Abril Educação Fontes de energia, calor e temperatura Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Abril Educação Fontes de energia, calor e temperatura Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota:"

Transcrição

1 Abril Educação Fontes de energia, calor e temperatura Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Questão 1 Como podemos relacionar o calor, a agitação térmica e o equilíbrio térmico? Questão 2 O calor e a temperatura são conceitos diferentes, mas, na prática, costumam ser confundidos. Procure diferenciá-los, respondendo: Como são definidos? Como são medidos? Que unidades são usadas para medi-los? Questão 3 Qual é a nossa principal fonte de calor? Por que podemos dizer que um corpo pode ser uma fonte de calor?

2 Questão 4 Explique o funcionamento da uma garrafa térmica, utilizando os conceitos estudados sobre propagação do calor. Questão 5 O que são calor específico e calor latente? Questão 6 Qual a quantidade de calor necessária para elevar a temperatura de 20ºC a 220ºC de uma amostra de 100g de Ferro? Calor específico do Ferro = 0,1cal/gºC Resposta: Questão 7

3 Quais são os principais processos de transmissão de calor? Questão 8 Beatriz colocou suas mãos em uma bacia com água a uma temperatura de 40 ºC. Depois disso, rapidamente, colocou suas mãos em um outro recipiente com água a 20 ºC. Após isso, ela disse que a água do segundo recipiente estava fria. Explique o fato. E se a água de ambas estivesse a 40 ºC, ela sentiria frio? Questão 9 Qual é a diferença entre a escala Kelvin e as escalas Celsius e Fahrenheit? Questão 10 As tempestades geralmente ocorrem no mar, entre o final da tarde e o começo da madrugada. Explique isso utilizando o conceito de calor específico. Questão 11 Qual é a característica que diferencia a convecção, a condução e a irradiação térmica? Questão 12 Uma pessoa está passando uns dias na praia e observa que, durante o dia, as folhas dos coqueiros se movem na direção dos prédios e, durante a noite, na direção do mar. Por que isso ocorre? Questão 13 É verdadeira a seguinte afirmação: todos os líquidos aumentam seu volume quando recebem uma quantidade de calor?

4 Questão 14 Qual é a diferença entre calor específico e calor latente? Questão 15 Aparecida colocou certa quantidade de água a uma temperatura de 80 ºC em uma bacia contendo outra quantidade de água a 22 ºC. Depois, rapidamente, mediu a temperatura final, com o auxílio de um termômetro. O equilíbrio térmico foi alcançado? Questão 16 Sabendo que o calor latente de fusão da água é de 80 calorias por grama, ao fornecer 50 calorias a um grama de água, ocorre mudança de estado? Em caso negativo, o que ocorre então? Questão 17 Existiria vento em uma cidade se o seu chão e tudo ao seu redor tivessem a mesma temperatura? (Nesse caso, desconsidere o movimento de rotação da Terra.) Por quê? Responda utilizando seus conhecimentos sobre transmissão de calor. Questão 18 Por que os cabos das panelas são revestidos com madeira ou plástico? Questão 19 Qual é o processo de transmissão responsável pelo bronzeamento de uma pessoa que fica exposta à luz do Sol? Questão 20 Qual é o processo de transmissão predominante no aquecimento do fio de um ferro de passar roupas quando está ligado em uma tomada? Explique. Questão 21 Por que se utiliza um espelho para se enxergar em vez de um vidro?

5 Questão 22 O que aconteceria se existisse pouca quantidade de gás carbônico na atmosfera terrestre? Questão 23 Quais os primeiros tipos de energia utilizados pelos seres humanos? Questão 24 Na sua casa existem muitos tipos de energia. Cite três deles. Questão 25 Escreva as transformações de energia envolvidas a partir de uma hidroelétrica até os equipamentos elétricos de sua casa. Questão 26 Faça uma lista, indicando nome e estado físico, dos combustíveis que você conhece. Questão 27 Cite três semelhanças entre o carvão mineral e o petróleo. Questão 28 O calor é considerado uma forma de energia. Explique como ocorre a transferência de calor entre dois objetos com temperaturas diferentes. Questão 29 O que é equilíbrio térmico? Cite algumas situações em que ele ocorre e outras em que ele não ocorre. Questão 30 Por que o Sol é considerado a maior fonte de energia do planeta? Questão 31 Cite os tipos de energia que você conhece.

6 Questão 32 O que é um gerador elétrico? Cite exemplos. Adriana Calderoni/Agência O Globo Gerador de energia elétrica do Hospital Rocha Faria, Campo Grande, MS. Questão 33 (Olimpíadas de Ciências CDCC) Um garoto coloca uma pedra em um estilingue, estica a borracha e a lança para a frente, contra a parede. Ao bater na parede, a pedra faz nela um pequeno buraco. Descreva as transformações e transferências de energia que ocorreram nesse processo. Por que, do ponto de vista da energia, podemos dizer que o buraco na parede foi feito pelo garoto? Questão 34 Defina energia: a) cinética; b) potencial gravitacional; c) potencial química. Questão 35 Quais transformações de energia ocorrem em uma hidroelétrica? E em uma termelétrica? Questão 36 O que aconteceu com o consumo de energia através dos tempos? Por quê? Questão 37

7 Como o ser humano consegue captar a energia luminosa? Jarbas de Oliveira/AE Painel fotoelétrico instalado na escola Santa Luzia, Trairi, CE. Os painéis transformam a energia solar em energia elétrica, possibilitando o funcionamento dos computadores utilizados pelos alunos e professores do núcleo digital solar. Questão 38 A energia elétrica pode se transformar em quais outras formas de energia? Dê exemplos de dois aparelhos elétricos em que é possível observar essa transformação. Questão 39 A temperatura do corpo humano é de cerca de 36,5 C e a do meio em que vivemos é, em geral, inferior a essa temperatura. Quando a transferência de calor ocorre rapidamente, sentimos frio. Qual a vantagem de usar agasalho em dias em que a temperatura do ambiente é baixa? Questão 40 (Encceja MEC) No dia a dia, podemos utilizar duas panelas de mesmo tamanho, uma de ferro e outra de pedra, para cozinhar alimentos. A panela de pedra demora mais para esquentar que a de ferro. Em compensação, permanece quente por mais tempo. Isso ocorre porque: a) a panela de pedra retém mais calor e tem menor condutividade. b) a panela de ferro retém mais calor e tem menor condutividade. c) a panela de pedra é mais leve que a de ferro. d) a panela de ferro é mais leve que a de pedra. Questão 41

8 (Encceja MEC) Suponha que uma indústria disponha de três materiais, X, Y e Z, para a fabricação de panelas. Os valores de condutividade térmica desses materiais estão na tabela a seguir. Valores baixos indicam bons isolantes. Para produzir uma panela com cabo, a indústria deve utilizar: a) Z para a panela e Y para o cabo. b) X para a panela e Z para o cabo. c) Y para a panela e X para o cabo. d) X para a panela e Y para o cabo. Questão 42 Como o modelo de partículas ou cinético molecular explica o aquecimento dos objetos sólidos, líquidos ou gasosos ao serem atritados ou agitados?

Lista de Exercícios - 9º Ano - Física - Prof.: Luis Edmundo (Mundico)

Lista de Exercícios - 9º Ano - Física - Prof.: Luis Edmundo (Mundico) Nome: 1. Um termômetro graduado ou em Celsius, ou em Fahrenheit ou em Kelvin, indica -300. Qual destes termômetros pode ser o correto? Justifique detalhadamente. 2. A temperatura do corpo humano é próxima

Leia mais

DATA: 03 / 12 / 2013 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA:

DATA: 03 / 12 / 2013 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: 03 / 12 / 2013 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF UNIDADE: ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

FÍSICA 9º ano 1º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES

FÍSICA 9º ano 1º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES FÍSICA 9º ano 1º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES 1. (Mackenzie-SP) Numa cidade da Europa, no decorrer de um ano, a temperatura mais baixa no inverno foi de 23ºF e a mais alta no verão

Leia mais

Unidade 9 Transferência de Calor. Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação

Unidade 9 Transferência de Calor. Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação Unidade 9 Transferência de Calor Introdução Condução Fluxo de calor Convecção Irradiação Introdução Você já reparou que as colheres utilizadas para misturar alimentos em panelas costumam ser feitas de

Leia mais

ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR: 10,0 MÉDIA: 6,0 RESULTADO: %

ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR: 10,0 MÉDIA: 6,0 RESULTADO: % SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA UNIDADE: DATA: 03 / 2 / 206 III ETAPA - AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

Calorimetria - Quantidade de calor - Calor especifico - Capacidade térmica - Mudanças de fase da substância

Calorimetria - Quantidade de calor - Calor especifico - Capacidade térmica - Mudanças de fase da substância ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA PLANO INDIVIDUAL DE ESTUDO PARA ATENDIMENTO DA PROGRESSÃO PARCIAL ESTUDOS INDEPENDENTES- 1º e 2º SEMESTRE RESOLUÇÃO SEE Nº 2.197, DE 26 DE OUTUBRO DE 2012 ANO

Leia mais

Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC)

Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC) Colégio Dominus Vivendi Professor Anderson Lista de exercícios 2º ano (REC) 1-(Mackenzie-SP) Numa cidade da Europa, no decorrer de um ano, a temperatura mais baixa no inverno foi de 23 ºF e a mais alta

Leia mais

d) condução e convecção b) radiação e condução e) condução e radiação c) convecção e radiação

d) condução e convecção b) radiação e condução e) condução e radiação c) convecção e radiação Lista 7 Propagação de calor 01. Sabe-se que a temperatura do café se mantém razoavelmente constante no interior de uma garrafa térmica perfeitamente vedada. a) Qual o principal fator responsável por esse

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação Ciências 9 o ano Unidade 4 5 Unidade 4 Nome: Data: 1. Analise as sentenças a seguir. Marque V nas alternativas verdadeiras e F nas falsas. ( ) a principal fonte de energia para

Leia mais

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 37 Comparando os calores específicos da água e da areia 9º NO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º ANO DO ENSINO MÉDIO INTRODUÇÃO Uma das propriedades mais importantes

Leia mais

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque Mecanismos de transferência de calor 1 Mecanismos de transferência de calor Quando aqueces uma cafeteira de alumínio com água ao lume toda a cafeteira e toda a água ficam quentes passado algum tempo. Ocorrem

Leia mais

Aluno(a): Nº. Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física Processos de Propagação de Calor

Aluno(a): Nº. Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física Processos de Propagação de Calor Lista de Exercícios Pré Universitário Uni-Anhanguera Aluno(a): Nº. Professor: Fabrízio Gentil Série: 2 o ano Disciplina: Física Processos de Propagação de Calor 1- Transforme: a) 2,5 km= m b) 0,5 m = cm

Leia mais

A cozinha. A figura a seguir ilustra uma cozinha em que. aparecem alguns utensílios conhecidos de todos nós.

A cozinha. A figura a seguir ilustra uma cozinha em que. aparecem alguns utensílios conhecidos de todos nós. A U A UL LA A cozinha Atenção A figura a seguir ilustra uma cozinha em que aparecem alguns utensílios conhecidos de todos nós. fôrma de metal vasilha de vidro refratário cumbuca de barro Mãos à obra Entre

Leia mais

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque

Mecanismos de transferência de calor. Anjo Albuquerque Mecanismos de transferência de calor 1 Mecanismos de transferência de calor Quando aquecemos uma cafeteira de alumínio com água ao lume toda a cafeteira e toda a água ficam quentes passado algum tempo.

Leia mais

Lista 6 Exercícios de Calorimetria

Lista 6 Exercícios de Calorimetria Lista 6 Exercícios de Calorimetria 1 (FMU) A temperatura durante a mudança de estado, para uma dada substância, a) é sempre maior que zero b) é sempre menor que zero c) varia conforme o estado de agregação

Leia mais

Prof. Renato. EME Prof. Vicente Bastos SESI Carrão. Física 2ª. Série Aula 13

Prof. Renato. EME Prof. Vicente Bastos SESI Carrão. Física 2ª. Série Aula 13 Aula 13 Medindo o calor 1. Mudança de estado físico (solidificação) (liquefação) Sólido - Líquido - Gás (fusão) (ebulição) 2. Curvas de aquecimento Gráfico de Temperatura x Quantidade de calor: T x Q Exemplos:

Leia mais

TERMOMETRIA TERMOLOGIA. Escalas Termométricas. Dilatação Superficial. Dilatação Linear. A = Ao. β. t. L = Lo. α. t

TERMOMETRIA TERMOLOGIA. Escalas Termométricas. Dilatação Superficial. Dilatação Linear. A = Ao. β. t. L = Lo. α. t TERMOMETRIA TERMOLOGIA Temperatura grandeza escalar associada ao grau de vibração térmica das partículas de um corpo. Equilíbrio térmico corpos em contato com diferentes temperaturas trocam calor, e após

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN FÍSICA 1 Estude nas apostilas: Física Térmica e Termodinâmica Curiosidade: a unidade de temperatura no SI (Sistema Internacional de Unidades) é o Kelvin. Na tabela seguinte, alguns valores importantes

Leia mais

A) condensação do vapor de água dissolvido no ar ao encontrar uma superfície à temperatura mais baixa.

A) condensação do vapor de água dissolvido no ar ao encontrar uma superfície à temperatura mais baixa. lista_1-conceitos_iniciais_em_termologia Questão 1 Os cálculos dos pesquisadores sugerem que a temperatura média dessa estrela é de T i = 2.700 C. Considere uma estrela como um corpo homogêneo de massa

Leia mais

Colégio Avanço de Ensino Programado

Colégio Avanço de Ensino Programado α Colégio Avanço de Ensino Programado Avaliação Contínua 1º Semestre - 1º Bim. /2016 Nota: Professor (a): Mário Disciplina: Física Turma: 1ª Série Ensino Médio Nome: Nº: Atividade deverá ser entregue em

Leia mais

Atividade complementar de Química. Transformações físicas - Mudanças de estados físicos

Atividade complementar de Química. Transformações físicas - Mudanças de estados físicos Atividade complementar de Química Transformações físicas - Mudanças de estados físicos Educação de Jovens e Adultos Neste material serão revisadas as mudanças de estados físicos da matéria, relacionando-as

Leia mais

Alimentação e respiração de plantas e animais

Alimentação e respiração de plantas e animais Alimentação e respiração de plantas e animais Os animais se alimentam Herbívoros Animais que se alimentam somente de vegetais. Eles comem partes das plantas como folhas, sementes, raízes. Carnívoros -

Leia mais

Alimentação e respiração de plantas e animais

Alimentação e respiração de plantas e animais Alimentação e respiração de plantas e animais Os animais se alimentam Herbívoros Animais que se alimentam somente de vegetais. Eles comem partes das plantas como folhas, sementes, raízes. Carnívoros -

Leia mais

Fís. Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira. Fís

Fís. Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira. Fís . Semana 19 Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira Exercícios de calorimetria 19 jun EXERCÍCIOS DE AULA 1. (ENEM) Aquecedores solares usados em residências têm o objetivo de elevar a temperatura da

Leia mais

01- Por que a atmosfera é essencial para os seres aeróbios (organismos que usam o gás oxigênio para respirar)? R.:

01- Por que a atmosfera é essencial para os seres aeróbios (organismos que usam o gás oxigênio para respirar)? R.: PROFESSOR: EQUIPE DE CIÊNCIAS BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= 01- Por que a atmosfera

Leia mais

11- Se você andar pela praia numa noite de verão, observará que a areis está mais fria do que a água do mar. Você pode explicar?

11- Se você andar pela praia numa noite de verão, observará que a areis está mais fria do que a água do mar. Você pode explicar? 1-(UFF-RJ) Três corpos, 1, 2 e 3, de mesma massa, mas de materiais diferentes estão inicialmente à mesma temperatura T o. Os corpos recebem a mesma quantidade de calor e atingem temperaturas finais T 1,

Leia mais

ENERGIA TÉRMICA: A Energia Térmica de um corpo é a energia cinética de suas moléculas e corresponde à sua temperatura.

ENERGIA TÉRMICA: A Energia Térmica de um corpo é a energia cinética de suas moléculas e corresponde à sua temperatura. CALOR 1 ENERGIA: É a capacidade de se realizar um trabalho. Ela se apresenta sob várias formas: cinética (de movimento), gravitacional, elástica (de molas), elétrica, térmica, radiante e outras. Mede-se

Leia mais

CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES

CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES CALORIMETRIA - EXERCÍCIOS E TESTES DE VESTIBULARES 1. (UFV-96) Ao derramarmos éter sobre a pele, sentimos uma sensação de resfriamento em conseqüência de: a. o éter penetrar nos poros, congelando imediatamente

Leia mais

Propagação do Calor e Calorimetria

Propagação do Calor e Calorimetria Condução Térmica Física 3 - Capítulo 3 Propagação do Calor e Calorimetria Propagação de calor em que a energia térmica passa de partícula para partícula, sem transporte de matéria. Ocorre nos materiais

Leia mais

FONTES DE ENERGIA. Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se

FONTES DE ENERGIA. Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se Energia. [Do gr. energéia, pelo lat. energia]. 1. Maneira como se exerce uma força. 2. Força moral; firmeza. 3. Vigor, força. 4. Filos. Segundo Aristóteles, o exercício mesmo da atividade, em oposição

Leia mais

Termologia: Calorimetria

Termologia: Calorimetria Termologia: Calorimetria Física_9 EF Profa. Kelly Pascoalino Nesta aula: Temperatura x Calor; Processos de propagação de calor; Calor específico; Calor Latente e mudanças de estado. TEMPERATURA X CALOR

Leia mais

APOSTILA DE CIÊNCIAS NATURAIS

APOSTILA DE CIÊNCIAS NATURAIS Escola Municipal APOSTILA DE CIÊNCIAS NATURAIS Nome Turma Professor (a) 1- Vamos ler a informação: A matéria forma tudo o que existe no mundo. Esta matéria pode ser transformada por uma força chamada energia.

Leia mais

CURSO: Engenharia Civil DISCIPLINA: Tópicos de Física Geral e Experimental PROFº: MSc. Demetrius Leão

CURSO: Engenharia Civil DISCIPLINA: Tópicos de Física Geral e Experimental PROFº: MSc. Demetrius Leão CURSO: Engenharia Civil DISCIPLINA: Tópicos de Física Geral e Experimental PROFº: MSc. Demetrius Leão 1 ACOMPANHE A DISCIPLINA PELA INTERNET Página com as aulas e listas de exercícios: Palavra-chave no

Leia mais

IFSP - Pirituba Prof. Renato Pugliese renatopugliese.wordpress.com. Curso Preparatório para o ENEM (frente 2) 2º semestre de 2016

IFSP - Pirituba Prof. Renato Pugliese renatopugliese.wordpress.com. Curso Preparatório para o ENEM (frente 2) 2º semestre de 2016 IFSP - Pirituba Prof. Renato Pugliese renatopugliese.wordpress.com Curso Preparatório para o ENEM (frente 2) 2º semestre de 2016 Aula 1 - Temperatura e Equilíbrio térmico; Escalas Apresentação - Professor

Leia mais

AULA 13 CALORIMETRIA. 1- Introdução

AULA 13 CALORIMETRIA. 1- Introdução AULA 13 CALORIMETRIA 1- Introdução Neste capítulo estudaremos o calor e suas aplicações. Veremos que o calor pode simplesmente alterar a temperatura de um corpo, ou até mesmo mudar o seu estado físico.

Leia mais

TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR) Prof. Lucas

TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR)  Prof. Lucas TRANSMISSÃO DE CALOR (PROPAGAÇÃO DE CALOR) www.wikifisica.com Prof. Lucas 1. Fluxo de calor (Ø): é a quantidade de calor Q, que atravessa uma superfície S, por unidade de tempo Δt. Condução térmica

Leia mais

Entre sistemas a temperaturas diferentes a energia transfere-se do sistema com temperatura mais elevada para o sistema a temperatura mais baixa.

Entre sistemas a temperaturas diferentes a energia transfere-se do sistema com temperatura mais elevada para o sistema a temperatura mais baixa. Sumário Do Sol ao Aquecimento Unidade temática 1. Mecanismos de transferência de calor: a radiação, a condução e a convecção. O coletor solar e o seu funcionamento. Materiais condutores e isoladores do

Leia mais

9. (Uel 95) Uma escala de temperatura arbitrária X está relacionada com a escala Celsius, conforme o gráfico a seguir.

9. (Uel 95) Uma escala de temperatura arbitrária X está relacionada com a escala Celsius, conforme o gráfico a seguir. 1. (G1) Em uma determinada escala arbitrária o ponto de congelamento da água é de 10 unidades, enquanto que o ponto de ebulição é de 210 unidades. Todas as medidas feitas ao nível do mar. Qual é a temperatura

Leia mais

UNIDADE: DATA: 30 / 11 / 2015 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF

UNIDADE: DATA: 30 / 11 / 2015 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA UNIDADE: DATA: 30 / / 205 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE CIÊNCIAS 3.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR: 0,0

Leia mais

1.Nos parênteses escreva (L) ou (I), conforme o astro seja luminoso ou iluminado.

1.Nos parênteses escreva (L) ou (I), conforme o astro seja luminoso ou iluminado. COLÉGIO SHALOM Atividades de recuperação semestral 6º Ano - Disciplina: Ciências Profª: Nize G. Chagas Pavinato Aluno(a): Data: / / Valor: 12,0 1.Nos parênteses escreva (L) ou (I), conforme o astro seja

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL FÍSICA TÉRMICA E DAS RADIAÇÕES. Calor e Temperatura. Professor Elder Latosinski

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL FÍSICA TÉRMICA E DAS RADIAÇÕES. Calor e Temperatura. Professor Elder Latosinski INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL FÍSICA TÉRMICA E DAS RADIAÇÕES Calor e Temperatura Professor Elder Latosinski INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL

Leia mais

Tema 8 Calculando a energia elétrica Tópico 20 Potência

Tema 8 Calculando a energia elétrica Tópico 20 Potência CECIMIG-FaE/UF Secretaria de Estado da Educação - Tema 8 Calculando a energia elétrica Tópico 20 Potência Curso de Imersão Física 2007 Eixo III: Energia Aplicações Tema 8: Calculando a energia elétrica

Leia mais

Fís. Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira. Fís

Fís. Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira. Fís . Semana 19 Professor: Leo Gomes Monitor: Arthur Vieira Calorimetria 19 jun RESUMO Calor é definido como qualquer fluxo espontâneo de energia de um objeto para outro, causado somente pela diferença de

Leia mais

Dados: calor latente do gelo Lg = 80cal/g, calor específico da água c(h O) = 1,0 cal g C, calor específico do alumínio c(aø) = 0,22 cal g C.

Dados: calor latente do gelo Lg = 80cal/g, calor específico da água c(h O) = 1,0 cal g C, calor específico do alumínio c(aø) = 0,22 cal g C. 1. (Unicamp 95) Numa câmara frigorífica, um bloco de gelo de massa m=8,0kg desliza sobre rampa de madeira da figura a seguir, partindo do repouso, de uma altura h=1,8m. a) Se o atrito entre o gelo e a

Leia mais

Tipos de transmissão. Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO

Tipos de transmissão. Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO Tipos de transmissão Sendo o calor a transmissão de energia térmica, podemos ter três diferentes formas de ocorrência: Transmissão por CONDUÇÃO Transmissão por CONVECÇÃO Transmissão por IRRADIAÇÃO Transmissão

Leia mais

MEDINDO TRABALHO E CALOR

MEDINDO TRABALHO E CALOR MEDINDO TRABALHO E CALOR 1 Eixo III: Energia - Aplicações Tema 7: Calculando a energia térmica Tópicos / Habilidades 18 Medindo Trabalho e Calor 18.1 Saber distinguir situações em que há transferência

Leia mais

QUESTÕES GERAIS DE FÍSICA TÉRMICA

QUESTÕES GERAIS DE FÍSICA TÉRMICA QUESTÕES GERAIS DE FÍSICA TÉRMICA 01. (ITA) - O verão de 1994 foi particularmente quente nos Estados Unidos da América. A diferença entre a máxima temperatura do verão e a mínima do inverno anterior foi

Leia mais

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Propagação de Calor

Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Propagação de Calor Sala de Estudos FÍSICA - Lucas 2 trimestre Ensino Médio 2º ano classe: Prof.LUCAS Nome: nº Sala de Estudos Propagação de Calor 1. (Enem 2013) Em um experimento foram utilizadas duas garrafas PET, uma pintada

Leia mais

FÍSICA. A) 2 J B) 6 J C) 8 J D) 10 J E) Zero. A) 6,2x10 6 metros. B) 4,8x10 1 metros. C) 2,4x10 3 metros. D) 2,1x10 9 metros. E) 4,3x10 6 metros.

FÍSICA. A) 2 J B) 6 J C) 8 J D) 10 J E) Zero. A) 6,2x10 6 metros. B) 4,8x10 1 metros. C) 2,4x10 3 metros. D) 2,1x10 9 metros. E) 4,3x10 6 metros. FÍSICA 16) Numa tempestade, ouve-se o trovão 7,0 segundos após a visualização do relâmpago. Sabendo que a velocidade da luz é de 3,0x10 8 m/s e que a velocidade do som é de 3,4x10 2 m/s, é possível afirmar

Leia mais

Introdução à astronomia O Sistema Solar

Introdução à astronomia O Sistema Solar Introdução à astronomia O Sistema Solar Introdução a astronomia A Lua A Terra Viver na Terra Introdução a Astronomia Astronomia é a ciência que estuda os astros e os fenômenos celestes. Universo é o conjunto

Leia mais

ENEM 2002 QUESTÕES DE FÍSICA

ENEM 2002 QUESTÕES DE FÍSICA ENEM 2002 QUESTÕES DE FÍSICA 01) Na comparação entre diferentes processos de geração de energia, devem ser considerados aspectos econômicos, sociais e ambientais. Um fator economicamente relevante nessa

Leia mais

Os efeitos do calor sobre os corpos fazem parte do nosso cotidiano e podem ser facilmente percebidos. A ideia de que o calor é uma forma de energia

Os efeitos do calor sobre os corpos fazem parte do nosso cotidiano e podem ser facilmente percebidos. A ideia de que o calor é uma forma de energia Capítulo 4 Calor: energia térmica em trânsito Os efeitos do calor sobre os corpos fazem parte do nosso cotidiano e podem ser facilmente percebidos. A ideia de que o calor é uma forma de energia foi estabelecida

Leia mais

Testes gerais

Testes gerais Testes gerais Termometria. Em uma escala termométrica arbitrária A, atribui-se 0ºA à temperatura de fusão do gelo e 20ºA à temperatura de ebulição da água. Quando a temperatura for de 20ºC, na escala A,

Leia mais

C2EF.6 CIÊNCIAS GRACE K. ESTUDO DIRIGIDO- ATMOSFERA

C2EF.6 CIÊNCIAS GRACE K. ESTUDO DIRIGIDO- ATMOSFERA C2EF.6 CIÊNCIAS GRACE K. ESTUDO DIRIGIDO- ATMOSFERA Atmosfera é o nome dado à camada gasosa que envolve os planetas. No caso da atmosfera terrestre ela é composta por inúmeros gases que ficam retidos por

Leia mais

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor CALORIMETRIA Calor É a transferência de energia de um corpo para outro, decorrente da diferença de temperatura entre eles. quente frio Unidades de calor 1 cal = 4,186 J (no SI) 1 kcal = 1000 cal Fluxo

Leia mais

CALORIMETRIA. 1 cal = 4,2 J.

CALORIMETRIA. 1 cal = 4,2 J. CALORIMETRIA Setor 1210 Prof. Calil A CALORIMETRIA estuda energia denominada CALOR que vai, de maneira natural, do corpo quente para o corpo frio. Calor não deve ser Calor sensivel confundido com a energia

Leia mais

Temperatura, calor e processos de transmissão de calor

Temperatura, calor e processos de transmissão de calor REVISÃO ENEM Temperatura, calor e processos de transmissão de calor TEMPERATURA Temperatura é a grandeza física escalar que nos permite avaliar o grau de agitação das moléculas. Quanto maior for o grau

Leia mais

Aluno(a) Nº Série: 1ª Ensino Médio Turma 1ª Unidade Disciplina: FÍSICA Data / /. Professor(a) : Antônio Barreto Ass. Resp. : 1ªLISTA DE APROFUNDAMENTO

Aluno(a) Nº Série: 1ª Ensino Médio Turma 1ª Unidade Disciplina: FÍSICA Data / /. Professor(a) : Antônio Barreto Ass. Resp. : 1ªLISTA DE APROFUNDAMENTO csjose@csjose.com.br Aluno(a) Nº Série: 1ª Ensino Médio Turma 1ª Unidade Disciplina: FÍSICA Data / /. Professor(a) : Antônio Barreto Ass. Resp. : O S e n h o r t e a b e n ç o e e t e g u a r d e v o l

Leia mais

Lista de Recuperação de Ciências 2013

Lista de Recuperação de Ciências 2013 1 Nome: nº 6ºano Manhã e Tarde Profa :Estefânia Lista de Recuperação de Ciências 2013 Conteúdo da recuperação: A Terra: Um planeta do sistema solar, Conhecendo a Terra,O solo e a vida,a água e a vida,o

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL NILSON SOCORRO CURSO DE FÍSICA Módulo 1

COLÉGIO ESTADUAL NILSON SOCORRO CURSO DE FÍSICA Módulo 1 CURSO DE FÍSICA Módulo 1 ÍNDICE TERMOMETRIA...2 Equilíbrio térmico...2 Escalas de temperatura...2 Escala Celsius...2 Escala Fahrenheit...2 Escala Kelvin...3 Exercícios de classe...3 Atividades para casa...4

Leia mais

Colégio Nomelini. FÍSICA Aprofundamento Profº. JB

Colégio Nomelini. FÍSICA Aprofundamento Profº. JB FÍSICA Aprofundamento Profº. JB LISTA DE RECUPERAÇÃO MENSAL 2º. ANO EM DILATAÇÃO 1) 1. (Unesp 89) O coeficiente de dilatação linear médio de um certo material é e a sua massa específica a 0 C é. Calcule

Leia mais

Universidade Federal do Pampa UNIPAMPA. Temperatura, calor e 1ª Lei da Termodinâmica

Universidade Federal do Pampa UNIPAMPA. Temperatura, calor e 1ª Lei da Termodinâmica Universidade Federal do Pampa UNIPAMPA Temperatura, calor e 1ª Lei da Termodinâmica Termodinâmica A termodinâmica explica as principais propriedades da matéria e a correlação entre estas propriedades

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE FÍSICA Nome: Nº 9º ano Data: 1º semestre/ 2016 Nota: Professores: Gladstone e Samuel Parte A Conteúdos essenciais do primeiro bimestre. A - Introdução Leia, atentamente, este

Leia mais

ATIVIDADE AVALIATIVA

ATIVIDADE AVALIATIVA Climatologia 2. Atmosfera Terrestre ATIVIDADE AVALIATIVA Valor: 1,0 Tempo para responder: 15min 1) Qual a importância da concentração dos gases que compõe a atmosfera terrestre, em termos físicos e biológicos?

Leia mais

Condução. t x. Grupo de Ensino de Física da Universidade Federal de Santa Maria

Condução. t x. Grupo de Ensino de Física da Universidade Federal de Santa Maria Condução A transferência de energia de um ponto a outro, por efeito de uma diferença de temperatura, pode se dar por condução, convecção e radiação. Condução é o processo de transferência de energia através

Leia mais

FÍSICA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO LUIZ HENRIQUE DIAS DE FARIA

FÍSICA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO LUIZ HENRIQUE DIAS DE FARIA 1ª SÉRIE APOIO PEDAGÓGICO (Unicamp 2013) A boa ventilação em ambientes fechados é um fator importante para o conforto térmico em regiões de clima quente. Uma chaminé solar pode ser usada para aumentar

Leia mais

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia Departamento de Estudos Básicos e Instrumentais 3 Termologia Física II Prof. Roberto Claudino Ferreira Prof. Roberto Claudino 1 ÍNDICE 1. Conceitos Fundamentais;

Leia mais

3) A figura representa o comprimento de uma barra metálica em função de sua temperatura.

3) A figura representa o comprimento de uma barra metálica em função de sua temperatura. LISTA 04 ONDAS E CALOR 1) A 10 C, 100 gotas idênticas de um líquido ocupam um volume de 1,0cm 3. A 60 C, o volume ocupado pelo líquido é de 1,01cm 3. Calcule: (Adote: calor específico da água: 1 cal/g.

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: CIÊNCIAS EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: CIÊNCIAS EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 6º Ano: Nº Professora: Marcella Braga COMPONENTE CURRICULAR: CIÊNCIAS

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO 2º TRIMESTRE FÍSICA ALUNO(a): Nº: SÉRIE: 2ª TURMA: UNIDADE: VV JC JP PC DATA: / /2017 Obs.: Esta lista deve ser entregue resolvida no dia da prova de recuperação. Valor:

Leia mais

TERMODINÂMICA E ESTÁTICA DA ATMOSFERA. Capítulo 2 Vianello & Alves Meteorologia Básica e Aplicações

TERMODINÂMICA E ESTÁTICA DA ATMOSFERA. Capítulo 2 Vianello & Alves Meteorologia Básica e Aplicações TERMODINÂMICA E ESTÁTICA DA ATMOSFERA Capítulo 2 Vianello & Alves Meteorologia Básica e Aplicações INTRODUÇÃO A atmosfera é uma imensa máquina térmica, cuja principal fonte de calor é a energia solar.

Leia mais

Ensino Fundamental II Avaliação Objetiva Ciências Naturais & Geografia Professora Maristela & Leila 3 Bimestre Valor: 4,0

Ensino Fundamental II Avaliação Objetiva Ciências Naturais & Geografia Professora Maristela & Leila 3 Bimestre Valor: 4,0 Ensino Fundamental II Avaliação Objetiva - 2010 5ª Série Ciências Naturais & Geografia Professora Maristela & Leila 3 Bimestre Valor: 4,0 Conteúdos Atmosfera; Clima; Efeito Estufa Preste atenção! Os itens

Leia mais

O volume que extravasa (V ) é a diferença entre a dilatação do mercúrio e a dilatação do recipiente de vidro. Dados: V 0 = 2, cm 3 ;

O volume que extravasa (V ) é a diferença entre a dilatação do mercúrio e a dilatação do recipiente de vidro. Dados: V 0 = 2, cm 3 ; 1. Certo metal possui um coeficiente de dilatação linear α. Uma barra fina deste metal, de comprimento L 0, sofre uma dilatação para uma dada variação de temperatura Δ T. Para uma chapa quadrada fina de

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO:

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN CAMPUS: CURSO: ALUNO: DISCIPLINA: FÍSICA PROFESSOR: EDSON JOSÉ Lista de exercícios 9 1. Defina o ponto triplo da água e seu valor na escala Kelvin.

Leia mais

Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm. 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor.

Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm. 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor. Respostas Questões relativas ao resultado Etapa 1: Questões relativas aos resultados Lei de Ohm 1.1 A partir dos dados tabelados, calcule o valor médio da resistência do resistor. Resposta: O valor encontrado

Leia mais

PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação.

PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação. PROPAGAÇÃO DE CALOR A propagação do calor entre dois sistemas pode ocorrer através de três processos diferentes: a condução, a convecção e a radiação. CONDUÇÃO TÉRMICA A condução térmica é um processo

Leia mais

FCM 208 Física (Arquitetura)

FCM 208 Física (Arquitetura) Universidade de São Paulo Instituto de Física de São Carlos - IFSC FCM 208 Física (Arquitetura) Calor, energia e transferência de calor Prof. Dr. José Pedro Donoso Escalas de Temperatura Transformação

Leia mais

Dado: c = 4 J/g C, para a água. a) Estime a massa M, em kg, da água colocada no recipiente.

Dado: c = 4 J/g C, para a água. a) Estime a massa M, em kg, da água colocada no recipiente. 1 1. (Fuvest 2000) Uma experiência é realizada para estimar o calor específico de um bloco de material desconhecido, de massa m½=5,4kg. Em recipiente de isopor, uma quantidade de água é aquecida por uma

Leia mais

5º ano. Atividade de Estudo - Ciências. Nome:

5º ano. Atividade de Estudo - Ciências. Nome: Atividade de Estudo - Ciências 5º ano Nome: 1- Você sabia que quando misturamos água e álcool essa mistura produz calor? Faça você mesmo: - Molhe a sua mão com bastante álcool líquido. - Em seguida, coloque

Leia mais

Disciplina: Eletrificação Rural. Unidade 2 Conceitos básicos de eletricidade voltados às instalações elétricas.

Disciplina: Eletrificação Rural. Unidade 2 Conceitos básicos de eletricidade voltados às instalações elétricas. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE SOLOS E ENGENHARIA AGRÍCOLA Disciplina: Eletrificação Rural Unidade 2 Conceitos básicos de eletricidade voltados às instalações

Leia mais

O que você deve saber sobre

O que você deve saber sobre O que você deve saber sobre Quando um corpo recebe calor, dois efeitos distintos podem ocorrer: se receber calor sensível, sua temperatura aumenta e o corpo não sofre mudança de fase; se receber calor

Leia mais

TERMOLOGIA. Calorimetria:

TERMOLOGIA. Calorimetria: TERMOLOGIA Calorimetria: Calor: é energia térmica em trânsito. Ela ocorre sempre entre dois corpos com temperaturas diferentes. O corpo com temperatura maior sede espontaneamente calor para o corpo que

Leia mais

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor

CALORIMETRIA Calor. CALORIMETRIA Potência ou Fluxo de Calor CALORIMETRIA Calor É a transferência de energia de um corpo para outro, decorrente da diferença de temperatura entre eles. quente frio Unidades de calor 1 cal = 4,186 J (no SI) 1 kcal = 1000 cal Fluxo

Leia mais

CAPÍTULO 5: CONDUÇÃO DE ENERGIA

CAPÍTULO 5: CONDUÇÃO DE ENERGIA Tabela 5.1 - Condutividade térmica de alguns materiais CAPÍTULO 5: CONDUÇÃO DE ENERGIA 5.1 CONDUTIVIDADE TÉRMICA Além da transferência de energia por radiação, uma outra forma de calor (transferência de

Leia mais

Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre. Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / /

Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre. Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / / Avaliação: Exercícios online 3 º Bimestre DISCIPLINA: Física PROFESSOR(A): Marcos Veiga Curso: E. Fundamental TURMA: 901/ 902 DATA: / / NOME: Nº.: 1. (G1) Do ponto de vista microscópico o que é a temperatura?

Leia mais

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES

CONTEÚDO FISICANDO AULA 01 CHARLES THIBES CONTEÚDO Áreas das figuras planas: Notação científica Sistema Internacional de Unidades Termologia Escalas de temperatura Relação entre energia elétrica, potência e tempo Calorimetria Calor sensível e

Leia mais

1- OBSERVE as reservas de água representadas na imagem abaixo e RESPONDA.

1- OBSERVE as reservas de água representadas na imagem abaixo e RESPONDA. Atividade de Estudo - Ciências 5º ano Nome: 1- OBSERVE as reservas de água representadas na imagem abaixo e RESPONDA. a) Em que estado físico a água está presente em cada uma das reservas identificadas

Leia mais

TIPO DE AVALIAÇÃO: Exercícios de Recuperação

TIPO DE AVALIAÇÃO: Exercícios de Recuperação TIPO DE AVALIAÇÃO: Exercícios de Recuperação Nome: Nº 6º ano / Ensino Fundamental Turma: Disciplina: Ciências Data: Professor: Paulo Ney Nota: 01 Considere os seguintes objetos: a) Uma fogueira. b) Uma

Leia mais

CALORIMETRIA E TERMOLOGIA

CALORIMETRIA E TERMOLOGIA CALORIMETRIA E TERMOLOGIA CALORIMETRIA Calor É a transferência de energia de um corpo para outro, decorrente da diferença de temperatura entre eles. quente Fluxo de calor frio BTU = British Thermal Unit

Leia mais

Aluno: Série:_2º Data: Matéria: Fisica Turno: Valor: Nota: Supervisoras: Rejane/Betânia

Aluno: Série:_2º Data: Matéria: Fisica Turno: Valor: Nota: Supervisoras: Rejane/Betânia ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA TRABALHO DE PROGRESSÃO PARCIAL ENSINO MÉDIO - 2012 ESCOLA REFERENCIA Aluno: Série:_2º Data: Matéria: Fisica Turno: Valor: Nota: Supervisoras: Rejane/Betânia

Leia mais

Última aula: Radiação solar e terrestre Hoje: Variação Sazonal e Diurna da Temperatura Próxima aula: Vapor d água/nuvens/estabilidade vertical

Última aula: Radiação solar e terrestre Hoje: Variação Sazonal e Diurna da Temperatura Próxima aula: Vapor d água/nuvens/estabilidade vertical Última aula: Radiação solar e terrestre Hoje: Variação Sazonal e Diurna da Temperatura Próxima aula: Vapor d água/nuvens/estabilidade vertical A órbita da Terra em torno do Sol não é circular: em janeiro

Leia mais

GrupoFercar. Um grupo de referência

GrupoFercar. Um grupo de referência GrupoFercar Um grupo de referência Com 30 anos de experiência, know how e talento, o Grupo Fercar tornou-se uma referência capaz de providenciar uma vasta gama de produtos e serviços, dos quais se destacam

Leia mais

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2012 PROF. VIRGÍLIO NOME N o 8 o ANO Olá, caro(a) aluno(a). Segue abaixo uma série de exercícios que têm, como base, o que foi trabalhado em sala de aula durante todo o

Leia mais

Calor INTRODUÇÃO 1 TIPOS DE CALOR

Calor INTRODUÇÃO 1 TIPOS DE CALOR Calor INTRODUÇÃO Para iniciar nossos estudos sobre a calorimetria é necessário, de início, diferenciar três coisas que muitos confundem na hora das provas. Temperatura, Calor sensível e Calor latente.

Leia mais

Camada onde se dão a vida e os fenômenos meteorológicos. As temperaturas são menores quanto maiores forem as altitudes.

Camada onde se dão a vida e os fenômenos meteorológicos. As temperaturas são menores quanto maiores forem as altitudes. Camadas da atmosfera Composição Camadas Troposfera Camada onde se dão a vida e os fenômenos meteorológicos. As temperaturas são menores quanto maiores forem as altitudes. Estratosfera Camada onde quase

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Graduação em Engenharia da Computação Prática 05 - Calor Específico Alunos: Egmon Pereira; Igor Otoni Ripardo de Assis Leandro de Oliveira Pinto;

Leia mais

* Maria Julia e Helena

* Maria Julia e Helena * Maria Julia e Helena A constelação Cruzeiro do Sul é uma das mais importantes para os povos do hemisfério Sul. O cruzeiro do Sul é uma constelação formada por cinco estrelas: Rubídea, Pálida, Mimosa,

Leia mais

Física e Química A 10.º ano

Física e Química A 10.º ano Energia, fenómenos térmicos e radiação II Física e Química A 10.º ano 1. Responde às seguintes questões. Num dia de inverno, a temperatura no exterior é de - 3ºC e a temperatura no interior de um apartamento

Leia mais

Física E Semiextensivo V. 1

Física E Semiextensivo V. 1 Física E Semiextensivo V. 1 Exercícios 01) V V F F F 02) A 03)D 04) B 05) E 06) C 07) B I. Verdadeira. II. Verdadeira. III. Falsa. Calor é a energia térmica em trânsito e temperatura é agitação molecular.

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5.º ANO/EF 2017

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5.º ANO/EF 2017 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 5.º ANO/EF 2017 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais