PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão"

Transcrição

1 PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão Na linha da primeira urgência das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão, destacam-se as seguintes ações concretas: - Formação e missão; - Formar multiplicadores; - Assumir uma atitude missionária; - Desenvolver o espírito missionário em toda Igreja, criando uma Escola Missionária; - Redimensionar o trabalho dos diáconos permanentes. Ex: para ter presença constante nos hospitais; - Rever métodos de evangelização; - Investir na criação das Ceb s e grupos de reflexão - Construir mais espaços religiosos no território da paróquia; - Formar novas comunidades; - Intercâmbio entre comunidades; - Criar células paróquias de evangelização; - Valorizar a missão popular; - Missão em hospitais; - Levar a Palavra de Deus aos afastados; - Resgatar o sentido de comunidade como Igreja reunida em torno de Jesus Cristo que envia em missão; - Evangelização de crianças e pais de escolas públicas e condomínios; - Ir ao encontro das pessoas, conhecê-las e conhecer as famílias; - Missas em residências; - Favorecer a acolhida e ação missionária (ir ao encontro dos batizados) nas comunidades, através da ação conjunta das pastorais, visando à formação de grupos de rua nas comunidades a aproximação daqueles que estão mais afastados; - Acolher papel do padre e da secretária fazer da Igreja um local de convivência e amizade; - Realizar o projeto visitas missionárias, incluindo a organização de grupos de reflexão; - Realizar eventos, principalmente com os jovens. - Intensificar a atuação missionária dos padres. Presença eclesial junto a grupos humanos, juventude, profissionais liberais e condomínios. Ecumenismo e diálogo inter-religioso Santas Missões Populares, Sistema Integral de Nova Evangelização Projeto igrejas-irmãs Projeto Missionário Sul 1 Norte 1

2 SEGUNDA URGÊNCIA Igreja: casa de iniciação à vida cristã Na linha da segunda urgência das DGAE, Igreja: casa de iniciação à vida cristã, destacam-se as seguintes ações concretas: - Retiros e dias de espiritualidade; - Formação para agentes pastorais, grupos e movimentos; - Formação permanente de lideranças em todos os níveis (paróquia Setor Região); - Curso sobre a iniciação cristã; - Trabalhar para uma mudança de mentalidade: catequese como formação permanente; - Catequese de adultos; - Rever as preparações para os Sacramentos; - Valorizar o processo de iniciação à fé; - Melhorar a acolhida e a formação de catequistas do Batismo (padronizar encontros, duração, conteúdo) Catequese de Crianças e Crisma; - Dinamizar conteúdo e a formação dos catequistas. Investir em recursos equipamentos: audiovisual, TV, vídeo, data-show; - Conscientização dos pais nos cursos de preparação para o Batismo sobre a importância do Sacramento; - Investir na Pastoral Vocacional e Familiar; - Introduzir nas paróquias o RICA; - Incentivar a religiosidade popular (ex: reza do teço em família); - Adoração ao Santíssimo Sacramento, com a presença do sacerdote; Processos de iniciação cristã, com uma catequese de inspiração catecumenal, acentuando o aspecto celebrativo, em dinâmica permanente de encantamento pelo Cristo e pelo Reino; Catequese permanente/mistagógica; Retiros Querigmáticos; Formação de leigos e leigas; Formação dos seminaristas, presbíteros e Coordenadores Diocesanos de Pastoral.

3 TERCEIRA URGÊNCIA Igreja: lugar de animação bíblica da vida e da pastoral Na linha da terceira urgência das DGAE, Igreja: lugar de animação bíblica da vida e da pastoral, destacam-se as seguintes ações concretas: - Aprofundar o estudo permanente da Palavra de Deus; - Grupos de Leitura Bíblica nos prédios ou entre vizinhos; - Pregação do Querigma; - Criar grupos de Liturgia Diária; - Preparar bem as homilias; - Escola da Fé Paroquial (criar o dia de formação bíblica na paróquia); - Criar mais cursos de aprofundamento bíblico; - Formação Litúrgica; - Preparar leitores, grupos de canto, coroinhas e acólitos, através da formação litúrgica, cursos de comunicação para que nas celebrações haja harmonia entre os diversos ministérios, valorizando os textos litúrgicos, diretórios e hinários litúrgicos da Igreja do Brasil; - Formar ministros da Palavra; - Maior utilização da Bíblia em círculos e grupos de rua; - Todas as pastorais ter atitude de escuta da Palavra e ser expressão da Palavra fora da Igreja; - Valorizar e difundir nas paróquias a Leitura Orante da Bíblia; - Retiros sobre Leitura Orante; - Capacitar padres, ministros da Palavra, catequistas, pastorais comprometidas com o anúncio da Palavra, utilizando novas linguagens e novas tecnologias, enfim que a Palavra seja anunciada numa linguagem acessível às pessoas; - Utilizar linguagens artísticas e audiovisuais para o Anúncio da Palavra; - Relacionar formação a testemunhos que transmitam a mística das pastorais; Resultado da Assembléia das Igrejas do Regional Sul 1da CNBB (pistas de ação): Círculos Bíblicos, CEBs, Grupos de Reflexão, Grupos de Estudo Escola da Palavra/Fé Criação de subsídios Leitura Orante/ Lectio Divina/Oficio Divino Formação de Ministros da Palavra Incentivar o I Simpósio da Animação Bíblica, previsto para setembro de 2012

4 QUARTA URGÊNCIA Paróquia: Comunidade de Comunidades Na linha da quarta urgência das DGAE, Paróquia: Comunidade de Comunidade, destacam-se as seguintes ações concretas: - Acolhida (melhorar e valorizar); - Valorizar as equipes de acolhida nas celebrações, favorecendo a participação de toda assembléia celebrante, integrando ministros e povo, a fim de tornar as celebrações lugar de encontro de fé e vida; - Envolver crianças, adolescentes e jovens nas celebrações litúrgicas, de modo que eles se sintam protagonistas e agentes da mesma; - Abrir espaços de convivência na paróquia; - Aprender a Ouvir e buscar integração; - Criar a Pastoral da Escuta; - Estimular os talentos de cada paroquiano para trazê-los à comunidade; - Criar grupos inter-pastorais para troca de conhecimento e reforço espiritual; - Envolvimento maior com os leigos (incentivar e investir); - Sair do espaço físico da Paróquia, ir ao encontro do Povo; - Melhorar, investir e agilizar a comunicação para torná-la mais efetiva; - Preparar agentes para a comunicação; - Melhorar a comunicação entre as pastorais; - Investir na Pastoral Orgânica e de Conjunto; - Elaborar planejamento pastoral para a paróquia e envolver as pessoas e grupos neste processo; - Organizar anualmente a Assembléia paroquial; - Regulamento para as pastorais; - Rever metodologia para envolver as pessoas nas pastorais e outros serviços da comunidade; - Criar uma Comissão de Leigos na paróquia; - Melhorar a estrutura financeira para cursos e retiros; - Rever as diretrizes pastorais e definir padronização nas orientações para a Região; - Resgatar a consciência da tríplice missão da paróquia; - Os padres precisam dar mais presença junto às pastorais, grupos e movimentos na paróquia; - Esclarecimento sobre o Conselho Pastoral Paroquial; - Descentralizar os trabalhos pastorais; - Descentralizar poderes; - Setorizar a paróquia, formando pequenas comunidades; - Promover a diversidade ministerial Presbítero como animador da comunidade, incentivador das pastorais, movimentos e organismos (CPP); - Favorecer a família como primeira Igreja; Setorização; CEBs, pequenas comunidades, Grupos de rua; Ministérios confiados a leigos e leigas; Estruturas de Comunhão - Conselhos (Pastoral, Econômico, Leigos...); Pastoral da Acolhida

5 QUINTA URGÊNCIA Igreja a serviço da vida plena para todos Na linha da quinta urgência das DGAE, Igreja a serviço da vida plena para todos, destacam-se as seguintes ações concretas: - Programas que dêem visibilidade à ação da Igreja; - Articulação das pastorais sociais existentes na Região; - Formar equipe de voluntariado; - Promover nas comunidades ações que valorizem o ser humano na sua totalidade, através de projetos sociais que priorizem reforço escolar para crianças, atividade física para idosos... - Levar as pessoas a conhecer e exigir os seus direitos, através da formação para a cidadania, o estudo da Doutrina Social da Igreja, apoiando a participação de leigos nos Conselhos paritários e na luta por políticas públicas, com atenção especial à Saúde e Educação; - Valorizar nas comunidades a escuta, o diálogo, o acolhimento das pessoas, superando o assistencialismo; apoiando o trabalho voluntário e projetos sociais de geração de renda nas comunidades mais empobrecidas; - Investir na visitação aos doentes, de modo particular na realidade hospitalar, envolvendo não apenas os ministros extraordinários da Sagrada Comunhão, mas também outros agentes de pastoral, levando a Palavra e a Eucaristia por meio da visitação, oração, escuta e arte; - Auxiliar os desempregados e pessoas carentes, especialmente os moradores de rua, em suas necessidades básicas; - Intensificar e fortalecer a acolhida em nossas Igrejas envolvendo todas as pastorais e movimentos, com especial atenção às famílias, crianças e jovens; - Capacitar leigos para que desenvolvam um trabalho junto aos enlutados, desde a celebração de exéquias até o acompanhamento e visitação nas casas; - Desenvolver consciência de Pastoral de Conjunto; - Modernizar a comunicação, envolvendo fiéis, pastorais, paróquia e sociedade; - Utilizar diferentes técnicas de comunicação social (teatro, música, jornal, panfletos, redes sociais); - Paróquia a serviço dos jovens; - Paróquia a serviço das famílias; Pastoral Familiar Pastoral da Ecologia: Educar para a preservação da natureza e para a ecologia humana Pastoral social e política dos cristãos (Participação nos Conselhos Municipais) Pastoral Universitária/Educação Pastoral da Comunicação: dinamizar a PASCOM para desencadear um processo de comunicação interna (gerando comunhão nas pastorais) e externa (marcando presença nos espaços de decisão) Formação na Doutrina Social da Igreja 5ª Semana Social Brasileira

6 URGÊNCIA Evangelização da Juventude Nos Seminários realizados nas Regiões Episcopais apareceu a preocupação com a evangelização da Juventude. Destacam-se as seguintes ações: - Envolver os jovens nas atividades das paróquias; - Renovar os membros das pastorais, estimulando os grupos de jovens; - Realizar a evangelização da juventude no âmbito individual (conhecer a cada um); - Atrair e criar espaço para a juventude; - Adequar a formação com a juventude (rever a linguagem); - Preparar jovens para que diante da realidade que vivem possam testemunhar a sua fé, com consciência crítica e espiritualidade encarnada diante dos desafios que os cercam; Organizar e animar o Setor Juventude, repensando as estruturas do trabalho com jovens, tendo como referência o doc. 85 da CNBB; Garantir o espaço para os jovens nas comunidades como sujeito da missão evangelizadora; Missões jovens; Atividades nas escolas e universidades; Investir na oportunidade da Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2013).

Partir de cada realidade e suas particularidades NOVA PAROQUIA, uma Comunidade Comunidades (setorização), Estado permanente de missão

Partir de cada realidade e suas particularidades NOVA PAROQUIA, uma Comunidade Comunidades (setorização), Estado permanente de missão PISTAS DE AÇÃO GRUPO 1 Partir de cada realidade e suas particularidades, para criar conselhos missionários diocesanos e paroquiais onde ainda não existem, e fortalecer aqueles existentes, para dinamizar

Leia mais

Documento 99 da CNBB. Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Pastoral da Comunicação Araucária, 11 de Fevereiro de 2017

Documento 99 da CNBB. Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Pastoral da Comunicação Araucária, 11 de Fevereiro de 2017 Documento 99 da CNBB Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Pastoral da Comunicação Araucária, 11 de Fevereiro de 2017 Pauta Documento 99 da CNBB no âmbito PAROQUIAL Planejamento integrado de 2017

Leia mais

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral Diocese de Criciúma Plano Diocesano de Pastoral 2012-2016 OBJETIVO GERAL Nós, povo de Deus da Diocese de Criciúma, animados pela Santíssima Trindade, queremos: Evangelizar vivendo em comunidade, como Igreja

Leia mais

SEMANA NACIONAL DA FAMÍLIA Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês L2 615 SUL Tema: MISERICÓRDIA NA FAMÍLIA: DOM E MISSÃO

SEMANA NACIONAL DA FAMÍLIA Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês L2 615 SUL Tema: MISERICÓRDIA NA FAMÍLIA: DOM E MISSÃO Tema Responsáveis Coordenadore s Pregação Domingo 14 de agosto (1) Criados por um Pai Misericordioso. SEMANA NACIONAL DA FAMÍLIA Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês L2 615 SUL

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão.

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Como animadores da comunhão, temos a missão de acolher,

Leia mais

RENOVAÇÃO PAROQUIAL. À luz dos últimos Documentos da Igreja

RENOVAÇÃO PAROQUIAL. À luz dos últimos Documentos da Igreja RENOVAÇÃO PAROQUIAL À luz dos últimos Documentos da Igreja Procedimentos do Encontro Exposição teórica e interativa: Esclarecimento de dúvidas; Partilha da realidade; Contribuições; Reflexão em grupo;

Leia mais

Plano Bienal

Plano Bienal Plano Bienal 2016-2017 Quem somos "Deus manifesta-se numa revelação histórica, no tempo. O tempo inicia os processos, o espaço cristaliza-os. Deus encontra-se no tempo, nos processos em curso. Não é preciso

Leia mais

DIOCESE DE ESTÂNCIA PLANO PASTORAL 2016-2019

DIOCESE DE ESTÂNCIA PLANO PASTORAL 2016-2019 DIOCESE DE ESTÂNCIA PLANO PASTORAL 2016-2019 APRESENTAÇÃO Com o desejo de ser uma Igreja missionária na alegria do Evangelho, a Assembleia Diocesana de Pastoral se reuniu na Chácara São João XXIII, em

Leia mais

Missão da Igreja. Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe

Missão da Igreja. Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe Missão da Igreja Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe Em nossa Igreja devemos oferecer a todos os nossos fiéis um encontro pessoal com Jesus Cristo. DA 226a 2007 A Igreja é comunidade.

Leia mais

Igreja, casa da iniciação à vida cristã

Igreja, casa da iniciação à vida cristã Igreja, casa da iniciação à vida cristã Igreja, casa da iniciação à vida cristã Paulo e Silas anunciaram a Palavra do Senhor ao carcereiro e a todos os da sua casa. E, imediatamente, foi batizado, junto

Leia mais

PLANEJAMENTO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL

PLANEJAMENTO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL PLANEJAMENTO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL OBJETIVO GERAL (todos os blocos) Na primeira parte do planejamento pastoral, apresentamos o rosto de nossa, através dos diagnósticos social e eclesial-pastoral -

Leia mais

42ª Assembleia. Diocesana de Pastoral

42ª Assembleia. Diocesana de Pastoral Comissão Diocesana Especial para o Laicato Bispo: Dom Francisco Carlos Bach Coordenador Diocesano da Ação Evangelizadora: Pe. Sergio da Silva Leigos e Leigas: Adalberto S Oligini; Alice Melz; Carla Maria

Leia mais

DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE

DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE SUBSÍDIOS PASTORAIS CONFORME DMPB E EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PASTORES GREGIS NATUREZA E FINALIDADE Visita pastoral é a que

Leia mais

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos,

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos, PRIMEIRO DIA LADAINHA São Judas Tadeu, Apóstolo de Cristo, Eleito por Jesus, Seguidor do Evangelho, Testemunha do Ressuscitado, Animador das primeiras comunidades, Fiel pregador do Evangelho, Zeloso ministro

Leia mais

COMO IGREJA POVO DE DEUS:

COMO IGREJA POVO DE DEUS: Objetivo Geral: COMO IGREJA POVO DE DEUS: Celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; Aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; Testemunhar Jesus Cristo

Leia mais

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 2- TEMA: Liturgia 3- OBJETIVO GERAL Assessorar as 12 comunidades pertencentes à Paróquia Santo Antônio, motivando-as a celebrar com fé o Mistério

Leia mais

Diretório de Comunicação. Elaboração: Ir. Elide Fogolari

Diretório de Comunicação. Elaboração: Ir. Elide Fogolari Diretório de Comunicação Elaboração: Ir. Elide Fogolari Processo de construção do texto Como foi o processo de criação e aprovação do Diretório de Comunicação da Igreja no Brasil? A partir da concepção

Leia mais

A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE

A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE INTRODUÇÃOODUÇÃO Só uma Igreja missionária e evangelizadora experimenta a fecundidade e a alegria de quem realmente realiza sua vocação. Assumir

Leia mais

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado UMA TENTATIVA RESUMO Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado SÍNTESE Mostra e revela as relações entre elementos

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE Proposta Comissão Diocesana ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE - MATERIAL DIDÁTICO - INSCRIÇÕES (crianças, adolescentes, adultos) - FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS- ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE OBJETIVO: Que a catequese na

Leia mais

Ó Deus, que para comunicar vosso amor aos homens, enviastes seu Filho, Jesus Cristo, e o constituístes Mestre, Caminho, Verdade e Vida da humanidade,

Ó Deus, que para comunicar vosso amor aos homens, enviastes seu Filho, Jesus Cristo, e o constituístes Mestre, Caminho, Verdade e Vida da humanidade, Ó Deus, que para comunicar vosso amor aos homens, enviastes seu Filho, Jesus Cristo, e o constituístes Mestre, Caminho, Verdade e Vida da humanidade, concedei-nos a graça de utilizar os meios de comunicação

Leia mais

VIVER A CATEQUESE BATISMAL. Arquidiocese de Ribeirão Preto

VIVER A CATEQUESE BATISMAL. Arquidiocese de Ribeirão Preto VIVER A CATEQUESE BATISMAL Arquidiocese de Ribeirão Preto O que é Catequese Batismal? A preparação para o Sacramento do Batismo, sem dúvida, é uma tarefa fascinante e necessária à vida pastoral de nossas

Leia mais

PASTORAL DA COMUNICAÇÃO

PASTORAL DA COMUNICAÇÃO PASTORAL DA COMUNICAÇÃO MODELO E PARADIGMA Jesus é o modelo e o paradigma da nossa comunicação. Para aqueles que estiverem comprometidos na comunicação social, quer como responsáveis pelas políticas, como

Leia mais

Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017

Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017 Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017 OBJETIVO GERAL Evangelizar, tendo como modelo Jesus Cristo, rosto da misericórdia e missionário do Pai, na força do Espírito Santo, como Igreja discípula,

Leia mais

Paróquia de Nossa Senhora do Rosário de Fátima Calendário Paroquial 2017/2018

Paróquia de Nossa Senhora do Rosário de Fátima Calendário Paroquial 2017/2018 Paróquia de Nossa Senhora do Rosário de Fátima Calendário Paroquial 2017/2018 10 de setembro, 10h - Reunião mensal de catequistas 10 de setembro, 13h - Almoço de catequistas e respetivas famílias 17 e

Leia mais

Paróquia de Ceira. Plano Pastoral

Paróquia de Ceira. Plano Pastoral Plano Pastoral 2012 13 A Igreja tem no mundo uma missão a cumprir que Lhe foi confiada por Jesus Cristo. Ela tem de tentar ser fiel a essa missão através: Da Profecia, ou o anúncio do Evangelho; Da Diaconia,

Leia mais

DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012

DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012 DIOCESE DE CARAGUATATUBA - CALENDÁRIO 2012 Janeiro 19 Cáritas reunião diocesana 24 Café da Manhã Jornalistas 29 CF capacitação coord. paroquiais Fevereiro 04 - Focolare reunião Paróquia Santo Antonio 16h30

Leia mais

Mês. Mariano UM CRISTÃO SEM MARIA ESTÁ ÓRFÃO. TAMBÉM UM CRISTÃO SEM A IGREJA É UM ÓRFÃO. PAPA FRANCISCO

Mês. Mariano UM CRISTÃO SEM MARIA ESTÁ ÓRFÃO. TAMBÉM UM CRISTÃO SEM A IGREJA É UM ÓRFÃO. PAPA FRANCISCO Mariano PARÓQUIA SÃO PEDRO PESCADOR Mês UM CRISTÃO SEM MARIA ESTÁ ÓRFÃO. TAMBÉM UM CRISTÃO SEM A IGREJA É UM ÓRFÃO. UM CRISTÃO PRECISA DESTAS DUAS MULHERES, DUAS MULHERES MÃES, DUAS MULHERES VIRGENS: A

Leia mais

P A R Ó Q U I A S A N T O A N T Ô N I O (PSA)

P A R Ó Q U I A S A N T O A N T Ô N I O (PSA) P A R Ó Q U I A S A N T O A N T Ô N I O (PSA) CENTRO FLORIANÓPOLIS - SANTA CATARINA - BRASIL PLANO PASTORAL DA PARÓQUIA (PPP) PARA 2014 APRESENTAÇÃO O planejamento pastoral realizado nos últimos anos resultou

Leia mais

PESQUISA 5ª ASSEMBLEIA DO POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE. Pré - Relatório

PESQUISA 5ª ASSEMBLEIA DO POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE. Pré - Relatório PESQUISA 5ª ASSEMBLEIA DO POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE Pré - Relatório Algumas observações 2 Este documento trata de um pré-relatório da Pesquisa 5ª Assembleia do Povo de Deus. Os dados

Leia mais

O QUE É A PASTORAL DA COMUNICAÇÃO? - A PASCOM é a pastoral que comunica o evangelho.

O QUE É A PASTORAL DA COMUNICAÇÃO? - A PASCOM é a pastoral que comunica o evangelho. O QUE É A PASTORAL DA COMUNICAÇÃO? - A PASCOM é a pastoral que comunica o evangelho. O anúncio fundamental é: - O amor pessoal de Deus que Se fez homem, entregou-se a Si mesmo por nós e, vivo, oferece

Leia mais

CALENDÁRIO PAROQUIAL JANEIRO FEVEREIRO. 4 Sábado Início da Catequese Infantil Paroquial Comunidades

CALENDÁRIO PAROQUIAL JANEIRO FEVEREIRO. 4 Sábado Início da Catequese Infantil Paroquial Comunidades 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 CALENDÁRIO PAROQUIAL - 2017 JANEIRO 6 6ª Feira Aniversário Dom Joaquim Mol 9 2ª Feira Encontro de Evangelização - Terço dos Homens Paroquial Comunidades 15 Domingo Festa

Leia mais

Conversa de Formigas Uma formiga conversando com outra: -Qual é o seu nome? -Fu. -Fu o que? -Fu miga. E você? -Ota. -Ota o que?

Conversa de Formigas Uma formiga conversando com outra: -Qual é o seu nome? -Fu. -Fu o que? -Fu miga. E você? -Ota. -Ota o que? Conversa de Formigas Uma formiga conversando com outra: -Qual é o seu nome? -Fu. -Fu o que? -Fu miga. E você? -Ota. -Ota o que? -Ota fu miga Metodologia de uma Escola Bíblico-Catequética Método. [do gr.

Leia mais

Planificação Anual 10º ano da catequese

Planificação Anual 10º ano da catequese Finalidade: Descobrir-se Cristão : Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Planificação Anual 10º ano da 1º Creio em Conhecer Confrontar com valores de caridade, amor,

Leia mais

Plano Arquidiocesano de Pastoral

Plano Arquidiocesano de Pastoral Plano Arquidiocesano de Pastoral 2013-2015 www.arquidiocesedepalmas.org.br Plano Arquidiocesano de Pastoral 2013-2015 é uma publicação da Pastoral da Comunicação. Arte da capa: Thiago Pio Diagramação e

Leia mais

PROJETO DIOCESANO DA PASCOM

PROJETO DIOCESANO DA PASCOM PROJETO DIOCESANO DA PASCOM Petrópolis, 17 de maio de 2015 Projeto Diocesano da Pascom 1. Contextualização 2. Apresentação 3. Justificativa 4. Objetivos 4.1. Objetivos Gerais 4.2. Objetivos Específico

Leia mais

DIOCESE DE GUARAPUAVA

DIOCESE DE GUARAPUAVA DIOCESE DE GUARAPUAVA Diretrizes gerais da Diocese de Guarapuava para Conselhos Pastorais Documento de estudos Assembleia Diocesana 1- Será realizada anualmente seguindo a seguinte ordem: 1.1- Assembleia

Leia mais

CARTA DO 3º ESCOLÃO VIVENCIAL DA DIOCESE DE CAMPO MOURÃO

CARTA DO 3º ESCOLÃO VIVENCIAL DA DIOCESE DE CAMPO MOURÃO CARTA DO 3º ESCOLÃO VIVENCIAL DA DIOCESE DE CAMPO MOURÃO Realizado na cidade de Corumbataí do Sul/PR no dia 02 de agosto de 2015 DOCUMENTO FINAL CARTA DA DIOCESE DE CAMPO MOURÃO/PR Nós, cursilhistas da

Leia mais

CATEQUESE: A ALEGRIA DO ENCONTRO COM JESUS CRISTO

CATEQUESE: A ALEGRIA DO ENCONTRO COM JESUS CRISTO CATEQUESE: A ALEGRIA DO ENCONTRO COM JESUS CRISTO Apresentação do documento de trabalho para os coordenadores da catequese PROPOSTA DE LEITURA E METODOLOGIA Como surgiu? Um novo documento era pedido pelos

Leia mais

Paróquia, torna-te o que tu és.

Paróquia, torna-te o que tu és. Paróquia, torna-te o que tu és. Leitura do Questionário sobre a realidade paroquial na Região Episcopal Sé Entendendo o questionário Contexto Objetivos Dificuldades Estrutura e aspectos Leitura dos resultados

Leia mais

CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO ATIVIDADES REGIONAIS

CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO ATIVIDADES REGIONAIS CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL CNBB REGIONAL SUL 2 CALENDÁRIO 2016 - ATIVIDADES REGIONAIS DATA REALIZAÇÃO EVENTO LOCAL JANEIRO 26 a 28 COMUNIDADES ECLESIAIS DE BASE SEMINÁRIO DE ASSESSORES NACIONAL

Leia mais

Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia

Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia Arquidiocese de São Salvador da Bahia Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia 2015 2019 O Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida como resgate em favor

Leia mais

DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc

DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc 79-2004 O trabalho da PF é amplo e abrangente; principal enfoque é PROMOVER, FORTALECER e EVANGELIZAR a família. Uma das principais ações: UNIR ESFORÇOS PARA QUE A FAMÍLIA

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

Na teoria, parece ser um passo fácil de se dar, mas na prática não é simples. Pois exige:

Na teoria, parece ser um passo fácil de se dar, mas na prática não é simples. Pois exige: Apresentação Há pouco mais de três anos, nossa Igreja de Curitiba decidiu iniciar um caminho de experiências missionárias em nossas comunidades paroquiais. Tomamos a peito esta tarefa de nos colocar em

Leia mais

Bem Vindo a Casa! Também tu és nossa família...

Bem Vindo a Casa! Também tu és nossa família... Bem Vindo a Casa! Também tu és nossa família... calendário paroquial 2014-2015 Anuário da Paróquia de Nossa Senhora da Graça Página 2 de 20 NOTA DE ABERTURA Bem vindo a casa... Nos 40 anos da restauração

Leia mais

Coordenação Pastoral

Coordenação Pastoral Coordenação Pastoral Necessidade de um Coordenador Arquidiocesano de Pastoral. Dom Jaime colocou esta função como necessária. Diz ele: Falta um plano diocesano de Pastoral, com linhas de ação em comum..

Leia mais

Conselho Arquidiocesano de Pastoral

Conselho Arquidiocesano de Pastoral Conselho Arquidiocesano de Pastoral Capítulo 1 Marco histórico-eclesial Marco Histórico-Eclesial (VER-JULGAR-AGIR) OS LEIGOS NA ÉPOCA DA CRISTANDADE... A presença e organização dos leigos buscou sempre

Leia mais

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus Paróquia missionária comunidades de comunidades Animada pela Palavra de Deus Renovação paroquial Toda paróquia é chamada a ser o espaço onde se recebe e se acolhe a Palavra (172). Sua própria renovação

Leia mais

CNLB. Conselho Nacional do Laicato do Brasil

CNLB. Conselho Nacional do Laicato do Brasil CNLB Conselho Nacional do Laicato do Brasil Somos leigos e leigas... - Marcados pelo batismo, a maior parcela do Povo de Deus = Igreja - Corresponsáveis pela missão de Jesus = Igreja - De maneira singular,

Leia mais

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS Janeiro 06 Dia de Reis apoio aos Grupos de Folia na 24-16h Celebração Ecumênica - lanche oferecido pelos

Leia mais

A atuação na Pascom na ótica do Diretório de comunicação. Elaboração: Ir. Elide Fogolari

A atuação na Pascom na ótica do Diretório de comunicação. Elaboração: Ir. Elide Fogolari A atuação na Pascom na ótica do Diretório de comunicação Elaboração: Ir. Elide Fogolari Comunicação na Igreja: a atuação da Pascom (Capitulo 10) A pastoral da comunicação se estrutura a partir do Diretório

Leia mais

Dom José Manuel Garcia Cordeiro, por mercê de Deus e da Sé Apostólica, 44º Bispo de Bragança-Miranda

Dom José Manuel Garcia Cordeiro, por mercê de Deus e da Sé Apostólica, 44º Bispo de Bragança-Miranda Dom José Manuel Garcia Cordeiro, por mercê de Deus e da Sé Apostólica, 44º Bispo de Bragança-Miranda DECRETO Nº02/2014 Os Ministros Extraordinários da Comunhão Aos que este decreto virem, saúde e bênção.

Leia mais

CALENDÁRIO DIOCESANO PARA O ANO Aprovado na V Assembleia Diocesana de Pastoral. Bodocó, 08 de novembro de JANEIRO/ 2016 DATA EVENTO LOCAL

CALENDÁRIO DIOCESANO PARA O ANO Aprovado na V Assembleia Diocesana de Pastoral. Bodocó, 08 de novembro de JANEIRO/ 2016 DATA EVENTO LOCAL CALENDÁRIO DIOCESANO PARA O ANO 2016 Aprovado na V Assembleia Diocesana de Pastoral Bodocó, 08 de novembro de 2015. JANEIRO/ 2016 02 Posse do Pe. Domingos Malan na Paróquia N. Sra. do Bom Conselho Granito

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA 1 2 ORIENTAÇÕES PARA A CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS DOCUMENTO DA CNBB - 52 3 SENTIDO LITÚRGICO DA CELEBRAÇÃO

Leia mais

GUIA PARA PROGRAMAÇÃO ANUAL

GUIA PARA PROGRAMAÇÃO ANUAL ESCOLÁPIOS BRASIL GUIA PARA PROGRAMAÇÃO ANUAL ESCOLÁPIOS BRASIL MOVIMENTO CALASANZ GUIA PARA PROGRAMAÇÃO ANUAL Este guia pretende ser uma ajuda para programar, de forma muito prática, simples e útil,

Leia mais

Programas de Pastoral

Programas de Pastoral Programas de Pastoral PROGRAMA CULTURA VOCACIONAL Caderno 5 02 1. Apresentação Na INSA a Animação Vocacional tem por finalidade trabalhar a cultura vocacional e o despertar do jovem para a vocação no sentido

Leia mais

15/8/2011. Dom Dimas MINISTÉRIO DO CATEQUISTA. Apresentação (D. Eugênio Rixen)

15/8/2011. Dom Dimas MINISTÉRIO DO CATEQUISTA. Apresentação (D. Eugênio Rixen) MINISTÉRIO DO CATEQUISTA Dom Dimas Mesmo crescendo o número de serviços eclesiais, o do catequista ainda é necessário e fundamental e com características peculiares (RM 73). Isto vem sendo estudado e refletido

Leia mais

calendário pastoral calendário pastoral

calendário pastoral calendário pastoral calendário calendário JANEIRO 01/01/ -- Santa Maria 03/01/ -- Epifania 05/01/ 21 horas Chegada da Imagem Peregrina de Aparecida Catedral Metropolitana de Vitória Arquidiocese de Vitória 08/01/ 19h - 23h

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO. ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS TEMA: OS RITOS E OS RITUAIS : OS SETE SACRAMENTOS DA IGREJA. CAPÍTULOS 9 AO 12 DO LIVRO DIDÁTICO (RSE). Professor: Roberto

Leia mais

Onde Situar a Catequese hoje?

Onde Situar a Catequese hoje? Onde Situar a Catequese hoje? Qual é o nosso conceito de catequese? Conceito amplo Itinerário amplo Conceito estrito Limitado ao momento do encontro A CATEQUESE É UMA AÇÃO ESSENCIALMENTE EDUCATIVA AÇÃO

Leia mais

Sugestões de Atividades

Sugestões de Atividades 19 de junho de 2009 a 19 de Junho de 2010 Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote! Sugestões de Atividades Arquidiocese de Florianópolis www.arquifln.org.br Oração pelas Vocações Jesus, mestre divino,

Leia mais

Agenda Pastoral 2016

Agenda Pastoral 2016 Arquidiocese de Ribeirão Preto Agenda Pastoral 2016 Janeiro 03/01 - Domingo - Epifania do Senhor 09/01 - Sábado - Capacitação para Agentes da CFE-2016 - Seminário - Brodowski 10/01 - Domingo - Batismo

Leia mais

Cronograma das Missas nas Comunidades Urbanas e Rurais

Cronograma das Missas nas Comunidades Urbanas e Rurais Agenda Paroquial 2017 Cronograma das Missas nas s Urbanas e Rurais 1ª terça-feira 2ª terça-feira 3ª terça-feira 1ª quinta-feira 2ª quinta-feira 3ª quinta-feira Última quinta-feira Gameleira Zona Rural

Leia mais

Arquidiocese de Ribeirão Preto

Arquidiocese de Ribeirão Preto ENCONTRO DA PASTORAL DO DÍZIMO Arquidiocese de Ribeirão Preto Casa Dom Luís Brodowski 19 e 20 de Agosto 2017 CNBB Conferência Nacional dos Bispos do Brasil CNBB 14 Outubro de 1952 1º Presidente: Dom Carlos

Leia mais

Povo e Membros Ir. Bernardo Casa São Francisco - Umª

Povo e Membros Ir. Bernardo Casa São Francisco - Umª AGOSTO: 02-09- 16-23 - 30 DATA HORA ATIVIDADE PARTICIPANTES RESPONSÁVEL LOCAL Reunião Diocesana: Pastoral dos Adolescentes Equipe Diocesana Marileide e Ir. Fátima P. Catedral - Umª Sáb. - 01 Retiro Aprofundamento

Leia mais

Diocese de Campo Limpo São Paulo - SP

Diocese de Campo Limpo São Paulo - SP São - SP 01 Sábado, 8h 11h30 Formação do Ministério de Cura e Libertação da Santuário Santa 8h 16h RCC Terezinha Formação do Ministério de Pregação da RCC Sala Santa Edwiges 8h30 11h30 CDP Conselho Diocesano

Leia mais

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO 1 CATEQUESE VOCACIONAL 1. ACOLHIMENTO 2. ORAÇÃO INICIAL: A catequese deve iniciar sempre com uma oração conjunta: Todos de pé rezamos pedindo ao Senhor que continue a chamar jovens para a vida sacerdotal

Leia mais

Vogal de Formação Cadernos de Serviços

Vogal de Formação Cadernos de Serviços Vogal de Formação Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: Para uma vivência cristã plena, o jovem necessita de se formar como tal, num ritmo de formação contínuo adaptado

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos SETEMBRO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

CATEQUESE JUNTO A PESSOA COM DEFICIÊNCIA (RPII)

CATEQUESE JUNTO A PESSOA COM DEFICIÊNCIA (RPII) CATEQUESE JUNTO A PESSOA COM DEFICIÊNCIA (RPII) A CATEQUESE A catequese é considerada pela Igreja o que não pode faltar em nenhuma comunidade. Porem dentro da catequese encontramos uma grande deficiência

Leia mais

Janeiro S 03 T. 04 Q Curso de Formadores. 05 Q Curso de Formadores. Curso de Formadores Solenidade - Epifania do Senhor 06 S

Janeiro S 03 T. 04 Q Curso de Formadores. 05 Q Curso de Formadores. Curso de Formadores Solenidade - Epifania do Senhor 06 S Janeiro 2017 0 1 02 S 03 T D Santa Maria, Mãe de Deus - Missas às 09h - São João Batista, 11h - São Roque/Imaculada e 19 h - São Judas Tadeu Confraternização Universal 04 Q Curso de Formadores 05 Q Curso

Leia mais

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO A Gestão Participativa, com a construção de múltiplos canais de consulta, com a participação em decisões, com o controle Social,

Leia mais

A VIDA NOVA EM CRISTO: UMA EXISTÊNCIA HUMANA COM SENTIDO E ESPERANÇA

A VIDA NOVA EM CRISTO: UMA EXISTÊNCIA HUMANA COM SENTIDO E ESPERANÇA A VIDA NOVA EM CRISTO: UMA EXISTÊNCIA HUMANA COM SENTIDO E ESPERANÇA Coleção Catequese Caminho de iniciação à vida cristã: elementos fundamentais, João Panazzolo Catequese e liturgia: duas faces do mesmo

Leia mais

INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL

INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL Feminino: 291 inqueridos Masculino: 179 inqueridos 1. ESTRUTURA PAROQUIAL Que conhecimento se tem sobre os espaços para a vivência da fé: a) Capela 90/61 32/21 51/31

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE CALASANZ PADRES ESCOLÁPIOS Feu Rosa, Vila Nova de Colares e Nova Zelândia - SERRA (ES) AGENDA ANUAL 2014

PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE CALASANZ PADRES ESCOLÁPIOS Feu Rosa, Vila Nova de Colares e Nova Zelândia - SERRA (ES) AGENDA ANUAL 2014 PARÓQUIA SÃO JOSÉ DE CALASANZ PADRES ESCOLÁPIOS Feu Rosa, Vila Nova de Colares e Nova Zelândia - SERRA (ES) AGENDA ANUAL 2014 Organização das pastorais e equipes para uma melhor evangelização Seg Ter Qua

Leia mais

SEMANA SANTA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA LUZ COMUNIDADES DA MATRIZ E DA BARREIRA

SEMANA SANTA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA LUZ COMUNIDADES DA MATRIZ E DA BARREIRA SEMANA SANTA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA LUZ COMUNIDADES DA MATRIZ E DA BARREIRA A Paróquia de Nossa Senhora da luz, através das Comunidades da Matriz e da Barreira, convida você e sua família que reside

Leia mais

Paróquia São João Batista Imaruí Cronograma de Março / 2017

Paróquia São João Batista Imaruí Cronograma de Março / 2017 Paróquia São João Batista Imaruí Cronograma de Março / 2017 Dia Semana Hora Atividade Local 01 Quarta Quarta-feira de Cinzas Início da Quaresma Início do Tempo de Penitência e de Conversão Abertura da

Leia mais

PRIMEIRA URGÊNCIA: IGREJA EM ESTADO PERMANENTE DE MISSÃO SEGUNDA URGÊNCIA: IGREJA CASA DE INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ

PRIMEIRA URGÊNCIA: IGREJA EM ESTADO PERMANENTE DE MISSÃO SEGUNDA URGÊNCIA: IGREJA CASA DE INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ Arquidiocese de Fortaleza Região Episcopal Nossa Senhora da Conceição Paróquia Santíssima Trindade SÍNTESE ASSEMBLEIA PAROQUIAL 2012 Local: Casa de Retiro Diácono Calby-(Eusébio-Aquiraz) Data: 13,14 e

Leia mais

JANEIRO DE 2016 FEVEREIRO DE 2016

JANEIRO DE 2016 FEVEREIRO DE 2016 JANEIRO DE 2016 1/1/2016 -- Santa Maria 1/3/2016 -- Epifania 1/5/2016 21 horas Chegada da Imagem Peregrina de Aparecida Catedral Metropolitana de Vitória Arquidiocese de Vitória 1/8/2016 19h - 23h Luau

Leia mais

A comunicação da Igreja no Brasil na ótica do Diretório de Comunicação

A comunicação da Igreja no Brasil na ótica do Diretório de Comunicação A comunicação da Igreja no Brasil na ótica do Diretório de Comunicação Uma longa história de vivência e exercício da ação evangelizadora como prática de comunicação no Brasil 1963 - Inter mirifica, fruto

Leia mais

Membros Decano Cruzeiro do Oeste

Membros Decano Cruzeiro do Oeste SETEMBRO: 06-13 - 20-27 DATA HORA ATIVIDADE PARTICIPANTES RESPONSÁVEL LOCAL Ter. - 01 15h às 22h Adoração ao Santíssimo Sacramento, pelo Clero e vocações Sacerdotais Comunidade Comunidades/Past./Mov./

Leia mais

INSTRUMENTO DE TRABALHO ETAPA ARQUIDIOCESANA 15/10/2016

INSTRUMENTO DE TRABALHO ETAPA ARQUIDIOCESANA 15/10/2016 INSTRUMENTO DE TRABALHO ETAPA ARQUIDIOCESANA 15/10/2016 Deus mostrou seu rosto amoroso na história do mundo e por ele se comoveu, envolvendose com ele (cf. Ex 3,7). Mostrou-se, de maneira definitiva, em

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

O que percebemos... - Ausência da família - Formação do catequista - Adultos que não são prioridades - Pouco envolvimento do clero - Catequese para os sacramentos - Rotatividade dos catequistas

Leia mais

A COMUNICAÇÃO EVANGELIZADORA

A COMUNICAÇÃO EVANGELIZADORA A COMUNICAÇÃO EVANGELIZADORA Dom Vilson Dias de Oliveira, DC Diocese de Limeira SP Bispo referencial da Comunicação no Regional Sul 1 da CNBB domvilson@uol.com.br A importância da formação para a comunicação

Leia mais

LITURGIA DA PALAVRA II

LITURGIA DA PALAVRA II LITURGIA DA PALAVRA II José Carlos Pereira Liturgia da Palavra II Reflexões para os domingos, solenidades, festas e memórias Direção editorial: Claudiano Avelino dos Santos Assistente editorial: Jacqueline

Leia mais

ANO DO LAICATO. 26 de novembro de 2017 a 25 de novembro de SOLENIDADE DE CRISTO REI Dia Nacional dos Cristãos Leigos e Leigas

ANO DO LAICATO. 26 de novembro de 2017 a 25 de novembro de SOLENIDADE DE CRISTO REI Dia Nacional dos Cristãos Leigos e Leigas ANO DO LAICATO 26 de novembro de 2017 a 25 de novembro de 2018 SOLENIDADE DE CRISTO REI Dia Nacional dos Cristãos Leigos e Leigas 275, letra i: Realizar o Ano do Laicato, comemorando os 30 anos do Sínodo

Leia mais

NIVEIS ECLESIAIS DE COORDENAÇÃO E SEUS RESPECTIVOS PRIMEIROS RESPONSAVEIS

NIVEIS ECLESIAIS DE COORDENAÇÃO E SEUS RESPECTIVOS PRIMEIROS RESPONSAVEIS Capítulo II NIVEIS ECLESIAIS DE COORDENAÇÃO E SEUS RESPECTIVOS PRIMEIROS RESPONSAVEIS Introdução IGREJA: UMA COMUNIDADE TODA MINISTERIAL A Igreja é comunhão de pessoas para ser Sacramento de Comunhão (LG

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA AGENDA PASTORAL Dia Semana Hora Atividade Local 1 Domingo Solenidade da Santíssima Mãe de Deus Maria

ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA AGENDA PASTORAL Dia Semana Hora Atividade Local 1 Domingo Solenidade da Santíssima Mãe de Deus Maria ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA AGENDA PASTORAL 2017 O Secretariado de Pastoral está republicando, hoje, 25 de janeiro, a Agenda Pastoral da Arquidiocese de Fortaleza, com novas datas provenientes de coordenações

Leia mais

Propostas 2013 2016. Dr. Marcos Norjosa

Propostas 2013 2016. Dr. Marcos Norjosa Propostas 2013 2016 As propostas do candidato a Prefeito Dr. Marcos têm como meta principal o bem estar do povo de Pacoti, assim como seu desenvolvimento social e financeiro. Este plano de governo é resultado

Leia mais

Diocese de Campo Limpo SP Coragem, levanta-te e anda

Diocese de Campo Limpo SP Coragem, levanta-te e anda 16 Sexta-feira Padres da Forania São José e São Luiz Par. Santo Antônio Memórias de 37ª Assembleia das Igrejas Particulares do Itaici Início: 12h Santa e Regional Sul 1 da CNBB (16 a 18.10.15) Santa Margarida

Leia mais

Plano Diocesano da Pastoral da Juventude Diocese de Chapecó/SC

Plano Diocesano da Pastoral da Juventude Diocese de Chapecó/SC Plano Diocesano da Pastoral da Juventude Diocese de Chapecó/SC 2007 2009 Apresentação Os jovens devem sentir que são Igreja experimentando a como lugar de comunhão e participação. (Puebla 1184) A evangelização

Leia mais

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal ITINERÁRIO CATEQUÉTICO Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal COMO É PROPOSTO O PROCESSO CATEQUÉTICO NO ITINERÁRIO? O Itinerário orienta a construção do processo catequético conforme

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA REGIÃO NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO AGENDA PASTORAL 2017

ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA REGIÃO NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO AGENDA PASTORAL 2017 ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA REGIÃO NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO AGENDA PASTORAL 2017 FEVEREIRO 4 Sábado 14h30-17h Encontro com os Ministros da Palavra Centro de Formação - 14 Terça 9h - 12h Encontro do Clero

Leia mais

TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO. Formadora: Helena Gaia

TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO. Formadora: Helena Gaia TEMA: O MANUAL DO MISSIONÁRIO Formadora: Helena Gaia A VISITA MISSIONÁRIA O QUE É VISITAR? É sair de si e ir ao encontro do outro, reconhecendo que ele existe; É ser mensageiro de Deus, portadores da Boa

Leia mais

Diocese de Petrópolis Calendário Paroquial 2017

Diocese de Petrópolis Calendário Paroquial 2017 Diocese de Petrópolis Calendário Paroquial 2017 0 JANEIRO 01 Dom - Santa Maria, Mãe de Deus Dia Mundial da Paz 03 a 16 - Férias dos seminaristas diocesanos no Sítio Oriente 09 2ª. F - Confraternização

Leia mais

Calendário Janeiro. Fevereiro. São Paulo da Cruz - Calvário 20/02 qui 14h00 Equipe Regional de Comunicação Região Sé

Calendário Janeiro. Fevereiro. São Paulo da Cruz - Calvário 20/02 qui 14h00 Equipe Regional de Comunicação Região Sé Calendário 2014 Janeiro 01/01 qua Confraternização Universal 01/01 qua Solenidade da Santa Mãe de Deus 22 a 24 --- Triduo para a Festa de São Paulo Catedral da Sé 25/01 sáb 09h00 Celebração da Festa de

Leia mais

18h30 Santa Missa - (Novena de São José) Comunidade Pe. Marcos/Pe. Cícero Igreja 20h00 Grupo Resgate Comunidade Coord. Do grupo Salão Paroquial

18h30 Santa Missa - (Novena de São José) Comunidade Pe. Marcos/Pe. Cícero Igreja 20h00 Grupo Resgate Comunidade Coord. Do grupo Salão Paroquial JULHO: 05-12 - 19-26 DATA HORA ATIVIDADE PARTICIPANTES RESPONSÁVEL LOCAL Qua. - 01 Qui. - 02 Sex. - 03 18h30 Santa Missa - (Novena de São José) 15h00 Missa Sagrado Coração de Jesus Pe. Marcos/Pe. Cícero

Leia mais