Consultor é apenas uma pessoa experiente, com boa. empreender.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Consultor é apenas uma pessoa experiente, com boa. empreender."

Transcrição

1 Consultor é apenas uma pessoa experiente, com boa técnica, bom senso e ainda com vontade de ensinar e empreender.

2 Quem é Novo Empreendedor: O Novo Empreendedor: 25% tem entre 45 e 64 anos; 8,8% tem mais de 55 anos; Das empresas de sucesso no pais 22% são de pessoas entre 50 e 59 anos Das empresas de sucesso no pais 14% são de pessoas com 60 anos ou mais. Dos novos empreendedores 51% são mulheres Na faixa de idade acima dos 45 anos os empreendedores são 30% do sexo masculino e 70% do sexo feminino. 31% dos novos ingressantes tem mais de 55 anos, sendo que são 22% de 55 a 64 anos e 9% com 65 anos ou mais.

3 Pessoas maiores de 50 anos, ocupadas na semana de referência, a condição de contribuição para instituto de previdência oficial em qualquer trabalho e os grupos de idade - Brasil a 54 anos 55 a 59 anos 60 a 69 anos 70 anos ou mais Contribuintes Não contribuintes Fonte: IBGE, 2016

4 Pessoas maiores de 50 anos, ocupadas na semana de referência, a condição de contribuição para instituto de previdência oficial em qualquer trabalho e os grupos de idade - Rio de Janeiro a 54 anos 55 a 59 anos 60 a 69 anos 70 anos ou mais Contribuintes Não contribuintes Fonte: IBGE, 2016

5 Consultoria: quem pode fazer? Um indivíduo se torna consultor de organização, na acepção ampla da palavra, quando acumula considerável conhecimento de inúmeras situações e problemas organizacionais e quando adquire aquelas habilidades necessárias à resolução de problemas identificar problemas, buscar e encontrar informações relevantes, analisar e sintetizar, escolher entre as alternativas de solução, comunicar-se com as pessoas e assim por diante. Consultoria serve para ajudar: 1. na identificação, análise e elaboração do diagnóstico de problemas organizacionais; 2. na criação de alternativas de solução ; 3. no apoio à implementação e 4. na prospecção de ameaças e oportunidades não percebidas ou abafadas pelo dia a dia corporativo, na busca pela inovação, pela boa governança e os necessários olhares acerca do gerenciamento ecológico. Respondendo a questão formulada: Quem tem experiência de vida

6 Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil 2014

7 Base: Gênero dos Consultores no Brasil

8 Base: Faixa Etária dos Consultores

9 Base: Formação Acadêmica Concluída

10 Base: Local de Trabalho dos Consultores

11

12 Resposta Múltipla 5.1 Áreas de atuação das Consultorias

13

14 6.1 Honorários praticados em Agosto/2014 (R$/ hora) - Mediana Itens Porte (Declarado) Grande Médio Pequeno Total Consultor Sênior R$ 635,83 R$ 357,20 R$ 257,27 R$ 306,27 Consultor Pleno R$ 455,00 R$ 261,04 R$ 190,64 R$ 216,06 Consultor Júnior R$ 332,83 R$ 147,83 R$ 120,72 R$ 120,72 Gerente do Projeto R$ 950,00 R$ 359,61 R$ 221,33 R$ 229,32 Treinamento R$ 494,00 R$ 347,05 R$ 246,70 R$ 274,11 Palestra R$ 690,00 R$ 495,35 R$ 407,15 R$ 407,15

15 Resposta Múltipla 7.3 Qual a forma que os Cientes conhecem a sua empresa e se interessam por seus serviços

16 Resposta Múltipla 7.4 O crescimento da comunicação com seus clientes:

17 Resposta Múltipla 7.5 O que o Cliente espera do Consultor

18 7.6 Qual é a tendência da consultoria para o Setores 100% 11,8% 5,5% 5,5% 7,8% 2,0% 4,3% 14,5% 80% 31,0% 34,1% 28,6% 37,3% 42,7% 60% 40% 83,5% 63,5% 60,4% 63,5% 58,4% 20% 45,5% 0% Público Comércio Varejo Indústria Serviços Outros Base:765 Crescimento Inalterado Decréscimo

19 7.7 Qual o seu nível de satisfação na Consultoria 0,8% 13,3% 4,3% 30,2% 51,4% Muito Satisfeito Satisfeito Nem Satisfeito Nem Insatisfeito Insatisfeito Muito Insatisfeito Base:765

20

21 Mais de 80% dos Consultores que participaram da pesquisa têm satisfação com o trabalho. A satisfação é fator fundamental para a consolidação da carreira e a atração de novos talentos. Em relação à faixa etária, cerca de 47% mulheres e 57% homens tinham menos de40anos;jáem2014,78,3%dosconsultorestêmmenosde45anos. Fato é pelos dados pesquisados que os mais velhos, de um lado, e os mais jovens, de outro lado, parecem estar dando preferência à Consultoria como atividade que lhes garanta independência, desafios e compensação proporcional aos resultados e ao mérito de seu trabalho. Hoje 75,7% classificam suas empresas de consultoria como de pequeno porte, e permanece entorno de 80% as com até 5 consultores. 75,7% dos consultores podem ser tornar sócios da empresa de consultoria.

22 As Empresas de Consultorias percebem que os canais mais eficientes de comunicação com os seus clientes são as visitas, as rede sociais e s. Quanto aos honorários (R$/hora), os valores obtidos para as medianas foram: Consultor Sênior: R$ 306,27 Consultor Pleno: R$ 216,06 Consultor Junior: R$ 120,72 Gerente de Projetos: R$ 229,32 Treinamento: R$ 274,11 Palestra: R$ 407,15 Houve decréscimo em relação aos honorários de palestras, que em 2011 situavam-se na faixa de R$ 600,00/hora.

23 Apoio Institucional

BALANÇO SOCIAL 2009 1/14

BALANÇO SOCIAL 2009 1/14 BALANÇO SOCIAL 2009 1/14 ÍNDICE INTRODUÇÃO 1. Organograma do IDE-RAM 2. Distribuição global dos recursos humanos 3. Estrutura etária dos recursos humanos 4. Estrutura de antiguidades 5. Estrutura habilitacional

Leia mais

FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS:

FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS: FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS: Treinamento É o conjunto de métodos usados para transmitir aos funcionários novos e antigos as habilidades necessárias para o desempenho do trabalho. Referências: CHIAVENATO

Leia mais

GÊNERO 48% 52% Feminino Masculino

GÊNERO 48% 52% Feminino Masculino NÚMEROS DA PESQUISA 208 pessoas responderam a pesquisa Moradoras do Grande Rio Uma semana de coleta de dados (01 a 5 de julho de 2013) Instrumento: questionário com 12 perguntas. GÊNERO 52% 48% Feminino

Leia mais

PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro

PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JUNHO DE 2012 12 2012 PANORAMA GERAL

Leia mais

FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS:

FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS: FUNÇÃO DESENVOLVER PESSOAS: Treinamento É o conjunto de métodos usados para transmitir aos funcionários novos e antigos as habilidades necessárias para o desempenho do trabalho. Treinamento Custo ou investimento?

Leia mais

Identificando Oportunidades

Identificando Oportunidades Identificando Oportunidades Simone S. Souza e Ellen Francine SSC570 Empreendedorismo ICMC/USP Processo Empreendedor Identificar e avaliar a oportunidade Desenvolver o plano de negócios Determinar e captar

Leia mais

Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed

Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed Missão, Visão e Valores da Unimed-Rio Missão: Oferecer soluções éticas e de qualidade em saúde, compartilhando

Leia mais

Desenvolvimento de Estratégias

Desenvolvimento de Estratégias Desenvolvimento de Estratégias Aula 18 Plano de carreira Análise do ambiente Oportunidades Ameaças Objetivos Alvos concretos Estratégias Ações e prazos para atingir objetivos Follow-up Análise de potencial

Leia mais

Edital de Processo Seletivo para Credenciamento no 05/2009

Edital de Processo Seletivo para Credenciamento no 05/2009 Edital de Processo Seletivo para Credenciamento no 05/2009 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ, entidade associativa de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

Treinamento e Desenvolvimento

Treinamento e Desenvolvimento Aula 8 Treinamento e Desenvolvimento Agenda 1 Seminário 2 Treinamento e Desenvolvimento 3 Desenvolvimento de Lideranças 1 Seminário 3 The Young and the Clueless Bunker, K. A.; Kram, K. E.; Ting, S. HBR,

Leia mais

Downsizing: Redução no número de funcionários da empresa.

Downsizing: Redução no número de funcionários da empresa. Absenteísmo: Falta constante ao trabalho, por parte do empregado, ou sua ausência devido a problemas de saúde. Avaliação 180 graus: É um modelo intermediário ao 360 graus. Com ele, não há avaliação dos

Leia mais

P-55 - CASE HOSP. ALBERT EINSTEIN - Trilhas de Aprendizagem Einstein. Priscila Nardi Moreira Euma Ferreira de Sousa

P-55 - CASE HOSP. ALBERT EINSTEIN - Trilhas de Aprendizagem Einstein. Priscila Nardi Moreira Euma Ferreira de Sousa P-55 - CASE HOSP. ALBERT EINSTEIN - Trilhas de Aprendizagem Einstein Priscila Nardi Moreira Euma Ferreira de Sousa Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein - SBIBAE 2 Ano de 2014 Privado

Leia mais

ANTONIO MARTINS 1 DADOS GERAIS 2 PERFIL DOS EMPREENDIMENTOS

ANTONIO MARTINS 1 DADOS GERAIS 2 PERFIL DOS EMPREENDIMENTOS 1 DADOS GERAIS - Data de emancipação: 08/05/1963 - Distância da capital: 357 km - Área: 245 Km 2 - Localização Mesorregião: Oeste Potiguar Microrregião: Umarizal - População: 6.997 (IBGE/2007) - Número

Leia mais

Gerenciamento de Integração. Prof. Anderson Valadares

Gerenciamento de Integração. Prof. Anderson Valadares Gerenciamento de Integração Prof. Anderson Valadares 1. Conceito A área de conhecimento em gerenciamento de integração do projeto inclui processos e as atividades necessárias para identificar, definir,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE GESTÃO, ARTICULAÇÃO E PROJETOS EDUCACIONAIS TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO

Leia mais

CRM: Mais que Tecnologia

CRM: Mais que Tecnologia Por Suelem Pinto* Administradora, Mestre em Gestão de Marketing pelo Instituto Português de Administração de Marketing de Lisboa, Especialista em Psicopedagogia pela FIP Faculdades Integradas de Patos.

Leia mais

no Estado do Rio de Janeiro

no Estado do Rio de Janeiro MICROEMPREENDEDORES FORMAIS E INFORMAIS NOTA CONJUNTURAL DEZEMBRO DE 2013 Nº27 no Estado do Rio de Janeiro NOTA CONJUNTURAL DEZEMBRO DE 2013 Nº27 PANORAMA GERAL De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra

Leia mais

PESQUISA DE REMUNERAÇÃO E PRÁTICAS DE RH

PESQUISA DE REMUNERAÇÃO E PRÁTICAS DE RH PESQUISA DE REMUNERAÇÃO E PRÁTICAS DE RH - Setor de TI MG - 10ª Edição 2.015 Novembro de 2.015 1 APRESENTAÇÃO Neste ano o SINDINFOR patrocinou a 10ª edição da Pesquisa de Remuneração, Práticas de RH e

Leia mais

Forma de Funcionamento Número de negócios Percentual (%)

Forma de Funcionamento Número de negócios Percentual (%) 1 DADOS GERAIS - Data de emancipação: 30/12/1943 - Distância da capital: 71 km - Área: 240 Km 2 - Localização Mesorregião: Agreste Potiguar Microrregião: Agreste Potiguar - População: 14.483 (IBGE/2007)

Leia mais

MASTER 2016. Liderança e Engajamento. PROGRAMA DE CURTA DURAÇÃO 5 ENCONTROS 14 OPÇÕES DE CURSOS TEMAS EMERGENTES

MASTER 2016. Liderança e Engajamento.  PROGRAMA DE CURTA DURAÇÃO 5 ENCONTROS 14 OPÇÕES DE CURSOS TEMAS EMERGENTES MASTER 2016 Liderança e Engajamento PROGRAMA DE CURTA DURAÇÃO 5 ENCONTROS FOCO EM COMPETÊNCIAS PRÁTICAS TEMAS EMERGENTES 14 OPÇÕES DE CURSOS A INOVA BUSINESS SCHOOL A Inova Business School é uma escola

Leia mais

Empreendedorismo em Ação Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Empreendedorismo em Ação Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil

Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil Pesquisa Perfil das Empresas de Consultoria no Brasil 2014 Objetivo Metodologia Perfil da Empresa de Consultoria Características das Empresas Áreas de Atuação Honorários Perspectivas e Percepção de Mercado

Leia mais

Termômetro tributário

Termômetro tributário Termômetro tributário Tendências e desafios do profissional no Brasil Dezembro, 2015 O estudo traz indicadores que demonstram que o gestor tributário tem se mostrado cada vez mais multifacetado, qualificado,

Leia mais

Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico

Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico Isabel Tavares 1 Maria Lúcia de Santana Braga 2 Betina Stefanello Lima 3 Em 213, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico

Leia mais

11/5/2009 UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO SELMA ERICHSEN

11/5/2009 UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO SELMA ERICHSEN UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO SELMA ERICHSEN O PLANO DE NEGÓCIOS COMO FATOR FUNDAMENTAL PARA A VERIFICAÇÃO DA VIABILIDADE ECONÔMICA NA ABERTURA DE UM NOVO EMPREENDIMENTO Orientador:

Leia mais

Apresentação Processo Seletivo 2016.1

Apresentação Processo Seletivo 2016.1 Apresentação A SofTeam Empresa Júnior de Computação, uma organização constituída e gerida pelos alunos do Departamento de Computação da Universidade Federal de Sergipe, tem a enorme satisfação de anunciar

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MAIO DE 2006 OPP106 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

O Ingresso de Engenheiros Recém-formados no Mercado de Trabalho Brasileiro Comparação de perfil entre mulheres e homens na Engenharia

O Ingresso de Engenheiros Recém-formados no Mercado de Trabalho Brasileiro Comparação de perfil entre mulheres e homens na Engenharia Formação - Mulheres Formação - Homens Outras 16,1% Outras 13,9% Engenharia Civil 5,1% Engenharia Civil 6,8% Engenharia Elétrica 5,1% Engenharia Elétrica 15,7% Engenharia Química 44,1% Engenharia Química

Leia mais

Gestão de desempenho com base em competências

Gestão de desempenho com base em competências Gestão de desempenho com base em competências Working Paper EXECUTIVE 2 de abril de 2008 Sergio Ricardo Goes Oliveira Gestão de desempenho com base em competências Working Paper Objetivo Este documento

Leia mais

SEBRAE GOIÂNIA MARÇO E ABRIL - 2016. Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebraego.com.br

SEBRAE GOIÂNIA MARÇO E ABRIL - 2016. Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebraego.com.br AGENDA SEBRAE GOIÂNIA MARÇO E ABRIL - 2016 Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebraego.com.br VEJA QUAL SUA CATEGORIA EMPRESARIAL Microempreendedor Individual (MEI) O MEI é o empresário

Leia mais

Empresa. ROKA Engenharia S/S Ltda - Serviços em NR12. Concept for standards

Empresa. ROKA Engenharia S/S Ltda - Serviços em NR12. Concept for standards Serviços em NR12 Empresa A ROKA ENGENHARIA foi fundada em 1992, com prestação de serviços em Engenharia Elétrica e Mecânica. Em 2009 ampliou as suas atividades para serviços em Gestão Integrada (Segurança

Leia mais

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 38.16

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 38.16 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Nº 38.16 A FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL (FPTI-BR) torna público que serão recebidas as inscrições para o Processo Seletivo nº 38.16 sob contratação em regime CLT

Leia mais

A Remuneração de Conselhos de Administração e Fiscal

A Remuneração de Conselhos de Administração e Fiscal A Remuneração de Conselhos de Administração e Fiscal Fevereiro, 212 A Remuneração de Conselhos de Administração e Fiscal Nos últimos anos, a adoção de práticas de governança corporativa se tornou uma das

Leia mais

ORGANIZAÇÕES ORGÂNICAS

ORGANIZAÇÕES ORGÂNICAS ORGANIZAÇÕES ORGÂNICAS Autor: Durward Hofler, revisado por Scott B.Droege - 2005 Tradução: André Luís Martins O termo orgânico sugere que, como coisas vivas, organizações mudam suas estruturas, funções

Leia mais

O processo empreendedor

O processo empreendedor Política de Negócios e Empreendedorismo Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Aula 02 O processo empreendedor O processo empreendedor Identificar

Leia mais

RH O desafio de crescer em um ambiente altamente competitivo

RH O desafio de crescer em um ambiente altamente competitivo RH O desafio de crescer em um ambiente altamente competitivo 1 Desenvolvimento de Líderes capazes de garantir o crescimento do Negócio em um mercado extremamente aquecido Alberto Pezeiro Sócio Fundador

Leia mais

QUESTIONÁRIO (Informações para serem anexadas ao Relatório) Escola:

QUESTIONÁRIO (Informações para serem anexadas ao Relatório) Escola: QUESTIONÁRIO (Informações para serem anexadas ao Relatório) Escola: Por favor, preencha as solicitações abaixo: 1. Número de professores que trabalham no local R:... 2. Número de total de servidores na

Leia mais

Seminário Universidade e Empregabilidade REALIZADORES

Seminário Universidade e Empregabilidade REALIZADORES REALIZADORES AS COMPETÊNCIAS QUE AS EMPRESAS BUSCAM NOS JOVENS Seminário Universidade e Empregabilidade CENÁRIO Novos Hábitos de Consumo Novos Players - Fintechs Novos Talentos TRANSFORMANDO O JEITO DE

Leia mais

ABRAMAN NOV/2008. VIII Seminário Paranaense de Manutenção. da Avaliação de Desempenho à Gestão de Desempenho por Competências

ABRAMAN NOV/2008. VIII Seminário Paranaense de Manutenção. da Avaliação de Desempenho à Gestão de Desempenho por Competências ABRAMAN NOV/2008 VIII Seminário Paranaense de Manutenção Desenvolvendo Equipes de Manutenção: da Avaliação de Desempenho à Gestão de Desempenho por Competências Guilherme Luiz de Carvalho Klingelfus Gerente

Leia mais

Melhorias de Processos segundo o PDCA Parte IV

Melhorias de Processos segundo o PDCA Parte IV Melhorias de Processos segundo o PDCA Parte IV por José Luis S Messias, em qualidadebrasil.com.br Introdução Em prosseguimento aos artigos escritos sobre PDCA, escrevo hoje sobre a terceira fase da etapa

Leia mais

Qualidade de Software Normatização

Qualidade de Software Normatização Qualidade de Software Normatização Norma ISO/IEC 12207 processo do ciclo de vida de software Norma criada em 1995 com o objetivo de fornecer uma estrutura comum para adquirente, fornecedor, desenvolvedor,

Leia mais

Anexo E. Questionário de Cultura Organizacional

Anexo E. Questionário de Cultura Organizacional Anexo E Questionário de Cultura Organizacional 156 Caracterização sumária do participante: Função: Departamento/Serviço: Idade: Sexo: M F Nível funcional: Direcção Chefia Intermédia Experiência profissional

Leia mais

A MULHER NO MERCADO DE TRABALHO

A MULHER NO MERCADO DE TRABALHO A MULHER NO MERCADO DE TRABALHO A busca por oportunidades iguais de trabalho e renda entre homens e mulheres é o foco de discussão entre grupos feministas em todos os países. A discriminação no campo de

Leia mais

O COACHING APLICADO AOS CENTROS DE SUPORTE

O COACHING APLICADO AOS CENTROS DE SUPORTE O COACHING APLICADO AOS CENTROS DE SUPORTE No futuro todos os líderes serão Coaches. Quem não desenvolver essa habilidade, automaticamente será descartado pelo mercado. Jack Welch Sobre Nós Consultora

Leia mais

ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015

ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015 ANEXO I FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROJETOS EM CONSONÂNCIA AO EDITAL Nº 01/2015 NOME DO PROJETO: ORGANIZAÇÃO PROPONENTE: DATA : / / ÍNDICE DO PROJETO ASSUNTO PÁG. I - CARACTERIZAÇÃO DO PROJETO - TÍTULO

Leia mais

Samantha Albini. Sócia fundadora da RADAR Gestão para Advogados

Samantha Albini. Sócia fundadora da RADAR Gestão para Advogados Ministrante Samantha Albini Sócia fundadora da RADAR Gestão para Advogados Advogada,com experiência no contencioso e consultivo Ex-Controller Jurídico (por 8 anos) Ex-Gerente Jurídico Ex-Advogada em departamento

Leia mais

AUTOMAÇÃO COMERCIAL UNIDADE VI

AUTOMAÇÃO COMERCIAL UNIDADE VI AUTOMAÇÃO COMERCIAL UNIDADE VI Automação Comercial e as Aplicações Ligadas ao ERP Os Sistemas de Enterprise Resource Planing ERP ERP (Enterprise Resource Planning, planeamento de Recursos Empresariais)

Leia mais

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL PUBLICADO EM 01/08/2015 VÁLIDO ATÉ 31/07/2020 ÍNDICE POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL 1. OBJETIVO...3 2. APLICAÇÃO...3 3. IMPLEMENTAÇÃO...3 4. REFERÊNCIA...3

Leia mais

INTRODUÇÃO A ABEXA. SERVIÇOS DE CONSULTORIA FINANCEIRA. EQUIPE. NOSSOS CLIENTES.

INTRODUÇÃO A ABEXA. SERVIÇOS DE CONSULTORIA FINANCEIRA. EQUIPE. NOSSOS CLIENTES. INTRODUÇÃO A ABEXA. SERVIÇOS DE CONSULTORIA FINANCEIRA. EQUIPE. NOSSOS CLIENTES. ABEXA INTRODUÇÃO Abexa é uma empresa consultora de transações financeiras baseada em Buenos Aires, com uma experiência local

Leia mais

Anexo A Estrutura de intervenção

Anexo A Estrutura de intervenção Anexo A Estrutura de intervenção As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. 1. Plano de ação para o período 2016

Leia mais

Mapa da Matriz de Competências Corporativas

Mapa da Matriz de Competências Corporativas Mapa da de Competências Corporativas Dados Principais de Competências Corporativas O que é É o conjunto de competências definido pela empresa alinhada à estratégia do negócio. Para que serve Para verificar

Leia mais

Análise de Sistemas Unidade IV A Análise de Sistemas Visão Geral

Análise de Sistemas Unidade IV A Análise de Sistemas Visão Geral Análise de Sistemas Unidade IV A Análise de Sistemas Visão Geral franciscogerson10@gmail.com Conteúdo Programático- Unidade IV Análise de Sistemas Visão Geral Análise de requisitos Métodos de Desenvolvimento

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação

Administração de Sistemas de Informação Administração de Sistemas de Informação A tecnologia da informação está em toda parte nos negócios 1 Departamentos comuns em uma organização FUNDAMENTOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DA TECNOLOGIA

Leia mais

Metodologias de Ensino para a Melhoria do Aprendizado

Metodologias de Ensino para a Melhoria do Aprendizado Metodologias de Ensino para a Melhoria do Aprendizado Victor Ulisses Pugliese viktao@msn.com IFSP Eduardo Noboru Sasaki ensasaki@uol.com.br IFSP Resumo:O projeto tem por objetivo a pesquisa e o estudo

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Betim, MG 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 346,8 km² IDHM 2010 0,749 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 378089 hab. Densidade demográfica

Leia mais

2. COMPARAÇÃO DE PERFIL ENTRE ADIMPLENTES E INADIMPLENTES

2. COMPARAÇÃO DE PERFIL ENTRE ADIMPLENTES E INADIMPLENTES PERFIL DO CONSUMIDOR COM E SEM DÍVIDAS NO BRASIL 1. PESQUISA Pesquisa inédita realizada pela CNDL e SPC Brasil buscou avaliar o perfil dos brasileiros adimplentes e inadimplentes, sendo consideradoscomo:

Leia mais

Empreendedorismo. Curso de Têxtil: Malharia e Confecção. Prof. Aline Hilsendeger Pereira de Oliveira

Empreendedorismo. Curso de Têxtil: Malharia e Confecção. Prof. Aline Hilsendeger Pereira de Oliveira Empreendedorismo Curso de Têxtil: Malharia e Confecção Graduação em Administração de Empresas Especialização em Marketing Empreendedorismo COMPETÊNCIAS Conhecer o processo de empreender utilizando as estruturas,

Leia mais

Relatório Anual de Transparência Ano de 2015

Relatório Anual de Transparência Ano de 2015 Relatório Anual de Transparência Ano de 2015 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Estrutura jurídica e da Propriedade... 3 3. Estrutura de governação... 4 4. Sistema interno de controlo de qualidade... 4 5.

Leia mais

Neidi. rewer Cassol. Palestras&Treinamentos

Neidi. rewer Cassol. Palestras&Treinamentos Neidi K rewer Cassol Palestras&Treinamentos Neidi Krewer Cassol A Professora Neidi Krewer Cassol é Mestre em Administração de Empresas, Educadora, Pesquisadora, Consultora, Coach e Palestrante. Possui

Leia mais

NO ÂMBITO DA OCUPAÇÃO

NO ÂMBITO DA OCUPAÇÃO PRINCIPAIS DESTAQUES DA EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO NAS SEIS REGIõES METROPOLITANAS DO PAÍS ABRANGIDAS PELA PESQUISA MENSAL DE EMPREGO DO IBGE (RECiFE, SALVADOR, BELO HORIZONTE, RIO DE JANEIRO, SÃO

Leia mais

A certificação de Belts do Seis Sigma

A certificação de Belts do Seis Sigma A certificação de Belts do Seis Sigma Muitas vezes, os profissionais treinados no programa Seis Sigma têm dúvidas sobre a forma de certificação dos Green Belts, Black Belts e Master Black Belts. Conheça

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Aglomerados subnormais Primeiros resultados

Censo Demográfico 2010. Aglomerados subnormais Primeiros resultados Censo Demográfico 2010 Aglomerados subnormais Primeiros resultados Rio de Janeiro, 21 de dezembro de 2011 Conceito de Aglomerado Subnormal Conceito de Aglomerado Subnormal no IBGE É um conjunto constituído

Leia mais

Geografia População (Parte 2)

Geografia População (Parte 2) 1. Estrutura Etária: Geografia População (Parte 2) A Transição Demográfica corresponde à mudança no perfil de idade dos habitantes, engloba proporções de crianças, jovens/adultos, idosos, homens e mulheres.

Leia mais

Questionário sobre Disparidades Salariais entre Homens e Mulheres

Questionário sobre Disparidades Salariais entre Homens e Mulheres Neste breve questionário, utilizam-se perguntas de escolha múltipla para explicar as causas e o impacto das disparidades salariais entre homens e mulheres na UE. Também se incluem informações sobre onde

Leia mais

Capítulo 7 Selecionando clientes que interessam

Capítulo 7 Selecionando clientes que interessam Capítulo 7 Fortaleza, maio de 20 assunto delicado: escolher clientes que nos interessam atender, pois nem todos são rentáveis, pela receita que consomem [custo operacional], pois pode inviabilizar a realidade

Leia mais

Resolução de Problemas. Orientador(a): Giselle Costa Alunos: André Parducci Elidiel Dantas

Resolução de Problemas. Orientador(a): Giselle Costa Alunos: André Parducci Elidiel Dantas Resolução de Problemas Orientador(a): Giselle Costa Alunos: André Parducci Elidiel Dantas Introdução Das tendências metodológicas, para o ensino da matemática, entendemos que, por meio da resolução de

Leia mais

TOMADA DE DECISÃO TOMADA DE DECISÃO. Fases de tomada de decisão. O processo de Tomada de Decisão. Identificação do problema

TOMADA DE DECISÃO TOMADA DE DECISÃO. Fases de tomada de decisão. O processo de Tomada de Decisão. Identificação do problema TOMADA DE DECISÃO TOMADA DE DECISÃO A tomada de decisão é um processo multifacetado e omnipresente nas organizações, aos níveis individual, grupal e organizacional. Envolve aspectos racionais, mas também

Leia mais

Instruções para elaboração de TCC ANÁLISE DE MERCADO

Instruções para elaboração de TCC ANÁLISE DE MERCADO INSPER INSTITUTO DE ENSINO E PESQUISA PROGRAMAS CERTIFICATES Instruções para elaboração de TCC ANÁLISE DE MERCADO Estas instruções para elaboração de TCC do tipo Melhoria de Processo possuem três tópicos:

Leia mais

www.equilibriumweb.com

www.equilibriumweb.com www.equilibriumweb.com design por cristian c. de almeida APRESENTAÇÃO O mercado está cheio de empresas jovens e inovadoras. O que diferencia a Equilibrium Web das demais é a experiência de ter trabalhado

Leia mais

CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A

CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A CO N T R O L A D O R I A E O U V I D O R I A M E N S A G E M À A S S E M B L E I A L E G I S L A T I V A 2 0 1 3 G O V E R N O P A R T I C I P A T I V O, É T I C O E C O M P E T E N T E C o n t r o l a

Leia mais

Pesquisa, Inovação e Capacitação em Energia a experiência da FGV. Paulo César Cunha FGV Energia

Pesquisa, Inovação e Capacitação em Energia a experiência da FGV. Paulo César Cunha FGV Energia Pesquisa, Inovação e Capacitação em Energia a experiência da FGV Paulo César Cunha FGV Energia Há 70 anos a FGV nasceu com o objetivo de preparar pessoal qualificado para a administração pública e privada

Leia mais

Sobre o Grupo Algar. Sobre a Algar Telecom

Sobre o Grupo Algar. Sobre a Algar Telecom Sobre o Grupo Algar É um dos principais grupos empresariais do Brasil, de capital nacional, empreendedor, fundado em 1929 e com atuação em todo o território nacional, Argentina, Colômbia e Chile. No grupo

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR PROFISSIONALIZANTE

ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR PROFISSIONALIZANTE UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Centro de Ciências Sociais e Aplicadas Coordenação de Estágio ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR PROFISSIONALIZANTE ORIENTAÇÕES PARA OS ALUNOS DOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Gerenciamento das Comunicações em Projetos. Parte 09. Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301. Docente: Petrônio Noronha de Souza

Gerenciamento das Comunicações em Projetos. Parte 09. Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301. Docente: Petrônio Noronha de Souza Gerenciamento das Comunicações em Projetos Parte 09 Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301 Docente: Petrônio Noronha de Souza Curso: Engenharia e Tecnologia Espaciais Concentração: Engenharia e Gerenciamento

Leia mais

Infecções Associadas aos Cuidados de Saúde (IACS) O contributo dos Diagnósticos In Vitro

Infecções Associadas aos Cuidados de Saúde (IACS) O contributo dos Diagnósticos In Vitro Infecções Associadas aos Cuidados de Saúde (IACS) O contributo dos Diagnósticos In Vitro IACS - Um problema de Saúde Pública Taxa de IACS em Portugal (2012) Mortes em Portugal ICAS (2012) Custos associados

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PELA METODOLOGIA DE PONTOS

IMPLANTAÇÃO DO PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PELA METODOLOGIA DE PONTOS IMPLANTAÇÃO DO PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PELA METODOLOGIA DE PONTOS Apresentação da metodologia utilizada para elaboração do plano de cargos e salários da Empresa 1, considerando a metodologia de pontos

Leia mais

Empreendedorismo e Plano de Negócio

Empreendedorismo e Plano de Negócio Empreendedorismo e Plano de Negócio Curso de Graduação em Administração 13/8/2012 Profª Deise Buzzi 1 I EMENTA Esta disciplina trata: 1) Da questão da formulação das estratégias para abrir um empreendimento

Leia mais

ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE PROJETOS - EAP

ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE PROJETOS - EAP ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE PROJETOS - EAP Aula 1 UNIP 2014.1 Prof. Clesio Landini Jr. 1 Aula 1 - Apresentação Professor Plano de ensino Referências bibliográficas Material para download Avaliação / Frequência

Leia mais

Workshop Engenharia de Vendas Paulo Emílio Vaz

Workshop Engenharia de Vendas Paulo Emílio Vaz Workshop Engenharia de Vendas Paulo Emílio Vaz 1 O Engenheiro de Vendas, perspectivas profissionais e de mercado e o modelo mais adequado para realizar suas vendas 2 Cenários Fusões Concorrência mais agressiva

Leia mais

Primeiro Inquérito às Práticas Profissionais dos Diplomados em Sociologia

Primeiro Inquérito às Práticas Profissionais dos Diplomados em Sociologia Primeiro Inquérito às Práticas Profissionais dos Diplomados em Sociologia Principais resultados ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE SOCIOLOGIA OBJETIVO A Associação Portuguesa de Sociologia (APS) pretendeu com este

Leia mais

Apresentação Comercial Proposta de Suporte Técnico Informática

Apresentação Comercial Proposta de Suporte Técnico Informática Apresentação Comercial Proposta de Suporte Técnico Informática Desafios das empresas no que se refere à infraestrutura de TI Possuir uma infraestrutura de TI que atenda as necessidades da empresa Obter

Leia mais

Art. 2º A responsabilidade pelo cumprimento desta Instrução Normativa é da Gerência de Recursos Humanos ou equivalente.

Art. 2º A responsabilidade pelo cumprimento desta Instrução Normativa é da Gerência de Recursos Humanos ou equivalente. INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 008/ DGRH/SEA Orienta os procedimentos relativos a elaboração dos Planos de Capacitação no âmbito da Administração Direta, Autárquica e Fundacional mencionados no Decreto 3.917,

Leia mais

Software Livre na Educação: Desafios e Oportunidades

Software Livre na Educação: Desafios e Oportunidades Software Livre na Educação: Desafios e Oportunidades Prof. Luciano Porto Barreto lportoba@ufba.br Departamento de Ciência da Computação (DCC) Laboratório de Sistemas Distribuídos (LaSiD) Universidade Federal

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O GOVERNO FEDERAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O GOVERNO FEDERAL PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O GOVERNO FEDERAL OUTUBRO DE 2013 JOB1642 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O principal objetivo desse projeto é monitorar a administração do Governo

Leia mais

Um Projeto de Sucesso!

Um Projeto de Sucesso! Um Projeto de Sucesso! IF66J/S71 Oficinas de Integração 3 Eng. Computação Profs. João A. Fabro e Heitor S. Lopes.-Slide 1/46 O que é um Projeto de Sucesso? IF66J/S71 Oficinas de Integração 3 Eng. Computação

Leia mais

3º Trabalho de GI Análise DFD

3º Trabalho de GI Análise DFD 3º Trabalho de GI Análise DFD Problemas típicos da organização Diálogo com o exterior Mestrado de Gestão da Ciência, Tecnologia e Inovação 2000/2001 Cadeira : Prof.: GI-Gestão da Informação Luis Manuel

Leia mais

Núcleo de Inovação Tecnológica

Núcleo de Inovação Tecnológica Núcleo de Inovação Tecnológica Pró-reitoria de Pesquisa, Inovação e Pósgraduação Paulo Roberto Barbosa paulorb@ifsp.edu.br Fórum da Educação Profissional do Estado de São Paulo 10 de junho de 2014 Equipe

Leia mais

EDUCAÇÃO CORPORATIVA EDUCAÇÃO PARA A VIDA PROFISSIONAL

EDUCAÇÃO CORPORATIVA EDUCAÇÃO PARA A VIDA PROFISSIONAL EDUCAÇÃO CORPORATIVA EDUCAÇÃO PARA A VIDA PROFISSIONAL O que é o SENAI? Criado em 1942, por iniciativa do empresariado do setor, o SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) é hoje um dos mais

Leia mais

QUESTIONÁRIO SOBRE ATRIBUIÇÕES DOS PROFISSIONAIS. Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini

QUESTIONÁRIO SOBRE ATRIBUIÇÕES DOS PROFISSIONAIS. Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini QUESTIONÁRIO SOBRE ATRIBUIÇÕES DOS PROFISSIONAIS Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE 1. UF: 2. Município:

Leia mais

Eixo VI _ Assistência Técnica. VI.1. Gestão Operacional e Monitorização Estratégica

Eixo VI _ Assistência Técnica. VI.1. Gestão Operacional e Monitorização Estratégica _ Assistência Técnica CONTROLO DO DOCUMENTO Versão Data Descrição N. de Página 1ª 2008.05.15 5 Pág. 1 de 5 Objectivo Assegurar as condições adequadas para a gestão, acompanhamento, avaliação, monitorização

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Comunicação Social 25 de março de 2004 Pesquisa Mensal de Emprego Taxa de desocupação é de 12% em fevereiro Em fevereiro de 2004, a taxa de desocupação ficou estável tanto em relação ao mês anterior (11,7%)

Leia mais

Não jogue esse impresso em vias públicas.

Não jogue esse impresso em vias públicas. Não jogue esse impresso em vias públicas. A MODA É DEIXAR A SUA LOJA MAIS ATRATIVA! Programação abril 2015 Eventos Sebrae-SP Responde - gratuitos 5S 10/04 (sexta), das 14h às 16h Sessão de perguntas e

Leia mais

Nível de Serviço. Definir o que é nível de serviço logístico. Apresentar algumas características e aspectos essenciais

Nível de Serviço. Definir o que é nível de serviço logístico. Apresentar algumas características e aspectos essenciais Nível de Serviço Me. Edvin Kalil Freitas Granville maio de 2010 OBJETIVOS Definir o que é nível de serviço logístico Apresentar algumas características e aspectos essenciais Verificar algumas formas e

Leia mais

CERTIFICAÇÃO DE DESEMPENHO DOS PAINÉIS DE CONTRIBUIÇÃO

CERTIFICAÇÃO DE DESEMPENHO DOS PAINÉIS DE CONTRIBUIÇÃO CERTIFICAÇÃO DE DESEMPENHO DOS PAINÉIS DE CONTRIBUIÇÃO Certificações O MPF passa por um processo de certificação de qualidade em suas várias instâncias. A certificação pode ser: Por exemplo, Certificação

Leia mais

Índice de Sustentabilidade Empresarial ISE. Índice Janeiro de 2016 Sustentabilidade Empresarial - ISE Confidencial Uso Interno x Público 1

Índice de Sustentabilidade Empresarial ISE. Índice Janeiro de 2016 Sustentabilidade Empresarial - ISE Confidencial Uso Interno x Público 1 Índice de Sustentabilidade Empresarial ISE Índice Janeiro de 2016 Sustentabilidade Empresarial - ISE Confidencial Uso Interno x Público 1 Sustentabilidade em Bolsas de Valores Estímulo à transparência

Leia mais

ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS NAS ORGANIZAÇÕES: RESULTADOS PRELIMINARES 1. ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS NAS ORGANIZAÇÕES: resultados preliminares

ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS NAS ORGANIZAÇÕES: RESULTADOS PRELIMINARES 1. ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS NAS ORGANIZAÇÕES: resultados preliminares ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS NAS ORGANIZAÇÕES: RESULTADOS PRELIMINARES 1 Gilberto Freitas 2, Profa. Dra. Adm. Denize Grzybowski 3. 1 Artigo Realizado no Mestrado em Desenvolvimento 2015 2 Aluno da Pós

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Ciclo de vida e organização do projeto

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Ciclo de vida e organização do projeto Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública Ciclo de vida e organização do projeto Áreas de especialização Ciclo de vida e organização do projeto Os projetos e o gerenciamento de projetos são executados

Leia mais

VOCAÇÃO MUNICIPAL E DESENVOLVIMENTO LOCAL SUSTENTÁVEL

VOCAÇÃO MUNICIPAL E DESENVOLVIMENTO LOCAL SUSTENTÁVEL VOCAÇÃO MUNICIPAL E DESENVOLVIMENTO LOCAL SUSTENTÁVEL Prof.º Msc. Mario Pascarelli Filho Graduado em Engenharia Mecânica pela FEI. Pós-Graduado em Administração de Empresas pela FAAP. Mestre em Educação,

Leia mais

Missão e objetivos da empresa X X X X X. Objetivos por área X X Qualidade das informações X X X X X Integração dos orçamentos por área

Missão e objetivos da empresa X X X X X. Objetivos por área X X Qualidade das informações X X X X X Integração dos orçamentos por área Visão por meio das atividades de valor) Preço Prazo Assistência Técnica s Pagamento Pré-vendas Pós-vendas Modelo de gestão X Análise de aspectos políticos governamentais, econômicos e X X legais Planejamento

Leia mais