Terapia Cognitiva da Depressão, Transtorno Bipolar e suicidalidade Cory F.Newman,Ph.D. Center for Cognitive Therapy University of Pennsylvania

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Terapia Cognitiva da Depressão, Transtorno Bipolar e suicidalidade Cory F.Newman,Ph.D. Center for Cognitive Therapy University of Pennsylvania"

Transcrição

1 Terapia Cognitiva da Depressão, Transtorno Bipolar e suicidalidade Cory F.Newman,Ph.D. Center for Cognitive Therapy University of Pennsylvania Exercício Diário "Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes. O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade. Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende! CORA CORALINA 1

2 Terapia Cognitiva da Depressão, Transtorno Bipolar e suicidalidade Cory F.Newman,Ph.D. Center for Cognitive Therapy University of Pennsylvania Terapia Cognitiva É ativa e direta Procura empregar bem o tempo É psicoeducacional ensinam-se aos pacientes habilidades cognitivocomportamentais para acentuar a manutenção dos ganhos terapêuticos (Nós lhes passamos a bola ). Utiliza o modelo de relação terapêutica empirismo cooperativo. Não é antifarmacoterapia Não omite a discussão das emoções e relações interpessoais Não é a mesma abordagem que o poder do pensamento positivo. Reconhece a importância da relação terapêutica. Importantes Habilidades TCC Automonitoramento de humor e pensamentos (p. ex., com o emprego de um diário, registro de humor, registro de pensamentos automáticos, etc). Acompanhar, planejar e priorizar as atividades (p.ex., com o emprego do programa de atividades diárias), inclusive experimentos comportamentais. Reconhecimentos de vieses cognitivos, e sua modificação com respostas racionais. Relaxamento e controle da respiração. Definição e solução construtiva de problemas. Tarefas graduais (para acumular eficácia e maximizar a probabilidade sucesso). Escuta ativa e comunicação com consideração (muito útil nas relações). Autotranquilizante (por confortos sensoriais, apoio social, atividades recreativas, exercício, meditação, etc..., mas não por automedicação). Terapia Cognitiva para a Depressão Depressão é um conceito altamente heterogêneo. Aguda X crônica Leve, moderada ou grave? Suicidalidade? Comorbidades? (p.ex. abuso de substâncias) Histórico de resistência ao tratamento? Histórico de mania? A Tríade Cognitiva (alvos importantes para a intervenção) Visão negativa de si. (p.ex. Sempre estrago todas as oportunidades que tenho. ) 2

3 Visão negativa dos outros e do mundo. (p. ex. Ninguém liga.todo mundo está sempre ocupado demais. O mundo é frio. ) Visão negativa do futuro. ( Nunca vai melhorar mesmo, então posso muito bem desistir já. ) Ensina ao paciente a detectar seus próprios vieses e distorções cognitivas, e a responder racionalmente (requer muita prática!). Incentiva a estabelecer metas, programar atividades e buscar mais maestria e prazer. Apóia as tentativas do paciente de criar e cultivar seu próprio sistema de apoio. Trabalha para melhorar as habilidades de solução de problemas do paciente. Salienta o lado positivo da vida do paciente, e ajuda-o a ter mais consciência e apreciá-lo melhor. Dá apoio, mais enfatiza as habilidades para mudanças duradouras. Tratamento da Depressão Grave Inclui avaliação rotineira de suicidalidade Conta a necessidade de farmacoterapia concomitante. Revisão detalhada do histórico de terapias, medicação, hospitalizações e outros tratamentos do paciente. Compreende muita ênfase em ativação comportamental Exige demonstrações significativas de empatia precisa, em particular no início do tratamento. Pode exigir um período mais longo de terapia, se viável. Geralmente envolve comorbidades, em particular transtornos de ansiedade, transtornos de personalidade e dependências. Ativação comportamental Reconhece que a letargia e a baixa motivação são sintomas sérios de transtornos emocionais como a depressão maior. Salienta o valor de ser capaz de se levantar e fazer coisas construtivas apesar de se sentir desmotivado. Descreve o ciclo feedback positivo de fazer algo, sentir-se melhor consigo mesmo, conseguir mais embalo e fazer mais. O ideal é que as atividades tenham um equilíbrio entre Maestria (M) (domínio) e Prazer (P). Os M s e P s podem ser classificados em escalas de Excesso de um à custa do outro pode ser problemático (de só trabalho ou diversão excessiva. Pouco demais tanto de M s quanto de P s leva a uma vida entediante, vazia, com baixa confiança e baixa recompensa. De forma geral, as atividades mais saudáveis promovem uma sensação tanto de maestria quanto de prazer, ao mesmo tempo: 1. Ajudar alguém em uma tarefa difícil 2. Envolver-se em uma atividade de lazer 3. Envolver-se em artesanato ou outro hobby 4. Fazer alguma coisa criativa crie mais consuma menos! 5. Entrar de cabeça em um projeto pessoal estudar 3

4 6. Cuidado com as atividades de consumo 7. Enfatize atividades que tem mais probabilidade de promover uma sensação de orgulho, e não de vergonha. 8. Fazer alguma coisa desencadeia um ciclo de feedback positivo. Avaliação de pensamentos automáticos: distorções cognitivas (amostras) Pensamento tudo ou nada, ou seja, polarizado ou dicotômico você vê uma situação em apenas duas categorias, e não em uma graduação. Se eu não sou um sucesso total sou um fracasso. Supergeneralização, você chega a uma conclusão negativa abrangente que vai muito além da situação atual. (Porque eu me senti pouco à vontade na reunião) não tenho as qualidades necessárias para fazer amigos. Catastrofização chamada de adivinhação você prevê um futuro negativo, sem considerar outros desfechos prováveis. Vou ficar tão abalado que nem vou conseguir agir. Desqualificação ou descontar o positivo você diz, sem razão, que os experimentos, feitos ou qualidades positivas não contam. Eu fiz bem aquele trabalho, mas isso não significa que sou competente, só dei sorte. Raciocínio emocional você acha que algo deve ser verdade porque você sente (na verdade, crê ) com tanta intensidade que ignora ou desconta as provas em contrário. Sei que faço bem uma porção de coisas no trabalho, mas ainda assim em sinto um fracasso. Rotulação você coloca um rótulo fixo e global em si próprio e nos outros, sem considerar que as provas podem mais razoavelmente levar a uma conclusão menos desastrosa. Sou um fracasso. Ele (a) não presta. Filtro mental ou abstração seletiva você presta atenção demais em um detalhe e não no quadro inteiro. Porque recebi uma nota baixa na minha avaliação (que também continha várias notas altas) significa que meu trabalho é uma porcaria. Leitura mental você crê saber o que os outros estão pensando, sem considerar outras possibilidades mais prováveis. Ele está pensando que eu não sei patavina deste projeto. Personificação você crê que os outros estão se comportando negativamente por causa de você, sem considerar outras explicações mais plausíveis para o comportamento deles. O consertador foi grosseiro comigo porque fiz algo errado. Visão de túnel você apenas os aspectos negativos de uma situação. O professor do meu filho não faz nada direito. É muito crítico, insensível e não tem didática. Perguntas Socráticas para avaliar Crenças e Pensamentos Automáticos 1. Quais são as provas de que meu pensamento é verdadeiro? Não verdadeiro? 2. Há explicações alternativas? 3. O que é o pior que poderia acontecer? Eu poderia superar isto? É tão catastrófico assim? Qual o resultado mais provável? Mais realista? 4. Se um amigo (a) meu estivesse na situação e tivesse esse pensamento, o que eu diria para ele? 4

5 5. O que eu deveria fazer a este respeito? 6. O que devo fazer agora? Esquemas Típicos (Crenças Centrais, Negativas) Incompetência Defectividade/ruindade/exclusão social Não despertar amor- desamor. Desconfiança/abuso Vulnerabilidade ao dano Dependência Falta de individuação/subjugação Privação emocional Abandono Dar-se o direito / limites insuficientes Tarefa para Casa objeto permanente Leituras de Terapia cognitiva Fazer diário (automonitoramento) do humor, pensamentos e atividades Registros de pensamentos automáticos Relaxamento e controle de respiração Experimentos comportamentais (fazer algo construtivo e ver o que acontece). Ansiedade e Evitação O modelo de Risco e Recursos Você sente uma sensação maior de risco ao enfrentar situações e sentimentos internos difíceis. Você subestima e tem menos consciência de seus recursos pessoais (habilidades e apoio social) As proporções da motivação versus medo Quando você evita situações importantes, às vezes pode ser por baixa motivação. Quando você evita experiências importantes, às vezes se deve a altos níveis de medo. Precisamos aumentar a motivação e/ou reduzir o medo. Crenças Mal-Adaptativas Se eu ignorar o problema, ele vai desaparecer Não tolero desconforto Não tolero ser mal amado ou rejeitado Sempre posso manter minha vida igual, mesmo com o passar dos anos Não tenho as habilidades necessárias para enfrentar dificuldades. Os erros por atos são sempre muito piores do que os erros por omissão. Se eu não tentar, não posso fracassar. 5

6 Um dia, eu vou... Vou me sentir melhor se não pensar em coisas que me incomodam Os outros não vão gostar de mim se descobrirem meu verdadeiro eu. Comportamentos Problemáticos Procrastinação grave Falta de assertividade Aceitação passiva do status quo Fuga de novas oportunidades Excesso de confiança no álcool, tranqüilizantes, maconha e outras substancias químicas que causam dependência para automedicar a ansiedade. Desistência Não comparecimento Saída mais cedo (do trabalho, escola, eventos sociais) Mudança de assunto (evitando discussões significativas, como na terapia). Horários estranhos de trabalho e sono para evitar os outros (p.ex. deitar e levantar tarde). Metas comuns e gerais da terapia Reduzir os medos catastróficos de fracasso do paciente Aumentar a sensação de auto-eficácia do paciente Auxiliar o paciente a empregar melhor o tempo Avaliar e modificar as crenças de vergonha que o paciente tem de si mesmo Aumentar a assertividade Diminuir a hipersensibilidade à rejeição social Ajudar o paciente a ver alguns estressores como oportunidades de crescimento pessoal. Melhorar habilidades ativas de resolução de problemas. Melhorar as habilidades de comunicação ajudar o paciente a ser mais claro e direto. (Reduzir a dependência de pronomes vagos e sentenças que não terminem). Ensinar o paciente a tomar a iniciativa. Intervenções Gerais Padrão Automonitoramento comportamento, emoção e pensamento Role-playing cenários de assertividade, exp. Planejamento e acompanhamento de atividades até o final Geração de respostas racionais para combater medos mórbidos de fracassos e rejeição. Ajuste do ciclo de sono-vigília, de modo que o paciente fique em sincronia com o ambiente social imediato. Comprometer-se a aceitar mais convites sociais Experimentos comportamentais com tentativa de novas tarefas Praticar oferecer mais idéias e opiniões no trabalho e aos amigos. Não aceitar o pensamento, eu não sei. Sempre tentar explorar e criar hipóteses. 6

7 Aumentar a hierarquia de situações temidas. 7

Modelo Cognitivo da Depressão de Beck

Modelo Cognitivo da Depressão de Beck Modelo Cognitivo da Depressão de Beck Modelo Cognitivo postula 3 conceitos específicos para explicar o substrato psicológico da Depressão: Tríade Cognitiva Esquemas Erros Cognitivos Conceito de TRÍADE

Leia mais

Terapia cognitiva da esquizofrenia. IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012

Terapia cognitiva da esquizofrenia. IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012 Terapia cognitiva da esquizofrenia IX Jornada CELPCYRO Porto Alegre, junho 2012 Terapia cognitiva e as medicações Parte do trabalho da TCC é promover o aumento da adesão à medicação. As evidências de melhora

Leia mais

Albert Ellis e a Terapia Racional-Emotiva

Albert Ellis e a Terapia Racional-Emotiva PSICOTERAPIA COGNITIVO- COMPORTAMENTAL - Aspectos Históricos - NERI MAURÍCIO PICCOLOTO Porto Alegre/RS Albert Ellis e a Terapia Racional-Emotiva 1 Albert Ellis Albert Ellis (1955) Insatisfação com prática

Leia mais

TERAPIA COGNITIVO COMPORTAMENTAL

TERAPIA COGNITIVO COMPORTAMENTAL CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM TABAGISMO TERAPIA COGNITIVO COMPORTAMENTAL BASE METODOLÓGICA, ENFOQUE, TÉCNICAS E FERRAMENTAS MAIS COMUNS FORMAS DE TERAPIA: INDIVIDUAL OU GRUPAL VERA LÚCIA GOMES BORGES CENTRO

Leia mais

Psicoterapia Cognitivo Comportamental

Psicoterapia Cognitivo Comportamental Psicoterapia Cognitivo Comportamental Selma Rejane Setani Diretora Técnica de Serviço de Saúde, especialista em dependência química, especializada em T.C.C. para dependência de álcool e Outras Drogas srsetani-cratod@saude.sp.gov.br

Leia mais

MÓDULO 1. Psicoeducação, organização e planejamento

MÓDULO 1. Psicoeducação, organização e planejamento MÓDULO 1 Psicoeducação, organização e planejamento Psicoeducação e introdução a habilidades de organização e planejamento Sessão 1 (Corresponde aos Capítulos 1, 2 e 4 do Manual do paciente) MATERIAIS NECESSÁRIOS

Leia mais

IBH Transtorno de personalidade dependente. Dra. Lislie Schoenstatt

IBH Transtorno de personalidade dependente. Dra. Lislie Schoenstatt IBH Transtorno de personalidade dependente Dra. Lislie Schoenstatt Transtorno de Personalidade Dependente - TPD É uma necessidade invasiva e excessiva de ser cuidado, que leva a um comportamento submisso

Leia mais

ERROS COGNITIVOS COMUNS 1

ERROS COGNITIVOS COMUNS 1 ERROS COGNITIVOS COMUNS 1 A Terapia Cognitiva e Comportamental considera estarem os pensamentos conscientes vinculados às emoções e comportamentos. Esses pensamentos podem ser classificados em reflexivos

Leia mais

Aplicação da terapia cognitiva na depressão: análise de caso clínico

Aplicação da terapia cognitiva na depressão: análise de caso clínico Aplicação da terapia cognitiva na depressão: análise de caso clínico * Ana Carolina Diethelm Kley Introdução O objetivo do tratamento em terapia cognitiva no caso dos transtornos afetivos, grupo que engloba

Leia mais

PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RECAÍDA E TREINAMENTO DE HABILIDADES SOCIAIS

PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RECAÍDA E TREINAMENTO DE HABILIDADES SOCIAIS PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RECAÍDA E TREINAMENTO DE HABILIDADES SOCIAIS TRATAMENTO HELENA SAKIYAMA Psicóloga do Alamedas - Tratamento e Reabilitação da Dependência Química Crack - O Tratamento com Qualidade

Leia mais

Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos

Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos Seja Bem Vindo! Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos Ana Carolina S. Oliveira Psicóloga Esp. Dependência Química CRP 06/99198 Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense Psiquiatra

Leia mais

Desperdiçadores Psicológicos de Tempo. Procrastinação, Perfeccionismo, Desorganização e Falta de disciplina.

Desperdiçadores Psicológicos de Tempo. Procrastinação, Perfeccionismo, Desorganização e Falta de disciplina. Desperdiçadores Psicológicos de Tempo Procrastinação, Perfeccionismo, Desorganização e Falta de disciplina. Desperdiçadores Psicológicos de Tempo Marciliana Corrêa (CRP 06 6519-5) Master Coach pelo International

Leia mais

Terapia Cognitivo Comportamental

Terapia Cognitivo Comportamental Terapia Cognitivo Comportamental TRATAMENTO PSICOLÓGICO M. FÁTIMA RATO PADIN Coordenadora do Alamedas -Tratamento e Reabilitação da Dependência Química TRATAMENTO PSICOLÓGICO - Terapia Cognitivo Comportamental

Leia mais

Aprendendo a vencer a Ansiedade

Aprendendo a vencer a Ansiedade Rua Conde de Bonfim 232/301 Tijuca Rio de Janeiro RJ Tel:2234-2399 Email: eliane@epvpsicologia.com Home Page:www.epvpsicologia.com Aprendendo a vencer a Ansiedade Um guia para os pais sobre a ansiedade

Leia mais

Prática e Pressupostos Teóricos da Terapia Cognitivo- Comportamental

Prática e Pressupostos Teóricos da Terapia Cognitivo- Comportamental Prática e Pressupostos Teóricos da Terapia Cognitivo- Comportamental 1 Priscila Pereira Reis 2 Cláudia Galvão Mazoni RESUMO: A proposta do artigo é contextualizar através de revisão de literatura princípios

Leia mais

Dependência Química. Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não?

Dependência Química. Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não? Dependência Química Por que algumas pessoas ficam dependentes de drogas e outras não? Os fatores relacionados ao desenvolvimento da dependência química são variados. O fator genético está bem estabelecido.

Leia mais

Profa. Ms. Eliana Melcher Martins

Profa. Ms. Eliana Melcher Martins Profa. Ms. Eliana Melcher Martins Doutoranda em Ciências pelo depto. de Psiquiatria da UNIFESP Mestre em Ciências pelo depto. de Psicobiologia da UNIFESP Especialista em Medicina Comportamental pela UNIFESP

Leia mais

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas Manual de Aplicação do Jogo da Escolha Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas 1 1. Como o jogo foi elaborado O Jogo da Escolha foi elaborado em 1999 pelo Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas

Leia mais

100 FRASES para um dia mais feliz. de Ana Flávia Miziara

100 FRASES para um dia mais feliz. de Ana Flávia Miziara 100 FRASES para um dia mais feliz de Ana Flávia Miziara Você está alegre? A vida está sorrindo para você? Você se lembrou de sorrir hoje? Lembre-se que a alegria é a fartura da vida e da mente. A vida

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor http://www.despertardoamor.com.br

14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor http://www.despertardoamor.com.br 14 Dicas para Acabar com a Ansiedade e Depressão Despertar do Amor Este e-book é um dos BÔNUS que fazem parte do Processo Despertar do Amor. Para saber mais sobre este trabalho, acesse: INTRODUÇÃO O grande

Leia mais

Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo

Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo Promoção da qualidade de vida através de psicoterapia breve de grupo PSICOTERAPIA Categoria: GRUPO Categoria: Custos administrativos e operacionais Área: Medicina Preventiva - Programa Viver Bem Responsáveis:

Leia mais

R P D REGISTRO DE PENSAMENTO DISFUNCIONAL

R P D REGISTRO DE PENSAMENTO DISFUNCIONAL R P D REGISTRO DE PENSAMENTO DISFUNCIONAL 1 PRINCIPAL INSTRUMENTO DA TCC O R P D foi recomendado como um procedimento de alto impacto por Beck e colaboradores (1979) em seu clássico livro TERAPIA COGNITIVA

Leia mais

TRANSTORNO DE PERSONALIDADE DEPENDENTE características Necessidade global e excessiva de ser cuidado, que leva a um comportamento submisso e aderente e ao medo da separação. características Grande dificuldade

Leia mais

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP Depressão e Qualidade de Vida Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP 1 Percepções de 68 pacientes entrevistadas. 1. Sentimentos em relação à doença Sinto solidão, abandono,

Leia mais

DEPRESSÃO NO ÂMBITO DA. Felicialle Pereira da Silva Nov. 2015

DEPRESSÃO NO ÂMBITO DA. Felicialle Pereira da Silva Nov. 2015 DEPRESSÃO NO ÂMBITO DA SEGURANÇA PÚBLICA Felicialle Pereira da Silva Nov. 2015 Ser humano x Humor VARIAÇÕES : SIM( X) NÃO( ) EXTREMOS: SIM( ) NÃO( X) CONTROLE Sensações normais Saúde mental x doença mental

Leia mais

Terapia Cognitiva e Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade: Um diálogo com o educador

Terapia Cognitiva e Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade: Um diálogo com o educador Terapia Cognitiva e Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade: Um diálogo com o educador * Aline Gerbasi Balestra O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade é reconhecido como um dos transtornos

Leia mais

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH

O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH O que é Distúrbio Bipolar Bipolar Disorder Source - NIMH Distúrbio Bipolar, também conhecido como mania e depressão, é uma desordem do cérebro que causa mudanças não previstas no estado mental da pessoa,

Leia mais

Promoção de Experiências Positivas Crianças e Jovens PEP-CJ Apresentação geral dos módulos

Promoção de Experiências Positivas Crianças e Jovens PEP-CJ Apresentação geral dos módulos Positivas Crianças e Jovens PEP-CJ Apresentação geral dos módulos Universidade do Minho Escola de Psicologia rgomes@psi.uminho.pt www.psi.uminho.pt/ www.ardh-gi.com Esta apresentação não substitui a leitura

Leia mais

CADEIA DE DECISÃO NA GESTÃO DE NEGÓCIOS

CADEIA DE DECISÃO NA GESTÃO DE NEGÓCIOS Unidade IV CADEIA DE DECISÃO NA GESTÃO DE NEGÓCIOS Prof. Bernardo Solé Ambiente Recursos Materiais Patrimoniais Financeiros Humanos Tecnológicos Mudanças Desempenho Organizacional Eficiênciaiê i Eficácia

Leia mais

Indicadores do t.p. 25/08/2015. Ciclos cognitivos interpessoais desadaptativos

Indicadores do t.p. 25/08/2015. Ciclos cognitivos interpessoais desadaptativos QUANDO OS ESQUEMAS DO TERAPEUTA CONTRIBUEM PARA A SUA RELAÇÃO COM O PACIENTE Eliane mary de oliveira falcone universidade do estado do rio de janeiro Indicadores do t.p. Presença de muitos problemas interpessoais

Leia mais

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH:

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH: OQUEÉOTRANSTORNOBIPOLARDO HUMOR(TBH)? O transtorno bipolar do humor (também conhecido como psicose ou doença maníaco-depressiva) é uma doença psiquiátrica caracterizada por oscilações ou mudanças de humor

Leia mais

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail. 22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.com DEPRESSÃO 1. Afeta pelo menos 12% das mulheres e 8% dos homens

Leia mais

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição IDENTIFICANDO A DEPRESSÃO Querida Internauta, Lendo o que você nos escreveu, mesmo não sendo uma profissional da área de saúde, é possível identificar alguns sintomas de uma doença silenciosa - a Depressão.

Leia mais

1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano. Vamos falar sobre isso?

1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano. Vamos falar sobre isso? 1 em cada 4 pessoas são afetadas por um problema de saúde mental a cada ano Vamos falar sobre isso? Algumas estatísticas sobre Saúde Mental Transtornos mentais são frequentes e afetam mais de 25% das pessoas

Leia mais

Nesse E-Book você vai aprender a lidar com aquelas situações chatas da nossa vida como psicólogos iniciantes em que tudo parece dar errado!

Nesse E-Book você vai aprender a lidar com aquelas situações chatas da nossa vida como psicólogos iniciantes em que tudo parece dar errado! Nesse E-Book você vai aprender a lidar com aquelas situações chatas da nossa vida como psicólogos iniciantes em que tudo parece dar errado! Aqueles primeiros momentos em que tudo que fazemos na clínica

Leia mais

Terapia Racional-Emotiva Comportamental de Albert Ellis

Terapia Racional-Emotiva Comportamental de Albert Ellis Terapia Racional-Emotiva Comportamental de Albert Ellis Terapia Racional-Emotiva Comportamental de Albert Ellis Albert Ellis doutorou-se em psicologia clínica em Nova York em 1947, e seu treinamento foi

Leia mais

PENSE. O Poder da Terapia Cognitiva para Emagrecer

PENSE. O Poder da Terapia Cognitiva para Emagrecer PENSE O Poder da Terapia Cognitiva para Emagrecer 1 A chave do sucesso Se você enfrentou dificuldades para emagrecer ou emagreceu e engordou novamente nos últimos tempos, você culpou a si mesmo (Sou muito

Leia mais

Avaliação. Formulação de Caso BETANIA MARQUES DUTRA. MSc. Psicologia. Esp. Neusopsicologia. Esp.Psicopedagogia. Terapeuta Cognitivo-Comportamental

Avaliação. Formulação de Caso BETANIA MARQUES DUTRA. MSc. Psicologia. Esp. Neusopsicologia. Esp.Psicopedagogia. Terapeuta Cognitivo-Comportamental Avaliação & Formulação de Caso BETANIA MARQUES DUTRA MSc. Psicologia Esp. Neusopsicologia Esp.Psicopedagogia Terapeuta Cognitivo-Comportamental Coordenadora do Curso de TCC Aplicada a crianças e adolescentes

Leia mais

VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br

VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br APRESENTAÇÃO A timidez é um problema que pode acompanhar um homem a vida inteira, tirando dele o prazer da comunicação e de expressar seus sentimentos, vivendo muitas

Leia mais

COMO APRENDER A IDENTIFICAR AS CRENÇAS CENTRAIS

COMO APRENDER A IDENTIFICAR AS CRENÇAS CENTRAIS COMO APRENDER A IDENTIFICAR AS CRENÇAS CENTRAIS *Rita Alvarenga ** Fernanda Pasquoto de Souza Resumo: O objetivo deste artigo é apresentar uma relação entre teoria e prática, em psicologia cognitivocomportamental,

Leia mais

KratsPsiquê. A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc.

KratsPsiquê. A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc. DEPRESSÃO A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc. BDI- Inventário de Depressão Beck: a medição é feita por escores

Leia mais

"Ninguém m se torna iluminado, imaginando figura de luz, mas tornando sua escuridão consciente Jung

Ninguém m se torna iluminado, imaginando figura de luz, mas tornando sua escuridão consciente Jung "Ninguém m se torna iluminado, imaginando figura de luz, mas tornando sua escuridão consciente Jung Cada pensamento gera uma emoção e cada emoção mobiliza um circuito hormonal que terá impacto nas células

Leia mais

HÁ LIMITES PARA O CRESCIMENTO DO SETOR IMOBILIÁRIO? Aplicando Inteligência Emocional na Gestão de Mudanças

HÁ LIMITES PARA O CRESCIMENTO DO SETOR IMOBILIÁRIO? Aplicando Inteligência Emocional na Gestão de Mudanças Aplicando Inteligência Emocional na Gestão de Mudanças Choques Econômicos dos últimos anos Filhos do Downsizing Geração X Foco na carreira e no seu processo de desenvolvimento profissional. Síndrome de

Leia mais

Edson Vizzoni Psicólogo Especialista em TCC IBH Julho de 2014

Edson Vizzoni Psicólogo Especialista em TCC IBH Julho de 2014 Edson Vizzoni Psicólogo Especialista em TCC IBH Julho de 2014 "Personalidade é a organização dinâmica dos traços no interior do eu, formados a partir dos genes particulares que herdamos, das existências

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA GERAL E ANÁLISE DO COMPORTAMENTO PSICOLOGIA CLÍNICA NA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO

CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA GERAL E ANÁLISE DO COMPORTAMENTO PSICOLOGIA CLÍNICA NA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA GERAL E ANÁLISE DO COMPORTAMENTO PSICOLOGIA CLÍNICA NA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO Terapia de Casal Débora Kalwana Flávia Verceze Júlia Montazzolli

Leia mais

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental

DEPRESSÃO. O que você precisa saber. Fênix Associação Pró-Saúde Mental DEPRESSÃO O que você precisa saber Fênix Associação Pró-Saúde Mental Eu admito que preciso de ajuda, pois sozinho não consigo... (Grupo Fênix: Os 6 Passos para a Recuperação) a 1 Edição São Paulo 2010

Leia mais

Como desenvolver a resiliência no ambiente de Recursos Humanos

Como desenvolver a resiliência no ambiente de Recursos Humanos Como desenvolver a resiliência no ambiente de Recursos Humanos Edna Bedani Edna Bedani Mestre em Administração, Pós Graduada em Administração, com especialização em Gestão Estratégica de RH, graduada em

Leia mais

Como é o Tratamento das Disfunções Sexuais na Terapia Cognitivo- Comportamental?

Como é o Tratamento das Disfunções Sexuais na Terapia Cognitivo- Comportamental? Como é o Tratamento das Disfunções Sexuais na Terapia Cognitivo- Comportamental? Ana Carolina Schmidt de Oliveira Psicóloga CRP 06/99198 Especialista em Dependência Química Pós-Graduação Pós-Graduação

Leia mais

Teste 3 - Auto-avaliação das habilidades empreendedoras

Teste 3 - Auto-avaliação das habilidades empreendedoras Teste 3 - Auto-avaliação das habilidades empreendedoras Para cada questão, faça um círculo na resposta que está mais adequada às suas crenças ou ações, mesmo que aparentemente não tenham algo em comum

Leia mais

Processo de Mudança & Entrevista motivacional

Processo de Mudança & Entrevista motivacional Processo de Mudança & Entrevista motivacional Ruth Borges Dias GESF 17/11/2008 Etapas do Processo de mudança de Prochaska e DiClemente Pré-contemplação Contemplação Preparação Ação Manutenção Recaída

Leia mais

Estruturas das Sessões em TCC

Estruturas das Sessões em TCC Estruturas das Sessões em TCC Eliana Melcher Martins - Mestre em Ciências pelo Depto. de Psicobiologia da UNIFESP - Especialista em Medicina Comportamental pela UNIFESP - Psicóloga Clínica Cognitivo Comportamental

Leia mais

Técnicas de Processamento Emocional. Profa. Ms. ELIANA MELCHER MARTINS

Técnicas de Processamento Emocional. Profa. Ms. ELIANA MELCHER MARTINS Técnicas de Processamento Emocional Profa. Ms. ELIANA MELCHER MARTINS PROCESSAMENTO EMOCIONAL São técnicas relacionadas à ativação da emoção por meio de exercícios experienciais ou de terapia focada nas

Leia mais

Isso marca o início de uma nova e importante era para os pacientes, cuidadores e seus familiares.

Isso marca o início de uma nova e importante era para os pacientes, cuidadores e seus familiares. 1 Manual do Paciente Você não está sozinho Qualquer pessoa pode vir a desenvolver algum tipo de câncer ao longo da vida. No ano passado de 2008, mais de 1,3 milhões de novos cânceres foram diagnosticados

Leia mais

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus CURSO DE DESENVOLVIMENTO HUMANO E ESPIRITUAL DESCUBRA A ASSINATURA DE SUAS FORÇAS ESPIRITUAIS Test Viacharacter AVE CRISTO BIRIGUI-SP Jul 2015 Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus I SABER

Leia mais

Procedimentos terapêuticos associados no tratamento da Fibromialgia

Procedimentos terapêuticos associados no tratamento da Fibromialgia Procedimentos terapêuticos associados no tratamento da Fibromialgia Felipe Azevedo Moretti "Se você só fizer aquilo que sempre fez, só obterá aquilo que sempre obteve. Se o que você está fazendo não está

Leia mais

21 Mandamentos do Grandes Ideias

21 Mandamentos do Grandes Ideias 21 Mandamentos do Grandes Ideias 21 Mandamentos do Grandes Ideias Ideias simples mas que fazem toda a diferença na motivação dos nossos alunos!! 1. Conhecer os alunos e fazê-los sentirem-se amados pela

Leia mais

FALANDO ABERTAMENTE SOBRE SUICÍDIO

FALANDO ABERTAMENTE SOBRE SUICÍDIO FALANDO ABERTAMENTE SOBRE SUICÍDIO MOMENTO DE DERRUBAR TABUS As razões podem ser bem diferentes, porém muito mais gente do que se imagina já teve uma intenção em comum. Segundo estudo realizado pela Unicamp,

Leia mais

Indice. www.plurivalor.com. Livro LIDERANÇA COM INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Indice. www.plurivalor.com. Livro LIDERANÇA COM INTELIGÊNCIA EMOCIONAL Indice Introdução Um Exemplo Diagnóstico O Método do Líder Sem Inteligência Emocional Um método melhor Inteligência Emocional e E. ciência Administrativa O Valor das Habilidades Emocionais Uma nova teoria

Leia mais

DESENVOLVENDO COMPETÊNCIA EM TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL. Discente: Jéssica Rocha

DESENVOLVENDO COMPETÊNCIA EM TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL. Discente: Jéssica Rocha DESENVOLVENDO COMPETÊNCIA EM TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL Discente: Jéssica Rocha Indivíduos atribuem... Sentimentos Acontecimentos Significado Pessoas Comportar de uma determinada maneira Demais aspectos

Leia mais

Formação na Metodologia do Coaching em Resiliência Material do Participante. Eu me posicionei como. Isso desencadeia/ repercute em mim.

Formação na Metodologia do Coaching em Resiliência Material do Participante. Eu me posicionei como. Isso desencadeia/ repercute em mim. Eu me posicionei como Isso desencadeia/ repercute em mim Conjunção ENCONTRO Data: / / Horário: Nome do Coachee: Nome do Coach: Local: Empresa: CONSIDERO QUE APÓS O MEU PROCESSO DE PROMOÇÃO DA RESILIÊNCIA

Leia mais

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica XXII Curso de Inverno em Atualização em Dependência Química do Hospital Mãe de Deus Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica Ana Paula Pacheco Psicóloga da Unidade de Dependência Química

Leia mais

TERAPIA COMPORTAMENTAL DIALÉTICA NO TRANSTORNO DE PERSONALIDADE BORDERLINE

TERAPIA COMPORTAMENTAL DIALÉTICA NO TRANSTORNO DE PERSONALIDADE BORDERLINE TERAPIA COMPORTAMENTAL DIALÉTICA NO TRANSTORNO DE PERSONALIDADE BORDERLINE Priscila Sardi Cerutti Acadêmica do VIII nível do Curso de Psicologia e Bolsista Desempenho da Faculdade Meridional IMED priscilacerutti@yahoo.com.br

Leia mais

ANAMNESE. Você tem uma Religião? SIM NÃO

ANAMNESE. Você tem uma Religião? SIM NÃO ANAMNESE INFORMAÇÕES GERAIS Nome: Data de Nascimento: Altura: m. Peso: Kg. Seu peso varia? SIM NÃO Caso sim, em quanto? Você tem um médico da família? SIM NÃO Se sim, qual o seu nome e como contatá-lo?

Leia mais

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação.

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Introdução Criar um filho é uma tarefa extremamente complexa. Além de amor,

Leia mais

COMPORTAMENTO SUICIDA

COMPORTAMENTO SUICIDA COMPORTAMENTO SUICIDA Magnitude, Avaliação de Risco e Manejo Neury J. Botega Universidade Estadual de Campinas SAÚDE MENTAL E MEDICINA Antiguidade Greco-Romana Idade Média Idade Moderna TOLERÂNCIA CONDENAÇÃO

Leia mais

TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL.

TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL. TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL. * Danielle Moraes; Juliana Vieira; Marcos Fagundes. ** Cláudia Mazzoni * Alunos do curso de graduação

Leia mais

Objetivos Gerais. Psicólogo. Paciente. tratamento

Objetivos Gerais. Psicólogo. Paciente. tratamento Terapia Cognitivo-Comportamental Avaliação Inicial 1ª. Sessão Eliana Melcher Martins Doutoranda em Ciências pelo depto.psiquiatria da UNIFESP Mestre em Ciências pelo depto de Psicobiologia da UNIFESP Especialista

Leia mais

BIOGRAFIA HUMANA. Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência. Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade.

BIOGRAFIA HUMANA. Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência. Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade. BIOGRAFIA HUMANA Terceiro espelho: A Infância e fase da Autoconsciência Alma da Consciência: 0-7 Infância / 35-42 Maturidade Edna Andrade Nascemos totalmente desamparados, totalmente dependentes e indefesos.

Leia mais

A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram

A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram Esquema de Palestra I. Por Que As Pessoas Compram A Abordagem da Caixa Preta A. Caixa preta os processos mentais internos que atravessamos ao tomar uma

Leia mais

TESTE: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL

TESTE: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL TESTE: RELACIONAMENTO INTERPESSOAL (JANELA JOHARI) É constituído de 20 situações possíveis de ocorrer dentro de uma empresa, composto por duas afirmativas de resposta em cada. O usuário deve analisar qual

Leia mais

Des estresse! 01. Afinal de contas, o que é estresse?

Des estresse! 01. Afinal de contas, o que é estresse? Akira Nakao Des estresse! Você é competitivo, estressado, equilibrado, acomodado, tranquilo ou couraceiro? Lembra do material da nossa primeira semana? 01. Afinal de contas, o que é estresse? É um mecanismo:

Leia mais

Tratamento do TCAP. Psicologia: como os processos mentais interferem na vida do sujeito. História individual, singularidade.

Tratamento do TCAP. Psicologia: como os processos mentais interferem na vida do sujeito. História individual, singularidade. Tratamento do TCAP Psicologia: como os processos mentais interferem na vida do sujeito História individual, singularidade Psicoterapia: Tratamento: multidisciplinar Equipe coesa Importância de entender

Leia mais

STRESS E A ESCLEROSE MÚLTIPLA

STRESS E A ESCLEROSE MÚLTIPLA STRESS E A ESCLEROSE MÚLTIPLA i Enf.ª Ana Catarina Silva Ferreira Enf.ª Ana Catarina Martins Garrett Enf.ª Conceição Fernandes da Silva Neves Centro Hospitalar Baixo Vouga Serviço de Neurologia STRESS

Leia mais

1. Eu tenho problema em ter minhas necessidades satisfeitas. 1 2 3 4 5 6

1. Eu tenho problema em ter minhas necessidades satisfeitas. 1 2 3 4 5 6 FIAT Q Questionário de Relacionamento Interpessoal Glenn M. Callaghan Department of Psychology; One Washington Square, San Jose University, San Jose CA 95192-0120 Phone 08) 924-5610 e fax (408) 924 5605.

Leia mais

Judgment Você toma milhares de decisões todos os dias, das mais simples às mais importantes. Quais serão as certas?

Judgment Você toma milhares de decisões todos os dias, das mais simples às mais importantes. Quais serão as certas? Judgment Você toma milhares de decisões todos os dias, das mais simples às mais importantes. Quais serão as certas? hoganjudgement.com www.hoganbrasil.com.br/hoganjudgement 2014 Hogan Assessment Systems

Leia mais

Enf.ª Isabel Félix. Enfermeira responsável do Hospital de Dia de Especialidades Médicas Hospital Egas Moniz

Enf.ª Isabel Félix. Enfermeira responsável do Hospital de Dia de Especialidades Médicas Hospital Egas Moniz DEPRESSÃO i Enf.ª Isabel Félix Enfermeira responsável do Hospital de Dia de Especialidades Médicas Hospital Egas Moniz DEPRESSÃO Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu

Leia mais

A Meta-Analytic Review of Psychosocial Interventions for Substance Use Disorders

A Meta-Analytic Review of Psychosocial Interventions for Substance Use Disorders A Meta-Analytic Review of Psychosocial Interventions for Substance Use Disorders REVISÃO META-ANALÍTICA DO USO DE INTERVENÇÕES PSICOSSOCIAIS NO TRATAMENTO DE DEPENDÊNCIA QUÍMICA Publicado: Am J Psychiattry

Leia mais

TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA)

TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA) TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA) SERVIÇO DE PSIQUIATRIA HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE (HCPA) DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA UNIVERSIDADE

Leia mais

Entrevista motivacional no cuidado da saúde 17 PARTE I. Mudança de comportamento e entrevista motivacional

Entrevista motivacional no cuidado da saúde 17 PARTE I. Mudança de comportamento e entrevista motivacional Entrevista motivacional no cuidado da saúde 17 PARTE I Mudança de comportamento e entrevista motivacional 1 A entrevista motivacional Princípios e evidências Durante o século XX, houve avanços notáveis

Leia mais

A Formulação Cognitivo-Comportamental dos Sentimentos de Insegurança Denise Amorim Rodrigues e Edson Vizzoni - E-mail: npcc@npcc.com.

A Formulação Cognitivo-Comportamental dos Sentimentos de Insegurança Denise Amorim Rodrigues e Edson Vizzoni - E-mail: npcc@npcc.com. A Formulação Cognitivo-Comportamental dos Sentimentos de Insegurança Denise Amorim Rodrigues e Edson Vizzoni - E-mail: npcc@npcc.com.br Inúmeras são as razões pelas quais uma pessoa busca psicoterapia.

Leia mais

TERAPIA COGNITIVA COMPORTAMENTAL NO TRATAMENTO DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA

TERAPIA COGNITIVA COMPORTAMENTAL NO TRATAMENTO DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA TERAPIA COGNITIVA COMPORTAMENTAL NO TRATAMENTO DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA Lizandra Farias¹ Camila Schmitz¹ Vanessa Manfre¹ Viviane Alberton¹ Orientador (a): Cláudia Galvão Mazzoni² RESUMO A Terapia Cognitiva

Leia mais

Casa de Apoio Médico e Psicológico

Casa de Apoio Médico e Psicológico ÍNDICE INTRODUÇÃO 02 I CONCEITO 03 II FASES DE PROGRESSÃO DA DEPENDÊNCIA 04 QUÍMICA III TRATAMENTO 05 IV PROCESSO DE RECUPERAÇÃO 06 V RECAÍDA 08 VI CO-DEPENDÊNCIA 11 1 A Dependência Química (DQ) é uma

Leia mais

1. INTRODUÇÃO. 2. Preparação para sua discussão com seu médico

1. INTRODUÇÃO. 2. Preparação para sua discussão com seu médico 1. INTRODUÇÃO Artrite reumatoide (AR) é uma doença inflamatória crônica que pode afetar diferentes áreas da vida.1 Como parte do controle de longo prazo da AR, seu médico* irá ajudá-lo a controlar melhor

Leia mais

Depressão em mulheres

Depressão em mulheres Depressão em mulheres Por que a depressão é maior em mulheres? O que é depressão? A depressão é um distúrbio de alteração do humor sério e por vezes incapacitante. Causa sentimentos de tristeza, desespero,

Leia mais

ESCOLA DE PAIS.nee. Programa Escola de Pais.nee Formadora: Celmira Macedo

ESCOLA DE PAIS.nee. Programa Escola de Pais.nee Formadora: Celmira Macedo 1 PROGRAMA DA ESCOLA DE PAIS I. Introdução A escola de pais apresenta-se com um espaço de formação para famílias (preferencialmente famílias de crianças com necessidades especiais), estando igualmente

Leia mais

PROTOCOLO DE TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DE GRUPO PARA FOBIA SOCIAL CIRCUNSCRITA

PROTOCOLO DE TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DE GRUPO PARA FOBIA SOCIAL CIRCUNSCRITA PROTOCOLO DE TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DE GRUPO PARA FOBIA SOCIAL CIRCUNSCRITA (2007) Gustavo J. Fonseca D El Rey Coordenador do Programa de Fobia Social do Centro de Pesquisas e Tratamento de Transtornos

Leia mais

PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA

PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA PROPOSTA DE SERVIÇOS EM PSICOLOGIA CLÍNICA A importância do bem-estar psicológico dos funcionários é uma descoberta recente do meio corporativo. Com este benefício dentro da empresa, o colaborador pode

Leia mais

O DESENVOLVIMENTO INTERPESSOAL

O DESENVOLVIMENTO INTERPESSOAL O DESENVOLVIMENTO INTERPESSOAL A Motivação : a força geradora do comportamento Quando nos interrogamos sobre a razão pela qual o indivíduo age de determinada maneira, estamonos a interrogar pelos motivos,

Leia mais

Doenças Graves Doenças Terminais

Doenças Graves Doenças Terminais MINISTÉRIO DA SAÚDE Comissão Nacional de Ética em Pesquisa - CONEP Universidade Federal de Minas Gerais Doenças Graves Doenças Terminais José Antonio Ferreira Membro da CONEP/ MS Depto de Microbiologia

Leia mais

Manejo do TDAH na escola Esta vivência de fracasso pode ser um forte desencadeante para transtornos de comportamento, de humor e de ansiedade que associam-sese como comorbidades nos indivíduos com TDAH.

Leia mais

CIRCULAR INFORMATIVO PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2013 / 2014

CIRCULAR INFORMATIVO PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2013 / 2014 CIRCULAR INFORMATIVO PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2013 / 2014 No seguimento do sucesso alcançado com os anteriores projetos de formação, o SERAM em parceria com a COMPETIR voltaram a apresentar candidatura para

Leia mais

O que posso fazer com a insónia?

O que posso fazer com a insónia? Psicóloga: Chou Im Keng A noite é longa e as horas não passam, reviro-me na cama, não consigo dormir e espero pelo nascer do sol creio que quem já teve insónia com certeza já teve esse tipo de experiência

Leia mais

ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL

ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL COMUNICAÇÃO E IMAGEM COMO FACTORES COMPETITIVOS A sua empresa tem problemas ao nível da comunicação interna? Promover a Comunicação assertiva no relacionamento

Leia mais

GUARDA NACIONAL REPUBLICANA COMANDO DA ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS INTERNOS DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE PSICOLOGIA E INTERVENÇÃO SOCIAL

GUARDA NACIONAL REPUBLICANA COMANDO DA ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS INTERNOS DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE PSICOLOGIA E INTERVENÇÃO SOCIAL GUARDA NACIONAL REPUBLICANA COMANDO DA ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS INTERNOS DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE PSICOLOGIA E INTERVENÇÃO SOCIAL JUNHO 2013 ÍNDICE ÂMBITO... 3 INTRODUÇÃO... 4 COMO SE MANIFESTA

Leia mais

Terapia Comportamental de Casais

Terapia Comportamental de Casais CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA GERAL E ANÁLISE DO COMPORTAMENTO PSICOLOGIA CLÍNICA NA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO Terapia Comportamental de Casais Ana Paula M. Carvalho Cinthia Cavalcante

Leia mais

TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DOS TRANSTORNOS ALIMENTARES: ANOREXIA NERVOSA E BULIMIA NERVOSA.

TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DOS TRANSTORNOS ALIMENTARES: ANOREXIA NERVOSA E BULIMIA NERVOSA. TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL DOS TRANSTORNOS ALIMENTARES: ANOREXIA NERVOSA E BULIMIA NERVOSA. Daniela Dornsbach Koszeniewski¹ Flávia Souza de Freitas¹ Rosieli Ribarski Bortolotti¹ RESUMO Este artigo

Leia mais

Data: Tradução e adaptação brasileira, 2001, Casa do Psicólogo Livraria e Editora Ltda. BHS é um logotipo da Psychological Corporation.

Data: Tradução e adaptação brasileira, 2001, Casa do Psicólogo Livraria e Editora Ltda. BHS é um logotipo da Psychological Corporation. Nome: stado ivil: Idade: Sexo: Ocupação: _ scolaridade: ste questionário consiste em 20 afirmações. Por favor, leia as afirmações cuidadosamente, uma por uma. Se a afirmação descreve a sua atitude na última

Leia mais

CASO CLINICO. Sexo: Masculino - Peso : 90 KIlos Altura: 1,90m

CASO CLINICO. Sexo: Masculino - Peso : 90 KIlos Altura: 1,90m CASO CLINICO Cliente : A. G - 21 anos - Empresa familiar - Sexo: Masculino - Peso : 90 KIlos Altura: 1,90m Motivo da avaliação: Baixa auto estima, dificuldade em dormir, acorda várias vezes a noite. Relatou

Leia mais