ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO"

Transcrição

1 ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO LICENCIATURA EM TEATRO Ramo: Dramaturgia Unidade Curricular: Dramaturgia III Ano: 2.º Semestre: 1.º Ano Lectivo: Horas por semana: 12 Créditos ECTS: 21 Professores David Antunes Módulo 1 Maria Sequeira Mendes Módulo 2 David Antunes Módulo 3 David Antunes e Rui Pina Coelho - Integração MÓDULO 1 Dramaturgias Contemporâneas Objectivos - conhecer discursos e métodos das práticas dramatúrgicas contemporâneas; - desenvolver vocabulário de análise das diferentes práticas dramatúrgicas, identificando os seus pressupostos teóricos, estéticos e culturais; - analisar, interrogar e debater teorias relevantes das práticas teatrais contemporâneas; - adquirir os instrumentos intelectuais e conceptuais necessários para estruturar e fundamentar uma opinião/tese/teoria; - conceber, desenvolver e implementar um projecto criativo - saber trabalhar em equipa com eficácia e responsabilidade, tanto como estudante quanto como na vida profissional. Programa DRAMATURGIAS CONTEMPORÂNEAS Esta cadeira tem por objectivo dar a conhecer as principais dramaturgias contemporâneas, tanto de um ponto de vista do criador (práticas dramatúrgicas) quanto do ponto de vista do observador (técnicas de análise dramatúrgica). A diversidade dramatúrgica actual das artes performativas será abordada através de uma perspectiva interdisciplinar, recorrendo a outras artes e práticas culturais, afim de evidenciar as suas funções essenciais. Simultaneamente, procurar-se-á evidenciar a importância dos paradigmas teóricos e estéticos do século XX para o entendimento da produção artística na contemporaneidade, nomeadamente, para poder situar autores e obras nos contextos e linhagens adequadas. 1. Introdução à multiplicidade das práticas dramatúrgicas contemporâneas e das funções do dramaturgista 1.1. Dramaturgia da leitura: Brecht e a revisão dos clássicos (adaptações, versões)

2 1.2. Dramaturgia do Olhar : práticas, métodos e conceitos de construção de espectáculos centrados do processo 1.3. Dramaturgia do espaço e do espectador: construção artística e percepção 2. Técnicas de análise dramatúrgica 2.1. Práticas e funções do crítico e do dramaturgista 2.2. Saber ler textos e espectáculos 3. Discursos estéticos e contextos teóricos 4. Exercícios práticos: conceito de espectáculo, versão cénica, crítica, pesquisa dramatúrgica. Bibliografia (todos as referências assinaladas com um asterisco existem na biblioteca da ESTC) ASTON, Elaine, et. al.,theatre as sign-system : a semiotics of text and performance, Routledge, Londres, 2002.* BARBA, Eugenio, The Nature of Dramaturgy: Describing Actions at Work in NTQ New Theatre Quarterly, nº. 1-1, Fevereiro, 1985, pp BIAL, Henry et. al.(org.), Brecht Sourcebook, Routledge, Londres, 2000.* COUNSEL, Colin e WOLF, Laurie (org.,) Performance Analysis, Routledge, Londres e NY, 2001.* DELAHUNTA, Scott, Dance dramaturgy: speculations and reflections in Dance Theatre Journal, Abril, 2000, pp DE MARINIS, Marco, Dramaturgy of the Spectator, TDR The Drama Review, 31.2, Verão, 1987, pp FISCHER-LICHTE, Erika, Discovering the Spectator: changes to the paradigm of theatre in the twentieth century in The Show and the Gaze of Theatre, University of Iowa Press, Iowa, 1997, pp *, Performance e Cultura Performativa o teatro como modelo cultural, Revista de Comunicação e Linguagem, n.º 24, 1997, pp * FORTIER, Mark, Theory/Theatre an introduction, 2ª ed., Routledge, Londres e Nova Iorque, 2002.* KELLY, Alexander, Ensinando encenando devising, Sinais de Cena, n.º 2, Dez. 2004, pp * LEHMANN, Hans-Thies, Prologue in Postdramatic Theatre, Routledge, Londres e Nova Iorque, 2006, pp *, Apects in Postdramatic Theatre, Routledge, Londres e Nova Iorque, 2006, pp * LYOTARD, Jean-François, A Condição Pós-Moderna, 3ª ed., Gradiva, Lisboa, PAIS, Ana, O DIscurso da Cumplicidade. Dramaturgias Contemporâneas, Colibri, Lisboa, 2004.* PAVIS, Patrice, Dicionário do Teatro, Editora Perspectiva, São Paulo, 1999.*, A Análise dos Espectáculos, Ed. Perspectiva, São Paulo, 2005 [1996].* RAFALOWICZ, Mira, Mira Rafalowicz Dramaturg in Collaboration with Joseph Chaikin, NY, Theatre, 10, n. 1, Outono, 1978, UNSELD, Siegfried (org.), Brech, Bertolt Estudos sobre Teatro, Portugália, Lisboa, s.d., [Suhrkamp Verlag, Frankfurt, 1957]. *

3 Theaterschrift The written space, nº. 2, * Theaterschrift on dramaturgy, nº. 5-6, 1994.* Theaterschrift The Return of the Classics, n.º 11, 1997.* VASQUES, Eugénia, O que é Teatro, Quimera, s. l., 2003.* Actividades Curriculares Trabalhos individuais e de grupo. Exercícios orais e escritos. Actividades extracurriculares Visionamento de espectáculos em cena e/ou em registo vídeo, seguido de discussão. Visita a exposições e outras iniciativas culturais abertas ao público durante o semestre, consideradas pertinentes para os objectivos da cadeira. Método de Avaliação - 1 trabalho/ensaio 25% - 1 crítica de um espectáculo 15% - exercícios e apresentações orais requeridos ao longo do semestre 10% - 1 exercício final (prova escrita presencial) 50% A pertinência das participações em aula, o progresso ao longo do semestre e o profissionalismo votado às tarefas solicitadas (empenhamento) são parâmetros tidos em conta qualitativamente no decurso da avaliação contínua. Todos os trabalhos entregues fora do prazo estipulados terão uma penalização de dois valores. 1 É aconselhável a consulta dos restantes números desta revista.

4 MÓDULO 2 Objectivos Através da leitura de peças de Shakespeare pretende-se que os alunos desenvolvam as suas capacidades de leitura, interpretação e escrita, mas também que sejam capazes de olhar para adaptações contemporâneas dos textos e ponderar sobre a sua dramaturgia. O objectivo é o de que os alunos aprendam a pensar por si próprios a partir dos textos escolhidos e a confrontar as suas opiniões com outras interpretações dos mesmos textos. Para que isto seja possível ser-lhes-á pedido que elaborem 8 curtos ensaios. Programa Neste módulo serão lidas peças de Shakespeare onde é difícil perceber se as personagens se encontram, ou não, a dizer a verdade, sendo-lhes por vezes exigidos testes de fidelidade. Serão objecto de estudo Richard III, Othello, All s Well that Ends Well e As You Like It. Bibliografia SHAKESPEARE, WILLIAM, Richard III, ed. Anthony Hammond. London: Arden Shakespeare, SHAKESPEARE, WILLIAM, Othello, ed. E.A.J. Honigmann. London: Arden Shakespeare, SHAKESPEARE, WILLIAM, As You Like It, ed. Juliet Dusinberre. London: Arden Shakespeare, SHAKESPEARE, WILLIAM, All s Well That Ends Well, ed. G.K. Hunter. London: Arden Shakespeare, Materiais de apoio A sala de aula deve ter um computador, um data-show e um quadro. Actividades curriculares Aulas de exposição e debates orientados. Será pedido aos alunos que escrevam pequenos ensaios nas quais deverão conseguir explicar passagens dos textos. Pede-se igualmente que reflictam sobre adaptações dos textos, ponderando sobre a dramaturgia realizada numa ou mais cenas. Actividades extracurriculares Investigação (a definir no percurso e mediante o processo). Método de Avaliação A avaliação compreende os seguintes critérios: - 8 reflexões escritas. - Assiduidade de participação e qualidade da mesma. - Aquisição de conhecimentos. - Evolução.

5 Existe a possibilidade de avaliação em regime de tutoria (consultar o regulamento do Departamento de Teatro). No caso de as disciplinas serem compostas por módulos diversos, a classificação final é determinada a partir da média ponderada entre as classificações dos módulos. A obtenção dos ECTS implica a obtenção de classificação final positiva. Existe a possibilidade de avaliação em regime de tutoria. Professor(es) Maria Sequeira Mendes Período de atendimento aos alunos Quinta-feira: das às 13.30

6 MÓDULO 3 Textos sobre casas e Jardins Objectivos Perceber a relação entre o entendimento do corpo humano e o espaço. Perceber conceitos fundamentais de estruturação do espaço. Conhecer os problemas fundamentais da arquitectura do século XX. Programa Neste módulo de Dramaturgia III, pretende reflectir-se sobre algumas relações entre o homem e o espaço. Considera-se que essas relações são melhor compreendidas e encontram expressão nas intervenções que o homem exerce no espaço natural e no modo como activamente o espaço é modificado ou no modo como passivamente é recebido. Duas formas evidentes dessas intervenções são o Jardim e a Casa. Quer isto dizer que o espaço, é uma categoria difícil de pensar em abstracto ou como um todo. Serão lidos alguns textos mais conhecidos sobre jardins e casas, em geral, e alguns textos menos conhecidos sobre arquitectos do século XX e conceitos que configuram as suas criações arquitectónicas. De que modo se integra o pensamento desenvolvido no contexto deste módulo, na disciplina de Dramaturgia? Pensar o teatro é pensar um dado texto, no sentido de objecto constituído por sinais, que se apresenta num espaço e é circunscrito por um espaço. Édipo não se pode mover por todo o lado porque tem problemas nos pés. Acontece que, dada a limitação habitual desse espaço, a monotonia é muitas vezes o motor da construção, quer dizer, da arquitectura ou o do architeton que, para os atenienses, era o construtor de casas e o administrador do teatro. Aula 1 O Jardim e a Casa Programa. Lugar: Jardim do Éden. Leitura: Bíblia, Génesis, 2, 4-3,23 Excertos de Paradise Lost (trad. Cotovia) Leituras a realizar: Lorca, Gabriel Garcia, La Casa de Bernarda Alba / A Casa de Bernarda Alba. Jean Genet, Le Balcon / A Varanda.

7 Harold Pinter, O Quarto; O Regresso a Casa Aula 2 Visões da casa Continuação. Lugar: casa A Casa de Bernarda Alba Leituras a realizar: Bachelard, Gaston, The Poetics of Space. Boston: Beacon Press, [Capítulos I, II até à aula seguinte] Bloomer, Kent C.; Moore, Charles W., Body, Memory, and Architecture. New Haven, Connect.; London: Yale UP. [Capítulo I; Leitura integral até ao final do módulo] Ensaio 1 (entrega aula 4). Aula 3 Continuação. Lugar: casa A Casa de Bernarda Alba Aula 4 Partes da casa Lugar: casa - J. Genet, A Varanda Leitura e comentário de excertos de The Poetics of Space Aula 5 Continuação Lugar: casa - J. Genet, A Varanda Leitura e comentário de excertos de The Poetics of Space Ensaio 2 (entrega aula 6). Aulas Lugar: Harold Pinter, O Quarto; O Regresso a Casa

8 Leituras a realizar: Cesário Verde, Sentimento dum Ocidental Walter Bejamin, «O Flâneur» in A Modernidade, Lx: Assírio &Alvim, 2006, Aulas Cidades Lugar: cidade Paris, Lisboa Comentário e leitura de excertos Cesário Verde, Sentimento dum Ocidental Walter Bejamin, «O Flâneur» in A Modernidade, Lx: Assírio &Alvim, 2006, Leitura a realizar: Thoreau, Henry David, Walden; or Life in the Woods. New York: Dover Publications, Inc, [capítulos I e II] Whitman, Walt, Leaves of Grass. Introd. William Carlos Williams. NY: The Modern Library, [Trad. Assírio & Alvim poemas a seleccionar] Ensaio 3 (entrega aula 9) Aulas Continente Lugar: América I & II - a cabana vs. espaço sem fim Leitura e comentário: Thoreau, Henry David, Walden; or Life in the Woods. New York: Dover Publications, Inc, [Trad. Antígoana] [capítulos I e II] Whitman, Walt, Leaves of Grass. Introd. William Carlos Williams. NY: The Modern Library, [Trad. Assírio & Alvim ] Leituras a realizar: Adolf Loos, «Ornamento e crime» (1908)

9 Ensaio 4 entrega aulas Aulas Arquitectura do século XX Conceito: Arquitectura moderna: alguns aspectos essenciais: ornamento e funcionalidade, ornamento e design, arquitectura e escultura, arquitectura e as outras artes, arquitectura e política, alguns arquitectos que marcaram o século XX. Comentário de Adolf Loos, «Ornamento e crime» (1908) DVD: Pei, I. M., First Person Singular: I. M. Pei; The Museum on the Mountain. Home Vision Entertainment, Leituras a realizar: Scully, Vincent, Modern Architecture and Other Essays. Princeton: Princeton UP. [Capítulos 4; 10, 12] Aulas Conceito: Uma arquitectura para a Democracia. Arquitecto: Frank Loyd Wright Leituras a realizar: Louis I. Khan, «Form and design» in Essential texts Aulas Conceito: Platão e a arquitectura. Arquitecto: Louis I. Khan. DVD: Kahn, Nathaniel, My Architect A Son s Journey. New York Films Artwork. Ensaio 5 (entrega aulas ) Aulas Arquitecto: Frank Ghery. Os limites da criação do espaço.

10 DVD Sydney Pollack, Sketches Of Frank Gehry Referência: Friedman, Mildred, Gehry Talks. NY: Universe Publishing. Encerramento Bibliografia A descrita anteriormente. Materiais de apoio Fotografias, DVD Actividades Curriculares Actividades extracurriculares Viagem ao Guggenheim Museum em Bilbao ou à Igreja de Marco de Canaveses. Método de Avaliação Avaliação contínua. Redacção obrigatória de 4 dos 5 ensaios propostos. Este módulo exige a presença do aluno num mínimo de 75% das aulas previstas. Método de ensino e aprendizagem Aulas expositivas, recorrendo a materiais e tecnologias diversas. Professor(es) David Antunes Período de atendimento aos alunos A determinar.

11 MÓDULO INTEGRAÇÃO Objectivos - desenvolver pesquisas de textos e materiais para o processo criativo - desenvolver métodos de observação, notação e participação no processo criativo - saber trabalhar em equipa de forma eficaz e profissional - interpretar e interrogar textos e espectáculos - adquirir vocabulário de análise dramatúrgica Programa PRÁTICAS DRAMATÚRGICAS Inevitavelmente, no decurso das aulas práticas integradas, surgirão muitas questões relativas ao conceito de dramaturgia e aos diferentes modos como hoje ela pode ser posta em prática. Por isso, este módulo integrado tem por objectivo articular as referidas aulas com uma reflexão contextual sobre os variados modos da intervenção dramatúrgica, designadamente, fornecendo ao aluno instrumentos de observação, pesquisa e análise. Este programa é flexível na medida da participação do prof. de interpretação responsável do ramo de actores. Bibliografia ASTON, Elaine, et. al.,theatre as sign-system : a semiotics of text and performance, Routledge, Londres, BARBA, Eugénio, The Nature of Dramaturgy: Describing Actions at Work in NTQ New Theatre Quarterly, n. 1.1, Fev., Cambridge University Press, Cambridge, 1985, pp Dramaturgy a user s guide, The Central School of Speech and Drama e Total Theatre, Londres, s.d.. ESSLIN, Martin, The Role of the Dramaturg in European Theater in What is Dramaturgy?, Bert Cardullo (org.), Peter Lang, Nova Iorque, 1995, pp LESSING, G., Dramaturgia de Hamburgo, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, PAIS, Ana, O Discurso da Cumplicidade Dramaturgias Contemporâneas, Colibri, Lisboa, PAVIS, Patrice, Dicionário do Teatro, Editora Perspectiva, São Paulo, Vasques, Eugénia, O que é Teatro, Quimera, Lisboa, 2003.

12 Materiais de apoio Actividades Curriculares Trabalhos individuais e de grupo. Exercícios orais e escritos. Actividades extracurriculares Método de Avaliação - reflexão escrita - porfolio: compilação das tarefas solicitadas (fichas e pesquisa de materiais dramatúrgicos) A pertinência das participações em aula, o progresso ao longo do semestre e o profissionalismo votado às tarefas solicitadas (empenhamento) são parâmetros tidos em conta qualitativamente no decurso da avaliação contínua. Todos os trabalhos entregues fora do prazo estipulados terão uma penalização de dois valores. Método de ensino e aprendizagem Professor(es) Período de atendimento aos alunos

ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO

ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA DEPARTAMENTO DE TEATRO LICENCIATURA EM TEATRO Ramo: Dramaturgia Horas por semana: 12 Créditos ECTS: 21 Unidade Curricular: Dramaturgia II Ano: 1.º Semestre: 2.º Ano Lectivo:

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESIGN II Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESIGN II Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular DESIGN II Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular DESIGN II (L5010) 5. Área

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular. Fernando Galrito, Stephan Jürgens, Filipe Pais

Ficha de Unidade Curricular. Fernando Galrito, Stephan Jürgens, Filipe Pais Ficha de Unidade Curricular Fernando Galrito, Stephan Jürgens, Filipe Pais Unidade Curricular Designação PROJECTO INTERDISCIPLINAR ARTÍSTICO Área Científica CV Ciclo de Estudos SOM E IMAGEM Carácter: Obrigatória

Leia mais

ESTUDOS DE ARTE CONTEMPORÂNEA I

ESTUDOS DE ARTE CONTEMPORÂNEA I Programa Curricular ESTUDOS DE ARTE CONTEMPORÂNEA I Docente Responsável Prof. Assistente convidada Cristina Pratas Cruzeiro Ano Lectivo 2013-2014 Ciclo de Estudos Período Lectivo Licenciatura 1º Semestre

Leia mais

SOCIOLOGIA OBJECTO E MÉTODO

SOCIOLOGIA OBJECTO E MÉTODO Ano Lectivo 2008/2009 SOCIOLOGIA OBJECTO E MÉTODO Cursos: Licenciatura em Sociologia e Licenciatura em Sociologia e Planeamento (1º ciclo) Unidade Curricular: Sociologia Objecto e Método Localização no

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÁFRICA (QUESTÕES POLÍTICAS, ECONÓMICAS E SOCIAIS) Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÁFRICA (QUESTÕES POLÍTICAS, ECONÓMICAS E SOCIAIS) Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular ÁFRICA (QUESTÕES POLÍTICAS, ECONÓMICAS E SOCIAIS) Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Relações Internacionais 3. Ciclo

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Artes Sonoras II Área Científica SI Som e Imagem Ciclo de Estudos 1º Ciclo - Licenciatura Carácter: Obrigatória e opcional Ano Lectivo 2008/2009

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Marketing de bens culturais Área Científica MAC Ciclo de Estudos 1º Ciclo Carácter: Opcional Semestre 5º ECTS 3 Créditos Tempo de Trabalho: Horas

Leia mais

Departamento de Ciências da Educação Licenciatura em Educação de Infância 3º Ano

Departamento de Ciências da Educação Licenciatura em Educação de Infância 3º Ano Departamento de Ciências da Educação Licenciatura em Educação de Infância 3º Ano Programa da disciplina de Oficina de Materiais Educativos Ano lectivo 2008/2009 3 horas semanais Docente: Prof. Doutor Paulo

Leia mais

Formadores (1º ano) Locais das oficinas. Data limite de inscrições

Formadores (1º ano) Locais das oficinas. Data limite de inscrições Sementes para a Criatividade É uma acção de formação constituída por duas oficinas, uma de escrita criativa e outra de artes plásticas, em que se prevê: a criação de uma narrativa ilustrada que será submetida

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular MÉTODOS QUALITATIVOS Ano Lectivo 2012/2013

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular MÉTODOS QUALITATIVOS Ano Lectivo 2012/2013 Programa da Unidade Curricular MÉTODOS QUALITATIVOS Ano Lectivo 2012/2013 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Psicologia 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular MÉTODOS

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular. Horas de Trabalho Autónomo: 75 Total: 150

Ficha de Unidade Curricular. Horas de Trabalho Autónomo: 75 Total: 150 Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação: Artes Sonoras I Área Científica: SI Som e Imagem Ciclo de Estudos: 1º Ciclo - Licenciatura Carácter: Obrigatória e opcional Ano Lectivo 2008/2009

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular AMBIENTE

Leia mais

TEORIAS DA PERSONALIDADE

TEORIAS DA PERSONALIDADE 1 Ano Lectivo 2010/11 Psicologia do Desporto e do Exercício PROGRAMA UNIDADE CURRICULAR TEORIAS DA PERSONALIDADE Instituto Politécnico de Santarém Escola Superior de Desporto de Rio Maior Anabela Vitorino

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS DIGITAIS Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS DIGITAIS Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS DIGITAIS Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular TECNOLOGIAS DIGITAIS

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular. Unidade Curricular Teoria Media

Ficha de Unidade Curricular. Unidade Curricular Teoria Media Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Teoria Media Área Científica - Estudos Críticos de Design Ciclo de Estudos 1º Ciclo Carácter: Obrigatória Semestre 3º Semestre ECTS - 3 Tempo de Trabalho

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO. Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2

APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO. Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2 CONSELHO CIENTÍFICO PEDAGÓGICO DA FORMAÇÃO CONTÍNUA APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO CINEMA E DAS ARTES Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO CINEMA E DAS ARTES Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO CINEMA E DAS ARTES Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Comunicação e Multimédia 3. Ciclo de Estudos 1º 4.

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular IDEIAS POLÍTICAS NO MUNDO OCIDENTAL Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular IDEIAS POLÍTICAS NO MUNDO OCIDENTAL Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular IDEIAS POLÍTICAS NO MUNDO OCIDENTAL Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Relações Internacionais 3. Ciclo de Estudos 1º

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESIGN DIGITAL Ano Lectivo 2012/2013

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESIGN DIGITAL Ano Lectivo 2012/2013 Programa da Unidade Curricular DESIGN DIGITAL Ano Lectivo 2012/2013 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular DESIGN DIGITAL (L5023)

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação História do Audiovisual II Área Científica CSH Som e Imagem Ciclo de Estudos 1º Ciclo - Licenciatura Carácter: Obrigatória Semestre: 2º ECTS: 3

Leia mais

Apresentação... 2 Objectivos do curso... 2 Metodologia... 2 Programa... 3 Calendarização... 4 Formadores... 5

Apresentação... 2 Objectivos do curso... 2 Metodologia... 2 Programa... 3 Calendarização... 4 Formadores... 5 ÍNDICE Apresentação... 2 Objectivos do curso... 2 Metodologia... 2 Programa... 3 Calendarização... 4 Formadores... 5 Condições de acesso e inscrições... 6 Preçário... 6 Certificado de presença... 6 Local...

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARTE MODERNA Ano Lectivo 2011/2012

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARTE MODERNA Ano Lectivo 2011/2012 Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DA ARTE MODERNA Ano Lectivo 2011/2012 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular HISTÓRIA

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Design 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade Curricular

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE PROJECTOS NÍVEL 1 EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO Especialização em Gestão de Projectos Nível 1 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER Este curso constitui

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO JAZZ II Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO JAZZ II Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular HISTÓRIA DO JAZZ II Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Jazz e Música Moderna 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

História e Sistemas da Psicologia

História e Sistemas da Psicologia 1 História e Sistemas da Psicologia 1. Resumo descritivo 1.1. Elementos básicos Curso Unidade Curricular Área Científica Ano / Semestre ECTS Horas de Contacto Professores responsáveis Docentes 1.2. Síntese

Leia mais

An 2-A CONSELHO CIENTÍFICO PEDAGÓGICO DA FORMAÇÃO CONTÍNUA APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO 1. DESIGNAÇÃO DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO FORMADORES

An 2-A CONSELHO CIENTÍFICO PEDAGÓGICO DA FORMAÇÃO CONTÍNUA APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO 1. DESIGNAÇÃO DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO FORMADORES CONSELHO CIENTÍFICO PEDAGÓGICO DA FORMAÇÃO CONTÍNUA APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE 0726CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESENHO DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular DESENHO DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular DESENHO DE COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular DESENHO

Leia mais

FUNDAÇÃO MINERVA CULTURA ENSINO E INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA NOTA EXPLICATIVA

FUNDAÇÃO MINERVA CULTURA ENSINO E INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA NOTA EXPLICATIVA NOTA EXPLICATIVA DA AQUISIÇÃO DE COMPETÊNCIAS NO ÂMBITO DO 1º CICLO DE ESTUDOS DO CURSO DE LICENCIATURA/MESTRADO INTEGRADO EM ARQUITECTURA, CONDUCENTE AO GRAU DE LICENCIADO EM CIÊNCIAS DA ARQUITECTURA.

Leia mais

ESPAÇOS HABITADOS O CORPO COMO FERRAMENTA VIVA

ESPAÇOS HABITADOS O CORPO COMO FERRAMENTA VIVA ESPAÇOS HABITADOS O CORPO COMO FERRAMENTA VIVA 19 e 20 Março 2011 10h00 > 13h00 14h30 > 17h30 Sinopse Muitos são os artistas para quem as fronteiras entre o corpo e a obra se esbatem, usando a Performance

Leia mais

FEUP 2006/2007 Mestrado em Tecnologias Multimédia Doc. Apresentação V0

FEUP 2006/2007 Mestrado em Tecnologias Multimédia Doc. Apresentação V0 FEUP 2006/2007 Mestrado em Tecnologias Multimédia Doc. Apresentação V0 TÍTULO: Animatic - Marionetas Digitais Interactivas ORIENTADORES: Professor Doutor Aníbal Ferreira Professor Doutor Rui Torres ALUNO:

Leia mais

Componente de Formação Técnica. Disciplina de

Componente de Formação Técnica. Disciplina de CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO Técnico de Fotografia PROGRAMA Componente de Formação Técnica Disciplina de Técnicas de Comunicação Escolas Proponentes / Autores ETIC José Pacífico (Coordenador)

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular PLANIFICAÇÃO ESTRATÉGICA DOS MEDIA Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Marketing e Publicidade 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Design de Gráfico de Interfaces I Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1.ciclo Carácter: Obrigatória Semestre 5.º semestre ECTS

Leia mais

2º CICLO DO ENSINO SECUNDÁRIO

2º CICLO DO ENSINO SECUNDÁRIO PROGRAMA DE DESENHO 10ª, 11ª e 12ª classes 2º CICLO DO ENSINO SECUNDÁRIO Área das Artes Visuais Ficha Técnica TÍTULO: Programa de Desenho - 10ª, 11ª e 12ª classes EDITORA: INIDE IMPRESSÃO: GestGráfica,

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO ÀS RELAÇÕES INTERNACIONAIS Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO ÀS RELAÇÕES INTERNACIONAIS Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO ÀS RELAÇÕES INTERNACIONAIS Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Relações Internacionais 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

Curso Pós-graduado de Aperfeiçoamento B-LEARNING EM ENDODONTIA

Curso Pós-graduado de Aperfeiçoamento B-LEARNING EM ENDODONTIA UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA Curso Pós-graduado de Aperfeiçoamento B-LEARNING EM ENDODONTIA (2013-2015) 1. FINALIDADE O Curso Pós-graduado de Aperfeiçoamento B-LEARNING EM ENDODONTIA

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS APLICADAS Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS APLICADAS Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular TECNOLOGIAS APLICADAS Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular TECNOLOGIAS APLICADAS

Leia mais

DESCRIÇÃO DA UNIDADE CURRICULAR CÓDIGO: CRÉDITOS ECTS: 5,0

DESCRIÇÃO DA UNIDADE CURRICULAR CÓDIGO: CRÉDITOS ECTS: 5,0 DESCRIÇÃO DA UNIDADE CURRICULAR Unidade Curricular: Gestão de Eventos Área Científica: Ciências da Comunicação CÓDIGO: CRÉDITOS ECTS: 5,0 CURSO: Comunicação e Relações Públicas Ano: 1º 2º 3º 4º Semestre:

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA

REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA NORMAS REGULAMENTARES De acordo com o estipulado pelos artigos 14.º e 26.º do Decreto-Lei n.º 107/2008, de 25 de Junho REGULAMENTO DE ESTUDOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA Regulamento n.º 487/2010,

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA PROFISSIONAL Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA PROFISSIONAL Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular ÉTICA PROFISSIONAL Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Serviço Social (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Serviço Social 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade Curricular ÉTICA

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA, DEONTOLOGIA E LEGISLAÇÃO Ano Lectivo 2013/2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA, DEONTOLOGIA E LEGISLAÇÃO Ano Lectivo 2013/2014 Programa da Unidade Curricular ÉTICA, DEONTOLOGIA E LEGISLAÇÃO Ano Lectivo 2013/2014 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade Curricular

Leia mais

1. DESIGNAÇÃO DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO Oficina de Formação de Professores em Empreendedorismo

1. DESIGNAÇÃO DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO Oficina de Formação de Professores em Empreendedorismo 1. DESIGNAÇÃO DA ACÇÃO DE FORMAÇÃO Oficina de Formação de Professores em Empreendedorismo 2. RAZÕES JUSTIFICATIVAS DA ACÇÃO: PROBLEMA/NECESSIDADE DE FORMAÇÃO IDENTIFICADO Esta formação de professores visa

Leia mais

Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas Teórico-Práticas 60 h

Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas Teórico-Práticas 60 h UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA F A C U L D A D E D E E NGE N H ARIA Disciplina de DESENHO Contexto da Disciplina Horas de Trabalho do Aluno Curso(s): Licenciaturas em Engenharia Total de horas Aulas

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO Área Científica Gestão Ciclo de Estudos Licenciatura em Som e Imagem Ramo de Vídeo e ramo de som Carácter: Obrigatória

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular: Designação: Antropologia Teatral Área Científica: Ciências Sociais e Humanas Ciclo de Estudos: 1º Ciclo Ano Lectivo: 2008-2009 Carácter: Obrigatório Semestre:

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA 1º CICLO DE ESTUDOS LICENCIATURA

FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA 1º CICLO DE ESTUDOS LICENCIATURA FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA 1º CICLO DE ESTUDOS LICENCIATURA I. OBJECTIVOS O objectivo deste ciclo de estudos é garantir aos estudantes uma sólida formação jurídica de base. Tendo

Leia mais

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR 2011/2012. Docente (s) Maria João Alvarez (docente responsável pela UC) e Alexandra Marques Pinto

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR 2011/2012. Docente (s) Maria João Alvarez (docente responsável pela UC) e Alexandra Marques Pinto FICHA DE UNIDADE CURRICULAR 2011/2012 Designação Temas de Desenvolvimento Pessoal e Social Docente (s) Maria João Alvarez (docente responsável pela UC) e Alexandra Marques Pinto Creditação (ECTS) 6 ECTS

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular Curso de Design Cerâmico e Vidro

Ficha de Unidade Curricular Curso de Design Cerâmico e Vidro Ficha de Unidade Curricular Curso de Design Cerâmico e Vidro Unidade Curricular Designação: Desenho II Área Científica: Desenho (DES) Ciclo de Estudos: Licenciatura Carácter: Obrigatória Semestre: 2º ECTS:

Leia mais

OFICINA DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM EMPREENDEDORISMO

OFICINA DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM EMPREENDEDORISMO OFICINA DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM EMPREENDEDORISMO Modalidade: Oficina de Formação Registo de Acreditação: CCPFC/ACC-79411/14 Duração: 25 horas presenciais + 25 horas não presenciais Destinatários:

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TEORIA DA COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TEORIA DA COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular TEORIA DA COMUNICAÇÃO Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular TEORIA DA COMUNICAÇÃO

Leia mais

Centro de Competência de Ciências Sociais. Departamento de Ciências da Educação. 1.º Ciclo em Educação Básica. Programa. Unidade Curricular

Centro de Competência de Ciências Sociais. Departamento de Ciências da Educação. 1.º Ciclo em Educação Básica. Programa. Unidade Curricular Centro de Competência de Ciências Sociais Departamento de Ciências da Educação 1.º Ciclo em Educação Básica Programa Unidade Curricular Teoria e Desenvolvimento Curricular Área Científica Educação Regente

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular MUSICOTERAPIA APLICADA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular MUSICOTERAPIA APLICADA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular MUSICOTERAPIA APLICADA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Musicoterapia 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO AO ESTUDOS DE MÚSICA POPULAR Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO AO ESTUDOS DE MÚSICA POPULAR Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular INTRODUÇÃO AO ESTUDOS DE MÚSICA POPULAR Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Jazz e Música Moderna 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

FICHA DE DISCIPLINAS: ANO LECTIVO DE 2008/09 SERVIÇO SOCIAL

FICHA DE DISCIPLINAS: ANO LECTIVO DE 2008/09 SERVIÇO SOCIAL FICHA DE DISCIPLINAS: ANO LECTIVO DE 2008/09 SERVIÇO SOCIAL Nome da disciplina Ciclo de estudos Equipa docente com breve resenha curricular dos docentes (1) Nº de créditos e temporalidade da disciplina

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia de Abrantes

Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Instituto Politécnico de Tomar Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Curso Curso de Comunicação Social Ano Lectivo 2008/2009 Ficha da Unidade Curricular Unidade Curricular Área Científica TECNOLOGIAS

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação GESÃO E PRODUÇÃO DOS MÉDIA Área Científica Ciências Sociais e Humanas Ciclo de Estudos 1º Ciclo Licenciatura Ramo de Vídeo e Ramo de Som Carácter:

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR CURSO DE DANÇA LICENCIATURA

ESTRUTURA CURRICULAR CURSO DE DANÇA LICENCIATURA ESTRUTURA CURRICULAR CURSO DE DANÇA LICENCIATURA Código: 03 Matriz Curricular: DANÇA - Laranjeiras - Presencial - Noturno - Licenciatura Plena Período Letivo de Entrada em Vigor 2012-1 Carga Horária: Total

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação: Comunicação Visual Área Científica: Design de Comunicação (DC) Ciclo de Estudos: Licenciatura Carácter: Obrigatória Semestre: 1º ECTS: 6 Tempo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TEORIA DO DESIGN Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular TEORIA DO DESIGN Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular TEORIA DO DESIGN Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Design 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular TEORIA DO DESIGN (L5017)

Leia mais

6. movimentos da câmara fotográfica.

6. movimentos da câmara fotográfica. Ficha de Unidade Curricular Designação - Fotografia Área Científica - FOT Ciclo de Estudos 1º Ciclo/ Lic. Som e Imagem Carácter - Obrigatória Semestre 2º Semestre ECTS - 6 Tempo de Trabalho- Total: 150h

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2014 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular: Artes Série:

Leia mais

Guia de Curso. Licenciatura em Línguas, Literaturas e Culturas Variante de Línguas Estrangeiras. 1º Ciclo 2012-13

Guia de Curso. Licenciatura em Línguas, Literaturas e Culturas Variante de Línguas Estrangeiras. 1º Ciclo 2012-13 Licenciatura em Línguas, Literaturas e Culturas Variante de Línguas Estrangeiras 1º Ciclo 2012-13 Nota importante: Este curso será suspenso a partir do ano letivo de 2013-14, sendo este ano letivo o seu

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia de Abrantes

Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Instituto Politécnico de Tomar Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Curso Comunicação Social Ano Lectivo 2007/2008 Ficha da Unidade Curricular Unidade Curricular Atelier de Comunicação I Área Científica

Leia mais

Fauvismo. Cubismo. Arte Conceptual, a Street Art e muitas outras.

Fauvismo. Cubismo. Arte Conceptual, a Street Art e muitas outras. A arte nasceu na Pré-História, quando o Homem primitivo decidiu fazer uns desenhos com sangue de animais, nas cavernas onde vivia, sendo denominada por Arte Rupestre. Por fim, chegamos á arte da actualidade,

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto de Design de Comunicação II Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1.º ciclo Carácter: Obrigatória Semestre 2.º semestre

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Práticas de Gravação I Área Científica Som Som e Imagem Ciclo de Estudos 1º Ciclo - Licenciatura Carácter: Semestre 3º ECTS 6 Tempo de Trabalho:

Leia mais

REGULAMENTO DO XLV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR

REGULAMENTO DO XLV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR REGULAMENTO DO XLV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR 1. Introdução O Curso de Especialização em Administração Hospitalar (CEAH) da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) da Universidade

Leia mais

Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional!

Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional! MBA EM GESTÃO DE PROJECTOS IMOBILIÁRIOS Porque garantir o sucesso dos seus projectos não é opcional! Introdução A ESAI é a única escola que se dedica exclusivamente ao ensino das actividades imobiliárias

Leia mais

Licenciaturas ENSINO PÚBLICO. 1-ISCTE Instituto Universitário de Lisboa

Licenciaturas ENSINO PÚBLICO. 1-ISCTE Instituto Universitário de Lisboa 1 Licenciaturas ENSINO PÚBLICO 1-ISCTE Instituto Universitário de Lisboa A licenciatura em Ciência Política, com ramos em Ciência Política e em Políticas Públicas, tem a duração de três anos, correspondentes

Leia mais

Narradores, actores e contadores de histórias Rui Pina Coelho

Narradores, actores e contadores de histórias Rui Pina Coelho Narradores, actores e contadores de histórias Rui Pina Coelho Em Gatz (2006), o espectáculo de cerca de sete horas de duração dos nova-iorquinos Elevator Repair Service, lia-se da primeira à última palavra

Leia mais

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOS DOCENTES DO ISVOUGA - INSTITUTO SUPERIOR DE ENTRE O DOURO E VOUGA

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOS DOCENTES DO ISVOUGA - INSTITUTO SUPERIOR DE ENTRE O DOURO E VOUGA REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOS DOCENTES DO ISVOUGA - INSTITUTO SUPERIOR DE ENTRE O DOURO E VOUGA O Estatuto de Carreira do Pessoal Docente do Ensino Superior Politécnico (ECPDP), na redacção

Leia mais

Proposta de reformulação da Pós-Graduação em Teatro e Comunidade ESMAE-IPP (aumento para 60 créditos)

Proposta de reformulação da Pós-Graduação em Teatro e Comunidade ESMAE-IPP (aumento para 60 créditos) Proposta de reformulação da Pós-Graduação em Teatro e Comunidade ESMAE-IPP (aumento para 60 créditos) Claire Binyon, Hugo Cruz e Sónia Passos 1. Evolução da Pós-Graduação em Teatro e Comunidade na ESMAE

Leia mais

Proposta de transição para Bolonha dos cursos de Gestão e de Economia. Universidade da Madeira

Proposta de transição para Bolonha dos cursos de Gestão e de Economia. Universidade da Madeira Proposta de transição para Bolonha dos cursos de Gestão e de Economia Universidade da Madeira Departamento de Gestão e Economia Funchal, 11 de Dezembro de 2007 Alteração única feita na página 7 Substitui

Leia mais

Doutoramento em História e Filosofia das Ciências 2014-2015

Doutoramento em História e Filosofia das Ciências 2014-2015 Doutoramento em História e Filosofia das Ciências 2014-2015 Secção Autónoma de História e Filosofia das Ciências Contactos: Secção Autónoma de História e Filosofia das Ciências Faculdade de Ciências da

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA PERSONALIDADE Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA PERSONALIDADE Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular PSICOLOGIA DA PERSONALIDADE Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Psicologia 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

Pós-Graduação em Arte Contemporânea Normas regulamentares. Artigo 1.º Grau

Pós-Graduação em Arte Contemporânea Normas regulamentares. Artigo 1.º Grau Pós-Graduação em Arte Contemporânea Normas regulamentares Artigo 1.º Grau A Escola Superior Artística do Porto confere a Pós-Graduação em Arte Contemporânea Artigo 2.º Objectivos do curso 1. A Pós-Graduação

Leia mais

INTRODUÇÃO À BIOMECÂNICA

INTRODUÇÃO À BIOMECÂNICA 1 Ano Lectivo 2009/10 Licenciatura em Condição Física e Saúde no Desporto PROGRAMA UNIDADE CURRICULAR INTRODUÇÃO À BIOMECÂNICA Instituto Politécnico de Santarém Escola Superior de Desporto de Rio Maior

Leia mais

ES C O L A S U PERI O R A G RÁ RI A

ES C O L A S U PERI O R A G RÁ RI A Licenciatura em Ecoturismo Ref.ª : 1822006 Ano lectivo: 2012-13 DESCRITOR DA UNIDADE CURRICULAR HISTÓRIA E PATRIMÓNIO CULTURAL HISTORY AND CULTURAL HERITAGE 1. Unidade Curricular: 1.1 Área científica:

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Sociologia da Comunicação Área Científica CV Som e Imagem Ciclo de Estudos 1º Ciclo - Licenciatura Carácter: Obrigatória Ano Lectivo 2008/2009

Leia mais

LUME E O TEATRO FÍSICO?

LUME E O TEATRO FÍSICO? 7º Seminário de Pesquisa em Artes da Faculdade de Artes do Paraná LUME E O TEATRO FÍSICO? Anais Eletrônicos Alana Saiss Albinati 171 Faculdade de Artes do Paraná RESUMO Este trabalho é parte de uma pesquisa

Leia mais

ESCOLA DE PROTOCOLO COMUNICAÇÃO E ARTES www.epcamadeira.com geral@epcamadeira.com Tel: 291 098 305 Tm: 966 389 170

ESCOLA DE PROTOCOLO COMUNICAÇÃO E ARTES www.epcamadeira.com geral@epcamadeira.com Tel: 291 098 305 Tm: 966 389 170 ESCOLA DE PROTOCOLO COMUNICAÇÃO E ARTES www.epcamadeira.com geral@epcamadeira.com Tel: 291 098 305 Tm: 966 389 170 A Escola de Protocolo, Comunicação e Artes da Madeira (EPCA) surgiu para ir ao encontro

Leia mais

REGULAMENTO DE APLICAÇÃO DO SISTEMA DE CRÉDITOS CURRICULARES (ECTS)

REGULAMENTO DE APLICAÇÃO DO SISTEMA DE CRÉDITOS CURRICULARES (ECTS) REGULAMENTO DE APLICAÇÃO DO SISTEMA DE CRÉDITOS CURRICULARES (ECTS) (Ratificado pelo Conselho Científico em 20 de Abril de 2006) CAPÍTULO I Objecto, âmbito e conceitos Artigo 1.º Objecto Em conformidade

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto Design Multimédia II Área Científica Design de Multimédia Ciclo de Estudos Obrigatório Carácter: Obrigatório Semestre 4º ECTS 12 Tempo

Leia mais

1331002 2013-14 FICHA DA UNIDADE CURRICULAR GESTÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO

1331002 2013-14 FICHA DA UNIDADE CURRICULAR GESTÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO Licenciatura em Engenharia Alimentar Ref.ª : 1331002 Ano lectivo: 2013-14 1. Caraterização FICHA DA UNIDADE CURRICULAR GESTÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO 1.1 - Área científica: 34 - Ciências Empresariais

Leia mais

16050 Diário da República, 2.ª série N.º 77 21 de Abril de 2009

16050 Diário da República, 2.ª série N.º 77 21 de Abril de 2009 16050 Diário da República, 2.ª série N.º 77 21 de Abril de 2009 Unidades curriculares Área Tipo científica Obs Diagnóstico Molecular.................. BT Semestral 140 T: 15 TP: 5 PL: 5 S: 5 OT: 5 O: 5

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR 2013 / 2015

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR 2013 / 2015 REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR 2013 / 2015 ÍNDICE 1. Introdução 1 2. Finalidades e objectivos educacionais 2 3. Organização interna do CEAH 2 4. Habilitações de acesso

Leia mais

Tadashi Suzuki: uma proposta para o teatro na pós-modernidade

Tadashi Suzuki: uma proposta para o teatro na pós-modernidade Tadashi Suzuki: uma proposta para o teatro na pós-modernidade Patrícia Lima Castilho Programa de Pós-Graduação em Artes IA/UNESP Mestranda Artes Cênicas: Teoria, Prática, História e Ensino Or. Prof. Dr.

Leia mais

Centro de Aprendizagem Um trabalho monográfico de bacharelato Euclides Manuel Lopes Furtado 1

Centro de Aprendizagem Um trabalho monográfico de bacharelato Euclides Manuel Lopes Furtado 1 Centro de Aprendizagem Um trabalho monográfico de bacharelato Euclides Manuel Lopes Furtado 1 Em Cabo Verde e à semelhança de outras paragens, nota-se que as exigências feitas aos alunos vão no sentido

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INGLÊS Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular INGLÊS Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular INGLÊS Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Marketing e Publicidade 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

Programa de Unidade Curricular

Programa de Unidade Curricular Programa de Unidade Curricular Faculdade Faculdade de Engenharia Licenciatura Engenharia e gestão Industrial Unidade Curricular Tecnologia Mecanica Semestre: 3 Nº ECTS: 6 Regente José Francisco Ferreira

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto de Design Multimédia I Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1º Ciclo Carácter: Obrigatória Ano Lectivo 2008/2009 Semestre

Leia mais

Recensão Crítica. Língua Portuguesa e Tecnologias de Informação e Comunicação. Docente: Prof. Fernanda Botelho. Teresa Cardim Nº 070142074

Recensão Crítica. Língua Portuguesa e Tecnologias de Informação e Comunicação. Docente: Prof. Fernanda Botelho. Teresa Cardim Nº 070142074 Recensão Crítica Língua Portuguesa e Tecnologias de Informação e Comunicação Docente: Prof. Fernanda Botelho Teresa Cardim Nº 070142074 Raquel Mendes Nº 070142032 Setúbal, Outubro de 2009 Referências Bibliográficas

Leia mais

FACULTADE DE FILOLOXÍA DEPARTAMENTO DE FILOLOXÍA GALEGA LINGUA PORTUGUESA 5. José Luís Forneiro Pérez GUÍA DOCENTE E MATERIAL DIDÁCTICO

FACULTADE DE FILOLOXÍA DEPARTAMENTO DE FILOLOXÍA GALEGA LINGUA PORTUGUESA 5. José Luís Forneiro Pérez GUÍA DOCENTE E MATERIAL DIDÁCTICO FACULTADE DE FILOLOXÍA DEPARTAMENTO DE FILOLOXÍA GALEGA LINGUA PORTUGUESA 5 José Luís Forneiro Pérez GUÍA DOCENTE E MATERIAL DIDÁCTICO 2015/2016 FACULTADE DE FILOLOXÍA. DEPARTAMENTO DE FILOLOXÍA GALEGA

Leia mais

Projectos Transversais e Inovadores

Projectos Transversais e Inovadores Ic Projectos Transversais e Inovadores Projecto Arquivo Digital de Arte Portuguesa Iniciativas directas 293 785 Total 293 785 Proveitos 117 514 A Fundação Calouste Gulbenkian, através da Biblioteca de

Leia mais

Programa de Unidade Curricular

Programa de Unidade Curricular Programa de Unidade Curricular Faculdade Engenharia Licenciatura Engenharia e Gestão Industrial Unidade Curricular Gestão de Projectos Semestre: 6 Nº ECTS: 6 Regente Alípio Paulo da Cunha Aguiar Assistente

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PROBLEMAS SOCIAIS CONTEMPORÂNEOS Ano Lectivo 2013/2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PROBLEMAS SOCIAIS CONTEMPORÂNEOS Ano Lectivo 2013/2014 Programa da Unidade Curricular PROBLEMAS SOCIAIS CONTEMPORÂNEOS Ano Lectivo 2013/2014 1. Unidade Orgânica Serviço Social (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Serviço Social 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS 1. EMENTA Estudo do processo de aquisição/ aprendizagem de uma segunda língua/ língua estrangeira, métodos e técnicas para o ensino, especialmente da habilidade de leitura. Análise de recursos didáticos.

Leia mais