ANEXO V - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO V - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL"

Transcrição

1 ANEXO V - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL 1.0 QUANTITATIVOS DE REFERÊNCIA. Item Serviços Coleta, Transporte e Destinação Final de Resíduos Sólidos Domiciliares e Comerciais. Coleta, Transporte e Tratamento de Resíduos Sólidos dos Serviços de Saúde. Coleta e Transporte de resíduos Sólidos Domiciliares e Comerciais em Distritos. Coordenação da UTR Usina de Triagem de Resíduos. Cremação de Animais Mortos de Pequeno Porte CCZ. Coleta, Transporte e Destinação Final de Resíduos Classe II-B Inertes. Varrição Manual de Ruas, Vias e Logradouros Públicos e Serviços Correlatos. Gerenciamento de 05 (cinco) EcoPontos Unidade de Medida Quantidade referencial Mês 01/ ano 01 Quantidade referencial Projetada para os 25 Anos Valor Unitário (Reais) Valor Mensal (Reais) Valor Global (Reais) ton , ,00 0,00 0,00 ton 173, ,83 0,00 0,00 0,00 Kg , ,62 0,00 0,00 0,00 ton 2.620, ,92 0,00 0,00 0,00 TOTAL ============================================================== 0,00 0,00

2 1.1 TABELA DE REFERÊNCIA PARA DEMONSTRAÇÃO DA COMPOSIÇÃO DOS PREÇOS PROPOSTOS: Demonstrativo dos custos, despesas, tributos e margem de lucro do serviço XXX (serviços listados no item 1.0 do anexo V item 1 a 8). Prefeitura Municipal de Campo Grande/MS Processo Administrativo n o XXX Concorrência n o XXX Custos, Despesas, Tributos e Lucro Valor Mensal Valor Global Mão de Obra Direta 0,00 0,00 Encargos Mão de Obra 0,00 0,00 Uniforme 0,00 0,00 Combustível 0,00 0,00 Pneu 0,00 0,00 Lubrificação e Lavagem 0,00 0,00 Manutenção e Depreciação 0,00 0,00 Licenciamento e Seguro 0,00 0,00 Ferramenta 0,00 0,00 Mão de Obra Indireta 0,00 0,00 Custos não Operacionais 0,00 0,00 Despesas Administrativas 0,00 0,00 Tributos 0,00 0,00 Lucro 0,00 0,00 Valor Total Proposto para a Execução do Serviço e Investimentos Previstos no Edital de Licitação e seus Anexos 0,00 0, FORMULÁRIOS DA PROPOSTA COMERCIAL 2.1. Todas as páginas da Proposta Comercial deverão ser numeradas e assinadas pelo representante legal da licitante No Envelope 03 - Proposta Comercial deverá ser apresentado o formulário especificado no item 1.0 deste anexo, devidamente preenchidos pelo licitante A apresentação incompleta do Quadro citado implicará na desclassificação

3 sumária da Licitante Os quantitativos de referência apresentados neste Edital, foram idealizados com base nas unidades atualmente produzidas e na projeção do crescimento dos serviços ao longo dos 25 anos da concessão, conforme dados do IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística A proposta deverá ser apresentada em uma única via, em papel com timbre do LICITANTE, devidamente assinada pelo representante legal identificado, sem emendas, entrelinhas ou borrões que possam prejudicar sua legibilidade e autenticidade, contendo necessariamente os itens a seguir: a) Carta de apresentação da Proposta Comercial, onde deverá constar os preços propostos, mensal e global, em Real (R$), contendo todas as despesas, inclusive as legais e/ou adicionais, incidentes sobre a prestação do(s) serviço(s); a-1) No preço Proposto Mensal, deverá ser considerado a quantidade de unidades produzidas no mês, conforme referência do item 1.0 deste anexo Quantidade Mês, multiplicado pelo valor unitário proposto pelo Licitante. a-2) No preço Proposto Global, deverá ser considerado a quantidade de unidades produzidas e projetada para todo o período da CONCESSÃO, conforme referência do item 1.0 deste anexo Quantidade Projetada para os 25 Anos, multiplicado pelo valor unitário proposto pelo Licitante. b) Prazo de validade de 90 (noventa) dias corridos, contados da data de apresentação da mesma; c) Planilha de Serviços e Preços, preenchida em Real (R$) e assinada conforme modelo constante do item 1.0 deste anexo;

4 d) Demonstrativo dos custos, despesas, tributos e margem de lucro de cada um dos serviços propostos, conforme modelo constante do item 1.1., deste anexo. A demonstração deve ser individualizada por serviço e deverá demonstrar a composição dos preços Mensal e Global, seguindo as premissas definidas nos itens 2.5. a-1) e a-2), deste anexo No preço global deverão estar incluídas as despesas com pessoal, equipamentos de informática e de apoio, ferramental, equipamentos de proteção individual EPI, equipamento de proteção coletiva EPC, alimentação, assistência médica, vale transporte, bem como todas as despesas com salários, encargos sociais, trabalhistas e previdenciários, lucro, depreciação dos veículos, equipamentos, todos e quaisquer tributos, bem como, todas as demais despesas e investimentos, diretos e indiretos, necessários à execução dos serviços, objeto desta licitação. 2.7 O licitante somente poderá apresentar proposta que contemple o objeto licitado, obedecendo todos os quantitativos dispostos na planilha constante da item 1 deste anexo, não sendo admitida proposta parcial; 2.8. A data base das propostas comerciais das Licitantes, deverão ser formuladas com valores referentes à data da entrega das mesmas. 3. CRITÉRIOS DE PONTUAÇÃO DA PROPOSTA COMERCIAL 3.1. Serão desclassificadas as Propostas Comerciais que não atendam à totalidade dos itens de 1. e A Comissão Especial de Licitação, apreciará a Proposta Comercial, desclassificando aquela que: a) Apresentar Valor Total Mensal acima de R$ XXX.XXX,00 (XXXXXXXXXXX Milhões de Reais), considerado este o valor limite para a execução dos serviços objeto desta licitação orçado pela administração; b) Contiver cotação para serviços não previstos ou em desacordo

5 com os especificados na presente licitação; c) Apresentar preço simbólico ou de valor zero ou manifestamente excessivo ou inexeqüível, exceto quando se referirem a materiais e outros insumos de propriedade da própria licitante, para os quais ela renuncie a parcela ou à totalidade da remuneração; c.1) Consideram se manifestamente inexeqüíveis as propostas cujos valores sejam inferiores a 70% (setenta por cento) do menor dos seguintes valores: média aritmética dos valores das propostas superiores a 50% (cinqüenta por cento) do valor orçado pela administração, ou valor orçado pela administração. c.2) Preço excessivo é todo aquele que extrapolar o valor estimado pela PMCG, para a contratação em epígrafe, constantes do edital e seus anexos. d) apresentar preços ou quaisquer condições baseadas em cotações de outra licitante, ou ainda, quaisquer ofertas de vantagens não previstas neste Edital; e) apresentar proposta considerando receitas acessórias, alternativas e/ou complementares, não previstas nos itens 2.5. a-1) e a-2), deste anexo. f) apresentar proposta considerando quantidades de unidades produzidas, inferior ou superior as referenciadas no item 1.0 deste anexo Os erros de soma e/ou multiplicação, eventualmente configurados na proposta comercial dos licitantes, serão corrigidos pela CPL;

6 3.4. Havendo divergência entre o preço unitário e o preço total, prevalecerá o preço unitário e o total será corrigido. No caso de valores expressos em algarismos e por extenso, prevalecerá este último Serão também desclassificadas as Propostas Comerciais com preços excessivos ou manifestamente inexeqüíveis, assim considerados aqueles que não sejam demonstrados como viáveis, através de documentação que comprove que os custos dos insumos, são coerentes com os de mercado e que os coeficientes de produtividade são compatíveis com a execução do objeto do contrato, nos termos do artigo 48, inciso II, parágrafo 1º, alíneas a e b, da Lei Federal nº 8.666/93, e suas alterações posteriores. 4. NOTA DAS PROPOSTAS CLASSIFICADAS 4.1. Serão atribuídos o máximo de 100 (cem) pontos à Proposta Comercial do licitante que apresentar o Menor Valor Global, enquanto que as demais propostas serão pontuadas proporcionalmente na razão inversa do Menor Valor Global ofertado, de acordo com a seguinte fórmula: NPC = MC / CL x 100 Onde: NPC = Nota da Proposta Comercial. MC = Menor Valor da Contraprestação Mensal ofertada, obtido dentre todas as PROPOSTAS COMERCIAIS. CL = Valor da Contraprestação Mensal proposto pelo LICITANTE, preenchida de acordo com a planilha do Quadro Para o cálculo da NCP, a aproximação será feita até a segunda casa decimal, desprezando-se as demais frações.

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 004/2016/CPL. Anexo 04 PROPOSTA COMERCIAL

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 004/2016/CPL. Anexo 04 PROPOSTA COMERCIAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 004/2016/CPL Anexo 04 PROPOSTA COMERCIAL PROPOSTA COMERCIAL I. APRESENTAÇÃO 1.1. A presente LICITAÇÃO tem a finalidade de selecionar a proposta mais vantajosa, apresentada por empresa

Leia mais

Com relação à apresentação da proposta, no Edital estão citados: Com relação à desclassificação de proposta:

Com relação à apresentação da proposta, no Edital estão citados: Com relação à desclassificação de proposta: RELATÓRIO DE JULGAMENTO DAS PROPOSTAS DE PREÇOS, REFERENTE A CONCORRÊNCIA Nº 03/2011, do tipo técnica e preço, cujo objeto é a contratação de pessoa jurídica para serviços de editoração eletrônica de publicações

Leia mais

ANEXO L PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS

ANEXO L PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS ANEXO L PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Número do Processo Licitação nº Dia / / às : horas. Discriminação dos serviços: (Dados referentes à contratação) A Data de apresentação da proposta (dia/mês/ano)

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO GERAL PARANÁ-PARCERIAS ANEXO V

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO GERAL PARANÁ-PARCERIAS ANEXO V ANEXO V DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS DO CORREDOR DA PR-323 CONSULTA PÚBLICA nº 01 18/11/2013 ANEXO V DIRETRIZES PARA APRESENTAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS DO CORREDOR DA PR-323 1. PLANO

Leia mais

ANEXO II-A - PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODO: MOTORISTAS. Nº Processo 53548.001329/2011 Licitação: Pregão Eletrônico n.

ANEXO II-A - PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODO: MOTORISTAS. Nº Processo 53548.001329/2011 Licitação: Pregão Eletrônico n. ANEXO II-A - PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - MODO: MOTORISTAS Nº Processo 53548.001329/2011 Licitação: Pregão Eletrônico n.º018/2011-er07 LOCAL DE PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS ANATEL-MS Rua 13 de junho,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE INSTALAÇÃO, CONFIGURAÇÃO E MANUTENÇÃO DE PABX

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE INSTALAÇÃO, CONFIGURAÇÃO E MANUTENÇÃO DE PABX TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE INSTALAÇÃO, CONFIGURAÇÃO E MANUTENÇÃO DE PABX MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA DATA LIMITE PARA ENTREGA

Leia mais

ANEXO XI (CONSOLIDADO) PARÂMETROS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS

ANEXO XI (CONSOLIDADO) PARÂMETROS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS ANEXO XI (CONSOLIDADO) PARÂMETROS PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS 1. INTRODUÇÃO 1.1. Este anexo tem por objetivo orientar as Licitantes na elaboração do Plano de Negócios, conforme requerido no Edital,

Leia mais

ANEXO II - ( PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - COPEIRAGEM ) MÃO-DE-OBRA MÃO-DE-OBRA VINCULADA À EXECUÇÃO CONTRATUAL

ANEXO II - ( PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - COPEIRAGEM ) MÃO-DE-OBRA MÃO-DE-OBRA VINCULADA À EXECUÇÃO CONTRATUAL ANEXO II - ( PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS - COPEIRAGEM ) Nº PROCESSO: 53569.001371/2014 LICITAÇÃO GR10 (U.O 101) Nº: 09/2014 DATA: HORA: A B C D DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS Data de apresentação

Leia mais

ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL

ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL 1 Página 1 de 9 2 1. INTRODUÇÃO 1 1.1 O CONCORRENTE deverá apresentar sua PROPOSTA COMERCIAL em um envelope lacrado (envelope nº 3) que será entregue juntamente com

Leia mais

Aprimoramento SINAPI. 88º ENIC Foz do Iguaçu 12/05/2016

Aprimoramento SINAPI. 88º ENIC Foz do Iguaçu 12/05/2016 Aprimoramento SINAPI 88º ENIC Foz do Iguaçu 12/05/2016 Legislação Decreto 7.983/2013: Regras e critérios a serem seguidos pela administração pública federal para a elaboração do orçamento de referência

Leia mais

ANEXO II ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROPOSTA TÉCNICA E ECONÔMICA

ANEXO II ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROPOSTA TÉCNICA E ECONÔMICA ANEXO II ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROPOSTA TÉCNICA E ECONÔICA Introdução Entende-se que a Proposta Técnica e Econômica é a demonstração do conjunto dos elementos necessários e suficientes, com nível

Leia mais

QUESTIONAMENTO 02. No item 12.5 - QUALIFICAÇÃO TÉCNICA: Letra a está sendo exigido das empresas interessadas em participar do certame;

QUESTIONAMENTO 02. No item 12.5 - QUALIFICAÇÃO TÉCNICA: Letra a está sendo exigido das empresas interessadas em participar do certame; QUESTIONAMENTO 02 No item 12.5 - QUALIFICAÇÃO TÉCNICA: Letra a está sendo exigido das empresas interessadas em participar do certame; a) "Atestado (s) emitido (s) por pessoa (s) jurídica (s) de direito

Leia mais

Planilha de Custos e Formação de Preços. Dia: às horas DADOS DO PROPONENTE

Planilha de Custos e Formação de Preços. Dia: às horas DADOS DO PROPONENTE 1-"Solicito que sejam verificadas as planilhas de formação de preços, pois ao fazermos nossa planilha houve divergências com os modelos fornecidos pelo edital! Os valores de custos, lucros e tributos,

Leia mais

ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL

ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL ANEXO IV MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL Página 1 de 13 1. INTRODUÇÃO 1.1 O CONCORRENTE deverá apresentar sua PROPOSTA COMERCIAL em um envelope lacrado (envelope nº 3) que será entregue juntamente com os

Leia mais

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO, SALÁRIO DE BENEFÍCIO E RENDA MENSAL INICIAL CONCEITOS Professor: Anderson Castelucio CONCEITOS DE SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO Art. 214. Entende-se por salário-de-contribuição: I -

Leia mais

ANEXO 3 MODELO DE PLANILHA DE COMPOSIÇÃO DE PREÇOS DA UNIDADE BANCO CENTRAL DE SERVIÇOS - UBCS

ANEXO 3 MODELO DE PLANILHA DE COMPOSIÇÃO DE PREÇOS DA UNIDADE BANCO CENTRAL DE SERVIÇOS - UBCS 51 NEXO 3 MODELO DE PLNILH DE OMPOSIÇÃO DE PREÇOS D UNIDDE NO ENTRL DE SERVIÇOS - US 1 Instruções para preenchimento 1.1 planilha deve obrigatoriamente ser apresentada no mesmo envelope da proposta de

Leia mais

ERRATA Nº 001/LCRF-1/2016 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 074/LCRF/SBJU/2016

ERRATA Nº 001/LCRF-1/2016 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 074/LCRF/SBJU/2016 ERRATA Nº 001/LCRF-1/2016 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 074/LCRF/SBJU/2016 CONCESSÃO DE USO DE ÁREAS, LOCALIZADAS NO AEROPORTO DE JUAZEIRO DO NORTE - ORLANDO BEZERRA DE MENEZES, EM JUAZEIRO/CE, DESTINADAS À EXPLORAÇÃO

Leia mais

MODALIDADES DE LICITAÇÃO

MODALIDADES DE LICITAÇÃO MODALIDADES DE LICITAÇÃO 1 Modalidades de Licitação A modalidade indica o procedimento que irá reger a licitação. São modalidades: - Concorrência - Tomada de Preços - Convite - Concurso - Leilão - Pregão

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA PARÂMETROS DE FIXAÇÃO DE PREÇOS EM OBRAS PÚBLICAS

CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA PARÂMETROS DE FIXAÇÃO DE PREÇOS EM OBRAS PÚBLICAS CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA PARÂMETROS DE FIXAÇÃO DE PREÇOS EM OBRAS PÚBLICAS Audiência Pública - CMA/SENADO 13.04.2010 - BRASILIA-DF LDO 2010 (LEI Nº 12.017, DE 12 DE AGOSTO

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE 1 EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE CARTA CONVITE 16/2016 FUnC AQUISIÇÃO DE COMPUTADORES PARA USO DOS NÚCLEOS DE ENSINO A DISTÂNCIA EAD DE CURITIBANOS /SC E RIO NEGRINHO/SC 1 PREÂMBULO 1.1 - A Fundação

Leia mais

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS. Pregão Eletrônico. Contratação de empresa para prestação dos serviços de apoio ao Meio Circulante em Brasília

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS. Pregão Eletrônico. Contratação de empresa para prestação dos serviços de apoio ao Meio Circulante em Brasília Nº Processo: 66710 Licitação Nº 85/2014 Dia 25/9/2014 às 10h (horário de Brasília) PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Pregão Eletrônico Contratação de empresa para prestação dos serviços de apoio

Leia mais

ANEXO VII PROPOSTA TÉCNICA

ANEXO VII PROPOSTA TÉCNICA ANEXO VII PROPOSTA TÉCNICA 1 Introdução 2 Propostas Técnica 2.1. Economia de Combustível 2.2. Controle da Frota e da Segurança Interna dos Veículos 2.2.1. GPS para Monitoramento da Frota 2.2.2. Câmera

Leia mais

Propostas para os Candidatos a Prefeito dos Municípios do Rio de Janeiro 2016

Propostas para os Candidatos a Prefeito dos Municípios do Rio de Janeiro 2016 Propostas para os Candidatos a Prefeito dos Municípios do Rio de Janeiro 2016 Sumário Respeito aos contratos Melhoria da gestão pública Melhoria do processo de licitação Sugestão para ampliar investimentos

Leia mais

Escola Estadual Dr. José Marques de Oliveira Rua Bueno Brandão nº 220 centro Pouso Alegre - MG Tel (35) 3422-2529 EDITAL Nº 04 /2012 AQUISIÇÃO -

Escola Estadual Dr. José Marques de Oliveira Rua Bueno Brandão nº 220 centro Pouso Alegre - MG Tel (35) 3422-2529 EDITAL Nº 04 /2012 AQUISIÇÃO - Escola Estadual Dr. José Marques de Oliveira Rua Bueno Brandão nº 220 centro Pouso Alegre - MG Tel (35) 3422-2529 EDITAL Nº 04 /2012 AQUISIÇÃO - A Caixa Escolar Dr. José Marques de Oliveira, inscrita no

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 88/2013

PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 88/2013 PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 88/2013 ÓRGÃO CONTEMPLADO: Secretaria de Governo OBJETO: Contratação de empresa para prestação de serviços de: e) controle de frotas. DATA DE INÍCIO DO PROCESSO:

Leia mais

TABELAS EXPLICATIVAS DAS DIFERENTES NORMAS E POSSIBILIDADES DE APOSENTADORIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RPPS

TABELAS EXPLICATIVAS DAS DIFERENTES NORMAS E POSSIBILIDADES DE APOSENTADORIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RPPS TABELAS EXPLICATIVAS DAS DIFERENTES NORMAS E POSSIBILIDADES DE DOS SERVIDORES PÚBLICOS REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RPPS INGRESSO NO SERVIÇO PÚBLICO ATÉ 19 DE DEZEMBRO DE 2003 Professora por tempo

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Pinheiro Machado PROJETO DE LEI Nº 48, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2015

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Pinheiro Machado PROJETO DE LEI Nº 48, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2015 PROJETO DE LEI Nº 48, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2015 Revoga a Lei Nº 3.326, de 2002, e atualiza a Planta de Valores, para efeitos de IPTU, para ao exercício de 2016. Art. 1º Fica atualizada a Planta de Valores,

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MAUÁ DA SERRA AVENIDA PONTA GROSSA, 480, CEP 86828-000, MAUÁ DA SERRA PR FONE (43) 3464-1265

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MAUÁ DA SERRA AVENIDA PONTA GROSSA, 480, CEP 86828-000, MAUÁ DA SERRA PR FONE (43) 3464-1265 ERRATA DE EDITAL A PREGOEIRA COMUNICA, PARA CONHECIMENTO DAS EMPRESAS INTERESSADAS, A ERRATA NO EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL 002/2013, CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE ASSESSORIA E CONSULTORIA TÉCNICA, INCLUINDO

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 042/2008 Data: 15/05/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 042/2008 Data: 15/05/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 042/2008 Data: 15/05/2008 EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezado (a) Senhor (a), O Projeto de Cooperação para Apoio às Políticas e à Participação

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, inciso V, da Constituição Estadual,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, inciso V, da Constituição Estadual, Dispõe sobre a reavaliação e a renegociação dos contratos em vigor e das licitações em curso, no âmbito dos órgãos e entidades da Administração Pública Estadual. O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso

Leia mais

INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº. 2, DE XXX DE XXXXXXXXXX DE 2016.

INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº. 2, DE XXX DE XXXXXXXXXX DE 2016. INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº. 2, DE XXX DE XXXXXXXXXX DE 2016. Estabelece as regras a serem observadas pelas sociedades seguradoras e entidades fechadas de previdência complementar para transferência de riscos

Leia mais

APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO CONTRIBUIÇÃO CONTRIBUIÇÃO Legislação Artigo 201, 7º, I, da CF Artigo 52 a 56 Lei 8213/91 Artigo 56 a 63 Decreto 3048/99 Artigo 234 a 245, da IN 77/2015 CONTRIBUIÇÃO Conceito É o benefício devido ao segurado

Leia mais

LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA

LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA 1. OBJETO 1.1. A LEYA BIKES S.A realizará licitação para a prestação dos serviços de Consultoria em Comunicação, levando em conta

Leia mais

DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 283, de 08-12-2011

DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 283, de 08-12-2011 DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 283, de 08-12-2011 Dispõe sobre a atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte fixado nas tarifas da Deliberação ARSESP 234, de 27 de maio de 2011, e as Tabelas Tarifárias

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO- SEDUC

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO- SEDUC SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO- SEDUC EDITAL DE CONCURSOS PÚBLICOS N 1/013 DIVULGA O PRAZO E LOCAL DE ENTREGA DOS DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA A PROVA DE TÍTULOS E PRESTA OUTROS ESCLARECIMENTOS O Secretário

Leia mais

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO. EDITAL Nº 06 /2016 De 18 De MAIO De 2016

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO. EDITAL Nº 06 /2016 De 18 De MAIO De 2016 GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO EDITAL Nº 06 /2016 De 18 De MAIO De 2016 ABERTURA DE INSCRIÇÕES DO PROCESSO SELETIVO/2016.1 CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 340

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 340 ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 340 Dispõe sobre o reajuste dos valores das Margens de Distribuição, atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte e sobre o repasse das variações

Leia mais

Questionamentos de empresas referentes a Concorrência 001/SEBRAE-PE/2015:

Questionamentos de empresas referentes a Concorrência 001/SEBRAE-PE/2015: Questionamentos de empresas referentes a Concorrência 001/SEBRAE-PE/2015: Sobre a Concorrência nº 001/SEBRAE PE/15 para Assessoria de Imprensa, gostaríamos de tirar algumas dúvidas: PERGUNTA: O Anexo 1

Leia mais

APÊNDICE AO ANEXO V REMUNERAÇÃO DA CONCESSIONÁARIA E MECANISMO DE PAGAMENTO

APÊNDICE AO ANEXO V REMUNERAÇÃO DA CONCESSIONÁARIA E MECANISMO DE PAGAMENTO APÊNDICE AO ANEXO V REMUNERAÇÃO DA CONCESSIONÁARIA E MECANISMO DE PAGAMENTO O modelo de remuneração da Concessionária e seus mecanismos de pagamento desenvolvidos para o projeto de modernização do Complexo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE PONTAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES RE - AVISO DE LICITAÇÃO - PROCESSO LICITATÓRIO nº 050/2013 - PREGÃO PRESENCIAL Nº. 022/2013 SRP - Objeto: contratação de empresa especializada na prestação de serviços de roçada e poda de árvores de pequeno

Leia mais

O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO MARANHÃO, no exercício de suas atribuições legais e regimentais.

O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO MARANHÃO, no exercício de suas atribuições legais e regimentais. RESOLUÇÃO CRCMA Nº 520/2014 REGULAMENTA DO ARTIGO 96, INCISO IV DO PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS DO CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO MARANHÃO APROVADO COM RESOLUÇÃO 491/2010. O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE

Leia mais

Processos Seletivos 2016 Educação a Distância VESTIBULAR 2016.2 EaD On-line PN

Processos Seletivos 2016 Educação a Distância VESTIBULAR 2016.2 EaD On-line PN Processos Seletivos 2016 Educação a Distância VESTIBULAR 2016.2 EaD On-line PN Aditivo nº 18 ao Edital de Vestibular de 2016 Educação a Distância, que rege o Vestibular Seleção 2016.2 EaD On-line PN a

Leia mais

PLANILHAS E VALORES ESTIMADOS ALTERADOS

PLANILHAS E VALORES ESTIMADOS ALTERADOS PLANILHAS E VALORES ESTIMAOS ALTERAOS Em virtude de ajuste percentual de 0,97% para 5,00% sobre a Multa sobre FGTS e contribuições sociais sobre o aviso prévio indenizado. PLANILHA A PLANILHA E COMPOSIÇÃO

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 455

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 455 DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 455 Dispõe sobre a atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte e sobre o repasse das variações dos preços do gás e do transporte fixados nas tarifas da Deliberação

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO e NORMAS DE ADJUDICAÇÃO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO e NORMAS DE ADJUDICAÇÃO Governo do Estado da Paraíba SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE AGÊNCIA ESTADUAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA MINUTA CONTRATO N.º /2011 CONTRATO ADMINISTRATIVO QUE, ENTRE SI, CELEBRAM A AGÊNCIA ESTADUAL DE VIGILÂNCIA

Leia mais

REDENOMINA A CARREIRA GUARDA PENITENCIÁRIA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

REDENOMINA A CARREIRA GUARDA PENITENCIÁRIA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEI Nº 14.582, 21 de dezembro de 2009. REDENOMINA A CARREIRA GUARDA PENITENCIÁRIA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR DO ESTADO DO CEARÁ. Faço saber que a Assembleia Legislativa decretou e eu sanciono

Leia mais

Oficina ICMS Ecológico Componente Resíduos Sólidos

Oficina ICMS Ecológico Componente Resíduos Sólidos I nstituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul Oficina ICMS Ecológico Componente Resíduos Sólidos Gerência de Desenvolvimento e Modernização Unidade de Planejamento e Projetos Campo Grande 10 de dezembro

Leia mais

V DOS REQUISITOS NECESSÁRIOS PARA INSCRIÇÃO DOS CANDIDATOS. 5.1 Os candidatos devem cumprir os procedimentos, critérios e prazos:

V DOS REQUISITOS NECESSÁRIOS PARA INSCRIÇÃO DOS CANDIDATOS. 5.1 Os candidatos devem cumprir os procedimentos, critérios e prazos: EDITAL Nº XXX/2011/PROGRAD/CAPES A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação PROGRAD no uso de suas atribuições legais, estatutárias e regimentais, torna pública a abertura das inscrições para selecionar acadêmicos

Leia mais

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO

SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO CÁLCULOS SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO CONCEITO: é o valor que serve de base de cálculo para incidência das alíquotas das contribuições previdenciárias (fonte de custeio) e para o cálculo do salário benefício.

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 452

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 452 DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 452 Dispõe sobre o reajuste dos valores das Margens de Distribuição, atualização do Custo do gás e do transporte, sobre o repasse das variações dos preços do Gás e do Transporte fixados

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS DO PAPIC- EINSTEIN Nº 01/2015 A Comissão Científica do

Leia mais

Mínimo de abertura: Não aplicável. Não aplicável (conta não remunerada)

Mínimo de abertura: Não aplicável. Não aplicável (conta não remunerada) Designação Conta Ordenado Condições de Acesso Clientes Particulares, que efetuem a domiciliação do seu ordenado, através de transferência bancária codificada como ordenado. Modalidade Depósito à Ordem

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE. CARTA CONVITE 007/2016 REPUBLICAÇÃO FUnC AQUISIÇÃO DE ELEVADOR DE ACESSIBILIDADE PARA O CAMPUS DE RIO NEGRINHO

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE. CARTA CONVITE 007/2016 REPUBLICAÇÃO FUnC AQUISIÇÃO DE ELEVADOR DE ACESSIBILIDADE PARA O CAMPUS DE RIO NEGRINHO EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CONVITE CARTA CONVITE 007/2016 REPUBLICAÇÃO FUnC AQUISIÇÃO DE ELEVADOR DE ACESSIBILIDADE PARA O CAMPUS DE RIO NEGRINHO 1. PREÂMBULO 1.1 A Fundação Universidade do Contestado,

Leia mais

ORÇAMENTO DOS CUSTOS INDIRETOS DE FABRICAÇÃO. Raul Oliveira Tiago Figueiredo

ORÇAMENTO DOS CUSTOS INDIRETOS DE FABRICAÇÃO. Raul Oliveira Tiago Figueiredo Raul Oliveira Tiago Figueiredo CUSTOS X DESPESAS Custos: De acordo com a NPC 2 do IBRACON, Custo é a soma dos gastos incorridos e necessários para a aquisição, conversão e outros procedimentos necessários

Leia mais

Ciências Contábeis PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO

Ciências Contábeis PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO Tema: Contabilidade empresarial e trabalhista 1º semestre - Matriz 2013/2 2º semestre - Matriz 2013/1 Informações: Nesta produção textual buscaremos desenvolver

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO Processo: 103/2015 Pregão Nº: 056/2015 Objeto: REGISTRO DE PREÇOS, PELO PERÍODO DE 12 (DOZE) MESES, PARA CONTRATAÇÕES FUTURAS DE EMPRESA PARA LOCAÇÃO DE ÔNIBUS, MICRO-ÔNIBUS

Leia mais

Pagamento de complemento de salário-maternidade, considerando que este valor deve ser deduzido da guia de INSS, pois é pago pelo INSS.

Pagamento de complemento de salário-maternidade, considerando que este valor deve ser deduzido da guia de INSS, pois é pago pelo INSS. Complemento Salarial Licença Maternidade Abaixo estão descritas as regras do sistema para cálculo do complemento de salário-maternidade, no complemento salarial e na rescisão complementar por Acordo/Convenção/Dissídio:

Leia mais

QUANTIDADE TOTAL A CONTRATAR (EM FUNÇÃO DA UNIDADE DE MEDIDA)

QUANTIDADE TOTAL A CONTRATAR (EM FUNÇÃO DA UNIDADE DE MEDIDA) ANEXO PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS POR POSTO (Valores Mensais) - 1 o Turno Nº Processo: 0000263-69.2016.6.02.8000 Licitação nº: / 2016 Dia / / às h mim Discriminação dos Serviços (dados referentes

Leia mais

PROTOCOLO DE ENTREGA

PROTOCOLO DE ENTREGA 1 ESCLARECIMENTO DE DÚVIDAS N.º 001/ADSE-3 17.02.2011 CONCORRÊNCIA N 009/ADSE-2/SRSE/2010 CONCESSÃO DE USO DE 01 (UMA) ÁREA, COM 45.794 M² (QUARENTA E CINCO MIL, SETECENTOS E NOVENTA E QUATRO METROS QUADRADOS),

Leia mais

DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 284, de 08-12-2011

DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 284, de 08-12-2011 DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 284, de 08-12-2011 Dispõe sobre a atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte fixado nas tarifas da Deliberação ARSESP 235, de 27 de maio de 2011, e as Tabelas Tarifárias

Leia mais

ANEXO VI - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA

ANEXO VI - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA ANEXO VI - TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA TÉCNICA 1. INTRODUÇÃO A Proposta Técnica dos Licitantes deverá conter, obrigatoriamente, os seguintes documentos: 1.Carta de Declaração da Experiência

Leia mais

Programa de Desenvolvimento da

Programa de Desenvolvimento da Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense Carlos Chiodini Secretário de Estado O que é o? O Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense -, tem como finalidade conceder incentivo à implantação

Leia mais

Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 6º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2016

Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 6º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2016 Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 6º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2016 1 DISPOSIÇÕES GERAIS 1.1 O CONGRESSO INTERNACIONAL CBL DO LIVRO DIGITAL CONGRESSO,

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 010/2016

EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 010/2016 EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 010/2016 O Prefeito Municipal de Saldanha Marinho, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei n 8.666 de 21 de Junho de 1.993, e atualizações posteriores,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO EDITAL N 006/2011 Processo Seletivo Simplificado para preenchimento de cargos em caráter temporário, para compor a Rede Municipal de Saúde, com fulcro na Lei n 4.302/1994 alterada pela Lei nº 6.690/2005,

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL N. 11/2013 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

PREGÃO PRESENCIAL N. 11/2013 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO 1 PREGÃO PRESENCIAL N. 11/2013 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Objeto AQUISIÇÃO DE PNEUS, CÂMARA DE AR E PROTETORES NOVOS DE FABRICAÇÃO NACIONAL PARA USO DE VEÍCULOS E MÁQUINAS DA PREFEITURA MUNICIPAL

Leia mais

WEGH Assessoria e Logística Internacional Ltda

WEGH Assessoria e Logística Internacional Ltda ILMO. SR. DR. PREGOEIRO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 03/2015 DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ (UNIFAP) Pregão Eletrônico nº 03/2015 WEGH ASSESSORIA E LOGISTICA INTERNACIONAL LTDA, com sede na Rua Manoel de

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL

CARTA DE APRESENTAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL CARTA DE APRESENTAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO E PROPOSTA COMERCIAL Referencia: Pregão Eletrônico n 018/2015 A/c: Comissão Permanente de Licitação Após o exame dos termos e condições do Instrumento

Leia mais

RESOLUÇÃO CONJUNTA SEPLAG/ CGE Nº. 9.447, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO CONJUNTA SEPLAG/ CGE Nº. 9.447, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2015 RESOLUÇÃO CONJUNTA SEPLAG/ CGE Nº. 9.447, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2015 Dispõe sobre os procedimentos administrativos para a realização de pesquisa de preços para a aquisição de bens e contratação de serviços

Leia mais

EDITAL DE CONTIVE Nº 01/2015/APAE. Tipo de Licitação: MENOR PREÇO

EDITAL DE CONTIVE Nº 01/2015/APAE. Tipo de Licitação: MENOR PREÇO EDITAL DE CONTIVE Nº 01/2015/APAE Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Retirada dos Editais: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais Rua Valmor Zonta, 590, Bairro Centenário Jaraguá do Sul. Endereço eletrônico

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 4. DESCRIÇÃO DO OBJETO 4.1. DESCRIÇÃO RESUMIDA Item Descrição Resumida. Preço médio total

TERMO DE REFERÊNCIA. 4. DESCRIÇÃO DO OBJETO 4.1. DESCRIÇÃO RESUMIDA Item Descrição Resumida. Preço médio total TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada em fornecimento de cópias de chaves para o Campus Birigui do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo IFSP.

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 623

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 623 ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 623 Dispõe sobre a atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte fixado nas tarifas da Deliberação ARSESP 577, de 7 de maio de 2015, e as Tabelas

Leia mais

REPUBLICAÇÃO EDITAL COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 001/2016

REPUBLICAÇÃO EDITAL COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 001/2016 Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto: CT Canoagem Brasil Medalha N do processo ME: 58701.006306/2014-66 SLIE: 1408928-93 Data da publicação no DOU: 29

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 421

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 421 ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 421 Dispõe sobre o reajuste dos valores das Margens de Distribuição, atualização do Custo Médio Ponderado do gás e do transporte e sobre o repasse das variações

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SILVÂNIA SECRETARIA M. DE ADMINISTRAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SILVÂNIA SECRETARIA M. DE ADMINISTRAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE FORNECIMENTO DE UNIFORMES ESCOLARES PARA ATENDER AOS ALUNOS DAS ESCOLAS DO ENSINO FUNDAMENTAL, DO MUNICÍPIO DE SILVÂNIA/GO. A Prefeitura Municipal de Silvânia,

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 62/2013

PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 62/2013 PROCESSO LICITATÓRIO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 62/2013 ÓRGÃO CONTEMPLADO: Secretaria de Governo OBJETO: Contratação de empresa para prestação de serviços a exemplo de encaminhamento de documentos, ofícios,

Leia mais

1. DO PROCESSO SELETIVO

1. DO PROCESSO SELETIVO EDITAL PTB Nº 26/2016 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA MATRÍCULA NO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC) Excel Intermediário - IFSP - CÂMPUS PIRITUBA O Câmpus Pirituba do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS

REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS REGULAMENTO DO CONCURSO APOIO A IDOSOS Artigo 1º Objecto O presente Regulamento estabelece as normas de acesso ao concurso Apoio a Idosos. Artigo 2º Beneficiários Podem candidatar-se a este concurso instituições

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA

FUNDO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA FMLU FUNDO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Gestão: Finalidade: Cadastro Organizacional/PMS FUNDO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA - FMLU FUNDO MUNICIPAL SECRETARIA MUNICIPAL DE ORDEM

Leia mais

D E C R E T O Nº 8.864, de 13 de janeiro de 2010

D E C R E T O Nº 8.864, de 13 de janeiro de 2010 D E C R E T O Nº 8.864, de 13 de janeiro de 2010 EMENTA: Dispõe sobre a tramitação de processos de pagamento e licitatórios, orientando o seu percurso desde a concepção até a fase final do pagamento e,

Leia mais

SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO

SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO SERVIÇO FLORESTAL BRASILEIRO Orientações sobre o recolhimento dos valores devidos em face dos Contratos de Transição 1. Do Valor Devido 2. Do Recolhimento 2.1. Recolhimento por GRU Simples 2.2. Recolhimento

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 651

ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 651 ESTADO DE SÃO PAULO DELIBERAÇÃO ARSESP Nº 651 Dispõe sobre a atualização do Custo do gás e do transporte, o repasse das variações dos preços do Gás e do Transporte fixados nas tarifas e as Tabelas Tarifárias

Leia mais

Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 5º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2014

Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 5º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2014 Regulamento para a participação de trabalhos científicos e acadêmicos no 5º Congresso Internacional CBL do Livro Digital - 2014 1 DISPOSIÇÕES GERAIS 1.1 O CONGRESSO INTERNACIONAL CBL DO LIVRO DIGITAL CONGRESSO,

Leia mais

CENTRO DE SERVIÇOS DE LOGÍSTICA SÃO PAULO (SP) ÁREA DE LICITAÇÕES ESCLARECIMENTO 2

CENTRO DE SERVIÇOS DE LOGÍSTICA SÃO PAULO (SP) ÁREA DE LICITAÇÕES ESCLARECIMENTO 2 CENTRO DE SERVIÇOS DE LOGÍSTICA SÃO PAULO (SP) ÁREA DE LICITAÇÕES ESCLARECIMENTO 2 TOMADA DE PREÇOS CSL (SP) N O 2009/16276 (7421) OBJETO: Contratação dos serviços projetados e especificados, no regime

Leia mais

RESOLUÇÃO SMA Nº 1653 DE 11 DE MARÇO DE 2011

RESOLUÇÃO SMA Nº 1653 DE 11 DE MARÇO DE 2011 RESOLUÇÃO SMA Nº 1653 DE 11 DE MARÇO DE 2011 Dispõe sobre a concessão de licença para tratamento de saúde aos servidores municipais, por prazo não superior a 90 (noventa) dias. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE

Leia mais

Resolução nº 064/2001-CEP

Resolução nº 064/2001-CEP 9 Resolução nº 064/2001-CEP Aprova normas sobre os critérios de avaliação da aprendizagem dos cursos de graduação da UEM. Considerando o contido às fls. 82 a 97 do processo n o 543/2001; considerando as

Leia mais

Comércio e Serviços de Materiais de Construção Ltda - EPP.

Comércio e Serviços de Materiais de Construção Ltda - EPP. AO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO AMAZONAS (TJAM) COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO (CPL) EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 020/2011-TJAM DIA: 22 de novembro de 2011 HORÁRIO: 11 h (horário

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE IPAMERI ESTADO DE GOIÁS C.NºP.J. 36.827.103/0001-77

CÂMARA MUNICIPAL DE IPAMERI ESTADO DE GOIÁS C.NºP.J. 36.827.103/0001-77 EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade: CARTA CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM Edital nº 005/2014, de 26 de junho de 2014 Legislação: Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e alterações introduzidas pela Lei nº

Leia mais

01. Uma empresa fabrica três produtos: produto A, produto B e produto C, com os seguintes preços, custos diretos e consumo de matéria-prima unitários:

01. Uma empresa fabrica três produtos: produto A, produto B e produto C, com os seguintes preços, custos diretos e consumo de matéria-prima unitários: Página 1 de 14 01. Uma empresa fabrica três produtos: produto A, produto B e produto C, com os seguintes preços, custos diretos e consumo de matéria-prima unitários: Produto Preço Custos Diretos Matéria-prima

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2665. II - os créditos destinam-se à reestruturação e capitalização das cooperativas enquadradas no Programa;

RESOLUÇÃO Nº 2665. II - os créditos destinam-se à reestruturação e capitalização das cooperativas enquadradas no Programa; RESOLUÇÃO Nº 2665 Dispõe sobre o Programa de Revitalização de Cooperativas de Produção Agropecuária - RECOOP, de que tratam a Medida Provisória nº 1.898-15, de 1999, e o Decreto nº 2.936, de 1999. O BANCO

Leia mais

DOCUMENTOS PARA OBTER PRIMEIRO CREDENCIAMENTO; AUTÔNOMO PESSOA FÍSICA: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL:

DOCUMENTOS PARA OBTER PRIMEIRO CREDENCIAMENTO; AUTÔNOMO PESSOA FÍSICA: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL: DOCUMENTOS PARA OBTER PRIMEIRO CREDENCIAMENTO; AUTÔNOMO PESSOA FÍSICA: 1. Requerimento do interessado (acompanhado de cópia do RG ou CNH do mesmo); 2. Carteira Nacional de Habilitação Categoria D ou E

Leia mais

A Avaliação do Aproveitamento Escolar é feito por disciplinas, mediante critérios de desempenho nas avaliações e frequência mínima.

A Avaliação do Aproveitamento Escolar é feito por disciplinas, mediante critérios de desempenho nas avaliações e frequência mínima. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Vigente a partir do 1º Semestre de 2016 1. Aproveitamento Escolar A Avaliação do Aproveitamento Escolar é feito por disciplinas, mediante critérios de desempenho nas avaliações e

Leia mais

DECRETO Nº 3739-12/11/2008

DECRETO Nº 3739-12/11/2008 DECRETO Nº 3739-12/11/2008 Publicado no Diário Oficial Nº 7848 de 12/11/2008 Súmula: Dispõe sobre o regulamento da promoção para os servidores ativos, das Carreiras do Quadro Próprio do Poder Executivo-QPPE...

Leia mais

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL. PORTARIA No- 490, DE 24 DE AGOSTO DE 2009

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL. PORTARIA No- 490, DE 24 DE AGOSTO DE 2009 SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL PORTARIA No- 490, DE 24 DE AGOSTO DE 2009 O SECRETÁRIO ADJUNTO DO TESOURO NACIONAL, no uso das atribuições que lhe conferem a Portaria MF nº 183, de 31 de julho de 2003,

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO - PROVA PRÁTICA DO CONCURSO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CRISTIANO OTONI-MG, EDITAL 001/2015

EDITAL DE CONVOCAÇÃO - PROVA PRÁTICA DO CONCURSO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CRISTIANO OTONI-MG, EDITAL 001/2015 ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO - PROVA PRÁTICA DO CONCURSO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CRISTIANO OTONI-MG, EDITAL 001/2015 DATA: 14/05/2016* (SÁBADO) HORÁRIO: 15HS LOCAL: TELECENTRO MUNICIPAL

Leia mais

SÚMULAS DO TCU RELATIVAS À OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA (ATUALIZADAS ATÉ SETEMBRO/2013) SÚMULA Nº 252/2010

SÚMULAS DO TCU RELATIVAS À OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA (ATUALIZADAS ATÉ SETEMBRO/2013) SÚMULA Nº 252/2010 SÚMULAS DO TCU RELATIVAS À OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA (ATUALIZADAS ATÉ SETEMBRO/2013) SÚMULA Nº 252/2010 A inviabilidade de competição para a contratação de serviços técnicos, a que alude o inciso

Leia mais

Decreto nº 8.137/99 Legislação Tributária de Niterói

Decreto nº 8.137/99 Legislação Tributária de Niterói Decreto nº 8.137/99 Legislação Tributária de Niterói Publicada no D.O. de 07/10/1999 Regulamenta as disposições do Art. 38 da Lei n.º 1.627, de 30 de dezembro de 1997, e dá outras providências. O PREFEITO

Leia mais

ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL

ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL ANEXO II MODELOS DE DECLARAÇÕES E DOS COMPROMISSOS PREVISTOS NO EDITAL PROGRAMA DE PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS DO CEARÁ Página 1 de 12 LISTA DE MODELOS Modelo 1 - Carta de encaminhamento de documentação

Leia mais

Documentos necessários para o Candidato e Grupo Familiar quando Préselecionado (apresentar original e xerox de todos os documentos).

Documentos necessários para o Candidato e Grupo Familiar quando Préselecionado (apresentar original e xerox de todos os documentos). CRONOGRAMA DE INSCRIÇÕES FUNDAPLUB - 2007.2 Inscrições: 06 a 20 de Agosto Listagem dos Pré-selecionados: 23 de Agosto Entrega da Documentação: 24, 27, 28 e 29 de Agosto até às 20HS Entrega do novo boleto

Leia mais

1. Período de matrículas

1. Período de matrículas Belo Horizonte, 21 de outubro de 2015. Srs. pais ou responsáveis, inicialmente, gostaríamos de parabenizar os alunos aprovados no Processo Seletivo do Colégio Bernoulli para o ano letivo 2016, bem como

Leia mais