ESCOLA MUNICIPAL ANNE FRANK

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESCOLA MUNICIPAL ANNE FRANK"

Transcrição

1 ESCOLA MUNICIPAL ANNE FRANK 21 anos Trabalhando pela construção de uma cultura de paz... Não são poucas as vezes que, desesperados, perguntamos a nós mesmos: qual é o sentido da guerra? Por que as pessoas não podem viver juntas e em paz? -Anne Frank- 03 de maio de 1944

2 ESCOLA MUNICIPAL ANNE FRANK A Escola foi fundada em 1991 Localiza-se no Bairro Confisco - Regional Pampulha, área limítrofe entre Belo Horizonte e Contagem.

3 PROJETO ANNE FRANK VIVA É implementado em nossa escola desde 2008 e toma como exemplo a vida e os ideais de Anne Frank, buscando promover uma cultura de paz na escola e na comunidade. Os alunos são estimulados a refletir sobre temas relevantes como diversidade étnica e cultural, justiça, igualdade, respeito e direitos humanos. Principais ações:

4 BAÚ DE LETRAS O Baú de Letras foi criado para estimular a escrita. Ele percorre todas e salas e turnos para dar voz aos alunos da escola, permitindo a expressão livre de seus sentimentos, pensamentos e opiniões.

5 JORNAL LETRAS DO BAÚ O Jornal Letras do Baú registra textos e desenhos dos alunos. Ele tem contribuído para que nossos alunos escrevam e leiam mais. O Letras do Baú noticia fatos importantes e publica os principais acontecimentos da escola e da comunidade.

6 GALERIA ANNE FRANK VIVA A Galeria Anne Frank Viva contém um acervo com fotos, textos, livros, filmes e jornais. Ela divulga a vida de Anne Frank e a história da escola.

7 SEMINÁRIOS SOCIOAMBIENTAIS Anualmente a escola promove seminários socioambientais. Em Junho de 2010, foi realizado o V Seminário Socioambiental, com temas ligados à Anne Frank, visando contribuir para a formação de uma Cultura de Paz e Não- Violência na escola e na comunidade.

8 BOSQUE DA PAZ Plantio de árvores na nascente do Confisco,homenageando pacifistas que lutaram pela paz mundial.

9 PROJETO DE MEMÓRIA E IDENTIDADE O passado e suas memórias guardam as origens e as raízes de um povo. O Projeto de Memória e Identidade tem com objetivo resgatar a história da comunidade do Confisco, onde a escola está inserida, contribuindo para a formação da identidade de seus alunos e moradores.

10 PRÊMIOS Em 2009, a escola, através do Projeto Anne Frank Viva, recebeu o Selo Escola Solidária, do Instituto Faça Parte, em parceria com o Mec, Unesco e Unicef, que reconhecem projetos de Voluntariado Educativo desenvolvidos por escolas de Educação Básica de todo o país. Em 2011, a escola recebeu O Selo Escola Solidária, através do Projeto Bosque da Paz.

11 10º PRÊMIO ESCOLA VOLUNTÁRIA Em 2010, o Projeto Anne Frank Viva foi escolhido entre mais de 600 projetos em todo o Brasil. Nossa escola ficou entre a dez escolas finalistas do 10º Prêmio Escola Voluntária, concedido pela Rádio Bandeirantes e pela Fundação Itaú, em São Paulo

12 VIAGEM À AMSTERDÃ Em Julho/2012 convite para formação em Amsterdam. O encontro foi promovido pela Confederação Israelita do Brasil ( CONIB), em conjunto com a Federação Israelita do Estado de São Paulo(FISESP) e a Plataforma Brasil Holanda.

13 PROGRAMAÇÃO: Curso de formação na Casa Anne Frank. Visita ao Apartamento onde vivia a família Frank. Visita ao Memorial de Auschwitz, Museu Judaico, Sinagoga Portuguesa, Museu da Resistência, Memorial Hollandse Schouwburg Encontro com o Prefeito de Amsterdam: Sr Aberhard Van Der Lan

14 Fundação Casa Anne Frank:

15 Casa Anne Frank Fundada em 1959 para impedir a demolição do Anexo Secreto. Em 1960 a Anne Frank House se tornou um museu. O diretor atual - Ronald Leopold. Desenvolve produtos educacionais e programas para promover a tolerância e o respeito mútuo na sociedade.atua em 50 países.

16 Casa Anne Frank O museu é visitado por mais de 1 milhão de pessoas a cada ano, sendo que 85% desses visitantes são estrangeiros.o Brasil está em 5º lugar em nº de visitantes. Número de escolas Anne Frank no mundo- 263 escolas, em 14 países. Brasil- 05 escolas (Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Palmas).

17 Casa Anne Frank

18 Casa Anne Frank Se propõe a fortalecer o contato e a comunicação entre jovens de diferentes culturas, religiões e raças, em oposição à intolerância e a discriminação em todas as suas manifestações. Princípios: combate ao anti-semitismo, promoção da cidadania, inclusão social, luta pelos direitos civis: assumir a responsabilidade de defender a democracia e proteger os que precisam.

19 Projetos: Casa Anne Frank Anexo Secreto online que as pessoas podem acessar e navegar para aprender mais sobre a história de Anne. Revistas em quadrinhos que tem como foco divulgar a História do Holocausto.

20 Projetos: Casa Anne Frank Ler e Escrever com Anne Frank:exposição que tem como proposta a leitura e a escrita para jovens de 10 a 15 anos. Este material encontra-se traduzido para o português pela wesite. Free 2 choose( Livre para escolher) clipes sobre dilemas envolvendo os direitos humanos.

21 Projetos: Casa Anne Frank Exposição - Anne Frank uma história para hoje: 35 paineis de 1,5m que contam a história Holocausto através da perspectiva da família Frank e do relato de sobreviventes.

22 Prefeito de Amsterdam: Aberhard Van Der Lan Expectativa:estabelecer e melhorar as ligações entre a cidade de Amsterdam e as principais cidades do Brasil, para trocar conhecimento/experiênci as no campo da educação, nas áreas metropolitanas, com problemas na esfera de exclusão social, na discriminação e no racismo.

23 Resumo das Resoluções - A formação da rede de escolas Anne Frank no Brasil, - A manutenção de um canal aberto entre as escolas e a Anne Frank House na Holanda para um trabalho conjunto. - Estimular o intercâmbio entre as escolas do Brasil, visitas e atividades em conjunto, reuniões, etc. - Criação da página Rede Anne Frank no Facebook, para facilitar a comunicação dos participantes, troca de atividades entre as escolas, publicação de eventos, ações, etc. - Criar no Fundo da Conib um dossiê Rede Anne Frank, no AHJB, que reúna documentos sobre as escolas Anne Frank do Brasil, - Nossa escola pretende apresentar uma proposta, apoiada no Projeto Anne Frank Viva.

24 PROJETO ANNE FRANK VIVA O Projeto Anne Frank apresenta ações e conteúdos por áreas de estudo, desenvolvidos pelos professores e, e disponibiliza diversas atividades que contemplam várias disciplinas. Estamos em fase de adequação às proposiçoes curriculares.

25 LEITURA DE LIVROS SOBRE ANNE FRANK A literatura sobre Anne Frank é vasta e ajuda na compreensão de um momento histórico. Seu diário é um dos livros mais lidos do mundo.

26 PEÇA O DIÁRIO DE ANNE FRANK A encenação da peça O Diário de Anne Frank tem como objetivo contar um pouco da história da menina Anne, pontuando questões como racismo, preconceito e intolerância, para estimular discussões sobre a importância do respeito às diferenças e direitos humanos, em nossa escola, na comunidade e em outras instituições de ensino. O roteiro da peça Anne Frank foi escrito por Luciara de Assis, da Universidade Federal de Minas Gerais, tendo como referência a peça O Diário de Anne Frank, de Frances Goodrich e Albert Hackett. A peça estreou em outubro/2012, com a participação de três importantes instituições que atuam no bairro Confisco: a Escola Municipal Anne Frank, o Projeto Verena e o Centro Juvenil Salesiano. Os atores que atuam na peça são alunos da EMAFK.

27 EXPOSIÇÃO ANNE FRANK- UMA HISTÓRIA PARA HOJE A Plataforma Brasil Holanda, representante oficial da Anne Frank House no Brasil desde 2007, vem divulgando a história de Anne Frank através da exposição itinerante Anne Frank uma história para hoje. Essa exposição tem caráter informativo e pedagógico. A montagem contém diversos elementos que desafiam o visitante a pensar sobre as semelhanças e as diferenças entre aqueles eventos do passado e acontecimentos do nosso mundo atual.

28 DIA DE ANNE FRANK Links de reportagens: recebe%2040%20professores%20de%20Minas%20Gerais%20em%2 0S%C3%A3o%20Paulo

CONEXÃO VERDE IASEA REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL

CONEXÃO VERDE IASEA REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL CONEXÃO VERDE REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL IASEA INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL 1. APRESENTAÇÃO Conexão Verde é uma rede de aprendizagem e colaboração que envolve jovens

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica. AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica. AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria Geral da República

Leia mais

Participe, seja um colaborador na construção de um Cultura de Paz! A Semana da Paz é uma forma de pensar ações que sejam contínuas e duradouras!

Participe, seja um colaborador na construção de um Cultura de Paz! A Semana da Paz é uma forma de pensar ações que sejam contínuas e duradouras! SEMANA DA PAZ 2011 18 à 25 de Setembro O Serviço Social do Comércio (SESC/PG) em parceria com o Núcleo de Estudos e Formação de Professores em Educação para a Paz e Convivências (NEP/UEPG) convida a todos

Leia mais

Selo UNICEF realiza ciclo de capacitação em todo o País

Selo UNICEF realiza ciclo de capacitação em todo o País 08 novembro de 2010 Selo UNICEF realiza ciclo de capacitação em todo o País O 3º Ciclo de capacitação do Selo UNICEF Município Aprovado está sendo realizado em todo o Brasil, com a participação de conselheiros

Leia mais

Intercâmbio 2012. Projeto Intercâmbio de Cidadania. Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ)

Intercâmbio 2012. Projeto Intercâmbio de Cidadania. Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ) Intercâmbio 2012 Projeto Intercâmbio de Cidadania Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ) 0 Índice Assunto Pagina Apresentação 2 Objetivos do Programa

Leia mais

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE)

Investimento Social no Entorno do Cenpes. Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) Investimento Social no Entorno do Cenpes Edson Cunha - Geólogo (UERJ) Msc. em Sensoriamento Remoto (INPE) MBA em Desenvolvimento Sustentável (Universidade Petrobras) Abril / 2010 PETR ROBRAS RESPONSABILIDADE

Leia mais

Resultados do Projeto de Melhoria 5ª Edição da Semana Aberta. Um Espaço Aberto à Comunidade

Resultados do Projeto de Melhoria 5ª Edição da Semana Aberta. Um Espaço Aberto à Comunidade Resultados do Projeto de Melhoria 5ª Edição da Semana Aberta Um Espaço Aberto à Comunidade Fevereiro / 2015 INDÍCE Semana Aberta Um Espaço Aberto à Comunidade Relatório Anual I. Introdução II. III. IV.

Leia mais

Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola. Concessão de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID

Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola. Concessão de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID Programa 1448 Qualidade na Escola Ações Orçamentárias Número de Ações 16 0E530000 Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola Veículo adquirido Unidade de Medida: unidade UO:

Leia mais

Inovação substantiva na Administração Pública

Inovação substantiva na Administração Pública Inovação substantiva na Administração Pública XI Encontro Nacional de Escolas de Governo 10 e 11 de dezembro de 2015 Rosana Aparecida Martinez Kanufre Superintendência Instituto Municipal de Administração

Leia mais

S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações LEI Nº 9.795, DE 27 DE ABRIL DE 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. O PRESIDENTE

Leia mais

INVESTIMENTOS SOCIAIS

INVESTIMENTOS SOCIAIS BARÃO DE COCAIS 2015 INVESTIMENTOS SOCIAIS Fotos: arquivo AGA Associação dos Apicultores de Barão de Cocais, iniciativa apoiada pelo Chamada Pública de Projetos Voluntários do Programa de Mãos Dadas em

Leia mais

Programas Saúde na Escola e Mais Educação: O Compromisso da Educação com o PNAE

Programas Saúde na Escola e Mais Educação: O Compromisso da Educação com o PNAE V ENCONTRO NACIONAL DO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - 2010 Programas Saúde na Escola e Mais Educação: O Compromisso da Educação com o PNAE Intersetorialidade para a implementação da Lei nº

Leia mais

43ª SELEÇÃO ANUAL DO PRÊMIO FNLIJ 2017 PRODUÇÃO 2016 REGULAMENTO

43ª SELEÇÃO ANUAL DO PRÊMIO FNLIJ 2017 PRODUÇÃO 2016 REGULAMENTO 43ª SELEÇÃO ANUAL DO PRÊMIO FNLIJ 2017 PRODUÇÃO 2016 REGULAMENTO DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - O Prêmio FNLIJ, criado pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil FNLIJ, seção brasileira do International

Leia mais

POLITICADERESPONSABILIDADESOCIALDATHYSSENKRUPPELEVADORESBRASIL

POLITICADERESPONSABILIDADESOCIALDATHYSSENKRUPPELEVADORESBRASIL POLITICADERESPONSABILIDADESOCIALDATHYSSENKRUPPELEVADORESBRASIL 1. PoliticadoGrupoThyssenKrupp Esta política trata-se de um complemento à Politica «Group Policy on Corporate Citizenship Activities,MembershipsandTicketsPurchases(últimamodificaçãoJaneiro2013)».

Leia mais

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio DISCIPLINA:. Língua Portuguesa SÉRIE/ TURMA:. 9º ano A/B BIMESTRE: 4º 1 e 2 - Texto Perder, ganhar, viver. Pag.( 230, 231 e 232) Leitura do texto; discussão; atividade escrita. Pag. ( 232 e 233) - Atividade

Leia mais

Seminário Municipalista sobre Descentralização e Gestão Local

Seminário Municipalista sobre Descentralização e Gestão Local Seminário Municipalista sobre Descentralização e Gestão Local Porto Alegre, Brasil Junho 2015 V E R S Ã O A T U A L I Z A D A E M : 13/04/2015 Sumário CONTEXTO... 3 JUSTIFICATIVA... 3 OBJETIVOS... 4 PÚBLICO-ALVO...

Leia mais

INVESTIMENTOS SOCIAIS

INVESTIMENTOS SOCIAIS NOVA LIMA 2015 INVESTIMENTOS SOCIAIS Fotos: arquivo AGA Artesão da Associação dos Artesãos de Nova Lima, Artes da Terra, iniciativa apoiada pelo Chamada Pública de Projetos Artesã da Associação dos Artesãos

Leia mais

INVESTIMENTOS SOCIAIS

INVESTIMENTOS SOCIAIS SABARÁ 2015 INVESTIMENTOS SOCIAIS Projeto Esporte na Cidade, na Casa da Criança Fotos: arquivo AGA Reunião do Projeto Bons Conselhos, com representantes das seis cidades, no Centro de Educação Ambiental,

Leia mais

POLÍTICA ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS ÍNDICE. 1. Objetivo...2. 2. Abrangência...2. 3. Definições...2. 4. Diretrizes...3. 5. Materialidade...

POLÍTICA ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS ÍNDICE. 1. Objetivo...2. 2. Abrangência...2. 3. Definições...2. 4. Diretrizes...3. 5. Materialidade... ENGAJAMENTO DE STAKEHOLDERS Folha 1/8 ÍNDICE 1. Objetivo...2 2. Abrangência...2 3. Definições...2 4. Diretrizes...3 5. Materialidade...7 Folha 2/8 1. Objetivos 1. Estabelecer as diretrizes que devem orientar

Leia mais

Diálogos Democráticos

Diálogos Democráticos Diálogos Democráticos construindo oportunidades para a participação popular no Plano Diretor de Curitiba 09/07/2014 Equipe Governança Democrática JPD 2014 Andressa Mendes Fernanda Castelhano Rafaela Scheiffer

Leia mais

Produção de Conhecimento - ação-reflexão constantes permitiram avançar no campo museológico. Organização e Participação dos Profissionais

Produção de Conhecimento - ação-reflexão constantes permitiram avançar no campo museológico. Organização e Participação dos Profissionais AVANÇOS DO CAMPO MUSEAL BRASILEIRO Formação Profissional Produção de Conhecimento - ação-reflexão constantes permitiram avançar no campo museológico Organização e Participação dos Profissionais Revisão

Leia mais

PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, Janeiro de 2012.

PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, Janeiro de 2012. PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, Janeiro de 2012 Design D Kebrada 2. Dados do projeto 2.1 Nome do projeto Design D Kebrada 2.2 Data e

Leia mais

COMPROMISSO COM A FAMILIA

COMPROMISSO COM A FAMILIA Rua Bela Vista, 220 Vila Camisão COMPROMISSO COM A FAMILIA A família é o objetivo central da Democracia Cristã, ação politica inspirada nos ideais do Cristianismo. Fomos nós, Social-Democrata-Cristãos,

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SOCIAL

DESENVOLVIMENTO SOCIAL ENCONTRO DE GESTORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DA PARAÍBA FORTALECIMENTO DA GESTÃO MUNICIPAL PARA O DESENVOLVIMENTO SOCIAL João Pessoa PB / 18, 19, 21 e 22 de março O PNUD reconhece a capacidade do TCE-PB de

Leia mais

Garantir o direito de aprender, para todos e para cada um.

Garantir o direito de aprender, para todos e para cada um. A Educação Básica, B Avanços e Desafios Maria do Pilar Lacerda Almeida e Silva Secretária de Educação Básica Ministério da Educação Foto: João Bittar Garantir o direito de aprender, para todos e para cada

Leia mais

Atleta do Futuro em prol dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) PLANO DE AÇÃO 2011. Grupo de Trabalho nº

Atleta do Futuro em prol dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) PLANO DE AÇÃO 2011. Grupo de Trabalho nº PLANO DE AÇÃO 2011 Grupo de Trabalho nº Unidade Tel. E-mail Projeto Nome SESI/SENAI Charles Adriano Romera Da Silva Cianorte (44) 3619-5835 charles.silva@sesipr.org.br SAF.COM Jakeline Placido Marcon Cianorte

Leia mais

71,5 milhões. 320 projetos 400 mil beneficiados. 20 países. 98 anos. 650 unidades operacionais 44 mil profissionais. A Votorantim

71,5 milhões. 320 projetos 400 mil beneficiados. 20 países. 98 anos. 650 unidades operacionais 44 mil profissionais. A Votorantim A Votorantim Empresa 100% brasileira Investimento Social 2015 Mais de 20 países 98 anos 71,5 milhões 650 unidades operacionais 44 mil profissionais 320 projetos 400 mil beneficiados Missão Qualificar a

Leia mais

GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15

GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15 GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15 Portaria CTPI 23/2013 Atribuições: I Propor diretrizes e ações de Educação Ambiental relacionadas aos recursos hídricos

Leia mais

A medida que os tempos passaram, os programas foram sistematizados e o Programa de Educação Artística, hoje chamado de Arte Educação, foi crescendo

A medida que os tempos passaram, os programas foram sistematizados e o Programa de Educação Artística, hoje chamado de Arte Educação, foi crescendo PROPONENTE DO PROJETO FEDERAÇÃO DAS APAES DO ESTADO DO PARÁ CNPJ: 01.280.707/0001-61 Endereço: Avenida Alcindo Cacela,nº 465 Umarizal Fone: (91)3212-9306 E-mail : feapaepara@yahoo.com.br Presidente ou

Leia mais

O PROEJA, A FORMAÇÃO PROFISSIONAL E O MUNDO DO TRABALHO

O PROEJA, A FORMAÇÃO PROFISSIONAL E O MUNDO DO TRABALHO O PROEJA, A FORMAÇÃO PROFISSIONAL E O MUNDO DO TRABALHO ROSMANN, Márcia Adriana 1 Palavras-chave: Educação. Jovem-Adulto. Profissionalização. Cidadania. A Educação de Jovens e Adultos foi implementada

Leia mais

CLIPAGEM - Outubro e Novembro/2013 CLIENTE: VI Minimaratona OAF

CLIPAGEM - Outubro e Novembro/2013 CLIENTE: VI Minimaratona OAF CLIPAGEM - Outubro e Novembro/2013 CLIENTE: VI Minimaratona OAF Segunda-feira, 04 de novembro de 2013. Pag. 2 Segunda-feira, 04 de novembro de 2013. Pag. 3 Segunda-feira, 04 de novembro de 2013. Pag. 2

Leia mais

MUDANÇAS! CLIMATICAS!

MUDANÇAS! CLIMATICAS! ! MUDANÇAS! CLIMATICAS! NA SALA DE AULA! Curso da UNESCO para professores secundários (fundamental II e ensino médio) sobre educação em mudança climática e desenvolvimento sustentável (EMCDS)! Sexto dia

Leia mais

Fórum Empresarial de Apoio à Cidade de São Paulo. Propostas para 2011

Fórum Empresarial de Apoio à Cidade de São Paulo. Propostas para 2011 Fórum Empresarial de Apoio à Cidade de São Paulo Propostas para 2011 Justificativa A cidade de São Paulo representa um enorme desafio para todos que se empenham pelo desenvolvimento sustentável e justo

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL EM BELO HORIZONTE

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL EM BELO HORIZONTE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL EM BELO HORIZONTE Fórum de Educação Integral, 2013 Prefeitura Municipal de Belo Horizonte Prefeito Márcio Lacerda Secretária Municipal de Educação

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO DA REFORMA AGRARIA- PRONERA PROJETO SOCIO EDUCATIVO: EJA NO CAMPO construindo saberes PARTICIPANTES ATIVOS:

PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO DA REFORMA AGRARIA- PRONERA PROJETO SOCIO EDUCATIVO: EJA NO CAMPO construindo saberes PARTICIPANTES ATIVOS: PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO DA REFORMA AGRARIA- PRONERA PROJETO SOCIO EDUCATIVO: EJA NO CAMPO construindo saberes PARTICIPANTES ATIVOS: Delsa Maria Alves Maria Caline Ribeiro Maria Jose ribeiro INTRODUÇÃO:

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL. 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no Futuro

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL. 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no Futuro Educação Patrimonial Município de Córrego do Bom Jesus/MG 2012 RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL 1. Município: Córrego do Bom Jesus 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no

Leia mais

Professores e Professoras

Professores e Professoras Professores e Professoras Estimados (as) Colegas Professores(as), Este material tem por objetivo trazer ideias para você que se dedica a educação e busca na sua pratica cotidiana fazer a diferença na vida

Leia mais

O USO DO FACEBOOK COMO FERRAMENTA DE APOIO À AULA PRESENCIAL DE QUÍMICA

O USO DO FACEBOOK COMO FERRAMENTA DE APOIO À AULA PRESENCIAL DE QUÍMICA O USO DO FACEBOOK COMO FERRAMENTA DE APOIO À AULA PRESENCIAL DE QUÍMICA Muzambinho MG Março 2014 José Odair da Trindade - Instituto Federal Sul de Minas Gerais-campus Muzambinho/ EE. Prof. Salatiel de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT. Elaborado por: Joíra Martins Supervisão: Prof. Paulo

Leia mais

Eleição da Mesa Diretora. Presidente Vice-Presidente Secretário 2º Secretário

Eleição da Mesa Diretora. Presidente Vice-Presidente Secretário 2º Secretário Eleição da Mesa Diretora Presidente Vice-Presidente Secretário 2º Secretário Aprovação da Ata de 2015 Raio-X de 2015/2016 Relatório de Gestão 2015/2016 RESULTADOS EXPRESSIVOS - Prêmio Nacional Rede Padrão:

Leia mais

III IFIDEVIDULA FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE VIDEOCLIPES 2016 REGULAMENTO

III IFIDEVIDULA FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE VIDEOCLIPES 2016 REGULAMENTO III IFIDEVIDULA FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE VIDEOCLIPES 2016 REGULAMENTO I - DO FORMATO E OBJETIVO DO FESTIVAL: O III IFIDEVIDULA é um Festival Universitário de Videoclipes, organizado pelo Curso de Cinema

Leia mais

APRESENTANDO O GÊNERO DIÁRIO

APRESENTANDO O GÊNERO DIÁRIO CAMPUS DE BAGÉ CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PIBID - LETRAS APRESENTANDO O GÊNERO DIÁRIO Bolsista: Camila da Luz Peralta Kassandra dos Santos Pâmela Castro Melina Pereira Andréia Castro Coordenadora:

Leia mais

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana).

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana). Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história. (Bill Gates). Os verdadeiros analfabetos

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTÁRIOS DO FMDH MANUAL DO CANDIDATO

PROGRAMA DE VOLUNTÁRIOS DO FMDH MANUAL DO CANDIDATO PROGRAMA DE VOLUNTÁRIOS DO FMDH MANUAL DO CANDIDATO O Programa de Voluntários do FÓRUM MUNDIAL DE DIREITOS HUMANOS FMDH lhe da às boas vindas! Apresentamos, a seguir, orientações aos interessados em atuar

Leia mais

Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Piracaia PIRAPREV CNPJ: 10.543.660/0001-72. Política de Responsabilidade Social

Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Piracaia PIRAPREV CNPJ: 10.543.660/0001-72. Política de Responsabilidade Social Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Piracaia PIRAPREV CNPJ: 10.543.660/0001-72 Política de Responsabilidade Social Dezembro de 2011 1 PREÂMBULO O IPSPMP-PIRAPREV, sendo uma

Leia mais

O QUE É O FÓRUM DE SAÚDE MENTAL INFANTOJUVENIL?

O QUE É O FÓRUM DE SAÚDE MENTAL INFANTOJUVENIL? O QUE É O FÓRUM DE SAÚDE MENTAL INFANTOJUVENIL? O Fórum Nacional de Saúde Mental Infantojuvenil foi criado em 2004, como espaço de discussão que visa debater as diferentes questões relacionadas à saúde

Leia mais

Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda

Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda Trabalho Interdisciplinar Publicidade e Propaganda 1 período 1-2009 Professores Participantes: Prof.

Leia mais

CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 JOVENS CRIATIVOS, EMPREENDEDORES PARA O SÉCULO XXI

CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 JOVENS CRIATIVOS, EMPREENDEDORES PARA O SÉCULO XXI 0 REGULAMENTO DO CONCURSO DE IDEIAS 2014-2015 1. OBJETIVOS Através de um concurso de ideias, a iniciativa INOVA! visa: Estimular o espírito empreendedor, criativo e inovador das crianças e dos jovens;

Leia mais

PROJETO BRINCANDO SE APRENDE

PROJETO BRINCANDO SE APRENDE PROJETO BRINCANDO SE APRENDE COLÉGIO ESTADUAL PROFESSOR EDGARD SANTOS APRESENTAÇÃO A Matemática e a Língua Portuguesa são vistas como disciplinas de difícil aprendizagem, muitas vezes até rejeitada pelos

Leia mais

Projeto Movimento ODM Brasil 2015 Título do Projeto

Projeto Movimento ODM Brasil 2015 Título do Projeto Título do Projeto Desenvolvimento de capacidades, de justiça econômica sustentável e promoção de boas práticas para alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio no Brasil. Concepção Estabelecimento

Leia mais

CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA

CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA CATÁLOGO DE ENDEREÇOS ELETRÔNICOS EDUCAÇÃO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EDUCATIVA ENDEREÇO DESCRIÇÃO ÁREA http://www.nasa.gov/ Nasa - fotos e informações sobre missões espaciais www.uol.com.br/aprendiz Aprendiz

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI

Política de Responsabilidade Socioambiental da PREVI 1.1. A PREVI, para o cumprimento adequado de sua missão administrar planos de benefícios, com gerenciamento eficaz dos recursos aportados, buscando melhores soluções para assegurar os benefícios previdenciários,

Leia mais

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO

PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO PROPOSTA DE GOVERNO DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PSB. VAMOS MUDAR JAMBEIRO A Gestão Participativa, com a construção de múltiplos canais de consulta, com a participação em decisões, com o controle Social,

Leia mais

INVESTIMENTOS SOCIAIS

INVESTIMENTOS SOCIAIS RAPOSOS 2015 INVESTIMENTOS SOCIAIS Fotos: arquivo AGA Alunos e voluntários da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Raposos (APAE Raposos), iniciativa apoiada pela Chamada Pública de Projetos

Leia mais

CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura

CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura CONEXÕES CRIATIVAS - BETIM Projetos inseridos na Lei Rouanet de Incentivo à Cultura. Conexões para transformar www.planetacultura.com.br Introdução O que é o Conexões Criativas - Betim? Conhecendo o PTB

Leia mais

VAMOS BOTAR AS MÃOS NA MASSA E FAZER ACONTECER?

VAMOS BOTAR AS MÃOS NA MASSA E FAZER ACONTECER? GUIA PARA UM VAMOS BOTAR AS MÃOS NA MASSA E FAZER ACONTECER? O QUE É O DESAFIO NACIONAL? É uma campanha de mobilização pensada para engajar a galera que tem mandato, os filiados e conectados que estão

Leia mais

CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO MUSEU DE ASTRONOMIA E CIÊNCIAS AFINS

CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO MUSEU DE ASTRONOMIA E CIÊNCIAS AFINS CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO MUSEU DE ASTRONOMIA E CIÊNCIAS AFINS CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO Museu de Astronomia e Ciências Afins PRESIDENTE DA REPÚBLICA Dilma Vana Rousseff MINISTRO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA

Leia mais

GUIA PRÁTICO RESPOSTAS SOCIAIS INFÂNCIA E JUVENTUDE CRIANÇAS E JOVENS EM SITUAÇÃO DE PERIGO

GUIA PRÁTICO RESPOSTAS SOCIAIS INFÂNCIA E JUVENTUDE CRIANÇAS E JOVENS EM SITUAÇÃO DE PERIGO Manual de GUIA PRÁTICO RESPOSTAS SOCIAIS INFÂNCIA E JUVENTUDE CRIANÇAS E JOVENS EM SITUAÇÃO DE PERIGO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/11 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia

Leia mais

PROJETO CONSTRUINDO SABERES

PROJETO CONSTRUINDO SABERES PROJETO CONSTRUINDO SABERES Justificativa: O Projeto Construindo Saberes em Língua Portuguesa e Matemática, justifica-se pela importância de ser um instrumento de apoio pedagógico e didático para sanar

Leia mais

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2012-2013 Promover o sucesso académico Reforçar a organização, coordenação e articulação curricular Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo

Leia mais

Guia de Utilização para Beneficiários do Plano de Assistência e Saúde PAS, com cobertura adicional da CAMED

Guia de Utilização para Beneficiários do Plano de Assistência e Saúde PAS, com cobertura adicional da CAMED Guia de Utilização para Beneficiários do Plano de Assistência e Saúde PAS, com cobertura adicional da CAMED 1 Guia de Utilização para Beneficiários do Plano de Assistência e Saúde PAS, com cobertura adicional

Leia mais

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL O conhecimento como estratégia para o desenvolvimento Realização: INTRODUÇÃO A realidade socioeconômica, que aponta a valorização do capital humano nas

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO BARREIRO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO BARREIRO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO BARREIRO ( ) Cidadania não é apenas o conjunto de direitos e deveres que os cidadãos devem exercer e cumprir. O exercício da Cidadania é sobretudo um comportamento, uma atitude

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades 1 Relatório de Atividades 2005 I- Introdução A Fundação Fé e Alegria do Brasil é uma sociedade civil de direito privado, de ação pública e sem fins lucrativos, com sede a Rua Rodrigo Lobato, 141 Bairro

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2015

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2015 PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2015 VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2015 PREPARADO PARA MAIS UM SERRALVES EM FESTA A 30 E 31 DE MAIO? Em 2014 a 11ª edição do Serralves em Festa 2014 teve140

Leia mais

II PRÊMIO SESI ODS 2017 SELO SESI ODS 2017 REGULAMENTO

II PRÊMIO SESI ODS 2017 SELO SESI ODS 2017 REGULAMENTO II PRÊMIO SESI ODS 2017 SELO SESI ODS 2017 REGULAMENTO O Serviço Social da Indústria, Sesi no Paraná, visando reconhecer boas práticas para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)

Leia mais

Ficha de Actividade. Conteúdos: Os diferentes processos e serviços do Arquivo Municipal.

Ficha de Actividade. Conteúdos: Os diferentes processos e serviços do Arquivo Municipal. Ficha de Actividade Tipo: Visitas de Estudo Tema: Faz de conta que somos de papel Público-alvo: Alunos Pré-escolar e 1º ciclo Equipa: Serviço Educativo Arquivo Municipal Calendarização: Todo o ano. Agendadas

Leia mais

Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas.

Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas. NOR001 Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas. NOR002 Capacitação de servidores para utilização de softwares educacionais

Leia mais

#IlhaGram: Troca de olhares sobre a Ilha Grande/RJ

#IlhaGram: Troca de olhares sobre a Ilha Grande/RJ issn 1677 6976 www.ivt.coppe.ufrj.br/caderno GALERIA DE FOTOS : Troca de olhares sobre a Ilha Grande/RJ : an exchange of views on Ilha Grande/RJ : miradas cruzadas sobre Ilha Grande/RJ http://dx.doi.org/10.18472/cvt.16n1.2016.1306

Leia mais

Rede Mobilizadores. Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais

Rede Mobilizadores. Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais Atividade Final: Elaboração de Pré-Projeto Aluno: Maurício Francheschis Negri 1 Identificação do Projeto Rede Mobilizadores Elaboração de Projetos Sociais: aspectos gerais Um dia na escola do meu filho:

Leia mais

RJ - Iphan dá uma nova esperança para a preservação da Aldeia Maracanã

RJ - Iphan dá uma nova esperança para a preservação da Aldeia Maracanã RJ - Iphan dá uma nova esperança para a preservação da Aldeia Maracanã Iphan promete esforço para tombamento da Aldeia. Índios mostram projetos. Reunião reacendeu a esperança de não ver o antigo Museu

Leia mais

CANAL MINAS SAÚDE: A COMUNICAÇÃO E A EDUCAÇÃO EM SAÚDE EM MINAS GERAIS

CANAL MINAS SAÚDE: A COMUNICAÇÃO E A EDUCAÇÃO EM SAÚDE EM MINAS GERAIS CANAL MINAS SAÚDE: A COMUNICAÇÃO E A EDUCAÇÃO EM SAÚDE EM MINAS GERAIS Belo Horizonte, 02 de maio de 2010 BONTEMPO, Verlanda Lima Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais verlanda@fastmail.fm DALMAS,

Leia mais

PROJETO. #SouAlterosa

PROJETO. #SouAlterosa EDITAL 03/2016 DIST II DESENVOLVIMENTO INTEGRADO E SUSTENTÁVEL DO TERRITÓRIO PROJETO #Sou Contratação de Agente comunitário 1. Objetivo do Projeto O Projeto #Sou tem por objetivo contribuir para a melhoria

Leia mais

CARTA DO I SEMINÁRIO NACIONAL DE POLÍTICAS PÚBLICAS E MULHERES COM DEFICIÊNCIA

CARTA DO I SEMINÁRIO NACIONAL DE POLÍTICAS PÚBLICAS E MULHERES COM DEFICIÊNCIA CARTA DO I SEMINÁRIO NACIONAL DE POLÍTICAS PÚBLICAS E MULHERES COM DEFICIÊNCIA No dia nove de novembro de dois mil e treze, na cidade de Brasília Distrito Federal, durante o I Seminário Nacional de Políticas

Leia mais

Pós-Graduação Lato Sensu a Distância. 1º semestre 2012

Pós-Graduação Lato Sensu a Distância. 1º semestre 2012 Pós-Graduação Lato Sensu a Distância 1º semestre 2012 FEVEREIRO/2012 Índice dos Cursos de Pós-Graduação a distância Oferta: primeiro semestre 2012 Curso Mensalidade Total Pagina ÁREA: ADMINISTRAÇÃO MBA

Leia mais

A RNP e a Educação no Brasil

A RNP e a Educação no Brasil A RNP e a Educação no Brasil SBC 99 - Educação e Aprendizagem na Sociedade da Educação - Rio de Janeiro (RJ) 21 de julho 1999 José Luiz Ribeiro Filho Sumário: A história da Internet e seu uso na educação

Leia mais

PROJETO VALE SUSTENTÁVEL: EDUCANDO E PRESERVANDO O MEIO AMBIENTE PARA AS PRESENTES E FUTURAS GERAÇÕES

PROJETO VALE SUSTENTÁVEL: EDUCANDO E PRESERVANDO O MEIO AMBIENTE PARA AS PRESENTES E FUTURAS GERAÇÕES PROJETO VALE SUSTENTÁVEL: EDUCANDO E PRESERVANDO O MEIO AMBIENTE PARA AS PRESENTES E FUTURAS GERAÇÕES Elisângelo Fernandes da Silva (E-mail: elisangelo.silva@bol.com.br); Francisco Auricélio de Oliveira

Leia mais

BIBLIOTECA ITINERANTE

BIBLIOTECA ITINERANTE BIBLIOTECA ITINERANTE O PROJETO O projeto Biblioteca Itinerante é formado por um ônibus adaptado para funcionar como uma moderna biblioteca. Conta com um acervo de 2.000 livros infantis, juvenis e adultos,

Leia mais

INSTITUTOS NACIONAIS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA INCT 2º SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DE PROJETO Formulário para Consultor Ad hoc

INSTITUTOS NACIONAIS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA INCT 2º SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DE PROJETO Formulário para Consultor Ad hoc INSTITUTOS NACIONAIS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA INCT 2º SEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DE PROJETO Formulário para Consultor Ad hoc PARTE I - IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO (CNPq) TÍTULO: INCT de Engenharia

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA Da natureza, nada se tira a não ser fotos, nada se deixa além de pegadas e nada se leva além de lembranças. REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA Enquadramento O Concurso fotografia Natureza em Destaque

Leia mais

STUDIO 5 CENTRO DE CONVENÇÕES

STUDIO 5 CENTRO DE CONVENÇÕES 21, 22 e 23 de maio de 2014 STUDIO 5 CENTRO DE CONVENÇÕES MANAUS - AMAZONAS APRESENTAÇÃO A 1ª Edição da TRANSPO AMAZÔNIA Feira e Congresso Internacional de Transporte e Logística, evento promovido pela

Leia mais

PLANO DE ACÇÃO Comissão Social de Freguesia de Odivelas. Aderentes à Comissão Social de Freguesia de Odivelas

PLANO DE ACÇÃO Comissão Social de Freguesia de Odivelas. Aderentes à Comissão Social de Freguesia de Odivelas Um Plano de Acção consiste num instrumento componente do Plano de Desenvolvimento Social, que define sistematicamente, as acções a desenvolver, o cronograma, os parceiros responsáveis e os recursos. 1

Leia mais

CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE

CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE FORUM DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO CARTA DA PLENÁRIA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR SOLIDÁRIA DE PERNAMBUCO AO MOVIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, AOS MOVIMENTOS SOCIAIS E À SOCIEDADE Recife,

Leia mais

Programa Estadual de Educação ambiental do Rio de Janeiro. Processo de construção coletiva

Programa Estadual de Educação ambiental do Rio de Janeiro. Processo de construção coletiva Programa Estadual de Educação ambiental do Rio de Janeiro Processo de construção coletiva ProEEA A presente versão foi objeto de Consulta Pública que envolveu educadores ambientais dos 92 municípios fluminenses,

Leia mais

Conselho Municipal de Meio Ambiente CONSEMAC Câmara Setorial Permanente de Educação Ambiental CSPEA Parecer 03/2013 Março 2013

Conselho Municipal de Meio Ambiente CONSEMAC Câmara Setorial Permanente de Educação Ambiental CSPEA Parecer 03/2013 Março 2013 Conselho Municipal de Meio Ambiente CONSEMAC Câmara Setorial Permanente de Educação Ambiental CSPEA Parecer 03/2013 Março 2013 I. OBJETO Regulamentação da Lei n o 4.791 de 02/04/2008, que dispõe sobre

Leia mais

Conselho Local de Ação Social

Conselho Local de Ação Social Conselho Local de Ação Social Índice Introdução... 6 Eixo I - Demografia... 7 Eixo II Educação/Nível de Instrução... 8 Eixo III Economia... 11 Eixo IV Grupos Vulneráveis... 13 Avaliação.26 2 Ficha Técnica

Leia mais

O mundo inteiro vai ver o seu município com bons olhos!

O mundo inteiro vai ver o seu município com bons olhos! O mundo inteiro vai ver o seu município com bons olhos! Metodologia do Selo UNICEF Município Aprovado 2009-2012 Realização Parcerias O Selo UNICEF Município Aprovado O QUE O SELO UNICEF REPRESENTA PARA

Leia mais

Dados internacionais de catalogação Biblioteca Curt Nimuendajú

Dados internacionais de catalogação Biblioteca Curt Nimuendajú Catalogação: Cleide de Albuquerque Moreira Bibliotecária/CRB 1100 Revisão: Elias Januário Revisão Final: Karla Bento de Carvalho Consultor: Luís Donisete Benzi Grupioni Projeto Gráfico/Diagramação: Fernando

Leia mais

Entendendo a importância deste meio de comunicação na escola de informática que ministram cursos e oficinas sob medida. Promover a inclusão digital

Entendendo a importância deste meio de comunicação na escola de informática que ministram cursos e oficinas sob medida. Promover a inclusão digital JUSTIFICATIVA Senhor Presidente, tomo a liberdade de solicitar a Vossa Excelência que a referida proposição seja submetida a exame dos demais colegas, considerando as justificativas apresentadas. A presente

Leia mais

ALUNO DIGITAL Formação para Estudantes Monitores do PROUCA Ensino Fundamental 6º, 7º e 8º 30 horas Erechim, maio de 2014.

ALUNO DIGITAL Formação para Estudantes Monitores do PROUCA Ensino Fundamental 6º, 7º e 8º 30 horas Erechim, maio de 2014. ALUNO DIGITAL Formação para Estudantes Monitores do PROUCA Ensino Fundamental 6º, 7º e 8º 30 horas Erechim, maio de 2014. Prefeitura de Erechim Prefeito Paulo Alfredo Polis Vice-Prefeita Ana Lúcia de Oliveira

Leia mais

Grupo temático 4 Cidadania e vulnerabilidade financeira

Grupo temático 4 Cidadania e vulnerabilidade financeira Grupo temático 4 Cidadania e vulnerabilidade financeira Oficinas Técnicas: temas Grupo temático 4 - Cidadania e vulnerabilidade financeira Oficina 4.A Novas tecnologias em serviços financeiros na promoção

Leia mais

Política de Direitos Humanos

Política de Direitos Humanos Política de Direitos Humanos Publicada em 23/11/2016 Resumo do documento: Esta política descreve as regras e diretrizes gerais da atuação dos funcionários do Banco para garantir a proteção e preservação

Leia mais

OLIMPÍADA MARISTA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2014

OLIMPÍADA MARISTA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2014 OLIMPÍADA MARISTA DE LÍNGUA PORTUGUESA - 2014 1 JUSTIFICATIVA Por meio do Projeto Olimpíada Marista de Língua Portuguesa, educandos e educadores das Unidades Educacionais e Sociais são incentivados a exercitar

Leia mais

Excelência na Gestão

Excelência na Gestão Mapa Estratégico 2012-2014 Visão Até 2014, ser referência no atendimento ao público, na fiscalização e na valorização das profissões tecnológicas, reconhecido pelos profissionais, empresas, instituições

Leia mais

Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba

Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba RELATÓRIO PRÉ-CONFERÊNCIA REGIÃO CENTRAL 1 - RESPONSÁVEL PELO EVENTO: 1. MUNICÍPIO: UBATUBA-SP. 2. ÓRGÃO RESPONSÁVEL PELO EVENTO: FUNDAÇÃO DE ARTE E CULTURA DE UBATUBA - FUNDART 3. ENDEREÇO DO ÓRGÃO RESPONSÁVEL

Leia mais

Planos Decenais de Educação Desafios e perspectivas para a próxima década da implementação ao monitoramento

Planos Decenais de Educação Desafios e perspectivas para a próxima década da implementação ao monitoramento Planos Decenais de Educação Desafios e perspectivas para a próxima década da implementação ao monitoramento Alessio Costa Lima Dirigente Municipal de Educação de Tabuleiro do Norte/ CE Presidente da Undime

Leia mais

O INCENTIVO À LEITURA EM DIVERSOS NÍVEIS E FORMAS

O INCENTIVO À LEITURA EM DIVERSOS NÍVEIS E FORMAS 1 O INCENTIVO À LEITURA EM DIVERSOS NÍVEIS E FORMAS ANTENORE, Celeste 1 FARIA, Robson Ricardo Dal Santo 2 ARAÚJO, Isabela 3 INTRODUÇÃO No ano de 2014, o projeto do curso de Licenciatura em Letras, que

Leia mais

1. Oficina de Rimas. Marcação prévia: pelo

1. Oficina de Rimas. Marcação prévia: pelo 1. Oficina de Rimas Os participantes são estimulados a criar rimas a partir de um tema escolhido pelo grupo. As rimas criadas são listadas e a partir delas, o grupo irá contar uma pequena história em versos.

Leia mais

A escrita que faz a diferença

A escrita que faz a diferença A escrita que faz a diferença Inclua a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro em seu planejamento de ensino A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro é uma iniciativa do Ministério

Leia mais