SEMINÁRIO FERROVIÁRIO E DE MOBILIDADE URBANA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SEMINÁRIO FERROVIÁRIO E DE MOBILIDADE URBANA"

Transcrição

1 SEMINÁRIO FERROVIÁRIO E DE MOBILIDADE URBANA Claude Domingues Padilha Gerente Divisão Ferroviária Brasília DF 31/07/2013

2

3 EMPRESAS RANDON SEGMENTOS DE ATUAÇÃO As Empresas Randon são provedoras de soluções para o transporte e logística em três segmentos de negócios: Implementos Rodoviários, Vagões Ferroviários e Veículos Especiais Autopeças e Sistemas Automotivos Serviços Financeiros

4 Estrutura Societária 40,4%

5 EMPRESAS RANDON NO MUNDO Alemanha USA China Argélia Egito México Dubai Brasil Quênia Unidades Industriais Guarulhos Santa Catarina Unidades Montadoras Escritórios Internacionais Centros de Distribuição Chile Caxias do Sul Argentina África do Sul

6 As principais fábricas das Empresas Randon estão localizadas em Caxias do Sul, RS Além disso, as Empresas Randon operam 6 outras plantas: - Randon SP (Guarulhos, SP) - Randon Brantech (Chapecó, SC) - Randon Argentina (Santa Fé, Argentina) - Fras-le North America (Alabama, EUA) - Fras-le China (Pinghu, China) - Controil (São Leopoldo, RS) Complexo Industrial do Bairro Interlagos - Caxias do Sul/RS m² de área construída Suspensys Randon Implementos Randon São Paulo Fras-le Randon Master JOST Veículos Randon Argentina Castertech Randon Brantech

7 EMPRESAS RANDON CRONOLOGIA Início das Atividades Fundação da Mecânica Randon Ltda; - Freios a ar; - 3º Eixo para Caminhões; Anos 60 - Fabricação dos primeiros semirreboques; - 3º Eixo para implementos; Anos 70 - Expansão do parque fabril; - Fundação da Randon Veículos; - Abertura de Capital; Anos 80 - Diversificação do Negócio; - Fundação da Freios Master (joint-venture com Arvin Meritor) e da Randon Consórcios; Anos 90 - Incorporação da Fras-le; - Fundação da JOST Brasil (joint-venture com a Jost- Werk) e da Randon Argentina; Anos Fundação da Suspensys (joint-venture com Arvin Meritor) e Castertech; - Iníco da fabricação de vagões 2009 Comemoração dos 60 anos da Randon, uma empresa com vocação para o crescimento;

8 EMPRESAS RANDON FUNCIONÁRIOS Randon S.A Randon São Paulo 825 Randon Argentina 137 Randon Brantech 120 Randon Veículos 130 Randon Consórcios 132 Master 993 JOST Brasil 366 Fras-le (e Controil) Suspensys Castertech 194 Banco Randon 38 Total Geral (2012)

9 EMPRESAS RANDON PARTICIPAÇÃO NO MERCADO BRASILEIRO Reboques e semirreboques 30,4% Vagões Ferroviários 29,8% Caminhões fora-de-estrada (até 35 t) 85,0% Freios a ar 66,0% Lonas para veículos pesados 47,0% 5ª Roda 88,0% Eixos e suspensões 58,0% Realizado 2012

10 EMPRESAS RANDON PRINCIPAIS INDICADORES Receita Bruta Total Receita Líquida Consolidada Exportações Importações Investimentos R$ 5,3 bi R$ 3,5 bi US$ 264,2 mi US$ 114,5 mi R$ 276,9 mi Realizado 2012

11 DIVISÃO FERROVIÁRIA

12 UNIDADES FABRIS RANDON DIVISÃO IMPLEMENTOS Líder brasileiro e maior fabricante de equipamentos para o transporte de carga da América Latina, com sede em Caxias do Sul(RS) e unidades industriais em Guarulhos (SP) e Chapecó (SC) no Brasil e em Rosário - (Santa Fé) na Argentina.

13 PRINCIPAIS PRODUTOS RANDON DIVISÃO IMPLEMENTOS PRINCIPAIS PRODUTOS Reboques, Semirreboques e Carrocerias

14 PRINCIPAIS PRODUTOS RANDON DIVISÃO FERROVIÁRIA PRINCIPAIS PRODUTOS Vagões hopper, gôndola, petroleiros, carga geral, plataformas, entre outros.

15 PRINCIPAIS CLIENTES

16 4.771 VAGÕES COMERCIALIZADOS ~ 30% DE PARTICIPAÇÃO DE MERCADO Até junho de 2013

17 4.771 VAGÕES COMERCIALIZADOS PARTICIPAÇÃO POR FERROVIA 28,3% 0,5% 9,4% 61,9% Até junho de 2013

18 4.771 VAGÕES COMERCIALIZADOS PARTICIPAÇÃO POR MODELO Até março de 2013

19 DIFERENCIAIS RANDON Confiabilidade Segurança Qualidade Tecnologia Facilidade de Operação Atendimento Direto Durabilidade

20 MODELO CAD 3D PRO ENGINEER Pro-Engineer Projetos em 3D Visualização Interferências Peso Volume Informações para fabricação Cálculos estruturais

21 ANÁLISE ELEMENTOS FINITOS Análise de esforços; Análise de tensões; Cálculos estruturais;

22 LABORATÓRIO FERROVIÁRIO

23 LINHA DE FABRICAÇÃO FLEXÍVEL Solda mecanizada; Linha de produção gabaritada; Alta qualidade de acabamento; Produção em escala.

24 LOGÍSTICA DE ENTREGA PRÓPRIA

25 1998 Bimodal Sistema Transtrailer - 10 unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2003 Protótipo Vagão 1 unidade

26 2004 Caixa de Carga Vagão Hopper 30 unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2004 Vagões Hopper HFE 150 unidades

27 Vagões Hopper HFE unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2005 Vagões Hopper HFE 249 unidades

28 Vagões Hopper HFE unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2005 Vagão Tanque TCD 1 unidade

29 Vagões Tanque TCD unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2007 Vagões Tanque TCT 80 unidades

30 HISTÓRICO DE VENDAS Vagão Fechado FFF - 1 unidade 2008 Vagões Gondola GDT 138 unidades

31 Vagões Hopper HFT unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2009 Vagões Góndola GDT 2 unidades

32 Vagões Hopper HFE unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2010 Vagões Hopper HPT 229 unidades

33 Vagões Góndola GDU unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2010 Vagões Góndola GDT unidades

34 2010 Vagões Hopper HFT 1150 unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2011 Vagão Plataforma 38 unidades

35 2011 Vagão Plataforma Bobineiro 130 unidades HISTÓRICO DE VENDAS 2011 Vagões Hopper HFT 75 unidades

36 Vagões Hopper HFE 265 Unidades HISTÓRICO DE VENDAS Vagão Sider FLT 1 Unidade

37 Vagões Hopper HFT 125 Unidades HISTÓRICO DE VENDAS Vagão Hopper HPT 130 Unidades

38 HISTÓRICO DE VENDAS Vagões Plataforma PEE 150 Unidades Vagões Hopper HFE 281Unidades

39 2013 Vagão Telescópico FTT 1 Unidade HISTÓRICO DE VENDAS 2013 Vagão Hopper HFT 122 Unidades

40 HISTÓRICO DE VENDAS 2013 Vagão Double Stack PRU 1 Unidade (5 plataformas) 2013 Vagões Tanque TCD 22 Unidades (Exportação - Uruguai)

41 MUITO OBRIGADO

Inovação Tecnológica nas Empresas Randon

Inovação Tecnológica nas Empresas Randon Inovação Tecnológica nas Empresas Marcos R. F. Soares marcos.soares@fras-le.com TÓPICOS ABORDADOS As Empresas em números Visão geral das divisões A Organização da Inovação Tecnológica Comitê de Tecnologia:

Leia mais

S E M I N Á R I O OS CLIENTES E AS FERROVIAS. Oportunidades e Desafios na Formação de Frotas Particulares de Vagões e Locomotivas

S E M I N Á R I O OS CLIENTES E AS FERROVIAS. Oportunidades e Desafios na Formação de Frotas Particulares de Vagões e Locomotivas S E M I N Á R I O OS CLIENTES E AS FERROVIAS Oportunidades e Desafios na Formação de Frotas Particulares de Vagões e Locomotivas Claude Domingues Padilha Negócio Ferroviário rio Randon S.A. Implementos

Leia mais

A Randon e a sua trajetória de expansão e internacionalização

A Randon e a sua trajetória de expansão e internacionalização A Randon e a sua trajetória de expansão e internacionalização Armando Dalla Costa * Elson Rodrigo de Souza-Santos ** RESUMO - Esse trabalho tem como objetivo apresentar a história do conglomerado de firmas

Leia mais

R E U N I Ã O A P I M E C 0 3 T 1 0 9 M 1 0 R J / M G

R E U N I Ã O A P I M E C 0 3 T 1 0 9 M 1 0 R J / M G Observações: Nós fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração e informações a que a Companhia

Leia mais

REUNIÃO COM ANALISTAS E PROFISSIONAIS DE INVESTIMENTO SETEMBRO/2005

REUNIÃO COM ANALISTAS E PROFISSIONAIS DE INVESTIMENTO SETEMBRO/2005 REUNIÃO COM ANALISTAS E PROFISSIONAIS DE INVESTIMENTO SETEMBRO/2005 AGENDA: SUMÁRIO EXECUTIVO DESEMPENHO JUNHO 2005 MEIO AMBIENTE RESPONSABILIDADE SOCIAL DESTAQUES 2005 PERFIL CORPORATIVO SUMÁRIO EXECUTIVO

Leia mais

Disclaimer. www.fras-le.com

Disclaimer. www.fras-le.com 1 Disclaimer Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações não são fatos históricos, mas refletem as metas e expectativas da direção da Companhia. As palavras antecipa, deseja, espera,

Leia mais

Informações importantes

Informações importantes Informações importantes POR ESTE INSTRUMENTO fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração

Leia mais

Randon. Troféu Diamante PQRS 2009

Randon. Troféu Diamante PQRS 2009 Randon Consórcios Troféu Diamante PQRS 2009 Empresas Randon Empresas Randon participação no mercado brasileiro Reboques e semirreboques 35,21% Caminhões fora-de-estrada (até 35 t) 87,00% Freios a ar 53,40%

Leia mais

A Geração de Valor, através da Gestão

A Geração de Valor, através da Gestão A Geração de Valor, através da Gestão Gilberto Crosa Diretor Industrial e Tecnologia INSTITUCIONAL Caxias do Sul Número de funcionários: 2.500 Área Total = 310.000 m² Área Construída = 58.100 m² NEGÓCIO

Leia mais

R E U N I Ã O A P I M E C 0 1 T 1 0 P O R T O A L E G R E

R E U N I Ã O A P I M E C 0 1 T 1 0 P O R T O A L E G R E Observações: Nós fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração e informações a que a Companhia

Leia mais

REUNIÕES APIMEC 2010 SÃO PAULO RIO DE JANEIRO PORTO ALEGRE 24 /08 25/08 31/08

REUNIÕES APIMEC 2010 SÃO PAULO RIO DE JANEIRO PORTO ALEGRE 24 /08 25/08 31/08 REUNIÕES APIMEC 2010 SÃO PAULO RIO DE JANEIRO PORTO ALEGRE 24 /08 25/08 31/08 OBSERVAÇÕES Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações não são fatos históricos, mas refletem as metas

Leia mais

1S08. 9º CONFERÊNCIA SANTANDER Guarujá, SP 20, 21 e 22 de Agosto de 2008

1S08. 9º CONFERÊNCIA SANTANDER Guarujá, SP 20, 21 e 22 de Agosto de 2008 1S08 9º CONFERÊNCIA SANTANDER Guarujá, SP 20, 21 e 22 de Agosto de 2008 1 2 Observações: Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações não são fatos históricos, mas refletem as metas e

Leia mais

APLICAÇÕES DO SOFTWARE ELIPSE E3 PARA SUPERVISIONAR DIFERENTES AUTOMAÇÕES DO PARQUE FABRIL DA RANDON

APLICAÇÕES DO SOFTWARE ELIPSE E3 PARA SUPERVISIONAR DIFERENTES AUTOMAÇÕES DO PARQUE FABRIL DA RANDON APLICAÇÕES DO SOFTWARE ELIPSE E3 PARA SUPERVISIONAR DIFERENTES AUTOMAÇÕES DO PARQUE FABRIL DA RANDON Este case apresenta a utilização do E3 para monitorar os processos de abastecimento de água, tratamento

Leia mais

Raul Anselmo Randon Presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon

Raul Anselmo Randon Presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon Palavra do Presidente É com satisfação que editamos o Guia de Conduta Ética das Empresas Randon, um instrumento de comunicação que traduz os nossos valores e dá as diretrizes para as nossas ações profissionais,

Leia mais

Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo

Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo Congestionamento de Porto + Desembaraço + Infraestrutura = Impacto no Custo Brasil Fabiana Nakai, Gerente de Soluções para Clientes, Automotivo Outubro, 2013 UTi Provedor de Soluções Logísticas Financeiro

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade

Relatório de Sustentabilidade 2009 Relatório de Sustentabilidade RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE - 2009 RELATÓRIO ANUAL DOS ADMINISTRADORES - 2009 Demonstrações Financeiras em 31 de Dezembro de 2009 Randon Implementos Caxias do Sul RS

Leia mais

RELATÓRIO DE DESEMPENHO

RELATÓRIO DE DESEMPENHO Caxias do Sul, RS, 28 de fevereiro de 2012. A Randon S.A Implementos e Participações (BM&FBovespa RAPT3 e RAPT4), controladora de dez empresas que atuam nos segmentos de veículos e implementos, autopeças

Leia mais

MBA em Logística. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22

MBA em Logística. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 MBA em Logística Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 Prof. MBA em Logística Prof. Distribuição e Transportes DTA04 sala 22 NOMENCLATURA DE CARGAS Classificação de Cargas Classes de Cargas Sub-Classes

Leia mais

CATÁLOGO DE AJUSTADORES AUTOMÁTICOS E REPAROS PARA CAMINHÕES E ÔNIBUS CATÁLOGO DE APLICAÇÃO - 2013

CATÁLOGO DE AJUSTADORES AUTOMÁTICOS E REPAROS PARA CAMINHÕES E ÔNIBUS CATÁLOGO DE APLICAÇÃO - 2013 CATÁLOGO DE AJUSTADORES AUTOMÁTICOS E REPAROS PARA CAMINHÕES E ÔNIBUS CATÁLOGO DE APLICAÇÃO - 2013 AF_M5-0101-12F_CATALOGO_ajustador_meritor.indd 1 12/4/12 3:36 PM Eixos Cardans Freios Suspensão DO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Câmara de Comércio Brasil-Argentina Julho de 2015 Guilherme Alvisi Gerente Geral de Negócios Carga Geral GUILHERME ALVISI Gerente Geral

Leia mais

QUATRO DÉCADAS ACOMPANHANDO O DESENVOLVIMENTO NACIONAL

QUATRO DÉCADAS ACOMPANHANDO O DESENVOLVIMENTO NACIONAL Ano 2 - Nº 4 - Maio 2013 Uma publicação da Randon Veículos QUATRO DÉCADAS ACOMPANHANDO O DESENVOLVIMENTO NACIONAL Reunião de Vendas 2013 Pág. 03 Gerenciamento de materiais com parceria mundial Pág. 05

Leia mais

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 Desempenho Em ambiente de queda da atividade na indústria automobilística, a Iochpe-Maxion apresentou um crescimento de 8,4% nas vendas no terceiro

Leia mais

A Integração da Manufatura na General Motors

A Integração da Manufatura na General Motors A Integração da Manufatura na General Motors Simpósio SAE Brasil Manufatura Automotiva José Eugenio Pinheiro Vice Presidente de Manufatura General Motors - América Latina, África & Oriente Médio 22 de

Leia mais

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões:

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões: Electrolux AB 1. Principais Características Matriz: Electrolux AB Localização: Estocolmo, Suécia Ano de fundação: 1901 Internet: www.electrolux.com Faturamento (2000): US$ 11.537 mi Empregados (2000):

Leia mais

APRESENTAÇÃO INVESTIDORES. www.fras-le.com

APRESENTAÇÃO INVESTIDORES. www.fras-le.com APRESENTAÇÃO INVESTIDORES www.fras-le.com 1 Considerações iniciais Esta apresentação contém informações futuras. Tais informações não são fatos históricos, mas refletem as metas e expectativas da direção

Leia mais

CORTE E DOBRA DE CHAPAS

CORTE E DOBRA DE CHAPAS A praticidade, precisão e tecnologia fazem parte do Centro de Serviços da Tuper - um ambiente que disponibiliza equipamentos como a guilhotina hidráulica, especializada em cortes de chapas e prensa dobradeira

Leia mais

Diversidade e controle no atendimento a processos de negócio

Diversidade e controle no atendimento a processos de negócio Diversidade e controle no atendimento a processos de negócio Agenda 1. Sobre a Amsted Maxion 2. Objetivos do Projeto 3. Estratégia Adotada 4. Características da Solução Implantada 5. Processos Implantados

Leia mais

Governo do Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Departamento de Cooperativismo e Associativismo DENACOOP

Governo do Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Departamento de Cooperativismo e Associativismo DENACOOP Governo do Brasil Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Departamento de Cooperativismo e Associativismo DENACOOP Integração Contratual para Acesso a Mercado Rodolfo Osorio de Oliveira Coordenador

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

&203/(;2$872027,92 EVOLUÇÃO DO COMÉRCIO EXTERIOR DO COMPLEXO AUTOMOTIVO. Angela M. Medeiros M. Santos João Renildo Jornada Gonçalves*

&203/(;2$872027,92 EVOLUÇÃO DO COMÉRCIO EXTERIOR DO COMPLEXO AUTOMOTIVO. Angela M. Medeiros M. Santos João Renildo Jornada Gonçalves* EVOLUÇÃO DO COMÉRCIO EXTERIOR DO COMPLEXO AUTOMOTIVO Angela M. Medeiros M. Santos João Renildo Jornada Gonçalves* * Respectivamente, gerente e economista da Gerência Setorial de Indústria Automobilística

Leia mais

OFERTA PÚBLICA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES ORDINÁRIAS DE EMISSÃO DA POR ORDEM E CONTA DA

OFERTA PÚBLICA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES ORDINÁRIAS DE EMISSÃO DA POR ORDEM E CONTA DA OFERTA PÚBLICA DE AQUISIÇÃO DE AÇÕES ORDINÁRIAS DE EMISSÃO DA FRAS-LE S.A. Companhia Aberta CNPJ 88.610.126/0001-29 Rua Sarmento leite, 488, Caxias do Sul, RS POR ORDEM E CONTA DA RANDON PARTICIPAÇÕES

Leia mais

INOVAÇÃO PARA ASSEGURAR A PRESENÇA NO MERCADO DIANTE DA NOVA REGULAMENTAÇÃO TÉCNICA

INOVAÇÃO PARA ASSEGURAR A PRESENÇA NO MERCADO DIANTE DA NOVA REGULAMENTAÇÃO TÉCNICA Fras-le 6 INOVAR É FAZER. 22 CASOS EMPRESARIAIS DE INOVAÇÃO DE PEQUENAS, MÉDIAS E GRANDES EMPRESAS 98 INOVAÇÃO PARA ASSEGURAR A PRESENÇA NO MERCADO DIANTE DA NOVA REGULAMENTAÇÃO TÉCNICA Uma alteração na

Leia mais

MERITOR INVESTE EM AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL

MERITOR INVESTE EM AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL NOTÍCIAS Contato Paula Balduino SD&PRESS Consultoria Tel. 11 3759-1333 MERITOR INVESTE EM AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL Formare ganha reconhecimento internacional por conta de suas iniciativas voltadas

Leia mais

Fenatran 2011 Randon apresenta as inovações da Linha R

Fenatran 2011 Randon apresenta as inovações da Linha R Fenatran 2011 Randon apresenta as inovações da Linha R A Randon expõe na Fenatran a Linha R, conjunto de inovações implementadas nas diversas famílias de produtos, fruto de uma série de agregados tecnológicos

Leia mais

BR Week 2012. Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT

BR Week 2012. Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT 1 BR Week 2012 Soluções para a melhoria do atendimento ao cliente no varejo Case Leroy Merlin / Sonda IT Agenda 3 Sonda IT VISÃO EXECUTIVA Um parceiro regional México Panama Costa Rica Colômbia Fundada

Leia mais

Índice da apresentação

Índice da apresentação Cenário da reparação de veículos 2013 Índice da apresentação 1. Indicadores 2. Ameaças e oportunidades 3. Cenário futuro Indicadores Total 5.565 Municípios NORTE 449 Amazonas 62 Pará 143 Rondônia 52 Acre

Leia mais

NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO

NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO OBJETIVOS Atração de Investimentos Inovação Tecnológica Incorporação Tecnológica Competitividade da Cadeia Automotiva Adensamento da Cadeia Automotiva Abrangência Automóveis,

Leia mais

Volvo do Brasil. Volvo do Brasil

Volvo do Brasil. Volvo do Brasil Responsável pelos negócios da marcanaaméricado Sul No Brasil desde 1934 Fábrica de Curitiba: 1977 Fábrica de Pederneiras: 1975 3000 empregados Mais de 160 mil veículos vendidos Faturamento: R$ 4,7 bi (2008)

Leia mais

Argentina. Rosário Randon Implementos San Martin/Província de Buenos Aires Fras-le. Pinghu/Província de Zhejiang Fras-le. Cairo Randon Implementos

Argentina. Rosário Randon Implementos San Martin/Província de Buenos Aires Fras-le. Pinghu/Província de Zhejiang Fras-le. Cairo Randon Implementos Relatório de Sustentabilidade 2012 ESTRUTURA OPERACIONAL Brasil Caxias do Sul - RS Randon Implementos, Randon Veículos, Suspensys, Fras-le, Master, JOST Brasil, Castertech, Randon Consórcio, Banco Randon

Leia mais

1.a. Atividades principais a companhia manufatura e comercializa aparelhos domésticos e produtos relacionados.

1.a. Atividades principais a companhia manufatura e comercializa aparelhos domésticos e produtos relacionados. Whirlpool Corporation 1. Principais Características Matriz: Whirlpool Corporation Localização: Benton Harbor, Michigan, Estados Unidos Ano de fundação: 1911 Internet: www.whirlpoolcorp.com Faturamento

Leia mais

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Estrutura do grupo Reed Elsevier REED EXHIBITIONS Alcance Global 500 eventos por ano 43 países 43 setores da economia 7 milhões de visitantes

Leia mais

AVALIAÇÃO DA RANDON S.A. IMPLEMENTOS E PARTICIPAÇÕES ATRAVÉS DO MÉTODO DE FLUXO DE CAIXA DESCONTADO

AVALIAÇÃO DA RANDON S.A. IMPLEMENTOS E PARTICIPAÇÕES ATRAVÉS DO MÉTODO DE FLUXO DE CAIXA DESCONTADO 0 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO SÓCIO ECONÔMICO DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E RELAÇÕES INTERNACIONAIS CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS ECONÔMICAS MARCO AURÉLIO LEITE VAZ DE ARRUDA AVALIAÇÃO

Leia mais

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira CARLOS JR. GERENTE DE PLANEJAMENTO INTEGRADO Jun/2013 Jorge Carlos Dória Jr. Votorantim Siderurgia Votorantim Siderurgia O Grupo Votorantim

Leia mais

I - Resultado mensal: 60,82%, acum. ano: 66,55% acum. 12 meses: 68,50%

I - Resultado mensal: 60,82%, acum. ano: 66,55% acum. 12 meses: 68,50% dez/12 fev/13 abr/13 jun/13 ago/13 out/13 dez/12 fev/13 abr/13 jun/13 ago/13 out/13-870 -953-919 -937-1.015-601 -623-714 -780-780 -860-266 Novembro de edição n. 28 I - Resultado mensal: 60,82%, acum. ano:

Leia mais

CRONOLOGIA 17/06/2011

CRONOLOGIA 17/06/2011 CRONOLOGIA 17/06/2011 OSICIONAMENTO GLOBAL LANALTO Caxias do Sul RS - Brasil LANALTO Fundação: 1957 (em 1998 essa planta começou a produzir somente Volare e modelo Senior - Marcopolo) Área física: 48.000

Leia mais

O GRUPO RANDON: ESTRATÉGIA E TRAJETÓRIA DE EXPANSÃO A PARTIR DO ENFOQUE DA TEORIA EVOLUCIONÁRIA DA FIRMA

O GRUPO RANDON: ESTRATÉGIA E TRAJETÓRIA DE EXPANSÃO A PARTIR DO ENFOQUE DA TEORIA EVOLUCIONÁRIA DA FIRMA 1 RESUMO O GRUPO RANDON: ESTRATÉGIA E TRAJETÓRIA DE EXPANSÃO A PARTIR DO ENFOQUE DA TEORIA EVOLUCIONÁRIA DA FIRMA Armando Dalla Costa 1 Elson Rodrigo de Souza-Santos 2 O objetivo desse trabalho é explorar

Leia mais

816.5001-0 816.5002-0 816.5003-0 816.5004-0 816.5005-0

816.5001-0 816.5002-0 816.5003-0 816.5004-0 816.5005-0 Catálogo de Componentes de Freio 2013 816.5001-0 Peça: Câmara pneumática 12 Número Original: A 007 420 25 18 Referência Similar: Wabco 423 103 100 0 Veículos: Mercedes-Benz 1113 / 1114 / 1214 / 1218 /

Leia mais

Indústria Automobilística no Brasil e no Mundo entre 2001 e 2011. Engº Fernando Iervolino

Indústria Automobilística no Brasil e no Mundo entre 2001 e 2011. Engº Fernando Iervolino Indústria Automobilística no Brasil e no Mundo entre 2001 e 2011 Engº Fernando Iervolino Fontes de Informação: ANFAVEA Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores http://www.anfavea.com.br/

Leia mais

Inovando para crescer

Inovando para crescer Histórico da Empresa A TRC teve sua fundação em 25 de maio de 1970 na cidade de Caçador, com o objetivo de prestar serviço de transportes para a região do meiooeste. O início das atividades ocorreu com

Leia mais

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral Vale no Maranhão AGENDA A Vale O Maior Projeto de Logística da America Latina - Exportação de Minério - Logística da Vale de Carga Geral A Vale no Mundo A Vale tem operações mineradoras, laboratórios de

Leia mais

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade PGQP Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade visão das lideranças A Excelência de qualquer organização depende da sinergia entre três fatores:

Leia mais

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas Índice 1. Qual é a participação de mercado da ALL no mercado de contêineres? Quantos contêineres ela transporta por ano?... 4 2. Transportar por ferrovia não é mais barato do que

Leia mais

crescimento nos últimos cinco anos. Desde 1995, as vendas cresceram num total de 85%. A maior parte das vendas da GE no ano 2000 ocorreram em seu

crescimento nos últimos cinco anos. Desde 1995, as vendas cresceram num total de 85%. A maior parte das vendas da GE no ano 2000 ocorreram em seu GENERAL ELECTRIC A General Electric Company é uma empresa diversificada, atuando em vários segmentos, sempre com o compromisso declarado de alcançar liderança mundial em cada um de seus negócios. Atualmente,

Leia mais

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios A importância da economia paulista transcende as fronteiras brasileiras. O Estado é uma das regiões mais desenvolvidas de toda a América

Leia mais

APIMEC São Paulo Rômel Erwin de Souza CEO. Apresentação Usiminas 2T11 - APIMEC. 12 de novembro de 2015 Classificação da Informação: Pública

APIMEC São Paulo Rômel Erwin de Souza CEO. Apresentação Usiminas 2T11 - APIMEC. 12 de novembro de 2015 Classificação da Informação: Pública APIMEC São Paulo Rômel Erwin de Souza CEO Apresentação Usiminas 2T11 - APIMEC 12 de novembro de 2015 Classificação da Informação: Pública Agenda Usiminas em linhas gerais Informações de Mercado Usiminas

Leia mais

Principais Fatos e Números

Principais Fatos e Números Principais Fatos e Números BRAZIL Brasil Minas Gerais Região Metropolitana de Classificado como a 6ª maior economia em 2011, esperando chegar à 5ª posição até 2016. 3 ª maior economia dentre os 27 Estados

Leia mais

Caroline Rodrigues Gerente de Atendimento

Caroline Rodrigues Gerente de Atendimento Caroline Rodrigues Gerente de Atendimento Agenda do Evento 09h00 às 09:30h 09h30 às 09:35h Welcome Coffe Hino Nacional 09h35 às 10:10h Abertura: Nosso Negócio - Paulo Basílio 10h10 às 10:30h Nossa Gente

Leia mais

Programa de Modernização de Tecnologia

Programa de Modernização de Tecnologia GE Intelligent Platforms Programa de Modernização de Tecnologia Marco Mallagoli Engenheiro de Produto 55 11 94989 0228 marco.mallagoli@ge.com Conteúdo 1 1 Presença Global e Regional 2 Ciclo de Vida dos

Leia mais

Soluções para Transmissão

Soluções para Transmissão Soluções para Transmissão Motor Transmissão Chassis Estruturas Tração Total SOLUÇÕES PARA TRANSMISSÃO Em 1904, o fundador da Dana, Clarence Spicer, revolucionou a indústria automobilística ao inventar

Leia mais

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014 Apresentação para Investidores Novembro de 2014 1 Agenda Diferenciais Gerdau Estratégia Destaques Operacionais e Financeiros Perspectivas Diferenciais Gerdau Mais de 110 anos de atuação no mercado do aço

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T07

Apresentação de Resultados 3T07 Apresentação de Resultados 3T07 Dezembro de 2007 2 Disclaimer Esse material foi preparado pela Tegma Gestão Logística S.A. ( Tegma" ou "Companhia") exclusivamente para as apresentações relacionadas à Oferta

Leia mais

A OPORTUNIDADE E A ESTRATÉGIA

A OPORTUNIDADE E A ESTRATÉGIA Central de Cases A OPORTUNIDADE E A ESTRATÉGIA www.espm.br/centraldecases Central de Cases A OPORTUNIDADE E A ESTRATÉGIA Preparado pelo Prof. Ricardo D Alò de Oliveira, da ESPM-RS. Recomendado para as

Leia mais

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA Inovação é o que distingue um líder de um seguidor. Steven Paul Jobs Grandes ideias mudam o mundo. Missão

Leia mais

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A SERVIÇO DO TRANSPORTE

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A SERVIÇO DO TRANSPORTE Jornal da Suspensys Sistemas Automotivos Ltda. Ano 4 Número 17 Outubro de 2011 ESPECIAL TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A SERVIÇO DO TRANSPORTE Edição 2011 01 O futuro é a família de suspensões mo Suspensão Modular

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 01410-9 RANDON S/A IMPLEMENTOS E PARTICIPAÇÕES 89.086.144/0001-16 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 01410-9 RANDON S/A IMPLEMENTOS E PARTICIPAÇÕES 89.086.144/0001-16 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 30/09/2008 EMPRESA COMERCIAL, INDUSTRIAL E OUTRAS O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS

Leia mais

Professora Danielle Valente Duarte

Professora Danielle Valente Duarte Professora Danielle Valente Duarte TRANSPORTE significa o movimento do produto de um local a outro, partindo do início da cadeia de suprimentos chegando até o cliente Chopra e Meindl, 2006 O Transporte

Leia mais

Disponível em http://www.noticenter.com.br/?modulo=noticias&caderno=gestao¬icia=01370-4-razoes-que-explicam-osucesso-da-weg-no-exterior

Disponível em http://www.noticenter.com.br/?modulo=noticias&caderno=gestao&noticia=01370-4-razoes-que-explicam-osucesso-da-weg-no-exterior TG Trabalho em grupo Professor: Flavio Celso Muller Martin Este TG aborda uma empresa brasileira que é frequentemente citada como exemplo de internacionalização. A WEG S.A. é uma empresa brasileira com

Leia mais

CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS

CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA E DE AUTOPEÇAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 10 ANOS Iervolino, Fernando 1 RESUMO Nos últimos dez anos a indústria automobilística no Brasil passou por um período de forte

Leia mais

MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010. CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010. De 11 a 23 de outubro

MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010. CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010. De 11 a 23 de outubro MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010 CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010 De 11 a 23 de outubro A Missão Empresarial Brasileira à China 2010 fez parte do Programa de Ações Integradas de Promoção Comercial

Leia mais

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua TASCHIBRA Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua por Ademar do Amaral Jr Mestre em Administração pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (2007); Especialista

Leia mais

webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula Educação sem fronteiras

webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula Educação sem fronteiras webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula 1. LMS webaula O LMS WEBAULA (Learning Management System) foi desenvolvido especialmente para promover a capacitação e reciclagem teórica e prática dos colaboradores de

Leia mais

Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional

Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional Encontro Econômico Brasil-Alemanha Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional Jackson Schneider Presidente Anfavea Blumenau, 19 de novembro de 2007 1 Conteúdo 2 1. Representatividade

Leia mais

Financiamento ao Agronegócio. Internacionalização da Agroindústria

Financiamento ao Agronegócio. Internacionalização da Agroindústria Financiamento ao Agronegócio Internacionalização da Agroindústria BRF Visão Geral BRF Principais Key Brands Marcas Dados Financeiros 3 Uma das maiores empresas de alimentos do Brasil e do mundo 7 a maior

Leia mais

Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 1T08 1T09 1T10 1T11 1T12

Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 1T08 1T09 1T10 1T11 1T12 Faturamos 53 unidades de implementos rodoviários no 1T12 Vendas Recrusul de Implementos Rodoviários (em unidades) 116 33 40 55 53 1T08 1T09 1T10 1T11 1T12 O mercado de implementos rodoviários mostrou-se

Leia mais

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial 27/09/2011 Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial Estrutura da apresentação Perspectiva empresarial Doing Business 2011 Investimentos Estrangeiros e Comércio Exterior Complementaridade

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14 Relações com Investidores DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 3T14 Apresentação: José Rubens de la Rosa CEO José Antonio Valiati CFO & Diretor de Relações com Investidores Thiago A. Deiro Gerente Financeiro &

Leia mais

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros Empresa #1 A empresa oferece a gama completa de serviços de engenharia, do design ao fornecimento de peças de protótipos. Entre os serviços prestados, estão o desenvolvimento e a construção, simulação,

Leia mais

FAZENDO NEGÓCIOS NO RIO GRANDE DO SUL

FAZENDO NEGÓCIOS NO RIO GRANDE DO SUL FAZENDO NEGÓCIOS NO RIO GRANDE DO SUL PROGRAMAÇÃO 22 de outubro 23 de outubro MANHÃ - Sala Piratini I e II 11:30 - Almoço de Boas-Vindas Pronunciamentos: Atsushi Okubo, Presidente da JETRO SP Fábio de

Leia mais

E.I. DU PONT DE NEMOURS & CO

E.I. DU PONT DE NEMOURS & CO E.I. DU PONT DE NEMOURS & CO A DuPont é uma companhia voltada para a ciência, que concentra seus esforços e atua nas áreas de alimentação e nutrição; higiene pessoal; moda; casa e construção; eletrônicos;

Leia mais

Toshiba Corporation. Faturamento (2000): US$ 47.950 mi. Empregados (2000): 190.870

Toshiba Corporation. Faturamento (2000): US$ 47.950 mi. Empregados (2000): 190.870 Toshiba Corporation 1. Principais Características Matriz: Toshiba Corporation Localização: Minato-Ku, Tóquio, Japão Ano de fundação: 1875 Internet: www.toshiba.co.jp Faturamento (2000): US$ 47.950 mi Empregados

Leia mais

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 1 1 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

INDÚSTRIA INTENSIVA EM PROCESSO DE MONTAGEM

INDÚSTRIA INTENSIVA EM PROCESSO DE MONTAGEM PANORAMA SETORIAL CARACTERÍSTICAS DA INDÚSTRIA Automobilística INDÚSTRIA INTENSIVA EM PROCESSO DE MONTAGEM PRÁTICAS PRODUTIVAS Desenvolvimento de plataformas e processos produtivos comuns para diferentes

Leia mais

REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL

REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL REMANUFATURADOS, A VEZ DO BRASIL Agenda ANRAP Remanufaturados no Mundo Remanufaturados no Brasil Conceito: O que é um Produto Remanufaturado? Vantagens do Produto Remanufaturado Ajudando a Preservar o

Leia mais

Motorola Incorporation

Motorola Incorporation Motorola Incorporation 1. Principais Características Matriz: Motorola Incorporation Localização: Illinois, Estados Unidos Ano de fundação: 1928 Internet: www.motorola.com Faturamento (2000): US$ 37.580

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio AGENDA HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva

Unidade II GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva Unidade II GERENCIAMENTO DE TRANSPORTES Prof. Altair da Silva Formas e modais de transportes As formas como nossos produtos são distribuídos em nosso país, depende de vários fatores. Em um país como o

Leia mais

Sistemas de direção automotiva

Sistemas de direção automotiva Sistemas de direção automotiva Atualmente, o mercado de sistemas de transmissões automotivas está crescendo mais do que o mercado de veículos em geral muitos veículos utilitários esportivos (SUVs) passam

Leia mais

TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL

TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL As Concessionárias do Transporte Ferroviário de Carga Rodrigo Vilaça Presidente-Executivo da ANTF Brasília, 31 de Julho de 2013. Malhas Sul, Oeste, Norte e Paulista

Leia mais

A EMERGÊNCIA DA CHINA. Desafios e Oportunidades para o Brasil Dr. Roberto Teixeira da Costa

A EMERGÊNCIA DA CHINA. Desafios e Oportunidades para o Brasil Dr. Roberto Teixeira da Costa A EMERGÊNCIA DA CHINA Desafios e Oportunidades para o Brasil Dr. Roberto Teixeira da Costa Crescimento médio anual do PIB per capita - 1990-2002 10 8,8 5 0 Fonte: PNUD 1,3 Brasil China dinamismo econômico

Leia mais

DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE

DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE DESEMPENHO DA INDÚSTRIA CATARINENSE SANTA CATARINA e BRASIL Desempenho econômico em 2013 INDICADOR SANTA CATARINA BR % % acumulado 2013/2012 % acumulado 2012/2011 acumulado 2013/2012 Produção Ind. (jan-ago)

Leia mais

SUSPENSOR PNEUMÁTICO PARA 3º EIXO. Manual de Montagem, Operação e Manutenção

SUSPENSOR PNEUMÁTICO PARA 3º EIXO. Manual de Montagem, Operação e Manutenção Manual de Montagem, Operação e Manutenção SUSPENSOR PNEUMÁTICO PARA 3º EIXO GB E Assembly, operating and maintenance instructions for JOST AIR AXLE LIFTS FOR TAG AXLES Instrucciones de montaje, funcionamiento

Leia mais

Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional

Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional Tribunal de Contas da União, 17 de agosto de 2011 Plano Aquarela Desde 2005 é a base metodológica

Leia mais

SOBRE A BRASILSULLOG AUTOMAÇÃO & LOGÍSTICA

SOBRE A BRASILSULLOG AUTOMAÇÃO & LOGÍSTICA SOBRE A BRASILSULLOG AUTOMAÇÃO & LOGÍSTICA A BRASILSULLOG desenvolve Soluções em Tecnologia como automação, identificação e rastreabilidade de ativos patrimoniais e estoques de produtos, através de parcerias

Leia mais

BRASIL. Francisca Peixoto

BRASIL. Francisca Peixoto BRASIL Francisca Peixoto INTRODUÇÃO BRASIL Um dos principais fornecedores de alimentos e matériasprimas do mundo Dotação única em recursos naturais Política agropecuária alinhada com estratégia nacional

Leia mais

Agenda. Maior Empresa de Logística da América Latina. Agronegocio no Brasil. Histórico ALL. ALL e Brasil Ferrovias 2005. Estrutura da Transação

Agenda. Maior Empresa de Logística da América Latina. Agronegocio no Brasil. Histórico ALL. ALL e Brasil Ferrovias 2005. Estrutura da Transação 1 Agenda Maior Empresa de Logística da América Latina Agronegocio no Brasil Histórico ALL ALL e Brasil Ferrovias 2005 Estrutura da Transação Valuation 2 A junção de Brasil Ferrovias e ALL cria a maior

Leia mais

Brasil como maior exportador mundial de carne bovina: conquistas e desafios

Brasil como maior exportador mundial de carne bovina: conquistas e desafios Brasil como maior exportador mundial de carne bovina: conquistas e desafios João Ricardo Albanez Superintendente de Política e Economia Agrícola, Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de

Leia mais

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15 Relações com Investidores DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T15 Apresentação: José Rubens de la Rosa CEO José Antonio Valiati CFO & Diretor de Relações com Investidores Thiago Deiro Gerente Financeiro & de

Leia mais

AGOSTO BLUMENAU-SC O PROJETO

AGOSTO BLUMENAU-SC O PROJETO A AGOSTO BLUMENAU-SC O PROJETO FICHA TÉCNICA: SEGMENTO: Segmento: Tecnologias da Informação. Produtos: Informática, automação, robótica, software, hardware e segurança. Mercado: Atacadista e varejista.

Leia mais

2002 - Serviços para empresas

2002 - Serviços para empresas 2002 - Serviços para empresas Grupo Telefónica Data. Resultados Consolidados 1 (dados em milhões de euros) Janeiro - Dezembro 2002 2001 % Var. Receita por operações 1.731,4 1.849,7 (6,4) Trabalho para

Leia mais

ENGENHARIA AUTOMOTIVA. Universidade Federal de Santa Catarina Campus Joinville Centro de Engenharias da Mobilidade

ENGENHARIA AUTOMOTIVA. Universidade Federal de Santa Catarina Campus Joinville Centro de Engenharias da Mobilidade ENGENHARIA AUTOMOTIVA CONTEXTO No âmbito do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais REUNI -, o Governo Federal implantou o campus de Joinville da Universidade

Leia mais