Química. Resolução das atividades complementares. Q33 Distribuição eletrônica

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Química. Resolução das atividades complementares. Q33 Distribuição eletrônica"

Transcrição

1 Resolução das atividades complementares 3 Química Q33 Distribuição eletrônica p. 6 1 (Uniube-MG) Um átomo cuja configuração eletrônica é 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 tem como número atômico: a) 10 c) 18 e) 8 b) 20 d) 2 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 Somando-se o número de elétrons em todos os subníveis, tem-se: Z (Unifor-CE) O átomo de um elemento químico tem 14 elétrons no terceiro nível energético (n 5 3). O número atômico desse elemento é: a) 14 c) 24 e) 36 b) 16 d) 26 Trata-se da distribuição eletrônica do ferro. Fe: 26 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 6 4s (ITA-SP) Com relação às duas configurações eletrônicas de um mesmo átomo: I. 1s 2 2s 2 2p 6 3s 1 II. 1s 2 2s 2 2p 6 6s 1 identifique a alternativa falsa. a) É necessário fornecer energia para passar de I para II. b) A passagem de II para I emite radiação eletromagnética. c) I representa a configuração eletrônica de um átomo de sódio não excitado. d) A energia de ionização de II é menor que a de I. e) I e II representam eletrosferas de elementos diferentes. Os itens I e II representam eletrosferas do mesmo átomo (portanto, do mesmo elemento), sendo que no item I o átomo encontra-se no estado fundamental e no item II o átomo encontra-se no estado ativado.

2 4 (Cesgranrio-RJ) Os átomos 3x 2 5 Q e 6x R são isótopos. O átomo 6x R tem 44 nêutrons. Qual a distribuição eletrônica do átomo do elemento Q, no estado fundamental, em níveis e subníveis de energia? Q e 6x 6x R são isótopos 3x 2 5 3x 2 5 R (n 5 44). A 5 p 1 n 6x 5 3x x 2 3x x 5 39 x 5 13 Cálculo do número atômico de Q: Z 5 3? Z 5 34 (e ) Distribuição eletrônica de Q: 1s 2 / 2s 2 2p 6 / 3s 2 3p 6 3d 10 / 4s 2 4p 4 5 Com relação às configurações eletrônicas esquematizadas a seguir, indique a alternativa correta: I. 1s 2 / 2s 2 2p 6 / 3s 2 3p 6 3d 10 / 4s 2 4p 4 II. 1s 2 / 2s 2 2p 6 / 3s 2 3p 6 3d 10 / 4s 2 4p 6 4d 10 4f 5 / 5s 2 5p 6 / 6s 2 a) O elemento I apresenta 4 elétrons de valência. b) O elétron mais energético do elemento II encontra-se no subnível 6s 2. c) O elemento II apresenta 7 elétrons desemparelhados. d) Os números quânticos do elétron mais energético do elemento I são: n 5 4, 5 1, m 5 0 e s ou e) Os números quânticos do elétron mais energético do elemento II são: n 5 4, 5 3, m 5 11 e s ou a) Errada. O elemento I apresenta 6 elétrons de valência. b) Errada. O elétron mais energético do elemento II encontra-se no subnível 4f 5. c) Errada. O elemento II apresenta 5 elétrons desemparelhados. d) Errada. n 5 4, 5 1, m 5 21 e s ou e) Correta.

3 6 (UFPR) O jornal Folha de S.Paulo publicou, em 19/6/1994, matéria sobre empresas norte-americanas que estavam falsificando suco de laranja. O produto, vendido como puro, estava sendo diluído com água. A fraude foi descoberta através de medidas de teores de isótopos de oxigênio ( 16 O e 18 O). O isótopo mais pesado fica um pouco mais concentrado na água presente nas plantas em crescimento do que nas águas oriundas de fontes não-biológicas. É correto afirmar que: 01. Os números atômicos destes são iguais. 02. O número de massa de 16 O é 16 e indica a soma do número de prótons e de elétrons existentes no átomo. 04. O número de nêutrons nos isótopos anteriores é 16 e 18, respectivamente. 08. A distribuição eletrônica de 16 O é igual à de 18 O. 16. O suco puro deve conter uma maior quantidade de 18 O. 01. Verdadeira. 16 O e 18 O são átomos isótopos, isto é, pertencem ao mesmo elemento, portanto têm o mesmo número atômico. 02. Falsa. O número de massa é a soma do número de prótons e de nêutrons de um átomo Falsa. O 8 O apresenta 8 nêutrons. O 8 O apresenta 10 nêutrons. 08. Verdadeira. Os isótopos de oxigênio indicados têm o mesmo número de elétrons e a mesma distribuição eletrônica. 16. Verdadeira. O suco puro deve conter água proveniente de plantas em crescimento, portanto, é mais rico em 18 O. Soma: (Fuvest-SP) A seguir são mostradas quatro configurações eletrônicas. I. 1s 2 2s 2 2p 6 III. 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 5 II. 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 IV. 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 a) Qual das configurações corresponde a cada um dos átomos C, Mg, Ne? b) Quais configurações apresentam o mesmo número de elétrons na camada de valência? (Dados os números atômicos: C 5 17, K 5 19, A 5 13, Ne 5 10 e Mg 5 12.) a) 17 C : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 5. (III) Mg: 12 1s2 2s 2 2p 6 3s 2. (II) Ne: 10 1s2 2s 2 2p 6. (I) b) I. 8 elétrons na camada de valência. II. 2 elétrons na camada de valência. III. 7 elétrons na camada de valência. IV. 8 elétrons na camada de valência. Logo, as configurações I e IV apresentam o mesmo número de elétrons na camada de valência.

4 8 (Unisa-SP) O número máximo de elétrons que um átomo no estado fundamental apresenta, distribuídos em apenas seis níveis de energia, é igual a: a) 86 c) 92 e) 94 b) 54 d) 58 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 10 4s 2 4p 6 4d 10 4f 14 5s 2 5p 6 5d 10 6s 2 6p 6 9 (FEI-SP) Sendo o subnível 4s 1 (com um elétron) o mais energético de um átomo, podemos afirmar que: I. o número total de elétrons desse átomo é igual a 19; II. esse átomo apresenta 4 camadas eletrônicas; III. a configuração eletrônica desse átomo é: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 10 4s 1. a) Apenas a afirmação I é correta. d) As afirmações I e II são corretas. b) Apenas a afirmação II é correta. e) As afirmações I e III são corretas. c) Apenas a afirmação III é correta. I. Correta. II. Correta. III. Errada. A configuração correta é: 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 1 10 (Uni-Rio-RJ) O coração artificial colocado em Elói começou a ser desenvolvido há quatro anos nos Estados Unidos e já é usado por cerca de 500 pessoas. O conjunto, chamado de heartmate, é formado por três peças principais. A mais importante é uma bolsa com 1,2 kg, 12 cm de diâmetro e 3 cm de espessura, feita de titânio um metal branco prateado, leve e resistente. (Veja, julho de 1999) Entre os metais a seguir, aquele que apresenta, na última camada, número de elétrons igual ao do titânio é o: (Dados os números atômicos: Ti 5 22, C 5 6, Na 5 11, Ga 5 31, Mg 5 12, Xe 5 54.) a) C c) Ga e) Xe b) Na d) Mg Ti: 22 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 2 2 e 2 na última camada. Mg: 12 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 2 e 2 na última camada.

5 11 (UFMG) Na crosta terrestre, o segundo elemento mais abundante, em massa, tem no estado fundamental a seguinte configuração eletrônica: nível 1: completo. nível 2: completo. nível 3: 4 elétrons. A alternativa que indica corretamente esse elemento é o: a) A (Z 5 13) c) N (Z 5 7) e) Si (Z 5 14) b) Fe (Z 5 26) d) O (Z 5 8) 14 1s2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 2 12 (Vunesp-SP) Para o elemento de número atômico 28, a configuração eletrônica é: a) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 10 d) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 4p 2 3d 8 b) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 3d 8 4s 2 e) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 1 3d 9 c) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 4p 6 5s 2 Z s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 8

Distribuição Eletrônica- Aula Cursinho TRIU- 21/05/12. Elétrons. K (n=1) L(n=2) M(n=3) N(n=4) O(n=4) P(n=5) Q(n=6) 2 8 18 32 32 18 8

Distribuição Eletrônica- Aula Cursinho TRIU- 21/05/12. Elétrons. K (n=1) L(n=2) M(n=3) N(n=4) O(n=4) P(n=5) Q(n=6) 2 8 18 32 32 18 8 Cursinho pré-vestibular- TRIU Prof: Luciana Assis Terra Distribuição Eletrônica- Aula Cursinho TRIU- 21/05/12 Átomo Núcleo Eletrosfera Elétrons Eletrosfera Camadas (níveis) Subcamadas (subníveis) Obs:

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS AULA 01 TURMA ANUAL. 05. Item A

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS AULA 01 TURMA ANUAL. 05. Item A RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS 01. Item B AULA 01 TURMA ANUAL I Correto. Ao passar para um nível mais interno o elétron emite energia na forma de luz. II Falso. Rutherford não propôs um átomo maciço,

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS - Tabela Periódica Prof. MSc. Fernanda Palladino

LISTA DE EXERCÍCIOS - Tabela Periódica Prof. MSc. Fernanda Palladino LISTA DE EXERCÍCIOS - Tabela Periódica Prof. MSc. Fernanda Palladino 1) Indique o período e o grupo dos elementos abaixo : a) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 1 b) 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 c) 1s 2 2s 2 2p 6 d) 1s

Leia mais

Faculdade Pitágoras de Londrina Disciplina: Química Geral Prof. Me. Thiago Orcelli. Aluno:

Faculdade Pitágoras de Londrina Disciplina: Química Geral Prof. Me. Thiago Orcelli. Aluno: 1 Faculdade Pitágoras de Londrina Disciplina:. Aluno: Turma: Exercícios de Fixação englobando conteúdos das Aulas 1-4. Orientação: Escolha um livro de Química Geral disponível na biblioteca e resolva os

Leia mais

Distribuição Eletrônica Números Quânticos

Distribuição Eletrônica Números Quânticos Distribuição Eletrônica Números Quânticos 01. (UFPR-91) Relativamente à configuração eletrônica 2s 2 2p 6 3s 2, são corretas as afirmações: 01. É uma configuração impossível, já que existem elétrons no

Leia mais

Tabela Periódica (localização e propriedades)

Tabela Periódica (localização e propriedades) Tabela Periódica (localização e propriedades Questão 01 Três átomos cujos números atômicos são 8, 11 e 17 estão classificados na tabela periódica, respectivamente, como a um gás nobre, um metal alcalino

Leia mais

OLIMPÍADA PIAUIENSE DE QUÍMICA - 2014 Modalidade EF

OLIMPÍADA PIAUIENSE DE QUÍMICA - 2014 Modalidade EF OLIMPÍADA PIAUIENSE DE QUÍMICA - 2014 Modalidade EF INSTRUÇÕES 1 Esta prova contém oito questões no total, sendo duas questões abertas e seis questões de múltipla escolha. 2 Antes de iniciar a prova, confira

Leia mais

EXERCÍCIOS CONFIGURAÇÃO ELETRÔNICA E PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS

EXERCÍCIOS CONFIGURAÇÃO ELETRÔNICA E PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS EXERCÍCIOS CONFIGURAÇÃO ELETRÔNICA E PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS Questão 1 O cloreto de tionila, SOCl 2, é um importante agente de coloração e um importante agente oxidande em química

Leia mais

www.professormazzei.com Classificação Periódica Folha 03 - Prof.: João Roberto Mazzei

www.professormazzei.com Classificação Periódica Folha 03 - Prof.: João Roberto Mazzei Questão 01 Considera-se que quatorze elementos químicos metálicos são essenciais para o correto funcionamento do organismo, portanto indispensáveis para manter a saúde. Os referidos elementos estão listados

Leia mais

ATOMÍSTICA. 18- O ânion NO 3 é isoeletrônico do átomo T. Qual o número atômico de T? A) 15 B) 16 C) 31 D) 32 E) 63

ATOMÍSTICA. 18- O ânion NO 3 é isoeletrônico do átomo T. Qual o número atômico de T? A) 15 B) 16 C) 31 D) 32 E) 63 MODELOS ATÔMICOS 1- (UFMG) Com relação ao modelo atômico de Bohr, a afirmativa FALSA é A) cada órbita eletrônica corresponde a um estado estacionário de energia. B) o elétron emite energia ao passar de

Leia mais

Evolução dos Modelos Atômicos

Evolução dos Modelos Atômicos Evolução dos Modelos Atômicos 1. (Puc - RS) O átomo, na visão de Thomson, é constituído de a) níveis e subníveis de energia. b) cargas positivas e negativas. c) núcleo e eletrosfera. d) grandes espaços

Leia mais

Turma: Terça-feira ( ) Quarta-feira diurno ( ) Quarta-feira noturno ( ) Quinta-feira ( ) Sexta-feira ( ) Nome do aluno ID Assinatura

Turma: Terça-feira ( ) Quarta-feira diurno ( ) Quarta-feira noturno ( ) Quinta-feira ( ) Sexta-feira ( ) Nome do aluno ID Assinatura 005 Lista de exercícios que deve ser entregue no dia da prova (conteúdo: propriedades da matéria, unidades de medidas, estrutura atômica, propriedades eletrônicas e tabela periódica Química para Engenharia

Leia mais

mais vapores do vinho. É, portanto, uma mistura homogênea.

mais vapores do vinho. É, portanto, uma mistura homogênea. Resolução das atividades complementares Química p. I. Falsa. As amostras A e B contêm a mesma substância (naftalina). Essas amostras se fundem, portanto, na mesma temperatura. II. Falsa. A temperatura

Leia mais

Aula II - Tabela Periódica

Aula II - Tabela Periódica Aula II - Tabela Periódica Tutora: Marcia Mattos Pintos Rio Grande, 16 agosto de 2014. Revisão Átomo: Unidade fundamental da matéria; Partes do átomo: núcleo e eletrosfera. Carga Elétrica das partículas

Leia mais

ESTRUTURA DO ÁTOMO. 3. (G1 - cftmg 2016) Sobre as propriedades do íon sulfeto ( ) verdadeiro ou (F) para falso.

ESTRUTURA DO ÁTOMO. 3. (G1 - cftmg 2016) Sobre as propriedades do íon sulfeto ( ) verdadeiro ou (F) para falso. 1. (Udesc 2014) O enunciado Em um mesmo átomo, não podem existir dois elétrons com o mesmo conjunto de números quânticos refere-se a(ao): a) Princípio da Exclusão de Pauli. b) Princípio da Conservação

Leia mais

ESTRUTURA GERAL DO ÁTOMO. NÚCLEO - Prótons: p + - Nêutrons: n o. ELETROSFERA - Elétrons: e - o 3) CARGA ATÔMICA E CARGA IÔNICA

ESTRUTURA GERAL DO ÁTOMO. NÚCLEO - Prótons: p + - Nêutrons: n o. ELETROSFERA - Elétrons: e - o 3) CARGA ATÔMICA E CARGA IÔNICA QUÍMICA GERAL ATOMÍSTICA Professor: Ramon Lamar ESTRUTURA GERAL DO ÁTOMO NÚCLEO - Prótons: p + - Nêutrons: n o ELETROSFERA - Elétrons: e - o ) NÚMERO ATÔMICO Corresponde ao número total de prótons presente

Leia mais

Resolução da Prova de Química Vestibular Inverno UPF 2003 Prof. Emiliano Chemello

Resolução da Prova de Química Vestibular Inverno UPF 2003 Prof. Emiliano Chemello Resolução da Prova de Química Vestibular Inverno UPF 2003 Professor Emiliano Chemello www.quimica.net/emiliano emiliano@quimica.net Questões Resoluções Os óxidos básicos (Oxigênio ligado a um metal de

Leia mais

Distribuição Eletrônica Tabela Periódica

Distribuição Eletrônica Tabela Periódica Química Geral e Inorgânica QGI0001 Eng a. de Produção e Sistemas Prof a. Dr a. Carla Dalmolin Distribuição Eletrônica Tabela Periódica Orbitais e Números Quânticos N o Quântico Principal Camada Subcamada

Leia mais

TP064 - CIÊNCIA DOS MATERIAIS PARA EP. FABIANO OSCAR DROZDA

TP064 - CIÊNCIA DOS MATERIAIS PARA EP. FABIANO OSCAR DROZDA TP064 - CIÊNCIA DOS MATERIAIS PARA EP FABIANO OSCAR DROZDA fabiano.drozda@ufpr.br 1 AULA 02 ESTRUTURA ATÔMICA e LIGAÇÃO ATÔMICA CAPÍTULO 02 CALLISTER 5 a Ed. 2 ESTRUTURA ATÔMICA Modelo atômico de Bohr

Leia mais

ESTRUTURA ELETRÔNICA DOS ÁTOMOS

ESTRUTURA ELETRÔNICA DOS ÁTOMOS ESTRUTURA ELETRÔNICA DOS ÁTOMOS MECÂNICA QUÂNTICA E OS ORBITAIS ATÔMICOS 1926 Físico austríaco Erwin Schrödinger Equação de onda de Schrödinger Incorpora tanto o comportamento ondulatório como o de partícula

Leia mais

Aula 2: Estrutura Atômica

Aula 2: Estrutura Atômica Aula 2: Estrutura Atômica Histórico u Grécia Antiga: Alquimistas (400 a.c.) - Matéria consiste de partículas distintas indivisíveis (átomos) - Ausência de evidências experimentais u Teoria Atômica dos

Leia mais

M A S S A S E M E D I D A S

M A S S A S E M E D I D A S M A S S A S E M E D I D A S PROF. AGAMENON ROBERTO < 2010 > Prof. Agamenon Roberto ATOMÍSTICA www.agamenonquimica.com 2 MASSAS E MEDIDAS UNIDADE DE MASSA ATÔMICA (u.m.a.) Para pesar ou medir algo se torna

Leia mais

FÍSICA APLICADA A RADIOLOGIA. Proº. Lillian Lemos E-mail: lillianlemos@yahoo.com.br

FÍSICA APLICADA A RADIOLOGIA. Proº. Lillian Lemos E-mail: lillianlemos@yahoo.com.br FÍSICA APLICADA A RADIOLOGIA Proº. Lillian Lemos E-mail: lillianlemos@yahoo.com.br ESTADOS DA MATÉRIA Três tipos: -Estado Fundamental -Estado Excitado -Estado Ionizado ESTADOS DA MATÉRIA Estado Fundamental:

Leia mais

Exercícios de Química Configuração Eletrônica

Exercícios de Química Configuração Eletrônica Exercícios de Química Configuração Eletrônica 1) (UFPR-1999) Uma das estratégias da indústria cosmética na fabricação de desodorantes baseia-se no uso de substâncias que obstruem os poros da pele humana,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE -UFS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA- CCET DEPARTAMENTO DE QUÍMICA - DQI PROF.: ANTONIO REINALDO CESTARI

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE -UFS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA- CCET DEPARTAMENTO DE QUÍMICA - DQI PROF.: ANTONIO REINALDO CESTARI UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE -UFS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA- CCET DEPARTAMENTO DE QUÍMICA - DQI PROF.: ANTONIO REINALDO CESTARI Teoria atômica - Exemplos numéricos 1) A freqüência da radiação

Leia mais

Profª.. Carla da Silva Meireles

Profª.. Carla da Silva Meireles Estrutura eletrônica dos átomos Profª.. Carla da Silva Meireles O que fazem os elétrons? Como eles se mantém em órbita? As leis da física eram insatisfatórias para descrever movimento de partículas tão

Leia mais

C L A S S I F I C A Ç Ã O P E R I Ó D I C A D O S E L E M E N T O S Q U Í M I C O S

C L A S S I F I C A Ç Ã O P E R I Ó D I C A D O S E L E M E N T O S Q U Í M I C O S C L A S S I F I C A Ç Ã O P E R I Ó D I C A D O S E L E M E N T O S Q U Í M I C O S PROF. AGAMENON ROBERTO < 2014 CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS QUÍMICOS INTRODUÇÃO No nosso dia-a-dia o ato de classificar

Leia mais

www.professormazzei.com - ATOMÍSTICA Folha 04 João Roberto Mazzei

www.professormazzei.com - ATOMÍSTICA Folha 04 João Roberto Mazzei Questão 01 Rutherford idealizou um modelo atômico com duas regiões distintas. Esse modelo pode ser comparado a um estádio de futebol com a bola no centro: a proporção entre o tamanho do estádio em relação

Leia mais

Estudos de Recuperação para Oportunidade Adicional 2010-2º TRIMESTRE Tabela Periódica, Ligações Químicas e Nox

Estudos de Recuperação para Oportunidade Adicional 2010-2º TRIMESTRE Tabela Periódica, Ligações Químicas e Nox 1 Aluno(a): Nº.: Série: Turma: Data: / / Estudos de Recuperação para Oportunidade Adicional 2010-2º TRIMESTRE Tabela Periódica, Ligações Químicas e Nox 01 - O ferro faz parte da molécula de hemoglobina

Leia mais

EXERCÍCIOS DE QUÍMICA 1º ENSINO MÉDIO. 01. Utilizando o esquema de Lewis, dê o íon-fórmula dos compostos constituídos por:

EXERCÍCIOS DE QUÍMICA 1º ENSINO MÉDIO. 01. Utilizando o esquema de Lewis, dê o íon-fórmula dos compostos constituídos por: EXERCÍCIOS DE QUÍMICA 1º ENSINO MÉDIO 01. Utilizando o esquema de Lewis, dê o íon-fórmula dos compostos constituídos por: a) Ca (Z = 20) e F (Z = 9) b) Na (Z = 11) e S (Z = 16) c) K (Z = 19) e O (Z = 8)

Leia mais

Disciplina: Química Átomos e Moléculas e Tabela Periódica

Disciplina: Química Átomos e Moléculas e Tabela Periódica Disciplina: Química Átomos e Moléculas e Tabela Periódica CURSO DE GRADUAÇÃO Prof. MSc: Fernanda Palladino Belo Horizonte, 12 de março de 2013 Atomos Estrutura e as Principais características do átomo.

Leia mais

WELLINGTON ESTUDO DA TABELA PERIODICA

WELLINGTON ESTUDO DA TABELA PERIODICA WELLINGTON ESTUDO DA TABELA PERIODICA O PRINCÍPIO... Dos atuais 115 elementos químicos conhecidos,cerca de 60 já haviam sido isolados e estudados em 1869,quando o químico russo Dmitri Mendeleev se destacou

Leia mais

Configuração Eletrônica

Configuração Eletrônica Configuração Eletrônica 1) (ITA) Considere as seguintes espécies químicas no estado gasoso, bem como os respectivos átomos assinalados pelos algarismos romanos: Os orbitais híbridos dos átomos assinalados

Leia mais

Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos

Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos DISCIPLINA: Física e Química Módulo: Q1 2015/2016 10 ºAno de escolaridade Data: 30 de outubro de 2015

Leia mais

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO Vestibular ITA 2016 QUÍMICA

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO Vestibular ITA 2016 QUÍMICA 01. Alternativa: A 02. Alternativa: E 03. Alternativa: SEM RESPOSTA 04. Alternativa: E PROVA COMENTADA PELOS 05. Alternativa: C 06. A soma do n ọ de prótons com o n ọ de nêutrons é definido como número

Leia mais

PROPRIEDADES PERIÓDICAS

PROPRIEDADES PERIÓDICAS PROPRIEDADES PERIÓDICAS EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 (PUC-RS) Com relação à classificação periódica dos elementos, pode-se afirmar que o: a) hidrogênio é um metal alcalino localizado na 1ª coluna. b) nitrogênio

Leia mais

Tabela Periódica Parte 2. Classificação dos elementos

Tabela Periódica Parte 2. Classificação dos elementos Aula 6 07/04/2016 Tabela Periódica Parte 2 Classificação dos elementos - De acordo com as propriedades físicas dos elementos, eles são subdividos em: Metais: Esses são a maioria dos elementos da tabela

Leia mais

Química A Extensivo V. 3

Química A Extensivo V. 3 Química A Extensivo V. 3 Exercícios 01) Respostas: a) Z = 17 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 5 Cl 3 período b) Z = 20 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 Ca 4 período c) Z = 32 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p

Leia mais

MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR.

MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR. MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR. UNIDADE DE MASSA ATÔMICA Em 1961, na Conferência da União Internacional de Química Pura e Aplicada estabeleceu-se: DEFINIÇÃO DE MASSA

Leia mais

Material Extra de Química

Material Extra de Química Material Extra de Química TABELA PERIÓDICA E PROPRIEDADES PERIÓDICAS d) Energia de Ionização: _ NÍVEL BÁSICO 01. Os elementos da tabela periódica encontram-se em ordem crescente de: a) Número de massa.

Leia mais

CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS E PERIODICIDADE QUÍMICA

CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS E PERIODICIDADE QUÍMICA CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS E PERIODICIDADE QUÍMICA A tabela periódica é o guia para a ordem na qual os orbitais são preenchidos. Ela está estruturada de forma que os elementos com o mesmo padrão de configurações

Leia mais

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL 1º Ano do Ensino Médio Disciplina: Química 1. Considere a tabela a seguir, onde estão relacionados os pontos de fusão e de ebulição de algumas substâncias sob

Leia mais

Proposta de Resolução

Proposta de Resolução A educação para a cidadania e o sucesso escolar e social dos alunos AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AVEIRO 160933 Direção Regional de Educação do Centro Ficha de Trabalho Módulo Q1 Física e Química CURSO PROFISSIONAL

Leia mais

Questão 01 - (UNIFOR CE/2016)

Questão 01 - (UNIFOR CE/2016) Instituto Lúcia Vasconcelos - Concursos Públicos e Vestibulares Fone: (62) 3093-1415 Questão 01 - (UNIFOR CE/2016) A charge abaixo apresenta o pensamento filosófico usado na inspiração para a ideia de

Leia mais

Evolução dos Modelos Atômicos A DESCOBERTA DO ÁTOMO

Evolução dos Modelos Atômicos A DESCOBERTA DO ÁTOMO Evolução dos Modelos Atômicos A DESCOBERTA DO ÁTOMO A DESCOBERTA DAS PARTÍCULAS SUBATÔMICAS Após Dalton ter apresentado sua teoria atômica, em 1808, na qual sugeria que os átomos eram indivisíveis, maciços

Leia mais

Np X U. 03) (ITA-SP) Considere as seguintes equações relativas a processos nucleares:

Np X U. 03) (ITA-SP) Considere as seguintes equações relativas a processos nucleares: 01) (Uesb-BA) A radioatividade emitida por determinadas amostras de substâncias provém: a) da energia térmica liberada em sua combustão. b) de alterações em núcleos de átomos que as formam. c) de rupturas

Leia mais

Períodos (linhas contínuas) Por isso a tabela é chamada de periódica. Algumas propriedades se comportam de maneira periódica.

Períodos (linhas contínuas) Por isso a tabela é chamada de periódica. Algumas propriedades se comportam de maneira periódica. Química (profª Simone) Aula 4 - Tabela Periódica Você já colecionou algo? Quando essa coleção vai aumentando surge à necessidade de organização. Os químicos ao longo dos tempos foram descobrindo cada vez

Leia mais

9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL -2015

9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL -2015 COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES trimestral Disciplina: Professor (a): QUÍMICA LUIS FERNANDO Roteiro de estudos para recuperação 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL -2015 Conteúdo: Referência para estudo: Sites

Leia mais

Propriedades Elétricas do Materiais

Propriedades Elétricas do Materiais Propriedades Elétricas do Materiais Por que estudar propriedades elétricas dos materiais? Apreciação das propriedades elétricas de materiais é muitas vezes importante, quando na seleção de materiais e

Leia mais

Colégio Saint Exupéry

Colégio Saint Exupéry Colégio Saint Exupéry Apostila QUÍMICA No nosso dia-a-dia o ato de classificar as coisas é algo corriqueiro. Em um faqueiro colocamos em um mesmo espaço as facas, em outro os garfos, etc. Agrupar coisas

Leia mais

1. ESTRUTURA DO ÁTOMO

1. ESTRUTURA DO ÁTOMO Química Profª SIMONE MORGADO Aula 2 Estrutura do átomo, nº atômico, nº de massa e isoátomos. 1. ESTRUTURA DO ÁTOMO Como nós já vimos a Química é essa ciência que busca compreender os mistérios da matéria,

Leia mais

Atomística (I parte):

Atomística (I parte): Atomística (I parte): O estudo histórico do átomo Histórico do Átomo: Modelo dos gregos - Atomismo; Modelo de 1808 - Dalton Modelo de 1898 Thompson Modelo de 1911 Rutherford Modelo de 1913 Bohr Modelo

Leia mais

I O átomo é constituído por duas regiões distintas: o núcleo e a eletrosfera.

I O átomo é constituído por duas regiões distintas: o núcleo e a eletrosfera. Atividade extra Questão 1 Cecierj - 2013 Como não é possível ver os átomos, Dalton, Thomson e Rutherford elaboraram modelos para ilustrá-los, em função de resultados obtidos em experiências realizadas

Leia mais

TEORIA DOS ORBITAIS MOLECULARES -TOM

TEORIA DOS ORBITAIS MOLECULARES -TOM TEORIA DOS ORBITAIS MOLECULARES -TOM TOM - Importância - Elucidar alguns aspectos da ligação não explicados pelas estruturas de Lewis, pela teoria da RPENV e pela hibridização. - Exemplo: Por que o O 2

Leia mais

A associação correta é: I. radiação alfa (α) II. radiação beta (β) III. radiação gama (γ) Resposta: a - I; b - II; g - III

A associação correta é: I. radiação alfa (α) II. radiação beta (β) III. radiação gama (γ) Resposta: a - I; b - II; g - III 01 A associação correta é: I. radiação alfa (α) II. radiação beta (β) III. radiação gama (γ) Resposta: a - I; b - II; g - III 1 02 Todos os itens são verdadeiros. 2 03 I. Verdadeira II. Verdadeira III.

Leia mais

2005 by Pearson Education. Capítulo 09

2005 by Pearson Education. Capítulo 09 QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 9: Geometria molecular e teorias de ligação David P. White Formas espaciais moleculares As estruturas de Lewis fornecem a conectividade atômica: elas nos mostram

Leia mais

Modelos atômicos. Modelo de Bohr

Modelos atômicos. Modelo de Bohr Modelos atômicos Modelo de Bohr O modelo de Bohr apresenta limitações significativas, não servindo para explicar vários dos fenômenos nos quais estão envolvidos elétrons. As deficiências do modelo de Bohr

Leia mais

4.1. Tabela Periódica e a configuração electrónica dos elementos

4.1. Tabela Periódica e a configuração electrónica dos elementos 4.1. Tabela Periódica e a configuração electrónica dos elementos Breve história O químico alemão Johann Döbereiner, por volta de 1830, descobriu que havia conjuntos de três elementos com propriedades semelhantes

Leia mais

QUÍMICA. Quantos átomos de carbono e quantos átomos de hidrogênio existem em uma molécula desse composto? a) 10 e 13 b) 10 e 14 c) 9 e 12 d) 8 e 4

QUÍMICA. Quantos átomos de carbono e quantos átomos de hidrogênio existem em uma molécula desse composto? a) 10 e 13 b) 10 e 14 c) 9 e 12 d) 8 e 4 QUÍMICA 1. O benzopireno é um composto aromático formado na combustão da hulha e do fumo. Pode ser encontrado em carnes grelhadas, em carvão ou peças defumadas. Experiências em animais comprovaram sua

Leia mais

Teoria Atômica da Matéria

Teoria Atômica da Matéria Teoria Atômica da Matéria Breve Histórico Leucipo e Demócrito ( 400 a.c.) descontinuidade da matéria (átomo). Alquimia ( 300 a.c. 500 d.c.) civilizações árabes e gregas. Paracelsus ( 500 d.c.) Iatroquímica.

Leia mais

Propriedades Elétricas (cap. 42 Fundamentos de Física Halliday, Resnick, Walker, vol. 4 6ª. Ed.)

Propriedades Elétricas (cap. 42 Fundamentos de Física Halliday, Resnick, Walker, vol. 4 6ª. Ed.) Unidade stado Sólido Propriedades létricas (cap. 4 Fundamentos de Física Halliday, Resnick, Walker, vol. 4 6ª. d.) Metais Semicondutores Classificar os sólidos, do ponto de vista elétrico, de acordo com

Leia mais

APLICAÇÕES DOS METAIS

APLICAÇÕES DOS METAIS APLICAÇÕES DOS METAIS Os metais aplicam-se nos três setores de atividades humanas. No setor primário têm diversas aplicações, tais como, embarcações, motores e alfaias agrícolas. No setor secundário podem-se

Leia mais

Previsão das cargas iônicas O número de elétrons que um átomo perde está relacionado com a sua posição na tabela periódica.

Previsão das cargas iônicas O número de elétrons que um átomo perde está relacionado com a sua posição na tabela periódica. Aula 4 Formação de cátions e ânions Ligações químicas Ións e compostos iônicos Em geral: átomos metálicos tendem a perder elétrons para se transformarem em cátions; íons não-metálicos tendem a ganhar elétrons

Leia mais

AULA 09 Tabela periódica e propriedades periódicas

AULA 09 Tabela periódica e propriedades periódicas AULA 09 Tabela periódica e propriedades periódicas Em nossas aulas passadas aprendemos a respeito da composição dos átomos, suas subpartículas (prótons, elétrons e nêutrons) e como a distribuição dessas

Leia mais

3 Reações Proibidas por Spin

3 Reações Proibidas por Spin 3 Reações Proibidas por Spin Em reações químicas, elétrons ligantes são redistribuídos quando ligações químicas são quebradas e formadas. Quando alguns dos elétrons dos reagentes ou dos produtos são desemparelhados,

Leia mais

QUÍMICA Aula 4. Leis Naturais da Química e Modelos Atômicos

QUÍMICA Aula 4. Leis Naturais da Química e Modelos Atômicos QUÍMICA Aula 4 Leis Naturais da Química e Modelos Atômicos No final do séc. XVIII, o cientista Antoine Lavoisier realizou uma série de experiências em recipientes fechados e efetuando pesagens com balanças

Leia mais

Ligação iônica. Prof. Leandro Zatta

Ligação iônica. Prof. Leandro Zatta Ligação iônica Prof. Leandro Zatta A molecule is an aggregate of two or more atoms in a definite arrangement held together by chemical forces. H 2 H 2 O NH 3 CH 4 A diatomic molecule contains only two

Leia mais

A radioatividade e a idade da Terra

A radioatividade e a idade da Terra A radioatividade e a idade da Terra Luiz Fernando Mackedanz luiz.mackedanz@unipampa.edu.br Centro de Ciências Naturais e Tecnológicas Universidade Federal do Pampa, Caçapava do Sul, RS, Brasil L. F. Mackedanz

Leia mais

a) apenas I. b) apenas I e III. c) apenas II e III. d) apenas I e II. e) todas. Profa. Graça Porto

a) apenas I. b) apenas I e III. c) apenas II e III. d) apenas I e II. e) todas. Profa. Graça Porto www.agraçadaquímica.com.br BANCO DE QUESTÕES - FÍSICO-QUÍMICA ELETRÓLISE (12 questões) 1. (UFF) Quando uma solução aquosa de Li 2 SO 4 é eletrolizada, os produtos formados no ânodo e no cátodo são, respectivamente:

Leia mais

VIII OSEQUIM Olimpíada Sergipana de Química 1ª. Etapa Modalidade A

VIII OSEQUIM Olimpíada Sergipana de Química 1ª. Etapa Modalidade A Bom dia aluno! Está é a prova da primeira etapa da OSEQUIM, Olimpíada Sergipana de Química 2014, modalidade A, para alunos que se encontram cursando o 1º. Ano do ensino médio em 2014. Confira se a sua

Leia mais

REVISÃO VESTIBULAR TABELA PERIÓDICA

REVISÃO VESTIBULAR TABELA PERIÓDICA REVISÃO VESTIBULAR TABELA PERIÓDICA Histórico da tabela periódica Organizar os elementos químicos em grupos com a finalidade de facilitar o estudo das substâncias derivadas destes, tem sido tarefa árdua,

Leia mais

1- Defina os termos: comprimento, amplitude e frequência de uma onda, espectro eletromagnético, energia radiante, energia quantizada.

1- Defina os termos: comprimento, amplitude e frequência de uma onda, espectro eletromagnético, energia radiante, energia quantizada. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE DEPARTAMENTO DE QUÍMICA/CCET 1 a LISTA DE EXERCÍCIOS QUÍMICA INORGÂNICA I PROF. REINALDO 1- Defina os termos: comprimento, amplitude e frequência de uma onda, espectro eletromagnético,

Leia mais

Leupico a matéria é discreta ou contínua? - átomos

Leupico a matéria é discreta ou contínua? - átomos Estrutura Atômica A descoberta da estrutura atômica Os gregos antigos foram os primeiros a postular que a matéria é constituída de elementos indivisíveis. Thales água Anaxímenes ar Heráclito fogo Empédocles

Leia mais

1ª série / EM. a) HSe e HS. d) H2Se e H2S. c) HSe e H2S. e) H3Se e H3S

1ª série / EM. a) HSe e HS. d) H2Se e H2S. c) HSe e H2S. e) H3Se e H3S SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 1ª TURMA(S): DISCIPLINA:

Leia mais

Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos

Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos NOME Nº Turma Informação Professor Enc. de Educação 1. Os átomos dos isótopos e do carbono têm (A) números atómicos

Leia mais

Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3

Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3 Nota Lista de exercícios de Física / 2 Bimestre Unidades 1, 2 e 3 Data: 18 de maio de 2012 Curso: Ensino Médio 3 ano A Professora: Luciana M.A. Teixeira Nome: Nº Instruções gerais Para a resolução desta

Leia mais

Ligações Químicas s 2 p 6

Ligações Químicas s 2 p 6 ÉRIE RUM A ITA ENIN PRÉ-UNIVERITÁRI PRFER(A) ÉRGI MAT ALUN(A) EDE Nº TC TURMA TURN DATA / / QUÍMICA Ligações Químicas s p 6 Conceitos De todos os elementos químicos conhecidos, somente os gases nobres

Leia mais

PROF: Alex LISTA 13 DATA: 30/07/2013 Para estudar: Tabela Periódica

PROF: Alex LISTA 13 DATA: 30/07/2013 Para estudar: Tabela Periódica NOME: PROF: Alex LISTA 13 DATA: 30/07/2013 Para estudar: Tabela Periódica 01 - (UEPB) A Tabela Periódica dos s químicos é uma das maiores descobertas científicas do mundo. Pode ser comparada em importância

Leia mais

7ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos Turma: 10ºA. Física e Química A - 10ºAno

7ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos Turma: 10ºA. Física e Química A - 10ºAno 7ª Ficha de Avaliação de Conhecimentos Turma: 10ºA Física e Química A - 10ºAno Professora Paula Melo Silva Data: 5 junho de 2015 Ano Letivo: 2014/2015 90 min + 30 min 1. A relação entre calor e outras

Leia mais

Introdução à Eletroquímica. 1. Gentil V. Corrosão. 3 edição. 2. Cotton F. A. e Wilkinson G. Basic Inorganic Chemistry, John Wiley & Son, USA, 1976.

Introdução à Eletroquímica. 1. Gentil V. Corrosão. 3 edição. 2. Cotton F. A. e Wilkinson G. Basic Inorganic Chemistry, John Wiley & Son, USA, 1976. Introdução à Eletroquímica 1. Gentil V. Corrosão. 3 edição. 2. Cotton F. A. e Wilkinson G. Basic Inorganic Chemistry, John Wiley & Son, USA, 1976. INTRODUÇÃO Eletroquímica: estuda as relações entre efeitos

Leia mais

FILÓSOFOS GREGOS. Tales de Mileto (625-547) Anaxímenes (séc. VI a.c.) Empédocles (480-430 a.c.) Aristóteles (séc. IV a.c.

FILÓSOFOS GREGOS. Tales de Mileto (625-547) Anaxímenes (séc. VI a.c.) Empédocles (480-430 a.c.) Aristóteles (séc. IV a.c. FILÓSOFOS GREGOS Tales de Mileto (65-547) A ÁGUA é a essência de tudo. Anaxímenes (séc. VI a.c.) O AR seria o elemento que constituiria O universo. Heráclito (540-480 a.c.) O FOGO é o terceiro elemento

Leia mais

II OLimpíada Brasileira de Química Júnior - Fase II

II OLimpíada Brasileira de Química Júnior - Fase II II OLimpíada Brasileira de Química Júnior - Fase II 17/10/2009 - II OBQjr 2009 INSTRUÇÕES: II Olimpíada Brasileira de Química Júnior Exames - Fase II 1. A prova consta de 25 questões, cada uma contém quatro

Leia mais

Ligações Iônicas. Tipos de Ligações

Ligações Iônicas. Tipos de Ligações Ligações Iônicas Tipos de Ligações Existem diversos tipos de ligações para se considerar quando analisar a composição química de um composto. Uma ligação pode ser definida como uma força que prende grupos

Leia mais

Metais. Grande número de entidades iguais mantidas coesas em um retículo cristalino.

Metais. Grande número de entidades iguais mantidas coesas em um retículo cristalino. Ligações Metálicas Grande número de entidades iguais mantidas coesas em um retículo cristalino. Metais Não pode ser explicado pela teoria das ligações covalentes o arranjo dos metais não segue o padrão

Leia mais

CARGAS ELÉTRICAS. Por Jonathan T. Quartuccio

CARGAS ELÉTRICAS. Por Jonathan T. Quartuccio CARGAS ELÉTRICAS Por Jonathan T. Quartuccio Há muito tempo o homem vem estudando fenômenos relacionados a eletricidade. Na Grécia antiga, o fenômeno de atração entre corpos já era observado quando se atritava

Leia mais

Tabela Periódica - Avançada

Tabela Periódica - Avançada 1. (UERJ/2011) Considere as quatro caixas abaixo, que contêm diferentes materiais residuais de uma indústria: eletronegatividade do outro d) ser um não- e sua última camada 3s 2 3p 2 3p 2. 3. (FUVEST SP/2010)

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 2 etapa/14 1 Série Ensino Médio

ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 2 etapa/14 1 Série Ensino Médio ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 2 etapa/14 1 Série Ensino Médio Aluno (a): Turma n Modelo de Bohr e distribuição eletrônica em níveis e subníveis. Classificação Periódica dos Elementos Químicos Propriedades

Leia mais

Capítulo 2 Estrutura Atômica

Capítulo 2 Estrutura Atômica Capítulo 2 Estrutura Atômica Teoria atômica da matéria John Dalton: Cada elemento é composto de átomos. Todos os átomos de um elemento são idênticos. Nas reações químicas, os átomos não são alterados.

Leia mais

FUNDAÇÃO LUSÍADA UNILUS CURSO DE TECNOLOGIA EM RADIOLOGIA ANDRÉ LUIZ SILVA DE JESUS SÍNTESE DA MATÉRIA DE FÍSICA APLICADA DO 1º SEMESTRE

FUNDAÇÃO LUSÍADA UNILUS CURSO DE TECNOLOGIA EM RADIOLOGIA ANDRÉ LUIZ SILVA DE JESUS SÍNTESE DA MATÉRIA DE FÍSICA APLICADA DO 1º SEMESTRE FUNDAÇÃO LUSÍADA UNILUS CURSO DE TECNOLOGIA EM RADIOLOGIA ANDRÉ LUIZ SILVA DE JESUS SÍNTESE DA MATÉRIA DE FÍSICA APLICADA DO 1º SEMESTRE SANTOS 2012 Matéria, Energias e Interações Para a produção dos raios

Leia mais

NOTAS DE AULAS DE FÍSICA MODERNA

NOTAS DE AULAS DE FÍSICA MODERNA NOTAS DE AULAS DE FÍSICA MODERNA Prof. Carlos R. A. Lima CAPÍTULO 4 MODELOS ATÔMICOS E VELHA TEORIA QUÂNTICA Edição de janeiro de 2009 CAPÍTULO 4 MODELOS ATÔMICOS E VELHA TEORIA QUÂNTICA ÍNDICE 4.1- Primórdios

Leia mais

ELETROSTÁTICA wagnumbers.com.br O UNIVERSO PODE SER CARACTERIZADO POR GRANDEZAS FUNDAMENTAIS: MATÉRIA / MASSA, ENERGIA, ESPAÇO,

ELETROSTÁTICA wagnumbers.com.br O UNIVERSO PODE SER CARACTERIZADO POR GRANDEZAS FUNDAMENTAIS: MATÉRIA / MASSA, ENERGIA, ESPAÇO, ELETROSTÁTICA wagnumbers.com.br O UNIVERSO PODE SER CARACTERIZADO POR GRANDEZAS FUNDAMENTAIS: MATÉRIA / MASSA, ENERGIA, ESPAÇO, E TEMPO. A MATÉRIA É CONSTITUÍDA POR PARTÍCULAS MUITO PEQUENAS CHAMADAS DE

Leia mais

DESAFIO EM QUÍMICA 03/10/15

DESAFIO EM QUÍMICA 03/10/15 DESAFIO EM QUÍMICA 03/10/15 Nome: Assinatura: Questão Valor Grau 1 a 2,0 2 a 2,0 3 a 1,0 4 a 1,0 5 a 2,0 6 a 2,0 Total 10,0 IMPORTANTE: 1) Explique e justifique a resolução de todas questões e derivações.

Leia mais

1

1 Níveis de dificuldade das Questões Fácil Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Médio Difícil Resolução da Prova de Química Vestibular Verão PUCRS 2005 Prof. Emiliano Chemello www.quimica.net/emiliano

Leia mais

LISTA ELETROSTÁTICA 3ª SÉRIE

LISTA ELETROSTÁTICA 3ª SÉRIE 1. (Pucrj 013) Duas cargas pontuais q1 3,0 μc e q 6,0 μc são colocadas a uma distância de 1,0 m entre si. Calcule a distância, em metros, entre a carga q 1 e a posição, situada entre as cargas, onde o

Leia mais

Pode-se dizer que na molécula H Cl as eletrosferas dos átomos H e Cl são, respectivamente, iguais às eletrosferas dos átomos dos gases nobres:

Pode-se dizer que na molécula H Cl as eletrosferas dos átomos H e Cl são, respectivamente, iguais às eletrosferas dos átomos dos gases nobres: Questão 01) Um elemento químico A, de número atômico 11, um elemento químico B, de número atômico 8, e um elemento químico C, de número atômico 1, combinam-se formando o composto ABC. As ligações entre

Leia mais

~ 1 ~ IX Olimpíada de Química do Rio Grande do Sul 2010 PARTE 1 TESTES DE ESCOLHA SIMPLES

~ 1 ~ IX Olimpíada de Química do Rio Grande do Sul 2010 PARTE 1 TESTES DE ESCOLHA SIMPLES Questão 2: Abaixo se encontra um esquema ilustrando dois frascos, um com água e outro com álcool. No quadro têm-se três diferentes materiais, A, B e C, todos sólidos e insolúveis em água e álcool. Considerando

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Com relação à estrutura atômica, julgue os itens a seguir. 41 A variação do diâmetro de um átomo é diretamente proporcional ao seu número atômico. 42 O volume de um átomo é igual à soma dos volumes ocupados

Leia mais

www.professormazzei.com FUNÇÕES INORGÂNICAS Folha 02 João Roberto Fortes Mazzei

www.professormazzei.com FUNÇÕES INORGÂNICAS Folha 02 João Roberto Fortes Mazzei 01. Durante um experimento, seu professor de química pediu que você identificasse as soluções aquosas presentes em cada um dos béqueres (A, B, C) apresentados na figura a seguir. Dois béqueres do experimento

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA DA UFS 2014.1 GABARITO

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA DA UFS 2014.1 GABARITO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA DA UFS 2014.1 GABARITO Questão 1) Para o composto sólido de C: 1 mol = 12 g. d = m / V = 12 g / 5,0 cm 3 = 2,4 g cm -3 Para o composto sólido

Leia mais

Evolução do Modelo Atômico

Evolução do Modelo Atômico Evolução do Modelo Atômico A constituição da matéria que forma o mundo vem intrigando pensadores desde a Grécia Antiga, berço da intelectualidade, com Leucipo e Demócrito, os primeiros a usarem a palavra

Leia mais