CHAMADA 03/2015 PROEX I FEIRA DE ESTÁGIO E NEGÓCIOS DO IFRO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CHAMADA 03/2015 PROEX I FEIRA DE ESTÁGIO E NEGÓCIOS DO IFRO"

Transcrição

1 CHAMADA 03/2015 PROEX I FEIRA DE ESTÁGIO E NEGÓCIOS DO IFRO A Pró-Reitoria de Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia, no uso de suas atribuições, torna pública a Chamada nº 03/2015, destinada à viabilização de recursos de custeio aos Câmpus do IFRO para organização da I Feira de Estágio e Negócios do IFRO. 1. DOS OBJETIVOS O propósito da I Feira de Estágios do IFRO é: I. expandir a rede de relacionamentos do IFRO com a sociedade, promovendo sua articulação e valorizando a educação profissional e tecnológica, com base na indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão; II. apresentar as possibilidades dos Câmpus de atendimento as demandas sociais em termos de produtos e serviços, estimulando o desenvolvimento da inovação; III. aproximar os estudantes do IFRO, empresas que atuam em suas áreas de formação e as instituições especializadas em recrutamento e seleção de estudantes e profissionais para vagas de estágio ou emprego; IV. capacitar os estudantes em temas relacionados ao empreendedorismo. V. criar um ambiente propício para a troca de experiências empreendedoras entre empresas, empresários, alunos e servidores do IFRO; VI. VII. estimular a habilidade empreendedora de alunos, técnicos e professores do IFRO; aproximar o setor produtivo, instituições governamentais e organizações não governamentais do IFRO e de seus respetivos cursos em cada uma das localidades. 2. DAS NORMAS GERAIS 2.1 Compete à Pró-Reitoria de Extensão, orientar, divulgar e fiscalizar o cumprimento desta Chamada. 2.2 Será disponibilizado recurso no valor de até R$ 3.000,00 (três mil reais) por câmpus, na forma de taxa de bancada, destinado exclusivamente a proposta inscrita pelo DEPEX e aprovada pela PROEX, para organização do evento. 2.3 A concessão do recurso para organização da I Feira de Estágio e Negócios do IFRO está condicionada ao atendimento dos critérios estabelecidos nesta Chamada. 2.4 O montante de recursos destinados a esta Chamada é de R$ ,00 (vinte e um mil reais). 2.5 O recurso disponibilizado, conforme item 2.2, deverá ser utilizado exclusivamente para organização da I Feira de Estágios do IFRO, de acordo com as orientações dessa Chamada A data de realização da Feira deverá ser estabelecida de forma unificada entre os adeptos à chamada. 3. DA APROVAÇÃO

2 3.1 Cada Câmpus do IFRO interessado em receber o recurso para organizar a I Feira de Estágios e Negócios do IFRO deverá apresentar 01 (uma) proposta de evento para sua realização 3.2 A Feira deverá ser realizada, preferencialmente, em um único dia a ser definido posteriormente, com ampla divulgação e carga horária mínima de 8 horas de duração. 3.3 As propostas e programação ficarão a cargo do câmpus, entretanto, deverão contemplar em sua programação atividades como: a. estande de empresas para divulgação de vagas e opções de carreiras; b. estandes de empresas para exposição de produtos; c. estandes de agentes de integração para estágio(ciee,iel,etc); d. palestras/oficinas ou cursos sobre empreendedorismo e estágio; e. relatos de experiências de egressos. 3.4 A aprovação da proposta consistirá na observação da programação de atividades relacionadas no item anterior bem como nos objetivos desta Chamada. 3.5 As propostas encaminhadas poderão receber orientações de adequação pelos DEPEX e pela PROEX. 4. DA INSCRIÇÃO DAS PROPOSTAS 4.1 As propostas dos Câmpus deverão ser enviadas para o até a data limite do cronograma, segundo modelo do Anexo I. 4.2 As propostas deverão ter um coordenador da ação, preferencialmente, o Coordenador do CIEEC. 4.3 Na hipótese do impedimento do Coordenador do CIEEC atuar como coordenador da Feira, o Depex definirá as formas de seleção dos candidatos interessados em coordenar o evento. 4.4 O Coordenador será responsável pela execução financeira do recurso, bem como sua prestação de contas. 4.5 As propostas também deverão ter, no mínimo, 2 servidores extensionistas que atuarão como auxiliares na execução da proposta. 4.6 É facultado ao Câmpus, após a aprovação da proposta, criar comissão para a realização da mesma. 5. DA CONCESSÃO DO RECURSO 5.1 O recurso para organização da Feira será descentralizado na forma de taxa de bancada ao Coordenador da ação. 5.2 Na impossibilidade do Coordenador executar a ação, este não poderá fazer qualquer tipo de transferência bancária entre os integrantes da Coordenação, devendo comunicar sua impossibilidade à PROEX, via DEPEX, para as providências cabíveis. 5.3 Após divulgação do resultado final desta Chamada, os chefes de Departamento de Extensão dos Câmpus deverão encaminhar à PROEX a documentação original dos integrantes das equipes dos projetos. 5.4 As taxas de bancada serão pagas em uma única parcela ao coordenador da proposta conforme dados bancários informados.

3 5.5 As taxas de bancada poderão ser pagas a docentes ou técnicos administrativos em educação. 5.6 O beneficiário deve seguir o princípio da economia de recurso, pelo menor preço, efetuando pesquisa de mercado em no mínimo 3 (três) estabelecimentos, observados os princípios da impessoalidade, moralidade e economicidade, objetivando o melhor aproveitamento possível do dinheiro público. 5.7 É vedada a utilização dos recursos para pagamento de despesas realizadas em data anterior ao recebimento da taxa e posterior a realização da ação. 5.8 O saldo não utilizado deverá ser devolvido ao IFRO, em até 30 (trinta) dias após o prazo previsto para a utilização dos recursos, por meio de uma Guia de Recolhimento da União (GRU), a ser gerada pelo coordenador do projeto. 5.9 Estão autorizadas as seguintes despesas de custeio: a) Material de Consumo. b) Serviços de Terceiros/Pessoa Jurídica. c) Serviços de Terceiros/Pessoa Física. 6.0 É vedada a utilização dos recursos provenientes da taxa de bancada para: a) Serviços de Terceiros/Pessoa Física (outros serviços). b) Computar nas despesas do projeto taxas de administração, IOF, ou qualquer outro tributo ou tarifa incidente sobre operação ou serviço bancário. c) A utilização dos recursos a título de empréstimo pessoal ou a outrem para reposição futura. d) Transferir a terceiros as obrigações assumidas. 6.1 Em caso de roubo, furto ou de dano provocado por força maior, o beneficiário deve comunicar o fato, por escrito, à Unidade (Câmpus ou Reitoria) à qual esteja vinculado na execução do projeto, que formalizará ocorrência policial, bem como iniciará processo de Sindicância Administrativa Disciplinar ou Tomada de Contas Especial, na forma da Lei. 6.2 Os bens adquiridos devem ser mantidos em perfeito estado de conservação e funcionamento, correndo as expensas da unidade de lotação em que o beneficiário está ligado. 6.3 A prestação de contas deverá ser encaminhada à PROEX, via Departamento de Extensão, impreterivelmente, até 30 (trinta) dias após a data de realização da ação. 6.4 Composições da Prestação de contas: a) Relatório Final, acompanhado de listas de presença e documentação videofotográfica (Anexo II). a) Balancete financeiro (Anexo III); b) Relação de Despesas (Anexos IV e V); c) Originais dos comprovantes das despesas (notas fiscais, faturas e outros comprovantes); d) Comprovante de devolução do saldo não utilizado (quando for o caso). e) Bilhete de passagem convencional ou eletrônico, onde constem os trechos e o respectivo valor; f) Bilhete/canhoto de embarque. 7. SOCIALIZAÇÃO DOS CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS

4 7.1 Os coordenadores da I Feira de Estágio e Negócios deverão fazer a ampla divulgação, participando em eventos institucionais e socializando os conhecimentos adquiridos através de apresentação das atividades e resultados (parciais ou finais). 8. CRONOGRAMA 8.1 O cronograma abaixo será publicado no site do IFRO < conforme datas abaixo. Ação Data Divulgação Inscrições 20/07 a 03/08/ Avaliação das propostas 04/08 a 10/08/2015 Devolutivas aos Câmpus para 11/08/2015 adequações das propostas Devolutiva das adequações dos 14/08/ Câmpus à PROEX Resultado Parcial 17/08/ Interposição de recurso ao resultado parcial 18/08/ Resultado final 19/08/ DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 9.1 Os casos omissos nesta chamada serão analisados pela PROEX. Porto Velho, 22 de junho de Maria Goreth Araújo Reis Pró-Reitora de Extensão

5 ANEXO I CHAMADA 03/2015 PROEX/IFRO PROJETO I FEIRA DE ESTÁGIO E NEGÓCIOS 1. DADOS DA COORDENAÇÃO DO EVENTO 1.1 DADOS DO COORDENADOR (deverá ser docente ou técnico-administrativo do IFRO): Docente Técnico-Administrativo em Educação Nome: Carga horária semanal disponível para dedicação ao evento: Telefone: Cargo no IFRO: Cursos em que atua: Formação Acadêmica: Link para o Currículo Lattes: Siape: Banco: Agência: Conta Corrente: 1.2 DADOS DOS AUXILIARES (deverá ser docente ou técnico-administrativo do IFRO): Docente Técnico-Administrativo em Educação Nome: Carga horária semanal disponível para dedicação ao evento: Telefone: Cargo no IFRO: Cursos em que atua: Formação Acadêmica: Link para o Currículo Lattes: Siape: Banco: Agência: Conta Corrente: Docente Técnico-Administrativo em Educação Nome: Carga horária semanal disponível para dedicação ao evento: Telefone: Cargo no IFRO: Cursos em que atua: Formação Acadêmica: Link para o Currículo Lattes: Siape: Banco: Agência: Conta Corrente: 2. DADOS DO EVENTO

6 Título PALAVRAS-CHAVE LOCAL E PERÍODO DA REALIZAÇÃO DO EVENTO Carga horária total programada: Local de realização: ABRANGÊNCIA ( ) local ( ) regional PÚBLICO-ALVO: Interno: Externo: 3. DADOS DO PROJETO APRESENTAÇÃO JUSTIFICATIVA OBJETIVO GERAL

7 OBJETIVOS ESPECIFÍCOS 4. ATIVIDADES DE PLANEJAMENTO Atividade Metodologia Responsável Divulgação e convite às empresas e organizações externas Programação artístico-cultural Inscrições e certificados Credenciamento 5. PROGRAMAÇÃO Programação/ atividades previstas Dia: xx de xxx de xxxx Manhã 8:00 9:00 Abertura XXXX Carga Horária Públicoalvo envolvido 1 h Alunos Quantidade prevista de público-alvo Ministrantes/ Responsáveis Tarde - Noite - 6. TIPOS DE CERTIFICADOS QUE SERÃO EMITIDOS PELO CÂMPUS E QUANTIDADES: TIPOS DESTINADO À QUANTIDADE Alunos Expositor Palestrante 7. EQUIPAMENTOS NECESSÁRIOS EQUIPAMENTOS QUANTIDADE FORNECIDO POR:

8 8. RECURSOS MATERIAIS N o Rubrica Descrição Detalhada Quantidade UND 1 Resma de sulfite 01 CAIXA 2 Pincel para quadro branco 10 UND 3 Valor Unitário (R$) Total Valor Total (R$) 9. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES Local, DIA de MÊS de ANO. Coordenador do Projeto Chefia Imediata na Unidade de lotação De acordo: SIM NÃO Auxiliar Auxiliar Local e Data Assinatura e carimbo Departamento de Extensão do Campus De acordo: SIM NÃO Local e Data Assinatura e carimbo Diretor-Geral do Câmpus De acordo: SIM NÃO Local e Data ANEXO II - RELATÓRIO FINAL Assinatura e carimbo

9 CHAMADA 03/2015 PROEX/IFRO I IDENTIFICAÇÃO 1.1. Título do projeto: 1.2. Coordenador(a): Unidade de lotação: Telefone da unidade de lotação: Câmpus: Período de Abrangência do Relatório: de a II EQUIPE (repetir para cada membro da equipe) 2.1 Auxiliares Docente Técnico Administrativo em Educação Nome: Titulação: SIAPE: Telefone: Função no projeto: Currículo Lattes: Atendimento ao Plano de Trabalho: ( ) Sim ( ) Não 2.2 Auxiliares Docente Técnico Administrativo em Educação

10 Nome: Titulação: SIAPE: Telefone: Função no projeto: Currículo Lattes: Atendimento ao Plano de Trabalho: ( ) Sim ( ) Não III RESUMO DO PROJETO IV ATIVIDADES DESENVOLVIDAS (comparar objetivos com o que foi executado por cada membro da equipe, de acordo com o cronograma de execução do projeto) 4.1 Coordenador: 4.2 Auxiliares 4.3 Estudante Voluntário (quando houver): 4.4 Parceiro (identificar o parceiro, quando houver): V IMPACTO DAS AÇÕES E RESULTADOS OBTIDOS (especificar) 5.1 Resultados alcançados quanto: 1. Aos objetivos: 2. Quanto às metas: 3. Impactos realizados: 4. Demais considerações sobre resultados alcançados:

11 VI AVALIAÇÃO REALIZADA PELA POPULAÇÃO BENEFICIADA (O número de pessoas beneficiadas foi alcançado como planejado? Especificar que metodologia foi utilizada para a avaliação feita pela população beneficiada): VII PRODUTOS GERADOS (descrever o teor do conteúdo do produto) ( ) Livro ( ) Software ( ) Artigo ( ) Banco de dados ( ) Revista ( ) Outro, especificar: ( ) Relato de experiência Anexar comprovantes Descrição: VIII - DIVULGAÇÃO 9.1 OS RESULTADOS DO PROJETO DE EXTENSÃO FORAM DIVULGADOS EM EVENTOS SOB A FORMA DE: ( ) Painel ( ) Palestra ( ) Pôster ( ) Conferência ( ) Comunicação oral ( ) Curso ( ) Oficina ( ) Outros. Especificar: Especificar o evento e anexar comprovantes:

12 X - CARACTERIZAÇÃO DE PARCERIAS ( Descrever brevemente as ações da parceria) Modalidade: ( ) Governamental ( ) Escolas ( ) ONGs ( ) Empresas ( ) Associações ( ) Outra. Especificar: Descrição: XI OUTRAS CONSIDERAÇÕES (Neste espaço, poderão ser acrescentadas outras informações e considerações que a Coordenação da Feira de Estágio e Negócios que julgar necessárias. ) XII - ANEXOS (Relacionar: CD, fotos, termos de cooperação etc.), de de Coordenador(a) do Projeto de Extensão ANUÊNCIA DA CHEFIA IMEDIATA De acordo: SIM NÃO

13 Local e Data Assinatura e carimbo do chefe imediato do servidor ANUÊNCIA DO DEPEX De acordo: SIM NÃO Local e Data Assinatura e carimbo

14 ANEXO III BALANCETE FINANCEIRO CHAMADA 03/2015 PROEX/IFRO BALANCETE FINANCEIRO Coordenador(a) do Projeto: Campus: Edital: N : Ano: RECEITAS DESPESAS Pago IFRO Custeio Recursos Próprios Capital Valor devolvido TOTAL Data: TOTAL Observação: Obrigatoriamente os totais de Receitas e Despesas deverão ser iguais. Assinaturas Coordenador(a) do Projeto Local, data

15 ANEXO IV Relação de Despesas de Custeio CHAMADA 03/2015 PROEX/IFRO DESPESAS DE CUSTEIO Coordenador (a) do Projeto: Campus: Edital: N : Ano: Documento Qtde. Item N Data Favorecido Valor Total (R$) TOTAL Declaro que a aplicação dos recursos foi feita de acordo com o projeto e o plano de trabalho aprovados pela PROPESP/PROEX bem como, que as despesas relacionadas acima foram pagas e que os materiais e/ou equipamentos foram recebidos e os serviços prestados, responsabilizando-me pelas informações contidas nesta prestação de contas, sob as penas da lei. Data: Coordenador (a) do Projeto Assinaturas

16 ANEXO V Relação de Despesas de capital CHAMADA 03/2015 PROEX/IFRO DESPESAS DE CAPITAL Coordenador (a) do Projeto: Campus: Edital: N : Ano: Documento Qtde. Item N Data Favorecido Valor Total (R$) TOTAL Declaro que a aplicação dos recursos foi feita de acordo com o projeto e o plano de trabalho aprovados pela PROPESP/PROEX, bem como, que as despesas relacionadas acima foram pagas e que os materiais e/ou equipamentos foram recebidos e os serviços prestados, responsabilizando-me pelas informações contidas nesta prestação de contas, sob as penas da lei. Data: Coordenador (a) do Projeto Assinaturas

CHAMADA nº 01/2017/PROEX/IFRO III FEIRA DE ESTÁGIO, EMPREGOS E NEGÓCIOS DO IFRO

CHAMADA nº 01/2017/PROEX/IFRO III FEIRA DE ESTÁGIO, EMPREGOS E NEGÓCIOS DO IFRO CHAMADA nº 01/2017/PROEX/IFRO III FEIRA DE ESTÁGIO, EMPREGOS E NEGÓCIOS DO IFRO O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia, por meio da Pró-Reitoria de Extensão, e no uso de suas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO ANEXO II - MODELO DA PROPOSTA DE PROJETO PRÓ-EXTENSÃO EDITAL nº 0/03 PROEXT Campus: Projeto de Extensão Inserir aqui o Título de Projeto N o (PROEXT) - PRÓ-EXTENSÃO - Programa Institucional de Incentivo

Leia mais

EDITAL N 034/2016 Referente ao Aviso N 046/2016, publicado no D.O.E. de 15/04/2016.

EDITAL N 034/2016 Referente ao Aviso N 046/2016, publicado no D.O.E. de 15/04/2016. EDITAL N 034/2016 Referente ao Aviso N 046/2016, publicado no D.O.E. de 15/04/2016. O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, em conformidade

Leia mais

CAMPUS ABAETETUBA PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL (PAE) EDITAL Nº 003/2015 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS DIDÁTICO-CIENTÍFICOS

CAMPUS ABAETETUBA PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL (PAE) EDITAL Nº 003/2015 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS DIDÁTICO-CIENTÍFICOS PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL (PAE) EDITAL Nº 003/2015 APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS DIDÁTICO-CIENTÍFICOS Parecer favorável da Procuradoria Federal/IFPA Proc. 23051.005120/2015-98 O Diretor Geral

Leia mais

REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA

REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA Dispõe sobre os requisitos e normas para aplicação de recursos na rubrica de Auxílio Financeiro a Pesquisadores visando à execução dos editais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL N 01/2015/PROEN-PROEX/UFCA PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO DE ENSINO E EXTENSÃO PEEX As Pró Reitorias de Ensino e Extensão da

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CHAMADA INTERNA PROEX Nº 02/2014 PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CHAMADA INTERNA PROEX Nº 02/2014 PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO Avenida Rio Branco, 0 Santa Lúcia 906- Vitória ES 7 7-7 CHAMADA INTERNA PROEX Nº 0/0 PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS A Pró-Reitoria

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX EDITAL Nº. 08/2016-PROEX/IFRN

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX EDITAL Nº. 08/2016-PROEX/IFRN 1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX EDITAL Nº. 08/2016-PROEX/IFRN SELEÇÃO PÚBLICA PARA APOIO A CRIAÇÃO DE 04 (QUATRO) NÚCLEOS DE

Leia mais

Edital PROPP 09/2016. Auxílio Financeiro a Pesquisador da UFOP Custeio

Edital PROPP 09/2016. Auxílio Financeiro a Pesquisador da UFOP Custeio Edital PROPP 09/2016 Auxílio Financeiro a Pesquisador da UFOP Custeio 1. Apresentação 1.1. De acordo com a Resolução CEPE 5.705 de 2014, alterada pela Resolução CEPE 6233/2015, o Auxílio Financeiro a Pesquisador

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS

ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS NO SCDP VIAGENS INTERNACIONAIS OBJETIVO Estas instruções foram elaboradas com o objetivo de orientar os servidores, docentes e técnico-administrativos,

Leia mais

EDITAL - DPU/DIEAD DPGU - Nº 02/2016 CURSO DE CURTA DURAÇÃO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL - SUAS ALTERAÇÕES E POLÊMICAS

EDITAL - DPU/DIEAD DPGU - Nº 02/2016 CURSO DE CURTA DURAÇÃO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL - SUAS ALTERAÇÕES E POLÊMICAS EDITAL - DPU/DIEAD DPGU - Nº 02/2016 CURSO DE CURTA DURAÇÃO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL - SUAS ALTERAÇÕES E POLÊMICAS O Diretor da Escola Superior da Defensoria Pública da União - ESDPU torna pública

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

EDITAL Nº 041, DE 16 DE MARÇO DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO PARA APOIO A FORMAÇÃO OU MANUTENÇÃO DE GRUPOS ARTÍSTICO-CULTURAIS NO IFRO.

EDITAL Nº 041, DE 16 DE MARÇO DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO PARA APOIO A FORMAÇÃO OU MANUTENÇÃO DE GRUPOS ARTÍSTICO-CULTURAIS NO IFRO. EDITAL Nº 041, DE 16 DE MARÇO DE 2016. SELEÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO PARA APOIO A FORMAÇÃO OU MANUTENÇÃO DE GRUPOS ARTÍSTICO-CULTURAIS NO IFRO. O Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE. EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2016 (retificado conforme publicação no DOU nº 75, de 20/04/2016, página 80)

FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE. EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2016 (retificado conforme publicação no DOU nº 75, de 20/04/2016, página 80) FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 01/2016 (retificado conforme publicação no DOU nº 75, de 20/04/2016, página 80) A FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE FUNASA, por intermédio do Departamento

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação

Leia mais

Visita Técnica a Montadoras de Carros na Alemanha

Visita Técnica a Montadoras de Carros na Alemanha Visita Técnica a Montadoras de Carros na Alemanha Edital nº 01/2015 Rep. ARINTER Campus Salvador A Direção Geral do IFBA Campus Salvador, por meio de sua Representação da Assessoria de Relações Internacionais,

Leia mais

BOLSAS DE APOIO À INOVAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS OU PRODUTOS INOVADORES FEIRA DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA DO IFPR - IFTECH EDITAL N

BOLSAS DE APOIO À INOVAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS OU PRODUTOS INOVADORES FEIRA DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA DO IFPR - IFTECH EDITAL N BOLSAS DE APOIO À INOVAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS OU PRODUTOS INOVADORES FEIRA DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA DO IFPR - IFTECH EDITAL N.º 006/2014 PROEPI/IFPR A Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação

Leia mais

SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS RESOLUÇÃO Nº 1/2008

SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS RESOLUÇÃO Nº 1/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS Campus Universitário Viçosa, MG 36570-000 Telefone: (31) 3899-2127 - Fax: (31) 3899-1229 - E-mail: soc@ufv.br RESOLUÇÃO

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ CONSELHOS SUPERIORES

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ CONSELHOS SUPERIORES NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A BOLSISTAS DO PNPD (CAPES) E DOCENTES PESQUISADORES PARA PARTICIPAÇÃO EM ATIVIDADES ACADÊMICAS OU CIENTÍFICAS Art. 1º - Esta norma estabelece os critérios para

Leia mais

COREMU/COREME. Edital 002/2015 Edital conjunto da COREMU/CEULP e COREME/FESP-Palmas, TO

COREMU/COREME. Edital 002/2015 Edital conjunto da COREMU/CEULP e COREME/FESP-Palmas, TO COREMU/COREME Edital 002/2015 Edital conjunto da COREMU/CEULP e COREME/FESP-Palmas, TO SELEÇÃO DE TUTORES E PRECEPTORES PARA COMPOREM CADASTRO RESERVA PARA ATUAR NO PROGRAMA INTEGRADO DE RESIDÊNCIAS EM

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES MONITORES PARA O CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO

EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES MONITORES PARA O CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES MONITORES PARA O CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO A Diretoria da FCHPE e a Coordenação do Curso de Direito da Faculdade de Ciências Humanas de Pernambuco, com base no ANEXO

Leia mais

EDITAL PROGRAD Nº 29/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA COMPOSIÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DE BOLSAS DE SUPERVISÃO PIBID-UFAC

EDITAL PROGRAD Nº 29/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA COMPOSIÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DE BOLSAS DE SUPERVISÃO PIBID-UFAC EDITAL PROGRAD Nº 29/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA COMPOSIÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DE BOLSAS DE SUPERVISÃO PIBID-UFAC 1. APRESENTAÇÃO 1.1. A Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal

Leia mais

1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE O PROCESSO SELETIVO

1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE O PROCESSO SELETIVO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Caixa Postal 3037 - Lavras - MG - 37200-000 Telefone: (35) 3829-1858 - E-mail: dri@dri.ufla.br EDITAL N 002/2015/DRI/UFLA INGLÊS SEM

Leia mais

SERVIDOR(A) ( ) SERVIDOR(A) CONVIDADO(A) ( ) COLABORADOR(A) EVENTUAL ( ) CARGO/FUNÇÃO:

SERVIDOR(A) ( ) SERVIDOR(A) CONVIDADO(A) ( ) COLABORADOR(A) EVENTUAL ( ) CARGO/FUNÇÃO: NOME: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ANEXO I PROPOSTA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E/OU PASSAGENS DADOS DO PROPOSTO CPF: SERVIDOR(A) ( ) SERVIDOR(A) CONVIDADO(A) ( ) COLABORADOR(A) EVENTUAL ( ) CARGO/FUNÇÃO: UNIDADE/CAMPUS

Leia mais

EDITAL Nº.146/VRG/2015 Programa Docência na Educação Básica/ UNIVALI

EDITAL Nº.146/VRG/2015 Programa Docência na Educação Básica/ UNIVALI EDITAL Nº.146/VRG/2015 Programa Docência na Educação Básica/ UNIVALI PIBID/CAPES A Vice-Reitora de Graduação da Universidade do Vale do Itajaí, no uso de suas atribuições regimentais, torna públicos os

Leia mais

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS 1 AUXÍLIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR Este guia tem como objetivo orientar os coordenadores dos projetos de pesquisa sobre os requisitos

Leia mais

Lei n 8.666/93, art. 7º 1.7 Documento assinado pela COMAP com a indicação das empresas a serem convidadas

Lei n 8.666/93, art. 7º 1.7 Documento assinado pela COMAP com a indicação das empresas a serem convidadas CHECK LIST DOS PROCESSOS LICITATÓRIOS DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA REITORIA Este documento visa orientar a formalização dos processos licitatórios para contratação de obras e serviços de engenharia,

Leia mais

2-DO CRONOGRAMA QUADRO 2: Cronograma de seleção de bolsistas O processo de seleção de bolsistas seguirá o cronograma apresentado no QUADRO 2.

2-DO CRONOGRAMA QUADRO 2: Cronograma de seleção de bolsistas O processo de seleção de bolsistas seguirá o cronograma apresentado no QUADRO 2. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ REITORIA DE GRADUAÇÃO Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID/UFVJM EDITAL

Leia mais

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017 Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017 O Comitê Institucional dos Programas de Iniciação Científica (CIPIC) da Universidade Federal

Leia mais

RESOLUÇÃO/CONSUNI Nº05/2012. Regulamenta os Cursos de Pós- Graduação Lato Sensu. RESOLVE

RESOLUÇÃO/CONSUNI Nº05/2012. Regulamenta os Cursos de Pós- Graduação Lato Sensu. RESOLVE RESOLUÇÃO/CONSUNI Nº05/2012 Regulamenta os Cursos de Pós- Graduação Lato Sensu. O Presidente do Conselho Universitário do Centro Universitário para o Desenvolvimento do Alto Vale do Itajaí - UNIDAVI, no

Leia mais

FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Cuiabá/MT, 10/04/2013 1 MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 1. INTRODUÇÃO 1.1 - Recomenda-se a leitura deste manual antes de utilizar

Leia mais

1.1. O processo seletivo será coordenado pela comissão Coordenadora do CECANE UFV (Centro

1.1. O processo seletivo será coordenado pela comissão Coordenadora do CECANE UFV (Centro UFV PROCESSO DE SELEÇÃO PARA ASSESSOR TÉCNICO CECANE UFV 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. O processo seletivo será coordenado pela comissão Coordenadora do CECANE UFV (Centro Colaborador em Alimentação

Leia mais

EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA A Reitoria do Centro Universitário Senac torna pública a abertura das inscrições do processo de seleção

Leia mais

NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO-

NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO- NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO- CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - A presente norma fixa os procedimentos para

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA outubro/2010

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA TECNOLOGIA DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA TECNOLOGIA DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO EDITAL DE INCENTIVO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS PARA SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ (IFAP) - XI EDIÇÃO DO CONGRESSO NORTE- NORDESTE

Leia mais

FORMULÁRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS PROINFRA/IFCE

FORMULÁRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS PROINFRA/IFCE FORMULÁRIO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS PROINFRA/IFCE ORIENTAÇÕES GERAIS PARA A PRESTAÇÃO DE CONTAS 1. A prestação de contas deve ser constituída dos seguintes documentos: a) Encaminhamento de Prestação de Contas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECOLÓGICA DA BAHIA COORDENAÇÃO TÉCNICA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA NORMAS COMPLEMENTARES PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DO CEFET-BA Normas adicionais

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016 O reitor do Centro Universitário de Brasília UniCEUB, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, torna público que

Leia mais

ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO (A) EDITAL 024.2015 PSICOLOGIA - GDHS/HCU - UFU

ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO (A) EDITAL 024.2015 PSICOLOGIA - GDHS/HCU - UFU 1 ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO (A) EDITAL 024.2015 PSICOLOGIA - GDHS/HCU - UFU O PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO DE ASSISTÊNCIA, ESTUDO E PESQUISA DE UBERLÂNDIA - FAEPU, no uso

Leia mais

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DA FACULDADE ARTHUR THOMAS CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS Art. 1º. Este Regulamento estabelece as políticas básicas das

Leia mais

NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A BOLSISTA PNPD PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHO DE CAMPO

NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A BOLSISTA PNPD PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHO DE CAMPO NORMA PARA PAGAMENTO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A BOLSISTA PNPD PARA PARTICIPAÇÃO E/OU PUBLICAÇÃO EM EVENTOS E TRABALHO DE CAMPO Art. 1º - Esta norma estabelece os critérios para o pagamento de auxílio a bolsistas

Leia mais

Unidade: Centro de Educação a Distância MANUAL DE PROCEDIMENTOS Nº: Manual de Instruçao - Autorizar Liberação de ValoresAutorizar Liberação de Valores

Unidade: Centro de Educação a Distância MANUAL DE PROCEDIMENTOS Nº: Manual de Instruçao - Autorizar Liberação de ValoresAutorizar Liberação de Valores 1/15 ESTA FOLHA ÍNDICE INDICA EM QUE REVISÃO ESTÁ CADA FOLHA NA EMISSÃO CITADA FL/R. 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 FL/R. 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 01 26 02 27 03 28 04 29 05 30 06 31 07 32 08 33

Leia mais

FORMULÁRIO DE PROJETO DE EXTENSÃO. REGISTRO SOB Nº: Uso exclusivo da PROEX

FORMULÁRIO DE PROJETO DE EXTENSÃO. REGISTRO SOB Nº: Uso exclusivo da PROEX FORMULÁRIO DE PROJETO DE EXTENSÃO REGISTRO SOB Nº: Uso exclusivo da PROEX 1 - TÍTULO: Classificação ( ) Programa ( ) Projeto ( ) Curso 2 - COORDENADOR (deverá ser docente ou técnico administrativo do IFSul)

Leia mais

MANUAL DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

MANUAL DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MANUAL DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU APRESENTAÇÃO A disputa por uma vaga no mercado de trabalho está cada vez mais intensa, tornando os cursos de Pós-Graduação Lato Sensu indispensáveis. Fazê-los em uma

Leia mais

EDITAL Nº 005/ XI CONNEPI - PR-PPGI/IFAM XI Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação 06 a 09 de dezembro de 2016

EDITAL Nº 005/ XI CONNEPI - PR-PPGI/IFAM XI Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação 06 a 09 de dezembro de 2016 PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO EDITAL Nº 005/2016 - XI CONNEPI - PR-PPGI/IFAM XI Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação 06 a 09 de dezembro de 2016 APRESENTAÇÃO A Pró-Reitoria

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS INTRODUÇÃO Esse documento orienta as aquisições da Agência de Desenvolvimento e Inovação de Guarulhos, doravante denominada AGENDE, inscrita no CNPJ nº

Leia mais

EDITAL Nº 01/ 2014 EDITAL DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE.

EDITAL Nº 01/ 2014 EDITAL DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CARDIOLOGIA E EPIDEMIOLOGIA. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL (UFRGS) INSTITUTO DE AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIA EM SAÚDE - IATS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA CONCESSA O DE BOLSA-TÉCNICO DO PROGRAMA ESTRUTURAÇA O DA ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNA- CIONAIS - UENP (SETI/UGF)

ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA CONCESSA O DE BOLSA-TÉCNICO DO PROGRAMA ESTRUTURAÇA O DA ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNA- CIONAIS - UENP (SETI/UGF) Edital No. 002/2017 COORDENADORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Retifica e revoga o Edital 001/2017 CRI, que dispõe sobre a abertura de inscrições para concessão de bolsatécnico, de 20 de abril de 2017. ABERTURA

Leia mais

EDITAL Nº 05/2017 DE APOIO À REALIZAÇÃO DE EVENTOS ACADÊMICOS

EDITAL Nº 05/2017 DE APOIO À REALIZAÇÃO DE EVENTOS ACADÊMICOS EDITAL Nº 05/2017 DE APOIO À REALIZAÇÃO DE EVENTOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O Estatuto da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em seu capítulo segundo, inciso III, estabelece a universalização

Leia mais

EDITAL N 01/ /C a mp u s Co a ri/if AM PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES ANO LETIVO DE 2016

EDITAL N 01/ /C a mp u s Co a ri/if AM PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES ANO LETIVO DE 2016 EDITAL N 01/ 2 0 1 6/C a mp u s Co a ri/if AM PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS INTERDISCIPLINARES ANO LETIVO DE 2016 APRESENTAÇÃO O Diretor Geral Pro Tempore do Instituto Federal de Educação, Ciência e

Leia mais

EDITAL Nº 003/2016-PROPPG, de 07 de março de 2016.

EDITAL Nº 003/2016-PROPPG, de 07 de março de 2016. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À TRADUÇÃO PARA LÍNGUA ESTRANGEIRA E PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS DE SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS (PIPART/IFG) EDITAL Nº 003/2016-PROPPG,

Leia mais

Secretaria Municipal de Educação

Secretaria Municipal de Educação EDITAL SME 001/2016 DISPÕE SOBRE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROFISSIONAIS DA ÁREA DE EDUCAÇÃO, COM VISTAS AO PREENCHIMENTO MEDIANTE CONTRATO POR PRAZO DETERMINADO, DE VAGA PARA O CARGO DE NUTRICIONISTA.

Leia mais

DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA

DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PARA SERVIDORES TÉCNICO ADMINISTRATIVOS DA UFG PRO QUALIFICAR DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA Art.1º. O Programa

Leia mais

Art. 1º APROVAR o Programa de Bolsas de Extensão do IFFluminense, constante no Anexo I desta Resolução.

Art. 1º APROVAR o Programa de Bolsas de Extensão do IFFluminense, constante no Anexo I desta Resolução. RESOLUÇÃO Nº 036/2016 Campos dos Goytacazes, 11 de março de 2016 O Presidente do Conselho Superior do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Fluminense, no uso das atribuições que lhe foram

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DE MARÍLIA - FAMEMA FÓRMULA SANTANDER - 2012 PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL

FACULDADE DE MEDICINA DE MARÍLIA - FAMEMA FÓRMULA SANTANDER - 2012 PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL FÓRMULA SANTANDER - 2012 O Diretor Geral da Faculdade de Medicina de Marília (Famema), Professor Doutor José Augusto Alves Ottaiano, no uso de suas atribuições, torna público este Edital de seleção de

Leia mais

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS Dispõe sobre a oferta de atividades de Monitoria no curso de graduação da Faculdade Processus e dá outras providências.

Leia mais

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478 DECRETO ADMINISTRATIVO N. 121, DE 3 DE MAIO DE 2006. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.478 O Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins, no uso de suas atribuições constitucionais,

Leia mais

EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL

EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL O Reitor Substituto do, Prof. Robert Lenoch, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

Portaria da EPSJV 023/2012-DIR/EPSJV. O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1.

Portaria da EPSJV 023/2012-DIR/EPSJV. O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1. 01 O Diretor da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, no uso de suas atribuições, 1. DOS OBJETIVOS RESOLVE: Normatizar o pagamento da Gratificação por Encargo de Curso, no âmbito da Escola Politécnica

Leia mais

PROJETO INTERNACIONAL / 20. Distribuição

PROJETO INTERNACIONAL / 20. Distribuição PROJETO INTERNACIONAL Nome: Cargo: Telefone: PROJETO N o / 20 Lotação: e-mail: Siape: ASSINATURA DO SERVIDOR: Distribuição PRAZO MÍNIMO PARA TRAMITAÇÃO DO PROJETO: 45 DIAS (Considere a data de início do

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE. INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PROPPI N o..., 07 de julho de 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE. INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PROPPI N o..., 07 de julho de 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PROPPI N o..., 07 de julho de 2015 EDITAL FOPIN 2015 PROGRAMA DE FOMENTO À PESQUISA DAS UNIDADES DO INTERIOR

Leia mais

Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017.

Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017. Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017. Regulamenta o Programa de Auxílio à Apresentação de Trabalhos em Eventos Científicos e de Inovação, no país e no exterior, por SERVIDORES EFETIVOS

Leia mais

Faculdade AGES Credenciada pelo MEC Portaria 347/2001 Diário Oficial 23.02.01

Faculdade AGES Credenciada pelo MEC Portaria 347/2001 Diário Oficial 23.02.01 Faculdade AGES Credenciada pelo MEC Portaria 347/2001 Diário Oficial 23.02.01 PROPOSTA DE CURSO OU EVENTO DE EXTENSÃO ( ) CURSO DE EXTENSÃO (Atualização; Qualificação Profissional; Capacitação; Treinamento,

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO -

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Curitiba COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO REGULAMENTO INTERNO - CAPÍTULO I Da Natureza, das Finalidades e dos Objetivos Art.

Leia mais

Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco

Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento de Utilização do Cartão Business Travel Bradesco. IMPORTANTE: LEIA ESTE SUMÁRIO COM ATENÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 01/2016, DE 07 DE JUNHO DE 2016

EDITAL Nº 01/2016, DE 07 DE JUNHO DE 2016 EDITAL Nº 01/2016, DE 07 DE JUNHO DE 2016 SELEÇÃO DE SERVIDORES TÉCNICOS-ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DO ACRE PARA AFASTAMENTO INTEGRAL PARA QUALIFICAÇÃO NO ANO DE 2016 A Reitora do

Leia mais

Universidade Federal de Ouro Preto

Universidade Federal de Ouro Preto Edital PROPP No. 03/2014 - Auxílio Financeiro ao Pesquisador I. Definição Conforme a resolução CEPE 5.705, o Auxílio Financeiro a Pesquisador destina-se ao financiamento de projetos de pesquisa previamente

Leia mais

BB Crédito Imobiliário

BB Crédito Imobiliário Selecione a Linha de Crédito Aquisição PF PMCMV Aquisição PF PMCMV Convênios Aquisição PF FGTS Pró-Cotista Aquisição FGTS PF Aquisição PF FGTS Convênios Dados da Agência acolhedora / condutora da Operação

Leia mais

EDITAL Nº 010/2016/CAOEI/IFPI PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO DA DIRETORIA INTERINA DA INOVARE CONSULTORIA JUNIOR

EDITAL Nº 010/2016/CAOEI/IFPI PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO DA DIRETORIA INTERINA DA INOVARE CONSULTORIA JUNIOR EDITAL Nº 010/2016/CAOEI/IFPI PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO DA DIRETORIA INTERINA DA INOVARE CONSULTORIA JUNIOR O Diretor-Geral do IFPI Campus Oeiras e a Comissão de Implantação da Empresa Júnior Inovare

Leia mais

EDITAL Nº 54/2017/PVCAL - CGAB/IFRO, DE 10 DE ABRIL DE 2017

EDITAL Nº 54/2017/PVCAL - CGAB/IFRO, DE 10 DE ABRIL DE 2017 EDITAL Nº 54/2017/PVCAL - CGAB/IFRO, DE 10 DE ABRIL DE 2017 PROCESSO SEI Nº 100907210599.000002/2017-29 DOCUMENTO SEI Nº 0006107 EDITAL PARA AUXÍLIO À ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS CIENTÍFICOS NO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016.

EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016. EDITAL Nº 009, de 11 de março de 2016. REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS NA 13ª SEMANA ACADÊMICA FADISMA ENTREMENTES EDIÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS E DIREITO A Faculdade de Direito de Santa Maria (FADISMA),

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA OS PROGRAMAS UNIVERSAIS: ASSISTÊNCIA A VIAGENS / 2017

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA OS PROGRAMAS UNIVERSAIS: ASSISTÊNCIA A VIAGENS / 2017 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA CAMPUS SEABRA PROCESSO DE SELEÇÃO PARA OS PROGRAMAS UNIVERSAIS: ASSISTÊNCIA

Leia mais

Edital DGEP nº 17/2016, de 25 de abril de 2016

Edital DGEP nº 17/2016, de 25 de abril de 2016 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO SELETIVO DE INSTRUTORES INTERNOS PARA AÇÕES DE CAPACITAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 01 de PROEX

EDITAL Nº 01 de PROEX EDITAL Nº 01 de 2017 - PROEX Divulga a abertura das inscrições de trabalhos e regulamenta o funcionamento da XI Mostra Anual de Extensão da Universidade Federal do Vale do São Francisco. A DA UNIVERSIDADE

Leia mais

EDITAL 12/2016/ FORMAÇÃO EM TAXISTAS

EDITAL 12/2016/ FORMAÇÃO EM TAXISTAS 1 GOVERNO DO ESTADO DE RONDÔNIA DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO DETRAN DIRETORIA TECNICA E EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO - DETET ESCOLA PÚBLICA DE TRÂNSITO - EPTRAN EDITAL 12/2016/ FORMAÇÃO EM TAXISTAS O Diretor

Leia mais

REGULAMENTO GERAL JOGOS DE INTEGRAÇÃO IFRS 2016

REGULAMENTO GERAL JOGOS DE INTEGRAÇÃO IFRS 2016 REGULAMENTO GERAL JOGOS DE INTEGRAÇÃO IFRS 2016 REGULAMENTO GERAL 3 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES Art.1º Os 3º Jogos do IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO

Leia mais

ANEXO II PROJETO DE MELHORIA DO ENSINO MÉDIO NOTURNO REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS

ANEXO II PROJETO DE MELHORIA DO ENSINO MÉDIO NOTURNO REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA Esplanada dos Ministérios, Bloco L 70047-902 Brasília DF ANEXO II PROJETO DE MELHORIA DO ENSINO MÉDIO NOTURNO REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art.

Leia mais

REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES

REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES Regulamenta e estabelece critérios para a Concessão de Ajuda de Custo para os discentes devidamente matriculados no IFMT Câmpus São Vicente. Art. 1º - Este regulamento

Leia mais

EDITAL INTERNO Nº 05/2015 PROGRAMA PUBLIQUE INCENTIVO À PUBLICAÇÃO NO EXTERIOR

EDITAL INTERNO Nº 05/2015 PROGRAMA PUBLIQUE INCENTIVO À PUBLICAÇÃO NO EXTERIOR EDITAL INTERNO Nº 05/2015 PROGRAMA PUBLIQUE INCENTIVO À PUBLICAÇÃO NO EXTERIOR A Pró-Reitora de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (PROPPI) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio

Leia mais

Seção II. Do Objetivo. Das definições

Seção II. Do Objetivo. Das definições INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 02/20016//IFPA de 07 DE JANEIRO DE 2016 Esta Instrução Normativa nº 02/2016 do Campus Abaetetuba do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA) dispõe sobre

Leia mais

EDITAL DE APOIO À PARTICIPAÇÃO DE SERVIDORES DA UFMT EM EVENTOS DE CAPACITAÇÃO TÉCNICA E/OU CIENTÍFICA E DEMAIS EVENTOS Nº 01/2017

EDITAL DE APOIO À PARTICIPAÇÃO DE SERVIDORES DA UFMT EM EVENTOS DE CAPACITAÇÃO TÉCNICA E/OU CIENTÍFICA E DEMAIS EVENTOS Nº 01/2017 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO HUMANO GERÊNCIA DE CAPACITÇÃO E QUALIFICAÇÃO EDITAL DE APOIO À PARTICIPAÇÃO DE

Leia mais

EDITAL Nº 04/ PPGE

EDITAL Nº 04/ PPGE EDITAL Nº 04/2017 - PPGE PARTICIPAÇÃO DOCENTE EM EVENTOS CIENTÍFICOS/VISITA TÉCNICA O Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE), da Universidade Federal de Juiz de Fora, torna pública a abertura das

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS - CCA/UFSCAR Curso Pré-Universitário Popular UFSCurso

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS - CCA/UFSCAR Curso Pré-Universitário Popular UFSCurso EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFESSORES BOLSISTAS PARA UFSCURSO - Curso Pré- Universitário Popular/UFSCar campus Araras/SP A Coordenação do Projeto UFSCurso, Curso Pré-Universitário Popular/UFSCar Campus Araras/SP,

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO MEDIO INTEGRADO À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA

Leia mais

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante.

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 3º O estudante-monitor deverá assinar um Termo de Compromisso específico à atividade de monitoria. Art.4º

Leia mais

EDITAL Nº 24/2016/DGP/IFRR

EDITAL Nº 24/2016/DGP/IFRR EDITAL Nº 24/2016/DGP/IFRR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA AUXÍLIO À QUALIFICAÇÃO DESTINADO A SERVIDORES TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS E DOCENTES DO IFRR PARA O EXERCÍCIO 2016.2. 1 APRESENTAÇÃO O Reitor do

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO Av. João Naves de Ávila, 2121 = Campus Santa Mônica = Sala 1G156 = CEP:38.408-100 = Uberlândia/MG

Leia mais

RETIFICADO EM 17 DE NOVEMBRO DE 2016 ERRATA 18 DE NOVEMBRO DE 2016

RETIFICADO EM 17 DE NOVEMBRO DE 2016 ERRATA 18 DE NOVEMBRO DE 2016 CHAMADA PÚBLICA Nº 2 SELEÇÃO DE PESSOAL EXTERNO PARA TRABALHAR NA APLICAÇÃO DE PROVAS DO PROSEL 2017 DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA IFBA CAMPUS DE SALVADOR RETIFICADO EM

Leia mais

Edital FAPEAL N o 001/2009 PROGRAMA ESPECIAL DE BOLSAS

Edital FAPEAL N o 001/2009 PROGRAMA ESPECIAL DE BOLSAS Edital FAPEAL N o 001/2009 PROGRAMA ESPECIAL DE BOLSAS A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas FAPEAL, em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES,

Leia mais

EDITAL INTERNO Nº 11/2017 SELEÇÃO INTERNA PARA VAGAS REMANESCENTES AO CURSO DE FRANCÊS PARA SERVIDORES/AS E ALUNOS/AS DO IFRJ

EDITAL INTERNO Nº 11/2017 SELEÇÃO INTERNA PARA VAGAS REMANESCENTES AO CURSO DE FRANCÊS PARA SERVIDORES/AS E ALUNOS/AS DO IFRJ EDITAL INTERNO Nº 11/2017 SELEÇÃO INTERNA PARA VAGAS REMANESCENTES AO CURSO DE FRANCÊS PARA SERVIDORES/AS E ALUNOS/AS DO IFRJ O Diretor de Desenvolvimento Institucional e Expansão do Instituto Federal

Leia mais

RETIFICADO EM 17 DE NOVEMBRO DE 2016

RETIFICADO EM 17 DE NOVEMBRO DE 2016 CHAMADA PÚBLICA Nº 2 SELEÇÃO DE PESSOAL EXTERNO PARA TRABALHAR NA APLICAÇÃO DE PROVAS DO PROSEL 2017 DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA IFBA CAMPUS DE SALVADOR RETIFICADO EM

Leia mais

48 horas contados a partir do 1º dia útil após publicação RESULTADO FINAL Até 09/05/2016

48 horas contados a partir do 1º dia útil após publicação RESULTADO FINAL Até 09/05/2016 ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE EDITAL Nº.05/2016/CEFOR-RH/SES/PB A Secretaria de Estado da Saúde (SES/PB), com apoio da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação em Saúde (SEGETS)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA O Reitor do INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FLUMINENSE - IFFluminense, no uso de suas atribuições legais, torna pública a abertura das inscrições para o Processo Seletivo de Ingresso

Leia mais

Auxílio financeiro a pesquisadores. Aplicação do auxílio financeiro. Atenção! Efetuar despesas dentro do período de vigência constante no Edital;

Auxílio financeiro a pesquisadores. Aplicação do auxílio financeiro. Atenção! Efetuar despesas dentro do período de vigência constante no Edital; Auxílio financeiro a pesquisadores Este guia tem como objetivo orientar os(as) coordenadores(as) dos projetos de pesquisa sobre os requisitos e normas para aplicação de recursos na rubrica de Auxílio Financeiro

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense Conselho Superior

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense Conselho Superior RESOLUÇÃO Nº 023 CONSUPER/2017 Dispõe sobre sobre o Regulamento de Cursos Livres de Extensão do Instituto Federal Catarinense. A Presidente do do IFC, professora Sônia Regina de Souza Fernandes, no uso

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande FURG Pró-Reitoria de Graduação Secretária Geral de Educação a Distância

Universidade Federal do Rio Grande FURG Pró-Reitoria de Graduação Secretária Geral de Educação a Distância Universidade Federal do Rio Grande FURG Pró-Reitoria de Graduação Secretária Geral de Educação a Distância EDITAL DE SELEÇÃO PARA TUTORES A DISTÂNCIA Programa Pró-Licenciatura Edital 02/2008 A Pró-reitora

Leia mais

Proposta de alteração da portaria que regulamenta as atividades dos Estágios Curriculares Obrigatórios em Medicina Veterinária da FMVZ

Proposta de alteração da portaria que regulamenta as atividades dos Estágios Curriculares Obrigatórios em Medicina Veterinária da FMVZ Proposta de alteração da portaria que regulamenta as atividades dos Estágios Curriculares Obrigatórios em Medicina Veterinária da FMVZ O Diretor da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da UNESP,

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA BOLSA DE COMPLEMENTAÇÃO EDUCACIONAL CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADE Art.1º- O presente Regulamento destina-se a fixar diretrizes

Leia mais