TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SANTOS (SEDE) CONCURSO PÚBLICO 1. ESCREVENTE TÉCNICO JUDICIÁRIO. Português e Conhecimentos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SANTOS (SEDE) CONCURSO PÚBLICO 1. ESCREVENTE TÉCNICO JUDICIÁRIO. Português e Conhecimentos"

Transcrição

1 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE SANTOS (SEDE) CONCURSO PÚBLICO 1. ESCREVENTE TÉCNICO JUDICIÁRIO Português e Conhecimentos INSTRUÇÕES VOCÊ RECEBEU SUA FOLHA DE RESPOSTAS E ESTE CADERNO CONTENDO 70 QUESTÕES. CONFIRA SEU NOME E NÚMERO DE INSCRIÇÃO NA CAPA DESTE CADERNO. LEIA CUIDADOSAMENTE AS QUESTÕES E ESCOLHA A RESPOSTA QUE VOCÊ CONSIDERA CORRETA. RESPONDA A TODAS AS QUESTÕES. ANOTE NA TIRA A ALTERNATIVA QUE JULGAR CERTA E TRANSCREVA-A PARA A FOLHA DE RESPOSTAS, COM CANETA DE TINTA AZUL OU PRETA. A DURAÇÃO DA PROVA É DE 4 HORAS. A SAÍDA DO CANDIDATO DO PRÉDIO SERÁ PERMITIDA APÓS TRANSCORRIDA 1 HORA DO INÍCIO DA PROVA E O CANDIDATO SOMENTE PODERÁ LEVAR ESTE CADERNO APÓS TRANSCORRIDAS 2 HORAS. AO TERMINAR A PROVA, VOCÊ ENTREGARÁ AO FISCAL A FOLHA DE RESPOSTAS. AGUARDE A ORDEM DO FISCAL PARA ABRIR ESTE CADERNO DE QUESTÕES

2

3 LÍNGUA PORTUGUESA Leia o texto para responder às questões de números 01 a 10. Policiais paulistanos Sempre fui fã de romances policiais. Conheço pessoas para quem a leitura só pode ser séria, para quebrar a cabeça. Penso o contrário. Um bom livro também ajuda a relaxar. Até agora fãs de mistérios como eu eram obrigados a deglutir penhascos ingleses ou correrias por Los Angeles e Nova York. Há algum tempo surgiu uma safra de romances policiais cujo cenário é São Paulo, com seus bairros e tipos humanos. O último é Morte nos Búzios, de Reginaldo Prandi. Não nego. Conheço o Reginaldo há uns... puxa, trinta anos! (É nessas horas que vejo como o tempo passa.) Para mim, sempre foi o tipo acabado do intelectual. Professor titular de sociologia da USP, passou anos estudando as religiões afrobrasileiras. Fez teses. Há uns meses, encontrei-me com ele em um evento literário. Vou lançar um policial! contou-me. Estranhei. Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives. Quanto mais escrever! Assim que saiu, enviou para minha casa. Não nego, sou exigente. Adolescente, já era fã de Sherlock Holmes. Mas adorei Morte nos Búzios. Reginaldo misturou seus conhecimentos sobre as religiões afras com a imaginação. Os crimes acontecem a partir das previsões de uma mãe-de-santo da Freguesia do Ó. Aos poucos, o delegado Tiago Paixão começa a descobrir suspeitos entre os freqüentadores do terreiro. (Walcir Carrasco. Veja São Paulo, ) 01. Assinale a alternativa correta quanto à concordância verbal. (A) Há algum tempo surgiu vários romances policiais cujo cenário é São Paulo. (B) Já fazem uns trinta anos que conheço o Reginaldo! (C) É nessas horas que vejo com que rapidez passa os dias. (D) Até agora, obrigavam-se fãs de mistérios a deglutir penhascos ingleses. (E) Conheço pessoas para quem a leitura têm de ser séria. 02. Quanto ao emprego de pronome, segundo a norma culta, a frase... encontrei-me com ele em um evento literário. pode ser reescrita da seguinte forma: (A)...encontrei-no em um evento literário. (B)...encontrei ele em um evento literário. (C)...encontrei-o em um evento literário. (D)...encontrei-lhe em um evento literário. (E)...encontrei-lo em um evento literário. 03. Assinale a alternativa em que o termo em destaque tem a mesma função sintática que a expressão destacada na frase: Vou lançar UM POLICIAL! (A) Penso o contrário. (B)... contou-me. (C) Sempre fui fã de romances policiais. (D)... surgiu uma safra de romances policiais. (E) Um bom livro também ajuda a relaxar. 04. Articulando as duas orações do período Não nego, sou exigente. obtém-se, sem perda do significado: (A) Não nego, mas sou exigente. (B) Não nego que sou exigente. (C) Não nego em que sou exigente. (D) Não nego de que sou exigente. (E) Não nego qual sou exigente. 05. Analise os períodos. I. É nessas horas que vejo como o tempo passa. II. Assim que saiu, enviou para minha casa. A oração destacada em I exerce função sintática de ; a destacada em II expressa circunstância de. Os espaços devem ser preenchidos, respectivamente, com (A) sujeito... conseqüência (B) complemento nominal... conformidade (C) aposto... causa (D) predicativo... condição (E) objeto direto... tempo 06. Analise as afirmações. I. O substantivo fã tem o mesmo emprego que o substantivo vítima na forma masculina e na feminina. II. Está correta, quanto à grafia, a frase: Um bom livro também ajuda a relaxar, mas se fosse um mal livro, isso não aconteceria. III. O plural de mãe-de-santo é mães-de-santo. Está correto o que se afirma apenas em (A) I. (B) II. (C) III. (D) I e II. (E) II e III. 07. Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives. Quanto mais escrever! Assinale a alternativa em que a frase, reescrita numa linguagem formal, mantém os sentidos propostos no texto. (A) Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives, tanto que não lhes escrevem. (B) Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives, mas que não as escrevem. (C) Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives, embora que não lhes escrevem. (D) Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives, porque não as escrevem. (E) Intelectuais em geral não confessam sequer que lêem histórias de detetives, muito menos que as escrevem. 3 TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário

4 passou anos estudando as religiões afro-brasileiras. Os termos que fazem o plural da mesma forma que religião (religiões) são (A) capitão e mamão. (B) cirurgião e negação. (C) limão e pão. (D) mão e pão. (E) mamão e cidadão. 09. Assinale a frase correta quanto ao uso do sinal indicativo da crase. (A) Reginaldo associou seus conhecimentos sobre as religiões afras à imaginação. (B) Tão logo o livro foi publicado, chegou à mim. (C) Pouco à pouco, o delegado Tiago Paixão descobriu suspeitos entre os freqüentadores do terreiro. (D) Não acreditei que Reginaldo se dedicasse à um livro policial. (E) À vida passa rápido, já conheço Reginaldo há uns trinta anos. 10. Assinale a alternativa correta quanto à regência verbal. (A) Não sabia que Reginaldo aspirava por uma carreira de escritor de policiais. (B) Ansiava a ler logo o policial de Reginaldo. (C) Pensei que Reginaldo preferisse mais temas acadêmicos do que histórias de detetive. (D) Não residimos a lugares do exterior para que os policiais os tenham como ambiente. (E) Assistia ao delegado Tiago Paixão o direito de investigar os freqüentadores suspeitos do terreiro. Para responder às questões de números 11 a 13, leia a frase de Luciano Pavarotti, publicada na revista Veja, de : 12. Analise as frases. I. Se tu me convidares para jantar e tocares uma de minhas canções para me agradar, juro que vou embora. II. Se Vossa Excelência me convidais para jantar e tocais uma de minhas canções para me agradares, juro que vou embora. III. Se Sua Senhoria me convidardes para jantar e tocardes uma de minhas canções para me agradardes, juro que vou embora. Quanto à forma de tratamento e a flexão verbal, está(ão) correta(s) apenas (A) I. (B) II. (C) III. (D) I e II. (E) I e III. 13. As relações de sentido estabelecidas pelas conjunções Se e e são, respectivamente, de (A) causa e adversidade. (B) condição e adição. (C) modo e adição. (D) tempo e alternância. (E) condição e conseqüência. As questões de números 14 a 20 baseiam-se na história em quadrinhos de Hagar. PREPARE-SE PARA MORRER! VOU VIRAR VOCÊ PELO AVESSO! SERIA MELHOR QUE NÃO O FIZESSE, CAVALHEIRO. TÃO INTIMIDADO QUANDO FALO COM UM INGLÊS? Não quero mais me ouvir. Se você me convidar para jantar e tocar uma de minhas gravações para me agradar, juro que vou embora. Se que eu, coloque um disco de Placido Domingo. 11. Os espaços devem ser preenchidos, respectivamente, com (A) quizer fico (B) querer fique (C) quizer ficarei (D) quiser fique (E) quiser fico (Ilustrada, Folha de S.Paulo, s/d.) 14. Considerando a regência do verbo e o emprego de pronomes, a frase Vou virar você pelo avesso! pode ser substituída por (A) Vou lhe virar pelo avesso. (B) Vou te virar pelo avesso. (C) Vou virá-lo pelo avesso. (D) Vou virar-no pelo avesso. (E) Vou virar-lho pelo avesso. TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário 4

5 15. A resposta que Hagar recebe do inglês contém formas verbais que a tornam menos rude e agressiva. De forma mais incisiva, o inglês diria: (A) Será melhor que não o faz. (B) Era melhor que não o fizesse. (C) Foi melhor que não o fizesse. (D) É melhor que não o faça. (E) Fosse melhor que não o fará. 16. No contexto, o feminino de cavalheiro é (A) mulher. (B) amazona. (C) senhora. (D) matrona. (E) garota. 17. Sobre a vírgula que separa o termo cavalheiro, é correto afirmar que (A) está bem empregada, pois separa, na oração, o vocativo. (B) está mal empregada, pois separa o sujeito da oração do verbo. (C) está bem empregada, pois, nesse caso, seu uso é facultativo. (D) está mal empregada, pois não se separa o aposto do termo a que se refere. (E) está bem empregada, pois separa o objeto direto do verbo. 18. A oração que completa o sentido de Seria melhor funciona sintaticamente como seu (A) complemento nominal. (B) predicativo. (C) objeto direto. (D) sujeito. (E) aposto. 19. Na primeira pessoa do plural, a frase Prepare-se para morrer assume a seguinte forma: (A) Preparem para morrermos! (B) Preparemo-nos para morrer! (C) Preparem-se para morrermos! (D) Preparamos-nos para morrer! (E) Preparemos-nos para morrermos! 20. A frase de Hagar, no segundo quadrinho, deve-se iniciar com (A) Por quê sinto-me. (B) Por quê o sinto. (C) Porque me sinto. (D) Porquê sinto. (E) Por que me sinto. Leia o trecho a seguir, para responder às questões de números 21 a 25. O retrato, às oito e meia da noite daquela segunda-feira fatídica, era desolador. São Paulo, quarta maior metrópole do mundo, 20 milhões de moradores, estava vazia. Traumatizada. Acuada sob um toque de recolher informal. Debaixo das ordens do chamado Primeiro Comando da Capital, o PCC, que controla os presídios e estende seu poder sobre o tráfico de drogas, de armas e o contrabando, nada menos que 36 policiais foram assassinados nas ruas da cidade durante o final de semana. Trinta ônibus arderam em chamas. (Istoé Online, ) 21. Em policiais foram assassinados nas ruas da cidade durante o final de semana. as expressões nas ruas da cidade e durante o final de semana indicam, respectivamente, circunstância de (A) lugar e tempo. (B) modo e lugar. (C) lugar e lugar. (D) modo e causa. (E) lugar e condição. Observe os dois trechos a seguir para responder às questões de números 22 e 23. I. O retrato, às oito e meia da noite daquela segunda-feira fatídica, era desolador. II. São Paulo, quarta maior metrópole do mundo, 20 milhões de moradores, estava vazia. 22. Os termos desolador e vazia, sintaticamente, exercem função de (A) sujeito. (B) complemento nominal. (C) objeto direto. (D) vocativo. (E) predicativo do sujeito 23. Empregam-se vírgulas em I e II, respectivamente, para intercalar (A) aposto e aposto. (B) adjunto adverbial e aposto. (C) adjunto adverbial e vocativo. (D) adjunto adverbial e adjunto adverbial. (E) aposto e adjunto adverbial. 5 TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário

6 24. Assinale a alternativa correta quanto à concordância nominal. (A) As pessoas estavam acuada, sob toques de recolher informal. (B) As ordens do PCC eram firme e os moradores de São Paulo ficaram alertas. (C) O PCC agiu com violência em São Paulo, sem meias palavras. (D) A cidade de São Paulo ficou meio desorientado após os ataques do PCC. (E) Ruas e avenidas vazios eram o cenário de São Paulo após os ataques do PCC. 28. Quem chegasse São Paulo após os ataques do PCC, veria o povo intimidado, e com medo. Segundo a norma culta, os espaços devem ser preenchidos, respectivamente, com (A) à confuso (B) em confuzo (C) à confuzo (D) a confuzo (E) a confuso 25. Assinale a frase correta quanto à pontuação. (A) Trinta ônibus em São Paulo, arderam em chamas na segunda-feira. Leia a charge para responder às questões de números 29 e 30. (B) Trinta ônibus na segunda-feira, arderam em chamas em São Paulo. (C) Na segunda-feira arderam em chamas, trinta ônibus em São Paulo. (D) Em São Paulo, trinta ônibus, na segunda-feira, arderam em chamas. (E) Arderam em chamas, trinta ônibus, na segunda-feira, em São Paulo. 26. Considere as frases: I. Eu fiquei fora de si, quando vi os ataques do PCC em São Paulo. II. Ele ficou fora de si, quando viu os ataques do PCC em São Paulo. III. Nós ficamos fora de si, quando vimos os ataques do PCC em São Paulo. O emprego de pronome está correto apenas em (A) I. (B) II. (C) III. (D) I e II. (E) I e III. (www.chargeonline.com.br) 29. Relacionando a charge com o texto anterior, entende-se que o diminutivo no nome do símbolo da cidade de São Paulo denota (A) ironia. (B) afetividade. (C) pequenez. (D) alegria. (E) agressividade. 27. Assinale a alternativa correta quanto à regência nominal. (A) Os paulistanos sentiam medo por estarem sujeitos nos ataques ao PCC. (B) Não foi nada agradável dos paulistanos viver os ataques do PCC. (C) Os paulistanos estão conscientes de que é preciso mais segurança para todos. (D) A vontade em sair daquele momento de horror era grande aos paulistanos. (E) A crença a que estamos sempre seguros foi quebrada com os ataques do PCC. 30. O substantivo símbolo possui uma forma derivada que se grafa com z: simbolizar. Assim como ela, está corretamente grafado com z o verbo (A) parafrazear. (B) avizar. (C) paralizar. (D) amenizar. (E) aparafuzar. TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário 6

7 CONHECIMENTOS CONHECIMENTOS GERAIS 31. O 6.º Fórum Social Mundial, que terminou no dia 29 de janeiro de 2006, em Caracas (Venezuela), além de criticar a posição brasileira, que junto com a Índia trabalhou pela criação do G-20 para, segundo o documento final, conquistar um posto de poder, também exigiu (A) que as multinacionais devolvessem à Bolívia o direito de explorar suas riquezas minerais. (B) a retirada de tropas estrangeiras do Haiti, as quais são lideradas pelo Brasil. (C) que os Estados Unidos abandonassem os planos de atacar a Colômbia. (D) o embargo da venda de armas brasileiras e americanas ao Iraque e a Israel. (E) a taxação dos produtos chineses para reduzir o desemprego nos países pobres. 32. Segundo a Agência France Press, em 12 de outubro passado, a Suíça começou a investigar contas bancárias supostamente relacionadas a um ex-ditador latino-americano. Suspeita-se que o ex-presidente depositava em bancos daquele país as comissões ilegais advindas de diversos contratos de compras. Entre essas compras, estariam 25 aviões Mirage adquiridos da Bélgica por US$ 109 milhões. O acusado é o ex-ditador (A) do Chile, Augusto Pinochet. (B) da Argentina, Carlos Menem. (C) da Bolívia, Carlos Mesa. (D) do Uruguai, Júlio Maria Sanguinetti. (E) da Venezuela, Hugo Chávez. 33. No dia 11 de outubro deste ano, a Folha de S.Paulo noticiou que policiais federais prenderam 24 pessoas, apreenderam quatro armas, US$ 750 mil, R$ 250 mil e 25 carros de luxo, entre os quais uma Ferrari. A operação, denominada Bola de Fogo, já havia detido 97 pessoas em vários estados, no dia anterior. Pesa contra os detidos crimes por contrabando, formação de quadrilha, corrupção, crimes contra o sistema financeiro e lavagem de dinheiro. A operação da Polícia Federal desmantelou uma quadrilha especializada em (A) roubo e contrabando de automóveis. (B) contrabando de armas e munições. (C) tráfico de cocaína e ecstasy. (D) tráfico de órgãos. (E) falsificação e contrabando de cigarros. 34. O Brasil perdeu nove posições, em relação ao ano passado, no ranking de competitividade global organizado pelo Fórum Econômico Mundial deste ano. A posição brasileira é a mais baixa entre os BRICs, termo criado para designar o grupo das economias emergentes, formado pelo Brasil, (A) Coréia do Norte, Índia e China. (B) Coréia do Sul, Índia e China. (C) Rússia, Índia e China. (D) Rússia, Coréia do Sul e China. (E) Rússia, Índia e Coréia do Norte. 35. No final de setembro deste ano, as emissoras e jornais assinantes do noticiário da BBC anunciaram o ingresso de mais dois países na União Européia, que passou de 25 para 27 participantes. Esses países pertenciam ao bloco de países comunistas da Europa Oriental. Apesar de, segundo as autoridades da UE, não estarem prontos para integrar o bloco, foram aceitos para apressar medidas de combate à corrupção e ao crime organizado. Os dois países são: (A) Hungria e República Tcheca. (B) Sérvia e Polônia. (C) Estônia e Letônia. (D) Romênia e Bulgária. (E) Eslovênia e Lituânia. MATEMÁTICA 36. O gráfico I mostra como seria, inicialmente, a distribuição porcentual da verba publicitária total de uma empresa para 2007, sendo que, somente para a TV aberta, estavam destinados 9 milhões de reais. Posteriormente, a diretoria reformulou conceitos e estratégias e estabeleceu uma nova distribuição porcentual da verba total conforme mostra o gráfico II, sendo que não houve alteração no valor total da verba publicitária inicialmente prevista. Com a nova distribuição, a soma dos valores destinados à publicidade na Internet e na Tv a cabo superou a soma dos valores inicialmente previstos para esse fim em I II (A) R$ 1,56 milhão. (B) R$ 1,78 milhão. (C) R$ 1,95 milhão. (D) R$ 2,12 milhões. (E) R$ 2,25 milhões. Jornais 20% Mídia exterior 2,5% Outros 7,5% Rádio 6% Internet 6% Revistas 20% TV aberta 16% TV a cabo 11% TV regional 11% 7 TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário

8 37. Ricardo participou de uma prova de atletismo e, no final, observou que, do número total de atletas participantes, 1/4 havia terminado a prova na sua frente, e 2/3 haviam chegado depois dele. Considerando-se que todos os participantes completaram a prova, e que nenhum atleta cruzou a linha de chegada no mesmo tempo que outro, pode-se concluir que, pela ordem de chegada nessa prova, Ricardo foi o (A) 3.º colocado. (B) 4.º colocado. (C) 5.º colocado. (D) 6.º colocado. (E) 8.º colocado. 38. Com a proximidade do Natal, uma empresa doou uma determinada quantia para uma creche que abriga um total de 80 crianças. A quantia doada foi dividida para a compra de brinquedos e roupas na razão de 3 para 5, respectivamente. Assim, foram comprados 80 brinquedos, sendo bolas para os meninos, por R$ 15,00 cada, e bonecas para as meninas, por R$ 20,00 cada. Sabe-se que cada criança recebeu um brinquedo e que o número de bolas compradas superou o número de bonecas compradas em 20 unidades. Da quantia total recebida como doação dessa empresa, a creche reservou para a compra de roupas (A) R$ 2.250,00. (B) R$ 2.000,00. (C) R$ 1.980,00. (D) R$ 1.850,00. (E) R$ 1.350, Da quantia total recebida pela venda de um terreno, João emprestou 20% para um amigo por um prazo de 8 meses, a uma taxa de juro simples de 18% ao ano, e aplicou o restante, também por 8 meses, a uma taxa de juro simples de 27% ao ano. No final, o total recebido de juros, considerando-se empréstimo e aplicação, foi igual a R$ 3.360,00. Pela venda do terreno, João recebeu um total de (A) R$ ,00. (B) R$ ,00. (C) R$ ,00. (D) R$ ,00. (E) R$ , A figura mostra uma caixa d água em forma de um paralelepípedo reto retângulo, com medidas em metros. Aumentando-se em um quinto a medida do comprimento (c), e mantendo-se inalterados volume (V) e altura (a), teremos uma nova caixa, cuja largura (b) será igual a Dado: V = a.b.c. (A) 2,9 m. (B) 2,8 m. (C) 2,7 m. (D) 2,5 m. (E) 2,2 m. DIREITO DIREITO PENAL 41. No caso dos crimes de falsidade de títulos e outros papéis públicos, se o autor do ilícito for funcionário público e praticar o crime prevalecendo-se do cargo, terá sua pena (A) aumentada de metade. (B) aumentada de sexta parte. (C) diminuída de sexta parte. (D) diminuída de metade. (E) aumentada ou diminuída de acordo com a análise das circunstâncias relativas à individualização da pena, tais como: a culpabilidade, os antecedentes, a conduta social, a personalidade do agente e os motivos, circunstâncias e conseqüências do crime. 42. Determinado policial militar disse de forma impositiva ao assaltante que acabou de prender em flagrante, com o intuito de se locupletar indevidamente, que somente muito dinheiro o faria aliviar sua barra. Tal conduta (A) não tipifica crime. (B) somente tipificaria algum delito caso houvesse a efetiva entrega do dinheiro. (C) tipifica o crime de peculato. (D) tipifica o crime de concussão. (E) tipifica o crime de corrupção passiva. 43. São pressupostos do delito de resistência que I. o ato ao qual se opõe seja legal; II. a violência ou ameaça seja praticada contra o policial que executar o ato; III. a oposição seja praticada mediante violência ou ameaça. Está correto o contido em (A) I, apenas. (B) II, apenas. (C) I e II, apenas. (D) I e III, apenas. (E) I, II e III. 44. Desacatar funcionário público é (A) desobedecer. (B) resistir. (C) ofender. (D) exigir. (E) cooperar. TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário 8

9 45. Assinale a alternativa que tipifica a conduta do crime de exercício arbitrário das próprias razões. (A) Falsificar carteira de trabalho para instruir processo em seu favor. (B) Subtrair documentos que lhe pertencem, mas que se acham em poder de terceiro por determinação judicial. (C) Subtrair dinheiro do ex-empregador como forma de pagamento de salários atrasados. (D) Suprimir nota promissória que lhe pertence, mas que se acha em poder de terceiro em razão de seqüestro judicial. (E) Gritar com o policial rodoviário que, acertadamente, acaba de lhe impor uma multa por excesso de velocidade. 49. O recurso de ofício ocorre (A) sempre que o Ministério Público se sentir inconformado com a decisão judicial. (B) da sentença que condenar, desde logo, o réu com fundamento na existência de circunstância que exclua o crime ou isente o réu de pena, nos termos do art. 411 do Código de Processo Penal. (C) se houver desistência do recurso interposto pelo Ministério Público. (D) sempre que a parte demonstrar interesse na reforma ou modificação da decisão judicial. (E) da sentença que conceder habeas corpus. DIREITO PROCESSUAL PENAL 46. Para manter a justa aplicação da lei penal, o Juiz poderá (A) intervir nas funções policiais de investigação. (B) requisitar força policial. (C) nomear, por iniciativa própria, assistentes técnicos para o acompanhamento dos exames periciais. (D) avocar o inquérito policial. (E) designar novo promotor para a causa. 47. São causas de suspeição judicial: I. amizade íntima com o réu; II. inimizade capital com o Ministério Público; III. aconselhamento ao réu ou ao Ministério Público. Está correto o contido em (A) I, apenas. (B) II, apenas. (C) I e II, apenas. (D) I e III, apenas. (E) I, II e III. 48. A citação por precatória deve ser realizada (A) no juízo do lugar do crime. (B) com dia e hora marcada. (C) se o réu estiver no território de outra comarca. (D) a requerimento do Ministério Público. 50. Nos termos do art. 76 da Lei n.º 9.099/95, a transação penal somente será admitida se (A) o agente não tiver sido beneficiado anteriormente, no prazo de cinco anos, pelo mesmo benefício. (B) o agente jamais tiver sido condenado pela prática de crime. (C) o Juiz, apto para julgar a causa, concordar com a aplicação do benefício. (D) for aceita pelo defensor, responsável pela defesa técnica no processo, ainda que for recusada pelo agente. (E) o agente comprometer-se, judicialmente, a comparecer mensalmente no fórum da comarca em que foi processado para informar e justificar suas atividades. DIREITO PROCESSUAL CIVIL 51. A propôs ação de rito comum ordinário em face de B. B foi citado em 22 de setembro de 2006 (sexta-feira) e o mandado de citação juntado em 28 de setembro do mesmo ano, sendo certo que no dia 13 de outubro não houve expediente forense. Considerando o prazo para contestar, é correto afirmar que, sendo B (A) co-réu de C, com o mesmo procurador, o prazo para contestar vence em 30 de outubro de (B) Fazenda Pública, seu prazo vence em 30 de outubro de (C) pessoa física e único réu do feito, o último dia para B contestar é 13 de outubro de (D) pessoa física e único réu do feito, o último dia para B contestar é 9 de outubro de (E) Fazenda Pública, o prazo para contestar é até o dia 27 de novembro de (E) somente nos casos urgentes. 9 TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário

10 52. Responda a assertiva correta. (A) Quando a intimação é feita pelo correio, o prazo para a parte se manifestar começa a correr do momento da assinatura do aviso de recebimento. (B) Quando a citação é feita por edital, o prazo para contestar tem início da juntada nos autos do aviso de publicação. (C) Os prazos para as partes têm início, salvo disposição em contrário, da intimação. (D) As intimações podem ser feitas pelo correio, mas não poderão ser feitas em cartório. (E) A intimação do Ministério Público poderá ser feita por correio, mandado ou pessoalmente. 55. Em relação aos recursos, assinale a alternativa correta. (A) O prazo para interpor apelação e para o agravo retido é o mesmo. (B) O prazo para o Ministério Público apresentar apelação é de 60 dias. (C) O prazo para a Fazenda Pública responder à apelação é de 15 dias. (D) A falta de preparo, na apelação, não acarreta a pena de deserção. (E) Recebida no efeito devolutivo a apelação, não haverá intimação do apelado para resposta. 53. Considere as assertivas a seguir. I. A revelia de uma das partes atinge aos demais co-réus que contestaram a ação. II. Com o fim do prazo para resposta do réu, o escrivão fará a conclusão dos autos ao juiz. III. Todos os meios legais e moralmente legítimos, mesmo não especificados no Código de Processo Civil, são hábeis para provar a verdade dos fatos. IV. Os fatos notórios devem ser comprovados por certidão exarada pelo escrivão do cartório. V. As partes do processo não podem ser interrogadas sobre os fatos da causa. É correto apenas o que se afirma em (A) I, II e V. (B) II e III. (C) I, II e IV. (D) IV e V. (E) I e IV. 54. Responda a assertiva correta. (A) A cópia de documento particular tem o mesmo valor probante que o original, cabendo ao escrivão certificar a conformidade entre a cópia e o original. (B) O incidente de falsidade documental não suspende o curso do processo em que este foi juntado. (C) Não é lícito às partes a juntada de documentos novos no curso do processo. (D) Só é admissível a prova testemunhal, em qualquer hipótese, quando houver começo de prova escrita. (E) A testemunha é sempre obrigada a depor, mesmo sobre fatos que acarretem prejuízo a seu cônjuge ou parentes consangüíneos ou afins. DIREITO CONSTITUCIONAL 56. O artigo 5. da Constituição Federal prevê que (A) a lei penal não retroagirá, nem mesmo para beneficiar o réu. (B) será concedida extradição de estrangeiro por crime político ou de opinião. (C) são gratuitas as ações de habeas corpus e mandado de segurança e, na forma da lei, os atos necessários ao exercício da cidadania. (D) haverá juízo ou tribunal de exceção. (E) a prisão ilegal será imediatamente relaxada pela autoridade judiciária. 57. É livre a associação profissional ou sindical, sendo correto afirmar que (A) em regra, a lei poderá exigir autorização do Estado para a fundação de sindicato. (B) é permitida a criação de mais de uma organização sindical e, em qualquer grau, representativa de categoria profissional ou econômica, na mesma base territorial. (C) é facultativa a participação dos sindicatos nas negociações coletivas de trabalho. (D) o aposentado filiado tem o direito de votar e ser votado nas organizações sindicais. (E) ao sindicato cabe a defesa dos direitos e interesses coletivos ou individuais da categoria, exceto em questões administrativas. 58. É permitido ao brasileiro naturalizado exercer o cargo de (A) Vice-Presidente da República. (B) Ministro do Supremo Tribunal Federal. (C) Governador. (D) Presidente da Câmara dos Deputados. (E) Ministro de Estado da Defesa. TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário 10

11 59. É correto afirmar que (A) a lei que alterar o processo eleitoral entrará em vigor na data de sua publicação, não se aplicando à eleição que ocorra até 1 ano da data de sua vigência. (B) os analfabetos são elegíveis. (C) para concorrerem a outros cargos, os Governadores de Estado e do Distrito Federal, os Prefeitos, os Deputados devem renunciar aos respectivos mandatos até 3 meses antes do pleito. (D) o mandato eletivo poderá ser impugnado ante a Justiça Eleitoral no prazo de 30 dias contados da diplomação, instruída a ação com provas de abuso do poder econômico, corrupção ou fraude. (E) é condição de elegibilidade, na forma da lei, a idade mínima de 21 anos para Vereador. 60. É correto afirmar que (A) o prazo de validade do concurso público será de até 1 ano, prorrogável uma vez, por igual período. (B) é vedada a acumulação remuneratória de cargos públicos, exceto quando houver compatibilidade de horários, como no caso de um cargo de professor com outro técnico ou científico. (C) é permitida a vinculação ou equiparação de quaisquer espécies remuneratórias para o efeito de remuneração de pessoal do serviço público. (D) os acréscimos pecuniários percebidos por servidor público serão computados e acumulados para fim de concessão ulterior. (E) os vencimentos dos cargos do Poder Legislativo poderão ser superiores aos pagos pelo Poder Executivo. DIREITO ADMINISTRATIVO 61. Ao funcionário público é proibido (A) retirar documento ou objeto da repartição, em qualquer hipótese. (B) fazer contratos de natureza comercial e industrial com o Governo, por si, ou como representante de outrem. (C) participar da gerência ou administração de sociedades comerciais, mesmo que estas não mantenham relações comerciais ou administrativas com o Governo do Estado. (D) constituir-se procurador de partes ou servir de intermediário perante qualquer repartição pública, mesmo quando se tratar de interesse de cônjuge ou parente. (E) aceitar, em qualquer hipótese, representação de Estado estrangeiro. 62. Extingue-se a punibilidade pela prescrição da falta (A) sujeita à pena de repreensão, em 1 ano. (B) sujeita à pena de demissão, em 2 anos. (C) sujeita à pena de multa, em 3 anos. (D) sujeita à pena de demissão a bem do serviço público, em 4 anos. (E) prevista em lei como infração penal, no prazo de prescrição em abstrato da pena criminal, se for superior a 5 anos. 63. É correto afirmar que (A) o processo administrativo deverá ser instaurado por portaria, no prazo improrrogável de 5 dias do recebimento da determinação, e concluído no de 30 dias da citação do acusado. (B) é obrigatório ao acusado tomar ciência ou assistir aos atos e termos do processo. (C) não será declarada a nulidade de nenhum ato processual que não houver influído na apuração da verdade substancial ou diretamente na decisão do processo ou sindicância. (D) o presidente e os acusados poderão arrolar até 3 testemunhas. (E) a expedição da precatória suspenderá a instrução do procedimento. 64. Caberá recurso, por uma única vez, da decisão que aplicar a penalidade. O prazo para recorrer, contado da publicação da decisão impugnada no Diário Oficial do Estado, é de (A) 5 dias. (B) 10 dias. (C) 15 dias. (D) 30 dias. (E) 60 dias. 65. É correto afirmar que, no processo administrativo, (A) a decisão que julgar procedente a revisão poderá alterar a classificação da infração, absolver o punido, modificar a pena ou anular o processo. (B) os recursos administrativos terão efeito suspensivo. (C) a pena imposta poderá ser agravada pela revisão. (D) o recurso incorretamente denominado ou endereçado não será apreciado. (E) será admitida reiteração do pedido de revisão pelo mesmo fundamento. 11 TJSP/EscreventeTécnicoJudiciário

EXERCÍCIOS ATO INFRACIONAL.

EXERCÍCIOS ATO INFRACIONAL. EXERCÍCIOS ATO INFRACIONAL. 1.José foi inserido em medida sócio-educativa de internação, com prazo indeterminado. Durante o cumprimento da medida sócio-educativa, já tendo completado dezoito anos, praticou

Leia mais

Questões de Processo Penal

Questões de Processo Penal Questões de Processo Penal 1º) As Contravenções Penais (previstas na LCP) são punidas com: a) ( ) Prisão Simples; b) ( ) Reclusão; c) ( ) Detenção; d) ( ) Não existe punição para essa espécie de infração

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 149/2010. O Tribunal de Justiça do Estado do Acre, no uso das atribuições legais,

RESOLUÇÃO Nº 149/2010. O Tribunal de Justiça do Estado do Acre, no uso das atribuições legais, RESOLUÇÃO Nº 149/2010 Autoriza a implantação do Processo Eletrônico no âmbito do Tribunal de Justiça do Estado do Acre e dá outras providências. O Tribunal de Justiça do Estado do Acre, no uso das atribuições

Leia mais

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições,

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições, EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições, informa que em virtude da publicação da Emenda Constitucional

Leia mais

DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL

DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL PEÇA PROFISSIONAL Mariano Pereira, brasileiro, solteiro, nascido em 20/1/1987, foi denunciado pela prática de infração prevista no art. 157, 2.º, incisos I e II,

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RESOLUÇÃO N.º 13, DE 02 DE OUTUBRO DE 2006. (Alterada pela Res. 111/2014) Regulamenta o art. 8º da Lei Complementar 75/93 e o art. 26 da Lei n.º 8.625/93, disciplinando, no âmbito do Ministério Público,

Leia mais

PONTO DOS CONCURSOS CURSO: DIREITO ELEITORAL - TEORIA E EXERCÍCIOS TREs. 3º Simulado de Direito Eleitoral para TREs. PROFESSOR: RICARDO GOMES AVISOS:

PONTO DOS CONCURSOS CURSO: DIREITO ELEITORAL - TEORIA E EXERCÍCIOS TREs. 3º Simulado de Direito Eleitoral para TREs. PROFESSOR: RICARDO GOMES AVISOS: AVISOS: 1. Os Simulados de Direito Eleitoral para TREs serão com base em Provas da FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC); 2. Estamos ministrando o CURSO DE DIREITO ELEITORAL para TREs Teoria e Exercícios, iniciado

Leia mais

Questões Comentadas - Normas da Corregedoria TJ- SP

Questões Comentadas - Normas da Corregedoria TJ- SP Questões Comentadas - Normas da Corregedoria TJ- SP SUMÁRIO PÁGINA Sumário Questões Extras... Erro! Indicador não definido. Olá! Como a Aula 00 do curso de Normas da Corregedoria do TJ SP não possui questões

Leia mais

CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA:

CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: COMENTÁRIOS DA PROVA Questões da prova de Oficial de Justiça PJ-H/2014 Questão 48 (art. 325) Questão 47 (art. 312 parágrafo segundo) QUESTÃO 48 - GABARITO: D QUESTÃO 47 - GABARITO: C CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Cidadão com Segurança Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Presidente do Conselho Nacional do Ministério Público e Procurador-Geral da República Roberto Monteiro Gurgel Santos Comissão do Sistema Prisional,

Leia mais

1. PRINCÍPIOS DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS art. 62 da Lei 9.009/95 2. OBJETIVOS DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL

1. PRINCÍPIOS DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS art. 62 da Lei 9.009/95 2. OBJETIVOS DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL 1 PROCESSO PENAL PROCESSO PENAL PONTO 1: Princípios dos Juizados Especiais Criminais PONTO 2: Objetivos PONTO 3: Competência PONTO 4: Fase Policial PONTO 5: Fase Judicial PONTO 6: Recursos PONTO 7: Atos

Leia mais

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis?

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis? Tribunal de Justiça do Estado de Goiás Juizados Especias Perguntas mais freqüentes e suas respostas 1 - O que são os Juizados Especiais Cíveis? Os Juizados Especiais Cíveis são órgãos da Justiça (Poder

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO

SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO - Verifique se este caderno contém 20 questões objetivas e 2 temas de redação. Caso contrário, reclame ao fiscal da sala outro caderno. - A resposta deve ser marcada com caneta

Leia mais

SUJEITOS PROCESSUAIS: JUIZ E MINISTÉRIO PÚBLICO

SUJEITOS PROCESSUAIS: JUIZ E MINISTÉRIO PÚBLICO SUJEITOS PROCESSUAIS: JUIZ E MINISTÉRIO PÚBLICO Sujeitos processuais são as pessoas que atuam no processo, ou seja, autor, réu e juiz, existem outros sujeitos processuais, que podem ou não integrar o processo,

Leia mais

LEI Nº 4.898, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1965

LEI Nº 4.898, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1965 LEI Nº 4.898, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1965 Regula o Direito de Representação e o Processo de Responsabilidade Administrativa Civil e Penal, nos casos de abuso de autoridade. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, faço

Leia mais

SIMULADO VIRTUAL. Ministério Público. do Estado do Rio de Janeiro TÉCNICO E ANALISTA ADMINISTRATIVO. Boa prova!

SIMULADO VIRTUAL. Ministério Público. do Estado do Rio de Janeiro TÉCNICO E ANALISTA ADMINISTRATIVO. Boa prova! SIMULADO VIRTUAL TÉCNICO E ANALISTA ADMINISTRATIVO INSTRUÇÕES GERAIS Você baixou: - Um caderno de questões contendo 10 (dez) questões objetivas de múltipla escolha; - Um cartão de respostas. É responsabilidade

Leia mais

CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Subseção I. Competência

CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Subseção I. Competência CAP. XII - 1 CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS Subseção I Competência 1. O Plantão Judiciário destina-se exclusivamente: 1 a) ao conhecimento dos pedidos de habeas corpus

Leia mais

Manual de Rotinas do Procedimento Cível Comum Ordinário. Protocolo

Manual de Rotinas do Procedimento Cível Comum Ordinário. Protocolo 29 Protocolo 2. DISTRIBUIÇÃO A previsão legal dos atos de distribuição e registro está no Código de Processo Civil, nos artigos 251 a 257. A distribuição tem a função de dividir os processos entre juízos

Leia mais

EDITAL 02/2015 FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE ESTAGIÁRIO

EDITAL 02/2015 FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE ESTAGIÁRIO EDITAL 02/2015 FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA DE ESTAGIÁRIO A Coordenação do Núcleo de Prática Jurídica (NPJur) da Faculdade de Direito do Instituto Machadense de Ensino Superior (IMES), no uso de suas atribuições,

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL PENAL IV

DIREITO PROCESSUAL PENAL IV AULA DIA 25/05/2015 Docente: TIAGO CLEMENTE SOUZA E-mail: tiago_csouza@hotmail.com DIREITO PROCESSUAL PENAL IV Procedimento Sumaríssimo (Lei 9.099/95) - Estabelece a possibilidade de conciliação civil,

Leia mais

DECRETO-LEI Nº 2.848, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1940

DECRETO-LEI Nº 2.848, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1940 DECRETO-LEI Nº 2.848, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1940 Código Penal O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando da atribuição que lhe confere o art. 180 da Constituição, decreta a seguinte lei: CÓDIGO PENAL PARTE ESPECIAL

Leia mais

PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 3 Rosivaldo Russo 1) AÇÃO PENAL: 2. INÍCIO DA AÇÃO PENAL

PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 3 Rosivaldo Russo 1) AÇÃO PENAL: 2. INÍCIO DA AÇÃO PENAL PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 3 Rosivaldo Russo 1) AÇÃO PENAL: 2. INÍCIO DA AÇÃO PENAL AÇÃO PENAL PÚBLICA tem início através de uma peça que se chama denúncia. Essa é a petição inicial dos crimes

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XVIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XVIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL Durante o carnaval do ano de 2015, no mês de fevereiro, a família de Joana resolveu viajar para comemorar o feriado, enquanto Joana, de 19 anos, decidiu ficar em

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital nº. 02/2015

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital nº. 02/2015 SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital nº. 02/2015 SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital nº. 02/2015 O DR. RICARDO PIOVESAN, JUIZ DE DIREITO DA, no uso de suas atribuições

Leia mais

Tribunal de Justiça do Piauí TJ/PI Área Judiciária Carreira de Escrivão Judicial

Tribunal de Justiça do Piauí TJ/PI Área Judiciária Carreira de Escrivão Judicial Tribunal de Justiça do Piauí TJ/PI Área Judiciária Carreira de Escrivão Judicial ÍNDICE VOLUME 1 CONHECIMENTOS BÁSICOS LÍNGUA PORTUGUESA Elementos de construção do texto e seu sentido: gênero do texto

Leia mais

DIREITO PENAL APLICAÇÃO DA LEI PENAL

DIREITO PENAL APLICAÇÃO DA LEI PENAL DIREITO PENAL APLICAÇÃO DA LEI PENAL Súmula 711: A Lei penal mais grave aplica-se ao crime continuado ou ao crime permanente, se a sua vigência é anterior à cessação da continuidade ou da permanência.

Leia mais

C0NTEÚDO PROGRAMÁTICO CURSO TROPA DE ELITE POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL

C0NTEÚDO PROGRAMÁTICO CURSO TROPA DE ELITE POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL C0NTEÚDO PROGRAMÁTICO CURSO TROPA DE ELITE POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL 1. CONHECIMENTOS GERAIS 1.1. LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Compreensão e intelecção de textos. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ TR I BUNAL DE JUST I Ç A COMAR CA DE S ÃO JOÃO SE CRE T ARIA D O JUIZ ADO E SP ECIAL

ESTADO DO PARANÁ TR I BUNAL DE JUST I Ç A COMAR CA DE S ÃO JOÃO SE CRE T ARIA D O JUIZ ADO E SP ECIAL SELEÇÃO DE JUÍZES LEIGOS E CONCILIADORES REMUNERADOS Edital n.º 01/2012 O DR. LEANDRO ALBUQUERQUE MUCHIUTI, JUÍZ DE DIREITO SUPERVISOR DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL, CRIMINAL E DA FAZENDA PÚBLICA DA COMARCA

Leia mais

PROGRAMA TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL

PROGRAMA TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL LÍNGUA PORTUGUESA Compreensão e interpretação de textos Tipologia textual Ortografia oficial Acentuação gráfica Emprego das classes de palavras Emprego do sinal indicativo de crase Sintaxe da oração e

Leia mais

CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES

CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES - Evasão de divisas e lavagem de capitais as alterações da Lei 12.683/12 - Investigação de crimes financeiros - Cooperação jurídica internacional

Leia mais

2. RECURSO EM SENTIDO ESTRITO

2. RECURSO EM SENTIDO ESTRITO 2. RECURSO EM SENTIDO ESTRITO 2. 1 HIPÓTESES DE CABIMENTO - Decisão que rejeitar a denúncia ou queixa - Decisão que concluir pela incompetência do juízo - Decisão que julga procedente alguma das exceções,

Leia mais

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos.

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. META 4 LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. EXERCÍCIO 1. (FGV - 2008 - Senado Federal - Policial Legislativo

Leia mais

Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13. Delimitação do tema.

Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13. Delimitação do tema. Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13 Um policial federal, ao executar a fiscalização em um ônibus interestadual procedente da fronteira do Paraguai, visando coibir o contrabando de

Leia mais

PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 1 Rosivaldo Russo

PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 1 Rosivaldo Russo PROCESSO PENAL RESUMO DE PROCESSO PENAL 1 Rosivaldo Russo ESPÉCIES DE PRISÃO: 1. P. Penal sentença condenatória transitada em julgado 2. P. Processuais, cautelares ou provisórias antes da formação da culpa

Leia mais

ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA. Edição 2013. Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS. 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS

ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA. Edição 2013. Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS. 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS Edição 2013 ARTHUR TRIGUEIROS e WANDER GARCIA Coordenadores CONCURSOS POLICIAIS 2 a Edição 2013 2.000 QUESTÕES COMENTADAS SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Direito Constitucional 13 1. PODER CONSTITUINTE... 13 2. TEORIA

Leia mais

As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria (092-236-5568 e 092-985-5420)

As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria (092-236-5568 e 092-985-5420) Fica autorizada a reprodução do texto e ilustrações, no todo ou em parte, desde que se não altere o sentido, bem como seja citada a fonte. As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria

Leia mais

PEDIDO DE VISTA NA INDICAÇÃO Nº 022/2012, RELATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 2963/11, DE RELATORIA DO DR. IVAN NUNES FERREIRA.

PEDIDO DE VISTA NA INDICAÇÃO Nº 022/2012, RELATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 2963/11, DE RELATORIA DO DR. IVAN NUNES FERREIRA. PEDIDO DE VISTA NA INDICAÇÃO Nº 022/2012, RELATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 2963/11, DE RELATORIA DO DR. IVAN NUNES FERREIRA. VOTO DE VISTA: FAUZI AMIM SALMEM PELA APROVAÇÃO DO RELATÓRIO, COM AS SEGUINTES

Leia mais

Prática Forense Penal Capítulo X Ações de Impugnação

Prática Forense Penal Capítulo X Ações de Impugnação Prática Forense Penal Capítulo X Ações de Impugnação 12) Revisão criminal contra sentença condenatória que for contrária ao texto expresso de lei penal T foi condenado por apropriação indébita previdenciária,

Leia mais

3º PROCESSO SELETIVO DE ESTÁGIO DE DIREITO DA DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO DE Segunda CATEGORIA NO DISTRITO FEDERAL.

3º PROCESSO SELETIVO DE ESTÁGIO DE DIREITO DA DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO DE Segunda CATEGORIA NO DISTRITO FEDERAL. 3º PROCESSO SELETIVO DE ESTÁGIO DE DIREITO DA DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO DE Segunda CATEGORIA NO DISTRITO FEDERAL. EDITAL Nº 04, DE 29 DE OUTUBRO DE 2014. O DEFENSOR PÚBLICO-CHEFE DE SEGUNDA CATEGORIA

Leia mais

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL COMANDO GERAL CENTRO DE INTELIGÊNCIA

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL COMANDO GERAL CENTRO DE INTELIGÊNCIA GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL COMANDO GERAL CENTRO DE INTELIGÊNCIA END: BAIRRO: CEP: PAI: MÃE: NACIONALIDADE: UF: DATA DE NASC: / / SPC: ESCOLA: UPM: SSP: FFAA: PF: SERASA:

Leia mais

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO...

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO...19 DEDICATÓRIA...21 CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 23 1. Antecedentes históricos da função de advogado...23 2. O advogado na Constituição Federal...24 3. Lei de

Leia mais

DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO NO ESTADO DO TOCANTINS EDITAL Nº 02/2011 DPU/TO

DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO NO ESTADO DO TOCANTINS EDITAL Nº 02/2011 DPU/TO EDITAL Nº 02/2011 DPU/TO V PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS DE DIREITO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NA DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO NO TOCANTINS O Defensor Público Federal-Chefe Substituto da Defensoria

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ TRIBUNAL DE JUSTIÇA. SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital n.º 02/2013

ESTADO DO PARANÁ TRIBUNAL DE JUSTIÇA. SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital n.º 02/2013 SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO REMUNERADO Edital n.º 02/2013 O DR. ROBESPIERRE FOUREAUX ALVES, JUIZ DE DIREITO SUBSTITUTO DA 6ª SEÇÃO JUDICIÁRIA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE MARINGÁ, no uso

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA

INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA 1) A prova terá duração máxima de 3 horas. 2) Cada questão possui apenas uma resposta correta e, a marcação de mais de uma assertiva, implicará em sua nulidade. 3) Durante

Leia mais

CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL

CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL Ordem dos Advogados do Brasil Exame de Ordem Unificado 2010.2 Prova Prático-profissional CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL Leia com atenção as instruções a seguir: 1. Você está recebendo do fiscal de sala,

Leia mais

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição SUMÁRIO Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição Apresentação - Marco Antonio Araujo Junior Sobre os autores 1.1 Introdução princípios e poderes 1.2 Ato administrativo 1.3 Organização da Administração

Leia mais

AVISO CGJ Nº 126 de 30 de Janeiro de 2013.

AVISO CGJ Nº 126 de 30 de Janeiro de 2013. AVISO CGJ Nº 26 de 30 de Janeiro de 203. O Desembargador ANTONIO JOSÉ AZEVEDO PINTO, Corregedor Geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro, no exercício das atribuições que lhe são conferidas pelo inciso

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 R E S O L V E:

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 R E S O L V E: ESTADO DO PARANÁ INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 O Desembargador Fernando Wolff Bodziak, 2º Vice-Presidente e Supervisor-Geral dos Juizados Especiais, no uso de suas atribuições legais e CONSIDERANDO o

Leia mais

MATERIAL DE AULA DOS DOCUMENTOS. Art. 231. Salvo os casos expressos em lei, as partes poderão apresentar documentos em qualquer fase do processo.

MATERIAL DE AULA DOS DOCUMENTOS. Art. 231. Salvo os casos expressos em lei, as partes poderão apresentar documentos em qualquer fase do processo. MATERIAL DE AULA I) Ementa da aula Documentos, Indícios e Busca e Apreensão. II) Legislação correlata DOS DOCUMENTOS Art. 231. Salvo os casos expressos em lei, as partes poderão apresentar documentos em

Leia mais

PORTARIA N 1840/CGJ/2011

PORTARIA N 1840/CGJ/2011 DJe de 25/11/2011 (cópia sem assinatura digital) PORTARIA N 1840/CGJ/2011 Dispõe sobre a concessão, no âmbito do Estado de Minas Gerais, de autorização de viagem para o exterior de crianças e adolescentes

Leia mais

SINDICATO DAS LAVANDERIAS E SIMILARES DO RIO GRANDE DO SUL SINDLAV/RS ESTATUTO SOCIAL. Capítulo I Constituição e Finalidades do Sindicato

SINDICATO DAS LAVANDERIAS E SIMILARES DO RIO GRANDE DO SUL SINDLAV/RS ESTATUTO SOCIAL. Capítulo I Constituição e Finalidades do Sindicato SINDICATO DAS LAVANDERIAS E SIMILARES DO RIO GRANDE DO SUL SINDLAV/RS ESTATUTO SOCIAL Capítulo I Constituição e Finalidades do Sindicato Capítulo II Dos Associados dos Direitos e Deveres Capítulo III Da

Leia mais

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA Índice 1. Competência...3 1.1. Critérios Objetivos... 3 1.1.1. Critérios Subjetivos... 4 1.1.2. Competência Territorial... 4 2. Dos Processos...4

Leia mais

Coordenação Pedagógica Fiscal - Dezembro de 2014. Prof. Darlan Barroso. FUNDAMENTOS PARA RECURSOS Escrevente Técnico Judiciário TJ/SP

Coordenação Pedagógica Fiscal - Dezembro de 2014. Prof. Darlan Barroso. FUNDAMENTOS PARA RECURSOS Escrevente Técnico Judiciário TJ/SP Coordenação Pedagógica Fiscal - Dezembro de 2014 Prof. Darlan Barroso FUNDAMENTOS PARA RECURSOS Escrevente Técnico Judiciário TJ/SP Orientações de interposição do recurso O candidato poderá apresentar

Leia mais

Seção 20 Da Gravação de Audiências

Seção 20 Da Gravação de Audiências Seção 20 Da Gravação de Audiências 2.20.1 Nas audiências criminais, salvo impossibilidade material momentânea, devidamente anotada em ata, o registro dos depoimentos do investigado, do indiciado, do ofendido

Leia mais

egrégio Conselho da Magistratura a aplicação da pena, nos termos da Lei Estadual 4.930/85. 3.3.8.2 - A aplicação das penalidades de advertência e

egrégio Conselho da Magistratura a aplicação da pena, nos termos da Lei Estadual 4.930/85. 3.3.8.2 - A aplicação das penalidades de advertência e egrégio Conselho da Magistratura a aplicação da pena, nos termos da Lei Estadual 4.930/85. 3.3.8.2 - A aplicação das penalidades de advertência e censura independe de sindicância ou processo, podendo ser

Leia mais

ATO CONJUNTO PGJ-CGMP N. 02/2014

ATO CONJUNTO PGJ-CGMP N. 02/2014 ATO CONJUNTO PGJ-CGMP N. 02/2014 Dispõe sobre a regulamentação e a metodologia da inteligência de sinais a ser utilizada no âmbito do Ministério Público do Estado de Goiás. O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA

Leia mais

COMISSÃO DIRETORA PARECER Nº 393, DE 2008

COMISSÃO DIRETORA PARECER Nº 393, DE 2008 COMISSÃO DIRETORA PARECER Nº 393, DE 2008 Redação final do Substitutivo ao Projeto de Lei do Senado nº 209, de 2003. A Comissão Diretora apresenta a redação final do Substitutivo ao Projeto de Lei do Senado

Leia mais

PC-SE. Polícia Civil do Estado do Sergipe. Agente de Polícia Judiciária Substituto - Escrivão Substituto ÍNDICE VOLUME 1

PC-SE. Polícia Civil do Estado do Sergipe. Agente de Polícia Judiciária Substituto - Escrivão Substituto ÍNDICE VOLUME 1 Polícia Civil do Estado do Sergipe PC-SE Agente de Polícia Judiciária Substituto - Escrivão Substituto ÍNDICE VOLUME 1 CONHECIMENTOS GERAIS LINGUA PORTUGUESA 1 Compreensão de textos. 2 Denotação e conotação...

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2011 2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL E REABERTURA DE INSCRIÇÕES

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2011 2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL E REABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2011 2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL E REABERTURA DE INSCRIÇÕES O Prefeito Municipal de Gurupi, através da Resolução nº 528/2012 do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins, e, no uso

Leia mais

Proposta de Razão Recursal

Proposta de Razão Recursal Concurso: Banca examinadora: Proposta de Razão Recursal Oficial Escrevente FAURGS Questões recorríveis: 46, 47, 48, 49 e 52 Professor: Davi André Costa Silva Objeto de recurso Questão Motivo 46 Objeto

Leia mais

C O N F I D E N C I A L FORMULÁRIO DE SINDICÂNCIA DA VIDA PREGRESSA E INVESTIGAÇÃO SOCIAL I. DADOS PESSOAIS

C O N F I D E N C I A L FORMULÁRIO DE SINDICÂNCIA DA VIDA PREGRESSA E INVESTIGAÇÃO SOCIAL I. DADOS PESSOAIS 1/15 FORMULÁRIO DE SINDICÂNCIA DA VIDA PREGRESSA E INVESTIGAÇÃO SOCIAL INSTRUÇÕES 1. O preenchimento deste formulário (Edital 1/2012, subitem 11.5) será manuscrito e deverá ser em letra de forma legível;

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação

Leia mais

MANUAL DOS PRAZOS PROCESSUAIS: A CONTAGEM DOS PRAZOS NO NOVO CPC 1. MUDANÇAS GERAIS APLICÁVEIS A TODOS OS PRAZOS PROCESSUAIS:

MANUAL DOS PRAZOS PROCESSUAIS: A CONTAGEM DOS PRAZOS NO NOVO CPC 1. MUDANÇAS GERAIS APLICÁVEIS A TODOS OS PRAZOS PROCESSUAIS: MANUAL DOS PRAZOS PROCESSUAIS: A CONTAGEM DOS PRAZOS NO NOVO CPC 1. MUDANÇAS GERAIS APLICÁVEIS A TODOS OS PRAZOS PROCESSUAIS: Mudança no modo de contagem dos prazos: A partir do novo CPC, os prazos processuais

Leia mais

MATERIAL DE APOIO. *segundo o STF o MP tem poder de investigação, ou seja, pode o MP investigar além da polícia.

MATERIAL DE APOIO. *segundo o STF o MP tem poder de investigação, ou seja, pode o MP investigar além da polícia. Escrivao P.F Nível Superior DISCIPLINA:D.Proc.Penal Professor: Guilherme Madeira Aula 01 MATERIAL DE APOIO Processo Penal Professor Madeira Dicas: -Apenas caderno e lei na reta final! -Fazer uma prova

Leia mais

RELATÓRIO DA CORREIÇÃO EXTRORDINÁRIA PARCIAL REALIZADA NA SEGUNDA AUDITORIA DA JUSTIÇA MILITAR ESTADUAL

RELATÓRIO DA CORREIÇÃO EXTRORDINÁRIA PARCIAL REALIZADA NA SEGUNDA AUDITORIA DA JUSTIÇA MILITAR ESTADUAL RELATÓRIO DA CORREIÇÃO EXTRORDINÁRIA PARCIAL REALIZADA NA SEGUNDA AUDITORIA DA JUSTIÇA MILITAR ESTADUAL Período da realização da correição: de 23 de maio a 13 de junho de 2014. Juiz de Direito Titular:

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO - Verifique se este caderno contém 20 questões objetivas e 2 temas de redação. Caso contrário, reclame ao fiscal da sala outro caderno. - A resposta deve ser marcada

Leia mais

DA IDENTIFICAÇÃO PROFISSIONAL

DA IDENTIFICAÇÃO PROFISSIONAL DA IDENTIFICAÇÃO PROFISSIONAL * Da Carteira de Trabalho e Previdência Social Art. 13 - A Carteira de Trabalho e Previdência Social é obrigatória para o exercício de qualquer emprego, inclusive de natureza

Leia mais

I Art. 285, 1º, 2º e 3º - Diretrizes Gerais Judiciais.

I Art. 285, 1º, 2º e 3º - Diretrizes Gerais Judiciais. MA UAL DE ORIE TAÇÃO CUSTAS JUDICIAIS Versão: 1.1 - data 25/02/11 I Art. 285, 1º, 2º e 3º - Diretrizes Gerais Judiciais. a) Cálculo da atualização monetária Esgotado o prazo legal estabelecido para o recolhimento

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XV EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XV EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL Em 2003, João ingressou como sócio da sociedade D Ltda. Como já trabalhava em outro local, João preferiu não participar da administração da sociedade. Em janeiro

Leia mais

LFG MAPS. Teoria Geral do Delito 05 questões

LFG MAPS. Teoria Geral do Delito 05 questões Teoria Geral do Delito 05 questões 1 - ( Prova: CESPE - 2009 - Polícia Federal - Agente Federal da Polícia Federal / Direito Penal / Tipicidade; Teoria Geral do Delito; Conceito de crime; Crime impossível;

Leia mais

Comentários: (Gabarito Letra E). A questão abordou apenas os artigos 770 e 775 da CLT.

Comentários: (Gabarito Letra E). A questão abordou apenas os artigos 770 e 775 da CLT. Olá pessoal! Na aula de hoje comentarei a prova de Processo do Trabalho de Técnico Judiciário do TRT/Campinas que foi aplicada este ano, cuja banca organizadora foi a Fundação Carlos Chagas (FCC). Direito

Leia mais

Espelho Penal Peça. Endereçamento correto da interposição 1ª Vara Criminal do Município X 0 / 0,25

Espelho Penal Peça. Endereçamento correto da interposição 1ª Vara Criminal do Município X 0 / 0,25 Espelho Penal Peça O examinando deve redigir uma apelação, com fundamento no artigo 593, I, do Código de Processo Penal. A petição de interposição deve ser endereçada ao juiz de direito da 1ª vara criminal

Leia mais

A Identificação e o Registro Profissional do Trabalhador

A Identificação e o Registro Profissional do Trabalhador 1 A Identificação e o Registro Profissional do Trabalhador 1 - A identificação e o Registro Profissional do Trabalhador 1.1 Introdução 1.2 - Como adquirir 1.3 - O modelo 1.4 - A emissão 1.5 - A obrigatoriedade

Leia mais

REGISTRO DE CANDIDATO

REGISTRO DE CANDIDATO LEGISLAÇÃO APLICÁVEL - Constituição Federal - Código Eleitoral (Lei n. 4737/65) - Lei n. 9.504/97 (Lei das Eleições) - Lei Complementar n. 64/90 (Lei das Inelegibilidades) DISPOSIÇÕES GERAIS REGISTRO DE

Leia mais

Para as Vítimas de Crime

Para as Vítimas de Crime Para as Vítimas de Crime Através deste documento, explicaremos a sequência da investigação e do julgamento e o sistema que a vítima poderá utilizar. Será uma satisfação poder ajudar a amenizar os sofrimentos

Leia mais

PADRÃO DE RESPOSTA PEÇA PROFISSIONAL

PADRÃO DE RESPOSTA PEÇA PROFISSIONAL PEÇA PROFISSIONAL Petição inicial: Queixa-crime. Endereçamento: Vara Criminal da Comarca de São Paulo SP. Vara criminal comum, visto que as penas máximas abstratas, somadas, ultrapassam dois anos. Como

Leia mais

As comunicações entre o local da prestação de serviço, o Fórum e a Promotoria de Justiça poderão ser feitas por telefone, fax, e-mail ou outro meio.

As comunicações entre o local da prestação de serviço, o Fórum e a Promotoria de Justiça poderão ser feitas por telefone, fax, e-mail ou outro meio. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - INTRODUÇÃO É uma pena restritiva de direito imposta pela Justiça que substitui a pena privativa de liberdade inferior a quatro anos, no caso da prática de crime sem violência ou,

Leia mais

DIREITO PENAL XVII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PROVA PRÁTICO - PROFISSIONAL

DIREITO PENAL XVII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PROVA PRÁTICO - PROFISSIONAL XVII EXAME DE ORDEM UNIFICADO DIREITO PENAL PROVA PRÁTICO - PROFISSIONAL SEU CADERNO Além deste caderno de rascunho contendo o enunciado da peça prático-profissional e das quatro questões discursivas,

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO. (Alterada pelas Resoluções nº 65/2011 e 98/2013) RESOLUÇÃO Nº 20, DE 28 DE MAIO DE 2007.

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO. (Alterada pelas Resoluções nº 65/2011 e 98/2013) RESOLUÇÃO Nº 20, DE 28 DE MAIO DE 2007. CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO (Alterada pelas Resoluções nº 65/2011 e 98/2013) RESOLUÇÃO Nº 20, DE 28 DE MAIO DE 2007. Regulamenta o art. 9º da Lei Complementar nº 75, de 20 de maio de 1993 e

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO I

ESTÁGIO SUPERVISIONADO I CURSO DE DIREITO FACULDADE DE DIREITO LAUDO DE CAMARGO NÚCLEO DE ENSINO PRÁTICO - N.E.P. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 5ª ETAPA 2 SEMESTRE / 2015 UNIVERSIDADE DE RIBEIRÃO PRETO FACULDADE DE DIREITO LAUDO DE

Leia mais

LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001.

LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001. LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Dispõe sobre a instituição dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais no âmbito da Justiça Federal. Faço saber que o Congresso Nacional

Leia mais

TJ/RJ. Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro ANALISTA JUDICIÁRIO

TJ/RJ. Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro ANALISTA JUDICIÁRIO Edição 1ª 7 8 9 8 4 8 1 9 2 4 2 9 7 Inclui questões gabaritadas! TJ/RJ Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro ANALISTA JUDICIÁRIO Data de fechamento desta edição: 08/08/2011 O conteúdo desta apostila é

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DOS MEDIADORES CAPÍTULO III DOS MEDIADORES JUDICIAIS CAPÍTULO IV DO PROCEDIMENTO DE MEDIAÇÃO

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DOS MEDIADORES CAPÍTULO III DOS MEDIADORES JUDICIAIS CAPÍTULO IV DO PROCEDIMENTO DE MEDIAÇÃO Projeto de Lei do Senado/Câmara n o de CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO II DOS MEDIADORES CAPÍTULO III DOS MEDIADORES JUDICIAIS CAPÍTULO IV DO PROCEDIMENTO DE MEDIAÇÃO Seção I - Da Mediação Judicial

Leia mais

CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011

CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011 CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011 CASOTECA DIREITO GV Caso do Campo de Algodão: Direitos Humanos, Desenvolvimento, Violência e Gênero ANEXO I: DISPOSITIVOS RELEVANTES DOS INSTRUMENTOS INTERNACIONAIS

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS FLORES DE GOIÁS-GO. CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Lei Municipal n.º 08 de 16 de Setembro de 2003

ESTADO DE GOIÁS FLORES DE GOIÁS-GO. CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Lei Municipal n.º 08 de 16 de Setembro de 2003 EDITAL PARA ELEIÇÃO DOS MEMBROS DO CONSELHO TUTELAR DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE 2016-2020 O DE, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente Edital, que, nos termos da Lei

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL PENAL COMPETÊNCIAS

DIREITO PROCESSUAL PENAL COMPETÊNCIAS DIREITO PROCESSUAL PENAL COMPETÊNCIAS Atualizado em 03/11/2015 4. Competência Material Ratione Materiae: Divide-se em competência da Justiça Estadual, Federal, Eleitoral e Militar (não falamos da Justiça

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N 30, de 26.07.2002 (D.O 02.08.02)

LEI COMPLEMENTAR N 30, de 26.07.2002 (D.O 02.08.02) LEI COMPLEMENTAR N 30, de 26.07.2002 (D.O 02.08.02) Cria o Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor - DECON, nos termos previstos na Constituição do Estado do Ceará, e estabelece as normas

Leia mais

1. CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

1. CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 1 DIREITO PENAL PONTO 1: Crimes Contra a Administração Pública 1. CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Crimes contra a Administração Pública impedem a progressão de regime sem a reparação do dano. A reparação

Leia mais

IV - APELACAO CIVEL 374161 2000.50.01.011194-0

IV - APELACAO CIVEL 374161 2000.50.01.011194-0 RELATOR : DESEMBARGADOR FEDERAL GUILHERME COUTO DE CASTRO APELANTE : UNIAO FEDERAL APELADO : JOSÉ RODRIGUES PINHEIRO ADVOGADO : SONIA REGINA DALCOMO PINHEIRO ORIGEM : QUARTA VARA FEDERAL DE VITÓRIA (200050010111940)

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PÚBLICO ESTAGIÁRIOS Nº 001/15

EDITAL PROCESSO SELETIVO PÚBLICO ESTAGIÁRIOS Nº 001/15 O DAEP - Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis e o CIEE - Centro de Integração Empresa-Escola, tornam público, de acordo com a Lei nº. 111/91- Artigo 52 e suas posteriores alterações e Lei

Leia mais

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso Edital de 24/07/2015 Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino

Leia mais

CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002. CONSIDERANDO as conclusões apresentadas pelo Fórum de Juízes Distribuidores da 2ª Região;

CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002. CONSIDERANDO as conclusões apresentadas pelo Fórum de Juízes Distribuidores da 2ª Região; CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002 A Excelentíssima Doutora MARIA HELENA CISNE CID, Corregedora- Geral da Justiça Federal da 2ª Região, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO PÚBLICA DE ESTAGIÁRIOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO Nº 01/2015 15ª Promotoria de Justiça

EDITAL PARA SELEÇÃO PÚBLICA DE ESTAGIÁRIOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO Nº 01/2015 15ª Promotoria de Justiça EDITAL PARA SELEÇÃO PÚBLICA DE ESTAGIÁRIOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO Nº 01/2015 15ª Promotoria de Justiça EDITAL PARA EXAME DE SELEÇÃO PÚBLICA DE ACADÊMICOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO DE INSTITUIÇÕES

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº, DE DE 2010.

RESOLUÇÃO Nº, DE DE 2010. RESOLUÇÃO Nº, DE DE 2010. Dispõe sobre a divulgação de dados processuais eletrônicos na rede mundial de computadores, expedição de certidões judiciais e dá outras providências. O PRESIDENTE DO CONSELHO

Leia mais

PROJETO IMEC SOCIAL CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO E PROCESSO SELETIVO

PROJETO IMEC SOCIAL CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO E PROCESSO SELETIVO PROJETO IMEC SOCIAL CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO E PROCESSO SELETIVO O COLÉGIO TÉCNICO DO IMEC, autorizado pela Portaria SEE/MG nº 1.693/2012, publicada no Diário Oficial do Estado de Minas Gerais no dia

Leia mais

2ª AULA INQUÉRITO POLICIAL

2ª AULA INQUÉRITO POLICIAL 2ª AULA INQUÉRITO POLICIAL O inquérito policial é um procedimento (não é processo) que tem por escopo a produção de provas, tudo para abalizar a denúncia (se for o caso) do membro do Ministério Público.

Leia mais

EDITAL Nº. 01/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL Nº. 01/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº. 01/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Órgão Interessado: SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PITANGA, ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA JUSTIÇA, CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS GABINETE DA SECRETÁRIA RESOLUÇÃO N 126/2012 GS/SEJU

SECRETARIA DE ESTADO DA JUSTIÇA, CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS GABINETE DA SECRETÁRIA RESOLUÇÃO N 126/2012 GS/SEJU RESOLUÇÃO N 126/2012 GS/SEJU Dispõe sobre a criação da Central de Alvarás de Soltura e disciplina os procedimentos administrativos para o encaminhamento, cumprimento e execução dos alvarás de soltura eletrônicos.

Leia mais

Monitoramento de mídia digital Tribunal de Justiça de Pernambuco. Assunto: Veículo: Jornal do Commercio Data: 27/11/2012

Monitoramento de mídia digital Tribunal de Justiça de Pernambuco. Assunto: Veículo: Jornal do Commercio Data: 27/11/2012 Assunto: Veículo: Jornal do Commercio Data: 27/11/2012 Editoria: Caderno C Dia a Dia Assunto: TJPE nomeia novos servidores Veículo: diariodepernambuco.com.br Data: 08/01/2013 Editoria: TJPE nomeia novos

Leia mais