UNIDADES CERTIFICADAS: PORTO ALEGRE E VIAMÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIDADES CERTIFICADAS: PORTO ALEGRE E VIAMÃO"

Transcrição

1

2

3 A FERRAMENTAS GERAIS Fundada em 1957,a Ferramentas Gerais (FG) é hoje líder nacional em suprimentos destinados à Manutenção,Reparo e Operação (MRO) para os mais variados segmentos industriais e de serviços. São mais de 127 mil m² de área construída entre lojas e depósitos onde trabalham cerca de colaboradores, sendo mais de 800 na área Comercial,qualificados para o atendimento nos canais Loja,Televendas ou Vendas Externas.O sistema de gestão da FG,em Porto Alegre e Viamão,é certificado pela ISO 9001:2008,o que atesta a qualidade dos serviços oferecidos pela empresa a seus clientes. AFG é a maior fornecedora de soluções em MRO do país.trabalha diretamente com mais de 900 fornecedores. São 130 mil itens que atendem, das grandes indústrias ao hobbysta, passando por prestadores de serviços e empresas de diversos setores.e tem mais: a FG também é importante fornecedora de materiais elétricos,máquinas e metais,além de possuir um canal exclusivo de atendimento ao setor atacadista. A empresa conta com uma área de Promotoria Técnica, formada por profissionais especializados,com experiência de mercado e profundo conhecimento sobre as 16 linhas de produtos da FG. Uma equipe que garante o alto nível dos treinamentos,demonstrações técnicas e desenvolvimento de soluções que estão sempre disponíveis para você. Tudo isso faz a Ferramentas Gerais manter sua missão de ser uma empresa focada no fornecimento de soluções completas para MRO, agregando valor a seus clientes e proporcionando retorno aos acionistas, aos colaboradores e à sociedade. Em sua divisão de Metais,a Ferramentas Gerais possui um estoque direcionado às necessidades do clientes,com ampla disponibilidade de barras, vigas, tubos de metais e plásticos industriais. Com uma logística ágil e eficiente, utilizando pontes rolantes de última geração que auxiliam no armazenamento de insumos, a empresa propicia à indústria um atendimento diferenciado. UNIDADES CERTIFICADAS: PORTO ALEGRE E VIAMÃO Viamão - RS

4 Atendimento Vendas Externas A Ferramentas Gerais possui uma equipe especializada de vendedores externos para facilitar o atendimento de seus clientes.consulte o vendedor de sua região em: Televendas Com mais de 240 posições de atendimento, as centrais de Televendas da FG estão preparadas para atender a clientes de todo o Brasil, através de um sistema de informações on-line que garante consultas rápidas sobre estoques, preços e entregas. Loja Com um sistema de autos-serviço e check-out rápido e descomplicado, as lojas da FG materializam o conceito de atendimento personalizado e de qualidade. O layout funcional facilita a localização dos produtos, proporcionando uma compra rápida e segura. LojaVirtual A Ferramentas Gerais possui uma forte operação de vendas pela Internet, possibilitando a consumidores de todo o país acesso aos produtos e serviços oferecidos pela empresa durante as 24 horas do dia. A Loja Virtual atende empresas e consumidores finais,prezando pela agilidade e compromisso na entrega dos produtos em todo o território nacional.visite: DemonstraçãoTécnica A Ferramentas Gerais dispõe de uma equipe de Promotores Técnicos, aptos a realizar treinamentos, demonstrações e desenvolvimento junto às linhas de produção e manutenção. Disponibiliza o serviço de entrega técnica, com acompanhamento de montagem e instruções de uso de equipamentos de tecnologia.

5 Sumário 1. AÇOS PARA CONSTRUÇÃO MECÂNICA E CIVIL Vigas e Perfis...06 Vigas W (Perfis I)...07 Vigas W (Perfis H)...07 Viga I...08 Viga U...08 Barra Chata...10 Cantoneira de Abas Iguais...11 Aços ao Carbono...11 Aços ao carbono...11 Aços para usinagem fácil...19 Aços para beneficiamento...21 Aços para cementação...24 Tubos Mecânicos...25 Aço Tubo Mecânico sem Costura...25 Aço Tubo Mecânico Laminado...26 Aço Tubo Mecânico Trefilado...27 Tubos de Aço Pretos e Galvanizados para Condução...28 Tubos de condução com costura pretos...28 Tubos de condução com costura galvanizados FERROS FUNDIDOS Ferro fundido (FEFO) cinzento...29 Ferro fundido (FEFO) nodular PLÁSTICOS INDUSTRIAIS E MATERIAIS SINTÉTICOS Nylon...45 Polietileno...48 Polipropileno...50 Poliacetal...51 PTFE...52 Poliuretano...53 Celeron...54 Fenolit...55 Lã de Vidro PRODUTOS PARA VEDAÇÃO E ISOLAMENTO TÉRMICO Gaxetas...57 Papelões Hidráulicos...58 Graflex...60 Produtos em PTFE...60 Juntas Metálicas...61 Isolamento Térmico...62 Outros Produtos Teadit...62 IDENTIFICAÇÃO DOS METAIS FERRAMENTAS GERAIS METAIS NÃO FERROSOS Bronze...33 Bronze TM Bronze fosforoso...36 Bronze grafitado...36 Cobre...37 Cobre meio duro...37 Cobre recozido...39 Cobre cromo...39 Latão...40 Latão meio duro...40 Latão recozido...42 Chumbo...42 Estanho...44 Metal Patente...44 ORIENTAÇÕES DE VENDA MÍNIMA E CORTE DOS PRODUTOS DA LINHA METAIS...64

6 1. AÇOS PARA CONSTRUÇÃO MECÂNICA E CIVIL A FG Metais oferece aos seus clientes uma ampla linha de aços para construção mecânica e civil, como vigas e perfis, aços redondos, quadrados e sextavados, além de tubos mecânicos e de condução. Vigas e Perfis Aplicações: Na construção civil, as vigas e perfis são aplicados em estruturas de edifícios, shoppings, ginásios esportivos, estádios de futebol,pontes,viadutos,fundações,entre outros.na indústria,são utilizados na construção de silos,galpões,estruturas de máquinas,pontes rolantes,chassis e em diversos segmentos da indústria naval,mineradora e petrolífera. Perfis Estruturais Laminados (Vigas W HP) Peças homogêneas provenientes do processo de laminação a quente nas formas I e H,com abas paralelas sem soldas que permitem melhores soluções de ligações,encaixes e acabamentos estruturais. Material certificado com garantia de qualidade,seguindo rigorosamente as especificações das normas ABNT NBR 15980:2011 e ASTM A6/A6M,disponíveis em aço ASTM A572 Grau 50. Ampla variedade de bitolas,de 150 a 610 mm (6 a 24 polegadas),comercializadas nos comprimentos de 12 metros ou 6 metros. Y Propriedades Mecânicas das Vigas W-HP Limite de Escoamento (Mpa) Limite de Resistência (Mpa) Alongamento após ruptura, % (lo=200 mm) ASTM A 572 Grau mín. 450 mín. 18 mín. AÇO COR mín. 500 mín. 18 mín. d d' R tw h X tf bf Aços para construção mecânica e civil

7 Vigas W (Perfis I) BITOLA (mm x kg/m) W 150 x 13,0 W 150 x 18,0 W 150 x 24,0 W 200 x 15,0 W 200 x 19,3 W 200 x 22,5 W 200 x 26,6 W 200 x 31,3 W 250 x 17,9 W 250 x 22,3 W 250 x 25,3 W 250 x 28,4 W 250 x 32,7 W 250 x 38,5 W 250 x 44,8 W 310 x 21,0 W 310 x 23,8 W 310 x 28,3 W 310 x 32,7 W 310 x 38,7 W 310 x 44,5 W 310 x 52,0 W 360 x 32,9 W 360 x 39,0 W 360 x 44,0 W 360 x 51,0 W 360 x 57,8 W 360 x 64,0 W 360 x 72,0 Massa ,3 22,5 26,6 31,3 17,9 22,3 25,3 28,4 32,7 38,5 44, ,8 28,3 32,7 38,7 44, , , d bf tw 4,3 5,8 6,6 4,3 5,8 6,2 5,8 6,4 4,8 5,8 6,1 6,4 6,1 6,6 7,6 5,1 5,6 6 6,6 5,8 6,6 7,6 5,8 6,5 6,9 7,2 7,9 7,7 8,6 tf 4,9 7,1 10,3 5,2 6,5 8,0 8,4 10,2 5,3 6,9 8,4 10,0 9,1 11,2 13,0 5,7 6,7 8,9 10,8 9,7 11,2 13,2 8,5 10,7 9,8 11,6 13,1 13,5 15,1 h d' BITOLA (mm x kg/m) W 360 x 79,0 W 410 x 38,8 W 410 x 46,1 W 410 x 53,0 W 410 x 60,0 W 410 x 67,0 W 410 x 75,0 W 410 x 85,0 W 460 x 52,0 W 460 x 60,0 W 460 x 68,0 W 460 x 74,0 W 460 x 82,0 W 460 x 89,0 W 460 x 106,0 W 530 x 66,0 W 530 x 72,0 W 530 x 74,0 W 530 x 82,0 W 530 x 85,0 W 530 x 92,0 W 530 x 101,0 W 610 x 101,0 W 610 x 113,0 W 610 x 125,0 W 610 x 140,0 W 610 x 155,0 W 610 x 174,0 Massa 79 38,8 46, d bf tw 9,4 6,4 7 7,5 7,7 8,8 9,7 10,9 7,6 8 9,1 9 9,9 10,5 12,6 8,9 9 9,7 9,5 10,3 10,2 10,9 10,5 11,2 11,9 13,1 12,7 14 tf 16,8 8,8 11,2 10,9 12,8 14, ,2 10,8 13,3 15,4 14, ,7 20,6 11,4 10,9 13,6 13,3 16,5 15,6 17,4 14,9 17,3 19,6 22, ,6 h d' Vigas W (Perfis H) BITOLA (mm x kg/m) W 150 x 22,5 (H) W 150 x 29,8 (H) W 150 x 37,1 (H) W 200 x 35,9 (H) W 200 x 41,7 (H) W 200 x 46,1 (H) W 200 x 52,0 (H) HP 200 x 53,0 (H) W 200 x 59,0 (H) W 200 x 71,0 (H) W 200 x 86,0 (H) HP 250 x 62,0 (H) W 250 x 73,0 (H) W 250 x 80,0 (H) Massa 22,5 19,8 37,1 35,9 41,7 46, d bf tw 5,8 6,6 8,1 6,2 7,2 7,2 7,9 11,3 9,1 10, ,5 8,6 9,4 tf 6,6 9,3 11,6 10,2 11,8 11,0 12,6 11,3 14,2 17,4 20,6 10,7 14,2 15,6 h d' BITOLA (mm x kg/m) HP 250 x 85,0 (H) W 250 x 89,0 (H) W 250 x 101,0 (H) W 250 x 115,0 (H) HP 310 x 79,0 (H) HP 310 x 93,0 (H) W 310 x 97,0 (H) W 310 x 107,0 (H) HP 310 x 110,0 (H) W 310 x 117,0 (H) HP 310 x 125,0 (H) W 360 x 91,0 (H) W 360 x 110,0 (H) W 360 x 122,0 (H) Massa d bf tw 14,4 10,7 11,9 13, ,1 9,9 10,9 15,4 11,9 17,4 9,5 11,4 13 tf 14,4 17,3 19,6 22,1 11,0 13,1 15,4 17,0 15,5 18,7 17,4 16,4 19,9 21,7 h d'

8 Aço Viga I Barra com seção transversal em forma de I,produzidas com aço de baixo teor de carbono,de acordo com a norma ASTM A36.O perfil I,devido ao formato tradicional com abas inclinadas,possui alta inércia e maior resistência geométrica. São utilizadas principalmente em estruturas metálicas, máquinas e implementos agrícolas, equipamentos de transporte e chassis de ônibus e caminhões Dimensões (pol.) 3"1º alma 3"2º alma 4"1º alma 4"2º alma 5"1º alma 5"2º alma 6"1º alma 6"2º alma Altura do perfil (d) 101,60 101,60 127,00 127,00 152,40 152,40 Largura da aba (bf) 59,18 61,24 67,60 66,20 79,38 84,50 87,50 da alma (tw) 4,32 6,33 4,83 6,43 5,33 8,81 5,84 8,71 8,48 9,68 11,46 12,65 14,88 18,20 18,60 22,00 Aço Viga U Barra com seção transversal em forma de U, produzidas com aço de baixo teor de carbono, de acordo com a norma ASTM A36. O perfil U,devido ao formato tradicional com abas inclinadas,possui alta inércia e maior resistência geométrica. Empregadas principalmente em estruturas metálicas, grades e portões, esquadrias, corrimão de escadas, implementos agrícolas e rodoviários Dimensões (pol.) 3"1º alma 3"2º alma 4"1º alma 4"2º alma 6"1º alma 6"2º alma 8"1º alma 8"2º alma 10"1º alma Altura do perfil (d) 101,60 101,60 152,40 152,40 203,20 203,20 254,00 Largura da aba (bf) 35,80 38,05 40,10 41,80 48,80 51,70 57,40 59,50 65,00 da alma (tw) 4,32 6,55 4,57 6,27 5,08 7,98 5,60 7,70 6,10 6,10 7,40 8,04 9,30 12,20 15,70 17,20 20,50 22,80 Aços para construção mecânica e civil

9

10 BARRA CHATA Barra com seção transversal retangular produzida com aço de baixo (ASTM A36) e de médio teor de carbono (1045) possui superfícies lisas,sem cantos vivos.este produto é extremamente versátil, sendo empregadas principalmente em grades e portões, esquadrias, máquinas, implementos agrícolas e rodoviários,e na indústria mecânica em geral. ASTM A36 Dimensões (pol.) (l x e) Dimensões (pol.) (l x e) Dimensões (pol.) (l x e) /8 x 1/8 0, /2 x 3/16 1, x 5/16 4, /2 x 1/8 0, /2 x 1/4 1, x 3/8 5, /2 x 3/16 0, /2 x 5/16 2, x 1/2 7, /2 x 1/4 0, /2 x 3/8 2, x 5/8 9, /8 x 1/8 0, /2 x 1/2 3, x 3/4 11, /8 x 3/16 0, /2 x 5/8 4, x1 15, /8 x 1/4 0, /2 x 3/4 5, /2 x 3/8 6, /4 x 1/8 0, /4 x 1/4 2, /2 x 1/2 8, /4 x 3/16 0, /4 x 3/8 3, /2 x 5/8 11, /4 x 1/4 0, /4 x 1/2 4, /2 x 3/4 13, /8 x 1/8 0, /4 x 5/8 5, /2 x1 17, /8 x 3/16 0, /4 x 3/4 6, x 1/4 5, /8 x 1/2 2, x 1/8 1, x 5/16 6, x 1/8 0, x 3/16 1, x 3/8 7, x 3/16 0, x 1/4 2, x 1/2 10, x 1/4 1, x 5/16 3, x 5/8 12, x 5/16 1, x 3/8 3, x 3/4 15, x 3/8 1, x 1/2 5, x1 20, x 1/2 2, x 5/8 6, x 1/2 12, x 5/8 3, x 3/4 7, x 5/8 15, /4 x 1/8 0, x1 10, x 1/4 7, /4 x 3/16 1, /2 x 1/4 3, x 5/16 9, /4 x 1/4 1, /2 x 5/16 3, x 3/8 11, /4 x 5/16 1, /2 x 3/8 4, x 1/2 15, /4 x 3/8 2, /2 x 1/2 6, x 5/8 18, /4 x 1/2 3, /2 x 5/8 7, x 3/4 22, /4 x 5/8 3, /2 x 3/4 9, x1 30, /4 x 3/4 4, /2 x1 12, /2 x 1/8 0, x 1/4 3,81 SAE 1040/45 Dimensões (pol.) (l x e) Dimensões (pol.) (l x e) Dimensões (pol.) (l x e) /4 X 1/4 1, X 1/2 5, x 1/2 7, /2 X 3/16 1, X 5/8 6, x 5/8 9, /2 X 1/4 1, X 3/4 7, x 3/4 11, /2 x 5/15 2, /2 X 1/4 3, x1 15, /2 X 3/8 2, /2 X 5/16 3, /2 x 5/8 11, /2 X 1/2 3, /2 X 3/8 4, x 3/8 7, X 3/16 1, /2 X 1/2 6, x 1/2 10, X 1/4 2, /2 X 5/8 7, x 1/2 12, X 5/16 3, /2 X 3/4 9, x 5/8 15, X 3/8 3, X 3/8 5,70 Aços para construção mecânica e civil

11 Cantoneiras de abas iguais Barras com seção transversal em forma de ângulo reto, com abas iguais. Produzidas com aço de baixo teor de carbono,de acordo com a normaastma36,a572 oua588. Principais empregos: estruturas metálicas, torres de transmissão de energia elétrica e de telecomunicações, serralherias, esquadrias, máquinas e implementos agrícolas e na indústria mecânica em geral. A36/A Dimensões (pol.) (b x t) 1/2 x 1/8 5/8 x 1/8 3/4 x 1/8 7/8 x 1/8 1 x 1/8 1 x 3/16 1 x 1/4 1.1/4 x 1/8 1.1/4 x 3/16 1.1/4 x 1/4 1.1/2 x 1/8 1.1/2 x 3/16 1.1/2 x 1/4 1.3/4 x 1/8 0,55 0,71 0,88 1,04 1,20 1,76 2,28 1,50 2,20 2,86 1,83 2,68 3,48 2, Dimensões (pol.) (b x t) 1.3/4 x 3/16 1.3/4 x 1/4 2 x 1/8 2 x 3/16 2 x 1/4 2 x 5/16 2 x 3/8 2.1/2 x 3/16 2.1/2 x 3/16 2.1/2 x 1/4 2.1/2 x 5/16 2.1/2 x 3/8 3 x 3/16 3 x 1/4 3,15 4,12 2,46 3,63 4,75 5,83 6,99 4,57 4,57 6,10 7,44 8,78 5,50 7, Dimensões (pol.) (b x t) 3 x 5/16 3 x 3/8 3 x 1/2 4 x 1/4 4 x 5/16 4 x 3/8 4 x 1/2 5 x 3/8 5 x 1/2 6 x 3/8 6 x 1/2 6 x 5/8 6 x 3/4 9,10 10,72 13,99 9,85 12,37 14,58 18,30 24,10 22,20 29,20 36,00 42,70 Aços AO CARBONO São caracterizados pelas suas mais diversas aplicações. Atendem as necessidades de consumo dos sistemistas de grandes montadoras agrícolas,automobilísticas,fabricantes de máquinas e de equipamentos. Os aços comercializados pela FG Metais passam por um rigoroso controle de qualidade e de identificação que funciona como uma eficiente ferramenta de rastreabilidade dos materiais desde a usina até as dependências dos seus clientes. Norma ASTM A36 SAE 1020 SAE 1045 Composição Química C= 0,13-0,26 Mn= 0,30-0,90 Pmáx. = 0,04 Smáx. = 0,050 C= 0,18-0,23 Mn= 0,30-0,60 Pmáx. = 0,040 Smáx. = 0,050 C= 0,43-0,50 Mn= 0,60-0,90 Pmáx. = 0,040 Smáx. = 0,050 Características Aplicações Principais Produtos Aço carbono com finalidade de utilização estrutural e em aplicações comuns. Aço Baixo Carbono de uso geral Aço Médio Carbono. Estruturas Metálicas em geral, Serralheria, Passarelas, Máquinas e Implementos Agrícolas, Implementos Rodo-Ferroviários Eixos de máquinas em geral, tirantes, peças para máquinas e implementos agrícolas, barras trefiladas, peças para forjarias, hastes de aterramento, grades etc. Eixos de máquinas em geral, tirantes, peças para máquinas e implementos agrícolas, barras trefiladas, peças forjadas, parafusos etc. Cantoneira, Barra Redonda, Barra Quadrada, Barra Chata, Perfil I, U Barra Redonda, Barra Quadrada, Barras Trefiladas, Fio-Máquina. Barra Redonda, Barras Trefiladas, Barra Chata

12 AÇO REDONDO LAMINADO 1020/A36(COMERCIAL) São aços produzidos segundo a norma ASTM A 36 ou SAE 1010/20 (aço com baixo teor de carbono), de boa soldabilidade, baixa resistência mecânica e baixa usinabilidade.pode ser aplicado em cementação. Estes aços não apresentam as mesmas características mecânicas e metalúrgicas apresentadas pelos aços especiais. - Aplicações: em serralheria, esquadrias, forjamento de peças e ferramentas, peças de máquinas e implementos agrícolas e rodoviários e na indústria mecânica em geral. (pol.) (d) (pol.) (d) (pol.) (d) /4" 5/16" 3/8" 1/2" 5/8" 3/4" 7/8" 1" 1.1/8" 1.1/8" 1.1/4" 0,25 0,39 0,56 1,00 1,56 2,25 3,06 3,99 5,06 5,06 6, /8" 1.1/2" 1.1/2" 1.5/8" 1.5/8" 1.3/4" 1.7/8" 2" 2.1/8" 2.1/4" 2.3/8" 7,55 8,98 8,98 10,55 10,55 12,23 14,04 15,97 18,03 20,21 22, /2" 2.5/8" 2.3/4" 2.7/8" 3" 3.1/8" 3.1/4" 3.1/2" 3.3/4" 4" 24,96 27,52 30,20 33,01 35,94 39,00 42,17 48,91 56,56 63,89 AÇO REDONDO LAMINADO 1020 (FAIXA) É um dos aços ao carbono mais comum utilizado como aço para cementação com excelente relação custo benefício comparado com aços mais ligados para o mesmo propósito,material de baixa usinabilidade, boa soldabilidade e forjabilidade, tem uma condição de desempenho melhor que a do material comercial por ser de características superiores de composição química e estrutural. - Aplicações: é utilizado em componentes mecânicos de uso como engrenagens, eixos, virabrequins, eixos-comando,pinos guia,anéis de engrenagem,colunas,catracas. (pol.) (d) (pol.) (d) (pol.) (d) " 4" 4.1/4" 4.1/2" 36,00 63,89 72,12 80, /4" 5" 5.1/2" 6" 89,66 99,82 120,78 143, ,00 254,34 195,00 254,34 AÇO QUADRADO LAMINADO 1020/A36 São barras de seção transversal quadrada obtidas por laminação a quente de tarugos de lingotamento contínuo. São produzidas em aços baixo carbono. Apresentam boa soldabilidade, baixa resistência mecânica e baixa usinabilidade.podendo ser aplicadas em cementação. - Aplicações: fabricação de estruturas metálicas, serralheria, máquinas e equipamentos, esquadrias, implementos agrícolas e rodoviários,indústria mecânica em geral,entre outras (pol.) (h) 1/4" 5/16" 3/8" 1/2" 5/8" 0,32 0,50 0,72 1,27 1, (pol.) (h) 3/4" 7/8" 1" 1.1/8" 1.1/4" 2,86 3,89 5,08 6,44 7, (pol.) (h) 1.1/2" 1.3/4" 2" 3" 11,44 15,56 20,34 45,75 Aços para construção mecânica e civil

13 Aço Redondo Trefilado 1020/A36 São fornecidas nos formatos redondo, possuindo uma ampla linha de bitolas, com excelente acabamento, as Barras Trefiladas são empregadas nas mais diversas indústrias, onde a exigência por qualidade e acabamento seja primordial. Obtidas por trefilação a frio de barras laminadas ou de fio máquina,são produzidas e fornecidas na tolerância h11. - Aplicações: são usadas para a fabricação de eixos, de peças para a indústria mecânica em geral, de implementos agrícolas e rodoviários (d) 3,97 4,76 5,00 5,25 5,50 6,00 6,35 7,00 7,94 8,00 8,80 9,00 9,53 10,00 11,11 12,00 12,25 12,50 0,10 0,14 0,15 0,17 0,19 0,22 0,25 0,30 0,39 0,40 0,48 0,50 0,56 0,62 0,76 0,89 0,90 1, (d) 14,00 14,29 14,80 15,00 16,00 16,40 26,00 28,00 28,58 30,00 32,00 32,30 33,00 35,00 1,00 1,21 1,26 1,36 1,39 1,56 1,58 1,65 4,18 4,85 5,06 5,57 6,24 6,34 6,41 6,74 7,58 8, (d) 40,00 41,28 45,00 47,63 50,00 55,00 57,15 60,00 65,00 70,00 75,00 80,00 9,90 10,55 12,23 12,53 14,04 15,47 15,97 18,72 20,21 22,28 24,96 26,15 30,33 34,81 35,94 39,61 AÇO QUADRADO TREFILADO 1020 As barras trefiladas quadradas são fornecidas de acordo com as normas EB 1512/ 89, obtidas por trefilação a frio de barras laminadas e fio- máquina, com as pontas cortadas.as tolerâncias nas dimensões das barras obedecem aos requisitos indicados nas normas brasileiras e padrões internacionais com tolerância dimensionais em h 11. Seu acabamento em canto-vivo é adequado às tolerâncias exigidas em máquinas e ferramentas. - Aplicações: são empregadas na fabricação de peças para a indústria mecânica em geral, de implementos agrícolas e rodoviários, fixadores e ferramentas, onde a exigência por qualidade e acabamento seja primordial (h) 9,52 20,00 0,71 1,27 1,99 2,86 3, (h) 22,23 28,58 3,89 5,08 6,44 7,94 11, (h) 50,00 15,57 20,00 20,34-13-

14 AÇO SEXTAVADO TREFILADO 1020 As barras trefiladas sextavadas são fornecidas de acordo com as normas EB 1512/ 89, obtidas por trefilação a frio de barras laminadas e fio- máquina SAE 1010/20 com qualidade comercial.as tolerâncias nas dimensões das barras obedecem aos requisitos indicados nas normas brasileiras e padrões internacionais,com empenamento máximo de 2,0 mm/m e acabamento em canto-vivo e pontas cortadas. - Aplicações: empregada na fabricação de eixos de transmissão de plantadeiras e colheitadeiras, em peças para mecânica geral,nas indústrias moveleira e de ferramentas. (h) (h) (h) ,53 0,62 1,10 1,72 2, ,23 28,58 3,38 4,41 5,58 6, ,92 13,50 17,63 AÇO REDONDO LAMINADO 1045(COMERCIAL) São aços de boa resistência mecânica, boa usinabilidade e baixa soldabilidade, não apresentando as mesmas características mecânicas e metalúrgicas dos aços especiais. As faixas de composições químicas dos aços comerciais são orientadas pela norma NBR 6006 ou pelas normas internacionais tipo SAE,AISI,ou DIN. - Aplicações: na fabricação de peças para implementos agrícolas, rodoviários e automobilísticos, ferramentas,forjamento,trefilação e na industria mecânica em geral. (pol.) (d) (pol.) (d) (pol.) (d) /16" 3/8" 1/2" 5/8" 3/4" 7/8" 15/16" 1" 1" 1.1/8" 1.1/8" 1.1/4" 1.1/4" 1.3/8" 1.3/8" 1.1/4" 0,39 0,56 1,00 1,56 2,25 3,06 3,49 3,99 3,99 5,03 5,06 6,24 6,24 7,55 7,55 8, /2" 1.5/8" 1.5/8" 1.3/4" 1.3/4" 1.7/8" 1.7/8" 2" 2" 2.1/16" 2.1/8" 2.1/8" 2.1/4" 2.1/4" 2.3/8" 2.3/8" 8,98 10,55 10,49 12,23 12,23 14,04 14,04 15,97 15,97 16,99 18,03 18,03 20,21 20,21 22,53 22, /16" 2.1/2" 2.1/2" 2.5/8" 2.5/8" 2.3/4" 2.3/4" 2.7/8" 2.7/8" 3" 3.1/8" 3.1/4" 3.1/2" 3.3/4" 4" 23,72 24,96 24,96 27,52 27,52 30,20 30,20 33,01 33,01 35,94 39,00 42,17 48,91 56,15 63,89 Aços para construção mecânica e civil

15 AÇO REDONDO LAMINADO SAE 1045(FAIXA) São aços utilizados nas mais diversas aplicações e principalmente onde a composição química é uma característica importante. Os aços, qualidade faixa, apresenta características, tais como teor de carbono e micro estrutura que dão ao material uma condição superior de desempenho.além disso, são submetidos a processos de conformação mecânica,como usinagem,forjamento,trefilação e demais processos.da mesma forma, também poderão sofrer processos metalúrgicos, entre eles têmpera/revenimento, cementação e outros processos. - Aplicações: eixos de máquinas em geral, tirantes, peças para máquinas e implementos agrícolas, barras trefiladas,peças forjadas,parafusos e ferramentas (pol.) (d) 1.1/8" 1.1/2" 1.5/8" 1.3/4" 1.7/8" 2" 2.1/8" 2.1/4" 2.3/8" 2.1/2" 2.5/8" 5,06 8,95 10,49 12,18 13,99 15,90 17,96 20,12 22,44 24,84 27, (pol.) (d) 2.3/4" 2.7/8" 3" 3.1/8" 3.1/4" 3.3/8" 3.1/2" 3.3/4" 4" 4.1/4" 4.1/2" 30,08 32,88 36,00 38,99 42,17 45,27 48,91 56,15 63,89 72,12 80, (pol.) (d) 4.3/4" 5" 5.1/4" 5.1/2" 5.3/4" 6" 6.1/4" 6.1/2" 7" 7.1/2" 8" 89,66 99,82 109,54 120,78 131,40 143,74 155,24 169,91 194,74 224,00 254,34 AÇO REDONDO FORJADO SAE 1045 São aços com melhor resistência mecânica,que apresentam características,tais como teor de carbono e micro estrutura, que dão ao material uma condição de superior desempenho, de boa usinabilidade e soldabilidade ruim.são usados onde seja necessária uma resistência mecânica superior a dos aços de baixo carbono convencionais. - Aplicações: em peças para Indústria agrícola, automobilística, de máquinas e equipamentos, principalmente em eixos em geral,pinos,cilindros,fresas,pinças,entre outros (pol.) (d) 9" 9.1/2" 323,40 358, (pol.) (d) 10" 10.1/2" 399,29 440,20 (pol.) (d) " 571,96 AÇO QUADRADO LAMINADO 1045(COMERCIAL) As barras com seção transversal quadrada são obtidas por laminação à quente de tarugos de lingotamento contínuo de aços de médio carbono de acordo com a NBR 5014/82. É um aço de boa usinabilidade e ótima forjabilidade, com larga aplicação na indústria automobilística e em peças que requeiram maiores resistências e dureza do que as dos aços 1020.Aceita têmpera, no estado normalizado, apresenta uma resistência compreendida entre 55 e 70kg/mm². Estes aços não apresentam as mesmas características mecânicas e metalúrgicas apresentadas pelos aços especiais. -Aplicações: são empregadas principalmente em forjamento de peças e ferramentas,partes e peças de máquinas e implementos agrícolas e rodoviários e na indústria mecânica em geral (pol.) (h) 1/2" 5/8" 3/4" 1,27 1,99 2, (pol.) (h) 1" 1.1/4" 1.1/2" 5,08 7,94 11, (pol.) (h) 2" 2.1/2" 3" 20,34 31,77 45,

16 AÇO REDONDO TREFILADO 1045 Obtidas por trefilação a frio de barras laminadas e de fio-máquina em aço de médio carbono, são produzidas com as pontas cortadas obedecendo aos requisitos indicados nas normas brasileiras e padrões internacionais na tolerância h11. -Aplicações: são usadas para a fabricação de peças para a indústria mecânica em geral,de implementos agrícolas e rodoviários,eixos,fixadores,ferramentas e hastes para amortecedores. (d) (d) (d) ,35 7,94 8,80 9,53 10,00 11,11 12,00 14,00 14,29 16,00 17,00 17,46 18,00 19,20 20,00 20,89 21,00 22,00 22,23 0,25 0,39 0,48 0,56 0,62 0,76 0,89 1,00 1,21 1,26 1,56 1,58 1,79 1,85 2,01 2,25 2,27 2,48 2,48 2,73 3,00 3, ,00 23,81 24,00 25,00 25,25 25,30 25,54 26,00 27,00 28,00 28,55 28,58 30,00 30,30 32,00 33,00 33,34 35,00 36,00 36,80 3,27 3,49 3,56 3,87 3,87 3,96 3,99 4,00 4,18 4,49 4,85 5,06 5,06 5,57 5,57 6,24 6,34 6,74 6,88 7,58 8,02 8, ,50 40,00 41,28 42,00 45,00 47,63 50,00 55,00 57,15 60,00 65,00 70,00 75,00 80,00 90,00 8,98 9,17 9,90 10,55 10,92 12,23 12,53 14,04 15,47 15,97 18,72 20,21 22,28 24,96 26,15 30,33 34,81 35,94 39,61 50,13 AÇO QUADRADO TREFILADO 1045 São fornecidas de acordo com as normas EB 1512/ 89,obtidas por trefilação a frio de barras laminadas e fio-máquina de aço de médio carbono,com as pontas cortadas com tolerância dimensionais em h Aplicações: são empregadas na fabricação de peças para a indústria mecânica em geral, de implementos agrícolas e rodoviários, fixadores e ferramentas, onde a exigência por qualidade e acabamento seja primordial. (h) (h) (h) ,35 7,94 9,52 0,32 0,50 0,72 1,27 1, ,23 28,58 2,86 3,89 5,08 6,44 7, ,44 15,57 20,34 Aços para construção mecânica e civil

17

18 AÇO SEXTAVADO TREFILADO 1045 São fornecidas de acordo com as normas EB 1512/ 89,obtidas por trefilação a frio de barras laminadas e fio- máquina SAE 1040/45 com qualidade comercial. As tolerâncias nas dimensões das barras obedecem aos requisitos indicados nas normas brasileiras e padrões internacionais, com empenamento máximo de 2,0 mm/m e acabamento em canto-vivo e pontas cortadas. - Aplicações: empregada na fabricação de eixos de transmissão de plantadeiras e colheitadeiras, em peças para mecânica geral,nas indústrias moveleira e de ferramentas. (h) (h) (h) ,23 24,00 1,10 1,72 2,48 3,38 3, ,99 28,58 30,00 4,41 4,51 5,58 5,58 6, ,92 13,50 17,63 AÇO REDONDO RETIFICADO 1045 As barras redondas retificadas são produzidas a partir dos aços laminados 1040/45 com as pontas cortadas. As tolerâncias nas dimensões das barras obedecem aos requisitos indicados nas normas brasileiras e padrões internacionais,segundo a tolerância h9. -Aplicações: Fabricação de peças tais como eixos e hastes de cilindros hidráulicos. (d) (d) (d) ,00 22,00 25,00 30,00 32,00 34,92 35,00 36,00 2,48 2,99 3,87 3,99 5,55 6,24 6,34 6,92 7,55 7, ,00 41,28 47,62 49,20 50,00 53,98 56,00 8,98 10,00 10,55 12,23 14,04 15,00 15,20 15,90 15,90 15, ,15 60,00 69,85 70,00 80,00 88,90 20,21 22,20 24,84 30,20 30,33 36,00 39,46 48,91 AÇO REDONDO DESCASCADO São barras descascadas por processo de usinagem que consiste na remoção de sobremetal de até 1,00mm, onde o acabamento superficial confere maior precisão dimensional e garante a isenção de defeitos superficiais.são fornecidas em Aço Carbono 1045 com Tolerância Dimensional h9. - Aplicações: São destinadas à fabricação de componentes de cutelaria, componentes hidráulicos, hastes de pistão,eixos para máquinas e equipamentos,entre outros (d) 40,00 6,24 8,98 9,90 12, (d) 50,00 57,15 60,00 15,47 15,97 20,21 22, (d) 24,96 35,94 Aços para construção mecânica e civil

19 AÇO PRATA CARBONO REDONDO Aço para beneficiamento, de elevada temperabilidade, alta resistência mecânica e boa usinabilidade, retificadas com tolerância h9. Classe de aços para trabalhos a frio. Sua aplicação é restrita a 150 C; acima desta diminui a dureza. -Aplicações: amplamente utilizado na fabricação de vazadores, punções, pinos-guias para matrizes de injeção,brocas,alargadores,tarraxas,formões e instrumentos de medidas. (d) (d) (d) ,00 5,00 6,00 6,50 7,00 8,00 0,10 0,17 0,23 0,26 0,33 0, ,50 9,00 10,00 12,00 13,00 14,00 0,45 0,50 0,62 0,90 1,05 1, ,00 16,00 18,00 20,00 1,39 1,60 2,00 2,60 Aços para usinagem fácil Marca 11SMn37(1213) Composição química Dureza de laminado Formatos Condições de fornecimento Características C = 0,05-0,15 Mn = 1,10-1,50 P = 0,04-0,10 S = 0,34-0, Redondo e sextavado Barras trefiladas Boa usinabilidade 12L14 C = 0,15 Mn = 0,85-1,15 P = 0,04-0,09 S = 0,26-0,35 Pb = 0,15-0, Redondo e sextavado Barras trefiladas Boa usinabilidade AÇO CHUMBALOY 12L14 Aço corte fácil com alto teor de enxofre,ótima usinabilidade,baixa resistência mecânica em função do balanceamento químico e da adição de Chumbo ( Pb ) na composição química. Estes aços apresentam cavacos quebradiços durante a usinagem, o que proporciona a obtenção de peças com ótimo acabamento superficial e baixo consume de ferramentas. As melhores condições de utilização são obtidas mediante o processo de trefilação a frio, o que provoca encruamento superficial e aumenta os níveis de resistência mecânica. - Aplicações: utilizados para a usinagem em série de peças pequenas, apresentando grande produtividade em tornos automáticos, na fabricação de pinos e buchas para equipamentos da linha branca, ferramentas de acionamento elétrico a mão, componentes para torneiras e válvulas hidráulicas. Não é indicado para operações de soldas e tratamentos térmicos em temperaturas acima de 450 C. AÇO REDONDO 12L ,00 7,94 9,52 10,00 11,11 12,00 14,29 0,22 0,39 0,56 0,62 0,76 0,89 0,99 1, ,00 16,00 17,46 18,00 20,00 20,64 1,55 1,56 1,60 1,88 1,95 2,60 2,60 2, ,22 25,00 33,34 34,93 3,04 3,80 3,97 6,21 6,85 7,51 8,

20 AÇO SEXTAVADO 12L ,00 0, ,64 2, ,58 5, ,53 0, ,00 2, ,00 5, ,00 0, ,22 3, , ,10 0, ,81 3, ,34 7, , ,00 3, , ,29 1, ,00 5, ,28 11, , , , ,46 2, ,99 4, , , ,00 4,38 AÇO RESSULFURADO 1213 São aços de corte fácil fabricados de acordo com a norma DIN 11SMn30, com altos teores de enxofre, ótima usinabilidade, boa soldabilidade e baixa resistência mecânica, em função do balanceamento químico, os aços deste grupo apresentam cavacos quebradiços durante a usinagem, o que proporciona a obtenção de peças com ótimo acabamento superficial e baixo consumo de ferramentas.adureza superficial pode ser ampliada através do tratamento termoquímico de cementação. - Aplicações: utilizados para a usinagem em série de peças pequenas, apresentando grande produtividade em tornos automáticos, na fabricação de pinos e buchas para equipamentos da linha branca, ferramentas de acionamento elétrico a mão, componentes para torneiras e válvulas hidráulicas. AÇO REDONDO ,00 0, ,00 1, , ,35 0, ,29 1, ,58 5, ,00 0, ,00 1, , ,94 0, , ,92 7, ,00 0, ,00 1, , ,00 0, ,00 2, ,00 9, ,53 0, , ,28 10, ,00 0, ,00 2, , ,11 0, ,23 3, , ,00 0, ,00 3, , ,00 3,87 AÇO SEXTAVADO ,11 1, ,46 1, ,99 4, , , ,58 5, ,00 1, ,64 2, , ,29 1, ,23 3, , , ,81 3, ,28 11, ,00 1, ,41 Aços para construção mecânica e civil

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE BARRAS E PERFIS AÇO PARA INDÚSTRIA TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE Quando você usa a ampla linha de barras e perfis Gerdau, você coloca mais qualidade no seu trabalho. Cada produto foi desenvolvido

Leia mais

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE BARRAS E PERFIS AÇO PARA INDÚSTRIA TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE Ao usar a ampla linha de Barras e Perfis Gerdau, você coloca mais qualidade no seu trabalho. Cada produto foi desenvolvido

Leia mais

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com.

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com. VARANDA 5 6 9 SUPORTE LATERAL 12 4 7 10 8 Código: 17010101 Descrição: Conjunto suporte lateral regulável Ø 13mm: 1 - Manopla - PA rosca M10 SS 304 2 - Arruela - M12 24mm SS 304 3 - Olhal - M10 PA M10 SS

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Rua Des. Antonio de Paula, 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br www.acossulnorte.com.

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Rua Des. Antonio de Paula, 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br www.acossulnorte.com. F o n e : ( 4 1 ) 3 0 9 1-6 9 0 0 Rua Des. Antonio de Paula 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br w w w. a c o s s u l n o r t e. c o m. b r CATÁLOGO DE PRODUTOS MATRIZ BARRAS CANTONEIRAS

Leia mais

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores.

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores. 4 Empresa Certificada ISO 9001 Distribuição de Tubos em Aço Carbono Tubos sem Costura Tubos de aço sem costura são utilizados em aplicações como cilindros hidráulicos, componentes de transmissão, oleodutos,

Leia mais

ESTRUTURAS METÁLICAS - UFPR CAPÍTULO 1 AÇOS ESTRUTURAIS

ESTRUTURAS METÁLICAS - UFPR CAPÍTULO 1 AÇOS ESTRUTURAIS ESTRUTURAS METÁLICAS - UFPR CAPÍTULO 1 AÇOS ESTRUTURAIS 1 INDICE CAPÍTULO 1 - AÇOS ESTRUTURAIS...1 1 INTRODUÇÃO - HISTÓRICO... 1 2 CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DAS ESTRUTURAS DE AÇO... 2 3 REFERÊNCIAS NORMATIVAS...

Leia mais

metais não ferrosos aluminio-cobre-latão - aço inoxidável

metais não ferrosos aluminio-cobre-latão - aço inoxidável metais não ferrosos aluminio-cobre-latão - aço inoxidável Arames Barras chatas Bobinas Cantoneiras Chapas Discos Perfis Buchas Tubos Tubos de cobre para refrigeração Vergalhões, redondos, sextavados e

Leia mais

AÇOS. Construção Mecânica

AÇOS. Construção Mecânica AÇOS Construção Mecânica SÃO CERCA DE 10.000 TONELADAS EM AÇOS E METAIS A PRONTA ENTREGA GGD 10 Composição Química C Mn Si Cr Al P S 0,17 0,24 0,18 0,23 0, 0,60 0,60 0,90 0, máx 0,15 0, ----- --- 0, 0,

Leia mais

Soldabilidade de Metais. Soldagem II

Soldabilidade de Metais. Soldagem II Soldabilidade de Metais Soldagem II Soldagem de Ligas Metálicas A American Welding Society (AWS) define soldabilidade como a capacidade de um material ser soldado nas condições de fabricação impostas por

Leia mais

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS GAXETAS SECAS MANTA E TECIDO DE FIBRA CERÂMICA GAXETAS IMPREGNADAS FITAS CORTIÇA J U N T A E S P I R A L A D A FELTRO J U N T A D E V E D A Ç Ã O PAPELÃO HIDRAÚLICO F I T A P A T E N T E T E F L O N JUNTA

Leia mais

DIVERSIDADE DE APLICAÇÕES PARA VÁRIOS SEGMENTOS

DIVERSIDADE DE APLICAÇÕES PARA VÁRIOS SEGMENTOS ALUMÍNIO ALUMÍNIO DIVERSIDADE DE APLICAÇÕES PARA VÁRIOS SEGMENTOS ALUMÍNIO VANTAGENS O é um metal leve, macio e resistente, muito maleável e dúctil, apto para a mecanização e fundição, além de ter uma

Leia mais

TW101 TW201 TW301 TW311 TW321 TW421 TW431 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE.

TW101 TW201 TW301 TW311 TW321 TW421 TW431 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. TW101 TW201 TW301 TW311 TW321 TW421 TW431 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. PARA FURAR MATERIAIS DE ALTA RESISTÊNCIA OU EM CONDIÇÕES EXTREMAS, UTILIZE NOSSA GAMA DE SOLUÇÕES. ALTA PERFORMANCE COM MÁXIMA

Leia mais

TW103 TW203 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE.

TW103 TW203 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. TW103 TW203 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. BROCAS TW103 E TW203 PROPORCIONAM FUROS COM EXCELENTE QUALIDADE E MÁXIMO DESEMPENHO NO LATÃO E MATERIAIS DE CAVACO QUEBRADIÇO EM GERAL. Conheça suas características:

Leia mais

Aços Longos. Barras Trefiladas

Aços Longos. Barras Trefiladas Aços Longos Barras Trefiladas Soluções em aço seguro e sustentável. Resultado da união dos dois maiores fabricantes mundiais de aço, a ArcelorMittal está presente em mais de 60 países, fabricando Aços

Leia mais

Materiais de construção de máquinas

Materiais de construção de máquinas Universidade Estadual do Norte Fluminense Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias Laboratório de Engenharia Agrícola EAG 03204 Mecânica Aplicada * Materiais de construção de máquinas 1. Introdução

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO Portaria n.º 33,de 22 de janeiro de 2004. O PRESIDENTE

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DE AÇO INOXIDÁVEL

MANUAL TÉCNICO DE AÇO INOXIDÁVEL MANUAL TÉCNICO DE AÇO INOXIDÁVEL Manual Técnico de Aço Inoxidável Índice 1. INTRODUÇÃO...59 2. FABRICAÇÃO DO INOX...60 3. APLICABILIDADE DO AÇO INOXIDÁVEL...61 3.1 - Aço Inoxidável Austenítico...61 3.2

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO SOLDAGEM DE COBRE E SUAS LIGAS

BOLETIM TÉCNICO SOLDAGEM DE COBRE E SUAS LIGAS INTRODUÇÃO A união de cobre e suas ligas podem ser efetuadas por processos de soldagem e brasagem O processo de brasagem é adequado para componentes de dimensões relativamente pequenas, devido a grande

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Técnico em Mecânica A respeito das bombas centrífugas é correto afirmar: A. A vazão é praticamente constante, independentemente da pressão de recalque. B. Quanto

Leia mais

Aços Longos. Perfis e Barras Linha Estrutural e Serralheria

Aços Longos. Perfis e Barras Linha Estrutural e Serralheria Aços Longos Perfis e Barras Linha Estrutural e Serralheria Perfis e Barras Linha Estrutural e Serralheria Padrão de Qualidade O padrão de qualidade dos produtos ArcelorMittal está presente também na linha

Leia mais

Produtos de Aço para Indústria e Construção Civil

Produtos de Aço para Indústria e Construção Civil Produtos de Aço para Indústria e Construção Civil CATÁLOGO 2015 AÇOS longos E PLANOS PRODUTOS DE AÇO PARA INDÚSTRIA E CONSTRUÇÃO CIVIL SUMÁRIO Sobre a Dimensão Aços Longos e Planos Produtos para Produtos

Leia mais

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA MATERIAIS ANEXO A Pág. - Tabela 1: Limites de temperatura de uso para os materiais... A1 - Tabela 2: Ratings e pressões de teste para válvulas: Materiais do Grupo 1.1... A3 - Tabela 3: Ratings e pressões

Leia mais

E-mail: vendas@bratal.com.br

E-mail: vendas@bratal.com.br CENTRAL DE VENDAS Consulte-nos pelo fone/fax : (19) 341.0081 E-mail: vendas@bratal.com.br 603 - Tubos 01 ESCOLHA ADEQUADA DA TUBULAÇÃO.... 1 DIAGRAMA TEÓRICO PARA CÁLCULO DE TUBULAÇÕES...........................

Leia mais

CAMPUS REGIONAL DE RESENDE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO ÊNFASE EM PRODUÇÃO MECÂNICA

CAMPUS REGIONAL DE RESENDE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO ÊNFASE EM PRODUÇÃO MECÂNICA UERJ CAMPUS REGIONAL DE RESENDE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO ÊNFASE EM PRODUÇÃO MECÂNICA CAPÍTULO 8: AÇOS PARA CONSTRUÇÃO MECÂNICA DEPARTAMENTO DE MECÂNICA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO MECÂNICA IV PROF. ALEXANDRE

Leia mais

Catálogo de produtos

Catálogo de produtos Catálogo de produtos 2 a bernifer A Bernifer Perfilados de Aço, com mais de 40 anos de experiência em siderurgia, distribui e processa aço para diversos segmentos, tais como: construção civil, óleo e gás,

Leia mais

AÇO INOXIDÁVEL. Tubos Barras Chapas Bobinas Cantoneiras

AÇO INOXIDÁVEL. Tubos Barras Chapas Bobinas Cantoneiras AÇO INOXIDÁVEL Tubos Barras Chapas Bobinas Cantoneiras CERT I F I CADA Empresa Certificada pela Norma ISO 9001:2008 ISO 9001 2008 www.elinox.com.br ÍNDICE Empresa...2 Visão, Missão e Valores...3 Qualidade...4

Leia mais

Estruturas Metálicas. Módulo I. Normas e Matérias

Estruturas Metálicas. Módulo I. Normas e Matérias Estruturas Metálicas Módulo I Normas e Matérias NORMAS DE ESTRUTURA ABNT NBR 8800/2008 PROJETO E EXECUÇÃO DE ESTRUTURAS DE AÇO EM EDIFICIOS - ABNT NBR 6120/1980 Cargas para o cálculo de estruturas de edificações

Leia mais

Processo de Forjamento

Processo de Forjamento Processo de Forjamento Histórico A conformação foi o primeiro método para a obtenção de formas úteis. Fabricação artesanal de espadas por martelamento (forjamento). Histórico Observava-se que as lâminas

Leia mais

Tubos. Especificações técnicas de fabricação

Tubos. Especificações técnicas de fabricação A Empresa Perfipar Uma completa estrutura, com mais de 500 colaboradores e capacidade de processar 80 mil toneladas de aço por ano, essa é a Perfipar. Uma empresa fundada no Paraná, que está em constante

Leia mais

Fundição em Moldes Metálicos Permanentes por Gravidade.

Fundição em Moldes Metálicos Permanentes por Gravidade. Aula 10: Processos de Fundição em Moldes Metálicos por Gravidade (Coquilhas) 01: Introdução - Características do processo - Etapas envolvidas. - Fatores econômicos e tecnológicos - Ligas emprwegadas 02:

Leia mais

PRODUTOS PARA CONsTRUçãO CIVIL E MECÂNICA

PRODUTOS PARA CONsTRUçãO CIVIL E MECÂNICA PRODUTOS PARA CONsTRUçãO CIVIL E MECÂNICA VOTORAÇO VS 50 Construção Civil Principais características dimensionais e de propriedades mecânicas do produto, conforme a ABNT NBR 7480. Especificação Diâmetro

Leia mais

TW104 TW105 TW106 TW114 TW204 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE.

TW104 TW105 TW106 TW114 TW204 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. TW104 TW105 TW106 TW114 TW204 MAIS QUE PRODUTOS. PRODUTIVIDADE. BROCAS PARA APLICAÇÃO GERAL LENOX-TWILL DESENVOLVIDAS PARA FURAR UMA AMPLA GAMA DE MATERIAIS, PROPORCIONANDO DESEMPENHO EFICIENTE COM EXCELENTE

Leia mais

BR 280 - KM 47 - GUARAMIRIM SC Fone 47 3373 8444 Fax 47 3373 8191 nitriondobrasil@terra.com.br www.nitrion.com

BR 280 - KM 47 - GUARAMIRIM SC Fone 47 3373 8444 Fax 47 3373 8191 nitriondobrasil@terra.com.br www.nitrion.com TÉCNICA DA NITRETAÇÃO A PLASMA BR 280 KM 47 GUARAMIRIM SC Fone 47 3373 8444 Fax 47 3373 8191 nitriondobrasil@terra.com.br www.nitrion.com A Nitrion do Brasil, presente no mercado brasileiro desde 2002,

Leia mais

Propriedades Mecânicas R: 480 MPa A: 27% D: 135 HB. Eletrodos GD. GD 99 SX AWS- E-NiCI. R: 500 MPa A: 20% D: 180 HB.

Propriedades Mecânicas R: 480 MPa A: 27% D: 135 HB. Eletrodos GD. GD 99 SX AWS- E-NiCI. R: 500 MPa A: 20% D: 180 HB. Eletrodos GD GD 99 SX - E-NiCI GD 99 -E-NiCI GD 60 -E-NiFeCI GD 60S -E-NiFeS GD ST -E-ST Propriedades R: 480 MPa A: 27% D: 135 HB R: 500 MPa A: 20% D: 180 HB R: 520 MPa A: 20% D: 180 HB R: 530 MPa A: 18%

Leia mais

Composição química do alumínio

Composição química do alumínio Índice Descrição Página Composição química do alumínio... 4 Propriedades mecânicas do alumínio... 5 Propriedades físicas do alumínio... 6 Comparativo do alumínio com outros metais... 6 Principais ligas,

Leia mais

Conceitos Iniciais. Forjamento a quente Forjamento a frio

Conceitos Iniciais. Forjamento a quente Forjamento a frio Forjamento Conceitos Iniciais Forjamento é o processo de conformação através do qual se obtém a forma desejada da peça por martelamento ou aplicação gradativa de uma pressão. Forjamento a quente Forjamento

Leia mais

Grupo Setorial de Metalurgia do Pó

Grupo Setorial de Metalurgia do Pó DIREITOS AUTORAIS O material contido neste documento é parte integrante do livro A METALURGIA DO PÓ: alternativa econômica com menor impacto ambiental Autor: Editora: METALLUM EVENTOS TÉCNICOS E CIENTÍFICOS

Leia mais

MATERIAIS COMPÓSITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho

MATERIAIS COMPÓSITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho MATERIAIS COMPÓSITOS Histórico Adobes reforçados com palha Egito 5000 anos. Concreto reforçado com barras de metal século XIX. Fibras de vidro 1970 Conceito São materiais formados por dois ou mais constituintes

Leia mais

Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos

Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos CAT. No. 9211 P NTN NTN Produtos que trazem benefícios em várias aplicações Equipamentos de siderurgia pertencem a grandes linhas que operam 24 horas por dia,

Leia mais

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Quimgax 2030 Quimgax 2004 Quimgax 2017 Quimgax 2043 Quimgax 2044 Quimgax 2777 Quimgax 2019 Quimgax 2143 Quimgax 2153 Quimgax 2061 e 2062 As gaxetas de fibras sintéticas

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

COBRE EXTRA COBRE MISTO

COBRE EXTRA COBRE MISTO #1 cobre COBRE EXTRA Cabos, fios grossos, barras chatas, fio trolley sem liga, limpas e vermelhas. Todo esse material devem ter no mínimo 1,65 mm de espessura e devem ser absolutamente vermelhos. Todos

Leia mais

AÇOS PARA FERRAMENTAS

AÇOS PARA FERRAMENTAS AÇOS PARA FERRAMENTAS FEA Processo de Fabricação de Aços Convencionais e s Lingotamento Convencional Forno Panela VD Lingotamento Contínuo ACIARIA Processo Fusão (Convencional): FEA (Forno Elétrico Arco)

Leia mais

PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA

PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA 1 Forjamento Ferreiro - Uma das profissões mais antigas do mundo. Hoje em dia, o martelo e a bigorna foram substituídos por máquinas e matrizes

Leia mais

Catálogo de Tubos. Soluções em aço

Catálogo de Tubos. Soluções em aço Catálogo de Tubos Soluções em aço A empresa Ao dirigir um carro, pedalar a bicicleta, se exercitar na academia e até mesmo na escola do seu filho, nós estamos lá. Sem que você perceba, os produtos fabricados

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO PROCESSO MIG BRAZING

BOLETIM TÉCNICO PROCESSO MIG BRAZING O PROCESSO Consiste na união de aços comuns, galvanizados e aluminizados, utilizando um processo de aquecimento à arco elétrico (MIG), adicionando um metal de adição a base de cobre, não ocorrendo a fusão

Leia mais

UDDEHOLM NIMAX UDDEHOLM NIMAX

UDDEHOLM NIMAX UDDEHOLM NIMAX UDDEHOLM NIMAX Uma ferramenta confiável e eficiente é essencial para se obter bons resultados. O mesmo se aplica na busca da alta produtividade e disponibilidade. Quando se escolhe um aço ferramenta muitos

Leia mais

Aula 3: Forjamento e Estampagem Conceitos de Forjamento Conceitos de Estampagem

Aula 3: Forjamento e Estampagem Conceitos de Forjamento Conceitos de Estampagem Aula 3: Forjamento e Estampagem Conceitos de Forjamento Conceitos de Estampagem Este processo é empregado para produzir peças de diferentes tamanhos e formas, constituído de materiais variados (ferrosos

Leia mais

PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO

PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO Amanda Alves PEIXOTO 1 Chelinton Silva SANTOS 1 Daniel Moreira da COSTA 1 Rosângela Chaves dos Santos GUISELINI 1 Eduardo Tambasco MONACO 2 RESUMO Este trabalho visa

Leia mais

METALURGIA DO PÓ (SINTERIZAÇÃO) 1. Introdução Transformação de pó de metais em peças pela aplicação de pressão e calor (sem fusão do metal base).

METALURGIA DO PÓ (SINTERIZAÇÃO) 1. Introdução Transformação de pó de metais em peças pela aplicação de pressão e calor (sem fusão do metal base). METALURGIA DO PÓ (SINTERIZAÇÃO) 1. Introdução Transformação de pó de metais em peças pela aplicação de pressão e calor (sem fusão do metal base). Etapas do processo: - obtenção dos pós metálicos - mistura

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS (Perfil 08) «

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS (Perfil 08) « CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS (Perfil 08) «21. A grafia incorreta do resultado da medição propicia problemas de legibilidade, informações desnecessárias e sem sentido. Considerando

Leia mais

As virtudes capitais das ligas de zinco na fundição

As virtudes capitais das ligas de zinco na fundição As virtudes capitais das ligas de zinco na fundição O que possuem em comum equipamentos e peças tão diversos como torneiras, chuveiros, grampeadores, lanternas, peças para luminotécnica, alto-falantes

Leia mais

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS EMPRESA PARANAPANEMA JULHO - 2013 COBRE INTRODUÇÃO - Fundamental no desenvolvimento das primeiras civilizações, o cobre mantém-se como o melhor e mais indicado material

Leia mais

AULA 6: MATERIAIS METÁLICOS

AULA 6: MATERIAIS METÁLICOS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO I E (TEC 156) AULA 6: MATERIAIS METÁLICOS Profª. Cintia Maria Ariani Fontes 1 MATERIAIS

Leia mais

Ligação Metálica Elétrons da última camada dão origem a nuvens eletrônicas Elétrons livres entre cátions de metais

Ligação Metálica Elétrons da última camada dão origem a nuvens eletrônicas Elétrons livres entre cátions de metais 1 2 3 Ligação Metálica Elétrons da última camada dão origem a nuvens eletrônicas Elétrons livres entre cátions de metais 4 Agregado de cátions mergulhados em um mar de elétrons livres Rede Cristalina Disposição

Leia mais

EMPRESA MISSÃO VISÃO VALORES

EMPRESA MISSÃO VISÃO VALORES EMPRESA A Axxio Pisos Elevados é fruto do compromisso permanente com a satisfação de seus clientes e com a inovação, com o intuito de que todos os serviços sejam cada vez mais ágeis e seguros. Para isso

Leia mais

Nosso negócio é criar soluções para ambientes

Nosso negócio é criar soluções para ambientes COMPONENTES Nosso negócio é criar soluções para ambientes Há 14 anos atuando no mercado, a Base home solutions é uma das principais empresas especializadas em criar, desenvolver e fabricar componentes

Leia mais

O mais variado mix de produtos em diversas qualidades, bitolas e dimensões.

O mais variado mix de produtos em diversas qualidades, bitolas e dimensões. Ed. Ago / 2013 O mais variado mix de produtos em diversas qualidades, bitolas e dimensões. 18787D-revista-tabelas-22x30.indd 1 16/08/13 17:27 AÇOS FERRAMENTA EQUIVALÊNCIAS AISI/SAE WERKSTOFF Nº DENOMINAÇÕES

Leia mais

Mecânica Tratamentos Térmicos

Mecânica Tratamentos Térmicos CPM - Programa de Certificação de Pessoal de Manutenção Mecânica Tratamentos Térmicos SENAI Departamento Regional do Espírito Santo 3 Tratamentos Térmicos - Mecânica SENAI - ES, 1997 Trabalho realizado

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Módulo IV Aula 04 Isolamento térmico AQUECIMENTO DE TUBULAÇÕES Motivos Manter em condições de escoamento líquidos de alta viscosidade ou materiais que sejam sólidos

Leia mais

Passado, presente e futuro

Passado, presente e futuro Passado, presente e futuro A SteelPack iniciou suas atividades em 1989 com beneficiamento de bobinas laminadas a quente e a frio, decapadas, zincadas e alumínio. Em 2011 ampliou sua capacidade produtiva,

Leia mais

Tubos mecânicos Vallourec. facilitam o seu trabalho e aumentam o seu retorno. www.vallourec.com/br

Tubos mecânicos Vallourec. facilitam o seu trabalho e aumentam o seu retorno. www.vallourec.com/br Tubos mecânicos Vallourec. facilitam o seu trabalho e aumentam o seu retorno. www.vallourec.com/br Tubos mecânicos: Aço VMec134AP Diferencial nas Condições de Fornecimento do VMec134AP. Análise Química

Leia mais

Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias

Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias CIAGN 1021 (2011) AGN Vedações Hidráulica, Pneumática e Serviços Ltda. Índice página 1. Introdução 3 2. Compostos das Gaxetas 3 3. Dimensões das Gaxetas 3 3.1 Gaxeta

Leia mais

A GGD METALS. Valores Tratativa humana e profissional, responsabilidade, meritocracia e reconhecimento aos comprometidos com a empresa.

A GGD METALS. Valores Tratativa humana e profissional, responsabilidade, meritocracia e reconhecimento aos comprometidos com a empresa. A GGD METALS A GGD Metals é a maior e mais diversificada distribuidora de aços e metais do país. Possui gestão altamente profissional e conta com diferenciais inéditos no setor de distribuição: forte poder

Leia mais

Os metais aparecem na natureza em estado livre ou compostos. Concentrados em jazidas. Os principais minérios são:

Os metais aparecem na natureza em estado livre ou compostos. Concentrados em jazidas. Os principais minérios são: Materiais Metálicos INTRODUÇÃO Metal (do ponto de vista tecnológico) pode ser definido como elemento químico que existe como cristal ou agregado de cristais, no estado sólido, caracterizado pelas seguintes

Leia mais

ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS - END Ensaios realizados em materiais, acabados ou semi acabados, para verificar a existência ou não de descontinuidades ou defeitos, através de princípios físicos definidos, sem

Leia mais

Ensaios Não Destrutivos

Ensaios Não Destrutivos Ensaios Não Destrutivos DEFINIÇÃO: Realizados sobre peças semi-acabadas ou acabadas, não prejudicam nem interferem a futura utilização das mesmas (no todo ou em parte). Em outras palavras, seriam aqueles

Leia mais

PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA

PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA PROCESSOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA 19/08/2008 1 CONFORMAÇÃO MECÂNICA Em um ambiente industrial, a conformação mecânica é qualquer operação durante a qual se aplicam esforços mecânicos

Leia mais

ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS

ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS ARAMES PARA SOLDA ARAME PARA SOLDA MIG GERDAU A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS Soldar com Gerdau-MIG é ter alto rendimento nos processos industriais em soldagens semiautomáticas, mecanizadas e robotizadas,

Leia mais

- PLACA DE CHOQUE: É construída com material Aço 1045, podendo levar um tratamento térmico para alcançar uma dureza de 45-48 HRC, se necessário.

- PLACA DE CHOQUE: É construída com material Aço 1045, podendo levar um tratamento térmico para alcançar uma dureza de 45-48 HRC, se necessário. Estampagem A estampagem é o processo de fabricação de peças, através do corte ou deformação de chapas em operação de prensagem geralmente a frio. A conformação de chapas é definida como a transição de

Leia mais

0,8 0,9 1,0 1,2 1,32 1,6 18-20 100-250 ROSETADO AWS A 5.18 ER70S-6 0,15 0,15 0,15 0,03

0,8 0,9 1,0 1,2 1,32 1,6 18-20 100-250 ROSETADO AWS A 5.18 ER70S-6 0,15 0,15 0,15 0,03 ARAMES PARA SOLDA A MELHOR OPÇÃO PARA INDÚSTRIAS Soldar com GerdauMIG é ter alto rendimento nos processos industriais em soldagens semiautomáticas, mecanizadas e robotizadas, nos mais diversos segmentos.

Leia mais

SUPORTES DE SOLO SUPORTE DE SOLO PARA EXTINTOR EM ALUMINIO POLIDO MODELO AP E PQS

SUPORTES DE SOLO SUPORTE DE SOLO PARA EXTINTOR EM ALUMINIO POLIDO MODELO AP E PQS CATALO DE PRODUTOS SUPORTES DE SOLO SUPORTE DE SOLO PARA EXTINTOR EM ALUMINIO POLIDO MODELO AP E PQS SUPORTE DE SOLO PARA EXTINTOR EM ALUMINIO E PINTURA EPOXI VERMELHO MODELO AP E PQS Aba na base que impede

Leia mais

GGD INOX MARTENSÍTICO

GGD INOX MARTENSÍTICO AÇOS INOXIDÁVEIS GGD INOX MARTENSÍTICO Generalidades Podem ser beneficiados para altas durezas e ampla faixa de resistência mecânica. São magnéticos e possuem boa usinabilidade. Resistência à corrosão:

Leia mais

Tubos, Projetos Especiais e Processos Agregados

Tubos, Projetos Especiais e Processos Agregados Tubos, Projetos Especiais e Processos Agregados Toda a qualidade em aço que você precisa www.meincol.com.br voestalpine AG A voestalpine está segmentada em 4 divisões: voestalpine. Uma empresa com forte

Leia mais

GLOSSÁRIO DE TRATAMENTOS TÉRMICOS E TERMOQUÍMICOS

GLOSSÁRIO DE TRATAMENTOS TÉRMICOS E TERMOQUÍMICOS 1 NITRAMET TRATAMENTO DE METAIS LTDA PABX: 11 2192 3350 nitramet@nitramet.com.br GLOSSÁRIO DE TRATAMENTOS TÉRMICOS E TERMOQUÍMICOS Austêmpera Tratamento isotérmico composto de aquecimento até a temperatura

Leia mais

Capítulo 76 Alumínio e suas obras

Capítulo 76 Alumínio e suas obras Nota. Capítulo 76 Alumínio e suas obras 1.- Neste Capítulo consideram-se: a) Barras: os produtos laminados, extrudados, estirados ou forjados, não enrolados, cuja seção transversal, maciça e constante

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS ASSISPAR - IND. E COM. DE PARAFUSOS LTDA PARAFUSOS PORCAS ARRUELAS MAT. FIXAÇÃO

CATÁLOGO DE PRODUTOS ASSISPAR - IND. E COM. DE PARAFUSOS LTDA PARAFUSOS PORCAS ARRUELAS MAT. FIXAÇÃO CATÁLOGO DE PRODUTOS - IND. E COM. DE PARAFUSOS LTDA PARAFUSOS PORCAS ARRUELAS MAT. FIXAÇÃO A Assispar Indústria e Comércio de Parafusos Ltda., é uma empresa especializada na fabricação e comercialização

Leia mais

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc.

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. Elementos de Vedação Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Conceito Vedação é o processo usado para impedir a passagem, de maneira estática ou dinâmica, de líquidos, gases e sólidos particulados

Leia mais

AÇOS ESTRUTURAIS. Fabio Domingos Pannoni, M.Sc., Ph.D. 1

AÇOS ESTRUTURAIS. Fabio Domingos Pannoni, M.Sc., Ph.D. 1 ESTRUTURAIS Fabio Domingos Pannoni, M.Sc., Ph.D. 1 INTRODUÇÃO Dentre os materiais encontrados no nosso dia-a-dia, muitos são reconhecidos como sendo metais, embora, em quase sua totalidade, eles sejam,

Leia mais

Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial

Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial 3 Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial Dados Técnicos Fevereiro/2004 Substitui: Janeiro/2002 Página 1 de Introdução: b As Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite foram

Leia mais

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS Em processo de certificação ISO-9001/2000 A EMPRESA Estamos apresentando a MEGAFORT INDUSTRIAL

Leia mais

Aço é uma liga metálica composta principalmente de ferro e de pequenas quantidades de carbono (em torno de 0,002% até 2%).

Aço é uma liga metálica composta principalmente de ferro e de pequenas quantidades de carbono (em torno de 0,002% até 2%). ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 3 Libânio M. Pinheiro, Cassiane D. Muzardo, Sandro P. Santos. 31 de março, 2003. AÇOS PARA ARMADURAS 3.1 DEFINIÇÃO E IMPORTÂNCIA Aço é uma liga metálica composta principalmente

Leia mais

Catálogo de Produtos. transformando o amanhã. ArcelorMittal Inox Brasil Tubos. ArcelorMittal Inox Brasil Tubos

Catálogo de Produtos. transformando o amanhã. ArcelorMittal Inox Brasil Tubos. ArcelorMittal Inox Brasil Tubos ArcelorMittal Inox Brasil Tubos Catálogo de Produtos transformando o amanhã ArcelorMittal Inox Brasil Tubos Rodovia Índio Tibiriçá, km Bairro Barro Branco CEP 0900 Ribeirão Pires/SP Departamento Comercial/Assistência

Leia mais

Curso de MIQ - Profa. Simone P. Taguchi Borges DEMAR/EEL/USP COBRE E SUAS LIGAS

Curso de MIQ - Profa. Simone P. Taguchi Borges DEMAR/EEL/USP COBRE E SUAS LIGAS Cobre e suas ligas 1 COBRE E SUAS LIGAS Cobre e suas ligas 2 PRINCIPAIS RESERVAS DE COBRE Encontram-se no Chile, EUA, Canadá,, antiga URSS, Peru, Zambia e Zaire CUSTO 3-4 vezes mais caro que o Al e 6-7

Leia mais

Objeto: EDITAL Nº 008/2011 - PROCESSO Nº 9966/2010 - PREGÃO PRESENCIAL RP - AQUISIÇÃO DE MATERIAIS PARA SERRALHERIA. Itens:

Objeto: EDITAL Nº 008/2011 - PROCESSO Nº 9966/2010 - PREGÃO PRESENCIAL RP - AQUISIÇÃO DE MATERIAIS PARA SERRALHERIA. Itens: IVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ Página: 1 / 15 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 1.05.020-000001 1.12.013-000014 1.12.013-000016 1.12.013-000010 1.10.030-000005

Leia mais

Cepex Sales Folder 06/2005. C Tipos de Plásticos

Cepex Sales Folder 06/2005. C Tipos de Plásticos epex Sales Folder 06/2005 C 1 Classificação dos plásticos Termoplásticos (usados para partes rígidas) Poliolefinas Cloretos de vinil Estirenos Polímeros fluorados Polipropileno, polietileno, etc. PVC-U,

Leia mais

Eixos e correntes. Como o mecânico de manutenção deverá proceder para reparar os defeitos citados acima?

Eixos e correntes. Como o mecânico de manutenção deverá proceder para reparar os defeitos citados acima? Eixos e correntes A UU L AL A Uma máquina em processo de manutenção preventiva apresentava vários eixos e algumas correntes, além de mancais que necessitavam de reparos. Entre os eixos, um cônico e um

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DE TUBOS DE AÇO CARBONO COM COSTURA

MANUAL TÉCNICO DE TUBOS DE AÇO CARBONO COM COSTURA MANUAL TÉCNICO DE TUBOS DE AÇO CARBONO COM COSTURA Índice 1. INTRODUÇÃO...73 2. FABRICAÇÃO DE TUBOS...73 3. NORMAS DE FABRICAÇÃO...75 4. INFORMAÇÕES TÉCNICAS...77 4.1 - Cálculo do Peso Teórico de um Tubo

Leia mais

Mabem Comércio em Geral Ltda. CNPJ: 04.138.024/0001-62 Insc. Estadual: 082.931.90-9 Rua Tabajara, nº99, Vila Velha ES, CEP: 29114-090

Mabem Comércio em Geral Ltda. CNPJ: 04.138.024/0001-62 Insc. Estadual: 082.931.90-9 Rua Tabajara, nº99, Vila Velha ES, CEP: 29114-090 1 Contato Financeiro: financeiro@mabem.com.br Contato Comercial: Contato@mabem.com.br Telefone: +55 (27) 3246-0888 Endereço: Rua Tabajara, nº99, São Torquato, Vila Velha ES CEP: 29114-090 Observações:

Leia mais

Classificação dos materiais. Profa. Daniela Becker

Classificação dos materiais. Profa. Daniela Becker Classificação dos materiais Profa. Daniela Becker Classificação dos materiais A classificação tradicional dos materiais é geralmente baseada na estrutura atômica e química destes. Classificação dos materiais

Leia mais

Aços Longos. Barras Trefiladas

Aços Longos. Barras Trefiladas Aços Longos Barras Trefiladas Transformar o amanhã. Mais do que um desafio, um compromisso ArcelorMittal. A Belgo agora é ArcelorMittal. Essa nova denominação é o resultado da união dos dois maiores fabricantes

Leia mais

Edfer, soluções em ferro e aço

Edfer, soluções em ferro e aço Edfer, soluções em ferro e aço Inaugurada em 2007, na cidade de Coronel Fabriciano, Vale do Aço - MG, a EDFER é uma empresa que atua no mercado de ferro e aço para estruturas metálicas, caldeiraria, usinagem,

Leia mais

Peças técnicas em feltro

Peças técnicas em feltro Peças técnicas em feltro A ARTE NA PRODUÇÃO DE PEÇAS TÉCNICAS DE FELTRO Nascida há mais de 50 anos, a Artenafex é hoje reconhecida como uma empresa especializada em buscar soluções para os mais diversos

Leia mais

Mineração GLOSSÁRIO. Aço: liga de ferro contendo carbono, manganês, silício e outros elementos.

Mineração GLOSSÁRIO. Aço: liga de ferro contendo carbono, manganês, silício e outros elementos. GLOSSÁRIO Mineração Acabamento: a aparência superficial dos produtos laminados é determinado pelas características superficiais do aço base juntamente com as condições do revestimento que, no caso das

Leia mais

Catálogo de produtos

Catálogo de produtos Catálogo de produtos Escovas Cilíndricas As escovas cilíndricas SUISSA são usadas em diversos tipos de máquinas, algumas de suas aplicações são nas varredeiras industriais de pisos, nos equipamentos de

Leia mais

Essa ferramenta pode ser fixada em máquinas como torno, fresadora, furadeira, mandriladora.

Essa ferramenta pode ser fixada em máquinas como torno, fresadora, furadeira, mandriladora. Brocas A broca é uma ferramenta de corte geralmente de forma cilíndrica, fabricada com aço rápido, aço carbono, ou com aço carbono com ponta de metal duro soldada ou fixada mecanicamente, destinada à execução

Leia mais

METALURGIA DO PÓ METALURGIA DO PÓ

METALURGIA DO PÓ METALURGIA DO PÓ METALURGIA DO PÓ Prof. M.Sc.: Anael Krelling 1 O MERCADO DA METALURGIA DO PÓ Ligas de Ferro com grande precisão e elevada qualidade estrutural Materiais de difícil processamento, com alta densidade e microestrutura

Leia mais

Escola Politécnica de Pernambuco Departamento de Ensino Básico PROGRAMA

Escola Politécnica de Pernambuco Departamento de Ensino Básico PROGRAMA PROGRAMA Disciplina: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO MECÂNICA Código: MECN0039 Carga Horária Semestral: 45 HORAS Número de Créditos: TEÓRICOS: 00; PRÁTICOS: 03; TOTAL: 03 Pré-Requisito: MECN0004 CIÊNCIA DOS MATERIAIS

Leia mais