King Air C90GTi Ano 2009

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "King Air C90GTi Ano 2009"

Transcrição

1 King Air C90GTi Ano 2009

2 King Air C90GTi Valor pedido: Consulte-nos Destaques: Único dono (Grande empresa, com longa experiência em aviação) Excelente estado de conservação Kit GTX Sempre hangarada Sem histórico de acidentes Horas totais: Célula: 1.274h Motor esquerdo: 1.274h (2.326h disponíveis) Motor direito: 1.274h (2.326h disponíveis) Disponibilidade p/ venda: Imediata

3 Interior Capacidade para 1 piloto + 7 passageiros Assentos com movimento suave e completo de reclínio, rotação e translação. Assento traseiro esquerdo pode inclinar 180º para formar uma cama Assentos largos com encosto de braço retrátil

4 Interior Bagageiro interno, aquecido, pressurizado e acessível em voo. Interior sem restrição peso e balanceamento para distribuição de passageiros e bagagem. Sistema passivo de redução de ruídos, com 26 absorvedores de ruído dinâmicos, com ajuste eletrônico, espalhados pela cabine

5 Collins Pro-Line 21 Cockpit Aviônicos

6 Cockpit Aviônicos Collins Pro-Line 21 Collins ECH-5000 Electronic Charts software depicting NOTAMS, airport diagrams with aircraft location and approach charts (GPS/ ILS). The charts are integrated into IFIS and preloads the electronic charts to match the FMS fl ightplan Subscriptions services are required for the following functions: Jepps electronic charts; Collins enhanced map overlays; Collins navigational database. SFDS Secondary Flight Display System MeggittMark II provides back-up attitude, heading, airspeed, altitude, and Nav with backup battery. Weather radar -Collins WXR-800 weather radar with 12 antenna is a 4 color, 6 range radar system that displays on either PFD ormfd. Radio altimeter -Collins ALT-4000 radio altimeter, measures altitude up to 2,500 feet AGL, displayed on PFD. Maintenance Diagnostics Computer - Collins MDC maintenance diagnostics computer, displays maintenance information on MFD and downloads through the DBU-5000 to memory stick. Terrain Awareness and Warning System (TAWS) -ACSS TAWS+ system provides a Class A terrain awareness and warning system display on the MFD in normal mode or PFD in reversionary mode. TCAS 1 -traffic alert and collision avoidance system (level 1) using L3 Communications SkywatchHP displayed on MFD in normal mode, PFD in reversionarymode. Checklist display capability -normal and emergency checklists displayed on the MFD. Cabin paging -cockpit to cabin paging with four cabin speakers. Ground commswitch tied to comm1 and pilot s and copilot s audio. Dual handheldmicrophones. Microphone key button on pilot s and copilot s control wheels. Static wicks. Emergency Locator Transmitter ArtexELT C406-2 with cockpit switch. White lighting. Avionics master switch. Lighted panels.

7 Cockpit Aviônicos Collins Pro-Line 21 (2) AFD-3010 and one (1) AFD-3010E adaptive fl ight controlled through CDU or RTU. displays (pilot s PFD, MFD and copilot s PFD); Transponder ATC Identbutton on pilot s and copilot s incorporates an Engine Indicating (EI) system. control wheels. Comm1-Collins VHF-4000 transceiver ( to DME-Collins DME-4000 with DME information displayed MHz with 8.33 KHz increments), tuning through on PFD s. CDU or Collins RTU Audiosystem -dual db 700/dB 800 systems. Comm2-Collins VHF-4000 transceiver ( to CVR-L3 Communications FA cockpit voice MHz with 8.33 KHz increments), tuning through recorder with 120 minute recording time. CDU or Collins RTU Flight Guidance System - dual Collins FGC-3000 fl ight Nav1-Collins NAV-4000 VOR/LOC/GLS/ADF/Marker guidance computers, single autopilot system, yaw Beacon receiver, tuning through CDU or RTU. damper with display from the CDU Nav2-Collins NAV-4500 VOR/LOC/GLS/Marker Beacon FMS-Collins FMS-3000 fl ightmanagement system with receiver, tuning through CDU or RTU. single CDU-3000 and navigational inputs from GPS AHRS-dual Collins AHC-3000 attitude heading reference receivers, Navigation receivers, and DME. system including dual FDU-3000 fl uxdetector units, IFIS Collins Integrated Flight Information System (IFIS) slaved and DG heading modes are provided. provides enhanced map features to traditional displays GPS-Collins GPS-4000S global positioning sensor with (e.g. rivers, lakes, national boundaries, airway and antenna. airspace depictions). A File Server Unit (FSU) is DBU-5000 data base unit for all database loading. connected to an Ethernet capable MFD and provides the control interface using a Cursor Control Panel (CCP). ADC - dual Collins ADC-3010 air data computers. ADF - Collins NAV-4000 with ADF, including antenna. Transponders-dual Collins (ModeS) TDR-94D Diversity transponders with enhanced surveilance, single antenna,

8 Grato pela sua avaliação da nossa aeronave Líder Aviação Vendas de Aeronaves (11)

POLICY LETTER da FAA para MMEL. Fernando Tanaka Coordenador de MMEL da ANAC São José dos Campos, 15 de junho de 2011.

POLICY LETTER da FAA para MMEL. Fernando Tanaka Coordenador de MMEL da ANAC São José dos Campos, 15 de junho de 2011. POLICY LETTER da FAA para MMEL Fernando Tanaka Coordenador de MMEL da ANAC São José dos Campos, 15 de junho de 2011. TÓPICOS Público Generalidades Legislação Implementação PÚBLICO Pessoas que participam

Leia mais

Total de horas voadas: novo, sem operação apenas horas de fábrica e traslado.

Total de horas voadas: novo, sem operação apenas horas de fábrica e traslado. Modelo: ESQUILO AS350B2 Fabricante: EUROCOPTER Ano de Fabricação: novo de fábrica Total de horas voadas: novo, sem operação apenas horas de fábrica e traslado. Pronta Entrega Preço: Sob consulta Peso básico

Leia mais

CONFORTO INIGUALÁVEL. DESEMPENHO DE SUCESSO. DADOS DE DESEMPENHO

CONFORTO INIGUALÁVEL. DESEMPENHO DE SUCESSO. DADOS DE DESEMPENHO PT-SBC DESEMPENHO DE SUCESSO. Por qualquer perspectiva que você o examine, o Phenom 300 o impressionará por seu excepcional desempenho. Com motores Pratt & Whitney Canada, ele pode ser facilmente operado

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO OPERACIONAL

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO OPERACIONAL RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO OPERACIONAL AERONAVE EA500 (ECLIPSE AEROSPACE INC., ICAO EA50) RIO DE JANEIRO, BRASIL ORIGINAL OUTUBRO, 2012 ANAC, Rio de Janeiro, Brasil 1 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 4 2. RESUMO DESCRITIVO

Leia mais

DESFRUTE O LUXO QUE LEVA VOCÊ MAIS LONGE. VAI MAIS LONGE, MAIS RÁPIDO. DADOS DE DESEMPENHO

DESFRUTE O LUXO QUE LEVA VOCÊ MAIS LONGE. VAI MAIS LONGE, MAIS RÁPIDO. DADOS DE DESEMPENHO PR-JAJ VAI MAIS LONGE, MAIS RÁPIDO. Quando se fala em desempenho, o Phenom 100 é o líder em sua classe. Com motores Pratt and Whitney, sua capacidade de alcance de voo de quase 1.200 nm e de decolagem

Leia mais

CIRCULAR TÉCNICA DE INFORMAÇÃO ADVISORY CIRCULAR

CIRCULAR TÉCNICA DE INFORMAÇÃO ADVISORY CIRCULAR CIRCULAR TÉCNICA DE INFORMAÇÃO ADVISORY CIRCULAR C.T.I. 99-01 - EDICÃO 1 ASSUNTO: CERTIFICAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE NAVEGAÇÃO GPS EM HELICÓPTEROS OPERANDO EM CONDIÇÕES IFR EM ROTA E ÁREA TERMINAL INCLUINDO

Leia mais

QUANDO O ASSUNTO É ALCANCE, O CÉU É O LIMITE. DEFINA SEU ESPAÇO. DADOS DE DESEMPENHO

QUANDO O ASSUNTO É ALCANCE, O CÉU É O LIMITE. DEFINA SEU ESPAÇO. DADOS DE DESEMPENHO N608EC QUANDO O ASSUNTO É ALCANCE, O CÉU É O LIMITE. Não há limite para onde o Legacy 650 pode levá-lo. Seu alcance invejável pode transportá-lo com facilidade de Londres a Nova York, para viagens de

Leia mais

O MÁXIMO EM CONFORTO. SEU PARCEIRO DE NEGÓCIOS PERFEITO DADOS DE DESEMPENHO

O MÁXIMO EM CONFORTO. SEU PARCEIRO DE NEGÓCIOS PERFEITO DADOS DE DESEMPENHO N991EC SEU PARCEIRO DE NEGÓCIOS PERFEITO Mesmo no caso de viagens que poderiam parecer mais difíceis para um jato executivo, o Legacy 600 não o decepcionará. Pode ficar tranquilo quanto à sua capacidade

Leia mais

Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom systems

Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom systems Tecnologia de instalações electrónicas Training systems / trainers for electrical wiring/building management systems: Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom

Leia mais

21 JUN 2005 IAC 121-1008 PORTARIA DE APROVAÇÃO MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

21 JUN 2005 IAC 121-1008 PORTARIA DE APROVAÇÃO MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL ! " " # #$ $ PORTARIA DE APROVAÇÃO MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL PORTARIA DAC N o 547/STE, DE 16 DE JUNHO DE 2005 Aprova a Instrução de Aviação Civil que dispõe

Leia mais

C I R C U L A R D E I N F O R M A Ç Ã O A E R O N Á U T I C A PORTUGAL

C I R C U L A R D E I N F O R M A Ç Ã O A E R O N Á U T I C A PORTUGAL INSTITUTO NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL, I.P. C I R C U L A R D E I N F O R M A Ç Ã O A E R O N Á U T I C A PORTUGAL INFORMAÇÃO AERONÁUTICA Aeroporto da Portela / 1749-034 Lisboa Telefone: 21 842 35 02 / Fax:

Leia mais

Pictures shown are artist s renderings Artist rendering

Pictures shown are artist s renderings Artist rendering N661EC Pictures shown are artist s renderings UM JATO REALMENTE DO SÉCULO 21. O Legacy 600 é perfeito para os negócios no mercado atual. Um jato super midsize com incrível conforto e confiabilidade. Mesmo

Leia mais

LISTA DE CAPACIDADES DE MANUTENÇÃO

LISTA DE CAPACIDADES DE MANUTENÇÃO LISTA DE CAPACIDADES DE MANUTENÇÃO Documento TAP nº Revisão Nº 26-04-06-2014 1. INTRODUÇÃO 1. 1. Geral O documento TAP nº contém uma cópia que reflete à data da revisão o conteúdo das bases de dados dos

Leia mais

DESFRUTE O LUXO QUE LEVA VOCÊ MAIS LONGE. VAI MAIS LONGE. MAIS RÁPIDO. DADOS DE DESEMPENHO

DESFRUTE O LUXO QUE LEVA VOCÊ MAIS LONGE. VAI MAIS LONGE. MAIS RÁPIDO. DADOS DE DESEMPENHO N330XX VAI MAIS LONGE. MAIS RÁPIDO. Quando se fala em desempenho, o Phenom 100 é o líder em sua classe. Com motores Pratt and Whitney, sua capacidade de alcance de voo de quase 1.200 nm e de decolagem

Leia mais

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS IS N o 119-003 Aprovação: Assunto: Portaria n o 1270/SSO, de 16 de maio de 2013, publicada no Diário Oficial da União nº 94, S/1, pág. 70, de 17 de maio de 2013. Procedimentos

Leia mais

FLORIPA FLIGHT TRAINING CURSO DE PILOTO COMERCIAL

FLORIPA FLIGHT TRAINING CURSO DE PILOTO COMERCIAL FLORIPA FLIGHT TRAINING CURSO DE PILOTO COMERCIAL CNS/ATM RVSM RNP e Congestionamento/Compactação do Espaço Aéreo Diego Capeletti Coelho Rafael Coelho Farias Tiago Medeiros FLORIANÓPOLIS 2012 FLORIPA FLIGHT

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba. Faculdade de Engenharia Arquitetura e Urbanismo. Engenharia Elétrica CNS/ATM. O Novo Conceito de Tráfego Aéreo

Universidade do Vale do Paraíba. Faculdade de Engenharia Arquitetura e Urbanismo. Engenharia Elétrica CNS/ATM. O Novo Conceito de Tráfego Aéreo Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Engenharia Arquitetura e Urbanismo Engenharia Elétrica CNS/ATM O Novo Conceito de Tráfego Aéreo Orientador: José Ricardo Abalde Guede Abner Lincoln Sobrinho

Leia mais

EMBRAER PARTICIPA DO PRINCIPAL EVENTO RUSSO DE AVIAÇÃO EXECUTIVA Empresa apresentará o jato executivo Legacy 600 na JetExpo 2009, em Moscou

EMBRAER PARTICIPA DO PRINCIPAL EVENTO RUSSO DE AVIAÇÃO EXECUTIVA Empresa apresentará o jato executivo Legacy 600 na JetExpo 2009, em Moscou EMBRAER PARTICIPA DO PRINCIPAL EVENTO RUSSO DE AVIAÇÃO EXECUTIVA Empresa apresentará o jato executivo Legacy 600 na JetExpo 2009, em Moscou São José dos Campos, 10 de setembro de 2009 - A Embraer participa

Leia mais

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR - IS

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR - IS INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR - IS IS Nº 21-013 Aprovação: Assunto: Portaria Nº 1.627/SAR, de 16 de agosto de 2012, publicada no Diário Oficial da União nº 160, S/1, pág. 2, de 17 de agosto de 2012. Instruções

Leia mais

ENSAIO EM VOO 22 AERO MAGAZINE MARÇO 2010

ENSAIO EM VOO 22 AERO MAGAZINE MARÇO 2010 ENSAIO EM VOO 1 22 AERO MAGAZINE MARÇO 2010 FICOU AINDA MELHOR O PILATUS PC-12NG, VERSÃO MAIS MODERNA DO TURBOÉLICE SUÍÇO, GANHOU EM DESEMPENHO E TECNOLOGIA SEM SACRIFICAR O CONFORTO E A SEGURANÇA POR

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Modelo ACT-1 Intercom ativado pela voz Com filtro de freqüência e amplificador diferencial MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O INTERCOM. O intercom modelo ACT-1, fabricado

Leia mais

Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões

Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões Acesso a internet em trens de alta velocidade e aviões MAC 5743 Computação móvel Eduardo Teruo Katayama Sumário Introdução Acesso a Internet em aviões Dificuldades Tipos de conexões disponíveis Acesso

Leia mais

PreviNE CONSCIÊNCIA SITUACIONAL E A SEGURANÇA OPERACIONAL. A aeronave da Figura 1 decolou do Aeroporto de Congonhas - SBSP, São Paulo-SP, às

PreviNE CONSCIÊNCIA SITUACIONAL E A SEGURANÇA OPERACIONAL. A aeronave da Figura 1 decolou do Aeroporto de Congonhas - SBSP, São Paulo-SP, às CONSCIÊNCIA SITUACIONAL E A SEGURANÇA OPERACIONAL Figura 1 - Acidente em que a perda da Consciência Situacional foi um dos fatores contribuintes (BRASIL, 2009). A aeronave da Figura 1 decolou do Aeroporto

Leia mais

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER.

Mixer KIKO Gerenciador de áudio MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO NLL-4C LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. Mixer KIKO Gerenciador de áudio NLL-4C MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O MIXER. O Mixer KIKO, fabricado pela Eletroleve, centraliza os controles de volumes dos áudios que

Leia mais

GABRIEL RODRIGUES DE CASTRO SISTEMAS MODERNOS DE NAVEGAÇÃO AÉREA

GABRIEL RODRIGUES DE CASTRO SISTEMAS MODERNOS DE NAVEGAÇÃO AÉREA GABRIEL RODRIGUES DE CASTRO SISTEMAS MODERNOS DE NAVEGAÇÃO AÉREA Universidade Tuiuti do Paraná Faculdade de Ciências Aeronáuticas Curitiba/PR 2008 GABRIEL RODRIGUES DE CASTRO SISTEMAS MODERNOS DE NAVEGAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES. Instituto Nacional de Aviação Civil, I.P. Regulamento n.º /2010

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES. Instituto Nacional de Aviação Civil, I.P. Regulamento n.º /2010 MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES Instituto Nacional de Aviação Civil, I.P. Regulamento n.º /2010 Procedimentos de voo por instrumentos A elaboração de procedimentos de voo por

Leia mais

Controles operacionais diversificados, com teclas de funções e botões rotativos configuráveis pelo próprio usuário.

Controles operacionais diversificados, com teclas de funções e botões rotativos configuráveis pelo próprio usuário. Sistema EFIS: Odyssey Tela TFT de alta qualidade com 10.4 polegadas (transversal) e textura anti-reflexiva, que permite a visualização mesmo em situações com incidência de luz solar direta, e que pode

Leia mais

LANDING GEAR, BRAKES AND STEERING

LANDING GEAR, BRAKES AND STEERING LANDING GEAR, BRAKES AND STEERING OBJETIVO Identificar o funcionamento do trem de pouso, freios e sistema direcional da aeronave VC-99. ROTEIRO TREM DE POUSO FREIOS SISTEMA DIRECIONAL ROTEIRO TREM DE POUSO

Leia mais

P2 VATSIM rating. Portugal vacc

P2 VATSIM rating. Portugal vacc P2 VATSIM rating Portugal vacc Maio 2012 Índice Objectivo... 3 Exame P2... 3 Definições... 4 Instrumentos e medidas... 4 Forças... 4 Dispositivos... 5 Movimentos... 5 Planeamento... 6 Considerações...

Leia mais

JAA - Joint Aviation Authorities

JAA - Joint Aviation Authorities GLOSSÁRIO IFR A ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas AC - Advisory Circular ACR - Ação Corretiva Retardada AD - Airworthiness Directive (Diretriz de Aeronavegabilidade dos EUA) ADF - Automatic

Leia mais

SmartLPR. SmartLPR Placa Reconhecimento da Matrícula

SmartLPR. SmartLPR Placa Reconhecimento da Matrícula SmartLPR SmartLPR Placa Reconhecimento da Matrícula SmartLPR Placa Reconhecimento da Matrícula SmartLPR é um avançado sistema de controle de acesso por leitura de matricula, proporcionando uma boa Fiabilidade,

Leia mais

SEGURANCA AERONAUTICA

SEGURANCA AERONAUTICA SEGURANCA AERONAUTICA Nº 139 2008-07-11 Meu Caro, Esta semana estive a ler um relatório do GPIAA - Relatório Nº26/ACCID/2002 um relatório esperado há muito tempo. Um relatório no qual se analisa um acidente

Leia mais

BELL 407GXP Quando a missão exige velocidade, desempenho e confiabilidade, confie no Bell 407GXP.

BELL 407GXP Quando a missão exige velocidade, desempenho e confiabilidade, confie no Bell 407GXP. PORTUGUÊS BELL 407GXP Quando a missão exige velocidade, desempenho e confiabilidade, confie no Bell 407GXP. CORPORATIVO Potência. Confiabilidade. Manobrabilidade. O Bell 407GXP tem tudo que você espera

Leia mais

TRAZENDO TMC PARA NOVOS MERCADOS. Antônio Garces 28 de maio de 2009

TRAZENDO TMC PARA NOVOS MERCADOS. Antônio Garces 28 de maio de 2009 TRAZENDO TMC PARA NOVOS MERCADOS Antônio Garces 28 de maio de 2009 Agenda Definições Geração das Mensagens RDS Benefícios Protocolo Alert-C Exemplo de Evento Formação de Mensagens (software demo) Cadeia

Leia mais

Manual Caixa de Teste

Manual Caixa de Teste Manual Caixa de Teste Maxtrack Industrial Ltda Referencia de Preços e Acessórios envolvidos Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 14/07/2008 5.2 Manual Caixa de Teste Jener Para TERMO DE CONFIDENCIALIDADE

Leia mais

Simpósio de Gerenciamento da Segurança Operacional. A Segurança Operacional e a Prevenção de Acidentes Aeronáuticos no Âmbito das Atividades Offshore

Simpósio de Gerenciamento da Segurança Operacional. A Segurança Operacional e a Prevenção de Acidentes Aeronáuticos no Âmbito das Atividades Offshore Simpósio de Gerenciamento da Segurança Operacional A Segurança Operacional e a Prevenção de Acidentes Aeronáuticos no Âmbito das Atividades Offshore Eng. Marco Aurélio Ramos Balboa SCA Gerência de Segurança

Leia mais

DIRETRIZ DE AERONAVEGABILIDADE

DIRETRIZ DE AERONAVEGABILIDADE AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL BRASIL DIRETRIZ DE AERONAVEGABILIDADE DA Nº: 2009-10-01R3 Data de Efetividade: 15 abr. 2011 Esta Diretriz de Aeronavegabilidade (DA), emitida pela Agência Nacional de

Leia mais

Convênio CNPq/IAS (França)

Convênio CNPq/IAS (França) Convênio CNPq/IAS (França) Processo de Inscrição 2008 Esta cooperação têm como objetivo apoiar a participação de pesquisadores, especialistas e técnicos em atividades de aperfeiçoamento, reciclagem ou

Leia mais

APLICAÇÕES DE TELECOMUNICAÇÃO PARA MODERNOS SISTEMAS DE SINALIZAÇÃO FERROVIÁRIA

APLICAÇÕES DE TELECOMUNICAÇÃO PARA MODERNOS SISTEMAS DE SINALIZAÇÃO FERROVIÁRIA PAINÉIS DE SINALIZAÇÃO APLICAÇÕES DE TELECOMUNICAÇÃO PARA MODERNOS SISTEMAS 08 Novembro 2006 APLICAÇÕES DE TELECOMUNICAÇÃO PARA MODERNOS SISTEMAS DE SINALIZAÇÃO FERROVIÁRIA APRESENTADOR: ASHOK SAMGI 1

Leia mais

ensaio em voo 08 mar abr 2010

ensaio em voo 08 mar abr 2010 08 mar abr 2010 escolha Precisa Texto: Edmundo Reis Fotos: Marcio Jumpei pilatus pc-12 NG Faz muito por muito pouco e ainda voa muito bem, o avião suíço ganha o mercado brasileiro mostrando serviço 09

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Versão 2.0 O Basic Intercomunicador para aeronaves MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR O INTERCOM. intercom modelo Basic é destinado à comunicação interna em aeronaves experimentais

Leia mais

7. Referências Bibliográficas

7. Referências Bibliográficas 103 7. Referências Bibliográficas AERO MAGAZINE, Revista (2006). Carga Aérea em Alta no Brasil. Spring Editora., Ano 13, N 151., Revista (2008). Dívidas Ameaçam VarigLog. Spring Editora., Ano 14, N 166.,

Leia mais

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425 CMDB no ITIL v3 Miguel Mira da Silva mms@ist.utl.pt 919.671.425 1 CMDB v2 Configuration Management IT components and the services provided with them are known as CI (Configuration Items) Hardware, software,

Leia mais

JATOS PHENOM ESTRÉIAM NA EUROPA NA EBACE 2009 Phenom 100 foi recentemente certificado pela EASA para operar na região

JATOS PHENOM ESTRÉIAM NA EUROPA NA EBACE 2009 Phenom 100 foi recentemente certificado pela EASA para operar na região JATOS PHENOM ESTRÉIAM NA EUROPA NA EBACE 2009 Phenom 100 foi recentemente certificado pela EASA para operar na região São José dos Campos, 6 de maio de 2009 Os jatos executivos Phenom 100 e Phenom 300,

Leia mais

Manutenção. Índice. De Check-up Geral a ajustes pontuais

Manutenção. Índice. De Check-up Geral a ajustes pontuais De Check-up Geral a ajustes pontuais Venha realizar sua Manutenção conosco. Você vai sentir a diferença de ser atendido com o jeito TAM Aviação Executiva. Temos um departamento de Compras bastante estruturado,

Leia mais

Sistema portátil PA Entretainer 3 Manual Simplificado

Sistema portátil PA Entretainer 3 Manual Simplificado Introdução Sistema portátil PA Entretainer 3 Manual Simplificado 2 X 150W estéreo Processador de efeitos incorporado com 99 efeitos 4 Entradas de Linha/Micro 2 Entradas estéreo, 2 receptores UHF de microfones

Leia mais

2º Simpósio Internacional de Confiabilidade e Gestão de Segurança Operacional. 09 a 11 de novembro de 2010

2º Simpósio Internacional de Confiabilidade e Gestão de Segurança Operacional. 09 a 11 de novembro de 2010 2º Simpósio Internacional de Confiabilidade e Gestão de 17 a 19 de novembro de 2009 Segurança Operacional 09 a 11 de novembro de 2010 Segurança Acima de Tudo Ferramentas de Segurança Operacional Histórico

Leia mais

Infinity singles. MGL Avionics - Infinity Singles

Infinity singles. MGL Avionics - Infinity Singles Infinity singles Estes equipamentos foram desenvolvidos com funções integradas em pequenas unidades 2¼, para que possam ser utilizadas como complemento em aeronaves que já possuam instrumentos instalados

Leia mais

Utilização de dados gravados em voo na aviação moderna e perspectivas futuras

Utilização de dados gravados em voo na aviação moderna e perspectivas futuras Utilização de dados gravados em voo na aviação moderna e perspectivas futuras Paulo Soares Oliveira Filho Engenheiro de Desenvolvimento de Produto Umberto Irgang Gerente de Segurança de Voo Palavras Chave:

Leia mais

10-7 INFORMAÇÕES GERAIS

10-7 INFORMAÇÕES GERAIS 10-7 INFORMAÇÕES GERAIS OPERAÇÃO EXCLUSIVA DO COMANDANTE Em caso de incapacidade do Comandante em vôo com destino ao SBRJ, este deverá ser desviado para SBGL ou outro alternado disponível. A operação no

Leia mais

RELATÓRIO FINAL A - 014/CENIPA/2014

RELATÓRIO FINAL A - 014/CENIPA/2014 COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS RELATÓRIO FINAL A - 014/CENIPA/2014 OCORRÊNCIA: AERONAVE: MODELO: DATA: ACIDENTE PR-MRG 525B 11NOV2012 O presente Relatório

Leia mais

KC-137 Uma alternativa para a FAB

KC-137 Uma alternativa para a FAB KC-137 Uma alternativa para a FAB José Alves Daniel Filho, Graduando em Ciências Econômicas UPIS DF. daniell.filho@gmail.com Em meados da década de 1980, a Força Aérea Brasileira visando atender o requerimento

Leia mais

Palestras da ComSoc Instituto Superior TécnicoT. Telemóveis a Bordo. Gonçalo Carpinteiro (TAP M&E) (gcarpinteiro@tap.pt)

Palestras da ComSoc Instituto Superior TécnicoT. Telemóveis a Bordo. Gonçalo Carpinteiro (TAP M&E) (gcarpinteiro@tap.pt) Palestras da ComSoc Instituto Superior TécnicoT Telemóveis a Bordo Gonçalo Carpinteiro (TAP M&E) (gcarpinteiro@tap.pt) Maio 2009 Telemóveis a Bordo 2 Resumo Introdução Contexto Alternativas Tecnológicas

Leia mais

1 03 Ra R dio i n o a n vegação Prof. Diego Pablo

1 03 Ra R dio i n o a n vegação Prof. Diego Pablo 1 03 Prof. Diego Pablo 2 NDB: Radiofarol Não-Direcional (Non-Directional Beacon) Antena NDB ADF (Automatic Direction Finder) NDB numa carta aeronáutica 3 NDB: Radiofarol Não-Direcional (Non-Directional

Leia mais

OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL

OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL Luiz Munaretto - - - - - - - - - - Anais do 5º Simpósio de Segurança de Voo (SSV 2012) Direitos Reservados - Página 330 de 1112 - - -

Leia mais

A c ró n i m o s. Q u ad ro Nacional de Atribuição de Fre q u ê n c i a s

A c ró n i m o s. Q u ad ro Nacional de Atribuição de Fre q u ê n c i a s A c ró n i m o s Q u ad ro Nacional de Atribuição de Fre q u ê n c i a s A c ró n i m o s 4. A c r ó n i m o s A P T - Sistema automático de transmissão de imagens (Automatic Picture Tra n s m i s s i

Leia mais

As informações contidas neste material são de autoria da DCA BR, sendo vedada a sua reprodução total ou parcial.

As informações contidas neste material são de autoria da DCA BR, sendo vedada a sua reprodução total ou parcial. Seminário de Grandes Modificações (HST) 2009 Sistemas Atuais e Procedimentos 22 e 23 de setembro de 2009 Inspeções e Ensaios em Projetos de HST Sistemas Aviônicos Palestrante: Roberto Pereira Engenheiro

Leia mais

tls transponder l anding system

tls transponder l anding system tls transponder l anding system O Transponder Landing System (tls) é um avanço tecnológico com uma capacidade sem precedentes de melhorar a segurança e a acessibilidade de um aeroporto. [ apresentando

Leia mais

GIS in Disaster Risk Management in Mozambique

GIS in Disaster Risk Management in Mozambique GIS in Disaster Risk Management in Mozambique 1 Contents 1. Disasters in Mozambique 2. Role of GIS 3. Some Examples 4. CIG Profile 2 1. Disasters in Mozambique Frequent disasters are: Droughts Floods (+

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS

COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS RELATÓRIO FINAL IG - 014/CENIPA/2013 OCORRÊNCIA: AERONAVE: MODELO: DATA: INCIDENTE GRAVE PR-GUL B-737-800 16OUT2011 ADVERTÊNCIA

Leia mais

Flight Simulator Portugal

Flight Simulator Portugal Flight Simulator Portugal Tutorial FSPAcars V1.0.3.3 Requesitos: -.NET Framework 4.0 - FSUIPC para FS9/FSX/P3D (actualizado) - Simuladores FS9, FSX (Acceleration ou SP2) ou P3D V1/V2 Restrições: - Não

Leia mais

ADS-B - Automatic Dependent Surveillance Broadcast. Estudo do Impacto em Portugal

ADS-B - Automatic Dependent Surveillance Broadcast. Estudo do Impacto em Portugal UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR ADS-B - Automatic Dependent Surveillance Broadcast. Estudo do Impacto em Portugal por Cláudia Vanessa Coutinho Rodrigues orientado por Prof. Doutor Jorge Miguel Reis Silva

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS

COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS COMANDO DA AERONÁUTICA CENTRO DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS RELATÓRIO FINAL IG - 073/CENIPA/2014 OCORRÊNCIA: AERONAVE: MODELO: DATA: INCIDENTE GRAVE PR-OAL F28MK0100 09ABR2014 ADVERTÊNCIA

Leia mais

Requisitos para o Despacho de Voo

Requisitos para o Despacho de Voo Normativo Técnico 16 Requisitos para o Despacho de Voo PARTE A: GENERALIDADES... 3 16.001 APLICAÇÕES... 3 16.003 DEFINIÇÕES... 3 16.005 SIGLAS/ACRÓNIMOS... 3 PARTE B: CONTROLO OPERACIONAL... 4 16.010 CONTROLO

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MUNICÍPIO DE SINOP/MT

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MUNICÍPIO DE SINOP/MT PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO MUNICÍPIO DE SINOP/MT EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ FEDERAL DA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SINOP/MT O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL, pelos procuradores da República signatários, vem,

Leia mais

Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012.

Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012. Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012. DESENVOLVIMENTO DE UMA PLATAFORMA HARDWARE IN THE LOOP PARA SIMULAÇÃO DE UMA ESTAÇÃO DE CONTROLE EM SOLO DE UM VANT DE PEQUENO PORTE UTILIZANDO

Leia mais

Ministério dos Transportes

Ministério dos Transportes Ministério dos Transportes Instituto Nacional de Aviação Civil INAVIC Normativo Técnico 16 Requisitos para o Despacho de Voo Página 1/11 Índice Parte A: Generalidades..3 16.001 Aplicações.3 16.003 Definições..3

Leia mais

TABELA DE PREÇOS WYRESTORM

TABELA DE PREÇOS WYRESTORM www.esistemas.pt geral@esistemas.pt WYRESTORM HDMI INSTALLATION TEST KIT C/IVA WYRES-TT-KIT-4K WyreStorm 4K HDMI test Case with Signal generator, Signal Analyzer, Integrated Batteries 1148,51 1412,67 WYRESTORM

Leia mais

Arquitetura de Software exemplo usando UML

Arquitetura de Software exemplo usando UML Arquitetura de Software exemplo usando UML O exemplo, a seguir, foi tirado do capítulo 12 do livro do Ian Sommerville A idéia é design orientado a objetos, não necessariamente design arquitetural Ele descreve

Leia mais

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS IS Nº 91.21-001. Aprovação: Portaria nº 2526/SPO/SAR, de 29 de outubro de 2014, publicada no Diário Oficial da União de 30 de outubro de 2014, seção 1, página 4. Assunto: Utilização

Leia mais

Operação de Instalações Marítimas

Operação de Instalações Marítimas ENIDH, Abril 2011 Sumário 1 Steering Gear 2 Bow Thrust 3 Propeller Servo 1 Steering Gear 2 Bow Thrust 3 Propeller Servo Steering Gear System Comprises two identical hydraulic systems. Each system includes:

Leia mais

EVOLUÇÃO DA INFRAESTRUTURA AERONÁUTICA. Karl Martin Kühr Eduardo Tavares Pereira Thiago Fernando Gregolon

EVOLUÇÃO DA INFRAESTRUTURA AERONÁUTICA. Karl Martin Kühr Eduardo Tavares Pereira Thiago Fernando Gregolon EVOLUÇÃO DA INFRAESTRUTURA AERONÁUTICA Karl Martin Kühr Eduardo Tavares Pereira Thiago Fernando Gregolon FLORIANÓPOLIS 10/2012 2 Karl Martin Kühr Eduardo Tavares Pereira Thiago Fernando Gregolon EVOLUÇÃO

Leia mais

http://127.0.0.1:8080/cgi-bin/wxis.exe?isisscript=phl82/033.xis&campo=titulo&opc=i...

http://127.0.0.1:8080/cgi-bin/wxis.exe?isisscript=phl82/033.xis&campo=titulo&opc=i... Página 1 de 114 Instituto Federal de São Paulo - Campus São Carlos Inventário do acervo Relatório emitido em: 17-01-2013 Nota: Clicando sobre o nome de cada coluna é possível alterar a ordem de seus elementos.

Leia mais

MANUAL VFR. Tel: +351 21 2842226 Phone: +351 21 2842226. Fax: +351 21 8402398 Fax: +351 21 8402398. Tel: +351 21 8447000 Phone: +351 21 8447000

MANUAL VFR. Tel: +351 21 2842226 Phone: +351 21 2842226. Fax: +351 21 8402398 Fax: +351 21 8402398. Tel: +351 21 8447000 Phone: +351 21 8447000 Se AUTORIDADES DESIGNADAS E ENDEREÇOS DE INTERESSE AERONÁUTICO AUTORIDADE AERONÁUTICA A autoridade para a aviação civil é a Autoridade Nacional da Aviação Civil enquanto departamento do Ministério da Economia

Leia mais

As tecnologias ao serviço da prevenção e segurança no contexto das pescas portuguesas

As tecnologias ao serviço da prevenção e segurança no contexto das pescas portuguesas As tecnologias ao serviço da prevenção e segurança no contexto das pescas portuguesas ZODPORT EQUIPAMENTOS, ASSISTÊNCIA E ENGENHARIA, S.A. EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA MARÍTIMA 1 ZODPORT 2 INTERNATIONAL MARITIME

Leia mais

FUNÇÕES AVANÇADAS DE ATC

FUNÇÕES AVANÇADAS DE ATC FUNÇÕES AVANÇADAS DE ATC Fernando Colombani Juiz de Fora Out/2011 Apresentador OTMS 800 Optimized Train Management System Customização Não Falarei... Funções de ATC, Penalização, Speed-code, Distance-to-go,

Leia mais

BELL 206L4 Conceituado helicóptero capaz de realizar multi-missões com baixos custos operacionais.

BELL 206L4 Conceituado helicóptero capaz de realizar multi-missões com baixos custos operacionais. PORTUGUÊS BELL 206L4 Conceituado helicóptero capaz de realizar multi-missões com baixos custos operacionais. CORPORATIVO ENERGIA O Bell 206L4 foi projetado para ser o local de trabalho em voo ideal. Ele

Leia mais

Instalação do encosto. Recursos. Como usar os tubos adaptadores. Estrutura do produto. Sistema de Som

Instalação do encosto. Recursos. Como usar os tubos adaptadores. Estrutura do produto. Sistema de Som MANUAL Instalação do encosto Sistema de Som Recursos Disponível em preto, cinza Hastes de montagem ajustáveis para encaixe em qualquer assento Hastes ajustáveis a partir de 4 polegadas de distância a 8

Leia mais

Como foram as horas finais do voo MH370

Como foram as horas finais do voo MH370 Como foram as horas finais do voo MH370 O mistério em torno do desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines aumentou ainda mais em meio a revelações de que o avião voou por horas depois do último

Leia mais

MANUAL VFR. Tel: +351 21 2842226 Phone: +351 21 2842226. Fax: +351 21 8402398 Fax: +351 21 8402398. Tel: +351 21 8447000 Phone: +351 21 8447000

MANUAL VFR. Tel: +351 21 2842226 Phone: +351 21 2842226. Fax: +351 21 8402398 Fax: +351 21 8402398. Tel: +351 21 8447000 Phone: +351 21 8447000 Se AUTORIDADES DESIGNADAS E ENDEREÇOS DE INTERESSE AERONÁUTICO AUTORIDADE AERONÁUTICA A autoridade para a aviação civil é a Autoridade Nacional da Aviação Civil enquanto departamento do Ministério da Economia

Leia mais

As informações contidas neste material são de autoria da DCA BR, sendo vedada a sua reprodução total ou parcial.

As informações contidas neste material são de autoria da DCA BR, sendo vedada a sua reprodução total ou parcial. ASPECTOS OPERACIONAIS PARA A REDUÇÃO DE EMISSÕES Luiz Aberto Munaretto Instrutor da Aviação de Caça. Piloto de Provas. Possui quinze (15) anos de experiência em Ensaios em Vôo. Engenheiro Eletricista UNIVAP.

Leia mais

Características do Design Manutenção Economia Versatilidade

Características do Design Manutenção Economia Versatilidade O A-Viator é um bimotor de hélices turbinadas, asa na parte superior e com capacidade para 11 lugares, desenvolvido para satisfazer as crescentes demandas de operadores por uma aeronave de alto desempenho

Leia mais

Revista da Graduação

Revista da Graduação Revista da Graduação Vol. 4 No. 1 2011 4 Seção: FACULDADE DE CIÊNCIAS AERONÁUTICAS Título: O Sistema CNS/ATM na Terminal Porto Alegre Autor: Ciro de Franco Este trabalho está publicado na Revista da Graduação.

Leia mais

Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação

Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação Designação de Aerovias ROTAS CONTINENTAIS: São aerovias traçadas sobre o continente ligando pontos e/ou auxílios de

Leia mais

Manual de Usuário - TWSACARS

Manual de Usuário - TWSACARS Manual de Usuário - TWSACARS Marcelo Pires TrueWings Virtual Airlines 01/01/2013 Conteúdo 1 - Como instalar... 3 2 - Como configurar... 5 3 - Como utilizar o TWSACARS... 6 3.1 - Guia PIREP... 6 3.1.1 -

Leia mais

CATÁLOGO 2015 PHONAK SYSTEM VENDA

CATÁLOGO 2015 PHONAK SYSTEM VENDA PHONAK SYSTEM VENDA POR QUE PHONAK? ÍNDICE Sabendo da importância do mecanismo para solução em comunicação para emissoras de TV (Broadcast), eventos, entre outros, a R&FCom Tecnologia em Comunicação disponibiliza

Leia mais

Principais Iniciativas para Aumento da Segurança Operacional no Transporte Aéreo

Principais Iniciativas para Aumento da Segurança Operacional no Transporte Aéreo Principais Iniciativas para Aumento da Segurança Operacional no Transporte Aéreo Guilherme Conceição Rocha Instituto Tecnológico de Aeronáutica, Praça Marechal-do-Ar Eduardo Gomes, 50, Vila das Acácias,

Leia mais

SISTEMA HARDWARE IN THE LOOP PARA TESTE DE DETERMINAÇÃO DE ATITUDE DE UM PILOTO AUTOMÁTICO

SISTEMA HARDWARE IN THE LOOP PARA TESTE DE DETERMINAÇÃO DE ATITUDE DE UM PILOTO AUTOMÁTICO SISTEMA HARDWARE IN THE LOOP PARA TESTE DE DETERMINAÇÃO DE ATITUDE DE UM PILOTO AUTOMÁTICO Lorena Alves dos Santos Instituto Tecnológico de Aeronáutica Praça Marechal Eduardo Gomes, 50 - Vila das Acácias.

Leia mais

Transição para o CNS/ATM

Transição para o CNS/ATM Transição para o CNS/ATM por Daniel Torelli Em nosso dia-a-dia é cada vez mais comum falarmos de CNS/ATM mesmo muitas vezes não sabendo o significado e como pode influenciar no cotidiano da aviação. A

Leia mais

Segurança de Vôo na Certificação Civil

Segurança de Vôo na Certificação Civil 2º Simpósio de Segurança de Vôo SSV 2009 Lições Aprendidas Relacionadas à Segurança de Vôo na Certificação Civil (Airworthiness Certification: Lessons Learned with Flight Safety Issues) LUIZ JETHER H.VASCONCELOS

Leia mais

TABELA DE PREÇOS www.esistemas.pt

TABELA DE PREÇOS www.esistemas.pt TABELA DE PREÇOS AMC TABELA DE PREÇOS AMC TABELA DE PREÇOS AMC TABELA DE PREÇOS AMC TABELA DE PREÇOS www.esistemas.pt TABELA DE PREÇOS - AMC IMAGEM REF.MODELO / CARACTERISTICAS EN 54-24 Ceiling Loudspeakers

Leia mais

OVERVIEW DO EAMS. Enterprise Architecture Management System 2.0

OVERVIEW DO EAMS. Enterprise Architecture Management System 2.0 OVERVIEW DO EAMS Enterprise Architecture Management System 2.0 NETWORKS @arqcorp_br #eamsrio http://arquiteturacorporativa.wordpress.com/ WE MANAGE KNOWLEDGE, WITH YOU Arquitetura Empresarial Repositório

Leia mais

Sistemas de Infotelemática nos veículos FIAT

Sistemas de Infotelemática nos veículos FIAT Sistemas de Infotelemática nos veículos FIAT Fernando Henrique Ataide Lucas Chamon Engenharia do Produto - FIAT Conceitos Conceitos Infotainment information + entertainment Informações do veículo (indicadores,

Leia mais

REGULAMENTO BRASILEIRO DA AVIAÇÃO CIVIL RBAC nº 129 EMENDA nº 00

REGULAMENTO BRASILEIRO DA AVIAÇÃO CIVIL RBAC nº 129 EMENDA nº 00 REGULAMENTO BRASILEIRO DA AVIAÇÃO CIVIL RBAC nº 129 EMENDA nº 00 Título: Aprovação: OPERAÇÃO DE EMPRESAS ESTRANGEIRAS QUE TÊM POR OBJETIVO O TRANSPORTE AÉREO PÚBLICO NO BRASIL (OPERATIONS OF FOREIGN AIR

Leia mais

Guiagem, Navegação e Controle

Guiagem, Navegação e Controle Guiagem, Navegação e Controle de Veículos Ví Lançadores CSE 200 Introdução a Tecnologias de Satélites Fernando Putarov fernando.putarov@gmail.com 05/2012 Software de Voo Para colocar um foguete em segurança

Leia mais

LABACE: TAM Aviação Executiva traz dez aeronaves, duas delas pela primeira vez no Brasil

LABACE: TAM Aviação Executiva traz dez aeronaves, duas delas pela primeira vez no Brasil LABACE: TAM Aviação Executiva traz dez aeronaves, duas delas pela primeira vez no Brasil CESSNA Citation Latitude A TAM Aviação Executiva, representante exclusiva no Brasil das fabricantes Cessna Aircraft

Leia mais

Boing 737-600, 700 e 800 - IFly. Tutorial. Boing 737-600,700 e 800 ifly

Boing 737-600, 700 e 800 - IFly. Tutorial. Boing 737-600,700 e 800 ifly Boing 77-600,700 e 800 ifly Neste tutorial aprenderá a navegar operar o Boing 77-800 desde o processo de inicial de acionamento até o pouso no destino. Então vamos lá... Introdução Após a instalação da

Leia mais

DTT Handheld Spectrum Analyzer. Analisador de espectro DTT portátil. Manual do usuário

DTT Handheld Spectrum Analyzer. Analisador de espectro DTT portátil. Manual do usuário DTT Handheld Spectrum Analyzer Analisador de espectro DTT portátil Manual do usuário Botões e indicadores... 2 Como medir... 3 Analisador de espectro... 4 Menu... 5 Channel Power... 5 Scope... 6 Spectrum...

Leia mais

COMITÊ DO ESPECTRO PARA RADIODIFUSÃO - CER SPECTRUM DAY 16.08.2011 A REVISÃO DA REGULAMENTAÇÃO DO USO DA FAIXA DE 3,5 GHZ UMA NECESSIDADE COMPROVADA.

COMITÊ DO ESPECTRO PARA RADIODIFUSÃO - CER SPECTRUM DAY 16.08.2011 A REVISÃO DA REGULAMENTAÇÃO DO USO DA FAIXA DE 3,5 GHZ UMA NECESSIDADE COMPROVADA. COMITÊ DO ESPECTRO PARA RADIODIFUSÃO - CER SPECTRUM DAY 16.08.2011 A REVISÃO DA REGULAMENTAÇÃO DO USO DA FAIXA DE 3,5 GHZ UMA NECESSIDADE COMPROVADA. PAULO RICARDO H. BALDUINO 0 Conteúdo 1. Introdução

Leia mais

FORÇA AÉREA BRASILEIRA. Brig Ar Maurício Ribeiro GONÇALVES

FORÇA AÉREA BRASILEIRA. Brig Ar Maurício Ribeiro GONÇALVES FORÇA AÉREA BRASILEIRA Brig Ar Maurício Ribeiro GONÇALVES Objetivo Roteiro Roteiro END / PEMAER Estratégia Nacional de Defesa Plano Estratégico Militar da Aeronáutica 2010-2031 END / PEMAER Os projetos

Leia mais