EDITAL SEPLAG N. 03/2007

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL SEPLAG N. 03/2007"

Transcrição

1 EDITAL SEPLAG N. 03/2007 2º PROCESSO DE CERTIFICAÇÃO OCUPACIONAL DE DIRIGENTES MÁXIMOS DAS UNIDADES ADMINISTRATIVAS DE PLANEJAMENTO, GESTÃO E FINANÇAS INTEGRANTES DA ESTRUTURA DOS ÓRGÃOS DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA, ENTIDADES AUTÁRQUICAS E FUNDACIONAIS DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS A Secretária de Estado Planejamento e Gestão torna pública a abertura de inscrições e estabelece normas relativas à realização do 2º processo de Certificação Ocupacional de dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais, observadas as normas contidas neste Edital. I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1 A Certificação Ocupacional dos dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais não constitui concurso público para investidura em cargo ou função pública, não assegurando qualquer direito ao interessado, tampouco acarretando a ocupação ou nomeação para exercício de qualquer cargo público, limitando-se a credenciar, junto à Administração Pública Estadual, os profissionais certificados na forma deste regulamento para a formação de banco de potencial. 2 Poderá participar do exame de Certificação Ocupacional de dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais doravante denominados Dirigentes - o candidato que preencher os seguintes requisitos: a. possuir nacionalidade brasileira; no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, na forma do disposto no art. 12, 1º, da Constituição Federal; b. gozar dos direitos políticos; c. estar quite com as obrigações eleitorais; d. estar quite com as obrigações do Serviço Militar, para o candidato do sexo masculino; e. ter idade mínima de 18 anos; f. não estar sendo investigado ou processado, administrativa ou judicialmente, por atos de improbidade administrativa; g. Comprovar a conclusão, em qualquer área, de curso superior reconhecido pelo Ministério da Educação.

2 II - DAS PRÉ-INSCRIÇÕES 1 A inscrição do candidato implicará o conhecimento das presentes instruções e a aceitação das condições do Processo de Certificação, tais como se acham estabelecidas neste Edital e nas normas legais pertinentes, bem como em eventuais aditamentos e instruções específicas para a realização dos procedimentos, acerca das quais não poderá alegar desconhecimento. 2 As orientações relativas à inscrição estarão disponíveis nos endereços eletrônicos da SEPLAG e da FUNDEP 3 Não serão permitidas inscrições de candidatos que tenham sido certificados no último Processo de Certificação Ocupacional dos dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais, regido pelo Edital SEPLAG Nº 1 de O candidato deverá preencher o Requerimento Eletrônico de Pré-Inscrição, informando os dados requisitados, sendo que o mesmo valerá como recibo de pré-inscrição ao Processo de Certificação. 5 O preenchimento do Requerimento Eletrônico de Pré-Inscrição deverá ser efetuado exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico da FUNDEP 6 O período de pré-inscrição dar-se-á entre as 12:00 horas do dia 18 de junho de 2007 e as 17:00 horas do dia 12 de julho de 2007, horário de Brasília-DF. 7 As informações constantes no Requerimento Eletrônico de Pré-Inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, eximindo-se a SEPLAG e a FUNDEP de quaisquer atos ou fatos decorrentes de informações incorretas, endereço inexato ou incompleto fornecidos pelo candidato. 8 Todos os candidatos pré-inscritos deverão encaminhar, dentro do período compreendido entre as 09:00 horas do dia 18 de junho de 2007 e as 16:30 horas do dia 12 de julho 2007, pessoalmente ou por procurador devidamente constituído, a documentação comprobatória referente à experiência e à titulação conforme estabelecido pelo Anexo I, observada a conformidade com as informações prestadas no preenchimento do Requerimento Eletrônico de Pré- Inscrição, ao seguinte endereço: FUNDEP/Gerência de Concursos, situada na Avenida Presidente Antônio Carlos, n Unidade Administrativa II - 3º andar - Campus Pampulha/UFMG (acesso pela Avenida Antônio Abraão Caram portão 2), Belo Horizonte MG). 9 A documentação comprobatória da experiência e da titulação poderá ser enviada pelos Correios por meio de SEDEX, observada a data estipulada no item 08 para sua postagem, à FUNDEP/Gerência de Concursos Ref. SEPLAG Edital n.02/ Certificações, Caixa Postal 856 AC.Tamoios CEP Belo Horizonte MG. 10 Ao término do ato de preenchimento do Requerimento Eletrônico de Préinscrição, o candidato deverá imprimir o formulário que estará disponível, contendo os dados curriculares, e enviá-lo no envelope contendo a documentação comprobatória.

3 11 No interior do envelope contendo a documentação comprobatória, deverá constar, em texto e devidamente assinada pelo candidato, uma relação dos documentos que a compõem. 12 A documentação comprobatória, o formulário impresso a que se refere o item 10 e a lista a que se refere o item 11, ambos desta seção, deverão ser enviados ou entregues em um único envelope lacrado no qual conste, do lado de fora e em letra legível, o nome e o número de pré-inscrição do candidato, fornecido pela FUNDEP no ato de conclusão do preenchimento do Formulário Eletrônico de Pré-inscrição.. 13 Não deverão ser enviadas cópias de documentos de identificação, sendo necessárias somente as informações constantes nos mesmos quando do preenchimento do Formulário Eletrônico de Inscrição. 14 A documentação comprobatória do candidato deverá obedecer aos padrões e formatos definidos neste Edital, no Anexo I. 15 Findo o prazo definido no item 08 desta seção, o não envio da documentação comprobatória ou o envio das cópias dos documentos comprobatórios das informações e demais documentos solicitados em desconformidade com os padrões e formatos definidos neste Edital, em seus anexos e naqueles disponibilizados nos endereços eletrônicos e implicará na eliminação do candidato pré-inscrito. 16 Não serão recebidas, em nenhuma hipótese, complementações da documentação comprobatória, sendo que o Comitê de Certificação analisará somente o primeiro envelope entregue ou enviado pelo candidato no qual conste seu nome, número de pré-inscrição, a documentação comprobatória da experiência e titulação, o formulário impresso e a relação de documentos contidos, devidamente assinada, conforme disposto nos itens 08, 09, 10 e 11 desta seção. 17 No ato da pré-inscrição, o candidato automaticamente dará ciência de que a documentação enviada não será devolvida em hipótese alguma, sendo esta, a partir de então, de propriedade da SEPLAG, a qual poderá, após a publicação da Lista de Certificados a que se refere o item 2 da seção IX, dar-lhe o destino que mais lhe aprouver. 18 Os candidatos portadores de deficiência deverão informar, no ato do preenchimento do Requerimento Eletrônico de Pré-inscrição, as características da deficiência e os recursos necessários para sua participação nos exames. III DA EFETIVAÇÃO DAS INSCRIÇÕES 1 As informações prestadas pelo candidato serão avaliadas e atribuir-se-á a pontuação correspondente aos quesitos relativos à experiência comprovada e à titulação, de acordo com os critérios definidos no Anexo II do presente Edital. 2 Serão selecionados para análise comprobatória os Currículos Documentados dos 250 candidatos que obtiverem a maior pontuação de acordo com os critérios definidos no Anexo II do presente Edital. 3 Após realizada a análise do currículo, e de sua respectiva documentação comprobatória, o Comitê de Certificação deferirá ou não a efetivação da inscrição do candidato, tendo como parâmetros a autenticidade, a completude, o

4 prazo de recebimento dos documentos e ainda as exigências contidas neste Edital e em seus anexos. 4 No caso de não-deferimento da efetivação da inscrição do candidato, de acordo com os termos previstos no item anterior, será selecionado automaticamente para análise comprobatória a documentação do candidato de maior pontuação subseqüente à dos primeiros 250, repetindo-se tal processo até que haja a efetivação das 250 inscrições. 5 A lista dos efetivamente inscritos será divulgada até o dia 20 de julho de 2007 nos endereços eletrônicos da SEPLAG e da FUNDEP e valerá como comprovação da inscrição feita pelo candidato. IV - DOS EXAMES 1 O processo de certificação é composto por três (3) exames, a saber: a. Exame de conhecimentos; b. Dinâmica situacional e análise de perfil comportamental; c. Entrevista individual. 2 Não caberá recurso contra qualquer resultado de exame previsto no item 1 desta seção e em seus respectivos subitens. V - DO EXAME DE CONHECIMENTOS 1 O exame de conhecimentos constará de prova objetiva com 60 (sessenta) questões, cada uma com 4 (quatro) opções de resposta, das quais apenas 1 (uma) correta. 2 O exame de conhecimentos versará sobre conteúdos conforme o Guia de Estudos para a Certificação Ocupacional de dirigentes máximos das unidades administrativas de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos órgãos que compõem a Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo de Minas Gerais, elaborado pela Entidade Certificadora, disponibilizado no Anexo IV deste Edital. 3 O Guia de Estudos contém o detalhamento dos conteúdos a serem cobrados no exame de conhecimentos, os quais estão inseridos nas seguintes áreas: a. Gestão Pública Contemporânea e Modernização Administrativa b. Planejamento e Orçamento Governamental c. Gestão de Recursos Orçamentários e Financeiros d. Gestão de Pessoas

5 e. Gestão de Compras, Logística, Contratos e Convênios; f. Gestão de Informação e Governança Eletrônica. 4 A cada questão do exame de conhecimentos será atribuído 1 (um) ponto. 5 O gabarito oficial do exame de conhecimentos será divulgado, até o terceiro dia útil após sua realização, nos endereços eletrônicos da SEPLAG, e da FUNDEP, VI DA REALIZAÇÃO DO EXAME DE CONHECIMENTOS 1. O exame de conhecimentos será realizado na cidade de Belo Horizonte MG. 2. A data, horário e local da realização do exame de conhecimentos serão definidos pela Entidade Certificadora e divulgados nos endereços eletrônicos e até o dia 24 de julho de É dever do candidato efetivamente inscrito, conforme disposto nos itens 4 e 5 da seção III, conferir, a partir da divulgação a que se refere o item anterior, no endereço eletrônico da FUNDEP a data, o horário e o local da realização do exame de conhecimentos. 4. O exame de Conhecimentos terá a duração de 4 (quatro) horas, a qual abrange, inclusive, o tempo para transcrição das respostas do rascunho para a Folha de Resposta. 5. As instruções constantes na Folha de Respostas e no Caderno do exame de conhecimentos complementam este Edital e deverão ser seguidas pelo candidato. 6. Os candidatos deverão comparecer aos locais do exame de conhecimentos 60 (sessenta) minutos antes do horário previsto para o início da realização do exame de conhecimentos, munidos de documento original de identidade, sempre oficial e com foto, de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, lápis, borracha e do recibo de préinscrição ao Processo de Certificação. 7. O documento deverá estar em perfeita condição, a fim de permitir, com clareza, a identificação do candidato e deverá conter, obrigatoriamente, filiação, fotografia e data de nascimento. 8. O ingresso do candidato à sala para a realização do exame de conhecimentos só será permitido dentro do horário estabelecido pela Entidade Certificadora. 9. Serão considerados documentos de identidade oficial: Cédula Oficial de Identidade (RG), Carteira Expedida por Órgão ou Conselho de Classe (OAB, CREA, CRA etc), Carteira de Trabalho e Previdência Social, Certificado de Reservista, Carteira de Motorista com foto e Passaporte. 10. No caso de perda do Documento de Identificação com o qual se inscreveu no Processo de Certificação, o candidato poderá apresentar outro documento de identificação equivalente, conforme o item 8, e, se for o caso, ser submetido à identificação especial que compreende a coleta de assinatura e impressão digital em formulário próprio, durante a realização do exame de conhecimentos. 11. O candidato não poderá se ausentar do local determinado para a realização do exame de conhecimentos até que seja feita a sua identificação pelo datiloscopista.

6 12. Não serão aceitos documentos de identidade com prazos de validade vencidos, ilegíveis, não-identificáveis e/ou danificados. 13. Não haverá segunda chamada para o exame de conhecimentos, ficando o candidato ausente, por qualquer motivo, eliminado do processo de Certificação. 14. O candidato deverá apor sua assinatura na lista de presença, de acordo com aquela constante do seu documento de identidade. 15. Eventuais erros de digitação ocorridos no nome do candidato, no número do documento de identidade utilizado na inscrição ou na sigla do órgão expedidor do mesmo serão anotados pelo aplicador de sala, no dia, no horário e no local de realização do exame de conhecimentos, e constarão na Ata de Ocorrências do Processo de Certificação. 16. Após identificado e instalado, o candidato somente poderá ausentar-se da sala acompanhado de um fiscal. 17. A inviolabilidade do exame de conhecimentos será comprovada no momento do rompimento do lacre dos malotes, mediante termo formal e na presença de, no mínimo, dois candidatos, aleatoriamente convidados, nos locais de realização do exame de conhecimentos. 18. Será eliminado deste Processo de Certificação o candidato que incorrer nas seguintes situações: a) apresentar-se após o fechamento dos portões; b) tratar com falta de urbanidade examinadores, auxiliares, fiscais ou autoridades presentes; c) estabelecer comunicação com outros candidatos ou com pessoas estranhas, por qualquer meio; d) usar de meios ilícitos para obter vantagem para si ou para outros; e) portar arma(s) no local de realização do exame de conhecimentos, mesmo que possua o respectivo porte; f) fazer uso de qualquer equipamento eletrônico, como relógio digital, calculadora, walkman, notebook, palm-top, agenda eletrônica, gravador ou outros similares, ou de instrumentos de comunicação interna ou externa, tais como telefone celular, bipe, pagers, entre outros, mesmo que desligados, durante o período de realização do exame de conhecimentos; g) fazer uso de livros, códigos, manuais, impressos e anotações; h) deixar de atender às normas contidas nos Cadernos do exame de conhecimentos, na Folha de Respostas e demais orientações expedidas pela SEPLAG ou pela FUNDEP. i) Caso ocorram quaisquer das situações previstas nos subitens anteriores, será lavrada a ocorrência pela FUNDEP na Ata de Ocorrências do Processo de Certificação que será enviada ao Comitê de Certificação para a providência prevista nesse item.

7 19. Em nenhuma hipótese será permitido ao candidato prestar exame de conhecimentos fora da data, do horário estabelecido ou do espaço físico predeterminado e informados na convocação. 20. O candidato deverá levar somente os objetos citados no item 6 desta seção. Caso assim não proceda, os pertences pessoais serão deixados em local indicado pelos aplicadores durante todo o período de permanência dos candidatos no local do exame de conhecimentos, não se responsabilizando a FUNDEP por perdas, extravios ou danos que eventualmente ocorrerem. 21. Os objetos ou documentos perdidos durante a realização do exame de conhecimentos, que porventura venham a ser entregues na Gerência de Concursos da FUNDEP, serão guardados pelo prazo de 90 (noventa) dias, após o que, então, serão encaminhados à Seção de Achados e Perdidos dos Correios. 22. Durante o período de realização do exame de conhecimentos, não será permitida a utilização de bonés, chapéus e similares. 23. O candidato poderá ser submetido a detector de metais durante a realização do exame de conhecimentos e, caso seja necessário, submetido, também, à identificação por meio de impressão digital coletada no local. 24. Somente serão permitidos assinalamentos na Folha de Respostas feitos com caneta esferográfica tinta azul ou preta, vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros. 25. O candidato não poderá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo, danificar sua Folha de Respostas, sob pena de arcar com os prejuízos advindos da impossibilidade de realização de leitura ótica. 26. Não haverá substituição da Folha de Respostas por erro do candidato, salvo em situações em que a FUNDEP a julgar necessária. 27. Ao terminar o exame de conhecimentos ou findo o horário limite para a sua realização, o candidato entregará ao Fiscal de Sala, obrigatoriamente, sua Folha de Resposta e o Caderno contendo as questões do exame de conhecimentos. O candidato que descumprir o disposto neste item será automaticamente eliminado do Processo de Certificação, ficando o fato registrado na Ata de Ocorrências do Processo. 28. Na leitura da Folha de Respostas será atribuída nota zero à questão com mais de uma alternativa assinalada ou sem alternativa assinalada. 29. Será considerada nula a Folha de Respostas que estiver marcada e escrita, respectivamente, a lápis. 30. Período de Sigilo - Por motivo de segurança, os candidatos somente poderão retirar-se do recinto do exame de conhecimentos após decorrida uma hora do início das mesmas. 31. Não será permitida, durante a realização do exame de conhecimentos, a entrada e/ou permanência de pessoas não autorizadas pela FUNDEP nos locais de realização do exame de conhecimentos.

8 VII DA DINÂMICA SITUACIONAL E ANÁLISE DE PERFIL COMPORTAMENTAL 1 O exame situacional e a análise de perfil comportamental envolverá: a. Proposição de situações-problema para resolução individual e em grupo. b. Aplicação de instrumento específico para levantamento de perfil comportamental de cada candidato. 2 A data, horário e local da realização das atividades acima serão definidas para cada candidato efetivamente inscrito e divulgadas nos endereços eletrônicos e a partir do dia 23 de julho de O não comparecimento do candidato na data e horário previamente definidos e divulgados implica na eliminação do processo de certificação. VIII DAS ENTREVISTAS 1 A entrevista será individual com duração média de uma hora e trinta minutos. 2 A data, horário e local da realização das entrevistas serão definidos e divulgados nos endereços eletrônicos e a partir do dia 23 de julho de O não comparecimento do candidato na data e horário previamente definidos e divulgados implica na sua eliminação do processo de certificação. IX - DA CERTIFICAÇÃO 1 O processo de Certificação Ocupacional será homologado por Resolução conjunta dos Secretários de Estado de Planejamento e Gestão e de Fazenda. 2 Será disponibilizada nos endereços eletrônicos e a partir do dia 31 de agosto de 2007 a lista, em ordem alfabética, dos participantes do processo que obtiverem a Certificação Ocupacional de dirigentes máximos das unidades administrativas de Planejamento, Gestão e Finanças dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais. 3 Os resultados individuais de cada candidato, envolvendo os exames de conhecimento, dinâmicas situacionais e entrevistas serão disponibilizados a partir do 5º dia útil após a divulgação da lista de certificados descrita no item anterior, nos site sendo que somente o candidato terá acesso aos mesmos, mediante o uso do número de inscrição e da senha. X DOS CERTIFICADOS 1 Ao final do Processo de Certificação de dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais serão emitidos e concedidos os Certificados aos participantes que obtiverem êxito nos exames. 2 Os certificados terão validade de dois anos, prorrogáveis por mais dois, a contar da data de sua emissão pela entidade certificadora.

9 XI - DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 1 Todas as publicações oficiais referentes à Certificação Ocupacional do Dirigente que alterem este Edital serão feitas no Órgão Oficial dos Poderes do Estado Minas Gerais e disponibilizadas nos endereços eletrônicos: e 2 A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão e a FUNDEP não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas, informações e outros materiais referentes à Certificação Ocupacional de Dirigentes, de iniciativa de terceiros. 3 Os prazos estabelecidos neste Edital serão observados para todos os candidatos, não havendo justificativa para o não cumprimento. 4 Incorporar-se-ão ao presente Edital, para todos os efeitos, quaisquer aditamentos complementares relativos à Certificação Ocupacional de Dirigentes, que vierem a ser publicados pelo Governo do Estado de Minas Gerais no Órgão Oficial dos Poderes do Estado Minas Gerais. 5 A omissão de dados, declarações falsas ou inexatas constantes do requerimento de inscrição ou nos documentos apresentados determinarão o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes, em qualquer época, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. 6 Os casos omissos serão resolvidos pelo Comitê de Certificação instituído pela Resolução SEPLAG nº de... de junho de Belo Horizonte,... de... de RENATA MARIA PAES DE VILHENA Secretária de Estado de Planejamento e Gestão

10 Doutorado Mestrado Curso de Pós-Graduação: em nível de Especialização ou Aperfeiçoamento Curso de Graduação! Fotocópia autenticada do Diploma de grau de Doutor ou de outro Atestado oficial que comprove a conclusão do curso Fotocópia autenticada do Diploma de grau de Mestre ou de outro Atestado oficial que comprove a conclusão do curso Fotocópia autenticada do Certificado de conclusão, com indicação da carga horária ou de outro Atestado oficial que comprove a conclusão do curso Fotocópia autenticada do Diploma ou de outro Atestado oficial que comprove a conclusão do curso " Para comprovar a experiência dos Grupos A, B, C, D, E e F, de acordo com as descrições do Anexo II, será aceito Atestado emitido pelas unidades de Recursos Humanos dos Órgãos do Executivo, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Estado de Minas Gerais ou da União, de outros Estados da Federação ou ainda das capitais dos estados brasileiros onde o candidato exerceu ou ainda exerce a função informada, com data não anterior a 30 dias da data de publicação deste Edital, na qual conste obrigatoriamente: a. período de exercício da função com a respectiva data de nomeação e exoneração, caso o candidato já tenha deixado o cargo; b. nº do MASP, quando servidor da Administração Pública Estadual ou outro registro funcional similar se servidor de outro ente da Federação; c. nome da unidade administrativa do órgão onde o candidato exerceu, ou exerce, a função de direção; d. nível hierárquico da unidade administrativa na estrutura organizacional da instituição à época do exercício; e. instrumento legal que informe o nível hierárquico da unidade administrativa na estrutura organizacional à época do exercício; f. nome e assinatura do responsável pela emissão;

11 g. telefone e endereço da unidade responsável pela emissão. Para estes documentos não serão aceitas cópias, mas somente as versões originais. O Atestado em questão deverá seguir, preferencialmente, o modelo constante no Anexo III deste documento. Para cada função de direção exercida pelo candidato em unidades administrativas diferentes ou na mesma unidade, mas em períodos diferentes, deverá ser emitido um Atestado em separado. Para comprovar a experiência do Grupo G, de acordo com a descrição do Anexo II, serão aceitas: a. Cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social - CTPS autenticada em serviço notarial e de registro constando obrigatoriamente a folha de identificação com número e série, a folha com a foto do portador, a folha com a qualificação civil, a folha de contrato de trabalho e as folhas de alterações de salário que constem mudança de função; ou b. Cópia de contratos e/ou recibos de pagamento de autônomo autenticada em serviço notarial e de registro (RPA) comprobatórios de prestação de serviços no exercício da função requerida; ou c. Declaração do órgão ou empresa ou de certidão emitida em papel timbrado de instituição de direito privado, legalmente constituída, assinada por responsável habilitado, contendo o período de início e término do trabalho realizado e tradução por tradutor juramentado para a língua portuguesa, quando for o caso.

12 # $ Os currículos serão avaliados utilizando-se metodologia específica descrita abaixo a qual considera exclusivamente a experiência profissional e a formação acadêmica do candidato. Serão pontuados para fins de classificação em uma escala de zero (0) a cem (100), com a atribuição do peso de 60% (sessenta pontos percentuais) ao histórico profissional e de 40% (quarenta pontos percentuais) à qualificação acadêmica. A experiência profissional dos candidatos será avaliada, para um horizonte de tempo de dez (10) anos e conforme os grupos de experiência relacionados abaixo e sumarizados no Quadro I: % GRUPO A Nos últimos 10 anos, e por no mínimo dois, ter ocupado o cargo de dirigente máximo das unidades da estrutura básica dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais. GRUPO - B Nos últimos 10 anos, e por no mínimo dois, ter ocupado o cargo de dirigente máximo das unidades da estrutura básica dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo da União, de outros Estados da Federação ou das capitais dos estados brasileiros. GRUPO C Nos últimos 10 anos, e por no mínimo dois, ter ocupado o cargo de dirigente das unidades de 2º (segundo) nível hierárquico dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais. GRUPO D Nos últimos 10 anos, e por mais de seis meses e menos de dois anos, ter ocupado cargo de dirigente máximo das unidades da estrutura básica dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais. GRUPO - E Nos últimos 10 anos, e por mais de seis meses e menos de dois anos, ter ocupado o cargo de dirigente máximo das unidades da estrutura básica dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo da União, de outros Estados da Federação ou das capitais dos estados brasileiros.

13 GRUPO - F Nos últimos 10 anos, e por mais de seis meses e menos de dois anos, ter ocupado o cargo de dirigente das unidades de 2º (segundo) nível hierárquico dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas, Fundacionais e Empresas Públicas do Poder Executivo do Estado de Minas. GRUPO G Nos últimos 10 anos, e por no mínimo dois, ter atuado, em nível gerencial, nas áreas de planejamento, gestão ou finanças de organizações não-estatais, incluídas as do setor privado. NOTA: a. Entende-se como unidades da estrutura básica aquelas de 1º (primeiro) nível hierárquico das organizações dos Grupos de Experiência A, B, D e E, diretamente ligadas e subordinadas à alta direção, concebendo-se esta como a unidade onde atua o dirigente máximo do órgão ou entidade. b. Nas Secretarias de Estado, onde houver Subsecretarias, as unidades ligadas e subordinadas a estas últimas também serão consideradas pertencentes à estrutura básica ou unidades de 1º (primeiro) nível hierárquico. c. Em outras organizações dos Grupos de Experiência A, B, D e E, em que, na estrutura organizacional, haja unidades equivalentes às Subsecretarias de Estado, as unidades ligadas e subordinadas a estas também serão consideradas pertencentes à estrutura básica ou unidades de 1º (primeiro) nível hierárquico. d. As unidades de 2º (segundo) nível hierárquico, definidos nos grupos C e F, são aquelas diretamente ligadas e subordinadas às unidades da estrutura básica ou de 1º (primeiro) nível hierárquico. Quadro 1 - Grupos de experiência Grupo Regra (referente ao intervalo) Intervalo (dias) Âmbito Nível Nota Mínima Nota Máxima A MAIOR OU IGUAL A 730 PODER EXECUTIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS PODER EXECUTIVO DA B MAIOR OU IGUAL A 730 UNIÃO, DOS ESTADOS E CAPITAIS C MAIOR OU IGUAL A 730 PODER EXECUTIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS D MAIOR QUE 180 PODER EXECUTIVO DO MENOR QUE 730 ESTADO DE MINAS GERAIS E MAIOR QUE 180 PODER EXECUTIVO DA UNIÃO, ESTADOS E MENOR QUE 730 CAPITAIS F MAIOR QUE 180 PODER EXECUTIVO DO MENOR QUE 730 ESTADO DE MINAS GERAIS G MAIOR OU IGUAL A 730 PRIVADO

14 Pare tanto, utilizar-se-á como base a seguinte expressão: Onde: Pto = NtMin 1 + NtMax1 NtMin1 NtMax ( T t ) MAX min 1 n ( NtMaxi ti ) i= 1 Pto: Pontuação total (escore) obtida pelo candidato; n: Número de grupos de experiência que compõem o histórico profissional do candidato; i: Colocação relativa de um grupo de experiência profissional do candidato baseado na colocação geral dos grupos. Varia de 1 (um) a n; NtMin i : Nota mínima do grupo de experiência profissional de colocação relativa i; NtMax i : Nota máxima do grupo de experiência profissional de colocação relativa i; T MAX : Horizonte temporal (em dias) analisado, ou seja, 3650 dias (10 anos); t min : Tempo mínimo (em dias) de permanência no melhor grupo de experiência profissional quanto à colocação geral (i = 1), ou seja, 182 dias ou 730 dias; t i : Tempo total (em dias) de permanência no grupo de experiência i. Quando i = 1, desconta-se o tempo mínimo de permanência no grupo. Para a avaliação da formação acadêmica do candidato serão considerados o nível e a área de conhecimento da titulação obtida, ponderadas conforme o Quadro 2 abaixo: Quadro 2 - Formação acadêmica Titulação Peso Área Peso Total Administração Publica Administração 9 90 Doutorado 10 Economia, Contabilidade, Direito, Psicologia, Engenharia 8 80 Outros 7 70 Administração Publica Administração 9 63 Mestrado 7 Economia, Contabilidade, Direito, Psicologia, Engenharia 8 56 Outros 7 49 Administração Publica Pós-Graduação 4 Administração 9 36 Lato Sensu Economia, Contabilidade, Direito, Psicologia, 8 32 Engenharia Administração Publica Graduação 2 Administração 9 18 Economia, Contabilidade, Direito, Psicologia, 8 16 Engenharia As pontuações referentes à experiência e formação serão padronizadas com base na pontuação máxima obtida, facultando-se o cálculo das pontuações individuais conforme a seguinte expressão: NotaFinal C NotaExperienciaC NotaFormacaoC = Máx( NotaExperiencia) Máx( NotaFormacao)

15 Em caso de igualdade de pontuação entre candidatos, os critérios de desempate utilizados serão, nesta ordem: 1 melhor pontuação obtida no histórico profissional; 2 maior nível de titulação; 3 melhor pontuação obtida no quesito qualificação acadêmica.

16 Modelo de atestado emitido pelos órgãos e envido pelo candidato com fins de comprovação de experiência para os grupos A, B, C, D, E e F, segundo descrição do Anexo II deste documento. ATESTADO Atesto, para fins de comprovação da documentação curricular do 2º Processo de Certificação Ocupacional de dirigentes máximos das unidades de Planejamento, Gestão e Finanças integrantes das estruturas dos Órgãos da Administração Direta, Entidades Autárquicas e Fundacionais do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais, que (nome), inscrito sob o número de registro (nº do MASP, quando servidor da Administração Pública Estadual ou outro registro funcional similar se servidor de outro ente da Federação), atuou ou atua neste órgão exercendo a função de direção da Unidade Administrativa: (nome da unidade administrativa) pertencendo esta ao (1º ou 2º) nível da estrutura organizacional desta instituição, de acordo com o seguinte instrumento legal: (tipo Lei, Decreto, Lei Delegada, etc. nº e data de publicação). A nomeação do referido servidor foi publicada no Diário Oficial no dia (data de nomeação) e sua exoneração no dia (data da exoneração ou, caso o servidor ainda permaneça no cargo, informar). Localidade, data Assinatura/carimbo do responsável pela unidade de Recursos Humanos telefone e endereço da unidade responsável pela emissão

17 ! " #$ &' '() *)&+&', % %'-./&' 0&) &1)&' '!!% /&2&' &'%! &&'/ % %')( &'3 "&& % %') % %') 4 56'4&' '&!7& &% %')& %! &&/' 8&

18 EXAME DE CONHECIMENTOS Para efeito do processo de Certificação, o Exame de Conhecimentos consiste de uma prova preliminar de caráter classificatório. Seu objetivo é avaliar, de modo amplo, a capacidade analítica, de compreensão e a cultura dos candidatos em temas básicos da Gestão Pública em geral e, em particular, da atualidade da Administração Pública em Minas Gerais. Em termos de orientação para estudo, comporta recomendação particular apenas a que concerne à fixação, pelo candidato, dos pontos básicos e noções gerais das ementas específicas das áreas de conhecimento consideradas inerentes à função de SPGF. Em virtude do caráter interdisciplinar da prova, uma questão poderá contemplar conhecimentos relativos a mais de uma área. Ainda que, na preparação dos candidatos, sejam certamente muito úteis as referências bibliográficas complementares constantes deste Guia, o conteúdo das questões abrangidas na prova se limitarão às referências básicas aqui indicadas.

19 # '( " () )* "!( " +, " ) -./ *0 & 1 // /% ) )*"!( 2(3)# 4, &(('(# /.5(, " '(, /!((6," (," (("4*, (74*, ( ((, &8(!((, )*, % 9)( : (74*3 4; () (( 4*, // )(7((, "1 9)(, )*, )* " /)*" "'(% 9./5.3, :, <%= :, % <% 9)( / 3 8" ('( )# :( ) & 9%, < C (7, %>D,! (,>??E,"%BAEF% ("G#3 H"3IIJJJ%!)%)%)#%! /" )*" " %*/3,>??F% N:% N:% MAXIMIANO, A. C. A. Teoria Geral da Administração. Da Escola Científica à Competitividade em Economia Globalizada. São Paulo: Atlas, : O<,C% &) 5&1D1A*/3,DPPB%, % % % (( 4*!( < (( (( * (%!'))&' ),*/,#%FB,%D,1%I % >??B%("G#3 H"3IIJJJ% %%! I I(8%&Q/(R ()SR>?>BSR< SN/RFBS/ (/')AT/" %( M( 3#,>??D% NC, % % )%$% +E() 5' &%,"G( )*"!(" ##(%<C (73( :,>??E% 9./5 /&' (5 ), N, <% % % &' E(/1) A 9)( *!(%(M( 3( N,>??B%

20 Conceitos e principais modelos de planejamento. Análise de mecanismos, estilos e experiências de planejamento governamental. Instrumentos de planejamento. Orçamento (PMDI, PPAG, LDO, LOA, Lei 4320, Lei de Responsabilidade Fiscal): conteúdo, etapas e metodologia de elaboração, estrutura e tipologia de programas, classificação de receitas e despesas orçamentárias. Estrutura funcional do Estado. Conceitos de Acordo de Resultados. 9./5.3, :, <%= :, % <% 9)( / 3 8" ('( )# :( ) & 9%, < C (7, %>D,! (,>??E,"%BAEF% ("G#3 H"3IIJJJ%!)%)%)#%! :,<%:, %<%1 9)()" 7, 3 NC, % % )%$% +E() 5' &%,"G( )*"!(" ##(% < C (73 ( :, >??E, UM, %%,:%% / )("/ ((( #(4*%!'))&' -./,(M( <<,%=O,%=V,M%=CO:,%=M,%&'3 F NC,%%!/,/&'!'/&''(&')/&2&' )5') (/')A ("G#3 H"3IIJJJ%(%!%)#%! I"/!(I"/!(W(I!(W(I(W :,M% >??B%, % ((!( "(# G( (% & :, %<%:,<%%/""13NC,%% )%$%+E()5'&%,"G()*"!(" ##(%<C (73( :,>??E,"%>%,%=,%&) )&./))"/)9 /, (!/) (/') F/(1) )/) (&) (A ("G# 3 <http://www.unb.br/face/eco/cpe/td/276jan31rnunes.pdf> Acesso em: 13/06/2007

Treinamento em Cardiologia 2014. do Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia e Outras Especialidades (IBEPEGE)

Treinamento em Cardiologia 2014. do Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia e Outras Especialidades (IBEPEGE) Treinamento em Cardiologia 2014 do Pesquisas de Gastroenterologia (IBEPEGE) Edital de Abertura de Inscrições O IBEPEGE Instituto Brasileiro de Estudo e Pesquisa em Gastroenterologia e outras Especialidades

Leia mais

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados.

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados. APRESENTAÇÃO O Programa de Educação Profissional de Minas Gerais (PEP) é a ousada resposta do Governo Mineiro ao desafio de atender à crescente demanda dos nossos jovens por mais e melhores oportunidades

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS O PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO convoca os candidatos inscritos no Concurso Público

Leia mais

Portaria MEC 2.235 de 19/12/1997 DOU: 22/12/1997 Resolução CNE/CES n o 1, de 8 de junho de 2007 EDITAL 01/2015 - FACULDADE FUCAPI PÓS-GRADUAÇÃO

Portaria MEC 2.235 de 19/12/1997 DOU: 22/12/1997 Resolução CNE/CES n o 1, de 8 de junho de 2007 EDITAL 01/2015 - FACULDADE FUCAPI PÓS-GRADUAÇÃO A Faculdade FUCAPI, representada pelo seu Programa de Pós-Graduação, faz conhecer aos interessados que, no período de 09 a 20 de março de 2015, estarão abertas as inscrições para o Curso de Especialização

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA PARA ESTÁGIO MÉDICO DE OFTALMOLOGIA - 2015 EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

SELEÇÃO PÚBLICA PARA ESTÁGIO MÉDICO DE OFTALMOLOGIA - 2015 EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES SELEÇÃO PÚBLICA PARA ESTÁGIO MÉDICO DE OFTALMOLOGIA - 2015 EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES A Congregação das Filhas de Nossa Senhora Stella Maris Hospital Stella Maris, torna público que no período de

Leia mais

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009 Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional Edital nº 001 /2009 Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos Técnico de Nível Médio em Agronegócios

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS No uso das atribuições legais, e mediantes as condições estipuladas nos Editais e Comunicados oficiais publicados no site www.selecao.uneb.br/dpe2012, CONVOCA os Candidatos

Leia mais

ANO 2014 2º SEMESTRE

ANO 2014 2º SEMESTRE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 095/2014, de 25/04/2014 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS CANDIDATOS APROVADOS NO PROGRAMA

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC Edital nº02/2008 DO PROCESSO SELETIVO 02/2008 CRF/RO-AC DE 07 DE NOVEMBRO DE 2008 ABERTURA. A Presidente do Conselho Regional de Farmácia dos Estados de Rondônia e Acre, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OTORRINOLARINGOLOGIA DO HOSPITAL SOCOR 2014

EDITAL DO CONCURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OTORRINOLARINGOLOGIA DO HOSPITAL SOCOR 2014 EDITAL DO CONCURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OTORRINOLARINGOLOGIA DO HOSPITAL SOCOR 2014 Inscrições: 14 de outubro a 14 de novembro de 2013 Informações: Centro de Estudos do Hospital Socor Tel.: (31) 3330.3093

Leia mais

JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO PARANÁ CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE OFÍCIOS DE TRADUTOR PÚBLICO JURAMENTADO E INTÉRPRETE COMERCIAL EDITAL N.

JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO PARANÁ CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE OFÍCIOS DE TRADUTOR PÚBLICO JURAMENTADO E INTÉRPRETE COMERCIAL EDITAL N. O Presidente da Junta Comercial do Estado do Paraná JUCEPAR, no uso de suas atribuições e, tendo em vista o disposto na Lei n. 8.934, de 18 de novembro de 1994, no Decreto nº. 1.800, de 30 de janeiro de

Leia mais

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC A Prefeitura Municipal de Caruaru/PE divulga a realização do CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS para o provimento dos cargos de Professor

Leia mais

EDITAL 01/2015 CONCURSO PARA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA

EDITAL 01/2015 CONCURSO PARA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA UNIÃO METROPOLITANA PARA O DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA EDITAL 01/2015

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM ULTRASSONOGRAFIA 2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM ULTRASSONOGRAFIA 2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM ULTRASSONOGRAFIA 2015 O Instituto de Pesquisa e Ensino em Radiologia, Medicina Diagnóstica e Terapêutica - IPrad, torna público que realizará

Leia mais

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS 1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O Programa Bolsa Jovens Talentos para a Ciência (PJT- IC) tem como objetivo proporcionar a formação

Leia mais

EDITAL Nº 04/2015. 2. VAGAS OFERECIDAS: Serão oferecidas 10 (dez) bolsas integrais para a comunidade em geral.

EDITAL Nº 04/2015. 2. VAGAS OFERECIDAS: Serão oferecidas 10 (dez) bolsas integrais para a comunidade em geral. O Diretor da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi), no uso de suas atribuições regimentais, torna público o edital referente ao Curso de Especialização em Nível de Pós-Graduação lato sensu

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO. EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO. EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015 EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015 O Diretor da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo torna público, para conhecimento dos interessados, que estarão abertas, no período de

Leia mais

Atenção: Recomenda-se a leitura atenta de todo o Edital antes de realizar a inscrição.

Atenção: Recomenda-se a leitura atenta de todo o Edital antes de realizar a inscrição. EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA CURSO DE ESPECIALIAZAÇÃO EM CANCEROLOGIA CLÍNICA HOSPITAL BENEFICÊNCIA PORTUGUESA E CENTRO DE ONCOLOGIA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO PARA ANO DE 2014. Atenção: Recomenda-se a leitura

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012 A Diretora Presidente do SICOOB Credicenm, no uso de suas atribuições legais e em parceria com o Setor de Recursos Humanos da Cooperativa,

Leia mais

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL DA UFRN PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO TÉCNICO EM PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES EM SAÚDE Edital Nº 003/ 2015 A Escola

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC PROCESSO SELETIVO 2016 Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC O DayHORC, através de sua Comissão do Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia (CPTMO/DayHORC), no uso de suas atribuições,

Leia mais

Edital de convocação para o CONCURSO VESTIBULAR. UERJ Turismo 2010

Edital de convocação para o CONCURSO VESTIBULAR. UERJ Turismo 2010 Edital de convocação para o CONCURSO VESTIBULAR UERJ Turismo 2010 A Universidade do Estado do Rio de Janeiro torna público o presente Edital, com normas, rotinas e procedimentos relativos ao Concurso Vestibular

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO EDITAL

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO EDITAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO EDITAL DISPÕE SOBRE O CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGO EFETIVO DE PROFESSOR INSPETOR ESCOLAR PUBLICADO NO D.O. DE 26/11/2007 O SECRETÁRIO DE ESTADO DE EDUCAÇÃO,

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL DO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES HOSPITAL ISRAELITA ALBERT SABIN

EDITAL DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL DO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES HOSPITAL ISRAELITA ALBERT SABIN EDITAL DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL DO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES HOSPITAL ISRAELITA ALBERT SABIN 2016 Inscrições: 29 de dezembro de 2015 a 27 de Janeiro de 2016 Informações: Secretária

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA

MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA Página - 1 - de 7 CENTRO DE ESTUDOS DR.CERVANTES CAPOROSSI COREME DO HOSPITAL SANTA ROSA

Leia mais

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS O Diretor Geral da Faculdade ISAEBRASIL, credenciada pela Portaria MEC n. 439 de 29 de abril de 2015, por sua Comissão de Vestibular, instituída em caráter permanente pela Portaria ISAE n.º 02/2015 de

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA COMPLEXO HOSPITALAR OURO VERDE

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA COMPLEXO HOSPITALAR OURO VERDE O Complexo Hospitalar Ouro Verde - CHOV torna público que realizará processo seletivo para preenchimento de vagas de médicos residentes de 1º ano (R-1), de seu programa de residência em MEDICINA DE FAMÍLIA

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ MANUAL DO CANDIDATO Concurso Público n.º 01/2015 Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ Orientações e Instruções para a Realização das Provas 1. Do horário de comparecimento para a realização das

Leia mais

EDITAL/FMC Nº 01/2008

EDITAL/FMC Nº 01/2008 EDITAL/FMC Nº 01/2008 Concurso Público para provimento de cargos públicos efetivos do Quadro de Pessoal da FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA - FMC, entidade integrante da Administração Indireta do Município

Leia mais

Instituto Suel Abujamra

Instituto Suel Abujamra Instituto Suel Abujamra Seleção de Candidatos para 1º ano de Residência Médica em Oftalmologia - 2015 Edital de Abertura de Inscrições O Instituto Suel Abujamra torna público a realização do processo seletivo

Leia mais

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 A Diretora da FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA - FASM,

Leia mais

PROCESSO DE CERTIFICAÇÃO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS DE GESTOR ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO DE UNIDADES ESCOLARES DA SMED/-PBH.

PROCESSO DE CERTIFICAÇÃO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS DE GESTOR ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO DE UNIDADES ESCOLARES DA SMED/-PBH. REGULAMENTO INTERNO 01/2013 A Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de Belo Horizonte, órgão da Administração Direta Municipal, estabelecida nesta capital, na Rua Carangola, 288, Bairro Santo

Leia mais

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014.

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DE SISTEMAS PRODUTIVOS DA UEMS

Leia mais

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE *

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE * EDITAL Nº 21/2013 RICARDO PINHEIRO SANTANA, Prefeito do Município de Assis, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO o presente Edital de Abertura do Concurso Público nº 01/2013 para preenchimento

Leia mais

Porto Alegre, 23 de setembro de 2015. FELIPE FERREIRA SILVA Diretor Geral da FBT Faculdade Brasileira de Tributação

Porto Alegre, 23 de setembro de 2015. FELIPE FERREIRA SILVA Diretor Geral da FBT Faculdade Brasileira de Tributação FACULDADE BRASILEIRA DE TRIBUTAÇÃO Edital de Processo Seletivo 2016 Curso de Graduação Tecnológica em Gestão Financeira, com ênfase na Gestão de Tributos 1 ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO A Faculdade Brasileira

Leia mais

EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO

EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO A Pró-Reitora de Recursos H umanos da Universidade Federal de Juiz

Leia mais

Rua Mostardeiro, 88 Porto Alegre, RS, Brasil CEP 90430-000. Porto Alegre e Região Metropolitana Tel.: (51) 3388-8023 Fax.

Rua Mostardeiro, 88 Porto Alegre, RS, Brasil CEP 90430-000. Porto Alegre e Região Metropolitana Tel.: (51) 3388-8023 Fax. FACULDADE BRASILEIRA DE TRIBUTAÇÃO Edital de Processo Seletivo 2015/2 Curso de Graduação Tecnológica em Gestão Financeira, com ênfase na Gestão de Tributos 1 ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO A Faculdade Brasileira

Leia mais

EDITAL PROPEG Nº 22 /2013 EXAME DE SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL INTEGRADA EM SAÚDE DA FAMÍLIA E COMUNIDADE

EDITAL PROPEG Nº 22 /2013 EXAME DE SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL INTEGRADA EM SAÚDE DA FAMÍLIA E COMUNIDADE UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DO DESPORTO SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO ACRE PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL INTEGRADA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ Ladeira Laurindo José da Silva, 40 Queluz/SP CEP: 12.800-000 Tel.: (12) 3147.1405 / 3147.1396 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2013 Processo seletivo para preenchimento,

Leia mais

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br.

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br. São Paulo, 01 de novembro de 2013. Instituto Brasileiro de Controle do Câncer - IBCC Edital Imagem 2013 O Centro de Estudos Prof. Dr. Sampaio Góes Junior do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer torna

Leia mais

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo:

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo: UNESP CÂMPUS DE BOTUCATU FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA EDITAL 23/2015-DDTA A Diretoria da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia UNESP Câmpus de Botucatu, torna público que estarão

Leia mais

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA EDITAL Nº 26 / 2014 O Presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES, no uso de suas atribuições, estabelecida nos termos da instrução

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NÚCLEO DE CONCURSOS EDITAL N.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NÚCLEO DE CONCURSOS EDITAL N. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NÚCLEO DE CONCURSOS EDITAL N.º 31/2015 NC A Universidade Federal do Paraná, por seu Núcleo de Concursos

Leia mais

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 O Instituto de Ensino Superior João Alfredo de Andrade, por sua Comissão Organizadora do Processo Seletivo, instituída em caráter permanente pela Portaria

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 001/2011

CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 001/2011 PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRO LEOPOLDO - MG CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 001/11 MANUAL DO CANDIDATO LEIA ATENTAMENTE O INTEIRO TEOR DESTE MANUAL, POIS É POR ELE QUE COMEÇA A SUA SELEÇÃO. 1 Rua Tupis, nº

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL DE ABERTURA Nº 001/2014

PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL DE ABERTURA Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL DE ABERTURA Nº 001/2014 1.APRESENTAÇÃO O Governo do Estado do Amapá por meio da Escola de Administração Pública - EAP, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TÉCNICO DE INFORMÁTICA SORRI-BAURU Julho de 2012

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TÉCNICO DE INFORMÁTICA SORRI-BAURU Julho de 2012 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA TÉCNICO DE INFORMÁTICA SORRI-BAURU Julho de 2012 A SORRI BAURU, por meio de sua Diretoria Executiva convoca os interessados a participar do processo seletivo para a contratação

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL DO HOSPITAL SÃO FRANCISCO DE RIBEIRÃO PRETO

EDITAL DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL DO HOSPITAL SÃO FRANCISCO DE RIBEIRÃO PRETO Hospital São Francisco de Ribeirão Preto Instituto de Cirurgia de Ribeirão Preto COMISSÃO DE PROVA DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL EDITAL E NORMAS DO CONCURSO PARA TREINAMENTO EM CIRURGIA

Leia mais

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 Em conformidade com as Portarias do MEC nº 1.120 de 16/07/1999 e nº 391 de 07/02/2002 e da Portaria nº 1449 de 23/12/1999

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE COORDENADORIA DA UAB/MEC-UNICENTRO EDITAL Nº 010/2015 - UAB/MEC-UNICENTRO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE COORDENADORIA DA UAB/MEC-UNICENTRO EDITAL Nº 010/2015 - UAB/MEC-UNICENTRO SELEÇÃO DE TUTORES CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PERSPECTIVAS DE ENSINO DE HISTÓRIA DO BRASIL MODALIDADE A DISTÂNCIA A Coordenação da UAB/MEC-UNICENTRO e a Coordenação do Curso de Especialização em Perspectivas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO EDITAL Nº 02/2014 CONVOCAÇÃO PARA REALIZAÇÃO

Leia mais

Cardiologia 02 (duas) 02 anos Clínica Médica. Nefrologia 01 (uma) 02 anos Clínica Médica

Cardiologia 02 (duas) 02 anos Clínica Médica. Nefrologia 01 (uma) 02 anos Clínica Médica EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DA ASSOCIAÇÃO HOSPITALAR MOINHOS DE VENTO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 EM CARDIOLOGIA E NEFROLOGIA A Comissão de Residência Médica (COREME) da

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015 O INSTITUTO UNIVERSITÁRIO ATLÂNTICO IUA, em parceria com a UNIVERSIDADE ATLÂNTICA Oeiras-Lisboa/Portugal e a Faculdade Einstein, torna público, para conhecimento dos interessados, que realizará Processo

Leia mais

EDITAL - PROCESSO SELETIVO - ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA

EDITAL - PROCESSO SELETIVO - ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA - 2012 Incentivo à formação médica e Educação Continuada Oportunidade: Hospital Unimed/Unimed-BH abre seleção para especialização médica em três

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOVERNADOR VALADARES Estado de Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOVERNADOR VALADARES Estado de Minas Gerais PREFEITURA MUNICIPAL DE GOVERNADOR VALADARES 1 EDITAL Nº. 01/2009 O MUNICÍPIO DE GOVERNADOR VALADARES, ESTADO DE MINAS GERAIS, por sua Prefeita, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela legislação

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Regional Federal da 5ª Região PRESIDÊNCIA DO TRF 5ª REGIÃO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Regional Federal da 5ª Região PRESIDÊNCIA DO TRF 5ª REGIÃO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO Nº do documento: 00003/2012 Tipo do documento: EDITAL Descrição: EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA PROVAS OBJETIVAS DO CONCURSO PÚBLICO PARA SERVIDOR Autor: 30375 - SORAYA MARIA PORTUGAL DE OLIVEIRA Usuário assinador:

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

EDITAL SMEE/DAA Nº 47, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013

EDITAL SMEE/DAA Nº 47, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013 EDITAL SMEE/DAA Nº 47, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013 DURVAL ORLATO, Secretário de Educação e Esportes da Prefeitura do Município de Jundiaí. Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, ------------------------------------------

Leia mais

11.1 interessado que já tenha concluído um dos programas de aprimoramento;

11.1 interessado que já tenha concluído um dos programas de aprimoramento; EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA PARA O ANO DE 2009 DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO -

Leia mais

16/01/15 horário 8:30 observando-se o horário do Maranhão (NÃO HÁ

16/01/15 horário 8:30 observando-se o horário do Maranhão (NÃO HÁ EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OTORRINOLARINGOLOGIA DA CLÍNICA OTHOS Inscrições para preenchimento de vagas nos programas de Especialização Médica em Otorrinolaringologia

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ASSISTENTE DE SEÇÂO DE PESSOAL SORRI-BAURU - Fevereiro/2014

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ASSISTENTE DE SEÇÂO DE PESSOAL SORRI-BAURU - Fevereiro/2014 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ASSISTENTE DE SEÇÂO DE PESSOAL SORRI-BAURU - Fevereiro/2014 A SORRI BAURU, por meio de sua Diretoria Executiva convoca os interessados a participar do processo seletivo para

Leia mais

Coordenadoria de Residência Médica Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus - OSS. Hospital Regional de Presidente Prudente, SP.

Coordenadoria de Residência Médica Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus - OSS. Hospital Regional de Presidente Prudente, SP. EDITAL RM. Nº 01/2009 EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO AO PRIMEIRO ANO DE ACESSO DIRETO NAS ÁREAS DE PEDIATRIA, OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA E INFECTOLOGIA DA ASSOCIAÇÃO LAR SÃO FRANCISCO DE ASSIS NA

Leia mais

Edital n.º 001/12/GABS/e-Tec Brasil

Edital n.º 001/12/GABS/e-Tec Brasil Edital n.º 001/12/GABS/e-Tec Brasil Processo Seletivo para ingresso nos Cursos Técnicos de Nível Médio Subsequentes, na modalidade a Distância EaD, da Rede Escola Técnica Aberta do Brasil e-tec Brasil/SETEC/MEC,

Leia mais

Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA

Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA A Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia - SECTEC por meio do Centro de Educação Profissional de Anápolis

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DE JUNDIAÍ

FACULDADE DE MEDICINA DE JUNDIAÍ EDITAL FMJ- 073/2006, de 27/11/2006 CONCURSO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2007 O Prof. Dr. NELSON LOURENÇO MAIA FILHO, Diretor da Faculdade de Medicina de Jundiaí, Autarquia municipal de Jundiaí, Estado de São

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital.

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital. FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI Edital Nº 01/ 2015 Processo Seletivo 2016 Ingressantes para o Curso Superior de Redes de Computadores. A Superintendência da FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 173, DE 18 DE OUTUBRO DE 2013.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 173, DE 18 DE OUTUBRO DE 2013. PUBLICADO NO D.O.U. De 23/0/203. Seção 3, Página. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 73, DE 8 DE OUTUBRO DE 203. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 068/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (A DISTÂNCIA)

Leia mais

ATENÇÃO: RECOMENDA-SE A LEITURA DE TODO O EDITAL ANTES DE REALIZAR A INSCRIÇÃO EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2015

ATENÇÃO: RECOMENDA-SE A LEITURA DE TODO O EDITAL ANTES DE REALIZAR A INSCRIÇÃO EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 ATENÇÃO: RECOMENDA-SE A LEITURA DE TODO O EDITAL ANTES DE REALIZAR A INSCRIÇÃO EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 Conforme dispõe a legislação vigente, a Fundação Benjamin

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA DE EXTENSÃO, RELAÇÕES EMPRESARIAIS E COMUNITÁRIAS DIREC CENTRO DE IDIOMAS DO IFAM

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA AUXILIAR DE LIMPEZA ESF - SORRI BAURU MARÇO 2015

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA AUXILIAR DE LIMPEZA ESF - SORRI BAURU MARÇO 2015 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA AUXILIAR DE LIMPEZA ESF - SORRI BAURU MARÇO 2015 A SORRI BAURU, por meio de sua Diretoria Executiva, convoca os interessados a participar do processo seletivo para a contratação

Leia mais

ALTERAÇÃO 01. PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO

ALTERAÇÃO 01. PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO ALTERAÇÃO 01 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL Administração Regional

Leia mais

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR VERÃO 2015 1 Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DE BARBACENA EDITAL Nº. 02/2011

FACULDADE DE MEDICINA DE BARBACENA EDITAL Nº. 02/2011 FACULDADE DE MEDICINA DE BARBACENA EDITAL Nº. 02/2011 O Diretor da Faculdade de Medicina de Barbacena/FUNJOB, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições e estabelece normas para

Leia mais

Art. 3º A inscrição para o Processo Seletivo será realizada, exclusivamente via internet, no período de 7 a 30 novembro de 2011.

Art. 3º A inscrição para o Processo Seletivo será realizada, exclusivamente via internet, no período de 7 a 30 novembro de 2011. 1 EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU BOLSA APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA PARA O ANO DE 2012 DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO. A Magnífica Reitora da, mantida

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 049/2015 DESIGNER GRÁFICO

PROCESSO SELETIVO 049/2015 DESIGNER GRÁFICO PROCESSO SELETIVO 049/2015 DESIGNER GRÁFICO O Instituto Capital Social da Amazônia torna público para conhecimento dos interessados abertura de Processo Seletivo para contratação de Designer Gráfico para

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A PROVA ESCRITA

ORIENTAÇÕES PARA A PROVA ESCRITA ORIENTAÇÕES PARA A PROVA ESCRITA 1.0 A Prova Escrita será realizada somente na cidade de Cuiabá, no dia 18 de setembro de 2011 (domingo), das 08h00min as 13h00min (Horário de Cuiabá/MT). Local: Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 061/2014-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 061/2014-UAB-UEM EDITAL Nº 061/2014-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições para o processo seletivo de TUTORIA (A Distância) para

Leia mais

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido 1 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO PARA CURSO DA PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM OTORRINOLARINGOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO PARA O ANO LETIVO DE 2013. A Magnífica Reitora da Universidade

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ADMISSÃO 2011 Campi Itajubá e Itabira

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ADMISSÃO 2011 Campi Itajubá e Itabira MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ADMISSÃO 2011 Campi Itajubá e Itabira (*) RETIFICAÇÃO O Pró-Reitor de Graduação da Universidade Federal de Itajubá

Leia mais

EDITAL E NORMAS PARA O CONCURSO DE TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL PARA O ANO DE 2012

EDITAL E NORMAS PARA O CONCURSO DE TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL PARA O ANO DE 2012 SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO CENTRO DE TREINAMENTO EM CIRURGIA GERAL CREDENCIADO PELO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES (CBC) EDITAL E NORMAS PARA O CONCURSO DE TREINAMENTO EM CIRURGIA

Leia mais

EDITAL DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO PARA O CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

EDITAL DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO PARA O CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO PARA O CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS em parceria

Leia mais

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1.

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. O PRÓ-REITOR DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições, torna

Leia mais

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 A Comissão de Residência Médica do

Leia mais

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 José Carlos A. Amaral, Prefeito de Três Passos em exercício, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA, PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL, ÁREA

Leia mais

Titulação exigida/perfil Profissional. vagas PREFEITURA MUNICIPAL DE CARAPEBUS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2013

Titulação exigida/perfil Profissional. vagas PREFEITURA MUNICIPAL DE CARAPEBUS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE CARAPEBUS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2013 Processo Seletivo Simplificado destinado à contratação de PESSOAL TEMPORÁRIO para atender à necessidade de excepcional

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Ciências da Saúde Programa de Pós-Graduação em Bioética Edital 1/2013

Universidade de Brasília Faculdade de Ciências da Saúde Programa de Pós-Graduação em Bioética Edital 1/2013 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA PARA OS CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO PARA O PRIMEIRO PERÍODO LETIVO DE 2014 1. PREÂMBULO 1.1 O Coordenador do, no uso

Leia mais

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente da Faculdade Autônoma de Direito FADISP, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes

Leia mais

EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE

EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação da UNOESTE, faz saber que fará realizar nesta cidade de

Leia mais

1 o EXAME PARA CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL CNseg CPC1

1 o EXAME PARA CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL CNseg CPC1 REGULAMENTO 2015 www.cnseg.org.br SUMÁRIO DA COMPETÊNCIA... 3 DO EXAME... 3 DA INSCRIÇÃO... 3 DA NECESSIDADE DE ATENDIMENTO ESPECIAL... 5 DA CONFIRMAÇÃO DA INSCRIÇÃO... 6 DO EXAME E DAS PROVAS... 7 DA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2010 UFMG/FUNAI A Universidade Federal de Minas Gerais

Leia mais