Todas as crianças, tenham ou não deficiências, têm direito a educação. enhuma criança deve ser considerada ineducável.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Todas as crianças, tenham ou não deficiências, têm direito a educação. enhuma criança deve ser considerada ineducável."

Transcrição

1 TRECHOS DA PALESTRA DE MARIA AMELIA VAMPRÉ XAVIER, DA SEADS E DA FEDERAÇÃO ACIO AL DAS APAES, O ROTARY CLUBE-AEROPORTO, EM 3 DE OVEMBRO DE 2009 SOBRE O TEMA: A SITUAÇÃO DAS CRIA ÇAS O MU DO E SEU DIREITO À EDUCAÇÃO Digitado em São Paulo por Maria Amélia Vampré Xavier, Rede de Informações Área Deficiências Projeto Futuridade, Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo, Rebrates, SP, Carpe Diem, SP, Sorri Brasil, SP, Inclusion InterAmericana e Inclusion International em 4 de novembro, Todas as crianças, tenham ou não deficiências, têm direito a educação. enhuma criança deve ser considerada ineducável. osso mundo conta hoje com 6.55 bilhões de pessoas. Os Estados Unidos fazem parte do chamado mundo desenvolvido ou industrializado, que consiste de cerca de 57 países, com uma população combinada de cerca de 1 bilhão, menos de um sexto da população do mundo. Em contraste, aproximadamente 5.1 bilhão de pessoas vivem no mundo em desenvolvimento. Este mundo é composto de 125 países de renda baixa ou média com baixo padrão de vida e acesso a menos serviços. Subnutrição e deficiências calóricas causam uma em três mortes prematuras, ou resultam em deficiências. (Organização Mundial da Saúde). Mulheres grávidas, mães recentes que amamentam os filhos, e crianças, são as que sofrem maior risco de subnutrição. Em 2005 cerca de 10 milhões e 100 mil crianças morreram antes de chegar aos 5 anos, quase todas essas mortes em países em desenvolvimento.

2 A fome se manifesta de muitas formas que não a inanição; a maioria das pessoas pobres que luta contra a fome enfrenta subnutrição crônica e deficiências de vitaminas e minerais, isso resulta em alteração no crescimento, fraqueza, e aumento de suscetibilidade a doenças. Segundo dados das ações Unidas existem no mundo cerca de 600 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência. Em países em desenvolvimento como o Brasil há infelizmente um número bastante grande de crianças que não freqüentam a escola porque são muito pobres, precisam ajudar no sustento da família e trabalham em condições miseráveis como verdadeiras escravas. Sabe-se que nos países em desenvolvimento um total de 250 milhões de crianças trabalham e sofrem explorações. Desse algarismo cerca de 60 por cento das crianças estão na Ásia, 32 por cento na África. Metade desse número total, ou seja 120 milhões de crianças,, trabalham em período integral. O direito à educação é um direito humano fundamental. enhum país pode se considerar no caminho do desenvolvimento sustentável se não tiver uma política educacional que envolva todas as crianças desde idade zero até a idade adulta. * Conforme informaram os jornais de 29 e 30 de outubro 2009 o Senado do Brasil aprovou uma alocação de fundos para a educação, em que passa a ser exigido que a partir de 2011 toda criança deve estar matriculada na escola aos 4 anos de idade, ali permanecendo 14 anos no total, aumentando de 9 para 14 anos o tempo mínimo que os brasileiros terão de permanecer na escola. Isso deverá ocorrer até Essa iniciativa do governo federal tem grande importância porque a U ESCO constantemente adverte que as atividades escolares devem começar bem cedo na vida para as crianças, dessa forma a chamada pré-escola passará a ter no Brasil uma importância que até hoje não teve. Ressalte-se que a média de permanência de uma criança na escola e nos Estados Unidos é obrigatoriamente de 12 anos. Um fato relevante é que pelo menos 130 milhões de crianças que deviam estar na escola estão fora dela e é importante assinalar que dois terços dessas crianças são meninas.

3 * As condições de vida das crianças em geral são de baixa qualidade; tanto em países em desenvolvimento como industrializados no mundo; crianças enfrentam diariamente violência doméstica e violência nas ruas; são pressionadas a utilizar drogas; ficam sujeitas a exploração sexual e abusos de todo tipo. Sabe-se que a pobreza é a maior inimiga das crianças, e quando se trata de crianças com deficiências, sabemos que se pussermos juntas 5 pessoas entre as mais pobres do mundo, uma delas certamente terá uma deficiência. Portanto, os países devem combater a pobreza de todas as formas. Isso não é fácil; neste mundo globalizado sabemos que há 854 milhões de pessoas ao redor do mundo que teem fome. Se não vejamos: Cada dia no mundo morrem quase 16 mil crianças de causas relacionadas à fome, uma criança a cada 5 segundos. As ações Unidas afirmam que crianças morrem de fome diariamente. Em essência fome é a forma mais extrema de pobreza quando indivíduos ou famílias não teem meios de satisfazer sua necessidade mais básica de alimento. Muitas famílias brasileiras com um filho com deficiência são muito pobres. A pobreza é, pois, a pior inimiga da educação das nossas crianças. Em qualquer lugar do mundo onde haja, por exemplo, cinco pessoas vivendo abaixo da linha da pobreza das ações Unidas menos de um dólar por dia uma delas será uma pessoa com deficiência. Por esse motivo a pobreza é um mal que precisa ser combatido com vigor. Os países em desenvolvimento vêem adotando programas sociais importantes, tentando melhorar a alimentação das pessoas mais pobres e condicionando essa ajuda à manutenção por essas famílias de suas crianças na escola, o que deve ser devidamente comprovado. Caso as crianças não estejam indo para a escola, a ajuda é imediatamente suspensa. * A pobreza produz gravidezes em que as gestantes sofrem fome crônica; seus filhos nascem com peso baixo e estão sujeitos desde o nascimento a enormes sofrimentos. A criança pode sofrer quando ainda está no ventre da mãe, durante o parto, e no período imediatamente seguinte. as primeiras semanas de vida a criança precisa de cuidados

4 imediatos O teste do pezinho é obrigatório no Brasil mas, mesmo assim, 20% dos recém-nascidos não são submetidos a esse exame importantíssimo, que detecta hipotireoidismo congênito, ou fenilcentorua, uma condição em que é exigida dieta especial para crianças com esse problema a ser obedecida até a vida adulta. As crianças, no mundo todo, tanto em países adiantados como nos em desenvolvimento, passam por todo tipo de sofrimentos. A Convenção das ações Unidas sobre os Direitos das Crianças aponta esse fato e pede uma solução imediata. Crianças, principalmente as pobres, mas ocorre também em famílias ricas, sofrem abusos de toda sorte abusos sexuais ainda na infância, castigos físicos hoje proibidos em muitos países, são impelidas pela fome e pela ignorância dos pais a se tornarem presas do tráfico de drogas. Crianças de famílias desestruturadas onde há muita violência e alcoolismo, tornam-se crianças de rua sujeitas a ainda um número maior de abusos de todos os tipos: sexuais, trabalho escravo, violência por todos os lados, consumo e tráfico de drogas. A violência, que é o combustível diário dessas crianças, se transfere muitas vezes para as escolas e aí vemos cenas terríveis de vandalismo, agressão física aos professores, coisas muito difíceis mesmo. Então, se a Constituição diz que todos os brasileiros são iguais perante a lei como ficam essas profundas desigualdades sociais que estimulam a inveja, os sentimentos mesquinhos; a vontade de ter coisas e não de estudar e procurar ser alguém útil à sociedade de que faz parte. Dois documentos de magna importância vêem sendo discutidos hoje intensamente em todo o Brasil: a Convenção das ações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiências, e a Convenção sobe os Direitos das Crianças.de Ela dá especial destaque ao direito da criança receber educação de primeira qualidade, seja ela rica ou pobre, venha de que raça for, neste país multiracial, tenha cultura religiosa cristã, judaica, muçulmana ou nenhuma delas. Dizia John Kenndy, Presidente dos Estados Unidos, morto em 1963:

5 ============================================= == Um país só é plenamente respeitado se cuidar com a mesma atenção de suas minorias importantíssimas: as crianças as mulheres as pessoas idosas Maria Amelia Vampré Xavier, São Paulo, 4 de novembro, 2009

O texto de hoje da UNESCO é simples mas deveria ser pensado por todos nós. Vamos a ele:

O texto de hoje da UNESCO é simples mas deveria ser pensado por todos nós. Vamos a ele: COMUICAÇÃO ( 2.communication) Extraído de páginas 76 e 77 do guia para professores da U ESCO: (Understanding and responding to children s needs in Inclusive Classrooms) www.unesco.org.com; traduzido do

Leia mais

CIDADANIA: DIREITOS CIVIS, POLÍTICOS, SOCIAIS, E OUTROS

CIDADANIA: DIREITOS CIVIS, POLÍTICOS, SOCIAIS, E OUTROS CIDADANIA: DIREITOS CIVIS, POLÍTICOS, SOCIAIS, E OUTROS O que é ser cidadão e cidadania? Cidadão é o indivíduo participante de uma comunidade (Estado) e detentor de direitos e deveres. Assim, a cidadania

Leia mais

Explicando o Bolsa Família para Ney Matogrosso

Explicando o Bolsa Família para Ney Matogrosso Pragmatismo Político, 14 de maio de 2014 Explicando o Bolsa Família para Ney Matogrosso Criticado por Ney Matogrosso e peça da campanha de Aécio, Campos e Dilma, benefício é pago para 14 milhões de famílias.

Leia mais

Unidade 1 - página 25 CADA CRIA ÇA É UM I DIVÍDUO (e=every child is an individual)

Unidade 1 - página 25 CADA CRIA ÇA É UM I DIVÍDUO (e=every child is an individual) CRIA ÇAS QUE PASSAM PRIVAÇÕES ( DEPRIVATIO ) Traduzido do documento da U ESCO GUIA DE AJUDA A PROFESSORES ( COMPREE DE DO AS ECESSIDADES DAS CRIA ÇAS UMA SALA DE AULA I CLUSIVA) Unidade 1 - página 25 CADA

Leia mais

O Brasil e os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

O Brasil e os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio O Brasil e os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio O Brasil avançou muito em relação ao cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e pavimentou o caminho para cumprir as metas até 2015.

Leia mais

INFANTIL TRABALHO INFANTIL

INFANTIL TRABALHO INFANTIL TRABALHO As estimativas globais mais recentes indicam que cerca de 120 milhões de crianças entre 05 e 14 anos de idade são vítimas do trabalho infantil. No Brasil, calcula-se que 3,7 milhões de crianças

Leia mais

ZINCO. Papel no organismo

ZINCO. Papel no organismo ZINCO Ter uma alimentação rica em minerais é essencial para manter a saúde em dia. Mas, entre tantos nutrientes, um deles assume papel de destaque: o zinco. "Esse mineral é essencial para que nosso corpo

Leia mais

Pare. na primeira. primeira fratura seja a sua última. Faça acom que a sua.

Pare. na primeira. primeira fratura seja a sua última. Faça acom que a sua. Pare na primeira Faça acom que a sua primeira fratura seja a sua última www.iofbonehealth.org O QUE É A OSTEOPOROSE? A osteoporose é uma doença na qual os ossos ficam mais frágeis e fracos, levando a um

Leia mais

POLÍTICAS SOCIAIS DE COMBATE A POBREZA, NA GARANTIA DE DIREITOS: UM BREVE RELATO

POLÍTICAS SOCIAIS DE COMBATE A POBREZA, NA GARANTIA DE DIREITOS: UM BREVE RELATO POLÍTICAS SOCIAIS DE COMBATE A POBREZA, NA GARANTIA DE DIREITOS: UM BREVE RELATO Clarice Ana Ruedieger Jaqueline Fernanda Machado Jaqueline Nadir da Silva Rosiléia Cavalli Weber INTRODUÇÃO: Com o desenvolvimento

Leia mais

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 UNICEF FUNDO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A INFÂNCIA

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 UNICEF FUNDO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A INFÂNCIA COPATROCINADOR UNAIDS 2015 UNICEF FUNDO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A INFÂNCIA COPATROCINADORES UNAIDS 2015 UNICEF O QUE É UNICEF? O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) acredita que promover os

Leia mais

Gravidez na Adolescência

Gravidez na Adolescência www.medstudents.com.br/content/resumos/gravidez_na_adolescencia. Gravidez na Adolescência Autor : Verena Castellani Vitor Santos Introdução É um período de turbulências físicas e psicológicas, e por vezes

Leia mais

Agricultura e Alimentação (JA)

Agricultura e Alimentação (JA) O SR. INOCÊNCIO OLIVEIRA (PL/PE pronuncia o seguinte discurso.) Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados: Relatório da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), organismo da ONU,

Leia mais

As Diferenças Sociais

As Diferenças Sociais As Diferenças Sociais 1 A Estratificação Social É a separação da sociedade em grupos de indivíduos que apresentam características parecidas, como: negros, brancos, católicos, protestantes, homem, mulher,

Leia mais

Nº 38-B-Domingo XXXII do Tempo Comum

Nº 38-B-Domingo XXXII do Tempo Comum Nº 38-B-Domingo XXXII do Tempo Comum-11.11.2012 Vimos hoje como Jesus deu um grande elogio a uma pessoa pobre, a quem ninguém dava importância: a viúva que pôs na caixa das esmolas duas pequenas moedas.

Leia mais

A REPRESSÃO DAS LEIS PENAIS SOMENTE PARA OS ESCOLHIDOS

A REPRESSÃO DAS LEIS PENAIS SOMENTE PARA OS ESCOLHIDOS A REPRESSÃO DAS LEIS PENAIS SOMENTE PARA OS ESCOLHIDOS Simone de Sá Portella Procuradora do Município de Campos dos Goytacazes/RJ; Mestre em Políticas Públicas e Processo pela UNIFLU/FDC; Colunista da

Leia mais

LE 702 a 727 676. Por que o trabalho se impõe ao homem? Por ser uma consequência da sua natureza corpórea. É expiação e, ao mesmo tempo, meio de aperfeiçoamento da sua inteligência... Q. 719 É natural

Leia mais

Gravidez: Cuidados e Emoções

Gravidez: Cuidados e Emoções Gravidez: Cuidados e Emoções Como são os cuidados do começo ao fim da gravidez, e quais são as emoções mais comuns entre as mamães. Há muitas dúvidas que cercam as mamães de primeira viagem, ou até mesmo

Leia mais

Senado Federal. Discurso do Senador Cristovam Buarque. Plenário do Senado Federal. 09/Julho/2014

Senado Federal. Discurso do Senador Cristovam Buarque. Plenário do Senado Federal. 09/Julho/2014 Senado Federal Discurso do Senador Cristovam Buarque Plenário do Senado Federal 09/Julho/2014 Desculpe, David Luiz *Por Cristovam Buarque O Brasil é um País privilegiado. Sabemos do privilégio na natureza

Leia mais

Microcrédito e Comércio Justo

Microcrédito e Comércio Justo Microcrédito e Comércio Justo Antiga DIT Antiga DIT A Antiga DIT A Antiga DIT baseava-se no princípio da especialização. Os países do Sul especializavam-se em produtos de baixo valor acrescentado. Quando

Leia mais

racismo, a fato é que a pesquisa que ora publicamos revela que o quadro apenas se agravou.

racismo, a fato é que a pesquisa que ora publicamos revela que o quadro apenas se agravou. Página 1 de 15 Apresentação Com o objetivo de examinar o quadro atual da discriminação racial nas relações de trabalho, o INSPIR - Instituto Sindical lnteramericano pela Igualdade Racial, encomendou ao

Leia mais

FAMÍLIA COMO PROTEÇÃO AO USO DE DROGAS

FAMÍLIA COMO PROTEÇÃO AO USO DE DROGAS FAMÍLIA COMO PROTEÇÃO AO USO DE DROGAS IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA A família tem papel central na proteção ao uso de drogas. Família é primeira referência. Pode estruturar ou desestruturar. A criança e o adolescente

Leia mais

Ana Gonçalves. Curso: TSHT- Técnico de Segurança e Higiene no trabalho. CP: Cidadania e Profissionalidade. Formadora: Ana Gonçalves

Ana Gonçalves. Curso: TSHT- Técnico de Segurança e Higiene no trabalho. CP: Cidadania e Profissionalidade. Formadora: Ana Gonçalves Descrição: Direitos e deveres adquiridos em cada fase da vida - criança, adulto e na velhice Objectivo: Cidadão/ Estado Critérios de Evidência; Reconhecer as responsabilidades inerentes à liberdade pessoal

Leia mais

MANDATOS DECORRENTES DA SEXTA CÚPULA DAS AMÉRICAS. As Chefes e os Chefes de Estado e de Governo das Américas nos comprometemos a:

MANDATOS DECORRENTES DA SEXTA CÚPULA DAS AMÉRICAS. As Chefes e os Chefes de Estado e de Governo das Américas nos comprometemos a: SEXTA CÚPULA DAS AMÉRICAS OEA/Ser.E 14 a 15 de abril de 2012 CA-VI/doc.6/12 Rev.2 Cartagena das Índias, Colômbia 23 maio 2012 Original: espanhol MANDATOS DECORRENTES DA SEXTA CÚPULA DAS AMÉRICAS As Chefes

Leia mais

BOM PRA CABEÇA PASSATEMPOS

BOM PRA CABEÇA PASSATEMPOS BOM PRA CABEÇA PASSATEMPOS 2 apresentação coquetel Galera Com o Programa Saúde na Escola, uma iniciativa do Governo Federal, os alunos da rede pública também estão aprendendo a melhorar os hábitos de alimentação

Leia mais

AÇÕES A SEREM DESENVOLVIDAS Na "Semana 100% Mamãe e Bebê"

AÇÕES A SEREM DESENVOLVIDAS Na Semana 100% Mamãe e Bebê AÇÕES A SEREM DESENVOLVIDAS Na "Semana 100% Mamãe e Bebê" DATA LOCAL AÇÕES CONVIDADOS RESPONSÁVEIS 14/05/12 (Segunda) CRIA 8:00 às 12:00 horas Abertura da "Semana 100% Mamãe e Bebê" - Apresentação das

Leia mais

Direitos Humanos da Criança

Direitos Humanos da Criança Direitos Humanos da Federal Ministry for Foreign Affairs of Austria Direitos Humanos da Todas as decisões relativas a crianças, adotadas por instituições públicas ou privadas de proteção social, por tribunais,

Leia mais

Ismênia Pires. Obra - Operários Tarsila do Amaral 1933

Ismênia Pires. Obra - Operários Tarsila do Amaral 1933 Ismênia Pires Obra - Operários Tarsila do Amaral 1933 Agenda de Hoje Compreendermos melhor : exige um grande esforço vontade verdadeira muito empenho, pois o conforto do já conhecido e sabido, é irresistível

Leia mais

Paulo. O sofrimento de Paulo

Paulo. O sofrimento de Paulo Paulo O sofrimento de Paulo Mas temos esse tesouro em vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus, e não de nós. De todos os lados somos pressionados, mas não desanimados;

Leia mais

PROJETO DE INTERVENÇÃO: O APROVEITAMENTO INTEGRAL ALIMENTAR

PROJETO DE INTERVENÇÃO: O APROVEITAMENTO INTEGRAL ALIMENTAR FACULDADE SALESIANA DE VITÓRIA GRADUAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL KARLA FRANCINE MOREIRA DE JESUS(MB) ARQUIVO DISPONIBILIZADO NA BIBLIOTECA VIRTUAL DO PROJETO REDESAN Título: Projeto de Intervenção: O Aproveitamento

Leia mais

Políticas públicas, Pobreza Urbana e Território

Políticas públicas, Pobreza Urbana e Território Políticas públicas, Pobreza Urbana e Território Eduardo Marques DCP/USP e CEM/CEBRAP www.centrodametropole.org.br Sumário da apresentação 1. Porque usar a dimensão territorial nas políticas sociais 2.

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE COMPLEMENTAR

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE COMPLEMENTAR PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2015 - COMPLEMENTAR Altera a Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006, que institui o Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, para reduzir

Leia mais

A SOCIEDADE SALARIAL EM CRISE: A NOVA QUESTÃO SOCIAL

A SOCIEDADE SALARIAL EM CRISE: A NOVA QUESTÃO SOCIAL A SOCIEDADE SALARIAL EM CRISE: A NOVA QUESTÃO SOCIAL Disciplina: Trabalho, Sociedade e Desigualdades Professor: Francisco E. B. Vargas Instituto de Filosofia, Sociologia e Política IFISP/UFPel - 2013/2

Leia mais

Você já ouviu falar sobre a IGUALDADE DE GÊNERO? Saiba do que se trata e entenda o problema para as crianças, jovens e adultos se essa igualdade não

Você já ouviu falar sobre a IGUALDADE DE GÊNERO? Saiba do que se trata e entenda o problema para as crianças, jovens e adultos se essa igualdade não Você já ouviu falar sobre a IGUALDADE DE GÊNERO? Saiba do que se trata e entenda o problema para as crianças, jovens e adultos se essa igualdade não for ensinada na escola! O QUE É A IGUALDADE DE GÊNERO?

Leia mais

Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância

Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância Ovos Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas, substância essencial para a intensa produção de células que acontece no

Leia mais

O ASSISTENTE SOCIAL E SEU PAPEL NA EFETIVAÇÃO DE GARANTIAS DE DIREITOS DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NAS APAES

O ASSISTENTE SOCIAL E SEU PAPEL NA EFETIVAÇÃO DE GARANTIAS DE DIREITOS DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NAS APAES O ASSISTENTE SOCIAL E SEU PAPEL NA EFETIVAÇÃO DE GARANTIAS DE DIREITOS DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NAS APAES Renata Alves da Silva Farias* Marisa Aparecida Simões Freitas** JUSTIFICATIVA Segundo pesquisa

Leia mais

LEI MARIA DA PENHA E A CRIMINALIZAÇÃO DO MASCULINO. Alexandre Magno Fernandes Moreira Aguiar

LEI MARIA DA PENHA E A CRIMINALIZAÇÃO DO MASCULINO. Alexandre Magno Fernandes Moreira Aguiar LEI MARIA DA PENHA E A CRIMINALIZAÇÃO DO MASCULINO Alexandre Magno Fernandes Moreira Aguiar LEI MARIA DA PENHA E A CRIMINALIZAÇÃO DO MASCULINO Alexandre Magno Fernandes Moreira Aguiar Procurador do Banco

Leia mais

Mostra de Projetos 2011

Mostra de Projetos 2011 Mostra de Projetos 2011 A enfermagem atuando na saúde do adolescente e sua inserção no ambiente escolar Mostra Local de: Paranavaí Categoria do projeto: II - Projetos finalizados Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

Nº 38B- 32º Domingo do Tempo Comum

Nº 38B- 32º Domingo do Tempo Comum Nº 38B- 32º Domingo do Tempo Comum-8.11.2015 Vimos hoje como Jesus deu um grande elogio a uma pessoa pobre, a quem ninguém dava importância: a viúva que pôs na caixa das esmolas duas pequenas moedas. Como

Leia mais

ANO 01 #004 R$ 9,80 RENOVA!

ANO 01 #004 R$ 9,80 RENOVA! ANO 01 #004 R$ 9,80 RENOVA! Os cuidados que a pele exige após o Verão FAMA DE MAU O glúten é mesmo o vilão da alimentação? OBESIDADE INFANTIL Uma em cada três crianças brasileiras está acima do peso. Seus

Leia mais

O FUTURO DA ESCOLA INCLUSIVA PASSA PELA APAE

O FUTURO DA ESCOLA INCLUSIVA PASSA PELA APAE O FUTURO DA ESCOLA INCLUSIVA PASSA PELA APAE A PESSOA COM DEFICIÊNCIA ENSINANDO OS CAMINHOS PARA ESCOLA INCLUSIVA O outro é um termo usado para designar aquele que é diferente de si, considerando que pode-se

Leia mais

AS RELAÇÕES DE GÊNERO NA ESCOLA DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

AS RELAÇÕES DE GÊNERO NA ESCOLA DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 1 AS RELAÇÕES DE GÊNERO NA ESCOLA DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL Introdução MIRTES APARECIDA ALMEIDA SOUSA Universidade Federal de Campina Grande Quando as crianças chegam à escola dos anos iniciais

Leia mais

O CONFRONTO COM O BEBÊ REAL PRÉ-TERMO: PRINCIPAIS DIFICULDADES APRESENTADAS POR MÃES EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL.

O CONFRONTO COM O BEBÊ REAL PRÉ-TERMO: PRINCIPAIS DIFICULDADES APRESENTADAS POR MÃES EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL. O CONFRONTO COM O BEBÊ REAL PRÉ-TERMO: PRINCIPAIS DIFICULDADES APRESENTADAS POR MÃES EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL. Rafaela MEZZOMO, rafinhamezzomo@hotmail.com, Cléa Maria BALLÃO, clea.ballao@uol.com.br,

Leia mais

RELATÓRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS. Ação de Natal IMC

RELATÓRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS. Ação de Natal IMC RELATÓRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Ação de Natal IMC o maranhão O Maranhão continua sendo um dos estados mais desiguais do Brasil com cerca de 63% da população vivendo com menos de R$ 255,00 mensais, segundo

Leia mais

O estirão Nos meninos, ocorre entre 14 e 16 anos. Nas meninas entre 11 e 12 anos. É a fase que mais se cresce.

O estirão Nos meninos, ocorre entre 14 e 16 anos. Nas meninas entre 11 e 12 anos. É a fase que mais se cresce. A sexualidade no ser humano atravessa um longo desenvolvimento e tem início na adolescência. Cada pessoa tem seu desenvolvimento. No menino a puberdade se inicia com a primeira ejaculação ou polução e

Leia mais

DEZEMBRO DE 2012 Revista de Bioética. v. 21, n. 1, 2013

DEZEMBRO DE 2012 Revista de Bioética. v. 21, n. 1, 2013 Emancipação CONSELHO na NACIONAL luta pela DE equidade SAÚDE/ em pesquisas RESOLUÇÃO com Nº seres 466, humanos DE 12 DE Dirceu B. Greco Revista de Bioética. v. 21, n. 1, 2013 Para que o progresso científico

Leia mais

3. Pesquise em livros ou internet, procurando identificar em mapas onde está localizado o estado de Goiás. CIÊNCIAS ATIVIDADE 1

3. Pesquise em livros ou internet, procurando identificar em mapas onde está localizado o estado de Goiás. CIÊNCIAS ATIVIDADE 1 02- Roteiro de tarefas semana de 01 a 12 de fevereiro COLÉGIO EXTERNATO SÃO JOSÉ Goiânia, de de 2016. Nome: nº: Turma: Professor (a): 4º Ano ROTEIRO DE TAREFAS SEMANA DE 01 A 12 DE FEVEREIRO ACESSO AO

Leia mais

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir:

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir: Plano de Governo 1 Educação de qualidade em tempo integral 2 Saúde humanizada, ágil e resoluta 3 Respeito ao cidadão e democratização do poder 4 Gestão administrativa eficiente, honesta e transparente

Leia mais

Crack: moradores da Grande Vitória, desconhecem os serviços públicos disponíveis para apoio aos usuários.

Crack: moradores da Grande Vitória, desconhecem os serviços públicos disponíveis para apoio aos usuários. Crack: moradores da Grande Vitória, desconhecem os serviços públicos disponíveis para apoio aos usuários. Inayara Soares O Brasil vem vivendo hoje um grave problema em consequência em função do crescente

Leia mais

O Divórcio Começa no Namoro. Edson Alves de Sousa

O Divórcio Começa no Namoro. Edson Alves de Sousa O Divórcio Começa no Namoro Edson Alves de Sousa O Divórcio Começa no Namoro Todos os direitos reservados pelo autor. É proibida a reprodução parcial ou total sem permissão escrita do autor. BV Films Editora

Leia mais

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 PMA PROGRAMA MUNDIAL DE ALIMENTOS

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 PMA PROGRAMA MUNDIAL DE ALIMENTOS COPATROCINADOR UNAIDS 2015 PMA PROGRAMA MUNDIAL DE ALIMENTOS COPATROCINADORES UNAIDS 2015 PMA O QUE É O PROGRAMA MUNDIAL DE ALIMENTOS? As pessoas que vivem com HIV têm direito à alimentação e boa nutrição.

Leia mais

Se P(B/A) = P(B), então A e B são independentes.

Se P(B/A) = P(B), então A e B são independentes. Independência Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 10 Se a ocorrência de um evento B não é, de maneira alguma, afetada pela ocorrência de um evento A, dizemos que os dois eventos são independentes.

Leia mais

MOTIVOS DA EVASÃO ESCOLAR EM SALAS DE AULA DA EJA

MOTIVOS DA EVASÃO ESCOLAR EM SALAS DE AULA DA EJA MOTIVOS DA EVASÃO ESCOLAR EM SALAS DE AULA DA EJA Cláudia Ramos Gomes da Silva ; Marta Maria da Conceição 2 Universidade Federal de Campina Grande-CES, Campus Cuité Universidade Federal da Paraíba 2 crgomes2003@yahoo.com.br

Leia mais

1 Sobre os aspectos legais da abrangência da Lei 20.817 de 29/07/2013

1 Sobre os aspectos legais da abrangência da Lei 20.817 de 29/07/2013 Ofício Circular nº 252/2013 Assunto: Abrangência da Lei 20.817/2013 matrícula de aluno no 1º ano do Ensino Fundamental Setor: Subsecretaria de Desenvolvimento da Educação Básica Belo Horizonte, 21 de Outubro

Leia mais

Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna

Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna Autor: Alexandre Pontieri (Advogado, Pós-Graduado em Direito Tributário pela UNIFMU-SP, Pós-Graduado em Direito Penal pela ESMP-SP) Publicado

Leia mais

NÃO SOU FELIZ! Dr. Fernando Lucchese. Por quê?

NÃO SOU FELIZ! Dr. Fernando Lucchese. Por quê? Dr. Fernando Lucchese NÃO SOU FELIZ! Por quê? Considerando a felicidade como regra e o sofrimento como exceção, este livro mostra como a felicidade está perto de você. a 3 Dedico este livro aos infelizes,

Leia mais

Zika vírus. Confira todos os sintomas para saber se está com Zika vírus

Zika vírus. Confira todos os sintomas para saber se está com Zika vírus Zika vírus Os sintomas da Zika incluem febre baixa, dor nos músculos e articulações, além de vermelhidão nos olhos e manchas vermelhas na pele. A doença é transmitida pelo mesmo mosquito da dengue, e os

Leia mais

Pobreza e Desigualdade de Renda

Pobreza e Desigualdade de Renda C H A P T E R 20 Pobreza e Desigualdade de Renda Economics P R I N C I P L E S O F N. Gregory Mankiw Tradução e adaptação dos slides de Ron Cronovich 2009 South-Western, a part of Cengage Learning, all

Leia mais

Artigo 1º (DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREIROS DO HOMEM)

Artigo 1º (DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREIROS DO HOMEM) ( de quem verificou que o infrator pagou a sua multa) Artigo 1º (DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREIROS DO HOMEM) Todos os seres humanos nascem livres em dignidade e em direitos Sabia que: tem o direito e o

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião de jantar oferecido pelo presidente do Senegal, Abdoulaye Wade

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião de jantar oferecido pelo presidente do Senegal, Abdoulaye Wade , Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião de jantar oferecido pelo presidente do Senegal, Abdoulaye Wade Dacar-Senegal, 13 de abril de 2005 Caro Abdoulaye Wade, presidente da República do Senegal, Senhoras

Leia mais

LVIII Fórum Estadual de Conselheiros Tutelares. A Política de Educação e Projeto Político Pedagógico para o Enfrentamento à Violência nas Escolas

LVIII Fórum Estadual de Conselheiros Tutelares. A Política de Educação e Projeto Político Pedagógico para o Enfrentamento à Violência nas Escolas LVIII Fórum Estadual de Conselheiros Tutelares A Política de Educação e Projeto Político Pedagógico para o Enfrentamento à Violência nas Escolas Apresentação: Cândido Portinari: painel Guerra e Paz A criança

Leia mais

Trabalhe de Qualquer Lugar, Saia de Férias Quando Quiser e Conquiste Sua Liberdade Financeira BRUNO PICININI

Trabalhe de Qualquer Lugar, Saia de Férias Quando Quiser e Conquiste Sua Liberdade Financeira BRUNO PICININI Trabalhe de Qualquer Lugar, Saia de Férias Quando Quiser e Conquiste Sua Liberdade Financeira BRUNO PICININI DEFINIÇÃO Milhares Acreditaram Nisso E Agora Sofrem As Consequências Se eu tivesse seguido

Leia mais

Bolsa Família: avanços e limites. Entrevista especial com Lena Lavinas

Bolsa Família: avanços e limites. Entrevista especial com Lena Lavinas Envolverde - SP 29/09/2010 Matéria Online Bolsa Família: avanços e limites. Entrevista especial com Lena Lavinas Criado com o intuito de integrar e unificar ao Fome Zero um conjunto de antigos programas

Leia mais

Sinais da. Boa Nutrição. Alice Silveira Granado. CRN 3 : 17638 Nutricionista

Sinais da. Boa Nutrição. Alice Silveira Granado. CRN 3 : 17638 Nutricionista ç Sinais da ç Boa Nutrição Alice Silveira Granado CRN 3 : 17638 Nutricionista Crescimento Adequado Funcionamento Regular do Intestino Dentes Fortes e Saudáveis Bom Apetite Boa Imunidade Peso Adequado Pele

Leia mais

Juro lealdade à bandeira dos Estados Unidos da... autch! No terceiro ano, as pessoas adoram dar beliscões. Era o Zezinho-Nelinho-Betinho.

Juro lealdade à bandeira dos Estados Unidos da... autch! No terceiro ano, as pessoas adoram dar beliscões. Era o Zezinho-Nelinho-Betinho. ÍTULO 1 Juro lealdade à bandeira dos Estados Unidos da... autch! No terceiro ano, as pessoas adoram dar beliscões. Era o Zezinho-Nelinho-Betinho. Julinho sussurrou. Vou pensar no teu caso respondi -lhe,

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Senhor Pedro Paulo)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Senhor Pedro Paulo) PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Senhor Pedro Paulo) Acrescenta os parágrafos 18, 19, 20, 21 e 22 ao artigo 2º da lei nº 10.836, de 09 de janeiro de 2004, que cria o Programa Bolsa Família, visando possibilitar

Leia mais

Fome física e emocional

Fome física e emocional Fome física e emocional Mas o que é a fome física? Também conhecida como fome do estômago, é a fome fisiológica; a nossa real necessidade de reabastecimento. É a fome que sustenta a vida. E a fome emocional?

Leia mais

Bullying. Psiquilíbrios

Bullying. Psiquilíbrios Psiquilíbrios Bullying Cada vez mais conhecido entre crianças e adultos, o bullying é um fenómeno que merece especial atenção. Muitos alunos já estiveram envolvidos em incidentes de bullying, quer como

Leia mais

DATA: / / 2016 I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 2.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR: 8,0 MÉDIA: 4,8 RESULTADO: %

DATA: / / 2016 I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 2.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR: 8,0 MÉDIA: 4,8 RESULTADO: % SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: / / 206 UNIDADE: I ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 2.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

Foto: Alejandra Martins Em apenas 35% das cidades a totalidade das crianças de 0 a 6 anos estão imunizadas (vacinadas) contra sarampo e DTP.

Foto: Alejandra Martins Em apenas 35% das cidades a totalidade das crianças de 0 a 6 anos estão imunizadas (vacinadas) contra sarampo e DTP. 23 Para a maioria dos que nascem no Semi-árido brasileiro, vencer a primeira etapa da vida não é tarefa fácil. Na região, existem poucas condições de infra-estrutura social que garantam às mães uma gestação

Leia mais

Cotas raciais nas universidades, a contradição do Brasil!

Cotas raciais nas universidades, a contradição do Brasil! Cotas raciais nas universidades, a contradição do Brasil! Nathália Norgi Weller 1 RESUMO: A partir do ano de 2001, entra em vigor a lei 3.708, que assegura a negros e pardos 20% das vagas nas universidades

Leia mais

FOME ZERO. VI Encontro Nacional dos Coordenadores Estaduais e Centros Colaboradores em Alimentaçã. ção CGPAN/MS/Brasília

FOME ZERO. VI Encontro Nacional dos Coordenadores Estaduais e Centros Colaboradores em Alimentaçã. ção CGPAN/MS/Brasília FOME ZERO VI Encontro Nacional dos Coordenadores Estaduais e Centros Colaboradores em Alimentaçã ção e Nutriçã ção CGPAN/MS/Brasília lia-df Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Abril/2006

Leia mais

Declaração Universal dos Direitos Humanos

Declaração Universal dos Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e de seus direitos iguais e inalienáveis é o fundamento da liberdade,

Leia mais

O SR. REMI TRINTA (PL-MA) pronuncia o seguinte. discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores

O SR. REMI TRINTA (PL-MA) pronuncia o seguinte. discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores O SR. REMI TRINTA (PL-MA) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, venho a esta tribuna para registrar pesquisa que aponta o Nordeste como a região onde há maior

Leia mais

As empresas poderiam ajudar com patrocínios e donativos para o desporto

As empresas poderiam ajudar com patrocínios e donativos para o desporto Pensar o olimpismo Com várias revistas e documentos que o Comité Olímpico de Portugal gentilmente nos cedeu realizámos alguns resumos que considerámos importantes. 1. Os desafios do olimpismo em Portugal

Leia mais

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 ONU MULHERES ENTIDADE DAS NAÇÕES UNIDAS PARA IGUALDADE DE GÊNERO E EMPODERAMENTO DAS MULHERES

COPATROCINADOR UNAIDS 2015 ONU MULHERES ENTIDADE DAS NAÇÕES UNIDAS PARA IGUALDADE DE GÊNERO E EMPODERAMENTO DAS MULHERES COPATROCINADOR UNAIDS 2015 ONU MULHERES ENTIDADE DAS NAÇÕES UNIDAS PARA IGUALDADE DE GÊNERO E EMPODERAMENTO DAS MULHERES COPATROCINADORES UNAIDS 2015 O QUE É A ONU MULHERES? A igualdade de gênero é obrigatória

Leia mais

Pastoral da Criança. Luiz Gustavo Honorio Coordenador Regional Centro Estado de Minas Gerais

Pastoral da Criança. Luiz Gustavo Honorio Coordenador Regional Centro Estado de Minas Gerais Pastoral da Criança Luiz Gustavo Honorio Coordenador Regional Centro Estado de Minas Gerais Como é a Realidade de Nossas Crianças Todos os anos milhões de crianças morrem em consequência de doenças que

Leia mais

A Gravidez e a Doença Inflamatória Intestinal

A Gravidez e a Doença Inflamatória Intestinal A Gravidez e a Doença Inflamatória Intestinal Índice Introdução...03 À espera da cegonha...04 Peito ou mamadeira?...05 Alimentação na gestação...08 Introdução A gravidez não é uma fase fácil. Durante este

Leia mais

A urbanização e a transição da fecundidade: o Brasil é um caso exemplar?

A urbanização e a transição da fecundidade: o Brasil é um caso exemplar? A urbanização e a transição da fecundidade: o Brasil é um caso exemplar? George Martine 1 José Eustáquio Diniz Alves 2 Suzana Cavenaghi 3 As transições urbana e demográfica são dois fenômenos fundamentais

Leia mais

CENTRO DE BEM ESTAR INFANTIL NOSSA SENHORA DE FÁTIMA ANO LECTIVO 2007/2008

CENTRO DE BEM ESTAR INFANTIL NOSSA SENHORA DE FÁTIMA ANO LECTIVO 2007/2008 CASCD DE FARO CENTRO DE BEM ESTAR INFANTIL NOSSA SENHORA DE FÁTIMA ANO LECTIVO 2007/2008 PROJECTO PEDAGÓGICO ATL Tarde Os bons filhos têm sonhos ou disciplina, os filhos brilhantes têm sonhos e disciplina.

Leia mais

RELAÇÕES RACIAIS NA PERSPECITIVA CURRICULAR E EDUCACIONAL

RELAÇÕES RACIAIS NA PERSPECITIVA CURRICULAR E EDUCACIONAL RELAÇÕES RACIAIS NA PERSPECITIVA CURRICULAR E EDUCACIONAL "Que a água seja refrescante. Que o caminho seja suave. Que a casa seja hospitaleira. Que o Mensageiro conduza em paz nossa Palavra." Benção Yoruba

Leia mais

Patrocínio Institucional Parceria Institucional Apoio

Patrocínio Institucional Parceria Institucional Apoio Patrocínio Institucional Parceria Institucional Apoio O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam

Leia mais

Intercâmbio 2012. Projeto Intercâmbio de Cidadania. Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ)

Intercâmbio 2012. Projeto Intercâmbio de Cidadania. Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ) Intercâmbio 2012 Projeto Intercâmbio de Cidadania Intercâmbio entre jovens mineiros e cariocas 25 a 29 de julho de 2012 no Rio de Janeiro (RJ) 0 Índice Assunto Pagina Apresentação 2 Objetivos do Programa

Leia mais

Proposta de redação: Somos todos iguais : expressão falaciosa da democracia moderna. O racismo ainda bate às portas.

Proposta de redação: Somos todos iguais : expressão falaciosa da democracia moderna. O racismo ainda bate às portas. Racismo Proposta de redação: Somos todos iguais : expressão falaciosa da democracia moderna. O racismo ainda bate às portas. Racismo: Manifestações racistas, como a recentemente sofrida pela jornalista

Leia mais

Jimboê. Ciências. Avaliação. Projeto. 4 o ano. 1 o bimestre

Jimboê. Ciências. Avaliação. Projeto. 4 o ano. 1 o bimestre Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao primeiro bimestre escolar ou às unidades 1 e 2 do Livro do Aluno. Projeto Jimboê 4 o ano Avaliação 1 o bimestre 1 Avaliação NOME: ESCOLA: PROFESSOR:

Leia mais

Avanços do TPE Setembro 2006 / Maio 2007

Avanços do TPE Setembro 2006 / Maio 2007 Avanços do TPE Setembro 2006 / Maio 2007 Já sabemos que... Educação de qualidade para todos promove: Já sabemos que... Educação de qualidade para todos promove: Crescimento econômico Já sabemos que...

Leia mais

TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA

TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA TOP 10 RAZÕES PARA BEBER GEL DE ALOE VERA Gel de Aloe Vera Imagine cortar uma folha de babosa e consumir o gel diretamente da planta. Um produto certificado pela Forever Living, o Aloe Vera Gel está tão

Leia mais

TEMAS POLÍTICOS SETEMBRO 2014

TEMAS POLÍTICOS SETEMBRO 2014 TEMAS POLÍTICOS SETEMBRO 2014 PERFIL DA AMOSTRA 1000 entrevistados 52% 48% IDADE CLASSE SOCIAL ESTADO CIVIL 24% 16 a 24 anos 1% A 34% Solteiro 22% 25 a 34 anos 21% B 55% Casado 20% 35 a 44 anos 57% C 6%

Leia mais

NOME TURMA ANO NÚMERO

NOME TURMA ANO NÚMERO 1.5.3. Regras de reconhecimento e de realização: Questionário a alunos do 2º Ciclo do EB (2º momento) 1 (1993 NOME TURMA ANO NÚMERO QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS Resolução de problemas - 2 Momento Situação 1

Leia mais

DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA RESUMO

DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA RESUMO DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA DORIS ADRIANE MEINE ELISANDRA DA SILVA SOUZA TÂNIA MARIA DE LONGARAY VALDETE LAZAROTI DE CARVALHO AGLAE CASTRO DA SILVA SCHLORKE RESUMO Este

Leia mais

Conheça a jovem pioneira da Tunísia que está fornecendo oportunidades de emprego para mulheres jovens

Conheça a jovem pioneira da Tunísia que está fornecendo oportunidades de emprego para mulheres jovens Conheça a jovem pioneira da Tunísia que está fornecendo oportunidades de emprego para mulheres jovens Naouel Ghali - Monastir, Tunisia Objetivo Global 8: Trabalho Decente e Crescimento Econômico Na Tunísia

Leia mais

A Orientação Educacional no novo milênio

A Orientação Educacional no novo milênio 15 1 A Orientação Educacional no novo milênio O presente estudo consiste na descrição e análise da experiência do Curso de Especialização em Orientação Educacional e Supervisão Escolar, realizado na Faculdade

Leia mais

Conheça a Reforma da previdência. O que muda na sua vida e da sua família?

Conheça a Reforma da previdência. O que muda na sua vida e da sua família? Conheça a Reforma da previdência O que muda na sua vida e da sua família? Cálculo do Benefício: Preenchidos os requisitos para aposentadoria: 65 anos de idade para homens e mulheres; Mínimo de 25 anos

Leia mais

Amor - Almas Gêmeas 6

Amor - Almas Gêmeas 6 Amor - Almas Gêmeas 6 Mais Informações Ainda fazendo nosso trajeto analítico pelo livro de Mebes, em outro trecho, às páginas 51 e 52, encontramos interessante informação. Diz assim: Se aceitamos a divisão

Leia mais

A educação brasileira continua a ser um triste pesadelo

A educação brasileira continua a ser um triste pesadelo A educação brasileira continua a ser um triste pesadelo Por (*) Nelson Valente Há uma relação inequívoca entre pobre e falta de educação, podendo com isso gerar o fenômeno da violência. Os exemplos existem

Leia mais

ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO. O aluno com deficiência intelectual

ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO. O aluno com deficiência intelectual ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO O aluno com deficiência intelectual Deliese Salcher Gasparetto Introdução A deficiência intelectual é conhecida por problemas causados no cérebro e que causam baixa

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas no Paraguai. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas no Paraguai. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas no Paraguai Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios No Paraguai, as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) podem ser classificadas

Leia mais