Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1 Diretoria de Projetos do NIC.br NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Abril de 2010

2 Sobre o CGI.br

3 Sobre o CGI.br Criado em maio de 1995 Pela Portaria Interministerial Nº 147 de 31/05/1995, alterada pelo Decreto Presidencial Nº de 03/09/2003 Responsável pela coordenação e integração dos serviços Internet no país Modelo multistakeholder composto por membros do governo, e membros eleitos dos setores empresarial, terceiro setor e da comunidade acadêmica.

4 1 Min. da Ciência e Tecnologia 2 Min. das Comunicações 3 Casa Civil da Presidência da República 4 Min. do Planejamento, Orçamento e Gestão 5 Min. do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior 6 Min. da Defesa 7 Agência Nacional de Telecomunicações 8 Conselho Nacional de Desenv. Científico e Tecnológico 9 Conselho Nac. Secretários Estaduais p/ Assuntos de Ciência e Tecn. 10 Notório Saber 11 Provedores de acesso e conteúdo 12 Provedores de infra de telecom 13 Indústria TICs e software 14 Empresas usuárias 15 Terceiro setor 16 Terceiro setor 17 Terceiro setor 18 Terceiro setor 19 Academia 20 Academia 21 Academia

5 Principais atribuições do CGI.br Fomentar o desenvolvimento de serviços Internet no Brasil Recomendar padrões e procedimentos técnicos operacionais para a Internet no Brasil Coordenar a atribuição de endereços Internet (IPs) e o registro de nomes de domínios usando cctld <.br> Coletar, organizar e disseminar informações sobre os serviços Internet indicadores e estatísticas

6 Sobre o NIC.br

7 Sobre o NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Entidade civil, sem fins lucrativos, criada em 2003 e começando a atuar em 2005 (delegação do CGI.br) Conselho de Administração composto por 7 membros: 3 do governo, escolhidos entre os componentes do CGI.br; 4 do setor privado indicados pelo CGI.br. Assembléia Geral formada pelo pleno do CGI.br Braço executivo do Comitê Gestor da Internet no Brasil Coordena as atividades do Registro, do CERT, do CETIC e do CEPTRO.

8 Sobre o CEPTRO

9 CEPTRO Centro de Estudos e Pesquisas em Tecnologias de Redes e Operações Centro de Estudos e Pesquisas em Tecnologia de Redes e Operações CEPTRO é responsável por projetos que visam melhorar a qualidade da Internet no Brasil e disseminar seu uso, com especial atenção para seus aspectos técnicos e de infraestrutura.

10 Projetos e Operações PTT.br NTP.br CCL inoc-dba IPv6 VoIP Peering Revistas Científicas e não científicas Projetos das CTs

11 Projeto PTTMetro

12 Motivação 1: Reduzir latência e custos Estrutura da Internet: rede de redes ISP-Zona1 PTT Estados Unidos ISP-Zona1 ISP-Zona1 ANSP RNP Embratel Brasil

13 Motivação 1: Reduzir latência e custos Estrutura da Internet: rede de redes ISP-Tier1 PTT Estados Unidos ISP-Tier1 ISP-Tier1 PTT ANSP RNP Embratel Brasil

14 Motivação 1: Reduzir latência e custos Estrutura da Internet: rede de redes ISP-Tier1 PTT Estados Unidos ISP-Tier1 ISP-Tier1 PTT ANSP RNP Embratel Brasil

15 Motivação 2: Quantos PTT s numa metrópole? Normalmente basta um PTT por área metropolitana. Com mais de um PTT, pode-se destruir conectividade e aumentar custos. Exemplo fictício (valores não reais): Metrópole com um único PTT A e 50 AS s trocando tráfego. Cada AS paga R$ 500,00 por mes, pelo uso da infra-estrutura para participar do PTT. Se cada um dos AS s tiver 100 rotas, cada um deles aprenderá rotas dos demais. Assim, o custo de cada rota aprendida será de 500/4900 ~ R$ 0,102. Somente PTT A 50AS R$ rotas R$0,102/rota Um segundo PTT ( B ) inicia sua operação na mesma metrópole oferecendo o mesmo serviço por R$ 400,00. Imagine-se que 15 AS s migram de A para B, 10 AS s permanecem em A e também passam a trocar tráfego em B e que os 25 restantes permanecem apenas em A. Ter-se-ia então: Somente PTT A 25AS R$ rotas R$0,147/rota Somente PTT B 15AS R$ rotas R$0,167/rota Ambos PTT s 10AS R$ rotas R$0,184/rota Média R$ rotas R$0,162/rota

16 Quantos PTT s numa metrópole? Considerando que, ainda, um terceiro PTT C inicia sua operação também na mesma metrópole, oferecendo o mesmo serviço por RS$ 600,00, e que parte dos AS s migram de novo, ficando agora 11 apenas no PTT A, 9 apenas no PTT B, 8 apenas no PTT C, 7 compartilhando os PTT s A e B, 6 compartilhando os PTT s B e C, 5 compartilhando os PTT s A e C e 4 residindo em todos os três PTT s, tem-se: Somente PTT A 11AS R$ rotas R$0.192/rota Somente PTT B 9AS R$ rotas R$0,160/rota Somente PTT C 8AS R$ rotas R$0.273/rota PTT s A e B 7AS R$ rotas R$0,220/rota PTT s B e C 6AS R$ rotas R$0.263/rota PTT s A e C 5AS R$ rotas R$0.275/rota PTT s A, B e C 4AS R$ rotas R$0.306/rota Média R$ rotas R$0.236/rota O exemplo demonstra que, além de um custo crescente por rota aprendida, haverá necessidade de acordos suplementares de trânsito entre as partes...

17 Quantos PTT s numa metrópole? Média (PTT A) R$ rotas R$0,102/rota Média (PTT A e B) R$ rotas R$0,162/rota Média (PTT A, B e C) R$ rotas R$0,236/rota O exemplo demonstra que, além de um custo crescente por rota aprendida, haverá necessidade de acordos suplementares de trânsito entre as partes... CONCLUSÃO: MELHOR TER UM ÚNICO PTT

18 Projeto PTTMetro PTTMetro é um projeto aprovado pelo CGI.br; Tem por finalidade criar Pontos de Troca de Tráfego em regiões metropolitanas que tenham ISPs interessados em trocar tráfego Internet; Principais vantagens : Racionalização e redução de custos; Melhora de desempenho; Maior segurança e controle sobre o roteamento; Melhor organização da infraestrutura de rede regional

19 Projeto PTTMetro PTTMetro tem por projeto as seguintes características: Neutralidade Qualidade Baixo custo das alternativas, com alta disponibilidade Matriz de troca de tráfego regional única

20 PTTmetro Actual Project Covered Cities

21 PTTmetro Main Site

22 PTTmetro Structure São Paulo Links 10 Gbps

23 PTTMetro Aspectos Técnicos Conecta todos os PIXs através de fibra óptica apagada Arquitetura Switch Ethernet camada 2 VLAN separadas (IPv4, IPv6, Multicast,...) AS para route server e AS para looking glass Telefones IP interligados ao INOC-DBA (Inter-Network Operations Center Dial-By-ASN (http://www.pch.net/inoc-dba/ ) Gerência centralizada

24 Regras Técnicas para Adesão ASN - possuir e operar um sistema autônomo. BGP4 Acordo multilateral de tráfego (ATM) via RS, ou relações bilaterais diretas. Estabelecer acordos de troca de tráfego com outros participantes. Caso anuncie prefixos de outros participantes é obrigatório marcar NEXT_HOP_SELF; Tráfego Broadcast deve estar limitado exclusivamente a resolução ARP; Participantes não devem apontar default route ou se utilizar de recursos de outros sem a devida autorização.

25 A imagem não pode ser exibida. Talvez o computador não tenha memória suficiente para abrir a imagem ou talvez ela esteja corrompida. Reinicie o computador e abra o arquivo novamente. Se ainda assim aparecer o x vermelho, poderá ser necessário excluir a imagem e inseri-la novamente. PTT Fórum

26 Outros Serviços e infraestrutura Root-Server Mirror using IPv4 hierarchical anycast technique (F em SP e I em Porto Alegre) AS112 Project (http://www.as112.net) RRC15 Projeto RIS (http://www.ripe.net/projects/ris/ ) NTP.br Simet.de,.kr,.cl presentes no PTTMetro de São Paulo

27 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet

28 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet Sitio web (~5.500 visitantes mensais)

29 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet Curso de e-learning (~4.500 visitantes mensais)

30 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet Busca no Twitter(popularidade da iniciativa)

31 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet (material didático numa licença Creative Commons permissiva)

32 Incentivo ao uso de IPv6 na Internet Resultados

33 Projeto CCL e Medição da Qualidade da Internet Banda Larga em parceria com Inmetro e Anatel

34 Projeto CCL Permitir que sejam efetuadas medições relativas à qualidade da Internet, ou seja, medições da qualidade das interligações entre as redes que a compõe. Para isso o projeto prevê a ampliação na participação no projeto TTM do RIPE. Prevê também a implantação do software já desenvolvido pelo NIC.br para a medição da qualidade da última milha. Prevê ainda a realização de pesquisas buscando formas de medição utilizando equipamentos mais baratos que os atuais. E, por fim, prevê que sejam definidas métricas baseadas nas medições realizadas e que estas sejam divulgadas, criando-se uma forma de se avaliar alguns aspectos da evolução da qualidade técnica da Internet no Brasil.

35 Projeto de Medição da Qualidade da Banda Larga Fixa Memorando de Entendimento Anatel (Agencia Nacional de Telecomunicações) Inmetro (Instituto de Metrologia, Normalização e Qualidade Indústrial) CGI.br (Comitê Gestor da Internet no Brasil) Avaliação da prestação de serviço de acesso à Internet em banda larga. Cidades a serem avaliadas São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador e Fortaleza. ISPs com mais de 10% de market-share

36 Projeto de Medição da Qualidade da Banda Larga Fixa Metodologia do Inmetro para avaliar produto Dados da Anatel sobre participação no acesso banda larga por cidade Software desenvolvido pelo NIC.br Thin Client + GPS

37 Projeto de Medição da Qualidade da Banda Larga Fixa - Simet Uso de CEP Java TCP e UDP Download TCP e UDP Upload Jitter RTT

38 Projeto de Medição da Qualidade da Banda Larga Fixa - Simet Histórico com localização

39 Projeto Censo Web

40 Projeto Censo Web Tem por objetivo medir algumas características da Web brasileira Ceptro, W3C e Cetic Baseado num Webcrawler Wire, acrescido de funcionalidades desenvolvidas internamente Coleta do.gov.br, estudo preliminar Tem por finalidade saber se a página é W3C compliant, profundidade do site, tamanho da página, pagina estática, página dinamica, PHP, ASP, Perl, etc; apontadores para links externos /internos, relação entre páginas, acessibilidade,

41 Zappiens

42 Zappiens Sítio Web para divulgação de vídeos em lingua portuguesa na Internet Fruto da CT- Conteúdos do CGI.br LARC/USP, RNP Acordo de cooperação com o Arquivo Nacional-AN Protocolo OAI-PMH, para permitir a integração de diversos repositórios de vídeos Nuvem de tags

43 Projeto NTP

44 Projeto de NTP O NTP.br mantém servidores públicos que ajudam a manter seu computador e sua rede sincronizados com a Hora Legal Brasileira e com o Tempo Universal Coordenado (UTC). Acordo de Cooperação Técnica entre NIC.br e o ON Pelos termos do acordo o ON disponibiliza, sem qualquer ônus, ao Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR NIC.br, o sincronismo à Hora Legal Brasileira, seguro, confiável, rastreável e auditável, e o NIC.br disponibiliza, sem qualquer ônus, ao ON um conjunto de equipamentos necessários à manutenção da infra-estrutura de sincronismo. Site conjunto para divulgação do serviço.

45 Projeto VoIP Peering

46 Necessidades de Peering de Voz Grande parte das operadoras VoIP não se comunicam para troca de tráfego Utilizam RTFC (Rede de Telefonia Fixa Comutada) para a troca de tráfego de voz Existem diversos fatores que impedem a troca de dados de voz entre as operadoras

47 Mundo VoIP hoje no Brasil prov1.com.br! G.711a!? com.br!! G.723!! lua.com.br?? ual.com.br!? G.711u! G.722?! sovoip.com.br! GSM??

48 Mundo VoIP hoje no Brasil Não existe código de área destinado a aplicações convergentes Diversos países já possuem este tipo de código Pais Prefixo Áustria 780 Alemanha 032 Austrália 0550

49 VoIPIX - Objetivos Criação de mecanismos para troca de tráfego VoIP entre operadoras interessadas Participantes podem ou não estar ligados ao PTT Metro Qualidade de serviço quanto a sinalização garantida somente a quem estiver ligado

50 E.164 Mecanismo permite a localização de endereços de internet a partir de números E.164 Ex. converte para Utiliza consultas DNS para a conversão dos dados

51 Cliente VoIP Servidor VoIP E.164 Servidor ENUM Requisita chamada para Query DNS para e164.arpa Retorna Retorna

52 Estrutura de um mecanismo de VoIP Peering

53 VoIP Peering Multilateral X VoIP Peering Bilateral

54 Necessidades de um sistema de VoIP Peering Suporte a geração de dados para OSS/BSS (Operations Support Systems / Billing Support Systems) Capacidade de analisar o meio físico de conexão Capacidade de avaliar se existem variações de sinalizações (signaling), estabelecimento de chamadas (call setup establishment) ) e mensagens de desconexão (teardown disconnect)

55 Necessidades de um sistema de VoIP Peering Suporte a serviços de registros, com sistemas de tradução de números (E.164) para endereços com suporte a IP Poder gerenciar questões administrativas, como bilhetagem e relatórios de tráfego Possuir serviços de localização Garantir segurança de rede, protegendo a topologia utilizada e informações proprietárias de acessos indevidos

56 Necessidades de um sistema de VoIP Peering Garantir gerenciamento de controle de qualidade de serviço Notificação segura da Identidade (Caller ID) Prevenir chamadas não bem-vindas, como Spam over Internet Telephony (SPIT) Considerações sobre RFC The Session Initiation Protocol (SIP) and Spam Segurança entre a sinalização das operadoras

57 Dúvidas!

Projeto PTT.br Atualização 2008 CGI.br - Comitê Gestor da Internet no Brasil NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Maio de 2008 Agenda Sobre o CGI.br e NIC.br Projeto PTTMetro Alguns dados

Leia mais

PTTMetro. 11 Jan 2010

PTTMetro. 11 Jan 2010 PTTMetro 11 Jan 2010 Antonio Galvao de Rezende Filho Eduardo Ascenço Reis Milton Kaoru Kashiwakura PTTMetro http://ptt.br/ Apresentação 1 Sobre o CGI.br

Leia mais

PTT Fórum 6 Encontro dos Sistemas Autônomos da Internet no Brasil 3 e 4 de dezembro de 2012

PTT Fórum 6 Encontro dos Sistemas Autônomos da Internet no Brasil 3 e 4 de dezembro de 2012 PTT Fórum 6 Encontro dos Sistemas Autônomos da Internet no Brasil 3 e 4 de dezembro de 2012 MILTON KAORU KASHIWAKURA Diretor de Projetos Especiais e de Desenvolvimento NIC.br Sobre o CGI.br e o NIC.br

Leia mais

VoIP no PTT Metro. Fabricio Tamusiunas NIC.BR

VoIP no PTT Metro. Fabricio Tamusiunas NIC.BR VoIP no PTT Metro Fabricio Tamusiunas NIC.BR Histórico de projetos com VoIP INOC-DBA BR Tutorial Sinalização SIP Tutorial Sistemas Abertos PABX VoIP OpenSICAST Projetos Internos VoIP Peering VoIP Peering

Leia mais

Troca de Tráfego : criando uma infraestrutura Internet melhor e mais barata (http://ptt.br). Milton Kaoru Kashiwakura mkaoruka@nic.

Troca de Tráfego : criando uma infraestrutura Internet melhor e mais barata (http://ptt.br). Milton Kaoru Kashiwakura mkaoruka@nic. Troca de Tráfego : criando uma infraestrutura Internet melhor e mais barata (http://ptt.br). Milton Kaoru Kashiwakura mkaoruka@nic.br Agenda O CGI.br e o NIC.br O que é a Internet? E o protocolo IP? Quais

Leia mais

PTTMetro Informações e Destaques

PTTMetro Informações e Destaques PTTMetro Informações e Destaques 3 o PTT Forum 3 Dez 2009 Antonio Galvao de Rezende Filho Eduardo Ascenço Reis Milton Kaoru Kashiwakura 3o PTT Forum

Leia mais

ww w w w. w cgi g.br b Sobre o NIC.br

ww w w w. w cgi g.br b Sobre o NIC.br Sobre o CGI.br Sobre o CGI.br Criado em maio de 1995 Pela Portaria Interministerial Nº 147 de 31/05/1995, alterada pelo Decreto Presidencial Nº 4.829 de 03/09/2003 Responsável pela coordenação e integração

Leia mais

Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro, e seu papel na Internet brasileira. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br

Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro, e seu papel na Internet brasileira. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro, e seu papel na Internet brasileira. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda O CGI.br e o NIC.br O que é a Internet? E o protocolo IP? Quais as relações possíveis

Leia mais

Os Pontos de Troca de Tráfego e seu papel na Internet Brasileira.

Os Pontos de Troca de Tráfego e seu papel na Internet Brasileira. Os Pontos de Troca de Tráfego e seu papel na Internet Brasileira. CGI.br - Comitê Gestor da Internet no Brasil NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Milton Kaoru Kashiwakura mkaoruka@nic.br

Leia mais

PTTMetro. Interconexão de Sistemas Autônomos (AS) 15 Agosto 2010. Equipe de Engenharia PTTMetro

PTTMetro. Interconexão de Sistemas Autônomos (AS) 15 Agosto 2010. Equipe de Engenharia PTTMetro <eng@ptt.br> PTTMetro Interconexão de Sistemas Autônomos (AS) 15 Agosto 2010 Equipe de Engenharia PTTMetro 1 Sobre o CGI.br Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) Criado em maio de 1995 Pela Portaria

Leia mais

Audiência Pública Senado Federal Escolha da EAQ da Banda Larga

Audiência Pública Senado Federal Escolha da EAQ da Banda Larga Audiência Pública Senado Federal Escolha da EAQ da Banda Larga Demi Getschko demi@cgi.br Brasília, 22 de março de 2012 Internet, características distintivas Colaboração A Internet é uma coleção de milhares

Leia mais

Ponto de Troca de Tráfego na Internet Projeto PTTmetro. Oripide Cilento Filho. NIC.br

Ponto de Troca de Tráfego na Internet Projeto PTTmetro. Oripide Cilento Filho. NIC.br Ponto de Troca de Tráfego na Internet Projeto PTTmetro Oripide Cilento Filho NIC.br Agenda Governança da Internet O CGI.Br e o NIC.Br Internet Arquitetura e Operação Sistemas Autônomos Princípios do protocolo

Leia mais

Cenários do CGI.br. My Fire. Diretoria de Projetos 13 de setembro de 2011

Cenários do CGI.br. My Fire. Diretoria de Projetos 13 de setembro de 2011 Cenários do CGI.br My Fire Diretoria de Projetos 13 de setembro de 2011 Sobre o CGI.br Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) Criado em maio de 1995 Pela Portaria Interministerial Nº 147 de 31/05/1995,

Leia mais

PTTMetro Ponto de Troca de Tráfego Metrolitano Seminário de Infraestrutura e Interconexão Regional - CITEL 28 de Setembro de 2009 San Carlos de Bariloche, Argentina Milton Kaoru Kashiwakura Diretor de

Leia mais

IPv6: a próxima geração de IPs na Internet!

IPv6: a próxima geração de IPs na Internet! IPv6: a próxima geração de IPs na Internet! Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br CONIP 14 o. Congresso de Inovação da Gestão Pública Governança da informação backoffice 05 de Junho de 2008 São Paulo - SP

Leia mais

Introdução ao IPv6. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br

Introdução ao IPv6. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Introdução ao IPv6 Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda O CGI.br e o NIC.br O CGI.br e o NIC.br Breve Introdução ao IPv6 Agenda O CGI.br e o NIC.br O CGI.br e o NIC.br Breve Introdução ao IPv6 Sobre

Leia mais

QUALIDADE DOS SERVIÇOS E RESPEITO AO CONSUMIDOR REGULAÇÃO E FISCALIZAÇÃO NOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

QUALIDADE DOS SERVIÇOS E RESPEITO AO CONSUMIDOR REGULAÇÃO E FISCALIZAÇÃO NOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES QUALIDADE DOS SERVIÇOS E RESPEITO AO CONSUMIDOR REGULAÇÃO E FISCALIZAÇÃO NOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES 07 de AGOSTO de 2013 Milton Kaoru Kashiwakura NIC.br Sobre o CGI.br Comitê Gestor da Internet no

Leia mais

Pontos de Troca de Tráfego na Internet - Projeto PTTmetro SET 2007 24/08/2007. Oripide Cilento Filho (oripide@nic.br)

Pontos de Troca de Tráfego na Internet - Projeto PTTmetro SET 2007 24/08/2007. Oripide Cilento Filho (oripide@nic.br) Pontos de Troca de Tráfego na Internet - Projeto PTTmetro SET 2007 24/08/2007 Oripide Cilento Filho (oripide@nic.br) IPTV - Arquitetura Sistemas Autônomos Agenda Princípios do protocolo BGP Internet -

Leia mais

IPv6 nas redes de sensores o 6LoWPAN e a Internet das coisas

IPv6 nas redes de sensores o 6LoWPAN e a Internet das coisas IPv6 nas redes de sensores o 6LoWPAN e a Internet das coisas Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda O CGI.br e o NIC.br O CGI.br e o NIC.br O LAA Redes ubíquas e a Internet das coisas Breve Introdução

Leia mais

Alguns dos Desafios para a Infraestrutura de Internet Projetos do CGI.br e NIC.br

Alguns dos Desafios para a Infraestrutura de Internet Projetos do CGI.br e NIC.br Alguns dos Desafios para a Infraestrutura de Internet no Brasil e os Projetos do CGI.br e NIC.br 24 de Julho de 2008 Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda O que são o CGI.br e o NIC.br? Desafios da

Leia mais

Mecanismos para Medição da Qualidade de Tráfego da Internet Brasileira. Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic.

Mecanismos para Medição da Qualidade de Tráfego da Internet Brasileira. Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic. Mecanismos para Medição da Qualidade de Tráfego da Internet Brasileira Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic.br Necessidades para Medições de Qualidade na Internet Garantia

Leia mais

SIMET Medindo a qualidade das conexões Internet no Brasil. Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic.br

SIMET Medindo a qualidade das conexões Internet no Brasil. Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic.br SIMET Medindo a qualidade das conexões Internet no Brasil Fabricio Tamusiunas fabricio@nic.br César Linhares Rosa cesar@nic.br NIC.br Criado para implementar os projetos e decisões do CGI.br Registro e

Leia mais

www.cgi.br PTTMetro atualização Metrolitano Milton Kaoru Kashiwakura Diretor de Projetos NIC.br NAPLA 2009 26 de Maio 2009

www.cgi.br PTTMetro atualização Metrolitano Milton Kaoru Kashiwakura Diretor de Projetos NIC.br NAPLA 2009 26 de Maio 2009 PTTMetro atualização Ponto de Troca de Tráfego Metrolitano Milton Kaoru Kashiwakura Diretor de Projetos NIC.br NAPLA 2009 26 de Maio 2009 O que é o PTTMetro (também conhecido por PTT.br)? PTTMetro O PTT.br,

Leia mais

PTTMetro atualização. www.cgi.br. Ponto de Troca de Tráfego Metrolitano. NAPLA 2009 26 de Maio 2009

PTTMetro atualização. www.cgi.br. Ponto de Troca de Tráfego Metrolitano. NAPLA 2009 26 de Maio 2009 PTTMetro atualização Ponto de Troca de Tráfego Metrolitano Milton Kaoru Kashiwakura Diretor de Projetos NIC.br NAPLA 2009 26 de Maio 2009 O que é o PTTMetro (também conhecido por PTT.br)? PTTMetro O PTT.br,

Leia mais

FISL9.0 Porto Alegre, RS, Brasil 17-19 de abril de 2008

FISL9.0 Porto Alegre, RS, Brasil 17-19 de abril de 2008 www.cgi.br Agenda Sobre o CGI.br Sobre o NIC.br www.cgi.br Sobre o CGI.br Criado em maio de 1995 Pela Portaria Interministerial Nº 147 de 31/05/1995, alterada pelo Decreto Presidencial Nº 4.829 de 03/09/2003

Leia mais

Pesquisa sobre Provedores de Serviços Internet no Brasil. São Paulo, 30 de novembro de 2011

Pesquisa sobre Provedores de Serviços Internet no Brasil. São Paulo, 30 de novembro de 2011 Pesquisa TIC Provedores 2011 Coletiva de Imprensa Pesquisa sobre Provedores de Serviços Internet no Brasil São Paulo, 30 de novembro de 2011 CGI.br Comitê Gestor da Internet no Brasil NIC.br Núcleo de

Leia mais

Gestão de Incidentes e Resiliência das Infraestruturas Críticas de Internet

Gestão de Incidentes e Resiliência das Infraestruturas Críticas de Internet Gestão de Incidentes e Resiliência das Infraestruturas Críticas de Internet Cristine Hoepers cristine@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação

Leia mais

A ENGENHARIA ENVOLVIDA NA IMPLANTAÇÃO DE UM DATA CENTER

A ENGENHARIA ENVOLVIDA NA IMPLANTAÇÃO DE UM DATA CENTER A ENGENHARIA ENVOLVIDA NA IMPLANTAÇÃO DE UM Oripide Cilento Filho oripide@nic.br DATA CENTER CONGRESSO ST 2012 Congresso SET -2012T 2012 Sobre o CGI.br Comitê Gestor da Internet no Brasil. Criado em maio

Leia mais

Impactos da Gerência de Porta 25 para os Sistemas Autônomos no Brasil ou Agora Vai! :-)

Impactos da Gerência de Porta 25 para os Sistemas Autônomos no Brasil ou Agora Vai! :-) Impactos da Gerência de Porta 25 para os Sistemas Autônomos no Brasil ou Agora Vai! :-) Cristine Hoepers cristine@cert.br Klaus Steding-Jessen jessen@cert.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de

Leia mais

Transição IPv4 è IPv6: Desafios e Riscos

Transição IPv4 è IPv6: Desafios e Riscos Transição IPv4 è IPv6: Desafios e Riscos Cristine Hoepers cristine@cert.br! Apresentação desenvolvida em conjunto com a equipe do CEPTRO.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança

Leia mais

Milton Kashiwakura (Fabrício Tamusiunas)

Milton Kashiwakura (Fabrício Tamusiunas) Medição de Tráfego Internet de Banda Fixa usando os PTTs Milton Kashiwakura (Fabrício Tamusiunas) NIC.br NIC.BR conduz projeto de medição de qualidade desde 2006 IDEC São Paulo, em 2007 TTM-box do RIPE

Leia mais

São Paulo, Brasil 24 de Novembro de 2014

São Paulo, Brasil 24 de Novembro de 2014 São Paulo, Brasil 24 de Novembro de 2014 PTT.br Definição de Conexão PTT Fórum 8 Galvão Rezende Equipe de Engenharia PTT.br PTT.br Referência IXP - Internet exchange Point

Leia mais

Rio de Janeiro, Brasil 29 de Maio de 2015. CIX Uma categoria Intermediária GTER 39 29 e 30 de Maio de 2015 Rio de Janeiro - BR - PTT.

Rio de Janeiro, Brasil 29 de Maio de 2015. CIX Uma categoria Intermediária GTER 39 29 e 30 de Maio de 2015 Rio de Janeiro - BR - PTT. Rio de Janeiro, Brasil 29 de Maio de 2015 CIX Uma categoria Intermediária GTER 39 29 e 30 de Maio de 2015 Rio de Janeiro - BR - PTT.br PTT.br CIX Uma nova categoria GTER 39 Antonio Galvão de Rezende Filho

Leia mais

Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br

Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto

Leia mais

Sincronizando os computadores a importância e o funcionamento. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br

Sincronizando os computadores a importância e o funcionamento. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Sincronizando os computadores a importância e o funcionamento do NTP Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda Sobre o NIC.br e o CGI.br Definições / Vocabulário Importância do NTP Funcionamento do NTP

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL INMETRO

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL INMETRO Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL INMETRO Metodologia para análise de qualidade

Leia mais

PTTMetro/PTT.br. Evolução, Atualizações e Planejamento http://ptt.br/ Encontro PTT-BA. 25 Setembro 2013

PTTMetro/PTT.br. Evolução, Atualizações e Planejamento http://ptt.br/ Encontro PTT-BA. 25 Setembro 2013 PTTMetro/PTT.br Evolução, Atualizações e Planejamento http://ptt.br/ Encontro PTT-BA 25 Setembro 2013 Julimar Lunguinho Mendes Equipe PTT.br 1 CGI.br NIC.br - PTT.br CGI.br

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA CCT/SENADO EAQ BANDA LARGA. 22 de Março de 2012 Milton Kaoru Kashiwakura NIC.br

AUDIÊNCIA PÚBLICA CCT/SENADO EAQ BANDA LARGA. 22 de Março de 2012 Milton Kaoru Kashiwakura NIC.br AUDIÊNCIA PÚBLICA CCT/SENADO EAQ BANDA LARGA 22 de Março de 2012 Milton Kaoru Kashiwakura NIC.br Sobre o NIC.br NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Entidade civil, sem fins lucrativos,

Leia mais

Estatísticas de Qualidade de Acesso Internet no Brasil para Usuários Finais. NIC.br

Estatísticas de Qualidade de Acesso Internet no Brasil para Usuários Finais. NIC.br Estatísticas de Qualidade de Acesso Internet no Brasil para Usuários Finais NIC.br SIMET - Introdução SIMET Sistema de Medição de Tráfego IP de Última Milha http://simet.nic.br Projeto que provê recursos

Leia mais

Esgotamento do IPv4 e implantação do IPv6

Esgotamento do IPv4 e implantação do IPv6 Esgotamento do IPv4 e implantação do IPv6 Reunião Itinerante do CGI.br Curitiba 19/03/2013 Milton Kaoru Kashiwakura Antonio Marcos Moreiras O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) foi criado pela

Leia mais

PTTrix. membro a membro no PTT. PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR. GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007

PTTrix. membro a membro no PTT. PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR. GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007 PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007 Christian Lyra Gomes lyra@pop-pr.rnp.br Pedro R. Torres Jr. torres@pop-pr.rnp.br PoP-PR - Ponto de Presença da RNP no Paraná

Leia mais

10 anos de operação do PTT no Paraná

10 anos de operação do PTT no Paraná 10 anos de operação do PTT no Paraná PTT-Curitiba 10 anos PTT-Londrina 5 anos Pedro R. Torres Jr. pedro.torres@ufpr.br UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ 6º PTT-Forum São Paulo - SP Histórico da Troca de Tráfego

Leia mais

Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro e a Internet Brasileira

Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro e a Internet Brasileira Os Pontos de Troca de Tráfego, o PTTMetro e a Internet Brasileira Por Antonio M. Moreiras e Demi Getschko A Internet é uma construção coletiva que integra milhares de redes pelo mundo afora. Os brasileiros

Leia mais

INDICADORES DE HABILIDADE NO USO DE COMPUTADORES E INTERNET TIC EMPRESAS E DOMICÍLIOS 2005/2006/2007. NIC.br / CGI.br. www.cetic.

INDICADORES DE HABILIDADE NO USO DE COMPUTADORES E INTERNET TIC EMPRESAS E DOMICÍLIOS 2005/2006/2007. NIC.br / CGI.br. www.cetic. INDICADORES DE HABILIDADE NO USO DE COMPUTADORES E INTERNET TIC EMPRESAS E DOMICÍLIOS 2005/2006/2007 Centro de Estudos sobre as TICs (CETIC.br) NIC.br / CGI.br Cuarto Taller sobre la Medición n de la Sociedad

Leia mais

PTTMetro/PTT.br. 27 Junho 2013. Milton Kaoru Kashiwakura Equipe PTT.br

PTTMetro/PTT.br. 27 Junho 2013. Milton Kaoru Kashiwakura <mkaoruka@nic.br> Equipe PTT.br <eng@ptt.br> PTTMetro/PTT.br 27 Junho 2013 Milton Kaoru Kashiwakura Equipe PTT.br 1 Referência IXP - Internet exchange Point PTT Ponto de Troca de Tráfego 2 PTT Historico e Datas Marcantes

Leia mais

Projeto SpamPots: Uso de Honeypots na Obtenção de Métricas sobre Abuso de Redes de Banda Larga para o Envio de Spam

Projeto SpamPots: Uso de Honeypots na Obtenção de Métricas sobre Abuso de Redes de Banda Larga para o Envio de Spam Projeto SpamPots: Uso de Honeypots na Obtenção de Métricas sobre Abuso de Redes de Banda Larga para o Envio de Spam Marcelo H. P. C. Chaves mhp@cert.br CERT.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento

Leia mais

Os Pontos de Troca de Tráfego

Os Pontos de Troca de Tráfego 16 Os Pontos de Troca de Tráfego > > Demi Getschko Diretor presidente do Núcleo de Informação e Comunicação do Comitê Gestor da Internet no Brasil (NIC.br), Conselheiro do Comitê Gestor da Internet no

Leia mais

Formação para Sistemas Autônomos. Boas Práticas PTT. Formação para Sistemas Autônomos

Formação para Sistemas Autônomos. Boas Práticas PTT. Formação para Sistemas Autônomos Boas Práticas PTT Licença de uso do material Esta apresentação está disponível sob a licença Creative Commons Atribuição Não a Obras Derivadas (by-nd) http://creativecommons.org/licenses/by-nd/3.0/br/legalcode

Leia mais

Segurança da Internet no Brasil e Atuação do CERT.br Cristine Hoepers

Segurança da Internet no Brasil e Atuação do CERT.br Cristine Hoepers Segurança da Internet no Brasil e Atuação do CERT.br Cristine Hoepers Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil - CERT.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto

Leia mais

Segurança X Privacidade?

Segurança X Privacidade? Segurança X Privacidade? Cristine Hoepers cristine@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Comitê Gestor da

Leia mais

PTTMetro. Frederico Neves Milton Kaoru Kashiwakura

PTTMetro. Frederico Neves Milton Kaoru Kashiwakura PTTMetro Frederico Neves Milton Kaoru Kashiwakura O que é PTTMetro? PTTMetroé o nome dado ao projeto do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGIbr) que promove e cria a infra-estrutura necessária (Ponto

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web 2010

Introdução à Tecnologia Web 2010 IntroduçãoàTecnologiaWeb2010 Internet ÓrgãosRegulamentadores ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger Internet Órgãosregulamentadores Índice 1 Breve Histórico da Internet... 2 2 Surgimento

Leia mais

Fabrício Tamusiunas. Michel Vale Ferreira

Fabrício Tamusiunas. Michel Vale Ferreira PTT-Forum 6 Panorama das Medições de Qualidade Internet em 2012 e Novas Medições Fabrício Tamusiunas NIC.br Michel Vale Ferreira NIC.br Projetos de Medições no NIC.br Banda Larga Fixa Qualidade da conexão

Leia mais

TIC DOMICÍLIOS 2012. Panorama da Inclusão digital no Brasil. Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação no Brasil

TIC DOMICÍLIOS 2012. Panorama da Inclusão digital no Brasil. Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação no Brasil Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação TIC DOMICÍLIOS 12 Panorama da Inclusão digital no Brasil Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação no

Leia mais

Fabrício Tamusiunas. Aferição da Qualidade pelo Usuário e defesa de seus direitos. 5º Encontro de Telecomunicações respeito ao consumidor. NIC.

Fabrício Tamusiunas. Aferição da Qualidade pelo Usuário e defesa de seus direitos. 5º Encontro de Telecomunicações respeito ao consumidor. NIC. 5º Encontro de Telecomunicações respeito ao consumidor Aferição da Qualidade pelo Usuário e defesa de seus direitos Fabrício Tamusiunas NIC.br O que é Qualidade da Internet? Qualidade da Internet é muito

Leia mais

Ameaças Recentes, Tendências e Desafios para a Melhora do Cenário

Ameaças Recentes, Tendências e Desafios para a Melhora do Cenário Ameaças Recentes, Tendências e Desafios para a Melhora do Cenário Cristine Hoepers cristine@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e

Leia mais

Segurança da Informação na Internet no Brasil: Últimos Estudos do Comitê Gestor da Internet no Brasil e Iniciativas para Aumentar a Segurança

Segurança da Informação na Internet no Brasil: Últimos Estudos do Comitê Gestor da Internet no Brasil e Iniciativas para Aumentar a Segurança Segurança da Informação na Internet no Brasil: Últimos Estudos do Comitê Gestor da Internet no Brasil e Iniciativas para Aumentar a Segurança Cristine Hoepers cristine@cert.br Centro de Estudos, Resposta

Leia mais

VoIP Peering. Operação, Tecnologia e Modelos de Negócio

VoIP Peering. Operação, Tecnologia e Modelos de Negócio VoIP Peering Operação, Tecnologia e Modelos de Negócio Histórico 2005 2004 2004 2003 2002 2001 2000 1999 1998 1996 1995 1993 Plataformas de Suporte ao Cliente Final Suporte ao protocolo SIP POP em Miami

Leia mais

Desafios no Tratamento de Incidentes de

Desafios no Tratamento de Incidentes de Desafios no Tratamento de Incidentes de Segurança Klaus Steding-Jessen jessen@cert.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do

Leia mais

Ensinando Redes com Emuladores. Edwin Cordeiro NIC.br

Ensinando Redes com Emuladores. Edwin Cordeiro NIC.br Ensinando Redes com Emuladores Edwin Cordeiro NIC.br Agenda Sobre o CGI.br e o NIC.br Curso IPv6.br Laboratórios reais Laboratórios virtuais Opções de emuladores Exemplos Conclusões O Comitê Gestor da

Leia mais

Estrutura e Situação da Segurança da Internet no Brasil Cristine Hoepers

Estrutura e Situação da Segurança da Internet no Brasil Cristine Hoepers Estrutura e Situação da Segurança da Internet no Brasil Cristine Hoepers Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil - CERT.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto

Leia mais

Analisando VoIP Peering: Componentes e Padrões Utilizados. Fabrício Tamusiunas NIC.BR

Analisando VoIP Peering: Componentes e Padrões Utilizados. Fabrício Tamusiunas NIC.BR Analisando VoIP Peering: Componentes e Padrões Utilizados Fabrício Tamusiunas NIC.BR VoIP: Introdução Voice over Internet Protocol é qualquer conjunto de mecanismos utilizados para transmissão de voz,

Leia mais

Internet. Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br

Internet. Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br Internet Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br Internet A Internet não é de modo algum uma rede, mas sim um vasto conjunto de redes diferentes que utilizam certos protocolos comuns e fornecem

Leia mais

Tendências Web Estatísticas da rede. Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br

Tendências Web Estatísticas da rede. Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br Tendências Web Estatísticas da rede Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) foi criado pela Portaria Interministerial nº 147, de 31 de maio

Leia mais

3.1 PEERING x TRÂNSITO. autor: Rinaldo Vaz rinaldopvaz@gmail.com 1

3.1 PEERING x TRÂNSITO. autor: Rinaldo Vaz rinaldopvaz@gmail.com 1 3.1 PEERING x TRÂNSITO autor: Rinaldo Vaz rinaldopvaz@gmail.com 1 3.1 Peering x Trânsito Em primeiro lugar devem ser separados os conceitos de peering e trânsito Quando dois AS's tem uma quantidade de

Leia mais

INDICADORES SOBRE O USO DA INTERNET EM DOMICÍLIOS E EMPRESAS NO BRASIL:

INDICADORES SOBRE O USO DA INTERNET EM DOMICÍLIOS E EMPRESAS NO BRASIL: INDICADORES SOBRE O USO DA INTERNET EM DOMICÍLIOS E EMPRESAS NO BRASIL: Problemas de segurança encontrados e medidas adotadas 2005-2006 Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação

Leia mais

Brasília, DF 03 de setembro de 2015

Brasília, DF 03 de setembro de 2015 Brasília, DF 03 de setembro de 2015 Atividades do NIC.br para Segurança e Estabilidade da Internet no Brasil Cristine Hoepers, D.Sc. Gerente Geral, CERT.br/NIC.br Comitê Gestor da Internet no Brasil CGI.br

Leia mais

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010 Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br Agosto de 2010 Agenda: Introdução Objetivos da pesquisa Desafios técnicos para o estudo da Web Parceiros Secretaria de Logistica e Tecnologia

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA IMPLEMENTAR A RECOMENDAÇÃO DA GERÊNCIA DE PORTA 25

ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA IMPLEMENTAR A RECOMENDAÇÃO DA GERÊNCIA DE PORTA 25 ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA IMPLEMENTAR A RECOMENDAÇÃO DA GERÊNCIA DE PORTA 25 Pelo presente, de um lado COMITÊ GESTOR DA INTERNET NO BRASIL CGI.br, neste ato representado por seu Coordenador Prof. Dr. Virgílio

Leia mais

Centros de Inclusão o Digital Indicadores sobre Lanhouses e Telecentros

Centros de Inclusão o Digital Indicadores sobre Lanhouses e Telecentros Comissão Especial (PL 4361/2004): Centros de Inclusão Digital: Lanhouses, Telecentros, Cybercafés, Pontos de Cultura e similares Centros de Inclusão o Digital Indicadores sobre Lanhouses e Telecentros

Leia mais

Registro.br Updates - GTER33/GTS19 04.05.2012. Registro.br Updates Equipe de Sistemas

Registro.br Updates - GTER33/GTS19 04.05.2012. Registro.br Updates Equipe de Sistemas Registro.br Updates Equipe de Sistemas Publicação DNS - Estrutura até Fev/2012 O NIC.br é o responsável pela publicação do domínio.br através do serviço Registro.br. Até este momento o.br esteve delegado

Leia mais

IPv6. Situação atual e desafios. Congresso SET 2012. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br

IPv6. Situação atual e desafios. Congresso SET 2012. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br IPv6 Situação atual e desafios Congresso SET 2012 Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) foi criado pela Portaria Interministerial nº 147, de 31 de maio de 1995,

Leia mais

Administração de Redes e Conectividade ao PoP-BA. III WTR do PoP-BA Luiz Barreto luiz@pop-ba.rnp.br PoP-BA: Ponto de Presença da RNP na Bahia

Administração de Redes e Conectividade ao PoP-BA. III WTR do PoP-BA Luiz Barreto luiz@pop-ba.rnp.br PoP-BA: Ponto de Presença da RNP na Bahia Administração de Redes e Conectividade ao PoP-BA III WTR do PoP-BA Luiz Barreto luiz@pop-ba.rnp.br PoP-BA: Ponto de Presença da RNP na Bahia Sumário Fundamentos Arquitetura OSI e TCP/IP Virtual LAN: Dispositivos

Leia mais

A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web

A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web ALGUNS EVENTOS E DADOS IMPORTANTES DA INTERNET NO BRASIL E NO MUNDO NO BRASIL Primeira conexão à redes (Bitnet) => Outubro 88 Domínio.br foi registrado

Leia mais

Esgotamento dos blocos IPv4 e o Protocolo IPv6

Esgotamento dos blocos IPv4 e o Protocolo IPv6 Esgotamento dos blocos IPv4 e o Protocolo IPv6 Oripide Cilento Filho oripide@nic.br SET 2008 Agenda Apresentação do CGI.br e do NIC.br A Internet e o Protocolo Internet ( IP ) Necessidade de uma nova versão

Leia mais

IPv6 no café da manhã Universidade Federal de Santa Catarina Ponto de Presença da RNP em Santa Catarina. 28 de maio de 2013

IPv6 no café da manhã Universidade Federal de Santa Catarina Ponto de Presença da RNP em Santa Catarina. 28 de maio de 2013 IPv6 no café da manhã Universidade Federal de Santa Catarina Ponto de Presença da RNP em Santa Catarina 28 de maio de 2013 Experiências com IPv6 em rede de Campus UFSC & PoP-SC Universidade Federal de

Leia mais

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Miriam von Zuben miriam@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasill Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto br

Leia mais

FISL 16. Um comparativo entre diferentes análises de qualidade da internet no Brasil. Fabrício Tamusiunas. NIC.br

FISL 16. Um comparativo entre diferentes análises de qualidade da internet no Brasil. Fabrício Tamusiunas. NIC.br FISL 16 Um comparativo entre diferentes análises de qualidade da internet no Brasil Fabrício Tamusiunas NIC.br Sobre o NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Entidade civil, sem fins lucrativos,

Leia mais

Campus Party 6. Medindo a Qualidade da Internet no Brasil. Fabrício Tamusiunas. NIC.br

Campus Party 6. Medindo a Qualidade da Internet no Brasil. Fabrício Tamusiunas. NIC.br Campus Party 6 Medindo a Qualidade da Internet no Brasil Fabrício Tamusiunas NIC.br Sobre o NIC.br Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Entidade civil, sem fins lucrativos, criada em 2003 e começando

Leia mais

PTTMetro BRAZIL - IXP - Update

PTTMetro BRAZIL - IXP - Update PTTMetro BRAZIL - IXP - Update LACNIC XIII NAPLA 2010 Antonio Galvão de Rezende Eduardo Ascenço May / 2010 PTTMetro IXP Brazil The PTTMetro (PTT- Internet Exchange Point)

Leia mais

Coletiva de Imprensa 4 de maio de 2010. Comitê Gestor da Internet no Brasil CGI.br Núcleo de Informação e Comunicação do Ponto BR NIC.

Coletiva de Imprensa 4 de maio de 2010. Comitê Gestor da Internet no Brasil CGI.br Núcleo de Informação e Comunicação do Ponto BR NIC. TIC Empresas 2009 Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação no Brasil Coletiva de Imprensa 4 de maio de 2010 Comitê Gestor da Internet no Brasil CGI.br Núcleo de Informação e Comunicação

Leia mais

Roteamento no PTT. PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR. GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007

Roteamento no PTT. PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR. GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007 PRIX - PTT-Metro de Curitiba/PR GTER-23 - Belo Horizonte - 29 de Junho 2007 Christian Lyra Gomes lyra@pop-pr.rnp.br Pedro R. Torres Jr. torres@pop-pr.rnp.br PoP-PR - Ponto de Presença da RNP no Paraná

Leia mais

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010 Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br Agosto de 2010 Agenda: Introdução Objetivos da pesquisa Desafios técnicos para o estudo da Web Análise dos resultados O que é o Projeto

Leia mais

IPv6 nas Universidades e Redes Acadêmicas

IPv6 nas Universidades e Redes Acadêmicas IPv6 nas Universidades e Redes Acadêmicas O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) foi criado pela Portaria Interministerial nº 147, de 31 de maio de 1995, alterada pelo Decreto Presidencial nº 4.829,

Leia mais

Assumiu em 2002 um novo desafio profissional como empreendedor e Presidente do Teleco.

Assumiu em 2002 um novo desafio profissional como empreendedor e Presidente do Teleco. O que é IP O objetivo deste tutorial é fazer com que você conheça os conceitos básicos sobre IP, sendo abordados tópicos como endereço IP, rede IP, roteador e TCP/IP. Eduardo Tude Engenheiro de Teleco

Leia mais

TIC Saúde 2013 Pesquisa sobre o uso das TIC em estabelecimentos de saúde no Brasil

TIC Saúde 2013 Pesquisa sobre o uso das TIC em estabelecimentos de saúde no Brasil TIC Saúde 2013 Pesquisa sobre o uso das TIC em estabelecimentos de saúde no Brasil Latam Healthcare IT Summit São Paulo, 04 de abril de 2013 CGI.br Comitê Gestor da Internet no Brasil NIC.br Núcleo de

Leia mais

ANEXO VIII. XXXVI RECyT. Comissão Sociedade da Informação. Rio de Janeiro, 24 de outubro de 2006

ANEXO VIII. XXXVI RECyT. Comissão Sociedade da Informação. Rio de Janeiro, 24 de outubro de 2006 ANEXO VIII XXXVI RECyT Comissão Sociedade da Informação Rio de Janeiro, 24 de outubro de 2006 Estratégias INDICADORES DE USO DAS TICs nacionais e padrões internacionais 2006 gias nacionais 24 de outubro

Leia mais

IPv6 em rede de Campus Case UFSC & PoP-SC

IPv6 em rede de Campus Case UFSC & PoP-SC I WORKSHOP DE TECNOLOGIA DE REDES Ponto de Presença da RNP em Santa Catarina Rede Metropolitana de Educação e Pesquisa da Região de Florianópolis 04 e 05 Outubro/2012 IPv6 em rede de Campus Case UFSC &

Leia mais

(Versão revista e atualizada do tutorial original publicado em 05/05/2003).

(Versão revista e atualizada do tutorial original publicado em 05/05/2003). Internet no Brasil Este tutorial apresenta os conceitos básicos sobre a Internet, sua arquitetura, protocolos, principais aplicações (web, email) e sua organização no Brasil. (Versão revista e atualizada

Leia mais

Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação

Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação Pesquisa TIC Educação 2010 Coletiva de Imprensa Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nas Escolas Brasileiras TIC Educação São Paulo, 09 de Agosto de 2011 CGI.br Comitê Gestor

Leia mais

Migrando para um AS Caso Ciblis

Migrando para um AS Caso Ciblis Migrando para um AS Caso Ciblis Fabrício Nunes Monte Fabricio.monte@comdominio.com.br Pablo F. L. Neves pablo.neves@comdominio.com.br 02/12/05 Versão 1.1 Departamento de Redes Apresentação do caso O evento

Leia mais

PTTForum8 eng@ptt.br. São Paulo, Brasil 25 de Novembro de 2014

PTTForum8 eng@ptt.br. São Paulo, Brasil 25 de Novembro de 2014 PTTForum8 eng@ptt.br São Paulo, Brasil 25 de Novembro de 2014 Acordo de Troca de Tráfego Multilateral PTT.br - São Paulo Pablo Martins F Costa pablo@nic.br Resumo Atualizações no ATM ( Acordo de Troca

Leia mais

Uso e Posse de Computador e Internet, Barreiras de Acesso, Uso do Celular, Intenção de Aquisição

Uso e Posse de Computador e Internet, Barreiras de Acesso, Uso do Celular, Intenção de Aquisição TIC DOMICÍLIOS 2007 Uso e Posse de Computador e Internet, Barreiras de Acesso, Uso do Celular, Intenção de Aquisição PESQUISA SOBRE O USO DAS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NO BRASIL 2008 NIC.BR

Leia mais

Sistemas Autônomos (AS) Brasileiros Introdução

Sistemas Autônomos (AS) Brasileiros Introdução Sistemas Autônomos (AS) Brasileiros Introdução Cleber Martim de Alexandre Eduardo Ascenco Reis GTER28 20091204 GTER28 Sistemas Autônomos (AS) Brasileiros Introdução

Leia mais

Art. 13. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Brasília, 3 de setembro de 2003; 182 o da Independência e 115 o da República.

Art. 13. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Brasília, 3 de setembro de 2003; 182 o da Independência e 115 o da República. Art. 10. A execução do registro de Nomes de Domínio, a alocação de Endereço IP (Internet Protocol) e a administração relativas ao Domínio de Primeiro Nível poderão ser atribuídas a entidade pública ou

Leia mais

IPv6. 13 de outubro de 2008. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br

IPv6. 13 de outubro de 2008. Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br IPv6 13 de outubro de 2008 Antonio M. Moreiras moreiras@nic.br Agenda O que são o CGI.br e o NIC.br? Por que precisamos de uma nova versão do Protocolo Internet? Quais os riscos da não implantação? Como

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS PÁG. 1 DE 13 PRÁTICA DE SERVIÇO DE BANDA LARGA REQUISITOS MÍNIMOS PARA OS PRESTADORES DE SERVIÇO DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL Sumário 1.OBJETIVO... 2 2.CAMPO DE APLICAÇÃO... 2 3.DEFINIÇÕES...

Leia mais

Endereçamento IP Roteamento Internet. Ricardo Patara NIC.BR

Endereçamento IP Roteamento Internet. Ricardo Patara NIC.BR Endereçamento IP Roteamento Internet Ricardo Patara NIC.BR Introdução Visão geral de funcionamento da Internet Usuário e sua conexão Provedor de acesso, provedor de provedor Interconexão Distribuição de

Leia mais

Utilizando ferramentas de software livre para estudar a Web Brasileira

Utilizando ferramentas de software livre para estudar a Web Brasileira Utilizando ferramentas de software livre para estudar a Web Brasileira Agenda 1. O projeto 2. As Etapas 3. Ferramentas Utilizadas: Wire, Analise internet 4. Desafios Utilizando ferramentas de software

Leia mais

Web Crawlers Open Source. Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br

Web Crawlers Open Source. Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br Web Open Source Heitor de Souza Ganzeli Analista de Projetos do nic.br O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) foi criado pela Portaria Interministerial nº 147, de 31 de maio de 1995, alterada pelo

Leia mais