!"#$%#&'()*+)+,-#.%$%*#*+)+,-/0-0/#$)+)*+)/+"+,12+3-(,) *+)4#56#*#,))+2)(./#,)7#/#$%,#*#,)+)+*%85%(,)#319(,:!

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "!"#$%#&'()*+)+,-#.%$%*#*+)+,-/0-0/#$)+)*+)/+"+,12+3-(,) *+)4#56#*#,))+2)(./#,)7#/#$%,#*#,)+)+*%85%(,)#319(,:!"

Transcrição

1 "#$%#&'(*++,-#.%$%*#*++,-/0-0/#$+*+/+"+,12+3-(, *+4#56#*#,+2(./#,7#/#$%,#*#,++*%85%(,#319(,:

2 "#$%#&'(*+/+"+,12+3-(,*+4#56#*#,+2(./#, 7#/#$%,#*#,++*%85%(,#319(,;

3 MJNDFDEEDAMAJBCEF; Durante anos, engenheiros, arquitetos e proprietários acreditavam que o concreto era eterno, portanto não haveria a necessidade de inspeções ou mesmo de manutenção em estruturas de concreto. Todas as estruturas de concreto e fachadas devem ser inspecionadas para que continuem desempenhando a funções a que foram preconizadas em projeto, fazendo com que os problemas patológicos sejam detectados no período pré patogênico.

4 MJNDFDEEDAMAJBCEF; A supressão de uma simples alvenaria pode acarretar em danos nas paredes de apartamentos imediatamente acima e/ou abaixo do que está sendo reformado. M(-(=<>H07-0/#*##$"+3#/%#7(/,07/+,,'(*+7#/+*+, 3(#7#/-#2+3-(*(#3*#/%34+/%(/:

5 MJNDFDEEDAMAJBCEF; O conhecimento do sistema estrutural de uma edificação, ou a avaliação da sua condição, se faz necessária, principalmente quando esta sofrerá uma reforma, mudança de uso ou apresentar sintomatologias que indicam que a estrutura se encontra doente. O desconhecimento do sistema estrutural pode resultar em danos parciais ou irreversíveis na edificação (colapso.

6 MJNDFDEEDAMAJBCEF; A mesma preocupação pode ser adotada no caso das fachadas de edifícios, que por sua vez, por estarem expostas, sofrem degradações e envelhecimento de seus materiais constituintes, em face as intempéries e a queda do seu desempenho.

7 MJNDFDEEDAMAJBCEF; Ou quando, como é comum hoje em dia, falhas decorrente de projeto equivocado ou construção executada sem critério de qualidade ou controle.

8 MJNDFDEEDAMAJBCEF; "#$%&'(&%*+%#,%$-.$-/01%.&234.53%,+-.$-.62#- 32##1-+7#$845221&251+-.$%9:-#$*5.5%#/#-;%&<42&- 2=4%/342;-$2#215-4>?5%&2#/ (-+%01%,&%&-2 &-# &-#$%-#$41$14%& $2%4+%&221&- 4-01#$2#&-01%,&%&-&%-#$41$14%/01-#62C DE%3%5&%&-4-##$-.$-F DG-# #-4(92F DG14%=,&%&-21(&%'>,H "#$-#3%4I+-$42##62&-$-4+.%&2#-+.24+%#$*5.5%#H

9 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;<>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; C %.24+% JKL MNOPQRMQQS/ L-(-#>+-.$2# &- 3%4-&-# - $-$2# &- %4B%+%##%.24BI.5%#H D "#3-5?5%962#/ T%.-A $4%962 &% %4B%+%##%/ 324 -A5-##2 &-?.2#.2 $4%92/ 01-4 #-;%+ &- %B,2+-4%.$-#/ 01-4 #-;%+ &-?.2#.2 %B4-B%&2/ A5-##2 &- +%3%H

10 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;<>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; Meio Ambiente Retração (temperatura, sol e vento Retração Retração Fissuras mapeadas Fissuras mapeadas Restrição Restrição

11 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;Q>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; >?+,R50$#,;

12 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;S>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; T>O0$"+/0$U35%#;

13 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;V>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; J>E27($#,7+W0+3#,;

14 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;X>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; D>EY7#3,'((0*+,$(5#2+3-(*(/+"+,12+3-(7(/+27/+9( %3*+"%*(*+9+,,(;

15 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;Z>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; C %.24+% JKL MNOPQCMQQS/ L-(-#>+-.$2# &- 3%4-&-# - $-$2# &- 3%$2,8B52#WH Y1%.&2 %52+3%.7% $24.2 & $- &- =%#-/ 32&-+ #-4 &-(&%# Z 4-$4%962 &% %4B%+%##% &- %##-.$%+-.$2H [##14%#.% (-4>5%, 32&-+ #-4 &-(&%# Z =%#- 52.#>$1\&% &- +%$-4%# 2.&- &-(-4%+$-4#&234-D(#$%;1.$%#&-&,%$%962H

16 <:Q>DEMAKABCEF; <:Q;^>G%7($(9%#,*#,7#-($(9%#,+24#56#*#,; [G/%35#,,%-0#*#,3(,5#3-(,*#,#.+/-0/#,*+3(2%3#*#, 5(2(-/%35#,*+\.%9(*+];

17 <:S>JHAGEHACFDE?AFGCHAFELMJNDF; <:S;<>O/%35%7%(%3%5%#$; X%4% % 4-%,]%962 &%#.#3-9:-# &-(-D#- -#$%=-, $*42# B^.-%H <:S;Q>E,-#.+$+5%2+3-(*#,3(/2#,#7$%5_"+%,; G-(-+ #-4 -#$%=-,-5&%# %#.24+%# =4%#,-4%# &% UKJ_ 21.$-4.%52.%#/ %##25%&%# % `ab/ 01-32&-462 # B%&%# 3%4%%%.<,#-&2#+%$-4%#-.#1+2#01-# B%&2#.2# &-01%,&%&--+%.1$-.562H

18 DEFITFADACF; <:S;S>D+-+/2%3#&'(+-(2#*#*+5(36+5%2+3-(*#,5#2#*#, *+/+"+,12+3-(,*#,4#56#*#,; D+-+/2%3#[,+7(/2+%(*##.+/-0/#*+\`#3+$#,]*+%3,7+&'(: HM;H+"+,12+3-(/9#2#,,#*(*+4#56#*#,; McKUa"EbJEL"_bbdUef"JUL`UH gcehux`aebtfhbhwbd `JGda_L`Ue`iUGbH Nc"jKbkbTjUaaUlLbaaUWbd juaaudj`euh PcUEUKUj"J_bH

19 DEFITFADACF; <:S;V>D+-+/2%3#&'(+-(2#*#*+5(36+5%2+3-(*#,5#2#*#, *+/+"+,12+3-(,*#,4#56#*#,; D+-+/2%3#[,+7(/2+%(*##.+/-0/#*+\`#3+$#,]*+%3,7+&'(: HJM;H+"+,12+3-(J+/a2%5(*+4#56#*#,; McKUa"EbJEL"_bbdUef"JUL`UH gcehux`aebtfhbhwbd `JGda_L`Ue`iUGbH Nc"jKbkbH PcULlUjUaaUEbeUJ_"H PcXeUEUE"LUj`EUH

20 DEFITFADACF; <:S;V>EY+50&'(*+3("(,*+,+36(,*#,4#56#*#,; U D G- 32##- &2# 342;-$2# &- -#$41$14% 21 - &- %401$-$14% &2 -&m52 #- -A-51$%.2(2# &-#-.72# -+-,-(%962H +-&962 n.,252o &%# &+-.#:-# &2 -&m52/ 3-,%# #-B1.$-# <4-%#C D U.&%4$*44-2-M 2 %.&%4>32/52+2%1A\,2&--#5%&%#F D E2=-4$14%F D X-,2.$-424&2#%3%4$%+-.$2#H

21 DEFITFADACF; <:S;V>EY+50&'(*+3("(,*+,+36(,*#,4#56#*#,; EDU,25%,]%962&%-#$41$14%& $232&-4<#-4&-$-5$%&% 52+=%#-.2##-B1.$-#54$*42#C D X-,%,25%,]%962 - &+-.#:-# &2# 3,%4-#.2 %.&%4 $*44-2/ 21 #1=#2,2T01%.&2-A#>4WF D X-,232#52.%+-.$2-R21,25%,]%962&2#3,%4-#.2.$-424&2# %3%4$%+-.$2#F D X-,2 #2+ 5%(2 342&1]&2.2 4-(-#>+-.$2/ 01%.&2 &2 +3%5$2 &-+%4$-,2&2$%&2&-5%=-9%&-XfEF D D U=-4$14%&-n4%#B2#o.24-(-#>+-.$ =4-%#%,(-.%4%# --#$41$14%H

22 DEFITFADACF; <:S;V>EY+50&'(*+3("(,*+,+36(,*#,4#56#*#,; GD",%=24%962&-.2(2#&-#-.72#-+-#5%,%#MCpq%MCMqqF " D "#$-# &-#-.72# &%# -,-(%9:-# &-(-+ #-4 -,%=24%&2#/ 52+ % 342;-962&%-#$41$14%& $2%4+%&2T(B%#-3,%4-#WH [D_%+=*+#624-B#$4%&%#%#32#9:-#&%#n;%.-,%#o&-.#3-962 % #-4-+ -A-51$%&%#.2# 4-(-#>+-.$2#/ -.#%2# $-5.8,2B52#/ %# #.$2+%$2,2B%#/<4-%#2.&-24-(-#>+-.$2%34-#-.$%%&-4^.5%

23 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; X425-&-D#- -.#%2 &- %1#51,$% $2&%# &-42 2?5%,/ 3%4% &-$-5$%4-4-B#$4%4n.,252o%#<4-%#2.&-2 4-(-#>+-.$2 &- %4B%+%##% %34-#-.$%##- %&-4^.5%&1(&2#%52+%=%#-H

24 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; U52+3%.7%D#- $2&2 2 #-4(92 &-,-(%.$%+-.$2324$*5.527%=,$%&2H 4-B#$4%&%# 52+ B] -#$%5% 21 >.$% #34%rH

25 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; E*%85%(A.%/#70+/#>H0#=^*+#./%$ M#56#*#4/(3-#$:

26 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; E*%d5%(A.%/#70+/#>H0#=^*+#./%$: M#56#*#7(,-+/%(/:

27 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFELMJNDF>L#7+#2+3-(+27$#3-#,;

28 DEFITFADACF; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(;

29 DEFITFADACF; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; ;

30 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(;EY%,-+2(./#, (3*+#+"%*U35%#*#,7#-($(9%#,,'(2#/5#3-+,eW0+3'( 3+5+,,%-#(/+9%,-/(3#4#56#*#*#,-/%35#,9+(2f-/%5#,;

31 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(;EY%,-+2(./#, (3*+#+"%*U35%#*#,7#-($(9%#,,'(+"%*+3-+,eW0+*%,7+3,#2 7/(,7+5&'(*+4#56#*#,:

32 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(;EY%,-+2(./#, (3*+#+"%*U35%#*#,7#-($(9%#,,'(+"%*+3-+,eW0+*%,7+3,#2 7/(,7+5&'(*+4#56#*#,:

33 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFELMJNDF>L#7+#2+3-(+27$#3-#,;

34 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(; 34-,+.%4&%#24B-.#&%#%.2+%,%#H J201-$%.B-%#?##14%##--,%# C Da2+-.$-.2#3%.2#&-%,(-.%4%#F DJ%#>32,2B%#&-$4.5%#B-2+*$45%#F J201-$%.B-%%4B%+%##%#-2&-#3,%5%+-.$234-&2+.%2.&-% U52.?4+%962#-&<52+%%=-4$14%&-n;%.-,%#o&-.#3-962H

35 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; a--a-51$%+01%.&2.-5-##<4%#n;%.-,%#o&-.# # >32,2B%&-%.2+%,%25244&%H "a_"_lukuehbg"f"a"la"jxl""s"ed_ugbtdj_uj"j_" EbjU"Yd`X"GUEbJade_bL`UH 3%$2,8B52H

36 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; b524$-&24-(-#>+-.$2&-(-4<#-4-a-51$%&252+&#52&-524$-&2>32 juu`_u/324$2&%%-#3-##14%&24-(-#>+-.$2h U&+-.#62-52.?B14%962&-#$%#n;%.-,%#o#62%#.&5%&%#.%?B14%-/

37 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; 01-#-B1-C Da-44%&2>32jUu`_U-4-#3-5>(2#&#52#F DU.&%+-#+-$<,52#52+42&.7%3%4%+2.$%B-+%$*2g 2 %.&%4>32F D_%=1%#&-+%&-4%3%4%2#%.&%+-#F Dj%44-$%,-(-&-+62TMvBW/$%,7%&-4%#-32.$-42#%?%&2#F Da%52#3,<#>52#$4%.#3%4-.$-3%4%%4-#-4(%&2#3,%5%#4-+2(&%#/ 4-#1,$%.$-#&-#$%#%=-4$14%#F D"013-&-2=4%3%4%23-4%4%#-44%-%+2.$%B-+-&-#+2.$%B-+ &2#%.&%+-#+-$<,52#F D"#5%&%&-%,1+\.2&2>32=2+=-42H

38 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; EY+27$(=<;H+9%'(*+-/%35#3##2#//#&'(*##$"+3#/%##(7%$#/:

39 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#;

40 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#;

41 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#;

42 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#;

43 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+ \`#3+$#,]*+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#;

44 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; EY+27$(=<;H+9%'(*+,(25#"(+2/+"+,12+3-(5+/a2%5(:

45 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; EY+27$(=<;H+9%'(*+,(25#"(+2/+"+,12+3-(5+/a2%5(:

46 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; EY+27$(=<;H+9%'(*+,(25#"(+2/+"+,12+3-(5+/a2%5(:

47 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; EY+27$(=<;H+9%'(*+,(25#"(+2/+"+,12+3-(5+/a2%5(:

48 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; ""#$%&%'(*%+(, "#$%&$'(#*+,+('-+ ""#"-.'%/01.2'0, ""#"01.2'0, ""#01.2'0,/%*-,3, ""#%*-,3, ""#%*-,3,/$%&%'(*%+(, ""#"45+.'"6%"7.+%8.'/2,$(.'"9:''5$.'"-;,6%9# ""#"$,6.2< ""#"+."'%3=,"6,"28.$ ""#45+. ""#"&;. ""#"%+05+1.*%+(, ""#+."'%3=,"6."&;. #."+/,+('-+*'&(0%'12#/( %&(6"+7'86"+9 &:;6+(#+'8&0<(=&+*'0#$=+># ""#"28.$ ""#".*.$$.3=, ""#8.'($, ""#".8&%+.$. ""#$%&'( ""#'$*&'( ""#$%&'( ""#'$*&'( ""#$%&'( ""#'$*&'( ""#$%&'( ""#'$*&'( ""#"+,-,./'0,1/2 ""#"+,-,./'0,1/2"3",04252 ""#"+,-,./'0,1/2"3",04252"3"&678'.&2 ""#"+,-,./'0,1/2"7/9"7""47.," ":"+,-,./'0,1/2 ""#02,+77 "#$%&'#('#*#+#('#%,$-,+#( "#$%$&'(##*#*+*,-./- ":"&678'.&2"""""""""""""""""""""""""" ""#02,+77 ":",04252"&7077";<#""""""""""" ""#02,+77 ":",04252"&7077";=#""""""""""" ""#02,+77,.8,..>+7??????????????? ":"+,-,./'0,1/2,.8,..>+7??????????????? ""#"'1>./+'7('A72,.8,..>+7??????????????? ":",04252"&7077";<#""""""""""",.8,..>+7??????????????? ":",04252"&7077";=#""""""""""".(/.(("0#'+#('#*#+#( ":"&678'.&2""""""""""""""""""""""""""

49 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-([.+/-0/#,*+\`#3+$#,] *+%3,7+&'(3(,/+"+,12+3-(,*+#/9#2#,,#; ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#*+,-, ""#(.(,/ ""# ""#*,/2. ""#3+$'$4,"0$""5$''. ""#.6(+.' ""#($/, ""#,+5,7,'', ""#.6(+.' "#$%&'(*++,-& ""#*$++."-,8$/. "(.#'&'+/*..'(*++,-& "9"3+$$$-2&7$(. "9",+5,7,'',"0$",7,++,41. ""#&$%&'($($ ""#7.0$+,0, ""#+:5&0, "9"+$;6(,7$(. ""#&$%&'($($ "9"+$;6(<="$78.4. ""#&$%&'($($ "9"+$;6(<="$78=8,'$ ""#&$%&'($($ "##$%& ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#$%&'($($ ""#(*(+, ""#-*./0* ""#1.$'$2+"/$""3$''* ""#*4(.*' ""#(&5*,*"678 ""#*4(.*' *9'$.:+2;$' ""#9,*-*":+<+/* ""#9,*-*"-=$&* ">"(&1*"/$"$-4=+?$(* ">"1.$$$-=&?$(* ""#?*/$.+/+ ""#.A3&/+ "#$%&'('&&*&+&$$&'#,-.&/0( ">".$54(BC"$?9C9+'$ ""#&$%&'($($ ""#&$%&'($($ "#$%&'( ">".$54(+?$(* ""#&$%&'($($ ">".$54(BC"$?9*2* ""#&$%&'($($

50 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;<>"#$%#&'(W0#$%-#1"#*(/+"+,12+3-(>D+-+/2%3#&'(*( -+(/*+,0$4#-(#3R*/%5(; [D+"+,+/,($%5%-#*(#($#.(/#-i/%(; D D+-+/2%3#&'(*(-/#&(j-+(/*#2#,,#*+5%2+3-(k+2#-+/%#$ %3+/-+l D D+-+/2%3#&'(*(-+(/*+,0$4#-(#3R*/%5(: D K(/2#*#/+7m.$%5#7(/-090+,#7+$(*+5/+-($+%3 ( V=^n^Ve *+-+/2%3#$%2%-+*+SeXo*(-+(/*+,0$4#-(#3R*/%5(,(./+# 2#,,#*+5%2+3-(j,25k: D TJO*+-+/2%3#-+(/+,*+$%2%-+,2_Y%3(#-+.+$#=p *(,+0.($+12-f53%5(<=Z>4($6#QQ:

51 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; D K(/2#*#/+7m.$%5#7(/-090+,#7+$(*+5/+-($+%3 ( V=^n^Ve*+-+/2%3# $%2%-+*+SeXo*(-+(/*+,0$4#-(#3R*/%5(,(./+#2#,,#*+5%2+3-(j,25k: D TJO*+-+/2%3#-+(/+,*+$%2%-+,2_Y%3(#-+.+$#=p *(,+0.($+12-f53%5(<=Z>4($6#QQ>-+(/$%2%3-+;Ve==o7#/#JOAA:

52 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;Q>"#$%#&'(W0#31-#1"#*(/+"+,12+3-(+3,#%(*+ #//#35#2+3-(*##/9#2#,,#*++2.(&(; cjklmnpgwrgqmqcl-(-#>+-.$2&-3%4-&-#&-%4b%+%##%#.24bi.5%# cg-$-4+.%962&%4-##$^.5%z$4%962h D D G2#Mg$-#$-+1.72#/qw&-(-+$-4(%,24-#+%2421B1%,%2+\.+2 -#$%=-,-5&2.%$%=-,%%=%A2C

53 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;Q>"#$%#&'(W0#31-#1"#*(/+"+,12+3-(; DG-(-$%+=*+#-4%(%,%&223,%.2&-413$14%&2#$-#$-+1.72#.%# 5%+%&%#&-4-(-#>+-.$2H

54 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;Q>"#$%#&'(W0#31-#1"#*(/+"+,12+3-(+3,#%(*+ #//#35#2+3-(*(/+"+,12+3-(5+/a2%5(; cg-$-4+.%962&%4-##$^.5%&-%&-4^.5%&-4-(-#>+-.$2#5-4i+52# %##-.$%&2#52+%4B%+%##%52,%.$-c%.-A2U&%UKJ_JKLMNOppRQSc DqM,2$-52+qS%+2#$4%#01%&4%&%#Mq5+AMq5+H c_%+=*+&-(-#-4%(%,%&223,%.2&-413$14%&24-(-#>+-.$25-4i+52c =W413$14%.2.$-424&%%4B%+%##%52,%.$-F

55 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;Q>"#$%#&'(W0#31-#1"#*(/+"+,12+3-(;

56 cikgagga?dcfhe?efgalekgcfdfmjndf; <:V;Q>"#$%#&'(W0#31-#1"#*(/+"+,12+3-(; H07-0/#3(,0.,-/#-(: H07-0/#3#A3-+/4#5+ /9#2#,,#J($#3-+nO#,1$6#J+/a2%5# H07-0/#*(5(/7(*#/9#2#,,#J($#3-+

57 <:X[EY+27$(7/_15("%,-(/%#*+4#56#*#,+2+*%d5%(,+27/(`+-(,; <:X;<[C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: b-&m #$62$-+-.$4-sq%sp%.2#&-&%&-h [%57%&%[42.$%,[%57%&%X2#$-424

58 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;<>J/%-f/%(,*+"#$%#&'(; D ".#%2 &- %1#51,$% $2&%# &-422?5%,F DX%4%%&-$-4+.%962&% #$41$14%/;1B21D#-.-5-##<42%.#3-962&%##-B1.$-#<4-%#C4-B62.$-4.% &2Mx%.&%4>32/ -#1=#2,2F DU52+3%.7%+-.$2&-$2&22#-4(92&-,-(%.$%+-.$2 324$*5.527%=,$%&2-+%3-%+-.$2-+3,%.$%#H

59 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;Q>O$#3-#,*(2#7+#2+3-(*#,4#56#*#,;

60 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;S>O/%35%7#%,7#-($(9%#,; [K(,0.,($(*(+*%85%(5(3,-#-(0[,+#(5(//U35%#*#,+"+/#5(//(,'(*#,#/2#*0/#,7/%35%7#%,*(,7%$#/+,;

61 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;S>O/%35%7#%,7#-($(9%#,; T[E2"_/%(,7(3-(,#,5(//(,q+,*#,#/2#*0/#,*(, 7%$#/+,*#,4#56#*#,5#0,#/#2#,0#7#/5%#$*+,-/0%&'(;

62 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;S>O/%35%7#%,7#-($(9%#,; J [ G/%35#,,%-0#*#, 3# /+9%'( *+ dy#&'( *# #$"+3#/%# #(403*(*#,"%9#,;

63 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;S>O/%35%7#%,7#-($(9%#,; D[G/%35#,`03-(#,W0%3#,%34+/%(/+,*#,#.+/-0/#,*#, #$"+3#/%#, *#, 4#56#*#,e + +2 #$903, 5#,(,e 5(2 # /07-0/#*(,1`($(,*+.#//(;

64 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;V>E3,#%(,-+53($i9%5(,; >E3,#%(*+J#/.(3#-#&'(;

65 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;V>E3,#%(,-+53($i9%5(,; H+,0$-#*(4(/3+5%*(7(/$#.(/#-i/%(5/+*+35%#*(;

66 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;V>E3,#%(,-+53($i9%5(,; Tabela 01 > rndice m_ximo conforme ACI318. T>E3,#%(*+-+(/*+5$(/+-(,;?#$(/+,K(/2#1"(,; Tabela 02 > rndices m_ximos do teor de Rons cloretos em % sobre a massa de cimento pela NBR 1265/2006.

67 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;V>E3,#%(,-+53($i9%5(,>D+-+/2%3#&'(*(-+(/*+,0$4#-(,,(./+#2#,,#*+5%2+3-(;

68 EY+27$(7/_15( C./#;E*%85%(O+/+W0U>b0#/0`_: <:X;X>O$#3-#,*(,/+4(/&(,+,-/0-0/#%,*(,7%$#/+,;

69 "#$%#&'(*++,-/0-0/#,*+(./#,7#/#$%,#*#,(0+*%85%(,#319(,;

70 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; J2#-.>&2&-%>.B422=;->(234232#$2&-#-%.%,#%41+% #13-4-#$41$14%& $23%4%,#%&%21#-+&251+-.$% >?01-%01%,&%&-&-#$ $2/34+-4%+-.$-/&-(-D#-$ $2&2##-B1.$-#34.5\32#=<#52#C UDE4$*42#&-(#$24%-+#13-4-#$41$14%#& $2%4+%&2&- -&m52#f #13-4-#$41$14%#& $2%4+%&2/-& %$-4%,52.54-$2/2 E D b# 54$*42# 3%4% % %(%,%962 - ;1,B%+-.$2 &% %5-$%962 &- 1+% #13-4-#$41$14%& $2%4+%&2&-1+-&m52H

71 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; J2#-.>&2&-%>.B422=;->(234232#$2&-#-%.%,#%41+% #13-4-#$41$14%& $23%4%,#%&%21#-+&251+-.$% >?01-%01%,&%&-&-#$ $2/34+-4%+-.$-/&-(-D#-$ $2&2##-B1.$-#34.5\32#=<#52#C UDE4$*42#&-(#$24%-+#13-4-#$41$14%#& $2%4+%&2&- -&m52#f #13-4-#$41$14%#& $2%4+%&2/-& %$-4%,52.54-$2/2 E D b# 54$*42# 3%4% % %(%,%962 - ;1,B%+-.$2 &% %5-$%962 &- 1+% #13-4-#$41$14%& $2%4+%&2&-1+-&m52H

72 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC;

73 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; >EW0%7#2+3-(,._,%5(,; - Nível d água; - Fio de prumo; - Metros precisos; - Pacômetro - Lupa graduada; - Fissurômetro; - Marreta; - Ponteiro;

74 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; >EW0%7#2+3-(,+,7+5%#%,*+%3,7+&'(; - Detector de movimento de trincas; - Equipamentos ultrassônicos;

75 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; >EW0%7#2+3-(,+,7+5%#%,*+%3,7+&'(; ; - Esclerometrô de Schimidt. Dj-&&24&- X2$-.5%,&- L-##$^.5%",*$45% L"a`H [2.$-CL2B-4$-5 TgqqSWH

76 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T>C.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#*+5(35/+-(#/2#*(; D (.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#\%3$(5(]f+Y+50-#*# 5(2(+27/+9(*+-/+3#2f-/%5#(0-/+3#$#,+/e5#*#,-/#3*( #,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#+27$#3-#,e+2+,5#$##*+W0#*#l D K(5#,(*#+,-/0-0/#,+//+"+,1*#e*+"+,+/\*+,5(3-#*#]# +,7+,,0/#*+,-+/+"+,12+3-(l D C.-+3&'(*#7/02%5%*#*+*#+,-/0-0/#5(27/02(2#30#$(0 -(7(9/#d#e5#,(3+5+,,%-+*(#$%36#2+3-(*(,7%$#/+,#( $(39(*#,4#56#*#,*(+*%85%(:

77 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T > (.-+3&'( *# 7/02%5%*#*+ f %27(/-#3-+e +2 4#5+*+,+"+/%d5#/,+ (, $%2%-+, *+ 3(/2#, +,-'(,+3*( #-+3*%*(,e *+ 2(*( # +"%-#/ W & # +,-/0-0/#, +,-+`#2 +Y+/5+3*( +, 4 ( / & (, 3 ' ( 7/+"%,-(, 3( 7/(`+-(:

78 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,;

79 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T>C.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#*+5(35/+-(#/2#*(;

80 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T>C.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#*+5(35/+-(#/2#*(; D C.-+3&'(*#6(/%s(3-#$%*#*+*#+,-/0-0/#5(27/02(2#30#$ (0-(7(9/#d#;

81 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T>C.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#*+5(35/+-(#/2#*(; D C.-+3&'(*#6(/%s(3-#$%*#*+*#+,-/0-0/#5(27/02(2#30#$ (0-(7(9/#d#;

82 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; T>C.-+3&'(*#,*%2+3,q+,*#+,-/0-0/#*+5(35/+-(#/2#*(; D C.-+3&'(*#6(/%s(3-#$%*#*+*#+,-/0-0/#5(27/02(2#30#$ (0-(7(9/#d#;

83 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; UKJ_ JKL MPQSMCgqqO c "A &- -#$41$14%# & $2 %4+%&2/ &-$-4+.% 2# #-B1.$-#,+$-# &- &-#%,.7%+-.$2 &% -#$41$14%/%#%=-4C

84 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; UKJ_ JKL MPQSMCgqqO c "A &- -#$41$14%# & $2 %4+%&2/ &-$-4+.% 2# #-B1.$-#,+$-# &- &-#%,.7%+-.$2 &% -#$41$14%/%#%=-4C

85 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;<[J/%-f/%(,*+"%,-(/%#+2,07+/+,-/0-0/#,*+5(35/+-(# #/2#*(*++*%85%(,; UKJ_ JKL MPQSMCgqqO c "A &- -#$41$14%# & $2 %4+%&2/ &-$-4+.% 2# #-B1.$-#,+$-# &- &-#%,.7%+-.$2 &% -#$41$14%/%#%=-4C

86 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;Q>L#7+#2+3-(*#,#3(2#$%#,+27$#3-#,+$#.(/#*#,; -&m52/&-(-d#-%&2$%41+%&4-$4]-r2142$-42#-01-.5%,h b-a%+-32&-52+-9%4%3%4>4&%',>+%,%;-t52=-4$14%w/%$*2 ',>+2#1=#2,2/2.&-#62.#3-52.%&%#$2&%#%#3-9%#-#$41$14%# T,%;-#/(B%#-3,%4-#W/2=-&-5-.&2# #-.>&2&- 5%+.7%+-.$234-(%+-.$--#$%=-,-5&2T%.>D724< <42W/ &-+2&2%+.+]%4%32##=,&%&-&-#--# %.#3-962&- %,B1+%3-9%-#$41$14%,H

87 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;Q>L#7+#2+3-(*#,#3(2#$%#,+27$#3-#,+$#.(/#*#,; b+%3-%+-.$2&-(-4<#-.5%43-,%-#52,7%&%52.( #-.$%>(%/21#-;%/&%#+=2,2B%B4<?5%01-#-4<1>,]%&%3%4% &-.>?5%962-,25%962&%#%.2+%,%#H

88 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;Q>L#7+#2+3-(*#,#3(2#$%#,+27$#3-#,+$#.(/#*#,;

89 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;Q>L#7+#2+3-(*#,#3(2#$%#,+27$#3-#,+$#.(/#*#,;

90 <:X>JHAGEHACFDE?AFGCHAFDEEFGHIGIHFDEJCKJHEGCHLDC; <:X;Q>L#7+#2+3-(*#,#3(2#$%#,+27$#3-#,+$#.(/#*#,;

91 32$-.5%,& $2C U D L-##$^.5% -#>+%&% &2 Z 5%4%5$-4\#>5% &- 342;-$2/ $%,01-2=4B1-2-A% (%962 &%-#$41$14%F K D j1&%.9% &- 1#2 &% -#$41$14%/ 25%#2.%.&2 #2,5$%9:-# # # #2=4-2# -,-+-.$2# -#$41$14%# =4B1- % $2&%5%3%5&%&-4-##$-.$-%$1%,/%?+&-&-$-4+.%4 E D E2+324$%+-.$2.%&-01%&2 &- 1+% -#$41$14% -+ #-4(92/ &2 342;-$2 24B.%,/ 2=4B%.&2 % $2 &%# 5%1#%# &1]-+$%#%,$-4%9:-#oH

92 <:Z;<>EY-/#&'(*+5(/7(,*+7/("#; U4-##$^.5%+-5I.5%&2#52.54-$2#&-1+%-#$41$14%;<-A-51$%&% *-#>+%&%1#1%,+-.$ &--.#%2#Z52+34-##62&-5%42$-# -A$4%\&2# &% +-#+%/ - &- -.#%2#.62 &-#$41>(2#/ $%, 52+2 % -#5,-42+-$4%/ 01- %(%,%/ 4-%,+-.$-/ % &14-]% #13-4?5%, & $2H d#1%,+-.$-3425-&-d#-1++%24.'+-42&--#5,-42+-$4%#&201- &- -A$4%962 &- %+2#$4%#/ ;< 01-/ -#$%# &- %,B1+ +2&2 %.$-B4&%&-&2-,-+-.$2-#$41$14%,-.#%%&2#/%,*+&-#-41+-.#%2 +%#=%4%$2H b#-.#%2#32&-+#-4c D d,$4%##2+f D "#5,-42+-$4%F D E4%(%962&-3.2#H

93 <:Z;<>EY-/#&'(*+5(/7(,*+7/("#; JKLMgSppRqwW/ &%01-2$%+%.72&2,2$-& $2%#-4 %.%,#%&-(%%$-.&-4%C L$.$,'&"&PO'+$+'& SLP.'"#'"(*(+', *T.'+"#'"%*#%+'&,'.O"#'"(*(+',%-'. &L$($,%MN"O+$*($O%L"#&"'L'.'*,&"#%"'&,+P,P+% (.O+'&&N"P" QL'RN"&$.OL'& (.O+'&&N"'"QL'RN UK"< / "#$%&"#'"(*(+',%-'." /0 /0 393=2F:>1">=2355F4GH31"4:5:"25:2:<3=27"83"IF=2:1J /KK"< U.24+%&%UKJ_JKLOSwqRQN/%.&%-#3-5?5%01-n1+%%+2#$4% &-(-# #$%.2+\.+2324#-#$-#$-+1.72#/52+&I+-$42 B1%,21#13-424%Mq5+/-.2+\.+2&-&-]3%4%$-#$-+1.72#52+ /

94 <:Z;<>EY-/#&'(*+5(/7(,*+7/("#; "+1+%-&?5%9623%4%,#%&%21#-+52.$42,-$-5.2,8B52/&-(-D#-,-(%4-+52.$%01-/201-+%.$-+%-#$%=,&%&-&2-&m52#622# 3,%4-#/ 324$%.$2/ 2# -.#%2# &2# $2# &-(-+ #-4 -A-51$%&2#.2#3,%4-#&2-&m52H e%;-#/(b%#-3-9%#,.-%4-#%4-&1962&-4-##$^.5%& $2-+ gq.62.}1^.5%.%#1%5%3%5&%&-4-##$-.$-h X24$%.$2/3%4%&-$-4+.%401%#2#3,%4-##-462-#5232&--A$4%962 &-52432#&-342(%/32&-D#-%&2$%42#-B1.$-54$*42C D a2+%d#- 2 (2,1+- & $ B%&2.% $%B-+ &2# 3,%4-#F DU&2$%D#-1+(2,1+-1#1%,&-5%+.762=-$2.-4%TO+N%w+NWH

95 <:Z;<>EY-/#&'(*+5(/7(,*+7/("#>4(/2#&'(*(,$(-+,+27$#3-#; _2$%,qw,2$-#H _2$%,Mq5%42$-#H GI+-$42Op++H?+/2+$6(-+//+(: s0$<17(:

96 U%(%,%962&%4-##$^.5%Z52+34-##62-A-51$%&%3-,2+*$2&2.62 &-#$41>(21>,]%.&2-#5,-4V+-$42&-a57+&$=%#-%D# \32 &%%962-4-%962/32#/%7%#$-+-$<,5% :-2-013%+-.$ (-1++3%5$2#2=4-%#13-4m5-& $2-.&14-5&2/%2 01%, 5244-#32.&- % 1+% 4-% ( ,<#>52 &% +2,%&2%3%4-,72H U,-$14% &-#$ \.&5- -#5,-42+*$452Hb\.&5--#5,-42+*$4522=>&2T $1%,&% +2,%W*201-&-$-4+.%%&14-]%#13-4?5%,& $2H U,-$14% &-#$ \.&5- -#5,-42+*$452Hb\.&5--#5,-42+*$4522=>&2T $1%,&% +2,%W*201-&-$-4+.%%&14-]%#13-4?5%,& $2H

97 <:X:S>?EHAMAJBCDJCKMCHLADDEDCJCKJHEGC a57+&$.% a1\9%/ -,%= (%# & ,%962 -.$4- % &14-]% #13-4?5%, 2=>&% T $1%, &% +2,%W - % 4-##$^.5% Z ##62& $2Z3%4>4&2-.#%2&-+%#&-Mqqq 52432#&-342(%H j-,724&201-%1>,]%962&-#$%514(%&-5244-,%962*%-,%=24%962 &-.2(%#514(%#3%4%52432#&-342(%+2,&%&2# $201- #-4<%.%,#%&2H J25%#2-+3%1$%/$4%$%D#-/324$%.$2&-+*$2&2.62&-#$41>(23%4% % %(%,%962 &% 4-##$^.5% Z ##62 & $2 1>,]%&2.% -#$41$14%.%5%=%&% - ;< -A-51$%&%/ ##1 4-B#$42 &%# 4-##$^.5%# 2=>&%# ,&%B-+ & # &- 342(% &14%.$- %# $%B-.#H

98 <:X:S>?EHAMAJBCDJCKMCHLADDEDCJCKJHEGC a57+&$.% a1\9%/ -,%= (%# & ,%962 -.$4- % &14-]% #13-4?5%, 2=>&% T $1%, &% +2,%W - % 4-##$^.5% Z ##62& $2Z3%4>4&2-.#%2&-+%#&-Mqqq 52432#&-342(%H j-,724&201-%1>,]%962&-#$%514(%&-5244-,%962*%-,%=24%962 &-.2(%#514(%#3%4%52432#&-342(%+2,&%&2# $201- #-4<%.%,#%&2H J25%#2-+3%1$%/$4%$%D#-/324$%.$2&-+*$2&2.62&-#$41>(23%4% % %(%,%962 &% 4-##$^.5% Z ##62 & $2 1>,]%&2.% -#$41$14%.%5%=%&% - ;< -A-51$%&%/ ##1 4-B#$42 &%# 4-##$^.5%# 2=>&%# ,&%B-+ & # &- 342(% &14%.$- %# $%B-.#H

99 <:X:S>?EHAMAJBCDJCKMCHLADDEDCJCKJHEGC "A#$-+ (<4%#,+$%9:-# 3%4% % 5244-,%962 +%# &% &14-]% #13-4?5%, Z 4-##$^.5% Z ##62 %$1%, & $2-+34-B%&2.%#-#$41$14%#/-&-.$4--,%# &-#$%5%+2#C %W U 514(% +34-##%.2 %3%4-, #-.$% % 01- &-(-4% #-4 %&2$%&%3%4% $2-+-A%+-F =W U &%&- & $2 -+ -A% #32.&- Z & $2 -.#%%&2 3%4% 2 $4%9%&2 &%# 514(%# & ,%962 &2 -#5,-4V+-$42 aehj`g_f 5W "+ #13-4m5-# 5%4=2.%$%&%#/ %#2 &% #13-4m5- & $2-+-A%+-/2\.&5--#5,-42+*$452*+%;24%&2F &W U #13-4m5- & $2 -+ -A%+-/ #-.$% 2

100 <:X:S>?EHAMAJBCDJCKMCHLADDEDCJCKJHEGC -,%=24%+2#.2(%# 514(%# & ,%962 %&2$%.&2 2# 54$*42# 52.#$%.$-# %=%A2/ # 3-4+$- 2=$-4 &2# \.&5-# -#5,-42+*$452#(%,24-#348A+2#21-#>+%&2#%%01-,-#01-#-4%+ 2=>&2# #- -A-51$<##-+2# +%24.'+-42 &- -A$4%9:-# &-

101

102 7$%5#&'( *+ 5(+d5%+3-+, *+ 7(3*+/#&'( *#, /+,%,-U35%#, 3( U.24+%JKLSMMwRgqqN/34-(^.2$-+MgHPHM/201-#-B1-C n U&+$-D#-/.2 5%#2 &- $-#$-+1.72# -A$4%\&2# &% -#$41$14%/ &(&42(%,24&-t5324M/MHo "#$% &-$-4+.%962 5%=- %2 342;->#$% &% -#$41$14% B &-#$-52-?5-.$-&-$-4+.%&2.%.24+%H

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO Segue abaixo dados das DDMs que mudaram para o PCASP, tanto as que mudaram de nome como as que mantiveram o mesmo nome. Para estas, os campos que serão excluídos (em 2015) estão em vermelho e os campos

Leia mais

Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães. Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães. Diretor de Operações Adriano de Magalhães

Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães. Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães. Diretor de Operações Adriano de Magalhães Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães Diretor de Operações Adriano de Magalhães Manual de Abastecimento de Água pág. 2 !"!#$$ %"&'()*%+,%-%+,%./&01

Leia mais

! "#" $ %&& ' ( )%*)&&&& "+,)-. )/00*&&& 1+,)-. )/00*&2) (5 (6 7 36 " #89 : /&*&

! # $ %&& ' ( )%*)&&&& +,)-. )/00*&&& 1+,)-. )/00*&2) (5 (6 7 36  #89 : /&*& ! "#" %&& ' )%*)&&&& "+,)-. )/00*&&& 1+,)-. )/00*&2) 3 4 5 6 7 36 " #89 : /&*& #" + " ;9" 9 E" " """

Leia mais

Município de Gondomar. Resumo. 97.037,18 97.037,18 6737 401 04 99D Outras construções Anfiteatro junto à Igreja de Medas

Município de Gondomar. Resumo. 97.037,18 97.037,18 6737 401 04 99D Outras construções Anfiteatro junto à Igreja de Medas 3196 31 4 4D Equipamentos não integrados nos Deposito de aguas das oliveiras 29-6-2 19.75,81 151,716.257,33 637 41 4 5D Cemitérios (construções, vedações e Cemiterio de Melres - novo 31-12-29 25.887,49

Leia mais

! &! $ '()*+,-./01234435 #78!99

! &! $ '()*+,-./01234435 #78!99 1 ! ""#$ %! &! $ '()*+,-./01234435 634432 #78!99 #:;&9 2 !" # " $!" %" # $ &'()*+(,$$#% -.*/0(1)2)3425 3 Marcelo O. Coutinho de Lima 4 )*+, 9 82 "! 9!2 $ $ $?$@; *7 A> =" " ); B$" 9 $

Leia mais

Monitoramento e diagnóstico CONSULTORÍA DE INGENIERÍA PARA SOLUCIONES INTEGRADAS. Detecção de vazamentos

Monitoramento e diagnóstico CONSULTORÍA DE INGENIERÍA PARA SOLUCIONES INTEGRADAS. Detecção de vazamentos Monitoramento e diagnóstico CONSULTORÍA DE INGENIERÍA PARA SOLUCIONES INTEGRADAS Detecção de vazamentos Monitoramento e diagnóstico Para as melhores decisões, o estudo preciso Detecção de vazamentos Nossas

Leia mais

7 * ": ) : : I* 5 6 7 < : # G I9 9 4 M N O* P " 7 "! M * : : # M

7 * : ) : : I* 5 6 7 < : # G I9 9 4 M N O* P  7 ! M * : : # M 7 ": ) : : I 5 6 7 < : # G I9 9 4 M N O P " 7 "! M : : # M # Q 7 97 8 ! # # I ) H3"K # : R : : 9 M ) # 9# Q ; : 9 : IM Q ; 9M O H8 7B3B K : 9 ) 4 4; 9 < : ) 9 # : M :!# ; : N : " 3 S T! S U # I T S # H3"K

Leia mais

Percentual de Reajuste: 12,98% Período de aplicação: 05/2014 a 04/2015

Percentual de Reajuste: 12,98% Período de aplicação: 05/2014 a 04/2015 A001 AMBULATORIAL+HOSPITALAR COM OBSTETRICIA - APARTAMENTO 705.115/99-8 NOVEMBRO/2014 A001 AMBULATORIAL+HOSPITALAR COM OBSTETRICIA - ENFERMARIA 705.114/99-0 NOVEMBRO/2014 A012 AMBULATORIAL+HOSPITALAR COM

Leia mais

II SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA EM EDIFICAÇÕES

II SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA EM EDIFICAÇÕES Painel 2 VISTORIAS E INSPEÇÕES PREDIAIS SEGURANÇA DAS ESTRUTURAS DAS EDIFICAÇÕES 01 1. RAZÕES PARA AS VISTORIA 1. DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS TÉCNICOS DE INSPEÇÕES 3. PROCEDIMENTOS PREVENTIVOS

Leia mais

REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS

REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MATERIAIS E CONSTRUÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM CONSTRUÇÃO CIVIL REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS MÔNICA DANTAS

Leia mais

Relatório de reforma. Edifício XXXXX

Relatório de reforma. Edifício XXXXX Laudo Relatório de reforma Edifício XXXXX Elaborado por: Luís Ricardo Pinheiro Lima Página 1 de 8 1. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO PRESTADORA DO SERVIÇO (CONTRATADA) Empresa: Pinheiro Lima Engenharia Ltda.

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO ENSAIO DE ULTRASSONOGRAFIA PARA A INVESTIGAÇÃO DE PATOLOGIA ESTRUTURAL

UTILIZAÇÃO DO ENSAIO DE ULTRASSONOGRAFIA PARA A INVESTIGAÇÃO DE PATOLOGIA ESTRUTURAL PATOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES UTILIZAÇÃO DO ENSAIO DE ULTRASSONOGRAFIA PARA A INVESTIGAÇÃO DE PATOLOGIA ESTRUTURAL Rodrigo Moysés Costa (1); Ubirajara Alvim Camargos (2) (1) Professor Doutor, Departamento

Leia mais

PEA 2400 - MÁQUINAS ELÉTRICAS I 60 CARACTERIZAÇÃO DAS PERDAS E RENDIMENTO NO TRANSFORMADOR EM CARGA: PERDAS NO FERRO (HISTERÉTICA E FOUCAULT)

PEA 2400 - MÁQUINAS ELÉTRICAS I 60 CARACTERIZAÇÃO DAS PERDAS E RENDIMENTO NO TRANSFORMADOR EM CARGA: PERDAS NO FERRO (HISTERÉTICA E FOUCAULT) PEA 400 - MÁQUINAS ELÉTRICAS I 60 CARACTERIZAÇÃO DAS PERDAS E RENDIMENTO NO TRANSFORMADOR EM CARGA: PERDAS NO FERRO (HISTERÉTICA E FOUCAULT) PERDAS CONSTANTES: p C INDEPENDENTES DA CARGA EFEITO DO CAMPO

Leia mais

Descolamento de Revestimentos de Argamassa Aplicados sobre Estruturas de Concreto Estudos de casos brasileiros

Descolamento de Revestimentos de Argamassa Aplicados sobre Estruturas de Concreto Estudos de casos brasileiros Descolamento de Revestimentos de Argamassa Aplicados sobre Estruturas de Concreto Estudos de casos brasileiros Helena CARASEK Escola de Engenharia Civil/ Universidade Federal de Goiás Brasil hcarasek@eec.ufg.br

Leia mais

NCE/10/01256 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/10/01256 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/01256 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/01256 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Rita Alexandra Manso Araújo. As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde. Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais

Rita Alexandra Manso Araújo. As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde. Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais Rita Alexandra Manso Araújo As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde UMinho 2012 Rita Alexandra Manso Araújo As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde Universidade

Leia mais

"* + "* + ")"* + ")"* +

* + * + )* + )* + * + * + %& '( %& '( )* + )* + ),-./ 0 ( ( ),1.2./ 0 ( ( 0(0*33** 0(7 4 % & % &' % ( ) * & )+ ', + ---. % / -. + +) /0.- 1 2. 0. 3 + (4 % 7 +4 -' & 1 1' *88** 1&0 % ' % 1 9 1 1 1 % (4 (4 +272 4 1 & 9+

Leia mais

! &" #$& "% '()) '()' 4 )* * +, ' -./ )* 0' ( ' 1% +, 2 ' 3 -./ $ * + *,-. / #. 0! " 1 $ 2 3 # $ $ % & ' 4 " *.! " * 5 5+ * 6 7 # - 7 # ( $ % & '

! & #$& % '()) '()' 4 )* * +, ' -./ )* 0' ( ' 1% +, 2 ' 3 -./ $ * + *,-. / #. 0!  1 $ 2 3 # $ $ % & ' 4  *.!  * 5 5+ * 6 7 # - 7 # ( $ % & ' ! " # $ % ! &" #$& "% '()) * + *,-. / #. 0! " 1 $ 2 3 # $ $ % & ' '()' 4 " *.! " * 5 5+ * 6 7 # - 7 # ( $ % & ' 4 )* * +, ' -./ )* 0' ( ' 1% +, 2 ' 3 -./ $ 3 4 SUMÁRIO MATERIAL DE ATUAÇÃO PRÁTICA PARA

Leia mais

Câmara dos Deputados Praça 3 Poderes Consultoria Legislativa Anexo III - Térreo Brasília - DF

Câmara dos Deputados Praça 3 Poderes Consultoria Legislativa Anexo III - Térreo Brasília - DF Henrique Leonardo Medeiros Consultor Legislativo da Área II Direito Civil e Processual Civil, Direito Penal e Processual Penal, de Família, do Autor, de Sucessões, Internacional Privado Câmara dos Deputados

Leia mais

PATOLOGIAS NOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS

PATOLOGIAS NOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS Setembro, 2009 PATOLOGIAS NOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS 1 O QUE NÃO QUEREMOS: O QUE NÃO QUEREMOS, MESMO!! 2 NUNCA!!!! JAMAIS! 3 NA MINHA OBRA NÃO! Fonte:FUMEC É CADA UMA... 4 JÁ? TÃO CEDO...

Leia mais

Luckas Andre Farias. Criptografia em hardware usando VHDL aplicado a VOIP

Luckas Andre Farias. Criptografia em hardware usando VHDL aplicado a VOIP Luckas Andre Farias Criptografia em hardware usando VHDL aplicado a VOIP Londrina 2012 Luckas Andre Farias Criptografia em hardware usando VHDL aplicado a VOIP Trabalho de Conclusão de curso apresentado

Leia mais

A LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS NA CIDADE DE CRATO-CE: O USO EM CONTEXTOS RELIGIOSOS

A LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS NA CIDADE DE CRATO-CE: O USO EM CONTEXTOS RELIGIOSOS XVI Semana de Iniciação Científica e II Semana de Extensão de 21 a 26 de outubro de 213 ISSN: 1983-8174 Universidade Regional do Cariri - URCA - Crato, Ceará A LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS NA CIDADE DE

Leia mais

*+)&'',-.*..! 1!2' 3 % 3 45, 1 " "2 1 7 899::: 1 % 1% 0 1! 2 3 ;

*+)&'',-.*..! 1!2' 3 % 3 45, 1  2 1 7 899::: 1 % 1% 0 1! 2 3 ; ! "#$%&'() *+)&'',-.*..! /"%! 0 1!2' 3 % 3 45, 1 6"' " "2 1 7 899::: 1 % 1% 0 1! 2 3 ; 31!< =5"30 1>??;2%@ A< C0! B' 5"#$ ! " #! " $%! " $%&'(! " "$%)(! " $% ""*' " # " #+ " "'+ '( " " ) % ",#, ", #+,

Leia mais

-!"%!%"/$#/"1%+,# *$#/"1% +,#4"*5+-!"# $*/"1% +,#!+$/$*-3/"!+9+3/!*- : 0%;#$*+ <#"./&8*- =!%0#-*.9#("/ &/4"*5+-!"# $*0#!* *5+-!"#$*!/06**5.*!

-!%!%/$#/1%+,# *$#/1% +,#4*5+-!# $*/1% +,#!+$/$*-3/!+9+3/!*- : 0%;#$*+ <#./&8*- =!%0#-*.9#(/ &/4*5+-!# $*0#!* *5+-!#$*!/06**5.*! 1 "#$%&'# ()*+,#-$#./ %/0 -"%%"/$#/"1%+,# #.3#-+&'#$#/"1% +,# #*$*-*",++"#$%# *5+-"#$*$*/06* (-*",/&8*- *$#/"1% +,#4"*5+-"# $*/"1% +,# *5+-"#$*/"1% +,# *",++"#$%# #("/ &/ *-9"+&'#$#3"#9*--# ()*+,#

Leia mais

Siemens AG 2009 SIRIUS SENTRON SIVACON. Catálogo LV 90 2009. Baixa Tensão Corte, protecção e comando. Answers for industry.

Siemens AG 2009 SIRIUS SENTRON SIVACON. Catálogo LV 90 2009. Baixa Tensão Corte, protecção e comando. Answers for industry. SIRIUS SENTRON SIVACON Catálogo LV 90 2009 Baixa Tensão Corte, protecção e comando Answers for industry. Interruptores de corte em carga, sistemas de barramentos SENTRON 8US Introdução Tipo 3NP 1 3K 3NJ4

Leia mais

! "# $%% & ' -. & / " 0 1 ' $%%)$%%2- " $%%$ $%%+ 0 1 " 3 4 5" 6 4 78.1 " 8 9 (8, 98 "81 94(8 '9, - 7 " 8 9 14 9" -8 /=9> ($*;$%%," < - 4 9 8 1

! # $%% & ' -. & /  0 1 ' $%%)$%%2-  $%%$ $%%+ 0 1  3 4 5 6 4 78.1  8 9 (8, 98 81 94(8 '9, - 7  8 9 14 9 -8 /=9> ($*;$%%, < - 4 9 8 1 !! # $%% & ' '()*+, -. & / 0 1 ' $%%)$%%2- $%%$ $%%+ 0 1 3 4 5 6 4 78.1 8 9 (8, 98 81 94(8 '9, - 7 8 9 14 9 8 9787 - ' - : -8 $%%)$%%-0-- 81.2+;2;< -8 /=9> ($*;$%%, < - 4 9 8 1?180=4'1(@;, 4 7$*; ; = 8

Leia mais

NCE/12/00311 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/12/00311 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00311 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00311 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de presentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão

Leia mais

A importância dos projetos no processo (executivo de paredes de concreto)

A importância dos projetos no processo (executivo de paredes de concreto) A importância dos projetos no processo (executivo de paredes de concreto) - Fatores Críticos de Sucesso Francisco Paulo Graziano Características necessárias das estruturas dos em parede estrutural Facilidade

Leia mais

D E P E R Í C I A T É C N I C A

D E P E R Í C I A T É C N I C A MOACYR MOLIINARII perito engenheiro L A U D O D E P E R Í C I A T É C N I C A Que faz MOACYR MOLINARI, brasileiro, casado, residente à rua, Curitiba-PR, professor universitário e engenheiro civil, portador

Leia mais

SEGURO FATURAMENTO AGRÍCOLA. Condições Gerais

SEGURO FATURAMENTO AGRÍCOLA. Condições Gerais SEGURO FATURAMENTO AGRÍCOLA Condições Gerais VERSÃO 1.3 CNPJ 28.196.889/0001-43 Processo SUSEP nº 15414.001668/2011-41 Condições Gerais Seguro Faturamento Agrícola versão 1.3 / Processo SUSEP nº 15414.001668/2011-41

Leia mais

INSPEÇÃO PREDIAL: ESTUDO DE CASO DE UM EDIFÍCIO RESIDENCIAL, CRICIÚMA - SC

INSPEÇÃO PREDIAL: ESTUDO DE CASO DE UM EDIFÍCIO RESIDENCIAL, CRICIÚMA - SC RESUMO INSPEÇÃO PREDIAL: ESTUDO DE CASO DE UM EDIFÍCIO RESIDENCIAL, CRICIÚMA - SC Anderson dos Santos Costa (1), Evelise Chemale Zancan (2); UNESC Universidade do Extremo Sul Catarinense (1)andersoncric@hotmail.com.br,

Leia mais

RELATÓRIO DE VISTORIA DE REFORMA Programa de Ação Cooperativa - Estado Município

RELATÓRIO DE VISTORIA DE REFORMA Programa de Ação Cooperativa - Estado Município RELATÓRIO DE VISTORIA DE REFORMA Programa de Ação Cooperativa - Estado Município EE JARDIM XXXXX XXXXXXXXXXX - XXXXXXX MUNICÍPIO CÓDIGO 00.00.000 OBJETO DO CONVÊNIO: Xxxxxxx DATA: 00.00.2008 Profissional

Leia mais

DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO. Prof. Bernardo F Tutikian

DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO. Prof. Bernardo F Tutikian DIAGNÓSTICO, ENSAIOS PARA DIAGNÓSTICO E TIPOS DE INTERVENÇÃO Prof. Bernardo F Tutikian Desempenho das Construções Problemas patológicos Quando uma edificação fica doente, ou apresenta algum problema em

Leia mais

Se o ABC é isóscele de base AC, determine x.

Se o ABC é isóscele de base AC, determine x. LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE MATEMÁTICA PROFESSOR MOABI QUESTÃO I Nas figuras abaixo, o CBA é congruente ao CDE. Determine o valor de x e y. QUESTÃO II Num triângulo, o maior lado mede 26 cm,

Leia mais

! " #! $! %! " & ' ( )!! " * + " *, %

!  #! $! %!  & ' ( )!!  * +  *, % ! " #! $! % "! &' ( )!! " * + " *, % ! " # $ %!"#$%#&'()%#*&+ *', #%!-").%",')/&%001 #2% '.32"!'.)%#%2'%%4"'&)'#.)* *.'*#' 2)%#&"'&)' *'!&%5'/65*#'& &*#78% 2*5#%#2)'29:* #;!')*

Leia mais

DANIEL PEREIRA PARREIRAS DE BRAGANÇA

DANIEL PEREIRA PARREIRAS DE BRAGANÇA !" Monografia para finalização de curso de especialização em Odontologia Legal Faculdade de Odontologia de Piracicaba da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) DANIEL PEREIRA PARREIRAS DE BRAGANÇA

Leia mais

CICLO DE PALESTRAS OBRAS EM CONDOMÍNIOS: PRECAUÇÕES E RESPONSABILIDADES

CICLO DE PALESTRAS OBRAS EM CONDOMÍNIOS: PRECAUÇÕES E RESPONSABILIDADES CICLO DE PALESTRAS OBRAS EM CONDOMÍNIOS: PRECAUÇÕES E RESPONSABILIDADES INSPEÇÃO PREDIAL CHECK UP E PREVENÇÃO DE ACIDENTES IBAPE/SP Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia de São Paulo

Leia mais

DIMENSIONAMENTO. Versão 2014 Data: Março / 2014

DIMENSIONAMENTO. Versão 2014 Data: Março / 2014 5 DIMENSIONAMENTO Versão 2014 Data: Março / 2014 5.1. Parâmetros para o dimensionamento... 5.3 5.1.1. Escolha de parâmetros... 5.3 5.1.2. Tipologia construtiva da instalação predial... 5.3 5.1.3. Pressão

Leia mais

poder de compra x custo da construção poder de compra:

poder de compra x custo da construção poder de compra: w ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO poder de compra x custo da construção poder de compra: - Conceito Geral - Engenheiro Civil - Ph.D. (85)3244-3939 (85)9982-4969 luisalberto1@terra.com.br custo

Leia mais

! $&% '% "' ' '# ' %, #! - ' # ' ' * '. % % ' , '%'# /%, 0! .!1! 2 / " ') # ' + 7*' # +!!! ''+,!'#.8.!&&%, 1 92 '. # ' '!4'',!

! $&% '% ' ' '# ' %, #! - ' # ' ' * '. % % ' , '%'# /%, 0! .!1! 2 /  ') # ' + 7*' # +!!! ''+,!'#.8.!&&%, 1 92 '. # ' '!4'',! "#$%% $&% '% "' ' '# '"''%(&%') '*'+&%'# ),'#+# ' %, # - ' # ' "%'''' ' * '. % % ', '%'# ''''') /%, 0.1 2 / " ') 33*&,% *"'",% '4'5&%64'' # ' + 7*' # + "*''''' 12''&% '''&")#'35 ''+,'#.8.&&%, 1 92 '. #

Leia mais

PROJETOHORTAEMCASA. Manualdo. Apoio. Realização CDHU PREFEITUR A DE SÃO PAULO VERDE E MEIO AMBIENTE. Instituto GEA

PROJETOHORTAEMCASA. Manualdo. Apoio. Realização CDHU PREFEITUR A DE SÃO PAULO VERDE E MEIO AMBIENTE. Instituto GEA M RJETHRTAEMCAA CM LANTAR E CLHER ALIMENT EM CAA 201 A Rzçã Ch Dvv Hb Ub CDHU I GEA é b REFEITUR A DE Ã AUL VERDE E MEI AMBIENTE FhTé Ebçã Tx Agô Jé Lz Ch T Nh Rh Rvã A M Dg Lz Egá j Nh Rh Rq L R Rf Tv

Leia mais

!"#$%&'$!&( * # +,-# (. & $/ # () + $ $ + % & $ $ 01 '% 213(4 $,56 5$4 & $ ( 7$ (#%

!#$%&'$!&( * # +,-# (. & $/ # () + $ $ + % & $ $ 01 '% 213(4 $,56 5$4 & $ ( 7$ (#% 1!!"# $$%& $' '% #$ '( & ) $ * # +,-# (. & $/ # () + $ $ + % & $ $ 01 '% 213(4 $,56 5$4 & $ ( 7$ (#% $' '% #$ '( & ) $ 2 $"$)*+$,%! +)!$" +)&,%$*-+'+&.",$'+ / +)&,%$*-+'$&.,$*0&'+$,%! 1)!+23.!'+ 4 +)&,%$*-+'+&".5+&'$!5$

Leia mais

REVESTIMENTO CERÂMICOS

REVESTIMENTO CERÂMICOS SEMINÁRIOS DE AVALIAÇÕES E PERÍCIAS DE ENGENHARIA REALIZAÇÃO: IBAPE NACIONAL E IBAPE PR Dias 18 e 19 de setembro de 2014 Foz do Iguaçu-PR II Seminário Nacional de Perícias de Engenharia PERÍCIAS EM FACHADAS

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE INSPEÇÃO PREDIAL ENGENHARIA DIAGNÓSTICA

LAUDO TÉCNICO DE INSPEÇÃO PREDIAL ENGENHARIA DIAGNÓSTICA LAUDO TÉCNICO DE INSPEÇÃO PREDIAL ENGENHARIA DIAGNÓSTICA SUMÁRIO 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1.1 Dos dados 1.2 Identificação do imóvel 1.3 Tipologia 2. OBJETIVOS 2.1 Critérios utilizados 2.2 Nível de inspeção

Leia mais

Capítulo 9. signum. Dispositivos de comando e sinalização

Capítulo 9. signum. Dispositivos de comando e sinalização Capítulo 9 signum Dispositivos de comando e sinalização SIGUARD Safety Integrated Técnica de segurança Sinalizador 8WD Com lâmpada incandescente e LED Diâmetro Ømm Pág. Tabela de escolha 9/ Acessórios

Leia mais

Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota:

Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Escola: ( ) Atividade ( ) Avaliação Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Questão 1 (OBMEP RJ) Num triângulo retângulo, definimos o cosseno de seus ângulos agudos O triângulo retângulo da figura

Leia mais

MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS

MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS MANUTENÇÃO DAS ESTRUTURAS METALICAS COM UTILIZAÇÃO DOS ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS RESUMO. Engº. Fabio Gomes da Costa; M.Sc* *Engenheiro Civil Pós-Graduado Engenharia e Ciências dos Materiais e Processos Metalúrgico

Leia mais

! "# $ % "& ' ( ) % Domingos Almeida 2005 Fisiologia e Tecnologia Pós-colheita Pós-graduação em Fruticultura Instituto Superior de Agronomia

! # $ % & ' ( ) % Domingos Almeida 2005 Fisiologia e Tecnologia Pós-colheita Pós-graduação em Fruticultura Instituto Superior de Agronomia ! "# $ % "& ' ( ) % * +,% + - -., /& '- + - -#-.( ) # ' " (. )., 0. "& q = ha( T T ) s!"#$% & ' & ( q x = ka dt dx! #)$% & ' & (, *+ 4 q = εσat σ!*+!,!-.,/&0 % ' 3 3 ) q c = UA( T Te) i 4! $%(! 5/$ ( 6!7"$%

Leia mais

O que é durabilidade?

O que é durabilidade? DURABILIDADE DAS ESTRUTURAS DE CONCRETO ARMADO Profa. Eliana Barreto Monteiro 1 Conceito de Durabilidade O que é durabilidade? A durabilidade é a capacidade que um produto, componente ou construção possui

Leia mais

ACEF/1112/13457 Parecer do RIES sobre intenção de decisão

ACEF/1112/13457 Parecer do RIES sobre intenção de decisão ACEF/1112/13457 Parecer do RIES sobre intenção de decisão ACEF/1112/13457 Parecer do RIES sobre intenção de decisão Parecer da Instituição de Ensino Superior à Intenção de Decisão do Conselho de Administração

Leia mais

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação!" !" $%& '( ) %) * +, - +./0/1/+10,++$.(2

Leia mais

NBR5410 SOB O PONTO DE VISTA DA SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO. Ivan Faccinetto Bottger www.firesafetybrasil.com

NBR5410 SOB O PONTO DE VISTA DA SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO. Ivan Faccinetto Bottger www.firesafetybrasil.com NBR5410 SOB O PONTO DE VISTA DA SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO Ivan Faccinetto Bottger www.firesafetybrasil.com PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS DA NBR5410 As instalações elétricas devem ser concebidas e construídas

Leia mais

INSPEÇÃO E MONITORAMENTO DE EDIFÍCIOS COM ESTRUTURA EM CONCRETO ARMADO

INSPEÇÃO E MONITORAMENTO DE EDIFÍCIOS COM ESTRUTURA EM CONCRETO ARMADO INFORMAÇÕES OBJECTIVOS Detalhar e analisar a inspeção de edifícios, avaliando os fatores que a influenciam e as ferramentas disponíveis. Dar a conhecer os diferentes tipos de ensaios experimentais em edifícios,

Leia mais

Má execução de obras de Engenharia com estudo de casos

Má execução de obras de Engenharia com estudo de casos Má execução de obras de Engenharia com estudo de casos Engª MsC Silvania Miranda do Amaral Engenheira Civil e de Segurança do Trabalho Especialista em Georreferenciamento Mestre em Engenharia Civil Má

Leia mais

www.norgren.com.br Norgren Ltda. Av. Engº Alberto de Zagottis, 696B Fone: 55 11 5698-4000 Fax : 55 11 5698-4001

www.norgren.com.br Norgren Ltda. Av. Engº Alberto de Zagottis, 696B Fone: 55 11 5698-4000 Fax : 55 11 5698-4001 Norgren Ltda. Av. Engº Alberto de Zagottis, 696B Fone: 55 11 5698-4000 Fax : 55 11 5698-4001 O Globo, Norgren e IMI são marcas registradas IMI Norgren Limited 2003 Devido a nossa política de contínuo desenvolvimento,

Leia mais

#$ %& $!"#" $ ' " $ ) *+,- #$ %&.

#$ %& $!# $ '  $ ) *+,- #$ %&. !" #$ %& $!"#" $ ' ($ " $ ) *+,- #$ %&. 1 1 1 2 % & '... 3 ( )#* % #... 6 (+'!,!"-#!"."...6 (+'+'!"/0... 6 (+'+(!, "1/2 "34 5... 6 /'/' 0... 6 (+'+(+'+' 102 " 3 5... 7 (+'+(+'+( -, 6",!... 8 (+'+(+'+7

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO ANÁLISE DE PATOLOGIAS EDIFÍCIO BLOCO- C SQN 408 BRASÍLIA - DF

RELATÓRIO TÉCNICO ANÁLISE DE PATOLOGIAS EDIFÍCIO BLOCO- C SQN 408 BRASÍLIA - DF RELATÓRIO TÉCNICO ANÁLISE DE PATOLOGIAS EDIFÍCIO BLOCO- C SQN 408 BRASÍLIA - DF Francisco Alves Farias Neto Engenheiro Civil Setembro 2012 1 FACHADA PRINCIPAL EDIFÍCIO BLOCO- C SQN 408 BRASÍLIA - DF 2

Leia mais

Patologia em Revestimentos de Fachada

Patologia em Revestimentos de Fachada PATOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES Revestimentos de 1 Nome:Fernando Marques Ribeiro Matricula: 27667 Docente: Orlando Carlos B. Damin Artigo: Fonte: Editora: Ordem dos Engenheiros Região Norte / 2011 Autores: Ana

Leia mais

MANUAL DO FABRICANTE:

MANUAL DO FABRICANTE: MANUAL DO FABRICANTE: ALVENARIA ESTRUTURAL Características e especificações, instruções de transporte, estocagem e utilização. GESTOR: Engenheiro civil EVERTON ROBSON DOS SANTOS LISTA DE TABELAS Tabela

Leia mais

ESTADOS LIMITES DE SERVIÇO SEGUNDO A NBR 6118

ESTADOS LIMITES DE SERVIÇO SEGUNDO A NBR 6118 Universidade Federal de Santa Maria Departamento de Estruturas e Construção Civil ESTADOS LIMITES DE SERVIÇO SEGUNDO A NBR 6118 Eng. Gerson Moacyr Sisniegas Alva MOTIVAÇÃO INICIAL Alunos de graduação Engenharia

Leia mais

PLANIMETRIA. Laboratório de Topografia e Cartografia - CTUFES

PLANIMETRIA. Laboratório de Topografia e Cartografia - CTUFES PLANIMETRIA Medidas Lineares DV DH Distância Horizontal (DH): é a distância medida entre dois pontos, no plano horizontal. Este plano pode, conforme indicado na figura, passar tanto pelo ponto A, quanto

Leia mais

O Projeto da Estação UFF de Ensaio Natural de Revestimentos de Paredes

O Projeto da Estação UFF de Ensaio Natural de Revestimentos de Paredes O Projeto da Estação UFF de Ensaio Natural de Revestimentos de Paredes Ivan Ramalho de Almeida Regina Helena F. de Souza Maria do Rosário Veiga Prof. da Universidade Federal Fluminense, Niterói (RJ) Brasil

Leia mais

Norma da ABNT vai regulamentar reformas

Norma da ABNT vai regulamentar reformas Norma da ABNT vai regulamentar reformas 3 de maio de 2014 6 0 11 Acidentes acontecem quando menos se espera, e muitas vezes causados pelos motivos mais ingênuos que se possa imaginar. Em condomínios a

Leia mais

CAPÍTULO III SISTEMAS ESTRUTURAIS CONSTRUÇÕES EM ALVENARIA

CAPÍTULO III SISTEMAS ESTRUTURAIS CONSTRUÇÕES EM ALVENARIA 1 CAPÍTULO III SISTEMAS ESTRUTURAIS CONSTRUÇÕES EM ALVENARIA I. SISTEMAS ESTRUTURAIS Podemos citar diferentes sistemas estruturais a serem adotados durante a concepção do projeto de uma edificação. A escolha

Leia mais

GARANTIA. Introdução. Prezado Cliente,

GARANTIA. Introdução. Prezado Cliente, GARANTIA Introdução Prezado Cliente, Este Termo tem como objetivo lhe orientar sobre os prazos de garantia dos componentes e s de seu imóvel, e como solicitar a Assistência Técnica Venax Construtora. Os

Leia mais

ABNT NBR 15.575 NORMA DE DESEMPENHO

ABNT NBR 15.575 NORMA DE DESEMPENHO ABNT NBR 15.575 NORMA DE DESEMPENHO O que é uma Norma Técnica? O que é uma Norma Técnica? Documento estabelecido por consenso e aprovado por um organismo reconhecido, que fornece, para uso repetitivo,

Leia mais

Topografia Geomática Aplicada à Engenharia Civil AULA 03

Topografia Geomática Aplicada à Engenharia Civil AULA 03 Topografia Geomática Aplicada à Engenharia Civil AULA 03 Medidas Lineares Diretas e Indiretas: Leitura e Formulação Laboratório de Cartografia Digital - CTUFES Definição de levantamento topográfico NBR13.133/1994

Leia mais

PROBLEMAS DETECTADOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL INDUSTRIALIZADA E SISTEMAS CONVENCIONAIS.

PROBLEMAS DETECTADOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL INDUSTRIALIZADA E SISTEMAS CONVENCIONAIS. PROBLEMAS DETECTADOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL INDUSTRIALIZADA E SISTEMAS CONVENCIONAIS. BARBOSA, Luciano Henrique Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva RESUMO No Brasil, hoje existe a necessidade

Leia mais

TOPOGRAFIA - Planimetria. Alex Mota dos Santos

TOPOGRAFIA - Planimetria. Alex Mota dos Santos TOPOGRAFIA - Planimetria Alex Mota dos Santos Unidades de Medida Linear polegada = 2,75 cm = 0,0275 m polegada inglesa = 2,54 cm = 0,0254 m pé = 30,48cm = 0,3048 m jarda = 91,44cm = 0,9144m milha brasileira

Leia mais

! " # $ % % & ' ( ) ' * * +

!  # $ % % & ' ( ) ' * * + ! " # $ % % & ' ( ) ' * * + , - $ '. ! " $ & & - 0 $ $ 0 $ 3 4 5 4 3 ) 7 8 7 # % ' " ( ) * +,./ " ( $,,, ) 1 2 1 ' % 2 " % % ' %( 6 ' ( ( $ $ " !!. / '! % - :,! 3!3 ; % - ( *# 3)! ) < ; = 9 # 3!!3 33

Leia mais

2. INFORMAÇÕES E SIGILO

2. INFORMAÇÕES E SIGILO TERMO DE ADESÃO Para melhor comunicação e transparência ao cliente Plantafácil, disponibilizamos abaixo o termo de adesão de nossos produtos e serviços disponibilizados no site, de protocolo cartorial,

Leia mais

PANTHEON - ROMA. Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros.

PANTHEON - ROMA. Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros. EMPREENDIMENTOS PANTHEON - ROMA Construído em 118 128 d.c. (1887 anos atrás) Cúpula de 5.000 toneladas Altura e o diâmetro do interior do Óculo é de 43,3 metros. CHRONOS RESIDENCIAL CARACTERIZAÇÃO DO

Leia mais

CONTROLE TECNOLÓGICO DE PAVIMENTOS DE CONCRETO

CONTROLE TECNOLÓGICO DE PAVIMENTOS DE CONCRETO CONTROLE TECNOLÓGICO DE PAVIMENTOS DE CONCRETO TECNOLOGIA DO CONCRETO CR - CONCRETO ROLADO CS - CONCRETO SIMPLES CONCRETO ROLADO CONCEITUAÇÃO Concreto de consistência seca e trabalhabilidade que permita

Leia mais

Sumário. Série R1 - Dupla ação 200 bar 5. Série R2 - Dupla ação 160 bar 13. Série R3 - Dupla ação 160 bar 19. Série R4 - Dupla ação 160 bar 25

Sumário. Série R1 - Dupla ação 200 bar 5. Série R2 - Dupla ação 160 bar 13. Série R3 - Dupla ação 160 bar 19. Série R4 - Dupla ação 160 bar 25 Sumário Série R1 - Dupla ação 200 bar 5 Série R2 - Dupla ação 160 bar 13 Série R3 - Dupla ação 160 bar 19 Série R4 - Dupla ação 160 bar 25 Série R5 - Dupla ação 250 bar 31 Série R6 - Dupla ação 160 bar

Leia mais

LINHA MERCEDEZ-BENZ. REF. Nº ORIGINAL APLICAÇÃO Nº de Pás. RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6

LINHA MERCEDEZ-BENZ. REF. Nº ORIGINAL APLICAÇÃO Nº de Pás. RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6 CAMINHÕES/ÔNIBUS LINHA MERCEDEZ-BENZ RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6 RI-001-1 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 7 RI-001-2 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 8 RI-002 3442057006 1113

Leia mais

Reformas e manutenção. Engº Marcos Velletri Engº Ricardo Gonçalves. Realização:

Reformas e manutenção. Engº Marcos Velletri Engº Ricardo Gonçalves. Realização: Reformas e manutenção Engº Marcos Velletri Engº Ricardo Gonçalves Atualização da normalização nacional ABNT NBR 15575 DESEMPENHO DE EDIFICAÇÕES Eng. Ricardo S. F. Gonçalves ABNT NBR 15575:2013 NORMA DE

Leia mais

PORTFOLIO GLUZ ENGENHARIA

PORTFOLIO GLUZ ENGENHARIA PORTFOLIO GLUZ ENGENHARIA Vamos a uma história única. Única como você. APRESENTAÇÃO A Gluz Engenharia é uma empresa de construção civil fundada em 2013, em Brasília -DF, Águas Claras, atualmente com sede

Leia mais

FALHA DE CONSTRUÇÃO ou FALTA DE MANUTENÇÃO?

FALHA DE CONSTRUÇÃO ou FALTA DE MANUTENÇÃO? FALHA DE CONSTRUÇÃO ou FALTA DE MANUTENÇÃO? UBIRAJARA ALVIM CAMARGOS Engenheiro civil Especialista em Estruturas Áreas de atuação : Recuperação de estruturas Patologia das construções uac.bh @ terra.com.br

Leia mais

Diebold Impressoras IM423T/IM433T - Perguntas e Respostas mais Freqüentes Rev. 05 Página: 1 / 36

Diebold Impressoras IM423T/IM433T - Perguntas e Respostas mais Freqüentes Rev. 05 Página: 1 / 36 1. Instalação 3 1.1. Como instalar? 3 1.2. Qual o material disponível no site atualmente? 3 1.3. Quais itens devem estar na embalagem? 4 1.4. Quais as dimensões da impressora? 4 1.5. Qual a especificação

Leia mais

Controle de execução de estruturas de concreto para assegurar o desempenho estrutural com foco na segurança e durabilidade

Controle de execução de estruturas de concreto para assegurar o desempenho estrutural com foco na segurança e durabilidade Realização: Controle de execução de estruturas de concreto para assegurar o desempenho estrutural com foco na segurança e durabilidade Ricardo Leopoldo e Silva França PALESTRA do Gogó da Ema! Quatro apresentações,

Leia mais

CUSTO ADICIONAL DA DEFICIÊNCIA

CUSTO ADICIONAL DA DEFICIÊNCIA CUSTO ADICIONAL DA DEFICIÊNCIA Seminário Internacional Cidades e Inclusão Social -Moradias Independentes para PcD Rio de Janeiro 13 de novembro de 2014 Equipe: Coordenador Prof. Antonio Carlos Coelho Campino

Leia mais

Aula 7 : Desenho de Ventilação

Aula 7 : Desenho de Ventilação Aula 7 : Desenho de Ventilação Definições: NBR 10821:2001, Caixilho para edificação: Janela Caixilho, geralmente envidraçado, destinado a preencher um vão, em fachadas ou não. Entre outras, sua finalidade

Leia mais

Circuitos Lógicos Aula 8

Circuitos Lógicos Aula 8 Circuitos Lógicos Aula 8 Aula passada Portas NAND e NOR Teoremas booleanos Teorema de DeMorgan Universalidade NAND e NOR Aula de hoje Circuitos Combinacionais Expressão SOP Simplificação Construindo circuito

Leia mais

Reforma e Manutenção de Edificações ou Condomínios. Marcos Velletri

Reforma e Manutenção de Edificações ou Condomínios. Marcos Velletri Reforma e Manutenção de Edificações ou Condomínios Marcos Velletri Reforma e Manutenção de Edificações ou Condomínios É de extrema importância a conscientização de proprietários e síndicos quanto à responsabilidade

Leia mais

PLANO DE DIVULGAÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO LABORATÓRIO REGIONAL DE ENGENHARIA CIVIL 2014 MARÇO ABRIL MAIO JUNHO

PLANO DE DIVULGAÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO LABORATÓRIO REGIONAL DE ENGENHARIA CIVIL 2014 MARÇO ABRIL MAIO JUNHO MARÇO Curso: Projeto Geotécnico de Acordo com os Euro códigos Data: 10 a 14 de Março de 2014 Presencial: 250 Via internet: 200 ABRIL Curso: Reabilitação Não-Estrutural de Edifícios Data: 29 a 30 de Abril

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2014. Disciplina: MaTeMÁTiCa

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2014. Disciplina: MaTeMÁTiCa Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 201 Disciplina: MaTeMÁTiCa Prova: desafio nota: QUESTÃO 16 Em um paralelogramo, as medidas de dois ângulos

Leia mais

!" #$ %& ' ( ! " * $ +, - -./ !" $ 0 #, ! " 1, )' 2 "! + 2 0 $ / 3,4 5 +. 5 # 6 $ - ( !"5 9 +5" + : /

! #$ %& ' ( !  * $ +, - -./ ! $ 0 #, !  1, )' 2 ! + 2 0 $ / 3,4 5 +. 5 # 6 $ - ( !5 9 +5 + : / !" # $ %&' ( !" #$ %& ' ( )'! " * $ +, - -./!" $ 0 #,! " 1, )' 2 "! + 2 0 $ / 3,4 5 +. 5 # 6 $ - ( 78 -!"5 9 +5" + : / 4$ *32 / " 9+ /) +9$0$;!5" +. 53

Leia mais

Manual de pinagem MULTGIGA 06/06/13 REV 03

Manual de pinagem MULTGIGA 06/06/13 REV 03 ÍNDICE: Introdução...3 Sistema de injeção: VW VW Pinagem da ECU 7.5.10...4/5 VW Pinagem da ECU IAAW 1AVP...6 VW Pinagem da ECU IAW 4BV...7 VW Pinagem da ECU MP9.0...8 VW Pinagem da ECU 7.5.20...9/10 VW

Leia mais

2QUALIDADE DAS ESTRUTURAS

2QUALIDADE DAS ESTRUTURAS 2.1 Condições gerais 1 2 2QUALIDADE DAS ESTRUTURAS As estruturas de concreto devem atender aos requisitos mínimos de qualidade, durante sua construção e serviço, e aos requisitos adicionais estabelecidos

Leia mais

CRIATIVIDADE VERSUS REGULAMENTAÇÃO DOIS PROJECTOS Adriana Floret

CRIATIVIDADE VERSUS REGULAMENTAÇÃO DOIS PROJECTOS Adriana Floret DOIS PROJECTOS Adriana Floret Existente Existente localização 1. EDIFÍCIO DOS LÓIOS C.H. PORTO Existente Existente localização 1. EDIFÍCIO DOS LÓIOS C.H. PORTO Existente 1ª Visita a obra: Construtivamente:

Leia mais

A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I *

A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I * A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I *!!"# $ % &'( )*+,&' & - '%%) - ' -%&'. % / # $* % 0 123 4 / % 56 &' -5%7%&'5 % 8 5 % 9 - %,&') &' -'- : & ) %&*% ; < = >&()*+,&'?'- 4&@0;07

Leia mais

Fabricação de blocos cerâmicos. Classificação dos materiais pétreos. Fabricação de blocos cerâmicos. Classificação dos produtos cerâmicos

Fabricação de blocos cerâmicos. Classificação dos materiais pétreos. Fabricação de blocos cerâmicos. Classificação dos produtos cerâmicos Classificação dos materiais pétreos Fabricação de blocos cerâmicos Pedras naturais: encontradas in natura, usadas normalmente após beneficiamento. Ex.: agregados, placas de rocha para revestimento. Pedras

Leia mais

Sistema Construtivo em PAREDES DE CONCRETO. Um sistema com bom desempenho MITOS E VERDADES

Sistema Construtivo em PAREDES DE CONCRETO. Um sistema com bom desempenho MITOS E VERDADES Seminário: Sistema Construtivo em PAREDES DE CONCRETO Um sistema com bom desempenho MITOS E VERDADES Arnoldo Wendler Sistema Construtivo Estudo de viabilidade Anteprojeto arquitetônico Comercialização

Leia mais

CEF/0910/26371 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento

CEF/0910/26371 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/26371 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/26371 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento Decisão de

Leia mais

PERÍCIAS EM ENGENHARIA DE IMPERMEABILIZAÇÃO

PERÍCIAS EM ENGENHARIA DE IMPERMEABILIZAÇÃO PERÍCIAS EM ENGENHARIA DE IMPERMEABILIZAÇÃO JOÃO CASSIM JORDY (1); LUIZ CARLOS MENDES (2) (1) Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), Rua São Bento n.º 1, 12º andar, Rio de Janeiro, RJ, Brasil,

Leia mais

Patologias mais Correntes nas Fachadas de Edifícios em Brasília

Patologias mais Correntes nas Fachadas de Edifícios em Brasília Patologias mais Correntes nas Fachadas de Edifícios em Brasília Elton Bauer * Prof. Associado I UnB Brasil elbauer@terra.com.br Eliane Kraus de Castro * Profª. Colaboradora - UnB Brasil kraus@unb.br Giselle

Leia mais