio Gerente de Comunicação e Ouvidoria Onde estamos? Araçatuba está situada no noroeste do

Leia mais