LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS"

Transcrição

1

2 GAXETAS SECAS MANTA E TECIDO DE FIBRA CERÂMICA GAXETAS IMPREGNADAS FITAS CORTIÇA J U N T A E S P I R A L A D A FELTRO J U N T A D E V E D A Ç Ã O PAPELÃO HIDRAÚLICO F I T A P A T E N T E T E F L O N JUNTA DE EXPANSÃO METÁLICA SELANTE (SILICONE) J U N TA D E E X PA N S Ã O N Ã O -M E T Á L I C A VELUMOIDE CELERON Tecidos de Fibra de Vidro, Aramida (Kevlar); Fibra Cerâmica, Silíca, Carbono, Tecido siliconizado, Lona antic h a m a, D e f l e t o r a e aluminizado LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS P A P E L Ã O I S O L A N T E SELO MECÂNICO

3 GAXETAS SECAS As gaxetas secas conhecidas também como corda. Também fabricadas de amianto ou isentas de amianto tal como, fibra de vidro, fibra cerâmica, aramida (kevlar) entre outras. Este tipo de isolamento é a mais utilizada em ambientes térmicamente agressivos tais como, caldeiras, trocadores de calor, portas de fornos, tubulações, etc. A função das gaxetas impregnadas é a de controlar perdas de fluidos para que haja um bom funcionamento dos equipamentos mecânicos que trabalham com fluidos entre eixos, hastes ou outras partes funcionais. Construída com fios trançados de fibras naturais ou sintéticas, sem descaracterizar a maciez, flexibilidade e resiliencia, com resistência mecânica para suportar os esforços inerentes às aplicações estáticas ou dinâmica. GAXETAS IMPREGNADAS CORTIÇA A cortiça é produzida a partir da casca do carvalho é largamente utilizada na industria, principalmente onde era utilizada as juntas de amianto. Podendo ser fornecida na composição natural ou emborrachada. O feltro de lã tende sempre a voltar a sua posição original, mesmo se submetido a uma tensão ou pressão por um período longo, podendo ser usado como, vedação acústica e térmica e com ótima resistência à abrasão. FELTRO PAPELÃO HIDRAÚLICO O papelão hidráulico (PH) é utilizado para vedação estática de fluídos, composto de basicamente de fibras, minerais, substancias químicas, agentes vulcanizantes e borrachas. Podendo conter amianto ou ser isento do mesmo em sua composição. PTFE ou politetrafluoretileno oferece uma excelente combinação de propriedades químicas, elétrica, mecânica, térmica e de anti-aderência. Utilizado em revestimentos e em mancais. Suas principais propriedades são: Resistência química, Antiaderente, Mecânica, Térmica e Elétrica. TEFLON

4 SELANTE O silicone Dow Corning 736 Selante Resistente ao Calor é uma pasta mono-componente, cuja cura se processa através da exposição aos vapores de água no ar, transformando-se numa borracha sólida. Este produto de silicone foi formulado para operar em temperaturas variando de -65 ºC a 260 ºC para operação contínua e a 316 ºC para exposição intermitente. VELUMOIDE O Guarnital é especificamente destinado à fabricação de juntas de vedação, para: compressores, condutores de óleo, tampas de válvulas, flanges de tubulações, etc. O Guarnital não corrói as partes metálicas com as quais está em contato, visto não provocar fenômenos eletrolíticos por ser de atividade absolutamente neutra. O Celeron é uma placa rígida, fabricada a partir de uma resina fenólica e fios de algodão que resiste a choque de cargas elevadas e ao desgaste, que pode ser utilizado a temperatura constante de 120 ºC, com picos de 170 ºC. Fornecemos placas e tarugos das mais diversas espessuras. CELERON APLICAÇÃO: mancais, chapas de desgaste, anéis, buchas, chapas de proteção, cunhas, guias, acoplamentos, arruelas, painéis, cremalheiras, suportes, engrenagens, carreteis, peças isolantes. LONA DE FREIO Lonas de freio isentas de amianto. Sendo fornecida como lonas moldadas, trançadas flexíveis em rolos, lonas trançadas especiais, placas planas moldadas e peças especiais para uso geral em equipamentos. Fornecemos conforme desenho do projeto ou amostra. O Papelão Isolante é utilizado em todos os casos que necessite de proteção contra fogo ou um isolante térmico semi-estrutural. Podendo ser adquirido com amianto ou isento. A composição básica dos isolantes térmicos isentos de amianto é de fibra de alumina e sílica, com traços de materiais orgânicos. Fornecido em placas rígidas, flocos ou pó. P A P E L Ã O I S O L A N T E RECOMENDAÇÃO: Para os mais diversos serviços e seguimentos tais como: construção de fornos, paredes corta fogo, isolante térmico, tratamento térmico, entre outros. Utilizado nas industrias siderúrgicas, fundições, indústria química, entre outras.

5 MANTA E TECIDO DE FIBRA CERÂMICA A manta fibra cerâmica é um produto composto basicamente por sílica e alumina com elevado grau de pureza, com vasta aplicação no mercado de isolamento térmico industrial de alta temperatura. A manta de fibra cerâmica é resistente, leve e flexível. Podendo ser fornecida em mantas secas ou úmidas. O tecido de fibra cerâmica é recomendado para serviços até 800 C quando recebe reforço de fios de fibra de vidro e 1200ºC com fios de Níquel Cromo, ambos sem solicitação mecânica em regimes contínuos. Largamente aplicado em todos os casos que há necessidade de proteção contra fogo ou isolação térmica. FITAS Fitas para isolamento térmico, de fácil manuseio e fixação. Podendo ser tipo plana ou tubular. Tem grande resistência a intemperes, flexíveis e de baixo custo. Podendo ser confeccionas em fibra de vidro, fibra cerâmica, aramida (kevlar), entre outros. As Juntas de Vedação e Fitas Patentes são utilizadas como vedação para portas, fornos, estufas, tampas de caldeiras, bombas, válvulas, visores para caldeiras, trocadores de calor, ventiladores, compressores, geradores, tampas de recipientes como Babcock, Conterna, Dedini, CBC, ATA, Conservit, Zanini, etc. As fitas patente são confeccionadas em tecido de Aramida, Fibra de Vidro, Fibra Cerâmica, Silica, Carbono entre outros materiais. As juntas espiraladas são formadas por uma fita composta de algum tipo metal e recheadas internamente por um material macio, como PTFE, grafite, fibra cerâmica, entre outros. J U N T A E S P I R A L A D A J U N T A D E V E D A Ç Ã O F I T A P A T E N T E Cortamos juntas em diversos materiais tais como: papelão hidráulico, PTFE, cortiças, borrachas, papelão isolante, velumoide, etc. As juntas de vedação podem receber envolvimento de PTFE, conhecida com também de junta envelope. Cortamos juntas conforme desenho ou amostra.

6 JUNTA DE EXPANSÃO METÁLICA J U N TA D E E X PA N S Ã O N Ã O -M E T Á L I C A Fabricamos juntas de expansão conforme desenho, norma ou especificação técnica. Dentre os tipos de juntas de expansão, destacamos: JUNTAS DE EXPANSÃO NÃO-METÁLICAS São juntas confeccionadas com tecido isolante e demais materiais destinados a dar resistência mecânica, química e térmica a esta junta. Geralmente são fornecidas no formato tubular ou sanfonado. Podem suportar temperatura de até C, dependendo do tipo de tecido e revestimento interno da junta. Com a abolição do amianto, preferencialmente utilizamos tecido de Aramida ou Fibra Cerâmica, atendendo assim a uma ampla faixa de temperatura e as Normas ISO 14000, podendo ser utilizadas por indústrias químicas, cimenteiras, siderúrgicas, etc. JUNTAS DE EXPANSÃO METÁLICAS São juntas de expansão destinadas a alta classe de pressão e trabalhos extremos. Suportam temperaturas elevadíssimas e diversos produtos químicos. São utilizadas para absorver movimentos em tubulações. São fabricadas com foles metálicos em aço inoxidável (série 300), possibilitando receber terminais flangeados, ponta para solda ou conexões roscadas, desde ½" até 80" de diâmetro para trabalhos sob temperaturas de (-) 180 a (+) 700 C. Abaixo seguem os diversos tipos de junta de expansão metálica. METÁLICA N Ã O -M E T Á L I C A

7 Tecido de Fibra de Vidro, Aramida (Kevlar); Fibra Cerâmica; Silíca; Carbono; Tecido siliconizado; Lona anti-chama; Defletora e aluminizado Fitas Planas Tecidos e Fitas Tecidos e fitas isolantes possuem alta resistência evitando passagem de calor, proteção de solda e resistência sob as mais severas aplicações industriais. São utilizados na: confecção de correias; confecção de juntas de expansão; confecção de colchão isolante; cortina anti-chama; cortina para resfriamento lento de solda; isolamento térmico de equipamentos; isolamento térmico de mangueiras; isolamento térmico de cabos elétricos, isolamento térmico de tubulações; revestimento térmico de mangueiras; revestimento de escapamentos; forração de painel naval; jaqueta para válvulas. Os tipos de Tecidos são: Tecido de Fibra de Vidro; Tecido de Fibra Aramida; Tecido de Fibra Cerâmica; Tecido de Silíca; Tecido de Carbono; Tecido siliconizado; Lona anti-chama; Defletora e aluminizado; Peças especiais Tecidos Aluminizados Cortinas Fitas Especiais Colchão isolante

8 Comercializamos qualquer tipo de Selo Mecânico, especial, nacional ou importado para qualquer aplicação, temperatura, pressão. Os selos mecânicos são comumente utilizados em bombas, compressores, reatores, misturadores, etc. Temos Selos Mecânicos para uso geral, selo mecânico tipos 6, 21, comum, em viton, com faces de carbeto de silício, tungstênio, cerâmica, grafite, inox. SELO MECÂNICO Fazemos recuperação, reforma, conserto e lapidação de selos mecânicos de qualquer tipo e modelo, nacionais ou importados de qualquer marca, com a máxima precisão e tecnologia de ponta, no menor prazo de entrega do mercado, a recuperação de selos mecânicos pode gerar uma economia de até 50% para sua empresa. Todos os selos mecânicos quando recuperados são submetidos a rigoroso controle de qualidade e a testes hidrostático e hidrodinâmico. SELO MECÂNICO

35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas

35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas 35 anos solucionando problemas em Vedação e Isolação Térmica. Especificações técnicas GAXETA VEGETAL Gaxeta de Rami com PTFE - REF.: J-1067 Fabricada com fios de puro rami cardado, impregnada fio a fio

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras

Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Gaxetas de Fibras Sintéticas e Outras Quimgax 2030 Quimgax 2004 Quimgax 2017 Quimgax 2043 Quimgax 2044 Quimgax 2777 Quimgax 2019 Quimgax 2143 Quimgax 2153 Quimgax 2061 e 2062 As gaxetas de fibras sintéticas

Leia mais

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc.

Elementos de Vedação. Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. Elementos de Vedação Prof. João Paulo Barbosa, M.Sc. ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Conceito Vedação é o processo usado para impedir a passagem, de maneira estática ou dinâmica, de líquidos, gases e sólidos particulados

Leia mais

tecidos e Fitas Técnicas Aramtex Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 TC 600S e TC 600RT Termoceram 920 e 930 Termovid 901 e 951

tecidos e Fitas Técnicas Aramtex Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 TC 600S e TC 600RT Termoceram 920 e 930 Termovid 901 e 951 Tecidos e Fitas Técnicas tecidos Aramtex AR 443ACE Aramtex AR 580T, AR 580S e AR 580RT Termoflex 610 e Termoflex HT Termovid 910N, 1000 e 1600 ThermoCarbon TC 600S e TC 600RT Termoceram 1200 e 1600 Os

Leia mais

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com.

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com. VARANDA 5 6 9 SUPORTE LATERAL 12 4 7 10 8 Código: 17010101 Descrição: Conjunto suporte lateral regulável Ø 13mm: 1 - Manopla - PA rosca M10 SS 304 2 - Arruela - M12 24mm SS 304 3 - Olhal - M10 PA M10 SS

Leia mais

TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO

TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS METÁLICOS São feitos em metal (normalmente aço inox), fechado em uma das extremidades através de solda ou caldeamento, e, quase sempre rosqueado na outra parte e fixo ao. TUBOS CERÂMICOS São muito

Leia mais

ISOLANTES TÉRMICOS. Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00

ISOLANTES TÉRMICOS. Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00 ISOLANTES TÉRMICOS Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00 catalogofinal25.05.indd 2 25/5/2010 12:56:01 ÍNDICE Apresentação 5 Tecido de fibra de vidro 6 Fio

Leia mais

Trocadores de calor a placas. A otimização da troca térmica

Trocadores de calor a placas. A otimização da troca térmica Trocadores de calor a placas A otimização da troca térmica Um amplo conhecimento para otimizar seus processos As atividades da Alfa Laval têm um único objetivo: oferecer a você cliente tecnologias que

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

Referência na fabricação de lençóis de borracha com altíssima resistência ao desgaste CATÁLOGO

Referência na fabricação de lençóis de borracha com altíssima resistência ao desgaste CATÁLOGO Referência na fabricação de lençóis de borracha com altíssima resistência ao desgaste CATÁLOGO A Pang do Brasil é uma empresa com 36 anos de experiência na fabricação de peças para revestimento em borracha.

Leia mais

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo TUBOS INOX Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo erro de edição, os preços são válidos para

Leia mais

Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva

Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva 1 /5 Recomendações papa as Válvulas de Baixa Emissão Fugitiva 1. Introdução As emissões fugitivas surgiram como preocupação no cenário mundial nos anos 90, quando se estimou que 60-70% das emissões nas

Leia mais

Peças técnicas em feltro

Peças técnicas em feltro Peças técnicas em feltro A ARTE NA PRODUÇÃO DE PEÇAS TÉCNICAS DE FELTRO Nascida há mais de 50 anos, a Artenafex é hoje reconhecida como uma empresa especializada em buscar soluções para os mais diversos

Leia mais

www.dancor.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS REV. - ABR/2010 Pág- 1

www.dancor.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS REV. - ABR/2010 Pág- 1 REV. - ABR/21 Pág- 1 Índice Vista Geral das Curvas de Desempenho...4-5 Série HBI(N) - Centrífugas Multi-estágios HBI(N) - 2...6-7 HBI(N) - 4...8-9 Série CB(I) - Centrífugas Multi-estágios CB(I) - 2...1-11

Leia mais

NR 06. Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por:

NR 06. Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por: Página1 II - Proteção para os membros superiores: NR 06 Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por: 1. Materiais ou objetos

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 EXCELÊNCIA EM CONTROLE DE FLUXO 1 Válvula Globo de Controle Série 10 Características gerais As válvulas globo de controle de sede simples da série 10, produzidas pela

Leia mais

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo)

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo) Manual Técnico A3405.0P Bombas Submersas 1. Aplicação É recomendada para o abastecimento de água limpa ou levemente contaminada, abastecimento de água em geral, irrigação e sistemas de aspersão pressurizados

Leia mais

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes.

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Série M Série P Válvulas de Guilhotina - Série M Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Manual Pneumática Dados de Operação BITOLA 50 2 65 21/2 80 3 100 4 125 5 150 6 200

Leia mais

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso.

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A próxima turma do curso VÁLVULAS INDUSTRIAIS está programada para o período de 16 a 19 de setembro de 2013, no Rio de

Leia mais

U ma junta mal selecionada

U ma junta mal selecionada Especificação inadequada não resolve problemas de vedação U ma junta mal selecionada ou instalada de maneira incorreta e... desperdício de fluído ou até mesmo risco de acidente. Em tempos de competitividade

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS GERAIS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS GERAIS Armários Construídos em madeira compensada laminada do tipo virola naval de 15 mm de espessura, revestido internamente laminado melamínico liso e externamente em laminado melamínico texturizado. Os que

Leia mais

Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite

Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite i Gaxetas de Fibra de Carbono e de Grafite Quimgax 2000IC Quimgax 2000S quimgax 2002 Quimgax 2025 Quimgax 2200 Quimgax 2202 As Gaxetas de Carbono e Grafite são uma excelente opção nas aplicações de vedação

Leia mais

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA MATERIAIS ANEXO A Pág. - Tabela 1: Limites de temperatura de uso para os materiais... A1 - Tabela 2: Ratings e pressões de teste para válvulas: Materiais do Grupo 1.1... A3 - Tabela 3: Ratings e pressões

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

APRESENTAÇÃO 2014 VISÃO CORPORATIVA PETROENGE PETRÓLEO ENGENHARIA LTDA. - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

APRESENTAÇÃO 2014 VISÃO CORPORATIVA PETROENGE PETRÓLEO ENGENHARIA LTDA. - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS VISÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO 2014 PETROENGE PETRÓLEO ENGENHARIA LTDA. - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS EMPRESA Presente no mercado desde 1999, a PETROENGE é uma empresa de engenharia focada na maximização

Leia mais

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Medição Elétrica de Temperatura V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Folha de dados WIKA TE 65.59 Aplicações Indústrias Químicas Aplicações com vapor super aquecido Refinarias Fornos

Leia mais

27 Sistemas de vedação II

27 Sistemas de vedação II A U A UL LA Sistemas de vedação II Ao examinar uma válvula de retenção, um mecânico de manutenção percebeu que ela apresentava vazamento. Qual a causa desse vazamento? Ao verificar um selo mecânico de

Leia mais

INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS

INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II ÁGUA QUENTE 1 UTILIZAÇÃO Banho Especiais Cozinha Lavanderia INSTALAÇÕES

Leia mais

Continuously Improving Flow Control

Continuously Improving Flow Control Continuously Improving Flow Control Soluções focadas no cliente para as aplicações mais exigentes do mundo. A CIRCOR Energy é um provedor global líder no mercado de soluções integradas no controle de fluxo

Leia mais

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 APRESENTAÇÃO Atuando no mercado desde 1988, a DRAGTEC, empresa conceituada no mercado de tubos, apresenta sua linha de produtos para comercialização,

Leia mais

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental.

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. O mercado e diretrizes de empresas apontam cada vez mais para investimentos no sentido de reverter situações de contaminação

Leia mais

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE MANUAL TÉCNICO Série: FBE Aplicação Desenvolvida para trabalhar com fluidos viscosos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração, alimentícia,

Leia mais

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS IFSC- JOINVILLE SANTA CATARINA DISCIPLINA DESENHO TÉCNICO CURSO ELETRO-ELETRÔNICA MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS 2011.2 Prof. Roberto Sales. MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS A

Leia mais

POLICARBONATO CHAPAS COMPACTAS. Estilo com Tecnologia. Alveolar - Compacto - Telhas - Acessórios de Instalação

POLICARBONATO CHAPAS COMPACTAS. Estilo com Tecnologia. Alveolar - Compacto - Telhas - Acessórios de Instalação POLICARBONATO CHAPAS COMPACTAS Estilo com Tecnologia Alveolar - Compacto - Telhas - Acessórios de Instalação CHAPAS COMPACTAS Chapa em policarbonato compacto, com tratamento em um dos lados contra o ataque

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA CATÁLOGO TÉCNICO S E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA ÍNDICE S FIG. PÁG. Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.B. 10 1 Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.I. 11 2 Gaveta HA WCB FLG ASME

Leia mais

- Castelo selado a pressão: "Pressure Seal" - Castelo soldado c/ anel de assento. - Anel lanterna - somente classes 300-600 - 900-1500.

- Castelo selado a pressão: Pressure Seal - Castelo soldado c/ anel de assento. - Anel lanterna - somente classes 300-600 - 900-1500. NICSA Válvulas de Fundido Gaveta - Globo - Retenção Classes ANSI 150-300 - 600-900 - 1500 FVAF-0206 Gaveta NICSA Globo Retenção Pressões de conforme API - 598 Classe 150 psi Classe 300 psi Classe 600 psi

Leia mais

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULA FERRO CLASSE GAVETA FUNDIDO 15 Válvula gaveta em ferro fundido ASTM A 16 B; classe 15 lbs; haste ascendente com rosca trapezoidal externa e castelo aparafusado

Leia mais

Adesivo Stop Pregos. Adesivo MS Ultra Express. Excelente aderência em diversos tipos de material base.

Adesivo Stop Pregos. Adesivo MS Ultra Express. Excelente aderência em diversos tipos de material base. Produtos Químicos Líder de mercado na maioria dos países europeus; O mais alto nível de atendimento ao cliente do segmento industrial; Excelente imagem da marca: 92% dos engenheiros de estruturas e arquitetos

Leia mais

A Minas Metal está localizada em Matozinhos MG - em uma área própria de 40.000 m² com 8.000 m² construído dividido em seis galpões.

A Minas Metal está localizada em Matozinhos MG - em uma área própria de 40.000 m² com 8.000 m² construído dividido em seis galpões. FUNDIÇÃO USINAGEM CALDEIRARIA MANUTENÇÃO - FABRICAÇÃO E REFORMAS DE EQUIPAMENTOS A Minas Metal está localizada em Matozinhos MG - em uma área própria de 40.000 m² com 8.000 m² construído dividido em seis

Leia mais

INTER. Engenharia e Equipamentos

INTER. Engenharia e Equipamentos Bomba Engrenagem Selo Mecânico Série 4000 General Purpose Pumps Vazão até 18.600 LPH, Pressões até 34 bar(g). Temperaturas até 260 Celsius. Viscosidades de até 100.000 cps Rotações de até 1.750 rpm. Construida

Leia mais

LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA ALUMINIZADOS

LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA ALUMINIZADOS LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA EMPRESA Há mais de 10 anos no mercado a Suprema Luvas se destacou na fabricação de luvas para diversos segmentos, como construção civil, metalúrgicas, siderúrgicas.

Leia mais

GLASS Bombas e Válvulas

GLASS Bombas e Válvulas GLASS Bombas e Válvulas Divisão bombas ECOFLUX ECOFLUX BOMBAS CENTRIFUGAS PARA ESGOTO, ÁGUAS SERVIDAS E LÍQUIDOS COM SÓLIDOS EM SUSPENSÃO APLICAÇÕES: ESGOTO BRUTO GRADEADO OU NÃO Três opções de impulsores

Leia mais

SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO

SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO SOLUÇÕES DE VEDAÇÕES PARA A INDÚSTRIA DE PROCESSO KNOW-HOW ESPECIALIZADO MEDIANTE ORIENTAÇÃO NO SEGMENTO DE MERCADO TECNOLOGIAS E SERVIÇOS ESPECÍFICOS NO MERCADO Otimizar processos, assegurar a continuidade

Leia mais

Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção e lesões aos trabalhadores.

Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção e lesões aos trabalhadores. 3M Proteção Passiva Contra Fogo Aplicações para Oil & Gas Permitir a Continuidade Operacional e Ajudar a Proteger Vidas Os efeitos de um incêndio em uma unidade petroquímica podem gerar perdas de produção

Leia mais

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão Transformando energia em soluções Motores de Alta Tensão Motores de alta tensão A WEG desenvolveu em conjunto com consultoria internacional especializada uma linha de motores de carcaça de ferro fundido

Leia mais

Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas

Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas PT Setting Compression Packings gaxetas para bombas e valvulas Seccion estandard en mm acondicionamento normal Kg acondicionamento normal lbs dimensão mm 5 mm.0. /8" /6" 6 mm mm.5 5.5 /4" /" 4 mm 5 mm

Leia mais

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação MANUAL TÉCNICO Série: FBME Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração,

Leia mais

INTERNAL PIPE PROTECTION INTERNAL PIPE PROTECTION

INTERNAL PIPE PROTECTION INTERNAL PIPE PROTECTION TM INTERNAL PIPE PROTECTION INTERNAL PIPE PROTECTION Fiberware/Duoline Technologies Sua solução de baixo custo para resolver os problemas altamente caros causados pela corrosão. O Sistema Duoline da Fiberware

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

Inovação e qualidade em sistemas de filtração

Inovação e qualidade em sistemas de filtração Inovação e qualidade em sistemas de filtração A Vemag é uma empresa que atua com filtração e bombeamento de fluidos, em diversas áreas de aplicações. Através de uma equipe de técnicos capacitados, oferece

Leia mais

Compósitos. Os materiais compostos são formados apenas por duas fases: MATRIZ, que é contínua e envolve a outra fase, denominada FASE DISPERSA,

Compósitos. Os materiais compostos são formados apenas por duas fases: MATRIZ, que é contínua e envolve a outra fase, denominada FASE DISPERSA, Os materiais compostos são formados apenas por duas fases: MATRIZ, que é contínua e envolve a outra fase, denominada FASE DISPERSA, As propriedades são obtidas através da quantidade, da geometria da fase

Leia mais

WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL

WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL SOBRE A WATTCRON Fundada em 1997 com sede própria na rua Gonçalves Dias, 69 - Catumbi - São Paulo - SP. A Wattcron tem o compromisso com a qualidade

Leia mais

POLICARBONATO COMPACTO

POLICARBONATO COMPACTO POLICARBONATO COMPACTO Chapa em policarbonato compacto, com tratamento em um dos lados contra o ataque dos raios ultravioleta (garantia de 10 anos contra amarelamento). Por sua alta transparência, a chapa

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

bainha pote fio do termoelétrico solda do rabicho CARACTERÍSTICAS

bainha pote fio do termoelétrico solda do rabicho CARACTERÍSTICAS junta de medida bainha pote resina plug de fechamento isolação mineral fio do termoelétrico solda do rabicho rabicho TIPOS DE TERMOPARES: São: T, J, K, E, N na versão simples, duplo ou triplo isolados

Leia mais

ENSAIOS NÃO DESTRUTIVOS - END Ensaios realizados em materiais, acabados ou semi acabados, para verificar a existência ou não de descontinuidades ou defeitos, através de princípios físicos definidos, sem

Leia mais

- JUNTA PARA FLANGE FACE COM RESSALTO (RF) Há dois tipos quanto à altura do ressalto: 1/16" e 1/4" este tipo de face recebe juntas cortadas e o diâmetro externo dessas juntas tangencia os parafusos. O

Leia mais

Bipartida Axialmente

Bipartida Axialmente Linha BP BI-PARTIDA ROTOR DE DUPLA SUCÇÃO Bipartida Axialmente Soluções em Bombeamento INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas da linha BP de nossa fabricação. Nele constam

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Módulo IV Aula 04 Isolamento térmico AQUECIMENTO DE TUBULAÇÕES Motivos Manter em condições de escoamento líquidos de alta viscosidade ou materiais que sejam sólidos

Leia mais

Elementos de Máquinas

Elementos de Máquinas Professor: Leonardo Leódido Sumário Tipos (continuação) Contato plano-frontal para junções móveis. Contato plano-frontal para junções móveis. Contato plano-frontal para junções móveis. Frontais: é composto

Leia mais

www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892

www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892 www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892 Index - Anéis O rings - Gaxetas - Raspadores - Reparos - Retentores - Placas - Rolamentos para Bombas - Rotativos - Bombas - Peças Especiais - Dumax Comercial

Leia mais

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002 Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior Goulds Pumps Goulds Modelos 5150/VJC Bombas cantiléver verticais Projetadas para lidar com lamas corrosivas

Leia mais

Acessórios para Drywall

Acessórios para Drywall Acessórios para Drywall 1 Painéis de Gesso Sheetrock UltraLight Inovação Até 30% mais leve que as chapas disponíveis no mercado; Combina formulações existentes e processos com novas tecnologias patenteadas.

Leia mais

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO V Á L V U L A S MANIFOLD Série 2700 LAMINADO Índice Informações gerais... 02 Manifold de 2 vias... 04 Manifold de 3 vias... 09 Manifold de 5 vias... 12 Suporte... 15 1 As modernas válvulas Manifold Série

Leia mais

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza...

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza... Índice Introdução... 1 Aplicação / Características... 2 Material / Acabamento... 3 Instalação / Cavitação / NPSH... 4 Manutenção / Limpeza... Tipos de Selos Mecânicos... 6 Composição dos Selos Mecânicos...

Leia mais

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho TERMORESISTÊNCIA GRÁFICO DEMONSTRATIVO DOS DESVIOS NAS TERMORESISTÊNCIAS CLASSES A e B TOLERÂNCIA ºC,,,0,,,,,0,,,,,0 0, 0, 0, 0, TERMORESISTÊNCIA CLASSE B TERMORESISTÊNCIA CLASSE A -00-00 0,0 00 00 00

Leia mais

Módulo: REFRATÁRIOS Agosto/2014

Módulo: REFRATÁRIOS Agosto/2014 Módulo: REFRATÁRIOS Agosto/2014 Refratários Isolantes e Cálculos de Isolação Moacir da Ressurreição Agosto 2014 1/30 Isolantes Definição Tipos Finalidade Características Formatos Processo de Fabricação

Leia mais

COLETÂNEA DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS AÇO INOXIDÁVEL

COLETÂNEA DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS AÇO INOXIDÁVEL COLETÂNEA DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS AÇO INOXIDÁVEL Composição química e aplicações dos aços inoxidáveis Composição química dos aços inoxidáveis austeníticos Composicão química, % máxima (A) Opcional. Martensíticos

Leia mais

CATÁLOGO GERAL TELAS TRANSPORTADORAS E CORREIAS DE TRANSMISSÃO

CATÁLOGO GERAL TELAS TRANSPORTADORAS E CORREIAS DE TRANSMISSÃO CATÁLOGO GERAL TELAS TRANSPORTADORAS E CORREIAS DE TRANSMISSÃO Correias Transportadoras A MOVICONTROL, S.A. presente no mercado desde 1987, possui uma grande experiência no fornecimento de soluções para

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 1800

V Á L V U L A S SÉRIE 1800 V Á L V U L A S SÉRIE 1800 As válvulas de agulha miniatura da Série 1800 foram desenvolvidas para regulagem e bloqueio de fluidos para os mais diversos tipos de aplicação em laboratórios,amostragem de

Leia mais

KSB KRT. Bombas submersíveis DN 40 a DN 700 para instalação úmida Ferro fundido e vários materiais para esgoto municipal e industrial

KSB KRT. Bombas submersíveis DN 40 a DN 700 para instalação úmida Ferro fundido e vários materiais para esgoto municipal e industrial Manual técnico A 2553.0P/1 KSB KRT Bombas submersíveis DN 40 a DN 700 para instalação úmida Ferro fundido e vários materiais para esgoto municipal e industrial 60 Hz limite padrão Para projetos com características

Leia mais

Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR

Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR Bomba Centrífuga Vertical Multiestágio Grundfos CR Motor Grundfos A Grundfos desenvolve motores para garantir o desempenho máximo. Todos os motores Grundfos são EFF1 (alto rendimento) e extremamente silenciosos.

Leia mais

Catálogo Técnico. www.novema.com.br

Catálogo Técnico. www.novema.com.br Catálogo Técnico 2014 www.novema.com.br ÍNDICE VÁLVULAS: Fig. Pág. Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VB NVM 01 F 04 Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VI NVM 02 F 05 Gaveta HA WCB FLG ANSI 150 LBS NVM 03 06

Leia mais

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Principais Aplicações Com um design modular, as bombas MBN são bombas horizontais segmentadas e bipartidas radialmente. São recomendadas para o bombeamento de líquidos

Leia mais

Produto Rendimento Espessura Textura Catalisador Aplicações Características. K-4060 Catalise 5 X 1 em volume

Produto Rendimento Espessura Textura Catalisador Aplicações Características. K-4060 Catalise 5 X 1 em volume SISTEMA PU - 4000 - Tintas Industriais Esmalte E-4000 6,5 m2/litro sem diluição. 50 a 60 µm K-4060 Catalise 5 X 1 Excelente acabamento para pintura de caixa eletrônico, ônibus, baús, orelhões, painéis

Leia mais

Tecnologias avançadas em vedações industriais

Tecnologias avançadas em vedações industriais Tecnologias avançadas em vedações industriais Materiais de alta performance e isentos de amianto para todas as aplicações KLINGER Liderança global em vedações Instruções de instalação Informações importantes

Leia mais

ASPERSÃO TÉRMICA EQUIPAMENTOS PLASMA SPRAY PROCESSO PLASMA

ASPERSÃO TÉRMICA EQUIPAMENTOS PLASMA SPRAY PROCESSO PLASMA ASPERSÃO TÉRMICA PROCESSO Resumidamente, Aspersão Térmica consiste em um grupo de processos em que materiais metálicos e não metálicos são projetados na forma fundida ou semifundida sobre uma superfície

Leia mais

Termopares Convencionais I

Termopares Convencionais I Termopares Convencionais I Introdução Definimos Termopares como sensores de medição de temperatura que são constituídos por dois condutores metálicos e distintos, puros ou homogêneos. Em uma de suas extremidades

Leia mais

Evaporadores. Ciclo de refrigeração

Evaporadores. Ciclo de refrigeração Evaporadores Ciclo de refrigeração Evaporadores Função Extrair calor do meio a ser resfriado (ar, água ou outra substância). Processo Mudança de estado do gás refrigerante, da fase líquida para a fase

Leia mais

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica Descrição Geral: Equipamento esterilizador horizontal automático para esterilização por vapor saturado de alta temperatura com duas

Leia mais

linha de selos componentes

linha de selos componentes linha de selos componentes Empresas do grupo AESSEAL Projetistas e Fabricantes de Selos Mecânicos e Sistemas de Suporte de Selagem Divisão de Selos Componentes Uma Linha Completa de Selos Mecânicos A AESSEAL

Leia mais

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS

CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS CATÁLOGO INSTITUCIONAL SET. 2008 CATÁLOGO INSTITUCIONAL MEGAFORT INDUSTRIAL HIDRÁULICA LTDA. CILINDROS HIDRÁULICOS Em processo de certificação ISO-9001/2000 A EMPRESA Estamos apresentando a MEGAFORT INDUSTRIAL

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS VÁLVULAS DE ESFERA Válvulas de esfera compactas de duas e três vias, de fechamento rápido e de fácil acionamento, para uso geral na indústria, controle de fluídos e instrumentação. As válvulas

Leia mais

EQUIPAMENTOS ROTATIVOS

EQUIPAMENTOS ROTATIVOS 1 INTRODUÇÃO EQUIPAMENTOS ROTATIVOS O objetivo da presente apostila é prestar informações mínimas, a nível técnico, sobre os principais equipamentos rotativos utilizados na indústria de petróleo e petroquímica.

Leia mais

Manual de Reservatório de PRFV Vetro

Manual de Reservatório de PRFV Vetro Índice: 1. Introdução...2 2. Características dos reservatórios Vetro...2 a) Liner...2 b) Estrutura...2 c) Flanges...2 d) Etiqueta...2 3. Modelos de reservatórios...3 4. Testes de Qualidade...4 5. Recomendações

Leia mais

125/200 150/300 PN 16 PN

125/200 150/300 PN 16 PN VÁLVULAS DE BRONZE SOBRE A MIPEL Após mais de 60 anos de aperfeiçoamento e inovação, a marca Mipel é hoje tradicionalmente reconhecida como sinônimo de qualidade para válvulas de bronze. Além disso, possui

Leia mais

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Treinamento Antenor Vicente VEDAÇÃO PROCESSO USADO PARA IMPEDIR A PASSAGEM, DE MANEIRA ESTÁTICA OU DINÂMICA DE LÍQUIDOS, GASES E SÓLIDOS DE UM MEIO PARA OUTRO JUNTAS JUNTA É TODO MATERIAL

Leia mais

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Página1 UTILIZAÇÃO FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Para remoção de Oleína (*) em sistemas que utilizam GLP. Segundo

Leia mais

FITAS ADESIVAS PARA A INDÚSTRIA ELETROELETRÔNICA LAMINAÇÃO DE VIDROS E BLINDADORES

FITAS ADESIVAS PARA A INDÚSTRIA ELETROELETRÔNICA LAMINAÇÃO DE VIDROS E BLINDADORES FITAS ADESIVAS PARA A INDÚSTRIA ELETROELETRÔNICA LAMINAÇÃO DE VIDROS E BLINDADORES GUIA GERAL DE PRODUTOS E SOLUÇÕES INDUSTRIAIS FITAS PARA A INDÚSTRIA METALÚRGICA, SIDERURGIA INDÚSTRIA DE PAPEL E PAPELÃO,

Leia mais

www.imbil.com.br 1 1

www.imbil.com.br 1 1 www.imbil.com.br 1 1 INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas da linha BP de nossa fabricação. Nele constam informações técnicas de construção, e curvas características de cada

Leia mais

CATÁLOGO PAINÉIS PAINÉIS ISOTÉRMICOS CÂMARA FRIGORÍFICA SALA LIMPA PORTAS E ACESSÓRIOS

CATÁLOGO PAINÉIS PAINÉIS ISOTÉRMICOS CÂMARA FRIGORÍFICA SALA LIMPA PORTAS E ACESSÓRIOS CATÁLOGO PAINÉIS PAINÉIS ISOTÉRMICOS CÂMARA FRIGORÍFICA SALA LIMPA LDR Em lã de rocha ecologicamente correta, alta resistência ao fogo, densidade entre 80 e 165 kg/m³. Resistência térmica da LDR em até

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO SOLDAGEM DE COBRE E SUAS LIGAS

BOLETIM TÉCNICO SOLDAGEM DE COBRE E SUAS LIGAS INTRODUÇÃO A união de cobre e suas ligas podem ser efetuadas por processos de soldagem e brasagem O processo de brasagem é adequado para componentes de dimensões relativamente pequenas, devido a grande

Leia mais

PROJETOS EM INSTRUMENTAÇÃO E AUTOMAÇÃO INSTRUMENTAÇÃO - TEMPERATURA

PROJETOS EM INSTRUMENTAÇÃO E AUTOMAÇÃO INSTRUMENTAÇÃO - TEMPERATURA MÉTODO DE MEDIÇÃO Podemos dividir os medidores de temperatura em dois grandes grupos, conforme a tabela abaixo: 1º grupo (contato direto) Termômetro à dilatação de líquidos de sólido Termômetro à pressão

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI CÓD: MAN001-10 REVISÃO: 00 27/09/2010 ÍNDICE INTRODUÇÃO...3 1. PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO...6 2. IDENTIFICAÇÃO DO EQUIPAMENTO...6

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Podemos filtrar ou separar para aproveitar tanto a parte líquida quanto a parte sólida.

Podemos filtrar ou separar para aproveitar tanto a parte líquida quanto a parte sólida. 1. FILTRAGEM 1/6 É o processo que tem como objetivo de separar mecanicamente sólidos de líquidos ou gases. Quando a separação se faz por meio de coalescência ou centrifugação, dizemos que se trata apenas

Leia mais