Associados do SINDEHOTÉIS podem retirar Kit de Material Escolar na sede do Sindicato

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Associados do SINDEHOTÉIS podem retirar Kit de Material Escolar na sede do Sindicato"

Transcrição

1 Filiado a Ano VIII - 91ª Edição - Fevereiro/2013 Jornal do Nosso Sindicato Fundado em 03/10/1938 Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro, Meios de Hospedagem e Gastronomia de Curitiba e Região Rua Voluntários da Pátria, nº º andar - CEP: Curitiba / PR - Fone (41) Fax (41) Após 5 meses de negociação, SINDEHOTÉIS fecha Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013 Associados do SINDEHOTÉIS podem retirar Kit de Material Escolar na sede do Sindicato Associados, com mais de seis meses de filiação e com a mensalidade em dia, têm o direito de receber o kit. Mas é preciso apresentar a carteirinha de associado e comprovante de matrícula de Veja na pág.04! Com a união dos associados e a persistência dos diretores do SINDEHOTÉIS, o seu Sindicato conseguiu negociar o maior aumento salarial para os trabalhadores do setor hoteleiro e gastronômico! Conquista daqueles que acreditam na força do seu Sindicato! Saiba mais na página 05! Prepare-se para o Carnaval! Carnaval é tempo de alegria e diversão! Esse é o momento de deixar fluir a fantasia e imaginação. É a brincadeira do faz de conta! Mas cuidado, pois nesse período aumenta o consumo de álcool, crescem o número de veículos nas rodovias e, por consequência, os acidentes provocando mortes e ferimentos. Como medida preventiva a melhor recomendação é prudência em todos os sentidos! Profissionais qualificados têm mais oportunidades no mercado de trabalho Coordenadora dos cursos do IPPA fala sobre as oportunidades que estão surgindo no mercado de trabalho com os grandes eventos que estão por vir como a Copa do Mundo e as Olimpíadas! Saiba mais na página 03! Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado. (Roberto Shinyashiki)

2 02 editorial Nestes últimos meses, os diretores do SINDEHOTÉIS passaram dias a fio negociando o Reajuste Salarial para a nossa categoria. Após cinco meses de exaustivas reuniões, tivemos conquista! Além das garantias e benefícios trabalhistas, conseguimos um aumento real, ou seja, conseguimos um reajuste além da inflação do período. Esse reajuste pode parecer muito pouco, pois não é, trabalhador! Fizemos um comparativo com os reajustes dos últimos anos e, como vocês poderão observar na página 05 deste informativo, este foi o maior aumento que tivemos nos últimos anos! Mas depois de conseguirmos esse aumento, impulsionados por nossos associados, vemos todos os trabalhadores da categoria receberem o mesmo reajuste! Até mesmo aqueles que não acreditam no trabalho do Sindicato! Pois acredito que esse reajuste, fruto de muita insistência dos diretores do SINDEHOTÉIS, deveria beneficiar apenas os associados do Sindicato, trabalhadores que acreditam em nossa força e nos incentivam em nossas batalhas! Muitos não sabem, mas os Sindicatos têm grande importância na vida dos trabalhadores, é aqui que os direitos e garantias são negociados para a categoria. O Sindicato é a casa do trabalhador, o local onde ele encontra abrigo nas horas de dificuldades e não há como negar o papel vital que essas entidades desempenham na sociedade, ainda mais quando os trabalhadores participam. Enfim, o Sindicato não existe por acaso, tem uma importância vital na vida do trabalhador, um Sindicato onde existe a união da categoria, com certeza trará melhores condições de vida e de trabalho a todos os associados, portanto você trabalhador, venha para o SINDEHOTÉIS, participe das assembleias, negociações, leve ao seu Sindicato sua contribuição, pois dessa forma, com certeza, você estará acreditando e contribuindo com o seu Sindicato! Um Sindicato lutador, só se faz através de uma base lutadora. Em uma base sólida edifica-se um Sindicato fortalecido. Então, quando ouvir um companheiro dizer que seu Sindicato não faz nada, pergunte o que faz ele por seus iguais? Nenhum de nós é tão forte quanto todos nós juntos. Luís Alberto dos Santos Presidente do SINDEHOTÉIS expediente SINDEHOTÉIS - Rua Voluntários da Pátria, nº º andar. Curitiba/PR - Fone: (41) Fax: (41) Circulação dirigida aos trabalhadores do comércio hoteleiro, meios de hospedagem e gastronomia de Curitiba e Região. Site: - Impressão: Hellograff Filiado a FETHEPAR - CONTRATUH - NCST Jornalista Responsável: Tatiana Farhat - DRT 5706/PR Diagramação: Tatiana Farhat / Tiragem: 6 mil exemplares FETHEPAR Ano VIII - 91ª Edição Eu Salário: É hora de Refletir! Os Sindicatos existem no Brasil, graças aos esforços de dirigentes, que embora enfrentem resistências vindas de todos os lados, eles estão aí, e todos os anos por meio de negociação com os patrões, conseguem levar benefícios para todos os trabalhadores da categoria. O governo tenta com algumas ações políticas desestabilizar os Sindicatos, procurando dar mais forças para as Centrais Sindicais, que em nosso entendimento, só devem tratar das grandes questões nacionais. O Legislativo com atitudes inesperadas de alguns de seus membros, apresentam propostas que enfraquecem ainda mais as entidades representantes dos trabalhadores. Dizemos isto, em virtude dos últimos acontecimentos relacionados com as contribuições sindicais, onde tentou-se acabar com as mesmas. Porém, com a atuação firme dos dirigentes sindicais no Congresso Nacional, foi possível reverter a situação e as contribuições continuam sendo obrigatórias. Os trabalhadores devem ficar atentos Os trabalhadores devem ficar atentos, porque se o seu Sindicato não tiver arrecadação da contribuição, ele vai acabar, e aí, você não terá mais as convenções coletivas que garantem reajustes salariais, vale transporte com valor reduzido, adicional de horas extras, e outros benefícios para a categoria. Não tendo Sindicato, você passa ganhar o salário mínimo do governo, essa verdadeira miséria que não sustenta nem mesmo uma única pessoa. Por tudo isso, seja um aliado do seu Sindicato, para que você não tenha futuros prejuízos que acarretem em perda do seu poder aquisitivo, o que pode ocorrer até mesmo com a redução da compra de alimentos para sua família. A contribuição descontada de seu salário tem como finalidade a manutenção das negociações salariais, os serviços jurídicos, médicos e outros benefícios que contribuem para que a classe que o Sindicato represente tenha uma vida mais digna, por isso a necessidade de refletir. Em caso de dúvida, procure o seu Sindicato! Wilson Pereira Presidente da FETHEPAR

3 Ano VIII - 91ª Edição Profissionais especializados têm mais oportunidades de emprego Manter -se atualizado no mercado de trabalho é a diferença que os profissionais podem ter para permanecerem a frente dos demais concorrentes Nos dias de hoje, a profissionalização tem sido bastante valorizada no mercado de trabalho, principalmente no Brasil que, notadamente, passa por uma reestruturação de conceitos, ideias e que cresce para ser, em alguns anos, um dos principais países do mundo. Teremos em breve grandes eventos no Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas e essas são as grandes oportunidades que os trabalhadores têm para entrarem no setor hoteleiro e gastronômico, que são as áreas que vão precisar de grande mão de obra para atender a demanda que está por vir, comenta a coordenadora de cursos do IPPA, Michele Donat. A qualificação deve ser vista como fator determinante ao futuro daqueles que buscam uma melhor colocação no mercado de trabalho ou para aqueles que alimentam chances de crescimento nas empresas. O profissional, tanto aquele que ingressa no mercado de trabalho, quanto aquele que almeja uma promoção em seu setor de atuação, deve ter em mente que o sucesso é fruto da evolução profissional. Então, manter-se atualizado no mercado de trabalho é a diferença que os profissionais podem ter para permanecerem a frente dos demais concorrentes. O IPPA pode ajudar os trabalhadores na sua profissionalização,explica Michele que ainda faz uma lista dos cursos oferecidos: Temos cursos de inglês, espanhol, informática, digitação,recepcionista para meios de hospedagem,básico de vinhos, garçom, barman, higiene e manipulação de alimentos, assistente de cozinha,saladeira, cozinha sustentável, governança e camareira. Nossos cursos estão a disposição dos profissionais que já trabalham na área e querem se especializar e daqueles que almejam entrar no mercado de trabalho do setor hoteleiro e gastronômico. Saiba sobre os cursos do Instituto Profissionalizante Paraná Aliança A cada mês você vai conhecer os cursos oferecidos pelo IPPA. Analise o curso do seu interesse e participe! Curso de Recepcionista: O principal objetivo do curso é capacitar o profissional para oferecer ao cliente um serviço diferenciado e um atendimento personalizado ao recepcioná-lo e atendê-lo. A recepção, além de ser porta de entrada para o cliente, é o setor que acompanha sua estada, atendendo e encaminhando suas solicitações e encerrando sua hospedagem. Curso de Informática: O mercado de trabalho está cada vez mais exigente e buscando profissionais qualificados, por isso, o curso de informática é indispensável para quem quer uma oportunidade de emprego nos dias de hoje. No IPPA, o curso de informática tem carga horária de 65h e aborda: Windows, Word, Excel, Power Point e Internet Explorer. Curso de Digitação: É preciso dar atenção especial ao curso de digitação, pois este se tornou essencial, já que a informática está interligando o mundo de forma rápida e significativa, por isso é preciso que o profissional tenha conhecimentos básicos de computação. Neste curso, os alunos aprendem as técnicas para redigir corretamente um texto, a postura correta do corpo e dos pulsos ante o teclado. Informações sobre os cursos do IPPA, ligue para (41) / (41) ou vá até a sede do IPPA na Rua Voluntários da Pátria nº 233, 15º andar! Inscrições Abertas 03 IPPA abre inscrições para curso de Inglês com ênfase em hotelaria Para dar início aos cursos de 2013, o Instituto Profissionalizante Paraná Aliança (IPPA) abre as inscrições para o curso de Inglês para Profissionais de Hospedagem e Gastronomia. Garçons, atendentes, camareiras, mensageiros, recepcionistas, entre outros profissionais sentem a necessidade do aprendizado de um segundo idioma pois estão em contato direto com os turistas. Pensando nisso o IPPA criou um curso de inglês específico para os trabalhadores da categoria, com objetivo de dar uma noção básica do idioma através de aulas dinâmicas, material e conteúdo especialmente desenvolvido e voltado à realidade desses profissionais. O curso de Inglês para Profissionais de Hospedagem e Gastronomia tem como principal objetivo abordar os termos técnicos da categoria para os profissionais do setor hoteleiro e gastronômico. O Brasil vem ganhando cada vez mais espaço no cenário internacional. Esta nova realidade acaba atraindo muitos estrangeiros, o que abre a necessidade de aprendermos um segundo idioma. Sabemos ainda que esta tendência fica ainda mais forte com a proximidade dos eventos esportivos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, pois haverá a necessidade de atender a grande demanda de turistas vindos de todo o planeta. E a área de serviços, com os restaurantes e hotéis será uma das mais requisitadas neste sentido, explica a coordenadora dos cursos do IPPA, Michele Donat.

4 04 Ano Ano VIII V - 60ª 91ª Edição Empregada que descobriu gravidez após dispensa receberá indenização O desconhecimento do estado de gravidez pelo empregador não afasta o direito da gestante à estabilidade provisória. Esse é o entendimento da 7ª Turma do TST para dar recurso a uma empregada que engravidou durante o aviso prévio, mas apenas obteve a confirmação um mês após o fim desse período. O Tribunal Superior lembrou que mesmo a confirmação da gravidez ocorrendo após a dispensa, a gestante faz jus à estabilidade. A trabalhadora foi avisada da dispensa em 4 de setembro de 2008, dia em que iniciou o aviso prévio, que se estendeu até o dia 3 de outubro de Um mês após o término do contrato de trabalho, foi constatada a gravidez de 11 semanas. Como a concepção ocorreu na vigência do contrato, a gestante pleiteou, na justiça, sua reintegração ou indenização. As duas instâncias concluíram que a dispensa não foi arbitrária e não teve o objetivo de impedir o direito à garantia de emprego da gestante. No caso, o empregador não tem como ser responsabilizado se a empregada não o avisa que está grávida. Na data da dispensa não havia qualquer óbice à rescisão contratual, pois naquele momento não estava comprovada a gravidez, se é que a trabalhadora já estava grávida, concluiu o Regional. Inconformada, a empregada recorreu ao TST. A relatora do processo, ministra Delaíde Miranda Arantes, entendeu que ficou demonstrado nos autos que o início da gravidez ocorreu durante o cumprimento do aviso prévio, o qual integra o contrato de trabalho para todos os efeitos legais, dentre os quais a estabilidade provisória da gestante. A relatora ainda destacou que o direito da gestante à estabilidade provisória independe da comunicação ao empregador ou do conhecimento deste ou da própria gestante para ser usufruído. A jurisprudência desta Corte já se posicionou no sentido de que, ainda que a confirmação da gravidez aconteça após a dispensa da empregada, e mesmo que o empregador não tenha ciência do estado gravídico, esta faz jus à estabilidade gestacional desde que a concepção tenha ocorrido na vigência do contrato de trabalho, concluiu a magistrada. Fonte: Notícias do TST Associados e dependentes recebem Kit de Material Escolar Desde o dia 14 de janeiro, os associados podem retirar seu kit de material escolar na sede do SINDEHOTÉIS, localizado à rua Voluntários da Pátria, nª º andar José Petri diretor tesoureiro do SINDEHOTÉIS entrega Kit de Material Escolar para a associada Patrícia Faria Todos os associados do SINDEHOTÉIS, com mais de seis meses de filiação e com a mensalidade em dia, têm o direito de receber kit de material escolar. Os materiais são distribuídos para associados que continuam estudando e para seus dependentes (filhos com até 18 anos). Para receber o kit, o associado deve comparecer à secretaria do Sindicato, na Rua Voluntários da Pátria, nº º andar, até o dia 15 de março, com a carteirinha de associado e comprovante de matrícula de 2013 em mãos. O kit escolar do SINDEHOTÉIS vem com cadernos, canetas, borracha, régua, lápis de cor e uma pasta escolar. Patrícia Faria é associada do Sindicato há 8 meses e pegou o kit de material escolar pela primeira vez para os três filhos que ainda estão estudando. A qualidade dos materiais é muito boa e com essa economia que estamos fazendo, podemos comprar tênis, lancheira e outras coisas básicas para as crianças poderem ir para a escola, afirma. Segundo o presidente do Sindicato, o material representa uma economia significativa nos gastos do trabalhador e com essa iniciativa, o Sindicato tem certeza que sua contribuição não se resume apenas para garantir seus direitos trabalhistas, mas também incentivar o estudo e o aprendizado de seus associados. O Sindicato também estimula o estudo porque sabe o quanto ele é importante para a vida profissional e pessoal de qualquer pessoa, conclui Luís Alberto dos Santos. Sub-sede SINDEHOTÉIS em São José dos Pinhais Para garantir a comodidade dos trabalhadores do setor hoteleiro e gastronômico, desde o mês de janeiro, o SINDEHOTÉIS conta com uma sub-sede em São José dos Pinhais. Os atendimentos jurídicos e de homologação feitos na sede em Curitiba agora também podem ser feitos na sub-sede em São José dos Pinhais. Precisamos disponibilizar o melhor atendimento para os nossos associados, assim, essa sub-sede facilita a vida dos trabalhadores da região que antes precisavam sair de suas cidades para serem atendidos na sede em Curitiba, explica o presidente do SINDEHOTÉIS, Luís Alberto dos Santos. A sub-sede do Sindicato em São José dos Pinhais está localizada no Edifício Shopping Celli, na Rua XV de Novembro, nº º andar, sala 21 e o atendimento é feito de segunda a sexta, das 8h30 às 12h e das 13h às 17h30. Mas não esqueça de agendar seu atendimento pelo telefone (41)

5 Ano VIII - 91ª Edição Após 5 meses de Negociação Salarial com Sindicato Patronal, SINDEHOTÉIS fecha Convenção Coletiva de Trabalho Com esforço e dedicação, os diretores do SINDEHOTÉIS conseguiram o maior reajuste salarial que a categoria do setor hoteleiro e gastronômico já recebeu nos últimos anos! Desde setembro de 2012, os diretores do SINDEHOTÉIS mantém constantes reuniões, com o Sindicato Patronal, para firmar a negociação salarial dos trabalhadores do setor hoteleiro e gastronômico, sempre em busca de melhores condições de trabalho e salário. Após exaustivas reuniões de negociações, foi firmada a Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013, que estabelece algumas obrigações aos empregadores, entre as quais destacamos as seguintes: - Piso Salarial de R$ 798,00 a partir de 01/10/2012; - Reajuste de 7,68% sobre os salários devidos em 01/10/2012; - Vale transporte com desconto de 5% incidente sobre o salário base dos dias efetivamente trabalhados; - Adicional de 60% para horas extras; - Estabilidade de 60 dias após a licença previdenciária para as gestantes. Atenção Trabalhador: As diferenças salariais dos meses de outubro, novembro e dezembro, além do 13º salário de 2012 e férias concedidas neste período, são retroativas, ou seja, se você não recebeu essas diferenças salariais até o dia 06 de fevereiro, procure o seu Sindicato para fazer valer os nossos direitos já conquistados! Confira a evolução dos Salários da categoria de 2005 a 2013 A cada ano, através de diálogo e negociação com o Sindicato Patronal, o SINDEHOTÉIS vem conquistando melhorias salariais para os trabalhadores do setor hoteleiro e gastronômico Ano - Piso Salarial 2012/ R$ 798, / R$ 698, / R$ 610, / R$ 549, / R$ 509, / R$ 470, / R$ 445, / R$ 418,00 Associe-se ao SINDEHOTÉIS A sindicalização é fundamental pois é o sindicato que defende e negocia os direitos trabalhistas. O associado investe em melhores condições de trabalho e qualidade de vida para toda a sua família! Faça parte do SINDEHOTÉIS e do Instituto Profissionalizante Paraná Aliança (IPPA) e tenha acesso aos cursos de qualificação além de material escolar, assistência odontológica, convênios médicos e laboratoriais. Informações: (41) R$ 100,00 R$ 25,00 R$ 39,00 R$ 27,00 R$ 26,00 R$ 40,00 R$ 61,00 R$ 88,00 Atendimento Jurídico O setor jurídico do SINDEHOTÉIS também presta atendimento na área previdenciária, como a contagem de tempo para fins de aposentadoria e assuntos relacionados a benefícios de auxílio doença, pensão por morte, etc. Por isso, se você trabalhou antes de 1991 na área rural, esse período poderá ser contado como tempo de contribuição, independentemente de você ter contribuído para a Previdência. Jurídico A Intangibilidade do Salário 05 O salário do trabalhador é um bem que tem natureza salarial e goza de proteção em nossa legislação. E essa proteção se justifica. Ninguém colocaria sua força de trabalho à disposição de outra pessoa, se não fosse por necessidade. A Constituição Federal diz que é direito do trabalhador a proteção do salário na forma da lei, constituindo crime sua retenção dolosa. Ocorrendo uma retenção dolosa, isso se constituirá em crime. Ocorre que ainda não existe uma legislação ordinária com relação à essa tipificação penal. Porém, isso não significa que o trabalhador está desprotegido quanto a essa retenção dolosa. Parece-nos, como também entendem outros, que essa retenção poderia ser interpretada como crime de apropriação indébita. Ainda, em razão da grave perturbação na vida do trabalhador que pode causar o não pagamento de seus salários (com reflexos inclusive na sociedade) também seria pertinente uma ação de indenização por danos morais. Fato também que tem nos chamado a Atenção, e que é pertinente a essa matéria, é a prática das empresas em efetuar o pagamento dos empregados em conta corrente comum de bancos, porque o salário deve ser pago diretamente ao empregado ou em uma conta-salário. E o que tem acontecido é que quando o empregador tem uma dívida com o banco e o empregador faz o depósito na conta, automaticamente o banco vai subtrair o valor diretamente na conta do trabalhador, o que é ilegal. Entendemos que, isso ocorrendo, a culpa é do empregador e do banco pois, salário, é quase um dinheiro sagrado, de caráter alimentar e se sobrepõe a qualquer outro direito, mesmo o direito de cobrança do banco-credor. O banco para ver satisfeito o seu crédito, deve buscar os meios ordinários de cobranças e não simplesmente se apoderar o salário do trabalhador. O Código de Processo Civil em seu artigo 649 diz que são absolutamente impenhoráveis, os vencimentos, subsídios, soldos, salários, remunerações, proventos de aposentadoria, pensões, pecúlios e montepios; as quantias recebidas por liberalidade de terceiro e destinadas ao sustento do devedor e sua família, os ganhos de trabalhador autônomo e os honorários de profissional liberal, observado o disposto no 3o deste artigo ; (inciso IV). Edson Massaro Postalli Assessor Jurídico do SINDEHOTÉIS

6 06 04 Convênio SINDEHOTÉIS Hospital Menino Deus O SINDEHOTÉIS também conta com a parceria do Hospital Menino Deus! O atendimento feito na Visconde de Guarapuava oferece serviços 24 horas para crianças e adolescentes, internações clínicas e cirúrgicas, serviços de diagnósticos complementares. Já a unidade da Sete de Abril atende consultas com hora marcada tanto em pediatria geral como especialidades. Hospital Menino Deus Rua Visconde de Guarapuava, nº 355 Fone: (41) Rua Sete de Abril, nº 763 Fone: (41) Convênio SINDEHOTÉIS Odonto Terceiro Milênio A Odonto Terceiro Milênio é uma empresa genuinamente paranaense, que oferece melhor tecnologia existente no mercado atual em tratamentos dentários. Com uma equipe de profissionais especializados em vários procedimentos odontológicos. Marque uma visita e saiba quais são as condições especiais para associados do SINDEHOTÉIS e seus dependentes. Odonto Terceiro Milênio Rua Cruz Machado, nº 375 Telefone: (41) Instituto Profissionalizante Paraná Aliança Atenção Trabalhadores: o IPPA oferece cursos de qualificação e requalificação da mão-de-obra dos trabalhadores ligados a área de hospedagem e gastronomia e também as pessoas que se interessam em ingressar neste ramo. A partir da Convenção de Trabalho 2011/2012, os trabalhadores que fizerem um curso de qualificação profissional pelo SINDEHOTÉIS / IPPA ou pelo Sindicato Patronal têm garantido um adicional de 2% sobre o seu salário base! Se você busca novas oportunidades, venha para o IPPA! INGLÊS, ESPANHOL, INFORMÁTICA, DIGITAÇÃO,RECEPCIONISTA PARA MEIOS DE HOSPEDAGEM,BÁSICO DE VINHOS, GARÇOM, BARMAN, HIGIENE E MANIPULAÇÃO DE ALIMENTOS, ASSISTENTE DE COZINHA,SALADEIRA, COZINHA SUSTENTÁVEL, GOVERNANÇA E CAMAREIRA Instituto Profissionalizante Paraná Aliança IPPA Rua Voluntários da Pátria nº 233, 15º andar Inscrições e Informações: (41) / (41) Ano Ano VIII V - 60ª 91ª Edição Convênios SINDEHOTÉIS Clínico Geral: Dr. Edmilson Mário Fabri Fone: (41) Pediatria: Dra. Marina Cortes Del Grossi Fone: (41) Ginecologia: Dra. Malu Dolinski Fone: (41) Odontopediatria: Dra. Ana Cristina Farah Fone: (41) Psicologia: Dr. Geraldo Magalhães Fone: (41) / (41) Acesso Saúde - Curitiba/Colombo Fone: / (41) Hospital Menino Deus Fone: (41) / (41) Centro Diagnóstico Bom Jesus - Fone: Clifame - Área de Saúde - Fone: (41) Clínica de Ortodontia Ortotal - Fone: Clínica de Olhos - Fone: (41) Clínica de Fisioterapia Estética e Acupuntura Dra. Vanessa - Fone: (41) Clínica Odonto Terceiro Milênio Fone / (41) Doença da Pele, Cabelos, Unhas, Cosmiatria e Estética: Dra. Emmanuelle Bertoldi Fone: (41) / (41) Instituto Forlanini - Fone: / Padrão Serviços Radiológicos - Fone: Abril Ecografia - Fone: / PR Análise - Fone: (41) Ótica Barão - Fone: (41) Auto-Escola Cristo Rei - Fone: (41) Assistência Jurídica Trabalhista Consultas Gratuitas - Fone: (41) Essenciale Consultoria e Corretora de Seguros Fone: (41) Grupo Uninter (Facinter) Fone: (41) Associados com mais de 6 meses de filiação recebem auxílio material escolar para filhos até 18 anos Diretor Presidente: Luís Alberto dos Santos; Diretor Vice Presidente: Moacyr Roberto Tesch Auersvald; Diretor Tesoureiro: José Ademir Petri; Diretor Secretário: Raphael Estevam da Silva Auerswald; Diretor de Assuntos Jurídicos: Claudeir Aparecido Albunio; Diretor de Aposentados, Pensionistas e Seguridade Social: Cláudio Tomasini; Diretora da Juventude da Mulher, do Idoso de Gênero e Igualdade Racial: Margarida Maria Pereira; Conselho Fiscal Efetivo: Gilmar Ruppel Veiga, Jurema dos Santos, Angenor da Silva; Conselho Fiscal Suplente: Sidnei do Prado, Elon Pires Soares, Avelino Ferreira da Silva; Suplente de Diretoria: Terezinha Gonçalves Xoteslem, Dinalberto Cunha, Oswaldo de Souza, Sirlei Cerino da Luz Ribeiro, Nerci Francisco Trindade, Carlos Cesar Freitas Ferreira.

Nova diretoria da CONTRATUH toma posse na presença de diretores do SINDEHOTÉIS

Nova diretoria da CONTRATUH toma posse na presença de diretores do SINDEHOTÉIS www.sindehoteis.org.br sindehoteis@sindehoteis.org.br Filiado a Ano VIII - 90ª Edição - Janeiro/2013 Jornal do Nosso Sindicato Fundado em 03/10/1938 Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro, Meios

Leia mais

Diretores do SINDEHOTÉIS participam de Workshop da CONTRATUH na região Sul

Diretores do SINDEHOTÉIS participam de Workshop da CONTRATUH na região Sul www.sindehoteis.org.br sindehoteis@sindehoteis.org.br Filiado a Ano VIII - 94ª Edição - Maio/2013 Fundado em 03/10/1938 Jornal do Nosso Sindicato Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro, Meios

Leia mais

Presidente e funcionárias do SINDEHOTÉIS participam do 7º Seminário Viver Mulher

Presidente e funcionárias do SINDEHOTÉIS participam do 7º Seminário Viver Mulher www.sindehoteis.org.br sindehoteis@sindehoteis.org.br Filiado a Ano VIII - 93ª Edição - Abril/2013 Jornal do Nosso Sindicato Fundado em 03/10/1938 Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro, Meios

Leia mais

Depois da Copa é preciso pensar no voto

Depois da Copa é preciso pensar no voto FILIADO A CURITIBA, JULHO DE 2014 - ANO IX - 108ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Depois da Copa é preciso pensar no voto Notícias temperadas Mais um espaço se abre no nosso Jornal Sindehotéis. Trata-se de

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Page 1 of 6 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001702/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR014964/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.006002/2013-41

Leia mais

PARÁGRAFO ÚNICO PARÁGRAFO PRIMEIRO

PARÁGRAFO ÚNICO PARÁGRAFO PRIMEIRO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA PERANTE O EXMO. DR. DELEGADO REGIONAL DO TRABALHO QUE ENTRE SI FAZEM O SINDICATO DOS AUXILIARES DE ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, LOCALIZADO À

Leia mais

Sindehotéis e Universidade Positivo integrados

Sindehotéis e Universidade Positivo integrados FILIADO A CURITIBA, - ANO X - 113ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Sindehotéis e Universidade Positivo integrados Drinks e brindes ao Fim de Ano Os profissionais de turismo e gastronomia tiveram uma preparação

Leia mais

Carência para o recebimento do benefício pensão por morte?

Carência para o recebimento do benefício pensão por morte? 1 Carência para o recebimento do benefício pensão por morte? A MP 664 de dezembro de 2014 previu uma carência de 24 meses para a obtenção do benefício pensão por morte. Depois de muita discussão no Congresso

Leia mais

Querem acabar com a gorjeta em Curitiba

Querem acabar com a gorjeta em Curitiba FILIADO A CURITIBA, ABRIL DE 2014 - ANO IX - 105ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Querem acabar com a gorjeta em Curitiba Já são 7 anos Faz sete anos que o Sindehotéis está em sua nova sede, na rua Voluntários

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005 S A N T U R

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005 S A N T U R ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005 S A N T U R Termo de Acordo Coletivo de Trabalho, que entre si celebram o SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE ASSESSORAMENTO, PERÍCIA, PESQUISA E INFORMAÇÕES

Leia mais

Taxa de serviço vai incorporar aos salários

Taxa de serviço vai incorporar aos salários FILIADO A Curitiba, junho de 2013 - Ano VIII - 95ª Edição - Circulação Dirigida Taxa de serviço vai incorporar aos salários Incorporar a taxa de serviço ao salário do trabalhador tem sido uma reivindicação

Leia mais

Caro colega. Gustavo Moreno Frias Diretor de Saúde

Caro colega. Gustavo Moreno Frias Diretor de Saúde Caro colega Nesta Cartilha estão as principais perguntas sobre LER, CAT e Direitos, que os bancários fazem seja por telefone ou contato direto no local de trabalho. É um verdadeiro guia rápido e contou

Leia mais

Empresário firma convênio de valorização

Empresário firma convênio de valorização FILIADO A CURITIBA, MARÇO DE 2014 - ANO IX - 104ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Empresário firma convênio de valorização Dia da mulher lembrado neste edição Sempre com excelência profissional a mulher é

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO SUSCITANTE: SINDICATO DOS PSICÓLOGOS NO ESTADO DE SÃO PAULO - SINPSI-SP, Entidade Sindical Profissional, com registro no MTb sob nº012.228.026.60-5 e inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

Escola de Gestão Pública de Palmas em novas instalações

Escola de Gestão Pública de Palmas em novas instalações Nº 08/2012 Av. Teotônio Segurado, Quadra 401 Sul, ACSU-SO 40, conjunto 1, Lote 17, 1º andar (prédio do antigo Sine) Escola de Gestão Pública de Palmas em novas instalações Diante da crescente procura por

Leia mais

Data-Base 1º de maio de 2015

Data-Base 1º de maio de 2015 PRÉ-PAUTA DE REIVINDICAÇÕES 2015 Data-Base 1º de maio de 2015 Pré-Pauta de Reivindicações 2015 Agroindústrias do setor de carnes e leite, Cooperativas Agropecuárias, Clinicas Veterinárias, Laboratórios

Leia mais

15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA

15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA 15 - BASES DE INCIDÊNCIA E NÃO INCIDÊNCIA 15.1 - Integram a remuneração para fins de cálculos dos valores devidos à Previdência Social e a serem recolhidos para o FGTS, dentre outras, as seguintes parcelas:

Leia mais

Ex-funcionários do Madero podem perder prazo

Ex-funcionários do Madero podem perder prazo FILIADO A Nossa categoria vai depender da tua votação nas eleições. Será que você votou consciente? CURITIBA, OUTUBRO DE 2014 - ANO X - 111ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Ex-funcionários do Madero podem

Leia mais

CLÁUSULA TERCEIRA VALE TRANSPORTE

CLÁUSULA TERCEIRA VALE TRANSPORTE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2005/2006 PELO PRESENTE INSTRUMENTO DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO DE UM LADO O SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE RÁDIODIFUSÃO DO ESTADO DO PARANÁ, A SEGUIR DENOMINADO

Leia mais

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu:

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: Art. 8º É livre a associação profissional ou sindical, observado o seguinte: Art. 37º... VI - é garantido ao servidor público civil o direito à livre associação

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 1/5 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, DE ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL, NO ESTADO DO PARANÁ SENALBA/PR, CNPJ 75.992.446/0001-49,

Leia mais

Mulher se destaca no mercado de trabalho

Mulher se destaca no mercado de trabalho FILIADO A CURITIBA, MARÇO DE 2015 - ANO X - 116ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Mulher se destaca no mercado de trabalho Caren Daniel - RH e Financeiro Cintia Graciele - Assist. Adm. Adriane Aparecida -

Leia mais

http://www.lgncontabil.com.br/ Empregado aposentado - Rescisão do contrato de trabalho - Multa do FGTS

http://www.lgncontabil.com.br/ Empregado aposentado - Rescisão do contrato de trabalho - Multa do FGTS Empregado aposentado - Rescisão do contrato de trabalho - Multa do FGTS Sumário Introdução I - Contribuição previdenciária II - FGTS e demais verbas trabalhistas III - Rescisão contratual IV - Entendimentos

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000358/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 16/07/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR039171/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.001331/2014-04 DATA DO

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

012 - A indenização substitutiva da garantia de emprego da gestante detém clara natureza indenizatória, porquanto não visa a remunerar o dispêndio da

012 - A indenização substitutiva da garantia de emprego da gestante detém clara natureza indenizatória, porquanto não visa a remunerar o dispêndio da EMPREGADA GESTANTE Trabalho elaborado por IVALDO KUCZKOWSKI, advogado especialista em Direito Administrativo e Consultor de Tributos da Empresa AUDICONT Multisoluções. 001 A garantia de emprego à gestante

Leia mais

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR!

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! DATUSPREV INFORMATIVO CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! Quem já cumpriu 5 anos de contribuição pode solicitar o benefício de aposentadoria programada? Essas e mais informações pra você neste Informativo.

Leia mais

Greve mostra toda a intransigência patronal

Greve mostra toda a intransigência patronal FILIADO A CURITIBA, DEZEMBRO DE 2013 - ANO IX - 101ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA Greve mostra toda a intransigência patronal A mordaça foi a resposta dos patrões aos trabalhadores. Proibi-los de se manifestar

Leia mais

ACORDO COLETIVO 2008/2009

ACORDO COLETIVO 2008/2009 SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA E ATACADISTA DE VITÓRIA DA CONQUISTA ACORDO COLETIVO 2008/2009 SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO EM VITÓRIA DA CONQUISTA - BAHIA 01 DE MARÇO DE 2008 CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 Page 1 of 6 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RN000247/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR026524/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46217.003899/2011-49 DATA

Leia mais

1- CONTRATO DE TRABALHO

1- CONTRATO DE TRABALHO 1- CONTRATO DE TRABALHO 1.1 - ANOTAÇÕES NA CARTEIRA DE TRABALHO Quando o empregado é admitido - mesmo em contrato de experiência -, a empresa tem obrigatoriamente que fazer as anotações na carteira de

Leia mais

GRATIFICAÇÕES, ADICIONAIS, AUXÍLIOS E OUTROS

GRATIFICAÇÕES, ADICIONAIS, AUXÍLIOS E OUTROS ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG001902/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 03/05/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019390/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46236.000751/2012-13 DATA DO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 SINDICATO DOS TECNICOS EM SEGURANCA TRABALHO DO ESTADO DE MINAS GERAIS, CNPJ n. 25.578.642/0001-01, neste ato representado por seu Presidente, Sr. CLÁUDIO FERREIRA SANTOS;

Leia mais

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei.

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei. LEI Nº 599/2011 DISPÕE SOBRE AS CONSIGNAÇÕES EM FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEONARDO FARIAS ZAMPA, Prefeito Municipal de Novo São Joaquim MT faz saber

Leia mais

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO A OCB/TO é formada por cooperativas singulares, federações e centrais de todos os ramos. Pela Lei 5.764/71, ainda em vigor, todas

Leia mais

CARTILHA DO PLANO D FUNDAÇÃO DE SEGURIDADE SOCIAL BRASLIGHT

CARTILHA DO PLANO D FUNDAÇÃO DE SEGURIDADE SOCIAL BRASLIGHT CARTILHA DO PLANO D Cartilha - Plano D INTRODUÇÃO Você está recebendo a Cartilha do Plano D. Nela você encontrará um resumo das principais características do plano. O Plano D é um plano moderno e flexível

Leia mais

Plenária de Foz mostra preocupação sindical

Plenária de Foz mostra preocupação sindical FILIADO A CURITIBA, - ANO XI - 124ª EDIÇÃO - CIRCULAÇÃO DIRIGIDA REPRODUÇÃO Expresso está entre os garçons mais queridos MÁRCIO ANDRADE Plenária de Foz mostra preocupação sindical Nova Central reúne lideranças

Leia mais

Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico.

Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico. RESUMO INFORMATIVO SOBRE TRABALHO DOMÉSTICO Está em vigor a Lei Complementar n. 150, de 1º de junho de 2015, que dispõe sobre o trabalho doméstico. Lei Complementar n. 150/2015 Jul 2015 Este resumo informativo

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016 SIND DOS EMP VEN E VIAJ DO C P P V E VEN DE P FAR DO DF, CNPJ n. 00.449.181/0001-38, neste ato representado(a) por seu Presidente, Sr(a). MARIA APARECIDA ALVES

Leia mais

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas.

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. O Itaú quer estar presente em todos os momentos da sua vida. Por isso, criou este material para ajudar você com as

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 BR 101 Km 205 Barreiros São José SC 1 Data-base - Maio/2007 BR 101 Km 205 Barreiros São José SC 2 Pelo presente instrumento, de um lado a Centrais de Abastecimento

Leia mais

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INSS FGTS IR

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INSS FGTS IR Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS RUBRICAS INSS FGTS IR de qualquer natureza, salvo o de férias Sim. Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da CLT Abono pecuniário de férias Arts. 28, 9º, e, 6

Leia mais

PLANO DEMISSÃO VOLUNTÁRIA -NOSSA CAIXA

PLANO DEMISSÃO VOLUNTÁRIA -NOSSA CAIXA Sindicato dos Trabalhadores em Empresas do Ramo Financeiro do Grande ABC Rua Cel. Francisco Amaro, 87 - B. Casa Branca - Santo André CEP.: 09020-250 - Tel. ( 11 ) 4993-8299 Fax. ( 11 ) 4993-8290 CNPJ 43.339.597/0001-06

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: DF000311/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR020828/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46206.007783/2013-70

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR003213/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 30/07/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR041150/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.009124/2014-70 DATA

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2008/2009

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2008/2009 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2008/2009 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000433/2008 DATA DE REGISTRO NO MTE: 14/10/2008 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR015947/2008 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.032963/2008-13 DATA DO

Leia mais

Desde 2013, nove direitos já estavam valendo, como hora extra e jornada de trabalho de 8 horas diárias (veja mais detalhes abaixo).

Desde 2013, nove direitos já estavam valendo, como hora extra e jornada de trabalho de 8 horas diárias (veja mais detalhes abaixo). 02/06/2015 07h40 - Atualizado em 02/06/2015 13h01 Regulamentação dos direitos das domésticas é publicada Trabalhadoras terão adicional noturno, seguro-desemprego e mais 5 direitos. Emenda constitucional

Leia mais

Professor André Vieira. Direitos Sociais. Curso de Oficial de Justiça de 1º Instância 1

Professor André Vieira. Direitos Sociais. Curso de Oficial de Justiça de 1º Instância 1 Direitos Sociais 01. NÃO é considerado um direito social, expressamente previsto na Constituição Federal Brasileira de 1988, a: a) Segurança; b) Educação; c) Livre concorrência; d) Saúde. 02. Os que percebem

Leia mais

GUIA DA APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL FILIADO AO INSS

GUIA DA APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL FILIADO AO INSS GUIA DA APOSENTADORIA DO SERVIDOR MUNICIPAL FILIADO AO INSS Guia da Aposentadoria do Servidor Público: 1. A Aposentadoria do Servidor Público...03 2. Regras do INSS para concessão de aposentadoria...08

Leia mais

EXMO. SR. DR. JUIZ PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA SEGUNDA REGIÃO.

EXMO. SR. DR. JUIZ PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA SEGUNDA REGIÃO. EXMO. SR. DR. JUIZ PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA SEGUNDA REGIÃO. Processo TRT/SP no20308200600002004 O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE SÃO PAULO, Suscitante, e o SINDICATO DAS EMPRESAS

Leia mais

Associação Jaguariunense de Jovens Aprendizes

Associação Jaguariunense de Jovens Aprendizes O Questionário abaixo se destina à avaliação sócio-econômica cultural do candidato e, portanto, deve ser respondido com absoluta fidedignidade. Para isso, os candidatos poderão contar com o auxílio dos

Leia mais

CCT 2013/2015. Comparativo entre a atual Convenção Coletiva e a Pauta entregue pelo SINDPD-RJ em 31/07/2013

CCT 2013/2015. Comparativo entre a atual Convenção Coletiva e a Pauta entregue pelo SINDPD-RJ em 31/07/2013 CCT 2013/2015 Comparativo entre a atual Convenção Coletiva e a Pauta entregue pelo SINDPD-RJ em 31/07/2013 Vigência O SINDPD-RJ propõe que a Convenção Coletiva de Trabalho passe a ter vigência anual em

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS

INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS INSS/FGTS/IRRF TABELA DE INCIDÊNCIAS Abonos de qualquer natureza Evento Descrição INSS FGTS IRRF Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença Laboral Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005 GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA E POLIÍTICA RURAL - DAR CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO ESTADO DE SANTA CATARINA S.A - CEASA/SC ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2004/2005

Leia mais

SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO E O EMPREGADO

SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO E O EMPREGADO SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO E O EMPREGADO 1. Introdução Nos termos do art. 1º da Lei nº 4.375/64, o Serviço Militar consiste no exercício de atividades especiais desempenhadas nas Forças Armadas, ou seja

Leia mais

GESTÃO CONTÁBIL PARA CONDOMÍNIOS. FACILITADOR: José Martins Castelo Neto Contador CRC/CE nº. 19.235 Mestrando em Controladoria - UFC

GESTÃO CONTÁBIL PARA CONDOMÍNIOS. FACILITADOR: José Martins Castelo Neto Contador CRC/CE nº. 19.235 Mestrando em Controladoria - UFC CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DO CEARÁ CRC-CE CE GESTÃO CONTÁBIL PARA CONDOMÍNIOS FACILITADOR: José Martins Castelo Neto Contador CRC/CE nº. 19.235 Mestrando em Controladoria - UFC FORTALEZA-CE

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO Nº 19/2014 ANO XI (07 de julho de 2014)

BOLETIM INFORMATIVO Nº 19/2014 ANO XI (07 de julho de 2014) BOLETIM INFORMATIVO Nº 19/2014 ANO XI (07 de julho de 2014) 01. PIS E COFINS OPERADORAS DE PLANOS DE SAÚDE 23/06/2014 - Operadora de planos de saúde não deve contribuição sobre faturamento total dos planos

Leia mais

Dispensa Sem Justa Causa. Dispensa com Justa Causa. (**) Culpa Recíproca ou Força Maior. Rescisão Indireta. Pedido de Demissão

Dispensa Sem Justa Causa. Dispensa com Justa Causa. (**) Culpa Recíproca ou Força Maior. Rescisão Indireta. Pedido de Demissão RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO VERBAS RESCISÓRIAS (Antes de qualquer procedimento rescisório, importante ler os cuidados especiais ao final Verbas adicionais) Dispensa Sem Justa Causa AvisoPrévio Dispensa

Leia mais

GESTÃO DE CUSTOS E CONTROLES

GESTÃO DE CUSTOS E CONTROLES GESTÃO DE CUSTOS E CONTROLES No fascículo anterior tratamos da importância de desenvolver e treinar os profissionais que trabalham no consultório médico e o quanto são importantes para que a empresa seja

Leia mais

MANUAL DOS DIREITOS DOS COMERCIÁRIOS

MANUAL DOS DIREITOS DOS COMERCIÁRIOS 11. DIREITOS NA HORA DA DEMISSÃO É de fundamental importância saber quais os direitos dos trabalhadores na hora da rescisão do contrato de trabalho. Devese ter especial atenção no caso de demissões sem

Leia mais

TRABALHADORES DOMÉSTICOS

TRABALHADORES DOMÉSTICOS Trabalho realizado pela advogada dra. Marília Nascimento Minicucci, do escritório do conselheiro prof. Cássio de Mesquita Barros Júnior TRABALHADORES DOMÉSTICOS Foi publicado, no Diário Oficial da União

Leia mais

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. C/C Itaú. Quando e como receberei o meu benefício?

Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. C/C Itaú. Quando e como receberei o meu benefício? Aposentadoria do INSS. O Itaú explica para você como funciona e esclarece suas dúvidas. O Itaú quer estar presente em todos os momentos da sua vida. Por isso, criamos este material para ajudar você com

Leia mais

Programa de Participação dos Empregados em Lucros ou Resultados

Programa de Participação dos Empregados em Lucros ou Resultados Programa de Participação dos Empregados em Lucros ou Resultados Não integram o salário-de-contribuição para os fins desta Lei, exclusivamente: (...) j) a participação nos lucros ou resultados da empresa,

Leia mais

Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013

Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013 Departamento pessoal do Empregador doméstico PEC 66/2012 EC 72 /2013 A PEC n 66 de 2012 Veio com O OBJETIVO de alterar a redação do parágrafo único do art. 7º da Constituição Federal para estabelecer a

Leia mais

CARTILHA PARA EMPREGADORES E TRABALHADORES DIREITOS E DEVERES COM A PEC DAS DOMÉSTICAS

CARTILHA PARA EMPREGADORES E TRABALHADORES DIREITOS E DEVERES COM A PEC DAS DOMÉSTICAS DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DO EMPREGADOR DOMÉSTICO = MENOS DEMISSÕES E MAIS FORMALIDADE Dê seu voto em www.domesticalegal.org.br CARTILHA PARA EMPREGADORES E TRABALHADORES DIREITOS E DEVERES COM

Leia mais

Acerca da atividade sindical e das contribuições para o Sindicato

Acerca da atividade sindical e das contribuições para o Sindicato Acerca da atividade sindical e das contribuições para o Sindicato Muito se discute hoje acerca das contribuições compulsórias destinadas aos Sindicatos, em especial das contribuições assistencial e confederativa.

Leia mais

DISSÍDIO COLETIVO PROCESSO TRT/SP Nº 20280200500002004

DISSÍDIO COLETIVO PROCESSO TRT/SP Nº 20280200500002004 DISSÍDIO COLETIVO PROCESSO TRT/SP Nº 20280200500002004 PELO PRESENTE INSTRUMENTO E NA MELHOR FORMA DE DIREITO, DE UM LADO O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM CASAS DE DIVERSÕES DE SÃO PAULO E REGIÃO, ENTIDADE

Leia mais

ATO Nº 20/2011. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

ATO Nº 20/2011. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, ATO Nº 20/2011 Disciplina a concessão de licenças-médicas aos servidores em exercício neste Regional e dá outras providências. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO, no uso de suas

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências

INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências INSS/FGTS/IRRF - TABELA DE INCIDÊNCIAS Tabela de incidências Evento Descrição INSS FGTS IRRF Abonos de qualquer natureza Acidente de Trabalho - Típico - Trajeto - Doença Laboral Acidente de Trabalho -

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA 2011

CONVENÇÃO COLETIVA 2011 SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA E ATACADISTA DE VITÓRIA DA CONQUISTA CONVENÇÃO COLETIVA 2011 SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO EM VITÓRIA DA CONQUISTA - BAHIA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO PELO PRESENTE

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu sanciono a seguinte Lei.

O GOVERNADOR DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu sanciono a seguinte Lei. (*) Os textos contidos nesta base de dados têm caráter meramente informativo. Somente os publicados no Diário Oficial estão aptos à produção de efeitos legais. LEI Nº 3.545, DE 17 DE JULHO DE 2008. Publicada

Leia mais

Ministério da Previdência Social - MPS Gabinete do Ministro - GM Assessoria de Comunicação Social - ACS Secretaria de Previdência Social - SPS Coordenação-Geral de Legislação e Normas - CGLN Previdência

Leia mais

O CÔMPUTO DO TEMPO DE PERCEBIMENTO DO SEGURO-DESEMPREGO PARA FINS DE APOSENTADORIA

O CÔMPUTO DO TEMPO DE PERCEBIMENTO DO SEGURO-DESEMPREGO PARA FINS DE APOSENTADORIA O CÔMPUTO DO TEMPO DE PERCEBIMENTO DO SEGURO-DESEMPREGO PARA FINS DE APOSENTADORIA * Juliana de Oliveira Xavier Ribeiro 1) Introdução A finalidade do presente texto é demonstrar a natureza jurídica do

Leia mais

PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016. São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014:

PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016. São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014: PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016 CLÁUSULA 1ª - DO PISO SALARIAL São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014: a) Fica afixado o piso salarial da

Leia mais

Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica

Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica Rogério Reis Paraná se destaca no cenário brasileiro de sistemas de segurança eletrônica CRESCIMENTO ECONÔMICO DA REGIÃO SUL IMPULSIONA MERCADO PARANAENSE POR ADRIANE DO VALE redacao@cipanet.com.br FOTOS

Leia mais

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS

CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS 2 de abril de 2013 CARTILHA SOBRE A EMENDA CONSTITUCIONAL DOS EMPREGADOS DOMÉSTICOS Hoje foi promulgada uma Emenda Constitucional que amplia os direitos trabalhistas dos empregados domésticos. Alguns direitos

Leia mais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais Secretaria de Estudos, Pesquisas e Políticas Públicas e Secretaria de Formação Política e Sindical. SINDICATO DOS TRABALHADORES

Leia mais

O QUE VOU SER QUANDO CRESCER?

O QUE VOU SER QUANDO CRESCER? O QUE VOU SER QUANDO CRESCER? O QUE VOU SER QUANDO CRESCER? Cartilha Educativa Elaborada no Projeto de Extensão: Cartilha e Artigos Coordenação: Profª Emiliana Debetir Centro de Ciências da Administração

Leia mais

13º SALARIO Posteriormente, a Constituição Federal de 1988, em seu art. 7º,

13º SALARIO Posteriormente, a Constituição Federal de 1988, em seu art. 7º, 13º SALARIO Trabalhadores beneficiados Farão jus ao recebimento do 13º salário os seguintes trabalhadores: a) empregado - a pessoa física que presta serviços de natureza urbana ou rural à empresa, em caráter

Leia mais

DEPARTAMENTO PESSOAL

DEPARTAMENTO PESSOAL DEPARTAMENTO PESSOAL DÚVIDAS MAIS FREQUENTES 1 1. Documentos necessários para admissão Para o processo de admissão, o novo funcionário deverá apresentar a relação de documentos abaixo: *Carteira de Trabalho

Leia mais

Celebram a presente CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, estipulando as condições de trabalho previstas nas cláusulas seguintes:

Celebram a presente CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, estipulando as condições de trabalho previstas nas cláusulas seguintes: SINDICATO TRABALHADORES MOV MERC EM GERAL DE PASSOS, CNPJ n. 64.480.692/0001-03, neste ato representado(a) por seu Presidente, Sr(a). Manoel Messias dos Reis Silva; E FEDERACAO DO COMERCIO DE BENS, SERVICOS

Leia mais

SIMULADO XVII EXAME 2ª FASE DA ORDEM - 2ª FASE

SIMULADO XVII EXAME 2ª FASE DA ORDEM - 2ª FASE SIMULADO XVII EXAME 2ª FASE DA ORDEM - 2ª FASE PROVA PRÁTICO -PROFISSIONAL - DIREITO DO TRABALHO VJ *ATENÇÃO: ANTES DE INICIAR A PROVA, VERIFIQUE SE TODOS OS SEUS APARELHOS ELETRÔNICOS FORAM ACONDICIONADOS

Leia mais

I DO SALÁRIO E REMUNERAÇÃO DO PROFESSOR:

I DO SALÁRIO E REMUNERAÇÃO DO PROFESSOR: ACORDO QUE, ENTRE SI, FAZEM, DE UM LADO O SINDICATO DOS PROFESSORES DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO E REGIÃO, E, DE OUTRO LADO, a SOCIEDADE BRASILEIRA DE CULTURA INGLESA SBCISA, na data-base de 1/4/2005,

Leia mais

Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz

Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz Tire suas dúvidas sobre a Lei do Aprendiz 1-O que é um aprendiz? É um adolescente/jovem que tem que entre 14 e 24 anos de idade e que esteja matriculado em um Programa de Aprendizagem numa ONG, Escola

Leia mais

VOTO EM SEPARADO DA DEPUTADA ANDRÉIA ZITO

VOTO EM SEPARADO DA DEPUTADA ANDRÉIA ZITO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº 6.708, DE 2009. Acrescenta Capítulo III-A ao Título V da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei nº

Leia mais

Parágrafo Único -- Não serão compensados os aumentos decorrentes de promoção, transferência, equiparação salarial e término de aprendizagem.

Parágrafo Único -- Não serão compensados os aumentos decorrentes de promoção, transferência, equiparação salarial e término de aprendizagem. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDIMVET SINDICATO DOS MÉDICOS VETERINÁRIOS DO ESTADO DE SÃO PAULO e SINPAVET SINDICATO PATRONAL DOS MÉDICOS VETERINÁRIOS DO ESTADO DE SÀO PAULO PERÍODO

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS-CCD CENTRO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROF. ALEXANDRE VRANJAC AVENIDA DR

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS-CCD CENTRO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROF. ALEXANDRE VRANJAC AVENIDA DR SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS-CCD CENTRO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROF. ALEXANDRE VRANJAC AVENIDA DR. ARNALDO, 351-6º ANDAR - SP/SP - CEP: 01246-902. EDITAL TURMA

Leia mais

Entidade (s) Profissional (is): Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos no Comércio do Estado do Rio Grande do Sul

Entidade (s) Profissional (is): Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos no Comércio do Estado do Rio Grande do Sul Nº 46218.011718/2009-23 Entidade (s) Profissional (is): Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos no Comércio do Estado do Rio Grande do Sul Entidade (s) Patronal (is): Sindicato das Sociedades de

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000096/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/01/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064426/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.042751/2011-40 DATA DO

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Mediador - Extrato Instrumento Coletivo CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2008/2009 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: ES000053/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 05/02/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR001382/2009 NÚMERO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PE001295/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 27/11/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR073196/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46213.022180/2013-17 DATA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER Nº 14.976 EMPREGADO APOSENTADO PELO REGIME GERAL DE PREVIDÊNCIA QUE PERMANECE OU VOLTA A EXERCER ATIVIDADE VINCULADA A ESTE REGIME PREVIDENCIÁRIO E QUE É ACOMETIDO DE MOLÉSTIA QUE O IMPOSSIBILITA

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Remuneração in natura - Cesta Básica 25/08/15

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Remuneração in natura - Cesta Básica 25/08/15 Parecer Consultoria Tributária Segmentos Remuneração in natura - Cesta Básica 25/08/15 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria...

Leia mais

3ª CLÁUSULA PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS: Os empregados participarão nos lucros de suas empresas empregadoras, na forma que vier estabelecida em lei.

3ª CLÁUSULA PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS: Os empregados participarão nos lucros de suas empresas empregadoras, na forma que vier estabelecida em lei. 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA ENTRE O SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE JACOBINA E O SINDICATO PATRONAL DO COMERCIO VAREJISTA DE JACOBINA E REGIÃO, PARA O PERIODO DE 01 DE JUNHO

Leia mais

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS RUBRICAS INSS FGTS IR de qualquer natureza, salvo o de férias Sim. Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da Abono pecuniário de férias Não. Arts. 28, 9º, e,

Leia mais