DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL"

Transcrição

1 1 DÉCIMA TERCEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO LEGAL EM AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº AGRAVANTE: MUNICÍPIO DE NITERÓI AGRAVADO: LUCAS MARQUES CAVALCANTI RELATOR: DES. GABRIEL ZEFIRO AGRAVO LEGAL QUE ALVEA DECISÃO DO RELATOR QUE NEGOU SEGUIMENTO AO RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO PROLATADA DENTRO DA PRERROGATIVA CONFERIDA AO RELATOR NO CAPUT DO ART. 557 DO CPC. AUSÊNCIA DE ABUSO, EXCESSO OU DESVIO DE PODER. RECURSO CONHECIDO E DESPROVIDO. ACÓRDÃO VISTOS, relatados e discutidos estes autos de Agravo Legal em Agravo de Instrumento nº , em que é agravante MUNICÍPIO DE NITERÓI e agravado LUCAS MARQUES CAVALCANTI. ACORDAM, por unanimidade de votos, os Desembargadores que compõem a Décima Terceira Câmara Cível do Tribunal de ustiça do Estado do Rio de aneiro, em conhecer e negar provimento ao recurso, nos termos do voto do relator.

2 2 RELATÓRIO Insurge-se o agravante contra a decisão do relator que negou seguimento ao recurso de agravo de instrumento, porquanto manifestamente improcedente. O recurso de agravo legal persegue a reversão da decisão com a renovação das teses apresentadas no agravo de instrumento, no sentido de que a decisão agravada que deferiu o pedido de antecipação de tutela se mostrou incorreta e merece ser revista. Aduz que não se aplica o artigo 557 do CPC ao caso em julgamento; que não restou demonstrada a hipossuficiência e econômica; que o Município de Niterói não pode figurar no polo passivo da demanda; que os requisitos autorizadores da antecipação de tutela não foram preenchidos e que não foi trazido laudo médico da rede pública de saúde, o que se faz necessário. É o breve relatório. VOTO O recorrente busca, em sede de agravo de instrumento, a reversão da decisão que deferiu o pedido de antecipação de tutela para que o Município de Niterói forneça os medicamentos pleiteados pelo agravado. A decisão foi mantida, tendo a ementa o seguinte teor: AGRAVO DE INSTRUMENTO. REMÉDIOS. PRELAZIA DO DIREITO À VIDA. MUNICÍPIO COMO PARTE LEGÍTIMA PARA FIGURAR NA LIDE. HIPOSSUFICIÊNCIA DA PARTE, EMBORA NÃO DEMONSTRADA À EXASUTÃO, DEVE SER CONSIDERADA EM SEDE DE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA (COMPROMETIMENTO DE CERCA DE 2/3 DOS RENDIMENTOS). PRELAZIA DA DIGNIDADE HUMANA. PROTEÇÃO À CRIANÇA. SEUS GASTOS DEVEM SER PRESUMIDOS. NECESSIDADE DE MEDICAÇÕES. LAUDO DE MÉDICO PARTICULAR. POSSIBILIDADE. RECURSO A QUE SE NEGA SEGUIMENTO, PORQUANTO MANIFESTAMENTE IMPROCEDENTES, NOS TERMOS DO ART. 557, CAPUT, DO CPC.

3 3 O agravo legal é tempestivo e estão satisfeitos os demais requisitos de admissibilidade. Entretanto, o recurso não apresenta qualquer fundamento capaz de modificar o julgado, configurando clara pretensão de rediscutir matéria que já foi corretamente apreciada dentro da prerrogativa conferida ao Relator. Nos termos do artigo 557 do CPC, o Relator pode decidir monocraticamente e negar seguimento ao recurso quando manifestamente improcedente, em homenagem ao princípio da celeridade processual. Frise-se que o foco dessa nova sistemática é justamente desafogar as pautas nos tribunais, deixando para a sessão de julgamento os recursos e ações em que realmente haja necessidade de decisão colegiada, o que não é o caso dos autos. Destarte, a regra descrita no artigo supracitado foi fielmente observada, ao contrário do que defende o agravante. Com efeito, a matéria debatida nos autos já é conhecida dos Tribunais, sendo incontroversa a presença dos requisitos autorizadores da antecipação dos efeitos da tutela no caso em apreço. A responsabilidade do ente municipal acerca do fornecimento dos medicamentos necessários a garantir o direito à vida do agravado vem sendo corriqueiramente reconhecida neste Tribunal de ustiça e encontra amparo constitucional no artigo 196. Cumpre ressaltar, ainda, que a Lei 8.080/90 normatizou as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes, de forma a não deixar lacunas na aplicação da norma constitucional em apreço.

4 No inciso II do artigo 5º estabelece a supracitada lei como seu objetivo a assistência às pessoas por intermédio da promoção e recuperação da saúde, com a realização integrada de ações assistenciais. No artigo 6º, inciso I, letra d, estipula que se encontram incluída no campo de atuação do Sistema Único de Saúde a assistência terapêutica integral, inclusive farmacêutica. A única interpretação possível destes dispositivos é a de que os entes integrantes do SUS têm o dever de fornecer medicamentos aos necessitados. 4 Desta forma, em nada afeta a legitimidade do ente municipal o fato de ter criado por Decreto uma Fundação para gerir a sua obrigação constitucional. Diga-se, ainda, que não há na legislação limitação ao direito postulado pelo agravado. Com efeito, inexiste vinculação entre o direito a obter medicamentos do ente público ao estado de hipossuficiência econômica, como quer fazer crer o agravante. Como consequência, ele tem direito ao recebimento de medicamentos. Ademais, conforme bem asseverado na decisão atacada, cujos fundamentos aqui são confirmados, embora não demonstrados explicitamente, os gastos presumidos com infante, compras de mercado, lazer, esportes, entre outros considerados em sede de cognição rarefeita incutem no espírito deste órgão julgador a necessidade de manutenção da liminar. A irresignação agravante em relação à necessidade de laudo médico da rede pública, também não encontra guarida na presente hipótese. A exigência mostra-se desnecessária, tendo em vista a ausência de regra nesse sentido. Ademais, o receituário prescrito por médico particular goza da mesma idoneidade daquele prescrito por profissional da rede pública. Eventual suspeita de fraude ou desqualificação do profissional deve ser comprovada.

5 No que toca à irresignação quanto ao prazo para o cumprimento da medida, nada há a alterar. Tratando-se da urgência do bem a ser entregue, o prazo se mostrou adequado. 5 Assim, tratando-se de recurso manifestamente improcedente, como amplamente demonstrado às fls.58/61, correta a decisão monocrática que lhe negou seguimento. Isto posto, voto no sentido de conhecer e negar provimento ao recurso. Rio, 17 de setembro de RELATOR DES. GABRIEL DE OLIVEIRA ZEFIRO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL DECISÃO DO RELATOR

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL DECISÃO DO RELATOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL Agravo de instrumento nº. 0031884-91.2013.8.19.0000 Agravante: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Agravado: MARIA THOMAZ VALENTIM Relator: Des. EDSON VASCONCELOS DECISÃO

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR

TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA VIGÉSIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL/CONSUMIDOR AGRAVO INTERNO NA APELAÇÃO CÍVEL Nº 0024463-47.2009.8.19.0014 AGRAVANTE: LARYSSA FERREIRA GOMES REP/P/S/MÃE LIDIJANE SOARES FERREIRA AGRAVADO:

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 7 RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :JOSEFA MARIA DE FRANCA OLIVEIRA :DEFENSOR PÚBLICO-GERAL FEDERAL :UNIÃO :ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro 23ª CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO n º 0001609-28.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: UNIMED SEGUROS SAÚDE S/A AGRAVADO: THIAGO ROSA ASSIS DE OLIVEIRA RELATOR: DES. MARCELO CASTRO ANÁTOCLES DA SILVA FERREIRA AGRAVO DE INSTRUMENTO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça (2007/0034962-9) RELATOR AGRAVANTE ADVOGADA AGRAVADO PROCURADOR INTERES. : MINISTRO OG FERNANDES : LAYRA CATHARINA SILVA : VERA LÚCIA PEREIRA BRANDÃO E OUTRO : ESTADO DE MATO GROSSO : ALEXANDRE APOLONIO

Leia mais

PROCESSO: 0168800-03.2005.5.01.0021 - RO

PROCESSO: 0168800-03.2005.5.01.0021 - RO Acórdão 5ª Turma REPRESENTATIVIDADE SINDICAL. O enquadramento sindical do empregador se dá pela sua atividade preponderante da empresa. Sendo esta a Construção e Reparo Naval, seus empregados são representados

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL Nº RECUSA DE LIGAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. FUNDADA NA ALEGAÇÃO DE LOTEAMENTO IRREGULAR. IMPOSSIBILIDADE.

APELAÇÃO CÍVEL Nº RECUSA DE LIGAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. FUNDADA NA ALEGAÇÃO DE LOTEAMENTO IRREGULAR. IMPOSSIBILIDADE. APELAÇÃO CÍVEL Nº 202665-96.2013.8.09.0139 (201392026652) COMARCA DE RUBIATABA APELANTE : CELG DISTRIBUIÇÃO S/A CELG D APELADA : ALZIRA INÁCIA DOS SANTOS E OUTRO (S) RELATOR : DES. LUIZ EDUARDO DE SOUSA

Leia mais

ACÓRDÃO. Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 1031148-08.2015.8.26.0577, da Comarca de São José dos Campos, em que é

ACÓRDÃO. Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 1031148-08.2015.8.26.0577, da Comarca de São José dos Campos, em que é Registro: 2016.0000325765 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 1031148-08.2015.8.26.0577, da Comarca de São José dos Campos, em que é apelante EDVALDO DA SILVA OLIVEIRA, é

Leia mais

APELO DESPROVIDO. Nº 70045176179 COMARCA DE CAXIAS DO SUL RIO GRANDE ENERGIA S A A C Ó R D Ã O

APELO DESPROVIDO. Nº 70045176179 COMARCA DE CAXIAS DO SUL RIO GRANDE ENERGIA S A A C Ó R D Ã O APELAÇÃO CÍVEL. FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA. OBRIGAÇÃO DE CARÁTER PESSOAL. DÉBITO DE TERCEIRO. PEDIDO DE NOVA INSTALAÇÃO. IMPOSSIBILIDADE DE CONDICIONAMENTO DA NOVA LIGAÇÃO AO PAGAMENTO DE DÉBITO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 323.765 - SP (2013/0098775-4) RELATOR : MINISTRO SÉRGIO KUKINA EMENTA AGRAVO REGIMENTAL EM AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. BENEFÍCIO ASSISTENCIAL. IDOSO. CONDIÇÃO DE MISERABILIDADE.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça PET no AgRg no CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 123.764 - PR (2012/0156535-6) RELATOR REQUERENTE : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA EMENTA PROCESSUAL CIVIL. PETIÇÃO. CONFLITO POSITIVO DE COMPETÊNCIA. AÇÃO DE

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 700.228 RIO GRANDE DO SUL RELATOR : MIN. LUIZ FUX RECTE.(S) : ALDAIR SCHINDLER E OUTRO(A/S) ADV.(A/S) :TATIANA MEZZOMO CASTELI RECDO.(A/S) :ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

Leia mais

Foram apresentadas contrarrazões tempestivamente. É o relatório.

Foram apresentadas contrarrazões tempestivamente. É o relatório. PROCESSO Nº: 0805208-62.2014.4.05.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO RELATÓRIO Cuida-se de agravo de instrumento manejado pelo ESTADO DE PERNAMBUCO contra decisão proferida pelo Juízo da 10ª Vara Federal da

Leia mais

Nº 70048476428 COMARCA DE PORTO ALEGRE A C Ó R D Ã O

Nº 70048476428 COMARCA DE PORTO ALEGRE A C Ó R D Ã O EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. FALÊNCIA E CONCORDATA. HABILITAÇÃO EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. ATRIBUÍDOS EFEITOS INFRINGENTES AO ARESTO EMBARGADO. HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. NATUREZA ALIMENTAR. PRIVILÉGIO SIMILAR AOS

Leia mais

05/02/2013 SEGUNDA TURMA : MIN. GILMAR MENDES

05/02/2013 SEGUNDA TURMA : MIN. GILMAR MENDES Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 5 RELATOR AGTE.(S) ADV.(A/S) AGDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) : MIN. GILMAR MENDES :CONSTRUTORA VARCA SCATENA LTDA :LISE DE ALMEIDA :MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.347.272 - MS (2012/0207015-4) RELATOR RECORRENTE PROCURADOR RECORRIDO INTERES. : MINISTRO HERMAN BENJAMIN : ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL : SARAH F MONTE ALEGRE DE ANDRADE SILVA E

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA QUARTA CÂMARA CÍVIL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA QUARTA CÂMARA CÍVIL AGRAVO DE INSTRUMENTO N.º 0021542-21.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: CONSTRUTORA TRIUNFO S/A AGRAVADO: SH FORMAS ANDAIMES E ESCORAMENTOS LTDA RELATOR: ROBERTO TÁVORA DECISÃO MONOCRÁTICA AGRAVO DE INSTRUMENTO.

Leia mais

RECURSO Nº - 55.173 ACÓRDÃO Nº 15.059

RECURSO Nº - 55.173 ACÓRDÃO Nº 15.059 PUBLICAÇÃO DA DECISÃO DO ACÓRDÃO No D.O. 24 / 06 / 2016 Fls.: 04 SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Rubrica: ID:42832756 Sessão de 10 de maio de 2016 PRIMEIRA CÂMARA RECURSO Nº - 55.173 ACÓRDÃO Nº 15.059 INSCRIÇÃO

Leia mais

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0001136-42.2014.8.19.0000 Ação originária nº 0299625-64.2013.8.19.0001 23ª Vara Cível da Comarca da Capital AGRAVANTE: ANTÔNIO DA PAZ BRANDÃO FERRAZ

Leia mais

RELATORA : Des. Federal MARIA DE FÁTIMA FREITAS LABARRÈRE APELANTE : UNIÃO - FAZENDA NACIONAL APELADO : GABRIEL KNIJNIK EMENTA ACÓRDÃO

RELATORA : Des. Federal MARIA DE FÁTIMA FREITAS LABARRÈRE APELANTE : UNIÃO - FAZENDA NACIONAL APELADO : GABRIEL KNIJNIK EMENTA ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL Nº 5017062-73.2011.404.7100/RS RELATORA : Des. Federal MARIA DE FÁTIMA FREITAS LABARRÈRE APELANTE : UNIÃO - FAZENDA NACIONAL APELADO : GABRIEL KNIJNIK EMENTA TRIBUTÁRIO. EXECUÇÃO FISCAL

Leia mais

24/06/2014 SEGUNDA TURMA

24/06/2014 SEGUNDA TURMA Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 7 24/06/2014 SEGUNDA TURMA DISTRITO FEDERAL RELATOR : MIN. GILMAR MENDES AGTE.(S) :TRANSPORTADORA WADEL LTDA - EM AGDO.(A/S) RECUPERAÇÃO JUDICIAL

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 28/10/2016 PRIMEIRA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 806.607 PIAUÍ RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :ESTADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.576.490 - SP (2015/0258395-6) RELATOR AGRAVANTE : MINISTRO HERMAN BENJAMIN : MUNICÍPIO DE SÃO PAULO : DÉBORA GRUBBA LOPES E OUTRO(S) : VOITH SIEMENS HYDRO POWER GENERATION

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO EM MANDADO DE SEGURANÇA Nº 38.078 - GO (2012/0104733-2) RELATORA : MINISTRA REGINA HELENA COSTA RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS RECORRIDO : ESTADO DE GOIÁS PROCURADOR : ALINY

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.526.693 - MA (2015/0080973-0) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO MARANHÃO RECORRIDO : ANTONIO JAMILSON NEVES BAQUIL ADVOGADO : FRANCISCO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA EMENTA PREVIDENCIÁRIO. RECURSO ESPECIAL. APOSENTADORIA POR INVALIDEZ. TERMO INICIAL. AUSÊNCIA DE REQUERIMENTO ADMINISTRATIVO. CITAÇÃO. 1. É cediço que a citação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO JOSÉ ARNALDO DA FONSECA RECORRENTE : UNIÃO RECORRIDO : ARLINDO BARROS DE AGUIAR JÚNIOR E OUTROS ADVOGADO : SELENE WANDERLEY EMERENCIANO EMENTA PROCESSUAL CIVIL. PROCURAÇÃO. PRÁTICA DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.557.034 - RS (2015/0225752-9) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO REYNALDO SOARES DA FONSECA : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL EMENTA PENAL. AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL.

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO NONA CÂMARA CÍVEL

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO NONA CÂMARA CÍVEL NONA CÂMARA CÍVEL Apelação nº 0015111-07.2009.8.19.0001 Apelante: JOÃO CAMPOS DA SILVA Apelado: ESTADO DO RIO DE JANEIRO Relator: Desembargador ROBERTO DE ABREU E SILVA AÇÃO ORDINÁRIA. LEGITIMIDADE DO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Acórdão 1a Turma PODER JUDICIÁRIO FEDERAL INÉPCIA DA INICIAL. Para o direito formal positivo, é inepta a petição inicial que falta pedido ou causa de pedir (C.P.C., artigo 295, parágrafo único, inciso

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A AGRAVO DE INSTRUMENTO. AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE. EXAME DE DNA NEGATIVO FEITO EM LABORATÓRIO PARTICULAR. PEDIDO DE NOVO EXAME PERICIAL OFICIAL. CABIMENTO ANTE A RELEVÂNCIA DA MATÉRIA. Tratando-se

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Gabinete da Desembargadora Marilia de Castro Neves Vieira

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Gabinete da Desembargadora Marilia de Castro Neves Vieira 20ª Câmara Cível Agravo de Instrumento nº 0045585-22.2013.8.19.0000 Agravante: William Rodrigues e Regina de Souza Rodrigues Agravado: Geraldo Bacellar Neto Relator: Des. Marilia de Castro Neves Vieira

Leia mais

CONSELHO DA MAGISTRATURA PROCESSO Nº 0257353-26.2011.8.19.0001 RELATOR: DES. RICARDO COUTO DE CASTRO A C Ó R D Ã O

CONSELHO DA MAGISTRATURA PROCESSO Nº 0257353-26.2011.8.19.0001 RELATOR: DES. RICARDO COUTO DE CASTRO A C Ó R D Ã O CONSELHO DA MAGISTRATURA PROCESSO Nº 0257353-26.2011.8.19.0001 RELATOR: DES. RICARDO COUTO DE CASTRO A C Ó R D Ã O Reexame necessário. Dúvida formulada pelo Oficial do 9 Ofício de Registro de Imóveis da

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL Nº: 032547-47.2003.8.19. MAURO PEREIRA MARTINS APELAÇÃO.

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL Nº: 032547-47.2003.8.19. MAURO PEREIRA MARTINS APELAÇÃO. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL Nº: 032547-47.2003.8.19.0014 APELANTE: MUNICÍPIO DE CAMPOS DOS GOYTACAZES APELADOS: GILDA AUXILIADORA COSTA CARNEIRO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA A C Ó R D Ã O (Conselho Superior da Justiça do Trabalho) CSEMV/ CONSULTA. SERVIDOR QUE INGRESSA NO DA UNIÃO A PARTIR DE 14.10.2013. REGIME PREVIDENCIÁRIO APLICÁVEL. AUSÊNCIA DE DECISÃO

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO. Gabinete do Conselheiro Sidney Estanislau Beraldo

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO. Gabinete do Conselheiro Sidney Estanislau Beraldo 28-08-13 SEB ============================================================ 28 TC-002041/026/10 Recorrente: Odécio José Luiz Presidente da Câmara Municipal de Manduri à época. Assunto: Contas anuais da Câmara

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão DJe 06/03/2012 Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 8 14/02/2012 PRIMEIRA TURMA AG.REG. NO AGRAVO DE INSTRUMENTO 836.169 MINAS GERAIS RELATORA AGTE.(S) ADV.(A/S) : MIN. CÁRMEN LÚCIA :LIDER

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 7ª CÂMARA CRIMINAL

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 7ª CÂMARA CRIMINAL Recurso de Apelação nº 0051769-88.2013.8.19.0001 Apelante: Confederação Brasileira de Futebol Apelado 1: Marco Antonio Teixeira Apelado 2: Ministério Público Origem: Juízo de Direito da 27ª Vara Criminal

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE MOTOCICLISTA/2015

CURSO DE FORMAÇÃO DE MOTOCICLISTA/2015 PROCESSO Nº: 0806220-77.2015.4.05.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO RELATÓRIO 1. Trata-se de AGTR interposto por PAULO HENRIQUE OLIVEIRA LIMA contra decisão do douto Juiz Federal da 17a. Vara da Subseção Judiciária

Leia mais

: RENATA COSTA BOMFIM E OUTRO(A/S)

: RENATA COSTA BOMFIM E OUTRO(A/S) RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 702.642 SÃO PAULO RELATOR : MIN. DIAS TOFFOLI RECTE.(S) :ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE DOS HOSPITAIS SOROCABANA ADV.(A/S) :JOSÉ MARCELO BRAGA NASCIMENTO E OUTRO(A/S) RECDO.(A/S)

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 24ª CÂMARA DE DIREITO PRIVADO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 24ª CÂMARA DE DIREITO PRIVADO Registro: 2012.0000352134 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 0059371-75.2012.8.26.0000, da Comarca de São José dos Campos, em que é agravante LUIZ ARAUJO SIQUEIRA,

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 02/12/2015 ITEM 42

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 02/12/2015 ITEM 42 TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 02/12/2015 ITEM 42 RECURSO ORDINÁRIO TC-043347/026/12 Recorrente: Prefeitura Municipal de Osasco. Assunto: Contrato celebrado entre a Prefeitura Municipal de Osasco e a Excel 3000

Leia mais

DEVIDAMENTE FUNDAMENTADA, NOS TERMOS DO ART. 557, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. DESPROVIMENTO DO RECURSO DE AGRAVO INTERNO. feps

DEVIDAMENTE FUNDAMENTADA, NOS TERMOS DO ART. 557, DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. DESPROVIMENTO DO RECURSO DE AGRAVO INTERNO. feps VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL AGRAVO INTERNO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO: Nº 0013678-92.2014.8.19.0000 AGRAVANTE: MARIA CRISTINA SUTIL VINOGRAFF AGRAVADA: CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO GLORIAMAR POÇOS DE CALDAS RELATOR:

Leia mais

PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 47, DE 2015

PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 47, DE 2015 PROJETO DE LEI DA CÂMARA Nº 47, DE 2015 (Nº 3.575/2012, NA CASA DE ORIGEM) Altera os arts. 3º, 15 e 71 da Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003, que dispõe sobre o Estatuto do Idoso e dá outras providências.

Leia mais

AGRAVO N.º /03, DA DÉCIMA OITAVA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA DES.ª VILMA RÉGIA RAMOS DE REZENDE

AGRAVO N.º /03, DA DÉCIMA OITAVA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA DES.ª VILMA RÉGIA RAMOS DE REZENDE AGRAVO N.º 646.022-4/03, DA DÉCIMA OITAVA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA AGRAVANTE: RELATORA: GILBERTO GALIOTTO DES.ª VILMA RÉGIA RAMOS DE REZENDE PROCESSUAL

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 18/02/2014 SEGUNDA TURMA EMB.DECL. NO AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 765.810 MINAS GERAIS RELATORA : MIN. CÁRMEN LÚCIA EMBTE.(S) :MUNICÍPIO DE

Leia mais

Foram apresentadas as contrarrazões pela UFCG agravada dentro do prazo legal. É o relatório.

Foram apresentadas as contrarrazões pela UFCG agravada dentro do prazo legal. É o relatório. PROCESSO Nº: 0803427-05.2014.4.05.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO AGRAVANTE: RODRIGO VILAR MARQUES ADVOGADO: HERATOSTENES SANTOS DE OLIVEIRA AGRAVADO: UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE RELATOR(A): DESEMBARGADOR(A)

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO Identificação PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO PROCESSO nº 0001876-26.2014.5.11.0015 (AIRO) AGRAVANTE: SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS URBANAS

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2009 (Do Sr. Capitão Assumção)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2009 (Do Sr. Capitão Assumção) PROJETO DE LEI Nº, DE 2009 (Do Sr. Capitão Assumção) Altera dispositivo da lei 8.069 (Estatuto da Criança e do Adolescente) para obrigar a realização da triagem neonatal completa realizada em recém nascidos.

Leia mais

EMENTA. 2. Recurso parcialmente conhecido e improvido. ACÓRDÃO

EMENTA. 2. Recurso parcialmente conhecido e improvido. ACÓRDÃO INCIDENTE DE UNIFORMIZAÇÃO JEF (PR E SC) Nº 2002.70.11.010420-0/PR RELATOR : Juiz JOÃO BATISTA LAZZARI RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS RECORRIDO : Clovis Juarez Kemmerich : ORLANDA

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Centro de Apoio Operacional de Implementação das políticas de Saúde - CAPS

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Centro de Apoio Operacional de Implementação das políticas de Saúde - CAPS S o l i c i t a n t e : P r o m o t o r i a d e J u s t i ç a C í v e l d e L i n h a r e s D a t a d a s o l i c i t a ç ã o : 28 d e s e t e m b r o d e 2 0 1 5 ( e - m a i l ) A s s u n t o s : V a

Leia mais

Gestão de demandas repetitivas no Novo CPC Direito do consumidor. Alex Costa Pereira 10 de março de 2016

Gestão de demandas repetitivas no Novo CPC Direito do consumidor. Alex Costa Pereira 10 de março de 2016 Gestão de demandas repetitivas no Novo CPC Direito do consumidor Alex Costa Pereira 10 de março de 2016 Relação entre acesso ao judiciário, litigância repetitiva e morosidade: a) A partir da constituição

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 0059820-91.2013.8.19.0000 SEXTA CÂMARA CÍVEL

AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 0059820-91.2013.8.19.0000 SEXTA CÂMARA CÍVEL AGRAVANTE: INSTITUTO ESTADUAL DO AMBIENTE INEA AGRAVADA: IRIS MENDONÇA PEREIRA RELATORA: DES. INÊS DA TRINDADE CHAVES DE MELO AGRAVO DE INSTRUMENTO. ANULATÓRIA DE ATO ADMINISTRATIVO. DETERMINAÇÃO DE DEMOLIÇÃO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO I. RELATÓRIO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO I. RELATÓRIO SE EMENTA AGRAVO DE PETIÇÃO, provenientes da ARAUCÁRIA - PR, sendo Agravante LTDA. e Agravados CARVALHO DE OLIVEIRA. RESPONSABILIDADE SUBSIDIÁRIA - BENEFÍCIO DE ORDEM EM RELAÇÃO AOS SÓCIOS DO DEVEDOR PRINCIPAL

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão DJe 08/05/2012 Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 10 03/04/2012 PRIMEIRA TURMA AG.REG. NO AGRAVO DE INSTRUMENTO 837.677 MARANHÃO RELATORA : MIN. ROSA WEBER AGTE.(S) :BANCO DO BRASIL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 161.056 - SP (2012/0063154-2) RELATORA S : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : CAIXA DE ASSISTÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL : JOSÉ RENATO NOGUEIRA FERNANDES E OUTRO(S)

Leia mais

RELATÓRIO. O Sr. Des. Fed. RUBENS DE MENDONÇA CANUTO (Relator Convocado):

RELATÓRIO. O Sr. Des. Fed. RUBENS DE MENDONÇA CANUTO (Relator Convocado): PROCESSO Nº: 0802624-08.2015.4.05.8400 - REEXAME NECESSÁRIO RELATÓRIO O Sr. Des. Fed. RUBENS DE MENDONÇA CANUTO (Relator Convocado): Cuida-se de reexame necessário de sentença prolatada pelo MM. Juízo

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA ESTADO DO PARANÁ AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.158.383-4, ORIGINÁRIO DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA - 1ª VARA CÍVEL. Agravante Agravados

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Zacarias Neves Coêlho

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Zacarias Neves Coêlho AGRAVO INTERNO NA APELAÇÃO CÍVEL N. 103257-71.2014.8.09.0051 (201491032570) COMARCA DE GOIÂNIA AGRAVANTE : GOL LINHAS AEREAS INTELIGENTES S/A AGRAVADA : CAMILA VILELA MEDEIROS BARBOSA REIS RELATOR : DES.

Leia mais

PROCESSO Nº TST-AIRR-11100-71.2008.5.24.0003. A C Ó R D Ã O 7ª TURMA VMF/mafl/ma/drs

PROCESSO Nº TST-AIRR-11100-71.2008.5.24.0003. A C Ó R D Ã O 7ª TURMA VMF/mafl/ma/drs A C Ó R D Ã O 7ª TURMA VMF/mafl/ma/drs AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA - JUÍZO DE ADMISSIBILIDADE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - USURPAÇÃO DE COMPETÊNCIA. Nos termos do art. 896, 1º, da

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SÃO PAULO FORO CENTRAL - FAZENDA PÚBLICA/ACIDENTES 6ª VARA DE FAZENDA PÚBLICA SENTENÇA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SÃO PAULO FORO CENTRAL - FAZENDA PÚBLICA/ACIDENTES 6ª VARA DE FAZENDA PÚBLICA SENTENÇA fls. 1 SENTENÇA C O N C L U S Ã 0 Em 24 de novembro de 2010, faço este autos conclusos à Mma. Juíza de Direito, Dra. CYNTHIA THOMÉ. Processo nº: Requerente: Requerido: Juiz(ª) de Direito Dr.(ª): Cynthia

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal AGRAVO DE INSTRUMENTO 624.951 SÃO PAULO RELATORA AGTE.(S) ADV.(A/S) AGDO.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. CÁRMEN LÚCIA :MARBOR MÁQUINAS DE COSTURA LTDA : JOSÉ ROBERTO CAMASMIE ASSAD E OUTRO(A/S) :VALMOR RODRIGUES

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR JOSÉ RICARDO PORTO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR JOSÉ RICARDO PORTO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR JOSÉ RICARDO PORTO ACÓRDÃO AGRAVO INTERNO N 019.2011.000399-3/001 Soledade. Relator :Des. José Ricardo Porto. Agravante

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal RECURSO EXTRAORDINÁRIO 701.484 PARANÁ RELATORA RECTE.(S) : MIN. CÁRMEN LÚCIA :COMPACTA SERVIÇO INTERMODAL E ARMAZÉNS GERAIS LTDA ADV.(A/S) : ATILA SAUNER POSSE E OUTRO(A/S) RECDO.(A/S) :JUNTA COMERCIAL

Leia mais

TRT-RO-0007900-20.2004.5.01.0041

TRT-RO-0007900-20.2004.5.01.0041 PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Gab Des Gloria R egina Ferreira Mello Av. Presidente Antonio Carlos,251 7o andar - Gab.34 Castelo Rio de Janeiro

Leia mais

ACORDAM. Os Desembargadores que integram a 18ª Câmara Cível em negar provimento ao recurso, nos termos do voto do Relator. Decisão unânime.

ACORDAM. Os Desembargadores que integram a 18ª Câmara Cível em negar provimento ao recurso, nos termos do voto do Relator. Decisão unânime. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL AGRAVO INOMINADO NO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº. 0003042-04.2013.8.19.0000 AGRAVANTE: ZILMA IZABEL DA CONCEIÇÃO MARIA AGRAVADO: INSTITUTO

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL Agravo Interno no Agravo de Instrumento nº 0007110-60.2014.8.19.0000 Agravante: Tim Celular S/A Agravado: Miguel da Silva Virgem

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo Registro: 2016.0000087460 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2261625-95.2015.8.26.0000, da Comarca de Atibaia, em que é agravante FACEBOOK SERVIÇOS ONLINE DO

Leia mais

AGRAVO DE PETIÇÃO TRT/AP - 01428-1988-016-01-00-0 - RTOrd A C Ó R D Ã O 4ª Turma

AGRAVO DE PETIÇÃO TRT/AP - 01428-1988-016-01-00-0 - RTOrd A C Ó R D Ã O 4ª Turma Execução. Juros O pagamento, na execução, de valor atualizado até data anterior ao seu efetivo pagamento ao credor, atende apenas em parte ao direito deste, dado que a atualização feita não contempla o

Leia mais

OITAVA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO Nº 0003296-73.2009.8.19.0078 APELANTE: UNIMED RIO COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO DO RIO DE JANEIRO LTDA

OITAVA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO Nº 0003296-73.2009.8.19.0078 APELANTE: UNIMED RIO COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO DO RIO DE JANEIRO LTDA OITAVA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO Nº 0003296-73.2009.8.19.0078 APELANTE: UNIMED RIO COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO DO RIO DE JANEIRO LTDA. APELADO: REGINA CELI FLORIÃO SOARES RELATOR: DES. ANA

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 794.454 RIO GRANDE DO SUL RELATORA : MIN. CÁRMEN LÚCIA RECTE.(S) :UNIMED PORTO ALEGRE - SOCIEDADE COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO LTDA ADV.(A/S) : CARLOS SPINDLER DOS SANTOS

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL Nº 249588-54 (200902495881) COMARCA DE GOIÂNIA

APELAÇÃO CÍVEL Nº 249588-54 (200902495881) COMARCA DE GOIÂNIA APELAÇÃO CÍVEL Nº 249588-54 (200902495881) COMARCA DE GOIÂNIA APELANTE APELADO RELATOR DENISE CACHEFFO DE PAIVA E OUTRO DIVINA MARIA DE JESUS RELATÓRIO Trata-se de Apelação Cível interposta por DENISE

Leia mais

Advogados : Wanuza Cazelotto Dias dos Santos Barbieri (OAB/RO 2.326), Celso Ceccato (OAB/RO 111) e outros

Advogados : Wanuza Cazelotto Dias dos Santos Barbieri (OAB/RO 2.326), Celso Ceccato (OAB/RO 111) e outros TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE RONDÔNIA 1ª Câmara Cível Data de distribuição :23/07/2008 Data de julgamento :12/08/2008 100.001.2008.006414-0 Apelação Cível - Rito Sumário Origem : 00120080064140 Porto Velho/RO

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA CONSELHO DA MAGISTRATURA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA CONSELHO DA MAGISTRATURA TRIBUNAL DE JUSTIÇA CONSELHO DA MAGISTRATURA Processo nº: 0082797-74.2013.8.19.0001 Suscitante: CARTÓRIO DO 8 OFÍCIO DO REGISTRO DE IMÓVEIS Interessado: REBECA PEREIRA DA SILVA GIBRAIL Relatora: Desembargadora

Leia mais

Agravo de Instrumento N. 2007.002.12900 - C

Agravo de Instrumento N. 2007.002.12900 - C TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DÉCIMA NONA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº.: 2007.002.08034 AGRAVANTE: ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVADO: ICOLUB INDÚSTRIA DE LUBRIFICANTES S/A RELATOR:

Leia mais

Rio de Janeiro, 15 DE MAIO de 2014. JDS MÁRCIA CUNHA SILVA ARAÚJO DE CARVALHO Relatora

Rio de Janeiro, 15 DE MAIO de 2014. JDS MÁRCIA CUNHA SILVA ARAÚJO DE CARVALHO Relatora AGRAVO DE INSTRUMENTO EMBARGOS DE DECLARAÇÃO Autos nº 0011714-64.2014.8.19.0000 AÇÃO CAUTELAR INOMINADA Embargante:FACEBOOK SERVIÇOS ON LINE DO BRASIL LTDA Embargados:BEIT EL SHAMAH JUDAISMO DA UNIDADE

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CONSULTA DE PROCESSOS DO 1º GRAU - INTERNET

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CONSULTA DE PROCESSOS DO 1º GRAU - INTERNET DADOS DO PROCESSO PODER JUDICIÁRIO Nº Processo: 0005466-33.2013.814.0008 Data da Distribuição: Comarca: BARCARENA Instância: Vara: 1º GRAU 1ª VARA CIVEL DE BARCARENA Gabinete: GABINETE DA 1ª VARA CIVEL

Leia mais

Provimento do recurso. A C Ó R D Ã O

Provimento do recurso. A C Ó R D Ã O SEXTA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0038589-37.2015.8.19.0000 AGRAVANTE: RONALDO RAMOS DE MELLO AGRAVADO: PAULO PIRES DE OLIVEIRA RELATOR: DES. BENEDICTO ABICAIR AGRAVO DE INSTRUMENTO. AÇÃO POPULAR

Leia mais

ACÓRDÃO. Rio de Janeiro, / /2012. Des. Cristina Tereza Gaulia. Relator

ACÓRDÃO. Rio de Janeiro, / /2012. Des. Cristina Tereza Gaulia. Relator ESTADO DO RIO DE JANEIRO TRIBUNAL DE JUSTIÇA 5ª CÂMARA CÍVEL Apelação Cível n. : 0064340-30.2009.8.19.0002 Apelante: Julio Cezar Silva de Menezes Apelado: Departamento de Trânsito do ERJ - DETRAN Juiz:

Leia mais

041, t.: tfifidepirtcáadria MUIZal ftkstma c&ado aiz, Mirada

041, t.: tfifidepirtcáadria MUIZal ftkstma c&ado aiz, Mirada 041, t.: tfifidepirtcáadria MUIZal ftkstma c&ado aiz, Mirada fflaéiacia da. 2Q 91 1,a Xiana, art,o~ OWejawa 9%4w/tante' ACORIDÃO REMESSA DE OFICIO N 001.2004.020268-9 / 001 Campina Grande RELATOR : Dr.

Leia mais

Nº 232380/2015 ASJCIV/SAJ/PGR

Nº 232380/2015 ASJCIV/SAJ/PGR Nº 232380/2015 ASJCIV/SAJ/PGR Relator: Ministro Presidente Requerente: Município de Cambé Requerido: Juiz de Direito da 2ª Vara Cível e da Fazenda Pública da Comarca de Curitiba Interessado: Orezio Moda

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL CÂMARA DE COORDENAÇÃO E REVISÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL CÂMARA DE COORDENAÇÃO E REVISÃO PROCESSO PGT/CCR/ICP/12799/2012 ORIGEM: PRT 4ª REGIÃO PROCURADORA OFICIANTE: DRA. ALINE MARIA HOMRICH SHNEIDER CONZATTI INTERESSADO 1: FRANCISCO GOULART JAHN INTERESSADO 2: LPS SUL CONSULTORIA DE IMÓVEIS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 712.368 - SP (2015/0114854-1) RELATOR AGRAVANTE S : MINISTRO MOURA RIBEIRO : BANCO VOLKSWAGEN S.A : DANTE MARIANO GREGNANIN SOBRINHO E OUTRO(S) FELIPE MENDONÇA TERRA

Leia mais

MANDADO DE SEGURANÇA Nº 0000786-70.2015.404.0000/PR

MANDADO DE SEGURANÇA Nº 0000786-70.2015.404.0000/PR MANDADO DE SEGURANÇA Nº 0000786-70.2015.404.0000/PR JUIZO DE DIREITO DA 2A VARA DE FAMILIA E SUCESSOES DA COMARCA DE LONDRINA/PR EMENTA MANDADO DE SEGURANÇA. SISTEMA FINANCEIRO DE HABITAÇÃO. CAIXA ECONÔMICA

Leia mais

PROCESSO Nº TST-AgR-E-ED-AIRR A C Ó R D Ã O SDI-1 GMHCS/gam

PROCESSO Nº TST-AgR-E-ED-AIRR A C Ó R D Ã O SDI-1 GMHCS/gam A C Ó R D Ã O SDI-1 GMHCS/gam AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE EMBARGOS EM AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO DENEGATÓRIA DO PRESIDENTE DE TURMA POR ÓBICE DA SÚMULA 353 DO TST. EXCEÇÕES NÃO CONFIGURADAS. PRETENSÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA PRIMEIRO CONSELHO DE CONTRIBUINTES TERCEIRA CÂMARA

MINISTÉRIO DA FAZENDA PRIMEIRO CONSELHO DE CONTRIBUINTES TERCEIRA CÂMARA Recurso nº : 144.648 Matéria : IRPJ E OUTRO Recorrente : VIEIRA E PESSANHA LTDA. - ME Recorrida : 6ª TURMA/DRJ-RIO DE JANEIRO/RJ I Sessão de : 30 de março de 2007 ARBITRAMENTO - Legítimo o arbitramento

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgInt no RECURSO ESPECIAL Nº 1.782.605 - SP (2018/0288578-6) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN AGRAVANTE : xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx ADVOGADOS : MARIA LUCIA LINS CONCEIÇÃO - PR015348 LUCIANO

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO Gabinete do Conselheiro Robson Marinho

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO Gabinete do Conselheiro Robson Marinho Tribunal Pleno Sessão: 10/4/2013 14 TC-002213/003/07 - RECURSO ORDINÁRIO empresa Qualitat Transportes Ltda., objetivando a prestação de serviços de transportes de alunos da Rede Municipal (itens 07, 08,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2012.0000290109 ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2012.0000290109 ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2012.0000290109 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Embargos Infringentes nº 0192625-86.2008.8.26.0000/50000, da Comarca de São Paulo, em que é embargante WLADIMIR FELIX sendo

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA APELAÇÃO CÍVEL N.º 536888-7, DE CASCAVEL 1.ª VARA CÍVEL APELANTE : EDSON APARECIDO ALBA APELADO : BANCO ITAUCARD S.A. RELATOR : DESEMBARGADOR Francisco Pinto RABELLO FILHO Julgamento imediato de causas

Leia mais

PROCESSO Nº TST-AgR-E-AIRR A C Ó R D Ã O (SDI-1) GMHCS/gam

PROCESSO Nº TST-AgR-E-AIRR A C Ó R D Ã O (SDI-1) GMHCS/gam A C Ó R D Ã O (SDI-1) GMHCS/gam AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE EMBARGOS EM AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA. DECISÃO DENEGATÓRIA DO PRESIDENTE DE TURMA POR ÓBICE DA SÚMULA 353 DO TST. AUSÊNCIA

Leia mais

DE EXCEÇÃO Nº 70003078441 COMARCA DE PORTO ALEGRE

DE EXCEÇÃO Nº 70003078441 COMARCA DE PORTO ALEGRE APELAÇÃO CÍVEL. AÇÃO ANULATÓRIA DE TÍTULO E CAUTELAR DE SUSTAÇÃO DE PROTESTO. NOTA PROMISSÓRIA. ALEGAÇÃO DE TER SIDO EMITIDA EM GARANTIA DE OPERAÇÃO DE FACTORING. PREENCHIMENTO ABUSIVO. ÔNUS DA PROVA.

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR CARLOS ALBERTO MENDES FORTE

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR CARLOS ALBERTO MENDES FORTE fls. 218 Processo: 0620437-78.2017.8.06.0000 - Agravo de Instrumento Agravante: Sky Brasil Serviços de Banda Larga Ltda - Sky Banda Larga Agravado: Up Mídia Alternativa Ltda EMENTA: AGRAVO DE INSTRUMENTO.

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA QUARTA CÂMARA CÍVEL

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA QUARTA CÂMARA CÍVEL ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA QUARTA CÂMARA CÍVEL ACÓRDÃO Processo : N. 021.2004.002263-0/001 Natureza : Agravo de Instrumento Comarca : Itaporanga - Primeira Vara Agravante :

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível Agravo de Instrumento: 0007803-44.2014.8.19.0000 Agravante: JOAQUIM FERNANDO DE MATTOS FONSECA Advogado: Dr. Renato Salles Areas Agravada: EMDA ADMINISTRAÇÃO DE BENS LTDA Advogado: Ronaldo Maciel Figueiredo

Leia mais

Guarda e suas implicações sobre os regimes previdenciários

Guarda e suas implicações sobre os regimes previdenciários Guarda e suas implicações sobre os regimes previdenciários Adalgisa Wiedemann Chaves Promotora de Justiça Promotoria de Justiça de Família e Sucessões Duas análises possíveis: 1. Guarda no Eixo Parental

Leia mais

PROCESSO TRT/SP nº 0000023-63.2014.5.02.0263-9ª Turma ORIGEM : 03ª. Vara do Trabalho de Diadema

PROCESSO TRT/SP nº 0000023-63.2014.5.02.0263-9ª Turma ORIGEM : 03ª. Vara do Trabalho de Diadema PODER JUDICIÁRIO FEDERAL Tribunal Regional do Trabalho 2ª Região PROCESSO TRT/SP nº 0000023-63.2014.5.02.0263-9ª Turma ORIGEM : 03ª. Vara do Trabalho de Diadema RECURSO ORDINÁRIO RECORRENTE: SINDBENEFICENTE

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO - SEÇÃO DE DIREITO PRIVADO. 26* Câmara

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO - SEÇÃO DE DIREITO PRIVADO. 26* Câmara TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO - SEÇÃO DE DIREITO PRIVADO 26* Câmara AGRAVO DE INSTRUMENTO NO.1177738-0/4 Comarca de SÃO PAULO Processo 127075/08 31.V.CÍVEL TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.286.253 - SP (2011/0211865-3) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO - SABESP INTERES. : ANTONIO GONÇALVES

Leia mais