Edição independente, pela PERSE EDITORA Setembro de 2012 O TEMPLO DA MAGIA VERMELHA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Edição independente, pela PERSE EDITORA Setembro de 2012 O TEMPLO DA MAGIA VERMELHA"

Transcrição

1 Direitos reservado ao autor. É proibida a reprodução total ou parcial desta obra, por qualquer meio e para qualquer fim, sem a autorização prévia, por escrito, do autor. Obra protegida pela Lei de Direitos Autorais. Site: om Edição independente, pela PERSE EDITORA Setembro de 2012 VERMELHA O TEMPLO DA MAGIA

2 CAPÍTULO I O INÍCIO DE UMA MISTERIOSA HISTÓRIA A garoa cobre o céu da cidade! Isso é mais que o natural. Isso é uma realidade, desde quando o planalto Piratininga, era apenas habitados por indiginas. Dizem que foi o clima úmido e agrádavel, que levou os jesuítas, Manoel da Nóbrega, Anchieta e companheiros, à fixar no local. Além de ter um clima muito gostoso, é maravilhoso ver a garoa cobrir o céu da cidade, quase que o ano todo. O colégio dos jesuítas, que deu origem à cidade, estava ali, entre o Anhangabaú, Pinheiros e Tietê; isso, no entanto, foi há muito tempo, precisamente em Todavia, ainda hoje, a garoa continua a embelezar a grande metrópole, São Paulo! Embora, nos dias de hoje, se mistura com a poluição industrial e dos automóveis. E, nessa atmosfera gratificante, a cidade é prazerosamente um dos melhores lugares para se viver. O metrô cruza a cidade, lesteoeste, norte-sul! Foi, porém, no metrô sentido Santana-Jabaquara, exatamente na Estação Armênia, que Solange ao sair do

3 expresso, se depara com um jovem senhor. E, esse, começa a interrogá-la: _ Moça, por favor preciso falar com você! Só 5 minutos, por favor... E, indicava um café ali próximo. Solange sem entender, lhe disse: _ Quem é você? Não lhe conheço... não está vendo que estou apressada? Aquele senhor, então, sem falar nada, retirou do bolso de sua jaqueta, uma credencial e lhe mostra. Ela lê: " DETETIVE PARTICULAR: PERRONE". Ainda assustada e sem saber o que está acontecendo, ela segue aquele jovem senhor, até aquele café. Esse, era pequeno, modesto, mas bem organizado e confortável. Tinha poucas pessoas no local. O paulistano costuma tomar o seu café e, sair rápido, pois a cidade não para... todos têm pressa. A vida em São Paulo é assim, sempre agitada! Os dois, ao chegarem ali, se sentam e o senhor Perrone, pedi então, dois cafés expresso. E, assim fala para Solange: _ Sou o Detetive Perrone, estou trabalhando em uma investigação importantíssima... quero a sua colaboração! _ Mas... aonde é que entro nessa sua investigação? Eu não fiz nada... o senhor pode está me confundindo

4 com outra pessoa... _ Não. Não estou confundindo você com ninguém. Você é natural de Promissão e, viveu muito tempo em Birigui... não é isso? Solange ficou pálida. De fato aquele detetive tinha em suas mãos o seu histórico, inclusive a sua estadia secreta em Birigui. Cuja estadia, poucas pessoas sabiam. Porém, ela não sabia o que ele estava investigando e, então lhe perguntou: _ Sim! Meu nome é Solange, sou de Promissão, o senhor morou naquela cidade? E, o que está investigando? _ Quero a sua colaboração! Sei muito mais de você... para começar, não vou lhe tomar o seu tempo, hoje vamos ficar por aqui. Porém, preciso ouvi-la brevemente. Hoje é quinta-feira, é provável que até sábado, preciso falar com você novamente... foi difícil lhe encontrar, deixe comigo o seu telefone! Ela, ainda confusa, passou para Perrone o número do seu celular e, Perrone por sua vez, deixou com ela o seu cartão de visita. E, saindo dali, ela foi à sua habitual rotina. No entanto, todo o seu passado veio à tona. Como aquele senhor e detetive, em 5 minutos fez seu o passado reviver? Enquanto ela seguia lágrimas de seus

5 olhos desceram... as recordações nem sempre nos trazem alegria. E, o detetive Perrone, por sua vez, entrou no metrô, sentido Santana! CAPÍTULO II SOLANGE NAKAMURA Solange era uma descendente de japoneses. Tinha todas as características das mulheres nipônicas: olhos puxados, cabelos lisos e preto, porém era mais alta que a maioria das mulheres orientais. Era natural de Promissão. Morou ali, em sua infância, até concluir o antigo, curso primário. Na idade de 12 anos, seus pais a mandaram para a cidade de Presidente Prudente, para continuar os estudos. Foi nessa época do ginásio, que ela foi enganada e enganou os seus pais. Foi viver de forma secreta e promiscua, na cidade de Birigui. Ela foi agenciada por uma senhora, cujo nome era Dona Neide. Naquela interiorana cidade, vivia com as suas "meninas"! Sim, eram mesmos meninas, todas menores de idade, em plena adolescência e, ali, ela incentivava o mundo da

6 prostituição. Solange foi uma dessas meninas. Na agência de acompanhantes de Dona Neide, tinha loiras, morenas, ruivas, negras e asiáticas. A própria Neide costumava dizer que a sua "casa", deveria satisfazer o gosto sexual de qualquer cliente. E a jovem Solange, passou a morar as escondidas dos seus pais naquela cidade. Um diferencial que tinha entre uma boate, uma casa de prostituição qualquer, era que a "casa de Dona Neide", tinha todo um processo iniciático, um processo de formação para as sua meninas. Essa formação era mesmo uma verdadeira conscientização e, em outras palavras, essa dita formação se parecia com uma religião ou uma seita. Tudo ali era secreto, o que se passava naquela casa, nem mesmo as iniciantes sabiam. Tudo era justificado, inclusive com citações bíblicas. No entanto, um dia, Solange se desligou da referida agência. Mas, quase que simultaneamente, aconteceu uma tragédia na colônia nipônica de Promissão! Uma família de japoneses foi assassinada! Todos! Dos mais velhos aos mais novos, inclusive uma criança com menos de um ano. Essa família, em número de 9 pessoas, foram encontrados, no " terreiro" de

7 concreto, onde, usava para a secagem do café, cobertos com uma lona. Os corpos já estavam em estado de decomposição. Essa família era nada mais, nada menos, que a família de Solange. E, não foi a família toda, como haviam falado e imaginado, Solange havia se escapado com vida! Aqueles que sabiam da existência de Solange, falavam que ela se escapou por estar estudando fora, outros falavam que ela, não era estudante, mas sim, a mais bela e atraente "putinha" de Birigui. Esses que falavam, essa última versão, certamente já tinham frequentado a " casa de Dona Neide". E, diante dessa situação, a morte trágica de sua família, Solange fugiu para São Paulo. Ela era da família, poderiam a procura-la também... ela não sabia o motivo dessa tragédia; visitava seus pais só uma vez por ano e, não sabia se ele tinha alguma inimizade à ponto de matarem todos. Todos: seus avós, com mais de 80 anos, até sua sobrinha, com menos de 1 ano! Ela estava longe de imaginar a verdadeira razão daquela terrível tragédia. Embora, as versões sobre esse fato foram diversas. Aqueles que sabiam da existência de Solange,

8 achavam que foi ela a mandante, para poder vender as propriedades da família, já que ficou como herdeira única; outros diziam histórias diferentes. Diziam que o pai de Solange, era um japonês muito rude, duro e cruel e, após uma discussão com um dos seus empregados, fez um "serviço" dramático no mesmo. Havia o castrado e, esse veio a morrer. O assassinato da família, teria sido uma vingança. Essa era uma, das outras tantas versões que corria naquelas regiões. O fato é que a polícia não chegou a uma conclusão e, arquivou o caso. CAPÍTULO III MÍSTICO DETETIVE PERRONE O Naquela quinta-feira, o detetive Perrone, foi para o seu escritório; esse ficava em um local bem simples no Bairro da Lapa. E, ele usava apenas telefones celulares. Ao chegar na sua mesa de trabalho, se sentou animadíssimo, havia encontrado a pessoa que ele procurava há vários dias. Ele olhou para o retrato falado que estava entre os seus papéis e, fez a comparação com a ainda jovem Solange! Enquanto isso, sua recordação vai longe. Ele recorda quando tudo começou... quando ele optou por esta profissão: investigador!

9 Ele lembra o dia, o longínquo dia. Era um dia de festa, era o aniversário de sua avó, dona Maria. Estavam reunidos familiares e amigos de toda a colônia. Era o octogésimo aniversário da velhinha. O pomar do sítio foi transformado num parque infantil, ou em um real paraíso. Isso na colônia agrícola do município de Promissão. Os netos de dona Maria, tinham muitos amiguinhos, portanto, as brincadeiras, para as crianças, tomam conta daquele festivo dia! Pedro Perrrone é como um líder daquela multidão de crianças. Propõe brincadeiras de todas formas. Esse menino é misterioso. Aos quatro anos, já sabia ler e escrever. Seu pai o ajudava, mas ele era auto-didata. Tinha uma capacidade incrível de memorização. Na escola era sempre o mais dedicado e, em todas disciplinas! Naquele dia, estava com seus 11 anos. Durante aquele dia, combinou com seu irmãozinho, uma brincadeira diferente: ele seria adivinhador! Como seria isso? Como fariam? Eles colocavam três pedrinhas, Pedro Perrone, na época Pedrinho, se esconderia e, alguém tocaria em uma das três e o seu irmão daria o sinal. Assim, Pedro acertaria sempre, não tinha como errar.

10 Os seus amiguinhos começaram a se admirar e a comentar o fato. E, em poucos minutos, esse feito de Pedrinho, já chegava aos ouvidos dos pais e adultos. Todos foram presenciar. Houve quem duvidara e, acompanhava o menino para certificar se não havia um informante. Não, não havia. A verdade era um segredo, apenas, dos dois irmãos; ninguém poderia saber. O fato é que as pessoas começaram a crer que o menino tinha mesmo poderes paranormais. Ele se divertiu com isso! Ele sabia que era apenas uma brincadeira. Todavia, essa brincadeira iria transformar a vida daquele menino e, ele jamais seria o mesmo. Anos depois, houve o assassinato daquela família japonesa. O fato foi muito comentado, mas com o passar dos anos, ficou como uma história do passado. Pedro Perrone, em uma outra ocasião, já adolescente, estava com os seus amiguinhos e um deles propôs a mesma brincadeira daquele dia festivo. Todavia, algo fez Pedrinho quase desistir: seu irmãozinho, o Marcos, ainda não tinha voltado da escola! Bom, pensou Pedrinho, se eu não acertar, não tem problema e, lá se foram!

11 Entretanto, a surpresa maior ficou para o próprio Pedro! Ele acertava todas! E mais, ele mandava alguém pensar em um número ou em um nome, ou até escrever e ele adivinhava! Ele tinha mesmo poderes paranormais! Naquela região, essa notícia se espalhou. Ele estava ficando muito conhecido. Até quando surgia alguns furtos ou roubos, as pessoas o procuravam e, ele indicava o lugar aonde o objeto roubado, provavelmente, se encontrava. Aos 18 anos, mudou-se então, para Marília, para fazer a faculdade. Porém, isso não chegou a Acontecer. Ali em Marília, ele conheceu uma jovem, a Kátia. Isso logo que ele chegou naquela cidade. Essa jovem, tornou-se a sua namorada. Um dia, quando ela tentou mentir para ele, Pedro revelou a verdade aonde ela estava. Kátia, então desistiu de se casar com ele, mas fez com que Pedrinho abraçasse a profissão de detetive. Ela o incentivou a seguir essa carreira...iria dar certo. Ele poderia usar os poderes místicos ou a intuição e, seria um profissional de sucesso. Contrariando a vontade dos seus pais, ele foi para São Paulo e, estava atuando como detetive

12 particular. A seriedade e a veracidade em todos os processos investigativos que ele tinha trabalhado o levou a ser um dos mais conhecidos na grande metrópole! CAPÍTULO IV DONA NEIDE Neide Martins, filha de lavradores, da zona rural de Birigui. Desde menina, era revoltada com a situação econômica dos seus pais e antepassados. Tinha vergonha de suas origens.reclamava todos os dias. A sua família, era formada por seu pai e a sua mãe e, mais 13 irmãos. Na verdade, chegou a passar fome quando criança. Tudo isso contribuía para a formação psicológica daquele ser humano. Sua mãe era muito religiosa, porém Neide, começou a ter uma certa rejeição às cerimônias religiosas. Ela dizia para os irmãos e amigas, que um dia, ela seria ainda muito respeitada. Um dia, ela seria dona do seu destino! Sim! Ela ainda deveria ser muito rica. O que ela pensava, ou seja, como ela iria conseguir essa riqueza, ela não sabia explicar. Neide era uma bela menina, que em pouco tempo se transformou em uma bela jovem. Como os seus pais não tinham

13 nenhuma propriedade, eram arrendatários, diante de uma crise na lavoura, vieram todos morar em Birigui e, se transformaram em "bóias-fria". Neide, a cada dia ficava mais calada e, com certeza mais revoltada. Ela não se conformava, sendo ela uma moça tão bonita, viver naquela situação. Mãos calejadas, pele queimada, roupas humildes e, quase sem dinheiro. Gostava de ler Karl Marx. Adorava história de países como Albânia, China e, sobretudo, Cuba. No entanto, ela nunca acreditou que o Brasil, viria a ser um País socialista. Ela começou então, a ler livros e revistas com temas místicos. Místico! Não precisamente, livros de religiões ou seitas. Adorava ler astrologia, signos e similares. Sempre que sobrava algum dinheiro, ia nas bancas à procura de tais revistas ou livros. Um certo dia, em uma dessas revistas ela encontrou um artigo que mudaria sua forma de viver e, toda a sua vida. Na revista que ela comprou, tinha um artigo, tipo publicitário, referente às iniciações místicas em uma recente criada Ordem. Essa, prometia aos membros, de ambos os sexos, sucesso em todos os segmentos da vida. Tudo que o iniciado, membro ativo desta organização

14 sonhasse, conseguiria. Não havia o nome oficial da Ordem, mas estava um endereço para contato. A jovem Neide, revoltada com a situação vivida, até então, pensou, este será o meu caminho! Ainda jovem, já era bem prudente, não confessou nada para ninguém. Escreveu uma pequena carta, e, remeteu para o endereço da citada Ordem. Tudo que ela queria era uma vida melhor. Neide, no entanto, não esperava resposta daquela pequena e humilde carta. Inclusive, escrita à caneta e com uma ortografia e caligrafia de uma semi-analfabeta. Passou um mês e nada! Mas ela continuou à esperar mesmo assim. Ela tinha, realmente uma personalidade forte, mesmo para a sua idade. Uma tarde, após um exausto dia de trabalho na colheita do tomate, ao chegar em sua casa, sua mãe lhe diz: _ Neide, tem uma carta em seu nome... Neide ficou surpresa com o que ouvia de sua mãe. Correu para ver a tal missiva. Sua mãe tinha a colocado em cima de sua cama. Chegou em seu quarto, que aliás dividia com irmãos e irmãs, lá

15 estava um envelope, tamanho médio, cor amarelo, em seu nome! Ela o pegou e, disfarçadamente, foi para o banheiro. Chegando lá, fechou a porta e, com o coração aos pulos, leu o endereço do remetente. Estava assim: "Ordem Mística e Iniciática, do TEMPLO DA MAGIA VERMELHA." Ela sorriu para si mesma! Este seria o seu caminho! Ela não estava imaginando o caminho que teria que trilhar, só imaginava em uma outra situação que ela poderia passar à viver. Abriu, então aquele envelope! Para a sua surpresa, lá estava, uma carta informativa e, um convite especial para ela, participar da próxima reunião extraordinária, que seria na próxima semana. Único inconveniente, essa reunião seria em São Paulo, Capital. A carta informativa dizia o básico sobre a Ordem. Dizia que esta, era uma Ordem secreta, iniciática, mística e, de característica oficial, magia vermelha! O que seria isso? Neide, apesar de ter lido muitos livros e revistas de cunho místicos, sabia que havia as magias branca, negra e vermelha; todavia, não as conhecias.

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Autora: Tell Aragão Personagens: Carol (faz só uma participação rápida no começo e no final da peça) Mãe - (só uma voz ela não aparece) Gigi personagem

Leia mais

Autor (a): Januária Alves

Autor (a): Januária Alves Nome do livro: Crescer não é perigoso Editora: Gaivota Autor (a): Januária Alves Ilustrações: Nireuda Maria Joana COMEÇO DO LIVRO Sempre no fim da tarde ela ouvia no volume máximo uma musica, pois queria

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

Sei... Entra, Fredo, vem tomar um copo de suco, comer um biscoito. E você também, Dinho, que está parado aí atrás do muro!

Sei... Entra, Fredo, vem tomar um copo de suco, comer um biscoito. E você também, Dinho, que está parado aí atrás do muro! Capítulo 3 N o meio do caminho tinha uma casa. A casa da Laila, uma menina danada de esperta. Se bem que, de vez em quando, Fredo e Dinho achavam que ela era bastante metida. Essas coisas que acontecem

Leia mais

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura.

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Palavras do autor Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Durante três anos, tornei-me um leitor voraz de histórias juvenis da literatura nacional, mergulhei

Leia mais

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido.

Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Fim. Começo. Para nós, o tempo começou a ter um novo sentido. Assim que ela entrou, eu era qual um menino, tão alegre. bilhete, eu não estaria aqui. Demorei a vida toda para encontrá-lo. Se não fosse o

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes All You Zombies Wendel Coelho Mendes Versão Portuguesa, Brasil Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959 Esse conto é minha versão sobre a verdadeira história de All You Zombies,

Leia mais

MARK CARVALHO. Capítulo 1

MARK CARVALHO. Capítulo 1 MARK CARVALHO Capítulo 1 Mark era um menino com altura média, pele clara, pequenos olhos verdes, cabelos com a cor de avelãs. Um dia estava em casa vendo televisão, até que ouviu: Filho, venha aqui na

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

A ABDUZIDA. CELIORHEIS Página 1

A ABDUZIDA. CELIORHEIS Página 1 CELIORHEIS Página 1 A Abduzida um romance que pretende trazer algumas mensagens Mensagens estas que estarão ora explícitas ora implícitas, dependendo da ótica do leitor e do contexto em que ela se apresentar.

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus.

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. JÓ Lição 05 1 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. 2. Lição Bíblica: Jô 1 a 42 (Base bíblica para a história e o professor)

Leia mais

Uma estrela subiu ao céu

Uma estrela subiu ao céu Compaixão 1 Compaixão Não desprezes aqueles a quem a vida desfavoreceu, mas ajuda-os no que estiver ao teu alcance. Cada pessoa tem em si algo de bom que é preciso fazer desabrochar. Uma estrela subiu

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

Quando vi Fátima pela primeira vez

Quando vi Fátima pela primeira vez ... Quando vi Fátima pela primeira vez Texto de Fernando Ben, falando resumidamente sobre sua experiência nos primeiros encontros mediúnicos com Fátima. As religiões são janelas para ver o céu. Você pode

Leia mais

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 1 1. Objetivos: Ensinar que quando Moisés aproximou-se de Deus, os israelitas estavam com medo. Ensinar que hoje em dia, por causa de Jesus, podemos nos sentir perto de Deus

Leia mais

As 12 Vitimas do Medo.

As 12 Vitimas do Medo. As 12 Vitimas do Medo. Em 1980 no interior de São Paulo, em um pequeno sítio nasceu Willyan de Sousa Filho. Filho único de Dionizia de Sousa Millito e Willian de Sousa. Sempre rodeado de toda atenção por

Leia mais

www.rockstarsocial.com.br

www.rockstarsocial.com.br 1 1 Todos os Direitos Reservados 2013 Todas As Fotos Usadas Aqui São Apenas Para Descrição. A Cópia Ou Distribuição Do Contéudo Deste Livro É Totalmente Proibida Sem Autorização Prévia Do Autor. AUTOR

Leia mais

José teve medo e, relutantemente, concordou em tomar a menina como esposa e a levou para casa. Deves permanecer aqui enquanto eu estiver fora

José teve medo e, relutantemente, concordou em tomar a menina como esposa e a levou para casa. Deves permanecer aqui enquanto eu estiver fora Maria e José Esta é a história de Jesus e de seu irmão Cristo, de como nasceram, de como viveram e de como um deles morreu. A morte do outro não entra na história. Como é de conhecimento geral, sua mãe

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

- Papá, é hoje! É hoje, papá! Temos que montar o nosso pinheirinho de Natal. disse o rapaz, correndo na direção de seu pai.

- Papá, é hoje! É hoje, papá! Temos que montar o nosso pinheirinho de Natal. disse o rapaz, correndo na direção de seu pai. Conto de Natal Já um ano havia passado desde o último Natal. Timóteo estava em pulgas para que chegasse o deste ano. Menino com cara doce, uma tenra idade de 10 aninhos, pobre, usava roupas ou melhor,

Leia mais

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe?

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Trecho do romance Caleidoscópio Capítulo cinco. 05 de novembro de 2012. - Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Caçulinha olha para mim e precisa fazer muita força para isso,

Leia mais

David pensou que o pai, às vezes, dizia coisas raras, estranhas. A mãe suspirou fundo ao enfiar de novo a agulha.

David pensou que o pai, às vezes, dizia coisas raras, estranhas. A mãe suspirou fundo ao enfiar de novo a agulha. ESTRELAS DE NATAL David acordou. O pai tinha aberto a janela e estava a olhar para as estrelas. Suspirava. David aproximou-se. Ouviu novo suspiro. O que tens, pai? perguntou. O pai pôs-lhe as mãos nos

Leia mais

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A O LIVRO SOLIDÁRIO Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A 1 Era uma vez um rapaz que se chamava Mau-Duar, que vivia com os pais numa aldeia isolada no Distrito de Viqueque, que fica

Leia mais

Você, no entanto, pode nos ajudar!

Você, no entanto, pode nos ajudar! Este livro pode ser adquirido por educação, negócios, vendas ou uso promocional. Embora toda precaução tenha sido tomada na preparação deste livro, o autor não assume nenhuma responsabilidade por erros

Leia mais

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta Copyright Betina Toledo e Thuany Motta Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 MERGULHO FADE IN: CENA 1 PRAIA DIA Fotografia de

Leia mais

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 1 1. Objetivos: Mostrar que o Senhor Jesus morreu na cruz e foi sepultado. Ensinar que o Senhor Jesus era perfeito; não havia nada que o condenasse. Ensinar que depois

Leia mais

A Cura de Naamã - O Comandante do Exército da Síria

A Cura de Naamã - O Comandante do Exército da Síria A Cura de Naamã - O Comandante do Exército da Síria Samaria: Era a Capital do Reino de Israel O Reino do Norte, era formado pelas 10 tribos de Israel, 10 filhos de Jacó. Samaria ficava a 67 KM de Jerusalém,

Leia mais

Ideionildo. E a Chave Azul. Pelo Espírito Vovó Amália. Robson Dias

Ideionildo. E a Chave Azul. Pelo Espírito Vovó Amália. Robson Dias Ideionildo E a Chave Azul Robson Dias Pelo Espírito Vovó Amália Livrinho da Série - As Histórias Que a Vovó Gosta de Contar (http:\www.vovoamalia.ubbi.com.br - Distribuição Gratuita) - A venda deste produto

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa FIM DE SEMANA Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa CENA 1 EXTERIOR / REUNIÃO FAMILIAR (VÍDEOS) LOCUTOR Depois de uma longa semana de serviço, cansaço, demoradas viagens de ônibus lotados...

Leia mais

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

08. Camilo Alfredo Faigle Vicari

08. Camilo Alfredo Faigle Vicari 08. Camilo Alfredo Faigle Vicari Nascido em São Paulo, em 1976, é biólogo e estudante de mestrado na UNIFESP. Em 26 de agosto de 2010 recebi Camilo numa sala de reuniões da UNIFESP. Ele chegou às 18h e

Leia mais

Apoio: Patrocínio: Realização:

Apoio: Patrocínio: Realização: 1 Apoio: Patrocínio: Realização: 2 CINDERELA 3 CINDERELA Cinderela era uma moça muito bonita, boa, inteligente e triste. Os pais tinham morrido e ela morava num castelo. A dona do castelo era uma mulher

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

2. APRESENTAÇÃO. Mas, tem um detalhe muito importante: O Zé só dorme se escutar uma história. Alguém deverá contar ou ler uma história para ele.

2. APRESENTAÇÃO. Mas, tem um detalhe muito importante: O Zé só dorme se escutar uma história. Alguém deverá contar ou ler uma história para ele. 1.INTRODUÇÃO A leitura consiste em uma atividade social de construção e atribuição de sentidos. Assim definida, as propostas de leitura devem priorizar a busca por modos significativos de o aluno relacionar-se

Leia mais

Lição. História Bíblica II Timóteo 3:16; II Pedro 1:20, 21; Salmos 119:4 Na lição de hoje, as crianças aprenderão que a

Lição. História Bíblica II Timóteo 3:16; II Pedro 1:20, 21; Salmos 119:4 Na lição de hoje, as crianças aprenderão que a FRUTOS-1 Descoberta Lição 1 4-6 Anos História Bíblica II Timóteo 3:16; II Pedro 1:20, 21; Salmos 119:4 Na lição de hoje, as crianças aprenderão que a CONCEITO CHAVE A Bíblia é o livro de Deus e nós sabemos

Leia mais

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons.

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons. Olá, você esta acessando um dos materiais vencedores no concurso InternÉtica 2011, realizado pela SaferNet Brasil e o Instituto Childhood Brasil. Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet

Leia mais

Geração Graças Peça: O livro das Parábolas A parábola do tesouro escondido (Mt 13:44)

Geração Graças Peça: O livro das Parábolas A parábola do tesouro escondido (Mt 13:44) Geração Graças Peça: O livro das Parábolas A parábola do tesouro escondido (Mt 13:44) Autora: Tell Aragão Colaboração: Marise Lins Personagens Menina Zé Bonitinho +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Leia mais

O pequeno aventureiro

O pequeno aventureiro O pequeno aventureiro a a Guilherme Carey era um menino muito ativo. Morava em Paulerspury, uma pequena vila na Inglaterra. Todos os dias, Guilherme ia para a escola, onde seus colegas o apelidaram de

Leia mais

Arte do Namoro - Manual de Como Seduzir pelo Telefone por Rico 2009-2010, Todos Direitos Reservados - Pg 1

Arte do Namoro - Manual de Como Seduzir pelo Telefone por Rico 2009-2010, Todos Direitos Reservados - Pg 1 Direitos Reservados - Pg 1 Aviso aos que se acham malandros, ou que querem ser processados ou parar na cadeia. Este livro é registrado com todos os direitos reservados pela Biblioteca Nacional. A cópia,

Leia mais

Hamlet. William Shakespeare. É só o Começo. Coleção

Hamlet. William Shakespeare. É só o Começo. Coleção William Shakespeare Adaptação para neoleitores, a partir do original em inglês: Paulo Seben Revisão técnica: Pedro Garcez Supervisão: Luís Augusto Fischer Hamlet Versão adaptada para neoleitores a Coleção

Leia mais

DATAS COMEMORATIVAS. CHEGADA DOS PORTUGUESES AO BRASIL 22 de abril

DATAS COMEMORATIVAS. CHEGADA DOS PORTUGUESES AO BRASIL 22 de abril CHEGADA DOS PORTUGUESES AO BRASIL 22 de abril Descobrimento do Brasil. Pintura de Aurélio de Figueiredo. Em 1500, há mais de 500 anos, Pedro Álvares Cabral e cerca de 1.500 outros portugueses chegaram

Leia mais

Acting out: como tirar proveito dele? Lacan nos diz no seminário As formações do inconsciente, coisas muito

Acting out: como tirar proveito dele? Lacan nos diz no seminário As formações do inconsciente, coisas muito Acting out: como tirar proveito dele? Lacan nos diz no seminário As formações do inconsciente, coisas muito interessantes a respeito do acting out, entre elas, que ele é uma mensagem... sempre dirigido

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais

Projeto Minha Identidade

Projeto Minha Identidade Projeto Minha Identidade Esta apostila é a primeira a ser desenvolvida com as crianças do Espaço Voar e tem como objetivo fortalecer o senso de identidade da criança como indivíduo, oferecendo situações

Leia mais

entanto, nós gostamos de nos divertir no nosso tempo livre. As atividades mais comuns que estamos envolvidos é cinema, shopping e passar tempo com

entanto, nós gostamos de nos divertir no nosso tempo livre. As atividades mais comuns que estamos envolvidos é cinema, shopping e passar tempo com Olá! Nós somos a família Geraci. Meu nome é Érica,sou Brasileira e meu marido é Dan, Americano. Estamos casados há quase 5 anos e agora temos um bebê de 6 meses chamada Kaysen. Kaysen é um bebê alegre,

Leia mais

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso TEXTO 1 Leia o texto abaixo e nas alternativas de múltipla escolha, assinale a opção correta. INTERCÂMBIO BOA VIAGEM 1 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 Cursos de intercâmbio são uma

Leia mais

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados

Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira CÃO ESTELAR. EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Arthur de Carvalho Jaldim Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR EDITORA BPA Biblioteca Popular de Afogados Texto e Pesquisa de Imagens Arthur de Carvalho Jaldim e Rubens de Almeida Oliveira O CÃO ESTELAR

Leia mais

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém,

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém, Data: 13/12/2015 Texto Bíblico: Lucas 2:7; 8-20 e Mateus 2:1-12 Versículo para memorizar: Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu único Filho, para que todo aquele que Nele crê não morra,

Leia mais

POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN

POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN "Pr. Williams Costa Jr.- Pastor Bullón, por que uma pessoa precisa se batizar? Pr. Alejandro Bullón - O Evangelho de São Marcos 16:16 diz assim: "Quem crer e for batizado,

Leia mais

Canadá. Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país. Leia a nossa história e descubra...

Canadá. Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país. Leia a nossa história e descubra... Canadá Você sabia que... Os indivíduos e as comunidades têm o direito a exprimir as próprias opiniões e a participar, com os governos locais, na tomada de decisões e ações que afetem o seu direito à alimentação.

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE?

2015 O ANO DE COLHER MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE? MAIO - 1 COMO SERÁ A CIDADE? Texto: Apocalipse 21:1-2 Então vi um novo céu e uma nova terra, pois o primeiro céu e a primeira terra tinham passado; e o mar já não existia. Vi a cidade santa, a nova Jerusalém,

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Brasil Você sabia que... A pobreza e a desigualdade causam a fome e a malnutrição. Os alimentos e outros bens e serviços básicos que afetam a segurança dos alimentos, a saúde e a nutrição água potável,

Leia mais

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem.

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem. Pais e filhos 1º cena: música ambiente (início da música pais e filhos legião urbana - duas pessoas entram com um mural e começam a confeccionar com frases para o aniversário do pai de uma delas (Fátima),

Leia mais

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol)

CD EU QUERO DEUS. 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) 02- SIM, SIM, NÃO, NÃO (Irmã Carol) CD EU QUERO DEUS 01- EU QUERO DEUS (Irmã Carol) EU QUERO DEUS \ EU QUERO DEUS SEM DEUS EU NÃO SOU NADA EU QUERO DEUS Deus sem mim é Deus \ Sem Deus eu nada sou Eu não posso viver sem Deus \ Viver longe

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

Giovana Villardo. Conexão Divina

Giovana Villardo. Conexão Divina Conexão Divina Giovana Villardo Conexão Divina Edição 01 Rio de Janeiro, Brasil 2015 Título original: Conexão Divina. Uma obra de; Giovana Villardo. Copyright 2015 Giovana Villardo Categoria: espiritualidade

Leia mais

3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Língua Portuguesa Revisão Nome:

3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Língua Portuguesa Revisão Nome: 3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades de Língua Portuguesa Revisão Nome: Vamos entender um pouco mais sobre ética. Leia este texto atentamente. ÉTICA Ética é um conjunto de valores morais, costumes

Leia mais

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 4º Tri 2015: A Vida de Jesus

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 4º Tri 2015: A Vida de Jesus O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12. Ele ficava olhando o mar, horas se o deixasse. Ele só tinha cinco anos.

Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12. Ele ficava olhando o mar, horas se o deixasse. Ele só tinha cinco anos. Contos Místicos 1 Contos luca mac doiss Conto n.o 5: A minha mãe é a Iemanjá 24.07.12 Prefácio A história: esta história foi contada por um velho pescador de Mongaguá conhecido como vô Erson. A origem:

Leia mais

R. Rutschka. R. Rutschka. P. Rull Gomes

R. Rutschka. R. Rutschka. P. Rull Gomes Primeira Edição R. Rutschka Ilustrações de: R. Rutschka Revisão de texto: P. Rull Gomes São Paulo, 2012 3 R. Rutschka 2012 by R. Rutschka Ilustrações R. Rutschka Publicação PerSe Editora Ltda. ISBN 978-85-8196-024-1

Leia mais

Charles é um ser totalmente atrasado em relação à sociedade em que vive. Veio do interior e fica admirado com a imensidão da cidade grande.

Charles é um ser totalmente atrasado em relação à sociedade em que vive. Veio do interior e fica admirado com a imensidão da cidade grande. TEMPOS MODERNOS UM FILME DE Jeander Cristian, baseado na obra original de Charlie Chaplin. Pessoas apressadas andam pela cidade grande Tempo é dinheiro! Pessoas acessam informações em tempo recorde na

Leia mais

JOÁS, O MENINO REI Lição 65. 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo.

JOÁS, O MENINO REI Lição 65. 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo. JOÁS, O MENINO REI Lição 65 1 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo. 2. Lição Bíblica: 2 Reis 11; 2 Crônicas 24.1-24 (Base bíblica para a história

Leia mais

CRÔNICAS DE UM DETETIVE

CRÔNICAS DE UM DETETIVE CRÔNICAS DE UM DETETIVE EDILMAR LIMA Brasília Distrito Federal 2003 Copyright @ 2003 by Edilmar Lima - Todos os direitos reservados. Proibido a reprodução sem prévia autorização. Um livro de Edilmar Lima

Leia mais

P/1 Sr. Gad, você pode falar o seu nome completo, data e local de nascimento?

P/1 Sr. Gad, você pode falar o seu nome completo, data e local de nascimento? museudapessoa.net P/1 Sr. Gad, você pode falar o seu nome completo, data e local de nascimento? R Sim. Meu nome é Gad Yshay, nasci em 16 de abril de 1931, em Israel, Jerusalém. Mês que vêm vou fazer aniversário.

Leia mais

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º 18. DICAS PARA A PRÁTICA Orientação para o trabalho A- Conhecimento de si mesmo Sugestão: Informativo de Orientação Vocacional Aluno Prezado Aluno O objetivo deste questionário é levantar informações para

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

Formação de PROFESSOR

Formação de PROFESSOR Formação de PROFESSOR 1 Especial Formação de Professor Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação Livro de ensinamentos, reflexão, que procura ajudar o público infantil a compreender a morte. A obra foi

Leia mais

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus Ensino - Ensino 11 - Anos 11 Anos Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus História Bíblica: Mateus 3:13 a 17; Marcos 1:9 a 11; Lucas 3:21 a 22 João Batista estava no rio Jordão batizando as pessoas que queriam

Leia mais

A qualidade de vida. Vou responder para vocês, é só ler está história que vou contar.

A qualidade de vida. Vou responder para vocês, é só ler está história que vou contar. A qualidade de vida Dentre as prioridades da maioria das instituições de ensino está a qualidade da alimentação oferecida aos seus alunos, isso por desempenhar um papel primordial no ciclo de vida e principalmente

Leia mais

Depressão na Gravidez

Depressão na Gravidez De Depressão na Gravidez Um relato de uma mulher com Depressão na Gravidez O E-mail enviado por Gabriela, uma mulher que teve depressão durante a Gravidez e as respostas de apoio e ajudar à essa mulher.

Leia mais

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento Eu e umas amigas íamos viajar. Um dia antes dessa viagem convidei minhas amigas para dormir na minha casa. Nós íamos para uma floresta que aparentava ser a floresta do Slender-Man mas ninguém acreditava

Leia mais

JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE. David C Cook. All Rights Reserved

JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE. David C Cook. All Rights Reserved A HISTÓRIA DE JESUS CRISTO ESTA É A VERDADEIRA HISTÓRIA DE JESUS CRISTO. ELE ERA UM HOMEM, MAS ERA MUITO MAIS DO QUE ISSO. ELE É O FILHO ÚNICO DE DEUS. É CLARO QUE ELE ERA PODEROSO. ATÉ O VENTO E O MAR

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Mauricio, eles dizem que querem continuar a fazer outros Módulos e o proximo será fruticultura

Mauricio, eles dizem que querem continuar a fazer outros Módulos e o proximo será fruticultura ELES QUEREM MAIS... Sarandi é uma cidade situada no Norte do Paraná e petence a Região metropolitana de Maringá. È uma cidade que cresceu rápido e apresenta uma vunerabilidade social muito grande! É comum

Leia mais

Fortaleza digital 6 MM 08.08.07 10:37 Page 3 FORTALEZA DIGITAL. Dan Brown

Fortaleza digital 6 MM 08.08.07 10:37 Page 3 FORTALEZA DIGITAL. Dan Brown Fortaleza digital 6 MM 08.08.07 10:37 Page 3 FORTALEZA DIGITAL Dan Brown Fortaleza digital 6 MM 08.08.07 10:37 Page 5 Para meus pais... meus mentores e heróis Fortaleza digital 6 MM 08.08.07 10:37 Page

Leia mais

Dilemas de Adolescente

Dilemas de Adolescente Dilemas de Adolescente Quando pensamos que a vida está parada, ai temos uma grande surpresa. Meu nome é Ellen Ster, tenho 14 anos, loura, olhos castanhos, cabelos ondulados. Minha vida é composta de amigos,

Leia mais

JOSÉ ARAÚJO CISNE BRANCO

JOSÉ ARAÚJO CISNE BRANCO CISNE BRANCO 1 2 JOSÉ ARAÚJO CISNE BRANCO 3 Copyright 2011 José Araújo Título: Cisne Branco Editoração e Edição José Araújo Revisão e diagramação José Araújo Capa José Araújo Classificação: 1- Literatura

Leia mais

ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS

ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS ALGUMAS DICAS SOBRE COMO ALCANÇAR O EMPREGO DOS SEUS SONHOS Ao se levantar para trabalhar, pela manhã, todos enfrentamos, sentados na beira da cama, a mesma questão: eu seria mais feliz e satisfeito fazendo

Leia mais

O Menino do futuro. Dhiogo José Caetano Uruana, Goiás Início da história

O Menino do futuro. Dhiogo José Caetano Uruana, Goiás Início da história O Menino do futuro Dhiogo José Caetano Uruana, Goiás Início da história Tudo começa em uma cidade pequena do interior de Goiás, com o nome de Uruana. Havia um garoto chamado Dhiogo San Diego, um pequeno

Leia mais

ENTREVISTA MARCOS MARINO 33º COLOCADO AFRFB / 2012

ENTREVISTA MARCOS MARINO 33º COLOCADO AFRFB / 2012 ENTREVISTA MARCOS MARINO 33º COLOCADO AFRFB / 2012 Olá, amigos do Estratégia! Como diz meu amigo Sérgio Mendes, como é bom estar aqui! Hoje irei entrevistar o Marcos Marino, aluno do Estratégia Concursos

Leia mais

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar CATEGORIAS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS S. C. Sim, porque vou para a beira de um amigo, o Y. P5/E1/UR1 Vou jogar à bola, vou aprender coisas. E,

Leia mais

Histórias Divertidas De Animais

Histórias Divertidas De Animais Histórias Divertidas De Animais Para ler e pintar Helena Akiko Kuno Histórias Divertidas De Animais 1ª. Edição São Paulo - 2013 Copyright@2013 by Helena Akiko Kuno Projeto gráfico Sheila Ferreira Kuno

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM

Roteiro para curta-metragem. Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM Roteiro para curta-metragem Aparecida dos Santos Gomes 6º ano Escola Municipalizada Paineira NÃO ERA ASSIM SINOPSE José é viciado em drogas tornando sua mãe infeliz. O vício torna José violento, até que

Leia mais

RUTE, UMA HISTÓRIA DE AMOR

RUTE, UMA HISTÓRIA DE AMOR Bíblia para crianças apresenta RUTE, UMA HISTÓRIA DE AMOR Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Janie Forest Adaptado por: Lyn Doerksen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia

Leia mais

Aluno (a): Ana Paula Batista Pereira Série: 3º Ano do Ensino Médio Professora: Deysiane Maria Assis Zille. Água

Aluno (a): Ana Paula Batista Pereira Série: 3º Ano do Ensino Médio Professora: Deysiane Maria Assis Zille. Água Aluno (a): Ana Paula Batista Pereira Série: 3º Ano do Ensino Médio Professora: Deysiane Maria Assis Zille Água Tu és um milagre que Deus criou, e o povo todo glorificou. Obra divina do criador Recurso

Leia mais

JANEIRO DE 2013,SEXTA FEIRA DIA 11. escrito por: Antפnio Carlos Calixto. Filho. Personagens: Dana de. Oliveira uma moça. simples ingênua morena

JANEIRO DE 2013,SEXTA FEIRA DIA 11. escrito por: Antפnio Carlos Calixto. Filho. Personagens: Dana de. Oliveira uma moça. simples ingênua morena OSUTERBOS DE 2013,SEXTA FEIRA DIA 11. JANEIRO escrito por: Antפnio Carlos Calixto Filho Personagens: Dana de Oliveira uma moça simples ingênua morena olhos pretos como jabuticaba,1.70a,sarad a cabelos

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 18-11-15 A ORAÇÃO MANISFESTA O PODER DE DEUS ATRAVÉS DE MIM Princípio: Quando eu oro, o poder de Deus se manifesta através de mim! Versículo: Ora, àquele que é poderoso para fazer

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

Indice. Bullying O acaso... 11

Indice. Bullying O acaso... 11 Indice Bullying O acaso... 11 Brincadeira de mau gosto. Chega! A história... 21 O dia seguinte... 47 A paixão... 53 O reencontro... 61 O bullying... 69 9 Agosto/2010 O acaso Terça-feira. O sol fazia um

Leia mais

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro

TÉRMINUS. AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira. CAPA Diego de Oliveira Castro. EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro AVCTORIS DIREITO AUTORAL & COPYRIGHT - Rafael Martins de Oliveira CAPA Diego de Oliveira Castro EDITORAÇÃO Diego de Oliveira Castro TÉRMINUS REVISÃO Rafael Martins de Oliveira Oliveira, Rafael Martins,

Leia mais

Detetive por acaso. Comédia de Pedro Bandeira

Detetive por acaso. Comédia de Pedro Bandeira Detetive por acaso Comédia de Bandeira Personagens: Malasartes,, Detetive Policial da Capital Federal, do Valoverde, 1 o Criado, 2 o Criado, Cozinheiro Cena 1 Cenário: Uma árvore recortada em compensado

Leia mais

Quem sou eu. Olá, meu nome é Adriano Moura, sou apaixonado pelo comportamento humano, principalmente em relação à comunicação interpessoal.

Quem sou eu. Olá, meu nome é Adriano Moura, sou apaixonado pelo comportamento humano, principalmente em relação à comunicação interpessoal. Quem sou eu Olá, meu nome é Adriano Moura, sou apaixonado pelo comportamento humano, principalmente em relação à comunicação interpessoal. Sou autor de 10 e-books sobre desenvolvimento pessoal, relacionamentos,

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 A mentira não agrada a Deus Principio: Quando mentimos servimos o Diabo o Pai da mentira. Versículo: O caminho para vida é de quem guarda o ensino, mas o que abandona

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI SALOMÃO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem

Leia mais