CCT 2005/ Sindirepa e Sirvepa

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CCT 2005/2006 - Sindirepa e Sirvepa"

Transcrição

1 CCT 2005/ Sindirepa e Sirvepa CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO / CATEGORIA ECONÔMICA SINDIREPA-PR Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado do Paraná. CNPJ / Avenida Marechal. Floriano Peixoto, Hauer - Curitiba/Pr -Cep Fones: (41) e Home Page: Representante Legal: Evaldo Kösters, Presidente - CPF CATEGORIA PROFISSIONAL SIRVEPA Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores nas Indústrias de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado do Paraná - SIRVEPA / COLOMBO-PR CNPJ / Avenida Marginal José de Ancheita nº Rio Verde - Colombo / Pr - Cep Fone: (41) Representante Legal: Edvino Rossa, Presidente - CPF PRAZO DE VIGÊNCIA A vigência desta Convenção Coletiva de Trabalho é de 12 (doze) meses, iniciando-se em 01 de setembro de 2005 até 31 de agosto de CATEGORIAS ABRANGIDAS O presente instrumento normativo abrange as categorias econômica e profissional representadas pelas Entidades Convenentes, compreendidas no 19º Grupo da CNI e do 1º da CNTM, do Quadro Geral de Enquadramento Sindical, a que alude o artigo 577 da CLT, em suas respectivas bases territoriais. 03- BASE TERRITORIAL Considerando a coincidência da base territorial dos Sindicatos Convenentes, fica estabelecida a eficácia do aqui estipulado na localidade de Colombo-PR. 04- REAJUSTE SALARIAL Os salários dos empregados da categoria profissional acordante serão reajustados, a partir de 1º de setembro de 2.005, com o percentual de 7% (sete por cento), a ser aplicado sobre os salários vigentes em 1º de setembro de

2 PARÁGRAFO PRIMEIRO - As condições de reajuste salarial aqui estabelecidas englobam, atendem e extinguem todos os interesses de atualização salarial dos trabalhadores até 31 de agosto de PARÁGRAFO SEGUNDO - A diferença a que fizer jus o empregado referente ao mês de setembro de 2.005, poderá ser paga excepcionalmente até o dia , juntamente com o salário do mês de outubro de COMPENSAÇÕES Serão compensados todos os reajustes e aumentos espontâneos ou compulsórios concedidos no período de 1º de setembro de até 31 de agosto de 2.005, salvo os decorrentes de término de aprendizagem, implemento de idade, promoção por antigüidade ou merecimento, mérito, transferência de cargo, função, equiparação salarial determinada por sentença transitada em julgado e aumento real, expressamente concedidos a esses títulos ADMISSÕES APÓS A DATA-BASE A correção salarial dos empregados admitidos após a data-base obedecerá aos seguintes critérios, de acordo com o limite estabelecido: a)no salário dos empregados da categoria profissional admitidos em funções com paradigma, será aplicado o mesmo percentual de correção concedido ao paradigma, até o limite do menor salário da função; b)a correção salarial dos empregados admitidos após a data base, para as funções sem paradigma, obedecerá à proporcionalidade de acordo com a data de sua admissão. c)ficam excluídos da aplicação do reajuste os empregados admitidos a partir de PISO SALARIAL Fica convencionado que serão observados os seguintes Pisos Salariais: a) Aos empregados das empresas de reparação de veículos e acessórios que não exerçam funções relacionadas com a atividade fim das respectivas empresas (serviços indiretos ou funções auxiliares, tais como: Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Escritório, Auxiliar de Serviços Gerais, Almoxarife, Contínuo/Office-Boy, Peceiro, Apontador, Atendente de Ferramentaria, Porteiro, Servente e Assemelhados), fica garantido um piso salarial de R$ 301,40 (trezentos e um reais e quarenta centavos de real) ao mês ou R$ 1,37 (um real e trinta e sete centavos de real) por hora b) Aos demais empregados abrangidos por este instrumento fica assegurado, a partir de 1º de setembro de 2.005, piso salarial de R$ 415,80 (quatrocentos e quinze reais e oitenta centavos de reais) ao mês ou R$ 1,89 (um real e oitenta e nove centavos de real) por hora;

3 c) Aos empregados representados pela Entidade Profissional Convenente, cujas funções estão discriminadas no parágrafo segundo desta cláusula e que comprovem, exclusivamente através de anotação em CTPS, experiência na função contratada por no mínimo 03 (três) anos, fica assegurado a partir de 1º de setembro de 2.005, um piso salarial de R$ 517,00 (quinhentos e dezessete reais) ao mês ou R$ 2,35 (dois reais e trinta e cinco centavos de real) por hora VALE REFEIÇÃO As empresas fornecerão a todos os seus empregados, abrangidos por esta CCT, "Vale Refeição", no valor de R$ 4,80 (quatro reais e oitenta centavos de real) por dia integralmente trabalhado (dois períodos), nos moldes do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT), com o desconto legal previsto. PARÁGRAFO PRIMEIRO: Nas ocasiões em que o empregado labore aos sábados, em tempo superior a um período de sua jornada normal de trabalho, terá direito ao fornecimento do "Vale Refeição" deste dia; PARÁGRAFO SEGUNDO: o empregado não terá descontado o vale refeição no dia que se ausentar do trabalho com justificativa; nos demais dias subseqüentes, de ausências justificadas, se houverem, não terá direito ao vale refeição; PARÁGRAFO TERCEIRO: As empresas que já concedem o benefício do "Vale Refeição" aos seus empregados nos moldes do PAT, já atendem à obrigação desta cláusula sem qualquer outra obrigação acessória, salvo o complemento até o valor de R$ 4,80 (quatro reais e oitenta centavos de real) por "Vale Refeição", se o valor do benefício atualmente concedido for inferior a este. Eventuais diferenças relativas aos meses de setembro de e outubro de poderão ser indenizadas pecuniariamente juntamente com o pagamento do salário do mês de outubro de 2.005; PARÁGRAFO QUARTO - Pelo não cumprimento das obrigações desta cláusula fica instituída multa pecuniária, em favor do prejudicado, a ordem de R$ 30,00 por empregado/mês (em que incida a inadimplência), sem prejuízo de respectiva indenização no exato valor do benefício não concedido; PARÁGRAFO QUINTO - As empresas que cumprirem o previsto no "caput" desta cláusula ficam desobrigadas de disponibilizar aos seus funcionários instalações adequadas para que façam suas refeições no recinto da empresa CONTRIBUIÇÃO INSTITUCIONAL DE CONCILIAÇÃO PRÉVIA Fica instituída, em caráter adicional às obrigações já existentes, a Contribuição Institucional de Conciliação Prévia, de responsabilidade patronal e que deverá ser paga uma vez ao ano, para o custeio e manutenção da Câmara Intersindical de Conciliação Prévia, no valor de R$ 30,00 (trinta reais), por empregado.

4 PARÁGRAFO ÚNICO - Este valor deverá ser recolhido em favor do Sindicato Obreiro em duas parcelas de R$ 15,00 (quinze reais) por empregado cada, até o dia e , calculado sobre a quantidade de funcionários existente em e , respectivamente, em guia própria, sob pena da aplicabilidade de multa específica no montante de 10% (dez por cento) sobre os valores inadimplidos TAXA NEGOCIAL Tendo em vista que: a) Os Sindicatos signatários têm despesas maiores na época da data-base; b) Os Sindicatos fizeram concessões recíprocas nesta negociação, com vantagens para ambas as partes e seus representados; c) Os Sindicatos comprometeram-se por este ajuste com atividades que gerarão despesas ao longo do ano; d) A norma coletiva tem eficácia "erga omnes" aplicável a todas as empresas e trabalhadores, independentemente de serem associados ou não às entidades respectivas; e) As Assembléias, para as quais foram convocados associados e não associados não consideraram correto que apenas os primeiros arquem com as despesas decorrentes da prestação de serviços pelos sindicatos; f) Os representados dos sindicatos consideram que, o fato de não contribuir para suas entidades ao mesmo tempo em que dela se beneficiam, representa má situação de enriquecimento sem causa; DECIDIRAM: 1) Instituir uma taxa pelos serviços prestados; 2) Esta taxa será devida por todos que se beneficiarem da norma coletiva; 3) Os valores das referidas taxas serão aprovadas em Assembléias específicas; TAXA ASSISTENCIAL PATRONAL Por deliberação unânime dos associados presentes a AGE realizada em 28/09/05, as empresas recolheram em favor do SINDIREPA/PR, até o dia , a TAXA ASSISTENCIAL PATRONAL, nos seguintes valores: Número de Empregados Valor da Contribuição a) Até 10 empregados R$ 200,00 b) De 11 até 30 empregados R$ 330,00 c) Mais de 30 empregados R$ 500,00 Será concedido um desconto de 20% (vinte por cento) para o recolhimento pontual até o dia 25/10/2005.

5 TAXA NEGOCIAL ASSISTENCIAL LABORAL O valor da referida taxa negocial assistencial laboral é de 6% (seis) por cento do salário base de cada trabalhador abrangido por esta CCT, os valores serão descontados no salário do mês de outubro e repassado ao sindicato profissional até a data de 10 de novembro de Parágrafo Primeiro: O atraso neste repasse implicará em multa de 2% (dois por cento) sem o prejuízo dos juros e da correção monetária; 11 - MANUTENÇÃO DAS DEMAIS CLÁUSULAS CONSTANTES DA C.C.T 2004/2005 FIRMADA EM 07/10/2004 Ficam mantidas todas as demais cláusulas constantes da Convenção Coletiva de Trabalho firmada em 07/10/2004, as quais tiveram sua vigência pactuada para dois anos (01/09/2004 a 31/08/2006). 12- PENALIDADE Fica instituída multa penal por infração às disposições clausuladas nesta Convenção, por empregado, o valor equivalente a 2% (dois por cento) do menor Piso Salarial da categoria, exclusivamente nas obrigações de fazer, a qual reverterá em favor do prejudicado. PARÁGRAFO ÚNICO - Esta multa não se aplica àquelas cláusulas que já prevejam penalidade específica, sendo vedada a cumulação. 13- FORO Fica eleito o foro da sede do Sindicato Obreiro para dirimir conflitos oriundos da presente Convenção Coletiva de Trabalho. Curitiba, 04 de outubro de Evaldo Kösters - Presidente do SINDIREPA/PR CPF CNPJ / Edvino Rossa - Presidente do SIRVEPA CPF CNPJ /

CCT 2005/ Sindirepa e Metalrepa

CCT 2005/ Sindirepa e Metalrepa CCT 2005/2006 - Sindirepa e Metalrepa CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO - 2.005/2.006. CATEGORIA ECONÔMICA SINDIREPA-PR Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado do Paraná. CNPJ

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR000062/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/01/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR073771/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.000204/2014-60

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL 1 de 5 29/09/2014 13:18 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ002170/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/09/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR046716/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.020723/2014-14

Leia mais

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Fundado em 01 de março de 1996 Entidade reconhecida no Arquivo de Entidades Sindicais do MTE sob o nº 46000-006947/96

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO /2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO /2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO /2015 Convenção Coletiva de Trabalho, que entre si ajustam a FEDERAÇÃO NACIONAL DOS EMPREGADOS EM POSTOS DE SERVIÇOS DE COMBUSTÍVEIS E DERIVADOS DE PETRÓLEO - FENEPOSPETRO,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 2017

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 2017 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 2017 Por este instrumento particular de Convenção Coletiva de Trabalho, celebrado com fundamento no Art. 611 da CLT, o SINDICATO DOS FARMACÊUTICOS NO ESTADO DO PARANÁ,

Leia mais

CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO e FENATRACOOP - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES CELETISTAS NAS COOPERATIVAS NO BRASIL 01.11.2010 a 31.05.2011 CCT - CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 SINDICATO DO COMÉRCIO ATACADISTA DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DE BELO HORIZONTE E CONTAGEM, CNPJ n. 17.265.851/0001-69, neste ato representado por seu Presidente, Sr. MARCUS

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC000980/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 26/05/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR024323/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.002747/2014-12 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO "EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E MISTOS" PARTES: SINDICATO DOS EMPREGADOS DE EDIFÍCIOS, ZELADORES, PORTEIROS, CABINEIROS, VIGIAS, FAXINEIROS,

Leia mais

81 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA 09/02/2015

81 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA 09/02/2015 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001070/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 26/03/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR010558/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.002683/2015-30

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MS000268/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/06/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR020136/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46312.003324/2013-18 DATA DO PROTOCOLO: 20/05/2013 ACORDO COLETIVO

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 28/12/2011

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 28/12/2011 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR061900/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46268.004620/2011-49 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 22/12/2011

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 22/12/2011 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR061899/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 47998.008319/2011-22 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MS000150/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/05/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023594/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46312.002655/2012-41 DATA

Leia mais

1- DO INSTRUMENTO NORMATIVO E SEU CAMPO DE APLICAÇÃO

1- DO INSTRUMENTO NORMATIVO E SEU CAMPO DE APLICAÇÃO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO Pelo presente instrumento, de um lado, o SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE COMBUSTÍVEIS AUTOMOTIVOS, LOJAS DE CONVENIÊNCIA e LUBRIFICANTES DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL-SINPETRO/MS,

Leia mais

- Auxiliares Valores - R$ Digitadores 1.129,08

- Auxiliares Valores - R$ Digitadores 1.129,08 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE000517/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/04/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019779/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.005004/2016-54

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR Comunicamos o Acordo Coletivo celebrado com a o Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos do Comércio e em Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO "EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E MISTOS" PARTES: SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS E COMERCIAIS DE SÃO BERNARDO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS, CNPJ n 17.265.877/0001-07, neste ato representado por seu Presidente, Sr. LÁZARO

Leia mais

2.013 2.014. 1. VIGÊNCIA A presente convenção terá vigência de 12 (doze) meses a contar de 1º de julho de 2.013.

2.013 2.014. 1. VIGÊNCIA A presente convenção terá vigência de 12 (doze) meses a contar de 1º de julho de 2.013. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2.013 2.014 SINDICATO DOS EMPREGADOS DE AGENTES AUTÔNOMOS DO COMÉRCIO E EM EMPRESAS DE ASSESSORAMENTO, PERÍCIAS, INFORMAÇÕES E PESQUISAS E DE EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

Leia mais

I. VIGÊNCIA, DATA-BASE E ABRANGÊNCIA. 1- VIGÊNCIA O presente instrumento vigorará de 1º de julho de a 30 de junho de

I. VIGÊNCIA, DATA-BASE E ABRANGÊNCIA. 1- VIGÊNCIA O presente instrumento vigorará de 1º de julho de a 30 de junho de CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2.016 / 2.017 SINDICATO DOS EMPREGADOS DE AGENTES AUTÔNOMOS DO COMÉRCIO E EM EMPRESAS DE ASSESSORAMENTO, PERÍCIAS, INFORMAÇÕES E PESQUISAS E DE EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

Leia mais

Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, como representantes da categoria profissional, a FEDERAÇÃO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO

Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, como representantes da categoria profissional, a FEDERAÇÃO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO TERMO DE ADITAMENTO DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO PROCESSO DRT/SP Nº 46219-21246/05-83 Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, como representantes da categoria profissional,

Leia mais

MOTORISTA DE CARRETA R$ 694,00; MOTORISTA DE CAMINHÃO R$ 585,00; MOTORISTA DE UTILITÁRIO

MOTORISTA DE CARRETA R$ 694,00; MOTORISTA DE CAMINHÃO R$ 585,00; MOTORISTA DE UTILITÁRIO CONVENÇÃO COLETIVA QUE ENTRE SI FAZEM O SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS E TRABALHADORES EM TRANSPORTES DE CARGAS EM GERAL E PASSAGEIROS NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, REPRESENTANDO OS

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028406/2015 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 21/05/2015 ÀS 11:39 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46473.003191/2014-18

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE000469/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/04/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR018152/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.004307/2016-50 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064708/2016 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 23/09/2016 ÀS 10:21 NÚMERO DO PROCESSO: 46219.015089/2016-20 DATA DO PROTOCOLO: 13/10/2016 SINDICATO

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001404/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019141/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.005615/2015-22 DATA DO

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR030102/2015 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 02/06/2015 ÀS 13:01 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46267.001126/2014-85

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000926/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 10/06/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR070301/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46232.001993/2015-07

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR002358/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/06/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR029898/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.007686/2013-06 DATA DO

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE000572/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR021807/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.005707/2015-00

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005372/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023931/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 47998.003161/2013-66

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014

TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014 TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014 JORNADA NORMAL DE TRABALHO - Atendido ao disposto no artigo 3 da Lei n 12.790/2013, a jornada normal dos empregados comerciários não excederá

Leia mais

CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013

CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 Esta circular do segmento VAREJISTA se aplica aos comerciários da base comum dos sindicatos signatários deste documento: SINCOMÉRCIARIOS E SINCOMÉRCIO,

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL 1 de 5 19/02/2015 14:00 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000233/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/02/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR076924/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.030044/2014-53

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO - 2000 Entre as partes, de um lado: SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS FABRICANTES DE PEÇAS E PRÉ-FABRICADOS EM CONCRETO DO ESTADO DE SÃO PAULO e de outro lado: SINDICATO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ002242/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 02/10/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR049024/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.018167/2014-16

Leia mais

TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR002299/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/06/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034357/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.009323/2015-69

Leia mais

Sindicato dos Empregados no Comércio de Guarulhos

Sindicato dos Empregados no Comércio de Guarulhos 1 TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2005/2006 Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado como representante da categoria profissional o SINDICATO DOS EMPREGADOS NO

Leia mais

PAUTA DO ACORDO COLETIVO 2016/2017 CONCESSIONÁRIA RIO GALEÃO

PAUTA DO ACORDO COLETIVO 2016/2017 CONCESSIONÁRIA RIO GALEÃO PAUTA DO ACORDO COLETIVO 2016/2017 CONCESSIONÁRIA RIO GALEÃO Considerando, suas funções institucionais, e a constante luta pela melhoria das condições gerais de trabalho, o Sindicato Nacional dos Empregados

Leia mais

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS NO RIO GRANDE DO SUL CIRCULAR ESPECIAL CONVENÇÃO COLETIVA CUT 2010/2011

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS NO RIO GRANDE DO SUL CIRCULAR ESPECIAL CONVENÇÃO COLETIVA CUT 2010/2011 CIRCULAR ESPECIAL CONVENÇÃO COLETIVA CUT 2010/2011 Pela presente informamos que foram encerradas as negociações coletivas do ano em curso, resultando na Convenção Coletiva de Trabalho com a Federação e

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2006/2008

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2006/2008 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2006/2008 Pelo presente instrumento, as partes, de um lado, o SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE TELECOMUNICAÇÕES E OPERADORES DE MESAS TELEFÔNICAS DO ESTADO DO PARANÁ

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2006/2007

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2006/2007 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2006/2007 O SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE MARINGÁ (CNPJ Nº 79.147.799/0001-01 e INSCRIÇÃO NO MTE Nº 203.065/1957), representando os EMPREGADOS e o SINDICATO DO

Leia mais

Porto Alegre, 03 de março de 2006.

Porto Alegre, 03 de março de 2006. Ilmª Sra. Dra. Neusa de Azevedo D. D. Delegada Regional do Trabalho/RS. O Sindicato das Lavanderias e Similares do Estado do Rio Grande do Sul, com sede à Rua Ernesto da Fontoura, n. 1.088, em Porto Alegre,

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS002799/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/11/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR069776/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.018553/2016-40 DATA

Leia mais

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2017/2018

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2017/2018 RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2017/2018 SINDICATO DOS PUBLICITÁRIOS, DOS AGENCIADORES DE PROPAGANDA E DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE PROPAGANDA DO ESTADO DE SÃO PAULO e SINDICATO DAS AGÊNCIAS DE PROPAGANDA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR039537/2017 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 07/07/2017 ÀS 18:05 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46261.002747/2016-06

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010/2011

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010/2011 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS000964/2010 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/07/2010 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR033480/2010 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.009935/2010-97

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA ENTRE A FEDERAÇÃO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DOS ESTADOS DA BAHIA E SERGIPE- CNPJ-15.243.686.0001.19 E A FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO

Leia mais

Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES

Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES PRESIDENTE: SERGIO PARANHOS 2015/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 SIND DOS EMP EM TURISMO E HOSP DE SAO JOSE DO RIO PRETO, CNPJ n.

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS003159/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 30/12/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR083251/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.022886/2014-10

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: /

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: / TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028158/2011 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL:46254.001823/2010-51 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028158/2011 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.001823/2010-51

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR026989/2013 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46266.003897/2012-55

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002162/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 01/09/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR053909/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.005558/2016-63

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO REAJUSTES/CORREÇÕES SALARIAIS

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO REAJUSTES/CORREÇÕES SALARIAIS TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR025062/2015 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 08/05/2015 ÀS 15:28 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46215.022244/2014

Leia mais

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2016/2017

RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2016/2017 RESUMO DA CONVENÇÃO COLETIVA 2016/2017 Pelo presente instrumento particular, de um lado, o SINDICATO DOS PUBLICITÁRIOS, DOS AGENCIADORES DE PROPAGANDA E DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE PROPAGANDA DO ESTADO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001932/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/09/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR049464/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.014909/2013-23 DATA

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR002368/2017 DATA DE REGISTRO NO MTE: 11/07/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR039881/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.012988/2017-11 DATA

Leia mais

Parágrafo Único - autorizando a compensação de reajustes espontâneos concedidos no período de 01/05/2015 a 30/04/2016.

Parágrafo Único - autorizando a compensação de reajustes espontâneos concedidos no período de 01/05/2015 a 30/04/2016. Acordo Coletivo de Trabalho com vigência entre 01/05/2016 A 30/04/2017, que entre si fazem o Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar do Estado do Rio de Janeiro, com sede à Rua dos Andradas,

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE001009/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/07/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034284/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.010483/2015-40 DATA DO

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR039582/2017 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 03/07/2017 ÀS 18:42 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46265.001917/2016-97

Leia mais

/ I N T E R I O R

/ I N T E R I O R CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS, A FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DE MINAS GERAIS E O SINDICATO DOS

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015 PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015 CLÁUSULAS DE REIVINDICAÇÕES: CLÁUSULA PRIMEIRA REAJUSTE SALARIAL: Reajuste salarial dos trabalhadores em CONSULTÓRIOS MÉDICOS E ODONTOLÓGICOS, CLÍNICAS MÉDICAS

Leia mais

O Calendário do curso estará sujeito a sofrer alteração no decorrer do mesmo.

O Calendário do curso estará sujeito a sofrer alteração no decorrer do mesmo. TERMO DE CONTRATAÇÃO E MATRÍCULA CURSO DE GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA SOCIEDADE EDUCACIONAL DE SANTA CATARINA-SOCESC, pessoa jurídica de direito privado, com sede na Rua Albano Schmidt nº 3333, Bairro

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005919/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 15/06/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028026/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46261.002658/2011-47

Leia mais

ANO REFERÊNCIA 2017/2018

ANO REFERÊNCIA 2017/2018 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDICATO DOS PROPRIETÁRIOS DE CFC S DO ESTADO DE MINAS GERAIS SIPROCFC/MG E O SINDICATO DOS EMPREGADOS E INSTRUTORES DE AUTO-ESCOLAS E DOS CFC S DO ESTADO

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Page 1 of 6 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP003004/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 04/04/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR015190/2012 NÚMERO DO PROCESSO:

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2007 / 2008 2008 / 2009. Enfermeiros

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2007 / 2008 2008 / 2009. Enfermeiros CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2007 / 2008 2008 / 2009 Enfermeiros O SINDICATO DOS ENFERMEIROS DO ESTADO DE MINAS GERAIS, CNPJ nº 21.854.005/0001-51, portador de Carta Sindical expedida pelo MTb (cópia

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP006002/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 11/06/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR030110/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46266.003120/2015-33

Leia mais

FEMETAL E SINDICATOS

FEMETAL E SINDICATOS FEMETAL E SINDICATOS AUMENTO SALARIAL Os salários dos empregados das categorias profissionais convenentes vigentes em 1º de outubro de 2011, serão corrigidos a partir de 1º de outubro de 2012 obedecendo

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR002952/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/07/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR047032/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.011168/2015-41 DATA DO PROTOCOLO: 23/07/2015 ACORDO COLETIVO

Leia mais

Salários, Reajustes e Pagamento

Salários, Reajustes e Pagamento TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR065290/2010 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.003732/2009-17

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: DF000019/2010 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/01/2010 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR056286/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46206.016881/2009-11 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 MR022417/2012

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 MR022417/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 MR022417/2012 Convenção Coletiva de Trabalho que entre si celebram de um lado o Sindicato dos Trabalhadores em Entidades Culturais e Recreativas no Estado de Minas

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000249/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 11/05/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR022255/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.000856/2015-03

Leia mais

Aos empregados admitidos após a data base de 01/11/2014 e até 31/10/2015 o reajuste será proporcional obedecendo a seguinte tabela: b) COMPENSAÇÃO DAT

Aos empregados admitidos após a data base de 01/11/2014 e até 31/10/2015 o reajuste será proporcional obedecendo a seguinte tabela: b) COMPENSAÇÃO DAT TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR078478/2015 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 03/12/2015 ÀS 15:38 NÚMERO DO PROCESSO: 46257.006352/2015-52 DATA DO PROTOCOLO:

Leia mais

Página 2 de 5 FUNÇÕES 1/08/2012 1/1/2013 Ofice-boys, serventes e faxineiros. 690,00 715,00 Demais Funções 832,00 863, Fica ressalvada legislação

Página 2 de 5 FUNÇÕES 1/08/2012 1/1/2013 Ofice-boys, serventes e faxineiros. 690,00 715,00 Demais Funções 832,00 863, Fica ressalvada legislação Página 1 de 5 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 BA000139/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/03/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR010181/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46204.002304/2013-49 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 Excerto da CCT assinada entre o sindicato profissional e a FECOMERCIO SP, por procuração e nas cláusulas que se aplicam ao SINCOMAVI Por este instrumento e na melhor

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000583/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 29/05/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR017375/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46666.001300/2009-20 DATA

Leia mais

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 TERMOS ADITIVO(S) VINCULADO(S) Processo n : 46206.018070/2011-70 e Registro n : DF000130/2012 SINDICATO DOS TRABALHADORES EM FARMÁCIAS, DROGARIAS,

Leia mais

Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho

Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho SINPEFESP-(empregados)-SINDELIVRE-(patronal) Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013. VIGÊNCIA E DATA-BASE As cláusulas e condições da presente Convenção Coletiva de Trabalho que

Leia mais

CONTRATO Nº 189/2012

CONTRATO Nº 189/2012 CONTRATO Nº 189/2012 Pelo presente instrumento particular, o MUNICÍPIO DE CANDELÁRIA, Pessoa Jurídica de Direito Público, com sede na Av. Pereira Rego, 1665, representada neste ato por seu, Sr. LAURO MAINARDI,

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: GO000792/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 15/10/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR050907/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46208.011100/2015-21 DATA

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002604/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 16/10/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR059778/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.005232/2012-11 DATA DO

Leia mais

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR004220/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 03/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR058142/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.017517/2011-12

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023543/2011 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46255.002257/2010-95

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001930/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/09/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR048318/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.014907/2013-34 DATA

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS002117/2017 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/08/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR051464/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.012583/2017-23 DATA DO

Leia mais

Página 2 de 5 DATA DE ADMISSÃO MULTIPLICAR POR Até ,60% De a ,97% De a ,34% De a ,7

Página 2 de 5 DATA DE ADMISSÃO MULTIPLICAR POR Até ,60% De a ,97% De a ,34% De a ,7 Página 1 de 5 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR073569/2013 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 04/12/2013 ÀS 16:05 NÚMERO DO PROCESSO: 46257.007757/2013-46 DATA

Leia mais

Índice de Reajuste (%)

Índice de Reajuste (%) ACORDO COLETIVO DE TRABALHO QUE ENTRE SI FAZEM O SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DA CONSTRUÇÃO, DO MOBILIÁRIO E DA EXTRAÇÃO DE MÁRMORE, CALCÁRIO E PEDREIRAS DE PEDRO LEOPOLDO, MATOZINHOS, PRUDENTE

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015. (Escritórios de Contabilidade e Advogados)

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015. (Escritórios de Contabilidade e Advogados) CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2015 (Escritórios de Contabilidade e Advogados) SINDPEC -SIND EMPREG EMPRESAS DE ASSES PER INF PESQ EST DA BAHIA, CNPJ n. 16.116.881/0001-40, neste ato representado(a)

Leia mais

MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 SINDICATO DOS TÉCNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO NO ESTADO DE SÃO PAULO - SINTESP, entidade sindical profissional, inscrita no CNPJ/MF sob o no. 60.266.996/0001-03,

Leia mais

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2011

TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2011 TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2011 TERMO ADITIVO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2011 que entre si celebram, de um lado a FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE MINAS GERAIS,

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR041032/2017 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 24/07/2017 ÀS 16:14 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46473.002520/2016-67

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 31/01/2012

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 31/01/2012 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR061901/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.000044/2012-09 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais