ESP-English for Specific Purpose. Reading Strategies

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESP-English for Specific Purpose. Reading Strategies"

Transcrição

1 ESP-English for Specific Purpose Reading Strategies Adaptated by: teacher Gleice From:

2 1. Skimming O skimming é uma estratégia de leitura que consiste em lançar os olhos rapidamente sobre o texto, numa breve leitura para captar o assunto geral a ser lido no texto.

3 2. Scanning O scanning é uma estratégia de leitura não-linear em que o leitor busca objetivamente localizar as informações em que está interessado. Através do scanning o leitor é objetivo e seletivo e nem sempre precisa ler o texto todo, seu objetivo é identificar, encontrar respostas específicas para determinadas perguntas.

4 3. Cognates Muito comum na língua inglesa, as palavras cognatas são termos de procedência grega ou latina bastante parecidos com o Português tanto na forma escrita como no significado.pode se dizer que, em geral, 45% da língua inglesa é composta por palavras cognatas, e, algumas vezes, nos deparamos com determinados tipos de texto que apresentam até 80% de seu total escrito em palavras cognatas. É interessante observar que as palavras cognatas podem ser: Idênticas: radio, piano, hospital, nuclear, social, etc... Bastante parecidos: gasoline, inflation, intelligent, population, history, etc... Vagamente parecidos electricity, responsible, infalible, explain, activity, etc...

5 4. Repeated words: Muito Geralmente, quando certas palavras se repetem várias vezes no testo, mesmo com formas diferentes (exemplo: socialism, socialist, socialise...), normalmente são palavras importantes para a compreensão do texto. As palavras repetidas aparecem especialmente na forma de verbos, substantivos e adjetivos e nem sempre são cognatas.

6 5. Typography As marcas tipográficas são elementos que, no texto, transmitem informações nem sempre representadas por palavras, como por exemplo : ilustrações, mapas, gravuras, gráficos etc...) Reconhecê-las é um auxílio bastante útil à leitura.

7 6. Key words As palavras-chaves são aquelas que estão mais de perto associadas especificamente ao assunto do texto, podendo aparecer repetidas e algumas vezes na forma de sinônimos. A identificação das key words através do skimming leva-nos a ter uma visão geral do texto.

8 7. Prediction É a atividade pela qual o aluno é levado a predizer, inferir o conteúdo de um texto através do título ou de outros elemento tipográficos, como ilustrações, por exemplo. Sendo uma atividade do tipo pré-leitura, a prediction contribui para estimular o interesse e a curiosidade do aluno pelo conteúdo de um texto que o tópico sugere. Quanto mais cultura geral (background knowledge) tiver o leitor, mais fácil será a sua predição

9 8.Nominal group Grupos nominais são expressões de caráter nominal em que prevalecem os substantivos e adjetivos, cuja ordem na frase ordinariamente não corresponde ao português. Por exemplo, o exemplo a seguir, a disposição das palavras na tradução não é correspondente ao inglês: Useless medical research (pesquisa médica inútil); A lot of tragic accidents (muitos acidentes trágicos) Based on comic and ordinary situations (baseados em situações cômicas e comuns), etc.

10 9. Affixation Como se sabe, existem palavras que são derivadas através de afixos, (prefixos e sufixos) e que esses afixos podem alterar a classe gramatical das palavras, ou o seu sentido. Por isso reconhecê-las e saber o seu significado, representa um valioso recurso adicional da compreensão do texto.

11 Vejamos alguns exemplos:sufixos Brazil = Substantivo Brazilian = Adjetivo Quando acrescentamos um sufixo, a palavra geralmente muda sua classe gramatical, sem alterar o significado. General= Adjetivo Generally =advérbio Obs:Grande parte dos afixos em Inglês são semelhantes aos Português devido à sua origem grega ou latina, conforme os exemplos acima. Devemos ter em mente, porém, que muitos outros não possuem a mesma origem e são, por isso, mais difíceis de compreender.

12 Vejamos alguns exemplos:prefixos Unhappy (infeliz) Underground (subsolo) Misunderstanding ( desentendimento) Useful (útil) Useless (inútil) Unforgetable (inesquecível) Os prefixos formam uma nova palavra, porém sem alterar a classe gramatical. Function(subst.) =Disfunction (subst.) Form (verb.) = Reform (verb.)

13 10. Critical Reading Ao final de cada leitura, o bom leitor deveria estar atento para tudo o que lhe foi transmitido através do texto, procurando avaliar o conteúdo do mesmo mediante perguntas tais como: O que é interessante?...por que? A leitura do texto acrescentou algo novo ao meus conhecimentos? O texto foi apresentado de modo objetivo, superficial, profundo, confuso...? Você discorda ou concorda com as idéias do autor? O autor foi imparcial ou tendencioso? Você conseguiu captar alguma segunda intenção nas entrelinhas do texto? Você acrescentaria algo que não foi mencionado?

14 11. Contextual Reference Normalmente existem no texto elementos de referência que são usados para evitar repetições e para interligar as sentenças, tornando a leitura mais compreensível e fluente. Esses elementos aparecem na forma de pronomes diversos: Pessoais: he, she, it, they, etc... Demonstativos: this, that, those, such... Relativos: who, whom, whose, that, which... Adjetivos: his, her, our... Ex.: These are the books that I need for the class.

15 Além disso, o próprio conhecimento do aluno sobre o assunto é muito importante no Prediction: a) Contexto Semântico - conjunto de palavras que forma o contexto imediato no qual a palavra desconhecida está inserida. b) Contexto Lingüístico - grupo de pistas que nos dirá se a palavra é um substantivo, um adjetivo ou um verbo. c) Contexto não Lingüístico - conjunto de gravuras, gráficos, tabelas, números, diagramas, etc., que nos ajudará a predizer o conteúdo de um texto. d) Conhecimento sobre a estrutura de textos - título, subtítulo, divisão do texto em parágrafos, numeração de tópicos, etc., poderão ajudar a predizer o conteúdo de um texto.

16 e) Grupo Nominal - Num grupo nominal encontramos a núcleo (headword) e os modificadores (modifiers). A interpretação correta dos grupos nominais é relevante para que o leitor possa entender o texto adequadamente. Por exemplo, sabemos que os adjetivos surgem antes dos substantivos e seguem uma ordem. É necessário, porém, que o leitor fique atento ao fato de que a língua portuguesa e a língua inglesa possuem peculiaridades diferentes na formação estrutural desses grupos nominais. Exemplos: useless medical research (pesquisa médica inútil); a lot of tragic accidents (muitos acidentes trágicos) comic and ordinary situations (situações cômicas e comuns), etc.

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC: Rodrigues de Abreu Código: 135 Município: Bauru Eixo Tecnológico: Segurança Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em Segurança

Leia mais

Faculdade de Estudos Avançados do Pará. Diretoria de Ensino de Graduação e Extensão Assessoria Pedagógica

Faculdade de Estudos Avançados do Pará. Diretoria de Ensino de Graduação e Extensão Assessoria Pedagógica PLANO DE ENSINO - 2006 1. IDENTIFICAÇÃO: CURSO: Ciências Contábeis HABILITAÇÃO: Bacharelado DISCIPLINA: Inglês Instrumental TURMA: 2CCN1 SEMESTRE: 1º PRÉ-REQUISITO: - C.H. SEMANAL: 3 h/a C.H SEMESTRAL:

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em Farmácia

Leia mais

Universidade Federal do Piauí Departamento de Letras CCHL Inglês Técnico e Científico Prof. Wellington Borges

Universidade Federal do Piauí Departamento de Letras CCHL Inglês Técnico e Científico Prof. Wellington Borges Universidade Federal do Piauí Departamento de Letras CCHL Inglês Técnico e Científico Prof. Wellington Borges Referências contextuais Observe o exemplo a seguir: Maria casou-se quase criança. Os pais da

Leia mais

Estratégia de Leitura Elementos de Referência. Reference devices ou elementos de referência

Estratégia de Leitura Elementos de Referência. Reference devices ou elementos de referência Estratégia de Leitura Elementos de Referência Reference devices ou elementos de referência Ao ler textos sobre qualquer assunto, em qualquer área de conhecimento, todo leitor percebe uma relação de REFERÊNCIA

Leia mais

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm.

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm. Autor José Ricardo Moreira Pós graduado em Literatura e autor de literatura para jovens de todas as idades, como prefere classificar as narrativas alinhadas com os grandes temas da atualidade. Em meados

Leia mais

Técnicas de leitura ENGLISH LANGUAGE. Teacher: Daniele Marques

Técnicas de leitura ENGLISH LANGUAGE. Teacher: Daniele Marques Técnicas de leitura ENGLISH LANGUAGE Teacher: Daniele Marques Existem diferentes estilos de leitura para diferentes situações. Website Manual Romances Mailing Magazine Newspaper Técnicas de leitura: Ajudam

Leia mais

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome: Inglês Instrumental Curso: Licenciatura em Ciências Biológicas Período: Optativa Carga Horária total: 50h Pré-requisito: não possui EMENTA Conscientização do processo

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: São José do Rio Pardo Código: 150 Município: São José do Rio Pardo Eixo Tecnológico: Ensino Técnico Habilitação Profissional: Profissional Nível

Leia mais

Descrição de Um Leitor Ativo Leitura do texto: A moringa, a geladeira e a roupa no varal

Descrição de Um Leitor Ativo Leitura do texto: A moringa, a geladeira e a roupa no varal Descrição de Um Leitor Ativo Leitura do texto: A moringa, a geladeira e a roupa no varal Acompanhe o leitor competente em ação. Leio o titulo: A moringa, a geladeira e a roupa no varal. São três coisas

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular:

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Cornélio Procópio PLANO DE ENSINO. Resolução CEPEM 125/05 de 01/12/05

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Cornélio Procópio PLANO DE ENSINO. Resolução CEPEM 125/05 de 01/12/05 Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Cornélio Procópio PLANO DE ENSINO CURSO Técnico em Mecanica MATRIZ 20 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL Resolução CEPEM 125/05 de 01/12/05 DISCIPLINA/UNIDADE

Leia mais

PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA

PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA 1 PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Curso: CST em Sistemas de Telecomunicações, Tecnologia Nome da disciplina: Inglês Instrumental e Técnico Código: TEL014 Carga horária: 67 horas Semestre previsto:

Leia mais

Súmario. Apresentação da Coleção Sinopses para Carreiras Fiscais...13

Súmario. Apresentação da Coleção Sinopses para Carreiras Fiscais...13 Súmario Apresentação da Coleção Sinopses para Carreiras Fiscais...13 CAPÍTULO 1 ARTIGOS...15 1.1 Artigo definido the...15 1.2 Artigos indefinidos a/an...18 CAPÍTULO 2 PRONOMES...31 2.1 Pronomes pessoais...31

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Extensão Esterina Placco Código: 091.1 Município: São Carlos-SP Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnica

Leia mais

META Atingir a compreensão de uma leitura rápida e detalhada através das marcas tipográfi cas, (símbolos, negritos, fotos etc.)

META Atingir a compreensão de uma leitura rápida e detalhada através das marcas tipográfi cas, (símbolos, negritos, fotos etc.) LEITURA RÁPIDA / LEITURA DETALHADA SKIMMING / SCANNING Aula 3 META Atingir a compreensão de uma leitura rápida e detalhada através das marcas tipográfi cas, (símbolos, negritos, fotos etc.) OBJETIVOS Ao

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec Prof. Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Ambiente e Segurança Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em Farmácia

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec de São José do Rio Pardo Código: 150 Município: São José do Rio Pardo Eixo Tecnológico: Gestão Habilitação Profissional: Técnico em administração

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Etec Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Área de conhecimento: Ambiente, Saúde e Segurança Componente Curricular: Inglês Instrumental Série:

Leia mais

Projeto Pedagógico do Curso. de Formação Inicial e Continuada (FIC) em. Inglês Instrumental. Modalidade: presencial

Projeto Pedagógico do Curso. de Formação Inicial e Continuada (FIC) em. Inglês Instrumental. Modalidade: presencial Projeto Pedagógico do Curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Inglês Instrumental Modalidade: presencial Projeto Pedagógico do Curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Inglês Instrumental

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio. Professor: Uilson Nunes de Carvalho Júnior

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Médio. Professor: Uilson Nunes de Carvalho Júnior PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular:

Leia mais

SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com

SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com SECRETARIA DO ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS Superintendência Regional de Ensino de Curvelo Acesse: pipcbccurvelo.blogspot.com Avaliação de Língua Inglesa 8º ano Nome: Data: / / Questão Gabarito Habilidades

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL II /2015 EDITAL PARA PROVAS DE RECUPERAÇÃO FINAL 6º ANO. Disciplina Conteúdo Material de estudo Língua Portuguesa funções textuais;

ENSINO FUNDAMENTAL II /2015 EDITAL PARA PROVAS DE RECUPERAÇÃO FINAL 6º ANO. Disciplina Conteúdo Material de estudo Língua Portuguesa funções textuais; ENSINO FUNDAMENTAL II /2015 EDITAL PARA PROVAS DE RECUPERAÇÃO FINAL 6º ANO Disciplina Conteúdo Material de estudo Língua Pronomes: classificações e 1. Livro didático Para Viver Portuguesa funções textuais;

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 224 aprovado pela portaria Cetec nº 733 de 10/09/2015 Etec Paulino Botelho Extensão Arlindo Bittencourt Código: 091.2 Município: São Carlos-SP

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRUSQUE (UNIFEBE) PROJETO DE EXTENSÃO. Inglês Instrumental - Nível I

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRUSQUE (UNIFEBE) PROJETO DE EXTENSÃO. Inglês Instrumental - Nível I CENTRO UNIVERITÁRIO DE BRUQUE (UNIFEBE) PRÓ-REITORIA REITORIA DE PÓ-GRADUAÇÃO, PEQUIA E ETENÃO (PROPPE) UPERVIÃO DE ETENÃO PROJETO DE ETENÃO 1. IDENTIFICAÇÃO DA ORIGE 1.1. TÍTULO: Inglês Instrumental -

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2016/2017

PLANIFICAÇÃO ANUAL 2016/2017 PLANIFICAÇÃO ANUAL 2016/2017 Disciplina: Inglês 5.º Ano Unidade Temática e Conteúdos Domínio/Subdomínio Objetivos N.º de Aulas previstas por período Avaliação Diagnóstica UNIT 0 Start up Anglicismos Númerais

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA com DUDA NOGUEIRA Comentários da prova BANCO do BRASIL Aplicada 15/03/2015

LÍNGUA PORTUGUESA com DUDA NOGUEIRA Comentários da prova BANCO do BRASIL Aplicada 15/03/2015 1 PROVA Escriturário BANCO DO BRASIL - aplicada 15/03/2015 LÍNGUA PORTUGUESA Alunos nossos, como foi comentado no curso SÓ BB (http://www.sobb.com.br/), a prova foi muito tranquila e não há possibilidade

Leia mais

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES EDITAL Nº 027/2016/DEX/PROEAC/UNIFAP de 29 DE AGOSTO de 2016. EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O CURSO DE EXTENSÃO INGLÊS INSTRUMENTAL: PREPARATÓRIO PARA EXAME DE PROFICIÊNCIA EM LÍNGUA INGLESA MESTRADO E DOUTORADO

Leia mais

Lesson 66: Indirect questions. Lição 66: Perguntas indiretas

Lesson 66: Indirect questions. Lição 66: Perguntas indiretas Lesson 66: Indirect questions Lição 66: Perguntas indiretas Reading (Leitura) Could you tell me where she went? (Você poderia me dizer para onde ela foi?) Do you know how I can get to the hospital? (Você

Leia mais

PRONOMES. Ø Pronomes Pessoais

PRONOMES. Ø Pronomes Pessoais PRONOMES O pronome é uma palavra usada no lugar do nome (substantivo) para evitar a sua repetição e concorda, em gênero e número com o substantivo que representa. Para cada tipo de Pronome há um tipo de

Leia mais

Português 1º ano João J. Processos de Formação de Palavras

Português 1º ano João J. Processos de Formação de Palavras Português 1º ano João J. Processos de Formação de Palavras ESTRUTURA E PROCESSOS DE FORMAÇÃO DAS PALAVRAS ESTRUTURA DAS PALAVRAS A palavra é subdivida em partes chamadas de elementos mórficos. menores,

Leia mais

É imprescindível o aprendizado das aulas anteriores. Inglês é uma disciplina lógica onde exige somatório de conhecimentos anteriores

É imprescindível o aprendizado das aulas anteriores. Inglês é uma disciplina lógica onde exige somatório de conhecimentos anteriores GRUPOS NOMINAIS NOMINAL GROUPS META Definir através da teoria e prática as terminologias dos grupos nominais, as quais irão esclarecer cada uso dessas palavras na prática contextual e melhorar ainda mais

Leia mais

Aula10 O USO DO DICIONÁRIO. Izabel Silva Souza D Ambrosio. META Conscientizar os alunos do uso apropriado do dicionário

Aula10 O USO DO DICIONÁRIO. Izabel Silva Souza D Ambrosio. META Conscientizar os alunos do uso apropriado do dicionário Aula10 O USO DO DICIONÁRIO META Conscientizar os alunos do uso apropriado do dicionário OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: Espero que você saiba quando recorrer ao dicionário e consiga, levando

Leia mais

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe Página1 Curso/Disciplina: Português para Concurso. Aula: Estudo da Sintaxe: Sujeito. Conceito; Classificações: sujeito determinado e indeterminado - 02 Professor (a): Rafael Cunha Monitor (a): Amanda Ibiapina

Leia mais

CONCORDÂNCIA NOMINAL. Página 172

CONCORDÂNCIA NOMINAL. Página 172 CONCORDÂNCIA NOMINAL Página 172 CONCORDÂNCIA NOMINAL É a concordância, em gênero e número, entre o substantivo e seus determinantes: o adjetivo, o pronome adjetivo, o artigo, o numeral e o verbo no particípio.

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2013. Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho. Qualificação: Sem Certificação Módulo: 1

Plano de Trabalho Docente 2013. Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho. Qualificação: Sem Certificação Módulo: 1 Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC Dr. Francisco Nogueira de Lima Código: 059 Município: Casa Branca Área Profissional: Saúde Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho

Leia mais

Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe substantivo, verbo, Morfologia. Morfologia classes gramaticais

Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe substantivo, verbo, Morfologia. Morfologia classes gramaticais Língua Portuguesa Nesta bimestral você aprendeu sobre diversos conceitos como Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe, e partir desses conceitos vamos revisar os principais assuntos estudados. Quando falamos

Leia mais

Incidência e Caracterização Clínica de Pacientes com Cardiopatia Congênita. Fonte Arial, 24, negrito

Incidência e Caracterização Clínica de Pacientes com Cardiopatia Congênita. Fonte Arial, 24, negrito UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE UFCSPA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PATOLOGIA Pedro Rosa da Silva (somente iniciais em maiúsculas) Fonte Arial, 14 Incidência e Caracterização Clínica

Leia mais

Lesson 42: have to, don t have to. Lição 42: ter que, não ter que

Lesson 42: have to, don t have to. Lição 42: ter que, não ter que Lesson 42: have to, don t have to Lição 42: ter que, não ter que Reading (Leituras) We have to go to school tomorrow. ( Nós temos que ir à escola amanhã. ) I have to get up at 5 am tomorrow. ( Eu tenho

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico. Qualificação: Técnico em Administração

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico. Qualificação: Técnico em Administração Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho Código: 91 Município: São Carlos-SP Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Administração Qualificação:

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2º Semestre/2014. Ensino Técnico. Professor: ELZA CEDRO DE ANDRADE

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2º Semestre/2014. Ensino Técnico. Professor: ELZA CEDRO DE ANDRADE PLANO DE TRABALHO DOCENTE º Semestre/04 Ensino Técnico Código: 06 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Inglês Instrumental Eixo Tecnológico: Ambiente, saúde e segurança

Leia mais

Review Verb Tenses 2. Relative Pronouns 3. Possessive Case 4. Degrees of Adjectives 5. Text Comprehension

Review Verb Tenses 2. Relative Pronouns 3. Possessive Case 4. Degrees of Adjectives 5. Text Comprehension Review 1 1. Verb Tenses 2. Relative Pronouns 3. Possessive Case 4. Degrees of Adjectives 5. Text Comprehension Tempos verbais Simple Present Present Continuous Simple Past Past Continuous Present Perfect

Leia mais

AULA 2: Marcas tipográficas DEPARTAMENTO DE LETRAS INGLÊS TÉCNICO E CIENTÍFICO PROFESSOR: WELLINGTON BORGES

AULA 2: Marcas tipográficas DEPARTAMENTO DE LETRAS INGLÊS TÉCNICO E CIENTÍFICO PROFESSOR: WELLINGTON BORGES AULA 2: Marcas tipográficas UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ DEPARTAMENTO DE LETRAS INGLÊS TÉCNICO E CIENTÍFICO PROFESSOR: WELLINGTON BORGES Marcas tipográficas Assim como em língua portuguesa, podemos encontrar

Leia mais

Bárbara da Silva. Português. Formação de palavras I

Bárbara da Silva. Português. Formação de palavras I Bárbara da Silva Português Formação de palavras I Formação das Palavras Existem dois processos básicos pelos quais se formam as palavras: a derivação e a composição. A diferença entre ambos consiste basicamente

Leia mais

Perdendo o medo de Phrasal Verbs

Perdendo o medo de Phrasal Verbs 1 Perdendo o medo de Phrasal Verbs 2 Perdendo o medo de Phrasal Verbs com explicações e exemplos de uso Olá! Você acabou de adquirir o e-book que vai salvar sua vida! Um e-book para te ajudar e fazer entender

Leia mais

DATA: 02/10/15 ETAPA: 3ª VALOR: 15,0 NOTA: ASSUNTO: 1ª parcial SÉRIE: 6º ano TURMA:

DATA: 02/10/15 ETAPA: 3ª VALOR: 15,0 NOTA: ASSUNTO: 1ª parcial SÉRIE: 6º ano TURMA: DISCIPLINA: Língua Portuguesa PROFESSORAS: Patrícia e Rose DATA: 02/10/15 ETAPA: 3ª VALOR: 15,0 NOTA: ASSUNTO: 1ª parcial SÉRIE: 6º ano TURMA: NOME COMPLETO: Coordenação Nº: I N S T R U Ç Õ E S 1. Esta

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1,0)

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1,0) ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 6º ANO BÁSICO Name: Nº Class: Date: / / Teacher: Nota: (1,0) Neste bimestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos mínimos necessários. Agora,

Leia mais

Língua Portuguesa. Professoras: Fernanda e Danúzia

Língua Portuguesa. Professoras: Fernanda e Danúzia Língua Portuguesa Professoras: Fernanda e Danúzia Nesta bimestral você aprendeu sobre diversos conceitos como Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe, e partir desses conceitos vamos revisar os principais

Leia mais

Inglês 8 Pronomes Interrogativos.

Inglês 8 Pronomes Interrogativos. Inglês 8 Pronomes Interrogativos. Estes pronomes são freqüentemente usados para formação de perguntas e também podem ser usados na conexão de sentenças. Vejame aprendam a série de exemplos selecionados.

Leia mais

Centro Universitário de Brusque - Unifebe Conselho Universitário - Consuni INGLÊS INSTRUMENTAL A DISTÂNCIA - NÍVEL I. Brusque, julho de 2009.

Centro Universitário de Brusque - Unifebe Conselho Universitário - Consuni INGLÊS INSTRUMENTAL A DISTÂNCIA - NÍVEL I. Brusque, julho de 2009. Centro Universitário de Brusque - Unifebe Conselho Universitário - Consuni INGLÊS INSTRUMENTAL A DISTÂNCIA - NÍVEL I Brusque, julho de 2009. 1. Identificação do Projeto 1.1. Linha de Extensão: Educação

Leia mais

Estrutura e formação de palavras. Estrutura das palavras

Estrutura e formação de palavras. Estrutura das palavras Estrutura e formação de palavras Estrutura das palavras Estrutura de palavras A palavra é subdivida em partes menores, chamadas de elementos mórficos. Exemplo: gatinho gat + inho Infelizmente in + feliz

Leia mais

Inglês 12 Present perfect continuous

Inglês 12 Present perfect continuous Inglês 12 Present perfect continuous Este tempo é ligeiramente diferente do Present Perfect. Nele, notamos a presença do TO BE na forma BEEN, ou seja, no particípio. Conseqüentemente, nota-se também a

Leia mais

CONTEÚDO DAS PROVAS DE RECUPERAÇÃO TURMAS 60/70 E 80

CONTEÚDO DAS PROVAS DE RECUPERAÇÃO TURMAS 60/70 E 80 CONTEÚDO DAS PROVAS DE RECUPERAÇÃO TURMAS 60/70 E 80 PORTUGUÊS : Interpretação de textos; vocabulário (sinônimos, antônimos). Análise morfológica (com ênfase em pronomes, verbos, locações adjetivas, substantivos

Leia mais

PROCESSOS DE FORMAÇÃO DAS PALAVRAS PROF. GUGA

PROCESSOS DE FORMAÇÃO DAS PALAVRAS PROF. GUGA PROCESSOS DE FORMAÇÃO DAS PALAVRAS PROF. GUGA Derivação É o processo pelo qual a partir de uma palavra se formam outras, por meio do acréscimo de certos elementos que lhe alteram o sentido primitivo ou

Leia mais

AULÃO DE REDAÇÃO XIV SIMULADO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA URI

AULÃO DE REDAÇÃO XIV SIMULADO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA URI AULÃO DE REDAÇÃO XIV SIMULADO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA URI Professoras: Adriana Maria Romitti Albarelo Vanice Hermel A leitura e a escrita Ler muito para ver como os diversos autores escrevem é

Leia mais

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo Faculdade de Biblioteconomia e Ciência da Informação PLANO DE ENSINO (2016)

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo Faculdade de Biblioteconomia e Ciência da Informação PLANO DE ENSINO (2016) Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo Faculdade de Biblioteconomia e Ciência da Informação PLANO DE ENSINO (2016) I. IDENTIFICAÇÃO DISCIPLINA INGLÊS INSTRUMENTAL CARGA HORÁRIA 36 CURSO

Leia mais

Funções Dêitica, Anafórica, Catafórica, Exofórica, Epanafórica...

Funções Dêitica, Anafórica, Catafórica, Exofórica, Epanafórica... R E L E M B R A R É S E M P R E N E C E S S Á R I O! Funções Dêitica, Anafórica, Catafórica, Exofórica, Epanafórica... Função Endofórica x Função Exofórica Inicialmente, é preciso identificarmos esses

Leia mais

ROTEIRO TRIMESTRAL DE ATIVIDADES ARTE - 6.º ANO 2015

ROTEIRO TRIMESTRAL DE ATIVIDADES ARTE - 6.º ANO 2015 ARTE - 6.º ANO 2015 Temática da Etapa: Profª.: Maycon Batista Conceito de Arte Conceito de Artesanato Pintura em Tela Trabalho (sabão em pedra) Linha e ponto Cores Primárias e secundárias Avaliação 2 08

Leia mais

What is your occupation?

What is your occupation? What is your occupation? Assunto do dia Muitas vezes, ao preenchermos cadastros em empresas ou simplesmente ao nos apresentarmos em ambientes de trabalho, precisamos responder à pergunta: Por essa pergunta

Leia mais

2012 3ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS

2012 3ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 3ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: Nota: Professor(a): Débora Toledo F. Piccin Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais:

Leia mais

Active / Passive voice Teacher Liana Mara

Active / Passive voice Teacher Liana Mara Active / Passive voice Teacher Liana Mara Frases na active voice (voz ativa) são aquelas em que o sujeito que pratica a ação está em evidência, já em frases na passive voice (voz passiva), o objeto que

Leia mais

Capítulo1. Capítulo2. Índice A LÍNGUA E A LINGUAGEM O PORTUGUÊS: uma língua, muitas variedades... 15

Capítulo1. Capítulo2. Índice A LÍNGUA E A LINGUAGEM O PORTUGUÊS: uma língua, muitas variedades... 15 Capítulo1 Capítulo2 A LÍNGUA E A LINGUAGEM............................................. 9 Linguagem: aptidão inata.............................................. 10 Funções.............................................................

Leia mais

Inglês Técnico. Unidade 2 Simple Present. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática

Inglês Técnico. Unidade 2 Simple Present. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática Inglês Técnico Unidade 2 Simple Present Curso Técnico em Infmática SUMÁRIO SIMPLE PRESENT... 3 SUBJECT PRONOUNS... 4 Exemplos... 4 Exemplos... 5 2 SIMPLE PRESENT A aula sobre Simple Present mostrará a

Leia mais

O GIBI COMO UM RECURSO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA AULAS DE LEITURA EM LÍNGUA INGLESA

O GIBI COMO UM RECURSO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA AULAS DE LEITURA EM LÍNGUA INGLESA O GIBI COMO UM RECURSO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA AULAS DE LEITURA EM LÍNGUA INGLESA Liliane de Oliveira Florêncio Faculdades Integradas de Patos, florencio.liliane28@gmail.com Verucci Domingos de Almeida

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES Nome Nº Turma 6º Data 04/02/14 Nota Disciplina Recuperação AnualLÌNGUA INGLESA - TRABALHO 1) Enumere (1) bom ( ) too

Leia mais

O Plano de Capacitação e Aperfeiçoamento/2008.2, conforme dispõe o Art. 7º do Decreto 5.825 de 29.06.2006, tem como objetivo:

O Plano de Capacitação e Aperfeiçoamento/2008.2, conforme dispõe o Art. 7º do Decreto 5.825 de 29.06.2006, tem como objetivo: 1. INTRODUÇÃO O Plano de Capacitação e Aperfeiçoamento/2008.2, conforme dispõe o Art. 7º do Decreto 5.825 de 29.06.2006, tem como objetivo: contribuir para o desenvolvimento do servidor, como profissional

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Professora Nair Luccas Ribeiro Código: 156 Município: Teodoro Sampaio Eixo Tecnológico: Produção Alimentícia Habilitação Profissional: Técnico em

Leia mais

Analfabeto funcional é o sujeito incapaz de interpretar o que lê e de usar a leitura e escrita em atividades cotidianas (UNESCO).

Analfabeto funcional é o sujeito incapaz de interpretar o que lê e de usar a leitura e escrita em atividades cotidianas (UNESCO). Segundo o Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE) Somente 26% dos brasileiros acima de 15 anos apresentam plenas habilidades de leitura e escrita; 74% dos brasileiros entre 15 e 64

Leia mais

As palavras possuem, via de regra, elementos significativos chamados MORFEMAS.

As palavras possuem, via de regra, elementos significativos chamados MORFEMAS. ESTRUTURA DAS PALAVRAS As palavras possuem, via de regra, elementos significativos chamados MORFEMAS. Não se pode confundir MORFEMA e SÍLABA. Morfema é um fragmento significativo da palavra. Sílaba é um

Leia mais

IFPB Campus João Pessoa

IFPB Campus João Pessoa PLANO DE ENSINO CURSO SUPERIOR DADOS DA DISCIPLINA Nome da Disciplina: Inglês Instrumental Curso Superior Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Período: 1º período Carga Horária: 50 horas

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Médio ETEC Professora Nair Luccas Ribeiro Código: 156 Município: Teodoro Sampaio Área de conhecimento: Linguagem, Códigos e suas Tecnologias Componente Curricular:

Leia mais

-- I N G L Ê S -- Pronouns (Pronomes)

-- I N G L Ê S -- Pronouns (Pronomes) -- I N G L Ê S -- Pronouns (Pronomes) 01. PERSONAL PRONOUNS (Pronomes pessoais) I eu You você He ele She ela It ele ou ela (para animais e objetos) We nós You vocês They (eles ou elas para pessoas do sexo

Leia mais

ESTRUTURA DAS PALAVRAS. A palavra é subdivida em partes menores, chamadas de elementos mórficos. infelizmente = in + feliz + mente

ESTRUTURA DAS PALAVRAS. A palavra é subdivida em partes menores, chamadas de elementos mórficos. infelizmente = in + feliz + mente Haroldo de Campos ESTRUTURA DAS PALAVRAS A palavra é subdivida em partes menores, chamadas de elementos mórficos. Exemplos: gatinho = gat + inh + o infelizmente = in + feliz + mente ELEMENTOS MÓRFICOS

Leia mais

CERT-A CERT-O CERT-A-MENTE CERT-EZA A - CERT - A - R

CERT-A CERT-O CERT-A-MENTE CERT-EZA A - CERT - A - R CERT-A CERT-O CERT-A-MENTE CERT-EZA A - CERT - A - R A palavra é subdivida em partes menores, chamadas de elementos mórficos. MORFEMAS SÃO UNIDADES MÍNIMAS DE SIGNIFICAÇÃO Exemplos: gatinho = gat + inh+o

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2º Semestre 2017 Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2º Semestre 2017 Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2º Semestre 2017 Ensino Técnico Plano de Curso nº 95 aprovado pela portaria Cetec nº 38 de 30/10/2009 Etec Sylvio de Mattos Carvalho Código: 103 Município: Matão Eixo Tecnológico:

Leia mais

Nivelamento de Português

Nivelamento de Português Nivelamento de Português Professora: Ivanilda Bastos Formação das Palavras Formação das Palavras Existem dois processos básicos pelos quais se formam as palavras: a derivação e a composição. A diferença

Leia mais

Aula 11 Advébios de Frequência

Aula 11 Advébios de Frequência Aula 11 Advébios de Frequência Aula 11 Advébios de Frequência A Posição dos Advérbios. Agora que você já conhece os advérbios de frequência mais importantes é preciso entender onde colocá-los na frase

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS Todos os procedimentos das técnicas de leitura das aulas anteriores são imprescindíveis para a aprendizagem desta nova aula.

PRÉ-REQUISITOS Todos os procedimentos das técnicas de leitura das aulas anteriores são imprescindíveis para a aprendizagem desta nova aula. FALSO COGNATO FALSE FRIENDS Aula 5 META Apresentar o mecanismo dos falsos cognatos, palavras que normalmente são derivados do latim com grafi as semelhantes entre as línguas, apresentando contudo, signifi

Leia mais

QUESTÕES LÍNGUA INGLESA - ENSINO FUNDAMENTAL / MÉDIO (SUBJECT/ OBJECT PRONOUNS VERBO TO BE (AFIRMATIVE NEGATIVE INTERROGATIVE)

QUESTÕES LÍNGUA INGLESA - ENSINO FUNDAMENTAL / MÉDIO (SUBJECT/ OBJECT PRONOUNS VERBO TO BE (AFIRMATIVE NEGATIVE INTERROGATIVE) QUESTÕES LÍNGUA INGLESA - ENSINO FUNDAMENTAL / MÉDIO (SUBJECT/ OBJECT PRONOUNS VERBO TO BE (AFIRMATIVE NEGATIVE INTERROGATIVE) Questão (1) - They good friends, but my sister. a) is / are b) isn t / is

Leia mais

Como usar BOTH, EITHER e NEITHER: qual usar?

Como usar BOTH, EITHER e NEITHER: qual usar? Como usar BOTH, EITHER e NEITHER: qual usar? No artigo de hoje que chamei de Como usar BOTH, EITHER e NEITHER: qual usar?, resolvi escrever sobre um tópico muito importante que, apesar de simples, é fonte

Leia mais

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33)

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33) PROFESSOR (A): Hoslaine de Carvalho Almeida TURMA: 2º Ano Fund 1 1- S QUE SERÃO TRABALHADOS DURANTE A ETAPA : Greetings, feelings, polite actions and colors. Introduzir o primeiro contato com a língua

Leia mais

Fonte:intervox.nce.ufrj.br/~diniz/d/direito/ ouapostila_portugues_varlinguistica_2.pdf

Fonte:intervox.nce.ufrj.br/~diniz/d/direito/ ouapostila_portugues_varlinguistica_2.pdf Sobre Variação Linguística Você já conversou com uma pessoa simples, que vive na roça? Teve oportunidade de observar como essa pessoa fala? Leia o texto a seguir: Texto I Seu dotô me conhece? Patativa

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em

Leia mais

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group:

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group: Present Perfect: FOOD for THOUGHT Colégio de Aplicação UFRGS Name: Group: Present Perfect Simple Os Perfect Tenses são formados com o presente simples do verbo to have (have / has), que, neste caso, funciona

Leia mais

WHO -WHOM - WHICH - WHOSE - WHAT -THAT. - Os pronomes relativos servem para unir sentenças.

WHO -WHOM - WHICH - WHOSE - WHAT -THAT. - Os pronomes relativos servem para unir sentenças. Bath England (personal file) WHO -WHOM - WHICH - WHOSE - WHAT -THAT - Os pronomes relativos servem para unir sentenças. Ex.: That girl is extremely pretty. Her fortune is immeasurable. That girl, whose

Leia mais

Aula 10 Present Perfect Simple

Aula 10 Present Perfect Simple Present Perfect Simple Os Perfect Tenses são formados com o presente simples do verbo to have (have / has), que, neste caso, funciona como verbo auxiliar, seguido do particípio passado do verbo principal.

Leia mais

Provão. Língua Portuguesa 4 o ano. Vida da gente. Texto

Provão. Língua Portuguesa 4 o ano. Vida da gente. Texto Provão Língua Portuguesa 4 o ano Texto Vida da gente Todos os dias nós jogamos fora muitas coisas de que não precisamos mais. Para onde será que elas vão? Será que daria para usá-las novamente? Todo dia

Leia mais

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA NOMINAL

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA NOMINAL Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA NOMINAL Regra Geral o artigo, o numeral, o adjetivo e o pronome adjetivo concordam em gênero e número com o substantivo a que se referem. Ex.: Aqueles dois jornais (subst.)

Leia mais

Inglês Técnico Instrumental

Inglês Técnico Instrumental Inglês Técnico Instrumental Aula 3 Inglês Técnico Instrumental - Aula 3 1 Objectives Utilizar corretamente o uso dos pronomes demonstrativos e os artigos definidos e indefinidos. Compreender a estrutura

Leia mais

Produção e produtividade lexical em José Cândido de Carvalho

Produção e produtividade lexical em José Cândido de Carvalho Davi Oliveira do Nascimento Produção e produtividade lexical em José Cândido de Carvalho Dissertação de Mestrado Dissertação de Mestrado apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS Todos os conhecimentos das aulas anteriores são imprescindíveis para atingir os objetivos propostos nesta disciplina.

PRÉ-REQUISITOS Todos os conhecimentos das aulas anteriores são imprescindíveis para atingir os objetivos propostos nesta disciplina. FORMAÇÃO DE PALAVRAS WORD BUILDING META Aprender as várias formas de derivação das palavras em inglês, as quais ocupam um lugar importante na linguagem (escrita) técnica e científi ca. OBJETIVOS Ao final

Leia mais

INGLÊS MÓDULO 4. Pronomes Pessoais, Objetos, Reflexivos, Possessivos, Adjetivos Possessivos. Professor Antonio Donizeti

INGLÊS MÓDULO 4. Pronomes Pessoais, Objetos, Reflexivos, Possessivos, Adjetivos Possessivos. Professor Antonio Donizeti INGLÊS Professor Antonio Donizeti MÓDULO 4 Pronomes Pessoais, Objetos, Reflexivos, Possessivos, Adjetivos Possessivos PRONOMES SUJEITOS (SUBJECT PRONOUNS) Os Pronomes Sujeitos (Subject Pronouns) são usados

Leia mais

EDITAL N 02/2015/COEXT CURSO DE EXTENSÃO PROFICIÊNCIA LEITORA EM INGLÊS

EDITAL N 02/2015/COEXT CURSO DE EXTENSÃO PROFICIÊNCIA LEITORA EM INGLÊS O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, Campus Limoeiro do Norte, torna pública a abertura do Edital para seleção de 20 candidatos da comunidade externa e da comunidade interna

Leia mais

Conteúdos. Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir)

Conteúdos. Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir) Conteúdos Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir) Habilidades Usar adequadamente o Imperativo na forma negativa Identificar e utilizar apropriadamente o verbo Have (ter, possuir) PAUTA DO

Leia mais

MATRIZ DE AVALIAÇÃO DE LEITURA

MATRIZ DE AVALIAÇÃO DE LEITURA MATRIZ DE AVALIAÇÃO DE LEITURA A avaliação de leitura foi o foco das edições de 2000 e 2009 do PISA. Não ocorreram grandes alterações na matriz de avaliação para a edição de 2012, basicamente foi incluída

Leia mais

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português 1 Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português A partir do momento que você souber de cor a função de cada peça do nosso jogo de dominó, você não terá mais problemas para formular frases,

Leia mais

Escola: Nome: Nº: Turma:

Escola: Nome: Nº: Turma: Escola: Nome: Nº: Turma: Skimming e scanning Skimming e scanning são duas técnicas de leitura de textos. Utilizamos frequentemente estas duas técnicas em conjunto para poupar tempo na identificação, localização

Leia mais

PROJETO ATUALIDADE EM FOCO

PROJETO ATUALIDADE EM FOCO Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha PRODUÇÃO TEXTUAL Nº3 ENTREGA: 17/ 03/ 2016 2º Ano do Ensino Médio Nome do aluno: Professor (a): DISCIPLINA:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec: Professor Mário Antônio Verza Código: 164 Município: Palmital Eixo Tecnológico: Gestão de Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Logística Qualificação:

Leia mais