FERTBIO2014: FERTILIDADE E BIOLOGIA: INTEGRAÇÃO E TECNOLOGIAS PARA TODOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FERTBIO2014: FERTILIDADE E BIOLOGIA: INTEGRAÇÃO E TECNOLOGIAS PARA TODOS"

Transcrição

1 FERTBIO2014: FERTILIDADE E BIOLOGIA: INTEGRAÇÃO E TECNOLOGIAS PARA TODOS ARAXÁ, 15-19/set./2014 INOVAÇÃO E EMPREENDORISMO NO BRASIL: O MELHORAMENTO GENÉTICO DA CANA-DE- AÇÚCAR E A MINHA HISTÓRIA SIZUO MATSUOKA

2 INTEGRAÇÃO

3 AMBIENTE AGRÍCOLA

4 CIENCIAS DA VIDA E AGRICULTURA BIOLOGIA AGRICULTURA

5 INTERAÇÃO PLANTA - AMBIENTE PLANTA: ORGANISMO ALTAMENTE INTEGRADOR

6 AMBIENTES DE PRODUÇÃO INTERAÇÃO GENÓTIPO x AMBIENTE

7 O AMBIENTE SOLO

8 COMPACTAÇÃO DO SOLO E INTERAÇÃO GENÓTIPO x AMBIENTE

9 SISTEMA RADICULAR E INTERAÇÃO GENÓTIPO x AMBIENTE RB IAC Figure 3. Representação diagramática da distribuição de massa seca de raízes no perfil do solo. Vasconcelos, ACM (2002).

10 MANEJO AGRÍCOLA E INTERAÇÃO GENÓTIPO x AMBIENTE VOLTAREMOS A ESTE TEMA

11 ALGUNS DOS EVENTOS MARCANTES EM MINHA VIDA 1968: Seção de Virologia do IAC - VIROLOGISTA 1973: Seção de Fitopatologia do IAA/PLANALSUCAR - FITOPATOLOGISTA 1979: Seção de Melhoramento do IAA/PLANALSUCAR - MELHORISTA 1990: Extinção do IAA/PLANALSUCAR 1991: Absorção dos ativos e pessoal pela UFSCar 1992: Criação da Faculdade de Agronomia da UFSCar : Docente Ciencias do Ambiente e Ecologia Agrícola 2003: Fundação da CanaVialis 2008: Compra da CanaVialis pela Monsanto 2010: Fundação da VIGNIS

12 IAA/PLANALSUCAR:

13 RESGATE E RETOMADA DO PROGRAMA DE MELHORAMENTO

14 CENSOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR

15 ALUNOS DE AGRONOMIA EM ATIVIDADE PRÁTICA

16 CANAVIALIS:

17 BIOMASSA = BIOENERGIA CANA-DE-AÇÚCAR: EXEMPLO MUNDIAL DE BIOMASSA ENERGÉTICA

18 MELHORAMENTO GENÉTICO NO COMPLEXO SACCHARUM O melhoramento genético de cana-de-açúcar vem sendo feito há mais de 100 anos, sempre focando a sacarose: isto limita a produtividade. Para aumentar a produtividade, a estratégia tem de ser mudada. Saccharum officinarum Saccharum spontaneum Saccharum sinensi/barberi Saccharum robustum Cana-de-açúcar Cana Energia Cana-de-açúcar Cana energia Tipo I Cana energia Tipo II

19 FUNDAÇÃO DA VIGNIS: 2010

20 COMPOSIÇÃO GENÔMICA DAS MODERNAS VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR Saccharum spontaneum S. officinarum

21 CANA-DE-AÇÚCAR CONVENCIONAL Baixa fibra Alta sacarose

22 MELHORAMENTO GENÉTICO NO COMPLEXO SACCHARUM O BALANÇO ENTRE TEOR DE SACAROSE E TEOR DE FIBRA É UMA GANGORRA FIBRA SACAROSE

23 CANA ENERGIA ALTA FIBRA Baixa sacarose PRODUTIVIDADE

24 VIGOR DE HÍBRIDO Cana-de-açúcar Cana energia

25 SISTEMA RADICULAR: UMA GRANDE DIFERENÇA BOTANICA ENTRE CANA-DE-AÇUCAR E CANA ENERGIA

26 RIZOMAS: GRANDE DIFERENÇA ENTRE CANA-DE- AÇÚCAR E CANA ENERGIA CANA-DE-AÇÚCAR: NÃO POSSUI RIZOMA

27 ANCORAGEM E RESISTENCIA AO PISOTEIO = LONGEVIDADE DE SOQUEIRAS 92 colmos

28 SISTEMA RADICULAR: MUITO IMPORTANTE NO CONTROLE DA EROSÃO BENEFÍCIOS DO SISTEMA RADICULAR PROFUNDO E ABUNDANTE DA CANA ENERGIA 1. SEQUESTRO DE CARBONO MAIOR E MAIS DURADOURO 2. SEQUESTRO DE NUTRIENTES (N, P etc.): MAIOR EFICIENCIA DE ABSORÇÃO E PREVENÇÃO DA LIXIVIAÇÃO 3. MAIOR CONTROLE DA EROSÃO DO SOLO 4. MELHORIA DAS CONDIÇÕES FÍSICAS E QUÍMICAS DO SOLO 5. MELHORIA DAS PROPRIEDADES BIOLÓGICAS DO SOLO 6. RECUPERAÇÃO DE SOLOS DEGRADADOS 7. RECUPERAÇÃO DE SOLOS DE BAIXA APTIDÃO AGRÍCOLA 8. AUMENTO DE INFILTRAÇÃO DE ÁGUA NO SOLO

29 LÁ VEM O TREM...

30 Não hesite, tome-o!

31 Nessa longa viagem, tudo acontecerá Tristezas, que sejam poucas; alegrias, muitas! Amigos tomarão o trem contrário, mas encontrará muitos outros! Inimigos? Talvez. Que sejam poucos. Desdenhe-os. Muito trabalho? Sim, não fuja e seja ativo.

32 Fará um trabalho perfeito? Nem sempre, talvez. Mas tente, se esforce. Dê o melhor de si.

33 Novas primaveras virão, Aprecie as flores, E o sol brilhará. São elas que dão os frutos. Quem planta, colhe.

34 E A VIAGEM CONTINUA...

35

36 OBRIGADO! SIZUO MATSUOKA VIGNIS S.A. (019)

37 BACK UP

38 PRIMEIROS PROJETOS: TONELADAS DE BIOMASSA Sorriso t Estação Experimental II Maceió P&D Aracaju P&D São Simão t Matão/Catanduva t Itumbiara t Estação Experimental I Santo Antonio de Posse P&D

39 ARTIGOS SOBRE CANA ENERGIA E CORRELATOS 1). Matsuoka, S. et al Bioenergia de Cana, p In: Borém et al. Cana-de-açúcar. Bioenergia, Açúcar e Etanol. Tecnologias e Perspectivas. Viçosa-MG. (2ª ed., 2012, p ) 2) Matsuoka S; Garcia AAF Sugarcane underground organs: going deep for sustainable production. Tropical Plant Biol. 4: ) Matsuoka, S.; Stolf, R Sugarcane tillering and ratooning: key factors for a profitable cropping. Sugarcane Production and Uses. Nova York, Nova Publishers. 4) Matsuoka, S Sobre o sistema radicular da cana-de-açúcar. STAB, Açúcar, Álcool e Subprodutos, 31(6): ) Matsuoka, S. et al Energy cane: its concept, development and prospects. Advances in Botany. No prelo. 6) Matsuoka, S.; Santos, EGD Ecofisiologia da brotação e desenvolvimento da planta. In: Sistema de Produção Mecanizada da Cana-deaçúcar Integrada à Produção de Alimentos na Região Centro-Sul. EMBRAPA (no prelo).

BioVertis: Cana-energia Apresentação CTBE 30 de março de 2017

BioVertis: Cana-energia Apresentação CTBE 30 de março de 2017 BioVertis: Cana-energia Apresentação CTBE 30 de março de 2017 A GRANBIO 85% 15% BioCelere BioVertis BioEdge BioPlant Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento de microrganismos para uso industrial Empresa

Leia mais

CONCEITOS GERAIS EM CANA-DE-AÇÚCAR. Prof. Dr. Edgar G. F. de Beauclair Depto. Produção vegetal ESALQ / USP

CONCEITOS GERAIS EM CANA-DE-AÇÚCAR. Prof. Dr. Edgar G. F. de Beauclair Depto. Produção vegetal ESALQ / USP CONCEITOS GERAIS EM CANA-DE-AÇÚCAR Prof. Dr. Edgar G. F. de Beauclair Depto. Produção vegetal ESALQ / USP egfbeauc@esalq.usp.br 1.1. Botânica Taxonomia ESPECIFICAÇÃO ENGLER antiga CRONQUIST atual Divisão

Leia mais

CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola

CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola A GRANBIO 85% 15% BioCelere BioVertis BioEdge BioPlant Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola

Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola A GRANBIO 85% 15% BioCelere BioVertis BioEdge BioPlant Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

Melhoramento Genético Cana-de-açúcar. Melhoramento da Cana-de-Açúcar

Melhoramento Genético Cana-de-açúcar. Melhoramento da Cana-de-Açúcar Melhoramento Genético Cana-de-açúcar Melhoramento da Cana-de-Açúcar Produção de Cana no Brasil BRASIL: Maior produtor mundial de cana-de-açúcar 7,7 mi hectares 2% das terras aráveis 629 mi t cana 36,7

Leia mais

QUALIDADE DAS MUDAS DE CANA-DE- AÇÚCAR

QUALIDADE DAS MUDAS DE CANA-DE- AÇÚCAR QUALIDADE DAS MUDAS DE CANA-DE- AÇÚCAR Porque Formar Viveiros de Mudas de Cana-de-Açúcar Doenças Doenças Mosaico Podridão vermelha Gomose Escaldadura Carvão Espécies Saccharum Saccharum. officinarum Saccharum

Leia mais

Oportunidades Para o Aumento da Produtividade na Agro-Indústria de Cana-de-Açúcar

Oportunidades Para o Aumento da Produtividade na Agro-Indústria de Cana-de-Açúcar Oportunidades Para o Aumento da Produtividade na Agro-Indústria de Cana-de-Açúcar Terceiro Seminário Internacional Uso Eficiente do Etanol Manoel Regis L.V. Leal CTBE/CNPEM Laboratório Nacional de Ciência

Leia mais

Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar pela RIDESA

Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar pela RIDESA Workshop BIOEN on Sugarcane Improvement 19/03/2009 Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar pela RIDESA Prof. Dr. Marcos A. Sanches Vieira PMGCA/UFSCar Diretor Executivo da RIDESA MATRIZ ENERGÉTICA

Leia mais

WERNER SEMMELROTH. Censo Varietal e Avaliação dos Programas de Melhoramento Genético da Cana de Açúcar Direcionados ao M.S.

WERNER SEMMELROTH. Censo Varietal e Avaliação dos Programas de Melhoramento Genético da Cana de Açúcar Direcionados ao M.S. WERNER SEMMELROTH Censo Varietal e Avaliação dos Programas de Melhoramento Genético da Cana de Açúcar Direcionados ao M.S. TÓPICOS 1. Origem, Evolução Varietal, Características desejáveis e Histórico do

Leia mais

PRODUÇÃO DE PALHADA E COLMOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR

PRODUÇÃO DE PALHADA E COLMOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR PRODUÇÃO DE PALHADA E COLMOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR Mônica Sartori de Camargo Eng. Agr., Dr., PqC do Polo Regional Centro Sul/APTA mscamargo@apta.sp.gov.br André César Vitti Eng. Agr., Dr., PqC

Leia mais

9. Matriz Curricular Curso de Agronomia IFTO/Araguatins

9. Matriz Curricular Curso de Agronomia IFTO/Araguatins 9. Matriz Curricular Curso de Agronomia IFTO/Araguatins Carga Horária 1º PERÍODO Horas/ semana 80 4 Básica Obrigatória - Química I 60 3 Básica Obrigatória - Educação Ambiental 40 2 Básica Obrigatória -

Leia mais

A CANA-DE-AÇÚCAR EM SANTA CATARINA

A CANA-DE-AÇÚCAR EM SANTA CATARINA SECRETARIA DA AGRICULTURA E ABASTECIMENTO EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA E EXTENSÃO RURAL DE SANTA CATARINA A CANA-DE-AÇÚCAR EM SANTA CATARINA Eng.Agr. Dr. Jack Eliseu Crispim Urussanga - SC 1. Introdução

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Matriz Curricular do Curso de Agronomia

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Matriz Curricular do Curso de Agronomia Matriz Curricular do Curso de Agronomia Total 240 120 360 24 2º Período Letivo: Componentes curriculares 1º Período Letivo: Componentes curriculares Prérequisito AGR 100 Biologia Celular Inexistente AGR

Leia mais

Variedades RB, Participação, Uso e Manejo

Variedades RB, Participação, Uso e Manejo III Encontro de Usuários de Variedades de Cana-de-Açúcar Raphael Alvarez Variedades RB, Participação, Uso e Manejo CENTRO CANAGRO JOSÉ CORAL PIRACICABA, SP 22/10/2015 Roberto Giacomini Chapola Hermann

Leia mais

Variedades de Cana-de-Açúcar Pragas e Doenças: Eng. Agr. Gustavo de Almeida Nogueira Canaoeste

Variedades de Cana-de-Açúcar Pragas e Doenças: Eng. Agr. Gustavo de Almeida Nogueira Canaoeste Variedades de Cana-de-Açúcar Pragas e Doenças: Eng. Agr. Gustavo de Almeida Nogueira Canaoeste Sumário: Novos Desafios do Setor; Programas de Melhoramento Genético de Cana-de-açúcar; Principais Características

Leia mais

METODOLOGIA PARA SELEÇÃO DE FAMÍLIAS RB DA SÉRIE 07 NAS FASES INICIAIS DO MELHORAMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR

METODOLOGIA PARA SELEÇÃO DE FAMÍLIAS RB DA SÉRIE 07 NAS FASES INICIAIS DO MELHORAMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA MELHORAMENTO GENÉTICO DE PLANTAS METODOLOGIA PARA SELEÇÃO DE FAMÍLIAS RB DA SÉRIE 07 NAS FASES INICIAIS DO MELHORAMENTO DE

Leia mais

VARIEDADES DE CANA CTC E SEU MANEJO

VARIEDADES DE CANA CTC E SEU MANEJO VARIEDADES DE CANA CTC E SEU MANEJO Equipe de Desenvolvimento de Produtos CTC Fernando Sesso Vitória ES 25 setembro 2014 XIV SEMINÁRIO DA CANA-DE-AÇÚCAR STAB CENTRO Vitória - ES 24 a 25 de setembro de

Leia mais

SIMPOCANA UNESP Dracena 06/11/2015

SIMPOCANA UNESP Dracena 06/11/2015 SIMPOCANA UNESP Dracena 06/11/2015 Segunda parte: Avaliação de Falhas em linhas CanaCana-de de-açúcar segundo o Método de Stolf : 1. Fundamento do método 2. Como medir falhas? 3. Como calcular perdas de

Leia mais

ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR. Uso de Variedades na Usina Jalles Machado. Rogério Bremm Gerente Corporativo

ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR. Uso de Variedades na Usina Jalles Machado. Rogério Bremm Gerente Corporativo ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR Uso de Variedades na Usina Jalles Machado Rogério Bremm Gerente Corporativo Localização PRECIPITAÇÃO (mm) Caracterização da Empresa Descrição 2010/2011

Leia mais

São Paulo, 03 de junho de 2008

São Paulo, 03 de junho de 2008 Fontes Renováveis de Energia para Comercialização Cenário para Indústria de Cogeração de Energia 2008-2015 São Paulo, 03 de junho de 2008 O Produto Cana Energética 1/3 >> caldo de cana (açúcar e etanol)

Leia mais

4.4 MATRIZ CURRICULAR CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA AGRONÔMICA

4.4 MATRIZ CURRICULAR CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA AGRONÔMICA 4.4 MATRIZ CURRICULAR CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA AGRONÔMICA 1º PERÍODO Carga Horária Horas/ Calculo Diferencial e Integral 70 10 80 4 Básica Obrigatória - Química I 40 20 60 3 Básica Obrigatória

Leia mais

II Encontro de Variedades de Cana de Açucar

II Encontro de Variedades de Cana de Açucar II Encontro de Variedades de Cana de Açucar Frederico de Menezes Veiga STAB - 2012 Usina São Luiz S / A Ribeirão Prêto - São Paulo Álvaro Barreto Peixoto Gerente Agrícola Desafios Passados Crise econômica

Leia mais

III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL

III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL 22/10/2015 A AFOCAPI Fundada e Inaugurada em 05/10/1947-68 Anos Objetivo: Estruturar

Leia mais

Programa de Pós Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas

Programa de Pós Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas Programa de Pós Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas LGN 5799 - SEMINÁRIOS EM GENÉTICA E MELHORAMENTO DE PLANTAS Aluna: Alessandra Carolina Palhares Orientadora: Profª. Drª. Maria Lucia Carneiro

Leia mais

Adubos verdes para Cultivo orgânico

Adubos verdes para Cultivo orgânico Adubos verdes para Cultivo orgânico Introdução A técnica conhecida como adubação verde é a utilização de plantas com finalidades específicas para melhorar o solo. A principal diferença da adubação verde

Leia mais

Maturadores e colheita em cana-deaçúcar. Maximiliano Salles Scarpari IAC Centro de Cana

Maturadores e colheita em cana-deaçúcar. Maximiliano Salles Scarpari IAC Centro de Cana Maturadores e colheita em cana-deaçúcar Maximiliano Salles Scarpari IAC Centro de Cana msscarpa@iac.sp.gov.br CANA FIBRA 10-18% CALDO 82-90% ÁGUA 75-82% SÓLIDOS SOLÚVEIS (brix) 18-25% Celulose, hemicelulose,

Leia mais

REUNIÃO REGIONAL 2015 PMGCA/UFSCar/RIDESA. EQUIPE PMGCA/UFSCar/RIDESA

REUNIÃO REGIONAL 2015 PMGCA/UFSCar/RIDESA. EQUIPE PMGCA/UFSCar/RIDESA REUNIÃO REGIONAL 2015 PMGCA/UFSCar/RIDESA EQUIPE PMGCA/UFSCar/RIDESA Roteiro da Apresentação Roteiro CARVÃO FERRUGEM ALARANJADA CENSO VARIETAL 2015 RB965902 E PRÉ-LIBERAÇÕES UFSCar Roteiro da Apresentação

Leia mais

AMBIENTES DE PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR DO CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS, ARARAS-SP

AMBIENTES DE PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR DO CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS, ARARAS-SP AMBIENTES DE PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR DO CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS, ARARAS-SP Prado, T. A. B.* 1 ; Stolf, R. 1 ; Silva, L. C. F. 1 ;Prado, H. 2 ;Vitti, A. C.

Leia mais

PRODUTOS BIOATIVADORES À BASE DE AMINOÁCIDOS LIVRES. - NOBRICO STAR CANA sulco de plantio / MPB - AMINOLON FOLIAR 24% - via folha COMPLEXO NUTRICIONAL

PRODUTOS BIOATIVADORES À BASE DE AMINOÁCIDOS LIVRES. - NOBRICO STAR CANA sulco de plantio / MPB - AMINOLON FOLIAR 24% - via folha COMPLEXO NUTRICIONAL 7/22/2016 PRODUTOS BIOATIVADORES À BASE DE AMINOÁCIDOS LIVRES - NOBRICO STAR CANA sulco de plantio / MPB - AMINOLON FOLIAR 24% - via folha COMPLEXO NUTRICIONAL sábado, 22 de julho de 2016 -DRYER GRAMÍNEA

Leia mais

Manejo da palhada Efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial. Nilza Patrícia Ramos Raffaella Rossetto

Manejo da palhada Efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial. Nilza Patrícia Ramos Raffaella Rossetto Manejo da palhada Efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial Nilza Patrícia Ramos Raffaella Rossetto Propostas de pesquisas no tema (Rede de unidades da Embrapa e parceiros) Objetivo

Leia mais

II ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA DE AÇUCAR FREDERICO DE MENEZES VEIGA. MANEJO VARIETAL NA AFOCAPI

II ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA DE AÇUCAR FREDERICO DE MENEZES VEIGA. MANEJO VARIETAL NA AFOCAPI II ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA DE AÇUCAR FREDERICO DE MENEZES VEIGA. MANEJO VARIETAL NA AFOCAPI 15/03/2012 AFOCAPI FUNDADA E INAUGURADA EM 05/10/1947 65 anos OBJETIVO ESTRUTURAR E FORTALECER

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL - UFG/EA, Campus Samambaia - Goiânia, GO. - MATRIZ CURRICULAR - PRÉ- REQUISITO(S) UNID. RESP.

CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL - UFG/EA, Campus Samambaia - Goiânia, GO. - MATRIZ CURRICULAR - PRÉ- REQUISITO(S) UNID. RESP. CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL - UFG/EA, Campus Samambaia - Goiânia, GO. - MATRIZ CURRICULAR - CHTS C H S NÚCLEO NATUREZA 01 5117 Introdução à Engenharia Florestal EA 32 32 00 Específico Obrigatória 02

Leia mais

Sistema de colheita x espaçamento. Regis Ikeda Marketing de Produto Jaboticabal, 22 de Junho de 2016

Sistema de colheita x espaçamento. Regis Ikeda Marketing de Produto Jaboticabal, 22 de Junho de 2016 Sistema de colheita x espaçamento Regis Ikeda Marketing de Produto Jaboticabal, 22 de Junho de 2016 Fatores relacionados ao espaçamento de plantio Dúvidas porque X ou Y?, o que considerar?, o que ganho?

Leia mais

Nível:Graduação Início: Fim: Legislação: Curso reconhecido através da Portaria n 1.098, de 24 de dezembro de 2015 Currículo

Nível:Graduação Início: Fim: Legislação: Curso reconhecido através da Portaria n 1.098, de 24 de dezembro de 2015 Currículo 1 de 8 Colegiado: Nível:Graduação Início: 20051 01 - - CCA024 - BIOLOGIA GERAL - Ativa desde: CCA029 - ZOOLOGIA GERAL - Ativa desde: CCA235 - FUNDAMENTOS DE FILOSOFIA - Ativa desde: CCA281 - FUNDAMENTOS

Leia mais

Desenvolvimento da planta de cana-de-açúcar

Desenvolvimento da planta de cana-de-açúcar 54 Desenvolvimento da planta de cana-de-açúcar André Luís Thomas A cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) é utilizada como lavoura perene em pequenas propriedades onde a espécie é aproveitada na alimentação

Leia mais

Dr. Estêvão Vicari Mellis

Dr. Estêvão Vicari Mellis Dr. Estêvão Vicari Mellis http://www.unica.com.br/dadoscotacao/estatistica/ SÃO PAULO 5 milhões de ha SOUTH AMERICA 664 milhões de t 8 milhões de ha BRAZIL 60% Produtividade Média 80 t/ha Intensiva Novas

Leia mais

INFLUÊNCIA DA ADUBAÇÃO NPK NO PERFILHAMENTO DE CANA PLANTA COM ESPAÇAMENTO DUPLO ALTERNADO

INFLUÊNCIA DA ADUBAÇÃO NPK NO PERFILHAMENTO DE CANA PLANTA COM ESPAÇAMENTO DUPLO ALTERNADO INFLUÊNCIA DA ADUBAÇÃO NPK NO PERFILHAMENTO DE CANA PLANTA COM ESPAÇAMENTO DUPLO ALTERNADO Rodolfo Augusto Gonçalves 1 ; José Vanderlei Gonçalves 2 ; Letícia Martins Lupino 3 ; João Henrique Chiara Silvério

Leia mais

EFICIÊNCIA DA ADUBAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR RELACIONADA AOS AMBIENTES DE PRODUÇÃO E AS ÉPOCAS DE COLHEITAS

EFICIÊNCIA DA ADUBAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR RELACIONADA AOS AMBIENTES DE PRODUÇÃO E AS ÉPOCAS DE COLHEITAS EFICIÊNCIA DA ADUBAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR RELACIONADA AOS AMBIENTES DE PRODUÇÃO E AS ÉPOCAS DE COLHEITAS André Cesar Vitti Eng. Agr., Dr. PqC do Polo Regional Centro Sul/APTA acvitti@apta.sp.gov.br Entre

Leia mais

Nexo água-alimentoenergia: produzir com sustentabilidade. Brasília, 27 de julho de 2016

Nexo água-alimentoenergia: produzir com sustentabilidade. Brasília, 27 de julho de 2016 Nexo água-alimentoenergia: o desafio de produzir com sustentabilidade Brasília, 27 de julho de 2016 Desafios para produção de alimentos Multifuncionalidade A Agricultura será, cada vez mais, pressionada

Leia mais

Avaliação de desempenho e recomendações das variedades de cana no Grupo Guarani

Avaliação de desempenho e recomendações das variedades de cana no Grupo Guarani Avaliação de desempenho e recomendações das variedades de cana no Grupo Guarani José Olavo Bueno Vendramini Gerente Técnico Corporativo Agenda Grupo Guarani Avaliação de Performance Varietal para Tomada

Leia mais

Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial. Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio

Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial. Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio São Paulo, 22 de Setembro de 2015 Parece que estamos decolando ECONOMIA A BRASILEIR Agronegócio - Balança Comercial

Leia mais

Potencial do Sorgo para Produção de Biocombustíveis

Potencial do Sorgo para Produção de Biocombustíveis 5 º Grande Encontro sobre variedades de cana de açúcar 21 e 22 de Setembro de 2011 Ribeirão Preto - SP -Brasil Potencial do Sorgo para Produção de Biocombustíveis Dr. Rafael A. C. Parrella Pesquisador

Leia mais

Igor Rodrigues Queiroz. Bacharel em Agronomia pela Faculdade Dr. Francisco Maeda (FAFRAM) Anice Garcia

Igor Rodrigues Queiroz. Bacharel em Agronomia pela Faculdade Dr. Francisco Maeda (FAFRAM) Anice Garcia 40 Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras CARACTERÍSTICAS QUÍMICAS DE UM LATOSSOLO VERMELHO SOB CULTIVO DE CANA-DE-AÇÚCAR (SACCHARUM OFFICINARUM L.), CAFÉ (COFFEA ARÁBICA L.) E SOB MATA NATIVA. ESTUDO

Leia mais

"Economia Verde nos Contextos Nacional e Global" - Desafios e Oportunidades para a Agricultura -

Economia Verde nos Contextos Nacional e Global - Desafios e Oportunidades para a Agricultura - "Economia Verde nos Contextos Nacional e Global" - Desafios e Oportunidades para a Agricultura - Maurício Antônio Lopes Diretor Executivo de Pesquisa e Desenvolvimento Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Leia mais

HOMENAGEM PÓSTUMA AO PESQUISADOR JOSÉ FERNANDES. Rubismar Stolf UFSCar

HOMENAGEM PÓSTUMA AO PESQUISADOR JOSÉ FERNANDES. Rubismar Stolf UFSCar HOMENAGEM PÓSTUMA AO PESQUISADOR JOSÉ FERNANDES Rubismar Stolf UFSCar Vitorio Laerte Furlani Neto Daniel Camposilvan Rubismar Stolf Gilberto Miller Azzi Eng. Agrônomo IAA - Instituto do Açúcar e do Álcool

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA COMPONENTES CURRÍCULARES Código Nome Nível de Ensino 1 FTC0001 AGROECOLOGIA STRICTO

Leia mais

CURVA DE CRESCIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR NO SISTEMA MPB EM MANEJO CONSERVACIONISTA DE SOLO Nº 16311

CURVA DE CRESCIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR NO SISTEMA MPB EM MANEJO CONSERVACIONISTA DE SOLO Nº 16311 CURVA DE CRESCIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR NO SISTEMA MPB EM MANEJO CONSERVACIONISTA DE SOLO Bruna Marinelli Vieira Cardoso¹; Rafael Henrique de Freitas Noronha 2 ; Denizart Bolonhezi³ Nº 16311 RESUMO Com

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL TOTAL ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL NÚCLEO DE CONTEÚDOS ÁREA DE FORMAÇÃO MATÉRIAS DISCIPLINAS CH T P 1º PERÍODO Silvicultura Ecossistemas Florestais Introdução à Engenharia Florestal

Leia mais

CANA-DE-AÇÚCAR SISTEMA DE PRODUÇÃO EM. Prof. Dr. Carlos Azania

CANA-DE-AÇÚCAR SISTEMA DE PRODUÇÃO EM. Prof. Dr. Carlos Azania SISTEMA DE PRODUÇÃO EM CANA-DE-AÇÚCAR AULA 1 APR DA DISCIPLINA, ORIGEM, HISTÓRICO E ATUALIZAÇÕES DO SETOR Prof. Dr. Carlos Azania Pesquisador Científico VI do Instituto Agronômico (IAC) Centro de Cana

Leia mais

Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Agronómica

Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Agronómica Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Agronómica O plano de estudos do Mestrado em Engenharia Agronómica contempla sete áreas de especialização: Agro-Pecuária Biotecnologia e Melhoramento

Leia mais

Manejo da palhada e efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial. Nilza Patrícia Ramos Embrapa Meio Ambiente

Manejo da palhada e efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial. Nilza Patrícia Ramos Embrapa Meio Ambiente Manejo da palhada e efeitos sobre a ciclagem de nutrientes e produtividade do canavial Nilza Patrícia Ramos Embrapa Meio Ambiente 47 Centros de Pesquisa - Fundada em 1973-9.506 empregados Centros Temáticos

Leia mais

Ciência Rural ISSN: Universidade Federal de Santa Maria Brasil

Ciência Rural ISSN: Universidade Federal de Santa Maria Brasil Ciência Rural ISSN: 0103-8478 cienciarural@mail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Menezes de Souza, Zigomar; Strini Paixão, Antônio Claret; de Mello Prado, Renato de; Cesarin, Luiz Gilberto;

Leia mais

Melhoramento de mandioca

Melhoramento de mandioca Melhoramento de mandioca Teresa Losada Valle teresalv@iac.sp.gov.br Temas Características do melhoramento de mandioca Obtenção de variedades para fins específicos Por que fazer melhoramento de mandioca?

Leia mais

Melhoramento da cana-de-açúcar: marco sucro-alcooleiro no Brasil

Melhoramento da cana-de-açúcar: marco sucro-alcooleiro no Brasil Melhoramento da cana-de-açúcar: marco sucro-alcooleiro no Brasil Roberto Cesnik* As primeiras notícias sobre a existência da cana-de-açúcar encontram-se anotadas nas escrituras mitológicas dos hindus e

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS MATRIZ CURRICULAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS MATRIZ CURRICULAR UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS MATRIZ CURRICULAR Curso: AGRONOMIA Grau Acadêmico: BACHARELADO Campus: SAMAMBAIA Turno: INTEGRAL Modalidade: PRESEIAL Matriz: 53BI3 N o H Componente Curricular UA PRÉREQUISITO

Leia mais

Método de Graus-dias para estimar o Desenvolvimento da cana-de-açúcar

Método de Graus-dias para estimar o Desenvolvimento da cana-de-açúcar Anais do I Simpósio Interdisciplinar de Tecnologias na Educação [SInTE] IFSP Câmpus Boituva 24 a 26 de junho de 2015 Boituva SP Capital Nacional do Paraquedismo Método de Graus-dias para estimar o Desenvolvimento

Leia mais

Julho/2017 Rio verde, Goiás

Julho/2017 Rio verde, Goiás Título: Nitrogênio e cama de frango na cultura da cana-de-açúcar em condições de Cerrado. Aluno: Antônio Carlos de Oliveira Junior Julho/2017 Rio verde, Goiás 1 Justificativa e Relevância Na cultura de

Leia mais

Universidade de São Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz

Universidade de São Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz 1 Universidade de São Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Desempenho econômico de um sistema de produção de biomassa da cana energia Fábio Makoto Okuno Dissertação apresentada para obtenção

Leia mais

Efeitos da utilização de carvão vegetal e pó de serragem na correção e biodisponibilidade de fósforo no milho (Zea mays.).

Efeitos da utilização de carvão vegetal e pó de serragem na correção e biodisponibilidade de fósforo no milho (Zea mays.). Efeitos da utilização de carvão vegetal e pó de serragem na correção e biodisponibilidade de fósforo no milho (Zea mays.). Michelle Isabelle Oliveira da Silva (1) ; Newton Paulo de Souza Falcão (2) ; Afrânio

Leia mais

O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências

O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências AMCHAM 13 de Julho de 2016 Agronegócio - Balança Comercial - US$ Bilhões Fonte: WTO. Elaboração MBAGro. Brasil: Liderança Global no Agronegócio Suco de laranja

Leia mais

Um Caso de Estudo na Produção: Pera Rocha

Um Caso de Estudo na Produção: Pera Rocha Um Caso de Estudo na Produção: Pera Rocha WORKSHOP Sustentabilidade e Carbono no Sector Agro-Alimentar @ Óbidos 26-05-2011 psantos@consulai.com AGENDA PROJECTO Apresentação do projecto associado à produção

Leia mais

Perspectivas de Mercado para Pellets de Cana-de-açúcar

Perspectivas de Mercado para Pellets de Cana-de-açúcar Perspectivas de Mercado para Pellets de Cana-de-açúcar Fenasucro 2017 23 de Agosto, 2017 Ribeirão Preto/SP Christian Furlan O que é pellet? O que é pellet? Combustível natural, resultante da compressão

Leia mais

VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS

VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS Geraldo Magela da Silva (1), Geraldo Antônio Resende Macêdo (2), Édio Luiz da Costa (3), Heloísa Mattana Saturnino (3), Fúlvio Rodriguez

Leia mais

Ensaio na cultura da Cana de Açúcar

Ensaio na cultura da Cana de Açúcar Ensaio na cultura da Cana de Açúcar (Saccharum hibridas) Introdução Originária do sudeste da Ásia, onde é cultivada desde épocas remotas, a exploração canavieira assentou-se, no início, sobre a espécie

Leia mais

AGRONEGÓCIO CANAVIEIRO SITUAÇÃO ATUAL E PERSPECTIVAS LUIZ CARLOS CORRÊA CARVALHO CANAPLAN EVENTO STAB, CANA CRUA ESALQ/USP, 02/10/13

AGRONEGÓCIO CANAVIEIRO SITUAÇÃO ATUAL E PERSPECTIVAS LUIZ CARLOS CORRÊA CARVALHO CANAPLAN EVENTO STAB, CANA CRUA ESALQ/USP, 02/10/13 AGRONEGÓCIO CANAVIEIRO SITUAÇÃO ATUAL E PERSPECTIVAS LUIZ CARLOS CORRÊA CARVALHO CANAPLAN EVENTO STAB, CANA CRUA ESALQ/USP, 02/10/13 UM NOVO E COMPLEXO MUNDO AUMENTO POPULACIONAL PROCESSO GLOBAL COM INTENSA

Leia mais

1. CENSO VARIETAL NO ESTADO DO PARANÁ 2. O PMGCA/UPFR 1. Subestações 2. Locais de seleção 3. Evolução clones

1. CENSO VARIETAL NO ESTADO DO PARANÁ 2. O PMGCA/UPFR 1. Subestações 2. Locais de seleção 3. Evolução clones Out/2011 SUMÁRIO 1. CENSO VARIETAL NO ESTADO DO PARANÁ 2. O PMGCA/UPFR 1. Subestações 2. Locais de seleção 3. Evolução clones 3. CLONES PROMISSORES 1. RB96, RB97, RB98, RB99 4. CLONES PROMISSORES - UFPR

Leia mais

PERFILHAMENTO EM CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES MANEJOS HÍDRICOS SUGARCANE TILLERING UNDER DIFFERENT WATER MANAGEMENTS

PERFILHAMENTO EM CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES MANEJOS HÍDRICOS SUGARCANE TILLERING UNDER DIFFERENT WATER MANAGEMENTS PERFILHAMENTO EM CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES MANEJOS HÍDRICOS SUGARCANE TILLERING UNDER DIFFERENT WATER MANAGEMENTS Resumo Rodrigo Vezzani Franzé (1) João Vitor Tezori (2) André Luiz Pinto Queiroz (3)

Leia mais

CTC Centro de Tecnologia Canavieira (COPERSUCAR: Cooperativa com ± 40 associados)

CTC Centro de Tecnologia Canavieira (COPERSUCAR: Cooperativa com ± 40 associados) LGN 313 Melhoramento Genético Professor Natal Antonio Vello naavello@esalq.usp.br MELHORAMENTO GENÉTICO DA CANA-DE DE-AÇÚCAR CTC Centro de Tecnologia Canavieira (COPERSUCAR: Cooperativa com ± 40 associados)

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE SILVICULTURA

SOCIEDADE BRASILEIRA DE SILVICULTURA SOCIEDADE BRASILEIRA DE SILVICULTURA Fundada em 1955 Entidade do setor privado florestal Abrangência nacional Membro do CONAMA, CONAFLOR, CERFLOR, FCMM, CGFLOP AÇÕES Política e legislação florestal brasileira

Leia mais

AVALIAÇÃO DO USO DE BIOFERTILIZANTE MICROGEO VIA SOLO NA CULTURA DA CANA-DE- AÇÚCAR (Saccharum sp)

AVALIAÇÃO DO USO DE BIOFERTILIZANTE MICROGEO VIA SOLO NA CULTURA DA CANA-DE- AÇÚCAR (Saccharum sp) AVALIAÇÃO DO USO DE BIOFERTILIZANTE MICROGEO VIA SOLO NA CULTURA DA CANA-DE- AÇÚCAR (Saccharum sp) Igor Luiz Rodrigues de Freitas 1, Matheus Teixeira de Souza 2, Arthur Fernandes de Souza 3, Aldaísa Martins

Leia mais

Impurezas e Qualidade de Cana-de-Açúcar

Impurezas e Qualidade de Cana-de-Açúcar Impurezas e Qualidade de Cana-de-Açúcar Levantamento dos níveis de impurezas nas últimas safras Luiz Antonio Dias Paes 12 de Maio de 2011 Dados Gerais da Safra 10/11 Impurezas Evolução Indicadores Impurezas

Leia mais

RELATÓRIO PARA AUXÍLIO DE PARTICIPAÇÃO EM EVENTO RESUMO DA PARTICIPAÇÃO

RELATÓRIO PARA AUXÍLIO DE PARTICIPAÇÃO EM EVENTO RESUMO DA PARTICIPAÇÃO RELATÓRIO PARA AUXÍLIO DE PARTICIPAÇÃO EM EVENTO Projeto Agrisus No: 1875/16 Nome do Evento: FertBio 2016 Rumo aos novos desafios Interessado: Luiz Gustavo de Oliveira Denardin Instituição: Universidade

Leia mais

Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético

Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético Piracicaba, 2011 Início do Melhoramento (início do desenvolvimento de cultivares) Domesticação de plantas e animais: homem deixou as coletas para

Leia mais

PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA DAS CULTIVARES DE CANA-DE-AÇUCAR DA REDE INTERUNIVERSITÁRIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO SETOR SUCROENERGÉTICO- RIDESA

PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA DAS CULTIVARES DE CANA-DE-AÇUCAR DA REDE INTERUNIVERSITÁRIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO SETOR SUCROENERGÉTICO- RIDESA 208 PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA DAS CULTIVARES DE CANA-DE-AÇUCAR DA REDE INTERUNIVERSITÁRIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO SETOR SUCROENERGÉTICO- RIDESA Patricia Brandão Barbosa da Silva * ; Silvia Beatriz Beger

Leia mais

4. MELHORAMENTO GENÉTICO VARIEDADES História da cana-de-açúcar: - produção de açúcar Propagação de Saccharum: - cores atraentes - teor de fibra -

4. MELHORAMENTO GENÉTICO VARIEDADES História da cana-de-açúcar: - produção de açúcar Propagação de Saccharum: - cores atraentes - teor de fibra - 4. MELHORAMENTO GENÉTICO VARIEDADES História da cana-de-açúcar: - produção de açúcar Propagação de Saccharum: - cores atraentes - teor de fibra - caldo açucarado Cristóvão Colombo variedade Crioula (S.

Leia mais

5.4. MATRIZ CURRICULAR

5.4. MATRIZ CURRICULAR 5.4. MATRIZ CURRICULAR TEO 2 PRA 3 01 4896 Introdução à Agronomia EA - - 32 32 00 Específico Obrigatória 02 4899 Cálculo I IME - - 64 64 00 Comum Obrigatória 03 1692 Física I IF - - 64 64 00 Comum Obrigatória

Leia mais

BIOMASSA PARA PRODUÇÃO DE ENERGIA. Samira Domingues Carlin Eng. Agr., Dra., PqC da UPD Jaú do Polo Regional Centro Oeste/APTA

BIOMASSA PARA PRODUÇÃO DE ENERGIA. Samira Domingues Carlin Eng. Agr., Dra., PqC da UPD Jaú do Polo Regional Centro Oeste/APTA BIOMASSA PARA PRODUÇÃO DE ENERGIA Samira Domingues Carlin Eng. Agr., Dra., PqC da UPD Jaú do Polo Regional Centro Oeste/APTA sdcarlin@apta.sp.gov.br Raffaella Rossetto Eng. Agr., Dra., PqC do Polo Regional

Leia mais

MELHORAMENTO DA CANA-DE-AÇÚCAR: X. ENSAIO DE CLONES PROVENIENTES DE HIBRIDAÇÕES REALIZADAS EM 1981 E SELECIONADOS NA REGIÃO DE JAÚ (SP) ( 1 )

MELHORAMENTO DA CANA-DE-AÇÚCAR: X. ENSAIO DE CLONES PROVENIENTES DE HIBRIDAÇÕES REALIZADAS EM 1981 E SELECIONADOS NA REGIÃO DE JAÚ (SP) ( 1 ) MELHORAMENTO DA CANA-DE-AÇÚCAR: X. ENSAIO DE CLONES PROVENIENTES DE HIBRIDAÇÕES REALIZADAS EM 1981 E SELECIONADOS NA REGIÃO DE JAÚ (SP) ( 1 ) MÁRIO PERCIO CAMPANA ( 2 ), MARCELO DE ALMEIDA SILVA ( 2 ),

Leia mais

GESTÃO AVANÇADA DO CONTROLE DE PRAGAS EM GRANDES LAVOURAS DE CANA-DE-AÇÚCAR

GESTÃO AVANÇADA DO CONTROLE DE PRAGAS EM GRANDES LAVOURAS DE CANA-DE-AÇÚCAR INSECTSHOW - IDEA GESTÃO AVANÇADA DO CONTROLE DE PRAGAS EM GRANDES LAVOURAS DE CANA-DE-AÇÚCAR Enrico De Beni Arrigoni ENRICO ARRIGONI SOLUÇÕES EM MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS LTDA. (019) 97128-6262 14 DE

Leia mais

AVALIAÇÃO DE BROTAÇÃO E NÚMERO DE MUDAS DE CANA - DE - AÇÚCAR ( Saccharum spp ) NO CERRADO DO SUL DO ESTADO DO TOCANTINS

AVALIAÇÃO DE BROTAÇÃO E NÚMERO DE MUDAS DE CANA - DE - AÇÚCAR ( Saccharum spp ) NO CERRADO DO SUL DO ESTADO DO TOCANTINS AVALIAÇÃO DE BROTAÇÃO E NÚMERO DE MUDAS DE CANA - DE - AÇÚCAR ( Saccharum spp ) NO CERRADO DO SUL DO ESTADO DO TOCANTINS Jean Cezar de Oliveira 1 Willyder Leandro Peres Rocha 1 Thais Antonia Martins 1

Leia mais

Teleconferência 30 de julho de 2010

Teleconferência 30 de julho de 2010 Teleconferência 30 de julho de 2010 Suzano Energia Renovável Visão estratégica da Suzano Mercado de energia renovável Competitividade Suzano Visão geral da Suzano Energia Renovável 1 Suzano é um grupo

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM Curso de Engenharia Agronômica

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM Curso de Engenharia Agronômica MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA GRADE 1 Currículo Pleno aprovado pelo Conselho de Curso para o ano de 2013 Cód. Disc. DISCIPLINAS 1º SEMESTRE CRÉD. CH TOTAL TEÓRICA PRÁTICA 6249-1 Língua

Leia mais

Censo Varietal, Variedades e Clones Potenciais RB Recomendações de Uso

Censo Varietal, Variedades e Clones Potenciais RB Recomendações de Uso Programa de Melhoramento Genético da Cana-de de-açúcar Censo Varietal, Variedades e Clones Potenciais RB Recomendações de Uso Roberto Giacomini Chapola Equipe PMGCA/RIDESA/UFSCar 31 de julho de 2013 Programa

Leia mais

Diversificação de atividades na propriedade rural. 30 de junho de 2011 Uberlândia - Minas Gerais

Diversificação de atividades na propriedade rural. 30 de junho de 2011 Uberlândia - Minas Gerais Diversificação de atividades na propriedade rural 30 de junho de 2011 Uberlândia - Minas Gerais Roteiro da apresentação Apresentação da Campo Globalização e a demanda pelos serviços do agroecossistema

Leia mais

RENDIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR (Sacharum oficinarum L.) EM TRÊS CULTIVARES E QUATRO DENSIDADES

RENDIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR (Sacharum oficinarum L.) EM TRÊS CULTIVARES E QUATRO DENSIDADES RENDIMENTO DE CANA-DE-AÇÚCAR (Sacharum oficinarum L.) EM TRÊS CULTIVARES E QUATRO DENSIDADES BERNARDES, Diego¹; QUADROS, Valmir José de¹; SILVA, José Antônio Gonzalez da¹; BURATTI, João Vitor¹; ABREU,

Leia mais

EFICIENCIA DE SISTEMAS DE APLICAÇÃO DE VINHAÇA VISANDO ECONOMIA E CONSCIENCIA AMBIENTAL

EFICIENCIA DE SISTEMAS DE APLICAÇÃO DE VINHAÇA VISANDO ECONOMIA E CONSCIENCIA AMBIENTAL ISBN 978-85-609-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 7 a 0 de outubro de 009 EFICIENCIA DE SISTEMAS DE APLICAÇÃO DE VINHAÇA VISANDO ECONOMIA E CONSCIENCIA AMBIENTAL Ricardo Gava ;

Leia mais

SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO

SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS E SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO AUTORES: FABIANA AQUINO JORGE WERNECK LIMA MARCELA COSTA O que são Serviços Ecossistêmicos? Benefícios diretos e indiretos obtidos pelo Homem a

Leia mais

CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO

CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO Dib Nunes Jr. Antonio Celso Silva Jr. Grupo IDEA Características Varietais 1. Florescimento: MENOR DENSIDADE DE CARGA MENOR VOLUME DE CALDO 2. Tombamento:

Leia mais

AGRONOMIA. COORDENADOR Carlos Alberto de Oliveira

AGRONOMIA. COORDENADOR Carlos Alberto de Oliveira AGRONOMIA COORDENADOR Carlos Alberto de Oliveira calberto@ufv.br 42 Currículos dos Cursos UFV Engenheiro Agrônomo ATUAÇÃO Compete ao Engenheiro Agrônomo desempenhar as atividades profissionais previstas

Leia mais

Fonte:

Fonte: Fonte: http://revistadesafios.blogspot.com.br/2011/05/palha-de-cana-ajuda-reduzir-emissoes-de.html IMPERIAL ESTAÇÃO AGRONÔMICA 1887 INSTITUTO AGRONÔMICO DE CAMPINAS 2014 VARIEDADES MELHORAMENTO BIOTECNOLOGIA

Leia mais

Embrapa Uva e Vinho. Produtos & Serviços. Missão Institucional. Infra-Estrutura e Recursos Humanos

Embrapa Uva e Vinho. Produtos & Serviços. Missão Institucional. Infra-Estrutura e Recursos Humanos Embrapa Uva e Vinho A vitivinicultura é uma atividade que apresenta grande importância sócio-econômica em vários Estados brasileiros, com especial destaque para o Rio Grande do Sul. Por esta razão, a Embrapa

Leia mais

PRODUÇÃO DE ALIMENTOS EM ÁREAS DE RENOVAÇÃO DE CANAVIAIS: VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA, POTENCIAL DE PRODUÇÃO E RESPONSABILIDADE SOCIAL.

PRODUÇÃO DE ALIMENTOS EM ÁREAS DE RENOVAÇÃO DE CANAVIAIS: VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA, POTENCIAL DE PRODUÇÃO E RESPONSABILIDADE SOCIAL. PRODUÇÃO DE ALIMENTOS EM ÁREAS DE RENOVAÇÃO DE CANAVIAIS: VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA, POTENCIAL DE PRODUÇÃO E RESPONSABILIDADE SOCIAL. São Paulo, 17/04/07 Silvio Borsari Filho 1 AGRADECIMENTOS é a

Leia mais

EQUIVALÊNCIA DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA MATRIZ 2015 COM A MATRIZ Coordenador: Prof. Elton Fialho dos Reis

EQUIVALÊNCIA DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA MATRIZ 2015 COM A MATRIZ Coordenador: Prof. Elton Fialho dos Reis EQUIVALÊNCIA DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA MATRIZ 2015 COM A MATRIZ 2009 Coordenador: Prof. Elton Fialho dos Reis Quadro 1 - Equivalência de disciplinas do curso de Engenharia Agrícola

Leia mais

CANA-DE-AÇÚCAR NA PRODUÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. Profa. Dra. Cristiane de Conti Medina Departamento de Agronomia

CANA-DE-AÇÚCAR NA PRODUÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. Profa. Dra. Cristiane de Conti Medina Departamento de Agronomia CANA-DE-AÇÚCAR NA PRODUÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA Profa. Dra. Cristiane de Conti Medina Departamento de Agronomia medina@uel.br AGRICULTURA PRODUÇÃO DE ALIMENTOS PRODUÇÃO DE ENERGIA A GRANDE REVOLUÇÃO ESTÁ

Leia mais

Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar e adoção pelo produtor

Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar e adoção pelo produtor Desenvolvimento de cultivares de cana-de-açúcar e adoção pelo produtor Prof. Dr. Geraldo Veríssimo de Souza Barbosa CECA/UFAL/RIDESA Campinas 30/03/2017 PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA CULTIVARES RB 314 empresas

Leia mais

Currículo do Curso de Agronomia

Currículo do Curso de Agronomia Currículo do Curso de Agronomia Engenheiro Agrônomo ATUAÇÃO Compete ao Engenheiro Agrônomo desempenhar as atividades profissionais previstas na Resolução nº 218, de 29.6.73, do CONFEA, e atuar nos seguintes

Leia mais

Métodos de Avaliação do Sistema Radicular de Cana-de-açúcar

Métodos de Avaliação do Sistema Radicular de Cana-de-açúcar UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo Seminários em Ciência do Solo Métodos de Avaliação do Sistema Radicular de Cana-de-açúcar Mestranda: Patrícia Karla

Leia mais

CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES REPOSIÇÕES HÍDRICAS E NITROGÊNIO EM CANA-PLANTA E CANA-SOCA

CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES REPOSIÇÕES HÍDRICAS E NITROGÊNIO EM CANA-PLANTA E CANA-SOCA CANA-DE-AÇÚCAR SOB DIFERENTES REPOSIÇÕES HÍDRICAS E NITROGÊNIO EM CANA-PLANTA E CANA-SOCA ANTONIO EVAMI CAVALCANTE SOUSA 1, NELMÍCIO FURTADO DA SILVA 2, FERNANDO NOBRE CUNHA 2, VITOR MARQUES VIDAL 2, MARCONI

Leia mais

SIMULAÇÃO DA PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR EM SOLOS DO MUNICÍPIO DE JATAÍ - GOIÁS

SIMULAÇÃO DA PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR EM SOLOS DO MUNICÍPIO DE JATAÍ - GOIÁS SIMULAÇÃO DA PRODUÇÃO DE CANA-DE-AÇÚCAR EM SOLOS DO MUNICÍPIO DE JATAÍ - GOIÁS FRANCO, Íria Oliveira 1 ; ASSUNÇÃO, Hildeu Ferreira da 2 1. Bióloga, mestranda em Geografia, UFG, Jataí GO. E-mail: iria_biologa@ymail.com

Leia mais