Trabalho do livro: Fala Sério, Pai! Beatriz Pugliese Netto Lamas- nº2 Giovanna Araujo Ragano- nº12 Lívia Soares Alves- nº17

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Trabalho do livro: Fala Sério, Pai! Beatriz Pugliese Netto Lamas- nº2 Giovanna Araujo Ragano- nº12 Lívia Soares Alves- nº17"

Transcrição

1 Trabalho do livro: Fala Sério, Pai! Beatriz Pugliese Netto Lamas- nº2 Giovanna Araujo Ragano- nº12 Lívia Soares Alves- nº17

2 Introdução No livro Fala Sério, Pai!, os personagens principais são: Maria de Lourdes (Malu), Armando (pai da Malu), Ângela Cristina (mãe da Malu), Malena (irmã da Malu) e Mário Marcio (irmão da Malu). Armando é jornalista, apaixonado por futebol, e não deixa de assistir aos jogos na TV aos domingos. Também não dispensa ir toda semana jogar pelada com os amigos. Ele é apaixonado pelo seu time de futebol, que é o Fluminense.

3 Na Barriga Quando a mãe tentava falar para o marido que estava grávida, ele não conseguia descobrir, pois achava que a mulher tinha simplesmente cortado o cabelo. E quando descobriu, ficou surpreso e adorou a notícia. Quando Maria de Lourdes tinha acabado de nascer, Armando decidiu jogar a pelada com os amigos, só que escondido para sua mulher não descobrir.

4 DAS FRALDAS AO PRIMEIRO AMOR Quando Maria de Lourdes ainda tinha dois meses, seu pai inventava várias desculpas para tentar fugir de qualquer forma de trocar a fralda. Aos seus dois anos, Maria de Lourdes não queria saber do pai, para tudo queria sua mãe. Completando seus três anos de idade, Maria de Lourdes chegou em casa com muitas dúvidas, porque não sabia se tinha ou não batido em um amigo. Armando quase explodiu de nervoso quando sua filha disse que não gostava do Fluminense e queria ser Botafogo.

5 Aos seus quatro anos, Maria de Lourdes queria fazer judô, e fez. O pai queria que sua filha batesse igual homem, mas a mãe não queria. Os pais começaram a discutir sobre palavrões, e a Maria de Lourdes ficou confusa. Maria de Lourdes estava na fase de fazer muitas perguntas, chegando a encher o saco do pai. No aniversário de cinco anos da Maria de Lourdes, o pai dela resolveu dar de presente uma peteca. Na hora ela não gostou e pediu uma boneca, mas depois nem queria mais saber da boneca, queria somente brincar com o pai e o irmão de peteca.

6 Maria de Lourdes disse um dia para seus pais, que não queria que seu nome fosse Maria de Lourdes, queria que fosse Maria da Praia, porque gostava muito de ir à praia. Seu pai falou que ela não podia trocar de nome, mas podia criar um apelido diferente. Então ela pediu para que todos a chamassem de Malu. Em um dia ensolarado do Rio de Janeiro, Malu foi à praia com o pai, acontecendo alguns acidentes. O primeiro foi quando Malu deixou a água do mar cair em seu olho. E o segundo foi quando ela pisou num caco de vidro e cortou o pé; acontecendo um escândalo, pois a Malu chorou muito, e as pessoas começaram a querer colocar coisas como café, açúcar e cachaça no pequeno machucado.

7 Armando teve que ir à escola de sua filha fazer um trabalho cujo objetivo era fazer uma casa dos sonhos em miniatura. A mãe de Malu não gostou do resultado, porque a casa tinha ficado um desastre. Mas os amigos da Malu adoraram, porque parecia uma casa de terror. Malu chega e conta uma coisa para sua mãe; ela esta apaixona pelo Guilherme Almeida. Seu pai surta com isso. Mas ela revela que somente ela está namorando com ele, pois Guilherme Almeida não sabe que está namorando com Malu.

8 DOS PORQUÊS AO VOO SOLO Malu faz diversas perguntas para o pai, mais essas perguntas são difíceis para ela entender; então no final das contas Malu acha que seu pai é burro. Ângela Cristina disse para Armando para pintar as unhas de Malu, o motivo era para impressionar Antônio o garoto da escola, a unha ficou horrível e a mãe falou para Malu que meninos são bobos. Armando e Malu foram até a praia, Malu disse que queria ir até o fundo do mar, e eles foram. Até que Armando não conseguiu voltar e os dois foram salvos por um salvavidas.

9 Malu tem um namorado quando vai apresentar o namorado ao pai, ele fica falando de futebol, o garoto falou que torcia para o Botafogo, o pai de Malu ficou muito bravo, pois ele era Fluminense. Malu sai da casa dos pais e vai morar em um apartamento, sozinha, vai comprar móveis com o pai, eles se perdem na estrada e o pai fica emocionado porque Malu não é mais um bebê.

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo.

É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. 1. É importante saber por que certas coisas são o que são. Quer dizer, saber por que acontecem de um jeito e não de outro. O arco-íris, por exemplo. O arco-íris pode parecer muito estranho se você não

Leia mais

Samuel jogou suas coisas em seu quarto e saiu correndo em direção. eram noticias ruins em relação a Sara, a voz da doutora dizia isso.

Samuel jogou suas coisas em seu quarto e saiu correndo em direção. eram noticias ruins em relação a Sara, a voz da doutora dizia isso. Bruno D. Vieira 8 Samuel jogou suas coisas em seu quarto e saiu correndo em direção ao consultório da psicóloga, a única coisa que passava em sua mente eram noticias ruins em relação a Sara, a voz da doutora

Leia mais

Centro de Ensino Médio 02 do Gama Professor: Cirenio Soares

Centro de Ensino Médio 02 do Gama Professor: Cirenio Soares Centro de Ensino Médio 02 do Gama Professor: Cirenio Soares TIPOS DE DISCURSO DISCURSO DIRETO = REPRODUÇÃO O próprio personagem fala. Paulo disse a ele: _ Venha cá. DISCURSO INDIRETO = TRADUÇÃO O autor

Leia mais

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje.

Na escola estão Pedro e Thiago conversando. THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. MENININHA Na escola estão Pedro e Thiago conversando. PEDRO: Cara você viu o jogo ontem? THIAGO: Não, tive que dormi mais cedo por que eu tenho prova de matemática hoje. PEDRO: Bah tu perdeu um baita jogo.

Leia mais

Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. A Coruja e a Raposa

Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. A Coruja e a Raposa Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª A Coruja e a Raposa Era uma vez uma coruja que tinha sua bela casa na montanha. A raposa tinha uma casa pequena e feia. Um dia, a coruja convidou a raposa para almoçar em sua

Leia mais

Auto-disciplina, Privação, Compromisso, Responsabilidade.

Auto-disciplina, Privação, Compromisso, Responsabilidade. Valores: Competências -chave: Auto-disciplina, Privação, Compromisso, Responsabilidade. Ser capaz de gerir a frustração; Resistir à tentação e esperar pela recompensa; Reduzir riscos praticando o auto-controlo;

Leia mais

AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt-

AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt- AS AVENTURAS DE MIGUEL - Bernardo S. Schmitt- Era uma vez um menino chamado Miguel. Num dia sua mãe falou: - Olha, filho, hoje você vai para escola de ônibus. E o Miguel falou: - Mas eu não sou pequeno?

Leia mais

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada.

A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. Era Uma Vez A Rata Era uma vez uma rata que estava sozinha na toquinha. Ela morava com sua mãe e seu padrasto no castelo do rei, ela não tinha medo de nada. A ratinha tinha uma felpa de ferro e pensava

Leia mais

Àhistória de uma garota

Àhistória de uma garota Àhistória de uma garota Gabriele é uma menina cheio de sonhos ela morava com sua mãe Maria seu pai Miguel Gabriele sofre muito ela tem apena 13 anos e já sofre Deus de quando ela era pequena a história

Leia mais

http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. Leonardo Barroso http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof.

http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. Leonardo Barroso http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. PROVA DE RACIOCÍNIO LÓGICO-QUANTITATIVO ANEEL - Técnico Administrativo Aplicada em 07//2004pela ESAF 3- Surfo ou estudo. Fumo ou não surfo. Velejo ou não estudo. Ora, não velejo. Assim, a) estudo e fumo.

Leia mais

O MAR ME CONTOU. Gonzaga Filho 1

O MAR ME CONTOU. Gonzaga Filho 1 Gonzaga Filho 1 Gonzaga Filho 2 Gonzaga Filho O MAR ME CONTOU Primeira Edição São Paulo 2015 Gonzaga Filho 3 Gonzaga Filho 4 Gonzaga Filho 5 Gonzaga Filho 6 NOTA DO AUTOR Este livro foi escrito com base

Leia mais

O PREÇO DO ALVORECER

O PREÇO DO ALVORECER O PREÇO DO ALVORECER Um amor inesquecível Sabe essas manhãs, quando você não tem nada para fazer e resolver sair sem rumo? Então, uma manhã dessas resolvi sair e fui até uma praça próximo da minha casa,

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO t Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software ESTADO DE GOIÁS MUNICÍPIO DE PLANALTINA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ESCOLA MUNICIPAL JARDIM PAQUETÁ CÓDIGO DA ESCOLA (INEP) 52073297 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Produção de texto. Observe a imagem e produza um texto narrativo, com no mínimo 10 linhas, a partir do título proposto

Produção de texto. Observe a imagem e produza um texto narrativo, com no mínimo 10 linhas, a partir do título proposto E. E. Ernesto Solon Borges Disciplina: Língua Portuguesa Profª. Regente: Vania Progetec: Cristina Ano: 8º Ano A Alunos: Dayane Sales e Emily Cristina Data: 12/11/2014 Produção de texto Se eu tivesse um

Leia mais

TODO AMOR TEM SEGREDOS

TODO AMOR TEM SEGREDOS TODO AMOR TEM SEGREDOS VITÓRIA MORAES TODO AMOR TEM SEGREDOS TODO AMOR TEM SEGREDOS 11 19 55 29 65 41 77 87 121 99 135 111 145 É NÓIS! 155 11 12 1 2 10 3 9 4 8 7 6 5 TODO AMOR TEM SEGREDOS. Alguns a

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA REDAÇÃO POEMA (7º ANO) Professora Jana Soggia

LÍNGUA PORTUGUESA REDAÇÃO POEMA (7º ANO) Professora Jana Soggia LÍNGUA PORTUGUESA REDAÇÃO POEMA (7º ANO) Professora Jana Soggia Características do Gênero Textual Texto construído por versos (cada linha do poema) O conjunto de versos forma a estrofe Explora a sonoridade

Leia mais

DESABITUAÇÃO. MULHER 1 Foi agora? MULHER 2 Foi. MULHER 1 Você viu? MULHER 2 Não, eu não vi nada. Não sei de nada.

DESABITUAÇÃO. MULHER 1 Foi agora? MULHER 2 Foi. MULHER 1 Você viu? MULHER 2 Não, eu não vi nada. Não sei de nada. DESABITUAÇÃO (Duas mulheres e um homem estão em volta de algo que não podemos ver. Os três olham para a presença ausente, um mesmo ponto fixo no chão. Durante a cena, todos agem com uma naturalidade banal,

Leia mais

Meu Guia. Pamella Padilha

Meu Guia. Pamella Padilha Meu Guia Pamella Padilha Meu Guia Sentir se confiante (postura na coluna) para falar, pensar, agir, olhar. Posso olhar e falar com qualquer pessoa, desde o mendigo até a pessoa mais linda do mundo, ter

Leia mais

BALANÇO DA OCUPAÇÃO DO TEMPO DURANTE A SEMANA DE PREENCHIMENTO DA GRELHA - 1º ANO

BALANÇO DA OCUPAÇÃO DO TEMPO DURANTE A SEMANA DE PREENCHIMENTO DA GRELHA - 1º ANO BALANÇO DA OCUPAÇÃO DO TEMPO DURANTE A SEMANA DE PREENCHIMENTO DA GRELHA - 1º ANO PROFESSORA Bom dia meninos, estão bons? TODOS Sim. PROFESSORA Então a primeira pergunta que eu vou fazer é se vocês gostam

Leia mais

REQUERIMENTO N o, de 2011

REQUERIMENTO N o, de 2011 REQUERIMENTO N o, de 2011 Requeiro, nos termos do artigo 222 do Regimento Interno do Senado Federal, inserção em ata de voto de congratulações pelo aniversário de 70 anos do excepcional cantor Roberto

Leia mais

MÃE, QUANDO EU CRESCER...

MÃE, QUANDO EU CRESCER... MÃE, QUANDO EU CRESCER... Dedico este livro a todas as pessoas que admiram e valorizam a delicadeza das crianças! Me chamo Carol, mas prefiro que me chamem de Cacau, além de ser um apelido que acho carinhoso,

Leia mais

Suelen e Sua História

Suelen e Sua História Suelen e Sua História Nasci em Mogi da Cruzes, no maternidade Santa Casa de Misericórdia no dia 23 de outubro de 1992 às 18 horas. Quando eu tinha 3 anos de idade fui adotada pela tia da minha irmã, foi

Leia mais

Um belo dia de sol, Jessi caminhava feliz para sua escola.

Um belo dia de sol, Jessi caminhava feliz para sua escola. Jessy Um belo dia de sol, Jessi caminhava feliz para sua escola. Jessi era uma garota linda, tinha a pele escura como o chocolate, seus olhos eram pretos e brilhantes que pareciam duas lindas amoras, seu

Leia mais

Friburguense é uma das primeiras mulheres piloto da Força Aérea Brasileira

Friburguense é uma das primeiras mulheres piloto da Força Aérea Brasileira Friburguense é uma das primeiras mulheres piloto da Força Aérea Brasileira Há 13 anos no comando do helicóptero H-36, Débora hoje é capitã do Esquadrão Puma Por Dayane Emrich Missões de busca, salvamento,

Leia mais

E- Queria começar por te perguntar quanto tu soubeste que ias para o teatro como é que foi a tua reação, ficaste entusiasmado, não ficaste E4- Fiquei

E- Queria começar por te perguntar quanto tu soubeste que ias para o teatro como é que foi a tua reação, ficaste entusiasmado, não ficaste E4- Fiquei E- Queria começar por te perguntar quanto tu soubeste que ias para o teatro como é que foi a tua reação, ficaste entusiasmado, não ficaste E4- Fiquei entusiasmado. E- E porque é que gostavas de já tinhas

Leia mais

Aula 36.1 Conteúdos: Período simples e composto; Coordenação LÍNGUA PORTUGUESA FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 36.1 Conteúdos: Período simples e composto; Coordenação LÍNGUA PORTUGUESA FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 36.1 Conteúdos: Período simples e composto; Coordenação 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Habilidades: Reconhecer

Leia mais

Garoto extraordinário

Garoto extraordinário Garoto extraordinário (adequada para crianças de 6 a 8 anos) Texto: Lucas 2:40-52 Princípio: ser como Jesus Você vai precisar de um fantoche de cara engraçada, um adulto para manipular o fantoche atrás

Leia mais

AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A

AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A AUTORES E ILUSTRADORES: FRANCISCO PAGENOTTO LOPES HELENA CHRISTINA ESTER HIDALGO PELICANO 1º - ANO A APRESENTAÇÃO AO LONGO DESTE SEMESTRE AS CRIANÇAS DO 1º ANO REALIZARAM EM DUPLA UM TRABALHO DE PRODUÇÃO

Leia mais

2. A Frase. Ex: Apareceram 10 marceneiros, 20 carpinteiros e 40 envernizadores.

2. A Frase. Ex: Apareceram 10 marceneiros, 20 carpinteiros e 40 envernizadores. 2. A Frase A frase é um conjunto de palavras ordenadas que transmite uma ideia com sentido, começa com letra maiúscula e termina num sinal de pontuação. Os sinais de pontuação auxiliam a leitura e esclarecem

Leia mais

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes.

Pindura pra mim. A maior ninhada registrada até hoje, ocorreu em 1944. Foxhound teve 24 filhotes. Pindura pra mim A Cliente vem trazer o cachorro pra banho, me diz que trocou de carro com o marido e que a carteira dela ficou no outro carro. Pergunta se poderia passar aqui outro dia para pagar e até

Leia mais

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela

1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela anoitecer 1.começo Eu Isabel franca moro com minha mãe chamada Helen,moramos numa cidade chamada nova lux gosto muito de morar com minha mãe mas o marido dela chamado pio,bom o cara e legal mas tem um

Leia mais

TÁSSIA SANTOS E DANIELLE DIAS. Férias Inesquecíveis. Editora BPA Biblioteca Popular de Afogados

TÁSSIA SANTOS E DANIELLE DIAS. Férias Inesquecíveis. Editora BPA Biblioteca Popular de Afogados TÁSSIA SANTOS E DANIELLE DIAS Férias Inesquecíveis Editora BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Ilustrações Tassia Santos e Danielle Dias Férias Inesquecíveis RECIFE PE NOV/2006 Coordenação

Leia mais

Eduardo e Mônica. Aluno(a): Nº. Disciplina: Língua Portuguesa Data da prova: 31/10/2014. P2-4º BIMESTRE

Eduardo e Mônica. Aluno(a): Nº. Disciplina: Língua Portuguesa Data da prova: 31/10/2014. P2-4º BIMESTRE Lista de Exercícios Aluno(a): Nº. Professor: Daniel Série: 7º ano Disciplina: Língua Portuguesa Data da prova: 31/10/2014. P2-4º BIMESTRE Para um relacionamento amoroso dar certo, será que as pessoas precisam

Leia mais

João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova. A Pequena Diferença

João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova. A Pequena Diferença João Pedro Pinto Moreira 4º Ano EB1 Azenha Nova A Pequena Diferença Era uma vez um menino chamado Afonso que nasceu no primeiro dia do ano de 2000. Era uma criança muito desejada por toda a família, era

Leia mais

o casamento do fazendeiro

o casamento do fazendeiro o casamento do fazendeiro ERA uma fez um fazendeiro que ele sempre dia mania de ir na cidade compra coisas mais ele tinha mania de ir sempre de manha cedo um dia ele acordou se arrumou e foi pra cidade,

Leia mais

A solução do Futuro. Laryssa Pedroso. Editora Melhorando

A solução do Futuro. Laryssa Pedroso. Editora Melhorando A solução do Futuro Laryssa Pedroso Editora Melhorando Este livro é destinado a faixa etária de 7 e 8 anos. Você topa entrar nessa aventura respondendo e podendo solucionar tudo que está acontecendo com

Leia mais

O poder profilático e recuperador das linguagens criativas nas histórias para a infância

O poder profilático e recuperador das linguagens criativas nas histórias para a infância O poder profilático e recuperador das linguagens criativas nas histórias para a infância CRISTINA NOBRE INCLUDIT, 5 E 6 julho 2013 [ ] Nos livros busco só o dar-me prazer através de uma decente distracção

Leia mais

O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28

O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28 O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus tinha um plano para Moisés. Ensinar a cada aluno que Deus tem um plano para sua vida e ele pode confiar em Deus para guia-lo. 2. Lição Bíblica:

Leia mais

Começa a cena com um homem de cabelos grisalhos, terno, em uma sala de escritório vendo a foto de dois jovens juntos, foto que pareçam de namorados,

Começa a cena com um homem de cabelos grisalhos, terno, em uma sala de escritório vendo a foto de dois jovens juntos, foto que pareçam de namorados, Começa a cena com um homem de cabelos grisalhos, terno, em uma sala de escritório vendo a foto de dois jovens juntos, foto que pareçam de namorados, a cena vai da foto até os olhos do homem se fechando

Leia mais

O Meio Ambiente. Esses elementos formam a natureza e tudo que nela existe.

O Meio Ambiente. Esses elementos formam a natureza e tudo que nela existe. O Meio Ambiente Introdução Apresentadora: Sabemos que o meio ambiente é formado por quatro elementos fundamentais à vida, e que estes elementos estão interligados entre si e ao próprio homem. Esses elementos

Leia mais

CLARISSE ALEIXO BARBOSA DE SANTANA DA SILVA. A Menina Sonhadora. Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE

CLARISSE ALEIXO BARBOSA DE SANTANA DA SILVA. A Menina Sonhadora. Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE CLARISSE ALEIXO BARBOSA DE SANTANA DA SILVA A Menina Sonhadora Biblioteca Popular de Afogados BPA Recife - PE Texto e pesquisa de imagens Clarisse Aleixo Barbosa de Santana Silva A Menina Sonhadora Julho

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO Matemática

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO  Matemática Desafio de Matemática 3 ano EF 2D 2014 1/ 6 CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br 2 o DESAFIO CENM - 2014 Matemática Direção: Ano: 3 Ef 1. Em uma sala de aula, a professora realizou uma pesquisa

Leia mais

Iracema ia fazer aniversário. Não

Iracema ia fazer aniversário. Não Estórias de Iracema Maria Helena Magalhães Ilustrações de Veridiana Magalhães Iracema ia fazer aniversário. Não sabia muito bem se ela podia convidar a turma do Hospital por motivos fáceis de explicar,

Leia mais

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno:

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno: AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO Escola: Professora: Aluno: Faça as questões abaixo com atenção e com calma. É uma avaliação que vai mostrar o que você já sabe e o que precisa aprender. Questão

Leia mais

Uma Aflição Imperial.

Uma Aflição Imperial. Uma Aflição Imperial. Amanda Silva C. Prefácio Uma aflição Imperial conta a história de uma garota chamada Anna que é diagnosticada com tipo raro de câncer leucemia sua mãe é paisagista e tem apenas um

Leia mais

Português Compreensão de texto 2 o ano Unidade 9

Português Compreensão de texto 2 o ano Unidade 9 Português Compreensão de texto 2 o ano Unidade 9 Unidade 9 Compreensão de texto Nome: Data: Leia o conto de fadas a seguir para responder às questões de 1 a 15. Rapunzel Era uma vez um lenhador e sua mulher.

Leia mais

Tânia Abrão. Deixo meus olhos Falar

Tânia Abrão. Deixo meus olhos Falar Tânia Abrão Deixo meus olhos Falar 1 Biografia Tânia Abrão Mendes da Silva Email: Tania_morenagata@hotmail.com Filha de Benedito Abrão e Ivanir Abrão Nasceu em 09/08/1984 Natural da Cidade de Lapa Paraná

Leia mais

Pesquisa. Setembro 2014

Pesquisa. Setembro 2014 Pesquisa Setembro 2014 Perfil Quem é o nosso time? 66% está conosco há mais de 1 ano 69% são casadas 68% tem Filhos, 42% desses adolescentes Média de Idade 32 anos (20 a 56) 93% são mulheres 61% cursando

Leia mais

O EMPREGADO QUE NÀO QUIS PERDOAR Lição Objetivos: Ensinar que precisamos perdoar aos outros que pecam contra nós.

O EMPREGADO QUE NÀO QUIS PERDOAR Lição Objetivos: Ensinar que precisamos perdoar aos outros que pecam contra nós. O EMPREGADO QUE NÀO QUIS PERDOAR Lição 32 1 1. Objetivos: Ensinar que precisamos perdoar aos outros que pecam contra nós. 2. Lição Bíblica: Mateus 18.21-35 (Leitura bíblica para o professor e base bíblica

Leia mais

Um ato de amor sonhador ao mundo

Um ato de amor sonhador ao mundo Um ato de amor sonhador ao mundo Este livro esta aberto para qualquer idade, pois relata uma historia de amor com a nossa sociedade, uma garotinha de 09 anos de idade busca fazer a diferença sempre dando

Leia mais

g4 tarde THAIS ANI luciana AILDA

g4 tarde THAIS ANI luciana AILDA g4 tarde THAIS ANI luciana AILDA ERA UMA VEZ UMA MÃE E TRÊS FILHAS. A MÃE SABIA QUE ELA IA MORRER LOGO, DAÍ ELA CHAMOU AS TRÊS FILHAS E DISSE: FILHAS, QUANDO EU MORRER, PROCUREM OS SEUS TIOS E PEÇAM AJUDA

Leia mais

Aventuras de uma gota d água

Aventuras de uma gota d água SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: 09 / 05 / 205 UNIDADE: I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 3.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A):

Leia mais

A novela chegou ao fim. O atacante Robinho foi apresentado pelo Santos no início da

A novela chegou ao fim. O atacante Robinho foi apresentado pelo Santos no início da Volta para a casa: Robinho é apresentado e já quer jogar clássico Presidente entrega a camisa 7 ao ídolo do Santos, que já se coloca à disposição de Oswaldo de Oliveira para o duelo com o Corinthians,

Leia mais

3 Ponho em jogo MINHA LIBERDADE. Desejo de humanidade. Na construção do amor. Soprou em seu nariz o alento de vida. Gên. 2,7

3 Ponho em jogo MINHA LIBERDADE. Desejo de humanidade. Na construção do amor. Soprou em seu nariz o alento de vida. Gên. 2,7 Soprou em seu nariz o alento de vida. Gên. 2,7 Soprou em seu nariz O alento de vida. Gên. 2, 7 Uma tarde ao voltar da catequese, um menino de 7 anos perguntou a sua mãe: - Mamãe, porque Deus nos fez livres?

Leia mais

Das rosas vem o amor E da flor a poesia, O homem que já amou Torna-se poeta durante o dia.

Das rosas vem o amor E da flor a poesia, O homem que já amou Torna-se poeta durante o dia. 1 Das rosas vem o amor E da flor a poesia, O homem que já amou Torna-se poeta durante o dia. 2 ... Os olhos do poeta é o coração... 3 Introdução:... O amor é como uma música lenta que tu pões para escutar

Leia mais

Agrupamento de Escolas Ribeiro de Carvalho. EB1 nº 1 do Cacém. Observa atentamente a capa do livro e responde às seguintes questões:

Agrupamento de Escolas Ribeiro de Carvalho. EB1 nº 1 do Cacém. Observa atentamente a capa do livro e responde às seguintes questões: ANEXOS ANEXO I ii Agrupamento de Escolas Ribeiro de Carvalho EB1 nº 1 do Cacém Nome: Data: / / ANEXO II Observa atentamente a capa do livro e responde às seguintes questões: 1. O que te sugere o título

Leia mais

Os fariseus ouviram falar que Jesus estava fazendo e batizando mais discípulos do que João, embora não fosse Jesus quem batizasse, mas os seus

Os fariseus ouviram falar que Jesus estava fazendo e batizando mais discípulos do que João, embora não fosse Jesus quem batizasse, mas os seus Os fariseus ouviram falar que Jesus estava fazendo e batizando mais discípulos do que João, embora não fosse Jesus quem batizasse, mas os seus discípulos. Quando o Senhor ficou sabendo disso, saiu da Judéia

Leia mais

Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões.

Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões. Fundamental 1 Sugestão de Avaliação de Português 3 o ano 3 o bimestre Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões. O diário de Serafina

Leia mais

Uma brincadeira de bola chamada Ordem

Uma brincadeira de bola chamada Ordem Lição 2 Uma brincadeira de bola chamada Ordem Ruth Rocha Dá pra fazer de turma ou até sozinho. Bata a bola na parede e jogue de volta, quem deixar a bola cair sai fora. Ordem! Seu lugar! Enquanto bate

Leia mais

Quebra-gelo e perguntas que estimulam o compartilhar Sugestões de Bill Donahue para quebrar o gelo. 1

Quebra-gelo e perguntas que estimulam o compartilhar Sugestões de Bill Donahue para quebrar o gelo. 1 Quebra-gelo e perguntas que estimulam o compartilhar Sugestões de Bill Donahue para quebrar o gelo. 1 - Qual é seu filme preferido? Por quê? - Se o dinheiro não fosse problema, e pudesse escolher um lugar

Leia mais

Leitura e Mediação Pedagógica

Leitura e Mediação Pedagógica Protocolo Colaborador: 23 Leitura e Mediação Pedagógica S. Pesquisador: Helen Danyane Soares Caetano de Souza 04-set-10 Dentro de casa tem Transcrição (1) P: Bom dia S.? (2) C: Bom dia. (3) P: Tudo bem?

Leia mais

Pelada de rua. Rosângela Trajano. conta. Ilustrações da autora

Pelada de rua. Rosângela Trajano. conta. Ilustrações da autora Rosângela Trajano conta Quanto mais escrevo para crianças, mais me sinto uma menina. As minhas histórias são dos meninos que vivem no meu mundo da imaginação. Rosângela Trajano Pelada de rua Ilustrações

Leia mais

O Rapaz e a Guitarra Mágica

O Rapaz e a Guitarra Mágica O Rapaz e a Guitarra Mágica Conto linha-a-linha Autoria: todas as turmas da Escola E.B. 2,3 de Palmeira Data: 21 a 25 de Março de 2011 Local de realização: Biblioteca Escolar Era uma vez um menino chamado

Leia mais

Onde está o peso extra? Série Problemas e Soluções. Objetivos 1. Estudar uma estratégia que valoriza ao máximo as informações disponíveis.

Onde está o peso extra? Série Problemas e Soluções. Objetivos 1. Estudar uma estratégia que valoriza ao máximo as informações disponíveis. Onde está o peso extra? Série Problemas e Soluções Objetivos 1. Estudar uma estratégia que valoriza ao máximo as informações disponíveis. Onde está o peso extra? Série Problemas e soluções Conteúdos Lógica,

Leia mais

CLASSES GRAMATICAIS Parte 1

CLASSES GRAMATICAIS Parte 1 CLASSES GRAMATICAIS Parte 1 Professora Idilvânia 1 Existem 10 Classes Gramaticais Artigo Substantivo Adjetivo Advérbio Preposição Pronomes Verbo Conjunção Numeral Interjeição 2 ARTIGO Qualifica ou determina

Leia mais

Bíblia para crianças apresenta. www.m1914.org

Bíblia para crianças apresenta. www.m1914.org Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI SALOMÃO Escrito por: Edward Hughes Ilustrado por: Lazarus O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem de Hoje 1998 - Sociedade

Leia mais

Confira a seguir o excelente trabalho dessa turma!

Confira a seguir o excelente trabalho dessa turma! Durante as aulas no Laboratório de Informática, os alunos e alunas do 1º ano A montaram cenários de contos de fadas utilizando o software Oficina de Histórias e elaboraram textos de autoria sobre o tema.

Leia mais

O TERRÍVEL SENHOR SAL E O REINO CORPO HUMANO

O TERRÍVEL SENHOR SAL E O REINO CORPO HUMANO O TERRÍVEL SENHOR SAL E O REINO CORPO HUMANO MOVIMENTO 2020 MOVIMENTO 2020 O TERRÍVEL SENHOR SAL E O REINO CORPO HUMANO Era uma vez um reino mágico chamado Corpo Humano, onde tudo funcionava em sintonia.

Leia mais

TAREFAS NA SALA DE AULA SONO. Índice

TAREFAS NA SALA DE AULA SONO. Índice TAREFAS NA SALA DE AULA SONO Índice TAREFAS NA SALA DE AULA SONO... 1 Tarefa 1... 2 Tarefa 2... 3 Tarefa 3... 4 Tarefa 4... 5 Tarefa 5... 6 Tarefa 6... 7 Tarefa 7... 8 Tarefa 8... 9 Tarefa 1 Como qualquer

Leia mais

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo.

PORTUGUÊS OBJETIVO EMPREGO DA CRASE PROFESSOR: MARCIO COELHO. À = ao / Às = aos. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. 1º CASO À = ao / Às = aos Avaliação teórica 01 Na 1ª frase, coloque ao (s), a (s), o (s) Na 2ª frase, coloque a, as, com ou sem acento. 1. Sou contrário métodos adotados. 11. Dirigi-me Senhor Paulo. Sou

Leia mais

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília:

Um amor inacabado. Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Gabriele Fernanda Cordeiro Barbosa Um amor inacabado Você sente algo por ela sim. Vai falar com ela! Beatriz conversando com Rafael. No mesmo instante, Alison fala para Cecília: Vamos, Ceci, vai lá falar

Leia mais

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!!

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!! Língua Inglesa 2 o ano Unidade 1 No parque com minha família Introdução Onde eles estão brincando? Há uma bicicleta Onde está...? Unidade 2 Uma família Introdução Quantos anos você tem? Ele está feliz

Leia mais

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar...

A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... O pequeno Will A minha vida sempre foi imaginar. Queria ter um irmãozinho para brincar... Então um dia tomei coragem e corri até mamãe e falei: - Mãeee queria tanto um irmãozinho, para brincar comigo!

Leia mais

1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: Pinóquio

1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: Pinóquio 1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: Leia o texto. Pinóquio Certa vez, um velho carpinteiro chamado Gepeto fez um boneco de madeira. Deu-lhe o nome de Pinóquio. De repente o boneco criou vida. Gepeto

Leia mais

''TU DUM, TU DUM, TU DUM'' este era o barulho do coração de uma mulher que estava prestes a ter um filho, o clima estava tenso, Médicos correndo de

''TU DUM, TU DUM, TU DUM'' este era o barulho do coração de uma mulher que estava prestes a ter um filho, o clima estava tenso, Médicos correndo de ''TU DUM, TU DUM, TU DUM'' este era o barulho do coração de uma mulher que estava prestes a ter um filho, o clima estava tenso, Médicos correndo de lá para cá sem descanso, até que um choro é ouvido, sim,

Leia mais

Análise Combinatória. Quantos números de três algarismos distintos existem no sistema decimal?

Análise Combinatória. Quantos números de três algarismos distintos existem no sistema decimal? 1. Questão Análise Combinatória Numa promoção feita por uma conhecida empresa fabricante de refrigerantes, em cada tampinha vinha um prognóstico com relação ao primeiro, segundo e terceiro colocados, respectivamente,

Leia mais

www.teatroevangelico.com.br Evangelismo de Impacto.

www.teatroevangelico.com.br Evangelismo de Impacto. www.teatroevangelico.com.br Evangelismo de Impacto. $$UWH7HDWUDO$6HUYLoR'R0HVWUH Script UMA FÉ PRÁTICA Tomé um dos doze UMA FÉ PRÁTICA Tomé um dos doze PEÇA IDEAL PARA: CULTO JOVEM CULTO DOMINICAL RETIRO

Leia mais

Anexo 2.8- Entrevista G2.3

Anexo 2.8- Entrevista G2.3 Entrevista G2.3 Entrevistado: E2.3 Idade: Sexo: País de origem: Tempo de permanência e 45 anos Masculino Ucrânia 14 anos m Portugal: Escolaridade: Imigrações prévias: Ensino superior Polónia Língua materna:

Leia mais

Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto. Crianças

Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto. Crianças Registo de Opinião Sobre o 1.º Ano de Projecto Crianças Gostei de muito de estar aqui na escola, de brincar com todos, gostei muito, muito do acampamento e das visitas de estudo e para o ano vou ficar

Leia mais

Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho.

Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho. Era uma vez uma menina que se chamava Alice. uma tarde de Verão, depois do almoço, Alice adormeceu e teve um sonho muito estranho. Viu um Coelho Branco, que corria e repetia sem arar: - Vou chegar tarde,

Leia mais

História e Teologia de Missões

História e Teologia de Missões MISSIONÁRIOS DA FÉ Dependentes apenas de Deus O Movimento Missionários da Fé teve seu foco no interior, em lugares não alcançados. Sem sombra de dúvida, motivado pela Missão para o Interior da China. Seus

Leia mais

Como Usar Este Manual? Capítulo 1 Leitura Inicial Capítulo 2 Encarando a Realidade Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança...

Como Usar Este Manual? Capítulo 1 Leitura Inicial Capítulo 2 Encarando a Realidade Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança... SUMÁRIO Como Usar Este Manual?... 13 Capítulo 1 Leitura Inicial... 17 Capítulo 2 Encarando a Realidade... 27 Capítulo 3 Vivendo Sob Uma Aliança... 31 Capítulo 4 Relacionar-Se Bem é um Mandamento... 37

Leia mais

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo

Altos da Serra - Capítulo Altos da Serra. Novela de Fernando de Oliveira. Escrita por Fernando de Oliveira. Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 09 1 Altos da Serra Novela de Fernando de Oliveira Escrita por Fernando de Oliveira Personagens deste Capítulo Altos da Serra - Capítulo 09 2 CENA 01. DELEGACIA INT. / NOITE Sargento

Leia mais

História de uma Baleia

História de uma Baleia SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA UNIDADE: DATA: 03 / / 0 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 3.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês...

Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Engraçadinha... Bem, nós vamos contar algumas histórias pra vocês... Duende, duende, duende, um príncipe diferente! NANA - Oi! Eu sou a Giovanna, a Nana! NINA - E eu sou a Nina! NANA - Ah, fala o teu nome inteiro, né, Marina! NINA - Ué, pra quê? Você acabou de dizer! NANA

Leia mais

O conteúdo deste manual é propriedade da editora e dos autores. O manual não poderá ser revendido, nem cedido a terceiros.

O conteúdo deste manual é propriedade da editora e dos autores. O manual não poderá ser revendido, nem cedido a terceiros. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste manual é propriedade da editora e dos autores. Não é autorizada a reprodução deste manual sem a autorização expressa e por escrito dos autores. O manual não

Leia mais

Classes Gramaticais: Pronomes

Classes Gramaticais: Pronomes Classes Gramaticais: Pronomes Aula ao Vivo Demonstrativos São pronomes utilizados para indicar a posição de alguma coisa (no espaço, no tempo ou no discurso) em relação às pessoas do discurso. Ex.: Este

Leia mais

UMA HISTÓRIA DE AMOR

UMA HISTÓRIA DE AMOR UMA HISTÓRIA DE AMOR Nunca fui de acreditar nessa história de amor "á primeira vista", até conhecer Antonio. Eu era apenas uma menina, que vivia um dia de cada vez sem pretensões de me entregar novamente,

Leia mais

ONDJAKI. A BICICLETA QUe TINHA BIGODES. estórias sem luz elétrica. Livros do Dia e da Noite

ONDJAKI. A BICICLETA QUe TINHA BIGODES. estórias sem luz elétrica. Livros do Dia e da Noite ONDJAKI A BICICLETA QUe TINHA BIGODES estórias sem luz elétrica Livros do Dia e da Noite Na minha rua vive o tio Rui, que é escritor e inventa estórias e poemas que até chegam a outros países muito internacionais.

Leia mais

*PRECCI* Programa de Evangelização e Catequese Católico InfantoJuvenil TiaJane. Roteiro

*PRECCI* Programa de Evangelização e Catequese Católico InfantoJuvenil TiaJane. Roteiro Personagens: J- TIA JANE B- Anjo BENTINHO P- PEDRINHO C- CLARINHA Be- Bebel Roteiro J- É ano novo lalaia, é ano novo lalaia! Vou deixar tudo bonito pra esperar o menino Jesus que vai nascer!!! (cantando

Leia mais

Projeto Reconhecendo a Diversidade Cultural

Projeto Reconhecendo a Diversidade Cultural Projeto Reconhecendo a Diversidade Cultural Apresentamos às crianças do 4º Ano A, o vídeo do livro O Cabelo de Lelê de Valeria Belém. Roda de conversa sobre a historia apresentada e os que existem diversos

Leia mais

Minha família é um presente de Deus

Minha família é um presente de Deus Minha família é um presente de Deus Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da espiritualidade. O sonho de Deus para a família

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ALINE PELLEGRINO II (depoimento) 2014 FICHA TÉCNICA ENTREVISTA CEDIDA PARA PUBLICAÇÃO NO REPOSITÓRIO DIGITAL

Leia mais

Teatro A História da Carochinha

Teatro A História da Carochinha Teatro A História da - O meu nome é, gosto muito de limpar. Arrumo a casa toda, sempre a cantar. Tenho uma vida pacata mas gostava de casar. Vestir um vestido branco e um marido arranjar. Mas preciso de

Leia mais

Da Amizade Pode nascer o Amor

Da Amizade Pode nascer o Amor Da Amizade Pode nascer o Amor Tudo começou quando entrei no Facebook e vi uma mensagem era do meu melhor amigo Vinícius dizendo que precisava muito falar comigo. Eu achei estranho pois fazia um tempo que

Leia mais

era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada.

era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada. O MENINO E O BÚZIO era um menino que procurava e procurava e procurava e sempre achava uma saída ou uma entrada pra outra charada. se cada ida era uma volta para a chegada, cada chegada já emendava noutra

Leia mais

* Nascimento: 03/10/1948

* Nascimento: 03/10/1948 Alcindino José de Oliveira * Nascimento: 03/10/1948 Falecimento: 11/05/2012 Quem nos conta a história de Alcindino José de Oliveira é sua filha Renata de Oliveira. Alcindino nasceu em 3 de outubro de 1948,

Leia mais

O GUERREIRO DA FLORESTA

O GUERREIRO DA FLORESTA FLÁVIO FERNANDO DE SOUZA SIQUEIRA JÚNIOR O GUERREIRO DA FLORESTA EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens FLÁVIO FERNANDO DE SOUZA SIQUEIRA JÚNIOR O GUERREIRO DA FLORESTA

Leia mais

MATEMÁTICA. Prova bimestral. Aluno: nº Turma: 3º ano 1º bimestre. 1. Mariana mora em São Paulo. Nas férias, ela vai de carro com seu pai visitar a avó

MATEMÁTICA. Prova bimestral. Aluno: nº Turma: 3º ano 1º bimestre. 1. Mariana mora em São Paulo. Nas férias, ela vai de carro com seu pai visitar a avó MATEMÁTICA NOTA Profª Prova bimestral Aluno: nº Data: Turma: 3º ano 1º bimestre 1. Mariana mora em São Paulo. Nas férias, ela vai de carro com seu pai visitar a avó Olga que mora no Rio de Janeiro. a)

Leia mais