PLANO DE AÇÃO 2016 APROVADO EM REUNIÃO 01/2016 CONCAMP

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE AÇÃO 2016 APROVADO EM REUNIÃO 01/2016 CONCAMP"

Transcrição

1 PLANO DE AÇÃO 2016 APROVADO EM REUNIÃO 01/2016 CONCAMP Ação Valor Tipo orçamentário agenciamento de viagens e compra de passagens aéreas para serviços administrativos Contratação e manutenção dos serviços terceirizados da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), para dar plubliciade a licitações. Impresa Nacional, para publicações junto ao Diário Oficial Contratação e manutenção dos serviços terceirizados da Empresa Brasileira de Telegrafos (ETC), para envio das correspondências telefonia para ligações telefônicas e telefonia móvel e 3G Contratação e manutenção dos serviços terceirizados manutenção da central telefônica limpeza e conservação e vigilância armada seguro para alunos regularmente matriculados , , , , , ,00 PRONATEC - seguro de alunos 0,00 seguro veicular Gestão da frota de veículos, para viabilizar a manutenção preventiva e corretiva dos veículos oficiais e Gerenciamento informatizado de combustíveis jardinagem 4.000, , ,00 transporte intermunicipal e interestadual, para viabilizar visitas ,00 técnias e transp. a eventos transporte municipal, para viabilizar visitas técnias e transp. a eventos empresa para manutenção esporádica para serviços eletricos, hidráulicos, carpintaria, pintura, marcenaria, serralheiria, manutenção de ar condicionado, manutenção e reforma em , ,00

2 geral. Ministério da Educação Contratação e manutenção dos serviços de fornecimento de energia elétrica, água, esgoto e gás empresa para locação de impressoras Contratação e manutenção dos serviços terceirizados na condição de agente de integração, do programa de concessão de vagas de estágio remunerada manutenção predial Contratação de serviços de portaria Aquisição de equipamentos de TI para ampliação da infraestrutura computacional Aquisição de computadores para as áreas adminitrativas Aquisição materiais para manutenção de equipamentos de TI e ampliação da infraestrutura computacional Aquisição de impressora e leitor de código de barras para inventário do patrimônio , , , , , , , ,00 Manutenção do acesso a internet para alunos e servidores 0,00 Implantação, sustentação, apoio negocial, treinamento, apoio presencial, customização e migração de dados dos sistema SIG Adquirir projetores e suporte para o teto da ampliação do do Bloco B , ,00 Fazer levantamento de materiais eletrônicos inservíveis 0,00 Manutenção das impressoras / estabilizadores / nobreaks 2.000,00 Configuração da Videoconferência 0,00 Desenvolvimento/implantação de softwares que atendam as demandas administrativas e de ensino Pagamento de renovação do software Qualidata 0, ,00 Atualização do calendário de licitações 0,00 Adquirir itens de alimentação para lanche aos estudantes do ensino médio Contratação de empresa para elaboração de projetos de obras Licitar e adquirir de mobiliário para ampliação do bloco B , , ,00 Licitar e adquirir materiais para equipar os setores

3 administrativos Licitar e adquirir carimbos 250,00 Aquisição e instalação de condicionadores de ar Aquisição de bancos de ferro para o Bloco A e B e mobiliário complementar aos demais setores Licitar e adquirir material de expediente, higiene e limpeza Licitar e adquirir água, açúcar, café, chá Aquisição de fogão, geladeira e mobiliário para cozinha Promover formação para PROFESSORES do campus atráves de cursos de capacitação Promover formação para TÉCNICOS do campus atráves de cursos de capacitação Capacitação por interesse da Administração para os SERVIDORES Bolsa de estudos para servidores para Graduações, Pósgraduações Licitar e adquirir materiais de construção, mat. elétrico, mat. Hidráulico, ferramentas para viabilizar a manutenção predial e dos laboratórios Licitar e adquirir materiais de sinalização visual, horizontal e vertical do Câmpus Licitação de aquisição de equipamentos anti-incêndio e Sinalização de Segurança de manutenção dos já existentes Projeto e construção para ampliação das edificações do câmpus Projeto e construção de banheiros masculino e feminino para atender o Bloco B Projeto e construção da urbanização entre os blocos A e B e acesso a rua Anita Garibaldi Contratação de palestras/empresas para serviços em eventos do campus Reforma no laboratório E4 com implementação de bancada central com pias, ampliação da rede de energia e gás Reforma no laboratório de Química com reforço da bancada central , , , , , , , , , , , , , , ,00 Construção de um novo estoque de reagentes químicos 0,00

4 Projeto e execução do PPCI (Plano de prevenção e combate a incêndio) dos prédios existentes Monitorar alterações orçamentárias e fazer solicitações de trocas de rubrica ,00 0,00 Ressarcimento de transporte terrestre e pedágios 700,00 Pagamento de taxas administrativas junto aos órgãos municipais, estaduais e federais 1.500,00 Viabilizar a posse de novos servidores 0,00 Aquisição de cofre para armazenamento de documentos Divulgar andamento da execução orçamental do plano de ação 0,00 Contratação de empresa para descarte de lâmpadas fluorescentes Pagamento de Diárias para reuniões e convocações (servidores) Construção de um ginásio poliesportivo Infraestrutura para acessibilidade Construção de um auditório Continuação da obra do Bloco A Construção do bloco Maria da Gloria Gauer (MGG) Licitar projeto para construção de uma cantina e área de convivência em regime de concessão. Adquirir materiais pedagógicos para as aulas de Educação Física, Artes e Língua Portuguesa Monitoria nas aulas 1.000,00 500, , , , , , ,00 0, , ,00 Implementar processo seletivo discente 0,00 Aquisição de material de expediente, didático e de apoio ao Ensino Análise de PPCs existentes e novos 0,00 Promover Bolsas de Assistência Estudantil Nomeação de professores conforme a demanda de áreas/cursos ,00 0,00 Construção de um laboratório Integrado de

5 Física/Matemática/Biologia ,00 Aquisição de Material Permanente para a Área de Física Aquisiçao de Equipamentos de Áudio Construção de uma sala de ginástica Implementação de laboratórios de Informática D6 e D7 Aquisição de acervo para a biblioteca Aquisição de periódicos para a biblioteca Confecção das carteirinhas (crachá) para todos os estudantes do câmpus , , , , , , ,00 Locação do Centro Cultural para Formaturas 500,00 Licitação para cerimônia de formatura (estrutura básica) Aquisição de Equipamentos para o Laboratório de Química Aquisição de reagentes para o Laboratório de Química Aquisição de Vidraria para Laboratório de Química 2.500, ,00 Promover seminários de pesquisa e inovação 0,00 Atualizar a parte de P&I no sítio da internet do Campus Feliz: inserção de material de apoio, divulgação de editais de fomento e informações acerca de P&I 0,00 Realizar levantamento das demandas da P&I na região 0,00 Incentivar as pesquisas nos cursos de Pós-Graduação do Câmpus, incentivando a busca por editais de fomento e valorizando as idéias inovadoras dos discentes Executar o edital 2016 para Bolsas de Iniciação Científica e/ou Tecnológica do IFRS Lançar Edital para Auxílio Institucional à Produção Científica e/ou Tecnológica (AIPCT) Realizar visitas técnicas a empresas com vistas a firmar convênios de P&I Visitar instituições de P&I para verificar a viabilidade de firmar convênios de cooperação 0, , ,80 0,00 0,00 Incentivar e participar de Editais de Fomento à P&I 0,00 Incentivar a Participação de servidores pesquisadores em

6 Eventos de Pesquisa e Inovação dentro e fora do âmbito da instituição Incentivar discentes na Participação em Eventos de Pesquisa e Inovação dentro e fora do âmbito da instituição , ,00 Ir a Reuniões e Convocações da PROPI e Comitê de Ética 0,00 Estruturar espaços para realização de ações de extensão e eventos. 0,00 Ampliar estratégias de acompanhamento de egressos. 0,00 Acompanhar os estágios obrigatórios e não-obrigatórios. 0,00 Elaborar materiais gráficos e de divulgação 0,00 Acompanhar e auxiliar no desenvolvimento de programas governamentais, como PRONATEC Acompanhar e incentivar as ações desenvolvidas pelos núcleos NAPNE e NEABI 0,00 0,00 Acompanhar as atividades realizadas no Setor de Estágios 0,00 Abrir edital de fomento interno (PAIEX) e bolsas de extensão Desenvolver ações de extensão junto à comunidade interna e externa do Realizar levantamento de demandas da Extensão para realização de novas ações Adquirir materiais para realização de eventos Emitir certificação das ações de Extensão realizadas no Câmpus Manter atualizado os dados referentes à Extensão no sítio da internet do : material de apoio, divulgação de editais e outras informações relevantes Organizar a Mostra Técnica do Incentivar servidores e discentes na participação em Eventos de Extensão dentro e fora do âmbito da instituição ,50 0,00 0,00 0,00 0, ,00 Comparecer a reuniões e convocações da PROEX 0,00 Estimular a participação dos discentes dos Cursos Superiores no programa Ciência sem Fronteiras Propiciar aos discentes a participação nos Jogos do IFRS 0, ,00 Implantação de um Centro de Línguas 0,00 Apoiar a PRODI a implantar um sistema para a elaboração e acompanhamento do planejamento estratégico e plano de ação 0,00

7 Atuar no aprimoramento contínuo dos fluxos de trabalho e processos. Elaborar e adquirir Material de Divulgação (folder, panfletos, banner, pastas, pin, etc) de cada curso do Campus e dos Processos Seletivos. Acompanhar processo de divulgação do Campus na mídia local no que se refere a comunicação institucional e processo seletivo. 0,00 0,00 Acompanhar a execução do Plano de Ação ,00 Auxiliar na elaboração do Plano de Ação ,00 Acompanhar o processo de avaliação da instituição junto a SPA. 0,00 Acompanhar a implantação do regimento do Câmpus. 0,00 Acompanhar os indicadores institucionais. 0,00 Auxiliar na realização de convênios com instituições públicas e privadas para atividades de ensino, pesquisa e extensão. 0,00 Comparecer a reuniões e convocações da PRODI 0,00 Promover e financiar ações da Esplanada Sustentável (cisternas, sensores etc) Adquirir itens permanentes e de consumo que dão suporte às atividades de comunicação e eventos do Câmpus. Promover discussões para elaboração do Plano Diretor do Câmpus. Auxiliar as diretorias/coordenadorias do Câmpus nas ações de planejamento e gestão ,00 0,00 0,00 Elaborar o Relatório de Gestão ,00 Asssinatura dos jornais Primeira Hora, NH e Correio do Povo 1.500,00 Aquisição de licencas dos softwares Corel Draw e Pacote Adobe (última versão)

Plano de Ação Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional

Plano de Ação Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional Plano de Ação 2013 Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional Áreas estratégicas Ensino Pesquisa Desenvolvimento Ins.tucional Administração Extensão Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional DIRETRIZES

Leia mais

Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas.

Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas. NOR001 Aquisição de equipamentos de TI (computadores, projetores, notebook) para atendimento de atividades acadêmicas e administrativas. NOR002 Capacitação de servidores para utilização de softwares educacionais

Leia mais

TABELA DE PLANO INTERNO EXECÍCIO /9

TABELA DE PLANO INTERNO EXECÍCIO /9 Atualizada em 19 de janeiro de 2017 COM CUSTEIO BÁSICO COM A FROTA TABELA DE EXECÍCIO 2017 Combustíveis e Lubrificantes Gestão Administrativa da Unidade L 0000 P 01 00 N Locação de Veículos Gestão Administrativa

Leia mais

ATA Nº 04/2013 REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO DE CÂMPUS FELIZ

ATA Nº 04/2013 REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO DE CÂMPUS FELIZ ATA Nº 04/2013 REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO DE CÂMPUS FELIZ Aos dezesseis (16) dias do mês de julho (7) de dois mil e treze (2013), às dezoito horas e trinta minutos, na sala D3 do do IFRS, localizada

Leia mais

Consulta em Relatorio_SituacaoFinal

Consulta em Relatorio_SituacaoFinal Consulta em Relatorio_SituacaoFinal 24/0/2008 Codelemento ano Num_Proc Objeto Codmodalidade 5 2.00 857/2005 Alienação de veículos 2 2 2.007 085/2007 Aquisição de 0(um) arquivo deslizante 5 2.005 2298/2005

Leia mais

Rua Princesa Isabel, 60, Bairro Vila Rica Feliz- RS Fone/Fax: (51)

Rua Princesa Isabel, 60, Bairro Vila Rica Feliz- RS Fone/Fax: (51) ATA Nº 01/2016 REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CAMPUS FELIZ 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 Aos vinte (20) dias do mês de janeiro (01) de dois mil e dezesseis (2016),

Leia mais

PLANO DE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 2013

PLANO DE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 2013 PLANO DE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 2013 João Pessoa-PB 2013 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 1 1.PROGRAMAS E AÇÕES... 2 1.1. PROGRAMA 2031 EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TECNOLÓGICA... 2 1.1.1.Principais Ações do Programa...

Leia mais

PROPOSTA ORÇAMENTÁRIA 2014

PROPOSTA ORÇAMENTÁRIA 2014 PROPOSTA ORÇAMENTÁRIA 2014 OBJETIVO Apresentar um conjunto de informações sobre a proposta orçamentária 2014. DO ORÇAMENTO DE 2014 - Valor estipulado pelo CONIF na matriz orçamentária. - R$ 6.748.659,00

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO DEMANDAS POR CENTRO PARA ORÇAMENTO 2014

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO DEMANDAS POR CENTRO PARA ORÇAMENTO 2014 UNVERSDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-RETORA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO DEMANDAS POR CENTRO PARA ORÇAMENTO 2014 OBRAS CCBS Construção de uma mini-central de aulas (20 salas) Reforma e adequação de laboratórios

Leia mais

CALENDÁRIO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COMUNS ª ETAPA:

CALENDÁRIO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COMUNS ª ETAPA: 1ª ETAPA: DEZEMBRO / 2016 JANEIRO / 2017 FEVEREIRO / 2017 MARÇO / 2017 ABRIL / 2017 D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S 1 2 3 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4 1 2 3 4 1 4 5 6 7 8

Leia mais

PDI Plano de Desenvolvimento Institucional

PDI Plano de Desenvolvimento Institucional PDI 2015-2019 Plano de Desenvolvimento Institucional CENÁRIO PDI - 2016 METODOLOGIA DE TRABALHO SISTEMÁTICA DE ACOMPANHAMENTO PAINEL DE BORDO DISPONIBILIDADE NO SITE DA UFERSA PRESENCIAL PAINEL DE BORDO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 46/2011, de 03 de novembro de 2011.

RESOLUÇÃO Nº 46/2011, de 03 de novembro de 2011. RESOLUÇÃO Nº 46/2011, de 03 de novembro de 2011. O Presidente do Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Departamento de Gestão de Pessoas

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Departamento de Gestão de Pessoas Quantidade Setor Local de Trabalho Horário de Trabalho 1 Programa de Pós-graduação em Biotecnologia - CCS Secretaria do Programa de Pósgraduação em Biotecnologia 8:00-12:00h 13:00-17:00h NÍVEL DE CLASSIFICAÇÃO:

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EXTERNO

PROCESSO SELETIVO EXTERNO ANEXO I EDITAL N /26, DE 19 DE MAIO DE 26 UNIDADE TERESINA CÓDIGO CARGO (PROFISSIONAL) A- Assessor Técnico III Coordenador/Supervisor Pedagógico Saúde A-02 Assessor Técnico III Planejamento PRÉ-REQUISITOS

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO -

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - CAPÍTULO I Da Natureza, das Finalidades e dos Objetivos Art.

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira. Demonstrativo de Programas Temáticos PPA

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira. Demonstrativo de Programas Temáticos PPA Governo do Estado do Ano Base: 06 007 - SEGURANÇA PÚBLICA, PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL Diretriz 06 - PROMOÇÃO DO BEM-ESTAR DO POTIGUAR ATRAVÉS DA GARANTIA AO ACESSO AOS DIREITOS FUNDAMENTAIS Indicadores Nome

Leia mais

PLANO DE GESTÃO CÂMPUS CAÇADOR

PLANO DE GESTÃO CÂMPUS CAÇADOR PLANO DE GESTÃO CÂMPUS CAÇADOR 2016-2019 Consolidar, Incluir e Unir com ética, transparência e responsabilidade SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 5 2 METODOLOGIA... 6 3 EQUIPE... 7 4 MAPA SITUACIONAL... 8 5 EIXOS

Leia mais

QUADRO III ATRIBUIÇÕES DAS FUNÇÕES

QUADRO III ATRIBUIÇÕES DAS FUNÇÕES QUADRO III ATRIBUIÇÕES DAS FUNÇÕES ESTAGIÁRIO - ANALISTA DE RECURSOS HUMANOS Executar tarefas ligadas à área de Recursos Humanos de empresa. Participar do levantamento e análise de necessidade, executar

Leia mais

Detalhamento da Ação (Como?) Seleção do bolsista da CSA para auxiliar os trabalhos de estruturação da comissão setorial do NTE/UFSM

Detalhamento da Ação (Como?) Seleção do bolsista da CSA para auxiliar os trabalhos de estruturação da comissão setorial do NTE/UFSM Total de Recursos R$ 95.000,00 EIXO 1 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e Avaliação Institucional* Nº da Título da 1 Organização e estruturação da CSA-NTE 3. Lançamento da

Leia mais

Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola. Concessão de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID

Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola. Concessão de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID Programa 1448 Qualidade na Escola Ações Orçamentárias Número de Ações 16 0E530000 Apoio ao Transporte Escolar para a Educação Básica - Caminho da Escola Veículo adquirido Unidade de Medida: unidade UO:

Leia mais

Grêmio Estudantil CHAPOLIN (2015/2017) Seleção de novos membros para a Gestão do Grêmio Estudantil

Grêmio Estudantil CHAPOLIN (2015/2017) Seleção de novos membros para a Gestão do Grêmio Estudantil Vitória da Conquista, 21 de agosto de 2017 Grêmio Estudantil CHAPOLIN (2015/2017) Edital nº 001/2017 Seleção de novos membros para a Gestão do Grêmio Estudantil O GRÊMIO ESTUDANTIL CHAPOLIN (2015 2017)

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, CULTURA E ASSUNTOS ESTUDANTIS PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTA DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, CULTURA E ASSUNTOS ESTUDANTIS PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTA DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTA DE EXTENSÃO EDITAL/UFU/PROEX/Nº 64 -ASAEX A Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis da Universidade Federal de Uberlândia,

Leia mais

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 Cria o Programa de Monitoria da UFG, fixa os objetivos e estabelece as estruturas de funcionamento da Monitoria na UFG, e

Leia mais

RELAÇÕES INTERNACIONAIS. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

RELAÇÕES INTERNACIONAIS. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: RELAÇÕES INTERNACIONAIS Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

Arquitetura e Urbanismo. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: Arquitetura e Urbanismo Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UFGD

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UFGD EDITAL HU-UFGD/EBSERH Nº. 01, DE 16 DE MAIO DE 2016. SELEÇÃO PÚBLICA PARA VAGAS DE ESTÁGIO DO. ANEXO I VAGAS E REQUISITOS EXIGIDOS. Administração Arquitetura e Urbanismo Biomedicina curso de Administração.

Leia mais

Acompanhamento do Planejamento

Acompanhamento do Planejamento MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE ENSINO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PROPLAN Acompanhamento do Planejamento A

Leia mais

PLANO DE AÇÃO Teixeira de Freitas

PLANO DE AÇÃO Teixeira de Freitas PLANO DE AÇÃO 2016 Teixeira de Freitas PERSPECTIVA: ESTUDANTE E SOCIEDADE Objetivo Estratégico: 1. CONSOLIDAR OS CURSOS OFERTADOS Setor responsável Total 1. Reformulação dos PPC's dos cursos Técnicos em

Leia mais

Enfermagem. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

Enfermagem. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: Enfermagem Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de agosto e novembro

Leia mais

EIXO 1 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e Avaliação Institucional* Título da Ação (o que?

EIXO 1 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e Avaliação Institucional* Título da Ação (o que? ANEXO 2 PLANO DE AÇÃO COMISSÃO SETORIAL DE AVALIAÇÃO CCSH Questão Geral 1.1 Como você percebe a utilização dos resultados da autoavaliação como subsídio à revisão, proposição e implementação das ações

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi)

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MATO GROSSO DO SUL (Neabi) CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 52.567, DE 23 DE SETEMBRO DE 2015. (publicado no DOE n.º 183, de 24 de setembro de 2015) Dispõe sobre o

Leia mais

PROGRAMA IFNMG SUSTENTÁVEL Metas a serem alcançadas

PROGRAMA IFNMG SUSTENTÁVEL Metas a serem alcançadas Ações/Programas e Detalhamento PROGRAMA Unidades e áreas envolvidas e respectivos responsáveis Projeto de Boas práticas de gestão do serviço público: Redução dos gastos públicos e racionalização dos recursos

Leia mais

UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES

UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL - 2009-2010 AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES A CPA agradece sua participação no processo de Autoavaliação

Leia mais

Plano de Ação Técnicas em Assuntos Educacionais Campus de Vilhena

Plano de Ação Técnicas em Assuntos Educacionais Campus de Vilhena Plano de Ação Técnicas em Assuntos Educacionais Campus de Vilhena Objetivo Foco Ações ( O que fazer? Objetivo Específico (Por quê) Metodologia (Como pode ser feito) Setor (Onde) Período de Execução (Quando)

Leia mais

Os corredores são amplos e medem em sua totalidade m², possuem bebedouros com água filtrada e gelada.

Os corredores são amplos e medem em sua totalidade m², possuem bebedouros com água filtrada e gelada. A Sociedade Educacional do Centro Oeste SOECO mantenedora da Faculdade de Chapadão do Sul FACHASUL segue o planejamento de construção e ampliação das instalações físicas necessárias para o oferecimento

Leia mais

ELEIÇÕES 2012 DIRETRIZES DO PROGRAMA DE GOVERNO DO CANDIDATO JOSÉ SIMÃO DE SOUSA PARA A PREFEITURA DE MANAÍRA/PB ZÉ SIMÃO 45 - PREFEITO

ELEIÇÕES 2012 DIRETRIZES DO PROGRAMA DE GOVERNO DO CANDIDATO JOSÉ SIMÃO DE SOUSA PARA A PREFEITURA DE MANAÍRA/PB ZÉ SIMÃO 45 - PREFEITO ELEIÇÕES 2012 DIRETRIZES DO PROGRAMA DE GOVERNO DO CANDIDATO JOSÉ SIMÃO DE SOUSA PARA A PREFEITURA DE MANAÍRA/PB ZÉ SIMÃO 45 - PREFEITO OBJETIVOS DO GOVERNO: Consolidar e aprofundar os projetos e ações

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional

Plano de Desenvolvimento Institucional Plano de Desenvolvimento Institucional Âmbito de atuação Missão Visão Elementos Duráveis Princípios Elementos Mutáveis (periodicamente) Análise Ambiental Objetivos Estratégicos Metas Planos de Ação PDI

Leia mais

Portanto, a atividade de monitoria visa fornecer elementos que colaborem na formação de profissionais na área de Gastronomia.

Portanto, a atividade de monitoria visa fornecer elementos que colaborem na formação de profissionais na área de Gastronomia. PROJETO DE MONITORIA 2014 Centro Universitário SENAC: Águas de São Pedro Curso: Gastronomia Disciplina: Cozinha fria Professor responsável: Fabio Stoco Período letivo: 2 Período 1. Justificativa A monitoria

Leia mais

Plano de Gestão de Logística Sustentável dos Correios PLS - Relatório do 3º Trimestre

Plano de Gestão de Logística Sustentável dos Correios PLS - Relatório do 3º Trimestre EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS Plano de Gestão de Logística Sustentável dos Correios PLS - Relatório do 3º Trimestre 2015 Introdução O Plano de Gestão de Logística Sustentável dos Correios

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da Faculdade Processus.

Programa de Iniciação Científica da Faculdade Processus. Programa de Iniciação Científica da Faculdade Processus. CAPÍTULO I OBJETIVOS Art. 1º O Programa de Iniciação Científica PIC da Faculdade Processus, constitui-se em um conjunto de ações destinadas a propiciar

Leia mais

Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais

Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Programa 1374 Desenvolvimento da Educação Especial Ações Orçamentárias Número de Ações 15 05110000 Apoio ao Desenvolvimento da Educação Especial Projeto apoiado Unidade de Medida: unidade UO: 26298 FNDE

Leia mais

RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº 48/2015, DE 9 DE NOVEMBRO DE 2015. TÍTULO I Projeto de Pesquisa - Caracterização

RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº 48/2015, DE 9 DE NOVEMBRO DE 2015. TÍTULO I Projeto de Pesquisa - Caracterização MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO SUPERIOR Avenida Rio Branco, 50 Santa Lúcia 29056-255 Vitória ES 27 3227-5564 3235-1741 ramal 2003 RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº

Leia mais

Sustentabilidade no Setor Público, A3P e Planos de Logística Sustentável

Sustentabilidade no Setor Público, A3P e Planos de Logística Sustentável Ministério do Meio Ambiente Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental SAIC Departamento de Produção e Consumo Sustentável DPCS Sustentabilidade no Setor Público, A3P e Planos de Logística

Leia mais

CONSTRUINDO O FUTURO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI. Diamantina, agosto de 2009.

CONSTRUINDO O FUTURO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI. Diamantina, agosto de 2009. CONSTRUINDO O FUTURO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI Diamantina, agosto de 2009. Até 2013 UFVJM estará entre as melhores instituições de ensino superior do Brasil... B SITUAÇÃO

Leia mais

Boletim de Serviços n Publicado em 10/04/2017

Boletim de Serviços n Publicado em 10/04/2017 INSTRUÇÃO DE SERVIÇO NÚMERO 42 de 06/04/2017 A PRÓ-REITORA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fundação Universidade Federal da Grande Dourados, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelas Portarias da

Leia mais

NIP NÚCLEO DE INCENTIVO A PESQUISA

NIP NÚCLEO DE INCENTIVO A PESQUISA NIP NÚCLEO DE INCENTIVO A PESQUISA REGULAMENTO INTERNO MANTIDA FACULDADE CIDADE DE JOÃO PINHEIRO MANTENEDORA ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DE JOÃO PINHEIRO REGULAMENTO INTERNO CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira Ano Base: 2013 Demonstrativo da Proposta da Despesa

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira Ano Base: 2013 Demonstrativo da Proposta da Despesa 0100 - ATIVIDADE DE APOIO ADMINISTRATIVO 20780 - Preservação do Patrimônio Público 0001 - Rio Grande do Norte Assegurar os recursos orçamentários necessários à cobertura de despesas com a conservação do

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, CULTURA E ASSUNTOS ESTUDANTIS DIRETORIA DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, CULTURA E ASSUNTOS ESTUDANTIS DIRETORIA DE EXTENSÃO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTA DE EXTENSÃO EDITAL/UFU/PROEX/ N 36/2014 A Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis da Universidade Federal de Uberlândia, no uso de suas atribuições, torna

Leia mais

Universidade Federal do Ceará Campus de Crateús

Universidade Federal do Ceará Campus de Crateús Universidade Federal do Ceará Campus de Crateús Edital 03/2016 - Campus da UFC em Crateús Encontros Universitários 2016 A Direção do Campus da Universidade Federal do Ceará em Crateús, por intermédio da

Leia mais

Página 1 EMEF ARTHUR DA COSTA E SILVA. Diretora: Marlinda Haddad Rabello. .: Fundação: 04/09/1970

Página 1 EMEF ARTHUR DA COSTA E SILVA. Diretora: Marlinda Haddad Rabello.  .: Fundação: 04/09/1970 EMEF ARTHUR DA COSTA E SILVA Diretora: Marlinda Haddad Rabello E-mail.: emefacs@vitoria.es.gov.br Fundação: 04/09/1970 Criação: Lei nº 4.922 Endereço: Rua Presidente Rodrigues Alves, 255 Bairro: República

Leia mais

PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos.

PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos. PORTARIA Nº 2.164, 30 de Setembro de 2011 Aprova o Regimento Interno da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos. O MINISTRO DE ESTADO DA JUSTIÇA, no uso de suas atribuições que lhes

Leia mais

ANEXO II ATRIBUIÇÕES E COMPONENTE CURRICULAR. GOIATUBA/GO CÓD. Cargo Atribuições Componente Curricular 211

ANEXO II ATRIBUIÇÕES E COMPONENTE CURRICULAR. GOIATUBA/GO CÓD. Cargo Atribuições Componente Curricular 211 ANEXO II ATRIBUIÇÕES E COMPONENTE CURRICULAR GOIATUBA/GO CÓD. Cargo Atribuições Componente Curricular 211 Exercer e da Diretoria, Coordenação e. 212 Professor Segurança do Trabalho I e outros componentes

Leia mais

Regulamento do Núcleo de Apoio à Pesquisa do Curso de Medicina da UNIFENAS-BH

Regulamento do Núcleo de Apoio à Pesquisa do Curso de Medicina da UNIFENAS-BH Regulamento do Núcleo de Apoio à Pesquisa do Curso de Medicina da UNIFENAS-BH CAPÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO Art. 1º O Núcleo de Apoio à Pesquisa do Curso de Medicina da UNIFENAS-BH (NAPMED-BH) foi criado

Leia mais

Universidade Federal de São Paulo PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS. Regimento da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis

Universidade Federal de São Paulo PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS. Regimento da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Regimento da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1 O presente Regimento Interno dispõe sobre a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis PRAE, suas coordenadorias,

Leia mais

EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO

EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO ABERTURA O Diretor Geral do Câmpus Araraquara do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, torna pública,

Leia mais

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir:

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir: Plano de Governo 1 Educação de qualidade em tempo integral 2 Saúde humanizada, ágil e resoluta 3 Respeito ao cidadão e democratização do poder 4 Gestão administrativa eficiente, honesta e transparente

Leia mais

ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO ATRIBUIÇÕES

ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO ATRIBUIÇÕES ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO CARGO Auxiliar de Serviços Gerais I Merendeira I Fiscal de Obras e Edificações I ATRIBUIÇÕES Manter limpos os móveis, arrumar e manter limpos os locais de trabalho;

Leia mais

Indicadores: Nº de Servidores e alunos por Campus que tem a pretensão de participar do curso básico em Frances

Indicadores: Nº de Servidores e alunos por Campus que tem a pretensão de participar do curso básico em Frances PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO 1.Perspectiva Desenvolvimento de Pessoas Objetivo: Implantar Cursos de Idiomas para os servidores e alunos, de modo especifico em Frances. RESPONSÁVEL: Profª Ana Celia Said, Assessora

Leia mais

A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL NO CONTEXTO DO PODER JUDICIÁRIO

A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL NO CONTEXTO DO PODER JUDICIÁRIO A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL NO CONTEXTO DO PODER JUDICIÁRIO Renatto Marcello de Araujo Pinto Comitê Gestor da PNRSJT Comissão de Responsabilidade Socioambiental DILEMAS DO DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

EDITAL Nº 036/2012-PRPI

EDITAL Nº 036/2012-PRPI EDITAL Nº 036/2012-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA SECRETARIA DE IMPLANTAÇÃO DO CAMPUS EDITAL Nº 01, DE 21 DE AGOSTO DE 2017

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA SECRETARIA DE IMPLANTAÇÃO DO CAMPUS EDITAL Nº 01, DE 21 DE AGOSTO DE 2017 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA SECRETARIA DE IMPLANTAÇÃO DO CAMPUS EDITAL Nº 01, DE 21 DE AGOSTO DE 2017 CONSIDERANDO a Lei nº 11.778/08 e a RESOLUÇÃO CONSUN

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CAMPUS I Centro de Ciências Exatas e da Natureza Departamento de Estatística Curso de Bacharelado em Estatística RESOLUÇÃO INTERNA DE AUTOAVALIAÇÃO DO CURSO DE BACHARELADO

Leia mais

Avanços e conquistas da reunião com a reitoria no dia 25/05/15

Avanços e conquistas da reunião com a reitoria no dia 25/05/15 Avanços e conquistas da reunião com a reitoria no dia 25/05/15 PROPOSTAS DO MOVIMENTO ESTUDANTIL E RESPOSTAS DA REITORIA Segurança PROPOSTA: Criação de fórum de segurança para discutir questões como o

Leia mais

EDITAL Nº 066/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital.

EDITAL Nº 066/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 Educação a Distância EAD / UESB Fone: (77) 3425-9308 uesbvirtual@uesb.edu EDITAL Nº 066/2015 SELEÇÃO

Leia mais

Página 1 PLANETÁRIO DE VITÓRIA. Diretor: José Arlon da Silva. Fundação: 23/06/1995

Página 1 PLANETÁRIO DE VITÓRIA. Diretor: José Arlon da Silva.   Fundação: 23/06/1995 PLANETÁRIO DE VITÓRIA Diretor: José Arlon da Silva Email: joasilva@correio1.vitoria.es.gov.br Fundação: 23/06/1995 Logradouro: Avenida Fernando Ferrari, 514 Bairro: Goiabeiras CEP: 29665-000 Telefone:

Leia mais

Condições gerais da Biblioteca de Dianópolis

Condições gerais da Biblioteca de Dianópolis CÂMPUS DIANÓPOLIS UNITINS SUDESTE A avaliação interna da Unitins destacou como principais problemas identificados pelos discentes, docentes e técnicos administrativos, nas instalações físicas da universidade:

Leia mais

META: SERVIDOR CAPACITADO CÂMPUS PATROCÍNIIO CÂMPUS UBERLÂNDIA CÂMPUS ITUIUTABA CÂMPUS UBERLÂNDIA CENTRO

META: SERVIDOR CAPACITADO CÂMPUS PATROCÍNIIO CÂMPUS UBERLÂNDIA CÂMPUS ITUIUTABA CÂMPUS UBERLÂNDIA CENTRO PROGRAMA: 2109 - GESTÃO E MANUTENÇÃO DO MEC AÇÃO: 4572 - CAPACITAÇÃO DE SERV. PÚB. FED. EM PROC. DE QUALIFICAÇÃO E REQUALIFICAÇÃO. DESCRIÇÃO PROMOVER A QUALIFICAÇÃO E A REQUALIFICAÇÃO DE PESSOAL COM VISTAS

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP REGULAMENTO DE PESQUISA SOBRAL-CEARÁ 2015 I- POLÍTICA DE PESQUISA Art.1º O Instituto Superior

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 03/2016. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, no uso de suas atribuições legais e estatutárias;

RESOLUÇÃO Nº 03/2016. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, no uso de suas atribuições legais e estatutárias; RESOLUÇÃO Nº 03/2016 Revoga a Resolução nº 05/2014- CONUNI e estabelece normas para o Programa Integrado de Desenvolvimento e capacitação Estudantil da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF).

Leia mais

Universidade Estadual de Londrina. DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO Esp. Cristina Duarte Ruiz

Universidade Estadual de Londrina. DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO Esp. Cristina Duarte Ruiz Universidade Estadual de Londrina Pró-Reitoria de Planejamento Prof. Dr. Otávio Yassuo Shimba Pró-Reitor DIAGNÓSTICO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO Esp. Cristina Duarte Ruiz Diretora

Leia mais

FACULDADE PITAGORAS EDITAL 01/16 PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE PITAGORAS - SÃO LUIS

FACULDADE PITAGORAS EDITAL 01/16 PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE PITAGORAS - SÃO LUIS EDITAL 01/16 PROGRAMA DE MONITORIA DA - SÃO LUIS O Diretor Geral da Faculdade Pitágoras, através da Núcleo de Atendimento Institucional - NAI, no uso de suas atribuições regimentais e de acordo com o que

Leia mais

CULTURA. Reunião do dia 14/08/2014

CULTURA. Reunião do dia 14/08/2014 Reunião do dia 14/08/2014 Coordenador: João Heitor Silva Macedo Visão: Que Santa Maria seja um Polo Cultural, por meio da realização de ações culturais, nos diversos espaços do seu território, e do reconhecimento

Leia mais

2. Quantidade de alunos na Lista de Espera

2. Quantidade de alunos na Lista de Espera 1. CORPO DISCENTE: Quantidade de alunos matriculados 1º ano 47 2º ano 62 3º ano 75 4º ano 59 4ª série 84 5ª série 127 6ª série 87 7ª série 90 EJA 1ª à 4ª 57 EJA 5ª à 8ª 166 1.1 Dos alunos matriculados,

Leia mais

DIAGNÓSTICO QUALITATIVO. Nível de Ensino: Educação Básica

DIAGNÓSTICO QUALITATIVO. Nível de Ensino: Educação Básica Plano Estratégico de Intervenção e Monitoramento para Superação da Evasão e Retenção CÂMPUS REGISTRO DIAGNÓSTICO QUALITATIVO Nível de Ensino: Educação Básica Cursos Principais CAUSAS de Evasão e Retenção

Leia mais

SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO

SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO CAMPUS TERESINA ZONA SUL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INOVAÇÃO EDITAL N.º 0/207 SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, Campus Teresina

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Anual IFAM Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós- Graduação e Inovação Tecnológica - PPGI

Plano de Desenvolvimento Anual IFAM Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós- Graduação e Inovação Tecnológica - PPGI Plano de Desenvolvimento Anual IFAM Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós- Graduação e Inovação Tecnológica - PPGI EXERCÍCIO 2016 PDA2016 PPGI Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas PDA

Leia mais

EDITAL Nº 124, DE 30 DE AGOSTO DE 2016 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TITULOS TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO Nº 05

EDITAL Nº 124, DE 30 DE AGOSTO DE 2016 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TITULOS TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO Nº 05 EDITAL Nº 124, DE 30 DE AGOSTO DE 2016 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TITULOS TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO Nº 05 O EDITAL nº 124/2016 de 30 de Agosto de 2016 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS

Leia mais

PMTI 08/2016. Diretoria de Tecnologia da Informação Setor ou data ou apresentador

PMTI 08/2016. Diretoria de Tecnologia da Informação Setor ou data ou apresentador PMTI 08/2016 Painéis de Título Monitoramento do slide da TI Diretoria de Tecnologia da Informação dti@ufca.edu.br Setor ou data ou apresentador Conteúdo Painel de Atendimentos Painel de Aquisições e Contratações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB) RESOLUÇÃO N 03, DE 22 DE MARÇO DE 2013. Aprova o Regimento Interno do Polo de Apoio Presencial de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS - REITORIA POLÍTICA DE INTERNACIONALIZAÇÃO DA UFMT. Elaborado por: Joíra Martins Supervisão: Prof. Paulo

Leia mais

Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014

Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014 Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014 Questões Eixo/ Item EIXO 1 - PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Ações desenvolvidas para manter ou melhorar 1.1 Como você avalia a Comissão

Leia mais

DESCRIÇÃO DO ESPAÇO FÍSICO

DESCRIÇÃO DO ESPAÇO FÍSICO DESCRIÇÃO DO ESPAÇO FÍSICO N o DEPENDÊNCIAS METRAGEM (m 2 ) 01 Secretária 16,41 m 2 02 Diretoria Geral 7,77 m² 03 Sala dos es 54,74 m 2 EQUIPAMENTOS E MOBILIÁRIOS 03 Gabinetes com teclado, mouse 03 Estabilizador

Leia mais

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Comunicação. Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº /06 e Nº

- REGIMENTO INTERNO. Secretaria de Comunicação. Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº /06 e Nº - REGIMENTO INTERNO Secretaria de Comunicação Leis Nº 6.529/05 e Nº 6.551/06, Decretos Nº 12.659/06 e Nº 15.052 I - Secretaria Executiva: - assessorar o Secretário Municipal no exercício de suas atribuições;

Leia mais

RETIFICAÇÃO Nº 01 AO EDITAL Nº 001/2017 DE 13/04/2017 (ESTÁGIO NÃO REMUNERADO)

RETIFICAÇÃO Nº 01 AO EDITAL Nº 001/2017 DE 13/04/2017 (ESTÁGIO NÃO REMUNERADO) RETIFICAÇÃO Nº 01 AO EDITAL Nº 001/2017 DE 13/04/2017 (ESTÁGIO NÃO REMUNERADO) Onde se lê: ANEXO I QUADRO DE VAGAS Nº Item Nº de Vagas Curso / Área de Formação Local de Estágio Carga horária diária/semanal

Leia mais

GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO

GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO GESTÃO AMBIENTAL NO IFRN: PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO PROJETO CAMPUS VERDE INTRODUÇÃO Atualmente a questão ambiental tem sido constantemente discutida em virtude do aumento da degradação do meio ambiente e

Leia mais

PROGRAMA DE EMPREENDEDORISMO INOVADOR (Pemin) CAPÍTULO I DA FINALIDADE

PROGRAMA DE EMPREENDEDORISMO INOVADOR (Pemin) CAPÍTULO I DA FINALIDADE PROGRAMA DE EMPREENDEDORISMO INOVADOR (Pemin) CAPÍTULO I DA FINALIDADE Art. 1º O Programa de Empreendedorismo Inovador (Pemin) do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) tem por finalidade estimular

Leia mais

Art. 1º APROVAR o Programa de Bolsas de Extensão do IFFluminense, constante no Anexo I desta Resolução.

Art. 1º APROVAR o Programa de Bolsas de Extensão do IFFluminense, constante no Anexo I desta Resolução. RESOLUÇÃO Nº 036/2016 Campos dos Goytacazes, 11 de março de 2016 O Presidente do Conselho Superior do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Fluminense, no uso das atribuições que lhe foram

Leia mais

UNIAO VITORIOSA PLANO DE GOVERNO SAUDE

UNIAO VITORIOSA PLANO DE GOVERNO SAUDE UNIAO VITORIOSA PLANO DE GOVERNO 2013 2016 SAUDE A saúde publica centra sua ação a partir da ótica do Estado com os interesses que ele representa nas distintas formas de organização social e politica das

Leia mais

Programas de Atendimento aos Estudantes

Programas de Atendimento aos Estudantes Programas de Atendimento aos Estudantes Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - IFSP Câmpus Guarulhos 1. Integração dos Ingressantes O atendimento ao estudante no IFSP Guarulhos

Leia mais

Consórcio das Universidades Federais do Sul/Sudeste de Minas Gerais. Uma proposta inovadora e estratégica para a região, o Estado e o País

Consórcio das Universidades Federais do Sul/Sudeste de Minas Gerais. Uma proposta inovadora e estratégica para a região, o Estado e o País Consórcio das Universidades Federais do Sul/Sudeste de Minas Gerais Uma proposta inovadora e estratégica para a região, o Estado e o País Consórcio O que não é: Uma Superuniversidade Uma Fusão de Universidades

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS PLANO DE GESTÃO APRESENTADO À COMUNIDADE UNIVERSITÁRIA PROCESSO ELEITORAL 2009

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS PLANO DE GESTÃO APRESENTADO À COMUNIDADE UNIVERSITÁRIA PROCESSO ELEITORAL 2009 PARTICIPAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS PLANO DE GESTÃO APRESENTADO À COMUNIDADE UNIVERSITÁRIA PROCESSO ELEITORAL 2009 Paulo Márcio de Faria e Silva (candidato ao cargo de Reitor) Edmer Silvestre

Leia mais

PORTARIA N.º 1.900, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2013.

PORTARIA N.º 1.900, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2013. REVOGADA PELA PORTARIA N.º 465, DE 03 DE MARÇO DE 2016 PUBLICADA NO DJE DE 03.03.2016 EDIÇÃO 5694 PÁG. 76. http://diario.tjrr.jus.br/dpj/dpj-20160303.pdf PORTARIA N.º 1.900, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2013.

Leia mais

ANEXO IV DA RESOLUÇÃO Nº 01/2014/CONSUP

ANEXO IV DA RESOLUÇÃO Nº 01/2014/CONSUP ANEXO IV DA RESOLUÇÃO Nº 01/2014/CONSUP Dispõe sobre a regulamentação do Programa de Aprendizagem Cooperativa em Células Estudantis (PACCE) no âmbito da Universidade Federal do Cariri. A PRESIDENTE DO

Leia mais

MINUTA EM CONSTRUÇÃO

MINUTA EM CONSTRUÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR UNIVERSITÁRIO MINUTA EM CONSTRUÇÃO RESOLUÇÃO POLÍTICA DE AÇÕES AFIRMATIVAS E PROMOÇÃO DA IGUALDADE ÉTNICO-RACIAL Institui a Política de Ações Afirmativas

Leia mais

DAS COORDENAÇÃO DE EIXO_TECNOLÓGICO

DAS COORDENAÇÃO DE EIXO_TECNOLÓGICO DAS COORDENAÇÃO DE EIXO_TECNOLÓGICO TÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES Art. 1 - À coordenação de eixo-tecnológico compete: I - Convocar e presidir as reuniões do Colegiado de Curso; II - Submeter à Coordenação

Leia mais

PROCESSO Nº 31/2013 PARECER CEE/PE Nº 49/2013-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 13/05/2013 I - RELATÓRIO:

PROCESSO Nº 31/2013 PARECER CEE/PE Nº 49/2013-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 13/05/2013 I - RELATÓRIO: INTERESSADA: AUTARQUIA EDUCACIONAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO AEVSF /FACULDADE DE CIÊNCIAS APLICADAS E SOCIAIS DE PETROLINA FACAPE ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO DO CURSO SUPERIOR TECNOLÓGICO EM SISTEMAS

Leia mais

E D I T A L Nº 003 Monitoria/2016

E D I T A L Nº 003 Monitoria/2016 E D I T A L Nº 003 Monitoria/2016 Dispõe sobre a abertura das inscrições para o Programa de Monitoria para os Cursos de Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil e Administração da UNIARP. A Reitoria da

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO FL. 40 It Objeto Tipo de contratação 01 Reestruturação de infraestrutura das VTs no interior 1 02 Aquisição de Racks UPS e refrigeração 03 Aquisição de pontos de acesso para rede s fio PODER JUDICIÁRIO

Leia mais

REGULAMENTO 2005 INSTITUT PAUL BOCUSE

REGULAMENTO 2005 INSTITUT PAUL BOCUSE REGULAMENTO 2005 INSTITUT PAUL BOCUSE A Universidade Anhembi Morumbi abre as inscrições para o processo seletivo do CURSO DE EXTENSÃO EM GASTRONOMIA NO INSTITUT PAUL BOCUSE para o ano letivo de 2005. I

Leia mais