Pesquisa Tecnológica. Todas as Áreas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pesquisa Tecnológica. Todas as Áreas"

Transcrição

1 Pesquisa Tecnológica Todas as Áreas Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos. Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2.

2 Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Processos, produtos tecnológicos, softwares e proteção de cultivares. Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes Proteção de cultivares registrado no MAPA - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros e preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Proteção de cultivares e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; Atividades de orientação concluídas Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas

3 Orientação de dissertação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de monografia de especialização Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) Orientação de Iniciação Tecnológica Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Especialização e é necessário que elas estejam concluídas. - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo, preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Tecnológico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente.

4 Pesquisa Científica Área Ciências Agrárias Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos. Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Resumo de trabalho expandido e publicado no livro de resumos ou nos anais. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. Participação igual a Autor; campo Periódico igual a Resumo Expandido e a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e menor ou igual 4.

5 Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Processos, produtos tecnológicos, softwares e proteção de cultivares. Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes Proteção de cultivares registrado no MAPA - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros e preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Proteção de cultivares e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ;

6 Banca de defesa de doutorado Banca de defesa de mestrado do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Tese de Doutorado., do tipo o campo Curso Tipo e o campo de "Natureza Participação do Exame" NÃO deve SEJA ser igual a Palestrante "Dissertação de ou Mestrado. Outros ; Participação em bancas Banca de defesa de graduação Banca de qualificação de doutorado Banca de qualificação de mestrado Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Monografia de Graduação. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Qualificação de Doutorado do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Qualificação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas Atividades de orientação concluídas Orientação de dissertação de Mestrado Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de Iniciação Científica Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente.

7 Comitês de assessoramento científico campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Comitês de ética na pesquisa Comissão de Pós-Graduação campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG". Comissão de organização de eventos científicos do tipo "Organização de Eventos, Consultorias, Edição e Revisão de Periódicos"; preencha o campo Tipo de Participação igual a Responsável pela Organização de Evento"; e o campo "Âmbito" não seja igual a Não Informado.

8 Área Ciências Biológicas Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos. Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2.

9 Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Processos, produtos tecnológicos, softwares e proteção de cultivares. Atividades de orientação concluídas Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes Orientação de Tese de Doutorado Co-Orientação de Tese de Doutorado - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação de dissertação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a

10 Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. Comitês de assessoramento científico campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Comitês de ética na pesquisa campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". Comissão de Pós-Graduação campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG".

11 Área Linguística, Letras e Artes Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos. Produção técnico-científico e artístico Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Autoria/Tradução de livro acadêmico/científico publicado em editora com conselho editorial e ISBN Organização de livro acadêmico/científico publicado em editora com conselho editorial e ISBN cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico. Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2, o campo Tipo de Participação igual a Autor ou Tradutor e marque a opção "Conselho editorial"; - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2, o campo Tipo de Participação igual a Organizador e marque a opção "Conselho editorial";

12 Atividades de orientação concluídas e Participação em Bancas Capítulo de Livro( ou tradução) acadêmico/científico publicado em editora com conselho editorial e ISBN Faixa de CD (como intérprete ou compositor) com registro ISRC Produção de CD (como intérprete ou compositor) com registro ISRC Curadoria, mostra artística, fotográfica ou documental, direção artística ou cinematográfica em espaços certificados (galerias especializadas, museus, bienais de artes, congressos, etc.) Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado Orientação de dissertação de Mestrado - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2, o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor e marque a opção "Conselho editorial"; -Para satisfazer os critérios, deve ser cadastrada uma produção do tipo Áudio Visual ; O campo Tipo de Participação seja igual a Compositor ou Interprete ; O campo Subtipo Artístico seja igual "Faixa de CD"; o campo Âmbito" seja igual a "Nacional ou "Internacional" e informar o ISRC. -Para satisfazer os critérios, deve ser cadastrada uma produção do tipo Áudio Visual ; O campo Tipo de Participação seja igual a Compositor ou Interprete ; O campo Subtipo Artístico seja igual "Produção de CD"; o campo Âmbito" seja igual a "Nacional ou "Internacional" e informar o ISRC. do tipo Áudio Visual, Exposição ou Apresentação Artística, Montagens ou Programação Visual. O campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Sonoplasta ou Outros, o campo Subtipo Artístico NÃO SEJA igual a Outros e o campo "Âmbito" NÃO SEJA igual a Não Informado. Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Co-orientação de dissertação de Mestrado

13 Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. Banca de defesa de doutorado Banca de defesa de mestrado Banca de defesa de graduação Banca de defesa de especialização Comitês de assessoramento científico do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Tese de Doutorado. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Dissertação de Mestrado. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Monografia de Graduação. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Monografia de Especialização. campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Comitês de ética na pesquisa Comissão de Pós-Graduação campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG".

14 Área Ciências Humanas Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos (Locais, nacionais ou internacionais). Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Participação como Conferencista ou Palestrante Participação em Comunicação Oral ou Painel cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico. Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. do tipo Participação em Eventos, preencha o campo Tipo do Evento igual a "Conferência" ou "Palestra"; campo "Tipo de participação" igual a "Palestrante" e o campo "Âmbito" não seja igual a Não Informado. do tipo Participação em Eventos, o campo Tipo do Evento NÃO SEJA igual a "Conferência" ou "Palestra"; campo "Tipo de participação" igual a "Trabalho Individual" e o campo "Âmbito" não seja igual a Não Informado.

15 Autoria/Tradução de livro acadêmico/científico publicado em editora com conselho editorial e ISBN - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor ou Tradutor e marque a opção "Conselho editorial"; Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Organização de livro acadêmico/científico publicado em editora com conselho editorial e ISBN Organização de Atas e Anais - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Organizador e marque a opção "Conselho editorial"; do tipo "Artigo", preencha o campo Tipo de Periódico igual a "Anais"; o campo Tipo de Participação igual a Organizador e o "Âmbito" não seja igual a Não Informado ; Organização de eventos científicos e culturais Atividades de orientação concluídas Capitulo de livro publicado por editora Curadoria, mostra artística, fotográfica ou documental, direção artística ou cinematográfica em espaços certificados (galerias especializadas, museus, bienais de artes, congressos, etc.) Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado Supervisão de Pós-doutorado - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ; do tipo Áudio Visual, Exposição ou Apresentação Artística, Montagens ou Programação Visual. O campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Sonoplasta ou Outros, o campo Subtipo Artístico NÃO SEJA igual a Outros e o campo "Âmbito" NÃO SEJA igual a Não Informado. Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação" igual a Supervisão; Tipo de Orientação igual a Pós-Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas.

16 Orientação de dissertação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. Comitês de assessoramento científico campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades depesquisa Comitês de ética na pesquisa Comissão de Pós-Graduação campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG". Comitês de Pós-Graduação do tipo Participação em Colegiados e Comissões e preencha o campo Natureza igual a "Comitê de Pós-Graduação".

17 Consultoria Ad Hoc do tipo Organização de Eventos, Consultorias, Edição e Revisão de Periódicos e preencha o campo "Tipo de Participação" com algumas das opções de "Consultor Ad Hoc"; e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado.

18 Área Ciências Exatas e da Terra Grupo Tipo da produção Critérios Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Indexado Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos (Locais, nacionais ou internacionais). Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ;

19 Processos, produtos tecnológicos, softwares e proteção de cultivares. Atividades de orientação concluídas Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Patente licenciada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado Orientação de dissertação de Mestrado Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de Iniciação Científica do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Licenciada, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente.

20 Comitês de assessoramento científico campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades depesquisa Comitês de ética na pesquisa Comissão de Pós-Graduação Colegiado de Pós-Graduação campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG". do tipo Participação em Colegiados e Comissões e preencha o campo Natureza igual a "Colegiado de Pós-Graduação". Revisor de artigos científicos com Qualis A1, A2, B1, B2, B3, B4 e B5 do tipo Organização de Eventos, Consultorias, Edição e Revisão de Periódicos e preencha o campo "Tipo de Participação" igual a "Revisor de Periódicos, Jornais e Similares"; marque a opção de Indexado"; no campo Qualis/Área selecione o Qualis correspondente; e no campo Âmbito não seja igual a Não Informado.

21 Área Ciências da Saúde Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos (Locais, nacionais ou internacionais). Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5. Não indexado Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais de evento internacional. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais de evento nacional. Trabalho completo publicado em anais. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico. Resenhas ou Resumo ; a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2; e campo Âmbito igual a Internacional. Resenhas ou Resumo ; a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2; e campo Âmbito igual a Nacional. Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2.

22 Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Processos, produtos tecnológicos, softwares e proteção de cultivares. Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo Status deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a : Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ;

23 Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado Orientação de dissertação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Atividades de orientação concluídas Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de monografia de especialização Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Especialização e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente.

24 Comitês de assessoramento científico campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Comitês de ética na pesquisa Comissão de Pós-Graduação campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)". campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG".

25 Área Ciências Sociais e Aplicadas Grupo Tipo da produção Critérios Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados decorrentes de participação em eventos científicos. Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Indexado Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ;

26 Palestra Internacional do tipo "Participação em Eventos"; o campo Tipo de Participação igual a "Palestrante" e o campo Âmbito seja igual a Internacional. Palestras proferidas em eventos científicos Palestra Nacional do tipo "Participação em Eventos"; o campo Tipo de Participação igual a "Palestrante" e o campo Âmbito seja igual a Nacional. Palestra Regional do tipo "Participação em Eventos"; o campo Tipo de Participação igual a "Palestrante" e o campo Âmbito seja igual a Regional. Produção Artística Curadoria, mostra artística, fotográfica ou documental, direção artística ou cinematográfica em espaços certificados (galerias especializadas, museus, bienais de artes, congressos, etc.) Orientação de Tese de Doutorado Co-orientação de Tese de Doutorado do tipo Áudio Visual, Exposição ou Apresentação Artística, Montagens ou Programação Visual. O campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Sonoplasta ou Outros, o campo Subtipo Artístico NÃO SEJA igual a Outros e o campo "Âmbito" NÃO SEJA igual a Não Informado. Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Atividades de orientação concluídas Orientação de dissertação de Mestrado Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Co-orientação de dissertação de Mestrado Orientação de monografia de especialização Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Especialização e é necessário que elas estejam concluídas.

27 Co-orientação de monografia de especialização Especialização e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. Co-Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) Orientação de Iniciação Científica - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Co-Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. Participação em bancas finais de defesa de cursos de pós-graduação Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Banca de defesa de doutorado Banca de defesa de mestrado Banca de defesa de especialização Comitês de assessoramento científico Comitês de ética na pesquisa do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Tese de Doutorado. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Dissertação de Mestrado. do tipo Curso e o campo "Natureza do Exame" deve ser igual a "Monografia de Especialização. campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". campo "Natureza" igual a "Comitês de ética na pesquisa (CEPA, CEPAP, BIOSSEGURANÇA e comitê de ética em seres humanos)".

28 Comissão de Pós-Graduação campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG".

29 Área Engenharias Grupo Tipo da produção Critérios Indexado cientifica ou Jornal científico (informe ISSN) e campo Âmbito Indexado e no campo Qualis/Área selecione Nenhum. Artigos publicados em periódicos científicos com conselho editorial. Trabalhos publicados em eventos científicos Autoria, organização e tradução de livros e capitulo de livros publicados em editoras com ISBN (de caráter científico, técnico, didático ou de atuação profissional do pesquisador). Publicação em periódico c/ QUALIS A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C. Não indexado Trabalho completo publicado em anais. Resumo de trabalho e publicado no livro de resumos ou nos anais. Livro publicado por editora Capitulo de livro publicado por editora cientifica ou Jornal científico (informe ISSN); campo Âmbito Indexado "; no campo Qualis/Área selecione o Qualis e a área do Qualis correspondente. cientifica ou Jornal científico Revista não cientifica ou Jornal não científico e a quantidade de páginas deve ser maior do que 2. Resenhas ou Resumo e a quantidade de páginas deve ser menor ou igual a 2. - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável, Tradutor, Organizador ou Editor ; - Para satisfazer os critérios, preencha o campo ISBN, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Autor, Trabalho individual, Em Equipe como Colaborador, Em Equipe como Responsável ou Tradutor ;

30 Organização de livro publicado por editora - Para satisfazer os critérios, preencha os campos Editora, ISBN informe o Organizador, a quantidade de páginas deve ser maior ou igual a 2 e o campo Tipo de Participação igual a Organizador e marque a opção "Conselho editorial"; Patentes e registros de software, desenho industrial e marcas Patente concedida no INPI Patente depositada no INPI Registro de software, processos, produtos tecnológicos e marcas no INPI ou órgãos equivalentes Orientação de Tese de Doutorado do tipo Patente, o campo "Status" deve ser igual a Concedida, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Patente, o campo "Status" deve ser igual a Em Registro, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros ; do tipo Maquetes, Protótipos, Softwares e Outros, preencha o campo Tipo Produção Tecnológica igual a Software, Marcas ou Desenho industrial, o campo Tipo de Participação NÃO SEJA igual a Palestrante ou Outros e o campo Âmbito NÃO SEJA igual a Não Informado ; Orientação" igual a Orientador; o campo Tipo de Orientação igual a Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Atividades de orientação concluídas Co-orientação de Tese de Doutorado Orientação de dissertação de Mestrado Doutorado e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação" igual a Orientador; Tipo de Orientação igual a Co-orientação de dissertação de Mestrado

31 Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação (TCC) - Para satisfazer os critérios, preencha o campo "Tipo de Trabalho de Conclusão" igual a "Monografia"; Tipo de Orientação igual a Orientador e é necessário que elas estejam concluídas. Orientação de Iniciação Tecnológica Orientação de Iniciação Científica Orientação de Estágio Comitês de assessoramento científico - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo, preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Tecnológico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. - Para satisfazer os critérios, cadastre uma atividade do tipo orientação IC/IT quando o discente for externo e preencha o campo "Tipo de Bolsa" igual "Científico" que estejam com orientação concluídas e para os internos o sistema exibirá as orientações a partir de 2012 concluídas automaticamente. - Para satisfazer os critérios, o sistema exibirá as orientações de estágio curricular obrigatório concluídas existentes no módulo de Estágio automaticamente. campo "Natureza" igual a "Comitês de assessoramento científico (COMPIBIC, Finep, CNPq, CAPES, FAPITEC e outros)". Participação em comissões, comitês, conselhos relacionados com a promoção das atividades de pesquisa Consultoria de avaliação de projetos de pesquisa PIBIC/PIBITI Comissão de Pós-Graduação - Para satisfazer os critérios, o sistema exibirá o quantitativo de consultorias referente avaliação de projetos de pesquisa concluídas no PIBIC/PIBITI automaticamente. campo Natureza igual a "Comissão de Pós-Graduação - CPG". Consultoria de órgão de fomento do tipo Organização de Eventos, Consultorias, Edição e Revisão de Periódicos ; preencha o campo "Tipo de Participação" igual a "Consultor Ad Hoc de órgãos de fomento"; e o campo Âmbito não seja igual a Não Informado.

32 OBS.: Orientação de TCC e Pós-doutorado deverão ser cadastradas em OUTRAS ATIVIDADES: Produção intelectual>outras atividades>orientações>trabalho final de curso.

ANEXO II TABELAS DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR GRANDE ÁREA DE CONHECIMENTO CIÊNCIAS AGRÁRIAS

ANEXO II TABELAS DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR GRANDE ÁREA DE CONHECIMENTO CIÊNCIAS AGRÁRIAS ANEXO II TABELAS DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA POR GRANDE ÁREA DE CONHECIMENTO CIÊNCIAS AGRÁRIAS (por unidade) Artigos publicados em Artigo indexado periódicos com conselho

Leia mais

Sobre o Currículo Lattes

Sobre o Currículo Lattes Sobre o Currículo Lattes Acesse o Currículo Lattes http://lattes.cnpq.br Acesse o Currículo Lattes na página inicial da Plataforma Lattes, no menu Acesso direto. Cadastro no Currículo Lattes Nas páginas

Leia mais

Tutorial SIGAA Atualização do Currículo Lattes para o Edital PIBIC

Tutorial SIGAA Atualização do Currículo Lattes para o Edital PIBIC Tutorial SIGAA Atualização do Currículo Lattes para o Edital PIBIC Data Autor: João Dallyson Sousa de Almeida - PIBIC Revisão: NTI 18 de abril de 2017 Atualização: Tutorial baseado na Versão v3.7.29-397

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DOS INCRITOS NO EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA DE PÓS- DOUTORADO PNPD-CAPES EDITAL 005/2017

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DOS INCRITOS NO EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA DE PÓS- DOUTORADO PNPD-CAPES EDITAL 005/2017 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DOS INCRITOS NO EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA DE PÓS- DOUTORADO PNPD-CAPES EDITAL 005/2017 Os critérios de avaliação aprovado em reunião de colegiado do FQMAT serão compostos

Leia mais

ANEXO V QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS

ANEXO V QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS EDITAL N 10/2016 - CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR DO MAGISTÉRIO SUPERIOR 1 IDENTIFICAÇÃO DO(A) CANDIDATO(A) 1.1 Nome... 1.2 Área de conhecimento:... 2 TITULAÇÃO Caso o(a) candidato(a) opte por entregar

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO O Reitor da Universidade Federal de Alfenas, no uso de suas atribuições, comunica que o Concurso Público Edital nº 029/2017, publicado no publicado no DOU de 16-03-2017, seção 3, fl. 40, 41

Leia mais

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS DO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS DO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS

Leia mais

ANEXO II FICHA DE AVALIAÇÃO DO CURRÍCULO DO PROPONENTE Pontuação Comprovante Válido Por item Máxima Obtida Formação acadêmica (não cumulativo)

ANEXO II FICHA DE AVALIAÇÃO DO CURRÍCULO DO PROPONENTE Pontuação Comprovante Válido Por item Máxima Obtida Formação acadêmica (não cumulativo) Item de avaliação 1. Diploma de doutorado, obtido em programa de pós-graduação reconhecido pela CAPES ANEXO II FICHA DE AVALIAÇÃO DO CURRÍCULO DO PROPONENTE Pontuação Comprovante Válido Por item Máxima

Leia mais

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA CONCURSO PÚBLICO DE TÍTULOS E PROVAS PARA PROVIMENTO DO CARGO DE PROFESSOR ADJUNTO, NÍVEL

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU ANEXO I TABELA DE PONTUAÇÃO I - ENSINO 1. Docência em curso de graduação 1.1. Para turmas com

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU) ANEXO IV - RELATÓRIO DE ATIVIDADES DOCENTE I - ENSINO Pontos Qtd. Pg. Total Docência em curso

Leia mais

FORMULÁRIO DE CADASTRO DE TÍTULOS NOME DO CANDIDATO: ÁREA / DISCIPLINA: NÚMERO DE INSCRIÇÃO:

FORMULÁRIO DE CADASTRO DE TÍTULOS NOME DO CANDIDATO: ÁREA / DISCIPLINA: NÚMERO DE INSCRIÇÃO: CONCURSO PÚBLICO DO INSTITUTO NACIONAL DE EDUCAÇÃO DE SURDOS EDITAL Nº 29/2013 E EDITAL Nº 04/2014 PROVA DE TÍTULOS PARA OS CARGOS DE PROFESSOR DA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR FORMULÁRIO DE CADASTRO

Leia mais

ANEXO III I ATIVIDADES DE ENSINO E ORIENTAÇÃO DE GRADUAÇÃO

ANEXO III I ATIVIDADES DE ENSINO E ORIENTAÇÃO DE GRADUAÇÃO ANEXO III Observações: 1. Salvo exceções que devem ser justificadas, é vedada a dupla pontuação de uma mesma atividade. 2. Em cada um dos campos de avaliação serão atribuídos, no máximo, 100 (cem) pontos.

Leia mais

RETIFICAÇÃO. Onde se Lê: Anexo III CRITÉRIOS E RELATÓRIOS DE AVALIAÇÃO DA PPROVA DE TÍTULOS III ATIVIDADES DE PESQUISA

RETIFICAÇÃO. Onde se Lê: Anexo III CRITÉRIOS E RELATÓRIOS DE AVALIAÇÃO DA PPROVA DE TÍTULOS III ATIVIDADES DE PESQUISA RETIFICAÇÃO O Reitor da Universidade Federal de Alfenas, no uso de suas atribuições, comunica que os Concursos Públicos Editais nº 067/2016, 068/2016, 069/2016, 070/2016, 071/2016, 072/2016, 074/2016,

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº005/ Conselho Superior) Nome: Matrícula SIAPE:

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº005/ Conselho Superior) Nome: Matrícula SIAPE: SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº005/2009 - Conselho Superior) Nome: Matrícula SIAPE: Lotação (Unidade/Diretoria/Coordenação/Gabinete/etc) Campus/ Pró- Reitoria Data da última

Leia mais

BAREMA PARA A PROVA DE TÍTULOS* (AUXILIAR)

BAREMA PARA A PROVA DE TÍTULOS* (AUXILIAR) BAREMA PARA A PROVA DE TÍTULOS* (AUXILIAR) Página 1 de 5 Área de conhecimento: Candidato(a): Avaliadores(as): I. TÍTULOS ACADÊMICOS máxima Doutorado ou grau equivalente 40 40 Mestrado ou grau equivalente

Leia mais

ANEXO I PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ENSINO MÉDIO (PIBIC EM) PLANILHA DE PONTUAÇÃO PARA PRODUÇÃO CIENTÍFICA ( )

ANEXO I PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ENSINO MÉDIO (PIBIC EM) PLANILHA DE PONTUAÇÃO PARA PRODUÇÃO CIENTÍFICA ( ) ANEXO I PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ENSINO MÉDIO (PIBIC EM) PESQUISADOR: INSTITUTO/CAMPI: FACULDADE: ÁREA DE ATUAÇÃO: PLANILHA DE PONTUAÇÃO PARA PRODUÇÃO CIENTÍFICA (2012-2016)

Leia mais

Edital nº 56, de 16 de junho de 2016, publicado no Diário Oficial da União nº 115, de 17 de junho de 2016.

Edital nº 56, de 16 de junho de 2016, publicado no Diário Oficial da União nº 115, de 17 de junho de 2016. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAUDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 56, de 16 de junho

Leia mais

2.3.4 Membro de banca de conclusão de curso de pós-graduação, 0,03/banca

2.3.4 Membro de banca de conclusão de curso de pós-graduação, 0,03/banca Tabela de Pontuação para Julgamento dos Títulos nos Concursos Públicos para Docente da Carreira do Magistério Superior na Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri UFVJM Departamento de

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 02/ PROCESSO SELETIVO PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES

CHAMADA PÚBLICA 02/ PROCESSO SELETIVO PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI URCA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA - PRPGP CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE - CCBS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOPROSPECÇÃO MOLECULAR PPBM CHAMADA PÚBLICA

Leia mais

AVALIAÇÃO DE PROMOÇÃO/PROGRESSÃO DOCENTE. Docente Avaliado(a) Unidade Acadêmica

AVALIAÇÃO DE PROMOÇÃO/PROGRESSÃO DOCENTE. Docente Avaliado(a) Unidade Acadêmica AVALIAÇÃO DE PROMOÇÃO/PROGRESSÃO DOCENTE Docente Avaliado(a) Unidade Acadêmica Interstício / / a / / AVALIAÇÃO: O avaliador deverá registrar na terceira coluna os pontos obtidos pelo(a) avaliado(a). CAMPO

Leia mais

ANEXO 2. PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência)

ANEXO 2. PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência) 1. IDENTIFICAÇÃO ANEXO 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA Departamento de (Nome do departamento) Curso de (Nome do curso) PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência) Nome: Unidade Acadêmica de

Leia mais

ANEXO I ESCALA DE PONTUAÇÃO PARA PRODUÇÃO E ATIVIDADES. Atividades de Ensino

ANEXO I ESCALA DE PONTUAÇÃO PARA PRODUÇÃO E ATIVIDADES. Atividades de Ensino ANEXO I ESCALA DE PARA PRODUÇÃO E ATIVIDADES CAMPO I Atividades de Ensino A pontuação deve ser totalizada a partir das pontuações obtidas em disciplinas de graduação ou de pós-graduação stricto sensu,

Leia mais

FORMULÁRIO DO PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE AVALIADO :

FORMULÁRIO DO PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE AVALIADO : I. Capacitação Profissional Pontos 1. Participação em Simpósio, Congresso, Seminário e outros eventos na área pedagógica, na área de atuação do docente ou em áreas afins (1,0 por evento, máximo 4,0 pontos).

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Filosofia e Ciências Humanas Departamento de Ciência Política

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Filosofia e Ciências Humanas Departamento de Ciência Política SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Filosofia e Ciências Humanas Departamento de Ciência Política CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 42, de

Leia mais

TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL

TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL CATEGORIA ATIVIDADE MÉTRICA PESO PONTUAÇÃO 1. ENSINO SUPERIOR 500 1.1 Turmas em disciplinas com =5

Leia mais

Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa

Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Pró-Reitoria de Pesquisa, Criação e Inovação Critérios para Credenciamento de Líderes e Certificação de Grupos de Pesquisa Prof.

Leia mais

ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO TABELA 1 - AVALIAÇÕES A SEREM FEITAS PELA CHEFIA IMEDIATA E AUTO AVALIAÇÃO DO SERVIDOR. Pontuação.

ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO TABELA 1 - AVALIAÇÕES A SEREM FEITAS PELA CHEFIA IMEDIATA E AUTO AVALIAÇÃO DO SERVIDOR. Pontuação. ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO Nome do Servidor Unidade de lotação ou campus: Período de avaliação: Avaliador Chefe do ensino: De: / / a / / TABELA 1 - AVALIAÇÕES A SEREM FEITAS PELA CHEFIA IMEDIATA E AUTO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 05, de 11 de fevereiro de

Leia mais

Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição

Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Escola de Nutrição Endereço: R. Basílio da Gama, S/N - Canela - Salvador / Bahia CEP 40.110.907 Telefone: (071) 3283-7700 /7701 e-mail: enufba@ufba.br

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 74, de NOVEMBRO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA AGROINDUSTRIAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA AGROINDUSTRIAL TABELA DE TÍTULOS Para avaliação do Curriculum Vitae serão considerados os seguintes grupos de documentos/atividades para avaliação de títulos: 1- GRUPO I Títulos Acadêmicos; 2- GRUPO II Atividades de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes e Gestão Territorial - PPGTG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes e Gestão Territorial - PPGTG UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes e Gestão Territorial - PPGTG RESOLUÇÃO Nº/PPGTG/26 de 17 de fevereiro de 26. Dispõe sobre Normas para Credenciamento

Leia mais

ANEXO I Programa de Bolsas de Iniciação Científica da UNILA

ANEXO I Programa de Bolsas de Iniciação Científica da UNILA ANEXO I Programa de Bolsas de Iniciação Científica da UNILA Declaração de produtividade intelectual do pesquisador Wolney Roberto Carvalho Artigos e trabalhos completos publicados Peso Quantidade Subtotal

Leia mais

NOTA TÉCNICA N 04/2014. ASSUNTO: Documentos Comprobatórios do Programa de Avaliação de Desempenho Docente.

NOTA TÉCNICA N 04/2014. ASSUNTO: Documentos Comprobatórios do Programa de Avaliação de Desempenho Docente. NOTA TÉCNICA N 04/2014 ASSUNTO: Documentos Comprobatórios do Programa de Avaliação de Desempenho Docente. A Comissão Permanente de Pessoal Docente pro tempore da Fundação Universidade Federal do Pampa,

Leia mais

ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO. Títulos Acadêmicos

ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO. Títulos Acadêmicos 1 ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO Julgamento dos Títulos e do Currículo. Essa prova tem peso 02 (dois). Pontuação

Leia mais

Universidade Federal da Bahia Escola de Administração da UFBA

Universidade Federal da Bahia Escola de Administração da UFBA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTE DO MAGISTÉRIO SUPERIOR EDITAL 01/2015 INCLUSÃO Nº 11/2015 Área de Conhecimento: Gestão de Operações,Tecnologia e Inovação BAREMA PARA AVALIAÇÃO DOS TÍTULOS DOS CANDIDATOS

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS SECRETARIA DOS CONSELHOS SUPERIORES CONSELHO COORDENADOR DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS SECRETARIA DOS CONSELHOS SUPERIORES CONSELHO COORDENADOR DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO Anexo I Resolução nº 07 de 4 de julho de 006 CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO ACADÊMICO PARA PROGRESSÃO FUNCIONAL A CLASSE DE PROFESSOR ASSOCIADO DA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR I. ENSINO.. Hora-aula

Leia mais

PLANILHA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS. ITEM I: TITULAÇÃO MÁXIMA (pontuação não cumulativa) ITEM II : FORMAÇÃO COMPLEMENTAR

PLANILHA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS. ITEM I: TITULAÇÃO MÁXIMA (pontuação não cumulativa) ITEM II : FORMAÇÃO COMPLEMENTAR PLANILHA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS ITEM I: TITULAÇÃO MÁXIMA (pontuação não cumulativa) Doutorado na área 15,00 1 15,00 Doutorado em área afim 10,00 1 10,00 Mestrado na área 7,50 1 7,50 Mestrado

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 GABARITO PARA AVALIAÇÃO DE PROVA DE TÍTULOS CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSORES NÃO TITULARES NOME DO(A) CANDIDATO(A): DEPARTAMENTO: SETOR: Unidade Universitária: ÁREA OU MATÉRIA: GRUPO I Títulos universitários

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ANEXO I

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ANEXO I SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS ANEXO I Tabela para pontuação visando à progressão funcional docente, aprovada pela congregação do ICB em 1 e 1/0/01,

Leia mais

EDITAL Nº 25/2016-PROGRAD

EDITAL Nº 25/2016-PROGRAD EDITAL Nº 25/2016-PROGRAD ANEXO III PLANILHA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS, ANEXO II DA ITEM I: TITULAÇÃO MÁXIMA (pontuação não cumulativa) Doutorado na área 15,00 1 15,00 Doutorado em área afim 10,00

Leia mais

MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE

MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE 1 MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE CONSIDERANDO a necessidade de aperfeiçoar o acompamhamento e registro das atividades desenvolvidas pelo corpo docente

Leia mais

ANEXO VI. A que se referem os artigos 7º e 9º da Deliberação CEETEPS 34, de

ANEXO VI. A que se referem os artigos 7º e 9º da Deliberação CEETEPS 34, de ANEXO VI A que se referem os artigos 7º e 9º da Deliberação CEETEPS 4, de 7--017. ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL DOCENTE DAS FACULDADES DE TECNOLOGIA FATECS E ESCOLAS TÉCNICAS ETECS Formação e Atividades Diversas

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO. Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período:

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO. Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período: ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período: ATIVIDADES DE ENSINO: Graduação: Ano, nome da disciplina, carga horária total, número

Leia mais

TABELA DE PONTUAÇÃO PARA PROVA DE TÍTULOS

TABELA DE PONTUAÇÃO PARA PROVA DE TÍTULOS ANEXO IV TABELA DE PONTUAÇÃO PARA PROVA DE TÍTULOS Títulos acadêmicos; atividades de ensino; atividades administrativas/profissionais; produção científica, técnica e/ou cultural, literária, filosófica

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO ANEXO I QUADRO PONTUAÇÃO ÁREAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO ANEXO I QUADRO PONTUAÇÃO ÁREAS ANEXO I QUADRO PONTUAÇÃO ÁREAS Pontuação para avaliação de desempenho para fins de progressão e promoção na Classe A, com as denominações de Professor Adjunto A, Professor Assistente A, e Professor Auxiliar,

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº 09/08-CEPE)

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº 09/08-CEPE) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ COMISSÃO PERMANENTE DO PESSOAL DOCENTE SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO (Resolução nº 09/08-CEPE) DOCENTE : MATRÍCULA : DATA DE INGRESSO NA INSTITUIÇÃO:

Leia mais

Faculdade de Farmácia Departamento de Ciências Farmacêuticas CAMPUS UNIVERSITÁRIO - MARTELOS - JUIZ DE FORA - MG CEP: TEL: (032)

Faculdade de Farmácia Departamento de Ciências Farmacêuticas CAMPUS UNIVERSITÁRIO - MARTELOS - JUIZ DE FORA - MG CEP: TEL: (032) Faculdade de Farmácia Departamento de Ciências Farmacêuticas CAMPUS UNIVERSITÁRIO - MARTELOS - JUIZ DE FORA - MG CEP: 36036-330 TEL: (032)2102-3801 Normas Regulamentadoras dos Critérios de Pontuação para

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE Complementa a Resolução nº 04/05-CEPE que estabelece normas de concurso público para a carreira do magistério superior na Universidade Federal do Paraná, fixando a tabela de pontuação

Leia mais

Grupo Nome do criterio Descrição do criterio Peso Pontuação maxima

Grupo Nome do criterio Descrição do criterio Peso Pontuação maxima Trabalho em Evento Evento completo internacional Trabalho em evento completo de natureza internacional 20.00 999.00 Trabalho em Evento Evento completo local Trabalho em evento completo de natureza local

Leia mais

PRODUÇÕES INTELECTUAIS?

PRODUÇÕES INTELECTUAIS? Como Cadastrar Novas PRODUÇÕES INTELECTUAIS? Esta funcionalidade permite cadastrar obras intelectuais que ainda não foram registradas no sistema. Para cadastrar uma nova produção intelectual, acesse o

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ATUARIAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ATUARIAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ATUARIAIS CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital

Leia mais

Outras áreas Área do concurso Cursos: até 80 horas Acima de 80 horas. Pesquisa ou estágio extra-curricular (mínimo 120 horas)

Outras áreas Área do concurso Cursos: até 80 horas Acima de 80 horas. Pesquisa ou estágio extra-curricular (mínimo 120 horas) Barema Concurso Docente Magisério Superior Escola de Medicina Veterinária APROVADO EM REUNIÃO CONGREGAÇÃO MEV 8/2/211 Àrea de Concentração:Med.Vet.Prev.e Saúde Pública/Anatomia Patoló Edital /211 Tipo

Leia mais

Relatório de Atividades e Pontuação para Professor Associado (e seus subníveis) da UTFPR

Relatório de Atividades e Pontuação para Professor Associado (e seus subníveis) da UTFPR PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Relatório de Atividades e Pontuação para Professor Associado (e seus subníveis) da UTFPR Para a progressão de adjunto IV para Professor Associado e de Associado

Leia mais

RESOLUÇÃO* Nº 001/2015, DO COLEGIADO DO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS LINGUÍSTICOS CURSOS DE MESTRADO E DOUTORADO

RESOLUÇÃO* Nº 001/2015, DO COLEGIADO DO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS LINGUÍSTICOS CURSOS DE MESTRADO E DOUTORADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA INSTITUTO DE LETRAS E LINGUÍSTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS LINGUÍSTICOS CURSOS DE MESTRADO E DOUTORADO Av. João Naves de Ávila, 2121 Campus Sta. Mônica, Bl.G

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DE CONCURSOS E AVALIAÇÃO DOCENTE, CESCAD TABELA DE PONTUAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES

COMISSÃO ESPECIAL DE CONCURSOS E AVALIAÇÃO DOCENTE, CESCAD TABELA DE PONTUAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES COMISSÃO ESPECIAL DE CONCURSOS E AVALIAÇÃO DOCENTE, TABELA DE PONTUAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES GRUPO I ATIVIDADES DE ENSINO 1 Docência em curso de graduação (hora-aula média semanal no interstício) 2

Leia mais

FICHA DE SOLICITAÇÃO DE SUPORTE FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS (DISCENTES)

FICHA DE SOLICITAÇÃO DE SUPORTE FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS (DISCENTES) FICHA DE SOLICITAÇÃO DE SUPORTE FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS (DISCENTES) Datas para solicitações: 1º Período: 14 à 30 de junho 2º Período: 15 à 30 de agosto Informações necessárias do evento

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL PARA PROFESSOR TITULAR POR AVALIAÇÃO (Resolução nº 10/14-CEPE)

SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL PARA PROFESSOR TITULAR POR AVALIAÇÃO (Resolução nº 10/14-CEPE) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ COMISSÃO PERMANENTE DO PESSOAL DOCENTE SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL PARA PROFESSOR TITULAR POR AVALIAÇÃO (Resolução nº /14-CEPE) DOCENTE : MATRÍCULA : DATA DE INGRESSO

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO Edital nº 08/2015 Programa institucional de incentivo à participação em eventos científicos

Leia mais

ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO TABELA 1 AVALIAÇÃO REALIZADA PELA CHEFIA IMEDIATA E AUTO AVALIAÇÃO DO SERVIDOR. Pontuação máxima.

ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO TABELA 1 AVALIAÇÃO REALIZADA PELA CHEFIA IMEDIATA E AUTO AVALIAÇÃO DO SERVIDOR. Pontuação máxima. Nome do servidor: Unidade de lotação ou campus: Departamento: Período de avaliação: Nome do Chefe do ensino: ANEXO I ATIVIDADES DE ENSINO De: / / a / / TABELA 1 AVALIAÇÃO REALIZADA PELA CHEFIA IMEDIATA

Leia mais

A Congregação do Instituto de Biologia da Universidade Federal da Bahia, no uso de suas atribuições, considerando que:

A Congregação do Instituto de Biologia da Universidade Federal da Bahia, no uso de suas atribuições, considerando que: PORTARIA Estabelece critérios e escalas para aferição de na avaliação de títulos em concursos para Professor Adjunto do Instituto de Biologia da UFBA. A Congregação do Instituto de Biologia da Universidade

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 42, de 27

Leia mais

SETOR : CLASSE : NÍVEL : REGIME DE TRABALHO : PROGRESSÃO PRETENDIDA :

SETOR : CLASSE : NÍVEL : REGIME DE TRABALHO : PROGRESSÃO PRETENDIDA : UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ COMISSÃO PERMANENTE DO PESSOAL DOCENTE SOLICITAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL POR AVALIAÇÃO DE DOCENTES NA CARREIRA DO MAGISTÉRIO DO ENSINO BÁSICO TÉCNICO E TECNOLÓGICO (Resolução

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Relatório de Atividades Docentes para a Promoção para a Classe de Professor Associado e para a Progressão Funcional na Classe de Professor Associado da UTFPR

Leia mais

ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE

ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE Candidato: QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE Edital CCS nº 08/16 Área: A - FORMAÇÃO

Leia mais

ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE. Versão Complementar 1

ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE. Versão Complementar 1 Candidato: ANEXO IV - QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE Versão Complementar 1 QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA PROVA DE TÍTULOS CONCURSO DOCENTE Edital CCS nº 08/16

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS DEPARTAMENTO DE LETRAS CONCURSO PÚBLICO PARA ENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 03, de 05 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União nº 26, de 06 de fevereiro de 2014. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES,

Leia mais

ANEXO I TABELA DE PONTUAÇÃO DA PROVA ESCRITA Critérios para avaliação da Prova Escrita e respectivas pontuações: Critérios para avaliação Pontuação Máxima 1. Forma 3.0 1.1 Introdução 1.0 1.2 Desenvolvimento

Leia mais

Anexo II. Tabela de Pontuação do RSC do IF Baiano

Anexo II. Tabela de Pontuação do RSC do IF Baiano MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO Anexo II Tabela de do RSC do IF Baiano RSC I - de 100 pontos Diretriz

Leia mais

Julgamento de títulos Peso 4 Prova escrita Peso 3 Prova didática e/ou didáticoprática.

Julgamento de títulos Peso 4 Prova escrita Peso 3 Prova didática e/ou didáticoprática. UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES AO EDITAL N 127, DE 09 DE SETEMBRO DE 2010, PUBLICADO NO D.O.U. Nº 179,

Leia mais

REGULAMENTO N 01/2016-PPGEE/MEPE/UNIR

REGULAMENTO N 01/2016-PPGEE/MEPE/UNIR REGULAMENTO N 01/2016-PPGEE/MEPE/UNIR Dispõe sobre os critérios de pontuação das Atividades Programadas de Pesquisa (APP), do Programa de Pós- Graduação em Educação Escolar, Mestrado Profissional. A Coordenação

Leia mais

EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES

EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES EDITAL PROFLETRAS/UESPI Nº 001/2017, DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL RELATIVO ÀS SOLICITAÇÕES DE CREDENCIAMENTO DE DOCENTES A Coordenação do Programa de Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 88, de 20 de Novembro

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM PROCESSOS E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM PROCESSOS E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM PROCESSOS E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS Percentual atribuído aos itens do processo avaliativo: Curriculum Vitae: 30%; Produção Textual: 50%; Entrevista: 20%. Critérios

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ Distribuição da carga horária de atividade docente no Departamento

Leia mais

INFORMAÇÕES GERAIS CONCURSO PÚBLICO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTE EFETIVO PARA A ÁREA DE GEOTECNIA

INFORMAÇÕES GERAIS CONCURSO PÚBLICO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTE EFETIVO PARA A ÁREA DE GEOTECNIA INFORMAÇÕES GERAIS CONCURSO PÚBLICO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTE EFETIVO PARA A ÁREA DE GEOTECNIA O Concurso será realizado entre os dias 16 a 18 de março de 2011, podendo ser ajustado em função do número

Leia mais

TABELA UNIFICADA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS CCB

TABELA UNIFICADA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS CCB SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE GENÉTICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 101, de 15 de dezembro

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 16, de 30

Leia mais

ANEXO VII NORMAS SOBRE ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES

ANEXO VII NORMAS SOBRE ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES ANEXO VII NORMAS SOBRE ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES NORMAS GERAIS Os alunos do Curso de Graduação em Engenharia Aeronáutica devem desenvolver, com obrigatoriedade,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 49, de 09

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DE VITÓRIA CAV

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DE VITÓRIA CAV CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 0, de 05 de abril de 0, publicado no Diário Oficial da União nº 66, de 08 de abril de 0. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES,

Leia mais

A Congregação da Faculdade de Farmácia da Universidade Federal da Bahia, no uso de suas atribuições, considerando que:

A Congregação da Faculdade de Farmácia da Universidade Federal da Bahia, no uso de suas atribuições, considerando que: PORTARIA 02 Estabelece critérios e escalas para aferição de na avaliação de títulos em concursos para Professor Adjunto da Faculdade de Farmácia da UFBA. A Congregação da Faculdade de Farmácia da Universidade

Leia mais

TABELA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS Edital UFMS/PROGEP Nº 13/2017 Professor Titular Livre

TABELA DE PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS Edital UFMS/PROGEP Nº 13/2017 Professor Titular Livre Subgrupo B D TBEL DE PONTUÇÃO D PROV DE TÍTULOS Edital UFMS/PROGEP Nº 13/2017 Professor Titular Livre GRUPO I Dados Gerais da Titulação (titulação máxima, não cumulativa) Valor Título de Doutor com pós-doutorado

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE BOTÂNICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE BOTÂNICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE BOTÂNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 101, de 15 de dezembro

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIENCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE FISIOLOGIA E FARMACOLOGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIENCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE FISIOLOGIA E FARMACOLOGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIENCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE FISIOLOGIA E FARMACOLOGIA Edital nº 68, de 22 de julho de 2014, publicado no Diário Oficial da União

Leia mais

EDITAL 20/2016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL

EDITAL 20/2016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 0/016/ PROGRAD PARA SELEÇÃO DE TUTOR DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET SERVIÇO SOCIAL

Leia mais

EDITAL 14 /2016 PIBIC ENSINO MÉDIO / CNPq

EDITAL 14 /2016 PIBIC ENSINO MÉDIO / CNPq EDITAL 14 /2016 PIBIC ENSINO MÉDIO / CNPq A e a Coordenação Executiva do PIBIC/ ENSINO MÉDIO tornam público o presente Edital de abertura de inscrições, visando à seleção de bolsistas para o PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DEPARTAMENTO DE TEORIA GERAL DO DIREITO E DIREITO PRIVADO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DEPARTAMENTO DE TEORIA GERAL DO DIREITO E DIREITO PRIVADO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DEPARTAMENTO DE TEORIA GERAL DO DIREITO E DIREITO PRIVADO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 101, de 15 de dezembro de 2014, publicado no

Leia mais

ANEXO II AO EDITAL nº 03/2014 PPGDH

ANEXO II AO EDITAL nº 03/2014 PPGDH ANEXO II AO EDITAL nº 03/2014 PPGDH PONTUAÇÃO DO CURRÍCULO LATTES Quadro de Atribuição de Pontos para a prova de Títulos para a classe de Bolsista do PNPD/CAPES/PPGDH/UFPB (referentes às atividades realizadas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE HOTELARIA E TURISMO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 56,de

Leia mais

I. AVALIAÇÃO DO TRABALHO E DO EVENTO (MÁXIMO 10,0 PONTOS)

I. AVALIAÇÃO DO TRABALHO E DO EVENTO (MÁXIMO 10,0 PONTOS) ANEXO V CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A nota final (NF) será dada pela média aritmética da nota de cada uma das alíneas do 1º, Art. 11 o, conforme os critérios estabelecidos nas tabelas apresentadas neste documento.

Leia mais

RESUMO FINAL Total de Pontos no Anexo I -20 Total de Pontos no Anexo II 0 Total de Pontos no Anexo III 0 Total de Pontos no Anexo IV 0 Total de

RESUMO FINAL Total de Pontos no Anexo I -20 Total de Pontos no Anexo II 0 Total de Pontos no Anexo III 0 Total de Pontos no Anexo IV 0 Total de RESUMO FINAL Total de Pontos no Anexo I -20 Total de Pontos no Anexo II 0 Total de Pontos no Anexo III 0 Total de Pontos no Anexo IV 0 Total de Pontos no Anexo V 0 Subtotal -20 Interstício (anos) 2 Total

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 05, de

Leia mais

ANEXO II. Fichas de Avaliação das Provas Didática e de Títulos FICHA DE AVALIAÇÃO INDIVIDUAL DA PROVA DIDÁTICA EDITAL N / /2016

ANEXO II. Fichas de Avaliação das Provas Didática e de Títulos FICHA DE AVALIAÇÃO INDIVIDUAL DA PROVA DIDÁTICA EDITAL N / /2016 Ministério da Educação Fundação Universidade Federal de Rondônia Pró-Reitoria de Graduação Campus Professor Francisco Gonçalves Quiles - Cacoal ANEXO II Fichas de Avaliação das Provas Didática e de Títulos

Leia mais

BAREMA - PROFESSOR TITULAR

BAREMA - PROFESSOR TITULAR 1. TITULOS ACADÊMICOS 1.1 Pós-Doutorado 1.2 Curso de Doutorado 1.3 Curso de Mestrado 1.4 Curso de Especialização ou Aperfeiçoamento BAREMA - PROFESSOR TITULAR Departamento de Geografia Edital 04/2011 DESCRIÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 56, de 16 de junho de 2016, publicado no Diário Oficial da União nº 115, de 17 de junho de 2016.

Leia mais

Graduação: Arquitetura e Urbanismo Mestrado: Arquitetura, Arquitetura e Urbanismo, Planejamento Urbano e Desenvolvimento Urbano.

Graduação: Arquitetura e Urbanismo Mestrado: Arquitetura, Arquitetura e Urbanismo, Planejamento Urbano e Desenvolvimento Urbano. CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 04, de 10 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União nº 30, de 12 de fevereiro de 2014. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES, PROGRAMAS

Leia mais