REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL / PROJETOS INTERDISCIPLINARES Curso de Letras Português e Inglês Licenciatura Currículo: LPI00001

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL / PROJETOS INTERDISCIPLINARES Curso de Letras Português e Inglês Licenciatura Currículo: LPI00001"

Transcrição

1 REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL / PROJETOS Fundamentação Legal PARECER CNE/CP 28/2001, DE 02 DE OUTUBRO DE Dá nova redação ao Parecer CNE/CP 21/2001, que estabelece a duração e a carga horária dos cursos de Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior, curso de licenciatura, de graduação plena. PARECER CNE/CES 492/ HOMOLOGADO Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de Filosofia, História, Geografia, Serviço Social, Comunicação Social, Ciências Sociais, Letras, Biblioteconomia, Arquivologia e Museologia PARECER CNE/CES 15/2005, DE 02 DE FEVEREIRO DE Esclarece as Resoluções CNE/CP nºs 1/2002, que institui Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior, curso de licenciatura, de graduação plena, e 2/2002, que institui a duração e a carga horária dos cursos de licenciatura, de graduação plena, de Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior. RESOLUÇÃO Nº 2, DE 1º DE JULHO DE CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Capítulo I Da Definição Art. 1º - A Prática Educacional, vinculada aos Projetos Interdisciplinares, é componente curricular obrigatório do Curso de Letras Português e Inglês Licenciatura da Universidade São Judas Tadeu e caracteriza-se pelo conjunto de atividades formativas que proporcionam experiências de aplicação de conhecimentos ou de desenvolvimento de procedimentos próprios ao exercício da docência. 1º - Tais atividades devem colocar em uso, no âmbito do ensino, os conhecimentos, as competências e as habilidades adquiridos nas diversas atividades formativas que compõem o currículo do curso. 2º - As atividades caracterizadas como práticas educacionais são desenvolvidas como núcleo das disciplinas de Projetos Interdisciplinares e, por isso, dialogam com todos os componentes curriculares dos respectivos módulos. 1

2 REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL / PROJETOS Capítulo II Dos Objetivos Art. 2º - São objetivos gerais da Prática Educacional: I. Articular os conhecimentos, as competências e as habilidades adquiridos nas diversas atividades formativas que compõem o currículo do curso. II. Promover situações didáticas em que os futuros professores articulem conteúdos não curriculares aos conteúdos curriculares próprios de sua formação. III. Propor situações contextualizadas de observação direta, reflexão e estudo de casos, e resolução de situações-problema. IV. Simular situações de ensino-aprendizagem e estabelecer espaços institucionais para a experimentação de novas abordagens e de tecnologias educacionais. Capítulo III Da Duração, da Carga Horária e da Aprovação Art. 3º - A Prática Educacional terá duração de 480 horas-aula de atividades, distribuídas ao longo de todo o curso. Art. 4º - Como as atividades denominadas Práticas Educacionais estarão vinculadas aos Projetos Interdisciplinares, elas totalizarão 40h/a ou 80 h/a, dependendo da complexidade, de trabalhos acadêmicos por módulo, incluindo os estudos independentes, constituídos pela elaboração ou execução dos projetos fora da sala de aula, com orientação docente. I. A estruturação do projeto e toda a investigação bibliográfica, própria dos estudos independentes, comporão a carga horária de Projeto Interdisciplinar. II. A carga horária de 40 h/a ou de 80 h/a, por módulo, segundo a divisão supracitada, será atribuída caso o projeto seja aprovado (com nota de até 1,0 ponto, distribuída para todas as disciplinas do módulo, e com frequência mínima de 75%). Art. 5º - Terminado o trabalho, os professores responsáveis pelas disciplinas de Projeto o submeterão à análise de acordo com o roteiro de avaliação de cada módulo constante neste regulamento. Satisfeitas as exigências, o aluno será considerado aprovado. 2

3 REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL / PROJETOS Projeto Interdisciplinar 1A Habilidades Acadêmicas Ciclo 1 módulo 1A Produção de uma Revista de Divulgação Científica, em formato reduzido Esta atividade equivalerá a 40 h/a de trabalhos acadêmicos. As revistas serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. DESCRIÇÃO DO PROJETO: O projeto visa à iniciação nos estudos acadêmicos e à preparação do discente para a formulação de trabalhos com rigor e critério científicos. Para tanto, exige a elaboração de uma Revista de divulgação científica, em formato reduzido, a qual contenha estudos e análises de fenômenos linguísticos cotidianos sob a ótica do conhecimento científico. Os temas das matérias que comporão a Revista devem provir das respectivas disciplinas do módulo. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 1A, aproveitando delas os seguintes temas que devem compor a Revista: - Linguística analisa diferentes produções midiáticas a fim de verificar nelas o uso da Língua e de refletir sobre a heterogeneidade dos gêneros; - Língua Inglesa indaga, nas composições musicais em língua inglesa, as diversidades no inglês contemporâneo; - Cidadania e Questões Contemporâneas destaca os temas que envolvem o homem moderno e elege um que sublinhe a interdisciplinaridade da própria vida; - Tradução amplia a pluralidade de opiniões ao refletir os temas contemporâneos usando textos escritos em língua estrangeira; - Língua Portuguesa explora as variantes populares da nossa Língua e as compara à Gramática Normativa, focando a diversidade no uso dos verbos e das concordâncias como índice de heterogeneidade linguística. Continua... 3

4 Continuação: Projeto Interdisciplinar 1A Habilidades Acadêmicas Ciclo 1 módulo 1A CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Planejamento de uma oficina sobre diagramação de periódicos e sobre a atuação deles em sala de aula; - Confecção de um plano de aula sobre os diferentes usos das revistas científicas no processo ensino-aprendizagem. ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Compreensão da linguagem científica, da importância de sua utilização e da necessidade da escolha de uma metodologia de pesquisa. 2ª - Contextualização do uso do texto científico e dos pressupostos para a sua confecção: a pesquisa do material (a partir da escolha de um objeto de estudos), o levantamento bibliográfico e a apresentação dos resultados segundo as normas científicas. 3ª - Trabalho de campo, fora do ambiente da sala de aula, com a coleta dos dados a serem usados na confecção das matérias da Revista. 4ª - Produção das matérias da Revista seguindo as discussões provenientes das diferentes disciplinas (conforme descrito no Processo interdisciplinar ). 5ª - Revisão técnica dos textos produzidos. 6ª - Confecção dos planos. ENTREGA: A revista e os planos deverão ser entregues em material impresso e em mídia eletrônica, no formato PDF, conforme as orientações dadas em sala de aula. 4

5 Projeto Interdisciplinar 1B Estudos de Linguagem Ciclo 1 módulo 1B Ensino da narrativa e criação de conto Esta atividade equivalerá a 40 h/a de trabalhos acadêmicos. Os contos serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. DESCRIÇÃO DO PROJETO: A intenção do projeto é tornar as produções literárias particularmente as narrativas de ficção familiares ao aluno, além de incentivar a paráfrase criativa e a elaboração de um texto de autoria própria. Nesse sentido, o discente deve ler textos modelares da literatura e analisar a estrutura de cada um, a fim de, a partir dos elementos estudados, produzir o próprio conto. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 1B: - Das disciplinas Língua Portuguesa e Linguística, aproveita os elementos mórficos e estruturais da língua para os estudos da constituição dos textos, com destaque às narrativas de ficção; - Da disciplina Teoria da Literatura, busca a fundamentação teórica que possibilita a compreensão da natureza do discurso literário; - Das disciplinas Língua Inglesa e Tradução, emprega a habilidade de leitura de contos em outro idioma, a fim de ampliar as referências práticas do aluno em outras literaturas; - No mais, as orientações pertinentes a esse Projeto Interdisciplinar também propõem uma fundamentação teórica específica como apoio à elaboração do trabalho. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Elaboração de plano de aula ou de minicurso sobre o ensino dessa produção textual, conforme modelo apresentado pelo professor. 5

6 ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Leitura e resumo de textos teóricos. 2ª - Estudo de organizações textuais, principalmente a narrativa. 3ª - Paráfrase criativa, utilizando como estímulo textos modelares da literatura. 4ª - Criação de texto verbal narrativo. 5ª - Correção e refacção da história, consoante orientação do professor. 6ª - Apresentação do projeto do conto. 7ª - Orientação final realizada pelo professor. 8ª - Entrega do conto. 9ª - Comentários individuais finais formulados pelo professor responsável. 10ª - Elaboração de plano de aula ou de minicurso sobre o ensino dessa produção textual, conforme modelo apresentado pelo professor. ENTREGA: O conto e o plano (ou minicurso) deverão ser entregues em mídia eletrônica, no formato PDF, conforme as orientações dadas em sala de aula. 6

7 Projeto Interdisciplinar 2A Gêneros Textuais e Ensino Ciclo 2 módulo 2A Desenvolvimento de um curso de capacitação sobre as relações entre as linguagens e a diversidade linguística Esta atividade equivalerá a 40 h/a de trabalhos acadêmicos. Os projetos do curso serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. As aplicações dos cursos ocorrerão no mesmo período. DESCRIÇÃO DO PROJETO: Este projeto visa a permitir ao aluno de Letras a compreensão de dois processos relacionados à atuação docente: primeiro, o conhecimento das diferentes linguagens e da variedade linguística como caminho para a ampliação do contexto de ensino; segundo, a possibilidade de atuar em sala de aula a partir de atividades interdisciplinares envolvendo esse estudo das linguagens. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 2A: - Da disciplina Didática e Currículo, aproveita os estudos e os exemplos dos recursos pedagógicos que ampliam as formas de atuação docente; - Da disciplina Língua Inglesa, pensa os melhores procedimentos de aprendizagem que possam facilitar a aquisição de vocabulário em Língua Inglesa; - Da disciplina Língua Portuguesa, estuda como a organização do discurso produz efeitos diversos; - Da disciplina Literatura Portuguesa, entende como as características artísticas se manifestam em diferentes linguagens. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Levantamento de recursos didáticos para a ampliação dos métodos de ensino. Continua... 7

8 Continuação: Projeto Interdisciplinar 2A Gêneros Textuais e Ensino Ciclo 2 módulo 2A ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Compreensão das etapas que envolvem a elaboração de um projeto: da confecção do texto à aplicação prática. 2ª - Estudo da constituição das diferentes linguagens e do modo como a diversidade linguística pode ser manifestada por meio delas. 3ª - Levantamento de jogos e de atividades que levem à compreensão da diversidade linguística a partir das linguagens (por exemplo, da música, da pintura, da poesia, do cinema etc.). 4ª - Desenvolvimento da dinâmica do curso, com a escolha do público a que se dirige, a sistematização do processo metodológico, a preparação do material a ser utilizado e a definição dos recursos didáticos da apresentação. 5ª - Redação final do projeto e aplicação do curso. ENTREGA: O trabalho escrito deverá ser entregue em mídia eletrônica, no formato PDF, conforme as orientações dadas em sala de aula. Nessa mídia, o aluno deverá apresentar, em arquivos separados, todos os recursos didáticos utilizados durante o curso. 8

9 Projeto Interdisciplinar 2B Produção de Texto e Cultura Ciclo 2 módulo 2B Ensino e produção de textos dissertativos sobre questões contemporâneas Esta atividade equivalerá a 40 h/a de trabalhos acadêmicos. Os textos dissertativos serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. DESCRIÇÃO DO PROJETO: Este projeto procura entender a constituição do texto argumentativo em sua produção e recepção. Para tanto, estuda as organizações textuais e, em especial, a estrutura das dissertações. Recorre, também, às diferentes formas argumentativas do cotidiano, da literatura aos editoriais jornalísticos. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 2B: - Das disciplinas Estudo de Culturas de Língua Inglesa e Língua Inglesa amplia o debate dos temas contemporâneos e das técnicas argumentativas por meio de editoriais em língua inglesa; - Da disciplina Língua Portuguesa, coloca em prática a relação das unidades menores do texto (das palavras aos períodos) até a construção do parágrafo ideal; - Da disciplina Literatura Brasileira, aproveita os estudos dos sermões de Pe. António Vieira e o caráter argumentativo que carregam; - Da disciplina Políticas e Organização do Sistema de Ensino, procura adequar os planos de aula às exigências educacionais brasileiras. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Planejamento de uma aula (ou minicurso) sobre o ensino de técnicas para a produção de texto argumentativo. Continua... 9

10 Continuação: Projeto Interdisciplinar 2B Produção de Texto e Cultura Ciclo 2 módulo 2B ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Estudo das organizações textuais. 2ª - Estudo da estrutura do texto dissertativo: Introdução apresentação do tema e posicionamento do autor a respeito da ideia discutida; Desenvolvimento estudo da argumentação; Conclusão retomada da tese e síntese das ideias gerais do texto com proposta de soluções para o problema discutido. 3ª - Estudo das qualidades textuais e das dificuldades na hora de redigir. 4ª - Discussão dos temas que envolvem o homem contemporâneo. 5ª - Elaboração de plano de aula ou de minicurso sobre o ensino dessa produção textual, conforme modelo apresentado pelo professor. ENTREGA: O trabalho deverá ser entregue em mídia eletrônica, no formato PDF, conforme as orientações dadas em sala de aula. Nessa mídia, deverá constar um arquivo independente com o plano de aula ou minicurso elaborado. 10

11 Projeto Interdisciplinar 3A Tecnologias e Ensino Ciclo 3 módulo 3A Elaboração de aula utilizando recursos tecnológicos Esta atividade equivalerá a 80 h/a de trabalhos acadêmicos. Os projetos serão desenvolvidos e apresentados no decorrer das aulas do Módulo 3A do 3º Ciclo. DESCRIÇÃO DO PROJETO: O projeto prevê o estudo e a utilização das recentes tecnologias como novos recursos didáticos em sala de aula. Ao realizá-lo, o aluno compreende o alcance dessas modernas tecnologias e analisa a melhor forma de utilizá-las no ensino presencial, motivando a participação de todos os envolvidos no processo de aprendizagem. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: Para a elaboração deste projeto, haverá um diálogo com as disciplinas do módulo 3A, de modo que forneçam os temas para as aulas virtuais: - Libras, com a proposta da inclusão educativa para alunos portadores de necessidades especiais; - Língua Inglesa, com a abordagem social do ensino de língua estrangeira; - Língua Portuguesa, com a compreensão das origens da nossa língua e de suas influências antigas e atuais; - Literatura Brasileira, com o estudo da formação da identidade cultural brasileira; - Literatura Inglesa, com a caracterização de autores ingleses muito influentes para a história literária mundial. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Montagem de uma aula adaptada ao ambiente virtual. Continua... 11

12 Continuação: Projeto Interdisciplinar 3A Tecnologias e Ensino Ciclo 3 módulo 3A ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Embasamento teórico e prático. 2ª - Planejamento: Pesquisa para a elaboração do tema da aula; Escolha dos recursos a serem utilizados (apresentações, jogos, sites educacionais, vídeos produzidos pelos próprios alunos, artigos científicos disponíveis na internet e outros). 3ª - Desenvolvimento e aplicação das aulas: em grupos, os alunos deverão elaborar aulas presenciais envolvendo os recursos tecnológicos elencados. 4ª - Análise dos sistemas de multimídia utilizados. ENTREGA: O trabalho deverá ser entregue em mídia eletrônica, conforme as orientações dadas em sala de aula. 12

13 Projeto Interdisciplinar 3B Tecnologias voltadas ao EAD Ciclo 3 módulo 3B Elaboração de aula no Ambiente Virtual (sala de aula expandida) Esta atividade equivalerá a 80 h/a de trabalhos acadêmicos. Os projetos serão desenvolvidos e apresentados no decorrer das aulas do Módulo 3B do 3º Ciclo. DESCRIÇÃO DO PROJETO: O projeto prevê o estudo e a utilização das recentes tecnologias como novos recursos didáticos em sala de aula. Ao realizá-lo, o aluno compreende o alcance dessas modernas tecnologias e analisa a melhor forma de utilizá-las no ensino a distância, motivando a interação e a troca de conhecimento no ambiente virtual. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: Para a elaboração deste projeto, haverá um diálogo com as disciplinas do módulo 3B, de modo que forneçam os temas para as aulas virtuais: - Língua Inglesa, com a necessidade do estudo da gramática normativa da Língua Inglesa; - Língua Portuguesa, com os diversos recursos significativos da nossa língua, os quais enriquecem qualquer discurso; - Linguística Textual, com a importância do estudo da constituição do texto e de sua intelecção para a leitura interdisciplinar do mundo; - Literatura Infantojuvenil, com as abordagens didáticas e as adequações pedagógicas necessárias aos leitores infantojuvenis; - Literatura Portuguesa, com o estudo comparativo do texto produzido em épocas distintas. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Montagem de uma aula adaptada ao ambiente virtual. Continua... 13

14 Continuação: Projeto Interdisciplinar 3B Tecnologias voltadas ao EAD Ciclo 3 módulo 3B ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Embasamento teórico e prático. 2ª - Estudo dos sistemas de gerenciamento de cursos a distância. 3ª - Planejamento: Pesquisa para a elaboração do tema da aula; Escolha dos recursos a serem utilizados (apresentações, jogos, sites educacionais, vídeos produzidos pelos próprios alunos, artigos científicos disponíveis na internet e outros). 4ª - Desenvolvimento e aplicação das aulas: em grupos, os alunos deverão elaborar aulas on-line e participar das promovidas pelos colegas da classe. 5ª - Uso dos principais recursos disponíveis no sistema de gerenciamento de cursos a distância Moodle, tais como: publicação de materiais de aulas, de sites e de páginas em HTML; criação de fóruns e de chats (comunicação assíncrona e síncrona); elaboração de atividades on-line e de envio de arquivos; criação de questionários on-line do tipo webquests; uso de servidores de notícias. ENTREGA: O trabalho deverá ser entregue em mídia eletrônica, conforme as orientações dadas em sala de aula. 14

15 Projeto Interdisciplinar 4A Práticas e Projetos Educacionais Ciclo 4 módulo 4A Criação e execução de projeto educacional Esta atividade equivalerá a 80 h/a de trabalhos acadêmicos. Os projetos serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. DESCRIÇÃO DO PROJETO: O trabalho interdisciplinar visa à elaboração de um projeto educacional a fim de que os alunos, na posição de futuros professores, tenham uma visão completa do processo de ensino-aprendizagem, cujas etapas são sintetizadas em planejamento das ações, divulgação do curso a ser ministrado, preparação do material didático e avaliação dos resultados. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 4A: - Da disciplina Língua Inglesa, aproveita uma literatura específica que permita discutir os desafios da prática docente; - Da disciplina Língua Portuguesa, resgata as técnicas de análise de texto a fim de revisar a redação definitiva do projeto; - Da disciplina Linguística, entende a língua como algo mutável e, por isso, suscetível a novas práticas de ensino e de aprendizado; - Da disciplina Literatura Brasileira, faz uso de textos canônicos em que se discute a educação sob diferentes perspectivas; - Da disciplina Psicologia da Educação, reflete a adequação dos projetos educacionais às fases de desenvolvimento dos educandos. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Elaboração de um projeto educacional e das estratégias para aplicá-lo. Continua... 15

16 Projeto Interdisciplinar 4A Práticas e Projetos Educacionais Ciclo 4 módulo 4A Continuação: ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Planejamento: embasamento teórico; escolha do tema (delimitação do assunto); levantamento de objetivos (gerais e específicos); elaboração de justificativa, cronograma, fundamentação teórica, instrumentos de avaliação, relatórios, bibliografia; planejamento de recursos e da fase da execução; elaboração de material; formação de grupos. 2ª - Execução: montagem; orientações preliminares; desenvolvimento; aplicação. 3ª - Avaliação: avaliação do pessoal participante; avaliação do grupo; autoavaliação; avaliação pelo professor; análise dos resultados; tabulação dos dados; considerações finais. 4ª - Em apêndices, incluir: fôlder (para divulgação do projeto); apostila (conteúdo do projeto pesquisa); planos de curso; planos de aula; relatório de atividades do 1º e 2º semestres; fichas de avaliação individual e em grupo; fichas de inscrição dos participantes; listas de presença dos participantes; fotos. 5ª - Identificação do projeto: título do projeto; nome e endereço da Instituição; população-alvo; carga horária do projeto; planejamento; execução (Aplicação do projeto); relatório (Avaliações e resultados); datas de apresentação (cronograma); nomes dos alunos; nome do professor orientador. ENTREGA: O projeto deverá ser entregue em mídia eletrônica, no formato PDF, conforme as orientações dadas em sala de aula. 16

17 Projeto Interdisciplinar 4B Línguas Materna e Estrangeira e Ensino Ciclo 4 módulo 4B Confecção de plano de curso e de plano de aula (para as disciplinas de Português e de Inglês nos Ensinos Fundamental e Médio) e Apresentação de aula experimental Esta atividade equivalerá a 80 h/a de trabalhos acadêmicos. Os planos e os relatórios serão entregues 20 (vinte) dias antes do início das provas oficiais do semestre. As apresentações ocorrerão no mesmo período. DESCRIÇÃO DO PROJETO: O projeto desta disciplina busca dar ao aluno a experiência de efetuar um planejamento de curso baseado nos PCNs para as séries dos Ensinos Fundamental 2 e Médio e um planejamento da unidade didática de uma aula, fornecendo aos futuros docentes a capacidade de orientar, de preparar e de avaliar a própria atuação no ambiente escolar. PROCESSO INTERDISCIPLINAR: O projeto pressupõe um diálogo constante com as demais disciplinas do módulo 4B: - Da disciplina Didática Específica, aproveita os recursos metodológicos que ensina e discute; - Da disciplina Língua Inglesa, analisa o aspecto prático do estudo de língua estrangeira; - Da disciplina Linguística, procura refletir os meios pelos quais o discurso pedagógico leva o sujeito a construir conhecimento; - Da disciplina Literatura Norte-Americana, explora as orientações artísticas que sustentam a prática literária; - Da disciplina Literatura Portuguesa, compreende as modernas experimentações artísticas como abertura a novos métodos de aprendizagem. CARÁTER EDUCACIONAL DO PROCESSO: Faz parte dos projetos constituídas como Prática Educacional a realização de um vínculo entre o conhecimento teórico e as práticas pedagógicas vividas no âmbito do ensino. Nesse sentido, este projeto exige: - Elaboração de um plano de curso e aplicação de uma aula experimental. Continua... 17

18 Projeto Interdisciplinar 4B Línguas Materna e Estrangeira e Ensino Ciclo 4 módulo 4B Continuação: ETAPAS DE ELABORAÇÃO: 1ª - Leitura e resumo de textos teóricos sobre planejamento de cursos. 2ª - Breve revisão de alguns métodos de ensino propostos pela disciplina de Didática. 3ª - Análise de planos modelos. 4ª - Leitura dos PCNs e dos PNLDs voltados ao ensino de Língua Portuguesa e de Língua Estrangeira (Inglês) para os Ensinos Fundamental II e Médio. 5ª - Escolha do público a que se dirigem as aulas e elaboração dos planos. 6ª - Apresentação da aula experimental. 7ª - Avaliação da aula experimental, comparando-a aos planos apresentados. 8ª - Produção do relatório final contendo os planos (de ensino e de aula), as avaliações feitas pelo orientador e pelos colegas de classe e os comentários do aluno-professor a respeito da própria experiência. ENTREGA: Os planos e os relatórios deverão ser entregues em mídia eletrônica, no formato PDF, e em material impresso, conforme as orientações dadas em sala de aula. Todo o material será disponibilizado em ambiente virtual. 18

REGULAMENTO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES Curso de Letras Tradutor e Intérprete Bacharelado Currículo: LTI 00001

REGULAMENTO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES Curso de Letras Tradutor e Intérprete Bacharelado Currículo: LTI 00001 REGULAMENTO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES Fundamentação Legal PARECER CNE/CES 492/2001 APROVADO em 03/04/2001 e HOMOLOGADO, com despacho do Ministro em 4/7/2001 e publicação no Diário Oficial da União

Leia mais

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS DE AIMORÉS SUMÁRIO

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS DE AIMORÉS SUMÁRIO REGULAMENTO DO PROJETO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO AIMORÉS/MG SUMÁRIO REGULAMENTO DO PROJETO EMPRESARIAL... 1 Objetivos... 4 Objetivos Específicos... 4 Duração do Projeto Empresarial... 5 Disciplina

Leia mais

REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL Curso de Letras Português e Inglês - Licenciatura Currículo: 12172014LI

REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL Curso de Letras Português e Inglês - Licenciatura Currículo: 12172014LI Fundamentação Legal REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL PARECER CNE/CP 28/2001, DE 02 DE OUTUBRO DE 2001 - Dá nova redação ao Parecer CNE/CP 21/2001, que estabelece a duração e a carga horária dos cursos

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 h Semestre do Curso: 3º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 h Semestre do Curso: 3º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Metodologia da Pesquisa Aplicada a Educação I Carga Horária Semestral: 40 h Semestre do Curso: 3º 1 - Ementa (sumário, resumo) A natureza

Leia mais

GEOGRAFIA UNIVERSOS. Por que escolher a coleção Universos Geografia

GEOGRAFIA UNIVERSOS. Por que escolher a coleção Universos Geografia UNIVERSOS GEOGRAFIA Por que escolher a coleção Universos Geografia 1 Pensada a partir do conceito SM Educação Integrada, oferece ao professor e ao aluno recursos integrados que contribuem para um processo

Leia mais

Pós-Graduação Lato Sensu a Distância. 1º semestre 2012

Pós-Graduação Lato Sensu a Distância. 1º semestre 2012 Pós-Graduação Lato Sensu a Distância 1º semestre 2012 FEVEREIRO/2012 Índice dos Cursos de Pós-Graduação a distância Oferta: primeiro semestre 2012 Curso Mensalidade Total Pagina ÁREA: ADMINISTRAÇÃO MBA

Leia mais

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance SUBPROJETO DE LETRAS/PORTUGUÊS Gêneros textuais como ferramenta para o ensino de Língua Portuguesa INTRODUÇÃO De acordo com os objetivos do programa, conforme portaria 096/2013 Capes, essa proposta de

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso de Pós-Graduação

Leia mais

REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL Curso de Letras Português e Inglês Licenciatura Currículo: 12172010LI

REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL Curso de Letras Português e Inglês Licenciatura Currículo: 12172010LI Fundamentação Legal REGULAMENTO DE PRÁTICA EDUCACIONAL PARECER CNE/CP 28/2001, DE 02 DE OUTUBRO DE 2001 - Dá nova redação ao Parecer CNE/CP 21/2001, que estabelece a duração e a carga horária dos cursos

Leia mais

Capítulo IV Da Entrega da Versão Final

Capítulo IV Da Entrega da Versão Final UNIVERSIDADEFEDERAL DO AMAPÁ UNIFAP DEPARTAMENTO DE ARTES, LETRAS E COMUNICAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA REGIMENTO DE TCC DO CURSO CAPÍTULO I Do Trabalho Art. 1. O Trabalho de conclusão

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO -

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - CAPÍTULO I Da Natureza, das Finalidades e dos Objetivos Art.

Leia mais

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os estágios curriculares no curso de História-Licenciatura

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I DA DEFINIÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Art. 1º - A Coordenação do Curso de Licenciatura em Química da UTFPR Campus

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico CETEC. Ensino Técnico. Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico CETEC. Ensino Técnico. Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF 2010 SUMÁRIO TITULO I... 3 DA CONCEITUAÇÃO DO PROGRAMA... 3 CAPÍTULO I... 3 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 3

Leia mais

REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS

REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS REGULAMENTO DO PROJETO INTEGRADOR DOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA DA FACULDADE ARTHUR THOMAS Rua Prefeito Faria Lima, 400, Jardim Maringá, Londrina PR Fone: (43) 3031-5050 CEP: 86.061-450 1 REGULAMENTO

Leia mais

PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO

PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO Secretaria de Educação Básica Diretoria de Apoio à Gestão 1 Educacional Objetivo do Pacto do Ensino

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este regulamento disciplina o Trabalho de Conclusão de Curso - TCC dos Cursos das Faculdades Integradas Hélio Alonso,

Leia mais

PROJETO BÁSICO DE CURSOS DE ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO, COM FORMAÇÃO CONTINUADA

PROJETO BÁSICO DE CURSOS DE ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO, COM FORMAÇÃO CONTINUADA 1 PROJETO BÁSICO DE CURSOS DE ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO, COM FORMAÇÃO CONTINUADA 1. JUSTIFICATIVA DA PROPOSIÇÃO: 1.1.1. O Programa de Formação Continuada, para a Coordenação e Implementação das Diretrizes

Leia mais

EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016.

EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016. EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016. REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS NA 13ª SEMANA ACADÊMICA FADISMA ENTREMENTES EDIÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS E DIREITO A Faculdade de Direito de Santa Maria (FADISMA),

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Acompanhamento aos Projetos de Pesquisa I Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º 1 - Ementa (sumário, resumo) Trabalho resultante

Leia mais

PROJETOS COM OBJETIVOS QUE INTEGRAM ENSINO. Claudianny Amorim Noronha

PROJETOS COM OBJETIVOS QUE INTEGRAM ENSINO. Claudianny Amorim Noronha PROJETOS COM OBJETIVOS QUE INTEGRAM ENSINO Claudianny Amorim Noronha A PERSPECTIVA DE ENSINO NO EDITAL DE AÇÕES INTEGRADAS Melhoria do processo de ensino e aprendizagem dos cursos de graduação e pós-graduação,

Leia mais

DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA DE PRÁTICA PEDAGÓGICA

DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA DE PRÁTICA PEDAGÓGICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ UNIFAP PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAD COORDENADORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COEG COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA EIXO TECNOLÓGICO: Licenciatura Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU: ( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Jardim 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Letras - Inglês Obs.: Para proposta

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO EDITAL Nº 01, DE 14 DE SETEMBRO DE 2012 A Universidade Federal

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET 0 ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET AMBIENTES DE APRENDIZAGEM: INTEGRANDO SOFTWARE E WEB NO ENSINO DA DISCIPLINA DE GEOGRAFIA. IVINHEMA- MS JUNHO DE 2010. ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET. AMBIENTES

Leia mais

PROJETO DE IMPLEMENTAÇÃO NA ESCOLA

PROJETO DE IMPLEMENTAÇÃO NA ESCOLA PROJETO DE IMPLEMENTAÇÃO NA ESCOLA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO PROFESSOR PDE NRE: CURITIBA MUNICÍPIO: CURITIBA PROFESSOR PDE: ELIZIANE ZELLA RIBEIRO CORAÇÃO ÁREA: LÍNGUA PORTUGUESA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

CATÁLOGO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA

CATÁLOGO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA CATÁLOGO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ATOS LEGAIS DO CURSO: Nome do Curso: Educação Física - Área de Aprofundamento em Escola Licenciatura Nome da Mantida: Centro Universitário de Rio Preto Endereço de

Leia mais

A escrita que faz a diferença

A escrita que faz a diferença A escrita que faz a diferença Inclua a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro em seu planejamento de ensino A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro é uma iniciativa do Ministério

Leia mais

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório Orientações - Estágio Curricular Obrigatório 1. Apresentação O estágio curricular é obrigatório para as Licenciaturas e está baseado na seguinte Legislação: 1.A - LICENCIATURAS EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS,

Leia mais

REQUERIMENTO (Do Sr. Dr. UBIALI)

REQUERIMENTO (Do Sr. Dr. UBIALI) REQUERIMENTO (Do Sr. Dr. UBIALI) Requer o envio de Indicação ao Poder Executivo, relativa à inserção do Cooperativismo como Tema Transversal nos currículos escolares do ensino Senhor Presidente: Nos termos

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº.

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Dr. José Luiz Viana Coutinho Código: 073 Município: Jales Eixo Tecnológico: Recursos Naturais Habilitação Profissional: Habilitação Profissional Técnica

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS DISCIPLINAS 1. Introdução à Pesquisa em Letras 2. Metodologia de ensino de línguas estrangeiras I: perspectivas teóricas e abordagens

Leia mais

FICHA IV - ESPECÍFICA POR SUBPROJETO. Ensino-aprendizagem

FICHA IV - ESPECÍFICA POR SUBPROJETO. Ensino-aprendizagem FICHA IV - ESPECÍFICA POR SUBPROJETO Ensino-aprendizagem 1. Quais os materiais didáticos na área do(s) subprojeto(s) existentes na escola? Recursos didáticos, materiais diferenciados e/ou alternativos.

Leia mais

II.9.4 - Projeto de Educação Ambiental dos Trabalhadores

II.9.4 - Projeto de Educação Ambiental dos Trabalhadores Atividade de Perfuração Marítima no Projeto de Educação Ambiental dos Trabalhadores II.9.4 Pág. 1 / 10 II.9.4 - Projeto de Educação Ambiental dos Trabalhadores II.9.4.1 - Introdução e Justificativa A atividade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Coordenadoria Institucional de Educação a Distância - CIED

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Coordenadoria Institucional de Educação a Distância - CIED Recomendação da Coordenadoria Institucional de Educação a Distância (CIED) sobre a inclusão de disciplinas nos cursos de licenciatura presencial e a distância da UFAL A Lei de Diretrizes e Bases da Educação

Leia mais

Curso: Licenciatura em Pedagogia

Curso: Licenciatura em Pedagogia Curso: Licenciatura em Pedagogia Módulo: Formação Humanística números de variáveis, com as respectivas abrangendo Nacionais- que tratam de complemento a formação do aluno no ser NF-301 Projeto Experimental

Leia mais

Apresentação dos encontro de formação Plano Individual de Atendimento para medidas de proteção e medidas socioeducativas

Apresentação dos encontro de formação Plano Individual de Atendimento para medidas de proteção e medidas socioeducativas Apresentação dos encontro de formação Plano Individual de Atendimento para medidas de proteção e medidas socioeducativas Iniciativa Apoio Realização Objetivo e Público Objetivo Geral Ampliar o conhecimento

Leia mais

PROJETO DO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO INTEGRADO EM INFORMÁTICA

PROJETO DO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO INTEGRADO EM INFORMÁTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO. CAMPUS CERES DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL PROJETO DO

Leia mais

DRH - Diretoria de Recursos Humanos

DRH - Diretoria de Recursos Humanos Processo de Seleção Para Formação de Cadastro Reserva Para Provimento de Cargos Efetivos e Temporários (com prazo superior a 90 dias) Que Vagarem ou Forem Criados de Professor de Educação Infantil, Ensino

Leia mais

RESOLUÇÃO CONEPE Nº 008/2015

RESOLUÇÃO CONEPE Nº 008/2015 RESOLUÇÃO CONEPE Nº 008/2015 Aprova o Projeto Pedagógico e a Grade Curricular do Curso de Licenciatura em Letras e encaminha para o CONSUN. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

UFV Catálogo de Graduação 2013 201 PEDAGOGIA. COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim cbaquim@hotmail.com

UFV Catálogo de Graduação 2013 201 PEDAGOGIA. COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim cbaquim@hotmail.com UFV Catálogo de Graduação 2013 201 PEDAGOGIA COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim cbaquim@hotmail.com 202 Currículos dos Cursos UFV Licenciatura ATUAÇÃO Em atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DO PROFESSOR

PLANO DE TRABALHO DO PROFESSOR EIXO TECNOLÓGICO: AMBIENTE, SAÚDE E SEGURANÇA CURSO/MODALIDADE: Curso Técnico em Meio Ambiente Subsequente COMPONENTE CURRICULAR: METODOLOGIA DE PESQUISA E CÓDIGO: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS TÉCNICOS Currículo:

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL INTEGRADA À EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL INTEGRADA À EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL INTEGRADA À EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Descrição do Curso O curso tem duração de 360 horas sendo

Leia mais

PROJETO BRINCANDO SE APRENDE

PROJETO BRINCANDO SE APRENDE PROJETO BRINCANDO SE APRENDE COLÉGIO ESTADUAL PROFESSOR EDGARD SANTOS APRESENTAÇÃO A Matemática e a Língua Portuguesa são vistas como disciplinas de difícil aprendizagem, muitas vezes até rejeitada pelos

Leia mais

TREVISAN ESCOLA SUPERIOR DE NEGÓCIOS REGULAMENTO. Núcleo de Apoio Psicopedagógico - NAP

TREVISAN ESCOLA SUPERIOR DE NEGÓCIOS REGULAMENTO. Núcleo de Apoio Psicopedagógico - NAP TREVISAN ESCOLA SUPERIOR DE NEGÓCIOS REGULAMENTO Núcleo de Apoio Psicopedagógico - NAP SÃO PAULO 2015 4 Sumário 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 5 2. FINALIDADE E OBJETIVOS DO NAP... 5 3. ATUAÇÃO DO NAP...

Leia mais

TCC DE LETRAS LICENCIATURA E BACHARELADO MANUAL DE ORIENTAÇÕES

TCC DE LETRAS LICENCIATURA E BACHARELADO MANUAL DE ORIENTAÇÕES TCC DE LETRAS LICENCIATURA E BACHARELADO MANUAL DE ORIENTAÇÕES 2014 TCC LETRAS BACHARELADO PORTUGUÊS/INGLÊS O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) dos alunos que cursam o Bacharelado constituise como trabalho

Leia mais

Instrução Normativa do Programa de Pós-Graduação em Administração: Mestrado Profissional

Instrução Normativa do Programa de Pós-Graduação em Administração: Mestrado Profissional Instrução Normativa do Programa de Pós-Graduação em Administração: Mestrado Profissional Instrução Normativa PPGA nº 05 de 05/04/2016 Aprova as Normas para Apresentação da Dissertação do Programa de Pós-graduação

Leia mais

Processo de Seleção de Tutores para o Curso de Licenciatura em Filosofia, na modalidade a distância

Processo de Seleção de Tutores para o Curso de Licenciatura em Filosofia, na modalidade a distância MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DECRETO 5.800/2006 Res. 012/2008 CONSU Resolução CD/FNDE Nº 26/2009

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi)

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi) CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente

Leia mais

Letras Língua Inglesa

Letras Língua Inglesa Letras Língua Inglesa 1 semestre Núcleo de estudos interdisciplinares I 45h Ementa: Estuda os procedimentos envolvidos na realização de uma pesquisa cientifica. Desenvolve habilidade de produção de fichamento,

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL Nº 002/2013 Portaria SEME nº 014/2013 Título: Ambiente e Vida Área: Educação Ambiental Coordenação: Cássia Mara Silveira Leal Supervisora: Júnia

Leia mais

4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem

4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO: PROMOÇÃO DA SAÚDE NA EDUCAÇÃO BÁSICA e METODOLOGIA DO ENSINO DE ENFERMAGEM I 4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem ESTÁGIO Lei 6494/77 regulamentada pelo

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 13, Toledo PR Fone: 377-150 PLANEJAMENTO ANUAL DE LÍNGUA INGLESA SÉRIE: 5º Ano PROFESSOR: Lilian

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE Art.1º- O presente Regulamento destina-se a fixar diretrizes

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO Faculdade de Educação PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO EM EDUCAÇÃO NO SEGUNDO SEMESTRE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DOCENTE: ALESSANDRA ASSIS DISCENTE: SILVIA ELAINE ALMEIDA LIMA DISCIPLINA: ESTÁGIO 2 QUARTO SEMESTRE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DOCENTE: ALESSANDRA ASSIS DISCENTE: SILVIA ELAINE ALMEIDA LIMA DISCIPLINA: ESTÁGIO 2 QUARTO SEMESTRE PEDAGOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA DOCENTE: ALESSANDRA ASSIS DISCENTE: SILVIA ELAINE ALMEIDA LIMA DISCIPLINA: ESTÁGIO 2 QUARTO SEMESTRE PEDAGOGIA A leitura de mundo precede a leitura da palavra Paulo Freire

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE PSICOLOGIA ESTÁGIO PROFISSIONAL EM PSICOLOGIA (CURRÍCULO 3) I INTRODUÇÃO O estágio curricular do curso de Psicologia é uma atividade obrigatória, em consonância

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º PLANO DE ENSINO 2016 Curso: Pedagogia Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º 1 - Ementa (sumário, resumo) Fundamentos teórico-metodológicos

Leia mais

Linha de Pesquisa 2: FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE LÍNGUAS

Linha de Pesquisa 2: FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE LÍNGUAS Linha de Pesquisa 2: FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE LÍNGUAS Esta linha de pesquisa objetiva o exame dos processos de construção do conhecimento docente do professor de línguas, com ênfase no papel da linguagem

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR - LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

MATRIZ CURRICULAR - LICENCIATURA EM PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR - LICENCIATURA EM PEDAGOGIA 1 a FASE CÓD DISCIPLINAS EIXO C/H Créditos Filosofia da I Epistemologia Introdução à Ciência Epistemologia Científica educativa Português Comunicação e expressão

Leia mais

CONSIDERANDO o disposto na subseção VII da seção III do capítulo V do Título V do Decreto nº 2.479 de 08 de março de 1979;

CONSIDERANDO o disposto na subseção VII da seção III do capítulo V do Título V do Decreto nº 2.479 de 08 de março de 1979; RESOLUÇÃO ECG/TCE-RJ Nº 09 11 de novembro de 2014 Regulamenta o pagamento da Gratificação Pelo Exercício Temporário da Atividade de Magistério no âmbito do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA SELEÇÃO DE TUTOR A DISTÂNCIA EDITAL N. 04/2016

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA SELEÇÃO DE TUTOR A DISTÂNCIA EDITAL N. 04/2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA SELEÇÃO DE TUTOR A DISTÂNCIA EDITAL N. 04/2016 Seleção para tutoria a distância do Curso de Especializacão em Tecnologias da Informação e da Comunicação

Leia mais

REGULAMENTO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE ENGENHARIA DE MINAS DO CEFET/MG/CAMPUS ARAXÁ

REGULAMENTO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE ENGENHARIA DE MINAS DO CEFET/MG/CAMPUS ARAXÁ SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS UNIDADE ARAXÁ COLEGIADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE MINA REGULAMENTO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO

Leia mais

MINUTA PLANO DE TRABALHO Nº /2010 FUNDAÇÃO

MINUTA PLANO DE TRABALHO Nº /2010 FUNDAÇÃO MINUTA PLANO DE TRABALHO Nº /2010 FUNDAÇÃO PROJETO: Curso de Especialização em Epidemiologia 2ª Turma 1 Identificação do objeto a ser executado: a) Unid./Orgão: Instituto de Patologia Tropical e Saúde

Leia mais

Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS. Uma instituição do grupo

Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS. Uma instituição do grupo Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS F U T U R O T E N D Ê N C I A S I N O V A Ç Ã O Uma instituição do grupo CURSO 2 OBJETIVOS Discutir e fomentar conhecimentos sobre a compreensão das potencialidades,

Leia mais

EDITAL Nº 066/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital.

EDITAL Nº 066/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 Educação a Distância EAD / UESB Fone: (77) 3425-9308 uesbvirtual@uesb.edu EDITAL Nº 066/2015 SELEÇÃO

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 47/2013

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 47/2013 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 47/2013 Dispõe sobre Processo Seletivo de Funcionário para as vagas dispostas no presente Edital no Centro Universitário - Católica de Santa Catarina em Jaraguá do Sul. A

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL LUIZ VAZ DE CAMÕES

ESCOLA ESTADUAL LUIZ VAZ DE CAMÕES ESCOLA ESTADUAL LUIZ VAZ DE CAMÕES IPEZAL-DISTRITO DE ANGÉLICA-MS SETEMBRO/2016 ESCOLA ESTADUAL LUIZ VAZ DE CAMÕES FEIRA DE CIÊNCIAS E NOITE CULTURAL/2016 Projeto elaborado para se desenvolvido na E.E.

Leia mais

A prática como componente curricular na licenciatura em física da Universidade Estadual de Ponta Grossa

A prática como componente curricular na licenciatura em física da Universidade Estadual de Ponta Grossa A prática como componente curricular na licenciatura em física da Universidade Estadual de Ponta Grossa Da Silva, Silvio Luiz Rutz 1 ; Brinatti, André Maurício 2 ; De Andrade, André Vitor Chaves 3 & Da

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL (SUPERVISIONADO)

REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL (SUPERVISIONADO) REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL (SUPERVISIONADO) GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA PROFª MS. ELAINE CRISTINA SIMOES BRAGANÇA PAULISTA 2013 O estágio é um ato educativo supervisionado, desenvolvido no ambiente

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: Renato Custódio da Silva

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico. Professor: Renato Custódio da Silva PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Técnico Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Ética e Cidadania Organizacional Eixo Tecnológico: Gestão e

Leia mais

Diretoria de Ensino Região Centro-Oeste. 6º Seminário dos Profissionais Educadores...Semeando ideias... Valorizando práticas...

Diretoria de Ensino Região Centro-Oeste. 6º Seminário dos Profissionais Educadores...Semeando ideias... Valorizando práticas... Diretoria de Ensino Região Centro-Oeste 6º Seminário dos Profissionais Educadores...Semeando ideias... Valorizando práticas... 2017 Regulamento de Participação 6º Seminário dos Profissionais Educadores...Semeando

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Tópicos Contemporâneos Carga Horária Semestral: 40 horas Semestre do Curso: 4º 1 - Ementa (sumário, resumo) Conceitos teóricos: Moral

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e,

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 08/2016 Aprova a estrutura curricular do Curso de Letras Libras, modalidade

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP FACULDADE DE EDUCAÇÃO Faculdade de Educação PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO EM EDUCAÇÃO NO SEGUNDO SEMESTRE

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Curso: História - Licenciatura Campus: Cabo Frio SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Missão O Curso de Licenciatura em História tem por missão a formação profissional do Licenciando para o exercício do magistério

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 139/2009/CONEPE Aprova alteração nas Normas Específicas do Estágio

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Departamento de Gestão de Pessoas

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Departamento de Gestão de Pessoas Quantidade Setor Local de Trabalho Horário de Trabalho 1 Programa de Pós-graduação em Biotecnologia - CCS Secretaria do Programa de Pósgraduação em Biotecnologia 8:00-12:00h 13:00-17:00h NÍVEL DE CLASSIFICAÇÃO:

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. Licenciatura EM educação básica intercultural TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO. Licenciatura EM educação básica intercultural TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Licenciatura EM educação básica intercultural TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Artigo 1º - O Estágio Supervisionado de que trata este regulamento refere-se à formação de

Leia mais

E.E. SENADOR LUIZ NOGUEIRA MARTINS

E.E. SENADOR LUIZ NOGUEIRA MARTINS PLANO DE AÇÃO 2016 / 2017 Município: SOROCABA SP CIE: 016412 Núcleo: SOROCABA - INTERIOR Equipe Gestora: Direção: Andréa S. A. C. F. Queiroz Vice-Diretor: Delaine E. de A. Banietti Professor Mediador:

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO 1 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS - ICHS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA VAD CURSO DE ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE

Leia mais

1º O descarte de outros materiais bibliográficos só poderá ser efetivado quando o material for considerado em situação irrecuperável.

1º O descarte de outros materiais bibliográficos só poderá ser efetivado quando o material for considerado em situação irrecuperável. Normas para a doação e o descarte de livros didáticos adquiridos e distribuídos aos campi do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento

Leia mais

MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE

MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE 1 MINUTA DE RESOLUÇÃO DE ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DAS ATIVIDADES DOCENTES NA UFRPE CONSIDERANDO a necessidade de aperfeiçoar o acompamhamento e registro das atividades desenvolvidas pelo corpo docente

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 02, DE 26 DE JANEIRO DE 2012.

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 02, DE 26 DE JANEIRO DE 2012. AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC A Diretora de Desenvolvimento do Ensino, no exercício da Direção Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Timon, no uso de

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE REAL REGULAMENTO OFERTAS EDUCATIVAS ALTERNATIVAS AO ENSINO REGULAR ANEXO II

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE REAL REGULAMENTO OFERTAS EDUCATIVAS ALTERNATIVAS AO ENSINO REGULAR ANEXO II Ofertas Educativas Artigo 1.º Âmbito O presente regulamento estabelece as diretrizes essenciais ao funcionamento do curso vocacional, adequando, esclarecendo e integrando as normas legais presentes na

Leia mais

Fundação Universidade Estadual do Ceará FUNECE Centro de Ciências da Saúde - CCS CURSO MESTRADO PROFISSIONAL ENSINO NA SAÚDE-CMEPES

Fundação Universidade Estadual do Ceará FUNECE Centro de Ciências da Saúde - CCS CURSO MESTRADO PROFISSIONAL ENSINO NA SAÚDE-CMEPES Fundação Universidade Estadual do Ceará FUNECE Centro de Ciências da Saúde - CCS CURSO MESTRADO PROFISSIONAL ENSINO NA SAÚDE-CMEPES CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 49/2015 1. OBJETIVOS DO CURSO: O Reitor

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE FORMAÇÃO DE TECNÓLOGOS COLEGIADO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE FORMAÇÃO DE TECNÓLOGOS COLEGIADO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS RESOLUÇÃO Nº 01/2007 Aprova o Regulamento do Estágio Curricular Supervisionado do Curso de Graduação em Ciências Agrárias Habilitação: Licenciatura Plena e dá outras providencias. O Colegiado do Curso

Leia mais

Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016

Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016 Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016 Orientações para cursos de Formação de Professores, nas áreas de Didática, Metodologias e Práticas de Ensino Estrutura do documento I.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / CPEaD

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / CPEaD MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / CPEaD EDITAL - Nº 001/2013 SELEÇÃO INTERNA PARA PROFESSOR FORMADOR CPEaD O INSTITUTO FEDERAL DE

Leia mais

DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O Curso de Educação Física - Licenciatura - objetiva a formação pedagógica, ao contemplar uma visão geral da educação e dos processos formativos dos educandos. Adequar-se-á

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online

EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online EDITAL DE SELEÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Modalidade Online GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Regulamentação de Pós-Graduação Lato Sensu e Ato de Credenciamento Institucional para Oferta de Curso

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS 4ª Série Produção Gráfica CST Produção Multimídia A atividade prática supervisionada (ATPS) é um procedimento metodológico de ensino-aprendizagem desenvolvido por meio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.661, DE 28 DE ABRIL DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.661, DE 28 DE ABRIL DE 2015 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.661, DE 28 DE ABRIL DE 2015 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007 Homologa o Parecer nº 034/07-CEG, que aprova o Projeto Político

Leia mais

O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB

O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV) Universidade Federal da Paraíba (UFPB) / Universidade Federal de Pernambuco

Leia mais

LDB Lei de Diretrizes e Bases

LDB Lei de Diretrizes e Bases PEDAGOGIA LDB Lei de Diretrizes e Bases Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional O pedagogo estuda as teorias da ciência da educação e do ensino É

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE ESPANHOL

PLANEJAMENTO ANUAL DE ESPANHOL COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE ESPANHOL SÉRIE: PROFESSORAS: Anna Cláudia

Leia mais