Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas"

Transcrição

1 PT Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas

2 Seccion estandard en mm acondicionamento normal Kg acondicionamento normal lbs dimensão mm 5 mm.0. /8" /6" 6 mm mm /4" /" 4 mm 5 mm 5.0 9/6" " Superiores a 5 mm A pedido A pedido A pedido Por mais de 5 mm e secções rectangulares, a pedido Por mais de e secções rectangulares, a pedido P.S. Os produtos de carbografite não são compatíveis com oxidantes fortes em particular com oleum, água regia, ácico nítrico fumegante e fluoreto em alta concentração. Os dados fornecidos estão baseados na experiência periferica adquirida pelo produtor e podem ser modificados por CARRARA S.p.A. sem aviso. Os parâmetros de P, T e Velocidade estão correlacionados. Não use os produtos associando simultaneamente seus valores máximos sem consultar CARRARA S.p.A GR87 INCOBRAID INCOBRAID GR87. Gaxeta especial produzida com fio de puro carbono com reforço descontinuo metálico. A impregnação especial é feita em três fases: nos fios individuais, no corpo da gaxeta e na superficie. Um inibidor inorgânico de corrosão está presente na impregnação. Gaxeta para válvulas H.P. - H.T. em usinas termoelétricas e petroquímicas; recomendada onde quer que sejam requeridas resistência à temperatura e longa durabilidade., /+4* -/+8* +00** 0 0 GR80 GR80. Gaxeta produzida com fio de puro grafito. A impregnação é feita em três fases: nos fios individuais, no corpo da gaxeta e na superficie. Um inibidor inorgânico de corrosão está presente na impregnação. Disponível no estilo GR80R com reforço Inconel. Gaxeta recomendada para válvulas e bombas que manejam vapor e fluidos de processo a altas temperaturas /+4* -/+8* +00**

3 GR8888 GR8888. Gaxeta especial de grafite com alto teor de carbono (99%) torcido dobrado com o fim de fazê-la muito flexível à tensão e as curvaturas. Todos os filamentos são pre-tratados com grafite especial em mistura de dispersão com adição de inibidores contra a corrosão. Gaxeta recomendada para altas temperaturas em aplicações dinâmicas; não perde volume nem se vitrifica. GR86 GR86. Gaxeta de grafite flexível pure com reforço especial, impregnado com inibidor de corrosão e lubrificantes sólidos, aprovado API 6 Low Emission e EN477 Seção 6.7. GR86 é específico para Low Emission Serviço Válvulas em Refinarias, Petroquímica e Plantas de Gás. GR86 pode ser utilizado para qualquer serviço que é compatível com a grafite /+4* -/+8* +00** /+4* -/+8* +00** GR48 GR48. Gaxeta constituída de dois cabos diferentes: corpo de grafite expandida pura reforçados com grafite PAN. Além disso, cada fio é impregnado com grafite e um inibidor de corrosão. Gaxeta recomendada para válvulas e bombas que manejam vapor e fluidos de processo a altas temperaturas. GRSGR GRSGR. Gaxeta produzida com grafite flexível, impregnado com inibidor de corrosão e lubrificantes sólidos, aprovado low emission VDI-4. Gaxeta recomendada para válvulas e bombas que manejam vapor e fluidos de processo a altas temperaturas. 0 40,5 5-00/+4* -/+8* +00** ,5-00/+4* -/+8* +00** GR48 GR48. Gaxeta constituída de cabos de pura grafite mineral expandido, contínuo sem aglutinantes. Gaxeta recomendada para serviço de manutenção de válvulas e bombas como anéis medianos dos jogos de vedação em substituição dos anéis sem fim de grafita precomprimida. Indicado mais de 00 bar juntos anéis anti-extrusão. C0 C0. Gaxeta produzida com fio de puro carbono, impregnação individual, seções redonda e torcida com o fim de fazê-la muito flexível à tensão e as curvaturas. Um inibidor inorgánico de corrosão está presente na impregnação. Gaxeta específica para aplicações em bombas de alimentação de caldeiras, fluidos de processo e produtos petrolíferos /+4* -/+8* +00** 00 0,5 5-60/+0 -/+9 C0 C0. Gaxeta produzida com fio de carbografite préoxidado. A impregnação é feita em dois fases: no corpo da gaxeta e na superficie. Um inibidor inorgânico de corrosão está presente na impregnação. Gaxeta para serviço geral em bombas e para serviço de vapor em valvulas, indicadas tambem para fluidos de processo e produtos petrolíferos M.P. -M.T. C4L C4L. Gaxeta produzida com fio de carbografite PAN. A impregnação é feita com PTFE em dois fases: no corpo da gaxeta e na superficie. Um inibidor inorgânico de corrosão está presente na impregnação. Gaxeta recomendada para bombas que manejam vapor e fluidos de processo a altas temperaturas /+* +0** -60/+660* +9** ,5 5-60/+ -/+5 * Temperatura operativa **Temperatura limite para curto período de tempo

4 B04 DINAWHITE B04 DINAWHITE. Gaxeta especifica para a industria de papel, fabricada com uma fibra de composita com elevada carga de ruptura e baixissimo coefieciente de atrito dinâmico que da ao produto uma maior resistencia ao uso e maior durabilidade. Para misturadores, agitadores e bombas de massa. A aplicação desta gaxeta e extendida a todos os equipamentos de produção na industria do papel. PT54S PT54S. Gaxeta para as mais severas aplicações onde somente o PTFE puro assegura uma vedação eficiente. Cada fibra é lubrificada com um dissipador do calor para eliminar ao máximo a temperatura originada pe la fricção. Devido à absoluta inércia química do PTFE esta gaxeta é recomendada para aplicações dinâmicas com todos os produtos químicos, alimentícios y farmacêuticos /+ -/ SQ SQ. Gaxeta produzida com puro fio de PTFE expandido e lubrificante sólido encapsulado. A particularidade deste fio é a de combinar as qualidades do PTFE e do lubrificante sólido. Particularmente apropriada em bombas centrífugas. Adequada para todos os fluidos, exceto os oxidantes fortes. FDA-CFR PT5K PT5K. Gaxeta produzida com fio de puro PTFE com as quatro esquinas reforçadas com filamentos de fibra aramídica o que lhe confere maior resistência à extrusão e as altas pressões. Não mancha, apropriada para as indústrias alimentícias e químicas, recomendada para bombas centrífugas e alternativas, agitadores, válvulas em presença de ácidos, solventes y substâncias abrasivas /+ -/ /+ -/+5 GF7700 GFO GF7700. Gaxeta produzida com puro fio GFO. A particularidade deste fio é a de combinar as qualidades do PTFE e da grafite. A encapsulação do grafite no PTFE expandido elimina a migração do grafite e a expansão térmica. Particularmente apropriada em bombas centrífugas. Adequada para todos os fluidos, exceto os oxidantes fortes. GL7000 GL7000. Gaxeta produzida com puro fio de PTFE expandido e grafite encapsulado e lubrificante de silicone. Particularmente apropriada em bombas centrífugas. Adequada para todos os fluidos, exceto os oxidantes fortes /+ -/ /+ -/ GF7K GF7K. Gaxeta especial manufaturada com um método particular de processamiento. Produzida com fio PTFE/grafite encapsulado com esquinas de fibra aramida. Tal combinação melhora as características de resistência à extrusão e aumenta a resistência as pressões. Apropriada para aplicações em bombas centrífugas e alternativas, misturadores, apropriada para indústrias químicas e de alimentos. GF4770 GF4770. Gaxeta produzida com puro fio G4 GORE. A particularidade deste fio é a de combinar as qualidades do PTFE e da grafite sem lubrificante. Particularmente apropriada em valvulas e bombas. Adequada para todos os fluidos, exceto os oxidantes fortes /+ -/ /+ -/ Setting Compression Packings

5 KD6605 DINACOMB KD6605 DINACOMB. Gaxeta especial produzida com fio cardado de fibra aramídica original longa e retorcida, fabricada através do processo Seidel de cracking, esquinas reforçadas com fibra PBI. A impregnação é efetuada em três fases: uma nos fios, uma segunda durante o trançado e a terceira na superficie. Gaxeta desenvolvida, recomendada para fábricas de papel e da indústria alimentícia em bombas centas e alternativas, misturadores e agitadores. KD6604 KD6604. Gaxeta especial fabricada com fibra aramídica longa e retorcida, manufaturada através do processo Seidel de cracking. A impregnação é efetuada em três fases: uma nos fios, uma segunda durante o trançado e a terceira na superficie. Gaxeta apropriada para fábricas de papel e da indústria alimentícia em bombas centrífugas e alternativas, misturadores e agitadores na presença de fluidos abrasivos /+ -/ /+ -/ K6C K6C. Gaxeta manufaturada com uma fibra aramídica contínua impregnada com PTFE e lubrificante sem silicona. Gaxeta apropriada para fábricas de papel e da indústria em bombas centrífugas e alternativas, misturadores e agitadores na presença de fluidos abrasivos. N4 N4. Gaxeta manufaturada com uma fibra fenólica impregnada com PTFE e lubrificante sem silicona. Gaxeta apropriada para fábricas de papel e da indústria alimentícia em bombas centrífugas e alternativas, misturadores e agitadores na presença de fluidos abrasivos /+ -/ N4 N4. Gaxeta produzida com fios de fibra sintética expressamente selecionados em resposta à demanda de produtos de uso universal, impregnada com dispersão de PTFE e lubrificantes livres de silicone. Gaxetas para usos gerais em bombas centrífugas e alternativas, válvulas, agitadores e misturadores, na indústria em geral e nas instalações cíveis (águas de esgoto). R44 R44. Gaxeta manufaturada com fio de puro rami com impregnação especial de PTFE. O produto não danifican os eixos e é fácilmente ajustável. Gaxeta apropriada para bombas centrífugas e alternativas em fábricas de papel, de alimentos e nas indústrias petrolíferas, na presença de óleos, graxas, água, combustíveis e solventes fracos /+ -/ /+0-60/ V9944 V9944. Gaxeta manufaturada com fibra de vidro texturizada (Taslan da Du Pont) amplificada de 6 a 9 mícrons, levemente retorcida. A gaxeta é impregnada com uma mistura especial de PTFE concentrado lubrificantes livres de silicone. Tambén é produzida na versão não-impregnada (vidro seco) V9900. Gaxeta recomendada para usos gerais na presença de água, vapor, óleo, solventes produtos químicos. V9907 V9907. Gaxeta produzida com fibra retorcida de vidro texturizada (Taslan da Du Pont) de 6 a 9 mícrons, e impregnada com um composto especial com alta porcentagem de base de grafite, com uma leve adição de lubrificante e inibidor de corrosão. Gaxeta recomendada para aplicações em escotilhas, tampões de inspeção valvulas, na presença de vapores, gases, óleos, ácidos e substâncias básicas /+ -60/+5 -/+0-60/

6 Os textos e quadros deste catálogo são de propriedade de Carrara S.p.A.. Ou até mesmo a reprodução parcial estar proibida para a divulgação imprópria. 0 SETTING COMPRESSION PACKINGS - PT - 4 CARRARA SpA > via Provinciale, /E > ADRO (Bs) ITALY > Tel > Fax >

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Quimgax 2030 Quimgax 2004 Quimgax 2017 Quimgax 2043 Quimgax 2044 Quimgax 2777 Quimgax 2019 Quimgax 2143 Quimgax 2153 Quimgax 2061 e 2062 As gaxetas de fibras sintéticas

Leia mais

35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas

35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas 35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas GAXETA VEGETAL Gaxeta de Rami com PTFE - REF.: J-1067 Fabricada com fios de puro rami cardado, impregnada fio a fio

Leia mais

Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite

Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite i Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite Quimgax 2000IC Quimgax 2000S quimgax 2002 Quimgax 2025 Quimgax 2200 Quimgax 2202 As Gaxetas de Carbono e Grafite são uma excelente opção nas aplicações de vedação

Leia mais

Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva

Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva 1 /5 Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva 1. Introdução As emissões fugitivas surgiram como preocupação no cenário mundial nos anos 90, quando se estimou que 60-70% das emissões nas

Leia mais

U ma junta mal selecionada

U ma junta mal selecionada Especificação inadequada não resolve problemas de vedação U ma junta mal selecionada ou instalada de maneira incorreta e... desperdício de fluído ou até mesmo risco de acidente. Em tempos de competitividade

Leia mais

27 Sistemas de vedação II

27 Sistemas de vedação II A U A UL LA Sistemas de vedação II Ao examinar uma válvula de retenção, um mecânico de manutenção percebeu que ela apresentava vazamento. Qual a causa desse vazamento? Ao verificar um selo mecânico de

Leia mais

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA MATERIAIS ANEXO A Pág. - Tabela 1: Limites de temperatura de uso para os materiais... A1 - Tabela 2: Ratings e pressões de teste para válvulas: Materiais do Grupo 1.1... A3 - Tabela 3: Ratings e pressões

Leia mais

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS GAXETAS SECAS MANTA E TECIDO DE FIBRA CERÂMICA GAXETAS IMPREGNADAS FITAS CORTIÇA J U N T A E S P I R A L A D A FELTRO J U N T A D E V E D A Ç Ã O PAPELÃO HIDRAÚLICO F I T A P A T E N T E T E F L O N JUNTA

Leia mais

Trocadores de calor a placas. A otimização da troca térmica

Trocadores de calor a placas. A otimização da troca térmica Trocadores de calor a placas A otimização da troca térmica Um amplo conhecimento para otimizar seus processos As atividades da Alfa Laval têm um único objetivo: oferecer a você cliente tecnologias que

Leia mais

2 Reforço Estrutural com Compósitos de Fibra de Carbono

2 Reforço Estrutural com Compósitos de Fibra de Carbono 2 Reforço Estrutural com Compósitos de Fibra de Carbono 2.1. Introdução Os materiais estruturais podem ser divididos em quatro grupos: metálicos, cerâmicos, poliméricos e compósitos (Gibson, 1993). Em

Leia mais

Vedação. Selabilidade para a indústria e proteção ao meio ambiente. Gaxetas, Juntas Metálicas e Não-Metálicas. CURSO DE

Vedação. Selabilidade para a indústria e proteção ao meio ambiente. Gaxetas, Juntas Metálicas e Não-Metálicas. CURSO DE CURSO DE Vedação Selabilidade para a indústria e proteção ao meio ambiente. Gaxetas, Juntas Metálicas e Não-Metálicas. ÍNDICE INTRODUÇÃO GAXETAS 2 1. Definição...2 2. Tipos Construtivos...2 3. Gaxetas

Leia mais

Tecnologias avançadas em vedações industriais

Tecnologias avançadas em vedações industriais Tecnologias avançadas em vedações industriais Materiais de alta performance e isentos de amianto para todas as aplicações KLINGER Liderança global em vedações Instruções de instalação Informações importantes

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Soluções com Qualidade

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Soluções com Qualidade CATÁLOGO DE PRODUTOS Soluções com Qualidade no mundo Teadit Itália Paratico / Itália Teadit North America Houston / USA Teadit International Kufstein / Austria Teadit Juntas Campinas / Brasil Teadit Indústria

Leia mais

kymanual ou automática a escolha é sua

kymanual ou automática a escolha é sua . kymanual ou automática a escolha é sua Válvula borboleta LKB automática ou manual Aplicação ALKBéumaválvulaborboletasanitáriaacionadamanualou automaticamente para uso em sistemas com tubulações em aço

Leia mais

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental.

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. O mercado e diretrizes de empresas apontam cada vez mais para investimentos no sentido de reverter situações de contaminação

Leia mais

tecidos e Fitas Técnicas Aramtex Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 TC 600S e TC 600RT Termoceram 920 e 930 Termovid 901 e 951

tecidos e Fitas Técnicas Aramtex Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 TC 600S e TC 600RT Termoceram 920 e 930 Termovid 901 e 951 Tecidos e Fitas Técnicas tecidos Aramtex AR 443ACE Aramtex AR 580T, AR 580S e AR 580RT Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 ThermoCarbon TC 600S e TC 600RT Termoceram 1200 e 1600 Os

Leia mais

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Treinamento Antenor Vicente VEDAÇÃO PROCESSO USADO PARA IMPEDIR A PASSAGEM, DE MANEIRA ESTÁTICA OU DINÂMICA DE LÍQUIDOS, GASES E SÓLIDOS DE UM MEIO PARA OUTRO JUNTAS JUNTA É TODO MATERIAL

Leia mais

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc.

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. Elementos de Vedação Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Conceito Vedação é o processo usado para impedir a passagem, de maneira estática ou dinâmica, de líquidos, gases e sólidos particulados

Leia mais

Medição de Pressão e Temperatura V-Pad

Medição de Pressão e Temperatura V-Pad Medição de Temperatura em superfície de tubo WIKA Aplicações Refinarias (Petroquímicas) - Fornos - Parede de reatores - Reformadores (etileno) Geração de energia - Caldeiras Papel e celulose - Caldeiras

Leia mais

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C Válvula Globo de Assento Inclinado /-vias para produtos até +1 C O Tipo pode ser combinado com... Altos níveis de vazão Amplo ciclo de vida útil Programa de opção modular universal até os cabeçotes de

Leia mais

Secador e filtros para ar e gases. Garantia de ar comprimido puro e seco, aumento de produtividade e melhora na qualidade do ar na linha de produção.

Secador e filtros para ar e gases. Garantia de ar comprimido puro e seco, aumento de produtividade e melhora na qualidade do ar na linha de produção. Secador e filtros para ar e gases Garantia de ar comprimido puro e seco, aumento de produtividade e melhora na qualidade do ar na linha de produção. Secador e filtros para ar e gases Garantia de ar comprimido

Leia mais

Motores Térmicos. 9º Semestre 5º ano

Motores Térmicos. 9º Semestre 5º ano Motores Térmicos 9º Semestre 5º ano Aula 20. Sistema de Lubrificação Introdução Tipos de Sistemas de Lubrificação O percurso do óleo lubrificante Componentes do Sistema de lubrificação Óleo lubrificante

Leia mais

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Principais Aplicações Com um design modular, as bombas MBN são bombas horizontais segmentadas e bipartidas radialmente. São recomendadas para o bombeamento de líquidos

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

Programa. Conceitos e Tecnologia. Casos de Aplicação. Francisco Sousa E-mail: fsousa@teandm.pt Skype: fj.sousa M.: 967 125 465

Programa. Conceitos e Tecnologia. Casos de Aplicação. Francisco Sousa E-mail: fsousa@teandm.pt Skype: fj.sousa M.: 967 125 465 Apresentação Programa Conceitos e Tecnologia Casos de Aplicação Francisco Sousa E-mail: fsousa@teandm.pt Skype: fj.sousa M.: 967 125 465 Ciência das Superfícies Problemas Corrosão Fadiga Propriedades físicas

Leia mais

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-VED www.fcm.ind.br Vedações Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação Departamento de Ciência da

Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação Departamento de Ciência da Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação Departamento de Ciência da Informação e Documentação Disciplina: Conservação e Restauração

Leia mais

MATERIAIS COMPÓSITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho

MATERIAIS COMPÓSITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho MATERIAIS COMPÓSITOS Histórico Adobes reforçados com palha Egito 5000 anos. Concreto reforçado com barras de metal século XIX. Fibras de vidro 1970 Conceito São materiais formados por dois ou mais constituintes

Leia mais

TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR

TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR Prof. Humberto A. Machado Departamento de Mecânica e Energia DME Faculdade de Tecnologia de Resende - FAT Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Leia mais

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos Série P3000 Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000 Dados técnicos Recursos A pressão varia de Vácuo até 2.000 psi (140 bar) Precisão superior a 0,015 % de leitura. (Opção de precisão aumentada

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

Termopares Convencionais I

Termopares Convencionais I Termopares Convencionais I Introdução Definimos Termopares como sensores de medição de temperatura que são constituídos por dois condutores metálicos e distintos, puros ou homogêneos. Em uma de suas extremidades

Leia mais

CONGRESSO SAMPE-2015 FIBRAS DE CARBONO HISTÓRICO E APLICAÇÕES PRÁTICAS

CONGRESSO SAMPE-2015 FIBRAS DE CARBONO HISTÓRICO E APLICAÇÕES PRÁTICAS CONGRESSO SAMPE-2015 FIBRAS DE CARBONO HISTÓRICO E APLICAÇÕES PRÁTICAS O QUE É A FIBRA DE CARBONO? É um polímero carbonizado! Precursores da Fibra de carbono Poliacrilonitrila Teor de carbono fixo: 40-45%

Leia mais

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Medição Elétrica de Temperatura V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Folha de dados WIKA TE 65.59 Aplicações Indústrias Químicas Aplicações com vapor super aquecido Refinarias Fornos

Leia mais

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULA FERRO CLASSE GAVETA FUNDIDO 15 Válvula gaveta em ferro fundido ASTM A 16 B; classe 15 lbs; haste ascendente com rosca trapezoidal externa e castelo aparafusado

Leia mais

Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN

Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN Aplicação Para bloquear e controlar manualmente vapor saturado, ar, gases, óleo térmico, amônia, água quente, vácuo e líquidos neutros. Características Fole

Leia mais

4. O Ciclo das Substancias na Termoelétrica Convencional De uma maneira geral todas as substâncias envolvidas na execução do trabalho são o

4. O Ciclo das Substancias na Termoelétrica Convencional De uma maneira geral todas as substâncias envolvidas na execução do trabalho são o 1.Introdução O fenômeno da corrente elétrica é algo conhecido pelo homem desde que viu um raio no céu e não se deu conta do que era aquilo. Os efeitos de uma descarga elétrica podem ser devastadores. Há

Leia mais

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso.

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A próxima turma do curso VÁLVULAS INDUSTRIAIS está programada para o período de 16 a 19 de setembro de 2013, no Rio de

Leia mais

SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO

SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO KNOW-HOW ESPECIALIZADO MEDIANTE ORIENTAÇÃO NO SEGMENTO DE MERCADO TECNOLOGIAS E SERVIÇOS ESPECÍFICOS NO MERCADO Otimizar processos, assegurar a continuidade

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Técnico em Mecânica A respeito das bombas centrífugas é correto afirmar: A. A vazão é praticamente constante, independentemente da pressão de recalque. B. Quanto

Leia mais

Bipartida Axialmente

Bipartida Axialmente Linha BP BI-PARTIDA ROTOR DE DUPLA SUCÇÃO Bipartida Axialmente Soluções em Bombeamento INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas da linha BP de nossa fabricação. Nele constam

Leia mais

Quando tratamos das propriedades de um material transformado, segundo muitos pesquisadores, estas dependem de uma reciclagem bem sucedida. Para que isto ocorra, os flocos de PET deverão satisfazer determinados

Leia mais

Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial

Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial 3 Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite Industrial Dados Técnicos Fevereiro/2004 Substitui: Janeiro/2002 Página 1 de Introdução: b As Rodas para Remoção de Rebarbas Leves Scotch-Brite foram

Leia mais

Atualmente é Sócio Proprietário da DIGITALBRAIN Consultoria e Treinamento Ltda.

Atualmente é Sócio Proprietário da DIGITALBRAIN Consultoria e Treinamento Ltda. Formado em Engenharia Química pela FEI Faculdade de Engenharia Industrial e com cursos de Especialização em Embalagens nos U.S.A. e Alemanha, vem atuando no mercado de embalagens desde 1976 em empresas

Leia mais

-30.-40-40 -40-50 -40 X -90-190 X -70

-30.-40-40 -40-50 -40 X -90-190 X -70 APRESENTAÇÃO A FNCE, empresa nacional com tradição a mais de 0 anos no mercado de condutores elétricos esta comprometida com a qualidade de seus produtos, treinamentos dos seus colaboradores e preservação

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Módulo IV Aula 04 Isolamento térmico AQUECIMENTO DE TUBULAÇÕES Motivos Manter em condições de escoamento líquidos de alta viscosidade ou materiais que sejam sólidos

Leia mais

Electrobombas Superficie Marca Foras

Electrobombas Superficie Marca Foras Electrobombas Superficie Marca Foras ELECTROBOMBAS SUPERFICIE MARCA FORAS 1 NOTAS 2 PERIFÉRICA PE PE MODELO POTÊNCIA HP AMPERES ASP. COMP. 230 v 400 v 0,3 0,6 1,2 1,8 2,4 3 PE 50 0,5 2,4 1,1 1 1 40 33

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA CATÁLOGO TÉCNICO S E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA ÍNDICE S FIG. PÁG. Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.B. 10 1 Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.I. 11 2 Gaveta HA WCB FLG ASME

Leia mais

Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp

Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp Selos diafragma Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp WIKA folha de dados DS 99.41 outras aprovações veja página 3 Aplicações

Leia mais

www.imbil.com.br 1 1

www.imbil.com.br 1 1 www.imbil.com.br 1 1 INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas da linha BP de nossa fabricação. Nele constam informações técnicas de construção, e curvas características de cada

Leia mais

Geopolímero para reparo e reabilitação de vigas de concreto armado por P. Balaguru, Professor Stephen Kurtz e Jon Rudolph

Geopolímero para reparo e reabilitação de vigas de concreto armado por P. Balaguru, Professor Stephen Kurtz e Jon Rudolph Geopolímero para reparo e reabilitação de vigas de concreto armado por P. Balaguru, Professor Stephen Kurtz e Jon Rudolph À prova de fogo Reparos externos e reabilitação estrutural para infraestruturas

Leia mais

CORTE DOS METAIS. Prof.Valmir Gonçalves Carriço Página 1

CORTE DOS METAIS. Prof.Valmir Gonçalves Carriço Página 1 CORTE DOS METAIS INTRODUÇÃO: Na indústria de conformação de chapas, a palavra cortar não é usada para descrever processos, exceto para cortes brutos ou envolvendo cortes de chapas sobrepostas. Mas, mesmo

Leia mais

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 EXCELÊNCIA EM CONTROLE DE FLUXO 1 Válvula Globo de Controle Série 10 Características gerais As válvulas globo de controle de sede simples da série 10, produzidas pela

Leia mais

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 Selo diafragma Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 WIKA Folha técnica DS 99.27 Outras aprovações veja página 3 Aplicações Indústria de processos químicos

Leia mais

Broad Base. Best Solutions. PANOX Fibras PAN oxidadas

Broad Base. Best Solutions. PANOX Fibras PAN oxidadas Broad Base. Best Solutions. CARBON FIBERS and COMPOSITE MATERIALS PANOX Fibras PAN oxidadas 2 Fibras de carbono e materiais compósitos fabricados pelo SGL Group. Q Amplo portfólio de produtos Q Cadeia

Leia mais

Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias

Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias Catálogo de Gaxetas, Raspadores e Guias CIAGN 1021 (2011) AGN Vedações Hidráulica, Pneumática e Serviços Ltda. Índice página 1. Introdução 3 2. Compostos das Gaxetas 3 3. Dimensões das Gaxetas 3 3.1 Gaxeta

Leia mais

Continuously Improving Flow Control

Continuously Improving Flow Control Continuously Improving Flow Control Soluções focadas no cliente para as aplicações mais exigentes do mundo. A CIRCOR Energy é um provedor global líder no mercado de soluções integradas no controle de fluxo

Leia mais

Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor

Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor Aplicação Set points de 0,2 a 20 bar com válvulas de tamanho G ½, G ¾ e G1, bem como DN15, 25, 40 e 50 Pressão

Leia mais

ÓLEO DE MOTOR GENUINO HONDA

ÓLEO DE MOTOR GENUINO HONDA ÓLEO DE MOTOR GENUINO HONDA Designação: SAE 10W30 MA JASO T903 MA Embalagem de 1 litro Embalagem de 1Litro 08232M99SL1HE 13,90 Designação: SAE 10W30 MA JASO T903 MA Embalagem de 4 litros Embalagem de 4Litros

Leia mais

Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda.

Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda. Informações gerais: Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda. Fábrica: Fone/Fax: Site : E-mail : Data da Fundação: Rua: Amélio Koga, / - Vila Invernada São Paulo - SP. (0) - worldval@worldval.com.br

Leia mais

'111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111.

'111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111. '111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111111. Composição: Tubos em Poliamida Flexível (Nylon 6) - Excelente resistência mecânica, resistência química, boa estabilidade

Leia mais

Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção e lesões aos trabalhadores.

Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção e lesões aos trabalhadores. 3M Proteção Passiva Contra Fogo Aplicações para Oil & Gas Permitir a Continuidade Operacional e Ajudar a Proteger Vidas Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção

Leia mais

Manual de Instruções POÇOS TERMOMÉTRICOS POR. Instrumentação Industrial para Pressão e Temperatura

Manual de Instruções POÇOS TERMOMÉTRICOS POR. Instrumentação Industrial para Pressão e Temperatura Instrumentação Industrial para Pressão e Temperatura POR Manual de Instruções MI-TW-POR_2 10/2014 Copyright Nuova Fima S.p.A. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida

Leia mais

Medição de vazão. Aplicações. Características especiais. Descrição

Medição de vazão. Aplicações. Características especiais. Descrição Medição de vazão Bocal de vazão para instalação interna na tubulação, modelo FLC-FN-PIP Bocal de vazão para montagem entre flanges, modelo FLC-FN-FLN WIKA folha de dados FL 10.03 Aplicações Geração de

Leia mais

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica Descrição Geral: Equipamento esterilizador horizontal automático para esterilização por vapor saturado de alta temperatura com duas

Leia mais

Marcação máxima. Observar as informações na placa de características. II 1/2 G. Ex d + e/d IIC Ga/Gb I M 1. Ex d + e I Ma. Certificado Conformidade

Marcação máxima. Observar as informações na placa de características. II 1/2 G. Ex d + e/d IIC Ga/Gb I M 1. Ex d + e I Ma. Certificado Conformidade s relativas às instruções Ao trabalhar em zonas com risco de explosão, a segurança de pessoas e equipamentos depende do cumprimento dos regulamentos de segurança relevantes. As pessoas que são responsáveis

Leia mais

Roda CP Scotch-Brite Industrial Dados Técnicos Janeiro / 2002

Roda CP Scotch-Brite Industrial Dados Técnicos Janeiro / 2002 3 Roda CP Scotch-Brite Industrial Dados Técnicos Janeiro / 2002 Substitui: Dezembro/2000 Página 1 de 14 Introdução: As Rodas Scotch-Brite C&P (Cutting & Polishing) são um eficiente e econômico produto

Leia mais

KITS DE ISOLAMENTO PARA FLANGES

KITS DE ISOLAMENTO PARA FLANGES KITS DE ISOLAMENTO PARA FLANGES Kits de Isolamento para Flanges Trata-se de um conjunto de peças cuja função é isolar eletricamente flanges de tubulações da passagem de correntes estranhas, evitando a

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação 517 Válvula Globo 2/2 Vias - Acionamento Manual Apresentação Válvula Globo metálica flangeada (tipo aerodinâmica), acionada manualmente por volante. Ideal para o controle ou bloqueio de fluidos como: vapor,

Leia mais

BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC

BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC www.bomax.com.br ISO BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC Reservamo-nos o direito de alterar as informações deste folheto sem prévio aviso. Fotos meramente ilustrativas (Agosto/2015) 1 Características

Leia mais

MÉTODOS DE CONSERVAÇÃO DE ENERGIA EM CALDEIRAS

MÉTODOS DE CONSERVAÇÃO DE ENERGIA EM CALDEIRAS 1/5 MÉTODOS DE CONSERVAÇÃO DE ENERGIA EM CALDEIRAS Uma parcela considerálvel do custo de operação de caldeiras envolve o gasto com combustível. Independente do tipo utilizado (óleo combustível, gás natural,

Leia mais

BRAY / McCANNALOK Válvulas tipo wafer, tipo lug e flangeadas de alto desempenho

BRAY / McCANNALOK Válvulas tipo wafer, tipo lug e flangeadas de alto desempenho Uma Divisão da Bray international Inc. BRAY / McCANNALOK Válvulas tipo wafer, tipo lug e flangeadas de alto desempenho BRAY / McCANNALOK VÁLVULAS BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO, ALTA PRESSÃO, ALTA TEMPERATURA

Leia mais

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo TUBOS INOX Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo erro de edição, os preços são válidos para

Leia mais

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Página 1 a 6 TI-D221-02 M40Fi ISO Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Descrição A válvula M40Fi ISO é uma válvula esfera de passagem reduzida, com construção monobloco, e tem montagem

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 1800

V Á L V U L A S SÉRIE 1800 V Á L V U L A S SÉRIE 1800 As válvulas de agulha miniatura da Série 1800 foram desenvolvidas para regulagem e bloqueio de fluidos para os mais diversos tipos de aplicação em laboratórios,amostragem de

Leia mais

CLEARPOINT. A Qualidade do Ar Comprimido

CLEARPOINT. A Qualidade do Ar Comprimido CLEARPOINT CLEARPOINT A Qualidade do Ar Comprimido CARACTERÍSTICAS Meio A filtração efetiva para ar e gases comprimidos e essencial para quase todas as aplicações industriais. A linha CLEARPOINT da BEKO

Leia mais

Atlas Copco Filtros para ar comprimido DDx, PDx, QDx e QDT - simples, eficientes e confiáveis. O filtro certo para sua aplicação

Atlas Copco Filtros para ar comprimido DDx, PDx, QDx e QDT - simples, eficientes e confiáveis. O filtro certo para sua aplicação tlas Copco Filtros para ar comprimido DDx, PDx, QDx e QDT - simples, eficientes e confiáveis O filtro certo para sua aplicação Tratamento de ar - um investimento necessário O perigo oculto no ar sem tratamento

Leia mais

Fração. Página 2 de 6

Fração. Página 2 de 6 1. (Fgv 2014) De acordo com dados da Agência Internacional de Energia (AIE), aproximadamente 87% de todo o combustível consumido no mundo são de origem fóssil. Essas substâncias são encontradas em diversas

Leia mais

Elementos de Máquinas

Elementos de Máquinas Professor: Leonardo Leódido Sumário Tipos (continuação) Contato plano-frontal para junções móveis. Contato plano-frontal para junções móveis. Contato plano-frontal para junções móveis. Frontais: é composto

Leia mais

Meter run Modelo FLC-MR

Meter run Modelo FLC-MR Medição de vazão Meter run Modelo FLC-MR WIKA folha de dados FL 10.02 Aplicações Geração de energia Produção de óleo e refino Tratamento e distribuição de água Processamento e transmissão de gases Indústria

Leia mais

OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO

OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO O produto OXY-PRIMER é um tipo de tinta de cobertura cimentosa que não é composto de resinas normais, mas que adere como cimento. O cimento adere

Leia mais

Usinagem Fluido de Corte

Usinagem Fluido de Corte 1 Funções do fluido de corte: Caráter Funcional Redução do atrito entre ferramenta e cavaco Expulsão dos cavacos gerados (principalmente em furações profundas) Refrigeração da ferramenta Refrigeração da

Leia mais

PRODUTOS PARA VEDAÇÃO E ISOLAMENTO TÉRMICO

PRODUTOS PARA VEDAÇÃO E ISOLAMENTO TÉRMICO PRODUTOS PARA VEDAÇÃO E ISOLAMENTO TÉRMICO Gaxetas - Papelões Hidráulicos - Produtos em PTFE - Graflex - Juntas Metálicas Vedando para um amanhã mais verde e seguro Gaxetas 2007G - PTFE Expandido com Grafite

Leia mais

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza...

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza... Índice Introdução... 1 Aplicação / Características... 2 Material / Acabamento... 3 Instalação / Cavitação / NPSH... 4 Manutenção / Limpeza... Tipos de Selos Mecânicos... 6 Composição dos Selos Mecânicos...

Leia mais

TRATAMENTO DA ÁGUA PARA GERADORES DE VAPOR

TRATAMENTO DA ÁGUA PARA GERADORES DE VAPOR Universidade Federal do Paraná Curso de Engenharia Industrial Madeireira MÁQUINAS TÉRMICAS AT-101 Dr. Alan Sulato de Andrade alansulato@ufpr.br 1 INTRODUÇÃO: A água nunca está em estado puro, livre de

Leia mais

Filtros T e ROTOFILTERS

Filtros T e ROTOFILTERS Introdução O entupimento de emissores (gotejadores, microaspersores e tubo gotejadores) é a mais importante limitação dos sistemas de irrigação localizada. A dimensão da passagem de água destes componentes

Leia mais

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS MANIFOLD As válvulas Manifold, produzidas pela Detroit, foram desenvolvidas e dimensionadas para tornar uma tubulação de instrumentos de diferencial de pressão mais simples, mais segura e mais confiável.

Leia mais

Todas as válvulas produzidas pela Detroit, depois de montadas, são testadas hidrostaticamente em bancadas de teste.

Todas as válvulas produzidas pela Detroit, depois de montadas, são testadas hidrostaticamente em bancadas de teste. SÉRIE 75 Válvulas de agulha com haste rotativa CARACTERÍSTICAS DE CONSTRUÇÃO 1) Guia da haste ou preme gaxeta mantêm uma tolerância justa entre a haste e a porca, e um preciso alinhamento com o assento

Leia mais

Série RTM E RTB Reatores de Média e Baixa Pressão

Série RTM E RTB Reatores de Média e Baixa Pressão Série RTM E RTB Reatores de Média e Baixa Pressão Figura 1 RTM/RTB 5L Série RTM 2.5 a 1000 RTB 2.5 a 1000 Capacidades 2.5 a 1000 L 2.5 a 1000 L Pressão de Trabalho (PMT) -1.0 / + 10.0 bar (150 psi) -1.0

Leia mais

Continuously Improving Flow Control

Continuously Improving Flow Control Continuously Improving Flow Control Soluções focadas no cliente para as aplicações mais exigentes do mundo. A CIRCOR Energy é um provedor global líder no mercado de soluções integradas no controle de fluxo

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

Baixa densidade Produto económico

Baixa densidade Produto económico R PN 0 PK 0 PA 0 EFINIÇÃO: Paineis semi-rígidos (0 kg/m ) de espessura uniforme, constituídos de fibras de lã de rocha aglutinadas com resina sintética termo-endurecida, - PN 0 sem revestimento. - PK 0

Leia mais

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3.1. Metodologia Neste capítulo, com base na Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro, é apresentada a metodologia utilizada para as estimativas de emissões de

Leia mais

Tinta para sinalização horizontal rodoviária à base de resina estireno-acrilato e/ou estireno-butadieno

Tinta para sinalização horizontal rodoviária à base de resina estireno-acrilato e/ou estireno-butadieno MT - DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESTRADAS DE RODAGEM INSTITUTO DE PESQUISAS RODOVIÁRIAS IPR DIVISÃO DE CAPACITAÇÃO TECNOLÓGICA Rodovia Presidente Dutra, km 163 - Centro Rodoviário - Vigário Geral Rio de Janeiro,

Leia mais

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B TE 65.30 Termopares Modelo reto com inserto de medição substituível Medição Eletrônica de Temperatura para medição de gás de combustão Modelo TC 501 Aplicações - altos fornos, aquecedores de ar - processos

Leia mais

Bomba Circuladora SLX-PMP/6A. Manual do Usuário

Bomba Circuladora SLX-PMP/6A. Manual do Usuário Bomba Circuladora SLX-PMP/6A Manual do Usuário Manual do Usuário SOLX - Bomba Circuladora - SLX-PMP/6A Reservados os direitos de alteração sem prévio aviso. Versão 1 - outubro/2013 Permitida a reprodução

Leia mais

BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA

BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA - Aplicação /Características As Bombas Centrifugas Sanitárias "METAL LIMPO", são aplicadas nas indústrias alimentícias, quimicas e farmacêuticas. Possuem projeto e construção

Leia mais