Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! Maio/2015 Jornal São Judas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! Maio/2015 Jornal São Judas www.saojudas.org.br"

Transcrição

1 ANO XXXVIII - Nº SÃO PAULO, maio/ DISTRIBUIÇÃO GRATUITA - NÃO PODE SER VENDIDO Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! Foto: Internet Maio/2015 Jornal São Judas 1

2 E DITORIAL Santuário: lugar da Mãe e casa de mãe Queridos devotos e devotas de São Judas Tadeu, paroquianos e benfeitores deste Santuário, mês de Maio, mês das mães, recordamos o importante papel de Maria na Igreja, na vida de nossas comunidades. Nossa Senhora transmite a alegria e o amor de Deus pelos seus filhos... Quando levamos Jesus Cristo às pessoas, através da evangelização, não podemos deixar de lado Maria, que sempre esteve presente na missão, junto a seu Filho Jesus, e hoje também conosco, como Mãe. Um Santuário, como o de São Judas Tadeu, é um lugar que atrai numerosas pessoas, de muitos lugares, para Jesus, e tem Maria como Mãe e modelo, sempre. Foi Maria quem reuniu os discípulos e tornou possível a explosão missionária em Pentecostes (At 1,14). Ela é a Mãe da Igreja evangelizadora e misericordiosa. Sem Maria, não podemos compreender o espírito da nova evangelização e da conversão pastoral, tão necessária, como vemos no documento Comunidade de comunidades: uma nova paróquia. Lembrando as palavras do Papa Francisco: Pastoral nada mais é que o exercício da maternidade da Igreja. Ela gera, amamenta, faz crescer, corrige, alimenta, conduz pela mão... Por isso faz falta uma Igreja capaz de redescobrir as entranhas maternas da misericórdia. Sem a misericórdia, poucas possibilidades temos hoje de inserir-nos em um mundo de feridos que têm necessidade de compreensão, de perdão, de amor (Discurso aos Bispos do Brasil, JMJ 2013, pág. 4). Maria, mãe de Jesus, é a mesma, ontem e hoje: mulher orante, trabalhadora em Nazaré, senhora sempre em prontidão, que sai às pressas de sua casa para ajudar os outros, como fez com sua prima Isabel. Ao pé da cruz, Jesus deixava-nos a sua Mãe (Jo 19,28). Cristo conduz-nos a Maria porque não quer que caminhemos sem uma mãe. O Papa diz na Exortação Apostólica Evangelii Gaudium, (item nº 284) que Maria é aquela que sabe transformar o curral em uma casa para acolher Jesus, com somente alguns paninhos e uma montanha de ternura. Em nosso Santuário temos 40 Pastorais atuantes em diferentes setores e todo o trabalho evangelizador tem que levar as pessoas a sentirem-se bem, felizes em testemunhar o amor e a paz que vem de Cristo. E Maria é nosso exemplo de ternura e acolhimento, pois transborda a alegria do servir com amor. Ensina-nos o Papa: Maria é a amiga sempre solícita para que não falte o vinho em nossa vida. É aquela que tem o coração trespassado pela espada, que compreende todas as penas. Como Mãe de todos, é sinal de esperança para os povos que sofrem as dores do parto até que germine a justiça. Ela é a missionária que se aproxima de nós, para nos acompanhar ao longo da vida, abrindo os corações à fé com o seu afeto materno. Como uma verdadeira mãe, caminha conosco, luta conosco e aproxima-nos incessantemente do amor de Deus. Sejamos gratos em pertencer a uma Igreja que é Mãe e que tem uma Mãe, Maria. Que sejam abençoadas todas as mães e todos que nos auxiliam nesta missão de Santuário, que também é de ser mãe do Povo de Deus nesta cidade e além dela. A Casa de Deus está sempre de portas abertas para os seus filhos e filhas! Pe. Sérgio Hemkemeier, scj Reitor do Santuário São Judas Tadeu AGENDA - Maio São José Operário; Dia Mundial do Trabalho e do Trabalhador; 1ª Sexta-feira do mês. No Santuário, Missa Reparadora do Sagrado Coração de Jesus às 9h na igreja nova (Apostolado da Oração) e 20h na igreja antiga, com a participação dos agentes de pastoral da comunidade 03 5º Domingo da Páscoa; Dia do Sertanejo; Dia do Sol; Dia Mundial da Liberdade de Imprensa 05 Dia Nacional das Comunicações; Dia Mundial da Asma 07 Dia do Oftalmologista; Dia do Silêncio; Dia Nacional da Prevenção da Alergia 08 Dia da Cruz Vermelha; Dia do Pintor; Dia do Artista Plástico; Dia do Profissional de Marketing; Dia da Vitória (fim da 2ª Guerra Mundial) 10 6º Domingo da Páscoa; Dia das Mães; Dia da Cozinheira; Dia da Cavalaria; Dia do Campo 11 7o ano da Canonização de Frei Galvão pelo Papa Bento XVI 12 Início da Semana de Orações pela Unidade dos Cristãos; Dia Mundial das Comunicações Sociais; Dia da Enfermagem; Dia do Enfermeiro 13 Nossa Senhora de Fátima; Dia da Abolição da Escravatura; Dia do Automóvel; Reunião do CPP (Conselho Pastoral Paroquial) às 20h na Salão Dehon. 14 São Matias Apóstolo 15 Dia do Assistente Social; Dia Internacional da Família; Aniversário do Pe. Sérgio José Hemkemeier, scj, Pároco e Reitor do Santuário. PENSAMENTO DE PADRE DEHON 17 Ascensão do Senhor; Início da Semana de Orações pela Unidade Cristã; Dia Mundial das Comunicações Sociais; Dia Mundial das Telecomunicações. 18 Dia das Raças Indígenas da América; Dia Internacional dos Museus; Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes 19 Dia das Comunidades Eclesiais de Base; Dia do Defensor Público 20 Dia do Pedagogo; Missa dos Enfermos às 15h na igreja nova (Para receber a Unção dos Enfermos dê seu nome com antecedência na Secretaria Paroquial) 21 Dia da Língua Nacional 22 Santa Rita de Cássia; Dia do Apicultor; Dia do Abraço 24 Pentecostes; Dia das Comunidades Eclesiais de Base; Dia de Oração pela China (determinado pelo Papa Bento XVI); Dia do Telegrafista; Dia da Infantaria; Dia do Café; Dia do Vestibulando; Dia Nacional do Cigano 25 Dia Nacional da Adoção; Dia do Industrial; Dia da Costureira; Dia do Massagista; Dia da África 28 Dia dedicado a São Judas Tadeu: no Santuário missas às 6h, 7h, 8h30, 10h, 12h, 13h30, 15h, 17h, 18h, 19h e 20h Dia do Geógrafo; Dia do Estatístico 30 Santa Joana d Arc; Dia do Geólogo; Dia do Decorador; Dia do Seresteiro 31 Santíssima Trindade ; Dia da Aeromoça e do Comissário de Bordo; Dia Mundial do Combate ao Fumo Vivamos com toda a religião para com Deus, toda a santidade para conosco, toda a justiça para com o próximo, toda a sobriedade para com as coisas Padre Leão João Dehon, scj - Fundador da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, Dehonianos ( ). EXPEDIENTE JORNAL SÃO JUDAS Distribuição gratuita, exemplares. Publicação mensal, dia 28 de cada mês. Av. Jabaquara, 2.682, CEP São Paulo/ SP Tel: (11) / (11) São Judas na Internet: home-page: Fundador: Pe. Cláudio Weber, scj - 28/07/76. Pároco e Reitor: Pe. Sérgio José Hemkemeier,scj Diretor: Pe. João Luiz Uzan Malnalcich,scj Editora: Priscila Thomé Nuzzi MTb nº L. 131 F. 26. Expedição: Secretaria Paroquial. Registro de Jornal: No /Livro B do 1º Reg. Tit. e Doc. Diagramação: Daniel Ramos Distribuição: Voluntários dia 28 Impressão: Gráfica e Editora TAIGA Os artigos e matérias publicadas no Jornal São Judas são de responsabilidade exclusiva dos(as) autores(as). *NOTA: Nos contratos de compra e venda firmados entre consumidores e anunciantes em jornal, as empresas jornalísticas não se enquadram no conceito de fornecedor, nos termos do art. 3º do Código do Consumidor. [...] Assim, a empresa jornalística não pode ser responsabilizada pelos produtos ou serviços oferecidos pelos seus anunciantes, sobretudo quando dos anúncios publicados não se infere qualquer ilicitude. (Excertos do Resp /SC, Rel. Ministra NANCY ANDRIGHI, TERCEIRA TURMA, julgado em 12/08/2010, DJe 19/08/2010) NOSSA CAPA Salve Maria, Mãe de misericórdia, vida e esperança nossa! Maria Santíssima, Mãe de Jesus, é a Mãe da Igreja e de todo cristão. Foi ela quem reuniu os discípulos à espera do Espírito Santo, para que nascesse a Igreja evangelizadora e até hoje acompanha a todos que seguem seu Filho, Jesus. Na presença do Pai, Maria pede pelos mais pobres e pequeninos, mas também roga e protege todos os que, como ela, sempre se esforçam para realizar o projeto de Deus em favor da vida, e vida em abundância, para todos! ASSINATURAS DO JORNAL O Jornal é gratuito. Depósitos: Banco Bradesco, Agência: ; Conta: Favorecido: Paróquia São Judas Tadeu. Valor: R$ 30,00. Após fazer o depósito, favor enviar um fax do comprovante de pagamento, tel: (0**11) Logo após o recebimento do comprovante, enviaremos o Jornal São Judas durante um ano, no endereço indicado. 2 Jornal São Judas Maio/2015

3 P ALAVRAS DO PAPA Foto: Internet O Papa Francisco formalizou a convocação do Jubileu da Misericórdia no dia 11 de abril, na Basílica de São Pedro, com a publicação da Bula oficial jubilar. No último dia 13 de março, o Santo Padre anunciou o Ano Santo da Misericórdia que se realizará de 8 de dezembro deste ano, Solenidade da Imaculada Conceição, a 20 de novembro de O rito de publicação ocorreu no dia 11 de abril com a leitura de alguns trechos da Bula diante da Porta Santa da Basílica Vaticana. Em seguida, o Papa presidiu Papa Francisco anuncia Ano Santo da Misericórdia Misericordiae Vultus, o Rosto da Misericórdia é Jesus Cristo. Tenhamos o olhar voltado para Ele. E que a Virgem Mãe nos ajude a sermos misericordiosos com os outros como Jesus é conosco. de 8 de dezembro de 2015 até 20 de novembro de 2016 a celebração das Primeiras Vésperas do Domingo da Divina Misericórdia, sublinhando o tema central do Ano Santo Extraordinário: A Misericórdia de Deus. A Bula de convocação do jubileu, especialmente no caso de um Ano Santo Extraordinário, além de indicar os tempos, com as datas de abertura e encerramento, e as modalidades principais de realização, é o documento fundamental que reconhece o espírito com o qual é convocado, as intenções e os frutos esperados pelo pontífice que o convoca para toda a Igreja. Nos últimos dois Anos Santos Extraordinários, 1933 e 1983, a Bula de Convocação foi publicada na Solenidade da Epifania do Senhor. Para o próximo Ano Santo Extraordinário, a escolha da ocasião em que se realizou a publicação da Bula Festa da Divina Misericórdia manifesta claramente a atenção do Papa Francisco ao tema da Misericórdia. Por que o Papa antecipou a convocação do Jubileu? Durante sua homilia no dia 11 de Abril, na Basílica Vaticana, após a leitura da apresentação oficial do Jubileu Extraordinário do Ano Santo da Misericórdia, o Papa explicou por que decidiu antecipar em dez anos a convocação de um novo Jubileu. Simplesmente porque a Igreja é chamada, neste tempo de grandes mudanças, a oferecer mais vigorosamente os sinais da presença e proximidade de Deus. Este não é o tempo para nos deixarmos distrair, mas para o contrário: permanecermos vigilantes e despertarmos em nós a capacidade de fixar o essencial, disse o Papa. Francisco ainda advertiu: É o tempo para a Igreja reencontrar o sentido da missão que o Senhor lhe confiou no dia de Páscoa: ser sinal e instrumento da misericórdia do Pai (cf. Jo 20, 21-23). Por isso o Ano Santo deverá manter vivo o desejo de individuar os inúmeros sinais da ternura que Deus oferece ao mundo inteiro, e sobretudo a quantos estão na tribulação, vivem sozinhos e abandonados, e também sem esperança de serem perdoados e se sentirem amados pelo Pai. Ao lado dos que sofrem O Papa refletiu ainda como deverá ser vivido o Jubileu. Um Ano Santo para sentirmos intensamente em nós a alegria de termos sido reencontrados por Jesus, que veio, como Bom Pastor, à nossa procura, porque nos tínhamos extraviado. Um Jubileu para nos darmos conta do calor do seu amor, quando nos carrega aos seus ombros e nos traz de volta à casa do Pai. Aqueles que se colocarem no caminho do Senhor e abrirem seus corações à luz do Cristo, poderão ser transformados pela sua misericórdia para nos tornarmos, também nós, testemunhas de misericórdia. Eis o motivo do Jubileu: porque este é o tempo da misericórdia, concluiu o Papa. Fontes: Rádio Vaticano e A12 ESPIRITUALIDADE ÀS EQUIPES VOCACIONAIS PAROQUIAIS Queremos proporcionar como SAV/PV da Região Ipiranga, em particular para os leigos e leigas das Pastorais e Movimentos das nossas Paróquias e como primeiros destinatários os membros das Equipes Vocacionais Paróquias, um momento de Espiritualidade, ao longo deste ano pastoral Dentre os vários itinerários e experiências espirituais, escolhemos a metodologia de Santo Inácio de Loyola, fundador dos Jesuítas e criador dos Exercícios Espirituais. Os Exercícios Espirituais serão desenvolvidos na dinâmica da Vida Quotidiana, com as seguintes finalidades: ser uma escola de oração, ajudar a pessoa a alcançar o discernimento necessário para viver uma vida em plenitude como cristã e desenvolver as condições humanas e espirituais para tomar uma decisão de vida ou ter mais fidelidade em sua vocação. No Setor Imigrantes, onde a Paróquia/Santuário São Judas está presente, este momento de espiritualidade será no domingo, dia 31 de Maio, na Paróquia N. Sra. De Fátima, à Rua Gal. Gastão Goulart, 47 - Vl. Guarani. das 16h às 18h, gratuito, com a presença de Iracy Gomes, leiga e orientadora dos Exercícios Espirituais na Vida Quotidiana. O encontro será encerrado com a Missa. Levar uma bíblia e caderno para anotações. Todas as Paróquias do Setor Imigrantes são convidadas a participar! Maio/2015 Jornal São Judas 3

4 C AMPANHA DO DÍZIMO Foto: Dízimo é experiência, é graça! No mês de Maio, mês dedicado a Nossa Senhora e às mães, realizaremos a Campanha do Dízimo. O tema da nossa Campanha continua o mesmo: A Paróquia Santuário São Judas Tadeu é a Casa de Deus e minha casa também! Lembramos com muito carinho de que quem cuida da casa é a mãe e nossa Mãe Santíssima certamente também cuida da Casa de Deus! A nossa missão como Dizimistas é cuidar dessa Casa, zelar pelas coisas de Deus e ajudar na evangelização que esta Casa promove. Por isso, com Maria, a Mãe das mães, queremos trabalhar nesta Campanha para que o Santuário São Judas Tadeu possa cumprir seus compromissos, acolher bem todos os que aqui vêm e zelar por todo esse espaço que compreende a igreja antiga e a nova, as salas de pastorais, os salões de eventos, a Obra Social São Judas Tadeu que possui diversos projetos e tudo o mais que possa precisar. Que aqui seja um lugar onde todos, além de sentirem a presença viva e real de Jesus Cristo, sintam-se bem acolhidos e cuidados. O período da Campanha do Dízimo será de 09 a 31 de maio/2015 e os principais objetivos são: Agradecer aos que já são Dizimistas e fortalecê-los na sua missão evangelizadora Comunicar os projetos do Santuário para que os Dizimistas se sintam parte deles Convidar os fiéis que ainda não são Dizimistas para que abracem essa missão conosco Se você já é Dizimista do Santuário São Judas Tadeu, muito obrigada em nome de todos os sacerdotes e colaboradores que aqui trabalham! Nunca se esqueça: todos os frutos do nosso trabalho têm a sua participação. Agora, se você ainda não é Dizimista, apresentamos para você um pouco sobre a importância de sê-lo e de colaborar com essa linda missão que tem fundamento na Palavra de Deus. O que é o Dízimo? O Dízimo, no exato sentido da palavra, representa dez por cento do nosso trabalho, do suor de nosso rosto, que oferecemos a Deus com alegria para o sustento da Casa de Deus, para a evangelização. E ao oferecer o Dízimo, amamos a Deus e ao próximo, pois estamos colaborando na expansão do Reino. Por que dar o Dízimo? Deus criou tudo. É dono de tudo. Não necessita do nosso Dízimo. Então, por que nos pede o Dízimo? Para que participemos da obra da criação. Para nosso bem. Para nossa santificação. O Dízimo não compra nada, com ele oferecemos a Deus nossa vida. Sabemos que não é fácil oferecer o Dízimo nos tempos difíceis em que vivemos. Mas acreditemos na Palavra de Deus, em Seu amor e em Sua proteção. Se ajudarmos a sustentar Sua Casa, deixará Ele que a nossa pereça? A diferença entre Dízimo, Oferta e Esmola Dízimo É o ato de oferecer a Deus parte de nosso salário, mensalmente, com amor e alegria, agradecendo Sua bondade, Sua misericórdia e as bênçãos derramadas sobre nós. Oferta É o dinheiro que oferecemos nos ofertórios das Missas, ou em qualquer outro ato litúrgico, ou em qualquer ocasião. O que é esmola? É o dinheiro que damos aos pobres necessitados. Em Tobias 12,9 está escrito que a esmola apaga os pecados e faz encontrar a misericórdia e a vida eterna. Tanto o Dízimo como a oferta e a esmola são importantes e um não dispensa os outros. 4 Jornal São Judas Maio/2015

5 C AMPANHA DO DÍZIMO Quem é chamado a ser Dizimista? Todos os membros da comunidade: Paroquianos Agentes das pastorais (dos Enfermos, de Música, da Criança, da Catequese, etc.) Ministros da eucaristia e outros são chamados a ser Dizimistas. O Dízimo é uma semente, uma potência, uma possibilidade. Ele deve ser uma declaração de seu amor por Deus, pela Igreja, pelas pessoas e por você mesmo. Quanto devo dar de Dízimo? Devemos devolver como Dízimo aquilo que o nosso coração mandar. São Paulo disse: Cada um dê conforme decidir em seu coração, sem pena ou constrangimento, porque Deus ama a quem dá com alegria (2 Cor 9,7). Não importa a quantia, mas sim que seja dada de bom coração, pois o que é doado de boa vontade faz bem a quem dá e a quem recebe! Lembremos do exemplo daquela pobre viúva que tinha apenas duas moedinhas, mas chamou a atenção de Jesus pela grandeza de sua fé, pois ela deu tudo o que tinha. Ele valorizou a oferta dela, não pelo valor que ela deu, mas pelo amor Foto: Priscila T. Nuzzi 5o. Mandamento da Igreja: Atender às necessidades materiais da Igreja, cada qual segundo as próprias possibilidades (Compêndio do Catecismo da Igreja Católica, Papa Bento XVI em 2005) que ela demonstrou (Conf. Lc 21,1-4). Quando dar o Dízimo? Se oferecermos o Dízimo logo após o recebimento de nossos ganhos, estaremos ofertando as primícias. Espera-se que o Dizimista seja fiel no seu Dízimo, ou seja, que o dê mensalmente. Obviamente podem ocorrer percalços em nossa vida que nos impossibilitem de fazê-lo, mas Deus não estará com uma calculadora na mão e um caderninho para cobrar o Dizimista. Onde e como dar o Dízimo? Aqui na Paróquia Santuário São Judas Tadeu a pessoa pode escolher uma das formas abaixo para dar o seu Dízimo: Envelope Amarelo - a ser entregue nas missas, nos cofres das igrejas ou na Secretaria Paroquial Boleto Bancário - a ser pago em qualquer banco ou preferencialmente nas casas lotéricas até a data de vencimento, após essa data somente na Caixa Econômica Federal. Dizemos preferencialmente nas casas lotéricas porque a tarifa bancária é mais baixa. Em Malaquias 3,10 lemos: Pagai integralmente os Dízimos ao tesouro do templo... fazei a experiência, diz o senhor dos exércitos e vereis se não derramo a minha bênção sobre vós, muito mais do que o necessário.... muito mais do que o necessário... Ao contribuir com o Dízimo não significa que Deus vai multiplicar o salário ou rendimentos do Dizimista, mas significa que a pessoa não passará mais por necessidades e por inseguranças materiais, seja ela pobre ou rica. Muitas vezes as bênçãos são também em curas físicas, problemas de enfermidade que levam as pessoas a gastarem rios de dinheiro com medicamentos. Diante disso, fazemos o convite: tornese Dizimista! Faça essa experiência e testemunhe as bênçãos do Senhor na sua vida! Um forte abraço, Angélica Cunha, Assessora de Marketing do Santuário São Judas Tadeu Foto: Nadine Saliba Ser dizimista é saber partilhar! A grandeza do dízimo se manifesta por meio das ações comunitárias de partilha. O dízimo, como dádiva, é a forma de partilharmos o que temos de melhor para com os irmãos e irmãs da comunidade. Dízimo é aquela sementinha de Amor a Deus e a Igreja, que a deixo germinar, cuidando dela para que dê muitos frutos. Frutos de amor, de justiça e de solidariedade! É ato de fé, de esperança e de caridade. Pelo Dízimo, podemos viver estas três importantes virtudes cristãs, chamadas de virtudes teologais, porque nos aproximam diretamente de Deus. O Dízimo é compromisso de cada cristão. É uma forma de devolver a Deus num ato de agradecimento, uma parte do que se recebe. Representa a aceitação consciente do dom de Deus e a disposição fiel de colaborar com o seu projeto de felicidades para todos. Dízimo é agradecimento e partilha, já que tudo o que temos e recebemos vem de Deus e pertence a Deus. Seja dizimista! Aceite este Santo convite e faça a sua inscrição! PLANTÃO DO DÍZIMO Como no mês de maio haverá Campanha do Dízimo em nossa Paróquia/ Santuário São Judas Tadeu, o plantão do Dízimo será em todos os domingos desse mês, com exceção do primeiro domingo (devido ao feriado). Procure a Pastoral do Dízimo no hall da igreja nova do Santuário. Venha falar conosco! Rosa Peinhopf, Coordenadora da Pastoral do Dízimo da Paróquia/ Santuário São Judas Tadeu Maio/2015 Jornal São Judas 5

6 E SPIRITUALIDADE Como manter a de A força mais potente do mundo é a fé segundo Santa Teresa de Calcutá. No entanto, a fé que nunca foi provada não pode ser chamada de fé. Muitos sucumbem na fé, diante das facilidades, das mordomias, dos prazeres, das drogas, das glórias humanas e os poderes oferecidos pelos homens. Outros sucumbem diante do sofrimento, do abandono, da doença, das incompreensões, dos problemas familiares, dos vícios... Outros, ao contrário, não se abalam, não se deixam levar, antes se tornam mais firmes em sua fé, diante dos desafios. Sabedor do fascínio que os bens materiais, a glória humana e o poder temporal exercem sobre o homem, o demônio conseguiu facilmente iludir o primeiro casal Adão e Eva com ofertas mirabolantes e vazias. Por apenas trinta moedas, Judas traiu seu mestre. Ele foi apenas um entre os 12 escolhidos. Os outros permaneceram fiéis. Na prosperidade, Jó era fiel a Deus. Foto: Priscila T. Nuzzi Fé em tempo Crise O demônio apostou com Deus que Jó, na adversidade, abandonaria sua fé. O demônio perdeu a aposta e Jó não só sobreviveu, mas cresceu diante de Deus, graças aos seus sofrimentos. Nu saí do ventre de minha mãe, nu voltarei. O Senhor deu, o Senhor tirou: bendito seja o nome do Senhor (Jó 1, 21). Crer não significa estar livre de momentos difíceis, mas ter força para os enfrentar, sabendo que não estamos sós Com Jesus aconteceu o mesmo. Primeiro o demônio lhe ofereceu todos os bens, todas as glórias humanas e todos os poderes dos homens. Depois o levou ao sofrimento e à cruz. Mais uma vez o demônio perdeu a aposta e foi vencido. Da cruz de Cristo e da sua fidelidade ao Pai vieram a ressurreição e a vitória final. A paixão de Cristo terminou na felicidade da ressurreição. Pedro fraquejou diante do sofrimento daquele que mais amava, mas acabou transformando a dor num amor maior: Senhor, tu sabes que te amo!. Três características devem marcar a fé: a coerência, a perseverança e a confiança. Pela coerência aprendemos a crer, não de acordo com a vida que vivemos, mas a viver a vida conforme a fé que professamos. É a fé que determina nosso jeito de viver. Sem fé é impossível agradar a Deus (Hb11,6). É o meu ser cristão que determina o meu agir como cristão. Nem todo aquele que diz; Senhor, Senhor, entrará no reino dos céus, mas o que faz a vontade de meu Pai (Mt 7,21). Foto: Priscila T. Nuzzi A segunda característica da fé é a perseverança. Vos é necessária a perseverança para fazerdes a vontade de Deus e alcançardes os bens prometidos (Hb 10,36). É a prova mais exigente. O desafio de sermos coerentes a vida inteira e diante de qualquer desafio. Aquele que perseverar até o fim será salvo (Mt 10,29). Quem põe a mão no arado e olha para traz não é digno de mim (Lc 9,26). A terceira característica da fé é a confiança em Deus. O oposto da fé não é a dúvida, mas o medo. O medo de confiar em Deus e em Jesus Cristo. Crer não significa estar livre de momentos difíceis, mas ter força para os enfrentar, sabendo que não estamos sós. No mundo tereis tribulações, mas tende confiança, eu venci o mundo (Jo 16,33). Havereis de estar tristes, mas vossa tristeza se transformará em alegria (Jo 16,20). Mais que defendida, a fé deve ser alimentada pela oração, pela Palavra de Deus, pela Eucaristia e pela prática da caridade. Como a vela que se consome para iluminar, o cristão deve morrer a si mesmo para servir. Esta, diz o Papa Francisco, é a verdadeira sabedoria: sair de si mesmo para ir ao encontro de Deus e dos irmãos e irmãs. Tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus (Rom 8,28). Os apóstolos disseram ao Senhor: Aumenta-nos a fé! (Lc 17,5). Se a fé é o nosso maior tesouro, perdê-la é a nossa maior derrota. Vamos pedi-la ao Senhor e lutar por ela! Pe. Dionísio Tecilla, scj Foto: Reze um Pai nosso por quem precisa de trabalho! O pão nosso de cada dia nos dai hoje é o quarto pedido da oração do Pai nosso que exprime nossa confiança filial no Pai do céu. Pão nosso designa o alimento terrestre necessário à subsistência de todos nós, mas significa, também, a Palavra de Deus e o Corpo de Cristo alimento indispensável à nossa vida e essencial no Banquete do Reino que a Eucaristia antecipa. Muitas pessoas recorrem ao Santuário São Judas Tadeu para pedir a Deus o emprego, o trabalho digno, e com isso manter a família, sentir-se em paz. Rezemos a oração que Jesus nos ensinou, o Pai nosso, por todos os desempregados e suas famílias, ao menos uma vez ao dia deste mês de Maio, mês dos trabalhadores! Sejamos como São Judas Tadeu, intercessores junto ao Pai, pedindo trabalho aos nossos irmãos e irmãs na fé! 6 Jornal São Judas Maio/2015

7 N OSSO BISPO Foto: A Virgem Maria no Mistério da Salvação gundo relato dos Atos dos Apóstolos: unânimes, perseveraram na oração com Maria, a mãe de Jesus (At 1, 14). Seguindo Maria, em cada uma destas três etapas fundamentais, somos ajudados a colocar-nos no discipulado de Cristo de maneira concreta e resoluta. Meditando a Encarnação, contemplamos Maria como a cheia de graça (cf. Lc 1, 28.30). Na graça encontra-se a identidade de Maria. Graça é o amor de Deus derramado sobre a criação. Somente no seio da Trindade, nas relações entre as pessoas divinas, o amor de Deus é natureza; em todos os outros casos é graça, isto é, puro dom! A graça é a presença de Deus em nós. Maria é totalmente tomada pela presença de Deus: cheia de graça! Ainda na meditação da Encarnação não se pode deixar de lado a fé Maio é um mês consagrado à Virgem Maria. Celebramos, no dia 13, a memória de Nossa Senhora de Fátima, e, no dia 31, a festa da Visitação de Nossa Senhora. É uma ótima oportunidade para meditarmos a importância da Virgem Maria para a história da salvação. A Virgem está presente nos três momentos constitutivos do mistério cristão: Encarnação, Mistério Pascal e Pentecostes. Maria esteve presente na Encarnação, porque esta aconteceu nela; o seu seio diziam os Padres da Igreja foi o tear, onde o Espírito Santo teceu ao Verbo de Deus a sua veste humana; no seio de Maria foi gerada a natureza humana do Filho de Deus. Esteve presente no Mistério Pascal, como bem relata o evangelho de João: Junto da cruz de Jesus estava Maria sua mãe (Jo 19, 25). E esteve presente em Pentecostes, sede Maria. Ela é a Nova Eva, porque jamais duvidou da Palavra de Deus. A fé não vai contra a razão, ultrapassa-a. Fé é jogar-se nos braços do Absoluto. A fé é contagiosa. Ninguém é contagiado por ouvir falar de um vírus ou por estudá-lo, mas somente entrando em contato com ele; o mesmo acontece com a fé. A força de um discípulo de Cristo é proporcional à força de sua fé! Não existe verdadeira fé sem caridade. Já levando Jesus em seu seio, Maria parte para a casa de Isabel, para servi-la. A ação de graças de Maria é o serviço desinteressado ao próximo. A caridade é fruto da presença de Cristo em nós. Santa Teresa D Ávila dizia às suas monjas que o critério para avaliar a santidade é um só: a caridade! Passemos agora ao Mistério Pascal. Maria ensina-nos que o discípulo de seu Filho deve ser corajoso e jamais perder a esperança. Aos pés da cruz, Maria não gritou nem se lamentou. Guardou sua dor, seu sofrimento em silêncio. O silêncio guarda só para Deus o perfume do sacrifício. Isso impede que o sofrimento se perca, procurando e achando aqui na terra sua recompensa. Maria não questiona, simplesmente cala-se. Consente com amor na imolação da vítima por ela mesma gerada (LG 58). Celebra com Jesus a sua Páscoa. Foi corajosa, manteve-se unida a seu Filho até a cruz. Corajosa e solidária; sofreu no coração o que o Filho sofria na carne. O verdadeiro discípulo deve manterse próximo aos crucificados de hoje: pobres, sofredores, doentes, excluídos de toda sorte. Não precisa dizer nada, basta a presença repleta de fé. Maria esperou contra toda esperança; partilhou com o Filho não só a morte, mas também a esperança da ressurreição. No Calvário ela não é apenas a Mãe das Dores, mas também a Mãe da Esperança. Esperar contra toda esperança significa: sem ter nenhum motivo de esperança, numa situação humanamente de total desesperança O verdadeiro discípulo, inspirado em Maria, vive e transmite esperança às pessoas (...) O objeto da esperança é que eu possuirei Deus, que eu viverei eternamente. Quem tem esperança não desiste nem desanima diante das dificuldades. e em total contraste com a promessa, continuar esperando unicamente por causa da palavra de esperança pronunciada por Deus (Schlier). As pessoas precisam de esperança para viver, como do oxigênio para respirar. O verdadeiro discípulo, inspirado em Maria, vive e transmite esperança às pessoas. O objeto da fé é que Deus existe. O objeto da esperança é que eu possuirei Deus, que eu viverei eternamente. Que tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus. Quem tem esperança não desiste nem desanima diante das dificuldades. Por fim, Pentecostes. Aprendemos de Maria a participação na vida da comunidade, sendo um membro ativo e responsável na Igreja de Jesus Cristo. Aliás, a maternidade de Maria é divina, ela é Mãe da Igreja. Ela nunca se afastou da Igreja; como cuidou com carinho e zelo do crescimento do corpo humano de Jesus, de igual modo zela pelo crescimento do Corpo Místico de seu Filho. O verdadeiro discípulo ama a Igreja. E amar a Igreja significa zelar pelo seu bem-estar e crescimento. Fazer com que aqueles que ainda não conhecem o evangelho se sintam atraídos pela pessoa e pela mensagem de Jesus; que se sintam acolhidos pela Igreja. Termino com uma oração elaborada por Santo Ambrósio, que ouso qualificar como oração do discípulo, que tem Maria como mãe e mestra: Maria, que a tua fé, a tua presença e a tua caridade se tornem nossas; que a tua humildade e simplicidade se tornem nossas. Que o teu amor por Deus se torne nosso! Esteja em cada um de nós a alma de Maria para glorificar o Senhor, esteja em cada um de nós o espírito de Maria para exultar em Deus. Assim seja! Dom José Roberto Fortes Palau, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de São Paulo para a Região Episcopal Ipiranga Maio/2015 Jornal São Judas 7

8 M OMENTO DAS PASTORAIS Foto: Os desafios da família nos dias de hoje Como povo de Deus, não fugimos das realidades e dos desafios da família, para a família. Na Paróquia/Santuário São Judas Tadeu, dentre as muitas e variadas atividades, temos a Pastoral Familiar. É no Setor Família que temos os grupos e movimentos que trabalham com as famílias. Em Gênesis 2,7, lemos que o Senhor nos modelou com argila, soprou o sopro da vida, nos tornou ser vivente e chamamos a isto, o sopro do Espírito de Deus. Toda família tem que ter a sua espiritualidade. É a força interior que nos faz ser mais gente, é a força que move nossa vontade, é a luz que ilumina nossos olhos. É o amor que vivemos, o ânimo que nos dá perseverança. Tudo vem da ação direta do Espírito Santo que em cada pessoa se realiza na medida em que ela se abre e acolhe sua ação. São João nos diz (Jo 3,8) que o vento sopra onde quer... Vem o barulho, mas não sabemos de onde vem, nem para onde vai. São Tiago (Tg 2,1-4) nos diz que a fé não admite acepção de pessoas. Nós cristianizamos Jesus com os modelos de nossos dias. Foi a experiência de Jesus, Maria e José. O resto do povo de Javé, servo sofredor. No documento de Aparecida 65, lemos que é preciso contemplar Jesus nos rostos dos que sofrem: as famílias desajustadas, com filhos nas drogas e no sexo desenfreado, os pobres, os desempregados, os deslocados, aqueles que vivem a prostituição, as que se submeteram ao aborto, os presos... O livro do Êxodo nos mostra que o povo foi à procura da terra prometida, da não acomodação. Mas confiantes, e de olhar fixo no Senhor, Ele foi tudo, o libertador! Eu vi meu povo na miséria, ouvi seu clamor, conheço seus sofrimentos, desci para libertá-los, ir para o Egito, para uma terra fértil. Assim como Deus, que está sempre em relação conosco, Deus não é um Deus sozinho. Não é um Deus longe. O homem e a mulher foram criados à imagem e semelhança de Deus. Esta relação é a condição para o nosso crescimento como pessoas. Nós, da Pastoral Familiar, estamos também com este povo de Deus. Caminhamos sempre, com o intuito de crescer e melhorar. Temos no Setor Família da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu, a equipe de casais da família, Pastoral Familiar, responsável pelo Encontro de Noivos, que se realiza mês sim, mês não. A Pastoral Familiar também é responsável pelo evento Saúde em Foco, junto com a Pastoral da Saúde, que acontece todo ano no Santuário. A Pastoral da Família está criando um grupo novo que vai trabalhar com noivos que irão fazer uma nova experiência de formação em dois módulos uma vez por semana, à noite. No segundo semestre, vamos realizar uma experiência com casais que não podem casar-se na Igreja. Temos também o ECC-Encontro de Casais com Cristo, que é um serviço para a família, com seus Pós-encontros, de 15 em 15 dias. Os casais do ECC têm os grupos de círculos, que se reúnem nas casas todo mês. Há também o grupo Família em Botão, trabalho realizado com recém-casados até 6 anos de casados. O Cerimonial de Casamentos é um serviço realizado por voluntários, casados ou não, que cuidam da organização dos casamentos celebrados no Santuário. Neste ano o grupo vai cuidar da preparação para o Casamento Comunitário, que será relizado em setembro. Na Lumen Fidei, do Papa Francisco, nº 60, lemos: A Maria, Mãe da Igreja, Mãe da nossa fé, dirigimos: Ajudai, ó Mãe, a nossa fé. Abri o nosso ouvido à Palavra, para reconhecer a voz de Deus. Despertai em nós o desejo de seguir os seus passos, saído da nossa terra, e acolhendo a sua promessa. Ajudai-nos a deixar-nos tocar pelo seu amor. Para podermos crer no seu amor, tocá-lo com a fé, ajudai-nos a confiar e crer no seu amor, amadurecer a nossa fé. Quem crê, nunca está sozinho. Ensinai-nos a ver com os olhos de Jesus, para que ele seja luz em nosso caminho. Que a luz da fé cresça sempre em nós, até chegar o dia de encontrarmos com o próprio Jesus Cristo. Você leitor, venha somar conosco neste trabalho da família, pela família. Sejam todos bem-vindos! Pe. Marcos Giarola,scj A CARIDADE EM NOSSA OBRA SOCIAL Funcionamento da Obra Social A Obra Social São Judas Tadeu, pertencente à Paróquia/Santuário São Judas Tadeu, está passando pela reforma de alguns setores, para a melhoria de suas atividades. Os atendimentos sociais permanecem e estão acontecendo de segunda a sexta-feira, das 10h30 às 12h e das 13h às 15h30. Os projetos em funcionamento são: - Doações de roupas e calçados. - Encaminhamento para diversos setores. - Atendimento Jurídico, Psicológico e Odontológico, agendados na Secretaria da Obra Social. - Clube de Mães, com atendimento às gestantes a partir do 5º mês de gestação, onde recebem orientação sobre a saúde do bebê e aprendem a fazer crochê e tricô. Ao final do curso, no 8º mês de gestação, as gestantes ganham o enxoval com as peças novas que elas mesmas produzem e outras. - Projeto Bem Viver, um trabalho desenvolvido para a Terceira Idade, cujo objetivo é a integração do grupo, com a realização de diversas atividades, coordenadas pela Psicóloga Regina Pastore. Os encontros ocorrem às terças-feiras, das 14h às 16h30, na Sala São Judas do Santuário. - Cursos de Cuidadores de Idosos, que se iniciam no dia 05 de Maio. Vagas preenchidas. - Bazares permanentes, que ocorrem às segundas, quartas e sextas-feiras, das 14h às 16h15. - Feirinha da Pechincha, que ocorre às terças e quintas-feiras, das 14h às 16h. - Bazar do primeiro e terceiro sábado do mês e dia 28, onde são vendidos móveis usados, eletrônicos, livros, roupas, calçados e brinquedos. No dia 28, além dos itens anteriores, também são vendidos artesanatos, produzidos na própria Obra Social por voluntárias. A Obra Social da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu localiza-se à Alameda dos Guaiós, 40, próximo ao Santuário. Venha nos conhecer! Sônia Aparecida de Paula da Silva, Assistente Social da Obra Social São Judas Tadeu 8 Jornal São Judas Maio/2015

9 P ARÓQUIA E SANTUÁRIO 75 ANOS São Judas Tadeu e o nosso Casamento no Santuário Fábio não foi o meu primeiro namorado, mas foi com quem quis casar-me, no civil e no religioso.quando decidimos casar no religioso pensei:é para sempre! Com as coisas de Deus não se brinca, e o sim diante do altar pra mim é para sempre.... Assim começou a entrevista com os recémcasados Aline e Fábio, que selaram sua união na Capela do Santíssimo da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu no dia 07/02/2015. Fábio conta, emocionado, que a sua devoção a São Judas Tadeu começou quando o seu pai, com dificuldades financeiras, foi aconselhado por um amigo a vir ao Santuário: Eu e minha família inteira viemos com o meu pai. Quando ele estendeu a mão para colocar uma moeda aos pés da imagem de São Judas, no altar central, o celular dele tocou. Meu pai conseguiu um emprego naquele mesmo dia. Desde então, todo dia 28 passamos a vir ao Santuário. A intercessão de São Judas é muito forte. Aline diz que Fábio queria muito casar-se no Santuário São Judas Tadeu, mas até isso foi complicado. Não havia data disponível... Fábio diz que orou, ajoelhado, pedindo com fé, ao santo das causas perdidas : De tudo o que o senhor me deu até hoje, não há nada que eu te peça com tanta vontade do que a sua ajuda para que eu e Aline Foto: Priscila T. Nuzzi nos casemos em seu Santuário!. Na semana seguinte, ele e Aline voltaram ao Santuário, pedindo para a Eudeli, da Secretaria de casamentos, olhar novamente a agenda, e então, ela percebeu uma data em branco, com a opção de que o casamento fosse realizado na Capela do Santíssimo da igreja nova. Parecia milagre! E a cerimônia foi linda, emocionante!, comenta Aline. Segundo Fábio, tudo estava contra quando eles resolveram casar-se na Igreja: Ainda havia o problema da falta de dinheiro, eu desempregado... E o sonho de estudar e trabalhar Fábio Ponce e Aline Kele Lima Ponce De tudo o que o senhor me deu até hoje, não há nada que eu te peça com tanta vontade do que a sua ajuda para que eu e Aline nos casemos em seu Santuário! no exterior. Todo o dinheiro que tínhamos para a viagem acabou sendo gasto no casamento. O vestido da Aline, que foi comprado da China pela internet, quase não chegou a tempo... Uma loucura! Mas sou devoto de São Judas Tadeu e Deus foi modelando, nos direcionando os caminhos. Eu e Aline vamos viver na Espanha e depois na Irlanda, explica Fábio. Esse era um plano que tínhamos antes do casamento, que precisou ser adiado. Dois meses antes da data do casamento, foi detectado câncer maligno numa pinta na orelha da Aline. Não sabíamos se em outro país teria como tratar... Não foi preciso quimioterapia, porque Aline passou pela cirurgia a tempo e a doença foi percebida no início... Aline diz que era para eles irem embora do Brasil no ano passado, logo depois dela casarse com Fábio no cartório em Junho. Todas as dificuldades, com emprego, e depois a decisão do casamento na Igreja, fez com que a viagem fosse adiada: Ficamos mais tempo aqui e Deus nos ajudou para que eu descobrisse o câncer de pele. Se fôssemos antes, eu não saberia da doença, e talvez não trataria a tempo. O casal conta que o estresse para tornar esse casamento possível foi muito grande, mas a fé tornou tudo possível. Fábio diz que tudo foi dando certo com muito joelho no chão em oração. E Aline pontua com sabedoria: Tudo o que é fácil demais as pessoas descartam, não dão valor. Temos muitas batalhas pela frente ainda. Vamos começar vida nova lá fora, no exterior, morar e trabalhar onde nem sabemos ainda, mas juntos, vamos agarrar com fé tudo o que Deus nos direcionar. O importante é que nos amamos muito. E finaliza: Antes de irmos embora, quero comprar uma imagem de São Judas Tadeu, abençoar aqui no Santuário e levar para a nossa casa, onde Deus nos conduzir. José Nunes Filho e Oswaldina Gubiotti Nunes em celebração de Batismo no Santuário Nunes e Dina: 60 anos de casamento! Nunes e Dina casaram-se na Igreja São Judas Tadeu em 21 de maio de Tiveram dois filhos e uma filha. No ano de 1979, com os filhos já criados, participaram do ECC-Encontro de Casais com Cristo e trabalharam muitos anos ajudando outros casais nos ECC que se seguiram. Com o passar do tempo, o Bispo Dom Celso Queiroz nomeou Nunes para Ministro do Batismo, no qual por 20 anos assumiu este serviço. Com Dina, Nunes também foi ministro extraordinário da Eucaristia. O casal até nos dias de hoje colabora na Liturgia das missas. São trinta e seis anos de dedicação a Deus e aos irmãos na Paróquia/ Santuário São Judas Tadeu. Que o Senhor continue abençoando o casal e todos os agentes de pastoral, que com amor, servem em nossa Igreja! Casamento no Santuário Maio/2015 Jornal São Judas 9

10 N OTÍCIAS DO SANTUÁRIO Partiu para a casa do Pai Isaltina da Conceição Lopes dos Santos, faleceu no dia 13 de Abril, aos 67 anos, deixando esposo, três filhos e netos. Serviu como voluntária por mais de 15 anos na Pastoral da Acolhida do Santuário São Judas Tadeu. Que o Senhor da Vida a acolha em sua misericórdia e console seus familiares. Domingo de Feijoada Será realizado na Paróquia/Santuário São Judas Tadeu mais um domingo de Feijoada, no dia 31 de Maio de 2015, em prol do 106º ECC-Encontro de Casais com Cristo. Antecipe a compra do convite na Secretaria Paroquial. O evento será das 11h30 às 14h na Sala São Judas. Se preferir, você poderá levar marmitex para casa. Os convites são limitados. Venha saborear a deliciosa feijoada dos casais de São Judas Tadeu! Chá beneficente Os convites já estão à venda para o tradicional Chá Beneficente da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu que será no dia 09 de Maio, a partir das 16h, na Sala São Judas. Aceitamos com gratidão todas as doações de prendas novas, na Secretaria Paroquial. Que Deus abençoe a todos que possam e queiram colaborar! Curso de Valorização Humana 2015 Nos dias 11,12, 13 e 14 de Maio das 14h às 16h vai acontecer mais um Curso de Valorização Humana na Paróquia/Santuário São Judas Tadeu, no Salão Dehon, entrada pela Alameda dos Guaiós, 149. Inscrições gratuitas, abertas na Secretaria Paroquial. Se você precisa valorizar-se, amar-se e amar a vida, participe! Megabazar em Maio Prepare-se para aproveitar mais um Megabazar, com peças de roupas e calçados a partir de R$1,00. Será nos dias 22 e 23 de maio, das 8h às 17h na Sala São Judas do Santuário. Não perca essa mega oportunidade! Encontro de Casais com Cristo em Julho O ECC-Encontro de Casais com Cristo da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu já está em sua 106ª edição e neste ano será no mês de Julho. Se você é casado (a) e ainda não participou do ECC com seu cônjuge, não perca essa oportunidade. Inscrições na Secretaria Paroquial! Aniversário do Projeto Bem Viver No dia 12 de maio de 2015 o Projeto Bem Viver da Obra Social São Judas Tadeu completa 13 anos sob a coordenação de Regina Pastore. Neste dia 14h às 16h haverá uma grande festa com show ao vivo na Sala São Judas, à Av. Jabaquara, O show é de Francisco Cesar e convidados (www.franciscocesar. com.br). Haverá bolo da Saudável Gourmet e sorteio de brindes da empresa Cisbra (linhaça e produtos integrais). Haverá também sorteio de sessões de acupuntura com fisioterapeuta e maquiagem com esteticista. Entrada franca ao público em geral. Participe! Coroação de Nossa Senhora As crianças da Catequese da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu convidam a todos para a Missa das 10h no domingo, dia 31 de Maio. As crianças prestarão homenagem e farão a Coroação da imagem de Nossa Senhora, encerrando o mês de Maria. Páscoa dos Padres da Região Episcopal Ipiranga Reuniram-se para um almoço de confraternização de Páscoa o Bispo da Arquidiocese de São Paulo, Dom José Roberto Fortes Palau, com o clero da Região Episcopal Ipiranga, em 10 de Abril na Paróquia/Santuário São Judas Tadeu. Na ocasião, Dom José Roberto disse que, após muito trabalho na Semana Santa, este é um momento forte de expressão da fraternidade sacerdotal. Há 9 meses como Bispo na Região Ipiranga, Dom José diz que já a conhece, pois visitou as 35 Paróquias e que agora fica mais fácil o trabalho, o entrosamento com os Padres, pois isso facilita o trabalho pastoral e afirma: Em sintonia com este presbitério, vamos construir juntos. Os padres são colaboradores do Bispo, em comunhão com o Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Paulo. 10 Jornal São Judas Maio/2015

11 V VOLUNTARIADO O grupo dos Amigos do sopão existe no Santuário São Judas Tadeu desde o dia 13 de maio de O trabalho é arrecadar doações de alimentos, prepará-los e entregá-los aos irmãos e irmãs sem moradia, que vivem pelas ruas de São Paulo. A ideia veio de jovens do Santuário que foram tocados por Deus e deram o pontapé inicial, com ajuda de seus pais e amigos. São duas equipes: da cozinha e entrega das marmitas. Hoje o grupo é formado por 103 voluntários e são entregues 240 marmitas todo sábado, preparadas com produtos de qualidade. O feijão, por exemplo, é preparado com bacon, paio, linguiça, lombo, enfim, com carnes de qualidade. A cozinha utilizada é a chamada cozinha piloto localizada na Obra Social São Judas Tadeu. O coordenador do grupo desde 2007, Arnaldo Silva Júnior, diz que todo sábado é dedicado aos Amigos do Sopão : Logo cedo saio para comprar os alimentos perecíveis, como carnes ou peixes (24 quilos), legumes e verduras, para o preparo da refeição do dia, que serão entregues a 240 pessoas. São muitas famílias completas, até Amigos do sopão a serviço dos irmãos de rua com bebês de colo, que vivem pelas ruas e dormem pelas calçadas. Para a Páscoa deste ano, o grupo recebeu doação de tilápia. Para o dia das crianças e Natal, são solicitadas às empresas particulares doações de brinquedos. Mas às vezes o grupo recebe doações surpresa, de panetones, por exemplo. Para o Inverno, os Amigos do sopão recebem doações de cobertores, roupas e sapatos: Temos voluntários que se fantasiam de Coelho da Páscoa e de Papai e Mamãe Noel em Dezembro, acrescenta o coordenador do projeto. Também é arrecadado leite, mas não em pó. Arnaldo explica: O leite em caixinha, líquido, é mais prático para as pessoas que vivem nas ruas. Preparamos sucos e garrafas com água filtrada, pelo menos umas 50 para cada entrega, que pretendemos aumentar para 60 ou 70 garrafas. Sempre são bem-vindas doações de garrafas pet vazias, de 2 litros, 1 litro e meio, para reutilizarmos com sucos e água. Já chegamos a ter 500 voluntários, diz Arnaldo, que criou um regulamento interno a todos os voluntários que participam do grupo, com orientações diversas, inclusive, sobre a importância da fidelidade e o compromisso em ajudar ao menos um sábado ao mês. Temos a acolhida de novos voluntários, com uma ficha de cadastro, que geralmente é feita pelo Sr. Marcos, cujo apelido é Vô, que está no grupo desde o início, há 9 anos. Todo os sábados Arnaldo acompanha de perto o preparo dos alimentos no Santuário e vai fazer as entregas, com a carreata de vans e peruas, e seu filho de 11 anos. Ele vem comigo desde os 6 anos e entrega as marmitas para as crianças, brinca com elas, abraça, beija... A escola que meu filho estuda doa 5 cestas básicas por mês. Arnaldo diz que este é um trabalho árduo, mas que nunca mais quer sair deste grupo: Antes eu tinha vontade de ajudar as pessoas, mas nunca ia atrás. Então uma amiga começou um trabalho voluntário na empresa dela e me chamou. Ela também era voluntária dos Amigos do sopão e me trouxe. E como eu nasci no dia 28 de Outubro, dia de São Judas Tadeu, eu me senti chamado a servir neste Santuário aos irmãos de rua. Para Arnaldo o que importa é fazer o bem aos outros, sem esperar nada em troca, colocar sua energia no que faz, com um sorriso no rosto, transmitindo amor, levando o amor de Deus às pessoas. Arnaldo finalmente recomenda: Quem quer ajudar, com vontade de seguir o mandamento de Cristo: Como eu vos amei, assim também vós deveis amar-vos uns aos outros (Jo 13,34), estamos de portas abertas. Além de servir como voluntário, no site do grupo há indicações de diversas campanhas, para quem quiser colaborar: CONVITE Todos estão convidados para a celebração de Ação de Graças pelos 9 anos do grupo Amigos do Sopão. São 9 anos de serviço voluntário junto às pessoas em situação de rua na cidade de São Paulo. Será no dia 13/05/2015, às 20h na igreja antiga. Aproveitamos para agradecer a todos os voluntários, doadores, prestadores de serviços, funcionários da Paróquia e da Obra Social, ex-voluntários, padres e a todos que rezam e torcem pelo sucesso desse serviço. D EHONIANOS Começou o Propedêutico SCJ 2015! No dia 15 de fevereiro passado, chegaram a São Paulo dezenove jovens para continuar seu processo de discernimento vocacional na Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, na Província Brasil São Paulo (BSP). Depois de um ano de acompanhamento em sua paróquia de origem ou à distância, através dos TREVOs, eles iniciaram o período do Propedêutico. Como o próprio nome já diz, trata-se de um período de preparação para a vida no seminário, onde se faz a transição de um estilo de vida secular àquele que caracteriza a vida religiosa, que é a fraternidade vivida em uma comunidade. Neste ano, temos aqui jovens de 17 a 28 anos de idade que querem descobrir se sua inquietação vocacional tem fundamento, ou seja, se o Senhor, nosso Deus, realmente lhes chama ao seguimento radical de Jesus Cristo na vida religiosa consagrada e no ministério presbiteral. Por isso, eles deixaram suas casas para estar conosco numa convivência para o cultivo de sua vocação. Daí o nome da nossa casa: Convívio Vocacional Dehoniano. Iniciamos o ano com propedeutas de quatro estados do Sul e do Sudeste do Brasil: oito de Minas Gerais, quatro de São Paulo, quatro do Rio de Janeiro e três do Paraná. Em nossa casa, que fica nas dependências do Instituto Meninos de São Judas Tadeu, os propedeutas têm a oportunidade de, através Foto: Jefferson Castro da vida fraterna em comunidade e suas diversas atividades que compreendem o nosso cotidiano, encontrarem-se consigo mesmos e com o Senhor Deus para adquirir segurança em vista do seguimento um caminho de radical consagração. Para tanto, a formação, ou seja, o conjunto de pessoas e elementos que compõem a vida de um seminário, trabalha as diferentes dimensões da vida do vocacionado: humana, intelectual, espiritual, comunitária e pastoral. Pedimos a intercessão de São Judas Tadeu a fim de que os propedeutas consigam, a cada momento, discernir e seguir a vontade de Deus em suas vidas! Pe. Lucas Mello, scj Maio/2015 Jornal São Judas 11

12 C OMPORTAMENTO MÃÊEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!!! Ô MÃE!!!!! O que é ser mãe? Existem inúmeras respostas prontas, mas nenhuma consegue descrever realmente o verdadeiro sentimento de ser mãe. Um sentimento puro e que a cada dia que passa, mais apaixonante. Ser mãe é sentir-se mais mulher: forte, feliz e cheia de vida. É ter orgulho de si mesma, ensinar e aprender o tempo todo. É ser incansável a vida inteira, tenham os filhos a idade que tiver. Ser mãe num mundo contemporâneo em que a violência reina, a falta de limite paira no ar, em a mulher tem que trabalhar, os casamentos passando por tanta fragilidade... Como educar, já que o amor é imenso, os sonhos enormes para o futuro dos rebentos? Meu Deus, como acertar? Posso bater? Posso me descontrolar, gritar e virar a baiana dentro de casa? E depois de tudo ainda ser feliz? Só rindo de nós mesmas... Parecemos estar sempre com os nervos à flor da pele. Diz o ditado popular: Pé de galinha não mata pintinho. Será mesmo? Bater não precisa, com certeza, mas sabemos que, por vezes, a gente não consegue se controlar. No meu livro Quando é necessário dizer não da Editora Paulinas, ensino uma oração que muitas mães já devem ter feito: Bondoso e amado Deus, faça descer uma luz sobre minha cabeça. Como devo agir dentro da minha casa para que eu consiga governar esse reino com sabedoria, sem ter que sair pelos cômodos distribuindo bordoadas?. Isso tudo é ser mãe, uma mistura de sentimentos que se resume em apenas uma palavra: AMOR! Mariângela Mantovani, psicóloga individual, de casais e famílias. Autora do livro Quando é necessário dizer não Editora Paulinas. Foto: Mãe é Mãe Parabéns a você que é mãe. Ser mãe não é para qualquer um. Mãe que é mãe nunca abandona o(s) filho (s). Uma vez mãe, para sempre mãe... até o fim. A todas as mulheres que Deus concedeu este belo dom e missão, mãe de sangue e de coração, a nossa oração e reconhecimento. Não é fácil, mas é divino! FELIZ DIA, MÃE... Você é única! R ECOMENDAMOS Livro: Ela é minha Mãe! Encontros do Papa Francisco com Maria, do Pe. Alexandre Awi Mello. Edições Loyola. O desejo do autor deste livro é que seus leitores tenham um profundo encontro com Maria, seguindo o testemunho do Papa Francisco e, ao final, tenham condições de preparar e vivenciar a homilia sugerida pelo Santo Padre, não se afastando mais da segurança maternal de Maria. Este livro poderá ser adquirido na loja de artigos religiosos do Santuário São Judas Tadeu. Missa das 17h é transmitida pela Rádio 9 de Julho e WEBTV De segunda a sexta-feira a missa das 17h, celebrada no Santuário São Judas Tadeu, é dedicada aos devotos de São Judas e transmitida ao vivo pela Rádio 9 de Julho AM e também pela WEBTV São Judas, através do site do Santuário: 12 Jornal São Judas Maio/2015

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015 1 2 COM MARIA, EM JESUS, CHEGAMOS À GLÓRIA! 5º Dia (Dia 07/10 Quarta-feira) CRIANÇA: BELEZA DA TERNURA DIVINA! Na festa de Maria, unidos neste Santuário, damos graças a Deus, por meio de Maria, pela vida

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo.

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. 1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. Ao contribuir com o dízimo, saímos de nós mesmos e reconhecemos que pertencemos tanto à comunidade divina quanto à humana. Um deles, vendo-se

Leia mais

Jubileu de Prata 25 ANOS

Jubileu de Prata 25 ANOS Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

20ª Hora Santa Missionária

20ª Hora Santa Missionária 20ª Hora Santa Missionária Tema: Missão é Servir Lema: Quem quiser ser o primeiro seja servo de todos Preparação do ambiente: cartaz do Mês missionário, Bíblia e fitas nas cores dos continentes, cruz e

Leia mais

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS

CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS CRIANÇAS AJUDAM E EVANGELIZAM CRIANÇAS Infância/Adolescencia MISSÃO MISSÃO. Palavra muito usada entre nós É encargo, incumbência Missão é todo apostolado da Igreja. Tudo o que a Igreja faz e qualquer campo.

Leia mais

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Antes da Solene celebração, entregar a lembrança do centenário No Final terá um momento de envio onde cada pessoa reassumirá a missão. O sinal deste momento será a colocação

Leia mais

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre

No Dia do Juízo, quando o Filho do Homem, na Sua glória, vier nos julgar, escreve o evangelista Mateus, Ele nos questionará sobre Caridade e partilha Vivemos em nossa arquidiocese o Ano da Caridade. Neste tempo, dentro daquilo que programou o Plano de Pastoral, somos chamados a nos organizar melhor em nossos trabalhos de caridade

Leia mais

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote ARQUIDIOCESE DE FLORIANÓPOLIS ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009 Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote 1 - MOTIVAÇÃO INICIAL: Dir.: Em comunhão

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

+ Orani João Tempesta, O. Cist. Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ

+ Orani João Tempesta, O. Cist. Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ AMAI-VOS Domingo passado, ao celebrar o tema da misericórdia, tive a oportunidade de estar com milhares de pessoas tanto na Catedral Metropolitana como no anúncio e instalação do Santuário da Misericórdia,

Leia mais

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014 Dia Dia da JANEIRO COM MARIA CONSTRUIR A PAZ 31 MISSA NA SÃO MATEUS 20H 01 Quarta SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA/ MISSA NA CAPELA SANTO ANTONIO 10H 2 MISSA NA SÃO MATEUS 19H30 3 HORARIO NORMAL

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos,

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, PASCOM A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, t e x t o s e i d é i a s p a r a a s matérias! Nossa Senhora da Penha, que sabe o nome de cada

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

Natal é palavra eletrizante. Natal é palavra de doce harmonia para nosso coração. Quantas belas lembranças evocam à nossa mente!

Natal é palavra eletrizante. Natal é palavra de doce harmonia para nosso coração. Quantas belas lembranças evocam à nossa mente! Círculo de Casais - Dirigentes: Abel e Lourdinha Passos Paróquia são Francisco Xavier Niterói RJ 19/12/03 Comentarista: Chegou o Natal! Natal é palavra eletrizante. Natal é palavra de doce harmonia para

Leia mais

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE XXV domingo do tempo comum 23/09/2012 Igreja de Cedofeita ENTRADA Eu vi meu Deus e Senhor, aleluia, aleluia. Cantai ao amor, cantai, aleluia, aleluia. ADMONIÇÃO DE ENTRADA

Leia mais

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015]

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] 1 Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] Página 9 Na ilustração, Jesus está sob a árvore. Página 10 Rezar/orar. Página 11 Amizade, humildade, fé, solidariedade,

Leia mais

"Maria!"! !!!!!!!! Carta!de!Pentecostes!2015! Abade!Geral!OCist!

Maria!! !!!!!!!! Carta!de!Pentecostes!2015! Abade!Geral!OCist! CartadePentecostes2015 AbadeGeralOCist "Maria" Carissimos, vos escrevo repensando na Semana Santa que passei em Jerusalém, na Basílica do Santo Sepulcro, hóspede dos Franciscanos. Colhi esta ocasião para

Leia mais

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu.

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu. O Pão da Vida Na solenidade de Corpus Christi, queremos recordar que os atos redentores de Cristo, que culminam na sua morte e ressurreição, atualizam-se na Eucaristia, celebrada pelo Povo de Deus e presidida

Leia mais

MARIA, MÃE DA MISERICÓRDIA! INTRODUÇÃO

MARIA, MÃE DA MISERICÓRDIA! INTRODUÇÃO MARIA, MÃE DA MISERICÓRDIA! INTRODUÇÃO A pessoa de Maria foi desde os primeiros séculos do cristianismo uma grade fonte de inspiração para o povo cristão. De fato nas catacumbas de Roma, onde os cristãos

Leia mais

Mais do que ter devoção a Maria, precisamos imitá-la. (Raniero Cantalamessa)

Mais do que ter devoção a Maria, precisamos imitá-la. (Raniero Cantalamessa) O coordenador nacional do Ministério de Música e Artes, Juninho Cassimiro, dá continuidade às cartas aos artistas de toda a RCC do Brasil. No artigo anterior, a reflexão foi sobre a humildade Aos moldes

Leia mais

Explicação da Missa MISSA

Explicação da Missa MISSA Explicação da Missa Reunidos todos os catequizandos na Igreja, num primeiro momento mostram-se os objetos da missa, ensinam-se os gestos e explicam-se os ritos. Em seguida celebra-se a missa sem interrupção.

Leia mais

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013 ROTEIRO PARA O DIA DE ORAÇÃO PELA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO2013 Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude - CNBB CANTO DE ENTRADA (Canto a escolha) (Este momento de oração pode ser associado

Leia mais

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Introdução: Educar na fé, para a paz, a justiça e a caridade Este ano a Igreja no Brasil está envolvida em dois projetos interligados: a lembrança

Leia mais

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE Espiritualidade Apostólica Marista Ir. José Milson de Mélo Souza Ano de Deus Pai LADAINHA DE SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (Ir. José Milson) V. Senhor, tende piedade de nós.

Leia mais

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL 1 Ivocação ao Espirito Santo (oração ou canto) 2- Súplica inicial. (Em 2 coros: H- homens; M- mulheres) H - Procuramos para a Igreja/ cristãos

Leia mais

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO Disponível em: www.seminariomaiordebrasilia.com.br Acesso em 13/03/2014 A palavra Quaresma surge no século IV e tem um significado profundo e simbólico para os cristãos

Leia mais

Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida. Permanece conosco

Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida. Permanece conosco Notícias de Família Informativo da Congregação Pobres Servos da Divina Providência Delegação Nossa Senhora Aparecida 06 JUNHO 2014 Permanece conosco Vivemos dias de graça, verdadeiro Kairós com a Celebração

Leia mais

NOVENA À SAGRADA FAMÍLIA

NOVENA À SAGRADA FAMÍLIA NOVENA À SAGRADA FAMÍLIA Introdução: A devoção à Sagrada Família alcançou grande popularidade no século XVII, propagando-se rapidamente não só na Europa, mas também nos países da América. A festa, instituída

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

NOVE DIAS COM IRMÃ CLARA FIETZ NA ESCOLA DE JESUS CRISTO

NOVE DIAS COM IRMÃ CLARA FIETZ NA ESCOLA DE JESUS CRISTO NOVE DIAS COM IRMÃ CLARA FIETZ NA ESCOLA DE JESUS CRISTO ORAÇÃO DO INÍCIO DA NOVENA SENHOR JESUS CRISTO, Vós nos encorajastes a Vos trazer nossa preocupação na oração. Se me pedirdes alguma coisa em meu

Leia mais

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012 FEVEREIRO 03 Missa do Apostolado da Oração 15h e Adoração das 16h às 18:45 04 Reunião com os Catequistas 14:30 horas 04 Curso de Batismo 19h às 21:30 horas 04 Noite do Cachorro Quente resp. Grupo de Jovens

Leia mais

Maria, mãe de Deus, no mistério de Cristo e da Igreja Fundamentos bíblicos na Lumen Gentium VIII

Maria, mãe de Deus, no mistério de Cristo e da Igreja Fundamentos bíblicos na Lumen Gentium VIII Maria, mãe de Deus, no mistério de Cristo e da Igreja Fundamentos bíblicos na Lumen Gentium VIII Quando, porém, chegou a plenitude do tempo, enviou Deus o seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a Lei,

Leia mais

Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira)

Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira) Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira) Queridos filhos, afastai-vos de todo mal e voltai-vos ao Senhor que vos espera com alegria. Limpai vossos corações

Leia mais

MENSAGEM À FAMÍLIA MARIANISTA

MENSAGEM À FAMÍLIA MARIANISTA JORNADA DE ORAÇÃO 2010 MENSAGEM À FAMÍLIA MARIANISTA Apresentação do santuário de NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO (Padroeira do Haiti) Porto Príncipe, República do Haiti Jornada Mundial de Oração 10

Leia mais

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Janeiro 01 Q Solenidade Santa Maria, Mãe de Deus 02 S 03 S 15h00 Reunião de Coordenação da Catequese 04 D Solenidade Epifania do Senhor

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária Caro jovem,, Que alegria saber que como você muitos jovens estão encontrando um caminho para a oração pessoal e diária. Continue animado com a busca de um relacionamento mais pessoal

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10.

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Vigília Jubilar Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Material: Uma Bíblia Vela da missão Velas para todas as pessoas ou pedir que cada pessoa

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim 5º DOMINGO DA PÁSCOA 18 de maio de 2014 Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim Leituras: Atos 6, 1-7; Salmo 32 (33), 1-2,4-5.18-19; Primeira Carta de Pedro 2, 4-9; João

Leia mais

A Apostolicidade da Fé

A Apostolicidade da Fé EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE MARÇO DE 2013 A Apostolicidade da Fé Catequese do 4º Domingo da Quaresma Sé Patriarcal, 10 de Março de 2013 1. A fé da Igreja recebemo-la dos Apóstolos de Jesus. A eles

Leia mais

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS Pe. Nilton César Boni, cmf NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS EDITORA AVE-MARIA Apresentação Aos membros da família cristã podem aplicar-se de modo particular as palavras com que Cristo promete a sua

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

AS OBRAS DE MISERICORDIA 1. OBRAS DE MISERICÓRDIA CORPORAIS

AS OBRAS DE MISERICORDIA 1. OBRAS DE MISERICÓRDIA CORPORAIS 1 AS OBRAS DE MISERICORDIA «É meu vivo desejo que o povo cristão reflicta, durante o Jubileu, sobre as obras de misericórdia corporal e espiritual. Será uma maneira de acordar a nossa consciência, muitas

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE 1. "O amor supera todos os obstáculos, todos os sacrifícios. Por mais que fizermos tudo é pouco diante do que Deus faz por nós." 2. "Sempre que puder, fale de amor e com amor

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR O que Deus uniu o homem não separe! ACOLHIDA Comentarista: Estamos reunidos para celebrar o Amor. Do amor desses dois jovens. N e N vai nascer

Leia mais

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Bem - Aventuranças Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Eu estou à tua porta a bater, Eu estou à tua porta a bater, Se me abrires a porta entrarei para enviar. Eu preciso

Leia mais

Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas

Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas Uma breve meditação sobre Mudança de Estruturas O objetivo desta meditação é redescobrir a dimensão espiritual contida na metodologia de mudança

Leia mais

Os Mandamentos da Igreja

Os Mandamentos da Igreja Os Mandamentos da Igreja Por Marcelo Rodolfo da Costa Os mandamentos da Igreja situam-se na linha de uma vida moral ligada à vida litúrgica e que dela se alimenta CIC 2041 Os Mandamentos da Igreja tem

Leia mais

Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração

Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração SANTA MARIA MÃE DE DEUS 01 de janeiro de 2015 Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração Leituras: Números 6, 22-27; Salmo 67 (66), 2-3.5-6.8 (R/cf. 2a); Carta de São

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

A transmissão da fé na Família. Reunião de Pais. Família

A transmissão da fé na Família. Reunião de Pais. Família A transmissão da fé na Família Reunião de Pais Família Plano Pastoral Arquidiocesano Um triénio dedicado à Família Passar de uma pastoral sobre a Família para uma pastoral para a Família e com a Família

Leia mais

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO

ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO 1 ESTUDOS PARA AS CÉLULAS AS SETE VERDADES ESSÊNCIAIS DO EVANGELHO LIÇÃO Nº 01 DIA 16/06/2014 INTRODUÇÃO: Vamos começar uma nova série de estudos em nossas células. Esta será uma série muito interessante

Leia mais

Plano Pedagógico do Catecismo 6

Plano Pedagógico do Catecismo 6 Plano Pedagógico do Catecismo 6 Cat Objetivos Experiência Humana Palavra Expressão de Fé Compromisso PLANIFICAÇÃO de ATIVIDADES BLOCO I JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO 1 Ligar a temática

Leia mais

Felizes os puros de coração porque verão a Deus (Mt 5, 8)

Felizes os puros de coração porque verão a Deus (Mt 5, 8) Janeiro e Fevereiro 2015 Editorial Esta é a Síntese dos meses de Janeiro e Fevereiro, assim como a Palavra de Vida, em que o nosso diretor espiritual, Pe. Pedro, fala sobre Felizes os puros de coração

Leia mais

Celebrar e viver o Concílio Vaticano II

Celebrar e viver o Concílio Vaticano II Celebrar e viver o Concílio Vaticano II Nota Pastoral da Conferência Episcopal Portuguesa Celebrar os 50 anos da abertura do Concílio no Ano da Fé 1. Na Carta apostólica A Porta da Fé, assim se exprime

Leia mais

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B

COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B COMISSÃO BÍBLICA PASTORAL 1º DOMINGO DO ADVENTO ANO B Tema: Ficai atentos, pois não sabeis quando chegará o momento. Acolhida: Sejam todos bem-vindos. Vamos refletir e rezar em comunidade, acolhendo a

Leia mais

Permanecei em mim e eu permanecerei em vós!

Permanecei em mim e eu permanecerei em vós! CELEBRAÇÃO DO 5º DOMINGO DA PÁSCOA 03 de maio de 2015 Permanecei em mim e eu permanecerei em vós! Leituras: Atos 9, 26-31; Salmo 22; Primeira Carta de João 3, 18-24; João 15, 1-8. COR LITÚRGICA: BRANCA

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica OBLATOS ORIONITAS linhas de vida espiritual e apostólica Motivos inspiradores da oblação orionita laical O "carisma" que o Senhor concede a um fundador, é um dom para o bem de toda a Igreja. O carisma

Leia mais

Missa no Dia de Páscoa

Missa no Dia de Páscoa 48 DOMINGO DE PÁSOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR Missa no Dia de Páscoa aríssimos irmãos e irmãs em risto: Neste dia santíssimo da Ressurreição do Senhor, em que o Espírito nos faz homens novos, oremos ao

Leia mais

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol)

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol) CD EU QUERO DEUS 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) EU QUERO DEUS \ EU QUERO DEUS SEM DEUS EU NÃO SOU NADA EU QUERO DEUS Deus sem mim é Deus \ Sem Deus eu nada sou Eu não posso viver sem Deus \ Viver longe

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 27ºDOMINGO DO TEMPO COMUM (02/10/11) Parábola dos Vinhateiros Poderia ser feito um mural específico para esta celebração com uma das frases: Construir a Igreja

Leia mais

CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica. A unidade na fé a caminho da missão

CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica. A unidade na fé a caminho da missão CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica A unidade na fé a caminho da missão Nossa Visão Manifestar a unidade da igreja por meio do testemunho visível

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP CREIO (N)A SANTA IGREJA CATÓLICA I CRER DE MODO ECLESIAL NO CONTEÚDO DA FÉ CRISTÃ. A PROFISSÃO DE FÉ DA IGREJA A FÉ BATISMAL A PROFISSÃO DE

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Como o Pai me enviou, também Eu vos envio (Jo 20,21) Outubro de 2011 / Ano MMXI 1 EDITORIAL Queridos Amigos, Com grande alegria que terminamos mais um mês

Leia mais

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria

A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Ano Novo 2013 Carta Pastoral do Bispo D. Paulo Otsuka Yoshinao Diocese de Kyoto A Fe Parte 3 Vivenciemos nossa Fé com alegria Fiquem sempre alegres no Senhor! Fl.4,4. O maior presente do cristianismo é

Leia mais

Consagrar o Mundo a Cristo Redentor por Maria e com Maria

Consagrar o Mundo a Cristo Redentor por Maria e com Maria Homilia na Consagração do Mundo a Nossa Senhora Consagrar o Mundo a Cristo Redentor por Maria e com Maria António Marto Fátima 25 de Março de 2009 Diante da tua imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima,

Leia mais

Nossa Senhora da Assunção

Nossa Senhora da Assunção Série Pe. Roque Vicente Beraldi, CMF Novena milagrosa a Nossa Senhora da Assunção Dia da festa: 15 de agosto EDITORA AVE-MARIA Introdução Contemplações sobre a Sagrada Escritura, sem conteúdo comprovado,

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária ocê é convidado a iniciar uma experiência de oração. Às vezes pensamos que o dia-a-dia com seus ruídos, suas preocupações e sua correria não é lugar apropriado para levantar nosso

Leia mais

MARIA, ESTRELA E MÃE DA NOVA EVANGELIZAÇÃO

MARIA, ESTRELA E MÃE DA NOVA EVANGELIZAÇÃO MARIA, ESTRELA E MÃE DA NOVA EVANGELIZAÇÃO anuncie a Boa Nova não só com palavras, mas, sobretudo, com uma vida transfigurada pela presença de Deus (EG 259). O tema da nova evangelização aparece com freqüência

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

Tema ASCENSÃO DO SENHOR

Tema ASCENSÃO DO SENHOR Encontro n. 6 ema ASCENSÃO DO SENHOR I. ACOLHIDA Ambiente: Lenço branco sobre a mesa, como sinal de despeida; uma cadeira vazia ou um banco próximo ao altar. Bíblia sobre o altar, vela acesa, com flores.

Leia mais

Músicos, Ministros de Cura e Libertação

Músicos, Ministros de Cura e Libertação Músicos, Ministros de Cura e Libertação João Paulo Rodrigues Ferreira Introdução Caros irmãos e irmãs; escrevo para vocês não somente para passar instruções, mas também partilhar um pouco da minha experiência

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

AS VIRTUDES TEOLOGAIS. A VIRTUDE DA FÉ. Catecismo de São Pio X.

AS VIRTUDES TEOLOGAIS. A VIRTUDE DA FÉ. Catecismo de São Pio X. 1 AS VIRTUDES TEOLOGAIS. A VIRTUDE DA FÉ. Catecismo de São Pio X. Precisamos aprender como devemos agir. Já que Deus nos deu tantas coisas boas, é normal que procuremos viver dentro de Sua Lei, praticando

Leia mais

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe.

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe. NOVENA O verdadeiro crente deve conscientizar-se da importância da oração em sua vida. O senhor Jesus disse : Rogai sem cessar ; quando fazemos uma novena que é uma de oração, estamos seguindo um ensinamento

Leia mais

SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014

SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014 SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014 Maria e José levaram Jesus a Jerusalém a fim de apresentá-lo ao Senhor Leituras: Genesis 15, 1-6; 21,1-3; Salmo 104 (105), 1b-2, 3.4-5.6.8-9 (R/ 7a.8a); Carta aos

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações como ordenado pelo Capítulo Interprovincial da Terceira Ordem na Revisão Constitucional de 1993, e subseqüentemente

Leia mais